AULA 02_TEXTOS MAGNETISMO E FLUIDOS TEXTOS 1 A 6

Сomentários

Transcrição

AULA 02_TEXTOS MAGNETISMO E FLUIDOS TEXTOS 1 A 6
AULA 02_TEXTOS MAGNETISMO E FLUIDOS TEXTOS 1 A 6
MAGNETISMO – BREVE HISTÓRICO - TEXTO 2
Michaelus nos faculta a possibilidade de uma panorâmica bem ampla
quando nos confirma que o “O magnetismo animal” não surgiu com Mesmer. A sua
pratica remonta a eras imemoriais. Os sacerdotes nos templos dos deuses, no
antigo Egito, segundo parecem, já eram iniciados nos segredos da experimentação
magnética. Entretanto, não se pode negar que Mesmer foi realmente quem
despertou a atenção pública para os fenômenos magnéticos. Foi Mesmer que
propôs a teoria do “Fluido Universal”, mais tarde adotada por Allan Kardec.
A essência do Mesmerismo encontra-se nas 27 proposições da sua primeira
memória impressa em 1779, das quais as mais importantes são as seguintes:
1- A influência dos astros uns sobre os outros e sobre os corpos animados;
2- O fluido universal é agente dessa influência;
3- Essa ação recíproca está submetida a leis mecânicas;
4- Os corpos gozam de propriedades análogas aos imãs;
5- Essas propriedades podem ser transmitidas a outros corpos animados ou
inanimados;
6- A moléstia é, apenas, a resultante da falta ou do desequilíbrio nas
distribuições do magnetismo pelo corpo.
Em 1787, o marquês de Puységur (Armand Marie Jacques de Chastenet)
descobriu a um só tempo o sonambulismo a sugestão mental e a transmissão do
pensamento.
Em 1875, Deleuze (Joseph Philippe François) iniciou seus estudos e as
suas observações sobre o magnetismo. Deleuze tornou-se um grande
magnetizador e, pela prudência, critério e operosidade, muito fez pela causa do
magnetismo, em cujo fenômeno reconheceu não só um efeito físico, mas também
espiritual.
Em 1819, Bruno publicou um livro, “Dos princípios e dos processos do
magnetismo animal e das suas relações com as leis da física e da fisiologia”,
repleto de experiências e observações, tendo realizado com êxito a magnetização a
distância.
Logo a seguir, ainda em 1819, surgiram dois notáveis magnetizadores,
Barão du Potet e Charles Lafontaine, ambos autores de interessantes livros e
memórias.
Em 1841, o medico inglês Braid, depois de profundamente impressionado
com as experiências de Lafontaine, lançou as bases do hipnotismo moderno, o qual
deriva diretamente de Mesmer.
Gostaríamos de frisar que os estudos aqui apresentados não representam a
última palavra sobre o tema, mas que valem uma enormidade para nosso estudo.
MICHAELUS – Magnetismo Espiritual, FEB 7º edição.
2

Documentos relacionados

histórico do magnetismo

histórico do magnetismo que não se sabia quão longe poderia ir; existe uma influência recíproca entre os corpos celestes, a Terra e todos os organismos animados; o fluido universal é o agente dessa influência; essa ação r...

Leia mais

31 Dezembro - Broward Spiritist Society

31 Dezembro - Broward Spiritist Society no qual estava “confortavelmente” acomodado, seguro de suas certezas. O mundo do saber é ilimitado e se faz de tentativa e erro, é o caminho do crescimento. Há algum tempo atrás falar-se em doenças...

Leia mais

Página 07 - Broward Spiritist Society

Página 07 - Broward Spiritist Society difundida atualmente. O trabalhador espírita dedicado a esta tarefa, ou seja, o “passista”, faz uso de técnicas como a imposição de mãos, passes longitudinais, passes transversais e esporadicamente...

Leia mais