BOLETIM INFORMATIVO DO PRODUTO

Сomentários

Transcrição

BOLETIM INFORMATIVO DO PRODUTO
Papel colorido negativo
BOLETIM INFORMATIVO DO PRODUTO
Papel Quality Digital Pro
1. Recursos e usos
O PAPEL QUALITY DIGITAL PRO é um papel colorido de haleto de prata feito
exclusivamente para uso digital. A gama de cores é maior e a espessura também é
maior em comparação com o Crystal Archive Paper.
O Papel Quality Digital Pro incorpora a tecnologia de emulsão de haleto de prata de
Alta Definição que rende uma reprodução de cores melhorada, pureza do branco e
excelente estabilidade de imagem.
Recursos





D-max Elevado - Apresenta uma ampla variedade tonal, produzindo
impressões com alta qualidade de imagem.
Reprodução de cores mais viva/maior gama de cores - Retém cores lindas
como tons suaves de verde, azuis e vermelhos vivos
Brancos mais brilhantes e pretos mais profundos - Detalhes mais claros e
distintos e preto profundo
Excelente estabilidade de imagem - Apresenta alta estabilidade de imagem
durante o armazenamento a longo prazo no escuro e excelentes condições
de armazenamento de luz, bem como armazenamento em relação a óxido
de nitrogênio, ozônio e outros gases
Superfície - LUSTRE e SILK
2. Safelight
Use na escuridão completa. Caso o uso de luz de segurança seja inevitável, observe
as seguintes precauções.



Expor o papel por não mais do que 1 minuto à luz emitida através de um
Filtro Safelight Fuji nº 103 (ou Filtro Safelight Wratten nº 13) em uma
lâmpada safelight de tungstênio de 10 watts localizada a ao menos 1 metro
da área de trabalho.
Filtros de safelight se deterioram com o uso prolongado e necessitam de
verificação regular. Substitua quando for detectado embaçamento do papel.
O papel exposto é suscetível a aumentos de sensibilidade induzidos por
safelight na área exposta. Por este motivo, o papel exposto deve ser sujeito
ao mínimo possível de iluminação por safelight.
Página 1 de 11
Papel colorido negativo
3. Manuseio/armazenamento de papel de pré-processamento
Quanto mais alta a temperatura e a umidade, mais papel, seja ele não utilizado, não
exposto ou exposto, é suscetível a mudanças adversas na velocidade, equilíbrio de
cores, características físicas e outras propriedades. O papel não processado é mais
bem armazenado em temperaturas baixas. Especificamente, as seguintes condições
devem ser usadas para armazenamento de papel.
 Armazenamento de curto prazo: Armazene em um local frio e escuro, longe
da luz direta do sol, temperatura alta e umidade alta.
 Armazenamento de longo prazo: Abaixo de 10°C (50°F)
O papel bruto que foi armazenado em baixa temperatura (por refrigeração) deve
ser separado para permitir que aqueça à temperatura ambiente antes de ser
aberto. Se o papel for retirado de sua embalagem imediatamente após ser
removido do armazenamento refrigerado, haverá formação de condensado nas
superfícies do papel, resultando em mudanças na cor da impressão e superfícies
facilmente danificadas.
Os períodos mais curtos exigidos para devolver o papel armazenado em freezer ou
refrigerador à temperatura ambiente (períodos de equalização de temperatura
mínimos) são os seguintes:
Períodos de Equalização de Temperatura a 20°C
Unidade: horas
Tamanho do
papel
15,2cm x 175 m
Temperatura de
Armazenamento
-20°C
0°C
10°C
9
7
5
OBSERVAÇÕES


Não aqueça o papel para equalizar temperaturas
Remova o papel da refrigeração um dia antes do uso.
Caso o papel exposto permaneça não processado por períodos prolongados sob
condições ambientes normais, ou seja, sujeito a alta temperatura e/ou alta
umidade, mudanças no equilíbrio de cores e outras propriedades podem ocorrer. O
tempo entre exposição e revelação deve ser fixado para obter qualidade
consistente. Evite esperar até o dia seguinte para revelar o papel exposto. Ao invés
de reter o papel para processamento no dia seguinte, inicie o processamento assim
que possível.
Página 2 de 11
Papel colorido negativo
4. Impressão e processamento
Este papel é feito para ser usado com processos Fujicolor Paper Process CP48S e
CP49E ou RA-4.
Combinar este papel com produtos químicos Fuji resulta em muitas vantagens,
incluindo processamento mais rápido, maior estabilidade de processamento, riscos
de contaminação reduzidos, maior facilidade no preparo da solução e maior
qualidade da impressão.
5. Faixas de controle
O controle de processamento pode ser fornecido pelo uso do Processo de Faixas de
Controle FUJICOLOR CRYSTAL ARCHIVE PAPER CP-40FA/43FA/47L/48S e 49E.
6. Manuseio/armazenamento de impressão pós-processamento
Uma vez que as impressões costumam ser usadas para o registro a longo prazo de
imagens, deve-se empreender o maior esforço possível para usar materiais que
demonstrem menos mudança ao longo do tempo. No entanto, os efeitos de força
excessiva durante a dobra, luz, calor, oxigênio no ar, gases contaminantes, umidade
e mofo não podem ser completamente evitados. É aconselhado usar pouca força ao
montar o álbum. A mudança na imagem fotográfica e no material de base é
minimizada ao manter as condições de armazenamento apropriadas para
impressões, como aquelas usadas por museus e galerias de arte. O controle de
temperatura e umidade é a chave mais importante para reduzir a mudança que
ocorre em impressões. Impressões armazenadas no escuro nas seguintes
condições provavelmente não irão exibir quase nenhuma mudança ao longo do
tempo.
Período de armazenamento
com quase nenhuma mudança
Mais de 20 anos
10 - 20 anos
Temperatura
Umidade relativa
Abaixo de 10°C
Abaixo de 25°C
30% - 50%
30% - 50%
Notas sobre Armazenamento de Impressões
1. Impressões devem ser inseridas em álbuns, montadas ou colocadas em uma
embalagem (*plástico) para impressões fotográficas antes de serem armazenadas.
*Feito de poliéster, poliestireno ou polipropileno, etc.
2. Mesmo durante o armazenamento normal, é recomendado que as impressões
sejam armazenadas no local mais livre o possível do calor e de condições úmidas,
longe da iluminação direta. Os seguintes são exemplos de condições de
armazenamento indesejáveis.

Armazenamento em um armário de frente a uma parede exposta ao ar frio
externo (pode causar condensação)
Página 3 de 11
Papel colorido negativo

Armazenamento próximo ao teto, como em um sótão, topo de um armário
ou closet (onde altas temperaturas podem estar presentes)
3. Armazenar impressões com suas superfícies frontais se encostando pode
resultar em problemas inesperados. Se o posicionamento adjacente de impressões
for inevitável, é necessário manter a superfície separada pelo uso de folhas
intercaladas de papel, por exemplo.
7. Fontes de luz para visualização
Ao inspecionar impressões coloridas acabadas, é essencial que uma fonte de
iluminação seja utilizada que tenha características espectrais superiores,
temperatura de cor adequadamente elevada e claridade suficiente. Isto se dá
porque os resultados podem parecer diferentes dependendo da qualidade da luz.
Para resultados precisos, as impressões devem ser examinadas sob as condições
determinadas pela norma ISO 3664-2000. Como guia geral, as seguintes condições
são recomendadas.
Temperatura de Cor: 5000 +/- 300 K
Iluminação Média: 500 Lux ou mais
Índice de Renderização de Cor Geral: Ra 90 ou mais*
* Para chegar a esses valores, lâmpadas florescentes especiais feitas para avaliação
de cor (por exemplo, do tipo EDL) devem ser usadas.
Ao inspecionar impressões acabadas, tome cuidado para eliminar toda a luz
externa e luz refletida colorida.
8. Superfície de papel disponível
Fujicolor Papel Quality Digital Pro está disponível como superfície LUSTRE e SILK.
9. Verso da impressão
Página 4 de 11
Papel colorido negativo
10. Tamanhos disponíveis
Comprimento
Largura
15,2 cm
20,3 cm
25,4 cm
30,5 cm
62,2 cm (24,5 polegadas)
76,2 cm (30 polegadas)
Embalagem da caixa
50.0m
93 m
x
x
x
x
x
x
Nota: Disponibilidade de tamanhos pode variar sem aviso prévio.
11. Marcações (Números de caixa/Emulsão)
11.1 Marcações na caixa
11.2 Rotulagem da sacola
Página 5 de 11
Papel colorido negativo
11.3 Números de emulsão
O papel FUJICOLOR QUALITY DIGITAL PRO é marcado com um código de emulsão
(ex.: “QL312”) separado por um traço de um código adicional (ex.: “008A“) que
adiciona informações do controle de produção do produto. Na rotulagem da sacola
há ainda um número de três dígitos ao lado do código de controle (Ex.”180”) que
indica a fila de corte da medida do papel. Caso surja alguma suspeita de problema
com o FUJICOLOR PAPEL QUALITY DIGITAL PRO, os dois códigos e o número de
três dígitos (Emulsão, Código de Controle e Fila de Corte) devem ser indicados no
pedido para facilitar a rastreabilidade do rolo de papel em questão.
12. Tecnologias incorporadas neste papel
12.1 Tecnologia X-Coupler
Através da incorporação de um novo acoplador ciano (Tecnologia X-Coupler), que
apresenta uma nova estrutura molecular desenvolvida pelas tecnologias
proprietárias da Fujifilm, este papel é capaz de reproduzir as tonalidades sutis de
verde e de formar cores de alta pureza, como azuis e vermelhos vibrantes.
12.2 Tecnologia NLS (Novo Sensor Espectral de Baixo Teor de Manchas) e
Tecnologia ARR (Resistência à Radiação Avançada)
O FUJICOLOR PAPEL QUALITY DIGITAL PRO não tem somente a tecnologia WE
(Reforço do Branco) mas também incorporou a tecnologia NLS, que é a tecnologia
LSS da Fujifilm levada a um nível mais alto. os resultados são brancos mais
brilhantes e puros e destaques mais claros e distintos. Além disso, a tecnologia
ARR, um avanço em relação à tecnologia RR anterior, foi incorporada para
suprimir o embaçamento do papel colorido causada por radiação ambiente,
reforçando a manutenção de pureza branca em papel de cor não exposta.
13. Estrutura do papel
Página 6 de 11
Papel colorido negativo
14. Curvas de densidade de corante espectral
15. Curvas de sensibilidade Espectral
* Sensibilidade equivale à recíproca da exposição (j/cm2) exigida para produzir
uma densidade específica
Página 7 de 11
Papel colorido negativo
16. Características de armazenamento de imagem
Estabilidade de armazenamento de luz estimado abaixo de 500 Lux
Condições de iluminação intermitentes***
Estabilidade de Armazenamento no Escuro Estimada a 25°C (77°F)
* Mancha de fundo branco induzida pelo tempo (efeito "amarelado") é tão
importante quanto o desbotamento de imagem do corante ao afetar a qualidade da
imagem.
** Em relação à estabilidade de armazenamento da imagem colorida no escuro, o
nível de umidade é tão importante quanto a temperatura. Por isso, avaliações mais
exatas podem ser feitas ao usar os dois padrões de umidade - um para condições
de armazenamento em umidade elevada (70% UR) e o recomendado para
armazenamento a longo prazo (40% UR).
Página 8 de 11
Papel colorido negativo
*** Uma vez que em situações domésticas comuns as áreas iluminadas pelo sol
podem ter brilho de até 1000 lux ou mais durante o dia e cair para 300 lux ao
entardecer e a noite, condições de armazenamento costumam ser designados par
estar em uma média de 500 lux de exposição de luz por 12 horas por dia.
17. Dados de calibragem
Papel Quality Digital Pro
Equipamento
Marca
Modelo
Software
Série 3
Installer R
Série 5
Installer R
Série 7
QSS 28x ~
LP24Pro
N3.12
Frontier
Noritsu
35xx, 37xx
Agfa
DLab 1, 2, 3
KIS
DKS 15x,
16x, 17x
ISAG
ZBE Chromira
Polielettronica
Vol.713
N3.12
174
Espessura
n.a.
n.a
n.a.
n.a.
n.a.
n.a.
174
0.97/1.00/1.0
2
Impressora define as próprias configurações Dmax possíveis
(exposição vs. relação química)
2.25/2.25/2.20
n.a.
n.a.
0.22
174
n.a.
n.a.
n.a.
2.25/2.25/2.20
n.a.
n.a.
n.a.
Impressora define as próprias configurações Dmax possíveis
(exposição vs. relação química)
0.004/0.056/
0.000/0.920
Epsilon
Durst
Dados de Calibração
Calibração
Intermitência
básica YMCD
RGB
2.25/2.25/2.20
Fastprint
Wideprint
8", 12"
Wideprint
R2R
SE, Pro,
R2R
Laserlab
50/76
LUT +
Densidade Alvo
RGB
LUT B +
indicação de
superfície
LUT B +
indicação de
superfície
LUT B-1
Zeta
Theta
50/51
Theta
76/76HS
2.25/2.25/2.20
170.2/112.0/
0.0/104.3
0.006/0.085/
0.000/1.325
90/50/37
n.a.
101/56/42
18. Uso com Frontier
Favor ver os seguintes dados de calibração como guia geral ao usar PAPEL
FUJICOLOR em uma impressora digital.
Todos os Frontiers exigem um LUT dedicado ao imprimir. É necessário ajustar o
tipo de papel para cada magazine de papel ao mudar a especificação de "Tipo" do
papel no menu de "Registro de Magazine de Papel".
Registro e Configuração da especificação do Tipo de Papel no Magazine de
Papel para o Frontier Série 330/350/370/390
Página 9 de 11
Papel colorido negativo
1. Entre no menu "4 Setup and Maintenance" com o nome de usuário "SE2" e a
senha "7777".
2. Selecione "5 Printer Adjustment/Maintenance" "1 Paper Magazine Registration" (Menu 451) e mude o tipo para "B" como visto na
tabela abaixo.
Papel
CA PRO TYPE PD/C
Tipo
B
O nome real do papel é Fujicolor Papel Quality Digital Pro, mas este papel usa o
mesmo lut do Professional Paper Type PD/C.
3. Selecione "2 Print Condition Setup and Check" - "1 Paper condition Setup"
(menu 421) e realize uma configuração da condição do papel para todos os
magazines para os quais os tipos de papel foram trocados.
É importante clicar no botão "initialize" para inicializar as configurações antes de
configurar a condição do papel. Após inicializar, as primeiras configurações de
condição do papel irão se desviar em grande medida, mas isto será equilibrado
após a primeira ou segunda tentativa. (Favor observar que clicar no botão
"initialize" não será possível se você não entrar com um nome de usuário de
administrador de laboratório ou mais elevado)
Registro e Configuração da especificação do Tipo de Papel no Magazine do
Papel para Frontier série 340/355/375/550/590
1. Entre no menu de configuração e manutenção com a senha "7777".
2. Selecione <Adjustment/Maintenance>- <02 Print Condition Setup and Check><0221 Paper Magazine Registration>. Troque o tipo de papel para "B" como visto
na tabela abaixo.
Papel
CA PRO TYPE PD/C
Tipo
B
O nome real do papel é Fujicolor Papel Quality Digital Pro, mas este papel usa o
mesmo lut do Professional Paper Type PD/C.
3. Clique em <Setup and Maintenance> - <02 Print condition Setup and Check> <0200 Paper Condition Setup> e realize uma configuração da condição do papel
para todos os magazines para os quais os tipos de papéis tenham sido trocados.
É importante clicar no botão "initialize" para inicializar as configurações antes de
configurar a condição do papel. Após inicializar, as primeiras configurações de
condição do papel irão se desviar em grande medida, mas isto será equilibrado
após a primeira ou segunda tentativa. (Favor observar que clicar no botão
Página 10 de 11
Papel colorido negativo
"initialize" não será possível se você não entrar com um nome de usuário de
administrador de laboratório ou mais elevado)
Registro e configuração da especificação do Tipo de Papel no Magazine de
Papel para Frontier série 700
1. Na tela de Aplicação de Manutenção, clique em [maintenance] para acessar a tela
de Manutenção. Clique em [Extension] - [Setup] - [Laser Setup] - [Paper
Specification Registration/Setup]
2. Selecione o tipo de papel "B-1" ou "B-2" como visto na tabela abaixo
Papel
CA PRO TYPE PD/C
CA PRO TYPE C
Tipo
B-1
B-2
Superfície
G/L
M
O nome real do papel é Fujicolor Papel Quality Digital Pro, mas este papel usa o
mesmo lut do DPII.
Siga as instruções na configuração/registro da Especificação de Papel. Faça
impressões de teste e registre os resultados de medição.
19. Suporte Técnico
Caso anormalidades sejam encontradas ao usar este FUJICOLOR PAPEL QUALITY
DIGITAL PRO, por favor entre em contato com sua subsidiária local Fujifilm e/ou
revendedor.
As informações relevantes de contato da subsidiária Fujifilm e/ou seu revendedor
podem ser encontrados no seguinte endereço de internet:
www.fujifilm.com.br
Aviso: Os dados publicados aqui foram derivados de materiais tomados de etapas
de produção gerais. No entanto, mudanças na especificação podem ocorrer sem
aviso.
FUJIFILM do Brasil Ltda
Av. Ibirapuera, 2.315, 14º, 15º e 16º andares - Indianópolis. São Paulo/SP. CEP
04029-200. Brasil
Página 11 de 11

Documentos relacionados

fujicolor crystal archive paper tipo ii

fujicolor crystal archive paper tipo ii adequadamente elevada e brilho suficiente. Isto se dá porque os resultados visuais podem parecer diferentes dependendo da qualidade da luz. Para resultados precisos, as impressões devem ser examina...

Leia mais