L AG O A BOLE TIM MUNICIPAL

Сomentários

Transcrição

L AG O A BOLE TIM MUNICIPAL
LAGOA BOLETIM MUNICIPAL
FEVEREIRO 2009
IM E N T O
V
L
O
V
N
E
S
E
D
LAGOA
EM FORÇA!
C Â M A R A M U N I C I PA L D E L A G O A
FEVEREIRO 2009
Largo D. João III . Santa Cruz | 9560-045 Lagoa
Tlf. 296 960 600 Fax 296 916 229 Nº verde 800 20 40 76
http://cm-lagoa.azoresdigital.pt/ E-mail: [email protected]
Gestão Autárquica 04
Equipamentos 16
Educação 24
Política Social 30
Rede Viária 35
Ambiente 38
Desporto 39
Cultura 43
Turismo 60
Diversos 62
Ficha Técnica
Presidente João António Ferreira Ponte
Vereadores Roberto Manuel Lima Medeiros . Mariana da Purificação Vieira Rodrigues Viveiros . Durval Carlos Almeida Faria . Fernando Jorge Ventura Moniz .
José Duarte Barbosa Cabecinha . Jorge Alberto Barbosa de Almeida
Fotografias Câmara Municipal de Lagoa e Estúdio Belarte
Edição, Coordenação, Design Gráfico Câmara Municipal de Lagoa
Impressão Nova Gráfica, lda
Tiragem 5000 exemplares
D i s t r i b u i çã o G rat ui t a
EDITORIAL
Caras (os) Munícipes,
Terminado o ano de 2008, é tempo de fazermos uma retrospectiva; recordar
o que de melhor fizemos e reformular procedimentos, para que possamos
fazer o que ainda não foi feito. A Lagoa tem vindo a desenvolver-se de uma
forma gradual; não apostamos num desenvolvimento desenfreado, mas
sim num progresso sustentável. Não empreendemos esforços em projectos
megalómanos, mas aprovamos acções incisivas que vão de encontro às
necessidades da nossa população.
A crise económica é um facto, mas não é, nem pode ser, uma assombração que corrompa o
progresso e a inovação. Tal como o comandante do barco que se depara com a tempestade, nós
procuramos a melhor rota para levar o concelho a bom porto. É momento, sim, de repensar as
políticas e adequá-las à presente realidade. Estamos conscientes das dificuldades que se fazem
sentir nos lares lagoenses, mas faremos de tudo para minimizar os efeitos deste contratempo
sócio-económico.
Este Boletim Municipal reflecte a nossa actividade ao longo do ano de 2008, onde se demonstra
que a Lagoa é um Concelho com grande dinamismo, no qual assiste-se a uma fase de importantes
obras em benefício das pessoas e das empresas.
Inovação e Tecnologia são desejadas na Lagoa e o nosso futuro passa, indubitavelmente, pela
reestruturação de algumas políticas e opções, de forma a ajustá-las ao futuro próximo.
Não queremos “fazer por fazer”; queremos retirar benefícios da nossa actuação e só com pensamento
estratégico é que poderemos preparar os anos que se seguem e guiar o nosso concelho pelo
caminho que cremos ser o mais viável, enquanto garante de um futuro sustentável.
A nossa política direcciona-se, em primeira linha, aos cidadãos. Uma economia saudável é uma
economia na qual as pessoas sejam agentes dinamizadores e, acima de tudo, empreendedores.
Mas, em 2009, queremos mais e melhor. Queremos mais política social, mais educação, mais
emprego, mais competitividade; Queremos melhores condições de vida para os lagoenses,
queremos melhores empresas, queremos progresso.
“O Futuro pertence àqueles que o preparam Hoje”; é nesse sentido que delimitamos o nosso
desempenho, é por essa via que queremos conduzir a Lagoa.
O Presidente da Câmara Municipal
G ESTÃO AU TÁ R QU IC A
4
PODER LOCAL
RESPONSÁVEL PELO DESENVOLVIMENTO E MODERNIZAÇÃO DO CONCELHO
Foi esta a mensagem deixada por João Ponte
aos alunos da turma 5º E da Escola 2,3 Padre
João José do Amaral (Fisher), no dia em que
se assinalou 32 anos de Poder Local Democrático.
Estes alunos visitaram o Edifício dos Paços do
Concelho com o objectivo de transmitir às
gerações mais novas o papel desempenhado
pelo poder local no presente e no futuro do
desenvolvimento da Lagoa, tendo em conta
o impacto directo que as suas decisões
acarretam na melhoria da qualidade de vida
dos munícipes, sendo, por isso, o rosto mais
visível da governação.
A Turma 5º E, para além de receber material
informativo sobre o concelho e algumas
lembranças do Município, teve também a
oportunidade de conhecer o local de trabalho do Presidente, onde foram muitos os
alunos que quiseram encarnar o seu papel
experimentando a sua cadeira e secretária.
Incitando para a necessidade de envolver os
jovens no processo de desenvolvimento do
Concelho e, por conseguinte, uma maior participação política e cívica por parte destes,
João Ponte guiou os alunos numa visita pelos
vários sectores da Autarquia e explicou os
diferentes serviços ali prestados.
G ESTÃO AU TÁ R QU IC A
LAGOA VAI
RECEBER
O PARQUE
TECNOLÓGICO
DE S. MIGUEL
NO VALOR DE
30 MILHÕES DE
EUROS
Mais um grande investimento vai ser realizado no Concelho num futuro próximo.
Trata-se do Parque Tecnológico dos Açores,
uma obra do Governo Regional dos Açores
que ronda os 30 milhões de euros, e que
será implantado nos terrenos onde será
construído o Tecnoparque.
O projecto base deste empreendimento foi
apresentado no Cine Teatro Lagoense Francisco D’ Amaral Almeida pelo Presidente do
Governo Regional dos Açores, Carlos César,
e impulsionado pela Direcção Regional da
Ciência e Tecnologia.
Este é um espaço que permitirá a consolidação de um sistema científico e tecnológico
regional, através da concretização de um
Plano Integrado que permitirá o funcionamento estável de todas as instituições
de investigação e desenvolvimento, o reequipamento das instituições e a instalação
de unidades laboratoriais e operacionais
munidas de tecnologias de ponta nas respectivas áreas de especialidade.
Assim, e possuindo uma área total de mais
DIREITOS RESERVADOS
DIREITOS RESERVADOS
de cinco mil metros quadrados, o Parque
Tecnológico de S. Miguel, que se localizará
no concelho, integrará quatro edifícios principais separados entre si.
Um deles destina-se ao Centro de Ciência,
Tecnologia e Inovação dos Açores, no qual
serão instalados serviços do Governo Regional, designadamente um “disaster recovery
center” para recuperação e reposição de
sistemas em situações de emergência.
Neste centro será também criada uma zona
de conferências com 400 lugares com tradução simultânea e um centro de informática
e tecnologias de informação, responsável
pela rede de comunicações de voz e dados
do governo açoriano.
Já num outro edifício ficará instalado o
Centro de Tecnologias e Monitorização de
Alertas que receberá uma área para empresas
e projectos relacionados com vulcanologia,
bem como, o Laboratório Internacional
de Vulcanologia Aplicada dos Açores que
reúne várias instituições científicas nacionais e de outros países. Ainda neste edifício,
mas no piso dois, será instalado o Centro de
Informação e Vigilância Sismovulcânica dos
Açores, ligado à Protecção Civil.
O terceiro edifício ficará para o Centro de
Formação e Desenvolvimento Tecnológico que vai albergar, para além de outras
valências um espaço gratuito à Internet e
um Centro de Matemática Aplicada e Tecnologias de Informação da Universidade dos
Açores.
Já no quarto edifício poderão se instalar
empresas já consolidadas, em áreas que
variam entre os 300 aos 1.000 m².
DIREITOS RESERVADOS
5
G ESTÃO AU TÁ R QU IC A
NO SECTOR DA HABITAÇÃO
“LANÇAR UM PROJECTO NO ÂMBITO DE UMA PARCERIA PÚBLICO
PRIVADA PARA A RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS HABITACIONAIS”
Foi o repto lançado ao Governo Regional dos
Açores, pelo Presidente da Câmara Municipal,
aquando da cerimónia de inauguração da
Urbanização Vida Nova, em Santa Cruz.
O autarca salientou mesmo que, tal como o
Governo Regional dos Açores “apostou num
projecto ambicioso e com visão para o futuro,
como foi o das SCUT na ilha de S. Miguel”
deve nos próximos quatro anos “lançar um
projecto no âmbito de uma parceria público
privada para resolver, de uma vez por todas,
os problemas habitacionais da ilha de S.
Miguel, num regime de financiamento a
longo prazo”.
A mensagem foi deixada ao Secretário
Regional da Habitação e Equipamentos,
José Contente, que presidiu à cerimónia de
inauguração deste grande empreendimento
em representação do Presidente do Governo
Regional dos Açores.
MELHORIA DAS CONDIÇÕES HABITACIONAIS A MAIS DE 200
FAMÍLIAS POR ANO
Continuando a apostar numa política que visa
ao desenvolvimento sustentado do Concelho
e, consequentemente, numa melhoria das
condições de vida dos lagoenses, a Câmara
Municipal só este ano de 2008 já beneficiou
mais de 200 famílias no âmbito do Regulamento de apoio à habitação degradada.
Desde a entrada em vigor deste Regulamento,
em Novembro de 2006, a Autarquia já investiu
mais de 300 mil euros na melhoria das condições habitacionais de muitos agregados
familiares que carecem deste tipo de apoio.
No total, foram deferidos cerca de 494 pedidos
de apoio, através dos quais a Autarquia cedeu
material de construção e também mão de obra,
permitindo assim o melhoramento das condições de habitabilidade de muitas famílias.
VOTO DE CONGRATULAÇÃO
AO INSTITUTO CULTURAL PADRE JOÃO JOSÉ TAVARES
A Assembleia Municipal aprovou, por unanimidade, um voto de congratulação ao
Instituto Cultural Padre João José Tavares, em
sessão realizada no dia 17 de Abril de 2008.
Tratou-se de um forma de reconhecer o papel
decisivo dos seus promotores em prol da sensibilização e da defesa do vasto património
cultural existente no Concelho.
Relembre-se que, o Instituto Cultural Padre
João José Tavares foi formalmente constituído
6
no dia 7 de Abril de 2008 e tem como principal objectivo divulgar e enriquecer a cultura
local. Neste sentido, este instituto actua em
áreas como património, história, museologia
e arte sacra. Para além disso, pretende ainda
promover actividades culturais, como sejam
conferências, concertos musicais e publicações. Salvaguardar o património e artefactos
da Fábrica Cerâmica Vieira, através da criação
de um museu, e recolher as peças musicais
de figuras lagoenses como Teófilo Frazão e
Manuel José Tavares Canário são outros objectivos que este instituto pretende.
A exposição “Uma viagem pela Imprensa
Lagoense”, uma das primeiras iniciativas
realizadas com a colaboração da Câmara
Municipal, na qual foram reunidos jornais
publicados na Lagoa, entre o séc. XIX e princípios do séc. XX.
G ESTÃO AU TÁ R QU IC A
UM NOVO
LOTEAMENTO
PARA FIXAR OS
JOVENS NOS
REMÉDIOS
Esta foi a mensagem deixada pelo Presidente
da Câmara Municipal, aquando da inauguração do muro de suporte e arranjos exteriores
da Ermida de N. Sra. dos Remédios, em Santa
Cruz.
Na ocasião, o autarca lançou o desafio ao
Governo Regional de criar um novo loteamento nos Remédios, sublinhando que é
“essencial fixar os jovens”.
A cedência de lotes é um investimento na
habitação que o Autarca gostaria que fosse
assumido na próxima legislatura. Palavras
que foram bem acolhidas por José Contente,
Secretário Regional da Habitação e Equipamentos, que realçou que a habitação “é
essencial para que as famílias possam criar
os seus filhos com conforto, salubridade e
dignidade”.
TAXA DE DERRAMA
MAIS BAIXA
A Assembleia Municipal aprovou por unanimidade em sessão ordinária realizada a 29 de
Setembro de 2008, a proposta de redução do
valor actual da taxa de derrama de 1,5 % para
0,95 % no Concelho.
Esta é uma medida que vem dar resposta
às expectativas dos empresários e com ela
cria-se um incentivo à competitividade das
empresas, colocando a Lagoa como sendo
o concelho com a taxa mais baixa no triângulo Ponta Delgada, Ribeira Grande e Lagoa,
criando condições para que mais empresas
venham a fixar neste concelho.
OBRA DE REQUALIFICAÇÃO URBANÍSTICA
DA PRAIA BAIXA D’ AREIA
A Câmara Municipal lançou a concurso público
a obra de Requalificação Urbanística da zona
de estacionamento e edifícios de apoio à Praia
Baixa D’ Areia, situada na Caloura, na Freguesia de Água de Pau. O preço base desta obra
ronda os 610.000,00 € e deverá ser efectuada
em oito meses.
Um obra essencial que contribuirá para o
desenvolvimento do Concelho em termos
turísticos, uma vez que vai valorizar um dos
lugares mais visitados da Lagoa.
Serão criados cerca de 60 lugares de estacionamento para automóveis ligeiros, numa
área onde serão plantadas algumas árvores,
permitindo o enquadramento paisagístico
daquela zona e o seu embelezamento.
Na zona de acesso à praia, serão construídos
vários edifícios que se destinam às instalações
sanitárias, balneários e a um arrumo de apoio
à praia, que servirá para guardar os utensílios
de manutenção e apoio ao pessoal de serviço.
O projecto contempla também a construção
de uma estrutura de apoio aos visitantes,
onde será disponibilizado um espaço de lazer
coberto, dotado de grelhadores e que funcionará como um espaço alternativo ao
actualmente existente.
7
G ESTÃO AU TÁ R QU IC A
AUTARQUIA
FINANCIOU
AQUISIÇÃO DE
CARRILHÃO DA
IGREJA DE N.SRA. DO
ROSÁRIO
A Câmara Municipal assinou um protocolo de
cooperação financeira com a Fábrica da Igreja
Paroquial de Lagoa – Igreja De N. Sra. do Rosário, com vista à transferência de 30.000,00 €
que se destinou a comparticipar as despesas
com a aquisição e instalação de um carrilhão,
que foi inaugurado aquando da Festa de N.
Sra. Do Rosário.
A Autarquia procedeu à entrega de um
montante de 10.000,00 €, referentes à comparticipação prevista para o ano de 2008 na
aquisição do referido carrilhão. Este ano, vai
transferir mais 20 mil euros de forma a colaborar com a igreja para fazer face aos elevados custos que representa a compra e instalação de um carrilhão.
Esta foi uma intenção manifestada pelo Pároco da Igreja do Rosário tendo em consideração o avançado estado de degradação que
um dos sinos da Igreja apresentava, sem hipóteses de reparação. Foi em sequência disso, que a Fábrica da Igreja Paroquial de Lagoa
manifestou interesse em adquirir um carrilhão de 9 sinos (a começar em LA#) para que
pudesse restituir a beleza e imponência que
a torre da igreja possui e dar nova dinâmica
à Praça de N. Sra. do Rosário, em virtude da
beleza e acústica que o mesmo representa.
8
G ESTÃO AU TÁ R QU IC A
TRABALHO
VOLUNTÁRIO
RECONHECIDO
PELA AUTARQUIA
Seis instituições assinaram um protocolo de
cooperação com a Câmara Municipal que envolveu um montante global de 11.000,00 €. Uma
forma de reconhecer o trabalho voluntário que
estas prestam em prol da comunidade.
As instituições beneficiadas foram o Lions Clube
de Lagoa, o grupo “Som do Vento”, o grupo de
Escuteiros do Cabouco, o grupo de Escoteiros
do Rosário, o grupo de Escuteiros de Santa Cruz
e o Orfeão de N. Sra. do Rosário.
Contribuir para a promoção do Concelho,
para a ocupação dos tempos livres dos mais
jovens e para a realização de intervenções de
natureza social, cultural e recreativa de grande
importância foram os objectivos inerentes a
este protocolo.
Na ocasião, o autarca assegurou aos responsáveis pelos grupos presentes que, pese embora
as dificuldades financeiras que o município enfrenta, no próximo ano, “há condições para, pelo
menos, manter os mesmos montantes”, porque
tem a certeza que o dinheiro é bem empregue
e porque o desenvolvimento da Lagoa também
é feito com a colaboração destes, uma vez que
se trata de um trabalho de voluntariado. Os
responsáveis pela dinamização destes grupos
MUNICÍPIO FORTALECEU LIGAÇÕES COM
TAUNTON
A Câmara Municipal estabeleceu um protocolo
de intenção de geminação que fortaleceu as
ligações culturais e sociais que o Concelho
tem vindo a desenvolver com várias cidades
dos Estados Unidos da América. Desta vez, o
protocolo foi estabelecido com a cidade de
Taunton. Para o efeito, estiveram presentes
no Salão Nobre da Autarquia o Mayor Charles
Crowley e o solicitador municipal Steven Torres
para assinar o respectivo protocolo.
Este protocolo confirma o trabalho que a
Câmara Municipal tem vindo a desenvolver
há muitos anos, quer ao nível de intercâmbios
de estudantes entre escolas do Concelho e
Taunton, quer em exposições que tem realizado
nesta cidade. Por outro lado, contribuirá para
reforçar a posição da Lagoa como um concelho privilegiado das ligações entre os Estados
Unidos da América e os Açores.
Garantir uma maior aproximação entre as
populações dos dois Municípios, promover
o intercâmbio cultural através da permuta
de bens culturais como arte, música, livros e
artesanato, assim como a renovação do Programa de Intercâmbio Escolar entre a Escola
Secundária de Lagoa e o Taunton High School
que decorreu entre 2001 e 2004 são também
os objectivos que se pretende alcançar com
este reforço de ligação entre o Concelho e a
Cidade de Taunton.
são pessoas que disponibilizam grande parte
do seu tempo para se dedicarem ás actividades
que se propõem realizar anualmente e, isso “ é
um trabalho meritório e que deve ser reconhecido publicamente”.
VOTO DE
CONGRATULAÇÃO À
ASSOCIAÇÃO
MUSICAL DE LAGOA
A Associação Musical de Lagoa recebeu um
voto de congratulação pelo seu surgimento
e “papel decisivo dos seus promotores em
prol da música, enquanto expressão viva da
cultura”. Um voto aprovado por unanimidade
pela Assembleia Municipal, em sessão realizada no dia 17 de Abril de 2008.
Esta Associação foi formalmente constituída
no dia 30 de Novembro de 2007, e está sob
a direcção de Norberto Ponte, Mário Jorge
Ponte e David Sousa. O seu objectivo consiste
em divulgar a cultura musical no Concelho.
9
G ESTÃO AU TÁ R QU IC A
PRESIDENTE DA
VILLE DE SAINT
THÉRÈSE
QUEBEC - CANADÁ
VISITA A LAGOA
Sylvie Surprenant visitou oficialmente o Município de Lagoa. A autarca pôde conhecer
o Museu do Presépio Açoriano, instalado no
edifício Paços do Concelho, bem como, os
vários serviços camarários. Posteriormente, a
Presidente da Câmara de Saint-Thérèse esteve
reunida com João Ponte, no Salão Nobre do
Edifício Paços do Concelho, onde foram abordados os vários projectos de intercâmbio
cultural e social a serem desenvolvidos entre
a Vila da Lagoa e a Ville de Saint Thérèse no
âmbito do protocolo de geminação estabelecido entre ambas as vilas, desde 1996.
No programa da sua visita, constou a paragem
10
em vários pontos de interesse do Concelho,
nomeadamente na Fábrica Cerâmica Vieira,
no Observatório Vulcanológico e Geotérmico
dos Açores, no Centro Cultural da Caloura, nas
Instalações do Grupo Coméro, no Posto de
Turismo da Lagoa, na Biblioteca Municipal de
Lagoa, no Centro de Actividades de Tempos
Livres de Lagoa, na Escola Secundária de
Lagoa, no Complexo Municipal de Piscinas e
na piscina coberta - Aquafit.
G ESTÃO AU TÁ R QU IC A
PRESIDENTE DA
CASA DOS AÇORES
DE WINNIPEG
VISITOU A LAGOA
O Presidente da Câmara Municipal, João
Ponte, recebeu para uma visita de apresentação de cumprimentos, o Presidente da
Casa dos Açores de Winnipeg – Canadá, José
Santos, no edifício dos Paços do Concelho.
Nesta reunião foram discutidas futuras parcerias entre a Câmara Municipal e a Casa dos
Açores de Winnipeg para a concretização de
alguns projectos culturais, como exposições
e conferências. Após a reunião, José Santos
teve a oportunidade de conhecer o Museu
do Presépio Açoriano, instalado neste edifício
desde 1996.
VISITA DO EX-PRESIDENTE
INTERNACIONAL DOS LIONS CLUBES
O Presidente da Câmara Municipal recebeu
o Ex-Presidente Internacional Imediato dos
Lions Clubes, Mahendra Amarasuriya, no Edifício Paços do Concelho, em virtude de uma
curta visita aos Açores.
Tratou-se de uma cerimónia para apresentação de cumprimentos, na qual teve lugar a
inauguração de uma exposição referente ao
percurso e ás actividades realizadas pelos
Lions Clube de Lagoa, que esteve patente ao
público na Câmara Municipal.
Mahendra Amarasuriya, a convite do Presidente da Autarquia, assinou o Livro de Honra do
Concelho, aquando da visita ao edifício, onde
veio acompanhado pelo Presidente dos Lions
a nível nacional e pelos elementos da Direcção
dos Lions Clube de Lagoa, que tem prestado
um importante trabalho de intervenção social
e cultural no Concelho e particularmente com
a população mais carenciada.
11
G ESTÃO AU TÁ R QU IC A
ASSOCIAÇÃO MUSICAL DE LAGOA
AUTARQUIA APOIOU ACADEMIA DE MÚSICA
A Câmara Municipal realizou um protocolo
de cooperação com a Associação Musical de
Lagoa, desta feita, para assegurar o reinício
das actividades da Academia Musical. Esta
academia conta já com 50 crianças inscritas nos diferentes cursos do ano lectivo
2008/2009.
Três mil euros foi quanto a Câmara Municipal
disponibilizou. Uma verba que destina-se a
comparticipar as despesas com a formação
destes alunos que requerem aulas conjuntas
e aulas individuais. Deste modo, a Autarquia
apoia cada aluno em 60% do montante da
propina mensal, aliviando os encargos das
famílias, muitas delas com dois ou mais filhos
a pretenderem obter formação musical.
Este foi um acordo firmado pelo Presidente
da Autarquia, durante a reunião de apresentação do projecto educativo desta Academia.
Perante pais e alunos foi dado a conhecer os
vários cursos e seus respectivos níveis a leccionar no decurso do ano e onde se destaca o
saxofone, teclas, trompete, violão e coro.
À semelhança do que sucede com outras associações do Concelho, esta desenvolve uma
actividade de natureza cultural de grande
interesse e, sobretudo, representa uma
aposta na juventude, permitindo a formação
de muitas crianças e jovens do Concelho na
área musical.
CÂMARA MUNICIPAL CONGRATULA-SE COM AVANÇO DA
ESCOLA DE ÁGUA DE PAU
A Câmara Municipal congratulou-se pela
aprovação do lançamento a concurso público
para a construção da nova Escola Básica e
Integrada 1,2,3 de Água de Pau por parte do
Governo Regional dos Açores. Trata-se de um
grande investimento público feito no Concelho, no montante global de 15,5 milhões
de euros e com um prazo de execução de 24
meses.
Este projecto foi desenvolvido pela Câmara
Municipal no montante global de 424.705,19€,
12
tendo sido comparticipado, no valor de
241.950,00 €, pelo Governo Regional dos
Açores, através de um Contrato ARAAL.
Em causa está a construção de um edifício
escolar numa área de 8.713 m2, com cinco
salas destinadas ao Pré-escolar, 15 salas
de aulas destinadas ao 1º ciclo e 15 salas
destinadas ao 2º e 3º ciclo do ensino básico.
Contempla ainda um auditório, uma sala de
informática e multimédia, gabinete de professores, sala de servidores, reprografia, zona
de recreio coberto, biblioteca, refeitório, sala
anti-doping e de primeiros socorros e várias
instalações sanitárias.
Será também construído um pavilhão polidesportivo que totaliza uma área de 2270 m2,
um tanque de aprendizagem/ginásio com
1914 m2 e vários lugares de estacionamento
destinados a professores, funcionários e
também ao público.
G ESTÃO AU TÁ R QU IC A
CÂMARA
MUNICIPAL
HOMENAGEOU
PADRE CLÁUDIO
MEDEIROS
FRANCO
A Câmara Municipal homenageou o Padre
Cláudio Medeiros Franco com a atribuição da
Medalha de Mérito Municipal. Uma distinção
considerada merecida e que foi resultado da
dedicação à comunidade e dos cerca de 30
anos de vida sacerdotal ligados ao Concelho.
Nesta sessão solene, que ocorreu na Junta
de Freguesia do Cabouco, o Presidente da
Câmara fez referência ao padre Cláudio Medeiros Franco, como sendo “um testemunho
de fé inabalável, de convicção contagiante
e de humildade. Pessoa inconformada com
as mudanças da sociedade que tem levado
a uma perda dos princípios e da ética civil e
religiosa, o Padre Cláudio Medeiros Franco
debateu-se para contrariar este rumo, apelando constantemente à consciência das suas
comunidades pastorais”.
Foi também a este pároco que se fica a
dever uma série de equipamentos e serviços
instalados na Atalhada e no Cabouco onde
se realizam, actualmente, as actividades
pastorais, mas também onde tem lugar a
prestação de serviços de natureza social e
cultural junto dessas mesmas comunidades.
Por concretizar ficou apenas a instalação
de uma Residência de Idosos na freguesia
do Cabouco, mas sobre a qual João Ponte
se comprometeu publicamente perante os
inúmeros convidados presentes nesta homenagem que se empenhará para concretizar,
sendo esta a melhor forma de homenagear o
padre Cláudio Franco.
Rui Bettencourt, Director Regional do Trabalho
e Qualificação Profissional, em representação
do Governo Regional dos Açores fez referências elogiosas ao Pároco e sublinhou o facto
de em meio século de vida sacerdotal “muitas
terão sido as pessoas que se cruzaram na
sua vida e lhe pediram ajuda espiritual”, uma
missão que cumpriu com sucesso.
Por seu turno, o Padre Cláudio Medeiros
Franco agradeceu a homenagem à Câmara
Municipal de Lagoa mas sublinhou que não
fez mais do que o seu dever e porque, segundo
suas palavras, “nasceu pobre, viveu pobre e
pobre quer morrer”. Anunciou também, publicamente, que oferece a sua biblioteca pessoal
à Junta de Freguesia do Cabouco.
A cerimónia terminou com a actuação musical
do Quarteto da Sociedade Filarmónica Estrela
D’ Alva.
13
G ESTÃO AU TÁ R QU IC A
14
AUTARQUIA ATRIBUIU MEDALHA DE MÉRITO
MUNICIPAL AO PADRE JOÃO MARTINS FURTADO
A Câmara Municipal atribuiu a Medalha de
Mérito Municipal ao Padre João Martins
Furtado, em reconhecimento do trabalho
desenvolvido nas freguesias de Santa Cruz e
Água de Pau.
Esta foi uma justa homenagem que se prestou
a este pároco, pelo importante papel que
desempenha não só para a igreja e comunidade religiosa, mas também por ser um
impulsionador e divulgador activo de princípios fundamentais a uma vida em sociedade,
que tem sabido incutir uma ética de responsabilidade e dever junto das novas gerações.
Tem também prestado um enorme contributo
para o desenvolvimento cultural do Concelho,
e que se evidenciou em algumas iniciativas
das quais foi o principal promotor. Entre elas,
a publicação dos dois livros, “Santa Cruz V
Centenário de Vivência Cristã” e “Água de Pau –
Evangelização, devoção e património cultural”,
a preparação e celebração do V Centenário de
Vivência Cristã da Paróquia de Santa Cruz e das
festas religiosas anuais, que constituem um
marco fundamental na história e na cultura do
Concelho, em particular da freguesia de Santa
Cruz.
Esta cerimónia decorreu no dia 13 de Agosto,
no Salão Paroquial da Igreja Matriz de Santa
Cruz e coincidiu com a celebração das Bodas
de Prata Sacerdotais do Padre João Martins
Furtado, tendo sido presidida pelo Presidente
do Governo Regional dos Açores, Carlos
César. No final desta cerimónia, teve lugar um
momento musical com a actuação do grupo
Música Nostra.
G ESTÃO AU TÁ R QU IC A
PISCINAS
DE LAGOA
RECEBERAM
MAIS DE 40 MIL
BANHISTAS
Foi, no mês de Agosto, que o Complexo Municipal de Piscinas registou o maior número
de entradas durante a altura da época balnear com valor acima dos registados no ano
passado. Ou seja, 19.950 entradas foram registadas, no ano de 2008, comparativamente
com as 18.041 no ano 2007, o que representa
um aumento na ordem dos 10,5 %.
Pese embora este facto, e em termos globais,
o Complexo Municipal de Piscinas registou
uma descida em relação a 2007 do número
total de entradas, que se ficou pelas 40.446
entradas, um decréscimo de 5%.
Das cerca de 41 mil entradas, 1,6 % corres-
ponderam a idosos com mais de 65 anos e 15
% a crianças até aos 11 anos.
De realçar que, pela Empresa Municipal de
Lagoa, foram disponibilizados a todas as pessoas interessadas passes individuais e familiares, que tornaram mais barato o custo de
uma entrada, bem como, a partir das 16h30,
o preço de entrada foi reduzido a 50%.
HABITAÇÃO SOCIAL
EMPRESA MUNICIPAL AVANÇOU COM ACÇÕES
JUDICIAIS POR RENDAS EM ATRASO
A Empresa Municipal decidiu avançar com
acções judiciais a nove agregados familiares
do Bairro da Longueira, em Santa Cruz, do
Bairro da Solidariedade e da Rua Dr. António
Tavares de Melo, na Freguesia de N. Sra.
Rosário, e da Freguesia do Cabouco, cujo pagamento das rendas referentes às habitações
sociais encontram-se em atraso há mais de
seis meses.
Esta foi uma medida tomada em virtude
da obrigação legal que a Empresa Municipal detém, sob pena do Conselho de
Administração vir a ser responsabilizado
financeiramente, não restando, assim, outra
alternativa senão a sua cobrança por acção
do tribunal, havendo também a possibilidade de acções de despejo.
Recorde-se que, já estão a decorrer seis
processos judiciais de cobrança de rendas de
habitação em atraso, através do tribunal.
15
EQU IPAMEN TOS
16
INAUGURAÇÃO DA OBRA DE AMPLIAÇÃO DA ESCOLA EB/JI DR.
FRANCISCO MACHADO FARIA E MAIA
FIM ÀS AULAS EM REGIME DE DESDOBRAMENTO DE HORÁRIOS
O novo ano lectivo na Freguesia do Cabouco
começou da melhor maneira. A Escola EB/JI
Dr. Francisco Machado de Faria e Maia viu
reunidas as condições para albergar todos
os seus alunos e sem desdobramento de
horários. Para isso, contribuiu a obra de
ampliação daquela escola, um investimento
da Autarquia no valor de 170 mil euros.
Depois de muitos anos de espera, os alunos,
pais, professores e auxiliares de educação
viram melhoradas as instalações daquele
estabelecimento de ensino.
A nova infra-estrutura, inaugurada no dia 8
de Setembro, contempla quatro novas salas
de aulas, instalações sanitárias e um espaço
coberto que faz a ligação entre os dois
edifícios, colmatando a falta de salas de
aulas no antigo edifício para a leccionação
do Ensino Pré-escolar, razão pela qual nos
últimos dois anos funcionou em duas salas
cedidas pelo Centro Social e Cultural do
Cabouco. Nesta cerimónia, que contou com
a presença de Álamo Meneses, na altura,
Secretário Regional da Educação e Ciência,
João Ponte, Presidente da Câmara Municipal, mostrou-se muito satisfeito por ver
concretizado um compromisso assumido
no início do seu mandato e salientou que,
enquanto responsável político, é necessário
estar atento à educação. “A qualidade do
ensino passa necessariamente pelas condições do espaço físico onde se lecciona,
razão pela qual um investimento em prol do
melhoramento de infra-estruturas escolares
pode e deve influenciar de forma positiva a
motivação, a eficácia e empenho de alunos,
professores e demais funcionários”.
MAIS UMA CRECHE
– O GIRASSOL
200.000,00 €.
A obra em causa contemplou a construção de
um edifício de raiz, que tem uma área total de
construção de 675 m², e integra sete salas de
actividades, várias instalações sanitárias, uma
cozinha, gabinetes de apoio administrativo,
um dormitório, uma sala convívio e uma sala
polivalente. A construção deste edifício ficou a
cargo da empresa Marques S.A e representou
um investimento de 728.301,48€.
De realçar que, foram ainda investidos
80.000,00 € para aquisição de equipamentos.
EQU IPAMEN TOS
O Concelho já tem uma nova creche designada
“O Girassol”. Este equipamento fica situado na
Travessa das Mercês – Atalhada, Freguesia de
N. Sra. do Rosário e foi inaugurada no dia 17
de Setembro, numa cerimónia presidida pelo
Presidente do Governo Regional dos Açores,
Carlos César.
Trata-se de um edifício financiado, na sua
totalidade, pelo Governo Regional dos
Açores, sendo o Centro Social e Cultural da
Atalhada a sua entidade gestora.
A Câmara Municipal cedeu o terreno para a
sua construção, numa área total de 2.257m²,
num valor total estimado em cerca de
DIREITOS RESERVADOS
DIREITOS RESERVADOS
DIREITOS RESERVADOS
DIREITOS RESERVADOS
17
EQU IPAMEN TOS
LAGOA
RECUPERA
IMÓVEL PARA
MUSEU DO
PRESÉPIO
AÇORIANO
A Câmara Municipal deu o primeiro passo
para dotar a Vila da Lagoa de um espaço
digno de exposição para instalar o Museu do
Presépio Açoriano. Este foi o contributo da
Autarquia para valorizar e preservar uma das
mais fortes tradições artesanais do Concelho
de Lagoa, que remonta à segunda metade
do século XIX.
A cerimónia de lançamento da 1ª Pedra da
obra de reconstrução e ampliação do edifício para a instalação do Museu do Presépio
Açoriano decorreu no dia 7 de Outubro e
foi presidida por Noé Rodrigues, Secretário
Regional da Agricultura e Florestas.
Na ocasião, o Presidente da Câmara Municipal, João Ponte, lançou o desafio ao
Governo para, na próxima legislatura, apoiar
a Autarquia através de um contrato ARAAL
nesta obra, uma vez que, nele será instalado
o Presépio do Museu Açoriano “que não é
o museu do presépio da Lagoa, sendo um
acto de justiça para com os açorianos e, em
particular, com os lagoenses”.
Para além de valorizar o Presépio Açoriano,
esta obra virá também contribuir para descentralizar alguns serviços da Autarquia para
este edifício.
Por outro lado, esta é uma obra importante
para resolver o problema de estacionamento que se evidenciam junto ao edifício da
Câmara Municipal, disponibilizando em cave
20 lugares de estacionamento, tendo sido já
dadas instruções ao projectista de se avaliar
a possibilidade do ponto de vista técnico e
económico, de aproveitar a parte sobrante
do quintal para o estacionamento de viaturas.
Realça-se que, a obra de Reconstrução e
Ampliação do edifício onde será instalado o
Museu do Presépio Açoriano é da responsabilidade da Câmara Municipal e corresponde a
um investimento total de 1.110.833,27 €, que
está a ser executada pela empresa Marques
S.A., com o prazo de execução de 12 meses.
18
Foi inaugurada, no dia 5 de Setembro, a obra
de construção do muro de suporte e arranjos
exteriores da Ermida de N. Sra. dos Remédios,
em Santa Cruz.
Esta foi uma obra executada pela Câmara
Municipal que custou mais de 130 mil euros.
Com ela pretendeu-se garantir definitivamente a segurança no local, uma vez que o muro
de pedra seca que suportava a Ermida se
encontrava em risco de ruir, apesar de duas intervenções realizadas há muitos anos que não
foram suficientes para assegurar a estabilidade
do muro e a segurança daquele imóvel.
Para além da concepção do muro de suporte
da Ermida de N. Sra. dos Remédios em betão
armado e revestido por pedra seca típica dos
Açores, esta intervenção englobou alguns
trabalhos de arranjos exteriores à ermida. O
aumento do adro e zona envolvente deste
imóvel, no qual se disponibilizou um banco
de remate no adro e a requalificação do arruamento existente e sua iluminação exterior
foram alguns dos trabalhos executados.
EQU IPAMEN TOS
INAUGURAÇÃO DO
MURO DE SUPORTE
E ARRANJOS
EXTERIORES DA
ERMIDA DE N. SRA.
DOS REMÉDIOS
DIREITOS RESERVADOS
19
EQU IPAMEN TOS
OBRA DE
RECUPERAÇÃO E
REQUALIFICAÇÃO
DA ERMIDA DE
NOSSA SENHORA
DO CABO AVANÇA
A Câmara Municipal procedeu à consignação
da obra de recuperação e requalificação da
Ermida de Nossa Senhora do Cabo, sito na
freguesia de Santa Cruz, que já decorre a bom
ritmo. Esta é uma obra importante que vem
valorizar e preservar um importante imóvel
patrimonial e religioso que está classificado
como Imóvel de Interesse Público. Este foi
um compromisso assumido pela Autarquia
com a Paróquia de Santa Cruz e que representa uma mais-valia para a igreja.
Após a sua recuperação, este imóvel destinase à instalação de um Museu de Arte Sacra,
permitindo, assim, a sua abertura ao público
20
e a apresentação de algumas imagens e objectos que se encontram guardadas na Igreja
Matriz. Também se vai proceder à realização
de uma protecção em torno daquela ermida,
de forma a evitar que este espaço seja utilizado de forma imprópria.
Jaime Ponte Construções é a empresa que
está a efectuar esta obra, que tem um prazo
de execução de três meses e que atinge o
montante de 54.821,47 €.
De salientar que esta obra contempla várias
intervenções, nomeadamente a reparação
da cobertura deste edifício, a recuperação
e pintura das paredes, da sacristia e das
instalações sanitárias.
Realça-se também que, a obra de recuperação da talha desta ermida já foi adjudicada,
à Empresa J. Cabecinha – Restauro de Arte
Sacra e Mobiliário, pelo valor de 20.700,00 €,
num prazo de execução de cinco meses. Por
sua vez, a Direcção Regional da Cultura procedeu à conservação dos painéis de azulejos
da fachada da Ermida de N. Sra. do Cabo,
sendo que a 2ª fase desta intervenção está
prevista após a conclusão da obra de recuperação e requalificação que está a decorrer.
EQU IPAMEN TOS
FREGUESIA DO
CABOUCO COM
PARQUE DE
MERENDAS
A Freguesia do Cabouco já possui um parque
de merendas, sito na Rua da Fonte Velha.
Na altura, o Presidente da Câmara Municipal,
João Ponte, deixou o compromisso de dotar
este Parque de Merendas com um Parque
Infantil para que as famílias encontrem mais
uma razão para desfrutarem deste local. Por
seu lado, Anabela Calisto, Presidente da Junta de Freguesia, comprometeu-se a florir este
local, de modo a conferir maior beleza.
Esta foi uma obra da Junta de Freguesia do
Cabouco que foi comparticipada pela Autarquia no valor correspondente a 15.000,00 €,
em prol da promoção de bons momentos de
convívio e confraternização entre a comu-
nidade, mas em especial entre as inúmeras
famílias que residem naquela rua.
Para além de contemplar a disponibilização
de várias mesas e bancos de cimento, esta
intervenção abrangeu também a construção
de instalações sanitárias e de quatro churrasqueiras. Equipamentos que requererem um
bom uso por parte da população.
CONCELHO VAI TER CENTRO DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO
AMBIENTAL
A Lagoa vai ter, dentro de seis meses, um
Centro de Educação e Formação Ambiental
(CEFAL) que se localizará no Portinho de S.
Pedro, na Freguesia da N. Sra. do Rosário.
Trata-se de um centro onde serão desenvolvidas diversas actividades relacionadas com
a Educação Ambiental e, tendo em conta as
características da comunidade envolvente,
irá igualmente implementar acções de natureza social e cultural, com o objectivo de
promover o património local como fonte
de conhecimento, visando estimular o reconhecimento da Natureza e desenvolver
uma relação saudável entre o homem e o
ambiente.
Esta obra revela também o esforço que a
Autarquia tem realizado em matéria de ambiente, particularmente, no que diz respeito
à sua preservação.
De forma a abranger a maior faixa etária
possível e a oferecer uma maior diversidade
de serviços, o CEFAL possuirá um Pólo de Bi-
blioteca, um Centro de Actividades de Tempos Livres (CATL) e um Pólo de Informática,
numa área total de 275m2 num investimento global superior a 150.000,00 €.
Trata-se de um espaço que, tal como salientou o Presidente da Autarquia “servirá, sobretudo, para ocupar as centenas de crianças da zona envolvente aquele edifício”,
sendo necessário que “haja engenho e capacidade, para realizar um bom trabalho”.
21
EQU IPAMEN TOS
LAGOA CONTINUA
A CRESCER
INAUGURAÇÃO DA
LOJA SOLUÇÕES M
Foi inaugurada a nova loja de materiais de
construção - Soluções M, no parque industrial da Chã do Rego D’ Água, na Freguesia
do Cabouco. Tratou-se de “um dos maiores
investimentos privados dos últimos anos do
Concelho” que contribui para a dinamizar
aquela zona industrial em fase de notório
crescimento e, deste modo, também para o
desenvolvimento económico do Concelho.
Com a abertura desta loja, a Lagoa confirma,
uma vez mais, a tendência de crescimento
do número de empresas sedeadas. Aliás,
dados recentes do Observatório Regional do
Emprego e Formação Profissional da Região
Autónoma dos Açores, relativos à estrutura
empresarial por ilhas e concelhos em 2007,
continuam a confirmar o crescimento ao
nível do número de empresas sedeadas no
Município e, consequentemente, de postos
de trabalho.
Acima da média regional e também dos
Concelhos da Ribeira Grande, de Ponta
Delgada e de Vila Franca de Campo, entre
2005 a 2007, o Concelho apresenta uma taxa
de crescimento de novas empresas de 5,9%,
enquanto o Concelho de Ponta Delgada
registou uma descida de 0,2 %, e a Ribeira
Grande um crescimento na ordem dos 1,3%.
Este foi um crescimento que teve reflexos directos no número de postos de trabalho em
igual período no Concelho de Lagoa, assim, e
de acordo com a mesma fonte, cresceu 13%,
notavelmente superior à média regional que
foi de 8,7%.
Segundo a mesma fonte, a Lagoa registou
nesta última década uma taxa de crescimento de 51,7 % relativamente ao número
de empresas, apresentando uma taxa de
crescimento de 114,9% relativo ao número
de pessoas ao serviço das empresas, uma
taxa superior à média regional que se ficou
pelos 44,6%.
22
comunidade local de um espaço público mais
agradável que contribua para um maior bemestar dos que ali residem.
De salientar que, esta obra de requalificação
abrange a construção de um coreto, que terá
bar esplanada, instalações sanitárias e dois
espaços de apoio às festas, que irá beneficiar
a população de Santa Cruz durante a realização das suas festas religiosas, nomeadamente
a Festa do Sagrado Coração de Jesus e de N.
Sra. Do Rosário, que se concretiza no primeiro
fim de semana de Agosto.
ASSOCIAÇÃO ATALHADA FUTEBOL CLUBE
VAI DISPOR DE ESPAÇO POLIVALENTE
A Associação Atalhada Futebol Clube vai
dispor de um edifício, dimensionado para
albergar os vários serviços necessários à
actividade do clube, dispondo de uma sala
polivalente e de instalações sanitárias.
Neste sentido, continua a decorrer a obra de
Adaptação dos Sanitários Públicos da Atalhada – a espaço polivalente da Associação
Atalhada Futebol Clube, na Freguesia de N.
Sra. Do Rosário. Uma obra que está a ser executada por administração directa da Câmara
Municipal.
OBRA DE
REQUALIFICAÇÃO
DA PRAÇA VELHA
EM SANTA CRUZ
EQU IPAMEN TOS
Praticamente concluída encontra-se a obra de
Requalificação da Praça Velha em Santa Cruz,
que será inaugurada brevemente. Esta é uma
obra da responsabilidade da Autarquia que
envolve um montante global de 526.655,00
€ e que apresenta um prazo de execução de
seis meses.
Pretende-se com esta intervenção, reabilitar
a praça existente e requalificar os prédios que
neste local se localizam e que se encontram
em estado avançado de degradação.
Está a ser requalificada uma área total de
1.967 m², onde serão criados lugares de
estacionamento, pretendendo-se dotar a
23
EDU C AÇ ÃO
“PARTICIPAR
PARA UMA
MELHOR E
EFECTIVA
CIDADANIA”
Foi esta a mensagem deixada pelo Presidente da Câmara Municipal, João Ponte, aos cerca de 70 alunos da Escola 2,3 Padre João José
do Amaral, no debate subordinado ao tema
“Alimentação e Saúde”.
Tratou-se de uma iniciativa organizada por
alguns alunos e professores deste estabelecimento de ensino, no âmbito do Projecto
“Parlamento dos Jovens” que transformou o
Cine Teatro Lagoense Francisco D’Amaral Almeida num autêntico palco de debate.
Para o Presidente da Câmara Municipal esta
foi uma importante iniciativa que se traduziu
”num bom exemplo de cidadania efectiva.”
MELHOR ALUNO
2008 DA ESCOLA
SECUNDÁRIA DE
LAGOA
Uma vez mais, a Câmara Municipal distinguiu
quem pelo esforço e desempenho alcançou
bons resultados escolares, na Escola Secundária de Lagoa, com a atribuição de um prémio
no montante de 500,00 €. A aluna premiada
foi Ângela Wong Medeiros, que obteve uma
média final de 18,57 valores, tendo sido, este
ano lectivo 2007/2008, a melhor aluna.
A cerimónia decorreu no Auditório da Escola
Secundária de Lagoa, dia em que celebrou o
seu 7º aniversário com uma série de actividades e iniciativas.
Com a atribuição do prémio do melhor aluno
da Escola Secundária de Lagoa, a Autarquia
cria assim um incentivo aos jovens que frequentam este estabelecimento de ensino a se
esforçarem mais para alcançarem melhores
resultados escolares.
24
Também a colaborar nesta iniciativa, esteve
a nutricionista Sara Gaipo que, abordou sobre a questão da “Alimentação e Saúde”, expondo as consequências e adversidades de
uma alimentação desequilibrada.
A dar o seu contributo e a exercer o direito e
dever de cidadania, os vários alunos candidatos ao Parlamento dos Jovens, representadas por três listas, debateram sobre medidas
e propostas que contribuem para uma sociedade mais saudável.
A implementação de um gabinete de apoio
designado “Cantinho da Saúde” em todas as
escolas, a redução do horário de trabalho ou
a implementação de um horário mais flexível que permita aos pais um maior controlo
e acompanhamento sobre os filhos no que
diz respeito à sua alimentação, o reforço de
acções de fiscalização nos equipamentos escolares, foram algumas das propostas apresentadas e discutidas.
A Câmara Municipal procedeu à entrega
de computadores portáteis com ligação
à internet com sistema 3 G a 21 alunos do
Concelho, numa cerimónia que decorreu no
auditório da Escola Secundária de Lagoa.
Estes computadores destinaram-se aos
alunos que concluíram o 12º ano em
2007/2008 na Escola Secundária de Lagoa e
que se matricularem no Ensino Superior no
corrente ano lectivo.
“Uma aposta do Município na educação”
que, no entender do edil lagoense, “é uma
aposta no futuro” e “tem dois objectivos
fundamentais: por um lado, realçar a excelência dos alunos e o esforço financeiro que
muitas famílias realizam para colocar os seus
filhos na universidade” e, por outro lado, é
uma iniciativa que consolida a importância
que a Autarquia dá às novas tecnologias.
Em seu entender, este é um sinal de que “a
Câmara Municipal de Lagoa está atenta ao
sector da educação e a entrega destes computadores portáteis com ligação à internet
é a disponibilização de um instrumento de
trabalho considerado hoje fundamental em
todas as áreas.
Realça-se que, esta iniciativa foi um compromisso assumido por João Ponte na
cerimónia de assinatura de um protocolo
de cooperação com a Escola Secundária de
Lagoa, realizada no início deste ano lectivo.
EDU C AÇ ÃO
APOSTAR NA EDUCAÇÃO É APOSTAR NO FUTURO
AUTARQUIA ENTREGOU COMPUTADORES PORTÁTEIS A JOVENS
UNIVERSITÁRIOS
25
EDU C AÇ ÃO
“CIÊNCIA
DIVERTIDA”
RETOMOU
ACTIVIDADES
PARA O ANO
LECTIVO
2008/2009
A Câmara Municipal retomou o projecto
“Ciência Divertida”, que foi implementado
em todas as escolas do 1º Ciclo do Ensino
Básico do Concelho desde 2004/2005. Um
projecto cujas cerimónias de abertura, este
ano, abrangeram a Escola EB/JI Marquês
Jácome Correia, no Rosário, e a Escola EB 1
Padre Caetano Flores, na Ribeira Chã.
Nesta ocasião, o Presidente da Câmara Municipal referiu que “os pais e os alunos devem
estar satisfeitos por este projecto, uma vez
que é um investimento feito para que estes
aprendam a gostar de estar na escola e
apostem no ensino como forma de alcançarem o sucesso profissional no futuro”.
O autarca fez questão de realçar que, “o
projecto Ciência Divertida representa um
investimento de quase 70.000,00 €, enquanto que nos colégios privados esta actividade
extra-curricular é suportada financeiramente
pelos pais, no Concelho é a Câmara Municipal
que faz chegar a Ciência Divertida a todas as
crianças”.
A Autarquia dá, assim, continuidade a uma
política inovadora que procura formar, sensibilizar, mas também motivar todos os alunos
do Ensino Pré-Escolar e do 1º Ciclo do Ensino
Básico do Município.
26
Uma refeição saudável, equilibrada e saborosa foi o que a Câmara Municipal ofereceu aos
alunos da Escola EB/JI Octávio Gomes Filipe,
no Rosário, no Dia Mundial da Alimentação.
Esta refeição foi composta por uma sopa de
legumes, frango com pimentos e tomate
acompanhado por arroz dos sete tesouros e
uma salada de fruta.
Esta foi uma refeição indicada pela nutricionista lagoense, Maria João Eleutério, que
colaborou com a Autarquia na comemoração
deste dia. João Ponte congratulou-se por
poder proporcionar, por mais um ano consecutivo, uma acção de sensibilização em
matéria de alimentação, sobretudo, numa
localidade que ainda apresenta alguns casos
de graves carências sociais e económicas.
Apelar e consciencializar os mais pequenos sobre a importância de uma refeição
saudável, assente numa dieta alimentar equilibrada e saudável em contraposição com a
designada “Fast Food” foi um dos objectivos
desta iniciativa. Para além disso, o autarca
realçou a importância de uma alimentação
saudável durante a infância para um normal
EDU C AÇ ÃO
DIA MUNDIAL DA ALIMENTAÇÃO
COMER BEM É TER MAIS SAÚDE
desenvolvimento e crescimento, bem como,
para a prevenção de problemas graves de
saúde, tais como a diabetes, a hipertensão
arterial e a obesidade. Alertou também
para a necessidade de se complementar a
alimentação saudável com a actividade física,
praticando desporto.
Como gesto de agradecimento, os alunos
com o apoio dos professores prepararam um
hino muito especial com uma letra adequada
à data.
JOVENS LAGOENSES
DEVEM-SE
INTERESSAR MAIS
PELA HISTÓRIA DO
SEU CONCELHO
Este foi o repto lançado pelo Presidente da
Câmara Municipal, João Ponte, na Biblioteca
Municipal de Lagoa durante a cerimónia de
entrega de prémios referente ao Concurso
“Vamos descobrir a Lagoa.”
As provas deste concurso decorreram nos
meses de Maio e Junho, e tiveram como
objectivo dar a conhecer a realidade do Concelho, em termos da sua história, geografia,
tradições, personalidades ilustres e locais
de interesse. Este concurso promovido pela
Biblioteca Municipal de Lagoa envolveu
dois escalões, em função da escolaridade.
Para cada escalão, os primeiros, segundos e
terceiros classificados receberam uma PSP
(Playstation Portable), um Leitor MP4 e um
livro, respectivamente. Tratou-se de uma iniciativa, pela qual os jovens compreenderem
melhor o presente, tomando conhecimento
do passado e aprofundarem os seus conhecimentos sobre a realidade do concelho,
nas suas mais diversas vertentes. O autarca
apelou ainda a uma maior adesão por parte
dos jovens na próxima edição, pois “para
além da vertente pedagógica, este concurso
contribui para o enriquecimento pessoal dos
seus participantes e para um melhor conhecimento da história da sua comunidade”.
27
EDU C AÇ ÃO
ASSOCIAÇÃO JUVENIL DO CLUBE OPERÁRIO DESPORTIVO
PROMOVEU CONCURSO DE PINTURA E DESENHO “VAMOS CONHECER
OS AÇORES”
A Associação Juvenil do Clube Operário
Desportivo levou a efeito várias actividades
que tiveram como principal intuito fomentar
o convívio entre jovens e crianças, e incutir
formas de aprendizagem e de conhecimento
junto destes.
Assim, foram promovidos dois concursos:
um de desenho e pintura que envolveu a
participação de 60 jovens e que se realizou
na Praça Velha e também o concurso “Vamos
descobrir os Açores”, que envolveu a participação de 70 alunos das escolas do 2º e 3º
Ciclo do Concelho.
De salientar que, estas actividades contaram
com o apoio da Câmara Municipal e da Direcção Regional da Juventude.
PAIS FALAM DAS “PROFISSÕES DE HOJE E DE OUTRORA”
Durante uma semana, foram desenvolvidas
várias actividades no CATL - Centro de Actividades de Tempos Livres de Lagoa, que
abordaram sobre o tema “As profissões de
hoje e de outrora”.
Através de actividades diversificadas, as
crianças ficaram a conhecer profissões que se
perderam no tempo, tais como o aguadeiro,
o albardeiro, a lavadeira; aquelas que, talvez
para manter viva a memória de um passado,
persistem (por exemplo o sapateiro, o cesteiro,
a tecedeira) e as outras que com o evoluir dos
tempos foram surgindo ou se desenvolvendo
(por exemplo o arquitecto, o veterinário, etc).
Aprenderam também que, antigamente se
trabalhava de sol a sol, sendo poucas as remunerações, muitas vezes, até baseadas na troca
directa de produtos e que os direitos dos trabalhadores eram praticamente inexistentes.
Foi também abordada a evolução que se deu
na nossa sociedade, quer ao nível da educação, quer ao nível do papel das mulheres,
antes encarregues das lides domésticas e da
educação dos filhos e que agora, para além
destas tarefas, desempenham importantes
cargos nas mais diversas áreas.
28
Estas actividades contaram também com a
participação dos pais, favorecendo, assim, as
relações entre família/CATL, onde alguns pais
partilharem com as crianças a sua experiência
profissional na área da enfermagem, docência, costura e polícia, trazendo algumas das
ferramentas que utilizam no seu trabalho.
O Centro de Actividades de Tempos Livres
de Lagoa dedicou uma semana a realizar
actividades relacionadas com a promoção de
hábitos de sono saudáveis.
Esta sessão decorreu, após as férias de Verão,
em que os horários das actividades quotidianas não são rigorosos, sendo, por isso,
importante disciplinar as crianças para bons
hábitos de sono.
Para além dos trabalhos manuais alusivos
ao tema, e com o propósito de se promover
uma acção mais técnica, durante duas tardes
o CATL contou com a colaboração da enfermeira Sara Sousa, que realizou uma sessão de
educação para a saúde intitulada “Boa noite,
soninho”. Esta sessão, adaptada às idades
das crianças, visou desenvolver na criança a
capacidade de criar bons hábitos de sono e
compreender o ciclo do mesmo, bem como,
procurou transmitir alguns comportamentos
que podem perturbar o sono.
Se ao longo de toda a vida é importante
dormir, é na infância que o sono assume um
papel crucial para o bom desenvolvimento
do organismo da criança, afinal, e como diz o
ditado popular, “deitar cedo e cedo erguer, dá
saúde e faz crescer”.
A semana de 27 a 31 de Outubro teve um
tom e sabor diferentes, sendo dedicada ao
Halloween. Assim, as crianças realizaram
vários trabalhos de expressão artística, com
o objectivo de desenvolver a sensibilidade
estética e a capacidade criativa.
Destaque para o “lanche assustador”, em que
as crianças tiveram oportunidade de degustar algumas guloseimas alusivas à data, num
ambiente recriado para esse fim e ao som de
música apropriada.
O concurso “O melhor chapéu de bruxa e
de bruxo” foi também um momento muito
ansiado pelas crianças. Na semana anterior,
levaram para casa um cone em cartolina preta
e com a ajuda de um familiar transformaramno em verdadeiras obras de arte. Mais uma
vez, procurou-se envolver a família no CATL.
Para encerrar a semana, crianças e funcionárias trajadas a rigor e exibindo os seus
chapéus, percorreram as ruas da freguesia de
N. Sra. do Rosário e dirigiram-se às residências e aos serviços de alguns pais em busca
de guloseimas.
EDU C AÇ ÃO
CENTRO DE ACTIVIDADES DE TEMPOS
LIVRES DE LAGOA
PROMOVEU SESSÃO PARA BONS HÁBITOS DE
SONO
HALLOWEEN
CELEBRADO A
PRECEITO
29
P OL ÍT IC A SOCIA L
30
DIA INTERNACIONAL
DO IDOSO
A Câmara Municipal de Lagoa assinalou o Dia
Internacional do Idoso com a realização de um
almoço-convívio, no Centro Social e Cultural
do Cabouco, que juntou todos os idosos que o
frequentam.
Neste dia, o Presidente da Câmara Municipal
visitou também todos os centros de convívio
de idosos do Concelho, nomeadamente, no
Cabouco, Atalhada, Rosário, Santa Cruz, Água de
Pau e Ribeira Chã. Mais de 70 idosos conviveram
com o edil e receberam das suas mãos uma lembrança que, constituindo um gesto de amizade,
é também uma forma de recordar e registar esta
data.
Para João Ponte, esta foi uma forma simbólica
de “reconhecer e dignificar o trabalho que todos
esses idosos realizaram ao longo da sua vida
para bem das suas famílias e da comunidade”.
Por isso “é importante retribuir-se esse trabalho
com amizade e afecto.”
A Câmara Municipal inaugurou a Urbanização Vida Nova, na Longueira, em Santa Cruz.
Com este empreendimento, mais de 150
pessoas foram realojadas nas 33 moradias
que foram entregues, resolvendo casos de
agregados familiares que viviam em habitações em zonas de risco junto à orla marítima,
em habitações de terceiros em risco de ruir,
outras em garagens sem instalações sanitárias e em pré-fabricados em segunda mão,
já utilizados nos realojamentos provisórios
no sismo de 1998 na ilha do Faial, e de um
agregado que viviam em situação de sobrelotação, com 5 pessoas a dormir num só
quarto.
Na ocasião, o Presidente da Câmara Municipal num discurso dirigido, particularmente,
aos novos moradores, apelou à responsabilidade destes, no cumprimento de obrigações,
nomeadamente o pagamento atempado das
rendas e a preservação e valorização das
habitações.
O autarca mostrou-se também insatisfeito
em relação à atitude de algumas famílias,
afirmando mesmo ser “inaceitável e até
mesmo chocante que algumas famílias contestem, critiquem e não aceitem a casa que
lhes foi atribuída em regime de arrendamento”, quando as mesmas já viveram em
condições habitacionais degradantes, em
contentores, em espaços sem instalações
sanitárias, partilhando o mesmo espaço com
os pais e filhos e venham agora com reservas
morais pelo facto dos filhos de sexos opostos
terem de partilhar o mesmo quarto, mesmo
que provisoriamente”. O autarca realçou que
“esta era no passado e continua a ser uma
prática corrente em muitas famílias açorianas”, da qual o próprio autarca é testemunho,
realçando que, partilhou durante muitos
anos o mesmo quarto com a sua irmã, “o que
pode até reforçar os laços de amizade entre
irmãos”.
“Firmeza” e “frontalidade” foi como o Secretário de Estado do Ordenamento, do Território
e das Cidades, João Ferrão, classificou as
palavras do Presidente da Câmara Municipal,
e considerou que aquele empreendimento
“testemunha um exercício de justiça social
e de responsabilidade social” das políticas
públicas da Câmara Municipal, do Governo
Regional e do Governo da República.
Já o Secretário Regional da Habitação e Equipamentos salientou que “a Câmara Municipal
de Lagoa tem sido um exemplo em matéria
de habitação, não só porque equilibra vários
tipos de estratos sociais nesta urbanização,
mas também corporiza aquilo que deve
haver nos Açores: a solidariedade entre os
que mais têm e os que menos têm”, sendo
por isso “ um exemplo que deve extravasar
para os outros concelhos e deve fazer escola
na Região Autónoma dos Açores.”
P OL ÍT IC A SOCIA L
INAUGURAÇÃO DA URBANIZAÇÃO VIDA NOVA
31
32
P OL ÍT IC A SOCIA L
33
P OL ÍT IC A SOCIA L
P OL ÍT IC A SOCIA L
HABITAÇÃO
RECONSTRUÍDA
NA FREGUESIA DE
SANTA CRUZ
34
A Empresa Municipal em colaboração com a
Câmara Municipal, promoveu a reconstrução
de uma habitação sita na Freguesia de Santa
Cruz. Tratou-se de um importante investimento que procurou garantir melhores
condições habitacionais ao agregado familiar
ali residente.
Num espaço de seis meses demoliu-se o
espaço existente, construindo de raiz uma
nova casa de tipologia T2+1.
A nova habitação representou o esforço
financeiro da Autarquia em matéria de habitação que se justificou, uma vez que a família
ali residente não tinha possibilidades económicas para realizar a melhoria da moradia.
INAUGURAÇÃO DO CAMINHO RURAL DO MATO EM ÁGUA DE PAU
REDE V IÁRIA
Foi inaugurado, no dia 1 de Julho, o Caminho
Rural do Mato na Freguesia de Água de Pau,
que foi presidida pelo Secretário Regional
da Agricultura e Florestas, Noé Rodrigues.
Tratou-se de uma obra da responsabilidade
do Governo Regional dos Açores, que visou
a beneficiação daquele caminho, permitindo melhores condições de acesso àquela
zona e que reflecte a primordial relevância
que o Governo dos Açores atribui ao sector
agrícola da Região.
2ª FASE DA OBRA DE PROLONGAMENTO DA ESTRADA MUNICIPAL
516 NO CABOUCO
Está a decorrer a bom ritmo a obra de Prolongamento da Estrada Municipal 516 na
Freguesia do Cabouco. Esta obra tem um prazo
de execução de 12 meses, prevendo-se a sua
inauguração para breve.
Trata-se de um importante investimento da
Câmara Municipal que envolve um montante
global de 700.000,00 €, um valor que inclui os
encargos com o projecto, fiscalização, expropriação de terrenos e os custos das obras, no
montante de 492.951,24 €.
Com esta nova via, e no âmbito da revisão do
Plano Director Municipal, serão criadas novas
zonas urbanizáveis, que permitirá o crescimento da Freguesia do Cabouco para Sul, dando
resposta à necessidade de serem criadas mais
áreas urbanizadas de modo a baixar os preços
por m² de terreno para construção.
Esperada há mais de duas décadas, esta obra
permitirá, por outro lado, o acesso directo
OBRA DE
CORRECÇÃO E
PAVIMENTAÇÃO
DA TRAVESSA
DO SILVESTRE
CONCLUÍDA
A obra de Correcção e Pavimentação da Travessa do Silvestre na Freguesia do Cabouco
encontra-se concluída.
Com um prazo de execução de 5 meses,
esta obra representou um investimento
da Autarquia de cerca de 199.000,00 € e
contribuirá para resolver, em definitivo, os
estrangulamentos daquela via que detém,
actualmente, uma grande a afluência de
viaturas, contribuindo similarmente para
resolver o problema de drenagem de águas
pluviais.
directo à via rápida Lagoa – Ponta Delgada,
permitindo o melhoramento do acesso à zona
industrial da Chã do Rego d’Água, melhorando
as condições de circulação aos automobilistas.
Com esta nova via evitar-se-à também o congestionamento de trânsito que se tem assistido
nesta localidade, em particular, junto à Escola
EB/JI Dr. Francisco Machado de Faria e Maia e
ao Edifício Polivalente, que é frequentado por
muitas crianças.
35
REDE V IÁRIA
OBRA DE CORRECÇÃO E BENEFICIAÇÃO DOS ARRUAMENTOS E
PASSEIOS DO ALDEAMENTO DE N. SRA. DA GRAÇA
A obra de Correcção e Beneficiação dos Arruamentos e Passeios do Aldeamento de N. Sra.
da Graça continua a decorrer na Freguesia de
N. Sra. do Rosário.
Para além da repavimentação de várias ruas
daquele loteamento e dos lugares de estacionamento, a Câmara Municipal está a concluir os
trabalhos de infra-estruturas, designadamente
passeios, e vai proceder à ampliação das zonas
de estacionamento.
Esta intervenção no Aldeamento de N. Sra. da
Graça abrange também o melhoramento de
infra-estruturas de telecomunicações e a plantação de novas árvores.
O valor global desta obra está estimado em
cerca de 445.000,00 € e tem um prazo de execução de um ano.
OBRA DE SANEAMENTO BÁSICO EM ÁGUA DE PAU
Também a decorrer a bom ritmo está a obra
de Saneamento Básico de Água de Pau. Mais
de 50% desta obra já foi executada e continua
a ser realizada de forma faseada, de modo a
evitar transtornos aos demais moradores e
automobilistas.
36
Esta obra abrange, agora, os trabalhos de
saneamento na Rua de S. Pedro, a Rua da
Travessa da Rochela e a Rua Nova.
Com um prazo de execução de 3 anos, esta
obra corresponde à maior obra pública de
sempre efectuada pela Câmara Municipal,
no valor de 3.572.400,00 €. A Vila de Água de
Pau ficará dotada com a rede de saneamento
básico e com novas redes de águas pluviais,
bem como, novos passeios e arruamentos.
Foi lançada a concurso público a obra de
construção do sistema de desidratação de
lamas da estação de tratamento de águas residuais - ETAR da freguesia de Água de Pau.
Esta intervenção apresenta um preço base
no valor de 227.000,00 € e um prazo de execução de 4 meses.
A estação de tratamento de águas residuais
da freguesia de Água de Pau foi construída
na Zona Baixa d’Areia. Prevê-se a ampliação
da conduta elevatória de recirculação e a
substituição do sistema de desidratação de
lamas por leitos de secagem.
REDE V IÁRIA
EM ÁGUA DE PAU
SISTEMA DE DESIDRATAÇÃO DE LAMAS
DA ESTAÇÃO DE TRATAMENTOS DE ÁGUAS
RESIDUAIS LANÇADA A CONCURSO
PÚBLICO
MELHORAMENTO DE ESTRADAS MUNICIPAIS
“Mais riqueza, desenvolvimento e qualidade
de vida” são os objectivos pretendidos com
as obras de remodelação de vários troços
municipais no Concelho. Estas foram as palavras mencionadas pelo Presidente da Câmara
Municipal na cerimónia que marcou o início
formal de três diferentes empreitadas e que
pretendem atingir diferentes objectivos. Por
um lado, “resolver alguns problemas que ainda
subsistem em algumas vias de ligação do Concelho, nomeadamente na zona do Pópulo de
Cima, Canecos e também as ligações a zonas
industriais do Concelho de Lagoa”.
As obras de beneficiação em troços municipais
consignadas abrangem a Canadas do Bago das
Socas, da Cruzinha e do Pinheiro, cujos trabalhos estão a cargo da empresa A.M. Furtado e
representam um investimento no montante de
183.107,06 €.
Entretanto, noutras estradas municipais estão
a decorrer os trabalhos de beneficiação, concretamente as zonas do Caminho da Malaca
Norte, Caminho da Malaca Sul e Rua do Tanque,
na Freguesia do Cabouco, tendo esta obra sido
adjudicada à Empresa AR Casanova, pelo valor
de 361.541,31 €.
Uma outra intervenção iniciou-se na Canada
dos Canecos a Norte, com a sua inserção com a
Estrada Regional nº 1 – 1ª Atalhada, na Estrada
Municipal entre os Portões Vermelhos e o restabelecimento nº 3, da variante entre a Lagoa
e a Ribeira Grande, no troço que liga a Estrada
Regional nº 1 ao Pópulo de Cima e na Canada
das Mercês a Sul, na zona entre a Estrada
Regional nº1 – 1ª e a Rua da Rocha Quebrada.
Esta obra está a ser efectuada pela empresa
de Albano Vieira, tendo sido adjudicada pelo
valor de 462.733,63 €.
37
AMBIEN T E
DIA NACIONAL
DO MAR
O Dia Nacional do Mar foi assinalado com
uma iniciativa da Ecoteca de Lagoa e do
OVGA – Observatório Vulcanológico e
Geotérmico dos Açores, com o apoio da
Câmara Municipal e da Associação Amigos
do Calhau.
As actividades iniciaram com a apresentação
LIMPEZA NA ORLA
COSTEIRA
A Associação Juvenil do Clube Operário
Desportivo promoveu uma acção de sensibilização e de limpeza na zona costeira da
Atalhada, Freguesia de N. Sra. do Rosário.
Alertar a comunidade para os malefícios que
a poluição na orla costeira causa, apelando
a uma maior responsabilização por parte
das pessoas em matéria de salvaguarda do
ambiente foi a principal razão inerente a esta
acção.
Esta iniciativa contou com a colaboração
de vários jovens e, como resultado final, foi
recolhida uma tonelada de lixo.
A mensagem que estes jovens deixaram com
esta actividade de sensibilização ambiental
foi de que “com a colaboração de todos os
cidadãos, é possível evitar que o mar seja um
depósito de lixo” e por via disso “assegura-se
uma maior beleza à zona costeira do Concelho”.
38
de um desdobrável sobre “A Diversidade na
Orla Costeira”, seguindo-se uma caminhada
pela orla costeira da Lagoa, desde as instalações da Ecoteca até ao Porto dos Carneiros.
Durante esta caminhada a bióloga marinha,
Ana Neto, a Sociedade Protectora para o
Estudo das Aves (SPEA) e o Comandante e
Capitão do Porto de Ponta Delgada, Castro
Garcia, elucidaram os vários participantes
com explicações sobre a composição e protecção da orla costeira do Concelho.
Foi também inaugurada a exposição “A Lagoa
e o Mar” no hall do Cine Teatro Lagoense
“Francisco D’Amaral Almeida”.
Uma vez mais, a Câmara Municipal, em colaboração com a Empresa Municipal, promoveu
o II Campeonato de Futebol de Praia.
À semelhança do ano passado, este decorreu
na Avenida do Mar em Santa Cruz e tratouse de mais uma iniciativa que se inseriu nas
acções do Plano Municipal de Prevenção
Primária das Toxicodependências.
O II Campeonato de Futebol de Praia contou
com a participação de 60 jovens das cinco
freguesias do Concelho, distribuídos por seis
equipas.
Em 1.º lugar ficou a equipa Relvinha Futebol
Clube com 23 pontos, seguindo-se a equipa da
Santa Casa da Misericórdia de Santo António
com 21 pontos e a equipa de Putos da Rua
que arrecadou 15 pontos neste campeonato.
Na cerimónia de entrega de prémios às
equipas vencedoras, João Ponte, Presidente
da Câmara Municipal salvaguardou que, esta
é uma iniciativa que “continuará no próximo
ano lectivo, esperando-se a participação de
CORRIDA
DE KARTING
ENVOLVEU A
PARTICIPAÇÃO
DE INSTITUIÇÕES
LAGOENSES
Cerca de 50 jovens de algumas instituições
do Concelho participaram numa corrida de
Karting, que teve lugar na pista do Parque
Industrial do Cabouco e que se inseriu no
âmbito das actividades do Plano de Prevenção Primária das Toxicodependências.
Esta foi uma iniciativa conjunta da Câmara
Municipal e da Empresa Municipal, na qual
participaram o Centro Social e Cultural do
Cabouco, o Projecto Trevo da Casa de Povo
de Água de Pau e o Lar de Jovens em Risco
da Santa Casa da Misericórdia de Santo
António.
mais equipas nesta boa causa que é a luta
contra as toxicodependências”.
Trata-se de uma actividade essencial para a
ocupação de tempos livres dos jovens do Município e para a fomentação de momentos de
confraternização entre os jovens das diferentes freguesias. Por outro lado, contribui para
prevenir comportamentos desviantes, como
sejam o consumo de substâncias aditivas e
para a actividade física.
DESP OR TO
II CAMPEONATO DE FUTEBOL DE PRAIA
JOVEM LAGOENSE ALCANÇOU O
4º LUGAR NA TAÇA DA EUROPA DE
PATINAGEM ARTÍSTICA
A Patinadora lagoense, Ana Vitória Borges
Soares, actual Campeã Nacional de Patinagem Artística no escalão de cadetes, obteve
o 4º lugar na Taça da Europa de Patinagem
Artística que se realizou em Trieste - Itália de
1 a 4 de Outubro de um total de 15 patinadores.
Para o treinador, Geraldo Andrade, “a atleta
esteve muito bem, deu o seu melhor e teve a
oportunidade de ter o seu grande momento
e dar a conhecer o seu talento”. Perdeu um
dos lugares do pódio por muito pouco, pois
nos treinos em Trieste a atleta apresentou
uma performance muito boa, sempre com
muita dedicação e entusiasmo. Foi sem
dúvida, uma participação muito positiva
abrindo as portas para a Patinagem Açoriana
a nível Internacional.”
39
DESP OR TO
RALLYE DE LAGOA DECIDIU CAMPEÃO REGIONAL
40
A dupla micaelense, Ricardo Moura e
Sancho Eiró, foram os vencedores do Rallye
de Lagoa, numa prova que terminou com
17 segundos de vantagem sobre Fernando
Peres e José Pedro Silva e que decorreu nos
dias 5 e 6 de Outubro.
Este foi um evento organizado pelo Grupo
Desportivo Comercial e que contou com o
patrocínio da Câmara Municipal. Esta prova
ficou marcada pela decisão do título de
Campeão dos Açores de Rallyes de 2008,
também ele arrecadado por Ricardo Moura
e Sancho Frias.
O percurso foi relativamente idêntico ao do
ano passado, à excepção da existência de
um novo parque de assistência, que passou
a ser na empresa Soluções M, bem como
uma zona de espectáculo na PEC Marques,
com uma passagem pela rotunda do Rego
d’Água.
Quanto às viaturas não homologadas participantes no Campeonato Regional de Ralis
VSH, os vencedores foram Paulo Santos e
Carlos Medeiros.
Sérgio Silva foi o vencedor da Fórmula 3,
numa prova em que competiu com o novo
Peugeot 206 GTI, enquanto que na Fórmula
2, Abel Carreiro foi quem conquistou o
título.
e que à partida se previa um encontro equilibrado, acabou com uma vitória chave, com
um hat trick de Ludgero (aos 15, 63 e 85
minutos) e um golo de André Arruda aos 75
minutos.
DESP OR TO
SANTIAGO
CONQUISTOU
TAÇA DE
HONRA
O Santiago Futebol Clube conquistou a
Taça de Honra da Associação de Futebol de
Ponta Delgada ao vencer por 4-0 a equipa
do Sporting Ideal, num encontro disputado
no Estádio Jácome Correia, no dia 16 de
Novembro.
Esta final que colocou frente a frente as duas
mais fortes equipas do regional micaelense,
TORNEIO DE FUTSAL INTER-FREGUESIAS
Decorreu, durante este Verão, nos vários
polidesportivos das freguesias do Concelho,
o Torneio de Futsal Inter-Freguesias.
A equipa vencedora foi a de Santa Cruz que
arrecadou a melhor pontuação, seguindo-se
a de Água de Pau, em 2º lugar, e em 3º lugar
a do Cabouco. A taça da disciplina coube à
equipa da Atalhada, que foi aquela que acumulou o menor número de cartões.
A cerimónia de entrega de prémios às
equipas vencedoras teve lugar no Bar
Escape Livre e, na ocasião, o Presidente da
Câmara Municipal assegurou a continuidade
deste torneio para o próximo ano, mas com
prémios mais aliciantes que permitem a
participação de mais jovens lagoenses neste
tipo de iniciativas.
AQUAFIT REALIZOU 1º PASSEIO PEDESTRE
DA ÉPOCA 2008/2009
O AQUAFIT – Piscina Coberta de Lagoa organizou o primeiro passeio pedestre da época
2008/2009. Desta vez, o destino escolhido
assentou numa descida à Lagoa do Fogo.
Apesar das condições climatéricas não
serem as melhores, não foram impeditivas
para que todos aqueles que compareceram
nesta iniciativa pudessem desfrutar de um
magnífico passeio, onde se destacam as
esplêndidas paisagens visualizadas. O local
da concentração realizou-se no miradouro
da Lagoa do Fogo.
41
DESP OR TO
3ª CROSS ESCOLAR
CONTRA AS DROGAS
O Núcleo de Educação Física da Escola
Secundária de Lagoa e Autarquia, através
da Empresa Municipal, promoveram a realização de mais um Cross Escolar.
Uma iniciativa que se realizou pela terceira vez, e que se inseriu no âmbito das
actividades do Plano Municipal de Prevenção Primária das Toxicodependências,
envolvendo cerca de 280 crianças e jovens
estudantes do Concelho.
PROVA DE BTT CONTRA AS TOXICODEPENDÊNCIAS
À semelhança dos anos anteriores, foi realizado
uma Prova de BTT na lixeira velha na Lagoa. Esta
prova inseriu-se nas actividades desenvolvidas
no âmbito do Plano Municipal de Prevenção
Primária das Toxicodependências e surgiu de
uma parceria entre Câmara Municipal, Empresa
Municipal e Trilhos dos Açores.
Tratou-se de mais uma iniciativa que visou
transmitir a mensagem inerente a este plano
de prevenção contra as toxicodependências,
“Vida + Droga = Droga de Vida”.
Refira-se que a lixeira velha, espaço onde se realizou a prova, foi recentemente reabilitado pela
Empresa Municipal, numa iniciativa conjunto
com os Trilhos dos Açores, com o objectivo
de se realizar actividades como esta. O espaço
agora aberto está preparado para acolher
provas de motocross, pelo que a Empresa Municipal encontra-se neste momento a estudar a
inclusão daquele traçado numa prova regional
de motocross.
42
O Centro Sócio-cultural de S. Pedro prestou
uma homenagem ao Padre João Raposo Leite,
que se integrou no programa da Festa de
Natal desta instituição. Tratou-se de um justo
reconhecimento a este pároco, pelo o esforço
desempenhado na construção deste edifício
e pelo trabalho social desenvolvido. Recordese que, o Padre Raposo Leite foi o primeiro
sócio honorário do Centro Sócio Cultural de S.
Pedro e o primeiro Presidente desta instituição
fundada em 1991.
Na ocasião, o pároco agradeceu a homenagem
e congratulou-se pelo trabalho social que esta
instituição desenvolve, salientando que, este é
um trabalho moroso, cujos resultados muitas
vezes não são visíveis à sociedade, mas são
muito importantes para a integração social de
muitas crianças, jovens e idosos.
CU LT U R A
HOMENAGEM
AO PADRE JOÃO
RAPOSO LEITE
RECEPÇÃO DO NOVO
PÁROCO DE SANTA
CRUZ , REMÉDIOS E
CABOUCO
O Padre Alexandre Medeiros foi recebido na
freguesia de Santa Cruz no dia 14 de Setembro
de 2008. Uma recepção de boas vindas que
contou com a presença de representantes de
vários grupos e instituições da freguesia que
acompanharam-no em cortejo desde a Casa
Paroquial até à Igreja Matriz.
A Câmara Municipal também associou-se a esta
festa em representação de todo o Município.
43
CU LT U R A
EXPOSIÇÃO DE ARTESANATO E ARTES
DECORATIVAS “COISAS DA TERRA E DO MAR”
Foi inaugurada a exposição de artesanato e
artes decorativas “Coisas da Terra e do Mar”,
da autoria da artesã Cacilda Frontoura, no
Edifício dos Paços do Concelho.
Cacilda Frontoura nasceu na Freguesia de
São Roque, tendo sido docente do 1º Ciclo do
Ensino Primário durante 32 anos. No âmbito
do artesanato e artes decorativas já participou em vários cursos de formação e gosta de
misturar estilos e técnicas na elaboração dos
NOITE DE FADOS
NA FREGUESIA DE
RIBEIRA CHÃ
A Junta de Freguesia da Ribeira Chã promoveu a segunda edição da Grande Noite de
Fados, no polidesportivo desta freguesia.
Os dois fadistas convidados foram Marco
Rodrigues, vencedor do prémio Amália
Rodrigues, e Isabel Noronha, intérprete do
papel e voz de Amália no Musical de Filipe La
Féria, ambos oriundos de Portugal Continental. O fadista Paulo Filipe, vindo do Canadá,
e Piedade Rego da Costa também actuaram
nesta noite.
Esta foi a 2ª edição da Noite de Fados, resultado do sucesso granjeado no ano transacto,
que motivou o interesse da população local,
de muitos habitantes da ilha de S. Miguel e
também de turistas.
44
seus trabalhos.
Refira-se que, uma percentagem das receitas
das vendas efectuadas durante a exposição
reverteram a favor da Associação de Solidariedade Social “Amor Azul”.
Esta foi uma iniciativa da Câmara Municipal,
que contou com o apoio do CRAA – Centro
Regional de Apoio ao Artesanato da Secretaria Regional da Economia e da Associação
Criaçores.
CU LT U R A
EXPOSIÇÃO DE
HOMENAGEM
AO JUIZ PHILLIP
RAPOZA
Foi inaugurada no Salão Paroquial da Igreja
de N. Sra. dos Anjos, em Água de Pau, uma exposição de homenagem ao ilustre Juiz Phillip
Rapoza.
Figura proeminente do sistema Judicial norteamericano, onde ocupa o cargo de Presidente
do Tribunal de Recurso do Estado de Massachusetts, e descendente de emigrantes da Vila
de Água de Pau – Lagoa.
Phillip Rapoza esteve em São Miguel para participar como convidado de honra na procissão
de N. Sra. dos Anjos que se realizou no dia 15
de Agosto.
O magistrado, que fundou em 1997 um
programa de intercâmbio jurídico entre os
Estados Unidos e Portugal, recebeu em 2002
do Presidente da República, Jorge Sampaio,
o grau de Comandante da Ordem do Infante
D. Henrique, pelo seu esforço na promoção e
estreitamento das relações entre os sistemas
judiciais dos dois países.
Em Abril de 2007, o Juiz Phillip Rapoza recebeu
a Medalha de Mérito Municipal das mãos do
Presidente da Câmara Municipal.
CONCERTO COM ORFEÃO DE N. SRA DO ROSÁRIO E ORQUESTRA DA
CÂMARA MUNICIPAL DE PONTA DELGADA
Teve lugar na Igreja da Freguesia de N. Sra.
do Rosário, a actuação musical do Orfeão de
N. Sra. do Rosário que contou com a participação da Orquestra da Câmara Municipal
de Ponta Delgada. Nele foram interpretados
temas de Bach, Mozart e Hydn.
Tratou-se de um evento organizado pela
Comissão de Festas e pelo Orfeão de N. Sra.
do Rosário, que se inseriu no âmbito das
festas da padroeira desta freguesia.
45
CU LT U R A
EM SANTA CRUZ
CONCERTO COM
RAFAEL AGUIRRE
A Igreja do Convento dos Franciscanos, na
Freguesia de Santa Cruz, foi palco de um
grande concerto de guitarra clássica de
Rafael Aguirre e que esteve integrado no II
Música Açores – Festival de Música Contemporânea.
Este Festival realizou-se pela segunda vez
consecutiva, em algumas ilhas do Arquipélago dos Açores, entre os dias 30 de Outubro
a 30 de Novembro, pretendendo-se dar a
conhecer e a ouvir a música Ocidental dos
séculos XX e XXI.
A esta iniciativa, a Câmara Municipal deu o
seu contributo, dando a conhecer trabalhos
de reconhecido valor cultural e artístico,
permitindo, similarmente, o enriquecimento
de conhecimentos na área da música.
ESCOLA DE AVEIRO
NA LAGOA
Esteve de visita ao Concelho uma turma da
Escola Secundária Dr. Mário Sacramento de
Aveiro. Estes alunos tiveram a oportunidade
de visitar o Concelho, particularmente os seus
locais de interesse: a zona da Caloura em Água
de Pau, a Cerâmica Vieira e o Observatório Vulcanológico e Geotérmico dos Açores.
A Câmara Municipal apoiou esta visita com a
cedência de transporte para a realização desta
deslocação.
DELEGAÇÃO
“GENTE NOSSA” DE
TORONTO
A delegação de Toronto – Canadá do programa
“Gente Nossa”, compreendida por 57 elementos, acompanhados por Nellie Pedro, visitou a
Lagoa no dia 22 de Setembro.
Para a sua recepção, a Autarquia preparou um
programa de visita onde constou a sua passagem pela Fábrica Cerâmica Vieira, pela Tenda
do Ferreiro Ferrador, pelo Museu do Presépio
Açoriano e pelos Museus da Ribeira Chã.
46
VISITA DE GRUPO
DE DARTMOUTH
Uma delegação da cidade de Dartmouth dos
Estados Unidos da América, com a qual a Lagoa
mantém relações desde 2003, visitou o Concelho.
Nesta delegação estavam incluídos alguns
membros do comité das vilas-irmãs como
Barbara Young que aproveitou esta vinda a S.
Miguel para discutir futuros intercâmbios culturais entre as duas vilas.
O grupo visitou o edifício da Câmara Municipal,
o Museu do Presépio Açoriano, a Cerâmica
Vieira, o Porto dos Carneiros e o Complexo Municipal de Piscinas.
“TUNA D’OIRO” DO CANADÁ NO CONCELHO
Piscinas.
A recepção deste grupo foi feita no Auditório
da Câmara Municipal, seguido de um jantar
de confraternização.
Realça-se também que, esta Tuna d’Oiro
esteve no Concelho para participar na
celebração das Bodas de Prata Sacerdotais
do Padre João Martins Furtado, no dia 9 de
Agosto na Freguesia de Santa Cruz e em
Água de Pau.
CU LT U R A
O Concelho recebeu a “Tuna d’ Oiro” da
Universidade dos Tempos Livres da Missão
Portuguesa de Santa Cruz de Montreal
– Canadá. Esta Tuna composta por 36 elementos, 5 dos quais são músicos, interpreta
canções populares tradicionais, açorianas e
continentais.
O grupo canadiano teve a oportunidade de
visitar alguns locais de interesse do Concelho, designadamente a Cerâmica Vieira, o
Observatório Vulcanológico e Geotérmico
dos Açores e o Complexo Municipal de
INTERCÂMBIO CULTURAL ENTRE ACADEMIA MUSICAL
ARAZEDENSE DE MONTEMOR-O-VELHO E SOCIEDADE
FILARMÓNICA ESTRELA D’ ALVA
A Academia Musical Arazedense, do Distrito
de Coimbra, visitou, entre 30 de Julho e 6 de
Agosto, o Concelho e participou nas Festas em
honra do Sagrado Coração de Jesus e de Nossa
Senhora do Rosário que decorrem, todos os
anos, na Freguesia de Santa Cruz.
Por sua vez, e já no final do mês de Agosto,
foi a vez da Sociedade Filarmónica Estrela D’
Alva visitar Montemor-o-velho, uma visita
que contou com a presença do Presidente da
Câmara Municipal, João Ponte, que acompanhou a filarmónica lagoense.
Este foi um intercâmbio realizado entre a Sociedade Filarmónica Estrela D’ Alva e a Academia
Musical Arazedense que teve como principal
objectivo o aprofundamento de conhecimentos
musicais e a partilha de valores entre as duas
bandas filarmónicas.
Do programa constou a realizarão de torneios
de futsal e outros jogos educativos que promoveram o convívio e actuação musical dos
grupos e várias visitas pelos locais de interesse
de ambos os concelhos.
47
CU LT U R A
IV FEIRA DE ARTES E OFÍCIOS DA VILA DE
ÁGUA DE PAU
À semelhança de anos anteriores, realizou-se
a IV Feira de Artes e Ofícios Tradicionais da
Vila de Água de Pau, no salão paroquial da
igreja de N. Sra. dos Anjos.
Nesta Feira de Artes e Ofícios Tradicionais
estiveram presentes alguns artesãos do
Concelho, nomeadamente a Criaçores, a
Cooperativa “Lagoa Vale a Pena”, a Cerâmica
Vieira, Gilberta Costa, Fátima Varão, João
Andrade e Maria Bizarro. A todos aqueles que
visitaram esta feira, puderam ver a execução
ao vivo de diversos tipos de artes e ofícios,
como sejam a cestaria, a cerâmica vidrada,
os registos, os bordados e os tradicionais
bonecos de presépio da Vila da Lagoa.
I FESTIVAL DE GRUPOS DE CANTARES TRADICIONAIS
A Freguesia de Santa Cruz foi palco de mais um
evento cultural, o I Festival de Grupos de Cantares Tradicionais, que decorreu nos dias 6 e 7 de
Setembro, no Jardim do Convento dos Frades.
Tratou-se de um festival que contou com a participação e actuação de seis grupos de cantares
da ilha de S. Miguel, designadamente: o Grupo
de Cantares de Amigos de Ponta Garça; o Grupo
Vozes do Monte Santo; o Grupo de Cantares
de São Vicente Ferreira; o Grupo de Cantares
Vozes do Mar do Norte; o Grupo de Cantares de
48
Outrora e o Grupo de Cantares Tradicionais de
Santa Cruz.
A realização deste Festival de Cantares Tradicionais teve como principal objectivo promover
a cultura e os costumes açorianos e também
lagoenses.
Refere-se que, este festival, contou com o apoio
da Câmara Municipal e da Junta de Freguesia
de Santa Cruz, foi organizado pelo Grupo de
Cantares Tradicionais de Santa Cruz, uma grupo
fundado a 26 de Dezembro de 1996.
“Emigração Açoriana – As vivências de um
povo em busca de um sonho” foi a temática
retratada no II Cortejo Etnográfico de Água
de Pau, e que foi atractivo para que milhares
de pessoas e turistas se deslocassem àquela
freguesia.
A partida para a América, a abertura do barril
e a celebração do Dia do Mar foram os temas
abordados e retratados nos vários carros alegóricos que desfilaram pelas principais ruas
de Água de Pau.
Este Cortejo Etnográfico, integrado na festa
em honra da N. Sra. dos Anjos, uma das
maiores festas religiosas da ilha de S. Miguel,
foi uma iniciativa conjunta da Casa do Povo
de Água de Pau e da Comissão de Festas da
Paróquia de Nossa Senhora dos Anjos, que
contou com o apoio da Câmara Municipal e
com a colaboração e participação empenhada e dedicada do povo desta freguesia.
Tal como no ano anterior, foi realizada a
tradicional “migalha”, onde as pessoas da
Vila ofereceram objectos, bolos, bordados,
hortaliças e frutas, entre muitas outras coisas
que foram distribuídas pelos diversos carros
e que serviram para animar a festa, durante a
tradicional arrematação.
CU LT U R A
“EMIGRAÇÃO ACORIANA” RETRATADA NO II CORTEJO
ETNOGRÁFICO DE ÁGUA DE PAU
49
50
CU LT U R A
51
CU LT U R A
CU LT U R A
GRUPO DE JOVENS
“SOM DO VENTO”
VIAJOU ATÉ À
MADEIRA
O grupo de jovens “Som do Vento” de Santa Cruz
esteve na ilha da Madeira, onde participou na
30ª Edição da Festa das Vindimas, no Concelho
de Câmara de Lobos.
Tratou-se de um intercâmbio cultural entre este
grupo de dança e um grupo da ilha da Madeira,
apoiado pela Câmara Municipal em termos
logísticos.
O grupo “Som do Vento” actuou duas vezes na
ilha da Madeira, aquando a Festa das Vindimas
em Câmara de Lobos e também no Concelho
de Santa Cruz. Esta viagem contemplou ainda
visitas aos locais de maior interesse cultural e
turístico da ilha da Madeira.
Os principais objectivos deste intercâmbio consistiram em fornecer aos Jovens a oportunidade
de conhecer a Madeira, melhorar as relações
interpessoais, a troca de experiências e o respeito pela diversidade cultural. Por outro lado,
promover a educação para a comunicação
enquanto fenómeno de interacção social como
forma de incrementar o respeito pelos outros e
realizar actividades culturais e artísticas, espectáculos de dança rítmica foram também outros
dos seus objectivos.
Para a concretização deste projecto, o Grupo
“Som do Vento” contou com o apoio da Direcção Regional da Juventude através do Programa
de Mobilidade e Intercâmbio juvenil “Bento
de Góis”, da Câmara Municipal de Lagoa e de
Câmara Municipal de Câmara de Lobos.
JOVENS DA RIBEIRA CHÃ EM INTERCÂMBIO
NO PORTO E LEIRIA
Um grupo de jovens da Ribeira Chã esteve
na Cidade do Porto e Leiria, no âmbito
do projecto de Intercâmbio e Mobilidade
Juvenil.
O intercâmbio envolveu cerca de 14 jovens
daquela freguesia através do programa
Bento Góis Medida 1, subsidiado pela Direcção Regional da Juventude.
52
Tratou-se de uma experiência que permitiu
fomentar as relações interpessoais, a troca
de conhecimentos, de experiências e o
contacto directo com as diferenças culturais
entre os Açores e Portugal Continental.
CU LT U R A
EM ÁGUA DE PAU
SOCIEDADE
FILARMÓNICA
FRATERNIDADE
RURAL CELEBROU
145º ANIVERSÁRIO
A Sociedade Filarmónica Fraternidade Rural de
Água de Pau festejou 145 anos de existência. Um
Aniversário que foi celebrado com a cerimónia
de homenagem pública a João Manuel Resendes
Domingos, que se associou, de forma dedicada, a
esta filarmónica há 27 anos com apenas 14 anos
de idade, na qual foi maestro durante 9 anos,
sendo actualmente o seu regente e presidente.
A cerimónia decorreu na Sede da Sociedade
Filarmónica Fraternidade Rural, na Freguesia
de Água de Pau e contou com a presença do
Presidente da Câmara Municipal, João Ponte,
que ofereceu, na ocasião, uma salva de prata
como lembrança deste marco na história desta
filarmónica.
1º ANIVERSÁRIO DA ASSOCIAÇÃO MUSICAL
DE LAGOA
O Cine Teatro Lagoense Francisco D’ Amaral
Almeida foi palco dos festejos do 1º aniversário da Associação Musical de Lagoa. Com um
leque diversificado de espectáculos, foram
proporcionadas duas noites agradáveis. Uma
dedicada ao fado, pela voz dos fadistas Laudalino Cabral e Paulo Linhares, acompanhados
na guitarra por Moniz Correia e na Viola por
Diniz Raposo e outra à actuação musical de
um quarteto de saxofones e clarinetes e da
Orquestra de Sopros do Conservatório Regional de Ponta Delgada.
Fundada a 2007, a Associação Musical de
Lagoa tem a seu cargo a Orquestra Ligeira
composta por 17 músicos cujo regente é o 1º
Sargento, Aquiles Preto e a Academia Musical
que conta com 50 crianças que frequentam os
diferentes cursos disponibilizados, nomeadamente de saxofone, trompete, violão e coro.
53
CU LT U R A
FESTA DE SANTA
CECÍLIA
54
A Igreja Matriz de Santa Cruz foi palco de uma
grande festa com a celebração da eucaristia
solene em honra de Sta. Cecília, Padroeira dos
Músicos. Uma celebração que contou com a
presença do Presidente do Governo Regional
dos Açores, Carlos César.
A Música foi a componente que não faltou
nesta celebração. Com ritmos e vozes diferentes, ao som de vários instrumentos musicais,
associaram-se a esta festa vários grupos musicais e movimentos religiosos da Paróquia de
Santa Cruz.
O Grupo Coral de N. Sra. da Conceição; o Grupo
de Romeiros; o Agrupamento dos Escoteiros; o
Grupo de Cantares Tradicionais de Santa Cruz;
o Grupo de Jovens Som do Vento e a Sociedade
Filarmónica Estrela D’ Alva foram os grupos participantes. Associaram-se a esta festa também
o violinista Horácio Lima, a solista Natália de
Lima e o pianista António Piques.
No final desta eucaristia, o Presidente do
Governo Regional dos Açores, Carlos César,
entregou lembranças da Autarquia a todos
os grupos musicais, movimentos religiosos,
e músicos que se associaram a esta iniciativa
organizada pela Paróquia de Santa Cruz, por
iniciativa do Padre Alexandre Medeiros, e pela
Câmara Municipal.
O procurador do Condado de Bristol, Samuel
Sutter, distinguiu a Câmara Municipal de
Lagoa com a atribuição de um voto de louvor,
como forma de reconhecimento pelo trabalho cultural e social realizado pelo Município
de Lagoa em Nova Inglaterra.
Das actividades desenvolvidas o destaque
foi para a realização da exposição de Presépios Açorianos que se concretizou pela 9ª
vez consecutiva na Cidade de Fall River e
também para o estabelecimento do protocolo de intenção de geminação entre Lagoa e
Taunton.
Na altura, o Presidente da Câmara Municipal,
João Ponte, reuniu com Samuel Sutter, Procurador do Condado de Bristol, onde foram
abordados vários assuntos relacionados com
a deportação de emigrantes para os Açores.
Como é do conhecimento público, Samuel
Sutter dispõe de competências para revogar
ordem do tribunal de deportados para os
seus países de origem. Uma situação que
já aconteceu, este ano, e que compreendeu
três cidadãos de origem açoriana.
CU LT U R A
PROCURADOR DO CONDADO DE BRISTOL DISTINGUIU CÂMARA
MUNICIPAL
AUTARCA REUNIU
COM PRESIDENTES
DE TAUNTON E FALL
RIVER
O Presidente da Câmara Municipal, João
Ponte, esteve reunido com Charles Crowley,
Presidente da Cidade de Taunton e também
com Robert Correia, Presidente da Cidade
de Fall River durante a sua estadia nos
Estados Unidos da América para participar
na 9ª exposição de Presépios Açorianos.
Trataram-se de reuniões para apresentação
de cumprimentos entre ambas as partes e
nas quais foram abordados a possibilidade
da realização de projectos culturais que vão
permitir a continuidade do multiculturalismo entre as edilidades.
A convite de Charles Crowley, o edil lagoense participou também na inauguração do
Festival “Lights On” que é já uma tradição
natalícia na Cidade de Taunton.
55
CU LT U R A
PRESÉPIO DA LAGOA
EM EXPOSIÇÃO NO
BCC – FALL RIVER
À semelhança de anos anteriores, a Câmara
Municipal, pelo 9º ano consecutivo, levou uma
mostra do presépio açoriano às comunidades
emigradas nos Estados Unidos da América.
Este ano, a exposição decorreu na cidade de
Fall River, em Nova Inglaterra e a cerimónia
da sua inauguração teve lugar na GrimshawGudewicz Art Gallery no Bristol Community
College em Fall River. Esta exposição integrou
também uma demonstração da arte “bonecreira” pela artesã lagoense, Maria de Fátima Varão,
e a realização de uma palestra sobre o Presépio
Lagoense a cargo de Roberto Medeiros, vicepresidente da autarquia. De seguida, neste
mesmo dia, teve lugar um Concerto de Natal a
cargo da Orquestra Sinfónica de Fall River.
Como convidado de honra, esteve no BBC Fall
River, o Presidente da Câmara Municipal, João
Ponte, que considerou “esta iniciativa essencial
para a divulgação da cultura lagoense e, em
especial desta importante tradição natalícia do
Concelho de Lagoa, que são os presépios. Por
outro lado, serviu também para fortalecer o elo
cultural existente entre a Lagoa e as comunidades de emigrantes açorianos radicados nos
Estados Unidos da América.”
Para a concretização deste projecto, a Câmara
Municipal contou, uma vez mais, com a importante colaboração da Secretaria Regional da
Economia, através do Centro Regional de Apoio
ao Artesanato, do Bristol Community College,
do BCC Luso-Centro, da Sata, do Consulado de
Portugal em New Bedford, Reynolds DeWalt
Printing, UCLA - Amigos da Lagoa, Sheriff
Thomas Hodgson, Professor José Francisco
Costa, Maria Tomasia, Berta Malhinha, José
António Pires, entres outros.
EM MASSACHUSETTS
JOÃO PONTE REUNIU COM REPRESENTANTE
ESTATUAL
O Presidente da Câmara Municipal, João
Ponte, reuniu com o Representante Estatual
de Massachusetts, Tony Cabral, durante a sua
deslocação aos Estados Unidos da América
para participar na 9ª Exposição de Presépios
que se realizou em Fall River.
Tratou-se de uma reunião para apresentação
de cumprimentos, na qual o autarca felicitou
Tony Cabral pelos resultados alcançados nas
56
últimas eleições realizadas em Novembro.
A fomentar o multiculturalismo, foi abordado
a possibilidade da deslocação da Banda de
N. Sra. dos Anjos de New Bedford à ilha de
S. Miguel no próximo ano. A Banda de Nossa
Senhora dos Anjos foi fundada no ano de
1991, sendo Tony Cabral o actual Presidente
da Direcção.
CONCURSO DE
MONTRAS 2008
CU LT U R A
A Jóia Ourivesaria da freguesia do Rosário foi
a grande vencedora do Concurso de Montras
2008, promovido pela Câmara Municipal.
Em segundo lugar ficou a Decoradora e em
terceiro a Larimoda. Os três vencedores receberam, respectivamente, prémios no valor de
250 euros, 150 euros e 100 euros.
Esta é uma iniciativa da Autarquia que se
enquadra nas suas actividades de animação
de Natal e que se realizou pela 7ª vez consecutiva. O objectivo consistiu em incitar os
comerciantes locais a embelezarem as suas
vitrines na quadra natalícia.
No ano de 2008, o concurso de montras envolveu a participação de 11 empresas. Para além
das vencedoras participaram também a Foto
Belarte, a Casa Alpedrinha, a Jóia Ourivesaria
de Água de Pau, a Padaria Gomes e Santos,
a Jampa - Moda Sonha Comércio e Indústria
Têxtil, A loja LagoVet, a Manufactura AutoConstrutora Central e a Boutique Fina.
LANÇAMENTO DA SÉRIE TELEVISIVA ILHAS MITÍCAS
A Escola Secundária de Lagoa foi palco da
cerimónia de lançamento da série de televisão - [Ilhas Míticas], da autoria de Antonieta
Costa com a realização de Teresa Tomé, e de
uma edição de serigrafias e escultura, que
sobre o mesmo tema foram criadas pelos artistas Carlota Monjardino, José Nuno Câmara
Pereira, Tomaz Borba Vieira, Luís França e
José Maria França Machado.
Esta foi uma iniciativa organizada em parceria pela Câmara Municipal, a RTP – Açores e
a Associação do Centro Cultural da Caloura
e contou com a prestigiosa colaboração do
Governo Regional dos Açores, do Hotel do
Colégio, da Fundação Luso – Americana e do
Grupo SATA.
A edição de serigrafias e escultura esteve
exposta no hall de entrada da Escola Secundária de Lagoa. Tratam-se de diferentes
abordagens, próprias da índole de cada
autor que permitem apresentar um conjunto
de quatro obras valorizadas em termos de
diversidade formal, para além de cada qual
procurar referir, especialmente na cor, a
evocação expressiva da respectiva Estação
do Ano. Esteve também exposta uma cabeça
de Camponesa em bronze da autoria de José
Maria de França Machado, que condensa
toda a temática de ligação do Homem à
Natureza reprodutiva e renovadora.
De salientar que, a impressão destas serigrafias foi da responsabilidade de Mário Jorge
Machado.
57
CU LT U R A
ALMOÇO DOS FUNCIONÁRIOS DA CÂMARA
CÂMARA
MUNICIPAL
FESTEJOU NATAL
2008
EXPOSIÇÃO DE PRESÉPIOS
À semelhança dos anos anteriores, a Câmara
Municipal de Lagoa festejou esta quadra natalícia com a realização de diversas actividades que
se concretizaram em diferentes dias no mês de
Dezembro.
A 19 de Dezembro, os funcionários e o executivo da Câmara Municipal de Lagoa juntaram-se
para celebrar o Natal 2008, num real espírito
de confraternização e convívio no tradicional
almoço de Natal que se realiza todos os anos
por esta época na Secção de Obras da Câmara
Municipal.
No mesmo dia e como manda a tradição, teve
lugar a inauguração da Exposição de Presépios
no Edifício Paços do Concelho. Esta exposição
integrou o presépio de Laudalino Almeida e
uma colecção do Museu do Presépio Açoriano
instalado neste edifício desde 1996.
Música foi também uma componente característica desta quadra. A Igreja de N. Sra. do Rosário
foi palco de um magnífico Concerto pelo Orfeão
Edmundo Machado de Oliveira que trouxe o
espírito da quadra natalícia à Vila da Lagoa. A
marcar presença, como convidado de honra,
neste Concerto de Natal esteve o Presidente do
Governo Regional dos Açores, Carlos César.
Tratou-se de uma iniciativa da Câmara Municipal
de Lagoa e da Paróquia de N. Sra. do Rosário que
consistiu em levar o espírito de solidariedade,
harmonia e paz que se vivencia nesta quadra a
todos os lagoenses através da música.
No final do concerto, foram entregues pelo
Presidente da Câmara Municipal, João Ponte,
lembranças com intuito de recordar aquele
momento musical e a quadra natalícia que se
celebrou.
Em espírito de solidariedade social, e a não
esquecer os idosos do Concelho, nesta quadra
festiva, a Câmara Municipal realizou um jantar
de Natal no Lar de Santo António. Uma iniciativa
concretizada com as verbas que habitualmente
eram gastas em postais de Natal e de felicitação
de ano novo.
58
CONCERTO DE NATAL
JANTAR DE NATAL DO LAR SANTO ANTÓNIO
CU LT U R A
ORFEÃO DE N.
SRA. DO ROSÁRIO
PROMOVEU
CONCERTO DE
REIS
A celebrar a quadra natalícia e assinalando
a chegado dos reis magos a Belém, o Orfeão
de N. Sra. do Rosário, com a colaboração da
Câmara Municipal, promoveu um Concerto de
Reis. Este evento que se realiza anualmente e
que já é uma tradição no Concelho de Lagoa,
teve lugar na Igreja de N. Sra. do Rosário.
Neste concerto, o Orfeão de N. Sra. do Rosário
interpretou um reportório musical associado
à época de natal.
CANTATA DE REIS NO CABOUCO
A Igreja de N. Sra. da Misericórdia, na Freguesia do Cabouco, foi palco de uma Cantata
de Reis no dia 10 de Janeiro. Uma iniciativa
que decorreu após missa vespertina e que
contou com a participação musical do Grupo
de Cantares Tradicionais de Santa Cruz e da
colaboração da Câmara Municipal.
Com esta actividade cultural, da iniciativa do
Padre Alexandre Medeiros, pároco da Freguesia do Cabouco desde Setembro de 2008,
pretendeu-se assinalar a chegada dos três
Reis Magos. Por outro lado, com este evento
pretendeu-se também levar à comunidade
local a alegria e solidariedade que a quadra
natalícia transmite.
59
T U RISMO
POSTO DE
TURISMO DE
LAGOA COM BOA
AFLUÊNCIA DE
TURISTAS
O Posto do Turismo de Lagoa, após a sua abertura no dia 20 de Junho, registou uma afluência
de mais de meio milhar de turistas que o visitaram entre o mês de Junho e Agosto.
Um resultado classificado como sendo positivo
para a promoção do Concelho e que justifica a
aposta contínua do Município em dinamizar e
valorizar a sua componente turística, dada as
suas potencialidades e os benefícios para a população e para a rentabilidade das pequenas
empresas ligadas a este sector, nomeadamente
as relacionadas com os alojamentos turísticos,
a restauração e aos produtos locais tradicionais.
De nacionalidades diferentes, foram portugueses os turistas que mais visitaram o Posto
de Turismo de Lagoa, tendo-se registado 269
visitas. Em número menor, a Lagoa foi também
visitada por holandeses, canadianos, suecos,
americanos, belgas, franceses, noruegueses e
espanhóis.
Relembre-se que, só nos primeiros seis dias de
funcionamento, o Posto de Turismo de Lagoa
recebeu a visita de 123 pessoas, sendo que 87
pretendiam informações de carácter turístico, 7
procuraram o espaço Net e 29 usaram o Posto
de Turismo para tratar de assuntos relacionados com a Câmara Municipal.
LAGOA NA ROTA DO
TURISMO
Oferecer uma imagem de modernidade e
desenvolvimento foi o objectivo da concepção
de alguns instrumentos de divulgação turística
sobre o Concelho, apresentados publicamente
no Cine Teatro Lagoense Francisco D’Amaral
Almeida. A Câmara Municipal deu a conhecer
o novo guia turístico, um mapa que sinaliza
os locais de interesse a visitar na Lagoa e uma
caderneta de postais. Estes instrumentos de
divulgação turística foram distribuídos junto das
unidades hoteleiras, de restauração, central de
táxis, postos de turismo e museus.
CÂMARA MUNICIPAL LANÇOU ROTEIRO
GASTRONÓMICO DE LAGOA
De forma a dar a conhecer o que de melhor
têm para oferecer os restaurantes do Concelho, a Câmara Municipal lançou o primeiro
Roteiro Gastronómico do Concelho.
Para quem aprecia a boa gastronomia, este
roteiro é um documento simples, de fácil
leitura e onde encontra as várias opções, em
matéria de restauração, ao dispor no Concelho. Este Roteiro integra 16 restaurantes e
nele salientam-se as principais especialidades
60
da casa e respectivos contactos.
Esta foi uma iniciativa da Autarquia que
contou com a colaboração dos restaurantes
do Concelho.
T U RISMO
MAIS DE 3000
PESSOAS
VISITARAM O
PAVILHÃO DA
LAGOA NA FATACIL
O Pavilhão do Município de Lagoa, que
marcou presença na FATACIL entre os dias
22 e 31 de Agosto, foi um enorme sucesso
e uma das grandes atracções deste evento,
que contou com a visita de mais de 3000
pessoas que se deliciaram com alguns produtos típicos da Ilha Micaelense.
O Município de Lagoa – Açores esteve
sedeado num stand, onde esteve disponível
material informativo sobre o Concelho de
Lagoa, com destaque para as suas tradições
culturais e costumes, bem como, a típica
gastronomia e os locais de interesse que
podem ser visitados.
Quem visitou o stand do Município de Lagoa
– Açores ficou habilitado a um sorteio de
três viagens para duas pessoas com destino
a São Miguel, cujo concurso realizou-se no
Edifício Paços do Concelho, sendo os vencedoras Anabela Martins, Esmeralda Jorge e
Ana Rita Lourenço.
Este sorteio teve como objectivos a promoção a nível turístico, social e cultural do
Concelho e a contribuição para o desenvolvimento turístico dos Açores, muito em
especial a Lagoa.
A participação da Lagoa – Açores na maior
feira realizada a sul do país foi, também,
uma das iniciativas desenvolvidas que se
inseriram no âmbito dos objectivos estabelecidos no protocolo de geminação com
o concelho algarvio de Lagoa, no início do
ano 2008.
61
DIV ERSOS
“BEE-CLEAN”
EMPRESA
CANADIANA
INSTALOU-SE NO
CONCELHO
A empresa de manutenção e limpeza do
Canadá “Bee.Clean” instalou-se no Concelho de Lagoa, num armazém localizado na
Estrada João Ramos, no Cabouco.
Esta empresa, considerada uma das
maiores do Canadá, foi fundada em 1967,
empregando, actualmente, cerca de 12
mil funcionários (sendo 8 mil fixos e os
restantes sazonais), dedica-se à limpeza e
manutenção de edifícios de grande porte,
como bancos, aeroportos e hospitais.
A expansão para os Açores foi um passo
natural no desenvolvimento da empresa,
como referiu o gerente José Santos, “há
vários factores que contribuíram para
a vinda da Bee.Clean para os Açores, o
facto de cerca de 60 dos colaboradores no
Canadá serem açorianos e terem, também,
aconselhado o Conselho de Administração
a investir em São Miguel, o facto do patrão
da empresa, José Correia, já ter vindo muitas
vezes a São Miguel e o facto dos Açores
estarem em franco desenvolvimento”. José
Santos, gerente da empresa Bee.clean e
presidente da Casa dos Açores de Winnipeg
– Canadá, referiu que a escolha do Concelho
de Lagoa para instalar a empresa foi uma
decisão ponderada depois de verificar as
mais valias, entre elas, a localização central
do Concelho na ilha de São Miguel, as boas
acessibilidades que detem e a baixa taxa de
Derrama em vigor no Concelho.
TOURADA À CORDA “SICOSTA” NO
CABOUCO
O Concelho voltou a ser palco de mais uma
tourada à Corda, desta feita, na Chã do Rego
D’ Água, na Freguesia do Cabouco. Um acontecimento que reuniu milhares de pessoas
e que assinalou o 9º aniversário da empresa
SICOSTA.
Os touros da ganadaria Ezequiel Rodrigues, os
capinhas e os pastores deslocaram-se propositadamente da ilha Terceira para proporcionar
um espectáculo inesquecível, como puderam
constatar todos os aficionados presentes.
62
O jovem lagoense, Bruno Medeiros, de 22
anos, conquistou em Amsterdam, Holanda,
a medalha de ouro do Campeonato Europeu
das Profissões, Euroskills, sendo considerado
o melhor profissional da Europa na área da
carpintaria.
Bruno José Rebelo Medeiros já tinha representado Portugal no Campeonato Mundial
das Profissões, Worldskills, em Helsinquia em
2005, foi campeão regional e nacional na sua
DIV ERSOS
JOVEM LAGOENSE CONQUISTOU TÍTULO
DE CAMPEÃO EUROPEU DAS PROFISSÕES
especialidade.
Ao Campeonato Europeu das Profissões
concorreram 434 jovens profissionais em
representação de 29 países - os 27 da União
Europeia, a Suiça e a Turquia.
No Euroskills, Bruno Medeiros concorreu
na especialidade de Carpintaria, tendo as
provas durado quatro dias e sendo visitado
por mais de 40 mil pessoas.
DIREITOS RESERVADOS
DIREITOS RESERVADOS
DIREITOS RESERVADOS
3º FESTIVAL DE VERÃO NO CABOUCO
A Freguesia do Cabouco foi palco do 3º Festival
de Verão organizado pela Junta de Freguesia e
que contou com o apoio da Câmara Municipal.
À semelhança do ano passado, este evento
decorreu no Polidesportivo do Cabouco e foi
apresentado por José Figueiras, apresentador
da Sic, durante os três dias.
Segundo a Presidente da Junta de Freguesia,
Anabela Calisto, o grande objectivo para a
concretização deste festival continuou a ser o
de “revitalizar espaços tidos como problemáticos e trazer mais pessoas àquela localidade,
que se encontra em franco desenvolvimento.”
Para deliciar e animar as noites de Verão, não
faltaram as tradicionais tasquinhas de comes
e bebes e muita animação musical.
A assinalar a abertura do III Festival de Verão,
esteve a Marcha Popular protagonizada por
algumas crianças, funcionárias e membros
da direcção do Centro Social e Cultural do
Cabouco.
Outra componente foi o desfile de moda
protagonizada pela Boutique Ritinha da Freguesia de Água de Pau e também o desfile do
grupo de motards Gravediggers e Trilhos dos
Açores.
A animação musical ficou a cargo do Artista
Rui Correia, do grupo “Bora lá tocar”, da banda
The Hype que fez o tributo aos U2, do Nuno
Martins e da artista Nacional, Rosinha e o seu
acordeão.
63
DIV ERSOS
4ª EDIÇÃO
DA FESTA DA
JUVENTUDE
MAIOR FESTA DE
SEMPRE
Milhares de pessoas marcaram presença no
Porto dos Carneiros, na Vila da Lagoa, para
assistir à 4ª edição da Festa da Juventude
que se traduziu na mais participada edição
de sempre.
A 4ª Edição da Festa da Juventude dedicou,
este ano, um dia ao Mundo Rural, com uma
tradição açoriana muito conhecida, particularmente na ilha da Terceira: a II Corrida
de Touros à Corda, que trouxe milhares
de pessoas ao Porto dos Carneiros, no dia
19 de Julho. Neste âmbito, foi também
inaugurada a exposição de fotografia de
Marcelo Borges, jovem fotógrafo lagoense,
que abordou a temática do “Mundo Rural –
Valor e Dignidade”.
O grande destaque da 4ª Festa da Juventude voltou a ser a actuação de consagrados
músicos portugueses, em 2008, André
Sardet, Canta Bahia e David Fonseca.
Destaque também para as actuações da
Banda.Com e dos Dj’s Bruno Pará e Eurik,
que animaram as noites dos dias 25 e 26
de Julho respectivamente no Porto dos
Carneiros. Durante os três de dias de festa,
a animação musical ficou a cargo de Carlos
Galvão, com a participação especial do
artista “o Calafão” no dia 27 de Julho.
Um grande evento de Verão, organizado
64
pela Câmara Municipal conjuntamente
com a Empresa Municipal, onde, este ano,
não faltaram actividades destinadas às
crianças.
Assim, a Lagoa recebeu o Avô Cantigas, “o
fantasminha”, que proporcionou momentos de grande alegria a todas as crianças
que se deslocaram, juntamente com os
seus pais de propósito para assistir à sua
actuação.
Ainda para as crianças, nos dias 26 e 27
de Julho, estiveram também disponíveis
diferentes e divertidos espaços, designadamente o Insuflável Lago do Dino, o
Ringue Insuflável, o Escorrega Insuflável e
o Touro Mecânico e o Infonet Móvel onde,
de forma divertida, as crianças puderam
aceder à Internet.
O grande desfile que teve início na Praça
de N. Sra. do Rosário e que culminou no
Porto dos Carneiros, foi também outra
componente característica desta festa.
Nele participaram o Grupo de Cantares
Tradicionais de Santa Cruz, a Associação
de Trilhos dos Açores, os Gravediggers, o
CATL – Centro de Actividades de Tempos
Livres da Lagoa, a Banda Filarmónica Lira
do Rosário, o grupo folclórico “Grujola”, os
Escoteiros nº 96 da Freguesia de N. Sra. do
Rosário, a Fanfarra do Nordeste e o grupo
“Bora lá tocar”.
A deliciar as noites desta grande festa,
estiveram, como habitualmente, as tradicionais tasquinhas exploradas por várias
instituições desportivas, culturais e de
solidariedade social do Concelho.
A 4ª Edição da Festa da Juventude encerrou com um magnífico espectáculo de
fogo de artificio, que decorreu durante dez
minutos.
Uma festa memorável que ficou também
marcada pela pintura dos muros que
rodeiam o Porto dos Carneiros alusiva à
juventude, da autoria dos artistas de grafitti, Mr. Dheo e Caos, onde uma vez mais,
foi transmitida a mensagem contra os
malefícios da toxicodependência, “droga
+vida = droga de vida, a solução está nas
tuas mãos”.
65
DIV ERSOS
PROPOSTA
ALTERAÇÃO AO PLANO DE
PORMENOR DA ZONA DO
POMBAL
Atendendo que, a Câmara Municipal de Lagoa pretende alterar os
termos de referência do Plano de Pormenor da Zona do Pombal,
Regulamento nº38/2008 publicado em 18 de Janeiro de 2008, entrando em vigor cinco dias após ao da data da sua publicação no
Diário da República, 2ªserie nº13.
Considerando que, a alteração ao Plano de Pormenor da Zona do
Pombal surge na sequência da dificuldade que a Câmara Municipal
tem em adquirir algumas das propriedades privadas inseridas no
Plano Pormenor, para efeitos de concretização do Plano.
Considerando que os objectivos da alteração ao Plano de Pormenor
são:
• Criação de mais quatro lotes na estrutura funcional habitacional
(L48, L49, L50 e L51), tendo em consideração a definição das funções
urbanas dominantes, a morfologia urbana adoptada e a distribuição
dos usos, sendo estabelecida na Planta de Implantação a Estrutura
Funcional, contemplando a seguinte Área Habitacional Sul – AH.2;
• Desafectação do maciço arbóreo existente incorporado na estrutura verde e espaço público, para a delimitação de mais quatro lotes
para moradias unifamiliares isoladas, mantendo os níveis aplicáveis
idênticos aos lotes existentes L44, L45, L46, L47;
• Rectificar os acessos (arruamentos e passeios) para melhorar a
acessibilidade, em torno de um conjunto de lotes propostos.
O Plano Pormenor do Pombal engloba uma área de 202.121,60 m2, e
prevê uma área de construção total de cerca de 87.462,87 m2, sendo
agora prevista uma área de construção de 88.662,47 m², a qual é
inferior a 3% da área de construção inicialmente prevista.
Proponho que:
1º Seja efectuada uma alteração por adaptação de acordo com a
alínea d) do nº 1 do artigo 97º do Decreto-Lei nº 380/99, de 22 de
Setembro na redacção introduzida pelo Decreto-Lei nº 316/07, de
19 de Setembro;
2º Nos termos do nº 1 do artigo 79º, aplicável por remissão do nº 3 do
artigo 97º do Decreto-Lei referido no ponto anterior seja a presente
proposta submetida à aprovação da Assembleia Municipal;
3º Aprovar em minuta esta deliberação para efeitos de execução
imediata, de acordo com o que dispõe o nº 3 do artigo 92º da Lei nº
169/99, de 18 de Setembro.
Lagoa, 16 de Junho de 2008
O PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL
João António Ferreira Ponte
Posto de Internet . Venda de Artesanato . Informação Turística . Serviços Camarários
Dias úteis
9h30 às 17h00
SERVIÇOS CAMARÁRIOS
ÁGUAS
. Pagamento de águas
. Pedido e cancelamento de pagamento de
água por transferência bancária
. Desistência do consumo de água
. Indicação de leituras de água
TAXAS E LICENÇAS
. Licenciamento de estabelecimentos
comerciais de produtos alimentares, não
alimentares e prestação de serviços
. 2ª Via de licença de ciclomotor
. Licença de condução de ciclomotores
. Revalidação de licença de condução de
ciclomotor
. Emissão/Renovação do cartão de vendedor
ambulante
. Licença de ocupação de espaço público –
esplanadas
. Licença de publicidade e propaganda
comercial
. Licença de recinto itinerante
. Licença para ocupação da via pública
. Licença para realização de fogueiras ou
queimadas
. Pedido de sinalização
. Pedido de remoção de veículos
URBANIZAÇÃO E EDIFICAÇÃO
. Informação geral sobre procedimentos
do regime jurídico da urbanização e da
edificação
. Pedido de fiscalização
. Pedido de licença de interrupção de
trânsito
. Pedido de licença para ocupação da via
pública – para efeitos de obras
. Pedido de certidões diversas
OUTROS
. Cartão de Idoso
. Licença especial de ruído
. Recenseamento militar
. Reclamações
. Pedido de equipamento de recolha de
resíduos sólidos urbanos
. Pedidos de recolha de monstros e óleos
alimentares usados
. Pagamento de Rendas
. Candidaturas a Bolsa de Estudos
. Vendas de Passes para o Complexo
Municipal de Piscinas

Documentos relacionados

na lagoa

na lagoa equipamentos, a cultura e a educação foram os sectores que, a autarquia, passado um ano, mais investiu. Um investimento que creio ter valido a pena, pois, para além de proporcionar bem-estar e melh...

Leia mais