TracPhone V3 Guia do usuário

Сomentários

Transcrição

TracPhone V3 Guia do usuário
TracPhone V3
®
Guia do usuário
Guia do usuário do TracPhone V3
TracPhone V3
Sistema mini-VSAT Broadbandsm
Guia do usuário
Este guia do usuário oferece todas as informações básicas
necessárias para operar, configurar e solucionar problemas do
sistema TracPhone V3. Para obter informações detalhadas sobre a
instalação, consulte o Guia de instalação do TracPhone V3.
Caso deseje enviar comentários sobre este manual, envie um
email para [email protected] Agradecemos a sua contribuição.
Números de série
Antena
Unidade de controle
Suporte técnico
Nos Estados Unidos:
Telefone: 1 866 701-7103 (por linha fixa)
E-mail: [email protected]
Modem
América do Norte ou do Sul, Austrália:
Telefone: +1 401 851-3806
E-mail: [email protected]
Europa, Oriente Médio, Ásia, África:
Telefone: +45 45 160 180
E-mail: [email protected]
KVH número da peça 54-0748-01 Rev. B
© 2011, KVH Industries, Inc., Todos os direitos reservados.
Informações de marca registrada
TracPhone, KVH e a exclusiva cúpula de cor clara com placa de base escura contrastante são
marcas registradas da KVH Industries, Inc.
mini-VSAT Broadband é uma marca de serviço da KVH Industries, Inc.
ViaSat e o logotipo ViaSat são marcas registradas da ViaSat, Inc.
Todas as outras marcas registradas pertencem a seus respectivos proprietários.
Aviso legal
Todos os esforços foram feitos para garantir a correção e a integridade do material deste
documento. Nenhuma empresa deve ser responsabilizada por erros aqui contidos. As
informações deste documento estão sujeitas a alterações sem aviso prévio. Nenhuma garantia de
qualquer tipo é feita em relação a este material, incluindo, mas sem limitação, garantias
implícitas de comercialização e adequação para uma finalidade específica.
Declaração de conformidade da CE
O subscritor desta carta declara que os seguintes equipamentos cumprem com as
especificações da Diretiva EC 1999/5/EC para Equipamentos de Rádio e
Telecomunicações.
Equipamentos incluídos nesta declaração
•
•
•
02-1860 TracPhone V3 Antena
02-1601 TracPhone V3 Unidade de controle da antena
19-0487 TracPhone V3 Modem
Aplicabilidade do equipamento
O TracPhone V3 é um sistema que fornece conectividade de banda larga com a Internet
entre uma embarcação e qualquer destino no mundo. O equipamento não foi concebido
para aplicativos SOLAS.
Declaração e certificação
O sistema TracPhone V3 atende aos seguintes padrões harmonizados de acordo com a
Diretiva R&TTE 1999/5/EC:
Requisitos essenciais
Padrões aplicados
Artigo 3.1(a)
Saúde e segurança
EN60950-1:2006 + A1:2009
Artigo 3.1(b)
EMC
EN 301 843-1 v1.2.1:2004-06,
EN 301 843-6 V1.1.1:2006-01,
EN61000-3-2:2006
EN61000-3-3:1995, A1:2001 e A2:2005,
EN60945:2002
Artigo 3.2
Eficiência do
espectro
EN302 340 V1.1.1:2006-04
O processo de avaliação de conformidade, citado no Artigo 10 e detalhado no Anexo IV
da Diretiva 1999/5/EC, foi realizado com a participação do Notified Body (Órgão
notificado): Retlif 1000.
Fabricante
KVH Industries, Inc.
50 Enterprise Center
Middletown, RI 02842-5279
EUA
Rick Jones, Diretor de qualidade corporativa
Data
Guia do usuário do TracPhone V3
Índice
Índice
1
Introdução
Como utilizar este manual .................................................................2
Informações importantes sobre segurança .......................................5
Visão geral do sistema.......................................................................7
2
Operação
Noções básicas de comunicação via satélite ..................................12
Ativação do sistema.........................................................................13
Inicialização do sistema...................................................................15
Utilização do serviço mini-VSAT Broadband....................................16
Utilização do serviço de voz avançado da KVH................................17
3
Configuração
Ajuste do brilho da tela da unidade de controle ..............................24
Configuração das zonas de risco de radiação de RF .......................26
Redefinição do sistema para as condições de fábrica ....................34
Configuração do computador para mini-VSAT Broadband ..............36
Solicitação de endereçamento IP estático.......................................44
4
Solução de problemas
Cinco verificações básicas ..............................................................48
Lâmpadas de status da unidade de controle...................................50
Lâmpadas de status do modem.......................................................53
Mensagens de erro ..........................................................................54
Solucionando um problema do serviço de voz ................................60
Visualização das informações de status do navegador da web ......62
i
Guia do usuário do TracPhone V3
Índice
Visualização das informações de status da unidade de controle ....70
Calibrando o giroscópio da antena ..................................................77
Suporte técnico................................................................................79
A
Diagrama de fiação
Diagrama de fiação..........................................................................82
B
Guia de referência rápida de menus
Guia de referência rápida de menus................................................86
C
Glossário
Glossário ..........................................................................................88
ii
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 1 - Introdução
1. Introdução
Este capítulo oferece uma visão geral básica deste manual e do sistema
TracPhone. Ele também oferece informações importantes sobre
segurança que você precisa saber antes de utilizar o produto.
Sumário
Como utilizar este manual................................................. 3
Informações importantes sobre segurança....................... 6
Visão geral do sistema ...................................................... 8
1
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 1 - Introdução
Como utilizar este manual
Este manual fornece informações completas sobre a operação, a
configuração e a solução de problemas do seu sistema TracPhone V3.
Quem deve utilizar este manual
O usuário deve consultar o capítulo “Operação” para aprender a
operar o sistema.
O usuário ou instalador deve consultar o capítulo “Configuração”
para obter informações sobre como configurar o sistema com as
preferências desejadas.
O usuário e/ou técnico de manutenção deve consultar o capítulo
“Solução de problemas” para ajudar a identificar a causa de um
problema no sistema.
Ícones utilizados neste manual
Este manual utiliza os seguintes ícones:
Ícone
Descrição
Este é um aviso de perigo, cuidado ou advertência.
Leia o aviso com atenção para evitar acidentes
pessoais.
Ícone
Descrição
Esta é uma ilustração dos botões contidos na unidade de
controle. O sombreado cinza indica qual botão o usuário deve
pressionar.
3
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 1 - Introdução
Convenções tipográficas
Este manual utiliza as seguintes convenções tipográficas:
Exemplo de texto
Descrição
Pressione MENUS para
visualizar o menu
O ícone e o nome do botão são
fornecidos
SELECT SATELLITES
O texto como é exibido no visor da
unidade de controle
A tela exibe
“BRIGHTNESS”
O texto entre aspas é exibido no visor
da unidade de controle
Consulte “Como utilizar
este manual” na página 3
Referência cruzada com outro
capítulo no manual
Visite www.kvh.com/
mvbservice para obter
detalhes
Referência cruzada com um website
Documentação relacionada
Além do Guia do usuário, os seguintes documentos são fornecidos
com o sistema TracPhone:
4
Documento
Descrição
Guia de instalação
Instruções completas de instalação
Guia de inicialização
rápida
Guia útil de referência rápida com
instruções básicas de operação
Lista de verificação de
ativação
Detalhes sobre a ativação do sistema
para serviço do mini-VSAT
Broadband
Lista de verificação de
instalação
Formulário que o instalador deve
devolver para validar a qualidade da
instalação
Modelo de montagem da
antena
Modelo que o instalador utiliza para
definir os orifícios de montagem da
antena
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 1 - Introdução
Documento
Descrição
Declaração de garantia
Termos e condições de garantia
Lista de itens
Lista de todas as peças fornecidas no
kit
5
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 1 - Introdução
Informações importantes sobre segurança
Para sua segurança e a segurança dos passageiros e/ou da tripulação,
leia com atenção os seguintes avisos importantes.
Aviso - Risco de choque elétrico
Existem voltagens potencialmente letais dentro da unidade de controle
e do modem. Para evitar choques elétricos, não abra os gabinetes do
chassi do equipamento dos decks inferiores. Eles contêm peças que
não podem ser reparadas pelo usuário e a abertura dos gabinetes
anulará a garantia do produto.
Aviso - Risco de choque elétrico
O sistema requer fonte de alimentação AC monofásica, 3 fios. Executar
o sistema com energia bifásica, de fase dividida ou delta resultará em
uma condição de aterramento flutuante não segura na qual o
aterramento do chassi do equipamento será muito diferente do
aterramento da embarcação, apresentando risco de choque elétrico
possivelmente letal. Consulte o Guia de instalação para obter detalhes.
Cuidado - Risco de radiação de RF
A antena transmite energia de radiofrequência (RF) potencialmente
perigosa. Sempre que o sistema estiver ligado, certifique-se de que
todos estejam a mais de 10 metros (32 pés) de distância da antena. Não
há riscos ao ficar diretamente acima da antena ou abaixo do plano de
montagem da antena.
Figura 1-1 Distância mínima segura para evitar riscos de exposição à radiação de RF
75°
75°
Risco de
radiação
Risco de
radiação
10
m
(32
pé
m
10
s)
p
(32
)
és
Antena
7,5°
•
6
7,5°
Se a pessoa estiver parada fora do feixe principal de transmissão
da antena, a distância mínima segura será de 30 cm (1 pé).
Entretanto, se a pessoa não souber a direção para a qual a antena
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 1 - Introdução
estiver apontando, sempre observe a distância mínima segura total
de 10 metros (32 pés) .
•
Você pode configurar zonas de risco de radiação de RF para inibir
as transmissões dentro de áreas frequentadas pelos passageiros e/
ou pela tripulação. Consulte “Configuração das zonas de risco de
radiação de RF” na página 26 para obter mais detalhes.
7
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 1 - Introdução
Visão geral do sistema
Seu sistema TracPhone V3 é um sistema de comunicações mini-VSAT
Broadband completo para marinheiros em movimento. Utilizando
tecnologia de ponta de espalhamento espectral, que anteriormente só
estava disponível para aviões militares ou corporativos, o TracPhone
V3 oferece uma experiência de Internet consistente e sem falhas. E
tudo isso por uma antena que é muito menor e mais leve que as
antenas VSAT tradicionais.
Como demonstrado no diagrama básico abaixo, o sistema é composto
por um sistema de antena, uma unidade de controle e um modem que
são conectados a um hub em base terrestre por meio de um satélite na
banda Ku. O hub, gerenciado por um Centro de Operações de Rede,
então fornece o link para a Internet e a rede terrestre de telefonia. Uma
breve descrição de cada componente do sistema é fornecida na
próxima página. Um diagrama de fiação detalhado é fornecido em
“Diagrama de fiação” na página 83.
8
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 1 - Introdução
Figura 1-2 TracPhone V3 Diagrama de Rede mini-VSAT Broadband.
Satélite de banda Ku
Conexão
mini-VSAT
Antena
TracPhone
Unidade de
controle e
Modem
Hub
Internet
Rede de
telefone
Dispositivos de
Rede e VoIP
Conexão Ethernet
Conexão VoIP
Fornecido pelo Cliente
PC portátil
Roteador Wireless Telefone analógico
Componentes do sistema
O sistema TracPhone V3 inclui os seguintes componentes:
A unidade da antena fornece a conexão de
satélite entre o modem a bordo e o hub na
base terrestre. Utilizando o GPS integrado,
a tecnologia refletora avançada e a
estabilização de giroscópio, a antena
automaticamente localiza e rastreia o
satélite correto, mesmo quando a
embarcação estiver em movimento.
9
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 1 - Introdução
A unidade de controle conecta a antena ao
modem e permite que você opere e
configure todos os aspectos do sistema.
O modem, fabricado pela ViaSat, é o
transceptor e “cérebro” do sistema. Ele
processa todos os dados TCP/IP de entrada
e saída trocados entre a antena e o switch
utilizando as tecnologias patenteadas de
espalhamento espectral.
O adaptador de terminal multimídia (MTA
- multimedia terminal adapter) é um
dispositivo de Voz sobre IP (VoIP - Voice
over IP) que permite conectar um telefone
analógico e fazer e receber chamadas pela
conexão do mini-VSAT Broadband.
O switch conecta o sistema à rede local
integrada por meio de conexões Ethernet
com fio. Quatro de suas oito portas
suportam Power over Ethernet (PoE) – elas
podem fornecer energia elétrica a qualquer
dispositivo compatível com IEEE 802.3af,
como um ponto de acesso sem fio.
10
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 1 - Introdução
Ativação do serviço
Para começar a utilizar o TracPhone V3, você precisa ativar o sistema
para o serviço mini-VSAT Broadband. Para ativar, preencha e envio os
seguintes formulários:
•
Formulário de Ativação de Serviço KVH TracPhone V3
Preencha o formulário de lazer ou comercial, conforme adequado
•
Acordo do usuário final
Leia e rubrique cada página no canto inferior direito
•
Formulário de representante autorizado de conta de tempo aéreo
Preencha, se necessário
Todos os formulários estão disponíveis no formato PDF em
www.kvh.com/mvbservice. As versões PDF incluem campos em
branco para que você possa preencher os formulários em seu
computador.
Envie por fax ou e-mail os formulários preenchidos para a KVH:
América do Norte ou do Sul, Austrália:
Fax: +1 401 851-3823
E-mail: [email protected]
Europa, Oriente Médio, Ásia, África:
Fax: +45 45 160 181
E-mail: [email protected]
Após a KVH processar estes formulários, ativar a sua conta e registrar
seu produto, você receberá um e-mail com as informações de seu novo
serviço, incluindo números de telefone, bem como um link para criar
uma conta de cliente no website www.kvh.com. Sua conta lhe dará
informações sobre seu sistema TracPhone V3, links para as suas contas
de tempo aéreo e voz, e uma variedade de informações relacionadas ao
seu produto, tudo isso em um local conveniente.
11
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 2 - Operação
2. Operação
Este capítulo explica como ativar e utilizar o sistema TracPhone V3.
Também explica como interpretar as telas de inicialização.
Sumário
Noções básicas de comunicação via satélite.................. 13
Ativação do sistema ........................................................ 14
Inicialização do sistema .................................................. 15
Utilização do serviço mini-VSAT Broadband.................... 16
Utilização do serviço de voz avançado da KVH ............... 17
11
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 2 - Operação
Noções básicas de comunicação via satélite
Os satélites de comunicação de banda Ku estão localizados em
posições fixas, acima da linha do equador da Terra e retransmitem
dados de/para a terra dentro das regiões que eles atendem.
Entretanto, para se comunicar por meio de determinado satélite, você
deve estar localizado dentro da área exclusiva de cobertura do satélite,
também conhecida como “zona de projeção”.
DICA: Para visualizar o mais recente mapa de cobertura de satélite miniVSAT Broadband, visite nosso site em www.kvh.com/minivsatmap.
Figura 2-1 Exemplo da zona de projeção de um satélite
Equator
Além disso, como os satélites estão localizados a 35.900 km (22.300
milhas) acima da linha do equador, a antena TracPhone deve possuir
uma visão clara do céu para transmitir e receber sinais. Qualquer coisa
que esteja entre a antena e o satélite pode bloquear os sinais,
resultando na perda de dados. As causas comuns de bloqueio incluem
árvores, prédios e pontes. Chuva forte, gelo ou neve também pode
interromper temporariamente a recepção.
Figura 2-2 Exemplo de bloqueio do satélite
Bloqueado
13
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 2 - Operação
Ativação do sistema
Siga as etapas abaixo para ativar o sistema TracPhone.
CUIDADO
A antena transmite energia
75°
75°
de radiofrequência
potencialmente perigosa.
Risco de
Risco de
Certifique-se de que todos
radiação
radiação
estejam a mais de 10 metros
10
)
m
(32 pés) de distância da
és
(32
2p
3
(
pé
antena dentro de sua faixa
m
s)
10
de elevação de 7,5º-75º
Antena
enquanto estiver em uso.
7,5°
7,5°
Não há riscos ao ficar
diretamente acima da antena ou abaixo do seu plano de montagem.
1. Verifique se a antena tem uma visão clara do céu.
2. Verifique se o modem, a unidade de controle, o switch,
o MTA e os computadores estão recebendo energia.
3. Pressione o botão de ligar/desligar no modem. A luz
no botão deve ficar verde.
Figura 2-3 Botão de ligar/desligar no painel frontal do modem
STATUS
4. Pressione o botão de ligar/desligar na unidade de
controle. A luz no botão deve ficar verde. A unidade de
controle fornece energia para a antena.
Figura 2-4 Botão de ligar/desligar no painel frontal da unidade de controle
5. Ligue os computadores em rede.
6. Aguarde cinco minutos para o sistema inicializar
(consulte a próxima sessão para obter detalhes).
Assim que a antena encontrar o satélite de serviço correto, todas as
luzes de status na unidade de controle e no modem devem ficar
verdes. Se uma das luzes não estiver verde, consulte “Solução de
problemas” na página 47.
14
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 2 - Operação
Inicialização do sistema
A unidade de controle exibe as seguintes telas durante a inicialização.
Se a tela exibir uma mensagem de erro, consulte “Mensagens de erro”
na página 55.
Tela da unidade de controle
ANTENNA INITIALIZING
GPS: ACQUIRED
41.5198N, 123.5817W
ANTENNA READY
WAITING FOR MODEM
Descrição
A antena está executando uma
rotina de autoteste.
Quando o GPS consegue
estabelecer conexão, exibe
momentaneamente sua latitude/
longitude.
A antena está aguardando a
inicialização do modem.
MODEM COMMS: OK
O modem está se comunicando
com a unidade de controle.
RECEIVING SATELLITE
INFO FROM MODEM
O modem está fornecendo dados
de identificação do satélite para a
antena.
SEARCHING FOR 72.0W
SERVICE SATELLITE
A antena está procurando o
satélite de serviço mini-VSAT
Broadband.
Observação: Os satélites
podem variar.
TRACKING 72.0W
SERVICE SATELLITE
A antena agora está rastreando o
satélite de serviço.
O modem acessou o serviço miniVSAT Broadband; o sistema está
pronto para uso!
15
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 2 - Operação
Utilização do serviço mini-VSAT Broadband
Quando o modem do TracPhone V3 estabelece conexão com o serviço
mini-VSAT Broadband, você pode executar todas as tarefas de Internet
que realiza em sua casa:
•
E-mail
•
Navegação na internet
•
Atualizações do tempo e de gráficos
•
Mensagens instantâneas
•
Acesso a redes corporativas (VPNs)
•
Transferências de dados
IMPORTANTE!
Leia todos os termos e condições de serviço no Acordo do usuário
final, que pode ser encontrado em www.kvh.com/mvbservice.
OBSERVAÇÃO: O sistema deve ser ativado para você utilizá-lo. Consulte
“Ativação do serviço” na página 11 para obter mais detalhes.
16
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 2 - Operação
Utilização do serviço de voz avançado da KVH
O MTA e o serviço de voz avançado permitem que você faça/receba
chamadas telefônicas por meio do serviço mini-VSAT Broadband. Esta
seção explica como usar o serviço de voz avançado.
IMPORTANTE!
O serviço de voz do TracPhone V3 não fornece os recursos de
Identificação automática de número ou Informações de localização
automática associados aos serviços de emergência 911 ou E911.
Além disso, o serviço de voz não funciona no caso de uma
interrupção do serviço de rede ou de uma falha de energia.
Entretanto, é muito importante manter separados os sistemas de
comunicação de segurança e de pedido de socorro da embarcação
para chamadas de emergência. Informes todas as pessoas que
possam utilizar o TracPhone V3 das limitações dos serviços de
emergência 911 e E911. O fabricante, distribuidor e prestador de serviço
não serão responsáveis, e se isentam expressamente, por quaisquer danos
diretos ou indiretos, reclamações, perdas, despesas, responsabilidades,
ações, riscos ou danos decorrentes ou relacionados aos serviços prestados
por meio deste equipamento, incluindo e sem limitação, os serviços de
emergência 911 ou E911.
Ativação do MTA
O MTA não possui botão de ligar/desligar. Quando você liga o
sistema TracPhone V3, o MTA inicializa, o que pode levar até 15
minutos. O MTA está pronto para uso quando a luz “VOIP” estiver
fixa na cor verde (veja a Figura 2-5). Para obter detalhes completos sobre o
dispositivo MTA, consulte o Guia do usuário do MTA.
Figura 2-5 Status das lâmpadas do MTA
POWER
RUN
POWER
RUN
WAN
LAN
WAN
LAN
VOIP
PHONE 2
PHONE 1
VOIP
PHONE 2
PHONE 1
17
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 2 - Operação
Como fazer uma chamada de voz
Para sua conveniência, você pode atribuir um plano de discagem ao
MTA que permite discar chamadas de saída da embarcação para seu
país de origem como se fossem chamadas para dentro do país onde
você se encontra. Por exemplo, se Copenhague é sua porta de origem,
você pode atribuir um plano de discagem da Dinamarca ao MTA,
permitindo que você ligue para a sua casa sem ter que discar um
prefixo internacional e código do país antes. Para atribuir um plano de
discagem, acesse sua conta de voz online (consulte “Gerenciamento da
conta de voz online” na página 21) e selecione “Plano de discagem e
fuso horário.”
Para realizar uma chamada, você precisa discar o número como se
você estivesse ligando do país designado do plano de discagem
escolhido (Estados Unidos é o padrão), independente da localização de
sua embarcação. Siga as etapas abaixo.
1. Verifique se o sistema está ativado e conectado ao
serviço mini-VSAT Broadband (a unidade de controle
exibe “Online”).
2. Certifique-se de que a luz “VOIP” no MTA esteja verde.
3. Certifique-se de que outra chamada telefônica não
esteja em andamento (a luz “PHONE 1” (Telefone 1) no
MTA não esteja acessa na cor verde). O TracPhone V3
apenas suporta uma chamada por vez.
4. Pegue o fone de qualquer telefone conectado ao
conector “PHONE 1” (Telefone 1) do MTA. Você deve
escutar o tom de discagem.
5. Disque o número do telefone para o qual você deseja
ligar.
Dentro do país do plano de discagem:
Se você estiver ligando para um número dentro do país do
plano de discagem, disque como se fosse uma chamada no país
onde você se encontra. Por exemplo, se seu MTA está atribuído
a um plano de discagem nos Estados Unidos (configuração
padrão) e você está ligando para um número nos Estados
Unidos, disque Código de área/cidade + Número de telefone
local.
18
Fora do país do seu plano de discagem:
Se você está ligando para um país fora do seu plano de
discagem, disque como se fosse uma chamada internacional.
Por exemplo, se seu MTA está atribuído a um plano de
discagem nos Estados Unidos (configuração padrão) e você está
ligando para um número fora dos Estados Unidos, disque
011 + o código do país + o código de área/cidade + o número
do telefone local.
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 2 - Operação
Quando você realiza uma chamada por meio do serviço mini-VSAT
Broadband, sua voz viaja 35.900 km (22.300 milhas) no espaço, então
35.900 km (22.300 milhas) de volta à Terra, da mesma forma como qualquer
outro serviço via satélite de voz. Esta longa distância necessariamente causará
um pequeno atraso (aproximadamente 0,5 segundos) nas conversas
telefônicas, mesmo nas velocidades mais rápidas.
Números de telefone para chamadas de entrada
Durante a ativação, a linha telefônica do seu MTA foi atribuída com
um número de telefone com o código do país e o código de área/
cidade de sua escolha. Isso permite que as pessoas em terra dentro
dessa região liguem para a sua embarcação e evita a cobrança de
chamadas de longa distância ou internacionais, independente da
localização de sua embarcação.
Por uma taxa mensal adicional, você pode associar até cinco “números
locais” virtuais à sua linha telefônica do MTA, permitindo que as
pessoas liguem de outros países para evitar a cobrança de tarifas de
longa distância ou internacionais. Por exemplo, se você está
administrando um negócio de sua embarcação, e você tem muitos
clientes que moram na França, você pode configurar um número
virtual que permite que os clientes na França liguem para a sua
embarcação usando um “número local” francês. Para configurar
números de telefone virtuais, contate o Departamento de serviços de
tempo aéreo da KVH (consulte “Ativação do serviço” na página 11
para informações de contato).
Gravação de saudação pessoal para a caixa postal
Siga as etapas abaixo para gravar a sua saudação pessoal da caixa
postal.
1. Pegue o fone de qualquer telefone conectado ao MTA.
Você deve escutar o tom de discagem.
2. Disque 123# no teclado do telefone para conectar ao
sistema de caixa postal (VoiceMail).
3. Pressione 2 para acessar sua caixa de correio.
4. Pressione 1 para acessar sua saudação pessoal.
5. Pressione 2 para alterar sua saudação. Será solicitado
que você grave sua saudação.
6. Pressione 1 para escutar a mensagem.
19
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 2 - Operação
7. Pressione 3 para aceitar e ativar a saudação quando
estiver satisfeito com a mensagem. Você escutará a
mensagem “Your personal greeting has been activated”
(Sua saudação pessoal foi ativada).
Como escutar mensagens da caixa postal
Se a luz “PHONE 1” (Telefone 1) no MTA estiver piscando em laranja
quando o fone estiver no gancho, significa que você possui novas
mensagens na caixa postal (veja a Figura 2-5 na página 17). Siga as
etapas abaixo para escutar as mensagens da caixa postal.
1. Pegue o fone de qualquer telefone conectado ao MTA.
Você deve escutar o tom de discagem.
2. Disque 123# no teclado do telefone para conectar ao
sistema de caixa postal (VoiceMail).
3. Pressione 1 para escutar suas mensagens.
4. Siga as instruções faladas para escutar, salvar e/ou
excluir as mensagens.
OBSERVAÇÃO: Você também pode escutar as mensagens on-line na página
da web da sua conta de voz (consulte “Gerenciamento da conta de voz online”
na página 21). Além disso, pode acessar a sua caixa postal de qualquer linha
telefônica terrestre. Basta digitar o número de sua linha telefônica,
pressionar*, e digitar o código PIN (fornecido durante a ativação do serviço).
Envio ou recebimento de fax
Você pode também enviar os documentos via fax por meio do serviço
de voz avançado. Conecte o aparelho de fax ao conector “PHONE 1”
(Telefone 1) no MTA e disque da mesma forma que faria uma chamada
de voz (consulte “Como fazer uma chamada de voz” na página 18).
OBSERVAÇÃO: É necessário ter uma largura de banda de 70 k para envio de
fax e 90 k para recebimento.
Envio de fax por Protocolo de Internet às vezes pode não ser confiável.
No entanto, se você necessita de uma solução de fax a nível
corporativo, instale o Servidor de Fax UCH-250 (KVH número de peça
19-0520) opcional da KVH. Quando você ativa o serviço de fax
correspondente, o UCH-250 lhe dá um número de telefone adicional
dedicado para o envio de fax, deixando livre o conector “PHONE 1”
(Telefone 1) no MTA. Contate o seu revendedor/distribuidor para
obter detalhes.
20
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 2 - Operação
Gerenciamento da conta de voz online
Você pode gerenciar a sua conta online na página da web de Serviço de
voz avançado. Você pode visualizar e configurar todos os variados
recursos de chamada disponíveis para você, bem como visualizar
informações da conta e escutar caixas postais. Para efetuar logon no
site, siga as etapas abaixo:
1. Entre em http://kvh.myaccountcenter.net.
2. Na página de login, digite seu número primário de
telefone e o PIN (fornecido durante a ativação do serviço).
OBSERVAÇÃO: Você pode também navegar para este site a partir de
www.kvh.com/your-account.
OBSERVAÇÃO: Você também pode entrar em contato com o Suporte ao
cliente discando 611 no teclado do seu telefone.
21
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 3 - Configuração
3. Configuração
Este capítulo explica como alterar o brilho da tela da unidade de
controle, configurar uma zona de risco de radiação de RF, e redefinir o
sistema para sua configuração de fábrica. Ele também explica como
configurar o computador para uma conexão Ethernet com fio com o
sistema TracPhone V3. Para obter detalhes sobre a configuração de rede
sem fio, consulte as instruções fornecidas com o ponto de acesso sem
fio (adquirido separadamente).
Sumário
Ajuste do brilho da tela da unidade de controle.............. 25
Configuração das zonas de risco de radiação de RF....... 27
Redefinição do sistema para as condições de fábrica .... 35
Configuração do computador para mini-VSAT Broadband .... 37
Solicitação de endereçamento IP estático ...................... 45
23
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 3 - Configuração
Ajuste do brilho da tela da unidade de controle
Siga as etapas abaixo para ajustar o brilho da tela do painel frontal da
unidade de controle.
1. Pressione MENUS até a tela exibir
“CONFIGURATION” (Configuração).
CONFIGURATION
NEXT MENU
ACCEPT
2. Pressione
ACCEPT (Aceitar).
BRIGHTNESS= HIGH
NEXT ITEM
CHANGE
3. Pressione CHANGE (Alterar) até a tela exibir a
configuração de brilho desejada: HIGH (Alto),
MEDIUM (Médio) ou LOW (Baixo).
BRIGHTNESS= MEDIUM?
CHANGE
ACCEPT
4. Pressione
ACCEPT (Aceitar).
BRIGHTNESS= MEDIUM
25
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 3 - Configuração
5. Pressione EXIT (Sair) para sair do menu.
26
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 3 - Configuração
Configuração das zonas de risco de radiação de RF
Para evitar exposição à energia de RF irradiada pela antena, é possível
configurar até duas zonas de risco de radiação de RF para as áreas
frequentadas pela tripulação e/ou pelos passageiros. (Consulte
“Informações importantes sobre segurança” na página 6 para obter os
detalhes sobre as distâncias mínimas de segurança.)
Ao determinar a necessidade de uma zona de risco, lembre-se de que a
antena transmite dentro de uma faixa de elevação de 7,5° a 75º.
Portanto, não é necessário considerar todas as áreas que estão abaixo
do plano de montagem da antena, já que estão seguras da exposição à
radiação.
Figura 3-1 Exemplo de uma zona de risco de radiação de RF
Zona de risco
080
015
Sempre que a antena apontar para dentro de uma zona de risco de
radiação de RF, o sistema irá desativar o transmissor e a unidade de
controle exibirá a seguinte mensagem:
RF RADIATION HAZARD!
TRANSMIT INHIBITED
Assim que a antena apontar para fora da zona de risco, a capacidade
de transmissão será restaurada.
27
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 3 - Configuração
Definição de uma zona de risco de radiação de RF
Siga as etapas abaixo para configurar uma zona de risco de radiação
de RF.
1. Determine o intervalo de azimute necessário para a
zona de risco de RF. Você precisará inserir os azimutes
inicial e final que definem os limites externos da zona,
relativos à seta de avanço da antena, que deve estar
apontando para a proa (veja a Figura 3-2).
OBSERVAÇÃO: Cada zona de risco de RF deve ter no mínimo 5º.
Dessa forma, defina os azimutes inicial e final a uma distância de pelo
menos 5º.
Figura 3-2 Azimutes inicial e final que definem a zona de risco de radiação de RF
Azimute
inicial
000 015
315
Zona de Risco
de Radiação
por RF
(Exemplo)
Dianteira
Azimute
final
080
090
Antena
270
135
225
180
2. Pressione MENUS até a tela exibir
“CONFIGURATION” (Configuração).
CONFIGURATION
NEXT MENU
ACCEPT
28
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 3 - Configuração
3. Pressione
ACCEPT (Aceitar).
BRIGHTNESS= HIGH
NEXT ITEM
CHANGE
4. Pressione MENUS até a tela exibir “SET HAZARD
ZONE” (Definir zona de risco).
SET HAZARD ZONE= NO
NEXT ITEM
CHANGE
5. Pressione CHANGE (Alterar) até a tela exibir “SET
HAZARD ZONE = YES” (Definir zona de risco = Sim).
SET HAZARD ZONE=YES?
CHANGE
ACCEPT
6. Pressione
ACCEPT (Aceitar).
ZONE 1= 999-999
NEXT ITEM
CHANGE
29
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 3 - Configuração
7. Pressione CHANGE (Alterar). Um cursor aparecerá
abaixo do primeiro número no intervalo de azimute
exibido para a zona de risco de radiação de RF nº 1.
Caso nenhuma zona esteja configurada, a tela exibirá
999-999.
ZONE 1= 999-999
CHANGE
ACCEPT
8. Pressione CHANGE (Alterar) até definir o número
desejado para o primeiro dígito do azimute inicial da
zona nº 1. Se o valor de azimute for menor que 100º, defina o
primeiro dígito como zero.
9. Pressione ACCEPT (Aceitar). O cursor se move para o
próximo número.
ZONE 1= 099-999
CHANGE
ACCEPT
10. Repita as etapas 8 e 9 para definir os dígitos restantes
do intervalo de azimutes da zona nº 1. Depois de definir
todo o intervalo, o cursor desaparecerá da tela.
ZONE 1= 015-080?
CHANGE
ACCEPT
11. Pressione ACCEPT (Aceitar). A tela exibirá o
intervalo de azimute atual para a zona de risco de
radiação de RF nº 2.
ZONE 2= 999-999
NEXT ITEM
CHANGE
30
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 3 - Configuração
12. Se você desejar configurar uma segunda zona de risco de
radiação de RF, repita as etapas 7 a 11. (Certifique-se de que a
segunda zona não se sobreponha à primeira.) Caso contrário,
pressione MENUS. A tela exibe a configuração atual de
Transmit Inhibition (Inibição de transmissão) (“XMT IN
ZONES” – Transmitir nas zonas).
IMPORTANTE!
Verifique se “XMT IN ZONES” está configurado como NO
(Não), de modo que a antena não transmita quando estiver
apontando dentro de uma das zonas configuradas de risco
de radiação de RF. Se “XMT IN ZONES” for definido como
YES (Sim), as zonas estarão desativadas, o que permite que
a antena transmita dentro delas.
XMT IN ZONES= NO
NEXT ITEM
CHANGE
13. Se a tela exibe “XMT IN ZONES = NO” (Transmitir nas
zonas = Não), pressione MENUS.
Se a tela exibir “XMT IN ZONES = YES” (Transmitir nas zonas
= Sim), pressione CHANGE (Alterar) até a tela exibir “XMT
IN ZONES = NO” (Transmitir nas zonas = Não). Em seguida,
pressione ACCEPT (Aceitar).
XMT IN ZONES= NO?
CHANGE
ACCEPT
14. Pressione EXIT (Sair) para sair do menu.
31
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 3 - Configuração
Desabilitação das zonas de perigo de radiação de RF
Caso deseje remover todas as restrições de transmissão, siga as etapas
abaixo para desabilitar as zonas de risco de radiação de RF
programadas. Esta função simplesmente desabilita as zonas, sem
apagá-las da memória.
CUIDADO
Desabilitar as zonas de risco de radiação de RF permite que a antena
transmita em todas as direções, mesmo que a antena esteja
apontando para uma área acessível a passageiros e à tripulação.
Certifique-se que todos permaneçam afastados a uma distância
mínima segura da antena antes de iniciar a transmissão. Também se
lembre de voltar a este menu para restaurar as zonas de risco ao
terminar a transmissão.
OBSERVAÇÃO: Você pode visualizar as zonas de risco programadas
atualmente no menu Antenna Status (Estado da antena) na unidade de
controle (consulte as “Informações de status da antena” na página 74).
1. Pressione MENUS até a tela exibir
“CONFIGURATION” (Configuração).
CONFIGURATION
NEXT MENU
ACCEPT
2. Pressione
ACCEPT (Aceitar).
BRIGHTNESS= HIGH
NEXT ITEM
CHANGE
32
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 3 - Configuração
3. Pressione MENUS até a tela exibir “SET HAZARD
ZONE” (Definir zona de risco).
SET HAZARD ZONE= NO
NEXT ITEM
CHANGE
4. Pressione CHANGE (Alterar) até a tela exibir “SET
HAZARD ZONE = YES” (Definir zona de risco = Sim).
SET HAZARD ZONE=YES?
CHANGE
ACCEPT
5. Pressione
ACCEPT (Aceitar).
ZONE 1= 015-080
NEXT ITEM
CHANGE
6. Pressione MENUS até a tela exibir “XMT IN ZONES”
(Transmitir nas zonas).
XMT IN ZONES= NO
NEXT ITEM
CHANGE
33
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 3 - Configuração
7. Pressione CHANGE (Alterar) até a tela exibir “XMT
IN ZONES = YES” (Transmitir nas zonas = Sim).
XMT IN ZONES= YES?
CHANGE
ACCEPT
8. Pressione
ACCEPT (Aceitar).
WARNING: XMT ALLOWED
IN RF HAZARD ZONES
9. Pressione EXIT (Sair) para sair do menu.
34
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 3 - Configuração
Redefinição do sistema para as condições de fábrica
Siga as etapas abaixo para redefinir o sistema TracPhone para suas
configurações originais de fábrica.
CUIDADO
A redefinição do sistema apaga todas as zonas de risco de radiação
de RF. A antena poderá transmitir em qualquer direção até que as
zonas de risco da antena sejam reprogramadas.
1. Pressione MENUS até a tela exibir
“CONFIGURATION” (Configuração).
CONFIGURATION
NEXT MENU
ACCEPT
2. Pressione
ACCEPT (Aceitar).
BRIGHTNESS= HIGH
NEXT ITEM
CHANGE
3. Pressione MENUS até a tela exibir “FACTORY
RESET” (Redefinição das configurações da fábrica).
FACTORY RESET= NO
NEXT ITEM
CHANGE
35
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 3 - Configuração
4. Pressione CHANGE (Alterar) até a tela exibir
“FACTORY RESET = YES” (Redefinição das
configurações de fábrica = Sim).
FACTORY RESET= YES?
CHANGE
ACCEPT
5. Pressione
ACCEPT (Aceitar).
RESET TO FACTORY?
ACCEPT
EXIT
6. Pressione novamente
restaurar o sistema.
36
ACCEPT (Aceitar) para
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 3 - Configuração
Configuração do computador para mini-VSAT
Broadband
Siga as etapas abaixo para configurar o endereçamento DHCP do
computador, que permitirá que o computador se comunique com o
modem pela conexão Ethernet.
OBSERVAÇÃO: Caso deseje configurar uma conexão sem fio, primeiro
configure e teste uma conexão Ethernet com fio. Em seguida, compre um
ponto de acesso sem fio (WAP), conecte-o ao switch e siga as instruções de
configuração de conexão sem fio fornecidas com o WAP.
IMPORTANTE!
Se o sistema é instalado em uma embarcação de aço, a configuração
de uma conexão sem fio pode exigir um ponto de acesso sem fio
(WAP) e os serviços de um técnico com conhecimentos avançados
de rede.
IMPORTANTE!
Ao configurar uma rede sem fio, aplique as configurações de
segurança, como criptografia, para proteger a rede de intrusões
externas. Se a sua rede não estiver segura, estranhos dentro do
alcance da rede sem fio poderão utilizar sua conexão sem fio sem o
seu conhecimento.
O suporte técnico da KVH fornece apoio completo aos quatro sistemas
operacionais descritos aqui: Windows 7, Vista™, e XP, e Macintosh® OS X.
37
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 3 - Configuração
Windows 7 ou Vista
Siga as etapas abaixo para configurar um computador com Windows 7
ou Vista.
1. Na janela Painel de Controle do Windows, navegue
para a Central de Redes e Compartilhamento. Você
pode localizar o Painel de Controle pelo menu Iniciar ou em
“Meu Computador”.
2. Na janela Central de Redes e Compartilhamento, clique
duas vezes no link Conexão Local (Windows 7) ou no
link Exibir Status (Windows Vista) para a conexão
Ethernet que está sendo utilizada para mini-VSAT
Broadband.
Windows 7
Windows Vista
38
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 3 - Configuração
3. Na janela Status da Conexão Local, clique em
Propriedades. Se essa tela não aparecer, ignore a etapa 4.
4. Na janela Propriedades de Conexão Local, selecione a
guia Rede. Em seguida, selecione Protocolo IP Versão 4
e clique em Propriedades.
39
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 3 - Configuração
5. Na janela Propriedades do Protocolo de Internet,
selecione Obter um endereço IP automaticamente e
Obter o endereço dos servidores DNS
automaticamente. Em seguida, clique em OK.
6. Em Propriedades de Conexão Local, clique em OK.
40
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 3 - Configuração
Windows XP
Siga as etapas abaixo para configurar um computador com Windows XP.
1. Na janela Painel de Controle do Windows, clique duas
vezes no ícone Conexões de Rede. Você pode localizar o
Painel de Controle pelo menu Iniciar ou em “Meu
Computador”.
2. Na janela Conexões de Rede, clique duas vezes no ícone
Conexão Local para a conexão Ethernet que está sendo
utilizada para mini-VSAT Broadband.
3. Na janela Status da Conexão Local, selecione a guia
Geral. Em seguida, clique no botão Propriedades. Se
essa tela não aparecer, apenas ignore a etapa 4.
41
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 3 - Configuração
4. Na janela Propriedades de Conexão Local, selecione a
guia Geral. Em seguida, selecione Protocolo TCP/IP e
clique em Propriedades.
5. Na janela Propriedades do Internet Protocol (TCP/IP),
selecione a guia Geral. Selecione Obter um endereço IP
automaticamente e Obter o endereço dos servidores
DNS automaticamente. Em seguida, clique em OK.
42
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 3 - Configuração
6. Em Propriedades de Conexão Local, clique em OK.
7. Reinicie o computador.
43
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 3 - Configuração
Mac OS X
Siga as etapas abaixo para configurar um computador com Mac OS X.
1. Em Preferências de Sistema, clique no ícone Rede.
2. Na janela Rede, selecione o seguinte:
•
Exibir: Ethernet Integrada
•
Configurar: Como utilizar DHCP
•
Deixe todas as outras caixas em branco.
3. Clique em Aplicar Agora.
44
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 3 - Configuração
Solicitação de endereçamento IP estático
Mediante solicitação, a KVH pode habilitar o endereçamento de IP
estático para o seu sistema TracPhone V3 (uma taxa será cobrada). Com
um endereço IP estático atribuído a um sistema de computador a
bordo de uma embarcação, grupos em terra poderão acessar
diretamente o computador pela Internet.
IMPORTANTE!
Um endereço de IP estático fornece uma conexão aberta e não
protegida à Internet. No entanto, você deve apenas atribuir um
endereço de IP estático para um dispositivo seguro, como um
roteador com firewall.
Para solicitar um endereço de IP estático, preencha o formulário online
no website www.kvh.com/mvbservice. Certifique-se de ler todos os
detalhes deste formulário.
Quando seu endereço IP estático estiver estabelecido, a KVH enviará
um email contendo as informações do novo IP estático e as instruções
de configuração para o computador de bordo.
45
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
4. Solução de problemas
Este capítulo identifica os problemas básicos e suas possíveis causas e
resoluções. Também explica o que as luzes de status indicam, como
utilizar as funções de diagnóstico e como obter suporte técnico.
Sumário
Cinco verificações básicas ........................................................................... 49
Lâmpadas de status da unidade de controle ............................................... 51
Lâmpadas de status do modem ................................................................... 54
Mensagens de erro....................................................................................... 55
Solucionando um problema do serviço de voz............................................. 61
Visualização das informações de status do navegador da web................... 63
Visualização das informações de status da unidade de controle................. 71
Calibração do giroscópio da antena ............................................................. 78
Suporte técnico ............................................................................................ 80
47
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Cinco verificações básicas
Se você estiver tendo problemas no sistema TracPhone, primeiro
verifique as cinco coisas simples abaixo. Se nenhuma destas
verificações resolver o problema, entre em contato com o Suporte
técnico da KVH para assistência (consulte “Suporte técnico” na
página 80).
Verificação nº 1: Todas as lâmpadas da unidade de controle e do modem
estão verdes?
Existem três lâmpadas de status no painel frontal da unidade de
controle e uma lâmpada de status no modem. Se uma destas lâmpadas
não estiver verde, consulte “Lâmpadas de status da unidade de
controle” na página 51 e “Lâmpadas de status do modem” na
página 54 para obter indicações de falhas.
Verificação nº 2: A tela exibe alguma mensagem de erro do painel de
controle?
Se o painel de controle estiver exibindo uma mensagem de erro,
consulte “Mensagens de erro” na página 55 para obter as definições de
erros.
Verificação nº 3: A antena localizou o satélite?
Se a antena estiver buscando continuamente o satélite, verifique se não
existe um bloqueio na área ao redor da antena. A antena precisa de
uma visão desobstruída do céu para receber os sinais do satélite.
Causas comuns de bloqueio incluem edifícios, pontes, montanhas e
equipamentos ou estruturas a bordo. Você pode determinar a direção
para a qual a antena está apontando ao visualizar o status
“ANTENNA AZ/EL” na unidade de controle; consulte “Mensagens
de status da antena” na página 75. Caso não haja bloqueio, você pode
estar localizado fora da área de cobertura do serviço mini-VSAT
Broadband (para detalhes, visite www.kvh.com/minivsatmap).
Verificação nº 4: Todos os componentes do sistema estão ligados e
conectados corretamente?
Certifique-se de que todos os componentes do sistema estejam
energizados, incluindo o modem, unidade de controle, switch e MTA.
Certifique-se também de que todos os cabos de interconexão estejam
encaixados firmemente.
49
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Verificação nº 5: Se você não conseguir conectar por uma rede sem fio, a
conexão por fio irá funcionar?
Se você possui uma rede sem fio a bordo, mas não consegue conectarse à Internet enquanto o sistema TracPhone está online, conecte o
computador diretamente no switch por meio de um cabo Ethernet
direto (não um cruzado) e reinicie o computador. Se conseguir acessar
a Internet, existe um problema na rede sem fio.
50
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Lâmpadas de status da unidade de controle
As três lâmpadas de status do painel frontal da unidade de controle
indicam o status atual do sistema e podem ajudar a identificar
rapidamente os problemas.
Figura 4-1 Lâmpadas de status da unidade de controle
Durante a operação normal, todas as três lâmpadas devem estar
verdes. A tabela a seguir explica qual condição é indicada por cada
diferente cor de lâmpada.
51
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Lâmpada da UNIDADE DE CONTROLE
A tabela abaixo explica o que indicam as lâmpadas da UNIDADE DE
CONTROLE.
A lâmpada
está…
Indica
Descrição
Desligada
Desligada
A unidade de controle está desligada
ou não está recebendo energia.
Verde
OK
Bom fornecimento de energia, a
unidade de controle está operacional.
Laranja
Falha na
energia
Circuito de alimentação de energia
com problema no interior da
unidade de controle.
Vermelha
Falha
Erro detectado durante o teste
automático da unidade de controle;
tente desligar a unidade e depois
religue novamente.
Lâmpadas da ANTENA
A tabela abaixo explica o que indicam as lâmpadas da ANTENA.
52
A lâmpada
está…
Indica
Descrição
Desligada
Desligada
Não está chegando energia na
antena.
Verde
Tracking
(Rastreando)
A antena está rastreando um satélite.
Verde,
piscando
Searching
(Buscando)
A antena está buscando um satélite,
ou o modem está inicializando.
Vermelha
Falha
Erro detectado; veja a mensagem de
erro na tela.
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Lâmpadas do MODEM
A tabela abaixo explica o que indicam as lâmpadas do MODEM.
A lâmpada
está…
Indica
Descrição
Desligada
Desligada
O modem está desligado ou
inicializando.
Verde
Online
O modem está online e conectado
ao serviço mini-VSAT Broadband.
Verde,
piscando
Comunicações
OK
O modem está se comunicando
com a antena, mas ainda não está
online
Laranja
Falha
Erro detectado; veja a mensagem
de erro na tela.
Vermelha
Sem
comunicações
A unidade de controle perdeu a
comunicação com o modem;
verifique a fiação.
53
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Lâmpadas de status do modem
Uma lâmpada de status no painel frontal do modem indica o status
atual do sistema e pode ajudar a identificar problemas.
Figura 4-2 Lâmpadas de status do modem
STATUS
Durante a operação normal, a lâmpada de status deve estar verde. A
tabela a seguir explica qual condição é indicada por cada diferente cor
de lâmpada.
54
A lâmpada
está…
Indica
Descrição
Desligada
Desligada
O modem está desligado ou
inicializando.
Verde
Online
O modem está conectado ao serviço
mini-VSAT Broadband.
Verde,
piscando
Transmitindo
O modem está transmitindo dados
ou se conectando ao serviço miniVSAT Broadband.
Laranja,
piscando
Logging In
(Conectando)
O modem está se conectando ao
serviço mini-VSAT Broadband.
Vermelha
Searching
(Buscando)
ou Falha
A antena está buscando o satélite de
serviço, ou erro detectado no modem;
se a antena está rastreando o satélite
de serviço, tente desligar e religar o
modem.
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Mensagens de erro
A tabela abaixo exibe a lista de mensagens de erro que podem aparecer
na tela da unidade de controle para indicar um problema no sistema.
Muitas dessas falhas devem apenas ser consertadas por um técnico
certificado da KVH; contate o Suporte técnico da KVH para assistência
(consulte “Suporte técnico” na página 80).
Mensagem de erro
CABLE UNWRAP
PLEASE WAIT
ERROR:
ANTENNA AZ ASSEMBLY
ERROR:
ANTENNA COMM FAILURE
ERROR:
ANTENNA EL ASSEMBLY
ERROR:
ANTENNA OVERTEMP
Descrição
A antena está desenrolando o
cabo interno; aguarde 30
segundos.
Falha no motor de azimute da
antena ou no comutador de
limitação. Contate o suporte
técnico da KVH.
A unidade de controle perdeu a
comunicação com a antena.
Verifique a fiação e tente desligar
e religar a unidade de controle e o
modem. Se o erro continuar, entre
em contato com o Suporte técnico
da KVH.
Falha no motor de elevação da
antena ou no comutador de
limitação. Contate o suporte
técnico da KVH.
A antena está desativada porque a
temperatura ultrapassou 85ºC.
Desligue o sistema para permitir
que esfrie.
ERROR:
ANTENNA POWER OPEN
Existe um circuito aberto no cabo
de dados/energia da antena.
Verifique o cabo.
ERROR:
ANTENNA POWER SHORT
Existe um curto circuito no cabo
de dados/energia da antena.
Verifique o cabo.
55
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Mensagem de erro
ERROR:
ANTENNA POWER SUPPLY
ERROR:
ANTENNA SKEW ASSMBLY
ERROR:
BUC POWER OPEN
ERROR:
BUC POWER SHORT
ERROR:
CTRL UNIT OVERTEMP
ERROR:
CTRL UNIT PWR SUPPLY
56
Descrição
O circuito de alimentação de
energia da antena deve ter
falhado. Contate o suporte técnico
da KVH.
Falha no motor de distorção ou no
comutador de limitação da
antena. Contate o suporte técnico
da KVH.
Existe um circuito aberto no cabo
de energia do BUC (entre a
unidade de controle e o modem)
ou no cabo de transmissão (TX) de
RF. Verifique os cabos.
Existe um curto circuito no cabo
de energia do BUC (entre a
unidade de controle e o modem)
ou no cabo de transmissão (TX) de
RF. Verifique os cabos.
A unidade de controle parou de
fornecer energia à antena e ao
BUC porque a temperatura
ultrapassou 85ºC. Desligue o
sistema para permitir que esfrie.
Você precisa reposicionar a
unidade em uma área com melhor
ventilação.
A unidade de controle não está
fornecendo energia suficiente
para a antena. Contate o suporte
técnico da KVH.
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Mensagem de erro
ERROR:
GPS FAILURE
ERROR:
GYRO BIAS ERROR
ERROR:
MODEM COMM FAILURE
ERROR:
MODEM RSSI FAILURE
ERROR:
NO LNB POWER
Descrição
O GPS não está se comunicando
com a unidade de controle. Tente
desligar e religar a unidade de
controle. Verifique também a
fiação do terminal no painel
posterior da unidade de controle.
Se o erro persistir, pode ser
necessário substituir o módulo
GPS dentro da antena. Contate o
suporte técnico da KVH.
Um dos giroscópios da antena
está descalibrado. Tente recalibrar
os giroscópios (consulte
“Calibrando o giroscópio da
antena” na página 78). Se um
giroscópio falhar na calibração,
contate o Suporte técnico da KVH.
O giroscópio talvez precise ser
substituído.
A unidade de controle perdeu a
comunicação com o modem.
Verifique se o modem está ligado
e os cabos de interconexão. Você
também pode tentar desligar e
religar o modem. Se o erro
continuar, entre em contato com o
Suporte técnico da KVH.
O modem não está fornecendo
dados da intensidade de sinal do
satélite para a unidade de
controle. Tente desligar e religar o
modem. Se o erro continuar, entre
em contato com o Suporte técnico
da KVH.
O LNB (low noise block - bloqueio
de ruídos baixos) da antena não
está recebendo de 12 a 18 VDC da
porta “Rx RF” do modem.
Verifique se o modem está ligado
e o cabo RX RF.
57
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Mensagem de erro
ERROR:
RF RSSI FAILURE
ERROR:
RF SOFTWARE FAILURE
OFFLINE
OUTSIDE COVERAGE
RF RADIATION HAZARD!
TRANSMIT INHIBITED
TRANSMIT INHIBITED
BY CTRL UNIT
58
Descrição
A unidade de controle não está
encaminhando dados da
intensidade de sinal do satélite
para a antena. Tente desligar e
religar a unidade de controle e o
modem. Se o erro continuar, entre
em contato com o Suporte técnico
da KVH.
O software de RF da antena pode
estar corrompido. Verifique a
fiação e tente desligar e religar a
unidade de controle e o modem.
Se o erro continuar, entre em
contato com o Suporte técnico da
KVH.
A embarcação está localizada fora
da área de cobertura do miniVSAT Broadband, onde o serviço
fica indisponível (ou você está
localizado dentro de uma área
governamental restrita). O
serviço voltará a funcionar assim
que você retornar para a área de
cobertura.
A antena está apontando para
uma das áreas programadas de
zona de risco de radiação de RF.
Consulte “Configuração das
zonas de risco de radiação de RF”
na página 26 para obter mais
detalhes.
O transmissor está desativado
temporariamente devido às
severas condições marítimas ou a
vibração excessiva.
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Mensagem de erro
WAITING FOR GPS
WARNING:
MODEM LAN LINK DOWN
WARNING:
MODEM OVERTEMP
Descrição
O sistema ainda não está
recebendo dados válidos de
posição do GPS. Pode levar
alguns minutos para o GPS
conseguir uma localização
precisa. Se esta mensagem não
desaparecer, verifique se não há
um bloqueio na antena e
certifique-se de que a cúpula da
antena esteja livre de sujeira.
Verifique também se não há
antenas de rádio ou radares
próximos, cuja energia
radiofrequência possa interferir
com a recepção GPS. Você
também pode tentar desligar e
religar a unidade de controle.
O modem não detecta a rede local
(LAN) na porta “User Enet”.
Certifique-se de que o switch
esteja conectado ao modem por
um cabo direto e não um cabo
cruzado.
O modem foi desativado porque a
temperatura ultrapassou 85ºC.
Escute a ventoinha dentro do
modem. Se você não escutar o
barulho da ventoinha, entre em
contato com o Suporte técnico da
KVH. Se você escutar a ventoinha,
desligue o sistema, deixe que
esfrie e limpe as aberturas de
ventilação do modem. Você pode
precisar também reposicionar a
unidade em uma área com melhor
ventilação.
59
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Mensagem de erro
WARNING:
NO SERVICE SAT INFO
WARNING:
OUTSIDE COVERAGE
60
Descrição
O modem está se comunicando
bem com a unidade de controle,
mas não está fornecendo dados
para identificar o satélite de
serviço. Aguarde alguns minutos,
e tente desligar e religar o
modem. Se o aviso continuar,
entre em contato com o Suporte
técnico da KVH.
A embarcação está localizada fora
da área de cobertura do miniVSAT Broadband, onde o serviço
fica indisponível (ou você está
localizado dentro de uma área
governamental restrita). O
serviço voltará a funcionar assim
que você retornar para a área de
cobertura.
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Solucionando um problema do serviço de voz
Se você conseguir acessar a Internet pelo sistema TracPhone, mas não
conseguir realizar uma chamada de voz, siga as cinco etapas simples
abaixo.
Etapa nº 1: Certifique-se de estar discando o número correto
Conforme explicado em “Como fazer uma chamada de voz” na
página 17, se você não estiver ligando para o país que está configurado
como plano de discagem do MTA, você precisa discar o(s) prefixo(s)
internacional(ais) adequado(s) além do número de telefone local para
completar a conexão. Por exemplo, se seu MTA está configurado para
um plano de discagem nos Estados Unidos (configuração padrão) e você
está ligando para um número fora dos Estados Unidos, você precisa
discar 011 + o código do país + o código de área/cidade + o número de
telefone local.
Etapa nº 2: Reinicie o MTA
Pode ser que o MTA precise fazer o download de um arquivo
atualizado de configurações da rede de voz. Desconecte o cabo de
alimentação de energia do MTA. Aguarde 10 segundos, em seguida,
reconecte o cabo e aguarde o dispositivo inicializar (pode levar até 15
minutos para o MTA fazer o download do arquivo de configuração).
Assim que a luz “VOIP” do MTA ficar verde, tente novamente fazer
sua chamada.
Etapa nº 3: Verifique se o MTA obteve um endereço IP
O MTA deve receber um endereço IP do modem para possibilitar a
conexão de voz. Pegue o fone de qualquer telefone conectado ao MTA
e pressione ***1 no teclado. Se você escutar “0.0.0.0” no fone, o MTA
não recebeu um endereço IP válido. Entre em contato com o suporte
técnico da KVH para obter ajuda (consulte “Suporte técnico” na
página 80).
Etapa nº 4: Conecte um telefone diferente
Desconecte o telefone do MTA e conecte outro telefone em seu lugar
(utilize um telefone que você saiba que está funcionando). Se agora
você conseguir fazer a chamada com o novo telefone, o telefone
anterior está com defeito.
61
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Etapa nº 5: Verifique se o telefone está conectado corretamente
Certifique-se de que seu telefone esteja conectado ao conector RJ11
“PHONE 1” (Telefone 1) no MTA (não no conector “PHONE 2”
(Telefone 2)). Verifique também se o MTA está conectado na fonte de
alimentação AC e se toda a fiação do sistema está correta.
62
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Visualização das informações de status do navegador
da web
As informações completas do status do sistema estão disponíveis pela
interface da web do modem. Simplesmente abra o navegador em
qualquer computador da rede e digite o seguinte endereço:
http://192.168.0.1
Se o modem estiver conectado e funcionando adequadamente, uma
página de status geral será exibida no navegador.
63
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Figura 4-3 Página de status geral na interface do modem
64
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Status geral: Login
A seção Login fornece as seguintes informações úteis:
Status Field (Campo de status)
Descrição
Terminal ID (ID do terminal)
Dois últimos octetos do endereço
de IP do satélite externo do
modem: 10.61.x.x; sua identidade
na rede mini-VSAT Broadband
Login State (Estado do login)
Status do login da rede:
• Logged In (Conectado) – o
modem está conectado na rede
• Logged out (Desconectado) – o
modem está desconectado da
rede; nenhum tráfego de
usuário não irá passar
• Waiting (Aguardando) – o
modem está tentando conectar;
aguardando resposta do hub
State (Estado)
Estado operacional do modem;
deve ser “Transmit Enabled”
(Transmissão ativada) quando a
antena está rastreando o satélite
de serviço
Login State Time (Hora do
estado do login)
(days:hours:minutes:seconds)
(dias:horas:minutos:segundos)
Duration of the current Login
State (Duração do estado de login
atual)
Last Login (Último login)
Data/hora do último login bem
sucedido do modem na rede
Terminal Uptime (Tempo de
atividade do terminal)
(days:hours:minutes:seconds)
(dias:horas:minutos:segundos)
Duração do tempo que o modem
esteve em operação*
Attempted Logins (Tentativas
de login)
Número de vezes que o modem
tentou se conectar à rede*
Successful Logins (Logins
bem sucedidos)
Número de vezes que o modem
conectou à rede*
65
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Status Field (Campo de status)
Descrição
BB Messages Rx (Mensagem
recebida de Bulletin Board)
Número de mensagens de
bulletin board recebidas do hub*,
deve aumentar de forma contínua
enquanto conectado
Serial Number (Número de
série)
Número de série do modem
Versão do software
Versão do software do modem
*Desde a última reinicialização do modem
Status geral: Forward Link (Link de encaminhamento)
“Forward Link” (Link de encaminhamento) se refere ao caminho de
comunicações do hub de serviço à sua embarcação (downloads). A
seção “Forward Link” (Link de encaminhamento) fornece as seguintes
informações úteis:
66
Status Field (Campo de status)
Descrição
Eb/No
Qualidade do sinal recebido; deve
ser pelo menos 2dB; “No Lock”
(Sem trava) indica bloqueio no
satélite ou que a antena está
buscando um satélite
FL State (Estado FL)
Deve ser “Locked” (Travado) e
verde enquanto o modem estiver
conectado
FLR Packets Rx (Pacotes FLR
recebidos)
Número de pacotes de dados
recebidos; deve aumentar de
forma contínua enquanto
conectado
Perdido (CRC)
Pacotes de dados perdidos devido
a erros; não deve aumentar em
grandes números
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Status geral: Return Link (Link de retorno)
“Return Link” (Link de retorno) se refere ao caminho de comunicações
da sua embarcação ao hub de serviço (uploads). A seção “Return
Link” (Link de retorno) fornece as seguintes informações úteis:
Status Field (Campo de status)
Descrição
Tx Disable (Tx Desativado)
Deve estar “Off” (desligado) e
verde enquanto rastreando o
satélite de serviço, “On”(Ligado)
e vermelho quando apontando
dentro de uma zona de risco de
RF configurada
Data Rate (Taxa de dados)
Taxa na qual o modem é capaz de
transmitir dados; não indica a real
taxa de dados suportada pelo seu
plano de serviço
Attenuation (Atenuação)
Definida pelo hub; quanto menor
o número, maior a potência de
transmissão da sua antena;
geralmente entre 5-32 dB
IP Packets Tx (Pacotes de IP
transmitidos)
Número de pacotes de dados
transmitidos pelo modem
Status geral: Positional (Posicional)
A seção Positional (Posicional) fornece as seguintes informações úteis:
Status Field (Campo de status)
Descrição
Latitude, Longitude
Posição da sua embarcação
relatada pelo GPS da antena.
Longitude do satélite
Latitude (entrada orbital) do atual
satélite de serviço
67
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
68
Status Field (Campo de status)
Descrição
Satellite Handoff Status
(Status de transferência do
satélite)
Disponibilidade de um satélite
adjacente para cobertura
continuada:
• Handoff satellite available
(Satélite de transferência
disponível) – Na posição de sua
embarcação, a área de cobertura
(zona de projeção) de outro
satélite sobrepõem a zona de
projeção de seu satélite atual
• No satellite available (Nenhum
satélite disponível) – Não há
satélites adjacentes; a cobertura
será perdida quando você viajar
para fora da área de projeção do
satélite atual
Satellite Handoff Distance
(Distância do satélite de
transferência)
Número de milhas entre a posição
da sua embarcação e o limite mais
próximo da zona de projeção do
seu satélite atual (este limite pode
não estar localizado junto da direção
em que você viaja)
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Status geral: Hardware
A seção Hardware fornece as seguintes informações úteis:
Status Field (Campo de status)
Descrição
ACU State (Estado ACU)
Estado da antena/unidade de
controle (ACU):
• Offline – Antena/unidade de
controle não está se
comunicando com o modem
• Signal Acquisition (Aquisição
de sinal) - A antena está
procurando o satélite
• Online Tx Inhibit (TX inibido
online) – A antena está
rastreando o satélite de serviço,
mas a transmissão está inibida
devido a uma zona de risco de
RF ou à localização dentro de
uma área restrita
• Online Tx – A antena está
rastreando o satélite de serviço
e com permissão para
transmitir
ACU Status
Monitor de radioproteção da
antena/unidade de controle;
todos os LEDs devem estar verde;
se algum LED estiver vermelho,
passe o mouse sobre ele para
identificar a falha
Chassis Temperature
(Temperatura do chassis)
Temperatura interna do chassis
do modem (em ºC)
TXR Fan Speed (Velocidade
da ventoinha TXR)
Velocidade rotacional atual (rpm)
da ventoinha de resfriamento do
modem; 0 rpm indica uma falha
na ventoinha
69
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Números de série da antena e unidade de controle
Enquanto o número de série do modem é fornecido na página Status
geral, os números de série da antena e unidade de controle (ACU)
podem ser encontrados na página ACU Status (clique no link “ACU/
Antenna” (ACU/Antena) na barra lateral).
Figura 4-4 Página ACU Status
OBSERVAÇÃO: A página Status geral fornece todas as informações de
status que você pode precisar saber, além dos dois números de série
mencionados acima. Todas as outras páginas de status fornecem informações
bastante detalhadas e avançadas que somente o Suporte técnico da KVH pode
usar para solucionar problemas.
70
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Visualização das informações de status da unidade de
controle
Se você não conseguir visualizar as telas de informações de status pela
interface web do modem, também poderá visualizar as informações de
status do sistema na tela da unidade de controle. Você pode selecionar
as informações de status da antena ou do modem a partir do menu
principal.
Informações de status do modem
1. Pressione MENUS até a tela exibir “MODEM
STATUS” (Status do modem).
MODEM STATUS
NEXT MENU
ACCEPT
2. Pressione ACCEPT (Aceitar) para visualizar as telas
de status do modem.
PRESS
TO VIEW
EACH MODEM ITEM
MODEM STATE
ONLINE
3. Pressione MENUS para avançar pelas mensagens de
status. Pressione CHANGE (Alterar) para voltar na
tela anterior. Ao terminar de revisar as mensagens de
status, pressione EXIT (Sair).
71
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Mensagens de status do modem
A tabela abaixo exibe uma lista de todas as mensagens de status do
modem.
Mensagem de status
MODEM STATE
ONLINE
ETHERNET LAN STATUS
LINK OK
SERVICE SATELLITE
72.5W
DOWNLINK FREQUENCY
11.840 GHZ
DOWNLNK POLARIZATION
HORIZONTAL
EB/NO
08.6 dB
72
Descrição
Status geral do modem:
• Online - O modem está
conectado ao serviço miniVSAT Broadband.
• Offline - O modem não está
conectado ao serviço.
• Initializing (Inicializando).
• Attempting Login (Tentando
fazer login).
• Waiting for Hub Comm
(Aguardando comunicação do
hub).
• Transmit Disabled
(Transmissão desativada).
O status da conexão de rede local
Ethernet (LAN):
• Link OK
• Link Down (Sem link).
Satélite atualmente selecionado
para o serviço mini-VSAT
Broadband.
Frequência do downlink do
satélite (em GHz).
Polarização do downlink do
satélite:
• Horizontal Linear (Linear
horizontal)
• Vertical Linear (Linear vertical)
Qualidade do sinal recebido;
Eb/No = Potência de energia por
bit/ruído por Hertz; deve ser
maior que 2 dB para a operação.
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Mensagem de status
MODEM SATELLITE IP
10.61.4.9
MODEM LAN IP
192.168.0.1
MODEM SUBNET MASK
255.255.255.0
MODEM DHCP STATUS
ENABLED
MODEM TEMPERATURE
50C
MODEM SERIAL #
4:63
MODEM SW VERSION
3214
Descrição
Endereço IP externo do modem;
identifica o modem na rede miniVSAT Broadband (10.61.4.0 –
10.61.7.255).
Endereço IP local do modem na
LAN da embarcação.
Sub-máscara de rede da LAN da
embarcação que está conectado ao
modem.
Status do servidor DHCP do
modem:
• Enabled (Ativo) – O modem
está atribuindo endereços IP
para os clientes da LAN.
• Disabled (Inativo) – Os
endereços IP devem ser
atribuídos manualmente para
cada cliente da LAN.
Temperatura do chassis do
modem.
Número de série do modem.
Versão do software do modem.
73
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Informações de status da antena
1. Pressione MENUS até a tela exibir “ANTENNA
STATUS” (Status da antena).
ANTENNA STATUS
NEXT MENU
ACCEPT
2. Pressione ACCEPT (Aceitar) para visualizar as telas
de status da antena.
PRESS
TO VIEW
EACH ANTENNA ITEM
ANTENNA STATE
TRACKING
3. Pressione MENUS para avançar pelas mensagens de
status. Pressione CHANGE (Alterar) para voltar na
tela anterior. Ao terminar de revisar as mensagens de
status, pressione EXIT (Sair).
74
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Mensagens de status da antena
A tabela abaixo exibe uma lista de todas as mensagens de status.
Mensagem de status
ANTENNA STATE
TRACKING
CURRENT SATELLITE
72.5W
ANTENNA AZ/EL
AZ:229.1, EL:79.8
ANTENNA SKEW
-68.4
TRUE HEADING
NOT AVAILABLE
GPS STATUS
41.5198N, 123.5817W
RF HAZARD ZONE 1
335-025
Descrição
Status geral da antena:
• Tracking (Rastreando)
• Searching (Buscando)
• Initializing (Inicializando)
• Waiting for Modem
(Aguardando o modem)
• Cable Unwrap (Desenrolando o
cabo) - Desenrolando o cabo
interno; o cabo pode ter
enrolado até 720º
• Idle (Em espera)
• Error (Erro)
O satélite que o modem
selecionou para rastreamento
Azimute e elevação na qual a
antena está apontando, em
relação à seta “Forward” (Frente)
da antena (proa)
Ângulo de distorção do LNB da
antena
Não se aplica aos sistemas
TracPhone V3
Status do GPS da antena:
• Position data (Dados de
posição) - Latitude/longitude
informados pelo GPS
• Acquiring (Obtendo)
• Comm Failure (Falha de
comunicação)
Configuração atual para a zona de
risco de RF nº 1
75
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Mensagem de status
RF HAZARD ZONE 2
225-265
XMT IN ZONES
NO
Configuração atual para a zona de
risco de RF nº 2
Configuração atual para XMT nas
zonas:
• No (Não) – A transmissão está
desativada caso a antena
aponte para dentro da zona
• Yes (Sim) – Transmissão sem
restrições
ANTENNA DC INPUT
41.2 VDC
Voltagem DC na placa de circuito
da antena; deve ser acima de 39
VDC
CTRL UNIT DC INPUT
13.4 VDC
Voltagem DC no fornecimento de
energia da unidade de controle;
deve ser acima de 12,5 VDC
BUC POWER ON
21.4 VDC
ANTENNA MODEL
TRACPHONE V3
ANTENNA SERIAL #
070901234
ANTENNA MAIN BOARD
SW VERSION 2.34
ANTENNA RF BOARD
SW VERSION 1.23
76
Descrição
Status da energia do BUC
(transmissão) da antena:
• On (Ligado) – A energia do
BUC está sendo fornecida;
também informa a medida
atual de energia
• Off (Desligado) – A energia do
BUC está desligada
Deve ser acima de 20 VDC
Modelo da antena
Número de série da antena
Versão do software principal
Versão do software de RF
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Mensagem de status
ANTENNA AZ/EL MOTOR
SW VERSION 1.28
ANTENNA SKEW MOTOR
SW VERSION 1.04
CTRL UNIT SERIAL #
070902147
CTRL UNIT
SW VERSION 2.14
Descrição
Versão do software do motor de
azimute/elevação
Versão do software do motor de
distorção
Número de série da unidade de
controle
Versão do software da unidade de
controle
77
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Calibrando o giroscópio da antena
Os giroscópios da antena do TracPhone medem continuamente o
movimento da embarcação e enviam estes dados para o circuito do
motor da antena para manter a antena apontada para o satélite. Na
fábrica, cada giroscópio da antena é calibrado com precisão para
trabalhar com a placa de circuitos da antena. Entretanto, se for
necessário substituir um giroscópio ou a placa de circuitos, você
precisará recalibrar os giroscópios para a nova peça.
IMPORTANTE!
Execute a calibragem somente sob orientação do Suporte técnico
da KVH e somente se a embarcação estiver completamente parada.
A calibração incorreta do giroscópio pode reduzir o desempenho
da antena.
Siga as etapas abaixo para calibrar o giroscópio.
1. Pressione MENUS até a tela exibir “DIAGNOSTICS”
(Diagnóstico).
DIAGNOSTICS
NEXT MENU
ACCEPT
2. Pressione ACCEPT (Aceitar) para entrar no menu
Diagnóstico.
ENTERING DIAGNOSTICS
CAL GYRO= NO
NEXT ITEM
78
CHANGE
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
3. Pressione CHANGE (Alterar) até a tela exibir “CAL
GYRO = YES” (Calibragem do giroscópio = Sim).
CAL GYRO= YES?
CHANGE
ACCEPT
4. Pressione ACCEPT (Aceitar) para iniciar a calibração
do giroscópio.
DO NOT MOVE VESSEL
DURING CALIBRATION
CALIBRATING GYROS
AZ:
EL:
SKEW:
5. Verifique se os giroscópios do azimute (AZ), elevação
(EL) e distorção passaram no teste (“P”). Se algum
giroscópio falhar (“F”), faça novamente a calibração. Se
a falha persistir, procure ajuda do suporte técnico
(consulte “Suporte técnico” na página 80).
CALIBRATING GYROS
AZ:P EL:P SKEW:P
6. Depois que os giroscópios forem calibrados, a antena
reinicializará. Aguarde 5 minutos para a inicialização
do sistema.
79
Guia do usuário do TracPhone V3
Capítulo 4 - Solução de problemas
Suporte técnico
O sistema TracPhone V3 é um sofisticado dispositivo eletrônico;
somente técnicos certificados da KVH especialmente treinados
possuem as ferramentas e conhecimento necessário para diagnosticar
e reparar um defeito no sistema. Portanto, caso experimente um
problema operacional ou necessite de assistência técnica, entre em
contato com o Suporte técnico da KVH (atendimento 24 horas):
Nos Estados Unidos:
Telefone: 1 866 701-7103 (por linha
fixa)
E-mail: [email protected]
América do Norte ou do Sul,
Austrália:
Telefone: +1 401 851-3806
E-mail: [email protected]
Europa, Oriente Médio, Ásia,
África:
Telefone: +45 45 160 180
E-mail: [email protected]
Tenha em mãos os números de série do sistema antes de efetuar a
ligação. Você pode obter os números de série a partir dos menus
Modem Status (Status do modem) e Antenna Status (Status da antena)
da unidade de controle.
80
Guia do usuário do TracPhone V3
Apêndice A - Diagrama de fiação
Apêndice A
Diagrama de fiação
Este apêndice fornece um diagrama do sistema de fiação. Para obter
instruções detalhadas sobre a instalação, consulte o Guia de instalação.
Sumário
Diagrama de fiação ......................................................... 83
81
Guia do usuário do TracPhone V3
Apêndice A - Diagrama de fiação
Diagrama de fiação
Antena
Conector de terminal
1
MRx
2
3
4
5
6
7
8
9
10 11 12
Energia/Dados
MTx
Vermelho
Preto
N/C
N/C
Branco/Cinza
Cinza/Branco
Branco/Laranja
Laranja/Branco
Branco/Marrom
Marrom/Branco
Branco/Azul
Azul/Branco
Unidade de controle
Energia
Modem
J1
AC PWR
J3
Rx RF
J2
Tx RF
MODEL: VMBR-1510 ArcLight
PART: 1234567 REV XXX
SERIAL: XX-XXXXXX
CAGE CODE: 12345
J6
BUC PWR
J5
CONSOLE
J4
ACU
J8
USER
ENET
CAUTION
J7
ACU
ENET
NO OPERATOR
SERVICEABLE
PARTS INSIDE,
DO NOT OPEN
Energia
Não Utilizado
Interruptor
PC
portátil
8
7
6
5
4
3
2
1
+
Energia
POE
MTA
48V
Telefone
analógico
Energia
12V DC
RSTR
WAN
LAN
PHONE 2
PHONE 1
Não Utilizado
83
Guia do usuário do TracPhone V3
Apêndice B - Guia de referência rápida de menus
Apêndice B
Guia de referência rápida
de menus
Este apêndice fornece um guia de referência rápida para os menus da
unidade de controle.
Sumário
Guia de referência rápida de menus ............................... 87
85
ACCEPT
DIAGNOSTICS
NEXT MENU
ACCEPT
CONFIGURATION
NEXT MENU
ACCEPT
ANTENNA STATUS
NEXT MENU
ACCEPT
MODEM STATUS
NEXT MENU
CAL GYRO= NO
NEXT ITEM
CHANGE
FACTORY RESET= NO
NEXT ITEM
CHANGE
DVB ASSIST= OFF
NEXT ITEM
CHANGE
SET HAZARD ZONE= NO
NEXT ITEM
CHANGE
BRIGHTNESS= HIGH
NEXT ITEM
CHANGE
PRESS
TO VIEW
EACH ANTENNA ITEM
PRESS
TO VIEW
EACH MODEM ITEM
Menu principal
MODEM STATE
ONLINE
CAL GYRO= YES?
CHANGE
ACCEPT
Retornar o sistema ao
padrão de fábrica
FACTORY RESET= YES?
CHANGE
ACCEPT
Calibrar os giroscópios
da antena
Status da Ethernet LAN
Satélite de Serviço
Frequência do downlink
ANTENNA STATE
Polarização do downlink
TRACKING
Eb/No
IP do modem para o satélite
Satélite atual
IP do Modem da LAN
AZ/EL da antena
Máscara de Sub-rede
Distorção da antena
do Modem
Curso real (N/A)
Status de DHCP do Modem
Status do GPS
BRIGHTNESS= MEDIUM?
Zona de risco de RF 1 Temperatura do modem
CHANGE
ACCEPT
Zona de risco de RF 2 Número de série do modem
Versão de SW do modem
XMT nas Zonas
Ajustar Brilho do LCD
Entrada de CC da Antena
Unidade de Ctrl da Entrada de CC
SET HAZARD ZONE=YES?
Controle Energia BUC
CHANGE
ACCEPT
Modelo da antena
Definir 2 zonas de risco e Número de série da antena
restringir/permitir a
SW da placa mãe da antena
transmissão
SW da placa de RF da antena
NÃO UTILIZADO
SW do motor de AZ/EL da antena
SW do motor de distorção da antena
Número de série da unidade de controle
SW da unidade de controle
Pressione xEXIT a qualquer momento para sair do menu
Guia do usuário do TracPhone V3
Apêndice B - Guia de referência rápida de menus
Guia de referência rápida de menus
87
Guia do usuário do TracPhone V3
Apêndice C - Glossário
Apêndice C
Glossário
Este apêndice fornece um glossário de termos técnicos usando neste
manual.
Sumário
Glossário.......................................................................... 89
87
Guia do usuário do TracPhone V3
Apêndice C - Glossário
Glossário
10BaseT
Padrão Ethernet utilizando cabeamento de par trançado (como CAT5).
Suporta uma taxa máxima de dados de 10 Mbps.
100BaseT
Padrão Ethernet rápido utilizando cabeamento de par trançado (como
CAT5). Suporta uma taxa máxima de dados de 100 Mbps.
802.11
Padrão de comunicações de rede sem fio comumente usado em LANs.
AC
Corrente alternada.
AGC
Controle automático de ganho. Função que automaticamente aumenta
o ganho de um sinal recebido, conforme necessário, para manter um
nível constante de saída. Indica o nível de RF.
AZ
Ângulo azimute. Direção horizontal na qual a antena aponta.
Banda Ku
Faixa de freqüências de 10,7 GHz a 18 GHz.
Banda L
Faixa de freqüências de 950 MHz a 2.150 MHz.
bps
Bits por segundo.
BUC
Block Up-Converter (Conversor de bloqueio). Dispositivo que
converte o sinal intermediário de freqüência do modem para uma
freqüência na banda Ku e o amplifica para transmissão.
89
Guia do usuário do TracPhone V3
Apêndice C - Glossário
Bulletin Board
Comunicação do hub para todos os terminais em sua rede.
Cabo cruzado
Cabo no qual os pinos são revertidos de uma extremidade a outra.
Usado para conectar dois computadores simultaneamente sem usar
um hub Ethernet.
Cabo Direto
Cabo no qual os pinos em uma extremidade correspondem aos pinos
da outra extremidade.
CAT5
Categoria de cabo de par trançado com uma taxa máxima de dados de
1.000 Mbps.
Chassis
O gabinete externo de um dispositivo eletrônico.
Codificação
Como se aplica a WiFi, codificação de um sinal sem fim para protegêlo de recepção não autorizada.
Data Rate (Taxa de dados)
Velocidade na qual um caminho de comunicação pode transferir
informações, normalmente medida em bits por segundo (bps).
dB
Decibel. Relação de um nível de potência para o outro.
DC
Corrente direta.
DHCP
Dynamic Host Configuration Protocol (Protocolo de configuração
dinâmica do computador principal (host)). Protocolo de IP que
permite que um servidor atribua automaticamente as informações de
endereçamento de IP para um computador ou dispositivo em rede.
90
Guia do usuário do TracPhone V3
Apêndice C - Glossário
Distorção
Ângulo de ajuste para orientar um LNB com um sinal de satélite
polarizado de forma linear.
DNS
Domain Name Service (Serviço de nome de domínio). Serviço de IP
que traduz os nomes de domínio (como “www.kvh.com”) em
endereço de IP (como “63.105.58.10”).
Downlink
Caminho de comunicação do satélite para a antena.
DVB
Projeto Digital Video Broadcasting (Transmissão digital de vídeo)
Padrão global de transmissões digitais.
Eb/No
Relação de Energia por bit para Densidade espectral de potência de
ruído, indicando a qualidade geral de um sinal recebido.
EIRP
Effective Isotropic Radiated Power (Potência irradiada isotrópica
efetiva), medida em dBW.
EL
Ângulo de elevação. Direção vertical na qual a antena aponta.
Endereço de IP
Identificador de rede exclusivo atribuído a um único computador ou
dispositivo em uma rede. Consiste de quatro números de oito bits,
cada entre 0 e 255 (por exemplo, “195.172.7.2”).
Endereço MAC
Endereço de controle de acesso à mídia (media access control).
Identificador de seis bytes exclusivo de hardware atribuído a toda
placa de rede (NIC). Usado na maioria das configurações LAN para
garantir o correto endereçamento de dados para hosts específicos.
91
Guia do usuário do TracPhone V3
Apêndice C - Glossário
Espalhamento espectral
Um tipo de método de comunicação pelo qual a energia do sinal de
informações é espalhada por uma banda de freqüência muito mais
ampla do que a largura de banda mínima necessária para transmitir as
informações.
Ethernet
Padrão de comunicações de rede adotado pela maiorias das LANs.
Comunica-se por meio de cabo de par trançado em uma das três taxas
máximas de dados: (1) Padrão - 10 Mbps, (2) Rápida - 100 Mbps, e (3)
Gigabit - 1 Gbps (1.000 Mbps).
Firewall
Mecanismo de segurança que protege uma rede contra acesso não
autorizado.
Footprint (Zona de projeção)
Área de cobertura de um satélite.
Forward Link (Link de encaminhamento)
Caminho de comunicação do hub do satélite ao terminal do usuário.
Outro termo para “Downlink”.
Freqüência
Número de ciclos por segundo de uma onda de rádio, medida em
Hertz (Hz).
Giroscópio
Um dispositivo que percebe e mede de forma precisa o movimento em
um eixo único, como a elevação ou azimute.
GPRS
General Packet Radio Service (Serviço de rádio de pacote geral).
Padrão de comunicação de dados sem fio de alta velocidade.
GPS
Global Positioning System (Sistema de posicionamento global). Rede
de satélites que permite que qualquer pessoa com um dispositivo de
GPS estabeleça de forma precisa sua posição na Terra.
92
Guia do usuário do TracPhone V3
Apêndice C - Glossário
Host
Qualquer computador conectado a uma rede.
HTTP
HyperText Transfer Protocol (Protocolo de transferência de
hipertexto). O protocolo primário da Internet.
Hub
Estação da Terra que conecta a rede de satélite à rede terrestre.
IF
Freqüência intermediária. Como se aplica ao TracPhone V3, saída da
banda L de um LNB, ou entrada para um BUC.
Internet
Rede global que conectar uma vasto número de redes e computadores.
Kbps
Kilobits (1.000 bits) por segundo.
LAN
Rede Local. Um grupo relativamente pequeno de computadores e
dispositivos conectados uns aos outros dentro de uma proximidade
uns com os outro e geralmente na mesma rede de IP.
LNB
Low Noise Block down-converter (Conversor de bloqueio de ruídos
baixos). Dispositivo que converte e amplifica um sinal de satélite da
banda Ku em um sinal de banda L de freqüência intermediária (IF).
Máscara de sub-rede
Divide a última porção de um endereço de IP em designações de subrede e host. Por exemplo, em uma rede regular classe B, os primeiros
dois números em um endereço de IP definem a identificação (ID) da
rede enquanto os dois últimos números definem a identificação (ID)
do host (o computador ou dispositivo individual nesse rede). Uma
máscara de sub-rede altera o formato desses dois últimos números
através da designação do terceiro número como ID da sub-rede e
designando o último número como ID do host (o computador ou
dispositivo nessa sub-rede).
93
Guia do usuário do TracPhone V3
Apêndice C - Glossário
Mbps
Megabits (1.000.000 bits) por segundo.
Modem
Modulador-demodulador. Traduz sinais digitais em sinais analógicos
e vice-versa.
MTA
Multimedia Terminal Adapter (Adaptador de terminal multimídia).
Dispositivo que converte sinais analógicos de telefone em sinal de voz
sobre IP (VoIP).
Network Operations Center (NOC) (Centro de operações de rede)
Estação que mantém e gerencia uma rede de telecomunicações.
NIC
Network Interface Card (Placa de rede). Placa de circuito integrado ou
expansão que fornece capacidades de comunicação de rede para um
computador.
Pacote
Parte de uma mensagem de dados transmitida por uma rede. Também
contém o endereço do destino para fins de roteamento. (Mensagens de
dados são divididas em pacotes, enviadas por uma rede, e então reagrupadas
na ordem correta no destino.)
Par trançado
Tipo de cabo consistindo de vários pares de cabos no qual dois fios são
enrolados juntos com espiral para reduzir o ruído eletromagnético.
Pode ser blindado (STP) ou não blindado (UTP). Muito usado em
LANs e redes telefônicas.
PCI
Peripheral Component Interconnect (Interconexão de componente
periférico). Padrão de barramento que suporta conexões de alta
velocidade entre computadores e dispositivos periféricos.
94
Guia do usuário do TracPhone V3
Apêndice C - Glossário
PCMCIA
Personal Computer Memory Card International Association
(Associação internacional de placas de memória em computadores
pessoais). Organização que estabelece os padrões para placas de
computadores, memória de tamanho de cartão de crédito ou
dispositivos de entrada/saída, principalmente usadas em laptops.
Ping
Utilidade de software usada para verificar uma conexão de rede. Envia
um pacote teste para o endereço designado e informa quanto tempo
este leva para receber uma resposta.
Placa de rede sem fio
Placa PCI ou PCMCIA que fornece a um computador acesso sem fio à
uma LAN através de um WAP.
Polarização
Orientação de um sinal de satélite. Polarização circular, que tem um
caminho de propagação “espiral”, consiste de sinais direitos (LHCP) e
esquerdos (RHCP). Polarização linear consiste de sinais verticais e
horizontais deslocados em 90 graus.
Protocolo
Padrão que estabelece regras estritas para como os dados são
comunicados por uma rede.
Rede
Um grupo de computadores e dispositivos (como impressoras)
conectados uns aos outros.
Resolução WINS
Serviço de atribuição de nomes para a Internet do Windows. Organiza
os nomes de todos os computadores Windows em uma rede com seus
respectivos endereços de IP. Semelhante função do DNS.
Return Link (Link de retorno)
Caminho de comunicação da antena para o satélite. Outro termo para
“Uplink”.
RF
Radiofreqüência.
95
Guia do usuário do TracPhone V3
Apêndice C - Glossário
RJ45
Conector 45 registrado. Conector de cabo de rede de oito fios para
LANs. Semelhante a um conector de telefone.
Roteador
Dispositivo que conecta várias redes de IP. Para cada pacote de dados
que recebe destinado a outra rede de IP, determina o melhor caminho
para alcançar seu destino.
RSSI
Receive Signal Strength Indicator (Indicador de intensidade do sinal
recebido). Indica a intensidade do sinal de satélite recebido. O modem
fornece estes dados para a unidade de controle para fins de
rastreamento.
Rx
Receber.
SSID
Service Set Identifier (Identificador de conjuntos de serviços).
Identificador exclusivo compartilhado por todos computadores e
dispositivos em uma única rede sem fio.
Sub-rede
Subdivisão de uma rede com base no endereço de IP. Por exemplo,
com uma máscara de sub-rede de “255.255.255.0,” todos os
computadores e dispositivos aos quais um endereço de IP iniciando
com “195.172.8” foi atribuído pertencem a uma sub-rede (há 255
possíveis). Um endereço de IP iniciando com “195.172.9” designa uma
sub-rede diferente.
SW
Software.
Switch
Dispositivo que conecta dois segmentos de uma LAN. Encaminha
dados de um segmento para outro com base no endereço MAC do
destino.
96
Guia do usuário do TracPhone V3
Apêndice C - Glossário
TCP/IP
Transmission Control Protocol/Internet Protocol (Protocolo de
controle de transmissão/protocolo da Internet). Dois protocolos de
comunicação para a Internet. IP lida com a entrega dos pacotes de
dados na Internet; TCP garante que todos os pacotes de dados sejam
entregues com êxito e agrupados na ordem adequada.
Telefone analógico
Telefone padrão, também referido como POTS (Plain Old Telefone
Service – Serviço de telefone analógico padrão). Sinais de voz são
convertidos em pulsos elétricos através da modulação do sinal de uma
operadora.
Tx
Transmitir.
URL
Uniform Resource Locator (Localizador de recursos uniforme).
Endereço de uma página ou arquivo na Internet. Consiste de três
partes: (1) protocolo (como “http”), (2) endereço de IP ou nome de
domínio (como “www.kvh.com”), e (3) nome da página da Internet ou
arquivo a ser obtido a partir desse endereço (como “index.html”).
USB
Universal Serial Bus (Barramento serial universal). Padrão de
barramento para conectar dispositivos periféricos à um computador.
Suporta uma taxa de dados de 12 Mbps.
UTP
Par trançado não blindado. Cabo consistindo de quatro pares
trançados (8 fios), geralmente com terminação de conectores RJ45.
Comumente usado em LANs.
VoIP
Voice over Internet Protocol (Voz sobre protocolo de Internet). Permite
que conversas telefônicas sejam encaminhadas através da Internet.
VSAT
Very Small Aperture Terminal (Terminal de muito pequena abertura)
(< 3m). Sistema de comunicações no qual vários usuários se conectam
via satélite a um único hub em base terrestre, o qual lida com o
roteamento de todo o tráfego da rede.
97
Guia do usuário do TracPhone V3
Apêndice C - Glossário
WAN
Wide Area Network (Rede de área ampliada). Um grupo de
computadores, dispositivos e possivelmente LANs, conectados uns
aos outros em uma grande área geográfica.
WAP
Wireless Network Access Point (Ponto de acesso de rede sem fio).
Dispositivo que conecta computadores sem fio a uma LAN. Para se
comunicar com o WAP, cada computador precisar de uma placa de
rede sem fio configurada adequadamente.
WEP
Wired Equivalent Privacy (Privacidade equivalente com fio).
Mecanismo de segurança para rede sem fio. Codifica dados para
protegê-los de intercepção não autorizada.
WiFi
Wireless Fidelity (Fidelidade sem fio). Refere-se a uma rede sem fio
802.11.
Xponder
Transponder. Componente de um satélite que recebe transmissões de
rádio da Terra, as amplifica, e as retransmite de volta para a Terra com
uma freqüência diferente.
98
www.kvh.com
KVH Industries, Inc.
World Headquarters
Middletown, RI U.S.A.
Tel: +1 401 847 3327 Fax: +1 401 849 0045
E-mail: [email protected]
KVH Europe A/S
EMEA Headquarters
Kokkedal, Denmark
Tel: +45 45 160 180 Fax: +45 45 160 181
E-mail: [email protected]
KVH Singapore
Asian Headquarters
Singapore
Tel: +65 6513 0290 Fax: +65 6472 3469
E-mail: [email protected]
KVH Norway AS
Horten, Norway
Tel: +47 33 03 05 30 Fax: +47 33 03 05 31
E-mail: [email protected]

Documentos relacionados