Edição 13 - Fresenius Medical Care

Сomentários

Transcrição

Edição 13 - Fresenius Medical Care
Um informativo da Fresenius Medical Care do Brasil
Ano IV
Nº 13
Confira todos os detalhes deste programa
inédito de orientação aos pacientes renais
Página 6
Academia Saber
A Fresenius Medical Care investe na criação de
um centro treinamento e educação continuada
Página 4
Produtos
Inovação em tratamento de água:
conheça a nova AquaUno 2010
Página 12
Atualização Clínica
Alternativas de esquemas
terapêuticos para hemodiálise
Páginas 8 e 9
1
Editorial
Boas novas para nossos colaboradores, clientes e parceiros
Prezados amigos,
Depois de alguns meses sem ser publicado, finalmente retomamos o BRA, trazendo notícias
e informações relevantes a nossos leitores: colaboradores, clientes e profissionais de saúde envolvidos com Nefrologia e diálise. Apesar dos tempos difíceis, marcados pela crise
financeira internacional e agora a possível pandemia de Influenza A (H1N1) ou Gripe Suína,
tenho a satisfação de compartilhar com vocês boas notícias, dentre as quais, gostaria de
ressaltar duas.
A primeira é o lançamento do Kidney Options. Trata-se de um programa inédito da Fresenius no Brasil, que permite ao paciente renal crônico em estágio avançado receber de
forma organizada e estruturada todas as informações sobre as opções de terapias renais
substitutivas, dando-lhe chance de participar ativamente da escolha e condução do seu tratamento. É um excelente programa, que envolve um rico material impresso e, por isso, requer
um pouco de treinamento. Muitas clínicas já demonstraram interesse em participar e qualquer unidade que queira saber mais a respeito é só
entrar em contato conosco. Eu realmente recomendo o Kidney Options.
A outra boa notícia é que já começou a funcionar a nossa Academia Saber, um centro de treinamento (técnico e administrativo) e educação
continuada, que fornecerá cursos a todas as áreas da Fresenius Medical Care. Com isso, poderemos melhorar cada vez mais a qualidade de
nossos produtos e serviços e também nossos conhecimentos internos.
Para concluir, espero que desfrutem desta nova edição do BRA e fiquem atentos, pois pretendemos produzir outros números até o final do ano.
Boa leitura e contem com a gente!
John Anderson
Presidente da Fresenius Medical Care do Brasil
Fresenius pelo Mundo
Presença entre as empresas mais éticas do mundo em 2008
O Instituto Ethisphere nomeou, pelo segundo ano consecutivo, a
Fresenius Medical Care na lista “World’s Most Ethical Companies”, que
elege anualmente as companhias mais éticas do mundo. Ethisphere é
uma organização norte-americana, dedicada à pesquisa e promoção
destaque em seu segmento de atuação.” Entre outras coisas,
os analistas do Ethisphere avaliaram códigos de ética, histórico
de processos e infrações regulatórias; consideraram investimentos
em inovação e práticas sustentáveis; examinaram as atividades da
das melhores práticas em administração global, ética de
negócios, regulamentação e responsabilidade corporativa.
Para indicar os finalistas, pesquisadores e analistas consideraram mais de 10 mil companhias líderes em seis continentes, submetidas a um rigoroso e complexo processo
de avaliação. O comitê de metodologia responsável pelo
ranking é formado por membros do governo, advogados,
professores e executivos, que prezam por práticas de negócios éticas e honestas.
companhia para melhorar a cidadania corporativa; estudaram nomeaDe acordo com o Instituto Ethisphere, a Fresenius Medical Care está
entre as companhias eleitas de 2008 porque desenvolveu “impressionantes e significativas práticas de negócios, alcançando grande
2
ções de executivos, indústrias concorrentes, fornecedores e clientes;
e ainda trabalharam com grupos de consumidores para medir a
opinião deles sobre os produtos e serviços.
Fresenius pelo Mundo
Fresenius Medical Care fecha 2008 com ótimos resultados mundiais
Apesar da grave crise econômica internacional, instalada desde o
do, 6% a mais que o mesmo período de 2007. O número de clínicas
segundo semestre de 2008, o ano que passou trouxe bons resulta-
operadas pela Companhia subiu para 2,388 e o total de tratamentos
dos mundiais para a Fresenius Medical Care. A Companhia alcan-
dialíticos fornecidos foi de 27.870 milhões. Para atender a essa deman-
çou todas as suas metas financeiras, registrando, pelo 12° ano
da, até o final do ano passado, a Fresenius Medical Care contava com
consecutivo, aumento em seus dividendos.
64,666 funcionários em todo mundo.
Em 2008, a receita líquida da Companhia aumentou 9% em rela-
“Estamos muito satisfeitos por termos alcançado mais um ano de resul-
ção a 2007, somando um total de US$10,612 bilhões. Os Serviços
tados recordes. Com esse desempenho, cumprimos as estimativas de
de Diálise movimentaram US$ 7,737 bilhões, o que significou um
crescimento para 2008 e garantimos a nossos acionistas o aumento nos
acréscimo de 7%. Já os Produtos de Diálise tiveram uma receita
dividendos. Ao longo do ano passado, nossa Companhia continuou in-
líquida de US$ 2,875 bilhões, 15% superior a do ano anterior.
vestindo para expandir a rede de clínicas e o potencial de produção
assim como a pesquisa e as atividades de desenvolvimento. Com a ca-
A Fresenius Medical Care também apresentou um crescimento
pacidade ampliada e a crescente demanda pela alta qualidade de nos-
significativo no atendimento aos pacientes renais. De janeiro a de-
sos produtos e serviços, esperamos que 2009 seja outro ano recorde”,
zembro de 2008, 184,086 pacientes foram tratados em todo mun-
afirma Ben Lipps, CEO da Fresenius Medical Care.
Desenvolvimento sustentável
Fresenius Medical Care é a primeira empresa de health care certificada pelo Nordic Ecolabel
seu
Em dezembro do ano pas-
processo
sado, a Fresenius Medical
de manufatura
Care tornou-se a primei-
precisou aderir
ra empresa do setor de
a um conjunto
cuidados com a saúde
de normas de
no mundo a receber o
qualidade.
selo da organização
Nordic Ecolabel para
“Desenvolve-
seus produtos mé-
mos
dicos. A certificação
porque uma im-
Biofine®
foi concedida a itens
portante preocu-
da linha de Diálise
pação da nossa
Peritoneal
produzidos
com Biofine®, um material inovador, desenvolvido
pela Fresenius Medical Care,
Companhia é preservar a natureza e
salvar os recursos
naturais”, diz o Dr.
que não leva PVC nem plastificantes em sua composição.
Emanuele Gatti, CEO
Os produtos incluem bolsas e acessórios para máquinas de
da Fresenius Medical
DP, já comercializados em muitos países da Europa.
Care para Europa, América Latina, Oriente Mé-
Selo ecológico oficial dos países nórdicos (Dinamarca,
dio e África. “A tecnolo-
Finlândia, Islândia, Noruega e Suécia) e um dos mais con-
gia de nosso Biofine® é
ceituados do mundo, o Nordic Ecolabel mede o impacto
única. Portanto, estamos felizes em sermos a primeira empresa do
ambiental de um produto ou serviço. Para conquistá-lo, os
setor médico a oferecer produtos certificados pelo Nordic Ecolabel.
produtos de DP foram submetidos a rígidos critérios, entre
Trata-se de um novo alicerce em nosso amplo programa ambiental.
eles, não conter PVC, substâncias tóxicas ou não biode-
Nossos produtos respeitam o meio ambiente e são inovadores,
gradáveis, que podem se acumular no organismo (bioacu-
oferecendo a melhor qualidade de tratamento para o benefício
mulativas) ou prejudicar o sistema endócrino. Além disso, o
dos pacientes”, acrescenta.
3
Academia Saber Fresenius Medical Care
Colaboradores e clientes da Companhia passam a contar com uma moderna estrutura de educação continuada.
A valorização do conhecimento e da educa-
Estrutura completa para aulas pre-
ção continuada é um princípio adotado
senciais e à distância
pelas grandes corporações contem-
A Academia Saber inicia suas
porâneas em todo mundo. Pre-
atividades com duas salas:
ocupadas com as constantes
uma de trabalho, onde já
mudanças da economia, as
atua uma equipe de oito
empresa buscam o desenvolvi-
colaboradores; e outra
mento de novas estratégias de
onde serão ministrados
aprendizagem técnica e organi-
os cursos, equipada com
zacional, visando o aumento da
datashow, conexão para
produtividade e do conhecimento,
internet e equipamentos de
que se traduzirá em inovação e aper-
hemodiálise e diálise peritone-
feiçoamento de seus produtos e serviços.
al. Os consultores serão escolhidos de acordo com a programação de
A recém-inaugurada Academia Saber da Fresenius
cursos, definida em conjunto com o departamento
Medical Care, com sede no Rio de Janeiro, investe num sistema edu-
de Recursos Humanos. “Nosso público-alvo engloba todos
cacional baseado na gestão de seu próprio conhecimento, totalmente
os funcionários da empresa, além de clientes e pacientes. Ao
orientada para o mercado, bem como para o aprimoramento de suas
longo de 2009, focaremos as atividades nas áreas de vendas
relações com os clientes. “A Academia Saber representa o início de
e equipes de enfermagem. Sabemos que existe uma grande
uma mudança cultural da empresa. O projeto irá facilitar o desenvol-
carência em relação aos programas de educação continuada
vimento dos nossos colaboradores por meio de programas de edu-
nas clinicas de diálise, por isso vamos disponibilizar, no próximo
cação, oferecendo-lhes oportunidades de aprendizagem contínua e
ano, aos nossos parceiros cursos e treinamentos não apenas
desenvolvimento de competências
técnicos, mas de desenvolvimento de habilidades e
baseadas no conceito do C.H.A
atitudes, contribuindo assim para excelência de nos-
(conhecimentos, habilidades e atitu-
sos serviços”, diz Sinaia Canhada.
des). Acreditamos que é através de
nosso capital intelectual, valorizando
Além das aulas presenciais, a Academia utilizará fer-
as experiências e competências dos
ramentas que permitirão o ensino à distancia, como
profissionais, que teremos nosso
e-Learning, WebEx e Webcast. “Graças a esses sis-
diferencial competitivo no futuro”,
temas, poderemos promover a aprendizagem e o de-
afirma Sinaia Canhada, Gerente de
Educação Corporativa.
senvolvimento pessoal e profissional no próprio local
Sala destinada aos cursos e treinamentos
de trabalho, a qualquer hora ou lugar. Isso representa
uma grande economia e otimização do tempo e dos re-
A Academia Saber é uma iniciativa inédita da FME no Brasil. Sua prin-
cursos. Através do e-Learning, por exemplo, podemos alcançar um
cipal missão é compartilhar o conhecimento, para que este possa
número infinito de pessoas simultaneamente. Somando-se a isso, os
provocar as mudanças necessárias ao desenvolvimento de novas
cursos serão desenvolvidos com o conceito da Andragogia, ciência
sinergias e realidades, capazes de tornar a Companhia ainda mais
que estuda as melhores práticas para o ensino de adultos”, explica.
competitiva no mercado. Conheça seus principais objetivos:
•
Difundir a cultura organizacional.
•
Implantar processos contínuos de aperfeiçoamento profissional que contribuam com o desenvolvimento, conhecimento e relacionamento interpessoal.
•
Criar sinergia entre as diferentes áreas da empresa.
•
Nortear o desenvolvimento de pessoas no conceito de
gestão de competência, apoiado no tripé do CHA (conhecimento, habilidades e atitudes).
•
Fidelizar clientes e pacientes através de programas especiais de educação continuada.
4
Com exceção de Claudia Marinho, que fica em Fortaleza, reunião de toda
a equipe da Academia Saber: Cleidinete Surica, Regina Alves, Claudiane
Teixeira, Severina Barbosa, Fátima Medeiros e Sinaia Canhada.
Dia Mundial do Rim 2009 chama atenção para
a importância do controle da pressão arterial
“Mantenha sua pressão controlada”. Esse
foi o mote do Dia Mundial do Rim 2009, celebrado em 13 de março. O objetivo da data
era alertar sobre a importância de redobrar
a atenção com a saúde dos rins, sobretudo
em pacientes com hipertensão e diabetes –
principais causas da Doença Renal Crônica.
A Fresenius Medical Care também abraçou
a campanha e distribuiu a todos os seus funcionários e colaboradores, incluindo Escritório
Central (Rio de Janeiro), Fábrica (Jaguariúna,
SP) e Clínicas Franqueadas, um folheto com
questões básicas que apontam o risco de sofrer
de doenças renais. “Esse material é de grande
O Dr. Walter Gouvêa ministrou palestra aos funcionários, voluntários
e mães assistidas pelo Instituto Ronald McDonald, no Rio de Janeiro.
Na ocasião, o nefrologista abordou os cuidados que devem ser adotados no dia-a-dia para manter o bom funcionamento dos rins.
valor educativo, pois informa de uma maneira
O CUIDAR® também marcou presença na agenda da semana de
simples e direta como prevenir ou identificar precocemente as do-
eventos em comemoração ao Dia Mundial do Rim. Dr. Walter Gou-
enças dos rins”, afirma o Dr. Walter Gouvêa, diretor do CUIDAR®,
vêa e sua equipe participaram de palestras e mesas-redondas de
Programa de Cuidado Integral à Saúde Renal, da Fresenius Medical
conscientização sobre o atual quadro da Doença Renal Crônica
Care. Juntamente com o folheto, foi distribuída uma carta com os
no Brasil e no Mundo. As atividades aconteceram no Instituto Es-
principais dados a respeito da evolução da Doença Renal Crônica
tadual de Cardiologia Aloísio de Castro, no Hospital Samaritano, no
no Brasil e os melhores hábitos de vida para a sua prevenção.
Instituto Ronald McDonald e na Academia Nacional de Medicina.
Doença Renal Crônica é tema das comemorações
em torno do Dia Mundial da Saúde
A Câmara de Vereadores do Rio de Janeiro promoveu, junto
com a Sociedade Brasileira de Nefrologia (SBN), a Sociedade
de Nefrologia do Rio de Janeiro (SONERJ) e a Associação dos
Doentes Renais e Transplantados do Estado do Rio de Janeiro
(ADRETERJ), encontro para traçar um painel sobre “O Impacto da
Doença Renal Crônica na Saúde do Estado do Rio de Janeiro”. O
evento, iniciativa do vereador Paulo Pinheiro (PPS), fez parte das
comemorações do Dia Mundial da Saúde 2009, celebrado em 7 de
abril. Diretor médico do CUIDAR®, o Dr. Walter Gouvêa atuou como
moderador dos debates à cerca do tema, que contaram com a participação de especialistas da área, médicos nefrologistas, professores
Participantes do encontro (a partir da esquerda): Walter Gouvêa,
Eduardo Rocha, Alvimar Delgado, José Manuel Ribeiro, Gilson
Nascimento, Raquel Bregma, Paulo Pinheiro e Jorge Darze.
e representantes da Secretária Municipal de Saúde. “Esse foi mais
diversas iniciativas de ações legislativas. Um Projeto de Lei que
um de nossos esforços para chamar a atenção da sociedade e das
enquadra a Doença Renal Crônica na lista das Doenças de No-
autoridades dos sistemas de saúde pública para a Doença Renal
tificação Compulsória está em tramitação na Câmara e deve ser
Crônica no Brasil. Nosso objetivo é levar o assunto para o centro
aprovado até o final do primeiro semestre. Essa lei obrigará toda
das discussões a respeito das questões básicas de saúde”, afirma
unidade de saúde do município a notificar a existência de novos
o Dr. Walter Gouvêa. Aproveitamos a oportunidade para perguntar
casos da doença à Secretária de Saúde. Com esse registro,
ao vereador Paulo Pinheiro, membro da Comissão permanente de
poderemos ter estatísticas e dados confiáveis sobre a DRC em
Higiene, Saúde Pública e Bem-Estar Social da Câmara dos Vere-
nossa cidade. Além disso, já foi votado e aprovado um Projeto
adores, o que tem sido feito no município do Rio de Janeiro para
melhorar a situação dos doentes renais crônicos:
de Lei, de minha autoria e do vereador Carlo Caiado, que cria a
‘Semana Municipal de Prevenção das Doenças Renais’. Dentro
do possível, queremos capacitar cada vez mais os profissionais
“Recentemente, tomei conhecimento dos números alarmantes
da Doença Renal Crônica. Desde então, tenho trabalhado em
de saúde, para que os mesmos possam estar aptos a prevenir e
diagnosticar precocemente os males que acometem os rins”.
5
Notícias
Fresenius
Kidney Options: uma iniciativa
inovadora da Fresenius Medical Care
Através deste programa educativo, os pacientes renais crônicos em estágio avançado são informados a respeito
dos diversos tipos de terapias renais substitutivas, permitindo-lhes fazer uma escolha consciente sobre a condução do tratamento.
Ao longo da vida, a cada dia, é preciso que façamos escolhas. Essas
avançado, tais como o funcionamento dos rins, recomenda-
decisões baseiam-se em inúmeros fatores, dentre os quais, certamente
ções dietéticas, informação sobre os serviços sociais e de
o conhecimento tem papel fundamental. Parte do Programa de Saúde
apoio, entre outros. Para isso, dispõe de ferramentas didáti-
Renal da Fresenius Medical Care do Brasil, o Kidney Options foi criado
cas específicas (flipchart de mesa, apostila, panfletos, CD
para dar ao portador de Doença Renal Crônica a chance de participar
para seminário e pôster), desenvolvidas com uma lingua-
ativamente da escolha do método de Terapia Renal Substitutiva que lhe for
gem clara e acessível e figuras ilustrativas, que facilitam a
mais conveniente, quando o mesmo se fizer necessário. “O Programa é uma
compreensão do conteúdo.
iniciativa grandiosa da Companhia, que visa educar o paciente, para que ele
tenha total compreensão da doença e das opções disponíveis para o seu tra-
“O Kidney Options é uma iniciativa pioneira em diversos
tamento. Desta forma, acreditamos que podemos contribuir diretamente para
aspectos, pois discute métodos de substituição da função
o aumento da qualidade de vida e do grau de reabilitação dessa população”,
renal ainda pouco utilizados no Brasil, como a hemodiálise
afirma Denise Mendes, Gerente de Marketing da Fre-
domiciliar, a hemodiálise noturna, o auto-
senius Medical Care.
cuidado durante as sessões de diálise e
o transplante renal pré-emptivo. O progra-
Diretor do Programa de Cuidado Integral à Saúde
ma considera inclusive a possibilidade de
Renal (CUIDAR®) e Coordenador Médico do Kidney
o paciente escolher pela não realização
Options, o nefrologista Dr. Walter Gouvêa acrescenta:
de diálise ou transplante”, diz o Dr. Walter
“Dados da Sociedade Brasileira de Nefrologia apon-
Gouvêa.
tam que a nossa população em diálise cresce na média de 9% ao ano e que, até 2010, existirão 125.000
Implantação do Programa
pacientes em programa de diálise no país. Infelizmen-
Nesta primeira fase do Kidney Options,
te, como a maioria deles desconhece sofrer de Doença
Apresentação do Dr. Walter Gouvêa
Renal Crônica, habitualmente iniciam o tratamento de
23 clínicas em todo Brasil foram selecionadas, entre Clínicas Franqueadas e
substituição da função renal em regime de urgência, evento que tem um impac-
clientes terceiros. Representantes de Vendas de Diálise
to duplamente negativo. Em primeiro lugar, porque seu custo financeiro é muito
Peritoneal e equipes de enfermagem indicadas pelas clí-
elevado e, em segundo lugar, por ser reconhecido como fator independente
nicas franqueadas participaram do 1° Curso de Forma-
preditivo de mortalidade no primeiro ano. O Kidney Options é uma ferramenta
ção de Multiplicadores e Instrutores do Kidney Options,
educacional que oferece um amplo espectro de informações acerca dos pro-
realizado pelo Dr. Walter Gouvêa, a equipe do CUIDAR®
blemas que afetam a sua saúde do paciente renal em estágio avançado e as
e a gerência de Marketing da Fresenius Medical Care. Os
opções de tratamento disponíveis. Acreditamos que esta iniciativa permitirá
Representantes de Vendas de DP capacitados serão res-
não só que as pessoas assumam um papel pró-ativo na escolha do tipo de
ponsáveis por multiplicar o Programa nos clientes pré-sele-
Terapia Renal Substitutiva, como tenham a oportunidade de iniciá-la de
cionados, enquanto as equipes de enfermagem irão coorde-
forma planejada”.
nar a implantação do mesmo em suas clínicas. “Nosso objetivo
com o treinamento é propagar a informação de forma plena e
integral para todas as clínicas fran-
Como funciona o Kidney Options
Os pacientes com Doença Renal Cônica nos estágios 4 e 5 da classificação do National Kidney Foundation são identificados e encaminhados à unidade de saúde. Nela, paciente e acompanhante são
cadastrados no Kidney Options e recebem todas as informações
a respeito das atividades educacionais compreendidas pelo Programa. Além de apresentar as opções de terapia renal – diálise
peritoneal, hemodiálise e transplante renal – de uma maneira
neutra e imparcial, destacando suas vantagens e desvantagens, o Kidney Options aborda tópicos fundamentais à
vida do portador de Doença Renal Crônica em estágio
6
queadas e terceiros. A atuação do
Kidney Options vai muito além da
simples entrega do material educativo
para o paciente. Por isso, o sucesso do
Programa depende diretamente do comprometimento de cada clínica selecionada
nesta fase inicial. Assim, poderemos medir
seus resultados, aperfeiçoá-lo e expandi-lo a
outras unidades de diálise no Brasil”, conclui
Denise Mendes.
Denise Mendes, Gerente de Marketing da Fresenius Medical Care
Uma história de conquistas
3. A Fundação do Rim
No próximo mês de junho, a Fundação do Rim, no Rio de Janeiro, completa cinco anos com muitos motivos para comemorar. Sem
também realiza cen-
fins lucrativos e de cunho filantrópico, a instituição dá assistência
sos e contribui em es-
a crianças e jovens portadores de Doença Renal Crônica, promo-
tudos científicos. Qual
vendo diversas ações para melhorar a auto-estima e a qualidade
a
de vida desses pacientes. Com o apoio da Fundação Else Kröner-
trabalho?
importância
desse
Fresenius-Stiftung, da Fresenius Medical Care, e doações da so-
Ao ser parceira de estu-
ciedade civil, a Fundação do Rim cuida atualmente de quase 200
dos científicos, a Fundação
crianças e jovens carentes, estejam eles em diálise ou pós-trans-
tem a chance de divulgar o
plante renal, em todo o Estado do Rio de Janeiro. O atendimento
conhecimento médico e de
é dado nos próprios locais de tratamento: unidades de diálise,
toda equipe multidisciplinar, contribuindo assim para
ambulatórios de nefrologia e hospitais públicos.
a melhoria do atendimento
O Projeto Reforço Escolar visa explorar
e desenvolver as potencialidades de
cada criança através de atividades lúdicas e artísticas.
A concretização desse trabalho extraordinário é possível graças
desses jovens pacientes re-
à dedicação de sua equipe, formada por duas diretoras, duas
nais. No final do ano passado, apresentamos no VIII Congresso da As-
assistentes sociais, uma auxiliar administrativa e duas voluntárias.
sociação Latino-Americana de Nefrologia Pediátrica, em Buenos Aires,
À frente da Fundação do Rim, Livia Guedes nos conta um pouco
um registro de pacientes, com idade entre 0 e 20 anos, em tratamento
dialítico no Estado do Rio de Janeiro. O censo é uma fonte de pesquisa
mais sobre as ações e projetos da instituição.
importante, pois reúne informações epidemiológicas úteis a todos os envolvidos no cuidado destas crianças e adolescentes.
4. Quais são as novidades para 2009?
Vamos lançar a Musicoterapia, na qual os pacientes poderão expressar
através da música suas emoções e angústias e minimizar o estresse gerado
pelas longas horas das sessões de diálise. Outra novidade é a Suplementação Nutricional. Estamos buscando
firmar parceria com uma indústria do
setor para viabilizar o projeto, que
se faz tão necessário à redução da
desnutrição e deficiência de crescimento desta população.
Equipe Fundação do Rim: Solimar Fonseca (Assistente Social), Livia Guedes (Presidente), Marilda Marapodi (voluntária), Elenir Klen (Assistente Social), Natália Gonçalves (Assistente Social) e Ana Motta (Vice-Presidente).
5. Quais são os maiores desafios
que a instituição enfrenta?
O principal é conseguir mais recur-
1. Nesses quase cinco anos, quais foram as maiores con-
sos, de modo que possamos am-
quistas da Fundação?
pliar nossa atuação, especialmente
Nossa maior conquista foi levar a assistência da Fundação a
na missão de divulgar a Doença
todas as unidades de diálise que cuidam de crianças e ado-
Renal Crônica. Outro desafio é con-
lescentes, tornando-nos referência no atendimento a estes pa-
cretizar a parceria com o Hospital
cientes no Estado do Rio de Janeiro.
Pedro Ernesto, o que possibilitará
a criação de mais um centro de
2. Hoje, quais são os projetos mais importantes da
nefrologia pediátrica.
Fundação?
A Fundação também promove atividades extras, como a comemoração
de final de ano, que teve distribuição
de presentes e até Papai Noel.
São todos aqueles relacionados diretamente à melhora da qualida-
6. Como as pessoas podem
de de vida, quer seja a reabilitação física, nutricional ou educacional.
contribuir com a Fundação
No Projeto Fisioterapia, por exemplo, oferecemos atendimento fisiote-
do Rim?
rápico durante as sessões de diálise, visando melhorar o condiciona-
Qualquer ajuda da sociedade
mento físico do paciente. Já o Projeto Suporte Alimentar provê alimen-
civil é muito bem-vinda, seja em espécie, doações ou horas de traba-
tos para as famílias das crianças e jovens atendidos. No ano passado,
lho. Basta nos contatar através do telefone (21) 2286-8037 ou acessar
distribuímos mais de 1500 cestas básicas para 185 famílias.
nosso site: www.fundacaodorim.org.br.
7
Atualizações Clínicas
Modalidades terapêuticas alternativas em hemodiálise
Dr. Jorge Strogoff, Dr. Frederico Ruzany.
Diretoria Médica Fresenius Medical Care
A taxa de mortalidade entre os pacientes em hemodiálise (HD) ainda é extremamente elevada e a ausência de benefícios clínicos através do aumento
da dose de diálise nos pacientes mantidos no
esquema convencional de 3 sessões por semana, como evidenciado no Estudo HEMO1 (Figura
1), sugere que abordagens terapêuticas mais
inovadoras, fugindo ao esquema tradicional
de HD, devem ser consideradas se quisermos
efetivamente aumentar a expectativa de vida
desta população.
História do estabelecimento do esquema
convencional de HD
A aplicação clínica da HD teve início há mais
de 60 anos. Nos primórdios, era indicada apenas para o tratamento da insuficiência renal
aguda, com o intuito de manter o paciente vivo
o tempo suficiente para a recuperação da função renal. A HD como opção de tratamento da
uremia crônica difundiu-se a partir da década de
Fig. 1- Curvas de sobrevida dos pacientes randomizados para dose alta (Kt/Ve 1,45) ou dose
padrão (Kt/Ve 1,05) de hemodiálise no estudo HEMO. Ref 1.
60, mudando o curso natural de uma doença até então inexoravelmente fatal.
Os primeiros pacientes com doença renal crônica
Este esquema tradicional de 3 sessões semanais é bastante convenien-
colocados em HD de manutenção, a partir de 1960, foram
te às unidades de diálise, pois otimiza a capacidade de acomodação
inicialmente submetidos a sessões com duração de 20 a 24
de pacientes, com parte deles dialisando às segundas, quartas e
horas em intervalos de 5 a 7 dias (esquema semelhante àquele
sextas–feiras, enquanto os demais dialisam às terças, quintas e
usado para o tratamento da insuficiência renal aguda naquela
época). Como neste esquema os pacientes ainda permaneciam muito
sintomáticos, apresentando náuseas e vômitos, letargia, neuropatia
sábados. No entanto, este esquema implica em longos períodos
sem diálise (2 dias durante a semana e de 3 dias aos finais de
semana) e brusca correção das alterações a cada diálise e,
periférica, hiperpotassemia e sinais de hipervolemia, sobretudo após
consequentemente, grandes variações da volemia e da bio-
alguns dias do procedimento, percebeu-se a necessidade de aumentar a
química, com repercussões negativas a curto e longo pra-
frequência para 2 sessões por semana.
zos.3
Todavia, dialisando 2 vezes por semana, os pacientes acabavam
Se considerarmos um tratamento ideal como sendo aque-
desenvolvendo neuropatia periférica e calcificações articulares gra-
le capaz de restaurar a expectativa de vida de um indiví-
ves, o que foi atenuado quando, por volta de 1964, a frequência de
duo para próxima àquela da população geral na mesma
diálise foi aumentada para 3 vezes por semana, com duração das
faixa etária, seria plausível concluirmos que o esquema
sessões em torno de 10 horas. 2
convencional de 3 sessões semanais de 4 horas não se
aproxima minimamente deste objetivo.
Em 1972, quando o Congresso dos Estados Unidos aprovou o acesso universal à HD para os seus cidadãos, foi estabelecido que 3 sessões por
Esquemas alternativos de hemodiálise
semana seriam o suficiente para prover uma diálise adequada e atender
Diversos esquemas alternativos de HD se mostraram pro-
um grande número de pacientes dentro de um orçamento limitado. A se-
missores. Os pacientes submetidos a HD em Tassin, na
guir, para acomodar um aumento exponencial no número de pacientes, a
França, em esquema de 3 sessões por semana com dura-
duração das sessões foi rapidamente reduzida. Resumindo: o esquema
tradicional de HD utilizado até hoje, que contempla 3 sessões semanais com duração de cerca de 4 horas cada, foi estabelecido de
forma empírica há quase quatro décadas.2
8
ção de até 8 horas cada, apresentam a menor taxa de mortalidade em diálise que se conhece. A sobrevida após 10 e 20
anos de diálise entre aqueles pacientes é de cerca de 70% e
50%, respectivamente.4
Atualizações Clínicas
Na HD noturna prolongada, empregada mais frequentemente no Canadá, os pacientes são dialisados de 5 a 7 vezes por semana. Nesta forma de diálise, os pacientes apresentam excelente controle da
•
Instabilidade hemodinâmica, com intolerância à retirada de
líquido suficiente para manter a volemia controlada.
pressão arterial, com normalização da massa do ventrículo esquerdo, melhora da anemia e correção dos níveis séricos de fósforo.5
•
Hipertensão refratária às demais medidas clínicas.
Outro esquema alternativo é a HD diária de curta duração. Nesta
•
Hiperfosfatemia refratária ao uso de quelantes e dieta.
modalidade de tratamento, os pacientes são submetidos a seis
•
Piora do estado nutricional sem outra causa além da uremia.
sessões semanais com duração de 2 a 3 horas por sessão. Os
•
Intolerância ao esquema convencional de diálise, com sintomas recorrentes ao final da sessão, como cefaléia, náuseas e
pacientes submetidos a esta forma de tratamento apresentam sig-
fadiga intensa e prolongada.
nificativa melhora em diversos parâmetros clínicos, laboratoriais e
ecocardiográficos.6-9
•
Mulheres durante a gravidez.
Pacientes em HD convencional têm apenas cerca de 25% da expectativa de vida restante ao iniciar diálise em comparação à população
geral. A HD diária de curta duração proporcionaria um aumento na
REFERÊNCIAS
sobrevida estimado em 9 a 15 anos para os pacientes na faixa etária
1.
Eknoyan G, et al; Hemodialysis (HEMO) Study Group.
de 20 aos 65 anos (Figura 2).10 Relatos de melhora clínica e da quali-
Effect of dialysis dose and membrane flux in maintenance
dade de vida divulgados de paciente para paciente têm impulsiona-
haemodialysis. N Engl J Med 347:2010-9, 2002
do o crescimento desta modalidade de tratamento. Somente no ano
de 2007, mais de mil novos pacientes iniciaram HD diária domiciliar
2.
Blagg CR. The early history of dialysis for chronic renal failure in the United States: a view from Seattle. Am J Kidney
de curta duração nos EUA.11
Dis 49:482-96, 2007
3.
Bleyer AJ, et al. Characteristics of sudden death in hemodialysis patients. Kidney Int 69:2268-73, 2006
4.
Innes A, et al. The effect of long, slow haemodialysis on
patient survival. Nephrol Dial Transplant 14:919-22, 1999
5.
Culleton BF, et al. Effect of frequent nocturnal hemodialysis
vs conventional hemodialysis on left ventricular mass and
quality of life: a randomized controlled trial. JAMA 2007,
298:1291-9
6.
Ayus JC, et al. Phosphorus balance and mineral metabolism
with 3h daily hemodialysis. Kidney Int 71:336-42, 2007
7.
André MB, et al. Prospective evaluation of an in-center daily hemodialysis program: results of two years of treatment.
Am J Nephrol 22:473-9, 2002
Fig. 2 - Comparação da expectativa de vida dos pacientes em HD 3 vezes por
semana, HD diária, transplante renal com doador cadáver e da população geral
nos E.U.A. A expectativa de vida é 9-15 anos maior nos pacientes em HD diária
do que naqueles em HD 3 vezes por semana pareados para a idade. Ref 10.
8.
Ayus JC, et al. Effects of short daily versus conventional
hemodialysis on left ventricular hypertrophy and inflammatory markers: a prospective, controlled study. J Am Soc
Nephrol 16:2778-88, 2005
Diante das crescentes evidências dos benefícios da HD mais fre-
9.
Castro MC, et al. High-efficiency short daily haemodialy-
quente e/ou mais longa, amparadas apenas em estudos observa-
sis- morbidity and mortality rate in a long-term study. Ne-
cionais ou randomizados com número limitado de pacientes, o NIH
phrol Dial Transplant 21:2232-38, 2006
(National Intitutes of Health) dos EUA decidiu patrocinar dois grandes estudos multicêntricos, o Frequent Hemodialysis Network: Daily
Dialysis e o Frequent Hemodialysis Network: Nocturnal Dialysis, que
tiveram início em 2006.12 Espera-se que após a conclusão destes
estudos se consolidem novos padrões de prescrição para a HD de
manutenção.
10. Kjellstrand CM, et al. Short daily haemodialysis: survival in
415 patients treated for 1006 patient-years. Nephrol Dial
Transplant 23:3283-9, 2008
11. Lockridge RS Jr, Pipkin M. Short and long nightly hemodialysis in the United States. Hemodial Int 12 (Supl
1):48-50, 2008
Indicações para HD diária
Não há nenhuma contra-indicação para que algum paciente possa
estar em esquema de HD diária, entretanto, face à limitação de vagas e impacto econômico, esta opção poderia ser oferecida pelo
12. Suri RS, et al; Frequent Hemodialysis Network Trial Group.
Frequent Hemodialysis Network (FHN) randomized trials:
study design. Kidney Int 71:349-59, 2007
menos nas seguintes situações:
9
Serviços Fresenius
Serviços técnicos: eficência, produtividade e economia
Contratos de manutenção asseguram máximo desempenho de equipamentos e redução de custos
Passado um ano desde o lançamento da nova cultura dos Serviços
atrasem ou que os pacientes deixem de receber o tratamento nos
Técnicos Fresenius Medical Care, já é possível medir e comprovar
dias previstos. Nos últimos 13 meses, foi possível identificar, por
os benefícios proporcionados pela política de Contratos de Serviços.
exemplo, que as clínicas sem Contratos de Serviços FME apre-
Dentre os quais, podemos destacar: redução de falhas e dias de má-
sentavam, em média, duas máquinas de hemodiálise inutilizadas
quinas paradas, melhoria na qualidade dos tratamentos e, finalmente,
por falta de peças ou capacidade técnica para resolução. As
menores custos totais com manutenção.
manutenções preventivas regulares não só reduzem as falhas, como garantem o aumento na disponibilidade de equi-
A Fresenius Medical Care é o único fabricante do setor com estru-
pamentos. Quando há necessidade de manutenções corre-
tura total para atender qualquer necessidade técnica de seus equi-
tivas, 80% dos chamados têm sido integralmente resolvidos
pamentos. Conta com equipes de engenheiros e técnicos treinados
em até 24 horas.
pela Fábrica na Alemanha, que utilizam somente peças originais e
instrumentos certificados, a fim de garantir as melhores condições
“Os clientes que optaram pelos Contratos de Serviços FME es-
de funcionamento das máquinas de diálise. Mais do que valorizar
tão bastante satisfeitos. A programação e efetividade das manu-
o investimento de seus clientes e parceiros, os Serviços Técnicos
tenções preventivas mantêm os equipamentos confiáveis e está-
FME garantem disponibilidade de equipamentos e custos integral-
veis, diminuindo as intervenções corretivas em até 85%”, diz Lucas
mente previsíveis, durante todo o período de garantia e vigência de
Rigotto.
contrato.
Os clientes com Contratos de Serviços ainda ganham bene“Nossos contratos de manutenção representam menos de 3% do
fícios adicionais, como workshops de boas práticas, revisões
reembolso mensal do SUS por máquina, enquanto estudos mostram
gerenciais, certificação regulatória e conformidade de segu-
que nos países em desenvolvimento este valor é superior a 4% e
ranças elétrica e de qualidade de tratamento. “Oferecemos
nos desenvolvidos, a 3%. Sendo a previsibilidade das despesas
workshops de boas práticas regularmente às equipes de
fundamental para uma boa gestão das clínicas de hemodiálise, é
enfermagem das clínicas, pois observamos que grande nú-
também objetivo da Fresenius Medical Care ajudar seus clientes a
mero de ocorrências está ligado a erros operacionais ou ao
alavancar seus negócios”, afirma Lucas Rigotto, Gerente Nacional
mau uso dos equipamentos. Dessa forma, os profissionais
de Serviços Técnicos.
desenvolvem a atenção e o cuidado necessários para o manuseio correto das máquinas, evitando danos futuros”, conclui
Rigotto.
Qualidade de atendimento em primeiro lugar
Dentre todas as iniciativas da Fresenius Medical Care para melho-
A Fresenius Medical Care oferece modalidades de contratos flexí-
rar a qualidade de vida dos pacientes renais, os Serviços Téc-
veis e abrangentes, que se adaptam às necessidades de cada clíni-
nicos contribuem diminuindo a quantidade de falhas e dias de
máquinas paradas, impedindo assim que as sessões de diálise
ca, em qualquer região do país. Conheça as opções e as diferentes
coberturas disponíveis:
Tipo de Contrato
Manutenções
Preventivas
Peças
Manutenções
Corretivas
Welcome Kit
Revisão
Gerencial
Semestral
Certificação
Regulatória
Desconto
em Peças
Desconto em
Mão-de-Obra
FULL
SIM – a cada 6
seis meses
SIM – Todas
SIM – Todas
SIM
SIM
SIM
Inclusas
Até 15% - Para
Horas Extras
MAXI
SIM – a cada
12 meses
SIM – Todas
SIM – Todas
SIM
SIM
SIM
Inclusas
Até 15% - Para
Horas Extras
PREV
SIM – a cada
12 meses
SIM – Para
Preventivas
NÃO
SIM
SIM
SIM
2 a 5%
Até 8% - Para
Corretvas e
Horas Extras
Agende uma visita com o departamento de Serviços Técnicos Fresenius Medical Care, através do telefone (19) 3847-9610 e do
email [email protected], ou fale diretamente com seu Representante de Vendas . Nossos Consultores estão prontos
para lhe oferecer todas as soluções para o sucesso do seu negócio!
10
Serviços Fresenius
CDR Serviços Hospitalares na era da informatização
Atendimento aos pacientes renais à beira do leito ganha suporte de netbooks com acesso permanente à internet
No Brasil, são poucos os hospitais que investem na consti-
na logística de suas operações. O processo de informatização começou em
tuição de uma complexa infra-estrutura própria para a reali-
2002, com a implantação do sistema Nefro Web. Desde então, todos os
zação de Terapia Renal Substitutiva (TRS). A CDR Serviços
procedimentos realizados nos pacientes passaram a ser registrados pelo
Hospitalares, em parceria com a Kidney Assistance, atua
médico responsável em um banco de dados acessado via internet. “O
justamente oferecendo a clínicas e hospitais toda a estrutura
programa é vantajoso em vários aspectos: recolhe os dados requeridos
para o suporte renal de pacientes hospitalizados, incluindo
para o faturamento dos procedimentos junto aos convênios médicos,
aqueles internados em unidades de tratamento intensivo.
permite analisar a evolução do paciente e a qualidade do atendimento
e ainda serve como fonte para pesquisas científicas no campo da ne-
Os serviços são prestados por uma equipe de médicos nefro-
frologia. Hoje, já contabilizamos mais de 17 mil registros”, informa o
logistas, enfermeiros e técnicos de enfermagem, que recebem
Dr. Ricardo Faria. Para facilitar o acesso ao Nefro Web, a equipe de
o apoio logístico para o transporte de equipamentos de diálise e
35 médicos do SH agora está equipada com netbooks - conectados
dos insumos necessários ao atendimento. Todo este empreendi-
à internet através de um modem 3G –, que se diferenciam dos no-
mento recebe o suporte de um atuante time de Serviços Técnicos,
tebooks convencionais por serem menores, leves e mais portáteis.
responsável pelo trabalho de manutenção preventiva e corretiva das
“Antes, os médicos precisavam usar o computador do hospital ou
máquinas, quando necessário.
mesmo esperar chegar em casa para alimentar o sistema com
os dados dos pacientes e dos serviços prestados naquele dia.
“Nossos equipamentos estão entre os mais modernos do mercado e
Graças aos netbooks, eles podem fazer isso à beira do leito”,
são operados por uma equipe médica e de enfermagem em constante
acrescenta o diretor médico. O equipamento também funcio-
atualização, capaz de garantir um tratamento personalizado e seguro
na como uma excelente ferramenta de comunicação, apoio à
para os pacientes renais”, afirma o Dr. Ricardo Faria, diretor médico da
decisão médica e educação continuada, já que os médicos
Kidney Assistance, braço médico da CDR SH.
podem enviar mensagens e consultar bancos de dados úteis
à prática do trabalho, tais como o Uptodate® in Medicine, o
Ao longo dos anos, com a demanda crescente e a, consequente, expansão
dos Serviços Hospitalares, se fez necessário também promover melhorias
guia de antibióticos ABX Guide® e a enciclopédia de medicamentos Epocrates® Online.
Maior cobertura no Rio e Grande Rio
A CDR Serviços Hospitalares e a Kidney Assistance realizam, mensalmente, cerca de 3500 procedimentos de TRS, nas cidades do Rio de Janeiro,
Niterói, Duque de Caxias e Nova Iguaçu. Em média, 400 pacientes renais
são atendidos, em mais de 50 hospitais e clínicas. Para acionar o CDR SH,
entre em contato com o Call Center pelo telefone 0800-9709646.
11
Produtos Fresenius
ALTA QUALIDADE E INOVAÇÃO EM TRATAMENTO DE ÁGUA
A pureza da água utilizada nas máqui-
capaz de prover este tipo de solução no mer-
nas de diálise é fator determinante para
cado brasileiro. Nossos projetos e produtos de
a qualidade, segurança e eficiência dos
estações de tratamento de água estão pron-
procedimentos de Terapia Renal Substi-
tos e validados para serem reconhecidos, in-
tutiva. Por isso, a Fresenius Medical Care
clusive, como Equipamentos Médicos.
investe continuamente na pesquisa, aprimoramento e desenvolvimento de produ-
Novidades em equipamentos
tos e equipamentos dedicados às estações
Nesta edição, apresentamos a nova versão
de tratamento de água para hemodiálise,
da AquaUno, Osmose Reversa de uso do-
consolidando-se hoje no mercado como a
méstico e hospitalar à beira do leito, aper-
maior fabricante mundial deste segmento.
feiçoada especialmente para a realidade
brasileira. Graças ao seu novo sistema
Contamos com toda a estrutura para o planeja-
de pré-tratamento, muito mais robusto, a
mento, execução, instalação e manutenção de
AquaUno 2010 pode ser instalada em
estações de tratamento de água para grande,
qualquer local, sem que isso interfira
médio e pequeno porte, além do modelo de
na qualidade de permeado, garantindo
diálise individual. Os produtos oferecidos
assim níveis precisos de condutividade
pela FME compreendem: Osmoses Reversas
e, finalmente, a efetividade do tratamen-
para qualquer tamanho ou local de instala-
to. Uma bomba amplificadora de pressão
ção, looping de distribuição de permeado,
assegura que qualquer nível e vazão de
painéis de distribuição de água, drenos
água sejam suficientes para um perfeito
e concentrados ácidos para pontos de
funcionamento, com baixo grau de ruídos.
diálise, procedimentos padrão para o
Já disponível no mercado, o novo modelo
cuidado dos Sistemas de Tratamento de
da AquaUno oferece ainda melhor mobilida-
Distribuição de Água para Hemodiálise
de, confiabilidade e robustez. Assim como
(STDAH), certificação de conformidade
as outras osmoses Fresenius Medical Care, a
e análises laboratoriais.
AquaUno tem dois anos de garantia total.
Vale destacar também que a Fresenius
Conheça outros produtos e soluções para
Medical Care está preparada para pro-
o tratamento de água:
ver projetos e produtos de sistemas de
tratamento de água integralmente de
acordo com as últimas disposições da
Resolução RDC 33/08 da Agência Nacio-
•
Projeto no conceito “Site Planning”;
•
Osmose Reversa AquaB;
•
Construção do Anel de distribuição
de permeado;
nal de Vigilância Sanitária (ANVISA). Isso
•
significa que, além de estarmos em con-
Adequação do sistema à Resolução
RDC 33/2008 da ANVISA;
formidade com as normativas brasileiras,
• Consultoria, Manutenção e Monitora-
temos totais condições de garantir a qua-
ção de funcionamento do STDAH.
lidade da matéria-prima mais importante
para a diálise: a água ultrapura.
Embora a qualidade da água seja reconhecida como item fundamental na eficácia do tratamento dialítico, nossa experiência de campo
Entre em contato com os Serviços Técnicos ou com seu Representante
demonstra que a maioria das estações de tratamento de água para
de Vendas e conheça todos os sistemas de tratamento de água que
hemodiálise no Brasil tem mais de oito anos de uso, portanto, neces-
a Fresenius Medical Care oferece.
sitam ser modernizadas urgentemente. A FME é a única empresa
(19) 3847-9610 - [email protected]
Fale conosco | Envie sua mensagem para o BRA pelo nosso e-mail: [email protected]
12
SAC.:
Web:
Rua do Passeio 62, 10º andar
Centro, Rio de Janeiro, RJ
Brasil - 20.021-290
0800 0123434
www.fmc-ag.com.br
BRA é um informativo da Fresenius Medical Care do
Brasil Ltda. Proibida a reprodução total ou parcial,
salvo com autorização expressa da Fresenius
Medical Care.
Editora: Elisa Santiago
Revisão: Ester Gomes
Design e Produção Gráfica: Nobrasso
Fotos: FME Corporativas, Ricardo Gama e Elisa Santiago
As matérias contidas neste veículo são de inteira responsabilidade dos seus autores.
Maio de 2009 l Tiragem: 6.000 exemplares

Documentos relacionados

Edição 12 - Fresenius Medical Care

Edição 12 - Fresenius Medical Care Cuidar® promove educação renal na Astrazeneca O CUIDAR®, Programa de Cuidado Integral à Saúde Renal da Fresenius Medical Care, acaba de participar de uma iniciativa inédita. Seu Diretor, o nefrolo...

Leia mais

4008S V10 - Fresenius Medical Care

4008S V10 - Fresenius Medical Care Incrivelmente, estamos chegando ao final de mais um ano – e como voou 2011! Pelo menos aqui na Fresenius Medical Care, sentimos que os meses passaram muito rapidamente, e isso se deve certamente ao...

Leia mais

Online nº 23 Maio 2013 - Fresenius Medical Care

Online nº 23 Maio 2013 - Fresenius Medical Care grande enfoque na ação dos especialistas em medicina geral. Mas, a par do que já tem sido feito, acredita que este trabalho de sensibilização pode ir mais além, tendo sido já uma preocupação da Fre...

Leia mais