Edmir Lopes de Carvalho

Сomentários

Transcrição

Edmir Lopes de Carvalho
9º Congresso Brasileiro de Normas Contábeis
para Empresas de Energia Elétrica
Edmir Lopes de Carvalho
22 de maio de 2014
Edmir Lopes de Carvalho
1
APRESENTAÇÃO
Edmir Lopes de Carvalho
Mestre em Controladoria e graduado em Ciências Contábeis pela FEA-USP. Executivo das áreas de
Controladoria e Planejamento, com carreira iniciada em auditoria na Coopers&Lybrand (uma das “big
four”), e consolidada em empresas de destaque: Iochpe-Maxion S/A, Rhodia, Grupo Rhône Poulenc,
Aventis Crop Science Ltda, Alstom Brasil Ltda e Assa Abloy (Yale La Fonte Sistemas de Segurança
Ltda). Atualmente é sócio da VIRTUS – Treinamento e Gestão Contábil Ltda (Consultoria Empresarial e
Implantação de Sistemas, Consultoria e Treinamento em IFRS e IPSAS) e Vice-Presidente
(Contabilidade) da ANEFAC. Membro do IIRC (International Integrated Reporting Council) e do CODIM
(Comitê de Orientação para Divulgação de Informações ao Mercado). Na área acadêmica é professor
da FIPECAFI e FIA (FEA-USP), FGV Management, Mackenzie e UNISINOS. Pesquisador do Laboratório
TECSI–USP, do qual é um dos responsáveis pelo desenvolvimento da taxonomia brasileira de XBRL.
Certificado em Normas Internacionais de Contabilidade (IFRS) pelo ACCA e associado ao IMA Institute of Management Accountants (USA).
Edmir Lopes de Carvalho
2
Fonte: GDT
Edmir Lopes de Carvalho
3
CONTEÚDO
•Impacto das IFRS no Brasil em 01.01.09
CPC 37 - Adoção Inicial das Normas Internacionais de Contabilidade (IFRS 1)
•Normas aplicáveis a partir de 01.01.13
CPC 19 - Negócios em Conjunto (IFRS 11)
CPC 36 - Demonstrações Consolidadas (IFRS 10)
CPC 45 - Divulgação de Participações em Outras Entidades (IFRS 12)
CPC 46 - Mensuração do Valor Justo (IFRS 13)
•Divulgação da MP 627/13, efeito a partir de 01.01.14
•Prêmio Transparência ANEFAC-FIPECAFI-SERASA EXPERIAN
Edmir Lopes de Carvalho
4
Impacto das IFRS no Brasil em 01.01.09
Levantamento efetuado por segmento
caracterizado pela
Fonte: Virtus – Treinamento e Gestão Contábil Ltda. * Em 01.01.09 para uma amostra de 115 companhias abertas.
Edmir Lopes de Carvalho
5
Impacto das IFRS em 01.01.09
Edmir Lopes de Carvalho
6
Impacto das IFRS em 01.01.09
2.007
2.008
2.009
2.010
Lei 6.404 “antiga”
Lei 6.404 “com a 11.638/07”
14 CPCs
Lei 11.638/07 => IFRS
40 CPCs
Foco do estudo
S/A
Capital Aberto
Fonte: Virtus – Treinamento e Gestão Contábil Ltda. * Em 01.01.09 para uma amostra de 115 companhias abertas.
Edmir Lopes de Carvalho
7
Impacto das IFRS em 01.01.09
Tradicionais
Mercado Balcão
Financeiro
Demais Segmentos
Total: 675 empresas
Gov Corporativa
IFRS Antecipado
Constituída em 2009 / 2010
Sem Alterações
Outros
MA
1
1
NM
102
(7)
(5)
(11)
(2)
77
115
N1
26
N2
12
(1)
25
12
Fonte: Virtus – Treinamento e Gestão Contábil Ltda. * Em 01.01.09 para uma amostra de 115 companhias abertas.
Edmir Lopes de Carvalho
8
Impacto das IFRS em 01.01.09
Fonte: Virtus – Treinamento e Gestão Contábil Ltda. * Em 01.01.09 para uma amostra de 115 companhias abertas.
Edmir Lopes de Carvalho
9
Impacto das IFRS em 01.01.09
em milhares de R$
Saldo com base nas práticas anteriores
CPC 27 / IAS 16
Imobilizado
CPC 15 / IFRS 3
Combinação de Negócios
Part Não Controladores
CPC 29 / IAS 41
ICPC 08
CPC 38, 39 e 40 / IAS 32,39 e IFRS 7
A Biológico
Pagto Dividendos
Instrumentos Financeiros
CPC 30 / IAS 18
Receita
CPC 01 / IAS 36
Impairment
CPC 25 / IAS 37
Provisões / Passivos Contingentes
CPC 33 / IAS 19
Benefícios a Empregados
CPC 04 / IAS 38
Intangível
ICPC 01 / IFRIC 12
Concessão
Ativo Diferido
CPC 37 / IFRS 1
CPC 32 / IAS 12
Adoção Inicial
IR e CS Diferidos
Outros
Saldo com base nas IFRS
290.115.779
23.697.838
4.038.048
2.930.908
2.842.637
2.753.723
698.307
(470.057)
(667.110)
(713.698)
(735.937)
(809.619)
(1.552.793)
(1.560.430)
(3.815.760)
(6.811.532)
958.970
310.899.274
8,2%
1,4%
1,0%
1,0%
0,9%
0,2%
-0,2%
-0,2%
-0,2%
-0,3%
-0,3%
-0,5%
-0,5%
-1,3%
-2,3%
0,3%
7,2%
Fonte: Virtus – Treinamento e Gestão Contábil Ltda. * Em 01.01.09 para uma amostra de 115 companhias abertas.
Edmir Lopes de Carvalho
10
Impacto das IFRS em 01.01.09
Setor Econômico
Valores em milhares de R$
01.01.2009
SETOR ECONÔMICO
Anterior
Bens Industriais
11.049.713
Construção e Transporte
26.543.811
Consumo Cíclico
10.047.295
Consumo não Cíclico
28.629.583
Materiais Básicos
64.600.440
Petróleo, Gás e Biocombustíveis
9.270.067
Tecnologia da Informação
2.350.031
Utilidade Pública
137.624.839
Total Geral
290.115.779
Reapresentado Var%
12.801.416
25.462.741
10.820.350
30.221.066
77.947.376
9.185.500
2.296.960
142.163.865
310.899.274
15,9%
-4,1%
7,7%
5,6%
20,7%
-0,9%
-2,3%
3,3%
7,2%
Fonte: Virtus – Treinamento e Gestão Contábil Ltda. * Em 01.01.09 para uma amostra de 115 companhias abertas.
Edmir Lopes de Carvalho
11
Impacto das IFRS em 01.01.09
Utilidade Pública
Valores em milhares de R$
01.01.2009
Empresas
ELETROBRAS
CESP
CEMIG
COPEL
CPFL ENERGIA
ENERGIAS BR
TRAN PAULIST
TRACTEBEL
ELETROPAULO
LIGHT S/A
MPX ENERGIA
TERNA PART
EQUATORIAL
CELESC
CEEE-GT
CEEE-D
RENOVA
Anterior
81.331.008
7.904.531
9.694.450
8.053.087
5.106.951
5.378.198
4.103.296
3.170.788
3.298.824
2.803.704
2.095.847
1.476.109
1.101.126
1.638.252
434.781
24.870
9.017
137.624.839
Edmir Lopes de Carvalho
Reapresentado
Var%
77.309.906 -4,9%
10.287.431 30,1%
10.106.645 4,3%
9.961.094 23,7%
6.050.846 18,5%
5.327.380 -0,9%
4.407.113 7,4%
3.900.187 23,0%
3.578.353 8,5%
3.465.817 23,6%
2.050.603 -2,2%
1.756.132 19,0%
1.699.339 54,3%
1.655.685 1,1%
581.098 33,7%
18.145 -27,0%
8.091 -10,3%
142.163.865 3,3%
12
Impacto das IFRS em 01.01.09
Utilidade Pública
Saldo com base nas práticas anteriores
SEGMENTO
Energia Elétrica
em milhares de R$
137.624.839
Imobilizado
9.667.152
Pagto Dividendos
2.155.985
Participação dos Acionistas
842.771
Outros
366.830
Consolidação
165.773
Combinação de Negócios
154.347
Investimentos
46.506
A Biológico
6.886
Provisões / Passivos Contingentes
(3.011)
Intangível
(11.576)
Custo de Empréstimo
(25.319)
Ativo Diferido
(56.079)
Receita
(106.618)
Instrumentos Financeiros
(116.309)
Benefícios a Empregados
(196.815)
Concessão
(1.485.357)
IR e CS Diferidos
(3.050.380)
Adoção Inicial
(3.815.760)
Saldo com base nas IFRS
142.163.865
7,0%
1,6%
0,6%
0,3%
0,1%
0,1%
0,0%
0,0%
0,0%
0,0%
0,0%
0,0%
-0,1%
-0,1%
-0,1%
-1,1%
-2,2%
-2,8%
3,3%
Empresas
CEEE-D
CEEE-GT
CELESC
CEMIG
CESP
COPEL
CPFL ENERGIA
ELETROBRAS
ELETROPAULO
ENERGIAS BR
EQUATORIAL
LIGHT S/A
MPX ENERGIA
RENOVA
TERNA PART
TRACTEBEL
TRAN PAULIST
Fonte: Virtus – Treinamento e Gestão Contábil Ltda. * Em 01.01.09 para uma amostra de 115 companhias abertas.
Edmir Lopes de Carvalho
13
Impacto das IFRS em 01.01.09
Adoção Inicial
(CPC 37 / IFRS 1
Edmir Lopes de Carvalho
14
Impacto das IFRS em 01.01.09
Adoção Inicial
(CPC 37 / IFRS 1
Edmir Lopes de Carvalho
15
Impacto das IFRS em 01.01.09
Imobilizado
(CPC 27 / IAS 16)
ICPC 10
Edmir Lopes de Carvalho
16
Impacto das IFRS em 01.01.09
Imobilizado
(CPC 27 / IAS 16)
ICPC 10
Edmir Lopes de Carvalho
17
Impacto das IFRS em 01.01.09
Adoção Inicial
(CPC 37 / IFRS 1
Edmir Lopes de Carvalho
18
Impacto das IFRS em 01.01.09
Adoção Inicial
CPC 32 / IAS 12
(CPC 37 / IFRS 1
ATIVO
IR Diferido
Ativo Regulatório
Outros AC
AC
31.12.08
Antes
297.730
349.550
3.350.225
3.997.505
Ajustes
(297.730)
(349.550)
(81.850)
(729.130)
01.01.09
Reapresentado
3.268.375
3.268.375
IR Diferido
Ativo Regulatório
Ativo Financeiro
Imobilizado
Intangível
Outros AÑC
AÑC
873.586
152.370
6.423.393
256.929
852.606
8.558.884
246.049
(152.370)
615.690
(6.297.905)
5.683.530
25.762
120.756
1.119.635
615.690
125.488
5.940.459
878.368
8.679.640
ATIVO TOTAL
12.556.389
(608.374)
11.948.015
Edmir Lopes de Carvalho
0
30.475
620.711
258.385
96.141
2.537.318
3.543.030
Ajustes
(6.083)
(30.475)
(614.690)
(258.385)
(96.141)
(1.005.774)
01.01.09
Reapresentado
(6.083)
6.021
2.537.318
2.537.256
Custo a Amortizar
IR Diferido
Prev Privada
Passivo Regulatório
Outros PÑC
PÑC
524.834
1.865.980
4.110
3.319.611
5.714.535
(23.703)
380.596
(263.027)
(4.110)
28.115
117.871
(23.703)
905.430
1.602.953
3.347.726
5.832.406
Resultados Abrangentes
Dividendos Propostos
Lucros Acumulados
Outros
PL
2.142.917
1.155.907
3.298.824
(383.341)
614.690
35.836
12.344
279.529
1.759.576
614.690
35.836
1.168.251
3.578.353
PASSIVO TOTAL
12.556.389
(608.374)
11.948.015
Custo a Amortizar
IR Diferido
Dividendo Declarados
Prev Privada
Passivo Regulatório
Outros PC
PC
31.12.08
Antes
PASSIVO / PL
19
Impacto das IFRS em 01.01.09
Ativo e Passivo
Regulatorio
Adoção Inicial
(CPC 37 / IFRS 1
ATIVO
IR Diferido
Ativo Regulatório
Outros AC
AC
31.12.08
Antes
297.730
349.550
3.350.225
3.997.505
Ajustes
(297.730)
(349.550)
(81.850)
(729.130)
01.01.09
Reapresentado
3.268.375
3.268.375
IR Diferido
Ativo Regulatório
Ativo Financeiro
Imobilizado
Intangível
Outros AÑC
AÑC
873.586
152.370
6.423.393
256.929
852.606
8.558.884
246.049
(152.370)
615.690
(6.297.905)
5.683.530
25.762
120.756
1.119.635
615.690
125.488
5.940.459
878.368
8.679.640
ATIVO TOTAL
12.556.389
(608.374)
11.948.015
Edmir Lopes de Carvalho
0
30.475
620.711
258.385
96.141
2.537.318
3.543.030
Ajustes
(6.083)
(30.475)
(614.690)
(258.385)
(96.141)
(1.005.774)
01.01.09
Reapresentado
(6.083)
6.021
2.537.318
2.537.256
Custo a Amortizar
IR Diferido
Prev Privada
Passivo Regulatório
Outros PÑC
PÑC
524.834
1.865.980
4.110
3.319.611
5.714.535
(23.703)
380.596
(263.027)
(4.110)
28.115
117.871
(23.703)
905.430
1.602.953
3.347.726
5.832.406
Resultados Abrangentes
Dividendos Propostos
Lucros Acumulados
Outros
PL
2.142.917
1.155.907
3.298.824
(383.341)
614.690
35.836
12.344
279.529
1.759.576
614.690
35.836
1.168.251
3.578.353
PASSIVO TOTAL
12.556.389
(608.374)
11.948.015
Custo a Amortizar
IR Diferido
Dividendo Declarados
Prev Privada
Passivo Regulatório
Outros PC
PC
31.12.08
Antes
PASSIVO / PL
20
Impacto das IFRS em 01.01.09
Adoção Inicial
ICPC 01 / IFRIC 12
(CPC 37 / IFRS 1
ATIVO
IR Diferido
Ativo Regulatório
Outros AC
AC
31.12.08
Antes
297.730
349.550
3.350.225
3.997.505
Ajustes
(297.730)
(349.550)
(81.850)
(729.130)
01.01.09
Reapresentado
3.268.375
3.268.375
IR Diferido
Ativo Regulatório
Ativo Financeiro
Imobilizado
Intangível
Outros AÑC
AÑC
873.586
152.370
6.423.393
256.929
852.606
8.558.884
246.049
(152.370)
615.690
(6.297.905)
5.683.530
25.762
120.756
1.119.635
615.690
125.488
5.940.459
878.368
8.679.640
ATIVO TOTAL
12.556.389
(608.374)
11.948.015
Edmir Lopes de Carvalho
0
30.475
620.711
258.385
96.141
2.537.318
3.543.030
Ajustes
(6.083)
(30.475)
(614.690)
(258.385)
(96.141)
(1.005.774)
01.01.09
Reapresentado
(6.083)
6.021
2.537.318
2.537.256
Custo a Amortizar
IR Diferido
Prev Privada
Passivo Regulatório
Outros PÑC
PÑC
524.834
1.865.980
4.110
3.319.611
5.714.535
(23.703)
380.596
(263.027)
(4.110)
28.115
117.871
(23.703)
905.430
1.602.953
3.347.726
5.832.406
Resultados Abrangentes
Dividendos Propostos
Lucros Acumulados
Outros
PL
2.142.917
1.155.907
3.298.824
(383.341)
614.690
35.836
12.344
279.529
1.759.576
614.690
35.836
1.168.251
3.578.353
PASSIVO TOTAL
12.556.389
(608.374)
11.948.015
Custo a Amortizar
IR Diferido
Dividendo Declarados
Prev Privada
Passivo Regulatório
Outros PC
PC
31.12.08
Antes
PASSIVO / PL
21
Impacto das IFRS em 01.01.09
Adoção Inicial
ICPC 08
(CPC 37 / IFRS 1
ATIVO
IR Diferido
Ativo Regulatório
Outros AC
AC
31.12.08
Antes
297.730
349.550
3.350.225
3.997.505
Ajustes
(297.730)
(349.550)
(81.850)
(729.130)
01.01.09
Reapresentado
3.268.375
3.268.375
IR Diferido
Ativo Regulatório
Ativo Financeiro
Imobilizado
Intangível
Outros AÑC
AÑC
873.586
152.370
6.423.393
256.929
852.606
8.558.884
246.049
(152.370)
615.690
(6.297.905)
5.683.530
25.762
120.756
1.119.635
615.690
125.488
5.940.459
878.368
8.679.640
ATIVO TOTAL
12.556.389
(608.374)
11.948.015
Edmir Lopes de Carvalho
0
30.475
620.711
258.385
96.141
2.537.318
3.543.030
Ajustes
(6.083)
(30.475)
(614.690)
(258.385)
(96.141)
(1.005.774)
01.01.09
Reapresentado
(6.083)
6.021
2.537.318
2.537.256
Custo a Amortizar
IR Diferido
Prev Privada
Passivo Regulatório
Outros PÑC
PÑC
524.834
1.865.980
4.110
3.319.611
5.714.535
(23.703)
380.596
(263.027)
(4.110)
28.115
117.871
(23.703)
905.430
1.602.953
3.347.726
5.832.406
Resultados Abrangentes
Dividendos Propostos
Lucros Acumulados
Outros
PL
2.142.917
1.155.907
3.298.824
(383.341)
614.690
35.836
12.344
279.529
1.759.576
614.690
35.836
1.168.251
3.578.353
PASSIVO TOTAL
12.556.389
(608.374)
11.948.015
Custo a Amortizar
IR Diferido
Dividendo Declarados
Prev Privada
Passivo Regulatório
Outros PC
PC
31.12.08
Antes
PASSIVO / PL
22
Impacto das IFRS em 01.01.09
Adoção Inicial
CPC 33 / IAS 19
(CPC 37 / IFRS 1
ATIVO
IR Diferido
Ativo Regulatório
Outros AC
AC
31.12.08
Antes
297.730
349.550
3.350.225
3.997.505
Ajustes
(297.730)
(349.550)
(81.850)
(729.130)
01.01.09
Reapresentado
3.268.375
3.268.375
IR Diferido
Ativo Regulatório
Ativo Financeiro
Imobilizado
Intangível
Outros AÑC
AÑC
873.586
152.370
6.423.393
256.929
852.606
8.558.884
246.049
(152.370)
615.690
(6.297.905)
5.683.530
25.762
120.756
1.119.635
615.690
125.488
5.940.459
878.368
8.679.640
ATIVO TOTAL
12.556.389
(608.374)
11.948.015
Edmir Lopes de Carvalho
0
30.475
620.711
258.385
96.141
2.537.318
3.543.030
Ajustes
(6.083)
(30.475)
(614.690)
(258.385)
(96.141)
(1.005.774)
01.01.09
Reapresentado
(6.083)
6.021
2.537.318
2.537.256
Custo a Amortizar
IR Diferido
Prev Privada
Passivo Regulatório
Outros PÑC
PÑC
524.834
1.865.980
4.110
3.319.611
5.714.535
(23.703)
380.596
(263.027)
(4.110)
28.115
117.871
(23.703)
905.430
1.602.953
3.347.726
5.832.406
Resultados Abrangentes
Dividendos Propostos
Lucros Acumulados
Outros
PL
2.142.917
1.155.907
3.298.824
(383.341)
614.690
35.836
12.344
279.529
1.759.576
614.690
35.836
1.168.251
3.578.353
PASSIVO TOTAL
12.556.389
(608.374)
11.948.015
Custo a Amortizar
IR Diferido
Dividendo Declarados
Prev Privada
Passivo Regulatório
Outros PC
PC
31.12.08
Antes
PASSIVO / PL
23
Impacto das IFRS em 01.01.09
Adoção Inicial
(CPC 37 / IFRS 1
Edmir Lopes de Carvalho
24
Impacto das IFRS em 01.01.09
Adoção Inicial
(CPC 37 / IFRS 1
RECEITA OPERACIONAL LÍQUIDA
RESULTADO DO EXERCÍCIO - 2009
31.12.09
31.12.09
Reapresentado
Antes
Ajustes
8.049.899
735.738
8.785.637
Depreciação e Amortização
Custos de Construção
Outros
CUSTO OPERACIONAL BRUTO
(354.807)
(5.781.018)
(6.135.825)
(115.977)
(531.170)
(2.616)
(649.763)
(470.784)
(531.170)
(5.783.634)
(6.785.588)
RESULTADO BRUTO
Despesas Operacionais
RESULTADO OPERACIONAL
Resultado Financeiro
RESULTADO ANTES DO IR/CSLL
IR/CSLL
LUCRO LÍQUIDO
1.914.074
(722.315)
1.191.759
228.906
1.420.665
(357.471)
1.063.194
85.975
85.975
41.505
127.480
(34.148)
93.332
2.000.049
(722.315)
1.277.734
270.411
1.548.145
(391.619)
1.156.526
Edmir Lopes de Carvalho
CPC 17 / IAS 11
CPC 20 / IAS 23
25
Normas aplicáveis a partir de 01.01.13
CPC 19 - Negócios em Conjunto (IFRS 11)
CPC 36 - Demonstrações Consolidadas (IFRS 10)
CPC 45 - Divulgação de Participações em Outras Entidades (IFRS 12)
CPC 46 - Mensuração do Valor Justo (IFRS 13)
Edmir Lopes de Carvalho
26
Normas aplicáveis a partir de 01.01.13
Edmir Lopes de Carvalho
27
Normas aplicáveis a partir de 01.01.13
Demonstrações Consolidadas
(CPC 36 / IFRS 10
Edmir Lopes de Carvalho
28
Normas aplicáveis a partir de 01.01.13
Negócios em Conjunto
(CPC 19 / IFRS 11
Edmir Lopes de Carvalho
29
Normas aplicáveis a partir de 01.01.13
Divulgação de Participações em Outras Entidades
(CPC 45 / IFRS 12
Edmir Lopes de Carvalho
30
Impacto das IFRS em 01.01.12
Edmir Lopes de Carvalho
31
Impacto das IFRS em 01.01.12
Edmir Lopes de Carvalho
32
Impacto das IFRS em 01.01.12
Ativo Circulante
Edmir Lopes de Carvalho
33
Impacto das IFRS em 01.01.12
Ativo Não Circulante
Edmir Lopes de Carvalho
34
Impacto das IFRS em 01.01.12
Passivo Circulante
Edmir Lopes de Carvalho
35
Impacto das IFRS em 01.01.12
Passivo Não Circulante
Edmir Lopes de Carvalho
36
Impacto das IFRS em 01.01.12
Patrimômio Líquido
Edmir Lopes de Carvalho
37
Divulgação da MP 627/13, efeito a partir de 01.01.14
Edmir Lopes de Carvalho
38
Divulgação da MP 627/13, efeito a partir de 01.01.14
A administração da Companhia, suportada por pareceres
legais externos, entende que não há obrigatoriedade da
tributação de eventual excesso do lucro liquido
A Companhia não optou pela aplicação dos efeitos da
ajustado, apurado de acordo com as práticas contábeis
MP 627/13 para o ano-calendário de 2014, conforme
adotadas no Brasil em relação aos resultados fiscais
prevê o artigo 71, desta forma os impactos dessa Medida
(Medida Provisória 627/2013). Desta forma, o pagamento Provisória deverão ocorrer somente a partir de 1º de
de dividendos está baseado nas regras contábeis e
janeiro de 2015
societárias vigentes, não havendo tributação quando da
sua distribuição
Edmir Lopes de Carvalho
39
Divulgação da MP 627/13, efeito a partir de 01.01.14
Adicionalmente, a conclusão sobre a opção pela adoção
antecipada das novas regras em 2014, também,
dependerá de análise última sobre o texto definitivo da
nova Lei e do aguardo da regulamentação pela Receita
Federal do Brasil quanto à sua formalização. Não
obstante, a Administração, com base nesta faculdade
prevista na MP, não prevê, neste momento, efeitos
retroativos significativos nas Demonstrações Contábeis
da Companhia
Edmir Lopes de Carvalho
40
Divulgação da MP 627/13, efeito a partir de 01.01.14
A Administração, baseada em análises preliminares
sobre os possíveis efeitos decorrentes da aplicação da
Medida, entende que não haverá elevação de carga
tributária em relação à legislação vigente para a
Companhia.
A MP recebeu diversas propostas de emendas que ainda
serão apreciadas e votadas pelo Congresso Nacional. A
decisão da Companhia quanto à sua adoção antecipada
depende de análise posterior sobre eventuais alterações
que poderão vir a ser aprovadas pelo Congresso.
Edmir Lopes de Carvalho
41
Prêmio Transparência
ANEFAC-FIPECAFI-SERASA EXPERIAN
Edmir Lopes de Carvalho
42
Prêmio Transparência
ANEFAC-FIPECAFI-SERASA EXPERIAN
Edmir Lopes de Carvalho
43
Prêmio Transparência
ANEFAC-FIPECAFI-SERASA EXPERIAN
Edmir Lopes de Carvalho
44
Prêmio Transparência
ANEFAC-FIPECAFI-SERASA EXPERIAN
Edmir Lopes de Carvalho
45
Obrigado!!!
Edmir Lopes de Carvalho
[email protected]
Edmir Lopes de Carvalho
46

Documentos relacionados

lei 12.973 conceitos, desafios e dificuldades que as

lei 12.973 conceitos, desafios e dificuldades que as subconta contábil ou Parte B do Lalur • Ajustes da Lei 12.973/2014: • Controle em subcontas: • Ajuste a valor justo – AVJ; • Ajuste a valor presente – AVP; • Mais/menos valia de ativos; • Ágio (goo...

Leia mais