Papel A4

Сomentários

Transcrição

Papel A4
ABADÁ MILLENIUMCLASSE
2ª série
Língua Portuguesa / Matemática / Biologia / Física /
Geografia / História / Química / L. Estrangeira / Sociologia
Observe manchete no jornal “O Globo”.
TERREMOTO MATA 214 NO CHILE E PROVOCA ALERTA DE
TSUNAMI
Observe as afirmações:
I- Sendo região definida, falta o artigo “a” no subtítulo. As
possibilidades de sentido são: que a região tem ou qual
região tem?
II- A ambiguidade é gerada pela palavra “margem” no título,
tendo possibilidade de margem, no sentido de abandono,
jogada, deixada de lado ou também de à beira de, às
margens de, já que a região portuária fica nas limitações
da cidade.
III – A ambiguidade é provocada pela palavra “áreas” que não
deixa claro sua proposta de mensagem. Se é área física ou
conceitual/de atuação.
a) somente I está correta;
b) somente II está correta;
c) I e II estão corretas;
d) somente III está correta;
e) nenhuma está correta.
Questão 03 - Observe a frase:
“O prefeito encontrou-se com o governador em seu
gabinete.”
Explique qual condição gramatical construiu a ambiguidade
nesse fragmento.
Questão 04 - Leia agora um texto jornalístico, utilizado num
exame vestibular da Unicamp:
“A oncocercose é uma doença típica de comunidades
primitivas. Não foi desenvolvido ainda nenhum medicamento
ou tratamento que possibilite o restabelecimento da visão.
Após ser picado pelo mosquito, o parasita (agente da doença)
cai na circulação sanguínea e passa a provocar irritações
oculares até perda total da visão.”
(Folha de S. Paulo, 2/11/1990).
Legenda da foto: Moradores cercam um prédio destruído em concepción, a
320 quilômetros de santiago, onde foi o epicentro do terremoto...
Observe o fragmento em destaque e mostre o que há
ambíguo em razão da maneira errada como está redigido.
Questão 05 - Observe o quadrinho
Questão 01 - No texto da legenda da foto, há uma
ambiguidade. Destaque-a, mostrando as possibilidades de
sentido e o que provocou o erro.
NÓS ESTAMOS APENAS
FICANDO, PAPAI
E FICAR É..?
FICAR É
ASSIM, FICAR ...
E NÃO HÁ PERIGO
DELA FICAR ...
NÃO
FOI BOM TERMOS
ESTA CONVERSA
ÀS CLARAS
Questão 02 - No texto citado a seguir, uma matéria do Jornal
O Globo, Editoria Rio, datada do dia 27 de fevereiro de 2010,
apresenta ambiguidade em seu título. Observe.
ZONA PORTUÁRIA CONTINUA À MARGEM DA CIDADE
LEVANTAMENTO FEITO PELO “RIO COMO VAMOS” MOSTRA
QUE REGIÃO TEM PROBLEMAS EM ÁREAS COMO SAÚDE E
EDUCAÇÃO
Qual palavra gera ambiguidade? Em qual situação, há uma
sugestão de ambiguidade, no uso dessa palavra? Explique a
construção dessa ambiguidade.
Questão 06 - Em uma entrevista, Ferreira Gullar, ao ser
perguntado: “Você começou estudando gramática. É preciso
isso para escrever bem?”, responde: “Não (com ironia). E nem
é preciso saber português. É ler os jornais e ver a TV para
perceber. Outro dia ouvi ‘as quinhentas milhões de pessoas’.
Eles não sabem que ‘quinhentos’ é palavra masculina.
Confundem ‘este’ com ‘esse’. ‘Esse programa que estão
vendo…’. Para eles é tudo a mesma coisa. Ignoram que as
palavras têm sentido preciso e, para escrever bem, é preciso
saber o significado, as relações entre elas, quais se
combinam, como convivem. Para isso é preciso ter lido algo”.
LÍNGUA PORTUGUESA, São Paulo: Segmento, ano 1, n. 5, 2006.
Considerando-se o trecho transcrito da entrevista de Ferreira
Gullar, explique:
a) a alteração ocorrida na resposta do entrevistado com o
acréscimo da expressão, entre parênteses, “com ironia”;
b) a regra que os falantes utilizam quando dizem “as
quinhentas milhões de pessoas”.
Questão 07 - Em uma prova escolar, uma das questões
solicitava que os alunos classificassem a oração destacada no
período abaixo e justificassem a resposta.
Os operários fizeram todo o trabalho, e não receberam
o pagamento.
Um dos alunos respondeu que a oração era coordenada
sindética aditiva, justificando que essa classificação se devia à
presença da conjunção “e”.
Pergunta-se: esse aluno acertou ou errou a resposta? Por
quê?
Relativamente a ele, assinale a afirmação correta:
a) Não há, no texto, nenhum indício do ramo de atividade
econômica em que a empresa atua.
b) O texto, por fazer uso da linguagem coloquial, produz um
efeito contrário ao pretendido, pois cria uma imagem
negativa da empresa junto aos seus potenciais clientes.
c) O texto, ao fazer uso da linguagem coloquial e de um
recurso humorístico, procura passar para o leitor uma
imagem de que a empresa atende seus clientes de maneira
descontraída, informal e, ao mesmo tempo, eficiente.
d) O texto, ao fazer uso exclusivamente da variedade padrão
da língua, procura passar a imagem de que a empresa é séria
e responsável.
Questão 10 - No ano passado, o governo promoveu uma
campanha a fim de reduzir os índices de violência. Noticiando
o fato, um jornal publicou a seguinte manchete:
Campanha contra a violência do governo do estado
entra em nova fase.
A manchete tem duplo sentido, e isso dificulta o
entendimento. Considerando o objetivo da notícia esse
problema poderia ter sido evitado com a seguinte redação:
a) A violência do governo do estado entra em nova fase de
campanha.
b) Campanha contra o governo do estado entra em nova fase
de violência.
c) A violência da campanha do governo do estado entra em
nova fase.
d) Campanha do governo do estado contra a violência entra
em nova fase.
Questão 11 - A subjetividade humana é retratada numa
Questão 08 - Leia este trecho de texto:
dimensão peculiar no período
Naturalismo. O amor, por exemplo:
“As autoridades [coloniais portuguesas] procuraram
evitar a formação desses núcleos solidários, quer
destruindo os quilombos, que causavam pavor aos
agentes da Coroa – e, de resto, aos proprietários de
escravos em geral --, quer reprimindo os batuques e os
calundus promovidos pelos negros.”
literário
denominado
a) constitui um sentimento puro, impossível de ser atingido.
b) está determinado por forças que levam ao sofrimento.
c) leva o ser humano à escravidão.
d) resulta do anseio de prazer ou da necessidade biológica.
e) constitui o verdadeiro espelho da alma.
História da vida privada no Brasil. Cia. das Letras/SP-1997.
Considere as seguintes afirmações acerca do nexo
quer...quer:
I. Seu uso estabelece paralelismo sintático entre os
segmentos introduzidos pelas ocorrências de quer.
II. Ele poderia ser substituído por seja...seja..., sem acarretar
alteração no significado da frase em questão.
III. Ele indica que os portugueses não só destruíam os
quilombos, mas também reprimiam os batuques e calundus.
Quais são corretas?
a) Apenas I b) Apenas II
c) Apenas III
d) I, II e III
Questão 09 - Leia este texto de propaganda, publicado por
uma empresa em uma revista.
Quando os ecologistas descobrirem a quantidade
de galhos que os nossos gerentes quebram todo
dia, estamos fritos.
(Revista Veja)
Questão 12 - “O modo pelo qual agora se vê e se expressa a
realidade é muito mais radical e unilateral do que o enfoque
simplesmente ‘realista’. Trata-se, na verdade, de um modo de
considerar o homem como produto do meio e das forças do
instinto animal, numa visão fatalista e determinista, para a
qual a literatura contribui dando ênfase aos detalhes,
sublinhando o lado material da vida, documentando os
limites humanos com o rigor de uma demonstração
científica.”
O trecho acima está tratando:
a) da arte parnasiana.
b) do regionalismo romântico.
c) da primeira fase do Modernismo
d) da prosa naturalista.
e) da última geração romântica.
Questão 13 - O Realismo e o Naturalismo, estilos de época
Questão 14 - No início do romance, Honorina é definida por
contemporâneos na literatura brasileira, têm características
que os aproximam e características que os distinguem. Das
opções abaixo, há uma que não é verdadeira. Isso ocorre em:
a) Enquanto o Realismo tende para uma visão biológica do
homem, o Naturalismo tem uma acentuada tendência e
preferência por temas da patologia social.
b) O Naturalismo considera o homem uma máquina guiada
pela ação das leis químicas e físicas e pela hereditariedade.
c) Os personagens, tanto das obras realistas, quanto das
obras naturalistas, são tipos concretos, vivos, frutos da
observação.
d) Os autores realistas e naturalistas privilegiam em suas
obras a descrição, em vez da narração.
e) Os autores realistas e naturalistas preferem retratar, em
suas obras, a vida contemporânea, a sua época, a retratar o
passado.
uma das personagens como “tipo romântico”.
Que
elementos do trecho transcrito sugerem tal denominação?
Leia.
O Moço Loiro é um romance que une amor e mistério em
uma trama mirabolante tipicamente romântica. O jovem
Lauro, acusado injustamente de roubar uma relíquia de sua
família é expulso de casa. Anos depois, sua prima Honorina
recebe bilhetes de amor de um jovem desconhecido, o Moço
Loiro. Assumindo diferentes disfarces, esse pretendente está
em todos os lugares e intervém em vários acontecimentos da
história, punindo os maus e ajudando os bons, como convém
a um herói romântico. No final, sua verdadeira identidade é
revelada: ele é Lauro. Com sua inocência provada, ele pode,
enfim casar-se com Honorina e viver feliz para sempre.
O Moço Loiro
Honorina, a moça descrita no trecho, é uma jovem romântica,
que protagonizará uma história de amor idealizado.
Ela tem dezesseis anos, é de estatura regular, longas e
negras madeixas se mostram presas em avultada trança, ao
mesmo tempo que dos lados lhe caem como esquecidos
bastos anéis delas, que voam em caracol beijando-lhe o
nascer dos seios; a fronte é lisa, branca, e elevada; os olhos
pretos, grandes, cheios de doçura e langor; a tez de seu rosto
é alva, fina, transparente mesmo, sem fogo, e deixando
apenas adivinhar longínquo rubor e entrever neste ou
naquele ponto um azulado ramúsculo venoso, que para logo
desaparece: no entanto, admira-se aí essa palidez, que
interessa, e arrebata; nada mais majestoso que seu colo, nada
mais perigosamente belo do que seu peito cor de leite com a
mais feliz perfeição encarnado, transpirando amor e desejos
de cada vez que, respirando, se eleva; sua compleição é fraca
e delicada; e há em seu sorrir, em suas menores ações, em
todos os seus traços, enfim, um não-sei-quê de tocante e
melancólico, que quem a vê, a observa, a estuda por força;
sua voz é doce, melíflua, como o gemer saudoso da frauta
noturna e afastada; e pela angélica pureza de suas vistas, pela
celeste candura de seu semblante parecem transluzir todos
os pensamentos de sua alma; seu pisar é sutil, e
imperceptível; dir-se-ia ao vê-la passar silenciosa, que não é
uma mulher que anda, mas a imagem de um anjo que,
refletida em um espelho, se desliza por ele, e desaparece
impalpável e bela.
(O Moço Loiro – Joaquim Manuel de Macedo)
Leia o trecho abaixo, de A Viuvinha, e compare com a
descrição de Honorina:
“Nesse momento viu ajoelhada ao pé da grade que
separa a capela, uma menina de quinze anos, quando muito:
o perfil suave e delicado, os longos cílios que vendavam seus
olhos negros e brilhantes, as tranças que realçavam a sua
fronte pura, o impressionaram. Começou a contemplar
aquela menina como se fosse uma santa; [...]”
(A Viuvinha – José de Alencar)
Questão – 15 - Identifique as semelhanças existentes na
caracterização das duas personagens e explique de que
maneira essa semelhança indica uma espécie de “modelo” na
construção das heroínas românticas.
Questão 16 - Uma formiguinha encontra-se no ponto A de
um cubo conforme a figura abaixo. Ela tem a capacidade de
se deslocar em qualquer região da superfície externa do cubo
e deseja chegar ao ponto B. Para isso ela deverá percorrer a
diagonal da face superior desse cubo, atingir o ponto C e, por
fim, caminhar sobre a aresta até chegar em B.
Sabendo que a distância direta entre A e B (por dentro do
cubo) é igual a 10 cm, qual a distância a ser percorrida pela
formiga, por fora do cubo, no seu trajeto de A até B?
Questão 17 - Um prisma triangular reto é tal que todas as
suas arestas medem 2m. Qual é a sua área total?
Questão 18 - No sólido representado abaixo, sabe-se que as
faces ABCD e BCFE são retângulos
de áreas 6 cm2 e 10 cm2,
respectivamente. O volume desse
sólido é de:
Questão 19 - O projeto Icedream é uma iniciativa que tem
como meta levar um iceberg das regiões geladas para
abastecer a sede de países áridos. A ideia do projeto é
amarrar a um iceberg tabular uma cinta e rebocá-lo com um
navio. A figura a seguir representa a forma que o iceberg tem
no momento em que é amarrada à cinta para rebocá-lo.
Qual das expressões abaixo corresponde à área do triângulo
OAB em função do ângulo ?
a) tg   sen 
c) sen   cos 
e) tg   cos 
b)
1
2
 tg  cos 
d)
1
2
 tg  sen 
Questão 22 - Dados os pontos A(0, 1) e B(5, 6) do plano
Considerando que o iceberg é formado somente por água
potável e que, após o deslocamento, 10% do volume do bloco
foi perdido, determine qual a quantidade de água obtida
transportando-se um iceberg com as dimensões, em metros,
indicadas na figura apresentada.
cartesiano, considere os segmentos AB e AB' , em que AB' é
o simétrico de AB em relação ao eixo y. Para sobrepor o
segmento AB' ao segmento AB , pode-se aplicar ao primeiro
uma rotação de
a) 180°, em qualquer sentido, em torno do ponto A.
b) 240°, no sentido horário, em torno do ponto A.
c) 270°, no sentido horário, em torno do ponto A.
d) 240°, no sentido anti-horário, em torno do ponto A.
e) 270°, no sentido anti-horário, em torno do ponto A.
Questão 20 - A natureza é uma fonte inesgotável de
comunicação de saberes necessários à sobrevivência da
espécie humana. Por exemplo, estudos de apicultores
americanos comprovam que as abelhas constituem uma
sociedade organizada e que elas sabem qual o formato do
alvéolo que comporta a maior quantidade de mel.
Questão 23 - Considere a figura abaixo, na qual a
circunferência tem raio igual a 1.
(Texto Adaptado: Contador, Paulo Roberto Martins. A Matemática
a
na arte e na vida – 2 Ed.rev – São Paulo: Editora Livraria da Física, 2011)
Um professor de matemática, durante uma aula de
geometria, apesentou aos alunos 3 pedaços de cartolina, cada
um medindo 6 cm de largura e 12 cm de comprimento,
divididos em partes iguais, conforme figuras abaixo:
Nesse caso, as medidas dos segmentos ON , OM e AP ,
correspondem, respectivamente, a
a) sen x, sec x e cot gx. b) cos x, sen x e tg x.
c) cos x, sec x e cossec x. d) tg x, cossec x e cos x.
Questão 24 - Considerando a circunferência trigonométrica,
Fonte: http://www.mat.uel.br/geometrica/php/pdf/dg_malhas.pdf
Dobrando os pedaços de cartolina nas posições indicadas,
obtemos representações de prismas retos com as mesmas
áreas laterais e base triangular, quadrangular e hexagonal.
Sendo V3 o volume do prisma de base triangular, V4 o volume
do prisma de base quadrangular e V6 o volume do prisma de
base hexagonal, é correto afirmar que:
(Adote 3 = 1,7).
a) V3 < V6 < V4
b) V3 < V4 < V6
d) V6 < V3 < V4
e) V6 < V4 < V3
Questão 21 - Na figura a
seguir, estão representados o
ciclo trigonométrico e um
triângulo isósceles OAB.
c) V4 < V3 < V6
identifique as sentenças abaixo como verdadeiras ou falsas.
I. No quadrante onde se localiza o arco de (– 4330°), a
função seno é crescente.
34
rad
II. No quadrante onde se localiza o arco de 5
, a
função cosseno é decrescente.
III. O valor da tangente do arco de 1000º é positivo.
Está(ão) correta(s) a(s) afirmativa(s)
a) I e II tão-somente.
b) II e III tão-somente.
c) I, II, e III.
d) III tão-somente.
e) II tão-somente.
f) I.R.
Questão 25 - Determine o valor do 458o termo da seqüência
(cos 30o, cos 60o, cos 90o, cos 120o, ...).
mostrou que nem por isso os descendentes nasciam sem rabo,
e nem sequer passavam a ter rabos menores.
(Oswaldo Frota-Pessoa. Genética e Evolução, 2001. Adaptado.)
Questão 26 - Descreva sucintamente a organização geral do
encéfalo humano.
Questão 27 - O que são tálamo e hipotálamo? Quais são
O experimento realizado por Weismann e suas observações
a) reafirmaram a primeira Lei de Mendel, dando início à
Genética Clássica.
b) contrariaram as hipóteses de Darwin.
c) deram base para Lineu aprofundar as descobertas sobre
taxonomia.
d) contrariaram a Lei postulada por Lamarck.
e) confirmaram a ideia postulada por Aristóteles.
suas principais funções?
Questão 34 - Considere os tópicos abaixo:
Questão 28 - Quais são as principais funções do
I.
II.
III.
IV.
V.
mesencéfalo, da ponte e do cerebelo?
Questão 29 - Quais são os constituintes do sistema nervoso
central e do sistema nervoso periférico? Caracterize o sistema
nervoso periférico voluntário e sistema nervoso periférico
autônomo.
Questão 30 - Caracterize sistema nervoso periférico
autônomo simpático e o sistema periférico autônomo
parassimpático. E o que são neurônios pré-ganglionares e
pós-ganglionares?
Questão 31 - Leia o texto a seguir:
Alguns evolucionistas pós-darwinianos tenderam a propagar
uma ideia empobrecida, ingenuamente feroz, da
_______________, a ideia da pura e simples “luta pela vida”,
expressão que inclusive não é de Darwin, mas de Spencer. Os
neo-darwinianos do começo deste século propuseram, ao
contrário, uma concepção muito mais rica e mostraram,
baseados em teorias quantitativas, que o fator decisivo da
_________________ não é a “luta pela sobrevivência”, mas,
no interior de uma espécie, a taxa diferencial de reprodução.
Fonte: adaptado de Monod, J. O acaso e a necessidade:
ensaio sobre a
Seleção natural
Herança dos caracteres adquiridos
Adaptação ao meio
Ancestralidade comum
Mutação
Quais deles foram considerados por Darwin na elaboração de
sua teoria da evolução das espécies?
a) Somente I, III e IV.
b) Somente I, II e V.
c) Somente I e III.
d) Somente III, IV e V.
e) Somente I e V.
Questão 35 -
Se me mostrarem um único ser vivo que não tenha ancestral,
minha teoria poderá ser enterrada.
(Charles Darwin)
filosofia natural da biologia moderna. 6. ed. Petrópolis, RJ; Vozes, p 121.
Qual alternativa abaixo apresenta o fator evolutivo que
preenche corretamente as lacunas do texto?
a) Deriva gênica. b) Migração.
c) Mutação.
d) Recombinação. e) Seleção natural.
Questão 32 - Os resultados de uma pesquisa realizada na
USP revelam que a araucária, o pinheiro brasileiro, produz
substâncias antioxidantes e fotoprotetoras. Uma das autoras
do estudo considera que, possivelmente, essa característica
esteja relacionada ao ambiente com intensa radiação UV em
que a espécie surgiu há cerca de 200 milhões de anos. Com
base na Teoria Sintética da Evolução, é correto afirmar que
a) essas substâncias surgiram para evitar que as plantas
sofressem a ação danosa da radiação UV.
b) a radiação UV provocou mutações nas folhas da
araucária, que passaram a produzir tais substâncias.
c) a radiação UV atuou como fator de seleção, de maneira
que plantas sem tais substâncias eram mais suscetíveis à
morte.
d) a exposição constante à radiação UV induziu os
indivíduos de araucária a produzirem substâncias de defesa
contra tal radiação.
e) a araucária é um exemplo típico da finalidade da
evolução, que é a produção de indivíduos mais fortes e
adaptados a qualquer ambiente.
Questão 33 - Ainda no século 19, August Weismann foi um
dos primeiros a atacar experimentalmente a veracidade dos
caracteres adquiridos. Tendo cortado, por várias gerações, os
rabos dos camundongos que usava como reprodutores,
Sobre essa frase, afirmou-se que:
I. Contrapõe-se ao criacionismo religioso.
II. Contrapõe-se ao essencialismo de Platão, segundo o qual
todas as espécies têm uma essência fixa e eterna.
III. Sugere uma possibilidade que, se comprovada, poderia
refutar a hipótese evolutiva darwiniana.
IV. Propõe que as espécies atuais evoluíram a partir da
modificação de espécies ancestrais, não aparentadas entre si.
V. Nega a existência de espécies extintas, que não deixaram
descendentes.
É correto o que se afirma em
a) IV, apenas.
b) II e III, apenas.
c) III e IV, apenas.
d) I, II e III, apenas.
e) I, II, III, IV e V.
Questão 36 - Em um determinado instante, dois corpos de
pequenas dimensões estão eletricamente neutros e
localizados no ar. Por certo processo de eletrização, cerca de
5 · 10 13 elétrons “passaram” de um corpo a outro. Feito isto,
ao serem afastados entre si de uma distância de 1,0 cm,
haverá entre eles
Dados:
c)
Constante eletrostática do ar Carga elementar
K 0  9  109 N  m2 / C2
e  1,6  1019 C
a) uma repulsão eletrostática mútua, de intensidade 5,76 kN.
b) uma repulsão eletrostática mútua, de intensidade 7,2·105 kN.
c) uma interação eletrostática mútua desprezível, impossível de
ser determinada.
d) uma atração eletrostática mútua, de intensidade 7,2·105 kN.
e) uma atração eletrostática mútua, de intensidade 5,76 kN.
Questão 37 - A força de interação entre duas cargas
puntiformes Q1 e Q2 afastadas de uma distância d entre si, no
vácuo, é dada pela Lei de Coulomb:
F  k0
Q1Q2
d2
na qual k0 é uma constante de valor 9109
Nm2/C2. As cargas Q1 = 2Q e Q2 = 3Q se repelem no vácuo
com força de 0,6N quando afastadas de 3m.
O valor de Q, em C, é
a) 12106 b) 10106 c) 8106 d) 6106 e) 4106
d)
e)
ganhou a carga elétrica equivalente a 1,125  1010
elétrons.
ganhou a carga elétrica equivalente a 1,875  1010
elétrons.
manteve sua carga elétrica inalterada.
Questão 41 - Um mecânico, medindo a temperatura de um
dispositivo do motor do carro de um turista americano, usou
um termômetro cuja leitura digital foi de 92°C. Para que o
turista entendesse melhor a temperatura, o mecânico teve de
converter a unidade de temperatura para Fahrenheit.
Qual foi o valor da temperatura após esta conversão?
Questão 42 - Um cientista criou uma escala termométrica D
que adota como pontos fixos o ponto de ebulição do álcool
(78 °C) e o ponto de ebulição do éter (34 °C).
O gráfico a seguir relaciona esta escala D com a escala Celsius.
Questão 38 - Duas pequenas esferas condutoras idênticas P
e Q, estão eletrizadas com cargas de –2,0C e 8,0C,
respectivamente.
Elas são colocadas em contato e, em seguida, separadas de
uma distância de 30 cm, no vácuo. A força de interação
elétrica entre elas, e a intensidade dessa força, serão,
respectivamente, de:
Dado: K = 9,0 . 109Nm2/C2
a) atração, de 1,6 . 10–1N
b) atração, de 2,5 N
–1
c) repulsão, de 9,0 x 10 N d) repulsão, de 1,6 x 10–1N
e) repulsão, de 2,5 N
Questão 39 - Duas esferas carregadas positivamente são
fixadas, estando separadas por uma distância de 30 cm. Uma
terceira esfera carregada com carga +5,0x10–7 C é colocada
entre elas, de forma que as três cargas fiquem sobre uma
mesma reta. Nessas condições, pergunta-se:
a) se as cargas das duas esferas fixas fossem iguais, qual
deveriam ser as distâncias entre a 3ª esfera e cada uma das
outras, para que a força resultante nessa 3ª esfera fosse
zero?
b) A observação do sistema permitiu concluir que as cargas
das duas esferas fixas não são iguais, mas que uma é o dobro
da outra. Com a 3ª carga colocada exatamente no meio da
distância entre as outras duas, determinou-se que o módulo
da força resultante na esfera central valia 2,0x10–3 N. Qual
deve ser o valor das cargas das outras esferas? Adotar a
constante da lei de Coulomb igual a 9,0x109 Nm2/C2.
Questão 40 - Três pequenas esferas de cobre, idênticas, são
utilizadas numa experiência de Eletrostática. A primeira,
denominada A, está inicialmente eletrizada com carga QA =
+2,40 nC; a segunda, denominada B, não está eletrizada, e a
terceira, denominada C, está inicialmente eletrizada com
carga QC = –4,80 nC. Num dado instante, são colocadas em
contato entre si as esferas A e B. Após atingido o equilíbrio
eletrostático, A e B são separadas uma da outra e, então, são
postas em contato as esferas B e C. Ao se atingir o equilíbrio
eletrostático entre B e C, a esfera C:
Dado: Carga do elétron = –1,60  10–19 C
a) perdeu a carga elétrica equivalente a 1,125  1010
elétrons.
b) perdeu a carga elétrica equivalente a 1,875  1010
elétrons.
A temperatura de ebulição da água vale, em °D:
a) 44
b) 86
c) 112
d) 120
e) 160
Questão 43 - Um cientista russo cria uma nova escala de
temperatura e dá a ela nome de seu filho Yuri. Nesta escala, a
temperatura de fusão do gelo vale -20°Y e a temperatura de
ebulição da água vale 120°Y. Utilizando um termômetro
graduado nesta escala para medir a temperatura corporal de
seu filho, o cientista encontra o valor de 36°Y. Pode-se
afirmar:
a) O garoto tem febre pois possui temperatura de 40°C .
b) O garoto tem hipotermia, pois possui temperatura de
32°C.
c) O
garoto
possui
temperatura
normal,
de
aproximadamente 36°C .
d) A temperatura de 36°Y é impossível, pois é menor do que
o zero absoluto.
e) A medida está errada, pois a temperatura de 36°Y seria
correspondente a 90°C.
Questão 44 - O comprimento de uma certa ponte de aço
sobre um rio é de 2.000m. A variação de temperatura anual
média nesta região, onde está a ponte, é de 40°C. Dado o
coeficiente de dilatação linear do aço igual a 1,5 x 10–5 K–1, a
variação de comprimento sofrida pelas vigas de aço que
sustentam as faixas de rodagem é, aproximadamente, em
metros:
Questão 45 - O comprimento de uma barra de alumínio a
20,0°C é 100,0cm. Quando é aquecida a 100°C, seu
comprimento passa a ser 100,2cm. Nessas condições, o
coeficiente de dilatação linear médio do alumínio, em °C1,
vale
desde o ponto de partida até o destino.
Questão 46 - O mapa do Brasil, ilustrado abaixo, contém
linhas retas interligando Brasília a algumas capitais de
Estados. Com base na leitura deste mapa e, também, nos
conhecimentos de Coordenadas Geográficas e Fusos
Horários, julgue os itens:
Com base no texto e na figura,
a) calcule a distância entre Rio de Janeiro e Vitória; entre
Vitória e Belo Horizonte e entre Vitória e Rio de Janeiro.
Apresente os cálculos utilizados para encontrar essas
distâncias.
b) indique a direção geográfica do ponto de partida até o
destino (Rio de Janeiro a Vitória e Vitória a Belo Horizonte).
TEXTO: 1 - Comum à questão: 49
00. Se a distância em linha reta de Brasília a Fortaleza é de
1.675 km, no mapa acima corresponde a aproximadamente
6,7 cm.
01. No mapa do Brasil acima, cada cm corresponde a 750 km.
02. O horário de Manaus está atrasado 1 (uma) hora em
relação ao horário do Rio de Janeiro.
03. Em razão da dimensão latitudinal, o Brasil possui 4
(quatro) fusos horários.
04. Os 16 cm que, aproximadamente, separam Boa Vista de
Porto Alegre, passando por Brasília, correspondem á distância
em linha reta de 4.000 km.
Questão 47 - Em um mapa com escala de 1: 70.000.000, foi
traçada uma rota de navegação aérea entre dois pontos, A e
B. O ponto A, está a 45° oeste de Greenwich, enquanto o
ponto B, a 75° oeste de Greenwich. Entre os pontos A e B, a
rota de navegação media, no mapa, 20 mm. Sabendo-se que
um avião partiu de A para B, às 14h, no dia 7 de novembro,
em um voo de 2 horas, está correto afirmar que a distância
percorrida e o horário local de chegada foram,
respectivamente,
a) 14.000 km e às 16h.
b) 140 km e às 10h.
c) 1.400 km e às 14h.
d) 1.400 km e às 16h.
e) 140 km e às 16h.
Questão 48 - Na cartografia, a escala é a relação matemática
entre as dimensões do terreno e a representação no mapa e
constitui-se em um de seus elementos essenciais. Considere
uma viagem do Rio de Janeiro até Belo Horizonte, passando
por Vitória. Para uma viagem mais segura, é importante
calcular a distância do trajeto e a direção geográfica a seguir,
No dia 18 de agosto de 1863, presenciava a cidade de
Magdeburgo pomposo espetáculo, há muito anunciado no
mundo científico da sábia Germânia.
Era uma sessão extraordinária e solene da Sociedade Geral
Entomológica, a qual chamava a postos não só todos os seus
membros efetivos, honorários, correspondentes, como
muitos convidados de ocasião, a fim de acolher e levar ao
capitólio da glória um dos seus mais distintos filhos, um dos
mais infatigáveis investigadores dos segredos da natureza,
intrépido viajante, ausente da pátria desde anos e de volta da
América Meridional, em cujas regiões centrais por tal forma
se embrenhara, que impossível havia sido seguir-lhe o roteiro,
até nos mapas e cartas especiais do grande colecionador
Simão Schropp.
Revestira-se de mil galas a ciência. Todos os sócios de casaca
preta, gravata e luvas brancas, alguns com discursos nos
bolsos, enchiam a sala das sessões muito antes da hora
marcada; a orquestra executava a sonata no 26 de Luís van
Beethoven, e senhoras ostentavam toilettes ricas e de
aprimorado gosto.
De repente atroou um grito:
Vivat Meyer! Hurrah! Vivat!
E, ao passo que todos os pescoços se estiravam para ver
quem entrava, sacudiam-se no ar com entusiasmo lenços e
chapéus.
Acalmada a ruidosa manifestação, levantou-se o presidente
da Sociedade Entomológica, um presidente magro como um
espeto e ornamentado de ruiva cabeleira que lhe dava
aspecto de um projeto de incêndio.
— Sim! exclamou ele depois de ter bebido uns goles d’água
açucarada e de haver preparado a garganta; eis enfim, aqui,
no meio de nós, o grande, o vencedor, o incomparável
Guilherme Tembel Meyer!...
E neste gosto falou duas horas seguidas.
No dia seguinte, traziam as gazetas de Magdeburgo extensa
relação da festa, transcreviam o discurso do presidente e,
como apêndice às notas biográficas relativas a Meyer,
enumeravam os prodígios entomológicos que havia recolhido
em suas dilatadas peregrinações.
“O que há de mais digno de admiração, dizia O Tempo (Die
Zeit), em toda a imensa coleção trazida pelo Dr. Meyer das
suas viagens, é sem contestação uma borboleta, gênero
completamente novo e de esplendor acima de qualquer
concepção. É a Papilio Innocentia... (Seguia-se uma descrição
de minuciosidade perfeitamente germânica.)
O nome, acrescentava a folha, dado pelo eminente
naturalista àquele soberbo espécimen, foi graciosa
homenagem à beleza de uma donzela (Mädchen) dos
desertos da província de Mato Grosso (Brasil), criatura,
segundo conta o Dr. Meyer, de fascinadora formosura. Vê-se,
pois, que também os sábios possuem coração tangível e
podem, por vezes, usar da ciência como meio de demonstrar
impressões sentimentais que muitos lhes querem recusar...”
Assinale a alternativa correta.
a) As cidades de Brasília e do Rio de Janeiro estão
localizadas em latitudes diferentes, por isso o fuso horário
não é o mesmo.
b) A cidade do Rio de Janeiro, próxima sede dos Jogos
Olímpicos, localiza-se ao norte do paralelo de 0º.
c) Assim como em Londres, os Jogos Olímpicos do Rio de
Janeiro serão realizados no equinócio do verão.
d) No Brasil existe somente um fuso horário; por isso todos
os brasileiros irão acompanhar em 2016, pelos diversos
recursos da mídia, no mesmo horário, as transmissões das
competições.
e) Por adotar o horário de verão, Londres quando do início
das solenidades de encerramento dos Jogos Olímpicos estava
com quatro horas a mais em relação ao horário de Brasília.
Inocência, coitadinha...
Exatamente nesse dia fazia dois anos que o seu gentil corpo
fora entregue à terra, no imenso sertão de Santana do
Paranaíba, para aí dormir o sono da eternidade.
(TAUNAY, Visconde de. Inocência. São Paulo: FTD,
1996, p. 180-181. [Coleção Grandes Leituras.])
Questão 51 PACTO COLONIAL
Questão 49 - O texto faz referência ao uso de mapas e
cartas. O mapa deve ser entendido como a representação
reduzida da realidade, em que um município, um estado, um
país, um continente ou todo o Globo é representado em um
pequeno pedaço de papel. Para essa redução, faz-se uso da
escala cartográfica.
Sobre a escala, avalie os itens que seguem:
I. A representação do espaço ou do ambiente em um mapa
requer a aplicação de uma escala de redução, o que
implica, necessariamente, o desaparecimento de objetos
pequenos.
II. A escala resulta da divisão das dimensões lineares do
objeto ou fenômeno representado no mapa pelas suas
correspondentes na realidade.
III. A expressão numérica 1:50.000 ou 1/50.000 significa que
um determinado recorte espacial teve de ser reduzido
50.000 vezes para ser representado no mapa.
IV. Um determinado recorte espacial representado na escala
1:250.000 apresenta 5 vezes mais detalhes do que se
representado na escala 1:50.000.
Dos itens analisados a alternativa que contém apenas
proposições corretas é:
a) I e III
b) I e IV c) II e III d) II e IV
Questão 50 - A cerimônia de encerramento dos Jogos
Olímpicos de Londres (0°) marcou o final da edição da maior
festa do esporte mundial. Como manda o figurino, o Big Ben
anunciou pontualmente às 17h, horário de Brasília (21h, no
horário local), o início do evento. Recheado de atrações
musicais, o evento reuniu ícones do pop rock britânico em
apresentações ao vivo, grandes nomes do Reino Unido e a
apresentação do Rio de Janeiro (45° W) como sede das
Olimpíadas 2016.
Fonte: http://www.guiadasemana.com.br/evento/emcasa/cerimonia-de-encerramento-das-olimpiadas-londres2012-12-08-2012. Acesso em: 1 out. 2012. (Adaptado)
ESPOLIAÇÃO FISCAL
RESTRIÇÕES À INDÚSTRIA
CENSURA
DEPRESSÃO ADMINISTRATIVA
AQUINO, R.; LEMOS, N. J. F.; LOPES, O. & OSCAR.
História das sociedades americanas. Rio de Janeiro: Record, 1990. p. 109.
Como se vê na figura acima, a Europa, na segunda metade do
século XVIII, foi abalada por revoluções e reivindicações que
envolviam também suas colônias americanas.
Baseando-se na imagem e em seus conhecimentos, responda
ao que se pede:
a) Qual foi o primeiro movimento vitorioso da história
americana que ilustra a vitória das reivindicações das elites
locais contra o sistema colonial europeu?
b) Analise uma repercussão desse episódio no restante do
continente americano.
Questão 52 - “Progresso americano” (1872)
É correto o que se afirma SOMENTE em
a) I.
b) II.
c) I e III. d) I e II.
e) II e III.
Questão 54 - Relacione as leis intoreláveis com o processo
de independência das treze colônias.
Questão 55 - Leia o texto:
“conjunto de revoluções, de caráter liberal, democrático e
nacionalista, foi iniciado por uma crise econômica na França,
e foi a onda revolucionária mais abrangente da Europa,
embora em menos de um ano, forças reacionárias tomaram
novamente o controle e as revoluções em cada nação foram
dissipadas”
JOHN GAST www.askart.com
A qual acontecimento o texto acima faz referência?
A tela de John Gast simboliza a difusão de progressos
materiais, como as ferrovias e o telégrafo, nos EUA, no
decorrer do século XIX.
Essas mudanças contribuíram para a conquista de novos
territórios e foram justificadas pelo seguinte conjunto de
ideias:
a)
b)
c)
d)
Doutrina Monroe
Política do Big Stick
Política da Boa Vizinhança
Doutrina do Destino Manifesto
TEXTO: 1 - Comum à questão: 3
É certo que a República vai torta;
Ninguém nega a duríssima verdade.
Da pátria o seio a corrupção invade
E a lei, de há muito tempo, é letra morta.
[...]
Os motivos do mal não são mistério:
É que a gentinha que governa agora
É o rebotalho que sobrou do Império.
(Bastos Tigre, apud Elias Thomé Saliba. Raízes do riso.
S. Paulo: Companhia das Letras, 2002. p. 97 e 98)
Questão 53 - Umas das referências importantes para o
movimento republicano e a construção da República no Brasil
foi o modelo político norte-americano resultante da
Revolução de 1776.
Considere as afirmações acerca da república norteamericana.
I. Levando em conta a forma de governo, o caso
norteamericano pode ser considerado a primeira
experiência moderna de regime republicano numa excolônia no “Novo Mundo”.
II. O governo republicano instituído era liberal e ainda que o
regime apresentasse um discurso em prol da justiça e da
liberdade para todos, as leis não garantiram o sufrágio
universal e a abolição da escravidão.
III. O modelo de república norte-americano, federalista,
garantia representação igualitária de todos os estados na
Câmara dos Deputados e no Senado.
Questão 56 - Atletas que sofrem problemas musculares
durante competições podem utilizar bolsas instantâneas
quentes ou frias como dispositivos para primeiros socorros.
Esses dispositivos funcionam mediante reações exo ou
endotérmicas. Normalmente são constituídas por uma bolsa
de plástico que contém água em uma seção e uma substância
química seca em outra. Ao golpear a bolsa, a seção contendo
água se rompe e a temperatura aumenta ou diminui
dependendo de a dissolução da substância ser exo ou
endotérmica. Em geral, para compressas quentes usa-se
cloreto de cálcio ou sulfato de magnésio, e, para compressas
frias, nitrato de amônio.
Peruzzo, F. M.; Canto, E. L. Química na abordagem do cotidiano. 5ª. Ed. São
Paulo: Moderna, 2009.
As equações representativas das reações são:
CaCl2(s) + H2O(l)  Ca2+(aq) + 2 Cl–(aq)
H = – 82,8 kJ/mol
NH4NO3(s) + H2O(l)  NH4+(aq) + NO3–(aq) H = + 26,0 kJ/mol
Adicionando-se 40 g de CaCl2 a 100 mL de água a 20°C, a
temperatura da água aumenta de 20°C para 90 °C.
Adicionando-se 30 g de NH4NO3 a 100 mL de água a 20°C, a
temperatura da água diminui de 20°C para 0°C. Tais bolsas
atuam por 20 minutos, aproximadamente.
Com base nas informações acima, assinale a alternativa
correta.
a) A bolsa de água fria, quando em funcionamento e em
contato com a lesão ou problema muscular, retira calor do
meio.
b) A dissolução do cloreto de cálcio em água é endotérmica,
pois aumenta sua temperatura de 20°C para 90 °C.
c) A reação de 0,5 mol de nitrato de amônio libera 13 kJ de
energia.
d) Na dissolução do cloreto de cálcio e do nitrato de amônio
a água foi, isoladamente, responsável pela absorção ou
liberação de energia.
Questão 57 - Considere duas soluções de iodo (I2), sendo
uma em água (H2O) e outra em tetracloreto de carbono
(CCl4), ambas com mesma concentração e em volumes iguais.
As duas soluções são misturadas e agitadas por um tempo.
Em seguida, elas são separadas por decantação.
a) Assumindo que a concentração de I2 nas duas soluções é
inferior ao ponto de saturação nos dois solventes, o que
acontecerá com a concentração do I2 nas duas soluções após
a decantação?
b) Justifique sua resposta ao item A em função das
polaridades dos solventes.
de sódio (NaCl) a 0,092% (m/v) .
Considerando-se a densidade da solução de soro fisiológico
igual a 1,0g/mL, calcule a quantidade de cloreto de sódio
presente em um litro de soro fisiológico.
TEXTO: 1 - Comum à questão: 60
Gasolina nacional gera mais ozônio, diz estudo da USP
O ozônio troposférico não é eliminado diretamente pelos
escapamentos dos carros. Ele resulta de uma reação química
entre compostos orgânicos voláteis presentes nos
combustíveis, óxido nítrico (NO), oxigênio do ar (O2) e a luz
solar. Uma gasolina “suja” como a paulista, possui 45% em
massa de aromáticos, 30% em massa de olefinas e 1 000 ppm
(m/v) de enxofre (S), enquanto que a gasolina “limpa”, como
a californiana, possui 22% em massa de aromáticos, 4% em
massa de olefinas e 15 ppm (m/v) de enxofre. Essas
quantidades fazem com que a concentração de ozônio em
São Paulo ultrapasse os limites permitidos pela legislação,
causando vários problemas de saúde na população, como,
por exemplo, prejudicando a respiração.
Questão 58 -
(Adaptado de Folha de S. Paulo. Ciência. 31/08/2008. A26)
Questão 60 - A diferença no teor de enxofre entre os
combustíveis californiano e paulista também é grande: de 15
ppm para 1 000 ppm, respectivamente. A unidade ppm,
partes por milhão, pode ser representada, no sistema
internacional de unidades, SI, por
a) mg/m3 b) mg/cm3 c) g/m3
d) g/L
e) kg/L
O processo de desertificação do semi-árido brasileiro, que
vem se ampliando rapidamente, é resultado — dentre outras
ações — de queimadas, de desmatamentos e de manejo
inadequado do solo.
A erosão e o empobrecimento do solo pela destruição da
matéria orgânica e pela dissolução de íons — a exemplo de

K+(aq), Ca+2(aq), Cl–(aq) e NO3 (aq ) que são arrastados pela
água da chuva — constituem algumas das conseqüências
dessas ações.
A partir dessas considerações e da análise do gráfico e
admitindo que os sais, em determinadas condições, exibem o
comportamento mostrado no gráfico e que a massa
específica da água é igual a 1,0g.cm–3, a 45ºC,
• determine a massa aproximada, em kg, de íons K+(aq)
que se encontram dissolvidos em uma solução saturada,
obtida pela dissolução de cloreto de potássio em 20L de água,
a 45ºC, e apresente uma explicação que justifique o aumento
da solubilidade de CaCl2, de KNO3 e de KCl, com o aumento da
temperatura;
• mencione duas formas de recuperação da fertilidade do
solo, que foi empobrecido pelo processo de desertificação
decorrente das ações acima referidas.
Questão 59 - O cloreto de sódio (NaCl), em solução aquosa,
tem múltiplas aplicações, como, por exemplo, o soro
fisiológico, que consiste em uma solução aquosa de cloreto
Questão 61 - Quimicamente falando, não se deve tomar
água ..................., mas apenas água ................... . A água
.................. inúmeros sais, por exemplo, o cloreto de
.................., o mais abundante na água do mar. Em regiões
litorâneas, ameniza variações bruscas de temperatura, graças
à sua capacidade de armazenar grande quantidade de energia
térmica, o que se deve ao seu alto .................... . Na forma de
suor, sua evaporação abaixa a temperatura do corpo
humano, para o que contribui seu elevado .................... .
Completa-se corretamente o texto, obedecendo-se a ordem
em que as lacunas aparecem, por:
a) pura, potável, dissolve, sódio, calor específico, calor de
vaporização.
b) de poço, pura, dissolve, magnésio, calor específico, calor
de vaporização.
c) destilada, potável, dilui, sódio, calor de vaporização, calor
específico.
d) de poço, destilada, dissolve, magnésio, calor de
vaporização, calor específico.
e) pura, destilada, dilui, sódio, calor de vaporização, calor
específico.
Questão 62 - Ao se dissolver uma determinada quantidade
de cloreto de amônio em água a 25°C, obteve-se uma solução
cuja temperatura foi de 15°C. A transformação descrita
caracteriza um processo do tipo:
a) atérmico
b) adiabático
c) isotérmico
d) exotérmico
e) endotérmico
Questão 63 - A tabela abaixo indica as reações de formação
de alguns óxidos metálicos e os respectivos valores de H.
REAÇÃO
H - (KCal/mol)
Ca(s) + 1/2 O2(g) CaO(s)
-151,9
Mg(s) + 1/2 O2(g)  MgO(s)
-143,8
Cu(s) + 1/2 O2(g) CuO(s)
-38,2
2Al (s) + 3/2 O2(g)  Al2O3(s)
-400,5
Hg(l) + 1/2 O2(g) HgO(s)
-22,3
INGLÊS
O metal que pode ser obtido mais facilmente, pelo simples
aquecimento de seu óxido puro, é o:
a) Ca
b) Mg
c) Cu
d) Al
e) Hg
Questão 64
- Considere a
decomposição do ácido iodídrico:
seguinte
equação
de
HI  1/2 H2I2  1/2 H2 + 1/2 I2 H = – 6 Kcal.mol–1
complexo ativado
Para ocorrer a liberação de 336 Kcal, quantos mols de HI
devem ser decompostos?
Questão 65 - Com o aumento do preço do barril de petróleo,
as fontes alternativas de energia estão sendo bastante
discutidas no mundo. O Brasil apresenta como fonte
alternativa de combustível o etanol obtido a partir da canade-açúcar. Comparando as reações de combustão do etanol
(CH3CH2OH) e da gasolina (C8H18), responda aos itens abaixo.
Dados: densidade do etanol é 0,80 g/mL e da gasolina é 0,75
g/mL
C2H5OH (l) + 3 O2 (g)  2 CO2 (g) + 3 H2O (l) H = –7,00 cal/g
C8H18 (l) + 25/2 O2 (g)  8 CO2 (g) + 9 H2O (l) H = –10,0 cal/g
a) Com base nas reações acima, qual seria a vantagem
ambiental em utilizar-se o etanol em substituição à gasolina?
b) Sabendo-se que a gasolina no Brasil contém cerca de 20%
v/v em álcool, qual seria o volume de CO2 liberado por 1 litro
dessa gasolina? Considere as condições normais de
temperatura e pressão (CNTP).
c) Calcule a quantidade de energia liberada, em kcal,
quando 1,00 litro de cada combustível é queimado.
d) Sabe-se que, se o preço do litro do álcool combustível for
menor do que 70% do valor do litro da gasolina, é mais
econômico utilizar etanol em carros bicombustíveis (carros
flex). Justifique essa afirmação com base na termoquímica
das reações de combustão.
Scientists create stem cells for 10 disorders
New technique could lead to treatments for diseases including
Parkinson's, Down Syndrome, and other disorders in research
advance
NEW YORK — Harvard scientists say they have created stems
cells for 10 genetic disorders, which will allow researchers to
watch the diseases develop in a lab dish.
This early step, using a new technique, could help speed up
efforts to find treatments for some of the most confounding
ailments, the scientists said.
Dr. George Daley and his colleague s at the Harvard Stem
Cell Institute used ordinary skin cells and bone marrow from
people with a variety of diseases, including Parkinson's,
Huntington's and Down syndrome to produce the stem cells.
The new cells will allow researchers to "watch the disease
progress in a dish, that is, to watch what goes right or wrong,"
Doug Melton, co-director of the institute, said during a
teleconference.
"I think we'll see in years ahead that this opens the door to a
new way to treating degenerative diseases," he said.
The new technique reprograms cells, giving them the
chameleon-like qualities of embryonic stem cells, which can
morph into all kinds of tissue, such as heart, nerve and brain.
As with embryonic stem cells, the hope is to speed medical
research.
Research teams in Wisconsin and Japan were the first to
report last November that they had reprogrammed skin cells,
and that the cells had behaved like stem cells in a series of lab
tests. Just last week, another Harvard team of scientists said
they reprogrammed skin cells from two elderly patients with
ALS, or Lou Gehrig's disease, and grew them into nerve cells.
Melton said the new disease-specific cell lines "represent a
collection of degenerative diseases for which there are no
good treatments and, more importantly, no good animal
models for the most part in studying them."
A new laboratory has been created to serve as a repository
for the cells, and to distribute them to other scientists
researching the diseases, Melton said.
"The hope is that this will accelerate research and it will
create a climate of openness," said Daley.
He expects stem cell lines to be developed for many more
diseases, noting, "this is just the first wave of diseases." Other
diseases for which they created stem cells are Type 1, or
juvenile, diabetes; two types of muscular dystrophy, Gaucher
disease and a rare genetic disorder known as the "bubble boy
disease."
Questão 66 - De acordo com o texto, em que a nova técnica
Questão 66 - Los vuelos comerciales,
citada no início poderia ajudar? (Responda em português)
utilizada faz? (Responda em português)
a.
b.
c.
d.
Questão 68 - Qual é o intuito do novo laboratório criado?
Questão 67 - Las corrientes de chorro,
(Responda em português)
a. tienen unos pocos kilómetros de ancho.
b. compensan viajar en ellos siempre para evitar
turbulencias.
c. pasan por los océanos a una velocidad superior a 480
km/h.
d. siguen una ruta distinta a los aviones.
Questão 67 - O que essa nova técnica que está sendo
Questão 69 - De acordo com o texto, as sentenças abaixo
são verdadeiras ou falsas? Justifique cada resposta – seja ela
verdadeira ou falsa.
a) ( ) Scientists have created stem cells for ten diseases.
b) ( ) The stem cells scientists created in Harvard will enable
them to speed medical research.
c) ( ) Skin cells and bone marrow have been used in the
studies.
d) ( ) Down syndrome is a degenerative disease.
e) ( ) Parkinson’s is characterized by tremor.
Questão 70 - Relacione as colunas.
(a) research
(b) watch
(c) tissue
(d) ilness
(e) skin
(
(
(
(
(
) tecido
) pesquisa
) pele
) observar
) doença
ESPANHOL
TEXTO 1
¿Los aviones vuelan más rápido hacia el este o hacia el
oeste?
Los vuelos comerciales
aprovechan las llamadas
"corrientes en chorro"
de aire cuando viajan
hacia el este.
Vuelan más rápido hacia
el este debido a las
llamadas corrientes en chorro, que son flujos estrechos de
aire rápido a gran altitud que circulan alrededor del globo a
velocidades de entre 160 y 480 km/h.
Cada hemisferio tiene una corriente polar y una subtropical, y
todas circulan hacia el este.
Son corrientes de sólo unos pocos kilómetros de ancho y no
siguen la ruta más corta para cruzar los océanos, pero aun así
a los vuelos comerciales les compensa viajar por ellas cuando
se dirigen de oeste a este.
Cuando viajan hacia el oeste, los aviones toman rutas más
directas que evitan volar contra las corrientes en chorro.
La diferencia puede ser de dos horas de vuelo en un viaje
transatlántico.
Las naves espaciales también se lanzan con dirección al este,
pero por otras razones.
La velocidad orbital es relativa al centro de la Tierra más que
a la velocidad sobre la superficie.
Al lanzar las aeronaves hacia el este, pueden agregar la
velocidad rotativa de la Tierra a su propia velocidad.
http://www.bbc.co.uk/mundo/noticias/2013/02/130129_respuestas_curio
sas_2febrero_np.shtml
Usan a las llamadas corrientes de chorro.
Toman velocidades entre 160 y 480 km/h.
Prefieren circular por las corrientes polares.
Cortan los océnos usado la corriente subtropical.
Questão 68 - Con relación a los vuelos de los aviones,
a. cuando van hacia el este es más lento.
b. las naves espaciales siguen la ruta.
c. la velocidad es una razón para viajar al centro de la
Tierra.
d. pueden alcanzar hasta dos horas de diferencia cuando
viajan de oeste a este.
TEXTO 2
¿Cómo funcionan los chalecos antibalas?
Las prendas antibalas
utilizan
capas
de
materiales como acero,
cerámica y titanio para
dispersar la energía del
proyectil.
Los chalecos antibalas
están diseñados para dispersar la energía del proyectil y
deformarlo para minimizar la contusión.
Se componen de una armadura hecha de capas de acero
reforzado, que es resistente y efectiva pero también pesada e
incómoda.
Sin embargo, algunas municiones pueden incluso penetrar el
acero y requieren otros materiales.
Los chalecos más novedosos emplean compuestos resistentes
y ligeros de cerámica y titanio superpuestos.
Las protecciones de materiales blandos no son tan resistentes
pero son más ligeras y pueden utilizarse con mayor
discreción.
Están hechas con hebras entrelazadas de fibra sintética
Kevlar.
Como en el caso de los chalecos antibalas tradicionales, las
capas de este material deforman la bala y dispersan su
energía.
http://www.bbc.co.uk/mundo/noticias/2013/02/130129_respuestas_curio
sas_2febrero_np.shtml
CONTESTE LAS CUESTIONES 69 Y 70 EN PORTUGUÉS
Questão 69 - Según el texto, ¿como han sido diseñados los
chalecos antibalas?
Questão 70 - ¿Cuál es la novedad con relación a los chalecos
antibalas?
Questão 73 - Observe as fotos a seguir:
Questão 71 - As desigualdades sociais no Brasil têm muitas
causas e geram várias consequências. Historicamente, elas
iniciaram seu desenvolvimento com a chegada dos
portugueses. A Sociologia vem estudando as diferenças
sociais entre os brasileiros, em diversos aspectos. Sobre esse
assunto, assinale a alternativa correta.
a) A relação entre desigualdades e questões raciais no Brasil é
um tema histórico. Por essa razão, tornou-se preocupação
dos estudos sociológicos a partir da década de 1990.
b) A noção da pobreza frente às desigualdades sociais no país
revela concepções com enfoques no aumento do
enriquecimento, do desenvolvimento industrial e da privação
relativa.
c) Os programas assistenciais (Bolsa-Família, Fome Zero e
outros tantos) do governo brasileiro avançaram, mas os
índices de pobreza não diminuíram.
d) O setor informal é outro fator indicador de condições de
reprodução capitalista no Brasil. Os camelôs e vendedores
ambulantes são trabalhadores, que não estão juridicamente
regulamentados, mas que revelam a especificidade da
economia brasileira.
Questão 72 - A sociedade brasileira obteve várias conquistas
durante o período da redemocratização e, ao longo desses
anos, implantou mudanças positivas em relação à cidadania e
aos direitos civis dos brasileiros, porém [...] ainda há muito a
ser melhorado. Apesar do crescimento econômico e da
diminuição do número de pessoas que vivem abaixo da linha
da pobreza nos últimos anos, as desigualdades sociais ainda
são profundas e estão entre os principais problemas
enfrentados pela sociedade.
(PELLEGRINI, M. C. Novo olhar história. São Paulo: FTD, 2010, p. 263, v. 3. –
Texto adaptado.)
Considere as seguintes afirmações sobre a sociedade
brasileira.
I. Segundo pesquisas, pequena parte da população brasileira
detém a maior parte da riqueza nacional, enquanto os
demais ficam com a menor parcela.
II. A exploração da mão de obra infantil ocorre da mesma
forma em todas as regiões brasileiras. O menor trabalha
em pedreiras, na colheita de amendoim e em carvoarias,
sendo seu trabalho trocado apenas por arroz e farinha.
III. As crianças em situação de rua perambulam pelas cidades,
dormem sob pontes, viadutos ou marquises, alimentam-se
mal e não frequentam escolas. Vivem uma realidade que
ressalta a brutalidade, a violência, o desamparo, além do
problema com a drogadição.
Das afirmações acima,
a) apenas II está correta.
b) apenas I e III estão corretas.
c) apenas II e III estão corretas.
d) I, II e III estão corretas.
Essas imagens refletem as desigualdades sociais existentes no
Recife, que também podem ser encontradas em outras
grandes cidades do Brasil. Em relação às desigualdades
sociais, assinale a alternativa correta:
a) As diferenças sociais vêm diminuindo significativamente no
país, ao longo dos anos, com a divisão igualitária das riquezas.
Entretanto, essas transformações só foram possíveis graças
aos movimentos contra a corrupção, que permitiram o
acúmulo de bens no Brasil.
b) As péssimas condições de habitação revelam que o Estado
não está voltado nem preparado para a aplicação da riqueza
social (oriunda dos impostos arrecadados), que possibilita o
bem-estar da maioria da população.
c) O processo de industrialização em curso no nosso país vem
favorecendo todos os setores da população, considerando
seus problemas básicos.
d) As palafitas, em contraposição aos prédios luxuosos,
demonstram como as desigualdades entre as classes sociais
são baseadas numa hierarquização rígida.
Questão 74 - “A pobreza e a desigualdade são construções
sociais que se desenvolvem e consolidam a partir de
estruturas, agentes e processos que lhes dão forma histórica
concreta. Os países e regiões da América Latina moldaram,
desde os tempos coloniais até nossos dias, expressões desses
fenômenos sociais que, embora apresentem as peculiaridades
próprias de cada contexto histórico e geográfico,
compartilham um traço em comum: altíssimos níveis de
pobreza e desigualdade que condicionam a vida política,
econômica, social e cultural. O conceito de construção é
praticamente similar ao de produção, sendo utilizado aqui
para enfatizar que a pobreza é o resultado da ação concreta
de agentes e processos que atuam em contextos estruturais
históricos de longo prazo.”
(Produção de pobreza e desigualdade na América Latina. Antonio David
Cattani, Alberto D. Cimadamore (orgs.) ; tradução: Ernani Ssó. — Porto
Alegre : Tomo Editorial/Clacso, 2007, p. 07.)
De acordo com o texto é correto afirmar:
a) A pobreza sempre existiu e é da natureza das sociedades
organizadas que ela ocorra.
b) A pobreza não pode ser considerada característica
presente em toda a América Latina.
c) A desigualdade social não condiciona a vida política,
econômica, social ou cultural.
d) A pobreza e a desigualdade são construções sociais que se
desenvolvem na história e por isso são absolutamente
reversíveis.
Questão 75 - Homens da Inglaterra, por que arar para os
senhores que vos mantêm na miséria?
Por que tecer com esforços e cuidado as ricas roupas que
vossos tiranos vestem?
Por que alimentar, vestir e poupar do berço até o túmulo
esses parasitas ingratos que exploram vosso suor — ah, que
bebem vosso sangue?
SHELLEY. “Os homens da Inglaterra’. Apud HUBERMAN, L. In: História da
Riqueza do Homem. Rio de Janeiro: Zahar, 1982.
A análise do trecho permite identificar que o poeta romântico
Shelley (1792-1822) registrou uma contradição nas condições
socioeconômicas da nascente classe trabalhadora inglesa
durante a Revolução Industrial. Tal contradição está
identificada
a) na pobreza dos empregados, que estava dissociada da
riqueza dos patrões.
b) no salário dos operários, que era proporcional aos seus
esforços nas indústrias.
c) no trabalho, que era considerado uma garantia de
liberdade.
d) na riqueza, que não era usufruída por aqueles que a
produziam.
RASCUNHO
RASCUNHO

Documentos relacionados