AGENDA MUNICIPAL MORTÁGUA

Сomentários

Transcrição

AGENDA MUNICIPAL MORTÁGUA
AGENDA MUNICIPAL
MORTÁGUA
#148
MAI '15
mortagua
MUNICÍPIO
// EDITORIAL
O SUCESSO DA EXPOMORTÁGUA
SERÁ O SUCESSO
DO NOSSO CONCELHO!
Maio é o mês das comemorações oficiais do Dia do Município.
Este ano, o Dia do Município contará com a inauguração do
Centro Cultural e do Espaço Museológico da Marmeleira.
Será, também, um dia de homenagem à população da extinta
aldeia da Breda e aos nossos soldados da paz, os nossos Bombeiros.
Abdicar de horas de lazer e de tempo passado com a família
e amigos, dedicação abnegada a uma causa, espírito de
entreajuda, altruísmo, apoio nas horas mais difíceis, disponibilidade... São inúmeras as características que descrevem
02 // AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015
os Bombeiros Voluntários... E inúmeros os sacrifícios que
eles vivem por uma causa.
Por todas estas razões, a homenagem é mais do que justa...
Aproveito, também, para deixar o meu público reconhecimento àquele que, durante tantos anos, comandou, orientou e formou os nossos Bombeiros, não só enquanto soldados da paz,
mas também enquanto pessoas. O Comandante Joaquim Gaspar, “Quim Gaspar”, terminará, este mês, o seu mandato
enquanto comandante da nossa corporação. Foram muitos
anos em torno de uma causa. Muitas horas dedicadas aos
Bombeiros Voluntários de Mortágua, muitas alegrias, mas
// EDITORIAL
também muitos momentos de tristeza. É inegável o contributo
do comandante Quim Gaspar na defesa da nossa floresta e das
gentes do nosso Concelho. O seu espírito destemido e acutilante, associado à ousadia e coragem, fizeram dele um dos
grandes estrategos do nosso tempo no combate aos incêndios
florestais.
Quim, meu amigo, a ti um muito obrigado e continuamos a
contar com o teu saber e a tua disponibilidade para ajudar a
proteger as nossas paisagens e as nossas gentes.
Apenas uma breve referência a mais uma edição da
EXPOMORTÁGUA que se irá realizar nos dias 29, 30 e 31 de
maio.
Este é um evento que marcou profundamente o nosso Concelho, tendo recebido mais de 15.000 visitantes e com um volume de negócios superior a 1 milhão e meio de euros. Este foi
um evento que levou o nome de Mortágua muito para além
das suas fronteiras, contribuindo para uma maior divulgação
das nossas potencialidades e inovação e que criou sinergias
entre a floresta e a inovação, como ficou demonstrado com
alguns equipamentos expostos e únicos no País.
Em 2014, este certame dedicou-se aos temas da Floresta, Energia, Ambiente e Turismo, sendo que, desta feita, pretendemos
estender o evento a toda a indústria presente no Concelho de
Mortágua.
Não negamos que a EXPOMORTÁGUA foi um motivo de grande orgulho para o presente Executivo. Como tal, apenas nos
podemos propor a fazer mais e melhor.
Este é um evento que trouxe grandes mais-valias para Mortágua e que queremos que continue a ser frutífero para a nossa
terra e a nossa gente.
Esta atividade visa dinamizar a economia, potenciar as nossas
empresas e os nossos empresários e colocar Mortágua na dianteira do empreendedorismo e da inovação. Trata-se de uma montra tecnológica, uma montra do desenvolvimento económico do
Concelho, que visa a criação de emprego e riqueza.
Aproveitamos para deixar o mote para que se juntem a nós e
nos ajudem a fazer crescer a EXPOMORTÁGUA. Esta é uma
iniciativa de todos e que tem que ser direcionada para todos. O
seu sucesso será o sucesso do nosso Concelho!
Presidente da Câmara,
Eng. José Júlio Norte
AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015 // 03
// EVENTOS
10 MAI
II PASSEIO MOTOLOBOS
14 MAI
EXPOSIÇÃO: "CORPO"
08h30 | ACR MONTE DE LOBOS
16h30 | BIBLIOTECA MUNICIPAL
Contactos: 917 114 208 / 914 266 541
Trabalhos elaborados pelos alunos no
âmbito das disciplinas de Educação
Visual e Educação Tecnológica (2º/3º
Ciclos).
Org: Associação Cultural e Recreativa de
Monte de Lobos
Org: Agrupamento de Escolas de Mortágua
15 MAI
DEIXEMOS O SEXO EM PAZ
21h30 | CENTRO ANIM. CULTURAL
Produção: Companhia Profissional de Teatro Maria Paulos
Interpretação: Maria Paulos
Um espetáculo em tom de comédia, profundamente
didático. É um divertidíssimo monólogo onde, a brincar, se
trata muito a sério dos assuntos do sexo que ainda são tabu.
Integrado no Projeto de Educação Sexual, Saúde e Afetos.
Público a partir dos 12 anos.
Org.: Associação de Pais e Encarregados de Educação de Mortágua
AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015 // 05
// EVENTOS
COMEMORAÇÃO
DIA DO MUNICÍPIO
14 MAI 2015
06 // AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015
O Presidente da Câmara Municipal,
Eng. José Júlio Norte, tem a honra
de convidar todos os mortaguenses a
participarem nos atos comemorativos
do Dia do Município.
// EVENTOS
PROGRAMA
14h30 | Inauguração do
Espaço Museológico da Marmeleira
16h30 | Apresentação e Seleção do
Doce de Mortágua “Juiz de Fora”
14h45 | Inauguração do
Centro Cultural da Marmeleira
17h00 | Abertura da Exposição “35 anos do
desaparecimento da aldeia da Breda”,
Sala de Exposições do Centro Cultural
15h30 | Sessão Solene
no Centro Cultural de Mortágua
Ÿ Intervenção do Senhor Presidente da Assembleia
Municipal de Mortágua, Dr. Afonso Abrantes;
Ÿ Intervenção do Senhor Presidente da Câmara
Municipal, Eng.º José Júlio Norte;
Ÿ Intervenção de Sua Ex.ª Ministro Adjunto
e do Desenvolvimento Regional,
Professor Doutor Miguel Poiares Maduro;
Ÿ Entrega de Medalhas de Bons Serviços a
Funcionários do Município;
17h30 | Inauguração do Monumento de
Homenagem ao Bombeiro Voluntário,
Rotunda dos Bombeiros Voluntários
17h45 | Inauguração da Central de Dados
da Associação Humanitária dos Bombeiros
Voluntários de Mortágua
18h00 | Entrega de uma ambulância
aos Bombeiros Voluntários de Mortágua,
oferecida pela Câmara Municipal de Mortágua.
Ÿ Entrega de Medalhas de Ouro de Mérito Municipal
a Empresas reconhecidas com o Prémio PME Líder
no ano de 2014.
AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015 // 07
// EVENTOS
FESTAS &
ROMARIAS
16 MAI
LANÇAMENTO DO LIVRO
“MAR REVERSO: ECOS DA
TERRA, DO MAR E DA VIDA”
16h00 | BIBLIOTECA MUNICIPAL
Autor: Pedro Abreu Simões
Editora: Calçada das Letras
Apresentação do livro: Paula Lobo
19 > 23 MAI
SABORES DO MERCADO
FEIRA DO LIVRO
10h00 > 22h00
MERCADO MUNICIPAL
QUA 20 | 20h57
Sofia & Elisabete Contam Histórias
QUI 21 | Escritora Mª João Lopo Carvalho
SÁB 23 | Sessão de Autógrafos
09h30 | Escritor Pedro Abreu Simões
17h00 | Escritor Paulo Costa
Haverá outras surpresas!
Org.: Município de Mortágua
08 // AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015
13 E 14 MAI
ROMARIA DA ASCENSÃO
CABEÇO DE N. SENHOR DO MUNDO
QUI 14 | 11h30 | Missa e Procissão
17 MAI
Nª SRª DO BOM SUCESSO
TOJEIRA
11h30 | Missa
17 MAI
Nª SRª DO AMPARO
FERRADOSA
16h00 | Missa e Procissão
'15
A FLORESTA: DESAFIOS E OPORTUNIDADES
30 MAIO 2015
09h00 | Abertura do Secretariado
10h00 | Início dos trabalhos – Presidente da CMM, Eng. José Júlio Norte
PAINEL I
ESTRATÉGIA NACIONAL
PARA AS FLORESTAS - HORIZONTE 2020
PAINEL II
OTIMIZAÇÃO, EFICIÊNCIA
DAS ATIVIDADES FLORESTAIS
> MEDIDAS DE APOIO AOS PRODUTORES
E EMPRESÁRIOS FLORESTAIS PDR [2014-2020]
> GESTÃO E NUTRIÇÃO DE POVOAMENTOS FLORESTAIS
> ESTRATÉGIAS DE DESENVOLVIMENTO
LOCAL E REGIONAL PARA AS FLORESTAS
> REDUÇÃO DE CUSTOS, REDUÇÃO DE
IMPACTES AMBIENTAIS E MELHORIA DAS CONDIÇÕES
DE SEGURANÇA EM OPERAÇÕES FLORESTAIS
13h30 | Encerramento
Inscrições e mais informação: Gabinete Técnico Florestal // Tlf: 231 927 460 // www.cm-mortagua.pt | www.cm-mortagua.pt/expomortagua
29, 30 E 31 DE MAIO
Ÿ
Ÿ
Ÿ
Ÿ
Ÿ
Ÿ
Ÿ
Ÿ
Ÿ
Exposição de Produtos
Venda de Equipamentos
Show cases / Demonstrações
Exploração / Promoção dos Clusters:
Indústria Farmacêutica, Indústria Cerâmica,
Floresta, Biomassa, Energia, Ambiente,
Turismo, Agricultura, Comércio e Serviços
Fórum Florestal
Gastronomia (Promoção dos Sabores da Região)
Promoção de Produtos e Serviços Regionais
Defesa da Floresta
Animação
'15
SEX 29 MAI
SÁB 30 MAI
DOM 31 MAI
14h00 | Abertura da Exposição
Ÿ Exposição
Ÿ Demonstrações
Ÿ Visita das Escolas
Ÿ Gastronomia e
Produtos Locais
Ÿ Artesanato
09h00 | Fórum Florestal
de Mortágua
10h00 | Abertura da Exposição
Ÿ Exposição
Ÿ Demonstrações
Ÿ Encontro de Profissionais
Ÿ Gastronomia
e Produtos Locais
Ÿ Artesanato
Ÿ Encontro de Folclore
22h00 | Encerramento da
Exposição
Animação
01h00 | Encerramento da Área
de Gastronomia e Animação
10h00 | Abertura da Exposição
Ÿ Feira do Bolo de Cornos
Ÿ Apresentação do Doce de
Mortágua "Juiz de Fora"
Ÿ Exposição
Ÿ Demonstrações
Ÿ Encontro dos
Profissionais da Floresta
Ÿ Gastronomia e
Produtos Locais
Ÿ Artesanato
14h00 > 20h00 | Programa da
RTP "Aqui Portugal"
22h00 | Encerramento da
Exposição
Animação
01h00 | Encerramento da Área
de Gastronomia e Animação
21h00 | Encerramento da
ExpoMortágua '15
// CINEMA
SEX 01 [21h30] // DOM 03 [21h30]
SEX 08 [21h30] // DOM 10 [21h30]
DOM 17 [17h00 // 21h30]
A PROMESSA DE UMA VIDA
UMA VIDA AO TEU LADO
THE WATER DIVINER
111 min // Drama// M14
De: Russell Crowe
Com: Russell Crowe, Olga Kurylenko
Uma aventura épica que decorre
quatro anos após a devastadora
batalha de Gallipoli, na Turquia,
durante a Primeira Guerra Mundial. O
agricultor australiano Connor viaja
para Istambul para descobrir o destino
dos seus filhos, desaparecidos em
combate.
THE LONGEST RIDE
139 min // Drama // M12
De: George Tillman Jr.
Com: Melissa Benoist, Scott Eastwood
A história de amor entre Luke, um
antigo campeão de Rodeio desejoso de
voltar à arena, e Sophia, uma
estudante universitária que está
prestes a embarcar num emprego de
sonho no mundo das artes em Nova
Iorque. Com caminhos e ideais opostos
a testar a sua relação, cruzam-se com
Ira, cujas memórias vão inspirar
profundamente o jovem casal.
MORTADELA E SALAMÃO:
MISSÃO NÃO POSSÍVEL
12 // AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015
Programação sujeita a alterações // Abertura da Bilheteira: 20H00 // Sessões: 21H30
MORTADELO Y FILEMÓN CONTRA
JIMMY EL CACHONDO
[VERSÃO PORTUGUESA]
91 min // Animação // M6
De: Javier Fesser
Com: Janfri Topera, Karra Elejalde
Os agentes Mortadela e Salamão
vêem-se obrigados a dar uso a toda a
sua reduzida capacidade para resolver
praticamente nada a fim de localizar o
paradeiro de Jimmy, um meliante
maluco que também não prima por um
elevado coeficiente intelectual.
// CINEMA
DOM 24 [17h00 // 21h30]
VINGADORES: A ERA DE ULTRON
AVENGERS: AGE OF ULTRON
150 min // Ação/Aventura/Fantasia
De: Joss Whedon
Com: Robert Downey Jr., Chris Evans, Mark Ruffalo
Algo corre mal com o programa de manutenção de paz
iniciado por Tony Stark. Os super-heróis mais poderosos do
planeta Terra, incluindo o Homem de Ferro, Capitão
América, Thor, Incrível Hulk, Viúva Negra e o Gavião
Arqueiro são colocados à prova enquanto salvam o planeta
da destruição pelo vilão Ultron.
SÁB 30 [21h30] // DOM 31 [21h30]
MAD MAX: A ESTRADA DA FÚRIA
MAD MAX: FURY ROAD
120 min // Ação/Aventura/Thriller // M16
De: George Miller // Com: Tom Hardy, Charlize Theron
Perseguido pelo seu turbulento passado, Mad Max acredita
que a melhor forma de sobreviver é não depender de mais
ninguém para além de si próprio. Ainda assim, acaba por se
juntar a um grupo de rebeldes que atravessa a Wasteland,
numa máquina de guerra conduzida por uma Imperatriz de
elite, Furiosa. Este bando está em fuga de uma Cidadela
tiranizada por Immortan Joe, a quem algo insubstituível foi
roubado. Exasperado com a sua perda, o Senhor da Guerra
reúne o seu letal gang e inicia uma impiedosa perseguição
aos rebeldes e a mais implacável Guerra na Estrada de
sempre.
Bilhetes: Normal > 3,50€ | Menores de 16, Estudante, Cartão Jovem > 3,00€
AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015 // 13
// BIBLIOTECA MUNICIPAL
INFANTIL/JUVENIL
O PIRATA PATA DE LATA
// OLI & RAMÓN TRIGO
“Navegando no seu veleiro, percorre o mundo inteiro.”
Sempre divertido e engenhoso.
SENHOR FELIZ
// ROGER HARGREAVES
“O Sr. Infeliz ficou na casa do Sr. Feliz por muito tempo. E
durante esse tempo aconteceu uma coisa surpreendente.”
ADULTO
A PECADORA
// TESS GERRITSEN
MAIO, MÊS DO CORAÇÃO
Os corpos de duas freiras, vítimas de violência brutal,
encontrados no solo sagrado da Capela da Nossa Senhora da
Luz Divina conduzem a uma investigação meticulosa.
TUDO É POSSÍVEL
// JILLIAN MICHAELS
Jillian Michaels é uma força da natureza; de uma exigência
absoluta. Mas quando é preciso, põe de lado a dureza e tornase apenas numa amiga, capaz de abraçar e chorar connosco...
14 // AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015
Sedentarismo, obesidade e stress parecem ser, cada vez
mais, as imagens de marca da sociedade actual.
Refeições à base de fast-food, serões passados em frente
à televisão e estados constantes de nervosismo,
ansiedade e irritação fazem parte do quotidiano da
maioria das pessoas e os portugueses não são excepção.
in, Doenças Cardiovasculares: origens, formas de lidar com o
problema, tratamento. Sintra: Euroimpala SL 2010
Biblioteca Municipal | Rua Tomás da Fonseca n.º 8 | Tlf. 231 927 440 | http://biblioteca.cm-mortagua.pt | [email protected]
// SABORES DO MERCADO
CONHEÇA O MERCADO MUNICIPAL!
“Temos o cuidado de ter
sempre produtos frescos”
Madalena Cruz, vendedora
de fruta e legumes
Madalena Cruz instalou-se no Mercado
Municipal poucos meses depois da sua
abertura ao público. Começou como
empregada numa das bancas de fruta e
hortícolas e estava longe de imaginar
que um dia iria tornar-se ela própria
empresária do ramo. “A pessoa que
tinha a banca desistiu e eu resolvi arriscar, fiquei com o negócio”.
Na sua banca expõe uma grande variedade de frutA e legumes, sendo alguns
deles adquiridos a produtores do concelho. “Tenho aqui um senhor de Mortágua que tem estufas, é onde vou buscar
principalmente legumes. Tem sempre
bons produtos”. No caso da fruta é
sobretudo adquirida nos mercados abastecedores, nomeadamente Coimbra.
Os produtos são sempre frescos. “São
comprados dia sim dia não e em poucas
quantidades, que é para ter sempre produtos frescos e de qualidade”.
Uma boa parte da clientela é habitual. “Nós já sabemos os seus gostos e preferências. Muitas vezes vêm comprar o
peixe fresco aqui ao lado e levam também a fruta ou os legumes que precisam
para o dia-a-dia”.
As relações que se estabelecem entre os
comerciantes e os clientes do Mercado
vão para além do simples ato formal de
comprar e vender. “Não é aquela coisa
de pegar nos produtos, pagar e ir embora. Algumas pessoas já são mais do que
clientes, porque vêm cá quase todos os
dias, criam-se laços de amizade e de
confiança, é muito bom. E sobretudo as
pessoas de mais idade gostam de estar
um bocadinho à conversa”.
O atendimento personalizado, a qualidade dos produtos e os preços, são as
principais razões que destaca para aconselhar as pessoas a conhecer o Mercado
Municipal.
Madalena Cruz diz que tem uma enorme paixão pelo que faz: “ Gosto muito
desta atividade, e por isso eu nunca
desisti, mesmo naquelas alturas em que
o mercado esteve muito em baixo. E também sempre vivi neste negócio”.
AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015 // 15
// NOTÍCIAS
APROVADOS DOCUMENTOS
DE PRESTAÇÃO DE CONTAS
DO EXERCÍCIO DE 2014
Na sua reunião de 15 de abril a Câmara Municipal aprovou,
por maioria, os Documentos de Prestação de Contas relativos
ao exercício de 2014. Estes documentos refletem a situação
do Município, a nível de execução orçamental, situação
financeira, endividamento, incluindo também a proposta de
aplicação do resultado líquido obtido no final do exercício.
Na análise à execução orçamental é de salientar a elevado
grau de execução da receita, que no ano de 2014 atingiu
100,59% relativamente ao orçado, traduzindo-se em valor
absoluto em 12.027.400,00€. Representou um aumento da
taxa de execução em 11,92% relativamente ao ano anterior.
As receitas próprias do Município decresceram, sendo este
facto justificado pela diminuição na cobrança de impostos
diretos, à exceção do IMI, bem como do decréscimo de taxas e
outras receitas extraordinárias. No entanto as receitas fiscais
no seu todo tiveram um aumento de 3% na receita total (10,78%
para 13,78%) A receita corrente aumentou substancialmente o
seu peso em relação à receita total (67,95%), contra 51,04% em
2013. Já o peso da receita de capital é diminuto (4,22%) na
receita total.
16 // AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015
Da análise dos rácios de receitas, pode-se concluir que o Município no exercício de 2014 teve um superavit de 45,77%, mantendo assim, a capacidade de autofinanciamento. Resultante
desta poupança o Município evidenciava no final do exercício
um saldo para a gerência seguinte no valor de 3.781.832,87€.
O Município utilizou 1.861.943,84€ de receita corrente para
financiar despesa de capital e apresentou uma taxa de cobertura de 78,23% da sua despesa total com receitas próprias.
A despesa efetuada pelo Município ascendeu a 8.250.800,43,
representando um decréscimo de 26,65% relativamente ao
exercício anterior. O Município teve de contribuir para o Fundo
de Apoio Municipal (participação obrigatória por lei), o que
representou um compromisso de 71.577 euros.
// NOTÍCIAS
Município terminou o exercício de 2014 com um saldo para a
gerência seguinte que ascende a 3.781.832,87 euros, continuando a evidenciar uma situação financeira estável.
A análise dos rácios financeiros mostra que a Câmara Municipal tem um elevado grau de autonomia financeira, de capacidade de solvência dos seus compromissos. A Câmara Municipal continua a honrar os seus compromissos perante fornecedores com prazo médio de pagamentos de 13 dias, muito baixo
da realidade dos municípios portugueses. Em 2014 a Câmara
não recorreu ao crédito como ainda amortizou dívida e juros no
total de 445 mil euros.
O Município de Mortágua continua assim a manter uma situação financeira estável, e a demonstrar rigor, prudência e responsabilidade na gestão dos dinheiros dos contribuintes, não
obstante todas as dificuldades que os municípios hoje enfrentam. Por um lado, a retração da atividade económica e consequentemente diminuição das receitas normais, a redução das
transferências correntes do Estado; e por outro, a necessidade
de aumentar as despesas na área social por virtude da situação económica do país.
Em 2014 a despesa de capital não foi significativa, uma situação que irá alterar-se a partir deste ano com o início do processo de aquisição de terrenos do Parque Industrial, porquanto
representa um investimento avultado e distribuído ao longo
do mandato.
Na sua apreciação à situação financeira do Município e ao trabalho desenvolvido, refere o Presidente da Câmara, José Júlio
Norte: “Temos boas contas, não devemos nada a ninguém, e
cumprimos os nossos pagamentos dentro de prazos considerados normais. Isso é para nós um ponto de honra e acho que
os mortaguenses também exigem e merecem que tenhamos
esta postura.
Realizámos obra, apoiámos as pessoas, as associações e instituições do concelho, lançamos novos programas e iniciativas,
entre os quais destacaria o incentivo à natalidade, a Expomortágua, mas é evidente que temos de caminhar com alguma
cautela, porque como avisa a sabedoria popular, fácil é gastar.
Nós temos de ter sinais reais de que a economia vai crescer de
forma sustentada e que há de novo um clima de confiança no
país.
O nosso compromisso é a nossa vontade, dedicação, empenho e
determinação, em vencer estes desafios difíceis que ainda
temos pela frente, e proporcionar condições que permitam dar
um futuro aos nossos filhos e netos, o que passa por criar mais
emprego, mais oportunidades, de forma que os nossos jovens
não precisem de emigrar, como infelizmente tem vindo a acontecer, e se possível consigamos fazer regressar aqueles que tiveram de sair, muitos deles altamente qualificados, e que tanta
falta fazem ao desenvolvimento do concelho e do país“.
AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015 // 17
// NOTÍCIAS
ALUNOS “ESTAGIARAM” DURANTE UM DIA
EM EMPRESAS E INSTITUIÇÕES
Durante as férias letivas da
Páscoa, 42 alunos do concelho
estiveram a participar na
atividade “Na Sombra de um
Profissional”, dinamizada no
âmbito do Projeto Municipal
“Da Escola, Agarra a Vida”.
Os jovens, pertencentes ao 9º e 12º ano e inscritos no programa de Orientação Escolar e Profissional, tiveram a oportunidade de viver uma experiência de acompanhamento de um
profissional, durante um dia, tomando contacto direto com as
suas funções e rotinas, mas também com a organização, o
ambiente de trabalho, as responsabilidades e decisões inerentes a cada profissão.
A atividade contou com a colaboração de Empresas e Instituições que se disponibilizaram para receber os jovens. Entre as
instituições contaram-se, por exemplo, a Câmara Municipal, a
Santa Casa da Misericórdia de Mortágua e o Jardim-Escola
João de Deus, além de várias empresas do concelho.
18 // AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015
Alguns dos jovens estiveram a estagiar em empresas e instituições fora do concelho, nomeadamente na R.T.P., Departamento
de Sistemas de Informação da Plural, Universidade de Aveiro,
Instituto Politécnico do Cávado e do Ave, Diretoria do Centro
da Polícia Judiciária, Destacamento Territorial da GNR, Rádio
Clube de Arganil.
Este “estágio” permite aos jovens um conhecimento real e objetivo do mercado de trabalho e desenvolver as suas perspetivas
acerca das profissões e das suas preferências vocacionais.
// NOTÍCIAS
INFORMA´15 DIVULGOU
OFERTA FORMATIVA JUNTO
DOS ALUNOS DO ENSINO
BÁSICO E SECUNDÁRIO
Realizou-se no passado dia
10 de abril, a INFORMA`15
- Feira de Informação
Escolar e Profissional, na
sua oitava edição.
A Informa é uma iniciativa do Município,
no âmbito do Projeto “Da Escola, Agarra
a Vida”, que tem por finalidade informar
e esclarecer os alunos acerca da oferta
educativa e formativa existente, e desse
modo, apoiar os alunos na definição das
suas escolhas vocacionais.
Dirigida aos alunos do Ensino Básico (9º
ano) e Secundário (10º, 11º e 12º anos), contou com a presença de onze instituições de
ensino superior e outras entidades que
divulgaram a sua oferta formativa.
Nos vários stands os alunos podiam
obter informação sobre cursos, condições de ingresso, médias, propinas, mas
também sobre as instalações, os apoios
concedidos, as atividades de complemento curricular.
Os alunos consideraram que estas iniciativas são úteis porque ajudam a alargar
as suas opções em termos de vias do
ensino superior, a conhecer melhor as
Universidades e Institutos Politécnicos,
e a formar a sua decisão sobre a área
que irão seguir.
O Presidente da Câmara Municipal,
José Júlio Norte, lembra que as estatísticas comprovam que quem possui uma
formação superior tem mais hipóteses
de conseguir ingressar no mercado de
trabalho e mais oportunidades do que
uma pessoa que não tenha essa habilitação académica. Por essa razão, adianta, “ é preciso incentivar os alunos a prosseguir os seus estudos e dar-lhes todo o
apoio para que venham a ter sucesso”.
AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015 // 19
// NOTÍCIAS
“EMPREENDEDORISMO NAS ESCOLAS”
CONCURSO MUNICIPAL DE IDEIAS DE NEGÓCIO
Em sessão pública realizada no
passado dia 17 de abril, no
Centro de Animação Cultural,
foram conhecidas as Ideias de
Negócio vencedoras do Concurso
Municipal, realizado no âmbito
do projeto “Empreendedorismo
nas Escolas - Educação
Empreendedora”.
20 // AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015
O projeto, na sua segunda edição, é promovido pela Comunidade Intermunicipal da Região de Coimbra, em parceria
com o Município, e com a colaboração do
Agrupamento de Escolas de Mortágua.
Tem como objetivos incentivar o espírito
empreendedor, de iniciativa, de cooperação e a criatividade, nos jovens em
idade escolar, num contexto de construção do desenvolvimento da região. Este
ano o concurso foi alargado aos alunos
do 3º Ciclo, além do Secundário e Profissional, havendo assim dois concursos.
Ao todo foram apresentadas sete Ideias
de Negócio, cinco do Secundário e duas
do 3º Ciclo do Ensino Básico, envolvendo no total 18 alunos e sete professores
coordenadores de projeto.
// NOTÍCIAS
Coube a um júri constituído por três pessoas, Paulo Oliveira,
Vereador do Município, Maria José Pinto, Subdiretora do Agrupamento de Escolas, e Pedro Carvalho, economista, a difícil
tarefa de analisar e selecionar as duas ideias vencedoras, uma
para o 3º Ciclo e outra para o Secundário. Para tomar a sua decisão, o júri teve de ponderar vários critérios, como o grau de inovação da ideia, a sua exequibilidade, a qualidade da apresentação, a maturação da ideia e o seu impacto para a região.
No 3º Ciclo a ideia vencedora foi o projeto Leaves Pellets, apresentada pelos alunos João Leitão, Mateus Saldanha e Rui da
Costa e que teve como coordenadora a Profª. Carla Mota. A
ideia que apresentaram consiste em produzir pellets através
da reutilização das folhas secas existentes na floresta, nos jardins, nos passeios, fazendo o seu aproveitamento para fins
energéticos.
No Secundário a ideia vencedora foi o projeto Chayote Flour,
da autoria dos alunos Rita Simões, Miguel Ferreira e Mónica
Martins, tendo como coordenadoras as professoras Fátima
Potró e Paula Corveira.
Nesta ação foram sensibilizadas para o empreendedorismo 10
turmas, correspondendo a cerca de 200 alunos, muito embora
só alguns alunos tenham avançado com projetos concretos.
Na sua intervenção, o Presidente do Agrupamento de Escolas,
Rui Parada, felicitou todos os alunos participantes e agradeceu o
trabalho de apoio de professores e funcionários. E dirigiu-se aos
jovens, dizendo: “Vocês foram fantásticos, continuem com o
vosso empenho, com o vosso empreendedorismo”.
O Presidente da Câmara, Júlio Norte, felicitou os jovens pelo
“elevado nível das ideias apresentadas” e pela garra, tenacidade e paixão que mostraram na defesa dos projetos. E manifestou a sua confiança de que os dois grupos vencedores vão
representar Mortágua com muita dignidade na CIM da Região
de Coimbra.
Júlio Norte destacou a qualidade e equilíbrio dos projetos: “Vocês são todos vencedores, estão todos de parabéns. Tivemos
aqui hoje uma demonstração do potencial dos nossos jovens”.
E destacou a importância de ser lançado aos jovens este tipo
de desafios, “porque na vida vão ter de enfrentar muitos desafios e vão ter de ganhá-los”. “Se não soubermos ser competentes, inovadores, empreendedores, será muito difícil conseguir
o sucesso”, afirmou.
A sua ideia visa resolver o problema das pessoas que não
podem consumir produtos com glúten e propõe como solução
a utilização de um fruto, o chuchu, para fins culinários. Um
fruto pouco conhecido no nosso país mas com muitos benefícios para a saúde e um preço muito atrativo. Os jovens referiram que Mortágua encerra condições climáticas bastante
favoráveis à produção deste produto.
Os alunos de cada grupo vencedor receberam, como prémio
individual, um vale tecnológico no valor de 75 euros.
Sendo estas as duas ideias vencedoras, deve-se dizer que
todas elas surpreenderam pela sua originalidade, criatividade
e apresentação, tornando muito difícil a tarefa do júri.
As duas ideias vencedoras irão representar o Município de Mortágua na fase regional, a realizar no dia 23 de maio, em Coimbra
(3ºCiclo) e no dia 30 de maio, em Tábua (Secundário).
AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015 // 21
// NOTÍCIAS
CONCURSO NACIONAL DE LEITURA
MORTÁGUA ACOLHEU PROVAS DA FASE DISTRITAL
Mortágua recebeu no passado dia 22 de abril a fase distrital do
Concurso Nacional de Leitura, destinado a alunos do 3º Ciclo do
Ensino Básico e do Ensino Secundário. No concurso participaram
de cerca de 150 alunos, pertencentes a 38 estabelecimentos de
ensino do distrito de Viseu
A Biblioteca Municipal de Mortágua foi a organizadora
deste concurso, a convite da Direção-Geral do Livro, dos
Arquivos e das Bibliotecas, que se fez representar na pessoa
da Dr.ª Ana Castro.
da Fonseca. Outro desafio consistia em apresentar, num discurso coerente e persuasivo e no tempo de três minutos, o
tema principal de um dos livros que leram, resumir a ação e
indicar algumas razões para a sua leitura.
O evento envolveu um conjunto de voluntários, professores do
Agrupamento de Escolas de Mortágua e outros profissionais
da nossa comunidade, cuja colaboração foi essencial para o
êxito do evento.
Entre os concorrentes do Ensino Secundário, o vencedor foi o
aluno Pedro Adriano Castro Cruz, do 10º ano do Agrupamento
de Escolas de Armamar. No 3º Ciclo foi vencedora a aluna
Mariana Teixeira, do 9º ano da Escola Básica Aristides de
Sousa Mendes, de Carregal do Sal. Foram entregues certificados de presença aos alunos e a todas as escolas participantes.
Os alunos tiveram de realizar duas provas, escritas e orais, que
decorreram na Biblioteca Municipal e Centro de Animação
Cultural, respetivamente.
Coube a um júri constituído por três elementos avaliar a prestação dos finalistas a nível das suas capacidades expressivas,
de argumentação, análise e síntese.
Um dos desafios consistiu em ler um excerto de uma das várias obras literárias a sorteio. As obras eram de dois consagrados autores mortaguenses, Tomás da Fonseca e Branquinho
22 // AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015
O concurso foi animado com vários momentos culturais e outras
surpresas, que emprestaram uma componente de festa.
O Presidente da Câmara, na qualidade de anfitrião, saudou a
presença de todos os alunos, professores e escolas participantes e agradeceu o apoio do Agrupamento de Escolas, na pessoa do seu Diretor, dos professores que colaboraram diretamente nas provas, da equipa da Biblioteca Municipal, dos
membros do júri, que se traduziu numa excelente organização
// NOTÍCIAS
coletiva. E destacou o trabalho das escolas e dos professores
no sentido de incentivar os jovens à leitura num tempo em que
as novas tecnologias tendem a ocupar grande parte dos seus
tempos livres.
Dirigindo-se aos alunos, Júlio Norte afirmou: “vocês hoje
ganharam todos, o mais importante foi estarem aqui”. E disselhes que estes desafios são importantes na sua formação, porque ao longo da vida vão ter mais desafios para vencer, como
entrar na Universidade e no mundo do trabalho. “Estes desafios são bons porque vos dão outro tipo de formação, experiência de vida e também vos criam defesas para o amanhã”.
No final foi lida uma mensagem enviada pelo escritor Mário
Zambujal, um dos autores cuja obra foi selecionada para o
concurso. “Numa época em que as modernas tecnologias
reclamam boa parte do tempo, mantém-se a importância da
leitura num mundo dos insubstituíveis livros de papel, seja
como modo de aprendizagem ou divertimento. Aliás, diversão
e enriquecimento cultural não se excluem, podem e devem
conviver. Sensibiliza-me que jovens do distrito de Viseu se
entreguem à leitura da minha Dama de Espadas e, certamente, outros livros e autores se seguirão. Abraço para todos”.
O Concurso Nacional de Leitura, na sua 9ª edição, é uma iniciativa promovida pelo Plano Nacional de Leitura (PNL), a Rede de
Bibliotecas Escolares e a Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e
das Bibliotecas, com o objetivo central de estimular o treino da
leitura e desenvolver competências de expressão escrita e oral.
Mortágua foi palco de uma grande festa da leitura e do livro!
AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015 // 23
// NOTÍCIAS
EXPOSIÇÃO
“HISTÓRIAS DA AJUDARIS'12”
Entre os dias 17 de abril e 1 de maio, o Centro
de Animação Cultural acolheu a exposição
“Histórias da Ajudaris' 12 - pequenos gestos,
grandes corações”.
O projeto "Histórias da Ajudaris" é uma iniciativa de incentivo
à leitura e à escrita, realizada com crianças dos 3 aos 12 anos
de idade, e ao mesmo tempo um projeto solidário, intervindo
junto de comunidades desfavorecidas. A Ajudaris é uma Instituição Social sem fins lucrativos, que luta contra a fome,
pobreza e exclusão social.
Nesta exposição, as crianças são as protagonistas e autoras
na partilha de magia e de criatividade, a que se juntaram ilustradores que dão vida e cor às personagens e cenários. Os textos e ilustrações estão reunidos no livro “Histórias da Ajudaris”, que já vai para a sua sétima edição. Os fundos conseguidos com a venda dos exemplares revertem em prol de vários
projetos sociais.
A abertura da exposição contou com a presença de crianças
do 3º ano da Escola Básica de Mortágua e do Jardim-Escola
João de Deus, além de Pais, Avós e outros familiares.
A Diretora da Ajudaris, Dra. Rosa Vilas Boas, esteve presente e
mostrou-se muito sensibilizada com a forma cuidada como
estava organizada a exposição.
24 // AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015
// NOTÍCIAS
JORNADAS DEBATERAM PREVENÇÃO
DE CRIMES SEXUAIS E VIOLÊNCIA DOMÉSTICA
As problemáticas dos Crimes Sexuais e da
Violência Doméstica, na perspetiva da criança e
do jovem, foram tema de reflexão e debate numas
Jornadas, realizadas no passado dia 11 de abril.
A iniciativa foi promovida pela Comissão de Proteção de Crianças e Jovens de Mortágua (CPCJ), com o apoio do Município, no âmbito do programa nacional “Mês da Prevenção dos
Maus-Tratos na Infância”, que se assinalou em abril.
A Presidente da CPCJ de Mortágua, Dra. Emília Matos, referiu
que o objetivo destas Jornadas era sensibilizar a comunidade
para os riscos e perigos que as crianças e jovens hoje atravessam, mas também encorajar as pessoas para que não tenham
medo de denunciar as situações.
“Com estas Jornadas pretende-se que todos nós estejamos
mais despertos, mais vigilantes, e saibamos como nos orientar
e agir perante estas situações. É importante nós procurarmos
lutar no sentido de dar às crianças e jovens um futuro de paz e
bem-estar”, afirmou.
O Presidente da Câmara felicitou a CPCJ de Mortágua pela iniciativa e pela sua abertura à comunidade, sendo um contributo para que seja mais conhecida a sua missão e o seu trabalho
em prol da proteção dos direitos das crianças e dos jovens.
“É preciso estar permanentemente em alerta, apostar na prevenção”, referiu, destacando a importância da sinalização,
do acompanhamento e apoio às vítimas, porquanto estas
situações podem marcar toda a vida de uma criança ou
jovem.
No âmbito do seu programa de atividades, a CPCJ de Mortágua tem previsto realizar várias iniciativas de sensibilização
e prevenção sobre diversas temáticas que preocupam os
Pais e a sociedade em geral, relacionadas com os jovens e as
crianças, nomeadamente o Bullying e os perigos na utilização da Internet.
AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015 // 25
// NOTÍCIAS
“MUNICÍPIO PRESENTE”
APOIA PESSOAS E FAMÍLIAS
EM DIFICULDADE
26 // AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015
O programa “Município Presente”
constitui um mecanismo de apoio criado
pelo Município que visa a proteção de
pessoas e famílias em situação de maior
fragilidade socioeconómica.
// NOTÍCIAS
É mais uma medida de política social do Município que pretende colmatar situações de comprovada carência económica, assegurando que todos os cidadãos mortaguenses têm
acesso aos bens essenciais e a uma vida com dignidade.
No contexto de uma estratégia de desenvolvimento sustentável, baseada numa lógica de parceria, quer com a Administração Central, quer com as instituições e ou parceiros locais, torna-se necessário tomar medidas de forma a garantir que as
políticas de inclusão social se assumam como respostas concretas, bem coordenadas, possibilitando uma melhor eficiência e eficácia das mesmas.
técnicas; pagamento de habitação própria ou arrendada;
transporte; despesas domésticas, nomeadamente géneros alimentares, água, eletricidade e gás. Prevê também o apoio na
recuperação e reabilitação de habitação permanente própria e
o pagamento de despesas com a educação.
O Presidente da Câmara Municipal refere que o programa é
um mecanismo que poderá evitar males maiores que possam
aparecer na sequência de dificuldades económicas.
O PROGRAMA TEM COMO OBJETIVO O APOIO A
SITUAÇÕES DE VULNERABILIDADE SOCIAL E
ECONÓMICA, DE CARÁTER PONTUAL E TEMPORÁRIO,
DESENVOLVENDO-SE EM ESTREITA COOPERAÇÃO
E ARTICULAÇÃO COM AS ENTIDADES E INSTITUIÇÕES
QUE INTEGRAM A REDE SOCIAL LOCAL.
Pretende a Autarquia que este programa constitua um instrumento de suporte, que visa atenuar as consequências da diminuição dos rendimentos familiares resultantes do atual contexto de crise, constituindo-se como uma medida complementar que promova a inclusão e a coesão social, através do apoio
aos estratos sociais mais desfavorecidos, e desta forma, que
ninguém fique esquecido ou deixado para trás por fatores
meramente económicos.
O apoio económico é atribuído depois de elaborado um relatório social que atesta a necessidade e prevê o pagamento de
despesas de medicação, atos médicos e aquisição de ajudas
“No nosso concelho não temos situações de pobreza
extrema mas temos de estar atentos e sempre que
acontecer algo na área social, ou mesmo da saúde,
nós intervimos, dentro das nossas competências. O
mais importante é resolver o problema de uma família, num trabalho de cooperação e parceria com as
Instituições Particulares de Solidariedade Social”.
E exemplifica: “Falo de casos de famílias que têm
filhos universitários, mas em que as Bolsas chegam
com o desfazamento de alguns meses e acabam por precisar
de ajuda pontual, de situações em que o único membro da
família que assegura o sustento familiar é atingido por uma
doença crónica ou desemprego. Ou até um caso de incêndio
em habitação, como aconteceu recentemente, em que a
Câmara teve de intervir”.
Deste modo a Câmara Municipal assume uma atitude ativa,
solidária e de proximidade face aos Mortaguenses e famílias
Mortaguenses que possam estar temporariamente a passar
maiores dificuldades, colocando-se ao seu lado e dizendo “presente”.
AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015 // 27
// NOTÍCIAS
MERCADO DOS DOCES
REGISTOU GRANDE
ADESÃO DE PÚBLICO
O Mercado Municipal acolheu no
passado dia 4 de abril o mercado
dedicado aos Bolos e Doces.
Coincidindo com a época festiva da Páscoa, o evento registou uma grande adesão de visitantes, de tal forma que no
final da manhã já havia bancas com os
produtos esgotados. Os visitantes podiam adquirir uma grande variedade de
bolos tradicionais, mousses, tartes e crepes, os quais tinham em comum o facto
de serem de confeção caseira ou artesanal. Havia ainda bolos feitos sem açúcar
a pensar naquelas pessoas que têm problemas com a diabetes.
Os visitantes podiam também adquirir o
mel da serra da Cabrieira (Mortágua) e
compotas variadas, algumas delas
28 // AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015
// NOTÍCIAS
fazendo a combinação de produtos
pouco prováveis, como pimentos vermelhos com chocolate, maçã com queijo de ovelha e nozes, abóbora com queijo
de ovelha curado.
Nalgumas bancas, as pessoas tinham a
possibilidade de provar, nomeadamente
as compotas e pequenos doces, o que
aguçava mais o desejo de comprar.
Nesta altura do ano não podia faltar o
tradicional Bolo de Cornos, também chamado de Bolo da Páscoa, por ser típico
desta época festiva. Almira Neves
cozeu uma quantidade substancial de
bolos mas no final da manhã já tinha
tudo vendido. “Se eu soubesse que ia ser
assim tinha feito mais”, desabafou.
Para além dos bolos tradicionais, destacavam-se outros bolos mais fora do vulgar, como o “bolo de folha”, feito com
massa lêveda e por camadas: “Leva mel
e nozes, é muito bom para acompanhar
com café ou com Vinho do Porto”, contou Helena Nobre.
O Presidente da Câmara, à semelhança
do que aconteceu nos anteriores mercados, marcou presença no evento e mostrou-se satisfeito pela grande adesão de
visitantes e participantes. “Este foi o
mercadinho que teve até agora maior
adesão, para isso também contribuiu o
dia escolhido, porque estamos em véspera de Páscoa. Muitas pessoas aproveitaram este mercadinho para levar bolos
para casa, como aliás foi o meu caso”.
Júlio Norte destacou, por outro lado, “a
excelente qualidade, a criatividade e a
preocupação com a boa apresentação
dos bolos e doces”.
O Presidente da Câmara manifestou o
desejo de que esta experiência “seja o
fermento para que venhamos a ter um
excelente doce de Mortágua”.
Segundo Júlio Norte, estes mercados
temáticos revitalizam o Mercado e, ao
mesmo tempo, promovem os produtos
locais e ajudam os produtores locais a
escoar os seus produtos. “As pessoas vieram para comprar doces e alguma delas
aproveitaram para ir fazer compras nas
outras bancas, na fruta, nos legumes, e
vice-versa. É só ver a quantidade de pessoas que estão aqui neste momento, são
muito mais pessoas do que passam num
dia normal do mercado”.
A iniciativa “Sabores do Mercado” pretende fomentar o hábito de ir ao mercado
e atrair novos públicos a este espaço.
AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015 // 29
// NOTÍCIAS
COMEMORAÇÃO
DO 25 DE ABRIL
PRODUÇÃO ARTÍSTICA
TRANSFORMOU PARQUE VERDE
NUM PALCO DE POESIA VISUAL
Um maravilhoso e surpreendente espetáculo de rua
realizado no Parque Verde, seguido de uma sessão
de Fogo de Artificio, assinalou a comemoração de
mais um aniversário do 25 de abril.
Nem a chuva afastou as muitas pessoas que quiseram associar-se à comemoração da data, assistindo a um espetáculo marcado pela beleza estética e poética, construído de sensações e
emoções.
O Parque Verde transfigurou-se, vestindo-se de uma instalação artística que surpreendeu toda o público, mais parecendo
rodeado de um mundo mágico.
30 // AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015
A performance “Passagem”, uma criação do grupo PIA – Projetos de Intervenção Artística, conta a história de quatro
velhos viajantes que caminham por entre um universo de objetos suspensos, onde através das memórias do passado, que
lhes embrulharam a vida, encontram o início de uma nova jornada, emergindo do esquecimento e da rotina.
O público ia circulando de história em história, acompanhando os atores, o que torna este espetáculo também diferente do
ponto de vista da observação do espectador e da apropriação
do espaço público.
É uma performance que vive sobretudo da caracterização das
personagens, dos rostos, das expressões e emoções que transmitem, “porque o corpo é uma linguagem universal”.
// NOTÍCIAS
SE HOJE PODEMOS ESTAR AQUI TODOS
JUNTOS, SE SOMOS LIVRES, SE TEMOS O
LIVRE ACESSO À EDUCAÇÃO, SE TEMOS O
PODER LOCAL, ISSO DEVEMOS A ABRIL!
Presidente da Câmara Municipal, José Júlio Norte
Não será exagero dizer que todos se sentiram tocados por
aquelas personagens, que representam uma realidade de tantos idosos, a solidão, o isolamento, a falta de vontade de viver.
Mas a cena final (dança) pretende mostrar que é possível
(re)encontrar a esperança e felicidade, e que Terceira Idade
não tem de ser sinónimo de limitações, mágoas e memórias.
Este espetáculo foi exibido pela primeira vez em Macau e já
passou por vários países, como Espanha, Grécia, Polónia e
Montenegro, com grande aceitação do público.
No final do espetáculo o Presidente da Câmara, José Júlio Norte,
dirigiu algumas palavras aos presentes para evocar e lembrar a
importância de se continuar a celebrar Abril e os seus valores.
Júlio Norte referiu que nesta noite “todos somos capitães e
camaradas”, não há cores, nem políticas, mas os mesmos valores e ideias. Estavam ali todos juntos num exercício de celebração e de cidadania, para relembrar aquela madrugada
“que nos retirou as mordaças e nos deu a liberdade de poder
tomar decisões livremente”.
Uma data que não pode ser nunca esquecida, frisou, afirmando que "hoje mais do que nunca, é necessário relembrar Abril e
os seus valores, desde logo a liberdade". Nestes tempos de dificuldade, é preciso não desistir e, pelo contrário, continuar a
lutar e a acreditar que é possível um Portugal melhor e mais
justo. “Também isso é reviver abril!”, disse.
AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015 // 31
// NOTÍCIAS
MARATONA BTT
CONSTITUIU
RENOVADO ÊXITO
Realizou-se no passado dia 19
de abril a 8ª Maratona BTT
Mortágua, pontuável para a
Taça de Portugal XCM.
A prova, numa organização conjunta do
Velo Clube do Centro e da Câmara Municipal de Mortágua, teve a participação
de 675 atletas, dos quais 358 da categoria Promoção e 317 da Taça de Portugal
XCM.
Com partida e chegada junto à Praça do
Município, a prova foi disputada em três
circuitos distintos: Maratona Elite com
aproximadamente 100 km, Maratona
Curta - 80 km, e Meia Maratona - 42 km,
divididas por escalões.
A Maratona percorreu todas as freguesias do concelho, chegando mesmo aos
limites da sua fronteira com os concelhos vizinhos, como as zonas de Cerdeirinha, Moura e Linhar de Pala.
32 // AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015
Estiveram presentes equipas e atletas individuais de diversos pontos do país, de
norte a sul, nomeadamente Loulé, Campo
Maior, Viana do Castelo, Gondomar, Vila
do Conde, Póvoa do Varzim, Famalicão,
Mirandela, Fundão, Almeirim, Viseu, Castro Daire, Mangualde, Vouzela, Águeda,
entre outros.
Na prova rainha, a maratona, o vencedor foi David Vaz, da equipa Saertex Portugal /EDAETECH, que fez o percurso
em 4h.02m.45s. “Foi uma maratona
muito dura, mas para ser da Taça de Portugal é mesmo assim. Tenho de dar os
parabéns à organização, estava tudo
muito bem marcado, os abastecimentos
eram cinco estrelas, trilhos muito bonitos. Espero que continuem”.
Na Maratona Curta o mais rápido foi
Carlos Lima, da equipa EDV - Viana
Cycles, com 3h25m.29s. Tânia Neves,
do Clube BTT de Águeda, foi a melhor
no setor feminino. “Uma prova muito
bonita, levou-nos por trilhos espetaculares, e um percurso cinco estrelas”.
Na Meia Maratona o melhor foi Gil Azoia,
da equipa Róódinhas Santos Silva, com
1h41m.39s. “Gostei muito, tudo muito
bem organizado, percurso bem marcado,
pessoal em todos os cruzamentos, uma
prova ao nível da Taça de Portugal”.
Ana Rodrigues, da equipa Real BTT
Race, foi a melhor no setor feminino,
com 2h41m.09s. “Bons trilhos, muita
segurança. Gostei da experiência, é
para repetir”.
// NOTÍCIAS
Mortágua esteve representada com três equipas na
prova: Avança/Labialfarma, Cascalheira Bike Team e
ACRD Felgueira / Labialfarma.
trabalho e esforço. A Câmara Municipal é parceira do
evento e está sempre disponível para apoiar”.
No final procedeu-se à entrega dos troféus, que contemplaram os três primeiros classificados de cada escalão,
por prova, e da geral absoluta da Meia Maratona e Maratona Elite. Foram ainda entregues troféus coletivos, à
equipa mais numerosa e às três equipas melhor classificadas da Taça de Portugal XCM (Elite e Master).
Segundo Júlio Norte, o evento trouxe animação e movimento ao concelho, e não só do ponto de vista desportivo. “O facto de a prova integrar a Taça de Portugal fez
com que tivéssemos aqui atletas de norte a sul do país.
Houve equipas que no dia anterior já estavam instaladas e algumas unidades de alojamento que esgotaram. Esse acréscimo de movimento é sempre positivo
para a economia local”, realçou.
O Presidente da Câmara, que esteve presente no
momento da partida e na cerimónia de entrega dos prémios, referiu que a prova constituiu um êxito desportivo e um excelente cartaz de promoção do concelho.
“Correu tudo muito bem e tenho de dar os parabéns ao
Velo Clube do Centro, ao Pedro Silva e à sua equipa de
apoio, que mais uma vez organizaram um grande evento desportivo, com muito mérito mas também muito
O Presidente da Câmara destacou o espírito de cooperação de muitas pessoas e entidades no sentido de realizar um evento de qualidade, englobando nesse desígnio coletivo o Velo Clube do Centro, a Câmara Municipal, as Juntas de Freguesia, as Associações Locais, os
Bombeiros, a GNR, as empresas patrocinadoras.
AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015 // 33
// NOTÍCIAS
TORNEIO DE FUTSAL
INTERASSOCIAÇÕES
JANTAR-CONVÍVIO E
ENTREGA DE TROFÉUS
Decorreu no passado dia 18 a entrega dos troféus
referente ao Torneio de Futsal Interassociações,
promovido pelo Município. Como tem sido
habitual, o Torneio encerrou com um jantar de
confraternização, este ano realizado na sede do
Académico de Vila Moinhos.
No evento marcaram presença atletas, treinadores, dirigentes
e árbitros. A Câmara Municipal, entidade promotora do Torneio, esteve representada pelo Presidente da Câmara, José Júlio,
Vereador Paulo Oliveira e Vereadora Emília Matos.
sa para a equipa do Sporting Clube de Vale de Açores e o troféu
Disciplina (menos faltas cometidas) à equipa de Trezói. Foi
ainda entregue um troféu a cada uma das coletividades que
apoiou a receção do evento.
O Torneio foi organizado em colaboração com as três coletividades onde decorreram os jogos, Vila Moinhos, Felgueira e
Sobrosa. Nesta edição participaram 14 associações/equipas,
envolvendo no total 165 pessoas, entre atletas, treinadores e
dirigentes. A equipa do Sporting Clube de Vale de Açores
sagrou-se vencedora, sucedendo à Associação de Vila Meã,
vencida na final.
Antes da entrega dos troféus, o Presidente da Câmara Municipal, José Júlio Norte, agradeceu a participação de todas as
equipas na edição deste ano e às respetivas direções associativas, bem como ao pessoal do Município e às equipas de arbitragem que estiveram envolvidas na organização. Dirigiu um
agradecimento às três associações que colaboraram diretamente na realização do torneio, referindo que a Câmara não
deixará de recompensar as mesmas, uma vez que tiveram de
realizar despesas, nomeadamente água, gás e eletricidade.
Foram entregues troféus por classificação e ainda troféus especiais, individuais e coletivos. O troféu de melhor marcador foi
para Marco Teixeira, da equipa da Felgueira, o de melhor defe34 // AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015
// NOTÍCIAS
Dirigiu, por último, um agradecimento especial à Direção do
Académico de Vila Moinhos, na pessoa do seu Presidente,
pelo excelente acolhimento e serviço gastronómico que proporcionou a todos os presentes.
Referiu que em qualquer torneio há sempre alguma competição, ninguém gosta de perder, mas para o Município esse aspeto é secundário. “O que é importante é a prática do desporto, é
o convívio, é o estarmos aqui reunidos, porque isso também
faz parte integrante da nossa vida. Estes momentos de lazer
também são importantes para descomprimir do stress do diaa-dia, para esquecer os problemas”.
E manifestou a vontade do Município de voltar a organizar o
torneio no próximo ano, se possível tentando aumentar o
número de associações participantes.
AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015 // 35
// NOTÍCIAS
FEIRA DAS SOPAS E PETISCOS
NA FELGUEIRA
A Associação Cultural e Recreativa Felgueirense
promoveu, nos dias 28 e 29 de março, a Feira das
Sopas e Petiscos. O certame constituiu um sucesso
assinalável, atraindo muitos visitantes de vários
pontos do concelho e da região.
Realizado no Pavilhão Multiusos, o evento juntou gastronomia, artesanato e animação. Os visitantes tinham à sua disposição 9 tipos de sopas, confecionadas por
particulares e por Associações Locais.
Sopas com diferentes texturas, sabores
e ingredientes, para todos os gostos e
estômagos: sopa de cenoura, sopa de
peixe, caldo verde, sopa de alho francês,
sopa de feijão-verde, sopa da pedra,
sopa da Avó Gina, sopa à Lavrador e
Sopa à Músico.
A prova de que as pessoas se deixaram
conquistar pelo sabor, é que as sopas
esgotaram nos dois dias.
No primeiro dia as sopas estiveram a
concurso. O júri distinguiu a sopa de
36 // AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015
pedra (Assoc. Vale de Paredes), a sopa
de peixe (Roseta Pereira) e a sopa à
Lavrador (Assoc. Sobrosa), por esta
ordem de classificação.
O público também elegeu a melhor
sopa. A escolha recaiu na sopa de peixe,
confecionada por Roseta Pereira, residente na Felgueira.
Outra parte da feira era dedicada aos
petiscos, destacando-se os mais tradicionais. Para que a refeição fosse completa,
havia ainda as sobremesas, bebidas
variadas e café.
Estiveram presentes 23 bancas com
artesanato diverso, sendo também um
fator de animação da feira.
Não faltaram também momentos de animação durante os dois dias, com atuações de artistas e grupos musicais e de
dança, sendo de destacar a atuação do
Coral Juvenil Sílvia Marques, inserida
no Festival da Primavera.
O Presidente da Câmara Municipal marcou presença no evento e enalteceu o
dinamismo mais uma vez demonstrado
pela Associação, bem como o espírito
de união e entreajuda das pessoas da
Felgueira, que tornaram possível organizar um evento com esta envergadura.
E considerou o evento como um “grande
exemplo do que deve ser o associativismo” e a demonstração de que “não é só
na sede do concelho que se fazem eventos de qualidade”.
// DIVULGAÇÃO
DEFESA DA FLORESTA,
BENS E PESSOAS
FAIXA DE GESTÃO DE COMBUSTÍVEIS
ENVOLVENTE A EDIFICAÇÕES
É obrigatório proceder à gestão de
combustíveis numa faixa mínima
de 50 m à volta das edificações
estaleiros, armazéns, oficinas,
fábricas ou outros equipamentos.
4m
5m
m
50
4m
Z1
10
No caso dos aglomerados
populacionais esta faixa de
proteção estende-se até aos 100m.
ZONA 1 | 5 metros em redor dos edifícios, estruturas, plataformas, etc
ŸRemova todas as plantas mortas,
matos ou ervas daninhas.
ŸRemova folhas secas desta zona, do
telhado e das caleiras.
ŸRetire os ramos próximos do telhado e
da chaminé criando uma zona de segurança equivalente a 5 metros.
ŸNão coloque pilhas de madeira ou
lenha nesta Zona.
ŸRemova ou pode as plantas e arbustos
inflamáveis próximas das janelas ou de
estruturas que poderão pegar fogo.
Z2
m
ZONA 2 | 50 metros em redor dos edifícios, estruturas, plataformas, etc.
ŸCorte as árvores regularmente para manter ramos no mínimo a 5 metros do edifício
e no mínimo a 4 metros dos ramos de outras árvores.
ŸAs árvores devem estar espaçadas, de modo a que as copas distanciem entre si,
pelo menos 4 metros e ter a base das copas à altura mínima de 4 metros.
ŸNas árvores com altura até aos 8 metros a desramação deverá ser efetuada até metade
da sua altura;
ŸNas faixas de gestão dos combustíveis não poderão existir quaisquer outras acu-
mulações de matérias combustíveis, como lenha, madeira, etc.;
ŸNas Faixas de Gestão de Combustíveis, deve-se assegurar a sua manutenção, efe-
tuando a limpeza com a regularidade necessária.
AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015 // 37
// EMPREGO E EMPREENDEDORISMO
PORTUGAL 2020
PROGRAMA DE
DESENVOLVIMENTO RURAL
INCENTIVOS ÀS EMPRESAS - CONCURSOS ABERTOS
2014 - 2020
Sistema de Incentivos à Investigação e Desenvolvimento
Tecnológico | Projetos Demonstradores Individuais
Candidaturas até 24 de junho de 2015 (19h00)
INCENTIVOS AGRICULTURA - CONCURSOS ABERTOS
Sistema de Incentivos à Investigação e Desenvolvimento
Tecnológico | Projetos Demonstradores em Co-Promoção
Candidaturas até 24 de junho de 2015 (19h00)
Ação 3.2.1 | Investimento na exploração agrícola
Ação 3.3.1 | Investimento Transformação e
comercialização de produtos agrícolas
Candidaturas até 30 de junho de 2015 (23h59)
Sistema de Incentivos à Investigação e
Desenvolvimento Tecnológico | Projetos em Co-Promoção
Candidaturas até 2 de junho de 2015 (19h00)
Informação completa em: www.pdr-2020.pt
Sistema de Incentivos à Investigação e Desenvolvimento
Tecnológico | Projetos em Regime Contratual de Investimento
Candidaturas em contínuo
GABINETE DE INSERÇÃO
PROFISSIONAL
Sistema de Incentivos à “Internacionalização das PME”
Candidaturas até 22 de maio de 2015 (19h00)
CANDIDATURAS ABERTAS
Sistema de Incentivos à “Qualificação das PME”
Candidaturas até 22 de maio de 2015 (19h00)
Medida de Apoio à Mobilidade Geográfica
no Mercado de Trabalho
Ÿ Medida Reativar
Informação completa em: www.portugal2020.pt
mor tágua
ninho de empresas
38 // AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015
Ÿ
Informação completa em: www.iefp.pt
GABINETE DE APOIO
AO EMPREENDEDOR
Rua da Gandarada, nº39
3450-133 - Mortágua
Tlf: 231 927 030
Fax 231 927 049
[email protected]
[email protected]
// UNIDADE MÓVEL DE SAÚDE
// LOCALIDADE
Alcordal / Vale das Éguas // Cruzamento
Almaça // Largo
Almacinha // Largo
Anceiro // Largo
Aveleira / Truta // Cruzamento
Azival // Largo
Barracão // Largo
Barril // Associação
Benfeita // Capela
Calvos // Largo
Caparrosa // Largo
Caparrosinha // Associação
Carapinhal // Capela
Carvalhal // Largo
Castanheira // Largo
Cercosa // Largo
Cerdeira // Largo do Coreto
Cerdeirinha // Largo da Capela
Chão Miúdo // Associação
Cortegaça // Junta de Freguesia
Coval // Largo
Cruz de Vila Nova // Capela
Eirigo // Largo
Espinho // Largo da Junta / Igreja
Falgaroso da Serra // Capela
Felgueira // Associação
Ferradosa // Largo
Freixo // Associação
Galhardo // Largo
Gândara // Capela
Laceiras // Largo
Linhar de Pala // Largo
Lourinha de Baixo // Largo
Lourinha de Cima // Largo
Macieira / Tarrastal // Largo Macieira
Marmeleira // Largo
Meligioso // Largo
Moitinhal // Largo
Monte Lobos // Associação
// DIA
// HORA
07
18
05
12
19
13
18
13
06
19
-
11h15
10h30
09h30
11h30
11h15
11h30
11h45
10h30
09h30
10h30
-
// LOCALIDADE
Mortazel // Associação
Moura // Largo
Painçal // Largo
Pala e Palinha // Largo da Escola
Palheiros / Ortigosa // Assoc. Palheiros
Paredes // Largo
Pereira // Capela
Pinheiro // Largo
Pomares // Largo da Capela
Póvoa // Associação
Póvoa do Sebo // Largo
Povoinha // Capela
Quilho // Largo da Associação
Ribeira // Largo da Capela
Rio Milheiro // Largo da Associação
Santa Cristina // Largo
Sernadas / Sardoal // Largo Sernadas
Sobral // Largo
Sobrosa // Largo
Soito // Largo
Sula // Largo
Trezoi // Largo da Fonte
Vale da Linhaça // Largo
Vale da Vide // Largo
Vale de Açores // Largo da Feira
Vale de Ana Justa // Capela
Vale de Borregão // Largo
Vale de Carneiro // Largo
Vale de Mouro // Associação
Vale de Ovelha // Largo
Vale de Paredes // Largo da Escola
Vale de Remígio // Junta Freguesia
Vila Boa // Largo
Vila Gosendo // Associação
Vila Meã // Largo
Vila Meã da Serra // Largo
Vila Moinhos // Associação
Vila Nova // Largo da Escola
Vila Pouca // Largo
// DIA
// HORA
12
18
06
19
12
07
13
07
04
11
18
11
05
07
04
-
09h30
11h15
11h00
09h30
10h45
10h30
09h30
09h30
11h00
09h30
09h30
11h00
10h30
11h45
09h30
-
AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015 // 39
// DELIBERAÇÕES MUNICIPAIS
A Câmara Municipal de Mortágua, nas suas
reuniões de 1 e 15 de abril, tomou conhecimento
e deliberou:
Aprovar a proposta de alteração do valor do subsídio mensal
atribuído ao Sporting Clube de Vale de Açores, relativo aos
meses de janeiro a maio de 2015, de modo a perfazer o valor
atribuído na época anterior, e proceder-se à correção do valor
no respetivo aditamento ao protocolo.
EDUCAÇÃO E JUVENTUDE
Aprovar atribuir à Associação Teatro Club a comparticipação
no valor de 1933,62€, referente ao pagamento do IMI do edifício
do Centro de Animação Cultural, considerando que o mesmo
está cedido ao Município através de contrato de comodato.
Deferir os processos de candidatura nº 12 a 14/2015 para atribuição do Incentivo à Natalidade e Apoio à Família, que
deram entrada nos serviços.
Emitir parecer favorável, a pedido da Escola Profissional Beira
Aguieira, sobre os novos Cursos Profissionais de Educação e
Formação (Cursos Vocacionais de Mesa / Cozinha / Informática), para efeitos de candidatura.
AÇÃO SOCIAL
Viver Mais. Viver Feliz! – Passeio dos Idosos
Aprovar a atividade Passeio dos Idosos, a realizar no mês de
julho, tendo como destino Lisboa.
CULTURA , DESPORTO E TEMPOS LIVRES
HABITAÇÃO E URBANIZAÇÃO
Associativismo
Tomar conhecimento da carta enviada pelo Grupo Associativo
Recreativo Académico de Vila Moinhos, dando conta que
tomaram posse novos Órgãos Diretivos para o biénio
2015/2017.
Aprovar fixar o prazo até 01/05/2015 para desocupação de edifício a demolir, sito na Avª do Reguengo, em Vila Meã, no
seguimento da sua aquisição pela Câmara Municipal e tendo
por finalidade o alargamento da via.
Aprovar a proposta de atribuição de apoio financeiro à realização da 8ª Maratona BTT de Mortágua, mediante protocolo a
celebrar com o Velo Clube do Centro, tendo em consideração a
elevada participação de atletas, o prestígio da prova e o seu
contributo na divulgação das potencialidades do concelho.
40 // AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015
ILUMINAÇÃO PÚBLICA
Tomar conhecimento das obras executadas pela EDP no concelho de Mortágua, no ano de 2014, bem como das obras em
curso e em projeto. Segundo a informação, foram efetuadas
9398 m de rede de MT, 3PT`s, 6461 m de Rede BT/IP, 63 chegadas e 302 iluminárias e ainda a substituição de 185 lâmpadas.
// DELIBERAÇÕES MUNICIPAIS
PLANEAMENTO URBANÍSTICO
PROTEÇÃO CIVIL
Aprovar proceder à publicitação da participação preventiva
da alteração ao Plano de Pormenor da Ampliação do Parque
Industrial Manuel Lourenço Ferreira, nos termos previstos no
nº2 do artº 148º do Regime Jurídico dos Instrumentos de Gestão Territorial (RJIGT).
Tomar conhecimento do Relatório Anual de Incêndios do Distrito de Viseu, relativo a 2014, elaborado pela GNR – Comando
Territorial de Viseu.
SANEAMENTO E SALUBRIDADE
Aprovar a proposta de atribuição da Medalha de Mérito Municipal a empresas reconhecidas com o Prémio PME Líder e Prémio Excelência 2014, e integrar a iniciativa na comemoração
do Feriado Municipal. Mais deliberou submeter a proposta à
apreciação e votação da Assembleia Municipal.
Aprovar o projeto de execução da “Rede de Drenagem de
Águas Residuais da povoação de Mortazel”, que apresenta
um orçamento estimado de cerca de 260 mil euros.
DESENVOLVIMENTO ECONÓMICO
Expansão da Zona Industrial
Aprovar a minuta da escritura de compra e venda de parcela de
terreno com a área de 5367m2 e de terreno com a área de
127.049m2, sitos em Lameiro, na União de Freguesias de Mortágua, Vale de Remígio, Cortegaça e Almaça, e a integrar na zona
de expansão do Parque Industrial Manuel Lourenço Ferreira.
DEFESA DO MEIO AMBIENTE
Requalificação e valorização
das margens da Ribeira da Fraga
Aprovar a proposta de elaboração do projeto de requalificação
da Ribeira da Fraga, entre a Ponte do Barril e o Parque Verde, e
a criação de um percurso pedestre com equipamentos de
apoio nesse trajeto, aproveitando a existência do Parque das
Nogueiras e do Parque Verde.
ADMINISTRAÇÃO
Aprovar a proposta de atribuição de Medalhas de Bons Serviços a Funcionários do Município, com mais de 20 anos de atividade, e integrar a iniciativa na comemoração do Feriado Municipal. Mais deliberou submeter a proposta à apreciação e votação da Assembleia Municipal.
Aprovar os documentos de Prestação de Contas (Balanço,
Demonstração de Resultados, Mapas de Execução Orçamental, Anexos às Demonstrações Financeiras e Relatório de Gestão), relativos ao exercício de 2014, bem como a proposta de
Aplicação de Resultados. Mais deliberou remeter os documentos à apreciação e votação da Assembleia Municipal.
Aprovar a atualização do Inventário de Bens, Direitos e Obrigações Patrimoniais do Município e respetiva Avaliação. Mais
deliberou remeter a proposta à apreciação e votação da
Assembleia Municipal.
AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015 // 41
// DELIBERAÇÕES MUNICIPAIS
Aprovar a proposta de modificação por revisão ao Orçamento
do ano de 2015 – primeira revisão, nos seguintes valores:
.Saldo da Gerência anterior – 3.781.832,87€
.Reforço receita corrente – 17.895,60€
.Reforço de despesas correntes – 1.151.228,47€
.Reforço de despesas de capital – 2.648.500,00€
Aprovar a proposta de modificação por revisão às Opções do
Plano do ano de 2015 – primeira revisão, nos seguintes valores:
. reforço de financiamento definido – 3.595.077,00€
.redução de financiamento não definido – 2.252.019,00€
Tomar conhecimento da listagem de compromissos plurianuais assumidos pela Câmara Municipal no âmbito da autorização genérica favorável dada pela Assembleia Municipal, e
remeter aquela listagem ao Órgão deliberativo.
Emitir parecer prévio vinculativo para renovação de contrato
de avença, tendo por objeto a prestação de serviços de Apoio
Jurídico ao Município.
Emitir parecer prévio vinculativo para renovação de contrato
de avença, tendo por objeto a prestação de serviços de Consultadoria Técnica ao Município.
Aprovar remeter à Assembleia Municipal a proposta de isenção de pagamento de taxas pela ocupação da via publica para
baixadas elétricas.
42 // AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015
Aprovar remeter à Assembleia Municipal a proposta de isenção de pagamento de taxas de licenciamento, referente ao
Proc. nº 01/2012/76, de construção de nova edificação, sita na
Gândara, sendo as taxas a isentar no valor de 825,76€.
Aprovar remeter à Assembleia Municipal a proposta de isenção de pagamento de taxas referente ao Proc. nº 01/2012/254,
de construção de edifício sede de empresa, armazém e arrumos, sito em Vila Nova, sendo as taxas a isentar no valor de
1154,16€.
Aprovar remeter à Assembleia Municipal a proposta de isenção de pagamento de taxas referente ao Proc. nº 01/2014/273,
de construção de nova habitação, sita no Barril, sendo as
taxas a isentar no valor de 1.197,86€.
Aprovar remeter à Assembleia Municipal a proposta de isenção de taxas referente ao Proc. nº 01/2012/294, em que é
requerente a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Mortágua, sendo as taxas a isentar no valor de
217,28€.
Emitir licença de exploração referente ao Proc. nº
01/2012/296, para instalação de reservatório de armazenagem de GPL no Parque Industrial Manuel Lourenço Ferreira,
em que é requerente Petróleos de Portugal – Petrogal, SA.
Linhar
de Pala
// MAPA CONCELHO
Tojeira
Gavião
4-1
33
EN
Mortazel
Truta de Cima
Calvos
Paredes
Truta de Baixo
Laceiras
Palheiros
de Cima
Felgueira
EN
22
8
4-1
33
EN
Sernadas
Vila Pouca
Falgaroso
da Serra
Santa Cristina
Vila Moinhos
4-1
33
EN
Vila Boa
PALA
Palinha
33
4-1
Vale de
Ovelha
4
23
Póvoa
Povoinha
4
23
EN
234
EN
MORTÁGUA
Barril
Coval
Cortegaça
Ameal
EN 234
Freixo
EN228
Vale de
Borregão
Lourinha
de Baixo
Vale de
Paredes
22
8
Falgaroso
do Maio
8
22
EN
Cerdeirinha
EN
UNIÃO DAS FREGUESIAS DE
Santuário do
Senhor do Mundo MORTÁGUA, VALE DE REMÍGIO,
CORTEGAÇA E ALMAÇA
Caparrosinha
Benfeita
Caparrosa
Vale de
Linhaça
Chão de
Vento
Vale de Açores
Pereira
Lourinha
de Cima
Cerdeira
Mapa do Concelho
Cruz de
Vila Nova
Gândara
Vale de Remígio
Pomares
Barracão
EN
43
Vila Gosendo
Moitinhal
EN
Castanheira Vale da Vide
EN234
Notícias
Emprego e Empreendedorismo
Unidade Móvel de Saúde
Deliberações Municipais
Vila Nova
Monte de
Lobos
Meligioso
Moura
16
38
39
40
Vila Meã
Carapinhal
Sula
Eventos
Cinema
Sugestões da Biblioteca
Ribeira
ESPINHO
Soito
Azival
TREZOI
Chão Miúdo
EN 22
8
Santuário de Nª Srª
do Chão de Calvos
Tarrastal
Vale de Mouro
04
12
14
SOBRAL
Macieira
Quilho
Riomilheiro
EN228
Sardoal
EN334-1
Água Levada
Vila Meã
da Serra
Editorial
Póvoa do Sebo
Palheiros
de Baixo
Carvalhal
Sobrosa
02
Ortigosa
Vale de
Carneiro
Anceiro
N
EN 2
28
Eirigo
Aveleira
Painçal
Pêgo Longo
// ÍNDICE
Pinheiro
MARMELEIRA
Almacinha
Alcordal
Galhardo
As Instituições interessadas na divulgação das suas atividades através desta
agenda, devem remeter todas as informações úteis, impreterivelmente, até ao
dia 15 de cada mês.
Ferradosa
Almaça
Vale de
Ana Justa
Edição: C. M. Mortágua
Periodicidade: Mensal
Tiragem: 1500
Distribuição Gratuita
Câmara Municipal de Mortágua
R. Dr. João Lopes de Morais,
3450-153 Mortágua
3000M
IP3
EN
22
8
1500M
CERCOSA
0M
Lourinhal Vale das
Éguas
Tlf 231 927 460 | Fax 231 927 469
Email [email protected]
Url www.cm-mortagua.pt
A C.M. Mortágua reserva-se o direito de
selecionar a informação a incluir, de
acordo com os critérios editoriais. As
eventuais alterações das iniciativas
anunciadas são da responsabilidade
dos seus promotores.
AGENDA MUNICIPAL // MAIO 2015 // 43
29, 30 E 31 DE MAIO
mortagua
MUNICÍPIO
'15

Documentos relacionados

de Janeiras 02 JANEIRO `15

de Janeiras 02 JANEIRO `15 podem adquirir muitos dos presentes e outras compras natalícias no Comércio Local, sem precisarem de se deslocar às grandes superfícies, e que esse simples gesto faz toda a diferença para a economi...

Leia mais

AGENDA MUNICIPAL MORTÁGUA

AGENDA MUNICIPAL MORTÁGUA Daí que o conceito de «cidadania», que constitui a matriz do nosso Executivo, seja uma ideia válida e oportuna, que queremos disseminar por todo o Concelho através do apelo à participação de todos ...

Leia mais

agenda municipal novembro 2013 n.º 130

agenda municipal novembro 2013 n.º 130 retamente já trabalhei com todos e não seria necessário afirmar que não há Juntas deste ou daquele partido. Vamos trabalhar todos, sem qualquer distinção. O contexto económico e social do país exi...

Leia mais

AGENDA MUNICIPAL MORTÁGUA

AGENDA MUNICIPAL MORTÁGUA LÍNGUA GESTUAL PORTUGUESA 15 DE NOVEMBRO "Diz-se língua gestual (de determinado país) e nunca linguagem gestual, tal como se diz língua portuguesa e nunca

Leia mais

OUT`15 - Mortágua

OUT`15 - Mortágua republicano e Mendo de Castro Henriques, monárquico - mostram as duas faces da implantação da República em Portugal, a queda da Monarquia e as repercussões desse momento histórico durante o último ...

Leia mais

AGENDA MUNICIPAL MORTÁGUA

AGENDA MUNICIPAL MORTÁGUA Municipal, a implementação do Orçamento Participativo Jovem. “É fundamental ouvir as opiniões, ideias e propostas dos jovens, incentivando à sua participação cívica na vida da nossa comunidade”, co...

Leia mais

AGENDA MUNICIPAL MORTÁGUA

AGENDA MUNICIPAL MORTÁGUA desenvolvê-la, a criar as condições para que seja sustentável e nos permita manter a qualidade de vida que hoje desfrutamos. Nesse sentido, todas as iniciativas, sejam promovidas pelo Município ou ...

Leia mais

Versão em PDF

Versão em PDF empenhamento e aumentar o investimento nos jovens; 2 - Mobilizar e implicar: aumentar a participação dos jovens e as parcerias; 3 - Ligar e construir pontes: aumentar a compreensão intercultural en...

Leia mais