Polícia prende quadrilha de arrombadores de cofres no Oeste do

Сomentários

Transcrição

Polícia prende quadrilha de arrombadores de cofres no Oeste do
Secretaria da Segurança Pública e Administração Penitenciária -
Polícia prende quadrilha de arrombadores de cofres no Oeste do Estado
Prisões
Enviado por:
Postado em:25/08/2011
Uma quadrilha, especializada em arrombamento de cofres que agia há cerca de dois anos na região
oeste do Estado, foi presa na manhã desta quinta-feira (25), por policiais civis da Subdivisão de
Toledo. O grupo atacava agências bancárias, lotéricas, supermercados e residências de alto padrão.
Uma quadrilha, especializada em arrombamento de cofres que agia há cerca de dois anos na região
oeste do Estado, foi presa na manhã desta quinta-feira (25), por policiais civis da Subdivisão de
Toledo. O grupo atacava agências bancárias, lotéricas, supermercados e residências de alto padrão.
Em Foz do Iguaçu, uma joalheria foi lacrada. Foram cumpridos 11 mandados de busca e apreensão
e sete pessoas foram presas. Na loja, os policiais encontraram uma grande quantidade de joias e
ferramentas usadas nos arrombamentos. As investigações foram desenvolvidas pelo Núcleo de
Inteligência Policial de Toledo (Nipol) e coordenadas pelos delegados Antônio Donizete Botelho e
Edgar Dias Santana. De acordo com a polícia, o grupo se dividia por atividade. Uma parte
prospectava os locais para o furto, outra executava o crime e outra receptava os produtos levados
pelos ladrões. Eles eram especialistas em romper alarmes e cofres e escolhiam, de preferência,
construções sem laje, para que pudessem entrar pelo teto. A polícia estima que os bandidos tenham
cometido de 20 a 30 arrombamentos. O grupo, por exemplo, ficava atento a promoções em
supermercados, que arrecadava grande quantia em um fim de semana, para arrombar o
estabelecimento no domingo. A maior parte das joias recolhidas eram furtadas de cofres de
residências e condomínios. Foram presos, suspeitos de integrar a quadrilha, Fredymar Damiati,
Cleverson Martins da Silva, Pauline Sirineu machado, José Roberto da Silva, Vinicio Dias da Silva,
Ezequiel Batista de Araujo e Viviane Barduco Alves. A Operação Escambo contou com a
participação de 40 policiais civis. A busca começou há dois meses e participaram da operação
policiais e delegados de Toledo, Cascavel, Santa Helena, Formosa do Oeste, Marechal Cândido
Rondon e Guaíra.
http://www.seguranca.pr.gov.br
30/9/2016 3:38:28 - 1

Documentos relacionados