PDF PT

Сomentários

Transcrição

PDF PT
Linfoma Linfoblcistico de Celulas T em
Crian~a - Relato de Caso
Responsavel
Resumo
Rafael Ferreira Agostinho
o linfoma linfoblastico pode apresentar-se inicialm ente como massa mediastinal acompanhada de dispneia. tosse seca e aumento de linfonodos suprac lavicu lares. Esse quadro pode evoluir para insukiencia resp iratoria e obstru<;ao do retorno venoso. 0 objetivo deste estudo
fo i demonstrar que 0 diagnost ico precoce e tratamento adequado no linfoma linfoblastico
de celulas T sao essenciais na redUl;:ao de posslveis morbidades relacionadas a esta doeno;a.
Descri~ao do caso: RA.FN. 13 anos, masculino. branco. inic iou quadro de febre . tosse
e dar to(,kica. sendo internado par pneumonia com derrame pleural e massa mediastinal a
esclarecer. Refe riu 0 aparecimento de nodulo supraclavicular a esquerda e emagrecimento
de 14kg no periodo.Ao exame pac iente emagrecido. hipocorado +/4 +.AR: MV diminuido
em ter<;o inferior do HTE. sem ruidos adventicios. FR: 24 irpm. sem esfon;:o. AOI e abdome
sem altera<;oes.A radiografia de torax evidenc iava derrame pleural extenso no HTE. alem de
massa mediastinal. A toracocentese: LDH: 1262; Glicose: 25: Ptn: 5.0; 7050 celulas. presen<;a
de hem.kias integras. 98% de mononucieares.A TC de torax: volumosa forma<;ao expansiva
no compartimento pre-vascu lar podendo corresponder a aglomera<;ao linfonodal. acometimento dos vasos da base.Associam-se linfoadenomegalias suprac lavicu lar e axilar esquerda.
Massa para aortica junto ao hila renal direito sugestiva de linfonodomegalia alem de lesao
hipodensa na cortical do ter<;o medio do rim direito. Foi realizada biopsia de linfonodo supraclavicular sendo 0 laudo da Imunofe notipagem compativel com Linfoma linfoblastico T .
Comentarios: A incidenc ia do linfo ma nao Hodgkjn aumenta com a idade. sendo mais
freq uente no sexo masculino e em brancos. Na infancia esse tipo de linfoma se comporta
de forma agressiva. na maioria das vezes de alto grau. Conclusao: Diante do exposto. vale
ressaltar a importancia do diagnostico precoce melhorando. dessa forma. a abordagem terapeutica. com beneficios na sobrevida e na qualidade de vida desses pacientes.
Revista de Pediatria SOPER} - dez 2012
Autores
Venanc io LT; Agost inho RF; Dav id S;
Castanheira L Moriguti AM
Institui~io
Hospital Municipal Jesus
75;=