A Nuvem do não saber

Сomentários

Transcrição

A Nuvem do não saber
04
Setembro
"A Nuvem do não saber"
POSTADO POR ADMIN ÀS 14:30
"A Nuvem do Não-Saber é uma das obras primas da literatura e da espiritualidade do Ocidente.
Foi escrita em fins do século XIV por um inglês anônimo, provavelmente um monge.
A lição descoberta pelo autor é que o acesso a Deus não se faz pelos pensamentos, pelas reflexões ,
pelo discurso e sim pelo silêncio. Não se trata de um silêncio negativo, mas de um silêncio atento ,
receptivo e contemplativo. Deus está além de nossas palavras e de todas as nossas tentativas
intelectuais. Estamos nele e ele está no meio de nós, assim como a nuvem do deserto. Nunca o
veremos claramente, mas sempre através da nuvem. Como os israelitas no deserto, sabemos que ele
está ai, mas não o vemos como vemos ao nosso vizinho.
Como conhecer aquele que está na nuvem? Eis o assunto desta obra antiga mas sempre atual".
(Capa do Livro)
O mantra no "A Nuvem do não saber"
É evidente que na tradição cristã como também no livro "A Nuvem" não encontramos a palavra
mantra mas temos o mesmo sentido de se fixar em uma palavra ou versículo para aquietar a mente e
mergulhar no silencio amoroso com Deus. "Com uma palavrinha recolhemos todo o nosso ser e
expulsamos pensamentos que atrapalham a quietude e o silêncio interior". O autor insiste em
expulsar qualquer pensamento mesmo sobre Deus e se fixar em uma simples palavrinha, pois, não
lhe é possível conhecer Deus em si mesmo.
"Por isso, é meu desejo abandonar tudo sobre o que eu possa pensar, e escolher para meu amor a
coisa na qual eu não possa pensar. Porque Ele pode certamente ser amado, mas não pensado. Ele
pode ser arrebentado e retido por amor, mas não pelo pensamento seja uma luz e uma parte da
contemplação, mesmo assim neste exercício, ele deve ser rejeitado e coberto com uma nuvem do
esquecimento. Você deve pisar por cima dela corajosamente mas com amor.