Baixe a versão - Revista Viva SA em Alphaville

Сomentários

Transcrição

Baixe a versão - Revista Viva SA em Alphaville
sumário
26
Matéria de Capa
Roberto Shinyashiki.
Como transformar 2007
no melhor ano da sua vida
GASTRONOMIA
18
Silvio Lancellotti
O talento nato de
Morena Leite
vinhos
23
Saul Galvão
Brancos leves e frutados
para os dias quentes
cinema & dvd
25
Rubens Ewald Filho
Estréias de janeiro
light
Clipping 10
33
Lucília Diniz
O prato da felicidade
moda & beleza
Motor 16
35
Cristiana Arcangeli
Prepare-se para o verão
ESPORTE
45
Finanças 30
Especial Educação 36
Turismo 50
Querendo ser grande
pais & filhos
47
Compras 60
Roteiro 63
Milton Neves
Içami Tiba
Ano novo, vida nova,
estudos novos...
corpo & equilíbrio
49
Nuno Cobra
Corpo em equilíbrio
carta ao
leitor
Querido leitor,
Para janeiro, preparamos matérias
interessantes, gostosas de ler, e que ajudarão
você a transformar 2007 no melhor ano de
sua vida.
Esperamos que você goste e pode ter
certeza que faremos de tudo, daremos o nosso
melhor para que, durante o ano inteiro, a
revista Viva São Paulo lhe traga conhecimento,
entretenimento e, principalmente, que você
sinta prazer em lê-la.
Para finalizar, convidamos você a
acompanhar um trecho da poesia ‘‘Receita de
Ano Novo’’, de Carlos Drummond de Andrade:
Para ganhar um Ano Novo
que mereça este nome,
você, meu caro, tem de merecê-lo,
tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil,
mas tente, experimente, consciente.
É dentro de você que o Ano Novo
cochila e espera desde sempre.
Equipe Viva São Paulo
expediente
Alfredo Cônsolo Júnior - Comercial
[email protected]
Rosana Aragon de Oliveira - Editorial
[email protected]
ATENDIMENTO: Eliana Gonçalves, Raymundo Araújo
e Sabrina Sorensen
ATENDIMENTO EM SÃO PAULO: HV2 Comércio de Publicação
e Publicidade. R. Coronel Arthur de Paula Ferreira, 59, cj. 111, Vila
Nova Conceição. Tel.: (11) 3846-5588
ARTICULISTAS: Cristiana Arcangeli, Içami Tiba, Lucília Diniz,
Milton Neves, Nuno Cobra, Roberto Shinyashiki, Rubens Ewald Filho,
Saul Galvão e Silvio Lancellotti
DESIGN GRÁFICO: Marcus Vinicius da Silva e
Giselle Moreno Alves
JORNALISTAS: Marcela Goldstein e Priscilla Zamarioni
REVISORA: Graziela Marcolin
COLABORADORES: Fernanda Matos, Sandra Neves, Natália
Mesquita e Ana Paula Rego Lins
FOTOGRAFIA: Alex Rogério e Henrique Vilela
JORNALISTA RESPONSÁVEL: Marcela Goldstein - MTb 41.434
PROJETO GRÁFICO: Projeto Editora, Eventos e Propaganda
IMPRESSÃO: Plural Editora e Gráfica
DISTRIBUIÇÃO: JapTrans
DIRETORES:
tiragem
40.000
exemplares confirmada por
distribuição
alphaville
para anunciar
(11) 2132-7000
Calçada das Palmas, 20 - 1º andar
Centro Comercial de Alphaville
Barueri - São Paulo - CEP: 06453-000
[email protected]
www.vivasaopaulo.com.br
Errata: Na edição de dezembro de 2006, na seção
Turismo, os pacotes de viagens foram sugeridos
pela Vivere Agência de Viagens. Tel.: (11) 3124-7100.
www.vivere.com.br.
08
Revista Viva São Paulo é uma publicação mensal da Projeto Editora. Não
nos responsabilizamos por opiniões expressas nos artigos assinados. Proibida a reprodução total ou parcial sem autorização. Os preços de produtos
e serviços divulgados nesta edição foram obtidos de informações dos fabricantes ou fornecedores e podem sofrer alterações sem aviso prévio.
16 residenciais, centros e
edifícios comerciais e
residenciais
tamboré
6 residenciais
aldeia da serra
6 residenciais e
centros comerciais
granja viana e cotia
56 residenciais e
centros comerciais
marginal pedagiada
Rod. Castello Branco /
Alphaville
Viva São Paulo - Janeiro 07
CLIPPING
por marcela goldstein
Morador de Alphaville no Programa do Jô
1/2.) José Carlos Xavier de Aquino foi entrevistado
pelo apresentador Jô Soares em 11/12. O
desembargador falou sobre sua carreira e sobre
seu último livro O fato, a verdade e a certeza no
processo penal. Aquino, que também é músico, se
apresentou com a banda de rock Rockfeller.
01
02
03
04
Andréa de Nóbrega comemora aniversário
3.) A empresária e esposa do apresentador
Carlos Alberto de Nóbrega reuniu amigos no
dia 07/12 e ofereceu um chá beneficente em
prol do Graac (Grupo de Apoio ao Adolescente
e à Criança com Câncer). Aconteceram ainda
desfiles das lojas Glamour, Dyva’s e Via d’água.
Entre os convidados estavam Léa Mungione,
superintendente do voluntariado do Graac.
4.) Fátima Crestane, Sílvia Arantes e Magali Garone
5.) Jussara Barbosa, Sônia Ferrari e Selma Demarco
Goodyear anuncia investimentos
da nova fábrica
05
06
6.) Dia 13/12, aconteceu um brunch no Complexo
Industrial de Produtos de Engenharia, em Santana
de Parnaíba. Estavam presentes Benedito
Fernandes, prefeito de Santana de Parnaíba;
Silvinho Peccioli, deputado federal; Guilherme
Correia, presidente da Câmara de Santana de
Parnaíba e Renaldo Calderini, diretor geral de
Produtos de Engenharia para a América Latina
da Goodyear, que recebeu o título de Cidadão
Parnaibano.
Costelaria Rancho do Vinho
07
09
7.) Em 07/12, o enófilo e sommelier Cezar Galvão
ministrou no restaurante, em Itapecerica da
Serra, uma palestra sobre o novo vinho gaúcho
Rosé Fabian. Em 12/01, o enólogo francês
Prof. Jean-Lucien Cabirol, delegado oficial da
OIV (Organização Internacional da Uva e do
Vinho), participou de uma degustação de vinhos
produzidos na Serra Gaúcha, que acompanharam
uma receita tipicamente italiana, a Porchetta
Romana. Na foto: Alváro Cezar Galvão, Paulo
Grecco Perez, Alfredo Cônsolo Junior, Paulo
Milreu, Sérgio Inglêz de Sousa, prof. Cabirol e
Celso Luiz Frizon, proprietário do restaurante.
Feliz Aniversário!
08
10
10
8.) 12/12 – Rubens Furlan, prefeito de Barueri
9.) 14/12 – Fabíola Sarcinella, assessora de imprensa
do Fundo Social de Solidariedade de Barueri
10.) 05/01 – Luiz Roberto Corrêa, secretário de
Gabinete e Governo de Barueri, na foto com a
esposa, Imara
Viva São Paulo - Janeiro 07
Nova diretoria do ATC toma posse
em cerimônia no Boulevard
No dia 9 de janeiro, o Conselho Administrativo do
Alphaville Tênis Clube realizou no Boulevard a cerimônia
de posse da nova Diretoria Executiva, Conselho Fiscal,
Comissão de Disciplina e Comissão de Obras para o biênio 2007-2008, composta por Reynaldo Ievorlino (presidente), Valmir Bonfim (vice-presidente) Gilmar da Silva
(diretor de esportes), Maria de Lourdes Cardoso (diretora social), Carlos Elio Haraguchi (diretor financeiro),
Fausto Vilella Soares (diretor administrativo) e Dirceu
Carlos da Silva (diretor de patrimônio).
1.) Reynaldo Iervolino, Carlos José Meismith e Geraldo José Michelotti.
2.) Da esquerda para direita: Dirceu Carlos da Silva, Carlos Elio Haraguchi,
Valmir Bonfim, Reynaldo Iervolino, Carlos José Meismith, Geraldo José
Michelotti, Maria de Lourdes Cardoso, Fausto Vilella Soares e Gilmar
da Silva. 3.) Geraldo José Michelotti e sua esposa, Vera Lucia Martins.
4.) Reynaldo e Regina Iervolino. 5.) Valmir e Monica Bonfim. 6.) Marcos
Chiaparini e Reynaldo Iervolino. 7.) Marco Antonio Lasalvia e esposa. 8.)
Thais Diegues e Reginaldo de Lima Barros. 9.) Maria de Lourdes Cardoso
e seu filho, Guilherme. 10.) Convidados. 11.) Claudio De Marchi
01
02
03
07
Viva São Paulo - Janeiro 07
04
08
05
09
06
10
11
11
CLIPPING
III WTC Network Meeting
01
1.) Em 14/12, aconteceu em São Paulo o evento patrocinado pela Rabbit Empreendimentos e
Construções para oficializar a parceria entre o
World Trade Center e o Fórum de Líderes. Na foto,
Amaury Jr.; Bruno e Gilberto Bomeny, vice-presidente e presidente do WTC; Ozires Silva, ex-ministro e Antônio Serralha, presidente da Rabbit.
2.) Antônio Serralha; José Carlos Semenzato, da
Microlins e Ciro Batelli, Mister Vegas Entertainment
3.) Márcio Moraes, do programa Cia de Viagens;
Patrícia e Antônio Serralha
Colégio Pentágono completa 35 anos
02
03
4.) A mantenedora Nancy Izzo recebeu alunos,
ex-alunos e toda equipe do colégio, no Mube
– Museu Brasileiro da Escultura, em São Paulo,
no dia 13/12, para festa de lançamento do livro
Pentágono, uma escola e sua história, escrito
por Ignácio de Loyola Brandão.
SCA em Alphaville
04
05
5.) Dia 11/12, foi inaugurado o showroom de móveis
planejados da loja gaúcha, na al. Araguaia. Na foto,
Bong Woo Lee e Union Lee, proprietários e, ao centro, Sergio Manfroi, superintendente da SCA.
6.) Luiz Henrique Pereira, Marisa Cundari Pereira, Union Lee, Solange Lopes Dias, Sandra Pavani,
Vera Teixeira e Gislene de Paula
Sueli Adorni recebe prêmio
06
7.) A arquiteta e designer de interiores recebeu
das mãos de Fernando Vanucci o prêmio Top Qualidade Brasil 2006, oferecido aos profissionais e
empresas que se destacaram no mercado.
Entrega de casas no Parque Imperial
8.) No dia 21/12, durante um almoço, o prefeito de
Barueri, Rubens Furlan, e a presidente do Fundo
Social de Solidariedade, Sônia Furlan, entregaram
o condomínio Nova Vida às famílias da antiga área
livre Brás Cubas.
07
08
Matrículas abertas no Alpha Vestibulares
9.) A escola, em Alphaville, oferece ensino personalizado, com turmas de no máximo 25 alunos e professores especializados em cursos pré-vestibulares.
Dance Studio no Procópio Ferreira
09
12
10
10.) A escola de dança de Alphaville realizou no dia
03/12, no teatro em São Paulo, o espetáculo de dança Natuur. Cerca de 100 pessoas, entre 3 e 50 anos,
participaram da apresentação, que comoveu a platéia de mais de 700 espectadores.
Viva São Paulo - Janeiro 07
CLIPPING
Circus Alphaville comemora 1 ano
1.) Para comemorar o primeiro aniversário da
casa, o proprietário Adilson Monteiro ofereceu um
coquetel preparado pelo chef Silvio Lancellotti.
2.) Benedito e Ângela Fernandes, prefeito e
primeira-dama de Santana de Parnaíba
3.) Show especial com o cantor Toquinho
01
02
2ª Edição do Prêmio Gênesis
03
4.) No dia 07/12, foram homenageados os
profissionais de segurança pública que se
destacaram em suas funções ao longo do ano.
Entre os presentes estavam Robert Eder Neto,
Cel. da Polícia Militar; Helio Bressan, Del. Titular
de Barueri; Marcelo Takaoka, pres. da Y. Takaoka
Empreendimentos; Therezinha C. Vespoli Takaoka;
vereador Bidu; Miguel Ribeiro, Com. da Guarda
Municipal de Barueri; Fabio Feldman, ex-deputado;
Armando Lemos, Com. Cel. do 22º BLOG e Vagner
Lombizani, Del. Sec. de Carapicuíba.
Sob nova direção
04
5.) Em 01/12, o pneumologista Ricardo Borges
Magaldi, na foto com o cirurgião Sidney Klajner e o
pediatra Augusto Pisati, assumiu a gerência médica
do hospital Albert Einstein – Unidade Avançada
Alphaville. A unidade, além do pronto-atendimento,
conta com ambulatório e consultas médicas.
Confraternização da Acib em Alphaville
06
6.) No dia 20/12, a diretoria da Associação Comercial e
Industrial de Barueri se reuniu no restaurante Spazio
Bruno Taioli. Estavam presentes: Cláudio Cleto; Deni
Cunha, presidente da Acib; Geraldo Michelotti; e José
Braz Cioffi, presidente da Via Oeste.
7.) Mário Junqueira, vice-presidente da Acib e sua
esposa, Lucilene, e Deni Cunha e sua esposa Márcia
Nova loja de lingerie em Alphaville
05
07
8.) Em 08/12, Bianca Monteiro, Lidiane Tupanotti
e Val Lima inauguraram a franquia Provence.
Especializada em underwear, a loja oferece opções
de lingeries, pijamas femininos e masculinos,
meias e moda praia. Calç. das Orquídeas, 109,
Centro Comercial. Tel.: (11) 4193-5363.
Encontro familiar em Aldeia da Serra
08
14
09
9.) No dia 26/11 a Família Rivas, originária de Granada,
na Espanha, reuniu-se no Clube de Aldeia da Serra,
para uma homenagem aos seus bisavós, avós e pais.
Os convidados reviveram as suas histórias com uma
retrospectiva de 135 anos, através de um clipe de
fotos que marcaram época e músicas inesquecíveis
que emocionaram os presentes.
Viva São Paulo - Janeiro 2007
CONSUMO
Agora, Alphaville tem a qualidade e sofisticação
que o mundo inteiro já conhece
A IndusParquet inaugurou em Alphaville sua terceira loja de fábrica no Brasil, oferecendo o que há de
melhor em pisos de madeira maciça.
Tudo o que a natureza produz exige um cuidado especial
daqueles que usufruem de sua beleza. Só uma equipe de profissionais altamente capacitados e treinados pode tratar de forma adequada as mais belas madeiras que a flora brasileira nos oferece. A
tecnologia e experiência na produção dos pisos IndusParquet derivam de uma busca constante pelo aperfeiçoamento, que, somada ao
fator humano, à qualificação e treinamento profissional, resulta em
especialização na prestação de serviços.
A parceria com universidades é uma ótima maneira de adquirir o conhecimento e as técnicas adequadas para cada tipo de madeira, mas a excelência só é garantida aliando essas parcerias à escolha
dos melhores fornecedores e à preocupação e respeito com o meio
ambiente. Nesse sentido, são mantidas áreas de reflorestamento de
eucalipto, com respaldo da parceria com a Esalq (Escola Superior de
Agricultura Luiz de Queiroz).
Como pioneira no uso de estufas computadorizadas no Brasil, a empresa garante a eliminação de fungos, além de deixar o
piso com a umidade ideal para cada região em que será instalado.
A IndusParquet foi também a primeira a desenvolver pisos prontos,
que já saem da fábrica com seis camadas de verniz com óxido de alumínio, o que aumenta a resistência mecânica, além de serem de fácil
instalação, dispensando lixação e envernizamento.
A história da IndusParquet começa muito antes de sua fundação, num período de intensa imigração italiana para o Brasil.
PUBLIEDITORIAL
No ano de 1894, um garoto de apenas quatro anos começava sua
trajetória no País, e viria a trabalhar mais tarde em lavouras de
café, até abrir uma marcenaria, em 1926. Aproximadamente 44
anos depois, em 1970, os netos daquele garoto vindo da Itália fundaram a IndusParquet, que é hoje referência mundial na fabricação
de pisos de madeira maciça, com 37 anos de tradição e já em sua
quarta geração familiar trabalhando com madeira.
Diante de tantos predicados, não é surpresa dizer que a IndusParquet é líder no mercado nacional de pisos maciços de madeira tropical, e está presente nos cinco continentes, em 23 países. A tecnologia
e qualidade dos pisos da IndusParquet já foram sentidos pelas mais
respeitadas instituições, empresas e empreendimentos, como os quartos do Vaticano, em Roma; o Teatro Municipal de São Paulo; as lojas
Ferrari, na Itália; o Hotel Mirage, em Las Vegas; a Casa de Música do
Porto, em Portugal; as Torres Comerciais de Cingapura (as maiores
torres do mundo a inaugurar ainda esse ano); o Centro de Convenção
L’Oréal, em Paris; os estúdios Projac, da Rede Globo; entre outros.
O mesmo design, inovação e qualidade que conquistou o
mundo pode entrar na sua casa, escritório ou empresa, trazendo
toda a tradição IndusParquet.
ALPHAVILLE - Calçada das Orquídeas, 102C. Tel.: (11) 4195-4739 / 4195-4737
SHOPPING D&D - Loja 242 - Piso Térreo. Tel.: (11) 3043-9238
LAR CENTER - Loja 130 - Piso Térreo. Tel.: (11) 6221-1200
SAC: 0800 11 36 22 - www.indusparquet.com.br
15
MOTOR
Veyron 16.4
O carro mais rápido e potente do mundo.
De 0 a 100 km/h em 2,5 segundos
por marcela goldstein
O Veyron 16.4 impressiona tanto
por fora quanto por dentro. Cada
unidade é feita à mão e custa 1
milhão de euros. Só para encomendá-lo, o feliz proprietário deve desembolsar
uma quantia de 300 mil euros, aproximadamente. O modelo é uma criação de Ferdinand
Piëch, ex-presidente do grupo VW no mundo. As
entregas do carro, fabricado pela Bugatti, na França,
começaram em janeiro deste ano. Serão construídas no máximo 60 cópias anualmente, e a produção
se limitará a 300 carros, sendo cerca de um terço deles
destinado aos Estados Unidos.
Com 1001 cv, chega a 406 km/h
Comparações com Ferrari Enzo, Maserati MC12,
Mercedes-Benz SLR e o McLaren F1 de uma década atrás são
inevitáveis, mas irrelevantes. O Veyron foi concebido para
ser o mais sensacional Gran Turismo (GT) do mundo e projetado para unir o futuro à tradição da companhia. Seu detalhe
bicolor foi especialmente escolhido para dar um toque de
esportividade.
O Veyron tem motor Quad Turbo W16, com inimagináveis 1001 cv a 6 mil rpm, e pode ir a 100 km/h em apenas
2,5 segundos, quebrando o recorde de velocidade de carros
produzidos em linha, chegando a 406 km/h.
Sofisticação no asfalto
O interior é um mundo à parte, bastante luxuoso. Os
bancos desportivos de couro Alcântara conjugam a suntuosidade
ao toque suave e resistente. No painel, o velocímetro e o indicador de potência podem ter ponteiros cravados de diamantes.
16
Viva São Paulo - Janeiro 2007
Ficha técnica:
Motor:
central-traseiro;
longitudinal; 16 cilindros
em W; duplo comando dos
cabeçotes; 4 válvulas
por cilindro; diâmetro
e curso: 86 × 86 mm;
cilindrada: 7.993 cm3;
potência máxima: 1.001
cv a 6.000 rpm; torque
máximo: 127,4 m.kgf de
2.200 a 5.500 rpm;
injeção direta;
4 turbocompressores e
2 refrigeradores de ar.
Câmbio:
manual automatizado;
7 marchas e
tração integral.
Aerofólio acionado
Painel
Freios:
dianteiros e traseiros
a disco ventilado.
Direção: assistida.
Rodas dianteiras:
235 × 520; traseiras: 325
× 540; pneus dianteiros
245/690 R 520 A e
traseiros 335/710 R 540 A.
Dimensões:
comprimento: 4,466 m;
largura: 1,998 m;
altura: 1.206 m;
entreeixos: 2,70 m;
peso: 1.980 kg.
Motor
Desempenho:
velocidade máxima:
406 km/h; aceleração
de 0 a 100 km/h em 3 s e
aceleração de 0 a 320
km/h em 14 s
Viva São Paulo - Janeiro 2007
Detalhe do aerofólio
GASTRONOMIA
por Silvio Lancellotti
Jornalista, chef de cozinha e escritor
O talento nato de Morena Leite
Do Capim Santo dos pais, em Trancoso, na Bahia,
ao restaurante que ela mesma comanda, nos Jardins, em São Paulo
Morena Leite era um bebezinho
quando seus pais, Fernando e Sandra, em
1981, decidiram trocar as asperezas da
megalópole paulistana pela tranqüilidade ainda integral de Trancoso, no litoral da Bahia.
Lá eles abriram uma pousada, bucolicamente batizada de Capim Santo, o outro nome
da erva-cidreira. Sandra já cozinhava muito
bem. Foi natural que, pouco depois, em 1985,
o casal também inaugurasse um restaurante,
claro, Capim Santo.
A garota cresceu entre os 10 mil
m² de verde da pousada e entre as mesas
do restaurante. Natural que se apaixonasse
pela gastronomia. Tanto que fez questão de
se especializar com um curso na celebrada
escola Cordon Bleu da França. Um aprendizado que, obviamente, desenvolveu seu imenso talento original. Em 1998, com o diploma
debaixo do braço, topou o desafio de comandar um novo restaurante, o Capim Santo que
Sandra e Fernando decidiram montar na mesma megalópole que haviam deixado. Com um
projeto delicioso de Paulo Milani, um ambien-
te que lembra uma casa do litoral, incrustada
no movimentado bairro dos Jardins, em São
Paulo, o restaurante se transformou, imediatamente, num grande sucesso de público e crítica. Particularmente bonita, dona de um sorriso
luminoso e cativante, Morena faz questão de
confraternizar com sua clientela feliz.
‘‘Nasci para cozinhar’’, ela costuma
dizer, sem temer a trabalheira que, no horário
do almoço, exige o seu serviço de bufê, nem
o atendimento à la carte, meticulosíssimo,
mesmo na azáfama do período do jantar.
Trata-se de uma jovem singularmente culta
– antes do Cordon Bleu, foi uma estudante
de literatura na Inglaterra. E uma jovem,
além de inteligente, capaz de combinar, de
maneira sábia e engenhosa, as técnicas que
assimilou na França com a farta riqueza dos
ingredientes que existem no Brasil – e que
raros chefs usam.
Homens e mulheres compõem, equilibradamente, a sua equipe de retaguarda. No
seu cotidiano, não pára um instante. Consegue se safar com um charme contagiante das
situações de apuro, dos problemas que
não cessam quando se pilota um time
de fogão e panelas. Melhor ainda: Morena não tem medo dos casamentos exóticos, como o lagostim com banana ou o
camarão com curry e erva-cidreira.
BRASIL:
Ritmos e receitas
A chef Morena Leite lançou em
agosto de 2005 o livro Brasil: ritmos e
receitas, pela editora Gaia. Na deliciosa obra, cuja introdução é assinada pelo
ministro Gilberto Gil, ela combina dois
elementos da identidade cultural brasileira: música e culinária. São 52 receitas
da rica gastronomia nacional, incrementadas com sua técnica francesa. Acompanha o livro um CD, com canções que
falam de comidas típicas, interpretadas
por Mariana Aydar. R$ 148
o site www.vivasaopaulo.
@ Acesse
com.br e concorra ao livro Brasil:
Ritmos e Receitas
40
Al. Ministro Rocha Azevedo, 471, Jardins, São Paulo. Tel.: (11) 3068-8486.
Viva São Paulo - Janeiro 2007
Almoço de verão
por marcela goldstein
Assim como no restaurante Capim Santo, você também pode criar esse clima descontraído de verão em sua
casa e convidar amigos e familiares para um almoço gostoso.
Para isso, a revista Viva São Paulo dá algumas dicas de como
preparar o ambiente aproveitando as riquezas do Brasil.
Decoração:
Para uma decoração tropical utilize cores vibrantes.
Aposte em louças coloridas e jogos americanos para substituir
as tolhas de mesa. Tecidos com palmeiras e decoração floral
abundante dão um toque alegre.
A decoração para o verão inclui acessórios, como molduras, cestas e tapetes, feitos de materiais naturais, incluindo
algas marinhas, ratan e folhas de bananeira. As plantas tropicais
em cestas de vime ou conchas em caixas também dão um clima
de verão em sua sala.
A Moda da Chita
O tecido de algodão com desenhos de grandes
flores coloridas é marca registrada do Brasil, assim como
a caipirinha. Há tempos, já servia de toalha de mesa em
casas de pau-a-pique brasileiras e hoje pode forrar uma
cadeira do renomado designer parisiense Philippe Starck.
Apesar de barato (cerca de R$ 4 o metro), é utilizado pelos
decoradores mais famosos do País em suas produções de
verão, revestindo cadeiras, almofadas, pufes e até luminárias
nas lojas de decoração.
Com ela é possível fazer
porta-guardanapos,
jogos americanos e
sous-plats que dão um
charme especial para a
sua mesa.
É preciso ter alguns
cuidados com o tecido.
Recomenda-se não colocálo em ambientes externos,
onde fica exposto ao
sol, pois ele desbota
facilmente.
Decoração da mesa de verão realizada por Dora Santoro
Bebidas para o verão
Para aproveitar o verão, nada melhor do que tomar
sucos naturais. Experimente algumas combinações:
Abacaxi com capim santo
• 1 xícara de chá com abacaxi picado
• 1 punhado de capim santo
• Bater no liquidificador e adoçar a gosto
Você também pode combinar:
beterraba + mexerica
manga + maracujá
melancia + água de coco
limão + capim santo
maçã verde + água de coco
Dica: Para dar um sabor
diferente à sua bebida,
faça gelo com gengibre
ou com capim santo.
Cadeira Mademoseille
de Philippe Starck - R$ 2640.
41
RECEITAS
Atum grelhado na raiz de capim santo
acompanhado de palmito pupunha salteado
Risoto de
camarão
com banana, gengibre
e capim santo
Ingredientes: 1 cenoura; 1 salsão; 1
talo de alho-porro; 3 colheres (sopa) de
azeite; 10 g de alho; 1/2 xícara de cebola;
60 g de arroz arbóreo; 1/2 copo de vinho
ou cachaça Busca Vida; 1/2 litro de caldo
de legumes; 4 camarões grandes; 1
colher (chá) de curry; 1/2 colher (chá) de
açafrão; 1/2 banana nanica; 1 colher (chá)
de raiz de capim santo; 1 colher (sopa)
de manteiga; salsinha; sal; manjericão;
gengibre; pimenta-do-reino e pimentadedo-de-moça a gosto.
Modo de preparo caldo de legumes: Junte
a cenoura, o salsão, o alho-porro, a cebola
e acrescente sal e pimenta-do-reino. Ferva
em 2 litros de água por 1 hora.
Ingredientes para o filé de atum: 250 g de
atum cortado em medalhões altos; 1 colher
(sopa) de azeite extravirgem; 1/2 limão; 1
talo de raiz de capim santo de 10 cm; sal e
pimenta-do-reino a gosto.
Ingredientes para o palmito: 100 g de palmito pupunha limpo, pronto para o preparo;
1 colher (sopa) de azeite extravirgem; sal,
alecrim e salsinha a gosto.
Ingredientes para o molho: 1 colher (café)
de manteiga; 1 colher (sopa) shoyu; 1 1/2
colher (sopa) de açúcar refinado; 3 pedaços
de raiz de capim santo; 2 colheres (sopa) de
mel; 1 colher (chá) de farinha de trigo; 100 ml
de saquê; salsinha e gengibre a gosto.
Modo de preparo do filé de atum: Tempereo com sal, azeite, limão e pimenta-do-reino.
Grelhe-o por dois minutos de cada lado, deixando o centro cru. Na hora de servir atravesse-o com uma raiz de capim santo de
uma lateral à outra.
Modo de preparo do palmito: Cozinhe o palmito em água e sal até ficar al dente. Escorra, corte-o em cubos pequenos e reserve.
Na hora de servir, refogue-o em uma panela quente com manteiga, tempere com sal,
20
pimenta-do-reino, salsinha e alecrim picado.
Modo de preparo do molho: Em uma panela,
refogue a raiz de capim santo, cortada em três,
e o gengibre na manteiga. Adicione o açúcar
e espere caramelizar. Adicione o shoyu, o
saquê e o mel e deixe apurar por 10 minutos.
Acrescente a farinha de trigo diluída em 50
ml de água, para engrossar até dar o ponto
(por aproximadamente 5 minutos). Pode ser
conservado em geladeira por até 10 dias.
Montagem: Distribua o palmito no centro do
prato, coloque o medalhão de atum sobre
o palmito e regue-o com molho. Coloque o
molho em volta do prato, salpique salsinha
e sirva.
Rendimento: 1 porção
Modo de preparo: Ferva o caldo de legumes
e reserve. Em uma panela, doure o alho no
azeite. Junte a cebola, refogue e acrescente o arroz arbóreo e o caldo de legumes
aos poucos até que o arroz fique cozido por
fora, mas com o miolo duro. Reserve.
Junte o arroz pré-cozido ao camarão e
o restante dos ingredientes. Acrescente a cachaça ou vinho branco, o gengibre ralado e a raiz de capim santo. Deixe
cozinhar por aproximadamente 2 minutos. Acrescente a banana antes de desligar o risoto.
Rendimento: 1 porção
VINHOS
por Saul Galvão
Jornalista, enólogo e escritor
Brancos leves e frutados
para os dias quentes
Alvarinho em Portugal, e albariño na Espanha:
uma mesma uva e vinhos diferentes
A época pede brancos ligeiros, frescos, com
boa acidez, que excitam o paladar e dão vontade de
continuar bebendo, seja acompanhando frutos do
mar, seja tornando mais agradável um bom papo.
Os brancos mais difundidos no mundo são os feitos
com a chardonnay normalmente encorpados, com
notas de carvalho, são melhores na companhia de
peixes e, principalmente, crustáceos, e os frutados aromáticos, gerados pela sauvignon blanc, que
são ótimos à mesa, combinam com muitos peixes
e mariscos e também para bebericar despreocupadamente, como sugere o verão. Mas, hoje vamos
sair um pouco da rotina e abordar brancos não tão
comuns e que podem dar muito prazer, como os feitos com a alvarinho em Portugal e na Espanha; os
gerados pela viognier, que começam a chamar a
atenção na América do Sul; e os mais do que aromáticos elaborados com a torrontés, uma especialidade Argentina.
Alvarinho em Portugal e albariño na Espanha: uma mesma uva e vinhos diferentes em cada
uma das margens do rio Minho, na divisa entre os
dois países. Em Portugal, o Alvarinho representa
uma espécie de elite do Vinho Verde, com maior
graduação alcoólica e corpo que os demais vinhos
da região, com os quais compartilha uma acidez
muito agradável, que o credencia para acompanhar muitos mariscos e peixes. Brancos frescos,
que devem ser provados o mais rapidamente possível para que possam demonstrar toda sua fruta. Os três melhores que conheço são Muros de
Melgaço, Muros Antigos (feitos pelo grande enólogo Anselmo Mendes) e Soalheiro. O Deu-lá-Deu,
da cooperativa de Monção, costuma agradar, e o
Palácio da Brejoeira é o mais tradicional, famoso
e caro da região.
Na denominação de origem controlada Rias
Viva São Paulo - Janeiro 2007
Baixas, na Galícia, a albariño é a base de brancos
muito atraentes, extremamente aromáticos, com
ótima acidez e que complementam maravilhosamente bem os mariscos da região, realmente espetaculares. O Albariño Rias Baixas é mesmo atraente,
pode ser considerado o branco da moda na Espanha
e, infelizmente, custa caro. Albariño Lagar de Cervera, Pazo e Señorans, Terras Gaudas, Pazo de Barrantes, Filaboa e Martin Códax estão entre as boas
opções. Também devem ser provados bem jovens.
Os feitos com a viognier não são propriamente vinhos leves de verão, pois costumam ser
encorpados, mas há alguns bons exemplares no
Chile e Argentina que são relativamente leves, com
ótima acidez e adaptam-se perfeitamente à época.
Muitos apostam na viognier como a ‘‘próxima grande uva branca do mundo’’, pois ela é de fato excelente e vem ganhando terreno em vários países. Até
pouco tempo, estava quase em extinção, limitada à
sua zona de origem, Condrieu, uma minúscula denominação de origem controlada na parte norte das
Côtes du Rhône. A viognier gosta de climas mais ou
menos quentes e é meio caprichosa, não muito fácil
de cultivar, o que explica o seu já superado declínio. Em compensação, dá vinhos com muito corpo,
alta graduação alcoólica, bastante aromáticos, evocando flores, que devem ser provados jovens. Na
América do Sul começam a aparecer bons exemplares, notadamente no Chile e Argentina. Entre os
melhores que conheço, estão os da Cono Sur, uma
vinícola de ponta, controlada pela Concha y Toro.
Vinhos realmente atraentes. Na Argentina, vários
bons exemplares, entre os quais Trivento Tribu
Viognier (de boa relação qualidade/preço), Alamos
e Tapiz. No Uruguai a Castillo Viejo (Catamayor) faz
um branco muito bom, que deve ser provado o mais
rapidamente possível.
DICA DO MÊS
Frutados da Argentina
A torrontés é uma
peculiaridade da
Argentina, onde dá
vinhos extremamente frutados e ligeiros, muito bons para
bebericar tranqüilamente. Muitos são tão
aromáticos e frutados
que dão a impressão
de serem doces, mas
eles costumam ser
secos. A uva se destaca principalmente em
Cafayate, na região de
Salta. Etchart e Michel
Torino são os mais
conhecidos e têm um
bom nível. Também
são ótimos o Susana
Balbo Torrontés
e o San Pedro de
Yacochuya.
23
CINEMA & DVD
por Rubens Ewald Filho
Jornalista, crítico de cinema e escritor
Estréias
de janeiro
Lançamentos nacionais, internacionais e filmes
para crianças: este é um mês de muitas novidades
DVD
Imagem Filmes
ASTRO DO MÊS
Há duas boas alternativas neste mês (tradicionalmente
fraco de novidades, devido as férias e viagens). Divirtase com a comédia teen Ela é o cara, uma adaptação
light de Shakespeare em que Amanda Bynes se passa
pelo irmão na escola e até joga futebol. E alugue o
policial Xeque-Mate, uma aventura em estilo Tarantino, com muitas
reviravoltas e surpresas e também um excelente elenco: Bruce Willis,
Morgan Freeman, Josh Hartnett, Ben Kingsley e Lucy Liu.
CINEMA
Babel
Este é o novo filme de Alejandro González Iñárritu, premiado como melhor diretor em Cannes. Quando o casal americano Brad Pitt e Cate Blanchett viaja pelo
Marrocos, ela é atingida por um tiro.
Terá sido um terrorista? Inicia-se uma
caçada ao bandido e também ao dono da
arma, que é um rico executivo japonês
em conflito com a filha adolescente.
Enquanto isso, a babá mexicana dos filhos
do casal tem problemas com a polícia. Um
dos melhores filmes do ano (UIP).
Viva São Paulo - Janeiro 2007
Brad Pitt
No seu mais recente trabalho, Babel, ele teve que se enfear e envelhecer, com a ajuda da maquiagem. Sua vida profissional mudou quando
entrou para o grupo de Steven Soderbergh e George Clooney, a quem
se associou na série Doze homens e um segredo, entre outros. De
2000 a 2005, esteve casado com a atriz Jennifer Aniston, de quem se
separou ao se envolver com sua parceira em Sr. e Sra. Smith, a bela
Angelina Jolie. Pitt também é produtor de filmes e tem vários projetos
em ação. Devem estrear em breve: O assassinato de Jesse James,
Treze homens e um segredo e O curioso caso de Benjamin.
A grande família - o filme
A série de TV da Rede Globo agora no
cinema, com o mesmo elenco, dirigido
por Mauricio Farias. Marieta Severo
interpreta Nenê, e Marco Nanini é Lineu
– chefes de uma família da periferia
carioca sempre em pé de guerra. A adaptação para o cinema seguiu à risca os
hilários conflitos entre a família e os
vizinhos. Ainda não se sabe nada da história, mas imagina-se que seja divertida.
No elenco, Pedro Cardoso, Guta Stresser e Paulo Betti (Europa Filmes).
O mar não está para peixe
Pê (dublado por Felipe Dylon) é um simpático peixinho órfão que chega ao recife em
busca de sua tia Pérola. Logo que chega,
começa a fazer amizade com a vizinhança
e se apaixona por Cordélia (dublada por
Grazielli Massafera), uma peixinha rosada que atrai todos os peixes das redondezas, inclusive do perigoso tubarão Troy
(dublado por Tom Cavalcante). Para conquistá-la e enfrentar o temido Troy, Pê
precisa ter coragem e aprender os ensinamentos do oceano (PlayArte).
* Veja os trailers dos filmes na Revista Eletrônica no site www.vivasaopaulo.com.br
25
A arte d
MATÉRIA DE CAPA
Roberto Shinyashiki
Fotos: Fabiano Accorsi
A história de
é inspiradora.
De origem humilde, sempre lutou muito para alcançar suas metas.
Segundo ele, tudo o que conquistou até hoje é reflexo de decisões
corajosas. ‘‘Tive uma infância muito pobre em Santos. Minha mãe,
empregada doméstica, sempre dizia nos encontros com as amigas
que eu seria doutor. Elas riam, afinal de contas, como um moleque
pobre, criado na Vila Margarida, poderia ser doutor? Até o dia
que cheguei em casa e disse que me mudaria para São Paulo para
estudar. Foi um espanto para toda minha família, menos para
minha mãe. Trabalhadora incansável, ela nos ensinou a amar o
trabalho’’, conta.
Shinyashiki é presidente da editora Gente, que fundou há
mais de 20 anos e segue duas linhas editoriais: desenvolvimento
humano e gestão. A primeira, mais abrangente, abriga temas como
auto-ajuda, espiritualidade, relacionamento, educação, sexualidade, saúde e finanças pessoais. A segunda aborda questões de carreira e gestão de recursos humanos. ‘‘Minha formação é em psiquiatria e há mais de 20 anos fui convidado por alguns amigos
consultores organizacionais a ajudar em conflitos entre membros de
empresas familiares. A partir dessas reuniões com os sócios, passei a ser convidado a dar seminários para a diretoria sobre temas
como liderança e formação de equipes. Nesse tempo todo, aprendi
RELACIONAMENTO
MUDANÇA
APARÊNCIA
FAMÍLIA
É comum as pessoas culparem
o parceiro pela falta de apoio
para realizar seus projetos de
vida. Essas são pessoas que
passam a vida inteira culpando
o outro por suas dificuldades e
fracassos. Não assumem suas
fraquezas e acabam vítimas de
suas ilusões. Todos podemos
fazer o que queremos, estando casados ou não, desde que
usando o bom senso, sem agredir ou desrespeitar as pessoas
que nos cercam, sabendo que
todos os objetivos podem ser
alcançados com paz, compromisso e determinação.
Quando você decide mudar e
depois desiste, uma série de problemas pode surgir. Os outros,
provavelmente, vão parar de
levar suas promessas a sério e
até você mesmo pára de acreditar nos compromissos que assume. Você tem de ser capaz, principalmente, de enfrentar aquela
voz crítica interior que diz: ‘‘Não
vai dar certo! Esse processo é
muito difícil’’. Por isso, antes de
começar essa jornada de transformação de sua vida, prepare
uma estratégia de caminhada e
vá em frente!
Em um mundo em que o dinheiro
é mais valorizado que os sentimentos, a aparência também
acaba sendo mais importante
que a essência. Conseqüentemente, a vida se tornou um
campo de batalha entre o ser e
o parecer. Para ter o que mostrar, as pessoas compram bens
materiais em vez de investir no
crescimento pessoal. Investem
sua energia em impressionar
os outros em vez de seguir seu
caminho de plenitude. Deixe de
gastar seu tempo com frivolidades e crie riquezas duradouras.
Aprenda o que é estar de bem
com a vida.
Hoje em dia, muitas pessoas
dizem que os filhos são importantes, que os amam muito e
se sacrificam para proporcionar
a eles o que há de melhor em
educação, uma vida confortável
e segurança econômica no futuro. O que tenho visto, porém, são
pessoas que chegam em casa
irritadas depois do trabalho,
com pouquíssima disponibilidade para passar bons momentos
com a família. São pessoas que
dão conforto, bens materiais e
uma série de coisas boas a seus
filhos, mas são presentes embrulhados em angústia. Dinheiro
sem felicidade é o começo de
uma vida sem sentido.
26
Viva São Paulo - Janeiro 2007
de viver
por marcela goldstein
que simplesmente motivar é muito pouco. Os
palestrantes têm de oferecer conhecimentos
profundos que aprimorem não só a maneira
de agir mas, principalmente, de ver e pensar
dos profissionais’’, diz. Estudioso incansável, Shinyashiki busca seus conhecimentos
no meio acadêmico e em antigos sábios da
Índia e do Japão. Além de medicina, cursou
MBA na Universidade de São Paulo, estudou
nos Estados Unidos, na Europa, no Japão
e fez doutorado em Administração na USP.
‘‘Acredito que os profissionais sem conhecimento profundo de uma organização têm
muito pouco a contribuir’’, completa.
Profundo conhecedor
da alma humana
Por meio de suas palestras e trabalhos como consultor de empresas,
Shinyashiki tem dedicado sua vida a ajudar
as pessoas a se realizarem tanto no campo
O médico e escritor, com sua incrível
capacidade de tocar as pessoas, dedica
sua vida a motivá-las e fazê-las acreditar
em seus potenciais inatos
afetivo quanto no profissional. É autor de
12 livros – entre eles Tudo ou nada, lançado recentemente, O sucesso é ser feliz ,
Sem medo de vencer, Amar pode dar certo,
A carícia essencial e O poder da solução –,
que juntos venderam mais de 6,8 milhões
“Liberte seu
coração e deixe
que ele construa
seu futuro.”
de exemplares no Brasil, na América Latina, na Europa e no Japão.
Shinyashiki é uma pessoa atenta aos
acontecimentos dos nossos tempos. Em seus
trabalhos com empresas e profissionais,
tem percebido que muitas pessoas estão
sofrendo por não saberem realizar seus
sonhos e superar seus desafios. Ele tem
procurado auxiliar as pessoas em sua busca afetiva e, principalmente, na realização
de seus sonhos. Como fica claro na entrevista abaixo, seus trabalhos incentivam o
ser humano a refletir sobre temas como
felicidade, sucesso e equilíbrio pessoal.
A revista Viva São Paulo aproveitou
o bate-papo com o seu articulista e pediu
que ele deixasse uma mensagem para os
leitores: ‘‘Tenha a coragem de fazer uma
revolução em sua vida e vá atrás do que
dita a sua alma. Há pessoas que mesmo
com o sucesso são muito infelizes porque
não fazem o que realmente toca a alma
delas. Por incrível que pareça, é possível
ter sucesso só com a inteligência, mas é
impossível ser feliz só com a inteligência.
Para ser feliz é preciso saber ouvir a voz
que vem do coração’’.
FELICIDADE
FRACASSO
SUCESSO
JULGAMENTO
A estrada pela qual caminha a
maior parte da humanidade não
leva à felicidade. O ser humano
tem vocação natural para alcançá-la, mas vive correndo atrás
de milagres, ilusões, que não
preenchem sua existência. As
vitórias só têm sentido quando
levam à felicidade. É preciso
saber lutar como um leão, mas
por sonhos que valham a pena.
Quando, no final da vida, as pessoas percebem que lutaram por
algo sem valor, o arrependimento é inevitável. Use sua energia
para construir sua felicidade.
Quando erramos, é comum
focarmos nossa atenção no
fracasso, o ponto negativo da
situação. Não cultive o fracasso, pense no sucesso. Aprender
com erros é possível, sim. Mas
o que motiva uma pessoa não é
a certeza de compreender pela
dor e sim a possibilidade de
vencer e aceitar desafios. Para
isso é preciso competência. Ninguém vence todas as batalhas,
como também não há quem perca todos os jogos. O sucesso e o
fracasso são passageiros. Para
atravessar momentos difíceis
ou alegres, a competência deve
ser sua maior companheira.
Os campeões vão te ensinar a
ser campeão. Os medianos vão
te ajudar a ‘‘quebrar galhos’’,
‘‘apagar incêndios’’. O campeão vai exigir que você seja
sempre melhor, ele vai te motivar. Fazer você buscar sempre
mais, ser o melhor. Não adianta
ser só competente. A empresa,
seu local de trabalho, também
tem que ‘‘ter competência’’, é
ela que vai investir em você, no
seu potencial. Seu talento só
será desenvolvido ao trabalhar
com os campeões, por isso,
não perca tempo com os ‘‘mais
ou menos’’.
Quantas vezes você comparou seu
filho com o filho de uma amiga?
Seu marido atual com o ex? Fique
sabendo que comparar é humilhar.
É mostrar ao outro que ele é
inferior. Sem perceber, você está
plantando na pessoa o desejo de
querer fazer melhor que os outros.
E então, em vez de batalhar para
realizar sua vocação, buscará
se aprimorar com um único e
exclusivo objetivo: superar os
demais. Portanto, observe que,
pendurada em uma comparação,
há sempre uma maçã envenenada.
Tome cuidado para não cair nessa
armadilha. Quantas vezes você se
pegou comparado as pessoas que
estão à sua volta?
Viva São Paulo - Janeiro 2007
27
Dicas de
Roberto
Shinyashiki
para
transformar
2007
no melhor
ano da sua
vida
Pague o preço
do seu sonho
Evolua sempre
Sonhar é o primeiro passo, porém, depois do
sonho, vem o trabalho. Ninguém consegue nada
de graça na vida. O pódio é daqueles que aprendem a lutar por suas metas. É muito melhor
investir no sacrifício da realização do que administrar a eterna dor da frustração.
Não deixe nada
para amanhã
Lembre-se que o sucesso é feito hoje. O fracasso é adiar para amanhã. Quando você
tiver a consciência de que algo tem de ser
feito, crie um acontecimento que torne irreversível essa mudança, e mãos à obra!
Amplie os seus relacionamentos profissionais
Os amigos são a melhor referência em
um momento de crise e a melhor fonte de
oportunidades no momento de expansão.
Ter bons contatos é essencial em momentos
decisivos. Invista em seu networking. Sua
carreira vai lhe agradecer.
Acredite sempre
no amor
O ser humano não foi feito para a solidão. Se
você estiver sofrendo com o amor é sinal de
que está com a pessoa errada ou amando de
uma forma que não é boa para você. Acabou
um relacionamento? Curta a dor da separação,
mas areje o seu coração para um novo amor.
Seja feliz todos
os dias
A felicidade não é feita de coisas
gigantescas, mas sim de pequenos
cuidados com você. Não se permita
dormir sem ter tido pelo menos
alguns minutos de prazer. Uma
música suave, um banho bem
gostoso. Você tem que fazer algo
que valha a pena nessas 24 horas.
Recicle-se! O problema não é o seu objetivo,
mas sim a maneira como você procura alcançá-lo. A sua vida muda quando você muda! Se
quer que os seus resultados mudem, você tem
que mudar antes. A sua capacidade determina
o tamanho das suas conquistas. Você precisa
gostar de vitórias, não para receber elogios,
mas para conhecer a sua força. Estar vivo é
estar em permanente evolução!
Cuide da saúde do
corpo e da mente
Alimentação, sono e exercícios são fundamentais para uma vida saudável. Tenha um
hobby. Música, dança, pintura, culinária, corrida – qualquer um desses, e uma infinidade
de outros a sua escolha, serve para melhorar
o humor, o desempenho e a criatividade.
Ajude o próximo
Participe de uma atividade beneficente. Tenha
prazer em ajudar e fazer o outro feliz. O melhor
antidepressivo é ajudar em uma enfermaria de
crianças com câncer. A sensação de ser útil
garante a certeza de ser abençoado por Deus.
Não é só dar dinheiro, mas também participar
da vida de alguém especial.
Celebre as vitórias
Compartilhe seu sucesso com pessoas
queridas. Mesmo as pequenas conquistas
devem ser celebradas com alegria. Grite,
chore, encha-se de energia para os próximos desafios.
Crie tempo para
as pessoas importantes
da vida
Filhos, cônjuges, pais e irmãos são as pessoas que vão estar com você nos melhores
e piores momentos da sua vida. Embora
eles não pareçam tão importantes na correria do dia-a-dia, são eles que darão força
para continuar.
o site www.vivasaopaulo.com.br, concorra a livros de
@ Acesse
Roberto Shinyashiki e de outros autores da editora Gente
Viva São Paulo - Janeiro 2007
FINANÇAS
com muito dinheiro no bolso
Saiba onde investir e qual a melhor opção para o seu perfil
POR RICARDO KENJI E EDITADO POR PRISCILLA ZAMARIONI
Fim das festas. Um novo ano se inicia e, com ele, muitas
promessas, desafios, esperanças e uma enorme energia positiva
que contagia as pessoas. Nesta fase, é muito comum ouvirmos
frases otimistas como ‘‘Neste ano eu prometo que perderei uns
quilinhos!’’, ‘‘Neste ano eu prometo que estudarei mais!’’, ‘‘Neste
ano sairei do vermelho e ganharei muito dinheiro!’’, entre muitas
outras. Isto é ótimo, pois motiva e dá a sensação de começar
realmente um ano novo, uma nova fase. Este é o momento ideal
para refletir sobre um assunto que vem se tornando cada vez mais
comum: investimentos. É por meio de um bom desempenho deles
que as pessoas poderão realizar parte das promessas ou objetivos
estabelecidos para o ano todo.
Tiro ao alvo
Ricardo Kenji
é consultor financeiro e sócio da
empresa Cerbasi e Associados
Planejamento Financeiro e atua
em Alphaville e região. É pósgraduado em marketing pelo Ibmec
e graduado em matemática aplicada
e computacional pela Unicamp.
[email protected]
30
Este tema tem sido discutido nas principais revistas,
jornais e até em rodas de amigos. Isso acontece porque nunca houve
no País tantas oportunidades, alternativas e indicadores favoráveis
para quem poupa e investe o seu ‘‘suado dinheirinho’’. É verdade
que poucos conseguem esta façanha. Mas é fato que este grupo
vem crescendo a cada dia e, conseqüentemente, cresce também o
desafio de como investir melhor com as diversas opções disponíveis
no mercado.
Muitas pessoas seguem recomendações de especialistas
no início de cada ano para tentar acertar no alvo. Porém, a questão
principal aqui é se você é um bom investidor, já que esta competência
trará um ótimo investimento. Como regra básica, nenhum investidor
será bem-sucedido apenas porque tem uma mente brilhante ou muita
sorte nas suas decisões. Para alguns, o bom investidor é aquele que
conhece todos os tipos de investimentos, a rentabilidade de cada
um deles e os seus respectivos gestores, ou ainda aquele que sabe
‘‘traduzir’’ todos os termos técnicos que aparecem nos jornais,
revistas e demonstrativos bancários. Puro engano! A prática constante
de alguns hábitos é que transforma uma pessoa em um excelente
investidor. Uma boa notícia: todos nós podemos nos tornar bons
investidores. Apenas devemos ter consciência de que se trata de um
processo lento e gradativo, além de exigir muita disciplina, diálogo e
Viva São Paulo - Janeiro 2007
disposição para aprender constantemente. O importante é começar
o quanto antes o processo de amadurecimento e aprendizado, não
importando em que estágio você esteja atualmente.
Qual o seu estágio?
Pré-estágio - Se você está no ‘‘pré-estágio’’ para investir, ou
seja, não sobra nada no fim do mês para aplicar e você conhece
pouco ou nada sobre investimentos, não desanime. Inicie o ano
com um planejamento que permita chegar ao final dele com o
saldo positivo na conta. Para isso, coloque todas as despesas e
as receitas previstas para 2007 na ponta do lápis, avaliando com
olhos críticos quais despesas podem ser reduzidas ou cortadas
para criar um saldo positivo. Analise e faça ajustes necessários a
cada três meses, pelo menos. Se conseguir chegar ao final do ano
com saldo positivo, estoure champanhes e comemore este grande
passo! Afinal, sair do ‘‘vermelho’’ e chegar no ‘‘azul’’ é um avanço
excepcional, pois assim você começa o hábito de poupar, que é
essencial para um investidor.
1º estágio - Se já é possível guardar dinheiro, mas você se considera
um investidor novato, está no primeiro estágio. Sendo assim, procure
concentrar seus investimentos em fundos de renda fixa ou títulos
do tesouro (Tesouro Direto), que são investimentos seguros e com
rentabilidade razoável.
Estabeleça como meta do ano estudar mais sobre as várias
opções desse tipo de investimento e fique atento às taxas administrativas
cobradas, pois, com os juros básicos (Selic) caindo, alguns fundos de
renda fixa podem render menos que a poupança, dependendo do valor
das taxas administrativas e imposto de renda cobrado. Você notará
que existe uma diferença enorme entre as taxas cobradas pelas
administradoras, que podem variar de 0,5% a 5% ao ano. Este estágio
o ajudará a ‘‘gostar’’ de guardar dinheiro e aos poucos você sentirá a
necessidade de melhorar o rendimento das suas aplicações.
2º estágio - Quem já aplica há algum tempo em renda fixa ou títulos
do tesouro encontra-se no segundo estágio. Aqui, a recomendação
é procurar alternativas para potencializar os rendimentos, tais como
ações, fundo de ações ou imóvel. Este último, segundo especialistas,
tem grande probabilidade de se valorizar nos próximos anos. Todos
eles costumam trazer rendimentos melhores do que a renda
fixa. No caso das ações, a média de rendimento anual nos
últimos dez anos foi de 25% (contra 8% da renda
fixa), um resultado excepcional, mas com riscos
maiores. Por isso, não invista mais do que 35%
do seu patrimônio líquido nestas modalidades
de investimento. Lembre-se de que,
neste estágio, o importante é ter um
crescimento otimizado e sustentado!
Minha recomendação mais
forte para o ano todo – considerando
alguns fatores para os próximos
anos, como a estabilidade da inflação,
a diminuição gradativa dos juros básicos, o dólar
Viva São Paulo - Janeiro 2007
estável, a desaceleração da economia americana e o crescimento
‘‘tímido’’ do Brasil – é investir imediatamente na mudança dos
seus hábitos. Invista na sua educação financeira e torne-se
um investidor! Isso porque, daqui para frente, as opções de
investimento disponíveis se tornarão cada vez mais complexas
e com rentabilidade cada vez menor. Avalie também planos de
longo prazo que garantirão um bom padrão de vida para a sua
família, como previdência privada e investimento em ações com
esse perfil.
Por fim, aproveite 2007 para dar uma reviravolta em sua
vida e garantir muito dinheiro no bolso daqui para frente. Sua meta
começa agora, mas renderá frutos por toda a vida. Boa sorte!
Confira duas dicas de
leitura que vão ajudar na sua
organização financeira
• Em Dinheiro, os segredos de
quem tem, de Gustavo Cerbasi, o leitor
aprende a criar uma metodologia para
alcançar sua independência financeira e
traçar um plano para a geração de uma
renda para as despesas sem precisar
mexer em sua fonte geradora.
•Já em Casais inteligentes enriquecem
juntos, o mesmo autor ensina como fugir das
brigas causadas por dinheiro e garantir um futuro
próspero para a família.
LIGHT
por Lucília Diniz
Consultora light e escritora
O prato da felicidade
Todos os alimentos que comemos influenciam na química
cerebral. Por isso, ingerir as comidas certas nas horas certas pode
acabar com aquele seu inexplicável mau-humor e os ataques repentinos à geladeira. Uma das substâncias mais conhecidas por controlar a sensação de bem-estar é a serotonina. Além disso, níveis de
açúcar no sangue e certos nutrientes fazem uma boa combinação
que não pode faltar no seu plano alimentar diário.
HORÁRIO
O QUE O CORPO
PRECISA
TIPO DE ALIMENTAÇÃO ADEQUADA
7h
Seu cérebro precisa
de bastante combustível. É a maior
refeição do dia.
Invista em alimentos de rápida absorção, com
bons níveis de glicose (grãos, frutas e leite).
Ex.: alimentos com trigo integral (tipo torradas
com geléia light, salada de frutas ou suco de
melancia, abacaxi (o açúcar das frutas é rapidamente sintetizado pelo organismo).
10h
Reabasteça o cérebro. É importante
evitar que baixem os
níveis de açúcar no
sangue.
Um lanche rápido de baixas calorias que combina carboidratos complexos e um pouco de
proteína. Ex.: omelete de claras com queijo
cottage, suco de tomate, água de coco.
12h
É a refeição mais
importante do dia.
Nunca a pule, pois é
o período que você
mais precisa de
energia.
A refeição deve ser uma mistura de carboidratos, proteínas e um pouco de boa gordura.
Ex.: grelhado com salada, massa com tomate
fresco, salada de grãos, arroz integral, pasta
de soja, feijão.
Atenção: Um prato de macarrão ou batata
assada com vegetais aumenta os níveis de
serotonina no cérebro, mas deixa você muito
sonolento para a tarde.
15h
Reabasteça o seu
cérebro, pois ele
precisa de combustível de alta qualidade
para evitar irritabilidade e variação de
humor.
Um suco cremoso batido no liquidificador.
Ex.: leite desnatado com achocolatado light
ou iogurte natural com gelatina light e frutas,
como maçã, banana e pêssego.
18h
Hora de relaxamento e restauração.
A partir deste
horário, deve-se
evitar alimentos
pesados, que interferem em uma boa
noite de sono.
Alimentos que incluam boas gorduras, como o
ômega-3. Ex.: salmão grelhado com vegetais,
como vagem ou aspargos frescos; rocambole
com peito de peru (com recheio de ricota com
espinafre), enroladinho de berinjela.
20h30
Seu cérebro precisa
de pílulas para
dormir.
É aconselhável ingerir carboidratos de alta qualidade para liberar serotonina. Ex.: crackers
light, frutas, queijo branco, leite morno batido
com achocolatado e chá de frutas vermelhas.
Viva São Paulo - Janeiro 2007
Tortillas mexicanas
Receita típica mexicana, as tortillas já foram um dos alimentos mais importantes na dieta dos Maias e Astecas, os antigos
povos do México. A receita tradicional leva farinha de milho, mas
na falta dela há quem utilize a farinha de trigo. Extremamente fina,
ela pode se tornar um prato saudável com recheios light como
ricota, carne moída sem gordura e molho de tomate apimentado.
Na hora de preparar a massa, a dica é amassá-la bem, para tornála mais digestiva. E para mantê-la crocante, armazene as tortillas
em um recipiente hermético por até quatro dias. Depois, basta
levá-las ao forno até ficarem crocantes novamente.
Ingredientes:
• 1 xícara (chá) de farinha de milho amarela • 1 1/2 xícara (chá)
de farinha de trigo peneirada • 1 xícara (chá) de água quente • 1
colher (chá) de sal
Modo de fazer:
Bata a farinha de milho no processador de alimentos até ficar bem
fina. Despeje numa tigela e misture com a farinha de trigo e o
sal. Faça um buraco no centro e acrescente a água quente. Mexa,
aos poucos, até obter uma massa consistente. Transfira para uma
superfície lisa e sove a massa por 5 minutos, ou até ficar lisa e
elástica. Divida a massa em 12 partes e faça pequenas bolas.
Numa superfície enfarinhada, abra com rolo cada pedaço de massa em círculos bem finos (da espessura de uma folha de papel)
de 15 cm de diâmetro cada um. Aqueça uma frigideira de fundo
grosso e coloque os círculos de massa, um de cada vez. Deixe no
fogo por 2 minutos ou até dourar dos dois lados. Faça o mesmo
com cada um dos discos de massa. Sirva ao natural, como acompanhamento, ou recheada.
Dica de verão
Experimente misturar o protetor solar com sua base facial de todo dia
na proporção 6/4. A mistura ajuda a bloquear a ação do sol e do vento.
33
º
1
o
é
o
v
i
t
e
j
Ob
A MARCA MAIS LEMBRADA
NO MERCADO
EDUCACIONAL BRASILEIRO
O Objetivo foi eleito a marca mais lembrada pelo
Prêmio TOP Educação 2006, na categoria Sistema de
Ensino, em uma seleção feita por pais e profissionais
da área. Isso significa que, quando se pensa em Educação de
Qualidade, o Objetivo é mais uma vez o primeiro.
º
Moda & Beleza
por Cristiana Arcangeli
Empresária, apresentadora de TV e escritora
Prepare-se
para o verão
Viva o verão. É tempo de bom humor, corpo em dia e muita cor no visual. Com isso, as academias criam aulas especiais e a
indústria dos cosméticos traz novidades com mais luz e vibração.
Make Up
Skincare, da Dermage
O gloss iluminador a base de
chá verde e ceras hidratantes.
R$ 29,90. SAC: 0800 241 064.
Avon Color Ultra
Moisture Metallic, da Avon
Efeito metálico com hidratação 24
horas e proteção solar. R$ 13.
SAC: 0800 708 28 66.
The Makeup Shimmering
LipstickSeis, da Shiseido
Deixa os lábios cintilantes e corrige
a superfície. R$ 76.
SAC: 0800 148 023.
Dior Gourmette, da Dior
John Galliano desenhou um bracelete que
comporta duas tonalidades de gloss.
Fica prático e chique reaplicar
a maquiagem. R$ 150.
SAC: 0800 170 506.
Linha Coral Me Wild, da Revlon
Com inspiração na África, traz o rosa, o bronze e o coral para a maquiagem.
SAC: 0800 055 00 53.
Viva São Paulo - Janeiro 2007
Abdome de
tanquinho
Nada de perder horas e
horas fazendo abdominais. Agora, com apenas
30 repetições, você consegue resultados rápidos. Os novos programas
de exercícios garantem
redução de medidas e fortalecimento dos músculos
para definir e acabar com
a flacidez. Os resultados
em tempo recorde acontecem graças a manobras
que otimizam o trabalho
muscular. Para isso, basta encolher a barriga e
começar a seqüência.
Festa na
academia
Se a idéia é gastar calorias e garantir diversão,
aposte no funk dentro
das academias. Misturar
aeróbica tradicional e o
ritmo carioca faz suar a
camisa – tudo para definir o corpo, principalmente pernas e glúteos.
A dor, o estresse e o cansaço são completamente
esquecidos ao som dessas baladas.
35
ESPECIAL EDUCAÇÃO
Em paz com a
volta às aulas
por PRISCILLA ZAMARIONI
Aprenda
como
organizar
a rotina do
seu filho e
torne
o dia-a-dia
mais leve
o ano todo
36
Bateu o sinal... As férias acabaram e é hora de abrir mão do soninho
prolongado, das tardes à frente da TV, das viagens e de toda a bagunça com a
turma. Um novo ano letivo se inicia e, com ele, surgem as dúvidas de como
organizar a atribulada agenda dos pequenos que, atualmente, inclui atividades e
compromissos para executivo nenhum botar defeito. Para ajudar, a revista Viva
São Paulo consultou especialistas, que ensinam como tirar nota 10 nessa tarefa.
Profissionais da área de educação concordam que a presença e a
supervisão dos pais é muito importante na vida escolar da criança, sobretudo nos
primeiros anos. ‘‘É importante que os filhos vejam os pais como referência. Para isso,
devem valorizar o estudo e manifestar as conquistas obtidas pelo conhecimento.
Pequenos gestos ajudam muito: um incentivo, um elogio, uma pergunta que faça
com que a criança sinta-se importante ao responder... A educação não se restringe
apenas às tarefas escolares. Atualmente, se aprende brincando, com o apoio de
filmes, programas, livros, visitas a museus e jogos que desenvolvam o raciocínio.
Entretanto, o mais importante de tudo é a convivência. Observando de perto o
comportamento e a atitude dos pais, os filhos aprendem
sobre limites e amor, dois fatores primordiais na educação’’,
diz Gabriel Chalita, ex-secretário estadual de Educação de São
O peso da moda
Paulo e ex-presidente do Conselho Nacional dos Secretários
De acordo com o professor
de Educação (Consed).
da Faculdade de Medicina
Chalita, que é professor na Pontifícia Universidade
da Santa Casa de São PauCatólica de São Paulo (PUC) e Universidade Presbiteriana
lo e ortopedista e traumaMackenzie, acredita que por meio dessa convivência é
tologista do Hospital Sírio
possível aumentar o rendimento dos pequenos na escola. Por
Libanês, Sérgio Checchia,
isso, não se desespere se o seu futuro engenheiro não vai
o carrinho ou mochila de
bem em literatura ou sua futura jornalista fica estressada com
rodinhas é o mais recoos algaritimos e teoremas. ‘‘Existem matérias para as quais
mendado para carregar o
as crianças têm aptidão, outras não. Uma boa
material escolar. Caso a
forma de contornar a situação é estudar junto e
criança não queira abrir
não supervalorizar as dificuldades, tornando-as
mão de estar antenada
uma barreira. A intensidade da cobrança pode
com a turma, Checchia
acabar bloqueando o desempenho. Outro
orienta como minimizar
fator negativo é a comparação, sobretudo
o problema: ‘‘A idade e o
na época do vestibular. Não é porque um
peso da criança devem ser
filho entra em determinada faculdade ou
levados em consideração
tem facilidade em uma área específica,
na hora da compra de uma
que o outro também vai ter. Filhos são
mochila. Outro fator impordiferentes. Alunos são diferentes.
tante é escolher modelos
Seres humanos são diferentes. Ainda
que possuam duas alças,
bem!’’, defende.
favorecendo a distribuição
do peso’’, esclarece.
Viva São Paulo - Janeiro 2007
Orientação + bom senso = boas notas
Normalmente, o sucesso profissional de um adulto está ligado à sua formação educacional. Embasados nesse pensamento, muitos
pais separam um bom espaço na agenda de seus filhos para a lição de
casa, cursos de idiomas e alternativas que venham acrescentar em seu
desenvolvimento intelectual. De acordo com Maria Irene Maluf, presidente da Associação Brasileira de Psicopedagogia (ABPP), crianças com
menos de sete anos podem estudar por meia hora, com intervalos de
descanso. A partir daí, a dedicação aos estudos pode aumentar gradativamente, totalizando uma média de duas a três horas por dia. ‘‘A lição
deve incluir uma leitura do que foi visto na escola, tempo para a as tarefas, propriamente ditas, e um período de estudo, a fim que o conteúdo
seja realmente assimilado’’, esclarece Maria Irene.
Segundo a pedagoga, se a criança consegue acompanhar a
sua classe e não se mostra excessivamente cansada, atividades extracurriculares, como idiomas, cursos de música e esportes são bem-vindas até os 10 anos. Depois disso, com o maior volume de lição de casa,
duas atividades são suficientes. ‘‘Varia muito de caso para caso. Em
geral, quatro aulas extras (duas por semana) são indicadas para crianças que vão bem na escola. Caso haja dificuldade ou o tempo se torne
escasso, os pais devem usar o bom senso, aumentando o tempo de estudo e restringindo um pouco as atividades’’, complementa.
A cidadania não está pronta.
Precisa ser construída. É responsabilidade dos pais construir uma
cidadania familiar e dos professores construir uma cidadania escolar.
Ambas precedem a cidadania que
tanto faz falta no País.
Içami Tiba, psiquiatra, escritor e conferencista.
Veja como fazer com que seu filho tenha um bom rendimento escolar,
se organize e ainda desenvolva interesse por uma atividade extracurricular:
Caso a criança
estude no
período matinal, oriente-a
a separar o
material antes
de se deitar,
evitando
atropelos desnecessário logo
pela manhã.
Se ela estuda à
tarde, programe a manhã
para fazer
lição, reservando a noite
para algum
programa descontraído em
família, como
assistir a um
bom filme.
Viva São Paulo - Janeiro 2007
Respeite os
horários de
estudo de seu
filho. Evite
fazer barulho,
ligar a TV ou
utilizar eletrodomésticos
que possam
prejudicar a
concentração.
É aconselhável
esperar, pelo
menos, 30 dias
após as férias
para iniciar
atividades
extracurriculares. É preciso
um tempo até
que as crianças
se readaptem a
rotina.
Informe-se
sobre o que
seu filho gosta e negocie
sobre cursos
que ele não
se interesse,
mas que são
fundamentais,
como idiomas.
Tente conciliar
a agenda.
Esteja por
perto na hora
dos estudos.
Se a criança
encontrar
dificuldade em
determinada
matéria, incentive e ensine
como resolver.
Não resolva
por ela.
Não compare
um filho com
o outro. Cada
um tem seu
tempo e suas
aptidões.
Na época do
vestibular, procure
não pressionar o
adolescente. Apenas
oriente e não imponha
qual carreira escolher.
Equilibre também
horários de entretenimento, como ir a
baladas. Isso alivia
a ansiedade.
37
Esportes
Alimentação
No tempo de nossos avós, ver uma criança rechonchuda
era sinônimo de saúde. Atualmente, com o fast food, tecnologia e
todas as facilidades da vida moderna, a coisa mudou de figura. A
obesidade infantil tornou-se uma verdadeira epidemia e, segundo
a Organização Mundial da Saúde (OMS), uma a cada dez criança
está obesa. Para evitar que aquela perna cheia de dobrinhas
esteja relacionada a perigos como o colesterol alto, a hipertensão
e a diabetes tipo 2, além de doenças relacionadas à auto-estima,
como depressão, é importante ficar atento.
Siga algumas dicas a seguir:
Confira alguns cuidados e
dicas sobre o assunto:
Uma dieta balanceada inclui proteínas, carboidratos, gordura boa e
vitaminas, essenciais para um bom crescimento físico e mental. Procure
riscar do cardápio do seu filho alimentos gordurosos (especialmente
gordura trans) e doces devem ser ingeridos com moderação.
Descubra o esporte preferido da criança e procure um curso que
ofereça segurança e bons profissionais.
O lanche escolar deve corresponder de 200 a 300 calorias do total do
dia (para crianças a partir de 7 anos). Informe-se nas embalagens
dos produtos.
Tenha o esporte como uma atividade e não cobre da criança
uma especialização precoce.
Evite alimentos de fácil deterioração e que necessitem de
refrigeração na lancheira. Para armazenar lanches com queijos,
iogurtes e leite, você pode optar por produtos térmicos ou proteger
os alimentos com gel congelado.
No lanche, mande sempre uma fruta para suprir a carência de
açúcar.
Estipule horários para as refeições. O ideal é fracionar a alimentação
em café da manhã, lanche, almoço, lanche e jantar. Frutas entre as
refeições são sempre uma boa pedida.
Ofereça cardápios coloridos e diversificados, tanto na lancheira
quanto em casa. Use a criatividade e invente pratos divertidos,
com carinha, etc.
No caso de a criança bater o pé e não abrir mão das guloseimas
vendidas na cantina, negocie. Em vez de todos os dias, restrinja a
uma ou, no máximo, duas vezes por semana, por exemplo.
38
Parceira da alimentação
saudável, a prática de esportes
também é muito benéfica para a
saúde dos pequenos. Como muitas
vezes as aulas de educação física
nas escolas deixam a desejar,
é importante que a criança seja
estimulada a participar de outras
atividades físicas. Os exercícios
ajudam no seu processo de
crescimento e amadurecimento,
na força e resistência muscular,
flexibilidade, composição corporal e
coordenação motora. Por isso, se você
deseja investir em uma atividade física
para o seu filho, a hora é essa.
Esportes em demasia também podem ser prejudiciais
à saúde infantil.
*** Na revista eletrônica, no site www.vivasaopaulo.com.br, você confere uma
tabela completa com as melhores atividades físicas e intelectuais, recomendadas para cada faixa etária e um cardápio completo para o lanche da escola com
opções para todos os dias da semana.
Colaboram nesta edição:
•Antônio Carlos da Silva - chefe da Disciplina de Neurofisiologia e
Fisiologia do Depart. de Fisiologia da Unifesp (Univ. Federal de São Paulo) e presidente do Cefe (Centro de Estudos de Fisiologia do Exercício).
•Augusto Pisati - pediatra do Hospital Albert Einstein.•Gabriel Chalita - ex-secretário estadual de Educação de São Paulo e ex-presidente
do Consed (Conselho Nacional dos Secretários de Educação) •Içami
Tiba – psiquiatra, conferencista e escritor. •Lílian Starobinas - pesquisadora da Escola do Futuro (USP). •Maria Irene Maluf, presidente da
ABPP (Associação Brasileira de Psicopedagogia). •Marilia Marangoni
Ninot – nutricionista •Sérgio Checchia - Professor da Faculdade de
Medicina da Santa Casa de São Paulo e ortopedista e traumatologista
do Hospital Sírio Libanês
Viva São Paulo - Janeiro 2007
MEIO-AMBIENTE
Construção civil adere
ao consumo consciente
Inventário Florestal feita por comunitária do Acre
Serraria no Pará
42
A prática de consumo consciente,
largamente difundida para tratar da aquisição de bens e serviços por parte dos cidadãos,
conquista, a cada dia, mais adeptos no âmbito
corporativo. Com isso, os mais variados segmentos da economia experimentam uma verdadeira revolução na economia de escala e nos
modos de produção. Uma tendência mundial que começa a dar seus primeiros sinais concretos no
Brasil é o consumo de madeira com certificação de origem florestal. Nessa categoria de
produto um selo garante que a madeira foi
extraída de forma sustentável, legal e que
foram seguidos parâmetros de segurança e
respeitadas leis trabalhistas durante o processo. O selo mais conhecido mundialmente
é o selo florestal FSC, do Forest Stewardship
Council; entidade fundada no Canadá por 130
representantes de 26 países na cidade de
Toronto, Canadá, em 1993.
‘‘É uma espécie de ISO 9000 da produção florestal’’ afirma Karina Aharonian, do
Grupo Compradores de Produtos Florestais
Certificados. O Grupo é administrado por Amigos da Terra - Amazônia Brasileira, entidade
ambientalista sem fins lucrativos que promove
a certificação FSC reunindo empresas e órgãos
públicos com a intenção de comercializar ou
utilizar produtos certificados em seus processos produtivos. ‘‘O FSC certifica as empresas
que processam e vendem produtos florestais,
rastreando a matéria-prima desde a floresta
até o consumidor final’’, complementa.
Foi sob a orientação do Grupo que
a Takaoka Empreendimentos se tornou a primeira do segmento de construção civil a conquistar a certificação FSC. O contato começou
em março de 2005 e o processo de conscientização da empresa como um todo foi essencial
para a conquista. O Grupo prestou serviços
de apoio à empresa e a seus fornecedores em
seu processo de certificação – concluído em
abril do ano passado -, e também nas compras de madeira certificada para o residencial
Gênesis II. ‘‘A iniciativa pioneira da Takaoka
incentivou empresas do ramo. As construtoras Tecnum, Setin e Even já se associaram ao
grupo e iniciaram a busca de produtos certificados como matéria-prima em suas obras’’,
comemora Karina.
A própria evolução da abrangência do Grupo Compradores de Produtos Florestais Certificados é um belo exemplo de
sucesso. Fundado em 2000 no País com onze
associados principalmente designers e representantes da indústria moveleira, o Grupo
hoje conta com mais de 60 associados nos
mais variados segmentos de atuação. A área
com madeira certificada no Brasil saltou de 3
milhões de hectares em 2004 para 5 milhões
de hectares em 2006.
Do total de madeira amazônica produzida anualmente no País hoje, 36% é exportado. Só no Estado de São Paulo – maior mercado consumidor do produto no Brasil – 81%
do que é consumido é destinada à construção
civil e somente 16% vai para a indústria moveleira. ‘‘Os outros 3% são utilizadas em casas
pré-fabricadas’’, lembra Karina.
No Brasil, o número de florestas certificadas passou de 35 para 64 em dois anos,
sendo atualmente o país com o maior número de empreendimentos certificados e a maior
área certificada da América Latina, com aproximadamente 5,1 milhões de hectares certificados. Entre 2004 e 2006, a área florestal certificada pelo FSC internacionalmente passou de
40 milhões para 70 milhões de hectares, representando um aumento de mais de 70%.
Viva São Paulo - Janeiro 2007
Pátio com madeira serrada
Certificação mundo à fora
Fazer com que o macrocomplexo
da construção civil – responsável por 15% do
Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro adote
medidas ecologicamente mais sustentáveis
em seus processos é um desafio. Porém, a
articulação de entidades, empresas e órgãos
governamentais podem contribuir para uma
transformação mais rápida e significativa do
segmento. O conceito de GreenBuilding, que
visa a construção de edifícios com baixíssimo
impacto ambiental, e a utilização de matériaprima certificada já propiciaram movimentações sociais que influenciaram em importantes
processos mundo à fora. Veja alguns deles:
Em abril de 2006, o governo da Bélgica adotou
política de compra dando prioridade a produtos florestais com selo de certificação florestal. Em junho, foi anunciado que a renovação
dos diques de toda a cidade de Ostende, cidade
localizada na província de Flandres Ocidental,
na Bélgica, será feita com madeiras com selo
florestal FSC;
No Reino Unido, dois empreendimentos estão
sendo construídos com pelo menos 50% de
madeira certificada: um conjunto habitacional
popular em Stratford, pequena cidade no interior, e uma clínica da National Health Service
na capital do País, Londres;
O novo prédio da Goldman Sachs, que teve sua
construção concluída em 2004 em Manhattan
(New York, EUA), utilizou apenas madeira com
o selo FSC no seu interior;
Em Rotterdam, segunda maior cidade da Holanda, bairros residenciais estão sendo construídos com utilização de madeira certificada.
PUBLIEDITORIAL
ESPORTE
por Milton Neves
Jornalista esportivo e apresentador de TV
Querendo
ser grande
Caçula do Campeonato Paulista chega à
elite do futebol estadual
O Grêmio Recreativo Barueri se classifica
empolgado por boas campanhas no Campeonato Paulista da série A-2, competição na qual foi campeão,
e no Campeonato Brasileiro da série B (para a qual
conseguiu acesso). ‘‘O futebol de hoje está muito
nivelado. Não vejo muita diferença entre São Paulo,
Corinthians, Palmeiras, Santos. Por isso, eu acredito
muito na nossa equipe. Até no título, por que não?’’,
indaga o presidente do clube, Walter Sanches.
O sonho de repetir a façanha da Internacional
de Limeira (campeã em 1986), do Bragantino (vencedor em 1990) ou até mesmo o recente exemplo do
São Caetano (campeão em 2004) entusiasma mesmo
todos no clube. O meio-campista Luciano Gigante, um
dos destaques da equipe na última temporada, concorda com o presidente do Barueri. ‘‘O nosso objetivo
é ficar entre os quatro primeiros colocados do Paulistão. Respeitamos todas as equipes, mas acho que
temos condições de ir longe na competição’’, comenta o meia, que foi um dos heróis do time, principalmente ao lado do artilheiro Pedrão, no jogo contra o
Ferroviário, do Ceará, no Palestra Itália.
O curioso é que o Grêmio Recreativo Barueri
foi fundado no dia 26 de março de 1989 e já teve outro
nome. No começo dos anos 2000, o clube fez uma
parceria com a empresa Roma. A equipe disputou a
Taça São Paulo de Futebol Juniores com o nome de
Roma-Barueri e foi a campeã ao superar o São Paulo
na final. À época, o Barueri derrotou o time tricolor,
que tinha jogadores como Harrison, Renatinho, Jean,
Fábio Simplicio (hoje no futebol italiano) e companhia.
Já a equipe profissional teve uma longa caminhada
até chegar à série A-1 do Paulistão.
Em 2001, o Barueri disputou a série B-3, que
seria a sexta divisão do futebol paulista. O ano não foi
dos melhores. A equipe terminou em 14º lugar. Jogando pela mesma B-3, no ano seguinte, o clube conseguiu
Viva São Paulo - Janeiro 2007
acesso para a série B-2. O GRB embalou e em 2003
disputou a série B-3 e mais uma vez teve sucesso. O
Barueri disputou a B-1 em 2004, não foi o campeão,
mas subiu mais uma vez. Era mais um acesso seguido.
Em 2005, finalmente, o clube colocou o primeiro troféu importante do futebol profissional em sua galeria.
No ano passado, o Barueri mostrou que estava mesmo
disposto a fazer parte do grupo dos principais clubes
do estado de São Paulo. Mais um título foi conquistado,
agora o da série A-2 (o time bateu o Sertãozinho).
No segundo semestre, o clube fez uma bela
campanha no Campeonato Brasileiro da série C, competição disputada por clubes de peso, entre eles o
Vitória (vice-campeão brasileiro em 1993), o Bahia
(campeão brasileiro em 1988 e da Taça Brasil de
1959) e o Criciúma (campeão da Copa do Brasil, com
Luiz Felipe Scolari, em 1991).
O Barueri desbancou muitos favoritos e consolidou a classificação para a série B ao vencer o Ferroviário, na última partida. O time já era dirigido por Marcelo
Vilar, treinador que trabalhou no Palmeiras (em duas
ocasiões) também em 2006. Antes dele, vários técnicos
trabalharam no GRB, entre eles o experiente José Carlos Fescina, técnico corintiano em 1988. ‘‘Fizemos sempre bons trabalhos no Barueri. Não me surpreende o
time ter chegado aonde chegou’’, conta Fescina.
O hino
O Grêmio Recreativo Barueri, que tem o apelido
de Abelha, ainda não possui um hino oficial. Por isso, o
clube abriu um concurso para compositores. A intenção
é que a escolha do hino seja feita de maneira democrática, com a ajuda dos torcedores de Barueri. ‘‘Pesquisei
muito sobre a história do Grêmio Barueri. Não fiquei restrito apenas ao futebol, mas sim ao esporte da cidade’’,
comentou o compositor Raí de Souza, um dos concorrentes, entrevistado pela TV Record.
PAIS & FILHOS
por Içami Tiba
Psiquiatra, conferencista e escritor
Ano novo, vida nova,
estudos novos...
Não comece o ano repetindo o que já fez nos anos
anteriores, passar de ano é resultado do aprender!
Meu jovem, você vai começar as aulas escolares.
Quando preenche uma ficha de hotel, clube
ou associação, no quadro profissão o que você escreve? Estudante, é claro!
Mas o que significa ter a profissão de estudante? Como qualquer profissão, estudar tem uma
meta a ser atingida. Você pode logo ir respondendo:
a meta é passar de ano! Não! A meta é aprender o
que se ensina, e ser aprovado ou não deveria ser a
conseqüência do aprendizado.
O que precisa hoje para você conseguir um
bom emprego? Somente diplomas de cursos passados ou ter conhecimentos? Diplomas podem ser
arranjados, mas conhecimentos têm que ser construídos dentro de você a partir dos aprendizados.
Atualmente a concorrência está tão grande que ter
diplomas escolares não é suficiente. Saber inglês
é básico, o diferencial é saber uma terceira língua,
além da língua portuguesa. Mexer com computador
é básico, o diferencial é estar globalizado pela Internet. Ter amigos é essencial, porém um emprego a
ser disputado por vários candidatos que empatam
em tudo será daquele que tiver o melhor networking (rede de bons relacionamentos que possam lhe
recomendar profissionalmente). Já pensou na fama
que você está construindo na escola? É a lembrança que os outros vão ter de você. Será que eles vão
assinar uma recomendação dizendo que você será
responsável e eficiente?
Passar de ano é necessário, mas não é tudo.
Pois nem todos os aprovados aprenderam o que lhes
ensinaram. Muitos colaram, assinaram trabalhos que
não fizeram, foram aprovados pela benevolência dos
examinadores; pais e professores particulares é que
fizeram de tudo para eles fossem aprovados...
Imagine você já como empresário: você manteria um funcionário que nada produziu, viveu na cola
Viva São Paulo - Janeiro 2007
dos trabalhos dos outros e ainda recebe um salário
mensal como se tivesse trabalhado? Este custa mais
que rende para a empresa. Qualquer empresário cortaria o que não desse lucro.
O salário que você recebe (a nota escolar)
deve corresponder ao que você produziu (aprendeu).
Você já viu um emprego no qual basta cumprir
um pouco mais que a metade das obrigações para
receber o salário mensal? Pois é, se você é do tipo
que se precisa de nota 5 na prova e só ‘‘estuda as
páginas ímpares’’, ou seja metade da sua obrigação,
e se assim fizer com o emprego, dificilmente terá um
bom desempenho profissional.
Há pais que acreditam que garantem o futuro dos filhos, deixando-lhes como herança negócios
e dinheiro, casa própria e diploma universitário. Só
o diploma é definitivo, todos os outros bens podem
mudar de mãos se forem mal administrados. Você,
que hoje tem a profissão de estudante, se não estudar e aprender a cuidar de si próprio, não saberá
tampouco administrar sua herança. A sociedade não
vai adotá-lo como um filho. Há muitas empresas familiares que acabam destruídas pelos próprios filhos,
que em vez de sucessores viraram herdeiros, vida de
príncipe... O que os seus ascendentes construíram
não pode acabar nas suas mãos. Se você começasse
do zero, quanto tempo levaria para construir tudo o
que estará recebendo? Aprender é essencial para ser
sucessor...
Tudo isso é para lhe dizer, meu jovem, que é
bom que você saiba muito bem que tem mais é que se
empenhar para aprender e não simplesmente passar
de ano.
A maneira como estudar, você pode encontrar
em qualquer lugar. E o que você acaba de ler é mais
papo de avô, pois talvez seus pais estejam preocupados em como financiar seus estudos...
DICA DO MÊS
Educação, estágio
& trabalho
Autores: Arnaldo Niskier
e Paulo Nathanael
Editora: Integrare
Preço: R$ 39,90
Arnaldo Niskier e
Paulo Nathanael, que
já haviam prestado
tantos e tão inestimáveis serviços no
Conselho Federal de
Educação, uniram-se
e escreveram textos
objetivos sobre o complexo desafio da nossa
política educacional e
sobre a dramática falta de oportunidade de
emprego para os nossos universitários, que
terminam seus cursos
e se vêem perplexos
e despreparados para
enfrentar o mercado
de trabalho.
47
CORPO & EQUILÍBRIO
por Nuno Cobra
Preparador físico e mental
Corpo em
equilíbrio
O corpo é o nosso maior patrimônio. É tudo
que temos nessa passagem pela vida
No século passado, o corpo foi considerado
algo sem nenhuma relevância. Era a terrível ditadura
do intelecto, que fez tudo girar em torno do raciocínio
lógico e matemático, colocando a parte física como
algo sem utilidade alguma. No fim do século descobriu-se finalmente a importância do fato de que as
pessoas tinham um corpo e que ele também necessitava ser desenvolvido. Foi a retomada de uma visão
mais coerente e lógica deixada há milênios pelos antigos gregos. Mas, como em todo começo, e como uma
reação natural a tantos séculos de ignorância, veio
o exagero: academias apareceram por todo canto e
as pessoas se entregaram a uma malhação estúpida
sem equilíbrio.
O EXCESSO
O corpo não é uma máquina que se liga na
tomada e já entra em 220. Há que se ter a noção concreta da fragilidade desse corpo. Principalmente para
quem se descuidou durante anos e anos a fio. É necessário, portanto, desenvolver esse controle emocional
e entender, definitivamente, que o trabalho saudável
com o corpo requer muita paciência e aceitação do
momento físico em que cada pessoa se encontra.
Ainda hoje, temos bastante dificuldade em
entender o corpo como um organismo que precisa
receber as cargas de trabalho com equilíbrio e sensatez e que os professores não podem impor a seus
alunos quantidades desastrosas de exercícios, que
levam ao desequilíbrio e à destruição. Apenas a atividade física feita com parcimônia possibilita a construção de um corpo saudável. Você deve entender que
esse corpo vai acompanhá-lo por todos os passos da
vida e, portanto, deve ser tratado com mais cuidado
e muito carinho. Deixemos de exercer sobre ele essa
malhação completamente sem sentido.
Viva São Paulo - Janeiro 2007
VIDA PESSOAL E PROFISSIONAL
DICA DO MÊS
O corpo é nosso cartão de visita, e sabemos
o quanto ele é importante para formar a primeira
impressão em um novo contato de nossa vida, tanto
no mundo social e afetivo, como no profissional. Um
corpo sadio, que sustenta um organismo pleno, possibilita muitas vantagens no âmbito profissional. A
primeira delas, e mais importante, é que, ao cuidar
de seu físico com critério e bom senso, você terá um
corpo emocional mais sólido e desenvolvido, mais
capaz de controlar seus anseios e sensações. Conseqüentemente, terá um inigualável desempenho
profissional.
Calcule seu consumo
de energia e oxigênio
VO2 MÁXIMO E SUA VIDA PROFISSIONAL
O modelo T6 da
Suunto marca hora,
data e possui alarme,
cronômetro com laps,
monitor cardíaco,
altímetro, barômetro e
termômetro. O relógio
acompanha o software Suunto Manager
para PC. Por meio das
variações de freqüência registradas pelo
aparelho, é possível
calcular informações
relativas ao desempenho no treino, como o
consumo de energia e
oxigênio. Preço
sob consulta.
Mais informações
no site www.amersports.com.br.
Vamos tomar como exemplo uma pessoa
com sobrepeso, sedentária, de 40 anos, com um VO²
máximo (consumo máximo de oxigênio – quantidade
de sangue que passa pelo coração por minuto e que
leva oxigênio para todos os departamentos do corpo)
entre 22 e 24 mililitros, um paciente comum entre os
que recebo em minhas consultas. Por meio de um trabalho físico equilibrado e progressivo como a corrida,
por exemplo, aumentamos seu VO² máximo para 40
mililitros ou mais. Praticamente dobramos sua capacidade de oxigenação: essa pessoa terá um cérebro
muito mais oxigenado, terá o seu organismo trabalhando em perfeito equilíbrio, terá muito mais capacidade de concentração e, conseqüentemente, será
mais eficiente em seu trabalho e junto aos exigentes
desafios da vida moderna.
O mais significativo, ainda, é que o empenho em modificar o corpo físico vai desenvolver de
forma significativa e irreversível o corpo emocional,
tornando essa pessoa mais sólida e vitoriosa diante
da vida.
49
TURISMO
Um Carnaval diferente
por MARCELA GOLDSTEIN
Magic Kingdom
Orlando: diversão garantida para todas as idades
Há quem não troque a folia do
Carnaval por nada, mas tem
também quem prefira ficar o mais
longe possível dela. A revista Viva
São Paulo selecionou três destinos
para você dar uma esticadinha
e aproveitar o feriadão fazendo
uma viagem diferente. Entre as
opções estão Orlando, a cidade da
diversão; uma badalada estação
de esqui no Canadá e a Espanha,
que esbanja charme e cultura
50
Localizada no estado da Flórida, Orlando é conhecida como a capital
mundial da fantasia e diversão. A terra do Mickey tornou-se mundialmente
famosa por sediar o complexo Walt Disney World e outros parques temáticos,
como o Magic Kingdom, o Epcot, o Animal Kingdom, o MGM Studios, as Islands
Adventures e o Sea World, entre outros.
A programação não tem fim. Existem atividades
dia e noite, sem parar. Um dos principais objetivos das
crianças que visitam os parques munidas com bloquinhos
de autógrafos e câmeras fotográficas é encontrar seus
personagens favoritos, que ficam espalhados pelos
parques. Já os que gostam de adrenalina, então, nem se
fala! Há uma infinidade de brinquedos para se esbaldarem.
Para ter mais liberdade e seguir seu próprio roteiro, não
ficando preso a transportes e guias de turismo, o pacote Fly &
Drive, com saída no dia 15/2, inclui locação de um automóvel
com quilometragem livre durante cinco dias. Com preços a
partir de US$ 1.062*, além do carro, estão inclusos no pacote
passagem área em classe econômica trecho São Paulo-Orlando,
quatro noites de hotel com café da manhã e seguro viagem.
Viva São Paulo - Janeiro 2007
Whistler Blackcomb
WHISTLER, CANADÁ: liberte seu espírito aventureiro
Whistler Blackcomb, a maior área de esqui da América do
Norte, é destino obrigatório dos amantes de esqui e snowboard.
Localizada a aproximadamente duas horas e meia de Vancouver, no
Canadá, ela fica entre duas montanhas, a Whistler e a Blackcomb.
O complexo conta com uma incrível variedade de pistas para todos
os níveis e infra-estrutura completa, com 33 teleféricos de alta
tecnologia, plataformas, despenhadeiros e barras de manobras. Na
linda paisagem coberta por neve, é possível andar de snowmobile
(moto especial para neve), fazer passeios em trenós guiados por
cachorros, tours aéreos por sobre as montanhas, entre outros.
A estação de esqui engloba uma vila chamada Whistler Village
onde estão instalados confortáveis hotéis e condomínios para todos
os gostos e bolsos. A vila é famosa pela diversidade de restaurantes,
lojas de grifes e pela agitação noturna dos badalados bares e
discotecas. No pacote, a partir de US$ 2.301*, com saídas que se
iniciam no dia 17/02, estão inclusos passagem área pela Air Canada,
recepção e traslados, sete noites de hotel com café da manhã, ski lift
para todos os dias e um tour com guia pelas montanhas.
Sagrada Família
Espanha: uma viagem inesquecível
Quem nunca sonhou em fazer um tour pela Espanha? Os
que puderem dar uma esticadinha nesse Carnaval e passar 12 dias
percorrendo as lindas cidades do país não vão se arrepender. O roteiro
começa em Madri – capital do país, que encanta a todos com seus
esplendorosos edifícios históricos, praças e monumentos – e passa
pelas cidades de Córdoba, Sevilha, Granada, Alicante e Valência.
Depois é a vez de Barcelona, cidade portuária, uma das mais agitadas
da Espanha, que atrai turistas de todas as partes do mundo.
Barcelona é a terra do arquiteto modernista Antonio Gaudí,
cujos projetos são a principal atração da cidade. Entre eles estão a
Viva São Paulo - Janeiro 2007
Sagrada Família – catedral com cerca de 100 metros de altura – e o
Parque Güell, que possui arquitetura inspirada nas formas da natureza,
com bancos sinuosos e multicoloridos e amplos jardins exóticos. La
Rambla é parada obrigatória para quem visita a cidade: a avenida
concentra os cafés, bares e casas noturnas.
Pacote com passagem aérea econômica São Paulo-Madri, 12
noites de hotel com café da manhã, traslados, visitas monitoradas e
seguro viagem, a partir de US$ 2.160*.
Mais informações: Vivere Agência de Viagens - Tel.: (11) 3124-7100
www.vivere.com.br * Preços por pessoa
51
ATC
ATC para todos
Em uma prestação de contas aos associados, presidente e diretores do Alphaville Tênis Clube
esclarecem quais foram as medidas que resultaram no sucesso da gestão 2005-2006.
Palavra do presidente
Ser eleito representante de uma comunidade é tanto uma alegria quanto uma grande responsabilidade, já que cabe ao eleito trabalhar com afinco e competência e também
prestar contas de suas ações. Nestes quatro anos em que fui honrado com o mandato de
presidente do ATC, tive como meta cumprir rigorosamente estas obrigações. Por meio de
nosso site, esclarecemos ao nosso associado os rumos que implementamos à frente da
Diretoria Executiva do Alphaville Tênis Clube. Nossa tônica nesse período foi uma incansável busca pela excelência em todos os atos da gestão do ATC.
Ainda que possa soar arrogante, sinceramente, estamos seguros de que cumprimos
nossa meta de exercer uma administração competente e eficaz, pois além de atendermos
os anseios do associado, a todo o momento nos mantivemos atentos a uma visão do futuro, o que nos permitiu antecipar necessidades e deixar o nosso Clube pronto e preparado
para os bons desafios que enfrentará nos próximos anos. E se os desafios se renovam e as
52
Viva São Paulo - Janeiro 2007
responsabilidades se multiplicam, também para cada novo problema, para cada nova questão, sempre recebemos apoio e motivação
– tanto dos associados como dos funcionários do Clube.
Todo esse trabalho, realizado sem alarde e com economia,
teve por objetivo não só atender o associado, mas principalmente
valorizar o patrimônio do ATC, que, afinal, é o patrimônio de cada
associado.
Nesses 48 meses de trabalho, tive a honra de presidir
duas diretorias: a primeira nos anos de 2003 e 2004, composta
por amigos competentes e dedicados, tendo como vice-presidente
Sidney Saraiva Apocalypse, Wilson Luiz Xavier Fischer como
diretor financeiro, Adolpho
Yutaka Sato como diretor de
patrimônio, Romeu Maio de
Araújo Costa como diretor
social, Venilton César Montini
como diretor de esportes e
Ricardo Rezende como diretor
administrativo, e quase no fim
do mandato de 2004 tivemos
a colaboração decisiva na
área de patrimônio do Valmir
Bonfim, que deu continuidade,
finalizando os projetos em
andamento. E a atual diretoria,
igualmente
competente,
igualmente dedicada, composta
igualmente por amigos, tendo
na vice-presidência Cláudio Luiz De Marchi, na diretoria financeira
Eduardo Soldi, no social Reynaldo Iervolino, no patrimônio Eduardo
da Costa Galvão, nos esportes Valmir Bonfim, no administrativo
Carlos Alberto Idoeta – duas diretorias compostas por excelentes
profissionais, que preencheram com sobras nossas expectativas.
Foi este grupo de diretores que, com seu trabalho e dedicação, nos permitiu realizar uma incontável série de eventos sociais,
culturais e esportivos, reformulações financeiras e administrativas, bem como reformas e benfeitorias, sem necessidade de lançar
mão do fundo de expansão patrimonial nem reajustar a taxa de
manutenção ou onerar de alguma forma o associado.
PUBLIEDITORIAL
Além das ações relacionadas abaixo, destacamos também
o substancial aumento na venda de títulos, a reforma total da boate Mu’leka, a troca do piso e iluminação do ginásio Takaoka e a
aquisição do grupo gerador, que nos permitiu reduzir as tarifas da
Eletropaulo.
Ainda em nome destas diretorias, agradeço aos conselheiros,
associados, funcionários e ao atual conselho de administração, na
pessoa de seu presidente, Sr. Carlos José Meismith, e também
aos presidentes anteriores, Srs. Estefano Carrieri, Luiz Luciano
Costa e Adilson Vicari, bem como suas mesas diretoras, que em
nenhum momento rejeitaram qualquer pleito, dos mais simples aos
mais complexos. Agradeço
também às duas comissões
de obras, representadas pelos
conselheiros Ricardo José
Queiroz, Leonardo Rodrigues
da Cunha e Dirceu Carlos da
Silva; e a do mandato 20032004, composta por Fernando
Gomes de Mello Filho, Fausto
Villela Soares e Ricardo José
Queiroz, sempre atuantes e
interessados na fiscalização,
análise e acompanhamento de
projetos e reformas; e a todas
outras comissões e conselho
fiscal, não menos importantes,
cujo empenho foi além de suas
obrigações, ajudando-nos a chegar até aqui.
Despeço-me desejando ao novo presidente, Reynaldo
Iervolino, e sua equipe – composta por Valmir Bonfim, Maria de
Lourdes Stella, Gilmar da Silva, Carlos Elio Haraguchi, Fausto Villela Soares e Dirceu Carlos da Silva – uma diretoria, por que não
dizer, composta de amigos, que assume os destinos do ATC, um
Ano Novo repleto de realizações. Que nosso Clube continue sendo
um lugar aprazível, onde todos se sintam bem. Que o ATC continue
sendo nossa segunda casa, motivo de orgulho para todos nós.
Geraldo José Michelotti
53
REALIZAÇÕES DA DIRETORIA DE PATRIMÔNIO 2005-2006
• Campo 1: ganhou bancos de reservas com
coberturas, assentos plásticos e suporte para
bolsas, garantindo mais conforto aos jogadores.
• Campo 2: além da troca de parte do gramado, ganhou alambrados na lateral do campo e
arquibancadas, e teve seu sistema de refletores totalmente modernizado.
• Campo 3: além do prolongamento e troca de
parte do gramado, foram instalados bancos
plásticos e suporte para bolsas para as equipes e juízes.
• Novo acesso para o Salão Nobre: com piso
antiderrapante e cercado por plantas, que proporcionam melhor visual.
• Pavimento com lajotas de concreto: na
entrada das quadras de tênis e dos ginásios
Takaoka e Estefano Carrieri.
• Jardins e áreas verdes: uma equipe de paisagismo foi contratada para revitalizar os jardins e toda a área verde do clube.
• Quadras de tênis: as quadras 3, 4, 5, 6, 9,
10, 11 e 12 e 15 tiveram seus pisos totalmente
refeitos.
• Aquecimento solar das piscinas internas:
gerando uma grande economia para o clube.
• Nova mobília na lanchonete: possui maior
durabilidade e design que se adapta à natureza presente no Clube.
• Boulevard: totalmente reformado, está de
cara nova para melhor atender aos associados.
54
• Sala de musculação: ampliada em 40 m2,
com oito novas bicicletas ergométricas e
quatro novas esteiras, aumentando o número para dez.
• Forro termoacústico no teto do conjunto poliesportivo Estefano Carrieri: resolveu os problemas
de goteiras causadas pela condensação.
• Pisos das quadras do conjunto poliesportivo
Estefano Carrieri: foram realizadas raspagens e
pintura no piso das quadras 1, 2, 3 e 4 e também
da quadra principal, além de inserção do logotipo do Alphaville Tênis Clube no centro da quadra
e novas linhas de demarcações.
• Piso da sede social: o mezanino da sede social
ganhou um piso mais bonito e antiderrapante.
• Vestiário feminino: todos os armários foram
trocados.
• Vestiário masculino: instalação dos novos
armários com design mais moderno, troca do
piso, nova iluminação, som ambiente, sistema
de exaustão, pia especial para crianças, torneiras com misturadores. Os mictórios ganharam
descarga com sensores.
• Cancha de bocha: novo piso sintético, que
substitui o antigo carpete, e instalação de
fogão de aço inox, com bocas especiais, chapa
e forno.
• Poços artesianos: desde abril de 2006, o Clube utiliza água dos poços artesianos, perfurados
pelo sistema de risco. Utilizando-se de uma estação de tratamento, o Clube dispõe de água mais
barata do que a usada anteriormente.
• Sanitário com acessibilidade aos portadores de deficiência física: ao lado da lanchonete principal.
• Piscinas externas: foi feita a impermeabilização e a troca total dos azulejos, sendo parte
da piscina aquecida. Na piscina infantil foram
instalados brinquedos fixos. Outra novidade é
a iluminação interna, com possibilidade de troca da cor da luz.
• Escada de emergência na boate Mu’leka:
nova e segura.
• Projeto Centro de Fitness: O projeto será
executado em duas etapas. A primeira delas,
que será concluída no início deste ano, é a
construção de uma nova área de musculação,
passando dos atuais 330 m2 para 560 m2. Os
recursos financeiros necessários já se encontram disponíveis.
• Área de convivência para funcionários e
prestadores de serviços: em seu aconchegante espaço interno, há sofás, mesa de sinuca,
mesa de jogos, televisão e dois computadores
para pesquisas escolares.
• Playground: a antiga cobertura de sapê do
foi trocada por uma nova, de armação metálica, com lona de polietileno de alta densidade.
• Área de manutenção: agora existem salas
próprias para serralheria, pintura e hidráulica.
Eduardo da Costa Galvão
Diretor de Patrimônio
Viva São Paulo - Janeiro 2007
REALIZAÇÕES DA DIRETORIA DE ESPORTES 2005-2006
• VIII Olimpíada Inter Alphas Santander
Banespa 2006: maior evento regional do
País, a Olimpíada contou nesta edição com a
participação recorde de 4.959 atletas. Foram
1.121 jogos disputados em 20 modalidades
esportivas, distribuídas em 15 categorias.
Arrecadamos 15 toneladas de alimentos,
que foram doados às prefeituras de Barueri
e Santana do Parnaíba.
• IV colônia de férias: realizada no mês de
julho, com atividades recreativas, esportivas
e culturais, em 2006 contou com a participação de 321 crianças.
• Incorporação da avaliação física pela
musculação: organizamos um programa de
capacitação de todos os professores da
musculação, para oferecer este serviço aos
associados todas as manhãs, tardes e noites.
• Recreação aos finais de semana: contratamos empresas de lazer e brinquedos infláveis, oferecendo atividades para as crianças
todos os finais de semana, além de disponibilizarmos o arvorismo e a cama elástica,
com supervisão de nossos professores.
PUBLIEDITORIAL
• VI Duathlon: atingindo em 2006 o recorde
de participação, com 70 inscritos nas diferentes categorias.
• Reestruturação da piscina interna: que
resultou no aumento da média anual de
atendimento de 431 para 525 associados em
2006.
• Campeonatos abertos de futebol: com
60 associados e 180 atletas de outras entidades, nas categorias Sub 20, Principal e
Sênior. Ficamos com a 1ª colocação na categoria Sênior, 2ª colocação na Sub 20, e 3ª
colocação no Principal.
• II Torneio Aberto de Sinuca: em 2006,
contou com a participação recorde de 48
atletas, entre associados e convidados,
moradores de Alphaville e região.
• II Torneio Aberto de Xadrez: em 2006
participaram 20 enxadristas da região de
Alphaville durante um final de semana. O
ATC foi Campeão Paulista Interclubes de
Xadrez, categoria C.
• IV Festival Esportivo ATC: atende crianças de 3 a 11 anos. Em 2006 o evento contou com a participação de 636 crianças de
21 entidades.
• Festival de Artes Marciais: nas modalidades caratê, capoeira, judô e jiu-jitsu, reuniu
80 alunos de diversas entidades.
• Acesc de Squash: O Primeiro Torneio
Acesc de Squash, sediado no ATC, contou
com a presença de seis clubes, e o ATC chegou à semifinal.
• Quadrangular de Voleibol Master Feminino: realizados nos meses de junho e novembro, os quadrangulares tiveram a participação de 48 atletas do ATC e 100 atletas de
outras equipes.
• Day Spa: de junho e setembro, o Day Spa contou
com a participação de mais de 30 alunos.
Valmir Bonfim
Diretor de Esportes
55
DIRETORIA FINANCEIRA
Dentro do quadro de direção do ATC, a gestão financeira
é um importante processo para que o Clube possa proporcionar a
melhor condição de uso ao associado e investir em novas tecnologias, atividades sociais e esportivas. Para isso, a Diretoria Financeira deve elaborar uma política orçamentária que mantenha um
adequado sistema de custeio das operações, bem como um plano de investimentos que preserve a capacidade de renovação e
modernização do patrimônio da associação. Além disso, tem um
papel importante como agente catalisador no processo de busca
constante de oportunidades para o aumento da produtividade e a
redução dos gastos, que envolve todo o grupo executivo e funcional do clube, de forma coesa e proativa.
Evolução financeira nos últimos anos
O Clube vinha passando por um processo de melhoria gradativa nas gestões das diretorias que antecederam a nossa, permitindo
que, ao assumirmos o comando, em 2005, adotássemos a proposta
de administrar o Clube de forma empresarial, desafio este em perfeita sintonia com os anseios do Conselho de Administração.
Durante o biênio implantamos uma série de mudanças na
política de recursos humanos, no relacionamento com nossos contratados e efetuamos uma série de investimentos, que repercutiram
positivamente na situação financeira do Clube. Quem acompanha o
noticiário sobre a situação dos clubes brasileiros sabe que alguns
estão em situação caótica, perdendo associados e com um quadro
financeiro desesperador. O ATC é uma das raras exceções; quando
assumimos, o clube já apresentava uma situação financeira confortável e agora, no final do mandato, estamos cônscios de que cumprimos
nosso dever e entregamos o Clube à próxima Diretoria pronto para
mais um grande salto na direção do bem servir ao associado. Nesses
dois anos tivemos indicadores que demonstram de forma inconteste
que nossa proposta estava certa e foi seguida à risca pela Diretoria e
seus colaboradores. De 2004 a 2006 o Patrimônio do Clube passou de
R$ 37,8 milhões para R$ 41,3 milhões, um aumento de R$ 3,5 milhões,
ou 9%, índice significativo se comparado com outros clubes, ou mesmo com a evolução da economia brasileira em geral.
Esse incremento do patrimônio deveu-se a uma forte atuação
da Diretoria nas operações do ATC, que teve como conseqüência um
vigoroso crescimento de 15% das receitas entre 2004 e 2006, bem
como um rígido controle das despesas, mantendo o resultado num
valor acima de R$ 1 milhão por ano.
A significativa geração de caixa ocorrida nesse período foi
direcionada para a realização de mais de 70 obras e melhorias, aquisição de equipamentos esportivos e ampliação de nossos sistemas
de comunicação e controle. Encerramos o ano de 2006 com R$ 1,4
milhão em caixa, dos quais R$ 300 mil compõem o fundo de reserva técnica e R$ 825 mil são destinados a investimentos para futura
expansão do patrimônio do ATC.
Título patrimonial
O ATC dispõe de 3 mil títulos patrimoniais, distribuídos nas categorias familiar, individual e empresarial. Esse número foi estipulado para
permitir um uso adequado do Clube, segundo suas dimensões e oferta de
atividades. Há três anos o Clube vem praticando uma política de vendas
agressiva, com facilidades para pagamento, e que tem dado excelente
resultado, restando somente 500 títulos disponíveis para venda.
Atualmente registramos 12 novos associados por mês, numa
curva crescente de procura, o que nos permite afirmar que em 30 meses
todos os títulos estarão colocados. Atingida essa meta, certamente
haverá uma procura maior que a oferta, ocasionando uma valorização
do título, que estimamos conservadoramente em 300%, tomando por
base outras agremiações semelhantes ao ATC. Portanto, além de gozar
de um espaço privilegiado para a convivência social e a prática esportiva, o associado estará seguro de que fez também um excelente investimento, que apesar de não ser o objetivo primordial nesse tipo aquisição,
não deixa de ser um conforto a mais proporcionado pelo ATC.
Eduardo Soldi
Diretor Financeiro
APOIO:
REALIZAÇÕES DO SOCIAL 2005-2006
• Bailes carnavalescos: três dias de folia
para as crianças, no Salão Nobre.
• Teen Balada: para a garotada acima de 12
anos, na Mu’leka.
• Contadora de histórias e o Teatro infantil:
com apresentação de fábulas e contos com
interação das crianças e também dos pais.
• Sexta Especial: realizada na última sextafeira de cada mês, o associado comemora
seu aniversário na Mu’leka.
• Ida ao teatro: visitas monitoradas a exposições de arte e shows.
• Sábados Musicais: sempre com uma atração diferente na lanchonete da piscina.
• Bazares: realizados no Salão Nobre, sempre antecedendo a uma data comemorativa.
• Festa Junina: realizada em parceria com
a AREA, com mais 40 barracas, com alimentação, jogos ou brincadeiras, além de shows
de grupos musicais country e sertanejo e
queima de fogos.
PUBLIEDITORIAL
• Realizamos ainda Palestras, Tardes Beneficentes com Chá e Desfile, Semana da
Mulher, Torneios de Tranca e Festa Jovem.
• Exposições no Espaço de Arte: com a participação de vários artistas, que apresentaram diferentes tipos de arte em diferentes
técnicas.
• Festa de Aniversário, comemorando em
2005 os 29 anos e em 2006 os 30 anos de
fundação do ATC. ‘‘Com certeza essa é a
melhor festa da Região Oeste da Grande
São Paulo’’ – a frase dita por Geraldo José
Michelotti, presidente do ATC, expressa perfeitamente a grandiosidade do evento que,
com uma organização impecável, fascinou a
todos até nos pequenos detalhes. As dependências do clube ganharam um brilho ainda
maior para essa noite, com iluminação especial valorizando a beleza de nossos jardins.
Quem animou os convidados, com um show
de coreografias e o melhor da música nacional e internacional, foi a prestigiada banda
Primeira Mão.
• Ainda como parte das festividades de aniversário e dentro da proposta de realizar
shows voltados aos associados jovens, realizamos em 2005 um show com os Inimigos
da HP, com a presença de 1.500 pessoas,
e em 2006 um show com o Babado Novo,
reunindo cerca de 3 mil pessoas no ginásio
poliesportivo Estefano Carrieri, numa noite
de muita festa.
• Sapateado, street dance, balé, jazz, tapeçaria e dança de salão, atendendo mais de
300 associados matriculados.
Assim foi o nosso trabalho à frente
da diretoria social do Alphaville Tênis Clube, o qual me deixa grande saudades e boas
recordações. Procurei sempre fazer todos
os eventos para proporcionar aos associados momentos de lazer e confraternização.
Deixo aqui meus agradecimentos a todos
que, de uma forma ou outra, prestigiaram
nossa programação, e, com a convicção de
ter feito o que o melhor que esteve em meu
alcance, encerro mais uma gestão.
Reynaldo Iervolino
Diretor Social
57
REALIZAÇÕES DA DIRETORIA ADMINISTRATIVA 2005-2006
• Reformulação do site do ATC, tornando
mais fácil e rápido seu acesso e com uma
imagem mais esportiva.
pelo Sindiclube, com o apoio do Ministério
Público do Trabalho e da Delegacia Regional
do Trabalho de São Paulo.
• Treinamento de um grupo de funcionários
de vários setores, para prestação de primeiros socorros médicos e para operarem
o desfibrilador.
• Criação do Passaporte Sauna: com o pagamento de uma taxa única, dá acesso livre à
sauna durante 30 dias.
• Ampliação dos serviços nos vestiários
do prédio social, disponibilizando xampu e
sabonete líquido.
• Renegociação dos contratos com os prestadores de serviços, passando a taxa administrativa de 10% para 15%.
• Introdução de HotSpot, possibilitando acesso à internet nas dependências do Clube.
• Números de telefones diretos, facilitando
o acesso aos departamentos, sem necessidade de passar pela telefonista.
• Implantação do Projeto Menor Aprendiz,
admitindo 40 menores carentes como funcionários do Clube, na função de pegadores
de bola nas quadras de tênis, através de um
programa de formação profissional criado
58
• Lançamento do Bônus ATC: ao adquirir
produtos e serviços das empresas conveniadas, o associado tem direito a um crédito de
até 8% sobre o valor negociado, em forma
de bônus para ser usado no ATC.
• Criação da área de convivência para os
funcionários e prestadores de serviços.
• Remanejamento de funcionários e diminuição
do quadro funcional propiciando grande economia, sem prejudicar os serviços prestados.
• Diminuição do número de horas-extras
realizadas em 43% de um ano para outro.
• Treinamento de atendimento para os funcionários que lidam com público.
• Treinamento de liderança para os funcionários mais graduados.
• Colocação de câmeras de vigilância na
sala de musculação.
• Substituição do supervisor de segurança,
acompanhada da implantação de novos
métodos de vigilância e controles.
No biênio buscamos uma atenção
ainda maior aos nossos recursos humanos.
No cotidiano do Clube, muitas vezes passam
despercebidas a competência e a dedicação
dos funcionários e funcionárias por trás das
competições, festas e obras. A eles e elas
esta Diretoria reitera o seu sincero apreço e
lega iniciativas como o novo espaço de convivência, o seguro de vida em grupo, o programa de medicina preventiva e os cursos
de treinamento, entre outras.
• Seguro de vida em grupo para os funcionários.
• Treinamento dos funcionários que formam
a Brigada de Incêndio.
Carlos Alberto Idoeta
Diretor Administrativo
PUBLIEDITORIAL
COMPRAS
por MARCELA GOLDSTEIN
Agenda Everlast Foroni – R$ 36
Agenda Moranguinho Foroni – R$ 29
Van Gogh – tel.: (11) 4191-5876
Centro Comercial de Alphaville
Mochila Fundamental Kipling – R$ 199
Atleteen – tel.: (11) 4195-1523
Shopping Alphaville
Estojo Trenzinho
Faber Castell – R$ 54,90
SAC: 0800 70 17 068
Tênis Puma Juvenil
– preço sob consulta
Tivolli – tel.: (11) 4195-9802
Shopping Alphaville
Mochilete Homem Aranha – R$ 99,90
Mochila Hello Kitty – R$ 89,90
Le Postiche – tel.: (11) 4195-6085
Shopping Tamboré
Mochila Cebolinha
Trekking – Monforte – R$ 53,50
Papeterie papelaria e presentes
tel.: (11) 4617-5419 – Granja Viana
60
Viva São Paulo - Janeiro 2007
Caderno universitário
Hot Wheels (96 folhas) Tilibra – R$ 11
Caderno universitário
Princesas (96 folhas) Tilibra – R$ 11,60
Big C Store – tel.: (11) 4192-1483
Aldeia da Serra
Fichário universitário
My Little Pony Tilibra – R$ 81,60
Fichário universitário
Ferrari Norma – R$ 72,90
Mariepel – tel.: (11) 4195-3657
Centro Comercial de Alphaville
Estojo com zíper
Rebeldes Polibras – R$ 11,96
Estojo grande
Carros Polibras – R$ 3,60
Kalunga – tel.: (11) 4208-4228
Alphaville
Topper Noataki
Fashion Football – R$ 69,99
SAC: 0800 70 70 566
Lancheira
SIGG Switzerland – R$ 89
Garrafa térmica
SIGG Switzerland – R$ 66
SAC: 3046-4046
Viva São Paulo - Janeiro 2007
61
viva são paulo
INDICA
por PRISCILLA ZAMARIONI E MARCELA GOLDSTEIN
Confira o roteiro da revista Viva São Paulo com
dicas de restaurantes, comidinhas, shows,
concertos, exposições, liquidações e serviços
na região. Todo os meses serão publicados
serviços diferentes. Envie sugestões para o e-mail:
[email protected]
Foto: Altamiro Ferreira
ESPECIAL
Carnaval 2007
Os foliões que quiserem assistir aos desfiles oficiais das escolas de samba de São
Paulo poderão adquirir ingressos no site
www.ingressofacil.com.br e pelo call center
(11) 2162-7250. Os preços variam de acordo com o lugar escolhido no sambódromo:
R$ 40 para a arquibancada e, para quem
prefere os camarotes, o valor mínimo é de
R$ 400 por pessoa. Já os ingressos para
arquibancadas e cadeiras individuais dos
desfiles do Grupo Especial do Rio de Janeiro, que acontecem dias 18 e 19 de fevereiro, variam de R$ 110 a R$ 290 e podem ser
adquiridos por telefone (21) 2122-8080.
Para os compradores de fora do Rio será
cobrada uma taxa de serviço.
PARA AS CRIANÇAS
A revista Viva São Paulo relacionou opções de
passeios e restaurantes para a garotada aproveitar o final das férias.
Teatro Folha
Localizado no Shopping Higienópolis, o Teatro
Folha conta com uma programação especial de
férias. Às 3ªs, às 16h, acontece o espetáculo Tarde
de palhaçadas, que presta uma homenagem aos
grandes palhaços brasileiros. No mesmo horário,
às 4ªs, o musical A cigarra e a formiga ensina as
crianças sobre folclore e preservação da natureza.
Às 5ªs (no mesmo horário), há a apresentação
do espetáculo Eruma Vezeu, com marionetes e
bonecos chineses. O clássico Os saltimbancos,
em uma adaptação de Chico Buarque, anima
os pequenos às 6ªs. Todo sáb. e dom., às 16h e
17h40, acontecem as apresentações O guardaroupa de histórias e O guarda-zool. O ingressos
custam R$ 20. Av. Higienópolis, 618, São Paulo.
De 3ª a 6ª, às 16h; sáb. e dom., às 16h e 17h40.
Tel.: (11) 3823-2323.
Volta às aulas
Você encontrará uma relação de papelarias e lojas que oferecem tudo o que seu
filho precisa para iniciar o ano escolar.
McDonald’s
Com o objetivo de proporcionar às crianças e suas famílias um ambiente mais interativo, o Mc
Donald’s oferece diversos jogos, brincadeiras educativas e shows do personagem Ronald em suas
lojas. Todas as atividades são gratuitas e realizadas por profissionais treinados, os chamados ‘‘anfitriões’’. O lanche mais pedido entre as crianças é o kit Mc Lanche Feliz, com cheeseburger, hambúrguer ou 4 nuggets, fritas ou cenouritas e para beber as opções de refrigerante, suco, achocolatado
ou água de coco, e ainda uma surpresa divertida. www.mcdonalds.com.br
o site www.vivasaopaulo.com.br e
@ Acesse
concorra a ingressos dos filmes As Aventuras
de Azur e Asmar e O mar não está para peixe
Acesse o site www.vivasaopaulo.com.br, cadastre
seu e-mail e receba semanalmente a newsletter
da revista Viva São Paulo com os últimos
acontecimentos da região e dicas de entretenimento
(cinema, shows, passeios e restaurantes).
Faixas de preço por pessoa
$ - até R$ 35
$$ - de R$ 36 a R$ 50
$$$ - de R$ 51 a R$ 75
$$$$ - acima de R$ 75
Refeição com couvert, um prato de custo médio,
sobremesa, água mineral e serviços.
Cartões de crédito (Cc):
AE - American Express D - Dinners
M - Mastercard
V - Visa
A - Aura
Alguns estabelecimentos podem alterar, sem aviso prévio, seus horários, valores e sistemas de pagamento.
Sessão pipoca
No cinema
A Menina e o porquinho; As aventuras de Azur e Asmar; Uma noite no museu e Dogão, amigo
pra cachorro; O mar não está para peixe; A casa monstro; O cavaleiro Didi e a princesa Lili;
Happy Feet: o pingüim; Por água abaixo; Xuxa Gêmeas e Alex Rider contra o tempo
em DVD
A Era do Gelo 2; As crônicas de Nárnia; Garfield 2; Coleção Harry Potter; Irmão urso 2; O
galinho Chicken Little; Lucas, um intruso no formigueiro; Espanta tubarões; Os Incríveis; A
fantástica fábrica de chocolate; Superman, o retorno e Carros
ROTEIRO
PIZZARIAS
Babbo Giovanni
Av. Sargitário, 691, Alphaville, Barueri. De 2ª
a dom., das 18h às 23h. Tel.: (11) 419388211. Cc: Todos. Deliciosas pizzas
e dois ambientes agradáveis para
o jantar ou a happy hour. É o que
o Babbo Giovanni oferece em um
espaço de 250 lugares, divididos
em área interna e externa. Carrochefe da casa, a iguaria que leva
o nome do estabelecimento (R$
38,80) traz um generoso recheio,
feito com filé de anchova, entre
outros ingredientes especiais, e pode
ser acompanhada por uma das diversas
opções de bebidas da adega climatizada. $
A Tal da Pizza
R. Meandro, 430, Granja Viana, Cotia. De 4ª a
dom., das 19h à 0h. Tel.: (11) 4702-2783. Cc:
V, M. Rodeado de verde e com muitos itens
decorativos, como as caixas registradoras do
século passado, o local conta com ambiente
interno e o deque para os dias mais quentes.
Para a happy hour, a pizzaria disponibiliza
internet com tecnologia wireless e, entre
as principais atrações, estão A Tal da Pizza
– com lingüiça napolitana de fabricação
própria – e a pizza de azeite trufado, queijo
mascarpone e sementes de papoula (R$ 70),
perfeita para paladares mais exigentes. $$$
Fabrica de Pizzas
Av. São Camilo, 3.500, Granja Viana, Cotia
(km 23 da rod. Raposo Tavares). De 3ª a dom.,
das 18h30 à 0h. Tel.: (11) 4169-9864. Cc: V.
Descontraída, a pizzaria foi construída em uma
fábrica já existente no local desde a década
de 1960. Com a reforma, ganhou aquários,
jardins, vidros nas paredes, lareira e teto solar,
mas foram preservados os pisos e algumas
das paredes originais, que contrastam com a
decoração contemporânea e criam um ambiente
inusitado e original, com capacidade para 75
pessoas. Uma das principais sugestões da casa,
a pizza de shimeji com cobertura de mussarela
de búfala costuma agradar (R$ 31). $
Granjota
Av. São Camilo, 183, Granja Viana, Cotia. De 3ª a
dom., das 18h à 0h; 6ª e sáb, das 18 à 1h. Telefone:
(11) 4612-2738. Cc: V, M, D. Se a idéia de degustar
64
uma boa pizza em um cenário bucólico, envolto
por muito verde e com mesas dispostas perto de
uma castanheira centenária lhe agrada, eis uma
sugestão perfeita. Localizada num terreno de 4
mil m2, a casa com ares de fazenda tem janelões
e extensas varandas. Além da Silvino – pizza com
presunto de Parma, mussarela de búfala e tomate
caqui (R$ 32) – os clientes podem aproveitar os
corniciones diversos e demais opções de pizzas
úmidas e de borda grossa. $
Monte Viso
Av. dos Patos, 211, Aldeia da Serra, Barueri.
3ª, 4ª, 5ª e dom., das 18h às 22h30; 6ª e
sáb., das 18h à 0h30. Cc: V, M, D. Recémreformado e mais aconchegante, o local
ganhou uma adega climatizada para a
abrigar a diversificada carta de vinhos. A
pizzaria, que lembra uma cantina italiana,
tem entre as atrações a pizza de Carpaccio,
com alface ou rúcula, cenoura e parmesão,
que acompanha molho de alcaparras (R$
25). Para os apreciadores de um bom chope,
a novidade é a opção da marca Brahma,
servida no bar. $$
Planet Pizza
Calçada Antares, 171, Alphaville, Santana de
Parnaíba. De 2ª a 5ª, das 18h às 23h, 6ª e sáb.,
das 18h à 1h; dom., das 18h às 23h.Tel.: (11)
4153-4200. Cc: todos. Pertinho dos residenciais
5 e 6, a pizzaria conquistou os moradores
do bairro com sua massa leve e imensa
variedade de recheios tradicionais e inusitados
– como a Nápoles (R$ 29), que leva molho
Viva São Paulo - Janeiro 2007
intercalado entre os queijos; a Japon Pizza,
inspirada na culinária japonesa e, a Doce
Planet, com recheio de chocolate branco,
chocolate meio amargo e chocolate suíço
salpicado, tudo acompanhado por sorvete
de creme (R$ 27). Para quem prefere massa
grossa, a sugestão é a massa de borda grossa,
elaborada por um chef italiano. $
Signora Pizza
Av. Queimada, 297, Aldeia da Serra, Barueri.
De 4ª a dom., a partir das 19h. Cravada na
charmosa Aldeia da Serra, a casa, com
arquitetura imponente em estilo europeu,
é dividida em três ambientes, com um
bar transformado em confraria, onde são
servidos, entre outras bebidas, uísques
finos. Entre os carros-chefes do local, estão
a Divina Calábria – feita com calabresa de
fabricação própria – e a Zucchina, com finas
rodelas de abobrinha e parmesão gratinado.
Para quem não dispensa uma sobremesa,
vale experimentar a Signora (R$ 29),
elaborada com bananas e um leve toque de
rum jamaicano. $
Soggiorno
Al. Vênus, 92, Alphaville, Santana de Parnaíba.
De 5ª a dom., das 18h à 0h; 6ª e sáb., das 18h
à 1h. Tel.: (11) 4153-6453. Com um charmoso
ambiente interno e uma área externa informal,
com mesinhas na calçada, a pizzaria é conhecida
no bairro pela grande variedade no cardápio.
Entre as pizzas especiais, experimente a de
Carpaccio, elaborada com carpaccio, molho
de mostarda e limão, alcaparra e lascas de
parmesão. $$
* Preços pesquisados em dezembro de 2006.
Novidade no Shopping Tamboré
A nova unidade do restaurante Viena
presenteia os moradores da região com
a já tradicional qualidade nos serviços
e alguns conceitos diferenciados das
demais lojas de São Paulo, como o
sistema self-service, onde o cliente poder
se servir sozinho e realizar sua refeição
em um salão próprio do restaurante,
separado da praça de alimentação. O
restaurante vai oferecer também culinária
japonesa, opções à la carte, sobremesas
e salgados, servidos no charmoso café da
rede, além de deliciosas pizzas, feitas no
forno a lenha.
65
ROTEIRO
SHOWS
Axé Band Fest com Asa de Águia
Dia 31/1, às 22h, no Via Funchal. Ingressos
a partir de R$ 90. Uma das mais tradicionais
bandas do carnaval baiano, que praticamente inventou seu jeito de fazer axé, antes mesmo de esta expressão existir. Liderada por
Durval Lelis, seus principais sucessos são ‘‘O
rei da rua’’, ‘‘Oba vou passear’’, ‘‘Não tem
lua’’, ‘‘Dança da manivela’’, ‘‘Xô Satanás’’ e
‘‘Dia dos namorados’’.
Deftones
Dia 10/2, às 22h, no Via Funchal. Ingressos
a partir de R$ 150. A banda de nu-metal formada por californianos fará uma única apresentação no País.
Via Funchal: R. Funchal, 65, Vila Olímpia,
São Paulo. Tel.: (11) 3089-6999.
www.viafunchal.com.br.
Vem aí
Confira os shows que acontecerão no
Credicard Hall:
• Dia 6/3, às 21h30, apresentação do
vocalista e compositor canadense Bryan
Adams. Ingressos a partir de R$ 100.
• Dia 23/3, às 22h, a banda de classic
rock Asia vem ao Brasil. Ingressos a partir de R$ 70.
• Dia 30/3, às 22h, será a vez da banda americana de punk rock Pennywise.
Ingressos a partir de R$ 90.
Credicard Hall: Av. das Nações Unidas,
19.755, São Paulo. Tel.: (11) 6846-6000.
www.credicardhall.com.br.
66
Viva São Paulo - Janeiro 2007
MATINÊS DE CARNAVAL
• Nos dias 18, 19, 20/2, das 15h às 19h, no
ATC (Alphaville Tênis Clube): Al. Mamoré, 10,
Barueri. Tel.: (11) 2188-2665. www.alphavilletenisclube.com.br. Ingressos: sócios:
entrada franca; não-sócio adulto: R$ 5; nãosócio criança: R$ 15 (vendas antecipadas na
secretaria). Com o tema ‘‘Alegria, Alegria...
hoje é dia de folia’’, a garotada vai se divertir
com a banda Digivox ao som das tradicionais
marchinhas e sambas que marcaram época, sucessos atuais, além de muito confete
e serpentina.
* Preços pesquisados em dezembro de 2006.
• Dia 17/2, a partir das 16h, no Clube
Aldeia da Serra: Estr. Yojiro Takaoka, 2.900,
Aldeia da Serra, Barueri. Tel.: (11) 41921212. Ingressos: sócios: R$ 5; não-sócios
R$ 10 (crianças até 5 anos não pagam). Em
homenagem aos Jogos Pan-Americanos
que serão realizados no Rio de Janeiro, o
tema da matinê deste ano é ‘‘Carnaval do
Pan’’. Entre as atrações estão o concurso
de fantasia e o de melhor folião e sorteios
de brindes.
• Em 18 e 22/2, a partir das 14h, no Clube
Pitangueiras: R. Santarém, 223, Granja Viana,
Cotia. Tel.: (11) 4617-3439. www.granjaviana.
com.br/pitangueiras. Ingressos: R$ 5
(sócio) e R$ 8 (não-sócio). A garotada vai se
divertir ao som das tradicionais marchinhas
e sambas que marcaram época, além de
sucessos atuais comandados por um DJ.
Meninos e meninas ainda poderão participar
de um concurso de fantasias, bloquinhos de
carnaval e sorteios de brindes.
67
ROTEIRO
PARA CRIANÇAS - RESTAURANTES
Outback Steakhouse
Al. Amazonas, 286, Alphaville, Barueri. Tel.: (11) 41331955. De 2ª a 5ª, das 12h às 15h e das 18h às 23h; 6ª
das 12h às 15h e das 17h à 1h; dom., das 12h à 1h. Cc:
todos. Curbside Take Away (pedido para viagem
que o cliente retira no restaurante, com hora
marcada): (11) 4193-2000. O local possui
espaço com brinquedos e revistinhas
para colorir. Aos domingos, um
palhaço faz esculturas de bexiga. No
Joey Menu, ao pedir qualquer prato
para crianças de até 12 anos, o
refrigerante é cortesia da casa. Entre
os preferidos dos pequenos está o Junior
Ribs – costeleta de porco grelhada regada
ao molho barbecue, servida com fritas e cinnamon
Aldeia Cocar
Estrada do Belo Vale, 11, Aldeia da Serra,
Santana de Parnaíba. Tel. : (11) 4192-3049.
6ª, das 12 às 16h30 e das 19h até o último
cliente, sáb., das 12h até o último cliente;
dom., das 12h às 19h. Cc: V, M e AM. As
crianças têm seu espaço garantido, para elas
estão reservadas atividades como gincanas,
cama elástica, passeios de pônei e arvorismo infantil monitorado, além de um cardápio
infantil temático com pratos com nomes de
tribos do Alto Xingu. Entre os mais pedidos
pelos pequenos está o Jurupis – espaguete
com miniporpetas (R$ 16). $
Alpha Point
Al. Rio Negro, 1245, Alphaville, Barueri. Tel.:
(11) 4688-0630. Diariamente, das 11h30 às
0h. Cc: todos. Além dos hambúrgueres, massas e sobremesas, como os sundaes e milkshakes, o sucesso absoluto do restaurante
entre a garotada é o Bifinho Alpha: filé mignon, batata smile e arroz (R$ 9,90). No primeiro andar, as crianças podem brincar na
piscina de bolinhas, nas casinhas de boneca
ou com os brinquedos do local. Além disso, às
sextas e sábados, no jantar, há uma recreadora – caracterizada de acordo com as festividades da época – que conta histórias e faz
desenhos nos pequenos rostinhos. $
America
Al. Mamoré, 877, Alphaville, Barueri. Tel.:
(11) 4193-4916. De dom. a 5ª, das 12h
às 23h30; 6ª e sáb., das 12h às 0h30. Cc:
68
Todos. Delivery: (11) 5644-2222. Possui um
cardápio diferente em formato de um jogo
colorido, que permite aos baixinhos montar pratos variados. Entre as combinações
estão o hot dog com batatas fritas e bebida à escolha (R$ 14,90 com suco de laranja, R$ 12,60 com refrigerante em lata e R$
18,60 com milkshake). Ao se sentarem, as
crianças recebem jogos americanos com
desenhos e passatempos e giz de cera para
pintar e brincar. $
Babbo Giovanni
Av. Sagitário, 691. Apha Conde II, Alphaville,
Barueri. Tel.: (11) 4193-8811. Diariamente,
das 12h às 15h. De dom. a 5ª, das 18h às
23h; 6ª e sáb., das 18h à 1h. Cc: todos. A
pizzaria serve as irresistíveis Brigatone,
de brigadeiro com sorvete (R$ 21,90/ brotinho), e a de chocolate com M&M’s (R$
24,90/ brotinho). Conta com uma área de
recreação, onde os pequenos podem se distrair com o cavalinho de balanço, casinhas
e desenhar. $$
Best Burguer & Co.
Av. Piracema, 669, lj.75B, Espaço Gastronômico, Shopping Tamboré. Tel.: (11)
2166-9988. Dom., 2ª e 3ª, das 12h às 22h;
4ª e 5ª, das 12h às 23h; 6ª e sáb., das 12h
às 0h. Cc: V, M, C, D. As estrelas da casa
são os sanduíches, que, é claro, fazem
sucesso com a garotada. Entre eles o Smile Cheese, cheeseburger acompanhado
de batatas smile (R$ 7,90), o Lambretinha
Viva São Paulo - Janeiro 2007
Dog, cachorro-quente com batatas chips
(R$ 5,50). Uma boa pedida é o milk-shake
Maltino, de sorvete de creme com Ovomaltine (R$ 8). $
Big Stuff
Av. Mirim, 64, Centro Comercial das Estrelas, Aldeia da Serra, Barueri. Tel.: (11)
4192-1898. Diariamente, das 10h às 22h.
Cc: V, M. Variações de hambúrgueres, hot
dogs e beirutes podem acompanhar sucos,
refrigerantes, milkshakes e porções de
nuggets (R$ 7,80) ou batata smile (R$ 8).
Cadeirões e papel com lápis de cor também
são disponibilizados no local. $
Celeiro da Granja
Av. São Camilo, 2829, Granja Viana,
Cotia. Tel.: (11) 4169-5370. De 2ª a 6ª,
das 12h às 15h30 e das 18h até o último cliente; sáb., das 12h até o último
cliente. Cc: V, M e C. Durante os finais de
semana, monitores fazem esculturas de
bexigas para as crianças, que na hora da
refeição, podem optar por pratos criados
especialmente para elas, como o Steak
Burguinho – filé mignon acompanhado de
batata smile (R$ 12). $
Habib’s
* Preços pesquisados em dezembro de 2006.
Al. Rio Negro, 300, Alphaville, Barueri.
Tel.: (11) 4195-3672. Diariamente, das
11h às 0h. Cc: não aceita. Delivery: (11)
5696-2828. Rod. Raposo Tavares, 22.700,
Lageadinho, Granja Viana, Cotia. Tel.:
(11) 4702-0137. De 2ª a 5ª, das 11h às
0h; 6ª e sáb., aberto 24 horas; e dom. das
11h às 0h. Cc: não aceita. O preferido das
crianças é o Kit Habib’s, composto por 2
esfihas, batata frita e um suco de 300 ml,
além de um brinde surpresa (R$ 10,80).
As duas unidades possuem playground e
a de Alphaville disponibiliza dois videogames com acesso gratuito. $
La Pasta Gialla
Av. Piracema, 669, lj. 77, Shopping Tamboré.
Tel.: (11) 2166-9994. De 2ª a 6ª, das 12h às
16h; 2ª e 3ª, das 18h às 22h; 4ª e 5ª, das
18h às 23h, 6ª, das 18h às 0h; e dom., das
12h às 22h. Cc.: todos. No cardápio infantil, os pratos mais pedidos são o escalope
de filé mignon, que pode ser substituído
por filé de frango, acompanhado de arroz,
69
ROTEIRO
Jequitibá Forneria
R. José Felix de Oliveira, 860, Granja Viana, Cotia.
Tel.: (11) 4612-0398. De 2ª a 5ª, das 12h às 15h e
das 19h às 23h; 6ª, das 12h às 15h e das 19h
às 0h; sáb., das 12h às 16h e das 19h às
0h; e dom., das 12h às 22h30. Cc:
todos. O local oferece pratos
tradicionais em porções bambini. As pizzas kids agradam ao
paladar e olhar dos pequenos:
fofíssimas, são feitas em forma de
coelhinho, estrela ou coração (R$ 15). Para
sobremesa, o chocolate-bar: uma ou duas bolas
de sorvete La Basque, farofa crocante, calda de chocolate e chantili vegetal, é preferência absoluta no restaurante. $
legumes e saladas, ou taglione com molho
à escolha – branco, ao sugo, rosé ou na
manteiga (R$ 15) –, e o nhoque ao sugo ou
à bolonhesa (R$ 11,25). Para as crianças
se distraírem, a casa oferece lápis de cor e
papéis para desenharem. $
NYC Burguer
Rodovia Castello Branco, km 29. Funciona diariamente, 24 horas. Tel.: (11) 47724100. Cc: todos. O local oferece diversas
combinações de lanches, como o NYC Dog
– opção de cachorro-quente que acompanha carrinho para colecionar ou quatro
tipos de adesivos da família NYC Burguer
(R$ 10,50) – e muitas guloseimas que a
criançada adora. Além disso, na praça do
Graal Shopping, as crianças podem brincar
à vontade no playground, que tem balança, ponte com cordas, escorregador e uma
cachoeira. $
T.G.I Friday’s
Al. Rio Negro, 585, Centro Administrativo
Rio Negro, Alphaville, Barueri. Tel.: (11)
2176-5099. De dom. a 5ª, das 12h às 0h;
6ª e sáb., das 12h à 1h. Cc: todos. A casa
oferece para as crianças pratos como filés
de peito de frango empanados em massa
especial, servidos com fritas e molho honey
mustard (R$ 12,90). As crianças desenham
e pintam com os lápis de cor oferecidos
pelo restaurante e brincam com os balões
de gás hélio, que podem ser levados para
casa. $
70
PASSEIOS
Estação Ciência
R. Guaicurus, 1.394, Lapa, São Paulo. De 3ª a
6ª, das 8h às 18h; sáb, dom. e feriados, das
9h às 18h. Tel.: (11) 3673-7022. Na Estação
Ciência, crianças e adultos aprendem sobre
astronomia, meteorologia, física, geologia,
geografia, biologia, história, informática,
tecnologia, matemática, de forma descontraída
e lúdica. Para isso, uma equipe de estudantes
universitários recepcionam os visitantes,
fornecendo informações e esclarecendo
dúvidas sobre os experimentos. O público
pode conferir também apresentações de
teatro e coral, exposições e laboratórios
portáteis para aulas (Experimentoteca), além
da comercialização de softwares educacionais
e livros de divulgação científica. A partir de R$
1 (famílias com mais de 4 pessoas). Menores
de 6 anos, maiores de 60 anos e portadores
de necessidades especiais com acompanhante
não pagam.
Fazenda do chocolate
Rod. Itu-Cabreúva, km 89, Itu. De dom. a
dom., das 8h30 às 18h. Tel.: (11) 4022-5492.
Uma fazenda tricentenária, cheia de bichinhos e com uma loja repleta de chocolates...
Que criança dispensaria um passeio desses?
Entre as principais atrações, os visitantes
podem alimentar os pôneis, vacas, cabras,
alpacas e aves ornamentais, andar de charrete em volta do lago e cavalgar em uma trilha de 4 km. A entrada é gratuita e há estacionamento no local.
Viva São Paulo - Janeiro 2007
Livraria da Vila
R. Fradique Coutinho, 915, Vila Madalena,
São Paulo. De 2ª a 6ª, das 9h às 22h; sáb.,
das 9h às 18h. Tel.: (11) 3814-5811. Para
incentivar a leitura e apresentar um mundo mágico e cheio de imaginação às crianças, nada melhor que um local recheado
de boa leitura. Entre as prateleiras, é
possível encontrar clássicos como Alice
no país das maravilhas, de Lewis Carroll
(R$ 30,90), releituras como João e o pé de
feijão, de Richard Walker (R$ 29), e novidades, como Tipo assim, de Lauren Child
(R$ 19,90). No auditório acontecem debates, palestras, cursos e pocket shows e,
enquanto os pequenos escolhem um livro,
os adultos podem relaxar no charmoso
café do local.
Masp
Av. Paulista, 1.578, São Paulo. De 3ª a
dom., das 11h às 18h. Tel:. (11) 3251-5644.
Para ensinar aos pequenos sobre cultura,
nada mais apropriado do que uma visita ao
Masp, localizado na mais importante avenida de São Paulo. Além das exposições,
eventos e espetáculos, o museu oferece
serviços educativos, como cursos e ateliês
de estudo de arte, biblioteca, restaurante
e loja. R$ 15 e R$ 7 (estudante). Idosos
e crianças até 10 anos não pagam. Para
mais informações sobre a programação,
acesse: www.masp.uol.com.br.
* Preços pesquisados em dezembro de 2006.
Planetário de São Paulo
Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº, portão
10, Parque Ibirapuera. Às 3ªs, sáb., dom.
e feriados, sessões às 15h e 17h; às 5ªs,
às 17h e 19h30. Tel.: (11) 5575-5425. No
planetário, as crianças aprendem sobre os
planetas, avistando o céu de qualquer ponto
conhecido do universo. Por usar um sistema
de projeção de fibra óptica, todas as estrelas
são reproduzidas em cor e brilho reais.
Reaberto recentemente, o espaço conta com
uma programação especial. Às 5ªs, a partir
das 19h30, acontece o ‘‘Olhar o céu de São
Paulo outra vez’’, que conta um a história do
planetário, inaugurado em 1957.
Ski Mountain Park
Estr. da Serrinha s/nº, bairro Cambará, São
Roque. De 3ª a dom., das 10h às 18h. Tel.:
71
ROTEIRO
Museu da Língua Portuguesa
Praça da Luz, s/nº, São Paulo. De 3ª a dom., das
10h às 17h. Tel.: (11) 3326-0775. Resultado de
uma parceria da Secretaria de Cultura do Estado
de São Paulo com a Fundação Roberto Marinho,
o museu está localizado no coração da cidade.
Com aproximadamente 4 mil m², os visitantes
aprendem a importância e as variações da língua
portuguesa, em locais como o Beco de Palavras,
onde se aprende brincando com os prefixos,
sufixos e radicais de palavras que se misturam
no ar, criando um jogo curioso. Quando o visitante junta os pedaços, a mesa torna-se uma tela de
projeção futurista e exibe um filme, mostrando a
origem e o significado da palavra formada. R$ 4,
com entrada gratuita aos sábados.
(11) 4712-3299. Para quem busca muita adrenalina, eis o lugar certo. Além de atrações
como os passeios a cavalo por trilhas ecológicas, rapel, paintball, torre de escalada, tirolesa, teleférico, pista de esqui, de motocross
e mountain bike, o local tem como novidades
o kids arvorismo e uma minipista de F1, feita para crianças de 7 a 12 anos. Enquanto as
crianças se divertem, os adultos podem passar horas agradáveis na churrascaria, cafeteria ou vinhateria do local. R$ 10 por veículo, e
as atrações são pagas à parte.
Zoológico de São Paulo
Av. Miguel Stefano, 4.241, Água Funda, São
Paulo. De 3ª a dom., das 9h às 16h30. Tel.:
(11) 5073-0811. Que criança não se encanta
com um passeio no zoológico? Com uma área
de 824.529 m2 de Mata Atlântica original, o
local abriga 3.200 animais, entre mamíferos,
aves, répteis, anfíbios e invertebrados. Entre
uma visita e outra, o público pode saborear os
lanches servidos nas três lanchonetes, tomar
sorvete em um dos quiosques ou encontrar
livros de ecologia e educação ambiental na
Zoobooks. O Zoológico possui ainda loja de
fotos, fraldário, loja de suvenires e passeio
de jardineira. R$ 3 para crianças de até 11
anos, R$ 12 para crianças acima de 12 anos e
adultos. Crianças com até 6 anos, portadores
de necessidades especiais e adultos acima
de 60 anos têm entrada gratuita.
* Veja mais dicas de passeios no site
www.vivasaopaulo.com.br
72
PAPELARIAS
Alphaville
Alphapaper Papelaria
Calçada das Margaridas, 190
Tel.: (11) 4193-6751 / 4193-6750
Apel Mache Papelaria
Al. Rio Negro, 1.033, Alphaville Industrial
Tel.: (11) 4195-3516
Carrefour
Av. Piracema, 669, lj. 92,
Shopping Tamboré. Tel.: (11) 4689-3499
Carrefour Bairro Alphaville
Av. Yojiro Takaoka, 3496, Santana
de Parnaíba. Tel.: (11) 4152-0700
Kalunga
Al. Araguaia, 1.693. Tel.: (11) 4208-4228
Lojas Americanas
Av.Piracema, 669, lj. 239,
Shopping Tamboré. Tel.: (11) 4688-1392
Mariepel
Calç. das Orquídeas, 187. Tel.: (11) 4195-3657
/ 4195-3659. Calç. Aldebarã, 44.
Tel.: (11) 4153-1487 / 4153-1491
Mr. Paper
Calç. das Magnólias, 37
Tel.: (11) 4196-2700
Viva São Paulo - Janeiro 2007
Papeletta Papelaria e Livraria
(dentro da Escola Internacional)
Av. Copacabana, 624, Empresarial 18 Forte.
Tel.: (11) 4195-6064
Papier Art
Al. Rio Negro, 1.033,
Shopping Alphaville. Tel.: (11) 4688-2186
Preçolândia
Av. Piracema, 669, lj. E2, Shopping Tamboré
Tel.: (11) 4688-2323
Sam’s Clube
Al. Araguaia, 2751, Tamboré.
Tel.: (11) 2164-6200
Van Gogh Papelaria
Calç. das Margaridas, 78. Tel.: (11) 41915876 / 4191-5961. Al. Araguaia, 762, lj. 49,
Shopping Flamingo. Tel.: (11) 4193-6460
Wall Mart
Al. Araguaia, 2751, Tamboré.
Tel.: (11) 2164-3700
Aldeia da Serra
Big C Store
Av. Mirim, 72
Tel.: (11) 4192-1483
Granja Viana
Nahuel Presentes e Papelaria
R. José Felix de Oliveira, 991, lj. 05
Tel.: (11) 4702-2042
Nobel Granja Viana
R. Marginal Municipal, 23.750
Tel.: (11) 4617-4455
* Preços pesquisados em dezembro de 2006.
Alphaville
UNIFORMES
Objetivo Line
Av. Dr. Yojiro Takaoka, 4384, sl. 18,
Shop. Service. Tel.: (11) 4152-2458
Uniformes Van Gogh
Calçada das Margaridas, 78
Tel.: (11) 4191-5876
73

Documentos relacionados