A LENDA DO WUSHU TERMINADO IIii

Сomentários

Transcrição

A LENDA DO WUSHU TERMINADO IIii
Por
shifu João Cesario
Titulo da obra:A lenda do wushu,filosofia,arte marcial espiritualidade
Autor:João Cesário
N de paginas 43 paginas
Capa:Shifu João Cesário
Impressão
"Eu não te conheço e nem você me conhece, mas posso lhe dizer que tudo o que você
já viu até hoje é uma mera ilusão somente um reflexo do que é a realidade1'
Shifu João Cesario
Wushu Olimpico
“O genio não e aquele que se enconta nos lugares mais movimentados ou em meio a alta
sociedade ou em meio as pessoas que tenham as conversação mais brilhante,mais sim
aquele que teve o poder ,deixando de viver para si mesmo e de tornar sua personalidade
igual a um espelho de tal modo que sua vida ai se reflete,por mais mediocre que seja o
mundo intelectualmente falando o genio consiste no poder refletor e não na qualidade
interseca do espetaculo refletido”
Prust
Sumario













A lenda do wushu
Retrocedendo no tempo
Corpo a mente e a alma do wushu
Um pouco sobre os estilos Shaolin ,wing chun,Jun
fan método(jeet kune do)
O eixo o espaço e o movimento
O ying yang os tijolos do universo
As armas e sua origem
Alquimia interior
Breve historia do tai chi chuan
Falando um pouco mais sobre wushu
O Shifu(mestre)
General Kwan Kung ou Guan Yu
A dança do dragão
A LENDA DO WUSHU
Há uma grande diferença entre esporte de combate e Artes marciais, a primeira delas é
a origem as artes marciais são de origem oriental e o esporte de combate ocidental as
artes marciais nasceram por volta de 5000 A.C. à primeira arte marcial que se tem notícia
se denominava Vajramushtic (punho real ou direito) e foi desenvolvida e praticada pelos
nobres da sociedade hindu. Seu objetivo era espiritual, físico e defeca pessoal.
Vajramushtic foi levado para o templo Shaolim de Rozan (china) por Bodhidharma onde
ele ensinou e refinou a arte marcial.
Uma pergunta que sem dúvida não fazemos a nós somente? Quantos milhões de seus
devotos de hoje em dia não sabem como e quando começaram as artes marciais.
Vemos por exemplo, o termo Kung fu. Muitos crêem que o termo designa pelo punho.E
com tudo não é assim, uma adequada tradução de wushu "Habilidade bem Apreendida".
Por Kung fu Wushu quer dizer "Artes marciais bem experimentadas".
Em consequência, outras perguntas vêm lhe a mente? de onde vêm estas
assombrosas habilidades combatíveis? Por que foram os chineses especialmente os
monges budista mosteiro Shaolim que os levaram a tal grau de perfeição.
RETROCEDENDO O TEMPO
Todas as lendas chinesas falam de homens tranqüilos e contemplativos retirados
do mundo, que viviam afugentados monasteiramente, Esses homens podiam destroçar
uma dúzia de tijolos com um só golpe podiam apanhar uma pluma no ar com os olhos
vendados eram capares de bloquear mão limpa.
Os monges Shaolim podiam resistir graças ao seu domínio da essência do chi,
golpe com uma barra de ferro sobre seus corpos, podiam levantar pesos até 500 kg e
também podiam saltar sobre um pardal em pleno vôo e lhe panhar sem feri-lo. E outra vez
o sinal de interrogação: Como estes modestos sacerdotes chegaram a ser esses atletas
tão notáveis...
Para termos um entendimento melhor em tudo isso temos que retroceder no
tempo até a china antiga e o primeiro a quem vimos é LaoTsé que era um filósofo que
mais tarde se denominava taoista que acreditava que o homem só poderia obter a
verdadeira felicidade e ser realmente livre se for capaz de compreender o Tao e nesse
momento que os primeiros artistas marciais começar a dar um toque de filosofia na arte
marcial ele tinha um método de meditação e controle da mente que também foi o escritor
do Tão Te Ching.O tao pode ser estudados nas escola de cunho taoista por exemplo o tai
chi chuan e um estio de escola taoista.
“As pessoas sempre me perguntam?você e
realmente bom?eu respondo:se disser que
sou bom vão dizer que sou orgulhoso se eu
disser que sou ruim vão saber que estou
mentindo Vou ser sincero com vocês vou
colocar assim:Não tenho medo de nenhum
oponente a minha frente sou auto-suficiente
e eles não me incomodam.E se decidir lutar
e se resolver alguma coisa já estarei
resolvido e é isso então e melhor me matar
antes”
Bruce Lee
CORPO A MENTE E A ALMA DO WUSHU
O CORPO DO WUSHU
Podemos dizer a grosso modo que o corpo do wushu seria o templo pois foi la
onde ele foi desenvolvido pois sabemos que as artes marciais,musica e dança não se da
para saber com precisão onde começou ou quem foi o fundador,sabemos que são coisas
divinas inspirada pelo Criador pois só ele poderia criara algo que vem passando pelos
séculos e séculos e não acaba pelo contrário só vai se desenvolvendo e se adaptando.
Quando a china foi invadida pelos Manchus os oficiais sobreviventes se
esconderam dentro do templo para se proteger,os Manchus tentaram de varias formas
destruir o templo mas suas paredes eram muito fortes.Ouve um traidor de Shaolin
chamado Ma Ning Yee que se aliou ao governo manchu e envenenou a água do templo
no reinado de Yung cheng(1733 d.c).Permitindo a entrada dos soldados manchus e a
destruição do templo mais cinco mestres escaparam após muita luta Pak mey,Cheen
Sin,Mil Hin,Ng Mui e Fung To Tak.e foram esses que perpetuaram o estilo de wushu
alguns dele foram grandes revolucionários que lutaram pelos ideais de liberdade.
Mais isso já e outra historia, Existem vários templo a mais nem todos eles foram ativos
ao mesmo tempo são esses os templos:Hozan,Fukin,Kwangtung,Wutang,Mei shan
Ai estão alguns estilos que eram praticados nos templos
Templo shaolin de Hozan : estilos do dragão, macaco, louva a deus, punhos de
algodão, arpão, bastão de duas seções, três seções, espada gancho do tigre, espada de
fio duplo, adagas duplas facão borboleta simples duplo, chicote de aço. O templo de
Honan foi o templo onde Tamo chego e ali meditou durante 09 anos e refinou a arte
marcial moderna.




TEMPLO SHAOLIN DE FUKIEN- provavelmente construídos na mesma época do
templo de Honan.Fukein serviu como quartel general na época em que o templo de
Honan estava sendo atacado. Os estilos louva a deus do sul,dragão, wing chun
foram desenvolvidos no templo de Fukien.
TEMPLO SHAOLIN DE KWA N TUNG- Escola do sul, ensinou muitos grandes
guerreiros. Templo do estilo da serpente, tigre negro de shanlung e técnicas de
chute da família Tan. Foi construído no fim dos anos de 1709 ,como um templo que
tinha privilégio e visão para o oceano perto de shangai.
TEMPLO SHAOLIN DE WUTANG- templo do estilo do tigre. Perto da cidade de
wutang. Construído numa área politicamente estável do reino ,houveram muitos
monges mercenários, incluindo BOK LEI, HUNG SI, KUAN ,BOK MEI vieram de
wutang.
TEMPLO SHALIN DE MEI SHÃN (GRANDE MONTANHA BRANCA). A Bibliotecas
do templo da MEISHAN e a maior ,o templo e localizado no norte, numa área
inacessível da província SZECHUAN.O templo em si era muito antigo e
provavelmente taoista. Esse é o templo do estilo da garça branca,garra de tigre,
galo dourado, cisne branco.
Os primeiros quatro templos (Honan, Fukien, Kwantung, Wutang) possuíam as
marcas do tigre e do dragão nos antebraços direito e esquerdo dos discipulos do templo.
“...assim como um verdadeiro guerreiro que
prova a vitoria sem beber no cálice da
vaidade,pois sua jornada deve ser leve e
segura assim como a travessia sobre o papel
de arroz,este papel e um teste fragil como as
asas da libelula,imaculado como o casulo do
bicho
da
seda,procurado
não
sera
encontrado,escutado
não
sera
percebido,tocado não sera sentido,pois
ouviras o sino antes dele tocar,sentira o
sopro antes dele chegar,porque veras o
invisivel e escutaras o inaudivel...”
Shifu Ronaldo Meireles
A MENTE DO WUSHU
Li si lung o pequeno grande dragão nasceu no dia 27 de novembro de 1940. no
ano e hora do dragão segundo o calendário chinês que mais tarde tarde conquistaria seu
lugar ao sol ,filho de LEE HOI CHUEN E GRACE LEE teve como primeiro nome LEE JUN
FAN mais tarde Bruce Lee.
Na china era conhecido como Li siu Long ,viveu a maior parte da sua vida em HONG
KONG e começou a brilhar desde cedo. Aos 13 anos ingressou na. escola de Kung Fu do
famoso mestre YIP MAN, cujo estilo era WÍNGCHUN. Mais tarde foi para os Estados
Unidos onde conheceu LINDA EMERY uma de suas discipula e se casou com ela e teve
dois filhos BRANDON E SANNON.
Por intermédio de ED PARKER participou do campeonato de karatê realizado na
Califórnia onde impressionou o público com suas habilidades sempre sustentando na
prática o que sempre dizia 'posso vencer qualquer homem do mundo'.
Bruce Lee adorava dar aulas de Kung fu e defesa pessoal ,ao criar o Jun Fan método
que, seria mais tarde Jeet Kune Do um metodo de insino não uma nova arte marcial
começou a dar aula para famosos como Chuck Norris. Mikr Stnn James Coburn e
outros.
Bruce Lee Sempre dizia: Aquele que pratica artes marciais nunca pode parar se
parar morre.Exatamente como dizia aconteceu, Bruce Lee morreu lutando numa luta
desigual seu adversrio ,a morte chegou na noite de 20 de julho de 1973 em HONG KONG
as 20:30hs ,o lutador e mestre chinês caiu pela primeira e ultima vez.A causa de sua
morte foi edema cerebral agudo a causa foi uma hipersensibilidade ao remédio que Bruce
tomara nessa noite para aliviar uma dor de cabeça..
Bruce Lee foi o homem que colocou a arte marcial chinesa no seu devido lugar aquele
homem que conseguiu transformar as artes marciais numa verdadeira arte acrescentando
golpes coreografias frenéticas e inacreditáveis ,continua vivo na mente de seus
seguidores.Quando Bruce Lee morreu Muhamad ali o maior boxiador de todos os tempos
disse: 'morreu o único homem capaz de me vencer.Bruce lee e considerado como a mente
do wushu por muitos de seus seguidores pois ele conseguiu entender e gravar seu nome
no mundo das artes marciais .
"Nenhum caminho como o caminho
Nenhuma limitação como limitação"
Bruce Lee
A ALMA DO WUSHU
Vestia se grotescamente aparentava cerca de 40 anos, os traços eram rudes,
trazia cabelos hirtos ,olhar profundo e faiscante diziam que era a própria encarnação do
próprio Buda que voltava para dar viva voz de seus ensinamentos.Ao chegar ao templo
shaolin de Hozan, meditou durante 9 anos ao chegar a iluminação escreveu dois sultras
EKI-KINKYO(livro da luz e esclarecimento) e o SENSYU(livro da alma) o segundo sultra
se perdeu com a queima dos templos na epoca da guerra. se baseou no EKI-KINKYO e
nas escritos do médico KADAR para criar a terapida do chicon “terapia sobre a energia”
Todas as terapias alternativas chinesas sofreram influencia dos escritos do livro do Ekikinkyo.
BODHIDHARMA (Tamo) pertenceu à linguagem dos seguidores de Buda e foi o
criador do pensamento CHAN que e conhecido como ZEM no Japão.
Ai estar a genealogia doutrinaria .
1.
2.
3.
4.
5.
6.
7.
8.
9.
10.
11.
12.
13.
14.
SAKYAMVN1 (BUDA)
MAHAKASYADA
ANANDA
SANAVASA
UPAGUPTA
DHIRITAKA
MICCHACA
BUDDHANANDI
BUDHAMITRA
BIKSHU PARSUA
PUNYAYASAS
ASVAGOSHA
BHIKSHU KAPIMALA
NAGARJUNA
15.
16.
17.
18.
19.
20.
21.
22.
23.
24.
25.
26.
27.
28.
KANADENA
ARVA RAHVLATA
SAMGHANADI
SANGHAYASAS
KVMARATA
JAYATA
VASUBAND.DU
MANURA
HAKLENAYASAS
BHIKSHU SIMHA
VASAS. ITA
PUNYAMITRA
PRAJNATARA
BODHIDHARMA
Tamo e o 289patriarca do budaismo. criador do ensinamento 'Chan' conhecido
com' Zen' no Japão ,por volta de 525 d.c passou inserir a arte marcial Bodhidarma foi e
considerado a alma do wushu e o pai da arte marcial moderna, a terapia alternativa
baseda do livro do EKI-KINKYO foi também inserida nas artes marciais por influência do
imperador MING. É interessante notar que BODHIDHARMA é conhecido no Japão pelo
nome de Daruma Taishi.
“O homem nasce gentil e frágil e ao morrer é forte
e duro. As plantas verdes são cheia de seiva, ao
morrer estão muchas e seca. Portanto a dureza e a
inflexibilidade são discípulas da morte. Por isso um
exercito sem flexibilidade jamais vence batalha.
Uma árvore inflexível quebra se facilmente O duro
e o forte cairão O suave e o fraco vencerão”
Lao TSE
UM POUCO SOBRE OS ESTILOS SHAOLIN CHUAN,WING CHUN,JUN FAN
MÉTODO(JEET KUNE DO)
SHAOLIN
Alguns dos estilos ainda mantêm em seus nomes uma referencia no estudo nos
movimentos dos animais movimentos dos animais e foi em shaolin que a maioria deles
foram desenvolvidos.Vamos citar alguns:
TONLONG, o estilos do louva deus,FEY HOK PAYo estilo da garça branca,FU
YANG o estilo do tigre,FAJTZI CHUAN o estilo da águia, LU N o estilo do dragão entre
outros.da para se ver que esses são alguns e muitos outros que existem a maioria deles
usa o nome dos animais.
Hoje no ocidente o estilo mais conhecido graças à influência de filmes chineses é
os cinco punhos invensiveis "CINCO ANIMAIS DE SHAOLIN".O estilo de influência
Budista passaram a ser conhecido como NEICHIA e o estilo de influencia taoista WAI
CHIA.
Os antigos taoistas praticavam a ARTE DA ENERGIA (CHIKUN) que visava o
desenvolvimento de um treinamento de grande poder energético. Essa arte acabou por
ser usada em estilos externos com a finalidade de direcionar a energia para vencer o
adversário. Uma das artes mais conhecidas no ocidente é o TI E AS CHANG conhecida
como palma de ferro.Na arte do kungfu estão presentes 360 estilos, divididos em escolas
internas (flexíveis) e externas(movimentos duros).
O estilo de shaolin é matriz de onde surgiu a grande maioria dos estilos modernos
e era praticado no templo.
WING CHUN (linda primavera)
Este é um dos estilos mais populares da china moderna e é mais praticada
na universidade de Hong Kong. Foi criado por uma mulher chamada YIM WING
CHUN que o adaptou de método de defesa shaolin o qual aprendeu de uma monja
chamada NG MUI. Não podemos como os homens usar a força necessária para a
prática do estilo shaolin tradicional optou pela inteligência formando um estilo mais
racional e econômico. É um estilo muito mais agressivo e eficiente . Ate há poucos
anos era tutelado pelo grande mestre YIPMAN e, com o falecimento dele um
grupo de academias ficou a cargo de seu aluno LEUNG TING que está divulgando
internacionalmente. Hoje já a varias pessoas que são praticante desse estilo tão
famoso e eficiente.
JEETKUNE DO (O caminho da simplicidade)
Jun fan método não um novo estilo e sim defesa pessoal Bruce Lee disse
sobre o sistema jeet kune do ,ao contrário de um artista marcial "clássico" não
existe séries de regras ou classificação de técnica que constituam métodos
distintos de combate JEETKUNE DO (caminho do punho interceptor) e simplificar
para torna-se eficiente.
Um professor nunca é o doador de verdade ele é somente um bote que o
aluno terá de utilizar para atravessar o rio, após a travessia deve descartá-lo, pois
se não se tornará um fardo. O JEETKUNE DO não pode ser explicado somente
experimentando, BRUCE LEE após estudar BOX, SHAOLIN, WING CHUN,
ESGRIMA, GRECO ROMANA, JUDO E OUTRO criou um método de defesa
pessoal .
E se você disser, Estou aqui como ser humano. Como posso me expressar
totalmente? Assim você não criara um estilo o estilo e a cristalização .Como uma
pessoa o que devemos expressar e a auto avaliação e descobrir o nosso eu assim
e um processo que a cada dia se completa ,avaliação e no cotidiano.
“Esvaziem suas mentes fiquem sem formas
como a água: Se puser ela num copo da
se torna o copo, se puser água numa
garrafa ela se torna garrafa, se puser numa
chaleira ela se torna a chaleira. A água
pode fluir ou ela pode quebrar. Então seja
água meu amigo”
Bruce Lee
O EIXO O ESPAÇO E O MOVIMENTO
O EIXO
Imaginemos agora a arquitetura de uma. casa com todo o conjunto de
quartos e salas. Existe sempre uma área principal que se torna o centro da casa
que atrai todas as energias e direciona todas as atividades. Este centro que atrai
todas as energias é o que na linguagem simbólica chamamos de EIXO. Este eixo
existe tanto para a casa mais simples e primitiva quanto para todas as casas.
O taoísmo expressa o CHÜN (centro em chinês) através do TAO que
significa literalmente caminho,mas também caminhada ,ou caminhante aquele que
está caminhando. E então ao mesmo tempo aquele que esta caminhando, o
caminho é o ao mesmo tempo , aquele que esta caminhando ,o caminho e o ato
de caminhar.E também aquele que não esta caminhando ,o que não foi
caminhado e a ausência do caminho,o tao e absoluto.
Analisando o eixo através do espaço vemos que ele é aquele que não está
ao lado direito, nem do está na frente nem atrás. O eixo em termo de estrutura é
aquele que não e leve e também não e pesado.Em termo de consistência não é
aquele que pode ser sentido nem aquele que não pode ser sentido e a nível de
tempo, o EIXO não é do passado nem do futuro e quem disse que estar no
presente acertou e errou ao mesmo tempo. Imaginemos que existe um espaço
determinante e que permite que um pássaro voe, enquanto esse pássaro está
voando existe um espaço, pois do contrario o pássaro não voaria.
O espaço existe antes de o pássaro estar nele e continua existindo
enquanto o pássaro estiver fora dele, pois o espaço é permanente. Na junção do
EIXO não físico encontramos o EIXO do ABSOLUTA. È deste EIXO ABSOLUTA
que estamos tratando. Se ficamos vagando no vazio perdemos o EIXO e se nos
apegarmos às formas também perdemos o EIXO.O estado de pura consciência
não é conceito, nem de determinação ou palavra e a vivência. quando vivido o
EIXO se torna um meio de não manifestar ao mesmo tempo.Então na atuação
deste estado do HOMEM atinge o estado do todo. O EIXO pode ser analisado no
ser humano segundo três níveis: o físico, o psicológico, e o do vazio.
O eixo a nível físico e aquele que atua entre o ombro direito e o esquerdo e
entre a linha de frente e a linha de traz uma primeira análise.e ao mesmo tempo
não e ou seja o eixo fisico e aquele que mantem o corpo em harmonia. A nivel
psicologico e aquele ponto central que permite que a estrutura psicológica exista.
Este EIXO também inclui aquele que mantém algo além do equilíbrio físico. Muitas
vezes uma pessoa está doente muito atingida fisicamente, mas traz consigo uma
grande força de vontade e através desta f orça de vontade consegue viver muito,
mas '.
“O ovo tem pernas e patas e a galinha têm três pernas” a primeiro nível 'o ovo tem
pernas e patas' significa a potencialidade que permite que algo exista 'a galinha
tem três pernas' significa em ponto de apoio no infinito no invisível.
No eixo do vazio emcontramos na filosofia taoista pois é fundamental o
conceito de vazio e ficamos nos perguntando sobre que vazio é esse. Esse vazio
potencial que sempre existiu é o 'vazio Que tem' que chamamos de KUN, e o
equilíbrio da pessoa encontra se justamente na união destes três eixos: o FÍSICO,
o PSICOLÓGICO, e o VAZIO.
No I CHING o simbolismo do homem é vivido e visto pêlos três pontos
Básicos, o céu, o homem, e a terra. Desde a antiguidade o ser humano percebe
que existe algo de certa forma limitando o símbolo terra. O homem percebe
também daqui para o alto ele vai até o infinito vai para algo alem de sua visão.
Entre o Céu e a Terra encontramos o homem. O praticante de wushu tem seus
pés pisando na terra e sua cabeça suportando o céu, nesse momento podemos
encontrar o eixo físico. No eixo não há consciente e subconsciente, não existe
racional e irracional. O eixo é uma estrutura transparente. ,,;
O ESPAÇO
Existe antes durante e depois do movimento, o espaço é fundamental para
estas três estruturas.O corpo precisa do espaço para se movimentar a energia
precisa de espaço para liberar a fluidez e a psique precisa do espaço para obter a
liberdae interior.Apesar das dificuldades em expressa-lo por meio de palavras
podemos dizer que o espaço não é apenas que permite a existencia das
formas,mas tambem um estado de espirito .Quando conseguimos esvaiziar o
corpo e a consciência, permitimos ao espaço existir e nesse momento que a
energia pessoal e a cosmica se tornam uma so fazendo com que cada respirção
pulsação de vida seja a mesma de todo o universo.Nesse momento realiza se a
união do homem com o ceu e a terra.
MOVIMENTO
Imagine agora uma flecha atirada em direção a um alvo. Se o arco é o
impulso original, o interior de uma pessoa então ,o alvo seria o objet o,o exterior
dela.Cada impulso original até sua concretização e como ia trajetória da flecha: ela
é continua e interupta O movimento da flecha ê um só, com relação interior e
exterior de uma pessoa e isso e o movimento.
O l CH1NG mostra fundamentalmente que as transformações vêm sempre
do interior para o exterior. Através dos 12 hexagramas podemos perceber que as
energias têm sua ascensão desde o interior até alcançar a total atividade como
tudo que atinge um auge, e inicia se um aquecimento até se tornar a polaridade
contrária e retornando em seguida ao estado inicial.
No momento em que nosso corpo é dirigido pela pura consciência ,sem
conceito sem julgamento sem intenção nos apenas permitimos ao nosso corpo
movimento ,neste momento nossa energia alterna circula livremente e isso faz
surgir melhor efeito do CHI no corpo.A energia está circulando no interior do corpo
se une de forma automática, a energia que esta fora. Isso e como se fosse um
copo dentro de um balde de água a água que se encontra dentro do copo é a
mesma do balde interno.
"Conhecer o não conhecimento e o bem
supremo .Não conhecer o que é conhecimento
é um tipo de sofrimento ,só quando se sofre
desse mal, fica se livre dele ,se o sábio não
sofre, porque ele sofre desse mal,por isso ele
não sofre"
TAO TE KING (capitulo 71)
O YIN E YANG OS TIJOLOS DO UNIVERSO
O Tao seria a força universal que nos mantém em harmonia. Dele surgiram
dois Yin e Yang e deles três que por sua vez originou todas as coisas. Portanto na
ordem de importância essas forças' estão logo abaixo do Tao e são alicerce sobre
o qual esse universo esta assentado. Para compreendermos o yang o yang
devemos fazer uma pequena experiência.
Pegue uma folha de papel em branco, um lápis e uma borracha. Agora
examine a folha, não é nada de especial, não mesmo? É apenas papel, agora
trace uma linha vertical bem no meio dessa folha, de ponta a ponta. Pronto você
transformou uma superfície homogénea em duas metades: à direita e a esquerda.
Mais continua sendo uma folha de papel ,logo essa divisão é inteiramente artificial.
Como você chamaria essas duas metades?
Consegue imaginar essa folha completa sem uma das metades?
Experimente girar a folha em todas as direções, faz diferença ou continua uma f
olha de papel com um traço .Agora apague esse traço, você eliminou a divisão e
restaurou a unidade do papel, você rompeu um limite que você mesmo impôs e
não mais existem diferenciações,
Tais coisas se dão como YIN e YANG ,são rótulos que o homem deu a
uma divisão que na verdade não existe . E vivemos com esse limite como quando
você traçou aquela linha: você dividiu o papel, mas ele não alterou sua
qualidade.Dizem que são opostos e dão dezenas de listas, tipo dia e noite, alegre
e triste, amor e ódio, bem e mal, etc. Mas essas listas apenas criam diferenças
onde não existem. Pode uma moeda ter só uma face? Imagine se com uma mão
que só tenha a palma e não as costas.
Comecemos pelo inicio o YANG é expansivo, tende se a se alastrar. Uma
pessoa expande até o universo.Uma pessoa que goste de quietude, não seja
chegada à festa nem a musicas barulhentas e seja calam e pacata, é YIN.
A Terra é YIN, pois ela é uma massa de minerais compacta . Esse é o inicio
de tudo: a energia YANG do Céu desce numa espiral centrífuga (expansiva) para
a Terra e a energia YIN da Terra sobre uma espiral centrípeta para o Céu.É dessa
troca que resultam todas as formas de vida do nosso planeta. O Homem, por
exemplo, recebe a energia do Céu e a Mulher da Terra.
”Quem conhece a propria utilidade e
preserva a propria fidelidade esse e o
abismo do mundo,sendo o abismo do
mundo ,a vida eterna não o abandona ,e ele
volta a ser como uma criança”
TAO TEKING (Capitulo 28)
AS ARMAS E SUA ORIGEM
 Quando as mãos não dão conta de um combate ,as armas fazem a diferença
nessa parte do livro iremos falar um pouco de alguns tipos de armas e dizer suas
origens.
 Bo-Bastão longo talvez a mais antiga arma marcial do mundo, sua origem vem
dos antigos monges do templo shaolim, que utilizavam o bastão em suas longas
caminhadas.
 Nunchako- Ferramenta que se utiliza para pesar o arroz que posteriormente se
tornou uma arma formada por duas seções de madeira unidas por corda ou
corrente.
 Santikuan (Barra tripla) -trata se de um nunchaku de três segmentos de madeira
ou metal criado pêlos chineses com o mesmo objetivo do nunchaku.
 Say-Arma metálica em forma de tridente de uso versátil, se usa em pares. Permite
receber ataques de espadas e contra atacar podendo ser lançado.
 Tonfa-Arma de madeira composta de duas partes formando um ângulo de90°. A
Tonfa nasceu empregada para fazer girar uma pedra de moinho e descascar
arroz,e depois começou a ser usada no templo de Shaolin como arma de defesa e
ataque,e bem usada hoje na policia por ser uma arama de defesa.
 Kama-Originaria de OKINAWA trata se de foices usadas na epoca como
ferramenta agrícola ,e depois foi sendo usada como arma marcial e cubo de
madeira e uma folha de aço que apresenta ponta.
 Kalir filipinas - consiste em dois bastões pequenos de 80cm,que tem a origem nas
ilhas filipinas.Foi Bruce Lee que apresentou essa arama ao mundo pela primeira
vez.Ele aprendeu esta arte com seu amigo e depois alunos dedicado Dan inosanto
 Chien-Espada chInesa com lamina reta que e usada tanto para o tai chi chuan
quanto para o wushu.
 Katana-Espaa de aço forjada no japão na epoca dos samurais
 Koto-espada pequena dos samurais
 Shinai- Espada de bambu fabricada para a luta de Kendo.
ALQUIMIA INTERIOR
"A suprema matéria prima tem três
categorias .Chen ,Chi ,Chin o entorpecido,
silencioso e invisível.
Resguardar o não ser é permanecer no
ser Assim um quarto de hora estaria a
obra concluída"
Lao tse
A alquimia interior ou alquimia espiritual é um caminho de reintegração, ou
seja,restauração da integridade do ser. A alquimia busca a união da vida finita
com a consciência infinita ,sendo por isso tambem chamada de caminho dos
imortais restornodo o homem atraves da alquimia interior a origem do ser.
Os alquimistas juntamente por terem uma visão de união os opostos jamais
levariam sua vida a um extremo tornando se, por exemplo, pessoas puramente
intelectuais ignorando a parte física ou o inverso. Segundo a alquimia interior
taoista o fenómeno da vida humana é dividida em três elementos:
1- CHIN: São manifestações celulares, as harmonias e qualquer atividade
orgânica para a renovação e conservação do corpo físico.
2- CHI: E a energia que anima as nossas células e o nosso corpo físico. E
responsável pela, vitalidade do corpo físico e pela capacidade de expressão
emocional e mental.
3- SHEN: E a consciência ou espírito, o responsável pela condensação do chi e
pela formação do corpo. Estes três elementos necessitam um dos outros para os
alquimistas a doença e desequilíbrio do homem se deve justamente a
desintegração e a queda de qualidade do mesmo. A obra da alquimia na sua
primeira etapa será exatamente a fusão e harmonia dos três.
"A suprema matéria prima tem três categorias
São shen chi chin entorpecido silencioso invisível
Resguardar o não ser e permanecer no ser
Assim em um quarto de hora estará a obra
Concluída"
A suprema materia prima refere se a matéria ainda a ser condensada e
transmutada que é constituída pelo nosso SHEN (consciência) pelo nosso CHI
(energia) e pelo nosso CHIN (organismo).
Na prática da alquimia dentre os TRÊS ELEMENTOS haveria sempre um
deles como regente dos outros.
 -.A obra que utiliza CHIN para receber CHI e SHEN é chamada de alquimia
interior. Seus efeitos iniciam se no corpo e concluem se na consciência.
 -A obra que esta fundamentada na concentração e subtilização do CHI provoca
em consequência a abertura da consciência e a transformação do corpo tendo o
CHI como centralizador, do CHI e do SHE\. Isto é considerada alquimia
intermediária.
 -A obra que é rígida com a concentração e o esvaziamento da mente que permite
a consciência penetrar mo fenómeno energético e físico e conduzir as formas
físicas e a fluidez energéticas a um rúvei metafísico, é chamada de alquimia
superior.
Entorpecido silencioso e invisivel
Refere se ao estado que devemos alcançar e no qual deveríamos atuar.
Na concepção taoista não existe distinção entre estarmos acordados e estarmos
sonhando ambos não passa de ilusão.Estarmos sonhando ou acordados são duas
faces da mesma coisa. O sonhador é a ilusão do acordado e o acordado é a ilusão
do sonhar.
Entorpecido refere-se ao estado de lucidez (o sonho de cá) e antes do
sonho (a lucidez de La). É justamente teremos a possibilidade de atribuirmos o
portal da libertação para o universo real,. Na alquimia talista essa oportunidade é
chamada de SHUENKUAN (o portal ).
Na pratica do wushu deveríamos tentar trazer a atuação para o estado de
entorpecido para podermos penetrar no universo do silêncio sem dialogo
interiores nem exteriores. Quando conseguimos alcançar o silêncio as vibrações
se tornam impossíveis de serem captadas, então isso seria o estado de
invisível , estar presentes fisicamente no mundo, mas incapazes de sermos
distinguidos pelos outros. Isto é a transparência do ser.
Resguardar o não ser e permanecer no ser...
Refere se ao conceito de ser ,e atuarmos nas coisas mas de forma desapegada.
Vivemos e usufruirmos dos movimentos da vida sem sermos escravos dela. No
wushu seria a ação sem agressão, concentração sem obsessão, relaxamento
sem amolecimento.
Para que possamos então ter uma compreensão ainda mais precisa a
cerca de estrutura do sistema energético devemos mais uma vez acompanhar o
texto da alquimia 'tratado do mistério da compreensão interior' que diz em outras
passagem:
"Nas três categorias há uma razão ,Incrível e
inexplicável Ao concentrar, torna se o ser,Ao
diluir torna se o zero,Há sete orifícios
interligados.E todos são luminosos."
Lao tsu
Os sistema energeticos do corpo humano são
l - Centro energéticos
2-Vasos energéticos
3-Meridianos
4-Sub meridianos
5 Meridianos flutuantes
1-Centros energéticos
A nível físico acha se situados no interior do corpo no EIXO. São lagos de
energia. São sete centros alinhados e interligados e as energias concentradas e
conceituadas são andróginas. Esses locais são utilizados pelos alquimistas como
caldeirões para obras.
.
No textos de alquimia são denominados de Chiao (orifícios), pois são
como portais que permitem a passagem das energias. Para muitos mestres Chiao
é considerado como o ponto de luz e todos são luminosos.
2 - Vasos energéticos
São canais de energia em maior escala situando se no interior do tronco e
dos membros,no corpo humano vasos acham se direitamente ligados aos centros
energéticos.
Chun significa ' libertação ou despertar' e a energia original onde nasce a
energia YIN em YANG.O vasos são em números de oito com dois se estendendo
através dos braços e outros dois se estendendo se através das pernas os outros
quatro estendem se pelo tronco e dentre todos são os importantes para os
praticantes marciais.
Os quatro vasos do tronco são:
1 - Vaso do Despertar (CHUN MAI), no EIXO
2 - Vaso Governador (TU MAL) na coluna vertebral
3 - Vaso da concepção (EM MAI) na linha media anterior do corpo
4 - Vasos da Cintura (DAI MAI) na cintura
3 - Meridianos (Chien)
Situam se entre os músculos e o tecido da pele. São em número de 12 e a
cada duas horas do dia um deles se encontra em maior atividade refazendo assim
um ciclo de energia diária. Os doze meridianos são utilizados na prática de
acumpultura e massagem para o tratamento de doenças, pois estes fazem a
ligação com órgãos internos do homem.
4 - Sub meridianos (Luo)
São pequenos canais interligados dos meridianos.
5 - Meridianos Flutuantes (Fu luo )
Os trabalhos energéticos podem atuar em níveis diferentes. Quanto mais
elevado o grau de consciência no trabalho das práticas de transmutação mais
sutis e luminosos serão as manifestações energéticas. Com os centros
estimulados os praticantes terão automaticamente alargado os vasos os
meridianos e sub meridianos e meridianos flutuantes. Aumentam assim a energia
interior e ampliam o contato no nível de CHI, além de criarem uma maior
capacidade imunológica. Por essa razão em suma à união da mente ,da
respiração e do movimento e a chave para abrir o portal do desenvolvimento
das artes marciais.
" Forte é o homem que vence sem
lutar.Mesmo possuindo
vencer lutando"
o
poder
de
Mestre Sergio
Tao o caminho
Os adeptos das artes marciais oriental sem duvida conhecem o significado
da palavra Tao. Ela esta profundamente arraigada na história como ser
supremo ,o eterno ,sem nome a virtude ou a alma do mundo que alimenta e
vivifica toda a criação a que impregna de cor. A mãe do universo.
O Tao é algo que o próprio autor do livro do TAO TE KING (o livro do
caminho perfeito) LAO ZÈ não conseguiu definir Tao seria a força universal que
nos mantém em harmonia. Deles surgiram dois: YIN e YANG e deles três que por
sua vez originou todas as coisas. Fundindo se este fluxo regular as manifestações
por meio das cinco transformações da natureza: madeira, fogo, terra, metal e
água.
O Tao é um caminho a seguir para lugar nenhum ele é o caminho, mas
também caminhada ou caminhantes aquele que esta caminhando. E então ao
mesmo tempo aquele que não está caminhando o que não foi caminhado e a
ausência do caminhar. Seguindo toda a essência do Chi que está dentro do corpo
dando consistência e forma tangível a matéria que originalmente era vácuo
indiferenciado,os europeus os conhece como turbilham de eter ou energia
cosmica os cristãos como logos e os chineses de tao não importando o rotulo que
tenha ele sempre será ser vacuo e indiferenciavel .
Algo parecido com a regra de ouro redundou em ser quase universal.A
lealdade religiosa, a qualquer preço pra o individuo,foi da mesma forma
exasperadamente solicitada(para os nossos espíritos por igual intrigantemente
expresso)na
Bhagavadgita
como
na
Revelação
de
São
João.Confúcio
evidentemente teria estado bem a vontade sentado na companhia dos sábios que
copilaram o livro dos Provérbios,Laotze poderia ter dito a respeito do Logos do
quarto evangelho”isto e exatamente
o que eu queria dizer como Tao”.Alguns
houve que deprecarem esta semelhança como coincidência.Para outros era prova
nova a encorajadora de que Deus não se deixou ficar sem testemunhos entre
todos os povos que os valores e aspiração humanas são iguais na essência onde
quer que os homens pensem intencionalmente e vivam com seriedade,e na arte
marcial e isso que buscamos a seriedade de tratar bem a pratica da alquimia
interior
“T o d a a ç ã o
tem sua reação todo
caminho tem seu caminhante toda
causa
tem
seu
efeito
nada
é
completamente
único.
Tudo
está
contido dentro do YIN e do YANG
ambos estão contidos
todos os seres.”
e
contém
Bruce lee
As artes marciais orientais estão baseadas na teoria do YIN YANG a
alternância e o equilíbrio entre os opostos. A compreensão desta lei da harmonia
é indispensável para se progredir no caminho das artes marciais. O Tao está
ligado também ao 'chi espírito cósmico ser vácuo puro e indiferença do que
penetra todos ,e cada um dos objetivos, uma energia espiritual necessária para se
poder levar o cabo o cultivo da alquimia interior.
Chi kun (exercícios respiratórios)
O CHI KUN é derivado da alquimia taoista e foi introduzida em diversas
artes marciais e na medicina oriental como prática preventiva e curativa.A palavra
chi pode ser traduzida de três maneiras: sopro, ar e energia. O termo sopro tem
em si os sentidos de sopro de ar e sopro vital. A palavra KUN significa exercícios
treinamento. Pela união dessas duas palavras podemos concluir que CHI KUN
pode ser traduzido por exercícios respiratórios e energéticos, ou seja, um
exercício respiratório que estimula a estrutura energética.
Tipos e objetivos.
Existem três tipos de chi kun com diferentes finalidades:
 1 - CHI KUN para arte marcial.
 2 - CHI KUN terapêutico.
 3 - CHI KUN para arte marcial com finalidade terapêuticas
CHI KUN para arte marcial
Baseia se no fato de que o corpo físico tem limites enquanto que o corpo
energético não. O desenvolvimento físico atingiu um ponto máximo,mas o
desenvolvimento energético pode por toda parte não havendo diferença entre as
energias das diversas coisas pessoa exceto quanto a nível de dinamização.
Na arte marcial um golpe lançado com força,física e força energética
integrada ,atuaria tanto no nível físico quanto no energético do adversário. Um
bom domínio psicológico dando lhe a vantagem de poder desestruturar, a
proteção psicológica do adversário antes mesmo de atingi-lo fisicamente.
Por isso durante o aprendizado do guerreiro é introduzida uma série de
treinamento de concentração, respiração e de projeção mental. A nível técnico um
mestre pode aplicar o CHI no adversário: Agredindo (expansão e lançamento do
CHI) ou absorvendo recolhimento e extração do CHI. As técnicas de CHI KUN
para a arte marcial são consideradas segredo. Não são reveladas pelos
mestres ,se não peles iniciados. Envolvendo, portanto manipulação e liberação de
energia vital que pode colocar em risco a integridade fisica e psíquica do indivíduo
que e atacado.
CHI KUN terapêutico
Todo CHI KUN com fins terapêuticos tem a função de equilibrar corpo
mente e emoção.Qualquer desequilíbrio físico pressão emocional ou mental causa
a formação de congestionamento energético que trazem mal, com o chi kun
podemos aliviara e tratar esse mal.Normalmente o CHIKUN terapêutico é mais
suave e as técnicas são mais sutis em relação ao CHI KUN das artes marciais. As
respirações são mais profundas e mais leves e a concentra cão não é demasiado
tensa. Os movimentos são mais lentos e relaxados e algumas vezes são aplicadas
em conjunto com a fisioterapia chinesa para casos de treinamento.
CHI KUN para arte marcial com finalidade terapêutica.
Trata-se dos CHI KUN utilizados nas artes marciais que apresentam efeitos
terapêuticos, nesse caso, jamais ultrapassam o conceito de equilíbrio. São
utilizados para harmonizar e atenuar o sentimento de brutalidade na arte marcial,
fazendo também com que a arte marcial não seja mais um setor isolado da vida
cotidiana e também da terapia de manutenção do corpo humano. Trata-se de uma
visão mais integral, holística.
.O BUSHIDO (O CAMINHO DE UM GUERREIRO)
O Bushido ê um sistema de vida que procura a perfeição através de um
treinamento físico que abrange desde as atitudes até a perfeição diante de uma
derrota ou uma vitória num duelo singular. Esta arte de guerra "Budo " não se
adquire apenas pelo treinamento sistemático e muito menos pelo treino
conhecimento de uma luta, mas a meta que se tem em seu interior que é
confirmada pelo treino físico, fazendo com que se tenha confiança em si mesmo,
sendo em qualquer situação mesmo que seja impossível sua vitória. No caso da
derrota encarar o caso o ato como uma falha técnica do seu conhecimento nunca
como uma derrota interna do ideal.
A vida de um Bushi não é comum, pois não esta baseada naquilo que todos
procuram como posição social, mérito sou qualquer outra coisa que o homem
comum passa a vida procurando.Não que o Bushi não queira ou procure o que a
vida tem de bom e o que o mundo oferece. A diferença é que em primeiro lugar
vem a sua perfeição interna, sendo algo muito forte que a simples força física.
Aquele que alcança o seu interior possui a verdadeira chama da vida, por
isso não teme a morte. E vê em cada obstáculo, uma busca, uma forma de
perfeição ainda mais, procurando ver na luta os seus próprios defeitos.Algumas
vezes a força que pensamos possuir é uma ilusão, pois não se baseia na
realidade. Estando sustentada na imaginação. A vontade real é confirmada
através da paciência e perseverança que o homem comum pensa possuir.
No Japão feudal os samurais consideravam suas espadas como sua alma e
desde muito cedo o samurai aprendia a arte do kendo. Inicialmente começava
com uma espada de madeira (Boken) que mais tarde era substituída pela espada
de aço (Katana) Entrando então nos mistérios da profissão militar trazendo
sempre na sua cintura à espada que é considerada sua alma a alquimia interior
para eles era algo que fazia a diferença em seu cotidiano.A espada simboliza a
manifestação atual da natureza. durante o dia, era guardada em lugares visíveis
da casa e a noite velava o descanso de seu amo, junto uma almofada e ao
alcance das mãos.A bainha representa o corpo físico que serve como templo
protetor.A lamina representa a alma que ao ser retirada da bainha não poderá ser
guardada sem honra.O código de ética do bushido era duramente respeitado pela
aquela sociedade feudal.
Uma lenda muito antiga dizia:Não me desnude sem motivo não me guarde
sem honra,eles acreditavam no ideal de um guerreiro servir é dever ,dever é
samurai Samurai é imortalidade,não tinham medo da morte como já foi dito no
texto acima o seu ideal era maior e se ecoava na eternidade.
BREVE HISTORIA DO TAI CHI CHUAN
Com a destruição do templo Shaolin, no século 6, a história documentada
se perdeu. A difusão dos ensinamentos antigos passou a depender da
transmissão oral, o que dificultava distinguir o que era mito do que era verdade.
Sabe-se que desde esse período o domínio da filosofia e da prática das artes
marciais criou uma classe com forte influência social e política, territórios livres,
inclusive, do jugo dos imperadores. Assim, desde o início desse sincretismo entre
o taoísmo chinês e o budismo hindu e tibetano, muitas histórias lendárias e outras
tantas oficiais envolveram o desenvolvimento das artes marciais chinesas que se
derivaram em uma miríade de estilos: os chamados internos, mais voltados às
bases tradicionais taoístas, como o tai chi chuan, e os ditos externos, mais
inclinados às influências budistas, como o kung fu de Shaolin.
Conta-se, lendariamente, que no século 13 um monge taoísta de nome
Chang San Feng, versado em diversas artes marciais, pretendeu reunificar os
princípios filosóficos e físicos que estavam se perdendo em virtude de constantes
guerras no império. Decidido a fazer essa "enciclopédia' associou-se aos templos
da Montaria Wodang, onde, observando a luta entre um gron e uma serpente,
teria idealizado os movimentos do tai chi chuan. Um outra versão estar
documentada , descreve sua origem no seio da família Chen, com o mestre Chen
Wanting, no século 17. Nos séculos seguintes, mais quatro estilos reconhecidos
como tradicionais derivaram-se dele: o yang, o wu/hao, o wu e o sun.
O século 20, no entanto, foi definitivo para o atual estágio das artes
marciais chinesas, hoje padronizadas em um sistema nacional que se presta a
exibições e competições. A modalidade olímpica do tai chi chuan (wushu)
proposta pelo Comitê Nacional de Esportes da China funde elementos de todos os
estilos. Essa sistematização, combatida pêlos mestres dos cinco estilos por trazer
uma simplificação da arte, é resultado de um processo histórico desencadeado na
Guerra dos Boxers (1899 a 1901), passando depois por duas guerras mundiais,
pela divisão do território chinês em três regiões - uma dominada pêlos comunistas,
outra pêlos nacionalistas e outra pêlos japoneses - e, finalmente, pela Revolução
Cultural de Mão Tsé-tung, que, a partir de 1966, baniu as artes marciais e as
considerou comportamentos "burgueses" e "reacionários".mas mesmo assim o tai
chi chuam manteve vivo suas tradições.
O boxe das sombras
A resistência a sistemas opressores está, aliás, na origem do próprio estilo
Yang. Na virada do século 18 para o 19, o mestre Yang Lu-chang, ex-discípulo da
família Chen, foi chamado a trabalhar no Serviço Real pêlos "bárbaros e
invasores" manchurianos. "Não querendo ensinar a arte para os manchus, o
mestre Yang modificou as formas de meditação, ignorando a filosofia interna e a
disciplina mental que são a chave do tai chi", conta Waysun Lião, autor do livro Os
Clássicos do Tai Chi. A forma ensinada por Yang Lu-chang tornou-se o tai chi
chuan e disseminou-se por toda a China, onde hoje é praticada publicamente, e
fora dela. "É a dança tai chi, também chamada de bale chinês por alguns
ocidentais".
“...Assim como um verdadeiro guerreiro que
prova a vitoria sem beber no cálice da
vaidade, pois sua jornada deve ser leve e
segura assim como a travessia sobre o papel
de arroz, este papel é um teste frágil como as
asas da libélula, imaculado como o casulo do
bicho da seda, procurado não será
encontrado, escutado não será percebido,
tocado não será sentido, pois ouvirás o sino
entes dele tocar, sentirás o sopro entes dele
chegar, porque verás o invisível e escutarás o
inaudível, como o enigma da espada sagrada
que pergunta a madeira o que a sustenta, e
ela lhe responderá é a terra... A filosofia
marcial será sempre divina, sublime, inefável
a quintessência dos verdadeiros mestres do
wushu. Porque com ela você estará galgando
os caminhos da evolução, estarás passando
pelas árvores da sabedoria, e elas estão
ficando incrustadas em sua alma; e sem que
você perceba o aprendizado estará se
fazendo, e quando você se der conta saberás
aquilo que jamais pensou em aprender,
embora agora por ser tenro, você insista no
aprendizado marcial. Na pressa de aprender
não passe pelo por que do aprender, pois um
mestre quando ataca pode ser mortal, mas
certamente seu bote será fatal, ele deve ser
suave como o vento, para acompanhar os
movimentos do universo, rápido como um
relâmpago que rasga o céu e toca a terra, seja
flexível como os bambuzais que curvam-se
ao vento, pois um bom mestre não deixa que
o pequeno derrube o grande, pois o pequeno
por ser pequeno não sabe o que diz e o
grande por ser grande não diz.”
Ronaldo Meireles
FALANDO UM POUCO MAIS SOBRE WUSHU
O termo "wushu" é aplicado às artes marciais Chinesas ha séculos e
significa "trabalho duro". Essa descrição se encaixa nos rigores envolvidos no
aprendizado e prática das Artes Marciais chinesas. De um estudante de wushu se
espera a prática diligente. Esta deve envolver fé, resistência, e muitas cansativas,
e às vezes dolorosas horas de treinamento. Combinando isso a altos padrões de
moral, caráter e disciplina mental, dão ao mesmo estudante um caminho muito
árduo a seguir. Existem outros termos nas artes marciais chinesas: "ch'uan shu"
(primeira arte), "wu shu" (arte marcial), e "kuo shu" (arte nacional). Porém, nenhum
desses termos conseguiu ser tão popularizado e conhecido como o "wushu.".
O wushu não é simplesmente conhecido como uma forma saudável de
exercícios físicos e sistema de defesa pessoal altamente eficientes mas também
mostra ser um benefício mental e espiritual ao praticante. O corpo de um indivíduo
não pode agir sem a interferência da mente, e a mente deve ser orientada a
acalmar o espírito. A prática do verdadeiro wushu exige que os ensinamentos
influenciem no dia-a-dia (modo de vida integral), em cada aspecto da vida do
praticante. O wushu une mente, espírito e corpo. Habilita ações harmoniosas entre
os elementos da vida de um ser humano.
A filosofia reside na importância entre a harmonia e a ordem natural das
coisas. A filosofia talvez seja melhor simbolizada pelo antigo símbolo taoísta 'yin e
yang'. Nenhum lado do símbolo é maior em tamanho e muito menos em
importância do que o outro. Os dois lados devem estar em perfeito equilíbrio ou o
todo é afetado. Isto se reflete também no praticante de wushu . Deve-se somente
atingir o grau de 'mestre' no wushu , quando todos os elementos da vida de uma
pessoa estiverem em equilíbrio.
A identidade do Kung Fu é complexa. Sua origem data de
aproximadamente 3500 anos, porém, alguns estudiosos afirmam que o Kung Fu
data do séc. VI. Acima de 1000 Estilos são conhecidos e reconhecidos de onde
mais de 350 são catalogados. Apartir do do Kung Fu, surgiu o Karatê, Tae Kwon
Do, Esgrima, Aikidô e muitas outras. Estas novas formas de luta foram criadas a
partir de uma vertente do wushu ou de um determinado estilo ou técnica, de onde,
buscou-se trabalhar, conservar e até mesmo adaptar características de um
determinado conjunto de movimentos, estilos, ou até mesmo todo um conjunto de
técnicas, formas de defesa ou ataque, dando origem a uma nova arte. O Jiu-Jitsu,
por exemplo, se originou da técnica Shaolin C'hin Na. O Karatê, teve origem com
mais ênfase, no estilo do Tigre.
Esta arte requer de seu adepto um esforço extremo de disciplina no que se
refere a comportamento físico e mental. Isto é apenas um item genérico de muitos
outros em que se pode dissertar a respeito do wushu que é muito mais do que
uma luta. Para se tornar adepto, é importante que se entenda Tao, "o caminho", e
o Budismo, a essência da filosofia e a vida dos que deram origem a estas artes.
O poder do adepto do wushu repousa na habilidade de se defender em
situações ímpares e impossíveis. Após anos de prática dirigida , esses monges se
tornaram mais do que simplesmente adeptos das formas de sobrevivência, porém,
a aceitação e a escolha para se tornar um membro, era difícil.Como jovens
meninos, a aplicação para se tornar um membro do selecionado grupo de alunos,
era composta de tarefas fáceis e difíceis do trabalho relacionado a manutenção do
Templos. Sua sinceridade e habilidade em manter os segredos da ordem Shaolin
eram severamente testadas por anos a fio antes de se divulgar os mais
importantes e preciosos segredos. Uma vez aceitos pela ordem superior do
Templo, sua entrada no wushu era considerada como uma porta de entrada para
um novo mundo. Ele trabalharia por longas horas treinando o corpo e a mente
para trabalhos em equipe e em esforços coordenados.
Ele aprenderia os princípios do combate, o Caminho de Tao e juntos, iriam
assegurar seu caminho a Paz.Seriam ensinadas inicialmente as primeiras técnicas
básicas utilizando os punhos (socos), formas pré-definidas que simulavam
múltiplos ataques. Estas formas se tornavam mais complexas de acordo com o
avanço do aprendiz, que em paralelo, estudava Taoismo sendo o templo taista.
Completado o estágio de estudante, ele se tornava um discípulo. Iria então,
estudar os segredos mais profundos das artes e filosofia. Armas de todos os tipos
iriam se tornar familiares a ele, assim como armas de ataque e defesa. Ele iria
aprimorar seus movimentos para harmonizar com sua respiração. Sua mente iria
esvaziar nas profundezas da meditação e iria melhorar sua energia Ch'i (conceito
de magnitude, plenitude mental. Em resumo, Ch'i é o poder governando o poder
universal, assim como a palavra). Somente canalizando essa energia, pode uma
pessoa de pequeno porte físico, aprender a quebrar tijolos com suas mãos nuas,
ou aprender a sentir os movimentos de seu inimigo no meio da escuridão.
O wushu, é suave, flui nos movimentos, permitindo vários movimentos em
um único que segue uma sequência lógica e harmoniosa. Em suma o Ch'i
corretamente coordenada permite fluidez. Considere uma simples gota d'água.
Sozinha, ela é inofensiva, gentil e sem força, porém, o que no mundo pode conter
a força de um tsunami. O conceito de Chi é o mesmo. Tocando as energias
universais, um aumenta a origem das habilidades de outro. Como pode alguém
ferir um adepto de wushu, quando este é incapaz de atingir um corpo formado de
água? Após examinar rapidamente a estrutura do wushu, pode surgir uma dúvida
de que seu conceito principal é verdadeiramente um conceito de uma arte
refinada. Os antigos Shaolin eram desenvolvidos nos seguintes tópicos, entre
outros: Medicina, música, artes, fabricação de armas, religiões, criação de
animais, cartografia, línguas, história, e é claro, wushu.
O adepto deveria ser mais do que uma simples máquina de lutar, mas, ele
deveria saber como, onde e porque entrar numa luta e, até mesmo, de maior
importância, a como evitar o conflito. Somente com uma habilidade imbatível de
um monge ele estava seguro o suficiente para não sentir necessário a luta.Havia
um sistema de graduação utilizado: iniciante, discípulo e mestre. O iniciante
(novato ou nível de estudante), era o servente. Somente ensinamentos básicos e
rudimentares do wushu chegavam ao seu conhecimento. Discípulos, no entanto,
eram considerados seminaristas (monges iniciantes), tendo no entanto que
progredir ainda a condição de mestres. A graduação de Mestre somente era
atingida por muito poucos. Realmente, se atingia gradualmente, com o avanço da
idade.
O primeiro obstáculo de um discípulo iniciante e passar para ser aceito na
comunidade era o dos testes de graduação, uma série de testes orais e exames
práticos, que culminavam no teste do túnel. O candidato era conduzido a um
corredor que possuía comunicação com o exterior. Neste corredor, existiam
armadilhas, todas letais e imprevisíveis. O Discípulo deveria vencer todos os
obstáculos de onde não havia como retroceder, não havia saída, a não ser o
sucesso. Muitos nunca começaram a esta viagem; poucos a terminaram. O adepto
que obtivesse o sucesso através das armadilhas mortais, se depararia com um
último dos obstáculos; uma grande urna de metal em forma de jarro, repleta de
partículas de ferro incandescente, pesando muitos quilos. Em cada lado do grande
jarro, havia um emblema, diferentes para cada templo, normalmente um dragão ou
um Tigre. O Jarro deveria ser movido de um pilar baixo, de um lado para outro,
usando-se os antebraços nus, desbloqueando assim a saída. Isto tendo sido feito,
o discípulo, estava então marcado para sempre com os emblemas do Sacerdote
Sil Lum. (Shaolin)
Muitos discípulos deixariam os templos onde seriam encaminhados através
do país, como médicos, oradores nas leis e religiosidade e guardiões do pobres.
Alguns retornariam aos templos tendo a incumbência de preparar a próxima
geração de discípulos. O ingresso acontecia em torno dos cinco e sete anos de
idade. A graduação acontecia ao se atingir a idade de pelo menos 22 anos e cada
passo fazia parte de uma vida longa e dura. A variação de estilos nas artes
marciais Chinesas existem graças a vários fatores. Em primeiro lugar, alguns
monges, não eram satisfeitos com uma "única" verdade, e criaram melhorias ou
variações nos antigos padrões. Algumas artes tiveram origem em exercícios
provenientes da Índia, enquanto outras, foram influenciadas por alguns aspectos
da luta livre Grega, portanto, deixando a desejar.
Alguns, a pós deixarem o templos, ensinaram a arte a pessoas comuns
mixando novos movimentos criados a partir de sua própria iniciativa ou até mesmo
melhorias em algum estilo de sua preferência.Em terceiro lugar, pessoas comuns,
ensinadas pelos monges, adaptariam esses ensinamentos à sua vida diária. Hoje,
existem poucos mestres ou gerações de mestres que tiveram a rara honra e
oportunidade única de aprender com um Sacerdote Shaolin ou seus discípulos
diretos.
A saber:
Wu Shu - (Wu = Guerra e Shu= Arte)
Kuo Shu - (Kuo = Nacional e Shu = Arte)
O termo Wu Shu possui uma conotação superior àquela que é atribuída a
Kuo Shu.As palavras Wu Shu servem para designar todas as artes guerreiras,
militares ou marciais.Em 1928, o governo chinês adotou universalmente a
expressão Kuo Shu para as artes marciais de origem chinesa, dessa forma
distinguido-as de suas sucedâneas coreanas e japonesas.
Enquanto a expressão Wu Shu é usada genericamente, englobando todas
as artes marciais conhecidas, a expressão Kuo Shu é usada para designar
apenas as artes marciais de origem comprovadamente chinesas.Devido à imensa
riqueza do idioma chinês é possível o uso de outros termos para se expressar a
arte marcial.É muito comum a designação "Ch'Uan Shu" para significar um
determinado conhecimento marcial ou mesmo um estilo.O termo Ch'Uan designa
a arte do uso dos punhos ou mesmo boxe chinês - que é o nome usado para
designar o Kung fu em todo o oriente.O próprio Bruce Lee usou o ideograma
Ch'Uan no frontispício de sua obra "Chinese Gung Fu, the Philosophical Art of Self
Defense".
A palavra Kung Fu (ou Gung Fu em dialetos cantonês) é usada aqui no
Ocidente para nomear todas as artes marciais de origem chinesa.O povo chinês
sempre foi possuidor de um grande espírito guerreiro, que fez seu país, em
épocas passadas (Dinastias Shang - 1766 a 1122 a.C.), o país mais poderoso da
terra.Segundo os historiadores, esse poderio militar se desenvolveu graças às
invasões estrangeiras e as revoluções entre os senhores feudais e os imperadores
chineses. Naquela época, a imensidão do território chinês era disputada pelos
cobiçosos monarcas bárbaros que habitavam as terras vizinhas.
Como levavam semanas e até meses para deslocar as tropas imperiais
para defender as longínquas fronteiras, a família imperial usou os recursos
desesperados de delegar poderes aos nobres da corte.Esses nobres, que
passaram a ser conhecidos como senhores feudais, receberam imensas porções
de terras, semelhantes aos condados outorgados à nobreza na Inglaterra
medieval.Esse foi o período que mais se matou e que mais apareceu heróis
chineses
O SHIFU(O MESTRE)
O 'mestre' de uma 'escola' de wushu é conhecido pelos estudantes como
"shifu." O "shifu" é uma pessoa altamente versátil que possui além da defesa
pessoal, conhecimento em medicina, filosofia, cultura chinesa, literatura, etc... O
shifu não é somente um professor de artes marciais, é também responsável em
guiar e agir como o exemplo para os estudantes. Uma frase muito comum no
wushu é que:
"o
estudante
começa
numa
sala
escura enquanto o shifu está sob a
luz do sol"
. Esta frase demonstra quão importante é o shifu no desenvolvimento de
não somente as habilidades dos estudantes, mas, também a atitude e a filosofia.
O shifu ensina que a harmonia deve existir num praticante de wushu,
também deve ter origem na 'escola' de wushu da escola para o aluno e do aluno
para a sociedade. Na 'escola' de o shifu ensinado ao aluno; o respeito ao
próximo, respeito aos instrutores e a sociedade em que vivem. Em todos os
estudantes, repousa a responsabilidade no cuidado com o próximo e com a
'escola' de wushu e dessa forma, uma 'escola' de wushu age como uma família.
De fato, na tradição chinesa, os membros de uma 'escola' são denominados
"irmãos" e "irmãs". O 'shifu e visto nesse contexto, como o "pai" da 'escola' e
recebe mais respeito do que um professor,pois o shifu e o guia da escola,para se
ser um shifu tem que nascer com um dom para liderar e para amar seus
alunos,sua escola,e dar tudo o que tem e o que não tem para o bem do
mesmo,para se saber se um dia se tornara shifu tem de fazer um alto exame de
dentro para fora ai sim ,saberá se pode ser shifu,mas vai um conselho se não tem
o dom e melhor não tentar ser se há maus shifu e por que nunca foram shifu e se
fracassou como shifu e porque nunca foi shifu.
“Wushu trabalho ardo durante um tempo para
adquirir destreza.Um pintor pode saber
wushu?Um açougueiro que corta a carne a
cada dia com uma habilidade que sua faca
nunca toca os ossos.Aprender a forma ,mas
procurar o que não tem.Ouvir o que não tem
som.Aprender tudo e logo esquecer o
tudo.Aprender o modo e logo buscar o teu
próprio.O musico pode sabre wushu?O poeta
pinta quadros com palavras e faz os
imperadores
chorarem.Isto
também
e
wushu.mas não o nomeie amigo,porque e
como a água.Nada e mais suave que a
água,mas ela pode destruir a mais dura
rocha.Não lutar mais flui ao redor de seu
rival.Sem forma ,sem nome,pois o verdadeiro
mestre reside dentro,e só você pode libertá-lo”
Bruce Lee
GENERAL KWAN KUNG OU GUAN YU
Símbolo da LEALDADE e personagem incorruptível na história chinesa.
General Kwan e descrito como um homem de alta estatura e possuidor de grande
força e coragem, o que o tornava um guerreiro temido e respeitado. Era nascido
no condado de Xie e o ano de seu nascimento não é encontrado em registros
históricos.Registros históricos contam que saiu de sua cidade natal com vinte e
três de idade. Cinco anos mais tarde, chegou em Zhuo, onde imperador Liu Bei
recrutava uma força militar para reprimir uma rebelião rebelde. Junto com Zhang
Fei, Guan Yu juntou-se a Liu Bei e lutou contra as forças rebeldes ao norte da
China.
Guan Yu e Zhang Fei foram condecorados comandantes e cada qual
responsável por suas próprias tropas. De acordo com os registros de três reinos,
os três homens tratavam um ao outro como irmãos.Kwan Kung e Zhang Fei
juntamente seguiam Liu Bei onde quer que fosse, e protegeram-no do perigo
enfrentando as situações mais arriscadas.O romance dos três reinos é uma novela
histórica baseada em eventos que ocorreram antes e durante a era de três reinos.
Escrito por Luo Guanzhong mais do que um milênio após o período de três reinos,
a novela incorpora muitos contos e lendas populares onde o caráter de Kwan
Kung é enaltecido.
As passagens mais significativas em relação do lendário General podem
ser citadas: a fraternidade criada com Zhang Fei e Liu Bei; a execução Hua Xiong;
a iluminação no monte de Yuqian e vingança em Lü Meng.Uma das histórias mais
impressionantes atribuídas ao General Kwan Kung relatam que durante um cerco
em Fancheng ele havia sido atingido por uma flecha no braço. Hua-To foi o criador
do primeiro medicamento anestésico conhecido pelo homem. Esse remédio,
denominado Ma-Fei-San, permitia a realização de operações mantendo o paciente
sob anestesia geral. Segundo contam os relatos da época, Kwang Kung ao tentar
retirar a flecha envenenada quebrou-a dentro do braço.
Hua-To foi chamado para extrair a ponta da flecha e ofereceu a aplicação
de seu famoso analgésico para que não houvesse dor durante a cirurgia, mas
Kwang Kung recusou e preferiu se distrair durante a operação jogando uma
espécie de xadrez chinês. Hua-To abriu o braço de Kwang Kung, extraiu-lhe a
ponta da flecha, limpou a ferida e costurou as carnes no lugar sem que este
pronunciasse uma só palavra de dor. Um dos inimigos de Kwang Kung chamado
Tchou-Tchou e que também era soberano de um dos reinos em que a China
estava dividida nesse período, ficou espantado com o restabelecimento rápido de
seu inimigo e com a rapidez com que retornou aos campos de batalha.
Kwan Kung é adorado no oriente como uma divindade. No mundo ocidental
é conhecido como o deus taoísta da guerra provavelmente porque é um dos
generais militares os mais conhecidos na história chinesa.Kwan Yu foi o inventor
de uma das armas mais famosas que se encontra dentro do wushu, o Kwan Dao,
que pesava 50 kgFoi morto em batalha contra o reino de Wu. Relatos contam que
após a morte de Liu Bei, Kwan Kung pegou para si o seu cavalo, o lendário "crina
vermelha" que de acordo com a lenda corria 1.000 léguas em um dia.
Nas escolas de wushu e nas delegacias de policia da China é colocado o
quadro com a figura de Kwan Kung para que os policiais e os praticantes de
wushu lembrem-se do exemplo de caráter incorruptível e grande honestidade
deste grande Guerreiro.É uma pena que nas escolas aqui do ocidente a figura do
General Kwan Kung não passa de uma simples peça decorativa.
DANÇA DO DRAGÃO
Segundo antigos relatos, a Dança do Dragão foi originada durante a
Dinastia Han e começou pelo povo chinês que mostrou grande respeito para o
símbolo do dragão. Acredita-se que tenha começado a fazer parte da cultura para
o cultivo e colheita, também com as origens como método de cura e de impedir a
doença. Era um evento popular durante a Dinastia Song onde se tinha virado uma
atividade popular e, como a Dança do Leão, era mais frequentemente vista em
celebrações festivas. De suas origens em combinar mistura de animais naturais, o
dragão chinês foi evoluído para assentar bem em uma criatura mítica e honrada
na cultura chinesa.
Sua forma física é uma combinação de muitos animais, incluindo os chifres
de veado, de orelhas de touro, de olhos de coelho, de garras de tigre e das
escamas de peixe, tudo no corpo de uma serpente longa. Com estes traços,
acreditou-se que os dragões eram anfíbios com a habilidade de se mover na terra,
para voar e a nadar no mar, reger os papéis de reguladores da nuvem, da chuva e
do tempo. Pelo dragão dar às pessoas um sentimento do grande respeito, é
chamado usualmente de Dragão sagrado.
Os imperadores da China antiga se consideraram como dragões. O dragão
também é o emblema da autoridade imperial. Ele simboliza o poder sobrenatural,
a benevolência, a fertilidade, a vigilância e a dignidade. Por sua vez o dragão
protegia as cidades e o leão o imperador. Dança do Dragão é importante na
cultura e tradição chinesas e se espalhou por toda a China e pelo mundo inteiro.
Virou um espetáculo artístico especial nas atividades físicas chinesas. Simboliza
trazer boa sorte e prosperidade no ano vindouro a para todos os seres humanos
na Terra. De acordo com a antiga história, durante o período de Chun Chiu, a
aprendizagem de Artes Marciais Chinesas era muito popular e no tempo extra, a
dança do dragão era ensinada também aos estudantes para dar mais incentivo.
A Dança do Dragão é uma forma de dança e de espetáculo tradicional da
cultura chinesa. Como a dança do leão, vê-se com mais frequência em
celebrações festivas. Os chineses usualmente citam o termo "Descendentes do
Dragão" como um sinal de identidade étnica. Em ocasiões de bom augúrio,
incluindo o ano novo chinês, abertura das lojas e residências, os festivais incluem
frequentemente dança com os dragões. Essas fantasias são feitas sob medida de
tecido e madeira, e manipulados por uma equipe de pessoas. Elas carregam o
dragão com varas no centro do corpo do dragão e executam movimentos
coreografados ao acompanhamento de tambor e música. Os dançarinos levantam,
mergulham, empurram, e movem a cabeça, que pode conter as características
animadas controladas por um dançarino e às vezes é equipada para soltar a
fumaça dos dispositivos pirotécnicos.
A equipe de dança imita os supostos movimentos deste espírito do rio em
uma maneira sinuosa, ondulada. Os movimentos tradicionais no espetáculo
simbolizam papeis históricos dos dragões que demonstram o poder e a dignidade.
A dança do dragão é um destaque das celebrações Ano Novo Chinês espalhado
pelo mundo inteiro em bairro chineses. Segundo a tradição chinesa, acredita-se
que os dragões trazem boa sorte às pessoas, que é refletida em suas qualidades
que incluem o poder, a dignidade, a fertilidade e a sabedoria.
Tradicionalmente, os dragões eram construídos de madeira com os arcos
de bambu no interior e cobertos com uma tela decorada. Porém, na atualidade,
tais materiais como alumínio e plásticos substituíram a madeira e o material
pesado. Algumas vezes o verde é escolhido como cor principal do dragão, que
simboliza uma grande colheita. Outras cores incluem: amarelo simbolizando as
cores solenes do império, dourado ou prata simbolizando prosperidade, cor
vermelha representando o excitamento quando suas balanças e cauda forem na
maior parte bonitas cores prata e que resplandece em todas as vezes que dá uma
atmosfera alegre.
Na exibição competitiva há regras estritas que regem as especificações do
corpo do dragão e dos passos apresentados. Então dragões feitos para estes
eventos e que são vistos na maior parte nos shows impressivos do palco são
feitos para a velocidade e a agilidade, para serem usados pela equipe de
dançarinos para um maior grau de dificuldade dos passos. Algumas coreografias
da Dança do Dragão são "caverna de nuvem", "redemoinho de água", Tai-Chi,
"costurando dinheiro", "procurando a pérola", e o "dragão que circundar a coluna".
O movimento "dragão que persegue a pérola" mostra que o dragão está
continuamente em busca da sabedoria. A Dança do Dragão envolve diversos
elementos e habilidades. É uma atividade que combina treinamento, mentalidade
de uma equipe esportiva, encenação e talento de uma equipe de artistas. As
habilidades básicas são simples de aprender, porém tornar-se um dançarino
competente exige treinamento dedicado até que os movimentos se transformem
complexos possam ser conseguidos - que não dependem apenas da habilidade
individual, mas da concentração da equipe inteira para se mover.
ALGUMAS NOMECLATURA EM CHINÊS
Aluno : Tou Tai
Colega: TumHo
Como vai você ?: Ro-Ma
Até outra vez: Tchoi-Kin
Movimento: Kati ou taolu
Combate Livre:Sanchou
Academia de artes marciais:Bow su
tse
Luta combinada:Tui Tcha
Pronuncia da contagem em chinês
1. Já
21. Ji Sap Já
41. Sei Sap Já
2. Ji
3. Sam
22. Ji Sap Ji
23. Ji Sap Sam
42. Sei Sap Ji
43. Sei Sap Sam
4. Sei
24. Ji Sap Sei
44. Sei Sap Sei
5. Hm
25. Ji Sap Hm
45. Sei Sap Hm
6. Lo
26. Ji Sap Lo
46. Sei Sap Lo
7. Tcha
8. Pa
27. Ji Sap Tcha
28. Ji Sap Pa
47. Sei Sap Tcha
48. Sei Sap Pa
9. Kao
29. Ji Sap Kao
49. Sei Sap Kao
10. Sap
ill.SapJa
\12, Sap Ji
30. Sam Sap
3 1 . Sam Sap Já
50. Hm Sap
13. Sap Sam
\14. Sap Sei
33. Sam Sap Sam
32. Sarn Sap Ji
15. Sap Hm
34. Sam Sap Sei
35. Sam Sap Hm
16. SapLo
17. Sap Tcha
36. Sam Sap Lo
37. Sam Sap Tcha
18. Sap Pa
j19. Sap kao
38. Sam Sap Pa
j20. Ji Sap
\
40. Sei Sap
39. Sam Sap Kao
SHIFU JOÃO CESARIO
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
Bacharel em teologia filosófica
Grau incompleto em serviços sociais
Campeão estadual 2006
Único representante do wushu olímpico e tai chi chuan na região
Campeão de tai chi chuan no encontro tai chi 2006
Prof de wushu do Peti Curumim 2005 a 2007 PMTR
Aula associação de moradores 2003 a 2005
Prof na academia corpo novo 2005
Registrado na escola Ronaldo meireles e Associação Wutao
Vice campeão estadual em 2008
Representante do projeto hapkido educar brasil em Três Rios
Prof. de defesa pessoal para área de segurança
Capacitado para dar aula para criança,adulto,e idoso
Formado em kung fu Wushu
Formado Em Tai Chi Chun
Formado em Sanchou( Box Chinês)
Formado em Lei Tai Kuoshu
Formado em Jeet Kune Do( estilo do Bruce Lee)
Formado em hapkido
Formado em shuai jiau
Instr de taekwondo
Idealizador da copa ECLO 2007
Mesário da copa Wutao interna
Idealizador da apresentação juventude ativa SESC
Idealizador do campeonato interno de inverno 2008
Idealizador do campeonato eclo 2009
Responsável pela parte esportiva do projeto Acel
Prof. de tai chi chuan Prefeitura de Areal 2010
Presidente da escola cristã leão do oriente Ltda
Idealizador da apresentação Ação Total tai chi chuan Areal 2010
Prof. de wushu do projeto ponto de cultura teatro aberto Três Rios 2011
Idealizador da apresentação teatro Festival de cenas curtas do teatro 2011
Chefe de equipe da equipe campeã Eclo no baixada Oper 2011.
Idealizador da apresentação tai chi chuan na conferencia do idoso no
município de Areal 2011.
Premiado com sena mais criativa no festival de senas curtas gatvc 2011.
Premiado com sena mais criativa no festival de senas em sapucaia 2013
.
.
Prof do projeto lutar também e arte 2011,2012 e 2013 Areal,Petropolis.
Idealizador da copa dos campeões em Três Rios

Documentos relacionados

Apostila de Wushu Kung-Fu - Uberaba Wushu Society Brasil

Apostila de Wushu Kung-Fu - Uberaba Wushu Society Brasil iniciais não são claros, mas com o poder vem a corrupção, e muitas sociedades de Kung Fu voltaram-se para o crime. Não era raro encontrar um mestre de Kung Fu de uma determinada escola (kwoon) ou p...

Leia mais

GODUP A Arte da Mentira GODUP A Arte da

GODUP A Arte da Mentira GODUP A Arte da direcionar o seu contra-ataque. Se o oponente não se manifesta, devemos forçar uma reação. A melhor maneira para isso é lançar uma isca, fazendo-o acreditar que nos enganamos no movimento ou que o ...

Leia mais

Lutas

Lutas organizaram um poderoso destacamento de mais de 2.500 monges soldados. O Wushu Shaolin se tornou independente, tanto em golpes, quanto nas armas e nos exercícios internos. O governo Ming valorizou ...

Leia mais

Tai Chi Chuan - Uberaba Wushu Society Brasil

Tai Chi Chuan - Uberaba Wushu Society Brasil monge Taoísta, presenciou uma luta entre uma garça e uma serpente. Notou então como os movimentos circulares da serpente sobrepujavam os movimentos duros da garça. Desenvolveu assim um sistema de a...

Leia mais

Arte Marciais nas Escolas - BANG.COM.BR

Arte Marciais nas Escolas - BANG.COM.BR Lembremos que a vida nos apresenta limites que devem ser respeitados, outros que devem ser transpostos e outros que devem ser impostos, como nos leva a reflexão, o Psicólogo Ives de La Taile em seu...

Leia mais