edital - UniBH

Сomentários

Transcrição

edital - UniBH
CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BELO HORIZONTE – UNIBH | EDITAL Nº 01/2016
PROCESSO SELETIVO DE MONITORES PARA O 1º SEMESTRE DE 2016.
A Diretora do Núcleo Acadêmico, Profª. Silvana Alves de Oliveira, no uso de suas
atribuições estatutárias e considerando a Resolução da Reitoria Nº 03 de 14 de julho
de 2010, torna públicos os critérios para inscrição e seleção de candidatos à monitoria
para o primeiro semestre de 2016.
1 – Da finalidade da monitoria
A monitoria, com ou sem bolsa-auxílio, visa ao aprimoramento de ensino/aprendizagem
na perspectiva discente, em disciplinas que necessitam de apoio para desenvolvimento
acadêmico.
2 – Das vagas de monitoria ofertadas
Para o 1º semestre de 2016, serão ofertadas as vagas constantes nesse edital nas
tabelas 1 e 2.
3 - Da candidatura
3.1 – Poderá se candidatar à monitoria o aluno regularmente matriculado, com horário
disponível para exercer as atividades programadas e que tenha sido aprovado ou
dispensado na disciplina pleiteada.
3.1.1 - Como primeiro critério, será verificada a média igual ou superior a 80% na
disciplina pleiteada para a monitoria
3.1.2 - Posteriormente, a média global geral do curso também será levada em
conta, considerando-se percentual mínimo de 80%.
3.2 O candidato não poderá ter sofrido ou estar cumprindo penalidade disciplinar.
3.3 – A monitoria é exercida por 1 (um) semestre letivo, podendo ser realizada por mais
uma única vez para a mesma disciplina, com mesma carga horária, com ou sem bolsa.
3.4 – É vedada a candidatura do aluno a uma disciplina que já tenha exercido atividades
por 2(dois) semestres letivos.
Página 1 de 14
4. Da monitoria
4.1 – A monitoria é exercida por 1 (um) semestre letivo, podendo ser realizada por mais
uma única vez para a mesma disciplina, com mesma carga horária, com ou sem bolsa.
4.2 – As atividades a serem desempenhadas pelo monitor compreendem:
I. Desenvolver, sob a orientação do professor, as tarefas constantes do Plano de
Atividade para a Monitoria, constituindo-se em elo entre professor e aluno;
II. Manter contato permanente com o professor orientador, a fim de sanar dúvidas
em reforço a seu atendimento;
III. Auxiliar na condução de trabalhos teórico-práticos e na orientação de alunos
esclarecendo dúvidas e/ou realizando exercícios, tanto em sala de aula como
em laboratório;
IV. Dirimir as dúvidas e desenvolver tarefas que reforcem o conteúdo programático
da disciplina objeto da monitoria;
V. Assinar o registro de presença, no ponto dos professores, a cada início e término
de horário de monitoria;
VI. Ter frequência integral às atividades de monitoria, permanecendo no local nos
dias e horários estabelecidos. Em caso de falta justificada, as horas deverão ser
repostas em dias e horários que melhor atender, a maioria dos alunos assistidos
pela monitoria. A informação de reposição deve ser registrada na folha de ponto
do monitor.
VII.
Comunicar antecipadamente à Central de Carreiras e Mercado de
Trabalho e ao setor de pontos, por e-mail, casos de ausência, submetendo
também à aprovação da Central de Carreiras proposta de troca de horário, se
necessário;
VIII.
Registrar, em formulário próprio, diariamente, o número de alunos
atendidos, incluindo o conteúdo da atividade/orientação feita;
IX. Facilitar o relacionamento entre alunos e professor (es), contribuindo para a
execução e melhoria do processo de ensino-aprendizagem;
X. Apresentar relatório final, conforme modelo padrão, contendo: cursos atendidos
e conteúdos desenvolvidos, e entregá-lo ao professor supervisor, que o enviará,
com as devidas considerações, para a Central de Carreiras, que providenciará o
Certificado de Monitoria, para fins curriculares;
XI. O monitor compromete-se, formalmente, a manter sigilo sobre dados,
informações ou atividades reservadas da Instituição aos quais tenha acesso.
Página 2 de 14
4.3 - Ao monitor são vetadas tarefas que configurem atividades de exclusiva
competência do professor, como:
I. aulas em substituição ao professor;
II. Pesquisar e coletar dados que não tenham por objetivo a elaboração de materiais
a serem empregados na atividade de monitoria;
III. Corrigir trabalhos e/ou provas dos alunos para o professor;
IV. Aplicar provas em substituição ao professor;
V. Atribuir conceitos de avaliação aos alunos;
VI. Lançar notas e frequência de alunos no SOL ou em qualquer outro sistema de
informações;
VII. Exercer atividades administrativas ou que configurem trabalhos de competência
de técnicos de laboratório.
4.4 O setor responsável por acompanhar a monitoria junto aos institutos é a Central
de Carreiras e Mercado de Trabalho.
4.5 O monitor poderá exercer concomitantemente até três monitorias, desde que
aprovado no processo seletivo.
5 – Das inscrições para a monitoria.
5.1 - As inscrições para a monitoria 2016/1º estarão abertas no período de 18 de
dezembro de 2015 a 24 de janeiro de 2016, de acordo com o quadro de vagas
divulgado no anexo I e deverão ser realizadas através do link:
https://docs.google.com/a/prof.unibh.br/forms/d/1Jrzj4nn0KUi_dnHpdwMpbNQKSNIn
R5jATNv4WpmeQpc/viewform
Página 3 de 14
5.2 – O aluno poderá se inscrever para no máximo três disciplinas, sendo elas com ou
sem bolsa. o.
5.3 – É de responsabilidade do candidato à monitoria verificar se a disciplina para a
qual se inscreveu está inserida no plano curricular de seu curso.
5.4 - O candidato arcará com as consequências e responsabilidades decorrentes de
eventuais erros e/ou omissões no preenchimento da inscrição.
6 – Da seleção para monitoria
6.1 – A seleção dos candidatos será feita, para cada disciplina, em três etapas que são
eliminatórias:
a. 1ª etapa - análise da média da disciplina pleiteada e da média global do curso;
b. 2ª etapa - Prova escrita teórica e prática (se for o caso) versando sobre o
conteúdo da matéria objeto da monitoria;
c. 3ª etapa - entrevista com o coordenador do curso e/ou com o professor
orientador da disciplina, caso os responsáveis considerem necessário,
pontuando a entrevista em uma nota de 0 a 10, conforme anexo II.
6.2 – Para efeito de classificação, será considerada satisfatória a obtenção de nota
igual ou superior a 70 (setenta) na prova teórica, ou na média aritmética das notas da
prova teórica e da prova prática.
6.3 – Será considerado aprovado o candidato que obtiver a maior soma de pontos,
considerando as etapas 2 e 3 descrita no item 6.1.
6.4 – Em caso de empate, será aprovado o aluno com maior nota na disciplina em que
pleiteia a monitoria e, caso persista o empate, ficará a decisão a cargo do professor
supervisor, tendo como parâmetros os dados colhidos na entrevista, que demonstrem
a habilidade para transmitir conhecimentos relativos à disciplina.
6.5 – A 2ª e a 3ª etapas do processo seletivo serão realizadas em datas, horários e
locais a serem fixados e informadas pelo Instituto.
6.6 – Será eliminado do processo, o aluno que não comparecer para a prova ou para a
entrevista, havendo o agendamento, nos horários determinados.
7 – Do resultado da seleção
7.1 – O resultado final da seleção será divulgado pela Central de Carreiras e Mercado
de Trabalho do UniBH, em até 1 (uma) semana após a realização da prova e das
entrevistas para a disciplina.
7.2 – Não haverá revisão de provas, e não caberá recurso de qualquer natureza com
relação ao resultado do processo seletivo.
Página 4 de 14
8 – Dos documentos
8.1 - Ao término das atividades de monitoria, o aluno e professor deverão elaborar o
Relatório de Monitoria, entregando-o à Central de Carreiras e Mercado de Trabalho até
o penúltimo dia letivo do 1º semestre de 2016.
8.2 - Caso o aluno não entregue o Relatório, a Central de Carreiras do UniBH não
confeccionará o certificado de monitoria.
9 – Do Termo de Compromisso
9.1 - O termo de compromisso é o documento que regulamenta a atividade de monitoria,
devendo o mesmo ser assinado pelo aluno e a Central de Carreiras. Nele tem-se as
atribuições do monitor e do professor orientador, conforme descrito no Anexo 1.
9.2 – A vigência da monitoria terá início na data de assinatura do Termo de Monitoria e
será exercida pelo período de um semestre letivo, podendo ser prorrogado uma única
vez, desde que esta disciplina seja a mesma.
9.3 - Caso o aluno queira candidatar-se à monitoria de outra disciplina, deve submeterse a novo processo seletivo.
9.4 – Para a assinatura do Termo de Monitoria e realização da monitoria, o aluno deverá
estar devidamente matriculado e frequente.
9.5 – Após divulgação do resultado da seleção, o aluno aprovado deverá comparecer,
no dia e local a ser informado pela Central de Carreiras, para assinar o Termo de
Monitoria, quando passará a fazer jus ao benefício da bolsa. O contato será realizado
através das informações cadastradas no ato do preenchimento da inscrição.
9.6 – Ao assinar o Termo de Compromisso, o aluno receberá o protocolo de liberação
para iniciar as atividades, o qual deverá ser entregue ao professor responsável.
9.7 – O Termo de Monitoria poderá ser rescindido a qualquer momento, desde que a
parte interessada comunique a intenção com antecedência de 5 (cinco) dias e/ou
quando o aluno incorrer em alguma das seguintes situações:
a)
Abandoná-lo, desistir, transferir-se da Instituição ou trancar matrícula durante a
monitoria;
b)
Deixar de comparecer às suas atividades por mais de 3 (três) vezes
consecutivas ou 5 (cinco) alternadas, sem justificativa. Esta ausência deverá ser
reposta em dias e horários que melhor atender à maioria dos alunos assistidos pela
monitoria. A informação de reposição deve ser registrada na folha de ponto do monitor.
c)
Descumprir as cláusulas e/ou condições estabelecidas nos documentos
institucionais: Regimento do UNIBH e na Resolução da Reitoria Nº 03 de 14 de julho
de 2010.
Página 5 de 14
d)
Abandonar as atividades ou recusar-se a assinar a rescisão.
10 – Da bolsa de monitoria
10.1 – O aluno que exercer as atividades com recebimento de bolsa-auxílio terá direito
ao benefício correspondente às horas de monitoria, conforme especificado na Tabela
3 - Valores de Bolsa de Monitoria.
Tabela 3 - Valores de Bolsa de Monitoria
Horas Semanais
Valor do Benefício
06 horas
R$ 204,00
10 horas
R$ 340,00
10.1.1 – O aluno deverá fornecer número de conta corrente e do PIS. Caso o
aluno não possua o número de PIS, deve solicitar cadastro no site da
Previdência Social www.previdenciasocial.gov.br, ou comparecer à Caixa
Econômica Federal, devendo ter em mãos os seguintes documentos: Carteira
de Identidade, Carteira de Trabalho (se tiver), CPF e Título de Eleitor;
10.1.2 - O monitor deverá ser o titular da conta corrente;
10.1.3 – Não serão aceitas contas poupanças;
10.1.4 – É de responsabilidade do aluno informar os dados bancários
corretamente, para não incorrer em atrasos ou erros de pagamento.
10.2 – As atividades de monitoria não geram vínculo empregatício entre o aluno e o
Centro Universitário de Belo Horizonte – UniBH.
10.3 – Conforme item 4, o monitor deverá apresentar relatório de atividades, conforme
modelo padrão e entregá-lo para a Central de Carreiras, ao final de sua monitoria, para
a emissão do Certificado de Monitoria, para fins curriculares.
11 – Das disposições gerais
11.1 - O ato de inscrição ao processo de seleção de monitores implica plena e expressa
aceitação do previsto neste Edital e na Resolução da Reitoria nº 03 de 14 de julho de
2010.
11.2 – Os alunos não poderão iniciar as atividades de monitoria antes da assinatura do
termo de monitoria.
11.3 – Havendo vagas, diante as situações apontadas no item 8.7, poderá a Central de
Carreiras nomear outro aluno para monitoria, considerando seu desempenho no
processo seletivo.
Página 6 de 14
11.4 – Os casos omissos serão avaliados por cada Coordenação de Curso juntamente
com a Central de Carreiras, cabendo ao Núcleo Acadêmico à decisão.
11.5 – Revogam-se expressamente todas as disposições e cláusulas dos Editais de
Monitoria anteriores a este.
Belo Horizonte, 18 dezembro de 2015.
_______________________________________________
Profª. Silvana Alves de Oliveira
Diretora do Núcleo Acadêmico
Centro Universitário de Belo Horizonte – UniBH
Página 7 de 14
ANEXO I
TABELA I – MONITORIA COM BOLSA
Instituto
Disciplina
Quant. Vagas
CH
Campus
ICSA
Contabilidade Básica
1
6
Estoril
ICSA
Estatística
1
6
Estoril
ICSA
Matemática Financeira
1
6
Estoril
ICSA
Contabilidade Básica
1
6
Cristiano Machado
ICSA
Matemática Financeira
1
6
Cristiano Machado
IET
AEDS (Ciência da Computação)
2
6
Estoril
IET
Cálculos
2
10
Estoril
IET
Geometria
1
6
Estoril
IET
Estatística
2
6
Estoril
IET
Físicas
2
6
Estoril
IET
Química Geral
1
6
Estoril
IET
AEDS (Computação)
2
10
Cristiano Machado / Catalão
IET
Química Geral
2
6
Cristiano Machado / Catalão
IET
Cálculos
2
10
Cristiano Machado / Catalão
IET
Físicas
2
6
Cristiano Machado / Catalão
IET
Geometria
1
6
Cristiano Machado / Catalão
IET
Estatística
2
6
Cristiano Machado / Catalão
IED
Alfabetização e Letramento
1
6
Antônio Carlos
IED
Práticas de Ensino
1
6
Antônio Carlos
Calculo Diferencial e Integral
Fonética e Fonologia Língua
Inglesa
1
6
Antônio Carlos
2
6
Antônio Carlos
ICBS
Química Inorgânica
1
6
Estoril
ICBS
Química Inorgânica
1
6
CM
ICBS
Anatomia Humana / Sistêmica
1
6
CM
ICBS
Biologia Geral - Cito-Histologia
1
6
CM
ICBS
Cito-Histologia
1
6
Estoril
ICBS
1
6
Estoril
ICBS
Fisiologia Humana
Semiotécnica em Enfermagem
6
Cristiano Machado
ICBS
Semiotécnica em Enfermagem
1
1
IED
IED
6
Estoril
1
6
Cristiano Machado
Drenagem Linfática
1
6
Cristiano Machado
Neuroanatomia Humana
Anatomia Humana I - Medicina
1
1
6
10
Estoril
ICBS
Microbiologia
ICBS
ICBS
ICBS
Estoril
Página 8 de 14
Instituto Disciplina
Anatomia Humana II ICBS
Medicina
ICBS
Histologia Humana - Medicina
Quant. Vagas
CH
Campus
1
10
ESTORIL
1
10
ESTORIL
Fisiologia Médica - Medeicina
Anatomia Patólogica Medicina
Anatomia dos Sistemas
Músculo Esquelético
1
10
ESTORIL
1
10
ESTORIL
1
6
ICBS
Anatomia dos Sistemas Vitais
1
6
ESTORIL
ICBS
Contabilidade Básica
1
6
ESTORIL
ICBS
1
1
6
6
ESTORIL
1
6
ESTORIL
1
6
Lourdes
1
6
Lourdes
ICH
Anatomia Humana / Sistemica
AVALIAÇÃO NUTRICIONAL
PATOLOGIA DA NUTRIÇÃO E
DIETOTERAPIA
Espaço e Território nas
Relações Internacionais
Teorias Clássicas de Relações
Internacionais
Direito Processual Penal I
1
6
Lourdes
ICH
Direito Civil II (Obrigações)
1
6
Lourdes
ICH
Teoria Geral do Estado
1
6
Lourdes
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICH
ICH
ESTORIL
ESTORIL
TABELA II – MONITORIA SEM BOLSA
Instituto
Disciplina
Quant. Vagas
CH
Campus
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
Anatomia Humana Sistêmica
Citologia Histologia
Patologia Geral
Cito-Histologia
Bioquímica
Fisiologia Humana
Cito-Histologia
Anatomia Animal
Anatomia Humana / Sistemica
Anatomia Humana / Sistemica
CITO HISTOLOGIA
MICROBIOLOGIA
BIOQUIMICA
MICROBIOLOGIA Disciplinas
específicas do curso de
nutrição:
Parasitologia Humana
Patologia Geral
Semiologia em Enfermagem
Semiotécnica em Enfermagem
MICROPIGMENTAÇÃO
2
3
1
2
1
2
1
1
1
1
1
1
1
10
10
10
10
6
10
10
6
6
6
10
6
10
Estoril
Estoril
Estoril
Estoril
Estoril
Estoril
Estoril
Estoril
Cristiano Machado
Estoril
Catalão
Catalão
Catalão
10
6
6
6
6
10
Estoril
Estoril
Estoril
Estoril
Estoril
Estoril
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
1
1
1
2
2
1
Página 9 de 14
Instituto
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
Disciplina
Cinesioterapia
Fisioterapia em pneumologia
Fisioterapia em ortopedia
Fisioterapia em neurologia
Fisiologia do exercício
Neurofisiologia
Genética e Biologia Molecular
Genética
Anatomia dos Sistemas
Músculo Esquelético
Anatomia dos Sistemas Vitais
Biologia Celular e tecidual
Geral
Bioquímica
Parasitologia Veterinária
Fisiologia dos sistemas
nervoso, muscular, cardíaco e
respiratório
Bases Farmacológicas da
Terapêutica
Clínica Facial e Corporal Medicina
Fisiologia Médica - - Medicina
Parasitologia - - Medicina
Semântica Médica III Medicina
Anatomia Humana I Medicina
Anatomia Humana II Medicina
Citologia e Histologia Geral Medicina
Microbiologia - Medicina
Neuroanatomia - Medicina
Bioética - Medicina
Anatomia Patológica Medicina
Anatomia Patológica Medicina
Patologia III - Medicina
Histologia Humana - Medicina
Pediatria I - Medicina
Endocrinologia - Medicina
Otorrinolaringologia –
Medicina
Quant. Vagas
2
2
1
1
1
2
1
1
CH
10
10
10
10
10
10
6
6
Campus
Estoril
Estoril
Estoril
Estoril
Estoril
Estoril
Estoril
Estoril
10
6
Estoril
Estoril
6
6
6
Estoril
Estoril
Estoril
6
Estoril
6
Estoril
2
4
6
10
10
Estoril
Estoril
Estoril
10
10
Estoril
6
10
Estoril
6
10
Estoril
5
3
8
2
10
10
10
10
Estoril
Estoril
Estoril
Estoril
2
10
Estoril
2
2
3
4
3
10
10
10
10
6
Estoril
Estoril
Estoril
Estoril
Estoril
2
2
1
1
1
1
1
1
2
ICBS
Cardiologia - Medicina
2
ICBS
Cardiologia - Medicina
2
Instituto
Disciplina
Quant. Vagas
ICBS
Semiologia Médica I - Medicina
1
6
6
6
CH
10
Estoril
Estoril
Estoril
Campus
Estoril
Página 10 de 14
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICBS
ICH
ICH
ICH
ICH
ICH
ICH
ICH
ICH
ICH
ICH
ICH
ICH
ICH
ICH
ICH
ICH
ICH
ICH
Obstetrícia E Ginecologia I Medicina
Obstetrícia E Ginecologia II Medicina
Cirurgia geral I - Medicina
Pneumologia - Medicina
Clínica Facial - Medicina
Clínica Facial
Antropologia
Dir. do Trabalho I
Dir. do Trabalho II
Dir. Processual Penal II
Direito Civil I
Direito Civil III
Direito Constitucional I
Direito Constitucional II
Direito Empresarial I
Direito Empresarial III
Direito Penal I
Filosofia do Direito
Fundamentos do Direito Penal
História do Dir. e Dir. Romano
Introdução ao Direito Privado
Introdução ao Estudo do
Direito
Negociação e Barganha
Teoria Geral do Processo
1
1
2
4
1
1
1
1
1
1
1
1
1
1
1
1
1
1
1
1
1
1
1
1
10
10
Estoril
6
6
6
6
6
6
6
6
6
6
6
6
6
6
6
6
6
6
6
Estoril
Estoril
Estoril
Estoril
Estoril
Lourdes
Lourdes
Lourdes
Lourdes
Lourdes
Lourdes
Lourdes
Lourdes
Lourdes
Lourdes
Lourdes
Lourdes
Lourdes
Lourdes
Lourdes
6
6
6
Lourdes
Lourdes
Lourdes
Página 11 de 14
ANEXO II
ROTEIRO PARA AVALIAÇÃO DA ENTREVISTA
NOME: ___________________________________________
AVALIÇÃO
DATA: ____________________
0,5
1,0
2,0
1.
2.
3.
4.
5.
6.
7.
Aparência Geral
Capacidade de expressão verbal (fluência verbal)
Interesse (motivação e entusiasmo)
Capacidade de contato (relacionamento interpessoal)
Objetividade (como expõe/aborda os problemas)
Iniciativa (como resolveu os problemas que já enfrentou)
Noção de responsabilidade (como vê os valores de estudo,
trabalho, família, etc.)
8. Estabilidade emocional
9. Comportamento durante a entrevista
10. Empatia
TOTAL
1.
Aparência Geral – Procure analisar a aparência externa do candidato quanto a:
a) Higiene corporal – unhas, cabelos limpos
b) Traje (roupas, sapatos, etc.) – adequação e limpeza
c) Físico – desenvolvimento de acordo com a idade
d) Voz – agradável, rouca, estridente, gagueira, etc.
e) Postura – correta, curva, elegante, relaxado, etc.
f) Movimentos – agradáveis, adequados, lentos, nervosos, etc.
2.
Capacidade de expressão verbal
a) Uso adequado e correto das palavras
b) Verbalizações (frases compreensíveis ou não)
c) Sintetização de frases (objetividade)
d) Fluência
e) Espontaneidade
f) Ambiguidade
3.
Interesse
a) Entusiasmo ao falar no assunto
b) Qual o motivo o levou ao curso (relacionado aos objetivos propostos?)
c) Indiferente
d) Neutro
e) Curiosidade
f) Escolheu o curso por opção (ou falta de opção) ou pressão
Página 12 de 14
4.
Capacidade de contato – verificar como é feito o relacionamento costumeiro do candidato, através do
que ele verbaliza e observar o seu comportamento durante a entrevista.
a) Cortesia ou não
b) Colaboração ou não
c) Seriedade – Displicência
d) Reserva – Indiscrição
e) Agressividade – Passividade
f) Jovialidade – Tristeza (depressão)
5.
Objetividade – como o candidato expõe ou aborda os problemas, ou seja, observar se ele consegue
apresentar os fatos de forma clara ou se é perturbado pela emoção perdendo e emaranhando os
conteúdos.
a) Atinge os fins a que se propõe?
b) Segue linhas diretas ou tortuosas para atingir o que deseja?
c) Consegue analisar os fatos de forma clara ou não?
d) Metódico?
e) Fantasista?
6.
Iniciativa – prestar atenção em como foram resolvidos os problemas que o candidato já enfrentou, assim
como este agiu durante a entrevista.
a) Resolveu prontamente as dificuldades? Desconheceu-as? Adiou a solução, fugiu?
b) É original frente às situações? Rotineiro?
c) Busca parcerias/apoio? Age sozinho?
d) Enfrenta uma emergência?
e) Procura dominar? É submisso?
f) Crítico? Inovador? Conformista? Vacilante, contraditório?
7.
Noção de responsabilidade – observar como o candidato encara os valores de estudo, trabalho, família,
etc.
a) Sugestionável? Vacilante?
b) Como reagiu a castigos, reprovações, advertências?
c) Zela pelos objetos alheios? (livros emprestados, material de trabalho, estudo)
d) Normas sociais (morais e éticas)
8.
Estabilidade emocional – observar reações aparentes e sua atuação
A) DADOS APARENTES
a) Transpiração excessiva
b) Tremores
c) Gagueira
d) Voz embargada
e) Tensão muscular
f) Enrubescimento facial
g) Cacoetes/tiques nervosos
B) DADOS DEDUTÍVEIS
a) Serenidade
b) Nervosismo
c) Mudança de humor
d) Impulsividade
Página 13 de 14
e)
f)
g)
9.
Excitabilidade
Bloqueio emocional
Lapsos
Comportamentos durante a entrevista – neste item anotações podem ser feitas sobre os
comportamentos mais evidentes e significativos do candidato. Escreva o que lhe parecer mais importante
e que seja necessário evidenciar.
a) Irônico
b) Apressado
c) Colaborador
d) Vaidoso
e) Formal
f) Bajulador
g) Monossilábico
10. Empatia - a empatia leva as pessoas a ajudarem umas às outras. Está intimamente ligada ao altruísmo amor e interesse pelo próximo - e à capacidade de ajudar. Quando um indivíduo consegue sentir a dor ou
o sofrimento do outro ao se colocar no seu lugar, desperta a vontade de ajudar e de agir seguindo
princípios morais.
A capacidade de se colocar no lugar do outro, que se desenvolve através da empatia, ajuda a compreender melhor
o comportamento em determinadas circunstâncias e a forma como o outro toma as decisões.
Página 14 de 14