p10b

Сomentários

Transcrição

p10b
B2 oMatoEstado
Grosso do Sul
Cidades
Terça-feira, 1° de outubro de 2013
Filhos do cárcere
¶7HQKRÀOKDVXPDGHODVIRL
FRQFHELGDHPXPDFHODGD0i[LPD·
Organização auxilia crianças cujos pais e mães cumprem pena em Campo Grande
Sandra Luz
“Carolina” tem olhos tristes,
tão tristes como aqueles descritos na canção de Chico Buarque, em que a inspiração
tem o mesmo nome. Assim
como na obra musical, parece
guardar dores profundas, ainda
que tenha somente dois anos
de idade. A menina foi concebida no período em que o
pai cumpria pena no regime
semiaberto. “Tenho três filhas,
uma delas foi concebida na cela
da Máxima. A irmã da Carolina, que está com quatro anos.
Passamos coisas que somente
Deus e nós sabemos. Nem dá
para lembrar direito. Foram oito
anos”, desabafa a hoje dona de
casa Gisele, 30.
Até conseguir receber visitas
em uma varanda espaçosa na
periferia de Campo Grande,
Gisele e as filhas mudaram pelo
menos dez vezes e passaram
por seis bairros. Todos muito
pobres. “Eu bordava chinelos,
arrumava a casa das pessoas.
Era assim, não tinha outro
jeito. As coisas começaram a
melhorar depois que conheci
duas anjas. Duas mães que
me acolheram porque minha
família nem aqui mora”. As tais
“anjas” integram a Associação
Ministério Salva Vidas, que há
18 anos atua com a comunidade carente da Capital e, em
especial, famílias de homens e
mulheres que cumprem pena.
Saul Schramm
Trabalho se inicia na evangelização por
parte das voluntárias da organização
A responsável pelo trabalho,
Isabel Cândida do Nascimento
Vieira, 67, explica que tudo
começa na evangelização.
“Auxiliamos com a Palavra e
com roupas, cestas básicas,
remédios”, detalha. Além da
assistência fora, também são
desenvolvidas atividades dentro
dos estabelecimentos penais,
quando são firmados a maioria
dos contatos para as ações. Foi
assim com Gisele. “Oferecemos
uma carona após a visita. Ela
estava com uma criança pequena no colo e aceitou. Estamos juntas há anos. Vimos
ela passar por muita coisa com
essas crianças”, recorda a voluntária Teulina de Souza, 70.
Entre as tantas coisas, a
pior: falta de alimento. Na reconstrução da vida, a família
adquiriu uma residência, o pai
trabalha e a mãe é, finalmente,
dona de casa. Como diz a letra
da música: “...Eu bem que
avisei, vai acabar”.
Mãe e filha recebem auxílio de organização que atua nos presídios de MS
‘Dudu livre’
Depois de cem dias de cárcere, o músico e ator Eduardo
Miranda Martins, o Dudu, teve
habeas corpus concedido pelo
TJ/MS (Tribunal de Justiça de
Mato Grosso do Sul). O quarto
pedido de liberdade feito desde
a prisão de Dudu, no dia 22 de
junho, foi acatado ontem pela
2ª Câmara Criminal por dois
votos a um.
Dudu deixou o presídio
ontem à noite e seguiu direto para a casa da mãe. Nos
planos, publicar um livro que
escreveu durante os dias na
prisão. O conteúdo vai ser o
das cartas que ele escreveu
a amigas e conhecidas no período passado em uma cela.
“Foi um pavor. Muito ruim.
Cheguei, em alguns momentos,
a dormir no meio de fezes. A
minha vantagem é que eu tinha
amigos, que me apoiaram e
fizeram o caso ganhar repercussão na imprensa”, afirmou
sobre sua situação.
“O Dudu está muito sereno,
ciente de que é inocente e de
que terá melhores condições
de se defender e provar isso
em liberdade. Ele sabe que
a cadeia não é o lugar dele”,
afirma o advogado Arnaldo
Assistir a filhos deixarem ainda bebês os
braços das mães detentas,
avós absorverem a criação
de vários netos e intermediar assistência médica. As
atividades desenvolvidas
pela Associação Ministério
Salva Vidas são extensas
e, muitas vezes, subjetivas. A entidade atua com
evangelizadores voluntários em cinco presídios de
Campo Grande, além de
acompanhar as famílias
dos detentos do lado de
fora. “Fazemos de tudo, são
tantas histórias. Nem todos
estão preparados. Eu digo
que é preciso sabedoria e
sangue frio”, define Teulina de Souza, 70 anos, 13
deles como voluntária na
entidade. A colega Isabel
Cândida do Nascimento
Vieira, 67, explica que a
satisfação é o pagamento
por tanto esforço. “É um
trabalho de evangelização.
Algumas pessoas são resgatadas duas vezes”.
Igreja Católica
$SyVGLDVDWRUSUHVRHPPDQLIHVWDomRpVROWR
Ana Luiza Vieira e Nyelder Rodrigues
Trabalho exige
‘sabedoria e sangue
frio’, diz voluntária
Molina, que esteve ontem no
presídio para avisar da concessão da medida.
Saul Schramm
‘Conflitos negativos’ com a Guarda
Municipal foram decisivos para defesa
Desde que assumiu o caso,
Molina e uma equipe de advogados conseguiram reunir
“provas incontestáveis” de que
Dudu tem condições de responder ao processo em liberdade. “Articulamos a defesa
com sustentação em inúmeros
documentos que provam que
Dudu é uma pessoa de bem que
não oferece riscos à sociedade,
apesar da acusação”, explica.
O advogado cita ainda que
a Guarda Municipal, responsável pelo suposto flagrante
que incriminou Dudu por tráfico de drogas, tem histórico
de “conflitos negativos” com
o ator.
Segundo a versão da PM
(Polícia Militar) e da Guarda
Municipal, Dudu foi flagrado
com 23 papelotes de cocaína
na mochila em junho de 2013,
no centro de Campo Grande.
Ele também foi acusado de ter
praticado atos de vandalismo
na mesma ocasião, quando a
Câmara Municipal foi depredada por um manifestantes.
Dom Dimas
revela que está
preocupado
com a violência
Nicodemos Alencar
O arcebispo metropolitano de Campo Grande,
Dom Dimas Lara Barbosa,
afirmou que está preocupado com o aumento da
violência na Capital, durante
o lançamento da Semana
Nacional da Vida, que começa oficialmente hoje (1º),
pela Diocese e vai até o dia
6 de outubro. O arcebispo
afirmou que, durante sobrevoo de helicóptero com
a relíquia da Santa Gianna,
entrou em clima de oração
intensa para diminuir a violência em Campo Grande.
A preservação da vida
em todos os aspectos é justamente o que a Igreja Católica defende ao realizar a
Semana Nacional da Vida,
criada pela CNBB (Confederação Nacional dos Bispos
do Brasil), desde 2005, mas
realizada efetivamente em
Campo Grande a partir
deste ano.
Depois de quatro tentativas, Eduardo conseguiu ontem a liberdade no TJ
Semana da Vida terá programação
extensa, segundo o arcebispo
Dom Dimas propôs reflexões sobre a dignidade
humana e disse que uma
extensa programação será
realizada na Semana Nacional da Vida com missas,
palestras e visitas da relíquia de Santa Gianna Beretta, reconhecida como
padroeira das famílias e
protetora das gestantes.
Uma missa será celebrada,
na igreja Santo Antônio,
hoje, às 19 horas.
Durante o evento, no dia
5 de outubro, Elisabete Arcolino Comparini e sua filha,
envolvidas diretamente no
milagre que proporcionou
a canonização de santa
Gianna Bereta, estarão em
Campo Grande e darão um
testemunho sobre a graça
concebida.
CURTAS
Vigilância alerta
sobre risco de
remédio paraguaio
A Coordenadoria
Estadual de Vigilância
Sanitária emitiu
Alerta Sanitário para
alertar a população
de Mato Grosso do Sul
dos riscos do uso de
medicamentos fabricados
no Paraguai. Entre
eles estão os remédios
Mentovick, Tegnogrip,
Medibron, Bronolex
e Bronalar, todos
contendo o princípio
ativo Dextromorfano. O
alerta é devido aos casos
de intoxicação após o uso
destes medicamentos em
Dourados e na região de
Ponta Porã. O Ministério
da Saúde determinou
ontem a suspensão da
venda dos remédios
citados pela Vigilância
Sanitária. (Ana Luiza
Vieira)
Governo institui
‘Dia Estadual do
Policial Civil’
O governo de Mato
Grosso do Sul publicou
na edição de ontem do
Diário Oficial a lei nº
4.408 que inclui o “Dia
Estadual do Policial Civil”
no calendário oficial de
eventos do Estado. A
data será comemorada
no dia 29 de setembro.
Conforme a assessoria
da governadoria, a lei
entra em vigor a partir
da data da publicação.
Ainda segundo a
assessoria, a data, o
local e o ensalamento da
prova escrita objetiva
do concurso público
da Polícia Civil foram
divulgados ontem no site
www.concursos.ms.gov.
br. A prova será no dia
20 de outubro, em Campo
Grande, às 8h. (ALV)
Cursos do
Pronatec têm
inscrições abertas
Os cursos do Pronatec
(Programa Nacional de
Acesso ao Ensino Técnico)
estão com inscrições
abertas em todo o país.
Em Campo Grande, são
oferecidas 76 vagas
neste mês, sendo 26 para
auxiliar administrativo, 20
para almoxarife e 20 para
agente de inspeção de
qualidade. As inscrições
podem ser feitas até
sexta-feira (4) nos CRAS’s
(Centros de Referência
em Assistência Social) da
Capital e os cursos são
gratuitos. Para efetuar a
pré-matrícula é necessário
levar RG, CPF e
comprovante de endereço.
Mais informações: 33149935. (ALV)
Agendamento
on-line para RG
começa nesta terça
A Sejusp (Secretaria
de Estado de Justiça e
Segurança Pública) lança
hoje, em Campo Grande,
o serviço de agendamento
on-line para expedição da
primeira e segunda via
da carteira de identidade.
O acesso ao serviço
eletrônico será feito a
partir do endereço www.
servicos.sejusp.ms.gov.
br. O novo sistema entra
em funcionamento nesta
terça-feira concedendo
a gratuidade da 1ª
emissão do RG, conforme
prevê a lei n° 4391/13. A
regulamentação da lei
será publicada por meio de
resolução no Diário Oficial
do Estado. (ALV)