MONICA SAVÁ Danças tradicionais - Monica Savà

Сomentários

Transcrição

MONICA SAVÁ Danças tradicionais - Monica Savà
MONICA SAVÁ
Danças tradicionais, dançamovimento terapia, jogo dança, community dance
formação.
Monica Savà é educadora de infância,
assistente social, dança movimento terapeuta,
sócia APID (Associazione professionale italiana
danzaterapia), obteve o diploma quadrienal em
Dança-Movimentoterapia
na
“Scuola
di
Artiterapie”di Lecco, Italía, posteriormente obteve
uma especialização em “Giocodanza” e uma
especialização em Dança-Movimento-terapia
focada na Simbologia Antrópologica (na
“associazione culturale Eurinome A.S.D” de Perúgia,
Itália). No 2013 obtem o certificado de “danza di
comunitá” (dança de communidade) na associação
Danzarte de Brescia, Italia.
Apaixonada pela dança étnica, frequenta numerosos
cursos de formação no tema da dança popular e
tradicional na Itália e na Europa. Aprofunda o
repertório das “tarantelle” da Itália do sul, orientando regularmente aulas e animações neste
tema, na Itália, França, Bélgica e Portugal. Desde 2004 aproxima o repertório tradicional
português, orientando numerosos cursos neste repertório. Participa desde do 2000 como
professora de dança tradicional aos principais festivais internacionais de dança tradicional
(Portugal, Espanha, Alemanha, Suíça, Bélgica, França, Itália); nestes festivais representa a
Itália com o repertório das danças do sul, acompanhada pelas bandas de “Damatrá”,
Spakkabrianza”, “Tarantelle abusive”, “Cantina sociale” e pelos músicos Davide Orlando,
Gianpiero Nitti, Giampiero Caruso, Marco di Battista, Giulia Larghi, Francesco Cafagna, Antonio
Ricci. Nos festivais italianos proporciona também o repertório tradicional português com o
grupo “Trio Coltri Menduto Morelli”. Colabora em qualidade de dançarina em exibições,
espetáculos e animações na Itália e na Europa com os repertórios de danças
europeias, italianas e portuguesas.
Desde 2000 realiza percursos de movimento criativo, dança terapia, danças étnicas e dança
jogo direcionados em contextos educativos, de reabilitação e de agregação, com crianças e
adultos. Colabora de forma estável com escolas, creches, jardins de infância,
instituições de reabilitação e assistência, proporcionando oficinas de danças étnicas
pela infância e cuidando da realização de coreografias em espetáculos. Realiza
animações e intervenções de dança terapia e dança para crianças no interior de associações,
bibliotecas, museus e teatros, criando ocasiões de dança para pais e filhos e de integração
deportadores de necessidades educativas especiais.
Em Portugal trabalha no âmbito da dança étnica e da dança movimento terapia desde 2004,
colaborando diariamente com escolas, associações e outras entidades, proporcionando aulas de
dança étnica com adultos, aulas de dança movimento terapia e danças tradicionais com
crianças, formações para educadores em dançaterapia, conferencias e intervenções
pedagógicas. Entre as associações com quem colabora regularmente: Escola Superior de Saude
(Leiria) ISPA (Lisboa), PSICOSOMA (Lisboa), Associação Tradballs (Lisboa), Oficina divertida
(Faro), Associação Contagiarte (Porto), Associação Pedexumbo (Èvora), Associação Danças em
Transição (Funchal, Madeira), Instituto da Droga do Algarve (Faro), Academia de bailado de
Lousã (Lousã), Associação Metrica das palavras (Malveira), Quinta dos Olivais (Lisboa), Câmara
Municipal de Montemor-o-novo, Associação Linda Velha em Transição (Lisboa), Brincadeiras ao
cubo (Barreiro), Casa da Juventude (Faro), Conservatorio de musica de Caldas da Reinha,
Associação cultural “Casa da zorra”, Évora, Associação “Baús das animações” (Figueira da Foz),
associação “Aprender em par” (Lisboa).
As aulas e as formações são realizadas em português.
MONICA SAVA’
DANÇAS POPULARES TRADICIONAIS- DANÇAMOVIMENTOTERAPIA- GIOCODANZADANÇA NA COMMUNIDADE- FORMAÇÃO
Monica Savà
Nascida em Frosinone (Fr),
Itália, no 24 de maio 1973
Contatos
+ 339.3184375 (Itália)
+351.916731895 (Portugal)
[email protected]
monicasava.wordpress.com
As intervenções podem ser
realizadas em língua italiana,
portuguesa e francesa.
QUALIFICAÇÕES









2015: “Certificado de acreditação de estatuto de formador-formação
continua”, Região autónoma dos Açores
2014: Formação acreditada APID “Medicina psicossomática e dançaterapia”,
orientado por Elena Fossati, Mila Sanna, Associação “Lo spazio”, Bovisio Masciago (MB),
Itália.
2013: Curso bienal de formação “Community Dance : curso de especialização em
dança na comunidade, Associazione culturale “Danzarte”, Brescia (Itália)
2011: Socio APID (Associação Professional Italiana Dançamovimentoterapia)
2011: Formação em Dançamovimentoterapia arquetípico simbólica, Associação
“Eurinome”, Perugia, Itália
2010: “Escola quadrienal de dança movimento terapia”, Cooperativa social "La
linea dell'arco", Lecco (LC), Itália.
2009: “Ação de formação: didática da dança étnica”; orientado por Bianca De
Jong, Folk Atelier, Reggio Emilia, Itália.
2008: Habilitação ao exercício de Giocodanza, (jogo dança). Diretora: Marinella
Santini, Milano (Itália); especialização no ensino da dança á crianças entre os 4 e os 6
anos.
2006/2009: Participação nas ações de formação no âmbito da dançaterapia “Mitos,
ritos e símbolos”- “Medicina psicossomática e arte terapia”
Daniela
Umiliata; “Dançaterapia com crianças com hiperatividade e falta de criatividade”, Irene



Weber, "A dança nos ritos de passagem”, Sergio Rovagnati. Na Cooperativa Social “La
linea dell’Arco”, Lecco (LC), Itália.
2004: Curso de formação "Supervisão dos estágios do serviço social”
Universidade Catolica (universitá Cattolica del Sacro Cuore), Formazione Permanente e
Provincia di Milano, Settore alle politiche sociali, Milano (Italia)
1999: Diploma Universitário de Assistente Social, Universidade de Milão (Italia)
com 50/50
1991: Diploma de Educadora de infância (maturità magistrale), Instituto
Magistral G.Bertacchi de Lecco (Italia) 58/60
Regularmente inscrita na Ordem Profissional Regional
dos
assistente
Regularmente inscrita no registro nacional de Dançamovimento terapia (APID)
EXPERIENCIAS
REABILITAÇÃO
DE
TRABALHO
NO
AMBITO
SOCIAL,
EDUCATIVO
social
E
DA
As experiencias de trabalho de caractere socio-reabilitativo, nos papeis de educadora e
assistente social, se articulam entre 1998 e 2010, tendo em objeto os âmbitos da promoção do
protagonismo juvenil, informação e educação com menores, adolescentes e jovens, agregação
e criatividade com menores, deficientes, reabilitação e assistência da toxicodependência e do
sector psiquiátrico.
PROMOÇAÕ DO PROTAGONISMO
PREVENÇÃO NOVAS DROGAS
JUVENIL:
AGREGAÇÃO,
INFORMAÇÃO
E
Para a cooperativa “La linea dell’Arco” di Lecco (Italia):




Responsável e educadora no “Sportello Informagiovani”, comune di Casatenovo (Itália)
Educadora no “Sportello informagiovani” comune di Oggiono (Itália)
Educadora no centro de agregação e informação juvenil “CIAG”, comune di Oggiono
(Itália)
Educadora no centro de agregação juvenil “La Fruntera”, comune di Barzago (Italia)
Para a cooperativa “Comunitá nuova” de Milão (Italia)




Coordenadora do centro de agregação juvenil “Latcho drom” de Besana in Brianza
(Itália)
Educadora para o projeto de educação de rua e centro de agregação juvenil “latcho
Drom” de Besana in Brianza (Itália)
Educadora do projeto “X-space” para a ASL 3 de Milão no interior da experimentação
coordenada para o tratamento de pessoas sinaladas para o consumo de drogas (
artt.75 e 121 DPR309/90)
Assistente social do projeto “X-space”
Para a Cooperativa Sociale “Solaris” de Triuggio (Mi)

Educadora para o “Centro diurno
Trattamentale Sperimentale per ex
tossicodipendenti” Macherio (Mi); conduçaõ de oficinas expressivas, culturais, grupos
educativos, ecc.
AMBITO PSIQUICO E REABILITATIVO
Para a Comunità Psicoterapica “La Rosa dei Venti” de Erba (Co)

Educadora na casa para menores psiquiátricos: oficinas e atividades para crianças e
adolescentes com perturbações psiquiátricas
Para o Centro Psico Sociale de Besana in Brianza (Mi)

Acompanhamento e suporto educativo á dois pacientes no campo de ferias do WWF a
Petina (Sa); atividades de tipo naturalístico, ambiental, expressivo e agregativo
Para o Centro Psico Sociale di Lecco

Tirocínio formativo como Assistente Social
Para a Associazione “Stefania” di Lissone (Mi):

Educadora em oficinas de tipo criativo, expressivo, motor e cognitivo com menores e
jovens com perturbações psiquiatricas, fisicas e sensoriais. Aulas de abordagem na
dança etnica.
Para a Associazione “La Nostra Famiglia” di Lecco:

Tirocínio formativo como Assistente Social.
Para a Cooperativa Sociale “Tangram 2” di Vimercate (MI)

Educadora no campo de férias com um grupo de 35 pacientes com doenças psíquicas,
motoras e sensoriais. Acompanhamento individual com jovem com síndrome autista e
hemiparesia
Para a Cooperativa sociale “Solaris” di triuggio (Mi)

Educadora no Centro Socio Educativo di Besana in Brianza (Mi); doenças motoras,
psíquicas e sensoriais
CRIANÇAS E ADOLESCENTES
Para a associação “Comunità Nuova” de Milão:

Coordenadora e educadora do projeto de animação e agregação para crianças “Il
monellacio”, no interior do centro di aggregazione giovanile “Latcho Drom” di Besana
in Brianza (Mi); atividades e oficinas de tipo criativo, motor, expressivo e artístico
Para a Camara Municipal de Casatenovo (LC):

Educadora do centro de férias no “Parco Vivo”: atividades lúdicas, expressivas e
artísticas com crianças entre os 3 e os 14 anos
Para a associação “Domino” de Lesmo (Mi):

Educadora no centro de ferias da camara de Concorezzo (Mi); atividades lúdicas e
expressivas. Oficinas de dançaterapia com crianças.
DANÇAS POPULARES E TRADICIONAIS: FORMAÇÃO
Desde 1995 participo regularmente em ações de formação e atualização no tema da dança
popular e tradicional, italiana e estrangeira. Entre os monitores e os grupos que contribuíram à
minha formação:
Danças europeias e internacionais (1995–2014)
Certificado de participação em aulas e workshops intensivos com os professores:
Irina Isajeva :Rússia, Ucrânia, Letónia
Mercedes Prieto: Portugal e Galícia
Alexander Matias: Portugal e internacionais
Ana Lage: Portugal
Desiderio Afonso: Portugal (Minho)
Diana Azevedo: Portugal
Luisa Fonseca/Rita Duarte/Mauro Saunders: Portugal
Rossana Arosio: internacionais, Espanha, Itália, Irlanda, França
Yvon Guilcher /Cristina Colombo: França
Davide Panzeri: Escócia
Lina Risi, Renzo Foglini, Mario Meini, Cristina Colombo: Internacionais
Agnes Perez, Federica Carpino Prina, Maurizio Diamantini, Nicola Brighenti: Fandango e danças
bascas
Maria Douvalis: Grécia
Pino Gala e Tamara Biagi (associazione Taranta, Firenze, Italia): danças italianas
Latcho Drom, Le coribanti, Unza: danças Rom
Ballando per le strade: Polinesia
Francesca Chierici: Medio oriental
Bloom: Bharata Nathia (India)
Sinafrica: Africa
Associazione Il cortile (danza contact improvisation)
Danças italianas (1999-2014)
Repertorio tradicional das diferentes regiões da Itália
• Lello D’Ajello Caracciolo, Francesca di Jeso, Ugo Maiorano, Nando Citarella, Raffaele Argiento,
Anna Perrotta, La paranza dell’agro, I virtuosi della tarantella • Marcello Lomascolo, Salvatore
Villani, Francesca Chiriatti, Mario Gennari ,Ballati tutti quanti, Compagnia di Gegè, La paranza
del Geco, Anna Cinzia Villani • Ettore Castagna, Agata Scoppellliti, Massimiliano Murgo • Pino
Gala e Tamara Biagi (danze italiane) • Viliam Fava • Francesca Barbagli
Danças para a infância e didática da dança étnica (2000-2014)
Associazione Selene Legnano (MI); Associazione Terra di danza Modena (MO); Associazione
Taranta, Firenze (FI); Maria Renata Zaramella, Brugine (PD); Angelo Scalvini, Busto Arsizio
(VA); Mercedes Prieto, Évora (Portogallo); Placida Staro, Silvio Lorenzato, Dina Staro, Francesca
Barbagli.
Outras formações artisticas: (1999-2013)
Expressão teatral: Cesare Gallarini, Michele Fiocchi, Cristina Capaccio, Anna Mariani
Mimo: Elisabetta Cavana
Animação de contos de fadas: Ugo Minutolo
animação rítmica: Centro Studi Musicali Maurizio di Benedetto
Musicoterapia: Lorenzo Orlando, Umberto Fumagalli
Psicomotricidade (Angelo Scalvini).
Bandas e músicos com quem colaboro (1999-2015)
Spakkabrianza, Briganti, Canto Antico, Damatrà, Banda Brisca, Suonatori della Valfregia,
Malapizzica, Trio Coltri Menduto Morelli, Rataplam, Davide Orlando, Marco Di Battista,
Giampiero Caruso, Antonio Ricci, Roberto Gallenda, Tarantelle abusive, Cantina Sociale,
Traballo.
DANÇAS POPULARES E TRADICIONAIS: EXPERIENCIAS DE
TRABALHO
Participo regularmente aos principais festivais de dança tradicional na
Europa, como professora de danças internacionais, portuguesas, italianas e
para crianças, acompanhada pelos grupos Spakkabrianza, Tarantelle Abusive,
cantina Sociale, Trio Coltri Menduto Morelli.
Festivais internacionais Itália (2003-2014)









2014 Folkastagno, Castagno sant’Andrea (FI): danças tradicionais
portuguesas
2014, 2015: Folkampestre: Musiche e danze nella valle del
Curone (Monza e Brianza): stage de danças portuguesas
2011: Isola Folk, Suisio (BG); danças tradicionais portuguesas; animação com a
banda “Trio Coltri Menduto Morelli”
2007: Onnolulu folk festival, Onno (LC), organização Spakkabrianza e Banda Brisca;
stage de danças do Sul de Italia
2006, 2007 TradLig, Camporosso (Imperia). Danças tradicionais do Sul de Italia;
danças tradicionais portuguesas
2005: Zingaria Folk Festival, Biccari (Fg) : danças tradicionais internacionais
2004:Tarantanno, Sant’Agata di Puglia (FG); danças internacionais
2004: Gran Bal Trad, Sala Biellese (TO); danças do Sul de Italia
2003: Odissea Folk festival, Giussano (MI). Danças do Sul de Italia
Festivais internacionais em Portugal (2004-2014)

2004, 2005, 2006, 2007, 2008, 2009, 2014, 2015: “Andanças”: danças
tradicionais italianas, do mundo, danças para crianças. Animação dos bailes com as
bandas “Tarantelle abusive” e “Spakkabrianza”








2010, 2014: “Byonritmos festival”: Bãiao. Aulas de danças italianas, danças do
mundo e danças para crianças. Animação com a banda “Spakkabrianza”
2012: “Inni festival”, Eclipse art, Lisboa. Danças internacionais para adultos e
crianças
2012: “Festival Mun’danças”, Coimbra: danças tradicionais da Italia, danças para
crianças
2007, 2011, 2012: “Festival de pasagem de ano”: Associação Tradballs e
associação Rodobalho, Coimbra; danças tradicionais da Italia e do mundo.
2011, 2012, 2014: ” Fest-i-ball”: festival de musica e dança tradicional, associação
Tradballs, Lisboa. Danças tradicionais da Italia e do mundo; stage avançado de
fandango basco
2009: “FIDO festival internacional de dança de Oeiras”, Associação Pedexumbo,
Evora. Danças tradicionais italianas.
2008, 2009: Entrudanças, Entradas, Castro Verde, Associação Pedexumbo, Evora;
danças tradicionais italianas; danças do Carnaval.
2008: “Granitos folk: festival de musica de raiz tradicional”, Porto. Associação
Contagiarte (Porto): danças tradicionais europeias
Festivais tradicionais na França (2004-2012)



2004, 2005, 2006, 2007, 2011, 2012:Gran Bal de l’Europe, Gennetines: danças
tradicionais italianas; animação dos bailes com as bandas “Spakkabrianza” e “Damatrá”
2012: Saint Gervais: danças italianas.
2006: 10° Festival tradittionel au pays du galoubet, La Motte en Provence;
danças tradicionais italianas; animação dos bailes com a banda Spakkabrianza
Festivais tradicionais na Espana (2005-2010)


2005 e 2010: “Danzas sin Fronteras”, festival internazionale di danze
tradizionali,camping “El pielago”, Toledo: laboratorio di danze italiane con Davide
Orlando e con il gruppo Spakkabrianza.
2007: Passaltpas escola de musica municipal, Sant Celoni, Valles oriental, Sant
celoni (Catalunya), aulas de danças italianas com os musicos G.Nitti, M. Morabito,
F.Patruno.
Festivais tradicionais e workshop na Belgica
•
•
2011 : Association Tradidanse : danças para crianaçs ; danças italianas e
portuguesas
2006: Association Tradidanse, na Sale des fetes de la maison haute de
Watermael, Bruxelles : dançamovimento terapia e dança tradicional apar
crianças. Exibição de danças italianas
Festivais tradicionais na Alemanha
• Rudolstadt 2007 ,festival roots, folk, world music. Stage de danças italianas,
animação com o grupo “Spakkabrianza”
AULAS REGULARES
Tarantelle-danças portuguesas-danças euopeias e internacionais
Desde 1999 oriento diariamente oficinas de abordagem à dança tradicional, danças por
crianças, tarantelle da Itália do Sul, danças tradicionais da Europa e do mundo, danças
portuguesas. As intervenções se realizam em estruturas escolares, associações, teatros e outras
realidades associativas, além de aulas regulares, animações em festas, bailes e outros eventos.
Os percursos têm em objeto:



Tarantellas e danças do sul Itália
Danças tradicionais portuguesas
Danças tradicionais europeias e do mundo
Realidades com quem colaboro (1999-2015): Itália
Associações de dança: Centro ricerca arte musica e spettacolo di Monticello Brianza
(LC),Circolo ARCI di Como; Circolo ARCI Il circolo, Mariano Comense (CO); Circolo ARCI Sesamo
di Bonate Sotto (BG); ARCI Mirabello, Cantù (CO); ARCI Blob di Arcore (MI); Circolo ARCI
Trenta giugno di Genova (GE); Circolo ARCI Villa Pallavicini, Milano (MI); circolo Malanga
amarilla di Cinisello Balsamo (MI); Circolo ARCI Bellezza, Milano (MI)Circolo Enosud, Milano;
Oratorio di Inverigo (CO); Oratorio di Lurago d’Erba (CO); Oratorio San Gervasio, Capriate San
Gervasio (BG); Oratorio San Giovanni Bosco di Bollate (MI).Associazione Il traballo, Monza (MI);
Associazione Amici della radio, Seregno (MI); Associazione Amici del Folkaos, Milano;
Associazione Aria di danze, Almenno San Bartolomeo (BG); Associazione Mediterranea danza e
cultura, Milano; Associazione Rataplam, Mapello (BG); Associazione La colombina, Casatenovo
(LC); Associazione Brianzafolk, Besana in Brianza (MI); Associazione Nuova scuola Steineriana,
Montorfano (CO); Associazione Il cortile, Rho (MI); Associazione Sandegoga danze, Bussero
(MI); Gruppo danze popolari di Paderno Dugnano (MI); Associazione Danzinfesta, Piacenza;
Associazione Tuttaltramusica, Novara; Associazione Selene, Legnano (MI); Associazione
Circoscrizione 2, Monza (MI); Associazione Balliamondo, Bollate (MI); Associazione Iridanza,
Carate Brianza (MI), Associazione La favola di mattoni, Cusano Milanino (MI), Associazione Cre
azione donne, Bussero (MI), Associazione danze Seriate (BG), Associazione Baldanze di Cantù
(CO); Associazione “studio arti sceniche” Genova (GE) Centro sportivo “Cigno”, Sesto San
Giovanni (MI); Libreria “La cicala”, Merate (LC); Centro Sportivo di Ciriè (TO); associazione
genitori di Cortenuova (BG); Comitato genitori di Mezzago (BG); Associazione “Movimente”,
Cologno Monzese (MI), Associazione “La Conta”, Milano (MI), Associazione “Ballatella”, Lecco
(LC), Associazione LUP Valsesia, Borgosesia (VC), Associazione sportiva dilettantistica
“Semillita”, Arezzo, associazione “danze popolari di Breganze” (VI), circolo “Enosud”, Milano
(MI), “Compagnia del re gnocco”, Valtrighe di Mapello (BG); LOFI circolo Arci, Milano (MI),
associazione “Danzitondo”, Morro d’Alba (AN) “La tana delle tradizioni”, sotto Il Monte (BG),
Associazione “L’albero blu”, Lecco (LC), Associazione “Amici della ludoteca”, Cassina de Pecchi
(MI), Associazione “Freccia Rossa”, Cassago Brianza (Monza e Brianza), ATEL di Lipomo (CO).
Camaras e instituições públicas: Comune di Cassago Brianza (LC); Comune di Macherio
(MI); Comune di Arona (MI); Comune di Lambrugo (CO); Comune di Montevecchia (LC);
Comune di Milano (MI); Assessorato alla cultura del Comune di Bussero (MI); Comune di
Paderno Dugnano (MI), Comune di Abbiategrasso (MI), Comune di Cologno Monzese,
assessorato alla cultura (MI), Centro di aggregazione giovanile La Fruntera, Barzago (LC);
Centro di aggregazione giovanile Latcho Drom, Besana in Brianza (MI); Centro culturale
polivalente Baricentro di Costamasnaga (LC), Progetto “Spazio giovani” Comune di Erba (CO),
Comune di Barzago (LC).
Escolas: (A palavra “scuola” significa “escola primaria”) Scuola dell’infanzia G. Rodari di
Verdellino di Zingonia (BG); Scuola elementare di Verdellino di Zingonia (BG); Scuola Media di
Verdellino di Zingonia(BG);Scuola elementare Pezzani di Besana in Brianza (MI); Scuola media
Caldera di Cabiate (MI); Scuola media di Monticello in Brianza (MI); Scuola primaria Segantin,
Veduggio con Colzano (MI); Scuola elementare di Cologno Monzese, via Pisa (Mi); Scuola
dell’Infanzia di Lurano (BG); Scuola dell’infanzia di Colognola (BG); Scuola primaria Don
Gnocchi, Besana in Brianza (MI); Scuola primaria di Colognola (BG); Scuola primaria “FermiOggioni”” di Villasanta (MI); Scuola primaria “Raiberti”, Monza (MI); scuola primaria “Aporti” di
Milano (MI); istituto comprensivo di Cologno Monzese, II circolo, scuola dell’infanzia di Alserio
(CO), Scuola primaria “De Marchi”, Paderno Dugnano (MI); scuola media “Allende-Croci” di
Paderno Dugnano (MI);scuola primaria “Kennedy” di Varedo (MI), Scuola primaria “A. Moro” di
Varedo (MI), Scuola primaria di Cremnago di Inverigo (CO), Scuola primaria di Cortenuova
(BG), scuola dell’infanzia di Bollate (MI), Scuola primaria “Capponi” di Milano (MI), Scuola
dell’infanzia di Cologno Monzese (MI), Scuola primaria di “Via della Repubblica “, Cologno
Monzese (MI), Scuola primaria di Chignolo d’Isola (BG), Scuola dell’infanzia di Breccia (Co),
Scuola primaria di Via Lombardia, Cologno Monzese (MI), Scuola primaria di Montemarenzo
(BG), Scuola primaria di Colzate (BG), Scuola dell’infanzia di Bellinzago Lombardo (MI), Scuola
dell’infanzia di Carcano di Albavilla (CO), Scuola dell’infanzia di Vercurago (Bg), Scuola primaria
di Barzago (LC), Scuola primaria di Erba: frazioni di Bindella, Erba, Crevenna (CO); Scuola
primaria integrata di Ponte Lambro (CO), Scuola dell’infanzia “Amalia” di Cologno Monzese (MI),
Scuola dell’infanzia “Terraneo”, Cantú (CO).
AULAS
REGULARES
NA
ESCOLA:
DANÇAMOVIMENTOTERAPIA (ITALIA)











3-14
ANOS.
DANÇA
ETNICA
E
2015: “Il ritmo dei popoli: laboratorio di danzaterapia e danze tradizionali per
l’infanzia”: Scuola primaria di Via della Repubblica, Cologno Monzese(MI) classi II,
IV, V)
2015: “Il ritmo dei popoli: laboratorio di danzaterapia e danze tradizionali per
l’infanzia”: bambini di 3,4,5 anni, Scuola dell’infanzia Giovanni XXIII Vercurago
(BG)
2015: “Il ritmo dei popoli: laboratorio di danzaterapia e danze tradizionali per
l’infanzia”: scuola primaria di Monte Marenzo (LC), classi I e II
2015: “Il ritmo dei popoli: laboratorio di danzaterapia e danze tradizionali per
l’infanzia”: Scuola primaria di Arcellasco di Erba (CO), classi I, II, V
2015: “Il ritmo dei popoli: laboratorio di danzaterapia e danze tradizionali per
l’infanzia”: scuola primaria di Barzago (LC), classe I.
2015: “Il ritmo dei popoli: laboratorio di danzaterapia e danze tradizionali per
l’infanzia”: scuole dell’infanzia di Via Diaz, Bindella e Crevenna di Erba (CO); bambini
di 4 e 5 anni
2015: “Il ritmo dei popoli: laboratorio di danzaterapia e danze tradizionali per
l’infanzia”: Scuola primaria “Marco Polo” di Bollate (MI): classi II e III
2015: “Il ritmo dei popoli: laboratorio di danzaterapia e danze tradizionali per
l’infanzia”: scuola dell’infanzia integrata di Ponte Lambro (CO), bambini di 3,4,5 anni
con diversa abilitá
2014: “Il ritmo dei popoli: laboratorio di danzaterapia e danze tradizionali per
l’infanzia”: bambini di 5 anni, Scuola di Carcano di Albavilla (CO)
2014: “Il ritmo dei popoli: laboratorio di danzaterapia e danze tradizionali per
l’infanzia”: bambini di 3,4,5 anni, Scuola dell’infanzia Giovanni XXIII Vercurago
(BG)
2014: “Il ritmo dei popoli: laboratorio di danzaterapia e danze tradizionali per
l’infanzia”: bambini di 5 anni, Scuola dell’infanzia integrata di ponte Lambro (CO)



























2014: “Il ritmo dei popoli: laboratorio di danzaterapia e danze tradizionali per
l’infanzia”: bambini di 6 e 7 anni, Scuola primaria di Monte Marenzo (LC)
2014: “Il ritmo dei popoli: laboratorio di danzaterapia e danze tradizionali per
l’infanzia”: classi seconde, terze, quarte e quinte, Scuola primaria di Via della
Repubblica, Cologno Monzese (MI)
2014: “Il ritmo dei popoli: laboratorio di danzaterapia e danze tradizionali per
l’infanzia”: bambini di 5 anni, Scuola dell’infanzia “Terraneo”, Cantú (CO)
2014: “Diritti a passi di danza: laboratorio di danza popolare e tradizionale a tema
Convenzione Universale dei diritti dell’infanzia”, Comune di Barzago (LC)
2014: “Il ritmo dei popoli: laboratorio di danzaterapia e danze tradizionali per
l’infanzia”: classi prime e seconde, Scuola primaria di Bollate (MI)
2014: “Il ritmo dei popoli: laboratorio di danzaterapia e danze tradizionali per
l’infanzia”: bambini di 5 anni, Scuola dell’infanzia “Amalia”, Cologno Monzese
(MI)
2013: “Danze popolari dal mondo”: laboratorio di danze tradizionali italiane, portoghesi
ed internazionali per gli alunni di Tomar (Portogallo), Liceo Scientifico Statale “Livio
Cambi”, Falconara Marittima (AN)
2013 “Danzacqua”: danza popolare e danzaterapia sull’acqua: scuola dell’infanzia di
Bellinzago Lombardo (MI)
2013: “Emozioni in danza: danzaterapia e danza popolare tradizionale”, scuola
dell’infanzia di Breccia (CO); bambini di 4 e 5 anni
2013: “Il ritmo dei popoli: laboratorio di danza popolare e tradizionale presso la scuola
primaria di Bollate (MI) classi terze, quarte e quinte
2013: “Il ritmo dei popoli: laboratorio di danza popolare e tradizionale presso la scuola
dell’infanzia di Colzate (BG); bambini di 4 e 5 anni
2013: “Il ritmo dei popoli: laboratorio di danza popolare e tradizionale presso la scuola
dell’infanzia di Cologno Monzese (MI): bambini di 4 e 5 anni
2013: “Il ritmo dei popoli: laboratorio di danza popolare e tradizionale presso la scuola
primaria di Montemarenzo (BG): classi prime, seconde, terze, quarte, quinte
2013: “Il ritmo dei popoli: laboratorio di danza popolare e tradizionale presso la scuola
primaria di Chignolo d’Isola (BG): classi prime, seconde, terze, quarte e quinte
2013: “Il ritmo dei popoli: laboratorio di danza popolare e tradizionale presso la scuola
primaria di Via Della Repubblica, Cologno Monzese (MI): classi seconde e terze
2012: Preparazione dello spettacolo di fine anno per le classi quinte della scuola
Primaria di via Lombardia, Cologno Monzese (Mi)
2012: “Il ritmo dei popoli”, laboratorio di danza popolare tradizionale dal mondo presso
la scuola dell’infanzia di Breccia, Como (CO); bambini di 4 e 5 anni
2012: “Il ritmo dei popoli”, laboratorio di danza popolare tradizionale dal mondo”
presso la Scuola dell’infanzia di Via Levi Cologno Monzese (MI) , bambini di 5 anni
2012: “Il ritmo dei popoli”, laboratorio di danza popolare tradizionale dal mondo” presso
la Scuola primaria di “Via della Repubblica”, Cologno Monzese (MI); classi prime
2012: “Il ritmo dei popoli”, laboratorio di danza popolare tradizionale dal mondo” presso
la Scuola primaria di Chignolo d’Isola (BG); classi tutte.
2012: Progetto di danzamovimento terapia classe V, scuola primaria “Kennedy” di
Varedo (MI)
2011: “Il ritmo dei popoli”, laboratorio di danza popolare tradizionale dal mondo” presso
la Scuola dell’infanzia di Bollate (MI)
2011: “Il ritmo dei popoli”, laboratorio di danza popolare tradizionale dal mondo” presso
la Scuola primaria “Capponi” di Milano (MI), classi quinte
2011: “Il ritmo dei popoli”, laboratorio di danza popolare tradizionale dal mondo” presso
la Scuola dell’infanzia di Cologno Monzese (MI) bambini di 5 anni
2011: “Il ritmo dei popoli”, laboratorio di danza popolare tradizionale dal mondo”,
presso la scuola elementare “A. Moro” e “Kennedy” di Varedo (MI);classi I, II, IV
2010: “Il ritmo dei popoli”, laboratorio di danza popolare tradizionale dal mondo” presso
la Scuola dell’infanzia di Alserio (CO), bambini di 3,4,5 anni
2010: “Il ritmo dei popoli”, laboratorio di danza popolare tradizionale dal mondo”,
presso la Scuola elementare di Cortenuova (BG); classi IV e V.
























2010: ” Borboleta: laboratorio di danza movimento terapia e danza tradizionale” con
alunni con diversa abilità: per “Snodo handicap” di Varedo (MI); intervento presso la
scuola elementare “Kennedy” e “A. Moro” di Varedo; classi I, II, III
2010: “Il ritmo dei popoli”, laboratorio di danza popolare tradizionale dal mondo”,
presso la scuola elementare “A. Moro” e “Kennedy” di Varedo (MI); classi I.
2010: "Il ritmo dei popoli, laboratorio di danza popolare tradizionale dal mondo” presso
la Scuola elementare “E. Fermi, A.Oggioni” di Villasanta (MI), classi I, II
2010: “Il ritmo dei popoli”, laboratorio di danza popolare tradizionale dal mondo”,
presso la scuola primaria “De Marchi” di Paderno Dugnano (MI); classi I,II
2010: “Il ritmo dei popoli”, laboratorio di danza popolare tradizionale dal mondo”,
presso la scuola primaria di Via Pisa, Cologno Monzese (MI), classi IV e V.
2009: "Il ritmo dei popoli, laboratorio di danza popolare tradizionale dal mondo” presso
la Scuola elementare “E. Fermi, A.Oggioni” di Villasanta (MI), classi I, IV
2009:"Il ritmo dei popoli, laboratorio di danza popolare tradizionale dal mondo” presso
la Scuola elementare statale “G.Piermarini”” di Cremnago di Inverigo (LC); classi
I,II,II,IV,V
2009: "Il ritmo dei popoli, laboratorio di danza popolare tradizionale dal mondo” presso
la Scuola Secondaria di I grado “Allende-Croci”, Paderno Dugnano (MI); classi I
media.
2009: "Il ritmo dei popoli, laboratorio di danza popolare tradizionale dal mondo” presso
la Scuola elementare “E. Fermi, A.Oggioni” di Villasanta (MI), classi I, II
2009: "Il ritmo dei popoli”, laboratorio di danza popolare tradizionale dal mondo” presso
la Scuola elementare “Raiberti” di Monza (MI), classi I, II, II
2009: "Il ritmo dei popoli”, laboratorio di danza popolare tradizionale dal mondo” presso
la Scuola elementare “Aporti”di Via Mantegna, Milano (MI), classi IV
2009: "Il ritmo dei popoli”, laboratorio di danza popolare tradizionale dal mondo” presso
la Scuola elementare di Cortenuova (BG), classi III, IV e V.
2009: “Il ritmo dei popoli”, laboratorio di danza popolare tradizionale dal mondo” presso
la Scuola dell’infanzia di Alserio (CO)
2009: “Il ritmo dei popoli”, laboratorio di danza popolare tradizionale dal mondo” presso
l’Istituto comprensivo statale “A. Moro M.Ri Di Via Fani”, Varedo (MI)
2008: Progetto di danzaterapia e danze tradizionali popolari per l’infanzia: presso la
Scuola dell’infanzia di Lurano (BG)
2008: Progetto di danzaterapia e danze tradizionali popolari per l’infanzia: presso la
Scuola dell’infanzia di Colognola (BG)
2008: progetto di danzamovimento terapia: presso la Scuola elementare Don Gnocchi di
Besana in Brianza (MI) classi prime. Per il “Consorzio Brianteo di Villa Greppi”,
Monticello in Brianza (MI)
2008: “Il ritmo dei popoli”, laboratorio di danza popolare tradizionale dal mondo presso
la Scuola elementare di Verdellino (BG); classi I,II,III,IV,
2007: Scuola Media di Cabiate (CO): Progetto Poseidone, danze popolari tradizionali
sul tema dell’acqua e stimoli di danzaterapia
2007: “Il ritmo dei popoli”, laboratorio di danza popolare tradizionale dal mondo Scuola
Media di Cabiate (CO)
2007: Progetto di danzaterapia: per il consorzio Brianteo di Villa Greppi di Monticello
Brianza (LC); intervento con le classi prime della Scuola Pezzani di Besana in Brianza
(MI)
2007: Progetto di danzaterapia: per il consorzio Brianteo di Villa Greppi di Monticello
Brianza (LC); intervento con le classi quinte della Scuola elementare di Renate (MI)
2006: Progetto di danzaterapia: per il “Consorzio Brianteo di Villa Greppi” di Monticello
Brianza (LC); intervento con le classi quarte della Scuola primaria Segantin di
Veduggio con Colzano (MI)
2006: Progetto di danzaterapia: per il consorzio Brianteo di Villa Greppi di Monticello
Brianza (LC); intervento con le classi prime della Scuola Pezzani di Besana in Brianza
(MI)



2005: Progetto di danzaterapia all’interno di “Educarte 2005”, promosso da Consorzio
Brianteo di Villa Greppi e Scuola elementare Pezzani di Besana in Brianza; lavoro con
le classi seconde;
2004: Progetto di danzaterapia all’interno di “Educarte 2004”, promosso da ”Consorzio
Brianteo di Villa Greppi” e Scuola elementare Pezzani di Besana in Brianza; lavoro
con le classi prime. Commissione: Artherapy Italiana
2004: Progetto di danza movimento terapia intervento presso le scuole medie di
Barzanò (LC); all’interno del progetto “Educarte 2004”, promosso dal Consorzio
Brianteo di Villa Greppi. Commissione: Artherapy Italiana
INTERVENÇÕES DE DANÇAMOVIMENTOTERAPIA, DANÇA ETNICA E JOGO DANÇA NO
AMBITO DA DOENÇA PSIQUIATRICA E MOTORA (ITALIA)





2014/2015: Aulas regulares de dança tradicional para os utentes da “Casa dei ragazzi”,
Olgiate Molgora (LC). Adultos com deficiência psíquica e motora medio-grave
2003, 2004, 2005: Aulas regulares de dança tradicional e dança terapia com os utentes
Centro residenziale terapeutico e Centro psico Sociale di Appiano Gentile (CO),Ospedale
Sant’Anna di Como. Utentes com doença psiquiátrica medio-grave
2003: aulas regulares de dança terapia co os utentes do Centro Socio educativo di
Besana in Brianza (MI); adultos com deficiência motora e psiquica grave
2003/2004: aulas regulares de dança tradicional com os utentes da Comunità
psicoergoterapica “La rosa dei venti”, Erba (CO). Menores com doença psiquiatrica
meio-leve
2004/2005: Aulas regulares de dança tradicional com os utentes da Associazione “La
stella polare”, Monza (MI): menores com deficiência psiquiátrica meio-leve
COLABORAÇÕES COM OUTROS PROFISSIONISTAS- INTERVENÇÕES PUBLICASUNIVERSIDADES
Portugal

Fevereiro 2015: Curso de dança movimento terapia na Licenciatura em Terapia
Ocupacional Escola Superior de Saúde Instituto Politécnico de Leiria

27 De Outubro 2014: Açores Hoje, RTP Açores. Entrevista televisiva “Ciranda: danças
tradicionais e estímulos de dançaterapia”, Ponta Delgada, São Miguel, Açores.
(http://videos.sapo.pt/coONKEdM7ZBCrptBIzc1)

03 De julho 2012: Com a doutora Margarida Lima, faculdade de psicologia,
Universidade de Coimbra: “Introdução a dança movimento terapia”
16 De junho 2012: Sociedade Psicosoma de Lisboa, no interior da formação
permanente “Instrumentos e inovações na educação especial”. Intevenção:”dança
movimento terapia aplicada em contextos de necessidades educativas especiais”,
Lisboa, Casa Pia

Itália
Com a Doutora Stefania Biffi, Metodo Feldenkrais:




2010: “As danças da natureza”: workshop residencial de dança tradicional , casa “La
valle del Drago”, Roncobello di Baresì (BG)
2009: “A força de gravidade” seminário teórico-prático de dançaterapia, dança étnica e
Metodo feldenkrais, Libreria “La cicala”, Merate (LC)
2009: “ A postura e o ritmo”; intervenção de dança tradicional
2007: “Ombros: mobilidade e articulações”; intervenção de dança tradicional com
Gianpiero Nitti
Com a Doutora Elena Faini, psicóloga e psicoterapeuta:

2010: “ Pais e filhos: emoções em circulo: percurso formativo para gestão dos
conflitos “, organizado por Commissione “Progetto genitori” ,comitato genitori e
l’amministrazione comunale di Mezzago (BG), sala civica del comune di Mezzago (BG)
Com a Doutora Ines Cafiero, Studio Cafiero Srl; consulenza organizzativa e formazione
(Milano)



2013: artigo na revista “FEMI: dire fare immaginare” , pag 15. “La cultura é servita”.
2011: “Stronger Together Manager”: para as empresas Canon e Océ, Milano
2009: Formação Educational“ Cantami, o Diva: sperimentare l’arte per usarla nel
contesto organizzativo”
Com Barbara Melica, coreografa:

2009: Colaboração na criação da coreografia “tammurriata” para os atletas de
patinagem no gelo Massimo Scali e Federica Faiella
http://www.youtube.com/watch?v=K6t7M_-I7SI www.faiellascali.com/ita/press
2009-2010-ITA.pdf
Coopertiva “Cimas” de Lissone (MI)
• 2005: Intervenção de dançamovimentoterapia: quando o corpo dança a emoção: o
processo criativo da dança terapia” no interior da conferência: “Arte in ascolto: le terapie
espressive nella relazione d’aiuto”, 25/26 novembre 2005, Lissone (MI), Palazzo Terragni.
Convegno promosso da Centro terapie espressive, Cooperativa Cimas, Cooperativa Solaris,
Città di Lissone, ASL 3, Fondazione della Comunità di Monza e Brianza.
FORMAÇÃO “CIRANDA: DANÇAS TRADICIONAIS PARA CRIANÇAS E ESTIMULOS DE
DANÇATERAPIA”
“Ciranda” é um projeto direcionado á monitores, educadores, animadores e outro pessoal sociosanitário que encara menores no interior de estruturas socioeducativas. A intervenção
proporciona estímulos e ferramentas para o utilizo da dança tradicional-popular e a
dançaterapia em contextos de educação, formação e agregação com menores. O projeto é em
princípio proporcionado como ocasião de atualização e formação do corpo docente das escolas
ou também para grupos espontâneos.
A formação “Ciranda” tem vários níveis; em princípio, apos do primeiro nível, todas as
associações avançam com os níveis sucessivos, encarando temas específicos (a gestão da raiva,
os elementos da natureza, os contos de fada, etc), conforme aos interesse do grupo dos
formandos.
Edições da “Ciranda” na Italia:
(a palavra “Livello” significa “Nivel”)
















2015: Livello 2, Associazione Ballatella, Lecco (LC)
2014: Livello 1: Associazione Ballatella, Lecco (LC)
2014: Livello 2: Scuola dell’infanzia di Via Diaz, Erba (CO)
2013: Livello 1: Scuola dell’infanzia di Via Diaz, Erba (CO)
2013: Livello 3 presso la scuola dell’infanzia di Via Levi, Cologno Monzese (MI)
2012: Livello 2:Presso la scuola primaria “Alessandro Manzoni”, Cologno Monzese (MI)
2012: Livello 1: Presso la scuola primaria “Alessandro Manzoni”, Cologno Monzese (MI)
2012: Livello 1: Scuola dell’infanzia “Prinetti” di Besana in Brianza (MB)
2010:Livello 1: Scuola primaria “De Marchi”, Paderno Dugnano (MI)
2010: Livello 3: Associazione polivalente “La colombina”, Casatenovo (LC)
2009: Livello 2: Scuola primaria di Cologno Monzese (MI), II circolo
2008: Livello 1: Scuola primaria di Cologno Monzese (MI), II circolo
2009: Livello 2: Associazione “La colombina”, Casatenovo (LC)
2008: Livello 1: Associazione “La colombina”, Casatenovo (LC)
2006: Livello 1: Associazione Mediterranea danza e cultura, Milano (MI)
2005: Livello 1: Associazione “Nuova scuola Steineriana”, Como (CO)
Edições da “Ciranda” em Portugal:




















2014: Nível 1: Centro lúdico De Oliveira de Azeméis
2014: Nível 1: Incorp Psicomotricidade, Setúbal
2014: Nível 1: Coliseu Micaelense, Ponta Delgada, São Miguel (Açores)
2014: Níveis 1 e 2: Associação “Aprender em par”, Lisboa
2013: nível 1: Associação “Aprender em par”, Lisboa
2013: nível 1 e 2: Conservatório de música de Caldas da Rainha
2013: nível 1: Conservatório da música de Caldas da Rainha, Portugal, no interior do
festival “Musicaldas 2013”
2012: níveis 2,3,4, para CCR, Lisboa
2012: nível 1: para a escola infantil “Brincadeiras ao cubo”, Barreiro, Portugal
2012: níveis 1,2,3,4: Associação Tradballs, Fabrica Braço de Prata, Lisboa
2011: níveis 1,2,3,4: Associação Tradballs, Fabrica Braço de Prata, Lisboa
2011: nível 1, Oficina Divertida, Faro
2011: nível 1: Associaçao Tradballs, Lisboa
2010: nível 1: Oficina Divertida, Faro
2009: Nível 2: Oficina Divertida de Faro, organização de Associação Pedexumbo Evora
2009: Nível 1: Oficina Divertida de Faro, organização de Associazione Pedexumbo
2009: Nível 2: Associação Tradballs, Casa da Comarca da Serta, Lisboa.
2008: Nível 1: Associação Tradballs, teatro da Luz, Lisboa
2008: Nível 2: Associação “Pedexumbo” Evora, em colaboração com Mercedes Prieto
Martinez
2006: Nível 1:Associação “Pedexumbo”, Evora, ao interior do Projeto “Jogar”
Outras formações em dança terapia e dança tradicional em Portugal:
As intervenções de dançamovimento terapia e dança étnica são principalmente direcionadas á
monitores, educadores, psicólogos, e pessoal socio-sanitário que se encara com crianças,
adultos, NEE, em contextos expressivos, agregativos e educativos e similares, mas também á
grupos espontâneos que queiram aprofundar o tema. As intervenções compartilham um método
teórico-prático e a continua referencia ao repertorio tradicional e popular, visto e interpretado
através do olhar especifico da dançamovimentoterapia arquetípico simbólica. O objetivo geral é
o de fornecer importantes estímulos e ferramentas práticas, numa ocasião de atualização e
reflexão permanente no interior do grupo. Os conteúdos são vários e diferentes; além das
intervenções já estruturadas, é possível criar e proporcionar novos módulos temáticos
consoante aos desejos e aos interesses do grupo.
“A simbologia do movimento”
 2014: Nivel 1: associação Aprender em par”, Lisboa (2 edições)
 2014: Nivel 2: associação Aprender em par”, Lisboa
“Ciranda, canções de embalar e fabulas”:


2012: CCR Lisboa
2012: Oficina divertida, Faro
“Dança étnica e dançaterapia: a ponte da eficácia simbólica”:






2012: Ao interior de INNI festival, Associação Eclipse arte, Lisboa
2011: Oficina Divertida, Faro
2011: Associação Pedexumbo, Évora
2010: Oficina Divertida, Faro.
2009: Oficina Divertida, Faro, para Instituto Português da Juventude - Direção Regional
do Algarve Faro. Organizado por: Associação “Pedexumbo”, Évora.
2008: Associação “Pedexumbo”, Évora, no interior do projeto “Ações de formação para
o ensino das danças tradicionais “açã III: dança tradicional, socialização e terapia
expressiva. Coordenação pedagógica Isabelle Guerbigny.
“Com tacto: estratégias para promover um contacto consciente e autentico com o
movimento da criança”.



2011: Niveis 1,2,3 Oficina Divertida, Faro.
2010: Nivel 1: Oficina Divertida, Faro
2010: Nivel 1: Associação “Pedexumbo”, Evora, no interior de “Ações de formação por
monitores de dança”
“Jà chega! Quando as emoções gritam através do corpo. Raiva, medo, hiperatividade
e agressividade no trabalho com o movimento da criança”




2011: Oficina Divertida, Faro
2011: ISPA Instituto de Psicologia Aplicada, Lisboa
2010:Oficina Divertida, Faro
2010:Associação “Pedexumbo”, Évora, no interior do projeto “Ações de formação por
monitores de dança”
“ A natureza que dança: os 4 elementos da natureza e as correspondências
arquetípicas nas danças tradicionais”



2012: Ao interior de INNI festival, associação Eclipse Arte, Lisboa
2011: Associação Pedexumbo, Évora
2010: Oficina Divertida, Faro

2010: Associação “Pedexumbo”, Évora, no interior do projeto “Ações de formação por
monitores de dança”
“Ciranda grandes e pequenos”: danças tradicionais para a animação

2011: Oficina divertida, Faro
“Opportuni-danças: dança étnica e dançamovimento terapia em contexto de toxico
dependência”

2010: para Instituto da Droga do Algarve, Faro
DANÇAS POPULARES E TRADICIONAIS PARA ADULTOS (PORTUGAL)
Associação “Tradballs Artes e cultura”- Lisboa
2006/2014: Aulas regulares e participação nos festivais com danças tradicionais Italianas e do
mundo; workshops e stages tematicos de danças italianas e de Fandango Basco; aulas de
danças para crianças.
Associação “Madeira em Transição”, Funchal
2013: aulas de danças do mundo
Associação “Pedexumbo”- Évora
2004/2009: Aulas regulares de danças tradicionais Italianas
Associação “Contagiarte”- Porto
2007/2009: Aulas regulares de danças tradicionais Italianas
Associação Capricho Setubalense- Setúbal
2011: Aulas de danças tradicionais Italianas com a banda “Tarantelle Abusive”
Oficina Divertida – Faro
2011:Danças tradicionais portuguesas
Casa Da Juventude Portuguesa- Faro
2011: Danças tradicionais do mundo
DANÇAS POPULARES E DANÇAMOVIMENTOTERAPIA COM CRIANÇAS







2012: Lousa Dance summer camp, “Academia de bailado de Lousã”: semana de
danças tradicionais do mundo para crianças entre 6 e 18 anos. Lousã.
2012: “Musicaldas, Conservatorio de Caldas da Rainha, Caldas da Reinha. Aulas de
dança tradicional e dançaterapia com crianças entre 5 e 11 anos
2012: INNI festival, Lisboa, per Associação Eclipse Arte: danças tradicionais para
crianças.
2011: Associação “Metrica das palavras”: animações varias de dança tradicional pais
e filhos:“Dia da mae”, espaço educativo do Restelo (Lisboa), “Conto de um conto”,
Figueira de Foz, Pezinhos de lá , Lisboa.
2011: “Quinta pedagogica dos Olivais” camara Municipal de Lisboa: animações de
dança tradicional para pais e filhos. Lisboa.
2011: “Feira Internacional de Minerais gemas e Fósseis”, Museu Nacional de
História Natural e da Ciência, aulas de dança tradicional pais e filhos, Lisboa.
2010: “I viaggi di Otto: settimana di danza per l’infanzia” , Officina divertida,
Faro. Attività di danza etnica e danzaterapia con bambini tra i 3 e i 5 anni di età.

2007 e 2008: “Danças tradicionais do mundo” per l’associazione “Tradballs” di Lisbona.
Settimana di danze popolari tradizionali dal mondo all’interno dell’iniziativa “Semana
cultural” promossa da agrupamento vertical montemor-o-novo/camara municipal de
Montemor-o-novo; (Montemor-o- novo)
Monica Savá
[email protected]
Atualizado fevereiro 2015

Documentos relacionados

curriculum ptg 2016 - Monica Savà

curriculum ptg 2016 - Monica Savà Rossana Arosio: internacionais, Espanha, Itália, Irlanda, França Yvon Guilcher /Cristina Colombo: França Davide Panzeri: Escócia Lina Risi, Renzo Foglini, Mario Meini, Cristina Colombo: Internacion...

Leia mais