Comunicação e Indústrias da Cultura

Сomentários

Transcrição

Comunicação e Indústrias da Cultura
UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO
CENTRO DE EDUCAÇÃO E HUMANIDADES
FACULDADE DE COMUNICAÇÃO SOCIAL
PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM COMUNICAÇÃO
2015.1
COMUNICAÇÃO E INDÚSTRIAS DA CULTURA
FCS019073
Profª. Drª. Sonia Virgínia Moreira
Terça-feira, das 10h às 13h
Ementa
A disciplina examina a indústria cultural no contexto da comunicação contemporânea –
fluida, instantânea, abrangente. Tem como ponto de partida a análise de conceitos de
cultura (Williams, 1985 e 2011; Eliot, 1996; Bosi, 1992;) de indústria cultural (Adorno e
Horkheimer, 1985; Fadul, 1994) e de indústrias culturais (Miége, 1989). Analisa a
indústria e os conglomerados de mídia e seus efeitos nas formas de acesso e
circulação do conhecimento e de bens culturais. Utiliza as geografias da comunicação
como elemento teórico para trabalhar em especial os conceitos de fluxo, lugar e
território e o conceito de economia de mídia para perceber a formação e a composição
dos conglomerados. Nesse sentido, observa o contexto brasileiro e internacional de
comunicação e mídia.
Aulas
FEVEREIRO
24 Fev = Apresentação da bibliografia, apresentação do grupo 2015
MARÇO
03 Mar = Cultura e Culturas – Williams (Cap. 1, 2 e 4), Eliot (Cap. 1 e 3)
10 Mar = Indústria cultural – Adorno e Horkheimer (57-79), Adorno (Rabinbach), Fadul,
Duarte (p. 101 – 122), Fonseca
17 Mar = Cultura e culturas brasileiras – Bosi (308- 345)
24 Mar = Indústrias culturais I – Miége, Hesmondhalgh
ABRIL
31 Abr = Indústrias culturais II – Hesmondhalgh & Pratt
07 Abr = Neoliberalismo como conceito – Venugopal (2014), Harvey (2012)
14 Abr= Economia política da Comunicação - Mosco (Cap. 2, 4, 5)
21 Abr = Economia de mídia - Albarran (Cap. 1 e 3); Toussaint-Desmoulins; Richeri
(Cap. 1 e 3)
28 Abr = Geografia de Mídia e da Comunicação – Adams (Cap. 1, 5, 6)
05 Mai = Narrativas de mídia - Grossberg et all (Cap. 1, 2 e 9)
MAIO
12 Mai = Economias políticas da mídia – Winseck e Jin (Parte 1, 2 e 4)
19 Mai = Globalismo e localismo (Noam; Mansel); O Sul Global (Mignolo, 2014)
26 Mai = Conferência da Latin American Studies Association (LASA 2015)
JUNHO
02 Jun = Propriedade de Mídia no Brasil (Moreira, 2013-2014)
09 Jun = World Values Survey - Brasil (WVS, 2014)
Referências
ADAMS, Paul. Geographies of Media and Communication. Malden (MA): Wiley-Blackwell,
2009.
ADORNO, Theodor; HORKHEIMER, Max. Dialética do Esclarecimento. Rio de Janeiro: Zahar,
1985.
ALBARRAN, Alan B. The media Economy. New York: Taylor & Francis, 2010.
BALDWIN, John et all. Redefining Culture – Perspectives across the disciplines. Mahwah (PA):
Lawrence Erlbaum Associates, 2006.
BOSI, Alfredo. Dialética da colonização. São Paulo: Companhia das Letras, 1992.
CASTELLS, Manuel. Communication Power. New York: Oxford University Press, 2011.
CHAUBERT, François. La Mondialisation Culturelle. Paris: Presses Universitaires de France,
2013.
CROUTEAU, David; HOYNES, William. The Business of Media – corporate media and the
public interest. Thousand Oaks (CA): Pine Forge Press, 2006.
COULDRY, Nick. “The Media”: A crisis of appearances. Inaugural Lecture as Professor of
Media and Communications. London: Goldsmiths College, May 2008.
ELIOT, T. S. Notas para uma definição de cultura. Lisboa: Edições Século XXI, 1996.
DUARTE, Rodrigo. Indústria Cultural, uma introdução. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2010.
FADUL, Anamaria. Indústria cultural e comunicação de massa. Série Ideias nº 17. São Paulo:
FDE, 1994- p. 53-59.
FONSECA, Virginia Pradelina S. Indústrias culturais e capitalismo no Brasil. Em Questão v. 9,
nº 2, jul-dez 2003, p. 309-326.
GROSSBERG, L.; WARTELLA, E.; WHITNEY, D. C.; WISE, J. M. Media Making. Mass media
in a popular culture. Thousand Oaks (CA): Sage, 2006.
HAESBAERT, Rogério. Territórios alternativos. São Paulo: Contexto, 2009.
HARVEY, David. O neoliberalismo – história e implicações. São Paulo: Edições Loyola, 2012.
____________. O novo imperialismo. São Paulo: Edições Loyola, 2013.
HESMONDHALGH, David. The Cultural Industries. London: Sage, 2012.
____________. Neoliberalism, Imperialism and the Media. In: HESMONDHALGH, D. and
TOYNBEE, J. (eds). The Media and Social Theory. Abingdon and New York: Routledge, 2008.
JENKINS, Henry; FORD, Sam; GREEN, Joshua. Spreadble Media – creating value and
meaning in a networked culture. New York: New York University Press, 2013.
MARTÍN-BARBERO, Jesús. From Latin America: Diversity, Globalization and Convergence.
Westminster Papers in Communication and Culture Vol. 8(1), 2011, p. 39-64.
McDONALD, Daniel G. Twentieth-Century Media Effects Research. In: DOWNING, J.D.H.;
McQUAIL, D.; SCHLESINGER, P.; WARTELLA, E.W. The Sage Handbook of Media Studies.
London: Sage, 2004, p. 183-200.
MIÈGE, Bernard. The Capitalization of Cultural Production. London: International General,
1989.
MIGNOLO, Walter D. The North of the South and the West of the East. IBRAAZ, 2014.
Disponível em: http://www.ibraaz.org/essays/111/
MOREIRA, S. V. Estudo de Propriedade de Mídia no Brasil (2013-2014).
MOSCO, Vincent. The Political Economy of Communication (2nd edition).London: Sage, 2010.
McPhail, Thomas L. Global Communication – Theories, stakeholders, and trends (3rd edition).
Malden (MA): Wiley-Blackwell, 2010.
NOAM, Eli. Media Ownership and Concentration in America. New York: Oxford University
Press, 2009.
OLLIVRO, Jan. La Nouvelle Économie des Territoires. Paris: Éditions Apogée, 2011.
PRATT, Andrew. An economic geography of the cultural industries. London: LSE Research
Online, 2007.
RICHERI, Giuseppe. Economia dei media. Bari: Editori Laterza, 2012.
SINNAC, Nathalie; GABSZEWICZ, Jean. L’industrie des médies à l’ère numérique. Paris: La
Decouverte, 2013.
SPARKS, Colin. Media and Transition in Latin America. Westminster Papers in Communication
and Culture Vol. 8(2), 2011, p. 154-177.
TOUSSAINT-Desmoulins, Nadine. L’Économie des Medias (8e édition). Paris: Presses
Universitaires de France, 2011.
VENUGOPAL, Rajesh. Neoliberalism as a Concept. London: LSE, 2014.
WILLIAMS, Raymond. Cultura. São Paulo: Paz e Terra, 2011.
WINSECK, Dwayne. The Political Economies of Media – The transformation of the global
media. New York: Bloomsbury USA, 2011.
WORLD Values Survey. Results Brazil – Technical Record (2014).

Documentos relacionados