Lesões no Aparelho Locomotor - Professor Gil Oliveira da Silva Junior

Сomentários

Transcrição

Lesões no Aparelho Locomotor - Professor Gil Oliveira da Silva Junior
Lesões no Aparelho Locomotor – Tipos de
Lesões
• Entorse – É a torção ou distensão brusca de uma articulação além de
seu grau normal de amplitude (separação articular momentânea).
• Contusão – “tratado anteriormente como ferimento”
• Luxação – Deslocamento das Superfícies articulares
• Sub-Luxação – Deslocamento e retorno da articulação
• Fraturas – Podemos definir uma fratura como sendo a perda, total ou
parcial, da continuidade de um osso.
Lesões no Aparelho Locomotor – Mecanismos
de Lesões
• Trauma Direto – Contato direto ou transferência de força.
• Forças de torção – O segmento ósseo ou articular é exposto a uma
força contrária lesando o(s) tecido(s).
• Espasmos Musculares – Contração violenta do músculo
• Estresse – O osso é submetido a esforços repetitivos
• Condições patológicas – Processos destrutivos localizados que podem
enfraquecer o osso. Ex: Câncer, Osteoporose, Tumores, etc.
Lesões no Aparelho Locomotor – Sinais /
Sintomas
• Deformidade – A fratura produz uma posição anormal ou angulação.
• Sensibilidade – Sensibilidade no local da fratura ou não há sensação nos
extremos do membro lesado.
• Crepitação – Se a vítima se move, podemos escutar um som áspero.
• Edema e alterações de coloração – Quase sempre a fratura é acompanhada
de inchaço.
• Incapacidade ou Impotência funcional – Perda total ou parcial dos
movimentos das extremidades.
• Fragmentos expostos – Em uma fratura aberta, os fragmentos ósseos
podem se projetar através da pele ou serem vistos no fundo do ferimento.
Lesões no Aparelho Locomotor – Sinais /
Sintomas
•
•
•
•
Dor – Sempre acompanha a fratura de forma intensa.
Secção de tecido – O osso ou parte dele rompe o tecido.
Mobilidade anormal – A vítima não consegue movimentar-se normalmente
Hemorragia – A lesão pode ser acompanhada de sangramento abundante
ou não.
• Hematoma – Em caso de ferimento fechado, é bom indicador de trauma
ósseo ou suspeita deste.
• Espasmos Musculares – Logo após a fratura, há tendência de que, as lesões
em ossos longos, mais especificamente no fêmur, o músculo que trabalha
nesta região e que sempre permaneceu tenso, ao ter o osso fraturado,
começa a vibrar intensamente por alguns momentos até se relaxar e se
contrair bruscamente.
Lesões no Aparelho Locomotor – Contusões
Lesões no Aparelho Locomotor – Luxações
Lesões no Aparelho Locomotor – Fratura
• Perda da Continuidade óssea: Simples ou Exposta
Lesões no Aparelho Locomotor – Fratura
• Perda da Continuidade óssea
Lesões no Aparelho Locomotor – Fratura
• Perda da Continuidade óssea: Simples ou Expostas
Lesões no Aparelho Locomotor – Fratura
Lesões no Aparelho Locomotor –
Procedimentos
Imobilização Provisória até o Atendimento Médico Hospitalar
Materiais para Imobilização:
 Bandagens
 Talas Rígidas
 Pranchas Longas
Regras Básicas para Imobilização:
 Conter Hemorragia
 Nunca Alinhar o osso
 Nunca Reintroduzir o osso
 Não Apertar Excessivamente
Lesões no Aparelho Locomotor – Fratura

Documentos relacionados

Seleção de Profissionais da Área de Saúde

Seleção de Profissionais da Área de Saúde Seleção de Profissionais da Área de Saúde - Edital nº 33/2016 01. Segundo ADAMS, fratura é a perda parcial ou total da continuidade óssea. Ela se dá por traumatismo direto ou indireto, stress, esfo...

Leia mais

FRATURA DE LISFRANC

FRATURA DE LISFRANC FRATURA DE LISFRANC O que é? Fratura de Lisfranc é a lesão óssea traumática ocorrida na chamada articulação de Lisfranc, localizada na porção do meio do pé, ou “peito do pé”.

Leia mais