Sistemas de Alarme de Incêndio: O Custo do Ciclo de Vida

Сomentários

Transcrição

Sistemas de Alarme de Incêndio: O Custo do Ciclo de Vida
Sistemas de Alarme de Incêndio:
O Custo do Ciclo de Vida
Freqüentemente, a decisão sobre a compra de um sistema de alarme de incêndios é deixada nas mãos da empresa de instalações elétricas.
Mesmo que esta não seja uma abordagem errada, talvez não seja melhor. Na maioria das vezes o instalador está mais preocupado em liberar o
edifício para ser ocupado, ou em terminar a reforma, do que em procurar o sistema de alarme de incêndio de funcionamento mais simples, que
seja eficiente, e que prove ser um bom investimento a longo prazo para o proprietário, dizem os especialistas do setor.
Para evitar essa situação, o administrador da obra deve participar ativamente na decisão de compra. Mesmo que o custo inicial de um sistema
de alarme de incêndio seja significativo, a falta de envolvimento na decisão de compra pode custar muito mais quando chegar a hora da
manutenção ou modernização do sistema.
Pesquisa
Em primeiro lugar, o administrador deve fazer uma pesquisa na internet sobre fabricantes de alarmes de incêndio e suas linhas de produtos.
Deve também entrar em contato com clientes finais e instaladores de sua região para saber quais são os fabricantes e distribuidores preferidos
com base nas características do sistema, confiabilidade e economia a longo prazo.
Depois, o gerente da obra deve pedir que pelo menos três representantes de fabricantes de alarme de incêndio façam uma demonstração de
seus produtos. Isso é algo que normalmente se faz para sistemas de ar condicionado ou de gerenciamento do energia, e deve ser feito também
para sistemas de alarme de incêndio.
O Contrato de Serviço
Depois da instalação do sistema de alarme de incêndios, os maiores custos se referem à manutenção periódica, testes anuais e ampliações do
sistema. Para controlar essas despesas, o administrador do prédio deve determinar que tarefas de manutenção e testes estão contempladas no
contrato de serviço. Deve também certificar-se que o custo do contrato de serviço seja claramente definido antes que o sistema seja instalado.
É quase impossível ser muito específico ao se descrever os serviços que serão incluídos no contrato. O administrador do edifício deve discutir os
seguintes itens com o prestador de serviços, e deve colocar tudo por escrito:
1. O custo do serviço por hora, e quaisquer valores adicionais para eventuais chamadas noturnas e em fins de semana e feriados
2. O prazo de validade desses valores
3. Se há uma taxa mínima de chamada, e se houver, qual é o valor
4. A freqüência de reajuste das taxas de serviço
5. O valor e a data do ultimo reajuste de preços
6. O tempo médio de atendimento a uma emergência
7. Se o prestador do serviço oferece um desconto em relação ao preço de tabela das peças de reposição
8. Prazo de garantia
9. Se a garantia cobre peças, mão de obra e teste anual
10. Se existe um programa de treinamento para o usuário, e qual é o custo
Tecnologia
Ao avaliar a tecnologia do sistema, o administrador do edifício deve ter em mente que qualquer sistema de um fabricante reconhecido precisa
cumprir as exigências dos códigos de edificação. Por isso, a decisão de compra deve considerar alguns outros fatores. Um deles é a capacidade
de expansão ou adaptação do sistema, se, por exemplo, o edifício for ampliado, ou se houver alteração na ocupação do edifício. Procure flexibilidade.
Os administradores devem também verificar se poderão continuar a utilizar o equipamento mesmo depois que o fabricante lançe novas tecnologias. Deve ser possível migrar gradualmente para um novo sistema, sem prejudicar a operação do sistema existente. A modernização ou substituição do sistema em etapas, e não de uma só vez, pode reduzir o impacto financeiro, assim como reduzir a interrupção das operações normais
do edifício.
Também é recomendável perguntar há quanto tempo a tecnologia atual está sendo usada. Se um determinado sistema está no mercado há, por
exemplo, 10 a 12 anos ou mais, pode estar atingindo um ponto em que é candidato à substituição. Entretanto, um administrador não deveria ter
Líderes em Vida. Segurança. Tecnologia.
ESCRITÓRIO CENTRAL NOTIFIER
12 Clintonville Road
Northford, CT 06472
Estados Unidos
Tel: 1-203-484-7161
Fax: 1-203-484-7118
www.notifier.com
que substituir um sistema que tem poucos anos de vida, ou se preocupar com a possibilidade de falta de assistência técnica
Peça ao fabricante a lista de preços de peças, e certifique-se que esta é atualizada anualmente. Veja se você não está sendo cobrado mais do
que o preço de lista pelas peças de reposição. Não acredite se um prestador disser que não tem a lista de preços, porque todos a têm.
Pergunte sobre a extensão e o tipo de treinamento fornecido pelo fornecedor. Quanto maior for o edifício, mais importante é treinar os funcionários sobre a operação do sistema. Da mesma maneira, se o edifício é ocupado 24 horas por dia, é importante que um funcionário de cada
turno conheça o sistema.
A maior parte dos sistemas de alarme de incêndio são fechados, ou seja, os detectores de um fornecedor não funcionam com o painel de controle de outro. Entretanto, o administrador do edifício deve buscar um fornecedor que tenha vários distribuidores em sua região. Assim, terá
várias opções de fornecimento de peças e serviços.
Felizmente, no futuro, será mais fácil escolher o melhor sistema de alarme de incêndio. Os sistemas estão entrando em uma nova categoria do
Formato Máster (Divisão 28) do Instituto de Especificações da Construção [Master Format (Division 28) of the Construction Specification
Institute]. Em vez de ser agora um sub-item da instalação elétrica, os fabricantes de sistemas de alarme de incêndio passarão a ter o mesmo
nível que outras áreas, como pisos, janelas, ar condicionado, telefonia, etc. Isso tornará mais fácil o acesso direto dos usuários a informações
sobre os sistemas. Por passarem agora a ser os proprietários do sistema de alarme de incêndio, ou por interagirem com ele de modo regular, os
administradores de edifícios devem selecionar um sistema baseado em suas necessidades específicas, em vez de passar essa responsabilidade
para a empresa responsável pelas instalações elétricas. Isso permitirá obter o máximo de valor durante a vida do sistema de alarme de incêndio.
Para informações sobre os Escritórios Regionais da NOTIFIER na América Latina, visite www.notifier.com.
Há mais de 50 anos a NOTIFIER é líder da indústria de alarmes contra incêndios.
Somos hoje o maior fabricante de sistemas de alarmes contra incêndios projetados, com
mais de 400 distribuidores em todo o mundo, e operações de suporte regional em todos
os continentes para assegurar a flexibilidade e as opções que sua empresa necessita.
NOTIFIER – Líderes em Vida. Segurança. Tecnologia.
M-WP-LSCPO 2.5K 4/08