Bodas de Ouro

Сomentários

Transcrição

Bodas de Ouro
PONTO LIVRE
Bodas de Ouro
Arte no Dmae
Até 7 de maio, o público poderá conhecer o acervo da galeria de arte do Departamento Municipal
de Água e Esgotos (Dmae) exposto no espaço da Rua
24 de Outubro, 200, bairro Moinhos de Vento. As visitas podem ser feitas de segunda a sexta-feira, exceto feriados, no horário das 8h às 17h30min. A galeria
fica no Centro Cultural Antônio Klinger Filho e abriga
mais de 200 obras doadas pelos diversos artistas plásticos que ocuparam o espaço, inaugurado em 1986.
Faixas de Segurança
Desde o início da campanha do Novo Sinal de
Trânsito, iniciada em setembro do ano passado, a Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) já
revitalizou cerca de 1.900 faixas de segurança nas vias
da capital. As pinturas priorizam faixas localizadas
nas proximidades de escolas, em cruzamentos, ruas
e avenidas de intenso fluxo de veículos e pontos de
grande circulação de pedestres.
Porto Alegre - Belo Horizonte
A partir do próximo mês a Trip Linhas Aéreas
colocará à disposição jatos Embraer 175, de 86 lugares, ligando Porto Alegre e Belo Horizonte em voos
diários sem escalas. A novidade foi festejada no trade
turístico, pois será a primeira conexão direta entre as
capitais gaúcha e mineira sem conexões com Curitiba,
São Paulo ou Rio de Janeiro.
Rio de Janeiro
Dados da Defesa Civil do Estado do Rio de Janeiro, até o fechamento desta edição do JORNAL DO
SINTÁXI, davam conta de mais de 200 mortos em
decorrência do temporal. Niterói é o município onde
mais pessoas morreram. Cerca de 132 corpos já haviam sido resgatados de vários deslizamentos ocorridos
nas áreas de morros. Por conta da tragédia no estado
fluminense, o governo federal determinou a liberação
dos recursos do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) para os moradores dos municípios do
Rio de Janeiro (capital), Niterói, Itaboraí, Araruama
e São Gonçalo (Grande Rio) até o valor limite de R$
4.600,00.
Vista aérea de Brasília, que completa 50 anos de existência
Divulgação/Augusto Areal - Info Brasília
N
o dia 30 de agosto de 1883, Dom
Bosco, santo italiano, teve um sonho prevendo a nova capital do Brasil: "Entre os paralelos de 15º e 20º havia
uma depressão bastante larga e comprida,
partindo de um ponto onde se formava um
lago. Então, repetidamente, uma voz assim
falou: "...quando vierem escavar as minas
ocultas, no meio destas montanhas, surgirá
aqui a terra prometida, vertendo leite e mel.
Será uma riqueza inconcebível..."
Em 1823, José Bonifácio apresentou
projeto para mudança da capital e sugeriu o
nome "Brasília" para a nova cidade. Já em
1892 foi nomeada a Comissão Exploradora
do Planalto Central, a Missão Cruls, que dois anos depois demarcou uma área de 14.400
km² considerada adequada para a futura capital. Em 1955, num comício na cidade de
Jataí, interior de Goiás, o então candidato à
presidência da república Juscelino Kubitschek, respondendo à pergunta de um eleitor,
fez a promessa de que, se eleito, iria transferir a capital para o Planalto Central.
Finalmente, em 1956 o sonho de Dom
Bosco tornou-se realidade. JK, já eleito Presidente da República, encaminhou ao Congresso a Mensagem de Anápolis, propondo
a criação da Companhia Urbanizadora da
Nova Capital (Novacap) e o nome de Brasília para a nova capital. As obras começaram
neste mesmo ano. O aeroporto, o Palácio da
Alvorada e a Ermida Dom Bosco, localizada
exatamente no paralelo 15º, já estavam concluídas. Porém, somente em 1957 iniciou-se
as obras do Plano Piloto seguindo o projeto
de Lúcio Costa.
No dia 21 de abril de 1960, Brasília foi
inaugurada e em 1987 a cidade foi tombada
pela Unesco e registrada como Patrimônio
Histórico e Cultural da Humanidade.
Hoje, Brasília é uma jovem senhora de 50 anos e, com isso, possui uma população relativamente jovem, muitos oriundos
de outras regiões do país. Na época de sua
construção, mineiros, cariocas, paulistas,
nordestinos... vinham para esta cidade para
construí-la e com a esperança num futuro
melhor, essas pessoas são conhecidas como
"candangos". Por esta diversidade de cores,
falas, paladares, culturas... Brasília não possui sotaque próprio, adotou um pouco da peculiaridade de cada região do país.
O Plano Piloto possui a forma de um
avião e é cortado por avenidas largas e identificadas por letras e números - W, L e S.
Eixos monumental e rodoviário. Setores:
Bancários, Hospitalares, Hoteleiros, de Autarquias e Comerciais, sul e norte. Superquadras com blocos residências de no máximo
seis andares e setores de quadras com casas
germinadas. Entrequadras mistas: tanto comerciais quanto residenciais. Brasília não
possui esquinas e a única rua foi batizada
como a rua da Igrejinha, na 107/108 sul. A
construção foi erguida a pedido de Sarah
Kubitschek, para pagar a promessa da cura
de Márcia, uma de suas filhas.
Sua arquitetura é moderna e conta
com a "assinatura" de Oscar Niemeyer em
vários monumentos. A capital do Brasil festeja os 50 anos de existência neste mês, sendo a primeira cidade totalmente planejada
construída no país.