cubismo - Colégio Jardim São Paulo

Сomentários

Transcrição

cubismo - Colégio Jardim São Paulo
CUBISMO
Artes – Profº Geder – 1ª Série Ensino Médio (2015)
CUBISMO
 Historicamente – origem nas obras de Cézanne,(tratava as formas da natureza como
cones, esferas e cilindros).
 Paris - primeiras duas décadas do século XX.
 Entre 1908 a 1914 (durou como forma pura).
 Nome: CUBISMO - desdém de Matisse (artista Fauvista) – “nada além de cubinhos”
citou ao ver obra de George Braque.
Fauvismo:
-1905 - França;
- Tinha temática leve, baseada na alegria de viver e nas emoções, e
não tinha fundamentação ou intenção crítica nem política.
- Simplificar formas das figuras, uso de cores puras.
- O termo surgiu (pejorativamente) Louis Vauxcelles ao
ver uma obra de Henry Matisse, no Salão de Outono, em
Paris. A expressão utilizada pelo crítico, “Les Fauves”,
significa “os FERAS”.
Os Cubistas foram mais longe que Cézanne:
• representavam objetos com todas as suas partes num mesmo
plano;
• como abertos;
• todos os seus lados no plano frontal em relação ao espectador;
Decomposição dos objetos - abandono da perspectiva (altura, largura e
profundidade).
O QUE VAI ACONTECER NO CUBISMO
SÃO FORMAS NÃO SENTIDAS MAS
PENSADAS.
O Cubismo evoluiu em duas grandes tendências
Cubismo Analítico
(analisar as formas do objeto partindo-os em fragmento e espalhando pela tela)
 Desestruturação da obra;
 Decompor a obra em partes;
 planos sucessivos e superpostos
 visão total de figura (todos os ângulos no mesmo instante através da
fragmentação).
 Fragmentação intensa o que torna impossível o reconhecimento das figuras;
 Cor: tons de preto, cinza e alguns tons de marrom e ocre.
O Português - Braque
Guitarra – Pablo Picasso
Cubismo Sintético
 excessiva fragmentação dos objetos e a destruição de sua estrutura;
 figuras novamente reconhecíveis;
 também chamado “Colagem” - inserido letras, palavras, números, pedaços de
madeira, vidro, metal e até objetos inteiros nas pinturas;
 ultrapassar os limites das sensações visuais que a pintura sugere, despertando
também no observador as sensações táteis.
Guitarra – Braque
Bandolim - Braque
Georges BRAQUE (1882 — 1963)
1882-1899: Cresceu em Le Havre, França. Fez curso para se tornar pintor/decorador
e estudava belas-artes à noite.
1900-1907: Sua influência inicial foi o Impressionismo, sendo substituída pelo
Fauvismo após ter ido a uma exposição fauvista em 1905. Em 1907, ao ver obras de
Cézanne em Paris, sua arte se transformou ainda mais. Nesse mesmo ano conhece
Picasso.
1908-1913: Trabalha junto com Picasso, criando os preceitos do Cubismo. A colagem
tornou-se parte de sua obra em 1912. Abandonou a paisagem e passou a se dedicar
a natureza morta.
1914-1917: Alistou-se no Exército francês e lutou na Primeira Guerra Mundial. Foi,
em 1915, ferido e dispensado.
1918-1963: Deixou Paris e se mudou para Normandia, onde voltou a se dedicar a sua
arte. Trabalhou de maneira prolífera e solitária. Seu estilo continuou sendo cubista,
mas com caráter fortemente meditativo.
HOMEM COM VIOLÃO
PLANOS EM
CAMADAS
NEGAÇÃO DE
PROFUNDIDADE
O FUNDO EM
PRIMEIRO
PLANO
TROMPE L’OEIL
técnica artística
que, com truques
de perspectiva,
cria uma ilusão
óptica que mostre
objetos ou formas
que não existem
realmente.
Provém de uma
expressão em
língua francesa
que significa
engana o olho
Pablo PICASSO (1881 — 1973)
1901-1904: A fase azul de Picasso produziu trabalhos melancólicos em tons azulados
suaves. O tema incluía bêbados, mendigos e prostitutas.
1905-1906: A fase rosa teve tons mais leves e ficou famosa pela sua paleta rosa e
laranja, tendo com tema arlequins e artistas de circo.
1907-1912: Com Braque desenvolveu o Cubismo Analítico.
1912-1918: Desenvolveu com Braque e Juan Gris o Cubismo Sintético.
1919-1929: O trabalho de influência Neoclássica de Picasso fazia lembrar as pinturas
de Jean Auguste Dominique Ingres.
1930-1948: O uso repetitivo de formas, como Minotauro caracterizam e identificam
Picasso como um artista surrealista.
1949-1971: Seus trabalhos tornam-se mais coloridos.
Fase Rosa
Fase Azul
Moça em Camisa
A Família do Acrobata com um Macaco
LE DEMOISELLES D'AVIGNON (1907)
GUERNICA (1937)
TOURO OU
MINOTAURO
CAVALO
FIGURA
ATERRORIZADA
LÂMPADA
ESPADA E A FLOR
Baseando-se num único modelo de história da
arte, Picasso realizou longas séries de
releituras de quadros de outros pintores.
Entre dezembro de 1954 e fevereiro de 1955,
nasceram quinze pinturas a óleo
Velázquez
As Meninas’. Pablo Picasso, 1957.
Museu Picasso
Manet
Almoço na Relva’. Pablo Picasso,
1960. Museu Picasso, Paris
Outros artistas Cubistas
Juan Gris (1887-1927)
Contribuiu para o Cubismo Sintético
Juan Gris
Juan Gris
Juan Gris
Juan Gris
Fernand Léger (1881-1955)
Como a forma de suas obras tendiam a ser tubulares, ele foi apelidado de “tubista”.
Fernand Léger
Fernand Léger
A Compoteira de Peras - MASP
Fernand Léger
França apreende quadro de Picasso avaliado em mais de 25 milhões de euros
O Serviço de Alfândegas da França anunciou nesta terça-feira (4) ter interceptado na Córsega um quadro
de Picasso avaliado em mais de 25 milhões de euro, pertencente ao banqueiro espanhol Jaime Botín, e
que tinha como destino a Suíça, apesar de estar declarado como não exportável pelas autoridades espanholas.
O quadro, "Head of a Young Woman", chamou a atenção dos funcionários da alfândega de Bastia, que pediram
ao proprietário do navio que o transportava, e que estava ancorado no porto esportivo de Calvi, os papéis
pertinentes.
O homem "só apresentou um documento de avaliação da obra, assim como um relatório escrito em castelhano
de maio de 2015 da Audiência Nacional espanhola, confirmando que se tratava de um tesouro nacional espanhol
que em nenhum caso podia sair da Espanha", segundo um comunicado divulgado pelas autoridades francesas.
A obra, segundo a nota divulgada pelos meios de comunicação franceses, pertencia a Botín, de 79 anos, que não
estava presente quando os agentes abortaram esta tentativa de exportação, que não estava sendo realizada em
seu nome.
A Justiça espanhola tinha proibido o irmão do falecido presidente do Santander, Emilio Botín, de tirá-la do país no
último mês de maio, aprovando uma decisão a respeito adotada pelo Ministério da Educação de 26 de julho de
2013, que confirmou sua "inexportabilidade".
A obra tinha sido considerada "única" pelos responsáveis do Patrimônio Histórico espanhol, enquanto o Museu
Reina Sofía de Madri tinha destacado sua "excepcional importância".
O caso tem sua origem no pedido feito em 13 de dezembro de 2012 pela empresa de leilões Christie's Ibérica à
secretaria de Estado de Cultura espanhola para sua exportação definitiva a Londres.
A Junta de Qualificação, Avaliação e Exportação de Bens do Patrimônio Histórico Espanhol decidiu poucos dias
depois negar a autorização por "não existir uma obra semelhante no território espanhol".
As autoridades francesas esperam agora um eventual pedido de suas homólogas espanholas para recuperar a
obra, adquirida por Botín em janeiro de 1977, procedente da Marlborough Fine Art de Londres.
Site: UOL – 04.08.2015
“A arte consiste em inventar e não em
copiar”
Fernand Léger
1905 – FAUVISMO / (Obras de Cézanne)
CUBISMO – Paris (primeiras duas décadas do século XX)
ANALÍTICO
SINTÉTICO
- Georges Braque
- Pablo Picasso
- Georges Braque
- Pablo Picasso
- Juan Gris
Fernand Léger, artista cubista também chamado de “tubista”.

Documentos relacionados

O CUBISMO

O CUBISMO espanhol retratou a nudez feminina de uma forma inusitada, onde as formas reais, naturalmente arredondadas, deram espaço a figuras geométricas perfeitamente trabalhadas. Tanto nas obras de Picasso,...

Leia mais

EXPRESSIONISMO FAUVISMO CUBISMO

EXPRESSIONISMO FAUVISMO CUBISMO Facetas (Analítico): desestruturação e fragmentação da obra em todos os seus elementos, muitas vezes tornando impossível o reconhecimento da figura. Planos sucessivos e superpostos, procurando a vi...

Leia mais

movimentos de ruptura do pincel ao pixel

movimentos de ruptura do pincel ao pixel Outros artistas, como George Braque, Juan Gris e Fernand Léger tiveram características próprias dentro da mesma forma de pintar, mas quem teve maior repercussão mundial foi Picasso, pela sua capaci...

Leia mais

A utilização da colagem no ensino das artes

A utilização da colagem no ensino das artes leituras imagéticas e com isso, atribuindo à colagem o seu real valor estético. O fundamental da técnica da colagem é a criação de um objeto de arte para a apreciação, e tal criação deve acontecer ...

Leia mais

Atividade Arte Natalia

Atividade Arte Natalia dela. Essa fragmentação dos seres foi tão grande, que se tornou impossível o reconhecimento de qualquer figura nas pinturas cubistas. A cor se reduz aos tons de castanho, cinza e bege.  Cubismo Si...

Leia mais