O Grupo Bel decide integrar o transporte ferroviário na sua

Сomentários

Transcrição

O Grupo Bel decide integrar o transporte ferroviário na sua
Comunicado de imprensa
25 de Março de 2011
O Grupo Bel decide integrar o transporte ferroviário na sua
logística do frio para mais de um terço dos volumes de Kiri e Mini
Babybel distribuídos no sudeste da França, após um teste com
sucesso com o seu parceiro STEF-TFE a 21 e 23 de Março.
O Grupo Bel e STEF-TFE conseguiram, a 21 e 23 de Março o início de uma
primeira operação piloto em transporte combinado ferroviário-rodoviário entre
duas fábricas na parte oeste de França e as instalações de logística de Givors
perto de Lyon. É a primeira vez que o Grupo Bel se compromete no transporte
multimodal ferroviário-rodoviário para a sua logística montante em
temperatura dirigida. Os fluxos logísticos transferidos do rodoviário para o
ferroviário irão corresponder, a prazo, a mais de um terço dos volumes de
venda de Kiri e de Mini Babybel no sudeste de França.
A operação piloto diz respeito às fábricas de Evron (53) e de Sablé-sur-Sarthe (72). Ela é
realizada na ligação ferroviária de Rennes-Lyon e operada pela Combiwest (filial da SICA de
Saint-Pol-de-Léon).
Para este lançamento, o Grupo Bel recorreu a 2 caixas móveis frigoríficas que podem conter
cada uma 22 toneladas de mercadorias a uma temperatura controlada (+2 °C / +4 °C). As
caixas móveis frigoríficas são carregadas de paletes de Kiri na fábrica de Sablé-sur-Sarthe e
de Mini Babybel na fábrica de Evron. De modo a assegurar um seguimento permanente e
manter a cadeia do frio segura, elas vêm equipadas com sistemas de registo da
temperatura.
As caixas são levadas até à plataforma de expedição por camião e depois circulam por
caminho-de-ferro de Rennes até ao porto de Edouard Heriot de Lyon entre as 17h e 6h30.
Quando chegam, são transferidas até às instalações de logística da STEF-TFE em Givors
(69). Instalações a partir das quais a STEF-TFE realiza as preparações de encomendas em
temperatura dirigida para todos os pontos de venda do sudeste da França.
Em regime de cruzeiro, este novo tráfego ferroviário irá levar o Grupo Bel a passar do
rodoviário para o ferroviário mais de 90% dos fluxos logísticos que saem da fábrica de Evron
e um quarto dos de Sablé-du-Sarthe para o sudeste. Isto irá reduzir globalmente em 60% o
tráfego rodoviário para o sul na saída destas duas instalações de produção.
O Grupo Bel e STEF-TFE procuram colocar em serviço 5 caixas
móveis frigoríficas por semana, o que irá representar num ano:
► 260 camiões a menos nas estradas
► 130.000 km percorridos por via férrea
► 33% de emissões de CO2 a menos
Esthelle Grosskopf, Responsável pela Distribuição da Bel Europa Oeste
declara: "Face à necessidade de reduzir as emissões de gás com efeito de estufa,
bem como certos problemas (congestão rodoviária, ruído...), o transporte e
armazenamento dos nossos produtos constitui um dos pontos chave da nossa
política ambiental. Até agora, 100% do nosso transporte era feito por estrada.
Actualmente, esta nova aposta no ferroviário permite-nos acelerar os nossos
compromissos em matéria de redução da pegada de carbono das nossas
actividades. Ao lançar esta operação piloto em transporte combinado ferroviáriorodoviário com a STEF-TFE, o nosso parceiro perito em logística do frio,
comprometemo-nos também num procedimento de adaptação real dos nossos
esquemas de transporte e das nossas práticas profissionais."
Michel Corso, Director de Logística da Bel França, explica que "A operação piloto
insere-se perfeitamente no procedimento de procura de soluções logística
inovadoras e de melhoria contínua do Grupo Bel. Ela assinala igualmente uma
dinâmica de responsabilidade partilhada entre um carregador e um logístico. Se o
transporte ferroviário-rodoviário der origem a constrangimentos em termos de
organização a montante dos fluxos, as equipas de logística do Grupo Bel assumem
esta escolha necessária e evidente numa logística de diminuição progressiva e
constante de quilómetros em estrada. O sucesso deste teste de trânsito na logística
a montante pode fazer com que outros industriais se juntem a nós. Queremos
também associar os distribuidores neste tipo de projecto para estudar a viabilidade
do transporte combinado na logística a jusante, entre entrepostos logísticos e
plataformas dos distribuidores."
Serge Capitaine, Director-Geral Adjunto da STEF-TFE, indica: "A nossa
prioridade neste tipo de experiência em parceria com um industrial líder é ajudar o
nosso cliente a reduzir a sua própria pegada de carbono na parte logística e
sobretudo encontrarmos juntos as melhores alavancas de eficácia operacional a
todos os níveis da cadeia de valor. A oferta de transporte multimodal faz doravante
parte integrante da nossa oferta global. Neste ponto, a STEF-TFE, já tem uma
experiência de longa data, sendo accionista do operador ferroviário Froid Combi,
que explora um serviço ferroviário-rodoviário em caixas móveis frigoríficas entre Lille
e Perpignan, Lille e Avignon, Paris e Avignon. O conjunto de iniciativas do Grupo
STEF-TFE permitiu-lhe reduzir as suas emissões de CO2 em 4,75% em 2 anos
(período de 2008 - 2010: Evolução da pegada de carbono das actividades de
transporte e logística em França, ligada às 3 principais energias utilizadas pelo
Grupo: Carburantes, fluidos frigorígenos e electricidade)."
Acerca da Bel – www.groupe-bel.com; www.unsourirepourlaplanete.com
O Grupo Bel é um dos líderes mundiais do sector dos queijos de marca.
A sua carteira de produtos diferenciados e de envergadura internacional, como A vaca que ri, Kiri,
Mini Babybel, Leerdammer ou Boursin, bem como cerca de vinte outras marcas locais, permitiu-lhe
efectuar em 2010 um volume de negócios de 2,4 mil milhões de Euros. Cerca de 11.600
colaboradores espalhados por cerca de trinta filiais nos 5 continentes contribuem para o sucesso do
Grupo. Os seus produtos são elaborados em 25 instalações de produção e distribuídos em mais de
120 países, para 400 milhões de consumidores. 12 mil milhões de porções são vendidas todos os
anos.
Com 12 novas implantações desde 2005, a Bel ilustra com força a sua vontade de desenvolver as
suas posições a nível internacional, perseguindo assim o seu objectivo de levar um sorriso ao maior
número de pessoas, adaptando-se aos mercados locais.
O procedimento RSE do Grupo Bel assenta em 5 pilares que traduzem os seus compromissos
e principais eixos de progresso:
1. Produtos com benefícios nutricionais acessíveis
2. Marcas responsáveis e comprometidas
3. Actividades com uma pegada ambiental reduzida
4. Uma empresa comprometida perante as comunidades em que opera
5. Uma empresa que escuta os seus colaboradores
Contactos de imprensa: Guillaume Jouët – Vice-Presidente da Comunicação, RSE e Assuntos
Públicos: [email protected]
Tel.: +33 6 03 13 20 43
Acerca da STEF-TFE - www.stef-tfe.com
A STEF-TFE é especialista europeia da logística do frio. O Grupo propõe uma oferta completa de
soluções de transporte, logística e sistemas de informação, para todos os produtos agro-alimentares,
bem como para os produtos mais sensíveis. O seu dispositivo logístico europeu assenta numa rede
de 215 instalações frigoríficas e uma frota de 1.900 veículos e o mesmo número de veículos fretados
especialmente equipados para os produtos frescos, ultra-frescos e congelados. O Grupo conta com
13.800 assalariados repartidos por 8 países (França, Bélgica, Espanha, Itália, Holanda, Portugal,
Reino Unido, Suíça). Os seus clientes são industriais agro-alimentares, distribuidores, cadeias de
restauração. A STEF-TFE realizou um volume de negócios de 2.057 milhões de Euros em 2010.
O procedimento de desenvolvimento durável da STEF-TFE assenta em torno de 3 eixos
principais:
1. Reduzir os impactos ambientais da logística do frio
2. Desenvolver soluções de logística com bons desempenhos, inovadores e duráveis
3. Consolidar as práticas sociais e de cidadania do Grupo
Contactos de imprensa: Catherine MARIE
Tel.: 01 40 74 29 64 - 06 35 23 10 88 - [email protected]

Documentos relacionados

Diapositivo 1

Diapositivo 1 O seu sucesso assenta nas propostas de valor únicas das suas marcas e na sua política de desenvolvimento sustentável em todo o mundo – a Bel quer ter o melhor impacto económico e social junto das c...

Leia mais

Diapositivo 1

Diapositivo 1 melhor compromisso entre o queijo Bola Limiano e um produto com redução de gordura. Em 2011 a marca entrou num novo segmento de mercado com o lançamento do Limiano Amanteigado de Vaca e Ovelha, um ...

Leia mais