SSA 1º ano - 1º dia - Colégio Santa Emília

Сomentários

Transcrição

SSA 1º ano - 1º dia - Colégio Santa Emília
Simulado UPE/2014
1º ano - Ensino Médio
anatomia e a fisiologia das pernas, mas que andam,
dançam, nadam e pedalam sem problemas.
(6) Por exemplo: digamos que encontramos em algum
texto a seguinte sequência de palavras: “Meus irmãos
viram meu irmão na TV.” Essa frase só é aceitável se
se entender que o irmão que foi visto na TV não
pertence ao grupo dos irmãos que o viram. Será
inaceitável se se entender que o irmão que apareceu
na TV faz parte do conjunto dos que assistiram ao
programa.
(7) De onde tiramos esse conhecimento? Como se
explica que tenhamos intuições tão definidas acerca
de frases que nunca encontramos antes? Tudo
provém do uso que fazemos a todo momento desse
mecanismo maravilhosamente complexo que temos
em nossas mentes, e que manejamos com admirável
destreza. Esse mecanismo é o nosso conhecimento
implícito da língua, objeto principal da investigação
dos lingüistas.
Língua Portuguesa
es
Prof . Jefferson Feliciano, Fernanda Ferraz e Marlos
Questão 1
Texto 1
Nossa sabedoria gramatical oculta (que significa
“saber português”?)
(1) “Saber gramática”, ou mesmo “saber português”, é
geralmente considerado privilégio de poucos. Raras
pessoas se atrevem a dizer que conhecem a língua.
Tendemos a achar, em vez, que falamos de “qualquer
jeito”, sem regras definidas. Dois fatores contribuem
para essa convicção tão generalizada: primeiro, o fato
de que falamos com uma facilidade muito grande, de
certo modo sem pensar (pelo menos, sem pensar na
forma do que vamos dizer), e estamos acostumados a
associar conhecimento a uma reflexão consciente,
laboriosa e por vezes dolorosa. Segundo, o ensino
escolar nos inculcou, durante longos anos, a ideia de
que não conhecemos a nossa língua; repetidos
fracassos em redações, exercícios e provas
acentuaram esse complexo.
(2) Pretendo trazer aqui boas notícias. Vou sustentar
que, apesar das crenças populares, sabemos, e muito
bem, a nossa língua. Nosso conhecimento da língua é
ao mesmo tempo altamente complexo, incrivelmente
exato e extremamente seguro. Isso se aplica não
apenas àqueles que sempre brilharam nas provas de
português, mas também a praticamente qualquer
pessoa que tenha o português como língua materna.
(3) Será preciso, primeiro, distinguir dois tipos de
conhecimentos, aos quais se dão as designações de
“implícito” e de “explícito”. Vamos partir de um
exemplo: eu sou capaz de andar com razoável
eficiência, e em geral ando bastante. No entanto, não
sou capaz de explicar os processos musculares e
nervosos que ocorrem quando ponho em prática essa
minha habilidade tão corriqueira. A fisiologia do andar
é para mim um mistério.
(4) Pergunta-se, então: tenho ou não conhecimento
da habilidade de andar? A resposta é que tenho esse
conhecimento em um sentido muito importante – ou
seja, tenho um conhecimento implícito da habilidade
de andar. Já meu conhecimento explícito dessa
habilidade é deficiente, pois sou incapaz de explicar o
que acontece com meu corpo quando estou andando.
O que nos interessa aqui é o seguinte: sou detentor
de um conhecimento implícito altamente complexo e
eficiente. O que eu não sei é explicitar o que faço para
andar.
(5) Da mesma forma, qualquer falante do português
possui um conhecimento implícito altamente
elaborado da língua, muito embora não seja capaz de
explicitar esse conhecimento. Esse conhecimento não
é fruto de instrução recebida na escola, mas foi
adquirido de maneira tão natural e espontânea quanto
a nossa habilidade de andar. Mesmo pessoas que
nunca estudaram gramática chegam a um
conhecimento implícito perfeitamente adequado da
língua. São como pessoas que não conhecem a
Fera Santa Emília, sempre vencedor!
(Mário A. Perini. Sofrendo a gramática. São Paulo: Editora Ática,
1997, p. 11-16. Adaptado).
No Texto 1, como ideia global, o autor apresenta o
ponto de vista teórico de que:
a) “saber gramática” é um privilégio de poucos, pois
raras pessoas conhecem, de forma consciente, as
regras bem definidas da língua.
b) repetidos fracassos em redações, exercícios e
provas escolares acentuaram nos alunos o
complexo de que não conhecem a gramática da
língua.
c) pessoas que estudaram gramática chegam a um
conhecimento teórico perfeitamente adequado da
língua.
d) todo falante do português tem um conhecimento
altamente elaborado da língua, embora não saiba
explicitar esse conhecimento.
e) temos intuições bem precisas acerca de coisas
que falamos e ouvimos, e essas intuições são fruto
da instrução recebida na escola.
Questão 2
Considerando as afirmações presentes no Texto 1,
podemos entender que:
a) em geral, as pessoas sabem distinguir em que
consistem o conhecimento implícito e o
conhecimento explícito acerca da língua.
b) a língua é regulada por um conjunto de normas,
bem elaboradas, as quais sabemos usar
adequadamente nem que seja apenas por pura
intuição.
c) a capacidade de explicitar as regras da língua se
manifesta sobretudo diante de frases com as quais
nunca entramos em contato antes.
d) o senso comum admite que todos nós, falantes,
temos um conhecimento altamente exato e
extremamente seguro da língua que falamos.
e) pessoas que não sabem explicitar as regras da
gramática falam sem regras definidas, pois falam
com uma facilidade muito grande.
1
10 de junho de 2014.
Simulado UPE/2014
1º ano - Ensino Médio
certames nem tentativas de análise futebolística. Vão
além, em seu aparente descompromisso, pois
capturam no futebol aquilo que mais interessava ao
autor: a capacidade que o bate-bola tem de estilizar,
durante os noventa minutos de duração de uma
partida, as grandes paixões humanas.
“Confesso que o futebol me aturde, porque nem sei
chegar até o seu mistério”, anota o mineiro em um
dos textos. Pura modéstia, como se verá na leitura
deste Quando é dia de futebol, pois, se houve algum
escritor brasileiro habilitado à decifração desse
esporte apaixonante, foi mesmo Carlos Drummond de
Andrade.
Questão 3
Muitas palavras contam com a possibilidade da
sinonímia, ou seja, contam com outras de sentido
equivalente. A esse respeito, analise as indicações
dos sentidos sinônimos das palavras sublinhadas.
1) meu conhecimento (...) dessa habilidade é
deficiente (falho, incompleto)
2) minha habilidade tão corriqueira (apressada,
ligeira)
3) sou detentor de um conhecimento implícito.
(depositário)
4) exercícios e provas acentuaram esse complexo.
(atenuaram)
5) manejamos com admirável destreza (aptidão)
(www.companhiadasletras.com.br. Acessado em 25/02/2014).
O Texto 2 constitui uma resenha de um livro escrito
por Carlos Drummond de Andrade, que tem como
tema o futebol e seus múltiplos significados. Segundo
o autor da resenha, o grande interesse de Drummond
com a publicação desse livro foi:
Estão corretas:
a)
b)
c)
d)
e)
1, 3 e 5, apenas.
1, 2 e 3, apenas.
1, 3 e 4, apenas.
2, 4 e 5, apenas.
1, 2, 3, 4 e 5.
a) revelar que a participação popular constitui um
suporte para o entendimento da realidade coletiva.
b) divulgar resenhas de grandes certames e tentar
fazer de seus espetáculos análises futebolísticas.
c) mostrar, em crônicas e poemas, que o futebol,
apesar de apaixonante, fortalece a rivalidade entre
grandes times.
d) sintetizar a trajetória de grandes conquistas do
esporte nacional e render homenagem a alguns de
seus maiores atores.
e) abordar a capacidade que tem o futebol de revelar
algumas das dimensões mais profundas das
grandes paixões humanas.
Questão 4
No desenvolvimento do tema, o autor muitas vezes
tem que retomar uma informação anteriormente
declarada, informação que precisa ser recuperada
pelo leitor para que o texto faça sentido. Esse recurso,
no Texto 1, ocorreu, por exemplo, no trecho:
a) “Vou sustentar que, apesar das crenças populares,
sabemos, e muito bem, a nossa língua.”
b) “Raras pessoas se atrevem a dizer que conhecem
a língua.”
c) “estamos acostumados a associar conhecimento a
uma reflexão consciente, laboriosa e por vezes
dolorosa.”
d) “Esse mecanismo é o nosso conhecimento
implícito da língua, objeto principal da investigação
dos linguistas.”
e) “A fisiologia do andar é para mim um mistério.”
Questão 6
Em: “Confesso que o futebol me aturde, porque nem
sei chegar até o seu mistério”, Drummond declara que
o futebol:
a)
b)
c)
d)
e)
Questão 5
Texto 2
Quando é dia de futebol
(1) Publicados em sua maioria nos jornais Correio da
Manhã e Jornal do Brasil, nos quais o autor ocupou
cadeira cativa durante muitos anos, os textos de
Quando é dia de futebol mostram um Carlos
Drummond de Andrade atento ao futebol em suas
múltiplas variantes: o esporte, a manifestação
popular, a metáfora que nos ajuda a entender a
realidade brasileira. São crônicas e poemas escritos a
partir da observação do autor sobre campeonatos,
Copas do Mundo, rivalidades entre grandes times e
lances geniais de Pelé, Mané Garrincha e outros.
(2) Selecionados por Luís Maurício e Pedro Augusto
Graña Drummond, netos do poeta, os textos oferecem
um passeio – muito drummondiano e, portanto, leve,
inteligente e arguto – por nove Copas do Mundo: de
1954, na Suíça, até a última testemunhada pelo autor,
em 1986, no México. Não são, claro, resenhas de
Fera Santa Emília, sempre vencedor!
anima e entusiasma.
traz angústias.
lhe causa ansiedades.
o deixa estonteado.
inquieta e aflige.
Questão 7
Leia os trechos e responda:
Texto 1
“De ponta a ponta, é tudo praia... muito chã e muito
formosa. Nela, até agora, não podemos saber que
haja ouro nem prata... porém a terra em si é de muitos
bons ares, assim frios e temperados... Águas são
muitas; infindas.”
Texto 2
“Então estiraram-se de costas na alcatifa, a dormir,
sem buscarem maneira de encobrir suas vergonhas.”
2
10 de junho de 2014.
Simulado UPE/2014
1º ano - Ensino Médio
Endoidece, se cuida que é verdade.
Sobre o autor dos fragmentos acima é correto afirmar
que:
a) escreveu documentos oficiais.
b) é festejado representante dos autos
Humanismo.
c) criou vasta obra em forma de romance.
d) concedeu textos com finalidade pedagógica.
e) não propaga em sua obra a fé cristã.
Olhai como Amor gera, em um momento,
De lágrimas de honesta piedade
Lágrimas de imortal contentamento.
do
Texto III
Ninguém: Que andas tu aí buscando?
Todo o Mundo:Mil cousas ando a buscar:
delas não posso achar,
porém ando porfiando
por quão bom é porfiar.
Ninguém: Como hás nome, cavaleiro?
Todo o Mundo: Eu hei nome Todo o Mundo
e meu tempo todo inteiro
sempre é buscar dinheiro
e sempre nisto me fundo.
Ninguém: Eu hei nome Ninguém,
e busco a consciência.
Questão 8
Leia o trecho abaixo, extraído da Carta de Caminha:
“Ali ficamos um pedaço bebendo e folgando ao longo
dela, entre esse arvoredo que é tanto e tamanho e tão
basto e de tantas plumagens que lhe não pode
homem dar conta. Há entre ele muitas palmas, de que
colhemos muitos e bons palmitos.”
Com base no trecho e na obra, é INCORRETO
afirmar que:
Belzebu: Esta é boa experiência:
Dinato, escreve isto bem.
Dinato: Que escreverei, companheiro?
Belzebu: Que Ninguém busca consciência.
e Todo o Mundo dinheiro.
a) a terra descoberta é descrita como um espaço
edênico, paradisíaco;
b) a
narração
e
a
descrição
ocorrem
simultaneamente no trecho;
c) a linguagem figurada é utilizada de forma
moderada;
d) a figura do indígena é destacada em cada
segmento da carta;
e) há a caracterização dos elementos da natureza.
Assinale a alternativa em que a classificação dos
textos esteja adequada respectivamente:
a) Texto I (Trovadorismo – cantiga de escárnio);
Texto II (Humanismo – soneto); Texto III
(Classicismo – auto)
b) Texto I (Humanismo – cantiga de amor); Texto II
(Classicismo – auto); Texto III (Humanismo –
poema épico)
c) Texto I (Humanismo – cordel); Texto II (Classicismo
– soneto); Texto III (Trovadorismo – dramático)
d) Texto I (Trovadorismo – cantiga de maldizer);
Texto II (Classicismo – soneto); Texto III
(Humanismo – auto)
e) Texto I (Classicismo – auto); Texto II
(Trovadorismo – poema épico); Texto III
(Humanismo – soneto)
Questão 9
Texto I
Ai, dona feia, foste-vos queixar
de que nunca vos louvo em meu trovar;
e umas trovas vos quero dedicar
em que louvada de toda a maneira
sereis; tal é o meu louvar:
dona feia, velha e gaiteira.
Ai, dona feia, se com tanto ardor
quereis que vos louve, como trovador,
trovas farei e tal teor
em que louvada de toda a maneira
sereis, tal é o meu louvor:
dona feia, velha e gaiteira.
Questão 10
Leia o texto:
Texto
O Capitão, quando eles vieram, estava sentado em
uma cadeira, aos pés uma alcatifa por estrado; e bem
vestido, com um colar de ouro, mui grande, ao
pescoço. E Sancho de Tovar, e Simão de Miranda, e
Nicolau Coelho, e Aires Corrêa, e nós outros que aqui
na nau com ele íamos, sentados no chão, nessa
alcatifa. Acenderam-se tochas. E eles entraram. Mas
nem sinal de cortesia fizeram, nem de falar ao
Capitão; nem a alguém. Todavia um deles fitou o
colar do Capitão, e começou a fazer acenos com a
mão em direção à terra, e depois para o colar, como
se quisesse dizer-nos que havia ouro na terra. E
também olhou para um castiçal de prata e assim
mesmo acenava para a terra e novamente para o
Texto II
Amor, que o gesto humano na alma escreve,
Vivas faíscas me mostrou um dia,
Donde um puro cristal se derretia
Por entre vivas rosas a alva neve.
A vista, que em si mesma não se atreve,
Por se certificar do que ali via,
Foi convertida em fonte, que fazia
A dor ao sofrimento doce e leve.
Jura Amor, que brandura de vontade
Causa o primeiro efeito; o pensamento
Fera Santa Emília, sempre vencedor!
3
10 de junho de 2014.
Simulado UPE/2014
1º ano - Ensino Médio
castiçal, como se lá também houvesse prata!
Mostraram-lhes um papagaio pardo que o Capitão
traz consigo; tomaram-no logo na mão e acenaram
para a terra, como se os houvesse ali. Mostraramlhes um carneiro; não fizeram caso dele. Mostraramlhes uma galinha; quase tiveram medo dela, e não lhe
queriam pôr a mão. Depois lhe pegaram, mas como
espantados.
Questão 12
Relacione as obras abaixo com as suas devidas
afirmações.
(alcatifa: tapete grande)
(UFSC-SC) De acordo com o Texto acima, assinale a
alternativa ERRADA:
a) Pero Vaz de Caminha, um dos escrivães da
armada portuguesa, escreve para o rei de
Portugal, D. Manuel, relatando como foi o contato
entre os portugueses e os tupiniquins.
b) Em “E eles entraram. Mas nem sinal de cortesia
fizeram, nem de falar ao Capitão; nem a ninguém”,
fica implícito que os tupiniquins desconheciam
hierarquia ou categoria social lusitanas.
c) Nada, na embarcação portuguesa, pareceu
despertar o interesse dos tupiniquins.
d) O trecho “... e acenava para a terra e novamente
para as contas e para o colar do capitão, como se
davam ouro por aquilo. Isto tomávamos nós nesse
sentido, por assim o desejarmos” evidencia que
havia
problemas
de
comunicação
entre
portugueses e tupiniquins.
e) O trecho também evidencia que havia animais que
os índios desconheciam haver na terra recémdescoberta.
Questão 11
“A história da gênese de uma casa, tratada por
Vitrúvio e por Alberti, é retomada por Filareto e
declinada no sentido de uma interpretação cristã, e
ilustrada pela primeira vez por uma imagem. Segundo
essa história, após ter sido expulso do paraíso, Adão
viu-se na necessidade de se abrigar. Ao princípio
serviram-lhe de abrigo as mãos postas em oração por
cima da cabeça, mas numa fase posterior, entre os
primeiros ramos de quatro arbustos foram dispostas
traves que serviram de apoio às paredes e ao telhado.
Esta cabana primitiva está na origem de toda
arquitetura evoluída.”
I. O nome significa “mulher de Caryae” (cidade
espartana), e é possível que sua forma derive das
posturas assumidas pelas mulheres nas danças do
festival anual de Artemis Cariatis. Os exemplos
mais famosos desse elemento arquitetônico são as
do Erecteu, em Atenas.
II. Típica escultura do período arcaico grego, suas
formas eram baseadas na Arte Egípcia, eram
denominadas Kouros, os modelos utilizados eram
jovens atletas ou militares, ornamentavam as
cidades e templos.
III. A extensão dos ritos funerários a um número cada
vez maior de funcionários é acompanhada por um
florescimento de estátuas privadas. Quase de
tamanho natural, o personagem pousa para a
eternidade com seus adornos. Hirto e pesado, o
seu corpo parece, contudo ainda prisioneiro da
pedra.
IV. Uma das mais famosas esculturas do período
clássico grego representa o equilíbrio, a força e a
beleza.
(Verônica Bierman - Teoria da Arquitetura)
Sobre a arquitetura grega, podemos afirmar:
a) As cidades gregas eram grandes e imponentes,
por isso possuíam um sistema bem desenvolvido
de abastecimento de água, os aquedutos.
b) Cidades como Atenas não eram divididas por
setores funcionais, áreas dedicadas a política,
religião e habitação, por exemplo.
c) A arquitetura baseava-se nas medidas do corpo
humano, era comum associar as ordens clássicas
ao homem e a mulher.
d) Nas cidades a Ágora ficou conhecido como o lugar
em que eram construídos templos religiosos.
e) A Acrópole era o setor da cidade dedicado às
discussões políticas.
Fera Santa Emília, sempre vencedor!
4
10 de junho de 2014.
Simulado UPE/2014
1º ano - Ensino Médio
a)
b)
c)
d)
e)
V. Pessoas quando morriam podiam continuar
vivendo desde que houvesse a preservação do
corpo e se uma imagem fiel do rei fosse
preservada, assim artistas faziam esculturas e as
colocavam na tumba, onde ninguém a via, a fim de
aí exercer sua magia e ajudar a alma a manter-se
viva na imagem e através dela. Um nome egípcio
para designar escultor era, de fato, “Aquele que
mantém vivo”.
Questão 15
(Unifor-CE) Os editores das revistas Fotomania e
Musical fizeram uma pesquisa entre os 400 alunos de
uma escola. A pesquisa revelou que, desses alunos,
210 leem a revista Musical, 190 leem a revista
Fotomania e 50 não leem revistas. O número de
alunos que leem somente a revista:
A ordem correta das afirmações é:
a)
b)
c)
d)
e)
16 anos e 10 meses.
17 anos e 1 mês.
17 anos e 5 meses.
18 anos e 6 meses.
19 anos e 2 meses.
I, II, III, IV, V
V, IV, I, II, III
V, II, I, IV, III
IV, V, I, III, II
II, III, IV, I, V
a)
b)
c)
d)
e)
Matemática
es
Musical é 160.
Fotomania é 150.
Musical é 170.
Fotomania é 130.
Musical é 180.
Prof . Edson Maranhão e Anacleto
Questão 16
(UPF-RS) Associe V ou F às afirmativas.
Questão 13
(EAESP-GV) Numa pesquisa de mercado, foram
entrevistadas várias pessoas acerca de suas
preferências em relação a três produtos A, B e C.
Os resultados da pesquisa indicaram que:
I.
II.
210 pessoas compram o produto A;
210 pessoas compram o produto B;
250 pessoas compram o produto C;
20 pessoas compram os três produtos;
100 pessoas não compram nenhum dos três produtos;
60 pessoas compram os produtos A e B;
70 pessoas compram os produtos A e C;
50 pessoas compram os produtos B e C.
III.
A sequência que representa a referida associação é:
a)
b)
c)
d)
e)
Com base nessas informações, pergunta - se:
quantas pessoas foram entrevistadas?
a)
b)
c)
d)
e)
A soma e a diferença de dois números naturais
são sempre números naturais.
O produto de dois números irracionais poderá ser
um número racional.
A razão de dois números racionais poderá ser
um número inteiro.
V–F–V
F–V–V
V–V–V
V–F–F
V–V–F
Questão 17
(F.M. Itajubá-MG ) Com relação a parte sombreada do
diagrama, é correto afirmar que:
670
970
870
610
510
Questão 14
(Fuvest) A distribuição das idades dos alunos de uma
classe é dada pelo gráfico abaixo. Qual das
alternativas representa melhor a média de idades dos
alunos?
a)
b)
c)
d)
e)
Fera Santa Emília, sempre vencedor!
5
A – (B – C)
A – (B ∪ C)
A – (B ∩ C)
A – (C – B)
Nenhuma das respostas anteriores.
10 de junho de 2014.
Simulado UPE/2014
1º ano - Ensino Médio
Questão 18
A figura a seguir representa um quadrado ABCD em
que o triângulo ABY é equilátero.
Questão 21
Num encontro de dirigentes esportivos, foi aprovada a
realização de um torneio A de futebol, que aconteceu,
pela primeira vez, dois anos depois, e,
posteriormente, a cada nove anos. No mesmo
encontro, foi aprovada a realização de um torneio B,
que ocorreu pela primeira vez somente nove anos
depois, acontecendo, a cada sete anos. Dessa forma,
a partir da aprovação, os dois torneios ocorreram,
pela primeira vez no mesmo ano, após:
a)
b)
c)
d)
e)
Quanto mede o ângulo CŶD?
a)
b)
c)
d)
e)
60°
122°
135°
143°
150°
50 anos.
55 anos.
58 anos.
60 anos.
65 anos.
Questão 22
No triângulo ABC, AB=8, BC=7, AC=6 e o lado BC foi
prolongado, como mostra a figura, até o ponto P,
formando-se o triângulo PAB, semelhante ao triângulo
PCA.
Questão 19
Na figura abaixo, que representa o projeto de uma
escada com 5 degraus de mesma altura, o
comprimento total do corrimão é igual a:
O comprimento do segmento PC é:
a)
b)
c)
d)
e)
7
8
9
10
11
Física
a)
b)
c)
d)
e)
es
Prof . Jarbas Gomes e Felipe Batista
1,8 m
1,9 m
2,0 m
2,1 m
2,2 m
Questão 23
No estudo das leis do movimento, ao tentar identificar
pares de forças de ação-reação, são feitas as
seguintes afirmações:
Questão 20
Dois sinais luminosos fecham juntos num determinado
instante. Um deles permanece 10 segundos fechado
e 40 segundos aberto, enquanto o outro permanece
10 segundos fechado e 30 segundos aberto. O
número mínimo de segundos necessários, a partir
daquele instante, para que os dois sinais voltem a
fechar juntos outra vez é de:
a)
b)
c)
d)
e)
I. Ação: A Terra atrai a Lua.
Reação: A Lua atrai a Terra.
II. Ação: O pulso do boxeador golpeia o adversário.
Reação: O adversário cai.
III. Ação: O pé chuta a bola.
Reação: A bola adquire velocidade.
IV. Ação: Sentados numa cadeira, empurramos o
assento para baixo.
Reação: O assento nos empurra para cima.
150
160
190
200
220
Fera Santa Emília, sempre vencedor!
O princípio da ação-reação é corretamente aplicado:
a)
b)
c)
d)
e)
6
somente na afirmativa I.
somente na afirmativa II.
somente nas afirmativas I, II e III.
somente nas afirmativas I e IV.
nas afirmativas I, II, III e IV.
10 de junho de 2014.
Simulado UPE/2014
1º ano - Ensino Médio
Questão 26
Um bloco de massa igual a 1Kg é mantido em
repouso, em contato com o teto de um apartamento,
sob o efeito de F=20N como ilustrado a seguir.
Sabendo-se que N é a forca de reação normal à
superfície do teto, P [é o peso do bloco, e f é a força
de atrito, qual o diagrama das forcas que atua sobre o
bloco A?
Questão 24
Leia a notícia de jornal abaixo transcrita:
“O ônibus espacial Columbia se desintegrou na
manhã de Sábado sobre os EUA enquanto preparavase para pousar, confirmou a Nasa (Agência Espacial
Norte-Americana). A tripulação, formada por seis
norte-americanos e um israelense, morreu. O ônibus
caiu no Texas, após a agência perder o contato com
os astronautas às 14h (12h em Brasília), 16 minutos
antes do horário programado para sua aterrissagem
na Flórida. O Columbia teria se desintegrado durante
a entrada na atmosfera, a 63 Km de altitude. Ela era o
mais antigo ônibus espacial americano, lançado pela
primeira vez em 12 de abril de 1981”.
O desastre com o ônibus espacial ocorreu no
momento em que a nave:
A
→
F
45
A)
0
D )
→
→
N
a) não há nenhuma relação entre a atmosfera e a
resistência do ar.
b) por voltar a sofrer a ação da força da gravidade,
passou a ter atrito no ar.
c) apesar de continuar sob a ação da gravidade,
colidiu com a camada de ozônio;
d) apesar de continuar sob a ação da gravidade,
passou a ter atrito com o ar;
e) apesar de protegido contra o ozônio, passou a
sofrer ação da gravidade
N
→
f
f
F
→
F
45
0
45
→
0
→
P
B)
P
E)
→
→
N
f
→
→
N
f
→
→
F
F
45
0
45
→
P
Questão 25
Uma pessoa entra no elevador e aperta o botão para
subir. Seja P o módulo do peso da pessoa e N o
módulo da força que o elevador faz sobre ela.
Pode-se afirmar que, quando o elevador começa a
subir:
a)
b)
c)
d)
e)
→
→
0
→
P
→
C )
N
→
f
→
F
45
0
→
P
P aumenta, e N não se modifica.
P não se modifica, e N aumenta.
P e N aumentam.
P e N não se modificam.
P e N diminuem.
Questão 27
No esquema da figura abaixo, o bloco de massa m2
desliza sem atrito sobre o plano horizontal e a roldana
é ideal.
Sendo a massa do outro bloco m1 = 2 kg e a tensão
no fio T = 12 N, a massa m2 é de:
a)
b)
c)
d)
e)
Fera Santa Emília, sempre vencedor!
7
2 kg
3 kg
4 kg
5 kg
6 kg
10 de junho de 2014.
Simulado UPE/2014
1º ano - Ensino Médio
Questão 30
O diagrama abaixo representa a velocidade escalar de
um móvel, em trajetória retilínea, em função do tempo.
O espaço total percorrido de 0 até 30 segundos é:
Questão 28
Um candidato ao vestibular da SSA – UPE, para não
se atrasar para as provas, deslocou-se de automóvel
pela Av. Agamenon Magalhães a uma velocidade de
25 m/s (90 km/h). Ao avistar o controlador eletrônico
de velocidade (“pardal”) pisou no freio, e a velocidade
diminuiu uniformemente para 15 m/s, com uma
2
aceleração constante de – 4,00 m/s , evitando, assim,
ser multado. Nestas condições, é correto afirmar que a
distância mínima do automóvel ao controlador
eletrônico, no instante em que o candidato pisou no
freio, foi de, aproximadamente:
a) 90 m
b) 70 m
c) 50 m
d) 25 m
e) 15 m
a)
b)
c)
d)
e)
Questão 29
No jogo de futebol entre Brasil e Chile do dia 9 de
setembro, pelas eliminatórias da Copa do Mundo de
2010, uma emissora de televisão, usando alguns
recursos tecnológicos, forneceu as distâncias
percorridas pelos jogadores durante o jogo. A tabela
abaixo mostra esses valores para três jogadores
durante o primeiro tempo da partida.
300 m
275 m
225 m
200 m
125 m
Questão 31
Em um local onde o efeito do ar é desprezível e
2
g = 10 m/s um nadador salta de um trampolim de 12m
de altura e atinge a água a uma distância de 6,0 m,
medida horizontalmente da borda do trampolim, em um
intervalo de tempo de 2,0s. A velocidade do nadador
no instante do salto tem intensidade igual a:
a)
b)
c)
d)
e)
3,0 m/s
4,0 m/s
1,0 m/s
5,0 m/s
7,0 m/s
Sobre as informações acima, é correto afirmar que:
Questão 32
Um projétil é lançado a partir do solo, com velocidade
de intensidade v0 = 100 m/s. Quando retorna ao solo,
sua distância ao ponto de lançamento (alcance) é de
1000 m. A menor velocidade do projétil durante seu
movimento é aproximadamente:
I. dos três jogadores, Maicon foi quem alcançou a
maior velocidade escalar média.
II. a velocidade escalar média do jogador André
Santos foi de aproximadamente 5,7 km/h.
III. com os dados da tabela, é possível calcular as
acelerações escalares médias dos jogadores.
IV. o módulo do deslocamento vetorial do jogador
Daniel Alves foi de 4100 m.
a) zero
b) 100 m/s
c) 87 m/s
d) 70 m/s
e) 50 m/s
A alternativa que só contém afirmativas corretas é:
a)
b)
c)
d)
e)
I e II
I e III
II e III
I e IV
II e IV
Fera Santa Emília, sempre vencedor!
8
10 de junho de 2014.
Simulado UPE/2014
1º ano - Ensino Médio
Língua Estrangeira
as
Prof . Patricia Souza e Karla Simone
Questão 33
“I´m having a lot of fun….” means that Beth
a)
b)
c)
d)
e)
is having a hard time.
doesn´t like the city at all.
is enjoying the city very much.
hates the city she is living.
is having lots of trouble.
Questão 34
The sentence “They are helping us” means
a)
b)
c)
d)
e)
The teachers are helping the students.
Klaus is helping Beth.
The students are helping Beth and Klaus.
The teachers are helping a city guy.
The students are helping the teachers.
Questão 35
Calvin, in the second box, says
a)
b)
c)
d)
e)
na verdade, a história em si não foi engraçada.
a história atual é muito engraçada.
a história foi divertida.
normalmente a história é sempre engraçada.
toda história é engraçada.
Fera Santa Emília, sempre vencedor!
9
10 de junho de 2014.
Simulado UPE/2014
1º ano - Ensino Médio
gozado de un gran predicamento y atractivo en toda
España. Efectivamente, tanto por la materia prima:
marisco, pescado y carnes, como por la excelente
cocina, tan reconocida en todo el mundo como la
vasca, la cocina norteña es en su integridad suculenta,
generosa, rica y enormemente atractiva. No se queda
atrás el litoral mediterráneo. Un entorno marino con
personalidad propia y una cocina saludable de
productos frescos de la huerta y ricos arroces que se
extienden por Cataluña, Castellón, Valencia, Alicante,
Murcia, Almería... Pero no se puede excluir una sola
región de la excelencia. Recordar los asados
castellanos, la tremenda originalidad de la cocina
manchega, el atractivo y sabiduría de un gazpacho
andaluz, unas migas extremeñas un cordero al
chilindrón, o una sencilla tortilla de patatas... Bendito
sea cada rincón de la cocina de estas tierras y
benditas sus increíbles recetas, tan indicativas de la
singularidad y personalidad de España.
Questão 36
The word his in “ (…) it came up his nose” refers to
a)
b)
c)
d)
e)
Calvin’s
Hobbes’s
Tommy’s
Jimmy’s
Peter’s
Questão 37
In the comic strip, which verb tense was most used?
a)
b)
c)
d)
e)
Simple Present
Imperative
Simple Past
Future
Present Continuous
Questão 38
In the last box, which action started first?
a)
b)
c)
d)
e)
The milk came up Tommy’s nose.
Tommy started drinking milk
Tommy laughed
I almost died
It was the way he told it.
Disponible en: <http://www.euroresidentes.com/Recetas/cocinaregional/espana.htm>.
La lectura del Texto I nos permite afirmar que:
I.
se trata de un texto destinado exclusivamente a
cocineros o chefs.
II. se trata de un texto destinado a lectores
interesados en la diversidad gastronómica de
España.
III. el texto presenta informaciones sobre la
gastronomía hispano-americana.
IV. el texto alude a la excelencia de productos y
platos de diversas regiones de España.
V. las gentes de las diversas regiones de España
transmiten de padres a hijos las recetas de sus
abuelos.
Questão 33
Texto I
COCINA REGIONAL ESPAÑOLA
La cocina de España es la cocina de sus regiones. La
sabiduría popular de sus gentes que con el paso del
tiempo han sabido sacar lo mejor de la tierra de cada
lugar y mejorar día a día cada uno de sus platos. Una
inmensa riqueza antropológica y cultural proyectada en
la extrema diversidad de las tierras de España. Una
pequeña porción de tierra que integra diversidad de
mares, montañas, llanos, valles, zonas boscosas
húmedas y verdes con territorios secos, desérticos. La
diversidad climática con las peculiaridades y
costumbres de las gentes de España.
Incluso los platos típicos más generalizados en todo el
territorio (guisos como el cocido, las alubias, etc.)
tienen una peculiar versión en cada lugar. No hay
región, incluso provincia, comarca o pueblo que no
destaque en la excelencia de un producto, de un plato.
Pueblos extremeños, murcianos, riojanos, cántabros,
gallegos, catalanes, madrileños, vascos, navarros,
andaluces, valencianos, aragoneses, manchegos,
leoneses, canarios, castellanos, asturianos... que han
sabido transmitir de padres a hijos las recetas de sus
abuelos, recetas que cada día se mejoraban con una
idea, una necesidad, un consejo de un tercero... ¡Qué
patrimonio gastronómico más impresionante! ¡Qué
tesoro!
Si se tuviera que elegir la cocina más destacable del
panorama gastronómico español quizás se acaba
cometiendo una injusticia. Durante años la franja verde
norte (Galicia, Asturias, Cantabria y País Vasco) ha
Fera Santa Emília, sempre vencedor!
Están correctas:
a)
b)
c)
d)
e)
I y II
II y IV
II, IV y V
I y III
II y V
Questão 34
Señale las ideas presentadas en el último párrafo del
Texto I.
I. Algunas regiones españolas tienen mayor destaque
en su gastronomía.
II. Comparar la gastronomía española con la de otros
países europeos sería una injusticia.
III. Cada región de España – la franja verde norte y el
litoral mediterráneo, por ejemplo – tiene su
atractivo. Por esa razón, todas se destacan en el
panorama gastronómico.
IV. La franja verde norte de España se destaca en la
gastronomía debido también a su materia prima.
V. En el litoral mediterráneo se puede disfrutar de una
gastronomía saludable de productos frescos de la
huerta.
10
10 de junho de 2014.
Simulado UPE/2014
1º ano - Ensino Médio
Están correctas:
a)
b)
c)
d)
e)
Questão 37
La palabra “docente” puede ser sustituida sin cambio
de sentido por:
III, IV y V
IyV
III y V
II y III
Todas
a)
b)
c)
d)
e)
Questão 35
Texto II
Maestra
Estudiante
Madre
Adolescente
Abuela
Questão 38
Texto III
Sobre el humor de la tira se puede afirmar, excepto:
El Texto II se trata de:
a) Mafalda emplea el mismo valor semántico para el
vocablo “índice” ele l primer y el último recuadro.
b) Mafalda no sabe la importancia del dedo índice.
c) La expresión “dedo índice” es utilizada de manera
metafórica por el autor de la tira.
d) Mafalda aún no sabe exactamente el significado de
la expresión “índice de desempleo”
e) A pesar de ser una niña, Mafalda ya percebe las
injusticias relaciones de trabajo establecidas entre
patrones y empleados.
a) Una crítica a los cuidados exagerados de la madre.
b) Un homenaje a la dedicación de la madre.
c) Una crítica a la sociedad que protege demasiado a
los niños.
d) Una crítica a los niños que no hacen nada.
e) Un homenaje al día de los niños.
Questão 36
En la oración“¿Tenés fiebre? Sacada del texto el
verbo TENER está conjugado en la 2ª persona del
singular “VOS” un pronombre de tratamiento usado en
algunos países de Sudamérica. El mismo verbo
conjugado en la forma más usual “Tú” seria:
a)
b)
c)
d)
e)
Tengo fiebre
Tenemos fiebre
Tenéis fiebre
Tiene fiebre
Tienes fiebre
Fera Santa Emília, sempre vencedor!
11
10 de junho de 2014.
Simulado UPE/2014
1º ano - Ensino Médio
Questão 40
(UFU – 2009) Com relação à chamada cultura de
massas ou à mercantilização da cultura, marque a
alternativa CORRETA.
Filosofia
a
Prof . Silvana Pedrosa
Questão 39
(UFV) Leia o texto a seguir, letra da música “Pacato
Cidadão”, composta por Samuel Rosa e Chico Amaral
para o álbum Calango, lançado pelo grupo mineiro
Skank, em 1994.
a) Para os autores da teoria crítica, as modernas
sociedades
industrializadas
desenvolvem
uma
produção cultural diversificada, produzida pelas
massas. Essa produção tem por objetivo a satisfação
das necessidades humanas, independentemente da
lógica do mercado.
b) De acordo com a teoria crítica, as sociedades
modernas capitalistas têm como característica
fundamental a produção do valor de troca, o que
possibilita a existência de uma produção artística e
cultural totalmente independente da lógica do
mercado.
c) Segundo os autores da chamada teoria crítica, há uma
tendência, na moderna sociedade capitalista, de
transformar tudo em mercadorias, fazendo com que o
critério estético das pessoas passe a ser diferente
daquele pelo qual as mercadorias são analisadas.
Esse outro critério é fundado na exterioridade e na
lógica de mercado.
d) De acordo com a teoria crítica, há uma tendência na
sociedade moderna capitalista de transformar tudo em
mercadoria, fazendo com que o critério estético das
pessoas passe a ser o mesmo das coisas. Esse
critério funda-se na exterioridade e na lógica do
mercado.
e) De acordo com a teoria crítica a tendência da
sociedade de consumo no estágio atual do capitalismo
é coerente.
Pacato Cidadão
Ô pacato cidadão, te chamei a atenção
Não foi à toa, não
C'est fini la utopia, mas a guerra todo dia
Dia a dia não
E tracei a vida inteira planos tão incríveis
Tramo à luz do sol
Apoiado em poesia e em tecnologia
Agora à luz do sol
Pra que tanta TV, tanto tempo pra perder
Qualquer coisa que se queira saber querer
Tudo bem, dissipação de vez em quando é bão
Misturar o brasileiro com alemão
Pacato cidadão
Ô pacato da civilização
Pra que tanta sujeira nas ruas e nos rios
Qualquer coisa que se suje tem que limpar
Se você não gosta dele, diga logo a verdade
Sem perder a cabeça, sem perder a amizade
Consertar o rádio e o casamento é
Corre a felicidade no asfalto cinzento
Se abolir a escravidão do caboclo brasileiro
Numa mão educação, na outra dinheiro
Pacato cidadão
Ô pacato da civilização.
Questão 41
(ENEM) Os meios de comunicação funcionam como
um elo entre os diferentes segmentos de uma
sociedade. Nas últimas décadas, acompanhamos a
inserção de um novo meio de comunicação que supera
em muito outros já existentes, visto que pode contribuir
para a democratização da vida social e política da
sociedade à medida que possibilita a instituição de
mecanismos eletrônicos para a efetiva participação
política e disseminação de informações. Constitui o
exemplo mais expressivo desse novo conjunto de
redes informacionais:
(MARQUES, Adhemar; BERUTTI, Flávio; FARIA, Ricardo; Brasil:
História em construção. Belo Horizonte. Ed. Lê,1996. v. 4. p. 165.)
O texto de Samuel Rosa e Chico Amaral discute
algumas
relações
relativas
à
sociedade
contemporânea brasileira. É INCORRETO afirmar que,
no texto, os autores:
a) abordam situações relativas à cidadania e à falta de
compromisso social de muitos cidadãos brasileiros.
b) defendem que somente a educação, aliada ao
poder dos meios de comunicação de massa, pode
fazer com que o cidadão brasileiro deixe de ser
pacato.
c) chamam a atenção para o descaso dos cidadãos
em relação às questões ambientais presentes em
seu cotidiano.
d) questionam a acomodação, a alienação e a falta de
interesse de muitos brasileiros pelas questões
políticas de seu tempo.
e) acreditam que o pacato cidadão, de certa forma,
vive escravizado no seu dia a dia, por isso precisa
se preocupar com a realidade a sua volta.
Fera Santa Emília, sempre vencedor!
a)
b)
c)
d)
e)
As redes sociais - Internet.
A fibra ótica.
A TV digital.
A telefonia móvel.
A portabilidade telefônica.
Questão 42
Quando nos questionamos filosoficamente acerca da
condição humana, estamos, na prática, buscando
respostas à seguinte pergunta: Em essência, o que é
o homem?
Nas alternativas abaixo, encontramos respostas
corretas, exceto:
a) O homem é um ser racional e pensante.
b) O homem escolhe valores e age de acordo com
eles.
c) O homem é incapaz de produzir bens culturais.
d) O homem é dotado de inteligência e sentimentos.
e) O homem vive em sociedade e tem uma história.
12
10 de junho de 2014.
Simulado UPE/2014
1º ano - Ensino Médio
Questão 43
Tema concentrado - CULTURA
Leia com atenção as alternativas abaixo.
I. Do ponto de vista antropológico a Cultura engloba
a língua falada, as idéias, as crenças, os
costumes, os códigos, as instituições, as artes e
a religião.
II. A função da cultura é tornar a vida segura e
contínua para a sociedade humana.
III. A cultura é o “cimento,” o alicerce que dá unidade
a um certo grupo que divide os mesmos costumes
e os mesmos valores..
IV. Do ponto de vista antropológico pode-se dizer
que tudo que faz parte do universo de criação
humana é cultura.
V. No Brasil, o elemento racial branco dominador
aceitou bem a cultura nativa estabelecendo
respeitosamente elos de convivência
Estão corretas:
a)
b)
c)
d)
e)
As alternativas I, II e III
As alternativas I, II, III e IV
As alternativas I, II e V
As alternativas III, IV e V
As alternativas IV e V
Questão 44
A condição humana é de ambiguidade, porque o ser
do homem não pode ser reduzido a uma compreensão
simples, como aquela que temos dos animais, sempre
acomodados ao mundo natural, e, portanto, idênticos a
si mesmos.
Com relação ao texto acima, analise os itens a seguir:
I.
II.
III.
IV.
V.
A linguagem simbólica e o trabalho constituem,
assim, parâmetros importantes para distinguir o
homem dos animais.
Hoje compreendemos que um aspecto, uma
dimensão específica do homem é a cultura.
Enquanto o animal adquire tudo da natureza e
ao longo de sua existência, não faz mais que
executar, de maneira pontual, instintiva e
mecânica, o que está no seu DNA, o homem
recebe da natureza um DNA, que lhe abre
imensas possibilidades.
A capacidade inventiva do homem tende a
desalojá-lo do ‘já feito’ em busca daquilo que
‘ainda não é’. Portanto, o homem é um ser de
ambiguidade, em constante busca de si mesmo.
A cultura não é para o homem algo acidental,
mas faz parte de sua própria natureza; é um
elemento constitutivo de sua essência.
Estão CORRETOS:
a)
b)
c)
d)
e)
Apenas I, II e III.
Apenas I, III, IV e V.
Apenas I, II e V.
I, II, III, IV e V.
Apenas III, IV e V.
Fera Santa Emília, sempre vencedor!
13
10 de junho de 2014.

Documentos relacionados

Prova comentada

Prova comentada 0,11% de acertos. A questão contava com quatro proposições corretas (01, 04, 08 e 32), sendo que, destas, a grande maioria de candidatos assinalou as proposições 01 (4.163) e 04 (4.869), que tratav...

Leia mais