Livro Programa - XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia

Сomentários

Transcrição

Livro Programa - XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia - Livro Programa
Promoção
Apoio
Livro
Programa
XLII Congresso
Brasileiro de Fitopatologia
SECRETARIA DE
AGRICULTURA, PECUÁRIA,
PESCA E ABASTECIMENTO
MINISTÉRIO DA AGRICULTURA,
PECUÁRIA E ABASTECIMENTO
3 a 7 de agosto de 2009
Rio de Janeiro, RJ, Brasil
XLII CONGRESSO BRASILEIRO DE FITOPATOLOGIA
Fitopatologia
Ciência, Evolução e Perspectivas na era Biotecnológica
3 a 7 de agosto de 2009
Rio de Janeiro, RJ, Brasil
XLII CONGRESSO BRASILEIRO DE FITOPATOLOGIA
PROMOÇÃO
Sociedade Brasileira de Fitopatologia
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
1
Apresentação
Programação
APRESENTAÇÃO
Prezados Congressistas,
No período de 3 a 7 de agosto de 2009 estaremos reunidos no Windsor Barra Hotel, situado na Barra
da Tijuca, na cidade do Rio de Janeiro (RJ), dispondo de um moderno Centro de Convenções e excelentes
serviços para a realização de eventos de grande porte, de forma a participar das atividades do XLII
Congresso Brasileiro de Fitopatologia, uma promoção da Sociedade Brasileira de Fitopatologia.
A cidade oferece uma excelente infra-estrutura turística e cultural divulgada pela Prefeitura da
Cidade do Rio de Janeiro, no site http://www.rio.rj.gov.br/ além de outros 80 sites que estão divulgando o
evento.
Trata-se de um dos maiores eventos relacionados à Sanidade Vegetal, apresentando qualidade e
cunho internacional, evidenciado pelo grande número de congressistas pré-inscritos (mais de 838)
representando todas as regiões do país bem como de outros países como Alemanha, Argentina, Canadá,
Colômbia, Equador, Espanha, Estados Unidos, Inglaterra, Israel, Venezuela. Tal abrangência demonstra a
integração à nível de rede de Ensino, Pesquisa, Extensão e de prestação de serviço à Sociedade dentro da
área de Sanidade Vegetal no país e no exterior.
Em função da temática do Evento (“Fitopatologia: Ciência, Evolução e Perspectivas na era
Biotecnológica”), da Organização, das Programações Científica (Interações Científicas e Agronegócios; nove
Palestras; doze Mesas Redondas; dez Sessões de Pôsteres; oito Sessões Orais; três Grupos de Discussão;
quatro Mini-cursos; Concurso de melhor trabalho científico da Graduação e da Pós-graduação; melhor
Trabalho oral) e Social (Coquetel de Abertura, Jantar de Confraternização, Excursões Turísticas), da ampla
infraestrutura, do lazer, dos excelentes pontos turísticos, da recepção e do acolhimento carinhoso da
população carioca, espera-se sem dúvida uma efetiva participação da comunidade científica e de seus
acompanhantes.
Agradecemos à confiança que cada um de vocês depositou na realização do XLII Congresso
Brasileiro de Fitopatologia na cidade do Rio de Janeiro.
Às Empresas e Instituições que tornaram possível a concretização desse evento, sinceros
agradecimentos.
Sem qualquer dúvida, tal Evento será inesquecível para toda a Comunidade Científica e seus
acompanhantes seja na forma de conhecimento científico bem como no aspecto social e humano.
Sejam bem-vindos e participem com o mesmo entusiasmo dedicado pela equipe organizadora do
Evento.
Comissão Organizadora do XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
2
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Comissão Organizadora
COMISSÃO ORGANIZADORA/ ORGANIZATION COMMITEE
Presidente
Paulo Sergio Torres Brioso
Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ), RJ
Vice-Presidente
Ricardo Moreira de Souza
Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (UENF), Campos dos Goytacazes, RJ
Secretária
Luciana Pozzer
Superintendência Federal de Agricultura no Estado do Rio de Janeiro - Ministério da Agricultura, Pecuária e
Abastecimento (SFA-RJ/ MAPA)
Tesoureiro
Andréia de Oliveira Gerk
Superintendência Federal de Agricultura no Estado do Rio de Janeiro - Ministério da Agricultura, Pecuária e
Abastecimento (SFA-RJ/ MAPA)
Comitê Técnico Científico
Presidente
Paulo Sergio Torres Brioso, UFRRJ
Demais membros
Andréia de Oliveira Gerk – SFA-RJ/ MAPA, RJ
Benedito Fernandes de Sousa Filho - Empresa de Pesquisa Agropecuária do Estado do Rio de Janeiro
(PESAGRO/RJ), Campos dos Goytacazes, RJ
Carlos Frederico Menezes Veiga - UFRRJ, RJ
Lilian Ferro da Cunha – SFA-RJ/ MAPA, RJ
Luciana Pozzer – SFA-RJ/ MAPA, RJ
Luis Carlos Ribeiro – Associação Nacional de Defesa Vegetal (ANDEF), SP
Maria Lúcia França Teixeira – Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro (IPJBRJ), RJ
Renato Machado Ferreira – Secretaria de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento (SEAAPA-RJ), RJ
Ricardo Moreira de Souza – UENF, RJ
Equipe de Apoio
Abi Soares dos Anjos Marques – Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) - Recursos
Genéticos e Biotecnologia, DF
Adalberto Café Filho - Universidade de Brasília (UnB), DF
Alice Kazuko Inoue Nagata – Embrapa Hortaliças, DF
Amanda Gerk - DF
Ana Carolina Naves Ferreira – Sociedade Brasileira de Fitopatologia (SBF), MG
Armando Takatsu - UnB, DF
Celso Merola Junger - SFA-RJ/ MAPA, RJ
Cláudio Lúcio Costa - UnB, DF
Everaldo Hans Studt Klein – UFRRJ, RJ
Francisco José Lima Aragão - Embrapa - Recursos Genéticos e Biotecnologia, DF
Gilmar Paulo Henz - Embrapa - Hortaliças, DF
Gislanne Brito Barros – UFRRJ, RJ
Guilherme Lafourcade Asmus - Embrapa Agropecuária Oeste, MS
Ivan Paulo Bedendo - Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ - USP), SP
João Batista Tavares da Silva - Embrapa - Recursos Genéticos e Biotecnologia, DF
Jorge Alberto Marques Rezende - ESALQ - USP, SP
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
3
Programação
Comissão Organizadora
José Alberto Caram de Souza Dias - Instituto Agronômico de Campinas (IAC), SP
José Luiz Bezerra - Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira (CEPLAC), BA
José Maurício Pereira – MAPA, MG
Jurema Schons – Universidade de Passo Fundo, RS
Juvenil Enrique Cares - UnB, DF
Ludwig H. Pfenning, UFLA, MG
Luiz Eduardo Bassay Blum- UnB, DF
Marcos Antônio Machado - Centro APTA Citros Sylvio Moreira - IAC, SP
Maria do Socorro da Rocha Nogueira – Embrapa Meio Norte, PI
Maurício Ercoli Zanon - Itograss Agrícola Ltda, SP
Messias Gonzaga Pereira – UENF, RJ
Paulo Sergio Bevilaqua de Albuquerque - CEPLAC, PA
Rosana Rodrigues - UENF, RJ
Sergio Florentino Pascholati - ESALQ - USP, SP
Soraia de Assunção Monteiro da Silva - UFRRJ, RJ
Sueli Correa Marques de Mello - Embrapa - Recursos Genéticos e Biotecnologia, DF
Sueli Gracieli – SBF, DF
Vera Lúcia de Almeida Marinho - Embrapa - Recursos Genéticos e Biotecnologia, DF
Wagner Bettiol - Embrapa - Meio Ambiente, SP
Orçamento, Gestão, Hospedagem e Atividades Sociais
Meta Marketing e Eventos Ltda, RJ
Divulgação, Treinamento, Informática e Logística
Acessi Informática Ltda, RJ
4
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Sumário
SUMÁRIO
Capa . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Apresentação . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .2
Comissão Organizadora . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .3
Sumário . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .5
Informações Gerais . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .6
Mapa da Barra da Tijuca . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .11
Planta do Local do Evento . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .12
Programação Geral . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .13
Programação Científica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .14
Sessão de Pôster 01 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .31
Sessão de Pôster 02 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .35
Sessão de Pôster 03 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .39
Sessão de Pôster 04 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .43
Sessão de Pôster 05 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .47
Sessão de Pôster 06 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .50
Sessão de Pôster 07 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .54
Sessão de Pôster 08 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .58
Sessão de Pôster 09 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .62
Sessão de Pôster 10 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .66
Sessão Oral 01 - Concurso Graduação . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .69
Sessão Oral 02 - Concurso Pós-graduação . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .69
Sessão Oral 03 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .69
Sessão Oral 04 - Concurso Graduação . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .70
Sessão Oral 05 - Concurso Pós-graduação . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .70
Sessão Oral 06 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .70
Sessão Oral 07 - Concurso Graduação . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .71
Sessão Oral 08 - Concurso Pós-graduação . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .71
Excursões Turísticas (por adesão) - Balcão da Gray Line na Secretaria do Evento . . . . . . . . . . . . . . . . .72
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
5
Informações Gerais
Programação
INFORMAÇÕES GERAIS
SECRETARIA EXECUTIVA DO CONGRESSO
• A secretaria funcionará no Windsor Barra Hotel, nos seguintes horários:
• Dia 03/08/2009: 11h:00 às 18h:30
• Demais dias: 8h:00 às 19h:30.
• Todas as informações relativas a translados e informações gerais serão fornecidas pelos
representantes da Meta Marketing Eventos Ltda, na Secretaria do evento.
CREDENCIAMENTO
• Os congressistas deverão usar o crachá em todas as atividades do XLII Congresso Brasileiro de
Fitopatologia.
• Não será permitida a entrada de pessoas sem crachá nas áreas relativas ao evento.
CERTIFICADOS
• Os certificados dos palestrantes, da apresentação de pôsteres e orais assim como da participação
nos mini-cursos serão entregues no local, após o final da respectiva atividade.
• Os certificados de participação no evento serão entregues a partir do dia 06/08/09, na secretaria do
evento, a partir das 8h:00.
SESSÃO DE PÔSTERES
• Os resumos científicos serão apresentados no formato de pôsteres no Salão Versailles, do Windsor
Barra Hotel.
• Uma equipe de apoio estará presente no local de apresentação do pôster com uma (1) hora de
antecedência do horário de cada sessão, de forma a atender a auxiliar os apresentadores.
• Os pôsteres devem ser afixados com uma (1) hora de antecedência do horário da apresentação do
mesmo e após a sessão serem imediatamente retirados.
• O apresentador deverá permanecer junto ao pôster durante todo o horário da apresentação do
mesmo.
SESSÃO ORAL
• Uma equipe de apoio estará presente no local de apresentação com uma hora de antecedência de
cada sessão, de forma a auxiliar os apresentadores.
• Será disponibilizado para a apresentação Projetor Multimídia, Laser Point.
• Os softwares disponíveis serão Windows XP3, Word 2007 e Power Point 2007.
• O arquivo com a apresentação deverá ser entregue, a equipe de apoio, com uma (1) hora de
antecedência do horário da respectiva sessão do mesmo.
• A duração da apresentação será de 10 a 12 minutos com dois (2) minutos para perguntas e
discussão.
• O cumprimento do horário será controlado pelo coordenador da sessão.
JANTAR DE CONFRATERNIZAÇÃO (por adesão)
• Será por adesão, até as 19h30 do dia 05/08/09, no valor de R$ 30,00.
• Capacidade: 700 pessoas.
• Local: Restaurante PAMPA GRILL, Av. das Américas, 5150.
• Translado gratuito (ida e volta, a partir do Windsor Barra Hotel), em ônibus do Evento a partir das 20
horas.
PACOTES TURÍSTICOS (por adesão)
Informações e contatos deverão ser feitas com a empresa Gray Line Rio de Janeiro, na Central de
Reservas: (21) 2512-9919, por E-mail: [email protected] ou nos dias 04 e 05 de agosto de 2009 na
secretaria do Evento.
Opções (vide na página referente a Excursões Turísticas):
• City Tour
• Corcovado
• Paixões Cariocas
6
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
•
•
•
•
Informações Gerais
Pão de Açúcar
Pink Fleet
Plataforma
Rio by Day
TRANSLADO
Todos os valores estão sujeitos a alteração sem prévio aviso.
Aeroporto Internacional Tom Jobim
Av. 20 de Janeiro, s/nº - Ilha do Governador, Rio de Janeiro - RJ - Cep: 21941-570, Tel.: (21) 3398-5050, Fax:
(21) 3393-2288
Opção: Shuttle Rio – Transfer (Van) (http://shuttlerio.com.br/br/)
• Central de Atendimento: (21) 2524-7730 / (21) 7842-2490 - (seg./ seg. das 08:00h às 19:00h)
• Aeroporto Internacional Tom Jobim / Barra da Tijuca – R$ 18,00
• Aeroporto Internacional Tom Jobim / Zona Sul – R$ 12,00
• Bagagem: Permitida uma mala e um volume de mão por pessoa. Cada mala ou volume extra – R$ 5,00.
• Horário: Diariamente das 08h:00 às 19h:00.
• Funcionamento: A cada hora cheia são iniciados os circuitos com saídas simultâneas do Aeroporto
Tom Jobim, Zona Sul e Barra da Tijuca.
• Importante: A empresa Shuttle Rio não tem saída do Aeroporto Santos Dumont e da Rodoviária
Novo Rio.
Opção: Ônibus - Real Auto Ônibus (http://www.realautoonibus.com.br)
• Central de Atendimento: (21) 3836-1700
• Saída dos ônibus do setor de desembarque: De 5h30 às 23h – De 30 em 30 minutos.
• Ir até a estação Alvorada (Barra da Tijuca), Passagem: R$ 7,00
• Na estação Alvorada será necessário tomar um ônibus (Terminal Alvorada / Windsor Barra Hotel
– Av. Sernambetiba: ônibus 179 ou 233 – R$ 2,20) ou um táxi até o Windsor Barra Hotel.
Aeroporto Santos Dumont
Praça Senador Salgado Filho, s/nº - Centro, Rio de Janeiro RJ - Cep: 20021-340, Tel.: (21) 3814-7070, Fax:
(21) 2220-2218
Opção: Ônibus - Real Auto Ônibus (http://www.realautoonibus.com.br)
• Central de Atendimento: (21) 3836-1700
• Saída do ônibus do Setor de Desembarque: De 5h30 às 23h – De 30 em 30 minutos.
• Ir até a estação Alvorada (Barra da Tijuca), Passagem: R$ 7,00
• Na estação Alvorada será necessário tomar um ônibus (Terminal Alvorada / Windsor Barra Hotel
– Av. Sernambetiba: ônibus 179 ou 233 – R$ 2,20) ou um táxi até o Windsor Barra Hotel.
•
Rodoviária Novo Rio
Central de Atendimento: (21) 3213-1800
Opção: Ônibus - Auto-viação Tijuca (Conexão Rodoviária – Terminal Alvorada na Barra da Tijuca).
• Saída do ônibus do Setor de Desembarque, Plataforma 58 - De 6h00 às 22h.
• Passagem: R$ 6,80.
• Viagem expressa (sem embarque ou desembarque no trajeto).
Opção: Ônibus – Viação Tijuquinha
• Linha 233 (Rodoviária – Barra da Tijuca/ via Av. Sernambetiba)
• Saída do ônibus do lado externo da Rodoviária.
• Passagem: R$ 2,20
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
7
Informações Gerais
Programação
Companhias de Táxi
COOTRAMO: (21) 3976-9944/ 9945 - COOPERTAXI - (21) 3860-7500
Aeroporto (COOTRAMO):
• Aeroporto Tom Jobim x Windsor Barra Hotel - R$ 99,00.
• Aeroporto Tom Jobim x Av. Atlântica - R$ 80,00.
•
•
Aeroporto Santos Dumont x Windsor Barra Hotel - R$ 91,00.
Aeroporto Santos Dumont x Av. Atlântica - R$ 37,00.
Rodoviária Novo Rio:
A empresa Cootramo não tem desk de atendimento na rodoviária; portanto o ponto de
encontro é na saída da rodoviária, na lateral do Hospital de Oncologia.
• Rodoviária Novo Rio x Windsor Barra Hotel - R$ 92,00.
• Rodoviária Novo Rio x Copacabana - R$ 46,00.
Zona Sul / Barra da Tijuca:
Opção: Ônibus - 2113 - Castelo x Taquara (Via Barra)
• Ponto de Embarque: Avenida Atlântica (por toda ela) – R$ 4,40.
• Ponto de Desembarque: Avenida Sernambetiba (em frente ao Windsor Barra Hotel).
• Importante: Não pegar o ônibus 2113 - Castelo x Pechincha, pois este não passa na Av.
Sernambetiba.
A tarifa dos ônibus convencionais (sem ar) na cidade do Rio de Janeiro é de R$ 2,20, exceto
ônibus intermunicipais, linhas especiais, expressos e similares.
Percurso dos hotéis credenciados na Barra para o Windsor Hotel - Sede do evento
• Royalty Barra Hotel - Av. do Pepê, 690 - Tel.: (21) 2483-5373
Indo para o Windsor Barra Hotel: Pegar o ônibus 179, duas quadras à frente do Royalty Hotel (cerca de 12
min. caminhando); logo após a Barraca do Pepe, pegar o ônibus (10 min. no ônibus) e saltar em frente ao
Windsor Barra Hotel.
Tempo total do percurso: 22 min.
Voltando para o Royalty Hotel: Pegar o ônibus 748 em frente ao Windsor Barra Hotel e saltar em frente ao
Royalty Hotel.
• Tropical Barra Hotel - Av. do Pepê, 500 - Tel.: (21) 2158-9292
Indo para o Windsor Barra Hotel: Pegar o ônibus 179, duas quadras à frente do Royalty Hotel (cerca de 12
min. caminhando); logo após a Barraca do Pepe, pegar o ônibus (10 min. no ônibus) e saltar em frente ao
Windsor Barra Hotel.
Tempo total do percurso: 22 min.
Voltando para o Tropical Hotel: Pegar o ônibus 748 em frente ao Windsor Barra Hotel e saltar em frente ao
Tropical Hotel.
• Pousada Barra Sol - Av. Grande Canal, 301 - Tel.: (21) 2493-7377
08 min. a pé.
• Entremares Hotel - Av. Érico Veríssimo,846 - Tel.: (21) 2494-3887
20 min. a pé ou 10 min. de ônibus: Linha 179.
• Sol da Barra Apart Hotel - Av. Sernambetiba, 880 - Tel.: (21) 2493-1023
10 min. a pé ou 3 min. de ônibus: Linhas: 233 e 179.
8
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Informações Gerais
FARMÁCIA
DENOMINAÇÃO
ENDEREÇO
Drogaria Boa Saúde
Drogaria Carioca
Drogaria Padrão
Av. Sernambetiba, 3.800/b, Tel. 2484-0769
Av. Sernambetiba, 2.860, Tel. 2496-9000
Av. Sernambetiba, 3.460 – Lj. 13 –
Condomínio Barra Mares, Tel. 2496-1310
Av. das Américas, 2.250, Tel. 2472-3000
Av. Sernambetiba, 3.300, Tel. 2491-5122
Drogasmil (24 horas)
Stop Barramares
DISTÂNCIA (A PARTIR DO HOTEL DO
EVENTO)
1,3 km
60 m
900 m
3,5 km
600 m
HOSPITAL
DENOMINAÇÃO
ENDEREÇO
Barra Dor Hospital
Hospital das Américas
Hospital Lourenço Jorge
Av. Ayrton Senna, 2541
Av. Américas, 500
Av Ayrton Senna, 2.000
DISTÂNCIA (A PARTIR DO HOTEL DO
EVENTO)*
8,0 km
2,5 – 3,4 km
6,9 km
*Distâncias obtidas pelo http://maps.google.com.br. Havendo duas distâncias: a pé e de carro.
RESTAURANTE
DENOMINAÇÃO
Amalfi Pizzas e Lanches
Bangalô
Bar e Restaurante Praia 10
Barra Grill
Beco do Alemão (kg)
Bob’s
Carioca Bar e Botequim
Centro China
China Barra
Churrascaria Tourão
Empório do Camarão.
Famiglia Italiana
Garotão da Barra Restaurante
Grill Inn (kg)
Jack Tequila (mexicano)
Jump Rio Bar Lanchonete
Las Rocas
Mr. Lenha
Náu Catrineta
Palhota
Pampa Grill
Picanha e Cia
Pizzaria Fratelli
Quiosques
República de Bali Restaurante
Republica Gourmet
Restaurante Gibraltar
Sapore di Sale
Siri da Barra (frutos do mar)
Sushimar Barra
Tarantella
Terral Mediterrânea
Umi.
Visual da Praia Choperia
ENDEREÇO
Av. Sernambetiba, 3.300
Av. Sernambetiba, 1.976
Av. Sernambetiba, 3.460
Av. Ministro Ivan Lins, 314
Av. Américas, 1.600
Av. do Pepe, 710
Av. Américas, 500
Av. do Pepe, 380
Av. Sernambetiba, 380
Praça São Perpétuo, 116
Av. do Pepe, 1.120
Av. Sernambetiba, 2.578
Av. Sernambetiba, 2.578
Rua Olegário Maciel, 555
Av. Américas, 500
Av. Sernambetiba,1.976
Av. Américas, 500
Av. Érico Veríssimo, 970
Av. Sernambetiba, 760
Av. Sernambetiba, 1.996
Av. das Américas, 5150
Av. Sernambetiba, 2.900/A
Av. Sernambetiba, 2.916
Na praia, em frente ao hotel
Av. Sernambetiba, 2.578
Av. Sernambetiba, 2.578
Av. Érico Veríssimo, 690
Av. Sernambetiba, 1.208
Praça Euvaldo Lodi, 65
Av. Sernambetiba, 2.860
Av. Sernambetiba, 850
Av. Lúcio Costa, 3.150
Av. Sernambetiba, 2.860
Av. Sernambetiba, 3.460
DISTÂNCIA (A PARTIR DO HOTEL DO
EVENTO)*
600 m
0,5 -1,5 km
900 m
2,9 – 3,2 km
2,5 -3,5 km
1,7 - 2 km
2,5 - 3,4 km
2,3 - 2,6 km
2,3 - 2,6 km
400 m
1,3 - 1,5 km
14 m
14 m
1,9 a 2,3 km
2,5 – 3,4 km
0,5 -1,5 km
2,5 - 3,4 km
2,3 - 2,6 km
1,7 - 1,9 km
0,5 - 1,5 km
7,3 km
71 m
76 m
14 m
14 m
1,3 - 2,1 km
1,1 -1,4 km
2,1 – 2,7 km
60 m
1,6 - 1,9 km
600 m
60 m
900 m
*Distâncias obtidas pelo http://maps.google.com.br. Havendo duas distâncias: a pé e de carro.
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
9
Informações Gerais
Programação
SHOPPING CENTER (Barra da Tijuca)
DENOMINAÇÃO
Barra Garden Shopping
Barra Shopping
Cittá América
Downtown
Shopping Barra Square
Shopping Downtown
Shopping Malls
Shopping Midtown
ENDEREÇO
Av. Américas, 3.255
Av. das Américas, 4666
Av. das Américas, 700
Av. das Américas, 500
Av. das Américas, 3555
Av. Américas, 500
Av. Armando Lombardi, 350
Av. Américas, 5.001
DISTÂNCIA (A PARTIR DO HOTEL DO
EVENTO)*
7,8 km
6,7 km
2,5 - 3,5 km
2,5 - 3,4 km
7,1 km
2,5 - 3,4 km
4,5 km
7,9 km
*Distâncias obtidas pelo http://maps.google.com.br. Havendo duas distâncias: a pé e de carro.
HOTEL OFICIAL
• Windsor Barra Hotel - Av. Sernambetiba, 2.630 - Barra da Tijuca, Tel.: (21) 2195-5000
AGÊNCIA OFICIAL
• Secretaria do Congresso - Meta Marketing e Eventos Ltda, Tel.: (21) 2220-2097
• Accessi Informática, Tel.: (21) 8732-8007 / (21) 2467-6849
TELEFONES ÚTEIS
• Corpo de Bombeiros – 193
• Guarda Municipal - Disque ordem 153
• Oi/ Telemar – 103-31
• Polícia Civil - (21) 2332-9931.
• Polícia Militar – 190
• Prefeitura do Rio de Janeiro - (21) 3083-8253
• Procon - 1512
• Rio – Ônibus – 0800-8861000
• SAMU - 192
10
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Mapa da Barra da Tijuca
MAPA DA BARRA DA TIJUCA
Rio de janeiro - RJ
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
11
Planta do Local do Evento
Programação
PLANTA DO LOCAL DO EVENTO
12
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Programação Geral
PROGRAMAÇÃO GERAL
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
13
Programação Científica
Programação
XLII CONGRESSO BRASILEIRO DE FITOPATOLOGIA
Rio de Janeiro, 3 a 7 de agosto de 2009
Fitopatologia
Ciência, Evolução e Perspectivas na era Biotecnológica
PROGRAMAÇÃO GERAL
SEGUNDA-FEIRA: 03 DE AGOSTO DE 2009
11:00 - 16:30 h: Inscrição e Entrega de Material (Salão Versailles)
13:30 - 16:30 h: Interações Científicas e Agronegócio (Salão Louvre)
16:30 - 17:30 h: Solenidade de Abertura (Salão Louvre)
17:30 - 18:30 h: Palestra (Salão Louvre)
Coordenador: Paulo Sergio Torres Brioso (UFRRJ/ RJ)
Convidado: Francisco José Becker Reifschneider (Embrapa - Hortaliças/ DF): C & T Agropecuária e a
Fitopatologia - uma reflexão do presente e considerações para o futuro
18:30 - 20:00 h: Coquetel
TERÇA-FEIRA: 04 DE AGOSTO DE 2009
08:00 - 09:20 h Mini-Curso 1: Sanidade de Sementes (Salão Louvre I) .
Coordenador: José Maurício Pereira (MAPA - SFA/ MG)
Convidado: José da Cruz Machado (UFLA/ MG)
Convidado: Maria Heloisa Duarte de Moraes (ESALQ-USP/ SP)
08:00 - 09:20 h: Mini-Curso 2: Uso de marcadores moleculares no melhoramento de plantas para
resistência a fitopatógenos (Salão Louvre II)
Coordenador: Messias Gonzaga Pereira (UENF/ RJ)
08:00 - 09:20 h: Mini-Curso 3: Diagnose e terapia em fitopatógenos (Salão Louvre III)
Coordenadoras: Vera Lúcia de Almeida Marinho e Abi Soares dos Anjos Marques (Embrapa - Recursos
Genéticos e Biotecnologia/ DF)
Convidado: Ailton Reis (Embrapa - Hortaliças/ DF)
08:00 - 09:20 h: Mini-Curso 4: Redação Científica (Salão Louvre IV)
Coordenador: Gilmar Paulo Henz (Embrapa - Hortaliças/ DF)
Convidado: Adalberto Café Filho (UnB/ DF)
Convidado: Eduardo Seiti Gomide Mizubuti (UFV/ MG)
09:20 - 10:20 h: Mesa Redonda 1: Bactérias Fitopatogênicas (Salão Louvre II)
Coordenador: Armando Takatsu (UnB/ DF)
Convidado: Ricardo Magela de Souza (UFLA/ MG): Estudo da associação bactéria-planta e sua importância
no controle de fitopatógenos no Brasil.
Convidado: Marisa Álvares da Silva Velloso Ferreira (UnB/ DF): Detecção e identificação de bactérias
fitopatogênicas face à atual taxonomia bacteriana.
09:20 -10:20 h: Mesa Redonda 2: Controle Biológico (Salão Louvre III)
Coordenador: Sueli Correa Marques de Mello (Embrapa - Recursos Genéticos e Biotecnologia/ DF)
Convidado: Marcelo Augusto Boechat Morandi (Embrapa - Meio Ambiente/ SP): Fatores bióticos e abióticos
na supressividade de fitopatógenos.
14
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Programação Científica
Convidado: Paulo Roberto Queiroz da Silva (UniCEUB/ DF): Produção de metabólitos por Trichoderma com
efeitos inibidores sobre fitopatógenos .
Convidado: Débora Maria Rodrigues Cruz (MAPA/ DF): Produção, comercialização, importação e exportação
de agentes microbiológicos de controle
09:20 -10:20 h: Mesa Redonda 3: Defensivos Agrícolas (Salão Louvre IV)
Coordenador: Luis Carlos Ribeiro (ANDEF/ SP): A importância de novos fungicidas para a sustentabilidade
da agricultura
10:20 - 11:20 h: Coffee break - Sessão Pôster 1 (Salão Versailles)
10:20 - 11:20 h: Sessão Oral 1 (Salão Louvre IV)
11:20 - 12:20 h: Palestra (Salão Louvre)
Coordenador: Maurício Ercoli Zanon (ITOGRASS Agrícola Ltda/ SP)
Convidado: Alejandro Canegallo (Argentina): Lawn grass diseases.
12:20 - 13:30 h: Almoço
13:30 - 14:30 h: Sessão Pôster 2 (Salão Versailles)
14:30 - 15:30 h: Mesa Redonda 4: Doenças de pós-colheita (Salão Louvre II)
Coordenador: Gilmar Paulo Henz (Embrapa - Hortaliças/ DF)
Convidado: Daniel Terao (Embrapa - Semi Árido/ PE): Manejo de doenças pós-colheita em frutas tropicais
Convidado: Patrícia Cia (IAC/ SP):Tecnologias para o manuseio de doenças de pós-colheita de produtos
hortícolas.
14:30 - 15:30 h: Mesa Redonda 5: Epidemiologia (Salão Louvre III)
Coordenador: Adalberto Café Filho (UnB/ DF)
Convidado: Murillo Lobo Júnior (Embrapa – Arroz e Feijão/ GO): Desafios da interface ecologiaepidemiologia de doenças radiculares
Convidado: Emerson Medeiros Del Ponte (UFRGS/ RS): Potencial e desafios da previsão sazonal de risco
de epidemias em larga escala
14:30 - 15:30 h: Mesa Redonda 6: Espiroplasmas Fitopatogênicos (Salão Louvre IV)
Coordenador: Ivan Paulo Bedendo (ESALQ - USP/ SP): Espiroplasmas como agentes causais de doenças
de plantas.
Convidado: Elizabeth de Oliveira Sábato (Embrapa - Milho e Sorgo/ MG): Spiroplasma kunkelii: controle
genético da resistência do milho
Convidado: Charles Martins de Oliveira (Embrapa – Cerrados/ DF): Interação espiroplasma e inseto vetor
15:30 - 16:30 h: Coffee break - Sessão Pôster 3 (Salão Versailles)
16:30 - 17:30 h: Palestra (Salão Louvre)
Coordenador: Paulo Sergio Torres Brioso (UFRRJ/ RJ)
Convidado: Luis Rogelio Conci (INTA - Instituto Nacional de Tecnologia Agropecuária - Argentina):
Fitoplasmas en Argentina y su control.
17:30 - 18:30 h: Palestra (Salão Louvre)
Coordenador: Wagner Bettiol (Embrapa - Meio Ambiente/ SP)
Convidado: James Francis White Junior (The State University of New Jersey - Estados Unidos): Endophyte
ecology, evolution, and impacts on diseases and insect pests.
18:30 - 19:30 h: Sessão Pôster 4 (Salão Versailles)
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
15
Programação Científica
Programação
QUARTA-FEIRA: 05 DE AGOSTO DE 2009
08:00 - 09:20 h: Mini-Curso 1: Sanidade de Sementes (Salão Louvre I)
Coordenador: José Maurício Pereira (MAPA - SFA/ MG)
Convidado: José da Cruz Machado (UFLA/ MG)
Convidado: Andréa Bittencourt Moura (UFPel/ RS)
08:00 - 09:20 h: Mini-Curso 2: Uso de marcadores moleculares no melhoramento de plantas para
resistência a fitopatógenos (Salão Louvre II)
Coordenador: Messias Gonzaga Pereira (UENF/ RJ)
08:00 - 09:20 h: Mini-Curso 3: Diagnose e terapia em fitopatógenos (Salão Louvre III)
Coordenadoras: Vera Lúcia de Almeida Marinho e Abi Soares dos Anjos Marques (Embrapa - Recursos
Genéticos e Biotecnologia/ DF)
Convidado: Carlos Hidemi Uesugi (UnB/ DF)
Convidado: Vilmar Gonzaga (Embrapa - Recursos Genéticos e Biotecnologia/ DF)
08:00 - 09:20 h: Mini-Curso 4: Redação Científica (Salão Louvre IV)
Coordenador: Gilmar Paulo Henz (Embrapa - Hortaliças/ DF)
Convidado: Gilmar Paulo Henz (Embrapa - Hortaliças/ DF)
09:20 -10:20 h: Mesa Redonda 7: Fisiologia do Parasitismo (Salão Louvre I)
Coordenador: Sergio Florentino Pascholati (ESALQ-USP/ SP): Fitotoxina, taxtomina e a ativação de
mecanismos de defesa em plantas.
Convidado: Holger Bruno Deising (Martin-Luther-Universität Halle-Wittenberg - Alemanha): Molecular
aspects of the infection of corn by Colletotrichum graminicola.
Convidado: Luiz Alberto Colnago (Embrapa - Instrumentação Agropecuária/ SP): Alterações bioquímicas em
plantas de citros com sintomas de morte súbita (MSC).
09:20 -10:20 h: Mesa Redonda 8: Potencialidades do emprego de organismos oriundos (ou
cultivados) da Amazônia e Cerrado brasileiro no biocontrole de doenças de plantas (Salão Louvre III)
Coordenador: Paulo Sérgio Bevilaqua de Albuquerque (CEPLAC/ BA)
Convidado: Célia Regina Tremacoldi (Embrapa – Amazônia Oriental/ PA): Metodologia para o controle
alternativo da fusariose em pimenteira-do-reino.
Convidado: Cleber Novais Bastos (CEPLAC/ BA): Potencialidade do óleo de Piper aduncum e seus
subprodutos no controle de fitopatógenos.
Convidado: Nilton Tadeu Vilela Junqueira (Embrapa – Cerrados/ DF): Potencial de extratos de plantas e
óleos vegetais na conservação e controle de doenças de frutos tropicais.
09:20 -10:20 h: Mesa Redonda 9: Genômica/ Proteômica (Salão Louvre IV)
Coordenador: Marcos Antônio Machado (Centro APTACitros Sylvio Moreira - IAC/ SP): Genômica na
interação de citros com patógenos
Convidado: Fred Gmitter Junior (Citrus Research and Education Center, University of Florida, Estados
Unidos): Genomics as a tool for breeding disease-resistant citrus.
Convidado: Elizabeth Pacheco Batista Fontes (UFV/ MG): Genômica na interação planta-patógeno.
10:20 - 11:20 h: Coffee break - Sessão Pôster 5 (Salão Versailles)
10:20 - 11:20 h: Sessão Oral 2 (Salão Louvre IV)
11:20 - 12:20 h: Palestra (Salão Louvre)
Coordenador: Ricardo Moreira de Souza (UENF/ RJ)
Convidado: Matthew Back (Harper Adams University College - Inglaterra): Understanding nematode-fungus
disease complexes of field crops.
12:20 - 13:30 h: Almoço
16
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Programação Científica
13:30 - 14:30 h: Sessão Pôster 6 (Salão Versailles)
14:30 - 15:30 h: Mesa Redonda 10: Nematóides Fitoparasitas (Salão Louvre II)
Coordenador: Juvenil Enrique Cares (UnB/ DF)
Convidado: Guilherme Lafourcade Asmus (Embrapa - Agropecuária Oeste/ MS): Manejo dos principais
nematóides que afetam a cultura do algodoeiro no Brasil.
Convidado: Edivaldo Cia (IAC/ SP): Avaliação da resistência genética do algodoeiro no controle de
nematóides.
Convidado: Djair do Santos Lima e Souza (Embrapa - Recursos Genéticos e Biotecnologia/ DF): Estratégias
moleculares para o controle de fitonematóides do algodoeiro.
14:30 - 15:30 h: Mesa Redonda 11: Taxonomia (Salão Louvre III)
Coordenador: Luiz Eduardo Bassay Blum (UnB/ DF): Taxonomia atual de fitopatógenos.
Convidado: Valmir Duarte (UFRGS/ RS): Taxonomia atual de bacterias fitopatogênicas.
Convidado: Wilmar Cório da Luz (Embrapa - Trigo/ RS): Taxonomia atual de Fungos.
14:30 - 15:30 h: Mesa Redonda 12: Vetor, Vírus e Viróide (Salão Louvre IV)
Coordenador: Cláudio Lúcio Costa (UnB/ DF)
Convidado: Rita de Cássia Pereira Carvalho (UnB/ DF): Aspectos epidemiológicos da dispersão do Tomato
yellow leaf curl virus por Bemisia tabaci.
Convidado: Alice Kazuko Inoue Nagata (Embrapa - Hortaliças/ DF): A versatilidade do uso de técnica de RCA
(amplificação por círculo rolante) na virologia.
Convidado: Marcelo Eiras (IB/ SP): Viróides: modelos moleculares para o estudo de interações patógenohospedeiro.
15:30 – 16:30 h: Coffee break - Sessão Pôster 7 (Salão Versailles)
16:30 – 17:30 h: Palestra (Salão Louvre)
Coordenador: José Alberto Caram de Souza Dias (IAC/ SP)
Convidado: Kerstin Lindner (Federal Research Centre for Cultivated Plants – Julius Kühn-Institut Alemanha): The influence of global warming on viruses using the example of PVY and phytoplasmata with
particular respect to potato stolbor phytoplasma in potato production in Europe in general and Germany in
particular.
17:30 – 18:30 h: Palestra (Salão Louvre)
Coordenador: Jorge Alberto Marques Rezende (ESALQ - USP/ SP)
Convidado: Amit Gal-On (Agricultural Research Organization - Volcani Center - Israel): Viral cross protection:
new insights into an well-known phenomenon.
18:30 – 19:30 h: Sessão Pôster 8 (Salão Versailles)
21:00 -24:00 h: Jantar de Confraternização (por adesão)
QUINTA-FEIRA: 06 DE AGOSTO DE 2009
08:00 - 09:20 h: Mini-Curso 1: Sanidade de Sementes (Salão Louvre I)
Coordenador: José Maurício Pereira (MAPA - SFA/ MG)
Convidado: Antônia dos Reis Figueira (UFLA/ MG)
Convidado: Débora Cristina Santiago (UEL/ PR)
Convidado: Celso Dornelas Fernandes (Embrapa - Gado de Corte/ MS)
08:00 - 09:20 h: Mini-Curso 2: Uso de marcadores moleculares no melhoramento de plantas para
resistência a fitopatógenos (Salão Louvre II).
Coordenador: Messias Gonzaga Pereira (UENF/ RJ)
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
17
Programação Científica
Programação
08:00 - 09:20 h: Mini-Curso 3: Diagnose e terapia em fitopatógenos (Salão Louvre III)
Coordenadoras: Vera Lúcia de Almeida Marinho e Abi Soares dos Anjos Marques (Embrapa - Recursos
Genéticos e Biotecnologia/ DF)
08:00 - 09:20 h: Mini-Curso 4: Redação Científica (Salão Louvre IV)
Coordenador: Gilmar Paulo Henz (Embrapa - Hortaliças/ DF)
Convidado: Francisco Murilo Zerbini Júnior (UFV/ MG)
Convidado: Ludwig Heinrich Pfenning (UFLA/ MG)
09:20 - 10:20 h: Grupo de Discussão 1: Regulação (Salão Louvre II)
Coordenadoras: Lílian Ferro da Cunha e Luciana Pozzer (MAPA – SFA/ RJ)
Convidado: Odilson Luiz Ribeiro e Silva (MAPA – DF): O Comitê de Normas da Convenção Internacional para
a Proteção dos Vegetais (CIPV) e sua atuação na elaboração das Normas Internacionais de Medidas
Fitossanitárias (NIMFs).
Convidado: André Felipe Carrapatoso Peralta da Silva (MAPA – DF): Prevenção e controle de pragas dos
vegetais para acesso aos mercados externos.
Convidado: Gutemberg Barone de Araújo Nojosa (MAPA – DF): O Acordo de Medidas Sanitárias e
Fitossanitárias da OMC e organismos de referência para a regulamentação do comércio internacional.
09:20 - 10:20 h: Grupo de Discussão 2: Proteção (Salão Louvre III)
Coordenador: José Luis Bezzerra (CEPLAC/ BA)
Convidado: Daniela de Moraes Aviani (MAPA – DF): Propriedade intelectual sobre novas cultivares: aspectos
legais e técnicos.
Convidado: Luadir Gasparotto (Embrapa- Amazônia Ocidental/ AM): Registro e proteção da
bananeira cultivar BRS Conquista, resistente à Sigatoka Negra e ao Mal do Panamá
09:20 - 10:20 h Grupo de Discussão 3: Protozoários (Salão Louvre IV)
Coordenador: João Batista Tavares da Silva (Embrapa - Recursos Genéticos e Biotecnologia/ DF):
Protozoários de plantas: situação atual no Brasil
Convidado: Paulo Manoel Pontes Lins (Empresa Socôco/ PA): Murcha do coqueiro causada pelo protozoário
Phytomonas sp.
10:20 - 11:20 h: Coffee break - Sessão Pôster 9 (Salão Versailles)
11:20 - 12:20 h: Palestra (Salão Louvre)
Coordenadora: Jurema Schons (UPF/ RS)
Convidado: Steven J. Roberts (Plant Health Solutions - Inglaterra): Methods of erradication of seed-born
pathogens.
12:20 - 13:30 h: Almoço
13:30 - 14:30 h: Sessão Oral 3 (Salão Louvre II)
13:30 - 14:30 h: Sessão Oral 4 (Salão Louvre III)
13:30 - 14:30 h: Sessão Oral 5 (Salão Louvre IV)
14:30 - 15:30 h: Palestra (Salão Louvre)
Coordenador: Francisco José Lima Aragão (Embrapa - Recursos Genéticos e Biotecnologia/ DF): Applied
transgenic approach in plant pathology.
15:30 - 16:30 h: Coffee break - Sessão Pôster 10 (Salão Versailles)
16:30 - 17:30 h: Sessão Oral 6 (Salão Louvre II)
16:30 - 17:30 h: Sessão Oral 7 (Salão Louvre III)
18
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Programação Científica
16:30 - 17:30 h: Sessão Oral 8 (Salão Louvre IV)
17:30 - 18:30 h: Assembléia SBF (Salão Louvre)
18:30 - 19:30 h: Solenidade de Encerramento (Salão Louvre)
SEXTA-FEIRA: 07 DE AGOSTO DE 2009
Excursões Turísticas (por adesão)
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
19
Programação Científica
Programação
XLII BRAZILIAN CONGRESS OF PHYTOPATHOLOGY
Rio de Janeiro, August 3rd - 7th 2009
Phytopathology
Science, Evolution and Prospects for the Biotechnology Era
GENERAL PROGRAMMING
MONDAY: 03 AUGUST 2009
11:00 - 16:30 h: Registration and delivery of material (Versailles Lounge)
13:30 - 16:30 h: Interactions Scientific and Agribusiness (Louvre Lounge)
16:30 - 17:30 h: Opening Ceremony (Louvre Lounge)
17:30 - 18:30 h: Lecture (Louvre Lounge)
Coordinator: Paulo Sergio Torres Brioso (UFRRJ/ RJ)
Guest: Francisco José Becker Reifschneider (Embrapa - Hortaliças/ DF): C & T Agricultural and Plant - a
reflection of this and considerations for the future
18:30 - 20:00 h: Cocktail
TUESDAY: 04 AUGUST 2009
08:00 - 09:20 h: Mini-Course 1: Seed pathology (Louvre I Lounge)
Coordinator: José Maurício Pereira (MAPA - SFA/ MG)
Guest: José da Cruz Machado (UFLA/ MG)
Guest: Maria Heloisa Duarte de Moraes (ESALQ-USP/ SP)
08:00 - 09:20 h Mini-Course 2: Use of molecular markers in plant breeding for resistance to
phytopathogens (Louvre II Lounge).
Coordinator: Messias Gonzaga Pereira (UENF/ RJ)
08:00 - 09:20 h: Mini-Course 3: Diagnosis and therapy of phytopathogens (Louvre III Lounge)
Coordinatoras: Vera Lúcia de Almeida Marinho and Abi Soares dos Anjos Marques (Embrapa - Recursos
Genéticos e Biotecnologia/ DF)
Guest: Ailton Reis (Embrapa - Hortaliças/ DF)
08:00 - 09:20 h Mini-Course 4: Scientific writing (Louvre IV Lounge)
Coordinator: Gilmar Paulo Henz (Embrapa - Hortaliças/ DF)
Guest: Adalberto Café Filho (UnB/ DF)
Guest: Eduardo Seiti Gomide Mizubuti (UFV/ MG)
09:20 - 10:20 h Round Table 1: Phytopathogenic bacteria (Louvre II Lounge)
Coordinator: Armando Takatsu (UnB/ DF)
Guest: Ricardo Magela de Souza (UFLA/ MG): Study of plant-associated bacteria and their importance in the
control of plant pathogens in Brazil.
Guest: Marisa Álvares da Silva Velloso Ferreira (UnB/ DF): Detection and identification of bacteria against
plant taxonomy current bacterial.
09:20 -10:20 h: Round Table 2: Biological control (Louvre III Lounge)
Coordinator: Sueli Correa Marques de Mello (Embrapa - Recursos Genéticos e Biotecnologia/ DF)
Guest: Marcelo Augusto Boechat Morandi (Embrapa - Meio Ambiente/ SP): Biotic and abiotic factors in the
suppressiveness of plant pathogens.
20
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Programação Científica
Guest: Paulo Roberto Queiroz da Silva (UniCEUB/ DF): Production of metabolites by Trichoderma with
inhibitory effects on phytopathogens .
Guest: Débora Maria Rodrigues Cruz (MAPA/ DF) - Production, marketing, import and export of
microbiological agents of control.
09:20 -10:20 h: Round Table 3: Agricultural chemicals (Louvre IV Lounge)
Coordinator: Luis Carlos Ribeiro (ANDEF/ SP) - The importance of new fungicides for the sustainability of
agriculture
10:20 - 11:20 h: Coffee break - Poster Session 1 (Salão Versailles)
10:20 - 11:20 h: Oral Session 1 (Louvre IV Lounge)
11:20 - 12:20 h: Lecture (Louvre Lounge)
Coordinator: Maurício Ercoli Zanon (ITOGRASS Agrícola Ltda/ SP)
Guest: Alejandro Canegallo (Argentina) : Lawn grass diseases
12:20 - 13:30 h: Lunch
13:30 - 14:30 h: Poster Session 2 (Versailles Lounge)
14:30 - 15:30 h: Round Table 4: Post-harvest diseases (Louvre II Lounge)
Coordinator: Gilmar Paulo Henz (Embrapa - Hortaliças/ DF)
Guest: Daniel Terao (Embrapa - Semi Árido/ PE): Management of postharvest diseases in tropical fruits.
Guest: Patrícia Cia (IAC/ SP): Technologies for the management of post-harvest diseases of vegetables.
14:30 - 15:30 h: Round Table 5: Epidemiology (Louvre III Lounge)
Coordinator: Adalberto Café Filho (UnB/ DF)
Guest: Murillo Lobo Júnior (Embrapa – Arroz e Feijão/ GO): Challenges of interface ecology, epidemiology of
root diseases.
Guest: Emerson Medeiros Del Ponte (UFRGS/ RS): Potential and challenges of seasonal prediction of risk
of epidemics in large scale.
14:30 - 15:30 h: Round Table 6: Phytopathogenic spiroplasm (Louvre IV Lounge)
Coordinator: Ivan Paulo Bedendo (ESALQ - USP/ SP): Spiroplasm as causative agents of diseases of plants.
Guest: Elizabeth de Oliveira Sábato (Embrapa - Milho e Sorgo/ MG): Spiroplasma kunkelii: genetic control of
resistance of maize.
Guest: Charles Martins de Oliveira (Embrapa – Cerrados/ DF): Interaction espiroplasma and insect vector.
15:30 - 16:30 h: Coffee break - Poster Session 3 (Versailles Lounge)
16:30 - 17:30 h: Lecture (Louvre Lounge)
Coordinator: Paulo Sergio Torres Brioso (UFRRJ/ RJ)
Guest: Luis Rogelio Conci (Instituto Nacional de Tecnologia Agropecuária - Argentina): Phytoplasm on
Argentina and control.
17:30 - 18:30 h: Lecture) (Louvre Lounge)
Coordinator: Wagner Bettiol (Embrapa - Meio Ambiente/ SP)
Guest: James Francis White Junior (The State University of New Jersey - Estados Unidos): Endophyte
ecology, evolution, and impacts on diseases and insect pests.
18:30 - 19:30 h: Poster Session 4 (Versailles Lounge)
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
21
Programação Científica
Programação
WEDNESDAY: 05 August 2009
08:00 - 09:20 h: Mini-Course 1: Seed pathology (Louvre I Lounge)
Coordinator: José Maurício Pereira (MAPA - SFA/ MG)
Guest: José da Cruz Machado (UFLA/ MG)
Guest: Andréa Bittencourt Moura (UFPel/ RS)
08:00 - 09:20 h: Mini-Course 2: Use of molecular markers in plant breeding for resistance to
phytopathogens (Louvre II Lounge)
Coordinator: Messias Gonzaga Pereira (UENF/ RJ)
08:00 - 09:20 h: Mini-Course 3: Diagnosis and therapy of phytopathogens (Louvre III Lounge)
Coordinatoras: Vera Lúcia de Almeida Marinho and Abi Soares dos Anjos Marques (Embrapa - Recursos
Genéticos e Biotecnologia/ DF)
Guest: Carlos Hidemi Uesugi (UnB/ DF)
Guest: Vilmar Gonzaga (Embrapa - Recursos Genéticos e Biotecnologia/ DF)
08:00 - 09:20 h: Mini-Course 4: Scientific writing (Louvre IV Lounge)
Coordinator: Gilmar Paulo Henz (Embrapa - Hortaliças/ DF)
Guest: Gilmar Paulo Henz (Embrapa - Hortaliças/ DF)
09:20 -10:20 h: Round Table 7: Physiology of parasitism (Louvre I Lounge)
Coordinator: Sergio Florentino Pascholati (ESALQ-USP/ SP): Fitotoxina, taxtomina and activation of defense
mechanisms in plants.
Guest: Holger Bruno Deising (Martin-Luther-Universität Halle-Wittenberg - Alemanha): Molecular aspects of
the infection of corn by Colletotrichum graminicola.
Guest: Luiz Alberto Colnago (Embrapa - Instrumentação Agropecuária/ SP): Biochemical changes in plants
with symptoms of citrus sudden death (CSD).
09:20 -10:20 h: Round Table 8: Potential use of organisms from (or grown) in the Brazilian Amazon
and Cerrado biocontrol of plant diseases (Louvre III Lounge)
Coordinator: Paulo Sergio Bevilaqua de Albuquerque (CEPLAC/ BA)
Guest: Célia Regina Tremacoldi (Embrapa – Amazônia Oriental/ PA): Methodology for the alternative control
of fusariosis in black pepper plants.
Guest: Cleber Novais Bastos (CEPLAC/ BA): Potentiality of Piper aduncum oil and its bioproducts in the
control of phytopathogens
Guest: Nilton Tadeu Vilela Junqueira (Embrapa – Cerrados/ DF): Potential of plant extracts and vegetable oils
in the conservation and control of tropical diseases.
09:20 -10:20 h: Round Table 9: Genomic / Proteomic (Louvre IV Lounge)
Coordinator: Marcos Antônio Machado (Centro APTACitros Sylvio Moreira - IAC/ SP): Genomics in the citrus
interaction with pathogens.
Guest: Fred Gmitter Junior (University of Florida - Estados Unidos): Genomics as a tool for breeding diseaseresistant citrus.
Guest: Elizabeth Pacheco Batista Fontes (UFV/ MG): Genomics in plant-pathogen interaction .
10:20 - 11:20 h: Coffee break - Poster Session 5 (Versailles Lounge)
10:20 - 11:20 h: Oral Session 2 (Louvre IV Lounge)
11:20 - 12:20 h: Lecture (Louvre Lounge)
Coordinator: Ricardo Moreira de Souza (UENF/ RJ)
Guest: Matthew Back (Harper Adams University College - Inglaterra): Understanding nematode-fungus
disease complexes of field crops.
22
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Programação Científica
12:20 - 13:30: h Lunch
13:30 - 14:30 h: Poster Session 6 (Versailles Lounge)
14:30 - 15:30 h: Round Table 10: Phytoparasitic nematodes (Louvre II Lounge)
Coordinator: Juvenil Enrique Cares (UnB/ DF)
Guest: Guilherme Lafourcade Asmus (Embrapa - Agropecuária Oeste/ MS): Management of the major
nematodes that affect the cultivation of cotton in Brazil.
Guest: Edivaldo Cia (IAC/ SP): Assessment of genetic resistance of cotton to control nematodes.
Guest: Djair do Santos Lima e Souza (Embrapa - Recursos Genéticos e Biotecnologia/ DF): Strategies for
the molecular control of cotton phytonematodes.
14:30 - 15:30 h: Round Table 11: Taxonomy (Louvre III Lounge)
Coordinator: Luiz Eduardo Bassay Blum (UnB/ DF): Current taxonomy of phytopathogens.
Guest: Valmir Duarte (UFRGS/ RS): Current taxonomy of phytopathogenic bacteria.
Guest: Wilmar Cório da Luz (Embrapa - Trigo/ RS): Current taxonomy of fungi.
14:30 - 15:30 h: Round Table 12: Vector, viruses and viroid (Louvre IV Lounge)
Coordinator: Cláudio Lúcio Costa (UnB/ DF)
Guest: Rita de Cássia Pereira Carvalho (UnB/ DF): Epidemiological aspects of the spread of Tomato yellow
leaf curl virus by Bemisia tabaci.
Guest: Alice Kazuko Inoue Nagata (Embrapa - Hortaliças/ DF): The versatility of the use of technique of RCA
(Rolling Circle Amplification) in virology.
Guest: Marcelo Eiras (IB/ SP): Viroids: molecular models for studying pathogen-host interactions.
15:30 – 16:30 h: Coffee break - Poster Session 7 (Versailles Lounge)
16:30 – 17:30 h: Lecture (Salão Louvre)
Coordinator: José Alberto Caram de Souza Dias (IAC/ SP).
Guest: Kerstin Lindner (Federal Research Centre for Cultivated Plants – Julius Kühn-Institut - Alemanha): The
influence of global warming on viruses using the example of PVY and phytoplasmata with particular respect
to potato stolbor phytoplasma in potato production in Europe in general and Germany in particular.
17:30 – 18:30 h: Lecture (Salão Louvre)
Coordinator: Jorge Alberto Marques Rezende (ESALQ - USP/ SP)
Guest: Amit Gal-On (Agricultural Research Organization - Volcani Center - Israel): Viral cross protection: new
insights into an well-known phenomenon.
18:30 – 19:30 h: Poster Session 8 (Versailles Lounge)
21:00 – 24:00 h: Fraternization
THURSDAY: 06 August 2009
08:00 - 09:20 h Mini-Course 1: Seed pathology (Louvre I Lounge)
Coordinator: José Maurício Pereira (MAPA - SFA/ MG)
Guest: Antônia dos Reis Figueira (UFLA/ MG)
Guest: Débora Cristina Santiago (UEL/ PR)
Guest: Celso Dornelas Fernandes (Embrapa - Gado de Corte/ MS)
08:00 - 09:20 h: Mini-Course 2: Use of molecular markers in plant breeding for resistance to
phytopathogens (Louvre II Lounge)
Coordinator: Messias Gonzaga Pereira (UENF/ RJ)
08:00 - 09:20 h: Mini-Course 3: Diagnosis and therapy of phytopathogens (Louvre III Lounge)
Coordinatoras: Vera Lúcia de Almeida Marinho and Abi Soares dos Anjos Marques (Embrapa - Recursos
Genéticos e Biotecnologia/ DF)
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
23
Programação Científica
Programação
08:00 - 09:20 h: Mini-Course 4: Scientific writing (Louvre IV Lounge)
Coordinator: Gilmar Paulo Henz (Embrapa - Hortaliças/ DF)
Guest: Francisco Murilo Zerbini Júnior (UFV/ MG)
Guest: Ludwig Heinrich Pfenning (UFLA/ MG)
09:20 - 10:20 h: Discussion Group 1: Regulation (Louvre II Lounge)
Coordinators: Lílian Ferro da Cunha and Luciana Pozzer (MAPA – SFA/ RJ)
Guest: Odilson Luiz Ribeiro e Silva (MAPA – DF): The Standards Committee of the International Convention
for the Protection of Plants (CIPV) and its role in development of International Standards for Phytosanitary
Measures (NIMFs).
Guest: André Felipe Carrapatoso Peralta da Silva (MAPA – DF): Prevention and control of pests of pants for
access to foreign markets.
Guest: Gutemberg Barone de Araújo Nojosa (MAPA – DF): The Agreement on Sanitary and Phytosanitary
Measures and WTO bodies for the regulation of international trade.
09:20 - 10:20 h Discussion Group 2: Protection (Louvre III Lounge)
Coordinator: José Luis Bezzerra (CEPLAC/ BA)
Guest: Daniela de Moraes Aviani (MAPA – DF): Intellectual property on new varieties: legal aspects and
technical.
Guest: Luadir Gasparotto (Embrapa- Amazônia Ocidental/ AM): Registration and protection of banana BRS
Conquista, resistant to Black Sigatoka, Yellow Sigatoka and Panama’s Evil.
09:20 - 10:20 h Discussion Group 3: Protozoa (Louvre IV Lounge)
Coordinator: João Batista Tavares da Silva (Embrapa - Recursos Genéticos e Biotecnologia/ DF): Protozoa
of plants: current situation in Brazil
Guest: Paulo Manoel Pontes Lins (Empresa Socôco/ PA): Wilt of coconut caused by protozoan Phytomonas
sp.
10:20 - 11:20 h: Coffee break - Poster Session 9 (Versailles Lounge)
11:20 - 12:20 h: Lecture (Louvre Lounge)
Coordinatora: Jurema Schons (UPF/ RS)
Guest: Steven J. Roberts (Plant Health Solutions - Inglaterra): Methods of erradication of seed-born
pathogens.
12:20 - 13:30 h: Lunch
13:30 - 14:30 h: Oral Session 3 (Louvre II Lounge)
13:30 - 14:30 h: Oral Session 4 (Louvre III Lounge)
13:30 - 14:30 h: Oral Session 5 (Louvre IV Lounge)
14:30 - 15:30 h: Lecture (Louvre Lounge)
Coordinator: Francisco José Lima Aragão (Embrapa - Recursos Genéticos e Biotecnologia/ DF): Applied
transgenic approach in plant pathology.
15:30 - 16:30 h: Coffee Break - Poster Session 10 (Versailles Lounge)
16:30 - 17:30 h: Oral Session 6 (Louvre II Lounge)
16:30 - 17:30 h: Oral Session 7 (Louvre III Lounge)
16:30 - 17:30 h: Oral Session 8 (Louvre IV Lounge)
17:30 - 18:30 :h Meeting SBF (Louvre Lounge)
18:30 - 19:30 h: Closing Ceremony (Louvre Lounge)
FRIDAY: 07 AUGUST 2009
Tourist Excursions
24
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Programação Científica
XLII CONGRESO BRASILEÑO DE FITOPATOLOGÍA
Rio de Janeiro, 3 a 7 de agosto de 2009
Fitopatologia
Ciencia, Evolución y Perspectivas en la era Biotecnológica
PROGRAMACIÓN GENERAL
LUNES: 03 DE AGOSTO DE 2009
11:00 - 16:30 h: Registro y Entrega de Material (Salón Versailles)
13:30 - 16:30 h: Interacciones Científicas y el Agronegocio (Salón Louvre)
16:30 - 17:30 h: Ceremonia de Apertura (Salón Louvre)
17:30 - 18:30 h: Conferencia (Salón Louvre)
Coordinador: Paulo Sergio Torres Brioso (UFRRJ/ RJ)
Invitado: Francisco José Becker Reifschneider (Embrapa - Hortaliças/ DF): C & T Agropecuaria y la Fitopatología - un reflejo del presente y consideraciones para el futuro.
18:30 - 20:00 h: Cóctel
MARTES: 04 DE AGOSTO DE 2009
08:00 - 09:20 h: Mini-Curso 1: Sanidad de semillas (Salón Louvre I)
Coordinador: José Maurício Pereira (MAPA - SFA/ MG)
Invitado: José da Cruz Machado (UFLA/ MG)
Invitado: Maria Heloisa Duarte de Moraes (ESALQ-USP/ SP)
08:00 - 09:20 h: Mini-Curso 2: El uso de marcadores moleculares en el fitomejoramiento de resistencia
a los fitopatógenos (Salón Louvre II)
Coordinador: Messias Gonzaga Pereira (UENF/ RJ)
08:00 - 09:20 h: Mini-Curso 3: Diagnóstico y terapia en fitopatógenos (Salón Louvre III)
Coordinadoras: Vera Lúcia de Almeida Marinho y Abi Soares dos Anjos Marques (Embrapa - Recursos
Genéticos e Biotecnologia/ DF)
Invitado: Ailton Reis (Embrapa - Hortaliças/ DF)
08:00 - 09:20 h: Mini-Curso 4: Redación Científica (Salón Louvre IV)
Coordinador: Gilmar Paulo Henz (Embrapa - Hortaliças/ DF)
Invitado: Adalberto Café Filho (UnB/ DF)
Invitado: Eduardo Seiti Gomide Mizubuti (UFV/ MG)
09:20 - 10:20 h Mesa Redonda 1: Bacterias Fitopatogenicas (Salón Louvre II)
Coordinador: Armando Takatsu (UnB/ DF)
Invitado: Ricardo Magela de Souza (UFLA/ MG): Estudio de la asociación bacteria-planta y su importancia
en el control de fitopatogenos en Brasil.
Invitado: Marisa Álvares da Silva Velloso Ferreira (UnB/ DF): Detección y identificación de las bacterias
fitopatogenicas contra la actual taxonomía bacteriana.
09:20 -10:20 h: Mesa Redonda 2: Controle Biológico (Salón Louvre III)
Coordinador: Sueli Correa Marques de Mello (Embrapa - Recursos Genéticos e Biotecnologia/ DF)
Invitado: Marcelo Augusto Boechat Morandi (Embrapa - Meio Ambiente/ SP): Factores bióticos y abióticos en
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
25
Programação Científica
Programação
el supresividad de fitopatogenos.
Invitado: Paulo Roberto Queiroz da Silva (UniCEUB/ DF): Producción de metabolitos por Trichoderma con
efectos inhibitorios sobre fitopatogenos.
Invitado: Débora Maria Rodrigues Cruz (MAPA/ DF): Producción, comercialización, importación y exportación
de agentes microbiológicos de control.
09:20 -10:20 h: Mesa Redonda 3: Defensivas Agrícolas (Salón Louvre IV)
Coordinador: Luis Carlos Ribeiro (ANDEF/ SP): La importancia de los nuevos fungicidas para la
sostenibilidad de la agricultura.
10:20 - 11:20 h: Coffee break - Sesión de Póster 1 (Salón Versailles)
10:20 - 11:20 h: Sesión Oral 1 (Salón Louvre IV)
11:20 - 12:20 h: Conferencia (Salón Louvre)
Coordinador: Maurício Ercoli Zanon (ITOGRASS Agrícola Ltda/ SP)
Invitado: Alejandro Canegallo (Argentina): Lawn grass diseases
12:20 - 13:30 h: Almuerzo
13:30 - 14:30 h: Sesión de Póster 2 (Salón Versailles)
14:30 - 15:30 h: Mesa Redonda 4: Enfermedades de poscosecha (Salón Louvre II)
Coordinador: Gilmar Paulo Henz (Embrapa - Hortaliças/ DF)
Invitado: Daniel Terao (Embrapa - Semi Árido/ PE): Manejo de enfermedades en poscosecha de frutas
tropicales
Invitado: Patrícia Cia (IAC/ SP): Tecnologías para el manejo de enfermedades de poscosecha de hortalizas
14:30 - 15:30 h Mesa Redonda 5: Epidemiología (Salón Louvre III)
Coordinador: Adalberto Café Filho (UnB/ DF)
Invitado: Murillo Lobo Júnior (Embrapa – Arroz e Feijão/ GO): Desafíos de la interfaz de la ecologíaepidemiología de las enfermedades de raiz.
Invitado: Emerson Medeiros Del Ponte (UFRGS/ RS) - Potenciales y desafíos del pronóstico estacional del
riesgo de epidemias en gran escala.
14:30 - 15:30 h: Mesa Redonda 6: Espiroplasmas Fitopatogenicos (Salón Louvre IV)
Coordinador: Ivan Paulo Bedendo (ESALQ - USP/ SP): Espiroplasmas los agentes causantes de
enfermedades de las plantas.
Invitado: Elizabeth de Oliveira Sábato (Embrapa - Milho e Sorgo/ MG): Spiroplasma kunkelii: control genético
de la resistencia del maíz.
Invitado: Charles Martins de Oliveira (Embrapa – Cerrados/ DF): Interacción del espiroplasma con el insecto
vector.
15:30 - 16:30 h: Coffee break - Sesión de Póster 3 (Salón Versailles)
16:30 - 17:30 h: Conferencia (Salón Louvre)
Coordinador: Paulo Sergio Torres Brioso (UFRRJ/ RJ)
Invitado: Luis Rogelio Conci (INTA - Instituto Nacional de Tecnologia Agropecuária - Argentina): Fitoplasmas
en Argentina y su control.
17:30 - 18:30 h: Conferencia (Salón Louvre)
Coordinador: Wagner Bettiol (Embrapa - Meio Ambiente/ SP)
Invitado: James Francis White Junior (The State University of New Jersey - Estados Unidos): Endophyte
ecology, evolution, and impacts on diseases and insect pests.
18:30 - 19:30 h: Sesión de Póster 4 (Salón Versailles)
26
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Programação Científica
MIÉRCOLES: 05 DE AGOSTO DE 2009
08:00 - 09:20 h: Mini-Curso 1: Sanidad de Semillas (Salón Louvre I)
Coordinador: José Maurício Pereira (MAPA - SFA/ MG)
Invitado: José da Cruz Machado (UFLA/ MG)
Invitado: Andréa Bittencourt Moura (UFPel/ RS)
08:00 - 09:20 h: Mini-Curso 2: El uso de marcadores moleculares en el fitomejoramiento de resistencia
a los fitopatógenos (Salón Louvre II)
Coordinador: Messias Gonzaga Pereira (UENF/ RJ)
08:00 - 09:20 h Mini-Curso 3: Diagnóstico y terapia en fitopatógenos (Salón Louvre III)
Coordinadoras: Vera Lúcia de Almeida Marinho y Abi Soares dos Anjos Marques (Embrapa - Recursos
Genéticos e Biotecnologia/ DF)
Invitado: Carlos Hidemi Uesugi (UnB/ DF)
Invitado: Vilmar Gonzaga (Embrapa - Recursos Genéticos e Biotecnologia/ DF)
08:00 - 09:20 h: Mini-Curso 4: Redación científica (Salón Louvre IV)
Coordinador: Gilmar Paulo Henz (Embrapa - Hortaliças/ DF)
Invitado: Gilmar Paulo Henz (Embrapa - Hortaliças/ DF)
09:20 -10:20 h: Mesa Redonda 7: Fisiología de parasitismo (Salón Louvre I)
Coordinador: Sergio Florentino Pascholati (ESALQ-USP/ SP): Fitotoxina, taxtomina y la activación de
mecanismos de defensa en plantas.
Invitado: Holger Bruno Deising (Martin-Luther-Universität Halle-Wittenberg - Alemanha): Molecular aspects of
the infection of corn by Colletotrichum graminicola .
Invitado: Luiz Alberto Colnago (Embrapa - Instrumentação Agropecuária/ SP): Cambios bioquímicos en las
plantas de cítricos con síntomas de muerte súbita (MSC).
09:20 -10:20 h: Mesa Redonda 8: Potencialidades de utilización de los organismos obtenidos (o
cultivados) de la Amazonia y Cerrado brasileño en el biocontrol de enfermedades de las plantas
(Salón Louvre III)
Coordinador: Paulo Sergio Bevilaqua de Albuquerque (CEPLAC/ BA)
Invitado: Célia Regina Tremacoldi (Embrapa – Amazônia Oriental/ PA): Metodología para el control
alternativo de fusariose en el pimenteira do reino.
Invitado: Cleber Novais Bastos (CEPLAC/ BA): Potencialidad del aceite de Piper aduncum y sus derivados
en el control de fitopatogenos.
Invitado: Nilton Tadeu Vilela Junqueira (Embrapa – Cerrados/ DF): Potencial de extractos de plantas y aceites
vegetales en la conservación y el control de las enfermedades de frutas tropicales.
09:20 -10:20 h: Mesa Redonda 9: Genómica/ Proteómica (Salón Louvre IV)
Coordinador: Marcos Antônio Machado (Centro APTACitros Sylvio Moreira - IAC/ SP): Genómica de la
interacción de los cítricos con patogenos.
Invitado: Fred Gmitter Junior (University of Florida - Estados Unidos):Genomics as a tool for breeding
disease-resistant citrus.
Invitado: Elizabeth Pacheco Batista Fontes (UFV/ MG): Genómica en la interacción planta-patogeno
10:20 - 11:20 h: Coffee break - Sesión de Póster 5 (Salón Versailles)
10:20 - 11:20 h: Sesión Oral 2 (Salón Louvre IV)
11:20 - 12:20 h: Conferencia (Salón Louvre)
Coordinador: Ricardo Moreira de Souza (UENF/ RJ)
Invitado: Matthew Back (Harper Adams University College - Inglaterra): Understanding nematode-fungus
disease complexes of field crops.
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
27
Programação Científica
Programação
12:20 - 13:30 h: Almuerzo
13:30 - 14:30 h: Sesión de Póster 6 (Salón Versailles)
14:30 - 15:30 h: Mesa Redonda 10: Nematodos Fitoparasitos (Salón Louvre II)
Coordinador: Juvenil Enrique Cares (UnB/ DF)
Invitado: Guilherme Lafourcade Asmus (Embrapa - Agropecuária Oeste/ MS): Manejo de los principales
nematodos que afectan el cultivo de algodón en Brasil.
Invitado: Edivaldo Cia (IAC/ SP): Evaluación de la resistencia genética del algodón para el control de
nematodos.
Invitado: Djair do Santos Lima e Souza (Embrapa - Recursos Genéticos e Biotecnologia/ DF): Estrategias
moleculares para el control fitonematodas de algodón.
14:30 - 15:30 h: Mesa Redonda 11: Taxonomía (Salón Louvre III)
Coordinador: Luiz Eduardo Bassay Blum (UnB/ DF): Taxonomía actual de fitopatogenos.
Invitado: Valmir Duarte (UFRGS/ RS): Taxonomía actual de bacterias fitopatogenicas.
Invitado: Wilmar Cório da Luz (Embrapa - Trigo/ RS): Taxonomia actual de hongos.
14:30 - 15:30 h: Mesa Redonda 12: Vetor, Virus y Viroides (mesaredonda.pdf) (Salón Louvre IV)
Coordinador: Cláudio Lúcio Costa (UnB/ DF)
Invitado: Rita de Cássia Pereira Carvalho (UnB/ DF): Aspectos epidemiologicos de la dispersión del Tomato
yellow leaf curl virus por Bemisia tabaci.
Invitado: Alice Kazuko Inoue Nagata (Embrapa - Hortaliças/ DF): La versatilidad del uso de la técnica de RCA
(Amplificación por Círculo Rodante) en virología.
Invitado: Marcelo Eiras (IB/ SP): Viroides: modelos moleculares para el estudio de las interacciones
patogeno-hospedeiro
15:30 – 16:30 h: Coffee break - Sesión de Póster 7 (Salón Versailles)
16:30 – 17:30 h: Conferencia (Salón Louvre)
Coordinador: José Alberto Caram de Souza Dias (IAC/ SP)
Invitado: Kerstin Lindner (Federal Research Centre for Cultivated Plants – Julius Kühn-Institut - Alemanha):
The influence of global warming on viruses using the example of PVY and phytoplasmata with particular
respect to potato stolbor phytoplasma in potato production in Europe in general and Germany in particular.
17:30 – 18:30 h Conferencia (Conferencias.pdf) (Salón Louvre)
Coordinador: Jorge Alberto Marques Rezende (ESALQ - USP/ SP)
Invitado: Amit Gal-On (Agricultural Research Organization - Volcani Center - Israel): Viral cross protection:
new insights into an well-known phenomenon
18:30 – 19:30 h Sesión de Póster 8 (Salón Versailles)
21:00 -24:00 h Cena de Confraternización
JUEVES: 06 DE AGOSTO DE 2009
08:00 - 09:20 h: Mini-Curso 1: Sanidad de semillas (Salón Louvre I)
Coordinador: José Maurício Pereira (MAPA - SFA/ MG)
Invitado: Antônia dos Reis Figueira (UFLA/ MG)
Invitado: Débora Cristina Santiago (UEL/ PR)
Invitado: Celso Dornelas Fernandes (Embrapa - Gado de Corte/ MS)
08:00 - 09:20 h: Mini-Curso 2: El uso de marcadores moleculares en el fitomejoramiento de resistencia
a los fitopatógenos (Salón Louvre II)
Coordinador: Messias Gonzaga Pereira (UENF/ RJ).
28
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Programação Científica
08:00 - 09:20 h: Mini-Curso 3: Diagnóstico y terapia en fitopatógenos (Salón Louvre III)
Coordinadoras: Vera Lúcia de Almeida Marinho y Abi Soares dos Anjos Marques (Embrapa - Recursos
Genéticos e Biotecnologia/ DF).
08:00 - 09:20 h: Mini-Curso 4: Redación científica (Salón Louvre IV)
Coordinador: Gilmar Paulo Henz (Embrapa - Hortaliças/ DF)
Invitado: Francisco Murilo Zerbini Júnior (UFV/ MG)
Invitado: Ludwig Heinrich Pfenning (UFLA/ MG)
09:20 - 10:20 h Grupo de Discusión 1: Regulación (Salón Louvre II)
Coordinadoras: Lílian Ferro da Cunha y Luciana Pozzer (MAPA – SFA/ RJ)
Invitado: Odilson Luiz Ribeiro e Silva (MAPA – DF): El Comité de Normas de la Convención Internacional
para la Protección de las Plantas (CIPV), y su papel en el desarrollo de Normas Internacionales para Medidas
Fitosanitarias (NIMFs).
Invitado: André Felipe Carrapatoso Peralta da Silva (MAPA – DF): Prevención y control de plagas de plantas
para el acceso a los mercados externos.
Invitado: Gutemberg Barone de Araújo Nojosa (MAPA – DF): El Acuerdo sobre Medidas Sanitarias y
Fitosanitarias de la OMC y los órganos de referencia para la regulación del comercio internacional.
09:20 - 10:20 h: Grupo de Discusión 2: Protección (Salón Louvre III)
Coordinador: José Luis Bezzerra (CEPLAC/ BA)
Invitado: Daniela de Moraes Aviani (MAPA – DF): Propiedad intelectual sobre nuevas variedades: aspectos
jurídicos y técnicos.
Invitado: Luadir Gasparotto (Embrapa- Amazônia Ocidental/ AM): Registro y protección de banano BRS
Conquista, resistentes a la Sigatoka Negro y Mal de Panamá.
09:20 - 10:20 h: Grupo de Discusión 3: Protozoos (Salón Louvre IV)
Coordinador: João Batista Tavares da Silva (Embrapa - Recursos Genéticos e Biotecnologia/ DF): Protozoos
de plantas: situación actual en Brasil.
Invitado: Paulo Manoel Pontes Lins (Empresa Socôco/ PA): Marchitez sorpresiva del coco causada por el
protozoo Phytomonas sp.
10:20 - 11:20 h: Coffee break - Sesión de Póster 9 (Salón Versailles)
11:20 - 12:20 h Conferencia (Salón Louvre)
Coordinadora: Jurema Schons (UPF/ RS)
Invitado: Steven J. Roberts (Plant Health Solutions - Inglaterra): Methods of erradication of seed-born
pathogens.
12:20 - 13:30 h: Almuerzo
13:30 - 14:30 h: Sesión Oral 3 (Salón Louvre II)
13:30 - 14:30 h: Sesión Oral 4 (Salón Louvre III)
13:30 - 14:30 h: Sesión Oral 5 (Salón Louvre IV)
14:30 - 15:30 h: Conferencia (Salón Louvre)
Coordinador: Francisco José Lima Aragão (Embrapa - Recursos Genéticos e Biotecnologia/ DF): Applied
transgenic approach in plant pathology.
15:30 - 16:30 h: Coffee break - Sesión de Póster 10 (Salón Versailles)
16:30 - 17:30 h: Sesión Oral 6 (Salón Louvre II)
16:30 - 17:30 h: Sesión Oral 7 (Salón Louvre III)
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
29
Programação Científica
Programação
16:30 - 17:30 h: Sesión Oral 8 (Salón Louvre IV)
17:30 - 18:30 h: Reunión SBF (Salón Louvre)
18:30 - 19:30 h: Ceremonia de Clausura (Salón Louvre)
VIERNES: 07 DE AGOSTO DE 2009
Excursiones Turísticas
30
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Sessão de Postêr
SESSÃO DE PÔSTER
TERÇA-FEIRA – 04 DE AGOSTO DE 2009
SESSÃO PÔSTER: 1
HORÁRIO: 10h:20 – 11h:20
SALÃO: VERSAILLES
CÓDIGO
RESUMO
INSCRIÇÃO
TÍTULO
1277
CONFIRMAÇÃO DA VARIABILIDADE GENÉTICA ENTRE ISOLADOS
DO FITOPLASMA DO AMARELECIMENTO LETAL DO COQUEIRO
(PRAGA AUSENTE NO BRASIL) UTILIZANDO REGIÃO QUE
CODIFICA GENES DA PROTEINA RIBOSOMAL
1
CARMO, LST; DOLLET, M; MARINHO, VLA
1277
ESCALA DIAGRAMÁTICA PARA AVALIAÇÃO DA MANCHA-AQUOSA
DO MELÃO
2
ZOCCOLI, DM; DAMASCENO, JPS; MARQUES,
ASA
1280
OTIMIZAÇÃO DE IC-PCR (IMUNOCAPTURA-PCR) PARA DETECÇÃO
DE ERWINIA PSIDII.
3
SILVA, CF; SANTIAGO, LAAC; OLIVEIRA, NPD;
TORRES, P; RODRIGUES, DS; MARQUES, ASA;
FERREIRA, MASV
1286
DESENVOLVIMENTO DE MÉTODO PARA INOCULAÇÃO E
AVALIAÇÃO DA REAÇÃO DE GENÓTIPOS DE SOJA À PÚSTULA
BACTERIANA
4
SOARES, RM
1313
PRIMEIRO RELATO DA OCORRÊNCIA DE FITOPLASMA DO GRUPO
16SRXIII ASSOCIADO AO ENFEZAMENTO DO BRÓCOLIS
5
ECKSTEIN, B.; BRITO, R.A.S.; BRUNELLI, K.;
BEDENDO, I.P.
1350
ERRADICAÇÃO DO CANCRO CÍTRICO EM RORAIMA.
6
LIMA, H. E.; PRILL, M. A. S.; SILVA, R. C.; MELO, R. P.
1367
DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE QPCR PARA DETECÇÃO
DE INFECÇÕES LATENTES DE PECTOBACTERIUM E DICKEYA
SPP. EM TUBÉRCULOS-SEMENTE DE BATATA.
7
CARVALHO, J. B.; DUARTE, V.
1374
PANTOEA ANANATIS: INFLUÊNCIA DO TAMANHO DA POPULAÇÃO
NA REPRODUÇÃO DOS SINTOMAS DA MANCHA BRANCA DO
MILHO
8
ROCHA, KR; PEDRO, ES; PACCOLA-MEIRELLES,
LD
1384
SELEÇÃO PARA BACTÉRIAS BIOCONTROLADORAS DE DOENÇAS
EM PESSEGUEIRO
10
MOTA, MS; MOURA, AB; CAMPESATO, CBM;
SANTOS, AG; CARDOSO, G; ROCHA, DJA
1388
OCORRÊNCIA DE XANTHOMONAS ORYZAE PV. ORYZICOLA EM
ARROZ PRODUZIDO NO RIO GRANDE DO SUL
11
SCHAFER, JT; MOURA, AB; ALVARADO, I DEL
CM
1392
PRIMEIRO RELATO DA BIOVAR 2 DE RALSTONIA SOLANACEARUM
EM EUCALIPTO NO BRASIL
12
MARQUES,E; REZENDE,DV; UESUGI,CH
1473
AÇÃO “IN VITRO” DE EXTRATOS AQUOSOS E HIDROALCOÓLICOS
VEGETAIS SOBRE XANTHOMONAS SP. DO TOMATEIRO
15
ITAKO, AT; SILVA JÚNIOR, TAF; NEGRÃO, DR;
MARINGONI, AC
1483
DETECÇÃO DE XANTHOMONAS CAMPESTRIS PV. BETAE EM
BETERRABA NA REGIÃO DE SÃO GOTARDO (MG)
16
CORRÊA, DBA; BALANI, DM; RODRIGUES, LMR;
DESTÉFANO, SAL
1505
EFEITO DO ASM E DOSES CRESCENTES DE GLUCOSE NO
CONTROLE DA MANCHA ANGULAR DO ALGODOEIRO EM CASADE-VEGETAÇÃO
17
SILVA, GM; ZACARONI, AB; RESENDE, MLV;
SOUZA, RM
1512
THE 16SR GROUP IX PHYTOPLASMA ASSOCIATED WITH CITRUS
HUANGLONGBING SYMPTOMS IN SÃO PAULO STATE, BRAZIL,
HAS BEEN DETECTED IN CROTALARIA PLANTS (CROTALARIA
JUNCEAE)
18
WULFF, NA; TEIXEIRA, DC; MARTINS, EC; LEITE,
APR; MARIANO, AG; DA SILVA, ACB; AUGUSTO,
MLV; AYRES, AJ; BOVÉ, JM
1512
IDENTIFICATION, PCR DETECTION AND OCCURRENCE IN SÃO
PAULO STATE, BRAZIL, OF CITRUS HUANGLONGBING-ASSO­
CIATED AGENTS: CANDIDATUS LIBERIBACTER AME­RICA­NUS, CA.
L. ASIATICUS, AND THE 16SR GROUP IX PHYTOPLASMA
19
TEIXEIRA, DC; WULFF, NA; LEITE, APR; MARTINS,
EC; AYRES, AJ; BOVÉ, JM
1516
CONTROLE DO CANCRO CÍTRICO A CAMPO POR NEONICOTI­
NÓIDES.
21
SILVA,MRL; BAGIO,TZ; FAVARO,EA; CANTERI,MG;
LEITE JR,RP
1531
EFEITO “IN VITRO” DE EXTRATOS HIDROALCÓLICOS VEGETAIS A
CURTOBACTERIUM FLACCUMFACIENS PV. FLACCUMFACIENS
22
SILVA JÚNIOR, TAF; NEGRÃO, DR; ITAKO, AT;
MARINGONI, AC
1531
SOBREVIVÊNCIA DE CURTOBACTERIUM FLACCUMFACIENS PV.
FLACCUMFACIENS EM RESTOS DE CULTURA DE FEIJOEIRO NO
PERÍODO I
23
SILVA JÚNIOR, TAF; MARINGONI, AC; PIERI, C;
NEGRÃO, DR; ITAKO, AT
1555
EFEITO DO ACIBENZOLAR-S-METIL (ASM) E EXTRATOS VEGETAIS
NO CONTROLE DA MANCHA ANGULAR DO ALGODOEIRO EM
CASA-DE-VEGETAÇÃO
24
ZACARONI, AB; SOUZA, RM; ISHIDA, AKN;
RESENDE, MLV
1555
EFEITO DO ACIBENZOLAR-S-METIL (ASM), EXTRATO DE FOLHAS
DE GRAVIOLA, EXTRATOS DE FOLHA DE GOIABA, NIPHOKAM®
E AGRO-MOS ® NO CONTROLE DA MANCHA ANGULAR DO
ALGODOEIRO EM CASA-DE-VEGETAÇÃO
25
ZACARONI, AB; SOUZA, RM; ISHIDA, AKN;
RESENDE, MLV
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
AUTORES
31
Sessão de Postêr
32
Programação
1564
TIPAGEM MOLECULAR DE ISOLADOS DE ACIDOVORAX AVENAE
SUBSP. CITRULLI UTILIZANDO MARCADORES RAPD.
26
XAVIER, AS; SILVA, KMM; ARRUDA, LAM;
BARROS, APO; MARIANO, RLR; SILVEIRA, EB
1572
AVALIAÇÃO DE COMPETITIVIDADE ENTRE ESPÉCIES DE
XANTHOMONAS CAUSADORAS DA MANCHA BACTERIANA DO
TOMATEIRO
27
ARAÚJO, ER; QUEZADO-DUVAL, AM; PEREIRA,
RC; CAFÉ-FILHO, AC
1574
INOCULAÇÃO ISOLADA E MISTA DO FEIJÃO-CAUPI COM
BACTÉRIAS PROMOTORAS DE CRESCIMENTO E RIZÓBIO.
28
DA PAZ, CD ; SILVA, JR; CARVALHO, FCQ;
MARTINS, LMV; SAMPAIO, AA
1574
EFEITOS DE BACTÉRIAS PROMOTORAS DE CRESCIMENTO EM
DUAS VARIEDADES DE CELOSIA
29
DA PAZ, CD; GUIMARÃES, L; SOUZA, JC;
FRANÇA, FS; CARVALHO, FCQ; PEIXOTO, AR;
SANTOS, MM; SILVA, JR
1576
CARACTERIZAÇÃO DE ISOLADOS DE XANTHOMONAS SPP.
ORIUNDOS DE LAVOURAS DE TOMATE PARA CONSUMO IN
NATURA QUANTO AOS PERFIS DE BOX-PCR.
30
PEREIRA, RC; ARAÚJO, ER; QUEZADO-DUVAL,
AM; FERREIRA, MASV
1588
MEIOS SELETIVOS PARA A DETECÇÃO E A QUANTIFICAÇÃO DE
ISOLADOS BRASILEIROS DE RALSTONIA SOLANACEARUM NO
SOLO.
32
PONTES, NC; FUJINAWA, MF; OLIVEIRA, JR
1591
ENFEZAMENTO DA COUVE-FLOR ASSOCIADO A FITOPLASMA
DO GRUPO 16SRXIII.
33
RAPPUSSI, M.C.C.; BEDENDO, I.P.
1630
CARACTERIZAÇÃO BIOQUÍMICA E BIOLÓGICA DE ISOLADOS DE
XANTHOMONAS AXONOPODIS PV. BEGONIAE
34
FUJINAWA, MF; PONTES, NC; RAIMUNDI, MK;
OLIVEIRA, JR
1640
DETECÇÃO DE XANTHOMONAS AXONOPODIS PV. MALVACEARUM
POR PCR UTILIZANDO PRIMERS ESPECÍFICOS
35
LELIS,FMV;
SOUZA,RM;
FIGUEIRA,AR;
GALVINO,SBF ; GERALDINO,PS; ZACARONI,AB
1653
ANTAGONISMO
CONTRA
FUSARIUM
OXYSPORUM
FS.
LYCOPERSICI EXERCIDO POR RIZOBACTÉRIAS AUTÓCTONES
EM TOMATEIRO.
36
REZENDE, LC; FERRAZ, HGM; SOUZA, AN;
AMARAL, LS; ROMEIRO,RS
1653
DETECÇÃO IN VITRO DE ANTAGONISMO EXERCIDO POR
RIZOBACTÉRIAS AUTÓCTONES DE TOMATEIRO CONTRA
RALSTONIA SOLANACEARUM.
37
REZENDE, LC; FERRAZ, HGM; SOUZA, AN;
AMARAL, LS; ROMEIRO,RS
1670
AVALIAÇÃO DE ALGUMAS GRAMÍNEAS COMO HOSPEDEIROS
POTENCIAIS PARA SPIROPLASMA KUNKELII, AGENTE DO
ENFEZAMENTO PÁLIDO DO MILHO
38
HAAS,ICR; BEDENDO,IP; LOPES,JRS
1691
INFECÇÃO DE XYLELLA FASTIDIOSA EM PLANTAS DE CITROS
39
RODRIGUES, CM; DE SOUZA, AA; TAKITA, MA;
OLIVEIRA, CR; MACHADO, MA
1781
SISTEMICIDADE DE DIFERENTES PRODUTOS NO CONTROLE DA
MANCHA BACTERIANA DO TOMATEIRO
40
RAIMUNDI, MK; PONTES, NC; FUJINAWA, MF;
OLIVEIRA, JR
1788
RECENTES EVIDÊNCIAS DE ESPECIFICIDADE DA RAÇA 2 DE
RALSTONIA SOLANACEARUM À BANANEIRA.
41
SILVA,BB; ROSSATO,M; LOPES,CA
1797
AVALIAÇÃO “IN VIVO” DE DIFERENTES TIPOS DE TRATAMENTO
TÉRMICO NO CONTROLE DO RAQUITISMO-DA-SOQUEIRA EM
CANA-DE-AÇÚCAR: EFEITO NA GERMINAÇÃO DOS TOLETES
42
GANEM JR, EJ; URASHIMA, AS
1797
DETECÇÃO DE RAQUITISMO-DA-SOQUEIRA
JOVENS DE CANA-DE-AÇÚCAR
PLANTAS
43
GANEM JR, EJ; BRUMATI, CR; URASHIMA, AS
1816
PROMOÇÃO DE CRESCIMENTO EM ARROZ POR RIZOBACTÉRIAS
AUTÓCTONES EM CONDIÇÕES DE CASA DE VEGETAÇÃO.
44
CARVALHO, SL; SANTIAGO, TR; MILAGRES,
EA; SOUSA, AN; AMARAL, LS; FERRAZ, HGM;
ROMEIRO, RS
1832
PSEUDOMONAS VIRIDIFLAVA EM SEMENTES IMPORTADAS DE
RÁBANO (RAPHANUS SATIVUS).
45
SANCHES, TS; RODRIGUES, LMR; ALMEIDA,
IMG; BERIAM, LOS
1842
COMPARAÇÃO E OTIMIZAÇÃO DE TÉCNICAS BASEADAS EM PCR
PARA EXAME DIAGNÓSTICO DE LEIFSONIA XYLI SUBSP. XYLI.
EM CANA DE AÇÚCAR.
47
BRUMATTI, C.R.; VIEIRA, M.A.S.; URASHIMA,
A.S.
1884
STANDARDIZATION OF THE INFECTION OF XANTHOMONAS
ARBORICOLA PV. PRUNI IN PEACH TREES (PRUNUS PERSICA) IN
GREENHOUSE.
48
VASCONCELLOS, FCS; OLIVEIRA JUNIOR, AG;
LOPES, LP; BERANGER, JPO; SPAGO, FR; GÓIS,
CGM; ANDRADE, G; NOGUEIRA, MA; MELLO,
JCP; UENO, B
1918
SINTOMAS SISTÊMICOS EM CAJUEIRO CAUSADOS POR
ISOLADOS PIGMENTADOS DE XANTHOMONAS CAMPESTRIS PV.
MANGIFERAEINDICAE
49
GAMA, MAS; MARIANO, RLR; VIANA, FMP;
FERREIRA, MASV; SILVEIRA, EB
1941
AVALIAÇÃO IN VITRO DA RESISTÊNCIA DE XANTHOMONAS CITRI
SUBSP. CITRI AO COBRE.
50
GONÇALVES, RM; MENEGUIM, L; MURATA, MM;
GONÇALVES, JS; LEITE JR, RP
1953
REAÇÃO DE PLANTAS DE MARACUJAZEIRO-AMARELO A
ISOLADOS DE XANTHOMONAS AXONOPODIS PV. PASSIFLORAE
PROCEDENTES DA REGIÃO CENTRO-SUL DO BRASIL.
51
JUNQUEIRA, NTV; JUNQUEIRA, KP ; UESUGI,
CH ; FALEIRO, FG ; BELLON, G ; SANTOS, EC;
RAMOS, LN; BRAGA, MF
EM
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Sessão de Postêr
1954
AVALIAÇÃO PRELIMINAR DA REAÇÃO AO CANCRO CÍTRICO
EM FRUTOS DE DIFERENTES VARIEDADES DE LARANJA E
TANGERINAS
52
ARACELI REGINA SGOBERO; VANDER MARTINEZ
BRUMATTI; SÉRGIO ALVES DE CARVALHO;
WILLIAM MÁRIO NUNES DE CARVALHO; JOSÉ
BELASQUE JÚNIOR
1998
ACIBENZOLAR-S-METIL (ASM), SILICATOS, FOSFITOS E ECOLIFE®
NO CONTROLE DA MANCHA ANGULAR DO ALGODOEIRO EM
CASA-DE-VEGETAÇÃO
53
SOUZA, RM; ZACARONI, AB; ISHIDA, AKN;
RESENDE, MLV
1998
EFEITO DO ACIBENZOLAR-S-METIL (ASM) E DE FERTILIZANTES
FOLIARES NO CONTROLE DA MANCHA ANGULAR DO
ALGODOEIRO EM CASA-DE-VEGETAÇÃO
54
SOUZA, RM; ZACARONI, AB; ISHIDA, AKN;
RESENDE, MLV
2072
MOLECULAR IDENTIFICATION OF A PHYTOPLASMA BELONGING
TO THE 16SRIII GROUP FOUND NATURALLY INFECTING
CASSAVA
55
OLIVEIRA, AS;
RESENDE, RO
2075
PHYSICAL AND BIOLOGICAL SEED TREATMENTS FOR CONTROL
OF BACTERIAL DISEASES OF CARROTS AND BRASSICAS
CAUSED BY XANTHOMONAS SPP
56
ROBERTS, SJ; AMEIN, T; FORSBERG, G;
KROMPHARDT, C; KOCH, E; SCHMITT, A;
WERNER, S
2075
TRANSMISSION AND SPREAD OF XANTHOMONAS CAMPESTRIS
PV. CAMPESTRIS IN BRASSICA TRANSPLANTS AND IMPLICATIONS
FOR SEED HEALTH STANDARDS.
57
ROBERTS, SJ
1194
USO DE MACERADO VEGETAL NO MANEJO DA PODRIDÃO-DESCLEROTIUM EM TOMATEIRO.
58
SANTANA,KFA; DEZORDI,C; HANADA,RE; NETTO
,RAC
1214
INDUTORES DE RESISTÊNCIA NO CONTROLE DE FUSARIUM
SOLANI F. SP. PIPERIS IN VITRO.
59
TREMACOLDI, CR; DIAS, DP; ISHIDA, AKN;
ALMEIDA, CMB; MELO, LGL; COELHO, IL
1231
ATIVIDADE ANTIFÚNGICA DE EXTRATOS AQUOSOS SOBRE O
CRESCIMENTO MICELIAL DE CERCOSPORA KIKUCHII
60
VENTUROSO, LR; BACCHI, LMA; GAVASSONI,
WL; CONUS, LA; PONTIM, BCA; SOUZA, FR
1233
SISTEMA DE PRODUÇÃO ROTACIONADO ARROZ X FEIJÃO NO
CONTROLE DE FUNGOS DE SOLO DO FEIJOEIRO NA REGIÃO
NORTE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO
61
SOUZA FILHO, BF
1233
AVALIAÇÃO DE DOENÇAS EM CULTIVOS EXPERIMENTAIS DE
AMENDOIM NA REGIÃO NORTE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO
62
SOUZA FILHO, BF
1239
EFEITO DA COBERTURA DO SOLO COM RESÍDUOS DE ERVA
DE TOURO (TRIDAX PROCUMBENS) SOBRE O PARASITISMO DE
MELOIDOGYNE INCOGNITA EM PIMENTÃO
63
NASCIMENTO, FS; SILVA, GS
1241
EFEITO DE INDUTORES ABIÓTICOS DE RESISTÊNCIA NO
CONTROLE DA FERRUGEM DA SOJA.
64
ROESE,AD; LIMA FILHO,OF; MELO,CLP
1241
EFEITO DE SILÍCIO NA ADUBAÇÃO DE BASE SOBRE A SEVERIDADE
DA FERRUGEM DA SOJA.
65
ROESE,AD; LIMA FILHO,OF; MELO,CLP
1259
UTILIZAÇÃO DE EXTRATOS VEGETAIS NO CONTROLE DA
ANTRACNOSE NA GOIABA
66
XAVIER FILHA, MS; CRUZ, TML; SILVA, EKC;
ALVES, MZ; OLIVEIRA, SMA
1272
EFEITO FUNGITÓXICO DO ÓLEO ESSENCIAL DE CYMBOPOGON
CITRATUS
SOBRE
CONÍDIOS
DE
COLLETOTRICHUM
GLOEOSPORIOIDES
67
MUNIZ, MS; VIVAS, M; SILVEIRA, SF; SILVA, DG
1274
CONTROLE DE CRYPTOSPORIOPSIS PERENNANS COM
ÁGUA AQUECIDA E LUZ UV-C EM MAÇÃS ‘GALA’ NA LINHA DE
SELEÇÃO.
68
BARTNICKI, VA; VALDEBENITO SANHUEZA, RM;
AMARANTE, CVT
1288
EFEITO DA COBERTURA DO SOLO COM RESÍDUOS FOLIARES DE
VEDÉLIA (SPHAGNETICOLA TRILOBATA) SOBRE A INCIDÊNCIA
DE MELOIDOGYNE INCOGNITA EM PIMENTÃO
69
FERREIRA, ICM ; SILVA, GS1 ; NASCIMENTO, FS;
SERRA, IMR
1291
ATIVIDADE
ANTIFÚNGICA
LAGENARIUM DE FRAÇÕES
CITRIODORA
COLLETOTRICHUM
DE EUCALYPTUS
70
FRANZENER, G; MOURA, GS; SCHWANESTRADA, KRF; MEINERZ, CC; STANGARLIN, JR
1291
RESISTÊNCIA INDUZIDA EM FEIJOEIRO POR EXTRATOS DE
PYCNOPORUS SANGUINEUS CONTRA PSEUDOCERCOSPORA
GRISEOLA
71
STANGARLIN, JR; VIECELLI, CA; KUHN, OJ;
FRANZENER, G
1296
TRIAGEM E AVALIAÇÃO DA EFICIÊNCIA ANTIFÚNGICA DE
FORMAS EXTRATIVAS DE ESPÉCIES VEGETAIS COM POTENCIAL
NO CONTROLE DE DOENÇAS DO ABACAXIZEIRO.
72
SALES, M.D.C; COSTA, H. B. ; FERNANDES,
P.M.B.; VENTURA, J.A
1296
AVALIAÇÃO IN VITRO E IN VIVO DE SEIS FORMAS EXTRATIVAS COM
POTENCIAL NO CONTROLE DA FUSARIOSE DO ABACAXIZEIRO.
73
SALES, M.D.C; COSTA, H. B. ; FERNANDES,
P.M.B.; VENTURA, J.A
1309
PATOGENICIDADE DE DIFERENTES ISOLADOS DE DIDYMELLA
BRYONIAE SOBRE PORTA ENXERTOS DE MELOEIRO
74
SILVA, ES ; FURTADO, EL; PASSADOR, MM;
BONASTRE, DM; GOTO, R
1309
DIFERENTES FONTES E CONCENTRAÇÕES DE POTÁSSIO NO
CRESCIMENTO MICELIAL E ESPORULAÇÃO DE DIDYMELLA
BRYONIAE IN VITRO
75
SILVA, ES; FERNANDES, DM; FURTADO, EL;
SIERRA-HAYER, JF; GOTO, R
SOBRE
OBTIDAS
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
SILVA,
MS;
BATISTA,
BCC;
33
Sessão de Postêr
34
Programação
1319
ATIVIDADE DE EXTRATOS DE PLANTAS MEDICINAIS SOBRE TRÊS
PATÓGENOS BACTERIANOS DO TOMATEIRO
76
CAVALCANTE, GP; COSTA, FL; OLIVEIRA, JR;
PEREIRA, OL
1320
ATIVIDADE ANTIFÚNGICA DE EXTRATOS PROTÉICOS DE
EUGENIA MALACCENSIS SOBRE O DESENVOLVIMENTO DE
FUSARIUM OXYSPORUM F. SP. LYCOPERSICI.
77
ARRUDA, IRS; MALAFAIA, CB; ALMEIDA, CMA;
CAVALCANTI, VALB; CORREIA, MTS; SILVA, MV
1322
EFEITO INIBITÓRIO DE DIFERENTES CONCENTRAÇÕES DE
EXTRATO DE ALHO, CANELA E CRAVO-DA-ÍNDIA SOBRE O
CRESCIMENTO DE PHOMOPSIS SP. E CERCOSPORA KIKUCHII
78
REIS, GF; VENTUROSO, LR; BACCHI, LMA;
GAVASSONI, WL; CONUS, LA; PONTIM, BCA
1335
COMPORTAMENTO DA HÉRNIA DAS CRUCÍFERAS EM PLANTIOS
CONSECUTIVOS DE BRÓCOLIS EM SOLOS ADUBADOS
ORGANICAMENTE, SOB CONDIÇÕES DE CASA DE VEGETAÇÃO
79
TOMÉ, AT; TOMITA, CK; UESUGI, CH
1348
ATIVIDADE FUNGITÓXICA DE 19 EXTRATOS GLICÓLICOS DE
PLANTAS SOBRE MONILINIA FRUCTICOLA
80
MORENO, MB; UENO, B
1349
ATIVIDADE FUNGITÓXICA DE 35 ÓLEOS ESSENCIAIS DE PLANTAS
SOBRE MONILINIA FRUCTICOLA DE PESSEGUEIRO
81
UENO, B; MORENO, MB; BOSENBECKER, VK
1353
AÇÃO ANTIFÚNGICA DE ÓLEOS ESSENCIAIS COMERCIAIS
SOBRE SCLEROTIUM ROLFSII
82
LIMA, IB; OLIVEIRA, ES; PESSOA, MNG
1353
ATIVIDADE FUNGITÓXICA DE EXTRATOS VEGETAIS
CONDIMENTOS CONTRA SCLEROTIUM ROLFSII IN VITRO
DE
83
LIMA, IB; OLIVEIRA, ES; PESSOA, MNG; SILVA,
LGC
1371
BIOCONTROLE DA FUSARIOSE DO TOMATEIRO
INCORPORAÇÃO DE RESÍDUO DE LEGUMINOSAS
PELA
84
CRUZ, SMDAC; RODRIGUES, AAC; NASCIMENTO,
AS
1379
EFEITO DO EXTRATO DE BARBATIMÃO (STRYPHNODENDRON
ADSTRIGENS) E DA URINA DE VACA NA GERMINAÇÃO DE
ESPOROS DO FUSARIUM SUBGLUTINANS F. SP. ANANAS.
85
FERREIRA, ICPV; ARAUJO, AV; GOMES, JG;
SALES, NLP
1379
INFLUÊNCIA DO EXTRATO DE BARBATIMÃO E DA URINA DE
VACA NO CRESCIMENTO MICELIAL DO AGENTE CAUSAL DA
FUSARIOSE DO ABACAXI.
86
FERREIRA, ICPV; ARAUJO, AV; GOMES, JG;
SALES, NLP
1396
EFEITO DO ÓLEO ESSENCIAL DE CAPIM LIMÃO NO CRESCIMENTO
MICELIAL DE MYCOSPHAERELLA FRAGARIAE
87
SCHNEIDER,CF;
CORREA,D;
PALUDO,JJ; PIATI,A; NOZAKI,MH
1405
BIOFUMIGAÇÃO COM RESÍDUO DE REPOLHO NO CONTROLE DE
SCLEROTIUM ROLFSII
88
MOCCELLIN, R; SANTOS, I DOS; MALAGI, G;
SOUZA, AC
1405
INFLUÊNCIA DE ÉPOCAS DE SEMEADURA DA SOJA E A
DESCOMPACTAÇÃO DO SOLO NA INTENSIDADE DA PODRIDÃO
DA RAIZ E HASTE CAUSADA POR PHYTOPHTHORA SOJAE
89
GUGINSKI, CA; SANTOS, I DOS; PAZOLINI, K;
ORTOLAN, DM; HECK, DW; MOCCELLIN, R
1412
CONTROLE EM PÓS-COLHEITA DE COLLETOTRICHUM MUSAE
EM BANANA PELO USO DE EXTRATOS DE CONDIMENTOS.
90
OLIVEIRA,ES; LIMA,IB; PESSOA, MNG; SILVA,
LGC
1412
EFEITO DE ÓLEOS VEGETAIS NO CONTROLE EM PÓS-COLHEITA
DE COLLETOTRICHUM MUSAE EM BANANA.
91
OLIVEIRA,ES; LIMA,IB; PESSOA, MNG
1419
PODA DE INVERNO NO MANEJO DE MANCHA MARROM DE
ALTERNÁRIA
92
MARTELLI, IB; PACHECO,CA; POLYDORO, DA;
AZEVEDO, FA
1420
ATIVIDADE DE EXTRATOS ETANÓLICOS NA INDUÇÃO DE
FITOALEXINAS EM SOJA
93
MOURA,GS; SCHwAN-ESTRADA, KRF; MESQUINI,
RM; OLIVEIRA,JSB
1420
EFEITO DE PRODUTOS ALTERNATIVOS NO CONTROLE PÓSCOLHEITA DA ANTRACNOSE E CONSERVAÇÃO DE FRUTOS DE
MARACUJÁ-AMARELO (PASSIFLORA EDULIS F. FLAVICARPA)
94
MOURA,GS;
SCHWAN-ESTRADA,KRF;
FRANZENER,G; MESQUINI,RM; CLEMENTE,E
1427
EFEITO DO POTÁSSIO FOLIAR ASSOCIADO A FUNGICIDAS NO
CONTROLE DE DOENÇAS EM SOJA.
95
OLIVEIRA, AS; MACHADO, AQ; CASSETARI
NETO, D; ANDRADE JUNIOR, ER; VIDOTTI, ED;
RIVELINI, VE; GARCIA, AR; TUNES, MS
1431
QUALIDADE FITOSSANITÁRIA DE SEMENTES DE GERBERA
TRATADAS COM EXTRATOS AQUOSOS DE PLANTAS MEDICINAIS
96
CORREA,D; SCHNEIDER,CF; PALUDO,JJ; DAL
MASO,EG; NOZAKI,MH
1431
EXTRATOS AQUOSOS DE PATA DE VACA E LOSNA NA QUALIDADE
FITOSSANITÁRIA DE SEMENTES DE GERBERA
97
CORREA.D; SCHNEIDER,CF; PALUDO,JJ; DAL
MASO,EG; NOZAKI,MH
1444
ATIVIDADE ANTIFÚNGICA DE ÓLEOS ESSENCIAIS SOBRE
COLLETOTRICHUM SP. DE BELLUCIA GROSSULARIODES (L)
98
SOUSA, BB; BARROS, HSD; MORAES, AJG;
RAIOL JUNIOR, LL; LUSTOSA, DC; SILVA, GB
1449
USO DE INDUTORES NATURAIS DE RESISTÊNCIA NO CONTROLE
DE FUSARIUM OXYSPORUM F.SP. VASINFECTUM EM QUIABEIRO
99
MELO, TA; SERRA, IMRS; LIMA, ODR; SILVA, GS
1449
AVALIAÇÃO IN VITRO DA ATIVIDADE ANTIFÚNGICA DO EXTRATO
HIDROALCOÓLICO DE FOLHAS DE NIM (AZADIRACHTA INDICA)
E DO ÓLEO COMERCIAL NEEMSETO CONTRA FUSARIUM
OXYSPORUM F.SP. VASINFECTUM
100
MARQUES, AM; VALVERDE, AL; SERRA, IMRS;
MELO, TA; LIMA, ODR
1454
EFEITO DE ÓLEOS ESSENCIAIS E DE PRÓPOLIS NO CONTROLE IN
VITRO DE FUSARIUM SPP., ISOLADO DO PAINEL DE SERINGUEIRA
(HEVEA SPP.).
101
BETELONI, FG; DÓRIA, KMABVS; DE PIERI, C.;
BUENO, CJ; FURTADO, EL
DONADEL,F;
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Sessão de Postêr
1455
EFEITO DE ÓLEOS ESSENCIAIS, DE PRÓPOLIS E EXTRATO
PIROLENHOSO NO CONTROLE IN VITRO DE LASIODIPLODIA
THEOBROMAE, ISOLADO DE SERINGUEIRA
102
DÓRIA, KMABVS; BETELONI, FG; DE PIERI, C;
FURTADO, EL
1457
AÇÃO DOS ÓLEOS ESSENCIAIS DE FOENICULUM VULGARE E
PIPER ADUNCUN SOBRE CRESCIMENTO MICELIAL DE ISOLADOS
DE CHALARA PARADOXA
103
ALEXANDRE, ER; SILVA, VM;
OLIVEIRA, SMA; LARANJEIRA, D
SESSÃO PÔSTER: 2
HORÁRIO: 13h:30 – 14h:30
MELO,
AP;
SALÃO: VERSAILLES
CÓDIGO
RESUMO
INSCRIÇÃO
TÍTULO
1471
ATIVIDADE DE ÓLEOS ESSENCIAIS NO CRESCIMENTO MICELIAL
DE COLLETOTRICHUM MUSAE.
104
BORGES, D.I.; CHALFUN, N.N.J.; ALVES, E.;
CARDOSO, M DAS G.
1471
ATIVIDADE DE ÓLEOS ESSENCIAIS NO CRESCIMENTO MICELIAL
DE FUSARIUM OXYSPORUM F.SP. CUBENSE.
105
BORGES, D.I.; CHALFUN, N.N.J.; ALVES, E.;
CARDOSO, M DAS G.
1476
TRATOS CULTURAIS NO MANEJO DA MANCHA PRETA DOS
CITROS
106
FAVERO, MAB; FREITAS, RPT; ROSSETTO, MP;
AZEVEDO, FA
1477
ATIVIDADE ANTIFÚNGICA DE ÓLEOS ESSENCIAIS SOBRE A
GERMINAÇÃO DE CONÍDIOS DE STENOCARPELLA MAYDIS
107
SILVA, AC; SOUZA, PE; SILVA, BM
1477
TRATAMENTO TÉRMICO DE SEMENTES DE CAFEEIRO
(COFFEA ARABICA L.) NO CONTROLE DE COLLETOTRICHUM
GLOEOSPORIOIDES
108
VIEIRA, JF; SILVA, AC; ROZWALKA, LC;
CARVALHO, EA; BARBARA, CNV ; ABREU, MS
1497
AVALIAÇÃO DE TÉCNICAS UTILIZADAS NA IDENTIFICAÇÃO E
MANEJO DAS PRINCIPAIS DOENÇAS NAS PLANTAS CULTIVADAS
DA COMUNIDADE DE OLHOS D’ÁGUA, MONTES CLAROS-MG
109
DOURADO, ER; SALES, NLP; SANTOS, GAG;
SILVA, WJ
1498
EFEITOS DE ÓLEOS ESSENCIAIS E ÉPOCAS DE APLICAÇÃO
SOBRE O CONTROLE DA PINTA PRETA DO TOMATEIRO
110
PERINA, FJ; LUCAS, GC; ALVES, E ; PEREIRA,
RB
1498
RESISTÊNCIA INDUZIDA PELO ÓLEO ESSENCIAL DE CRAVO-DAÍNDIA, NO CONTROLE DA MANCHA BACTERIANA DO TOMATEIRO
111
PERINA, FJ; LUCAS, GC; ALVES, E ; PEREIRA,
RB
1534
RESISTÊNCIA DE JURUBEBAS (SOLANUM SPP.) A DUAS BIOVA­
RES DE RALSTONIA SOLANACEARUM
112
MENDONÇA,JL;
LOPES,CA
1548
CONTROLE IN VITRO DE PHAKOPSORA PACHYRHIZI POR
EXTRATOS DE CYPERUS ROTUNDUS
113
MACIEL,PHFZA;
DALLA NORA,T
1559
ATIVIDADE ANTIBACTERIANA
CAMELLIA SINENSIS
DE
114
GARCIA,AL; FÉLIX, KCS; LIMA, SC; SILVEIRA, EB;
MARIANO, RLR
1560
AVALIAÇÃO DO EFEITO DO EXTRATO AQUOSO DE
AMPELOZIZYPHUS AMAZONICUS NO DESENVOLVIMENTO DE
SCLEROTIUM ROLFSII E CORYNESPORA CASSIICOLA IN VITRO
115
GONÇALVES, IO; BEZERRA, EJS; BENTES, JLS
1563
ATIVIDADE FUNGICIDA DE EXTRATOS DE PLANTAS SOBRE
COLLETOTRICHUM MUSAE
116
SILVA, MB; JAMAL, CM; SILVEIRA, D; BRASILEIRO
,BG
1583
EFEITO DE DOSES CRESCENTES DE NITROGÊNIO
SEVERIDADE DA FERRUGEM COMUM DO MILHO.
NA
117
PEREIRA,IS; FREIRE,FM; SILVA,DD; LANZA,FE;
GUIMARÃES,EA;
CASELA,CR;
COSTA,RV;
ABREU,MS
1584
CONTROLE ALTERNATIVO DO BOLOR AZUL EM LIMA ÁCIDA
TAHITI
118
SILVA, AC; KUPPER, KC; KLEIN, MN; CONVENTO,
BB; LOPES,MR; PERASSOLI,GMC
1596
CHORUME DE SUÍNO NO CONTROLE DAS DOENÇAS CAUSADAS
POR RHIZOCTONIA SOLANI, EM FEIJÃO E BETERRABA
119
MALAGI, G; SANTOS, I DOS; FORNER, C;
MOCCELLIN, R; GUGINSKI, CA; ZINGERTAS, MRB
1598
USO DO LEITE DE VACA NO CONTROLE DE OÍDIO EM FEIJÃO
VAGEM.
120
LAGO, FS; SANTOS, I DOS
1598
EXTRATO ETANÓLICO DE PRÓPOLIS NO CONTROLE DO OÍDIO
EM PEPINO
121
SANTOS, I DOS; MALAGI, G; SOUSA, GC
1615
RESPOSTAS DE DEFESA INDUZIDAS POR SILÍCIO EM MELOEIRO
INFECTADO POR ACIDOVORAX AVENAE SUBSP. CITRULLI
122
FERREIRA, HA; NASCIMENTO, CWA; SILVA, AJ;
MARIANO, RLR; NUNES, GHS; GONDIM, DMF
1643
CARACTERÍSTICAS FÍSICAS DE FRUTOS DE MARACUJAZEIRO
AMARELO TRATADOS COM INDUTORES DE RESISTÊNCIA.
123
JUNQUEIRA, KP ; BELLON, G ; SANTOS, EC ;
FALEIRO, FG ; UESUGI, CH ; JUNQUEIRA, NTV ;
RAMOS, LN ; RESENDE, MLV
1643
SEVERIDADE DE DOENÇAS EM FRUTOS DE MARACUJAZEIRO
AMARELO TRATADOS COM INDUTORES DE RESISTÊNCIA.
124
JUNQUEIRA, KP; FALEIRO, FG ; RAMOS, LN
UESUGI, CH ; SOUZA, LS ; JUNQUEIRA, NTV
LIMA, CA ; RESENDE, MLV
1654
EFEITO DE ÓLEOS ESSENCIAIS SOBRE A GERMINAÇÃO DE
CONÍDIOS DE STENOCARPELLA MAYDIS
125
TEIXEIRA, GA; ALVES, E; CARVALHO, EA;
ROZWALKA, LC; PERINA, FJ
DO
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
EXTRATO
AQUOSO
AUTORES
ROSSATO,M;
VIECELLI,CA;
SILVA,BB;
MIORANZA,F;
;
;
35
Sessão de Postêr
36
Programação
1656
CARACTERÍSTICAS QUÍMICAS DE FRUTOS DE MARACUJAZEIRO
AMARELO TRATADOS COM INDUTORES DE RESISTÊNCIA.
126
MOURA, FF; JUNQUEIRA, KP; SANTOS, EC;
JUNQUEIRA, NTV; FALEIRO, FG; UESUGI, CH;
SOUZA, LS ; CASTELO BRANCO, MT
1656
REAÇÃO IN VITRO DE XANTHOMONAS AXONOPODIS PV.
PASSIFLORAE A INDUTORES DE RESISTÊNCIA E EXTRATOS DE
PLANTAS.
127
MOURA, FF; JUNQUEIRA, KP; UESUGI, CH;
FALEIRO, FG; BELLON, G; JUNQUEIRA, NTV;
FONSECA, KG; SANTOS, JB
1662
EFEITO DE DOSES DE SILÍCIO NO CONTROLE DA MANCHAAQUOSA EM MELOEIRO
959
FERREIRA, HA; NASCIMENTO, CWA; SILVA, AJ;
MARIANO, RLR; NUNES, GHS; CAVALCANTE, RLS.
1667
EFICIÊNCIA DE ÓLEOS ESSENCIAIS
RHIZOCTONIA SP. EM EUCALIPTO
DE
128
MORAES, AJG; LUSTOSA, DC; SILVA, JC; SOUSA,
BB; SILVA, GB
1690
INIBIÇÃO DO CRESCIMENTO MICELIAL DE MACROPHOMINA
PHASEOLINA PELO EXTRATO AQUOSO DE GUACO.
129
BARBOSA,MR; GIROTTO,LG ; LOCATELLI,JA;
SAGATA,E; JULIATTI, FC
1690
INIBIÇÃO DO CRESCIMENTO MICELIAL DE SCLEROTINIA
SCLEROTIORUM PELO EXTRATO AQUOSO DE GUACO.
130
BARBOSA,MR; GIROTTO,LG ; LOCATELLI,JA;
SAGATA,E; JULIATTI, FC
1692
ATIVIDADE ANTIFÚNGICA DE EXTRATOS VEGETAIS SOBRE O
DESENVOLVIMENTO DE COLLETOTRICHUM LINDEMUTHIANUM
131
PINTO, JMA; MIGUEL, TV; SOUZA, EA; OLIVEIRA,
DF
1732
QUALIDADE FITOSSANITÁRIA DE SEMENTES DE PIMENTÃO CV.
ALL BIG
132
DAL’MASO, EG; SCHNEIDER, CF; CORREA, D;
PALUDO, JJ; NOZAKI, MH.
1734
INDUÇÃO DE RESISTÊNCIA EM PEPINEIRO CONTRA A MANCHA
DE CORYNESPORA CASSIICOLA.
134
BEZERRA,EJS;
SILVA,AM;
SOARES,JVC;
MIRANDA,MC; DEMOSTHENES,LCR; SALES,RSA;
GONÇALVESIO ; BENTES,JLS
1734
EFEITO DO ACIBENZOLAR-S-METIL, SILICATO DE POTÁSSIO
E ECOLIFE® NO DESENVOLVIMENTO DE CORYNESPORA
CASSIICOLA IN VITRO.
135
BEZERRA,EJS; SILVA,AM; BENTES,JLS
1747
INIBIÇÃO DO CRESCIMENTO MICELIAL DE SCLEROTIUM ROLFSII
PELO EXTRATO AQUOSO DE GUACO
136
LOCATELLI,JA ; BARBOSA,MR; GIROTTO,LG;
SAGATA,E; JULIATTI, FC
1748
USO DE SÍLICA E POTÁSSIO ASSOCIADO A FUNGICIDAS NO
CONTROLE DE DOENÇAS NA CULTURA DA SOJA.
137
VIDOTTI, ED; ANDRADE JUNIOR, ER; CASSETARI
NETO, D; MACHADO, AQ; RIVELINI, VE; GARCIA,
AR; ALVES, BH; SENA, AB
1751
EFEITO DO ÓLEO DE PINHÃO MANSO NO CRESCIMENTO MICELIAL
DE FUSARIUM GRAMINEARUM E RHIZOCTONIA SOLANI.
138
FERREIRA, T.H; COSTA, TR; MARTINS, J.A.S.;
JULIATTI, FC; CAMARGO, R
1751
EFEITO DO ÓLEO DE PINHÃO MANSO NO CRESCIMENTO
MICELIAL DE SCLEROTIUM ROLFSII E PHYTOPHTORA CAPSICI.
139
FERREIRA, T.H; COSTA, TR; MARTINS, J.A.S.;
JULIATTI, FC; CAMARGO, R
1753
EFEITO DO ÓLEO DE PINHÃO MANSO NO CRESCIMENTO
MICELIAL DE SCLEROTINIA SCLEROTIORUM E MACROPHOMINA
PHASEOLINA
140
COSTA, T.R; FERREIRA, TH; SAGATA,E; JULIATTI,
FC; CAMARGO, R
1753
EFEITO DO ÓLEO DE PINHÃO MANSO NO CRESCIMENTO MICELIAL
DE TRICHODERMA SP. E COLLETOTRICHUM GRAMINICOLA.
141
COSTA, T.R; FERREIRA, TH; SAGATA,E; JULIATTI,
FC; CAMARGO, R
1762
INDUÇÃO DE RESISTÊNCIA A PLASMOPARA VITICOLA EM VITIS
LABRUSCA L
142
LEITE, RP; GOMES, ECS; PINTO, KMS;
NASCIMENTO, LC; SILVA, FJA; MIRANDA, JR
1762
INEFICIÊNCIA DE SACCHAROMYCES CEREVISIAE E FOSFITO DE
POTÁSSIO NO CONTROLE DE PHAKOPSORA EUVITIS ONO
143
LEITE, RP; GOMES, ECS; PINTO, KMS;
NASCIMENTO, LC; SILVA, FJA; MIRANDA, JR
1770
EMPREGO DE EXTRATOS E TINTURAS VEGETAIS NO CONTROLE
DE ANTRACNOSE EM VIDEIRA.
144
SOUZA, AEF; ARAÚJO, E.D ; NASCIMENTO, LC;
SOUTO, FM
1786
POTENCIALIDADES PRA O CONTROLE
SIGATOKA NEGRA DA BANANA.
DA
145
PODEROSO,RA;
GERSTEMBERGER,E;
BENEVENUTO,A; MONTEGUTI,D; MAY-DEMIO,LL;
MIRANDA,M; NAZARENO,NRX
1810
EFEITO ANTAGÔNICO DE ISOLADOS DE TRICHODERMA E DE
PRODUTOS ALTERNATIVOS E QUÍMICO NO CONTROLE DE
FUNGOS ISOLADOS DE FRUTOS DE MELÃO CANTALOUPE
146
NASCIMENTO, SRC; MOURA, RD; ROCHA, RHC
1816
AVALIAÇÃO IN VITRO DA ATIVIDADE ANTIFÚNGICA DO EXTRATO
HIDROALCOÓLICO DE FOLHAS DE NIM (AZADIRACHTA INDICA)
E DO ÓLEO COMERCIAL NEEMSETO CONTRA FUSARIUM
OXYSPORUM F.SP. VASINFECTUM
147
MARQUES, AM; VALVERDE AL; SERRA, IMRS;
MELO, TA; LIMA, ODR
1823
INFLUÊNCIA DO ÓLEO DE NIM NO CRESCIMENTO MICELIAL,
ESPORULAÇÃO E VIABILIDADE DE CLONOSTACHYS ROSEA E
TRICHODERMA HARZIANUM.
148
MORANDI, MAB; GONÇALVES, GG; MATTOS,
LPV; MORAIS, LAS; BETTIOL, W
1826
EFEITO DE SACCHAROMYCES BOULARDII NA PRODUÇÃO DE
FEIJOEIRO
149
MÜLLER, SF; STANGARLIN, JR; MEINERZ, CC;
FRANZENER, G
1845
SEVERIDADE DA CERCOSPORIOSE NA CULTURA DA PIMENTA
MALAGUETA EM QUATRO ÉPOCAS DE TRANSPLANTIO
150
SILVA, R.C.C.; PINTO, C.M.F.; TEIXEIRA, H.;
SANTOS, I.C.
1845
AVALIAÇÃO DE PRODUTOS ALTERNATIVOS NO CONTROLE DA
MANCHA DE CERCÓSPORA NA CULTURA DA PIMENTA MALAGUETA
151
SILVA, R.C.C.; PINTO, C.M.F.; TEIXEIRA, H.;
SANTOS, I.C.
NO
CONTROLE
ALTERNATIVO
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Sessão de Postêr
1846
EVALUATION OF ANTIBIOTIC ACTIVITY OF BACTERIAL EXTRA­
CELLU­L AR COMPOUNDS IN THE CONTROL OF RALSTONIA
SOLANACEARUM IN EUCALYPTUS SEEDLINGS
152
LOPES, LP; GÓIS, CGM; OLIVEIRA JÚNIOR, AG;
VASCONCELLOS, FCS; BERANGER, JPO; SPAGO,
FR; NOGUEIRA, MA; MELLO, JCP; ALFENAS, AC;
ANDRADE, G
1846
EVALUATION OF ANTIBIOTIC ACTIVITY OF BACTERIAL EXTRA­
CELLULAR COMPOUNDS IN THE CONTROL OF XANTHOMONAS
AXONOPODIS OF EUCALYPTUS
153
LOPES, LP; GÓIS, CGM; OLIVEIRA JÚNIOR, AG;
VASCONCELLOS, FCS; BERANGER, JPO; SPAGO,
FR; NOGUEIRA, MA; MELLO, JCP; ALFENAS, AC;
ANDRADE, G
1858
AVALIAÇÃO DE QUITOSANAS COM DIFERENTES GRAUS DE
ACETILAÇÃO PARA O CONTROLE DE DOENÇAS DA MACIEIRA
EM PÓS-COLHEITA.
155
FOZ, NV; CANAVER, BS; DI PIERO, RM
1868
ANTIMICROBIAL ACTIVITY OF EXTRACELLULAR COMPOUNDS
PRODUCED BY PSEUDOMONAS SP., AGAINST PHYTOPATHOGENIC
BACTERIA
156
SPAGO, FR; OLIVEIRA JÚNIOR, AG ; LOPES, LP;
VASCONCELLOS, FCS; BERANGER, JPO; GÓIS,
CGM; ALFENAS, AC; NOGUEIRA, MA; MELLO,
JCP; ANDRADE, G
1876
SOLUÇÕES DINAMIZADAS DE CYMBOPOGON CITRATUS E
EUCALYPTUS CITRIODORA NO CONTROLE DE ALTERNARIA
SOLANI E CORYNESPORA CASSIICOLA
158
OLIVEIRA, JSB; SCHWAN-ESTRADA, KRF;
GOMES, SMTP; MESQUINI, RM; BONATO, CM
1876
EXPERIMENTAÇÃO PATOGENÉSICA COM ÓLEO ESSENCIAL DE
EUCALYPTUS CITRIODORA EM PLANTAS DE FEIJÃO (PHASEOLUS
VULGARIS)
159
OLIVEIRA, JSB; GOMES, SMTP; SCHWANESTRADA, KRF; MESQUINI, RM; OLIVEIRA, DS;
BONATO, CM
1884
STUDY IN VITRO OF EXTRACELLULAR COMPOUNDS OF
PSEUDOMONAS SP. AGAINST XANTHOMONAS ARBORICOLA
PV. PRUNI, CAUSAL AGENT BACTERIAL SPOT IN PEACH TREE
(PRUNUS PERSICA).
160
VASCONCELLOS, FCS; OLIVEIRA, JUNIOR AG;
LOPES, LP; BERANGER, JPO; SPAGO, FR; GÓIS,
CGM; ANDRADE, G; NOGUEIRA, MA; MELLO,
JCP; UENO, B
1885
EVALUATION OF ANTIBIOTIC ACTIVITY OF EXTRACELLULAR
COMPOUNDS PRODUCED BY PSEUDOMONAS SP. AGAINST
XANTHOMONAS AXONOPODIS PV. CITRI STRAIN 306
161
OLIVEIRA JÚNIOR, AG; BERANGER, JPO; LOPES,
LP; VASCONCELLOS, FCS; GÓIS, CGM; SPAGO,
FR; NOGUEIRA, MA; MELLO, JCP; ANDRADE, G
1890
ATIVIDADE FUNGITÓXICA IN VITRO DE EXTRATO DE FOLHAS DE
PACARI SOBRE UREDIONIÓSPOROS DE PHAKOSORA EUVITIS
163
NAVES, RL; SANTANA, APS; PAPA, MFS; SOUZA,
TR; CELOTO, MIB; SANTOS, JA
1890
INIBIÇÃO DA GERMINAÇÃO IN VITRO DE UREDIONIÓSPOROS DE
PHAKOSORA EUVITIS POR EXTRATO DE FOLHAS DE MELÃO-DESÃO-CAETANO EM DIFERENTES CONCENTRAÇÕES
164
SANTANA, APS; PAPA, MFS; NAVES, RL; SOUZA,
TR; SANTOS, JA; CELOTO, MIB
1904
CONTROLE INTEGRADO DA PODRIDÃO DE SCLEROTIUM ROLFSII
EM FEIJÃO-CAUPI (VIGNA UNGUICULATA L.).
166
AMORIM, EPR; JUNIOR, MVC; SILVA, J. C;
SANTOS, I. P. S; PEIXINHO, G. S
1905
ATIVIDADE DE ÓLEOS ESSENCIAIS NA GERMINAÇÃO DE
CONÍDIOS DE COLLETOTRICHUM MUSAE
167
TEIXEIRA, GA; BORGES, DI ; CHALFUN, NNJ;
ALVES, E; CARDOSO, MG
1905
EFEITO DE ÓLEOS ESSENCIAIS SOBRE O CRESCIMENTO
MICELIAL DE STENOCARPELLA MAYDIS
168
TEIXEIRA, GA; ALVES, E; AMARAL, DC; PERINA,
FJ; ROZWALKA,LC
1915
INDUÇÃO DE FITOALEXINAS EM SORGO E SOJA TRATADOS COM
FRAÇÕES OBTIDAS DE EUCALYPTUS CITRIODORA
169
MEINERZ, CC; FRANZENER, G; MOURA, GS;
SCHWAN-ESTRADA, KRF; STANGARLIN, JR
1915
PRODUÇÃO DE FITOALEXINAS E PEROXIDASE EM MESOCÓTILOS
DE SORGO TRATADOS COM FRAÇÕES OBTIDAS DO EXTRATO
DE ADIANTUM CAPILLUS-VENERIS (AVENCA).
170
MEINERZ, CC; FRANZENER, G; MOURA, GS;
MULLER, SF; STANGARLIN, JR
1933
ATIVIDADE ANTIFÚNGICA DE ÓLEOS FIXOS E ESSENCIAIS
NO CRESCIMENTO MICELIAL DE PENICILLIUM DIGITATUM E
FUSARIUM OXYSPORUM.
171
MATTOS, LPV; GONÇALVES, GG; BETTIOL, W;
MORAIS, LAS
1933
CONTROLE DE PENICILLIUM DIGITATUM EM PÓS-COLHEITA DE
FRUTOS DE LARANJA COM ÓLEOS FIXOS E ESSENCIAIS.
172
MATTOS, LPV; BETTIOL, W; GONÇALVES, GG;
MORAIS, LAS
1937
EFEITO DE FOSFITO DE POTÁSSIO NA VIABILIDADE DE
UREDINIÓSPOROS DE PHAKOPSORA EUVITIS
173
SOUZA, CD; SCAPIN, CR; ANGELOTTI, F; CILIATO,
ML; TESSMANN, DJ; VIDA JB
1951
CONTROLE DE PUCCINIA NAKANISHIKII ‘IN VITRO’ COM A
UTILIZAÇÃO DE EXTRATO PIROLENHOSO
174
ALENCAR, NE; LORENZETTI, ER; CONCEIÇÃO,
DM; SACRAMENTO, LVS; FURTADO, EL
1953
PRODUTIVIDADE DE PLANTAS DE MARACUJAZEIRO AMARELO
TRATADAS COM INDUTORES DE RESISTÊNCIA.
175
JUNQUEIRA, NTV; JUNQUEIRA, KP; FALEIRO, FG;
UESUGI, CH; SANTOS, EC; BELLON, G; RAMOS,
LN; RESENDE, MLV
1973
INFLUÊNCIA DA ADUBAÇÃO NITROGENADA E POTÁSSICA NA
PODRIDÃO DE COLMO DO MILHO POR ANTRACNOSE (COLLETO­
TRICHUM GRAMINICOLA) EM DUAS CULTIVARES DE MILHO.
176
CARVALHO, DO; COSTA, RV; CASELA, CR; COTA,
LV; CARVALHO, CO
1973
IMPORTÂNCIA DA ADUBAÇÃO NITROGENADA E POTÁSSICA
NA INCIDÊNCIA DE COLMOS PODRES POR ANTRACNOSE
(COLLETOTRICHUM GRAMINICOLA) E A SUA RELAÇÃO COM O
PESO DE GRÃOS EM DUAS CULTIVARES DE MILHO
177
CARVALHO, DO; COSTA, RV; CASELA, CR; COTA,
LV; CARVALHO, CO
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
37
Sessão de Postêr
38
Programação
1979
ARRANJO POPULACIONAL NO MANEJO DE FERRUGEM ASIÁTICA
DA SOJA
178
RAMOS, JP; DOMINGUES, LS; DEBONA, D;
FAVERA, DD; MANFIO, A; LENZ, G; BALARDIN,
RS
1996
CONTROLE DE COLLETOTRICHUM GLOEOSPORIOIDES E
ALTERAÇÕES BIOQUÍMICAS EM FRUTOS DE CAFEEIROS
INOCULADOS E SUBMETIDOS À TERMOTERAPIA
179
VIEIRA, JF; OGOSHI,C; PEREIRA, VF; BARBARA,
CNV; MONTEIRO, ACA; RIBEIRO JÚNIOR, PM;
ABREU, MS
2006
EFEITO DO TRATAMENTO TÉRMICO SOBRE A PODRIDÃO PARDA
DOS FRUTOS (PHYTOPHTHORA PARASITICA).
180
BARBOSA, L.F.; AMORIM, E.P.R.; SOARES, L. P.
R.; SILVA, J. C.
2017
AÇÃO FUNGITÓXICA DE ÓLEOS ESSENCIAIS
DESENVOLVIMENTO DE PHYTOPHTHORA SPP.
O
181
SILVA, CL; SANTOS, ESL; LUZ, EDMN
2020
INHIBITORY POTENCIAL OF PLANT EXTRACTS TO SCLEROTINIA
SCLEROTIORUM AND BIPOLARIS SPP.
182
GRABICOSKI, EMG; JACCOUD FILHO, DS
2056
USO DE EXTRATOS VEGETAIS NO CONTROLE DA PODRIDÃO DE
SCLEROTIUM EM TOMATEIRO
183
DEZORDI, C; SANTANA, KFA; HANADA, RE;
COELHO NETTO, RA
1151
POTENCIAL ANTAGÔNICO DE TRICHODERMA SPP SOBRE
FUSARIUM GRAMINEARUM E PHYTOPHTHORA CAPSICI.
184
REZENDE, AA; SAGATA, E; JULIATTI, FC
1173
EFEITO IN VITRO DE DOSES DE PRODUTOS CONTENDO OS
FUNGOS NEMATÓFAGOS PAECILOMYCES SP. E ARTHROBOTHRYS
SP. NA ECLOSÃO DE JUVENIS DE MELOIDOGYNE SP.
185
PIASSA, J; DIAS, LA; FREITAS, MN; SANTOS, MA
1255
EFEITO DE PRODUTO BIOLÓGICO À BASE DE TRICHODERMA
SPP. NO CONTROLE DE HETERODERA GLYCINES
186
PIASSA,R; FERREIRA, TH ; SANTOS, MA
1270
INIBIÇÃO DO CRESCIMENTO MICELIAL DE FUSARIUM
OXYSPORUM F. SP. PHASEOLI POR METABÓLITOS VOLÁTEIS
PRODUZIDOS POR BIOCONTROLADORES DO CRESTAMENTO
BACTERIANO EM FEIJÃO
188
ROCHA, DJA; MOURA, AB; CARDOSO,
CORRÊA, BO; SOUZA JUNIOR, IT
1306
ISOLAMENTO E AVALIAÇÃO DO POTENCIAL ANTAGÔNICO DE
MICRORGANISMOS OBTIDOS DE FRUTAS NO CONTROLE DA
ANTRACNOSE DO CAQUIZEIRO
189
TAKAHASHI,A;
PAES,VS;
HOMECHIM,
M;
SANTIAGO, DC; ORSINI,IP; SUMIDA,CH; PEITL,
DC; TAMANINI,L
1307
EFICIÊNCIA DA APLICAÇÃO DE TRICHODERMA SPP. NA SOBRE­
VIVÊNCIA DE SCLEROTINIA SCLEROTIORUM EM SOLO DE
CULTIVO
190
SUMIDA, CH; ORSINI, IP; UNIVERSIDADE ESTADUAL
DE LONDRINA; HOMECHIN, M; SANTIAGO, DC
1315
SELEÇÃO DE ISOLADOS BACTERIANOS PROVENIENTES DE
ROCHAS SEDIMENTARES DE ORIGEM MARINHA PARA O
BIOCONTROLE DE MELOIDOGYNE GRAMINICOLA E PROMOÇÃO
DE CRESCIMENTO EM ARROZ IRRIGADO
191
CORRÊA,BO;
SOMAVILLA,L;
CAMPOS,AD
1318
TRICHODERMA SPP. ASSOCIADO À GENÓTIPOS DE SOJA COM E
SEM SINTOMAS DE PODRIDÃO VERMELHA DA RAIZ DA SOJA
192
MILANESI, P; BLUME, E; JUNGES, E; DURIGON,
MR; BRAND, SC; RODRIGUES, J; MUNIZ, MFB
1336
DESENVOLVIMENTO DE SCLEROTINIA SCLEROTIORUM E
SCLEROTIUM ROLFISII NA PRESENÇA DE TRICHODERMA SPP,
IN VITRO.
193
SAGATA,E.; REZENDE, A.A.; JULIATTI, F.C.
1342
BACTÉRIAS BIOCONTROLADORAS DE PATÓGENOS EM TOMATE:
AVALIAÇÃO DA PRODUÇÃO IN VITRO DE METABÓLITOS VOLÁTEIS.
194
NAUE,CR; MOURA,AB; ROCHA,DJA
1342
AVALIAÇÃO DE RIZOBACTÉRIAS NO BIOCONTROLE
MELOIDOGYNE INCOGNITA EM TOMATEIRO
DE
195
NAUE,CR; MOURA,AB; ROCHA,DJA; SOARES,VN;
GOMES,CB
1343
ANTAGONISMO A RHIZOCTONIA SOLANI E SCLEROTINIA
SCLEROTIORUM POR TRICHODERMA SP. EM PLANTAS DE FEIJÃO.
196
AGUIAR. A. R
1363
COMPOSTOS VOLÁTEIS PRODUZIDOS POR BIOCONTROLADORES
DO CRESTAMENTO BACTERIANO EM FEIJÃO: EFEITO CONTRA
MACROPHOMINA PHASEOLINA
197
CARDOSO,G; MOURA,AB; ROCHA,DJA; CORRÊA,
BO; SOUZA JÚNIOR,IT
1363
EFEITO DE BIOCONTROLADORES DE BACTERIOSE EM
FEIJOEIRO: COMPOSTOS NÃO VOLÁTEIS BIOATIVOS CONTRA
FUSARIUM OXYSPORUM F. SP. PHASEOLI.
198
CARDOSO,G; MOURA,AB; ROCHA,DJA; CORRÊA,
BO; ANACKER,LF; CAMPESATO,CBM
1365
EFEITO DO USO DE DIFERENTES COMBINAÇÕES DE BACTÉRIAS
ANTAGONISTAS NO BIOCONTROLE DA QUEIMA-DAS-BAINHAS
EM ARROZ
199
SOUZA JÚNIOR,IT; SHAFER,JT; MOURA,AB
1365
COMPATIBILIDADE ENTRE ISOLADOS BACTERIANOS BIOCON­
TROLADORES DE DOENÇAS EM ARROZ
200
SOUZA JÚNIOR,IT; MOURA,AB
1366
EFEITOS DA MICROBIOLIZAÇÃO DE SEMENTES DE ARROZ COM
BACILLUS SPP. NA TRANSMISSÃO DE CURVULARIA ORYZAE E
ASPERGILLUS NIGER.
201
NASCIMENTO IO; RODRIGUES AAC; SILVA LLS;
CATARINO AM
1368
PRODUÇÃO DE METABÓLITOS POR TRICHODERMA HARZIANUM NO
CONTROLE IN VITRO DE COLLETOTRICHUM GLOEOSPORIOIDES
(PENZ.) DO MARACUJAZEIRO.
202
SANTOS, RL; BOMFIM, MP; FUMES,
REBOUÇAS, TNH; SÃO JOSÉ, AR
SOBRE
GOMES,CB;
LUDwIG,J;
G;
MOURA,AB;
STöCKER,C;
LAA;
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Sessão de Postêr
SESSÃO PÔSTER: 3
HORÁRIO: 15h:30 – 16h:30
CÓDIGO
RESUMO
SALÃO: VERSAILLES
INSCRIÇÃO
TÍTULO
1394
SELEÇÃO DE RIZOBACTÉRIAS ANTAGONISTAS A MAGNAPORTHE
ORYZAE
204
RESENDE, MM; SILVA, FR; SPERANDIO, EM; FILIPPI,
MC; SILVA, GB4; PRABHU, AS; SILVA-LOBO, VL
1399
MECANISMOS DE AÇÃO, IN VITRO, DE ISOLADOS DE TRICHO­
DERMA SOBRE COLLETOTRICHUM SP., FUSARIUM SUBGLUTINANS
F.SP. ANANAS E PESTALOTIOPSIS SP.
205
SANTOS, MS; LUSTOSA, DC; BANDEIRA, MA;
FREITAS, LRB; SILVA,GB
1404
IDENTIFICAÇÃO DE BACTERIAS ANTAGÔNICAS A MAGNAORTHE
ORYZAE
206
SPERANDIO, EM; SILVA, AB; ARAUJO, LG; SILVALOBO, VL; PRABHU, AS; FILIPPI, MC
1413
EFEITO DE DIFERENTES DOSAGENS DE TRICHODERMA
HARZIANUM SOBRE MELOIDO­GYNE INCOGNITA RAÇA 4 EM
PEPINO.
207
MASCARIN, GM; BONFIM JUNIOR, MF; ARAÚJO
FILHO, JV
1425
AÇÃO DE TRICHODERMA SPP SOBRE COLLETOTRICHUM
GRAMINICOLA E RHIZOCTONIA SOLANI PELO MÉTODO DE
CULTURAS PAREADAS.
208
CAIRES, A.M.; REZENDE, A.A. ; JULIATTI, F.C.
1426
AVALIAÇÃO DO EFEITO DE DIFERENTES DOSES DE
TRICHODERMA SPP. SOBRE A ECLOSÃO DE JUVENIS DE
MELOIDOGYNE EXIGUA.
209
DIAS, LA; PIASSA, J; FREITAS, MN; SANTOS, MA
1430
AVALIAÇÃO IN VITRO DO POTENCIAL ANTAGÔNICO DE
RIZOBACTÉRIAS CONTRA FUSARIUM OXYSPORUM F. SP.
CUBENSE AGENTE CAUSAL DO MAL-DO-PANAMÁ
210
PEIXOTO, CC; TRINDADE, AV; CERQUEIRA, RMC;
MATOS, AP
1430
AVALIAÇÃO IN VIVO DO POTENCIAL ANTAGÔNICO
RIZOBACTÉRIAS CONTRA FUSARIUM OXYSPORUM F.
CUBENSE AGENTE CAUSAL DO MAL-DO-PANAMÁ.
DE
SP.
211
PEIXOTO, CC; TRINDADE, AV; CERQUEIRA, RMC;
MATOS, AP
1433
PSEUDOMONAS CHLORORAPHIS 63-28 CONTROLS PYTHIUM
ROOT ROT AND ENHANCES GROWTH IN HYDROPONIC SWEET
PEPPERS (CAPSICUM ANNUUM) REGARDLESS OF HIGH
TEMPERATURE PREDISPOSITION TO THE DISEASE
212
SOPHER, CR ; SUTTON, JC
1458
EFEITO DE PRINCÍPIOS ATIVOS DE FUNGICIDAS NO
ANTAGONISMO DE TRICHODERMA SPP. SOBRE FUSARIUM
OXYSPORUM F.SP. PHASEOLI.
213
RIBAS, PP; PAZ, ICP; SANTIN, RCM; GUIMARÃES,
AMG; SILVA, ME; MATSUMURA, ATS
1458
TOXICIDADE DE PRINCÍPIOS ATIVOS DE FUNGICIDAS COMER­
CIAIS SOBRE TRICHODERMA SPP.
214
RIBAS, PP; PAZ, ICP; SANTIN, RCM; GUIMARÃES,
AMG; SILVA, ME; MATSUMURA, ATS
1482
REDUÇÃO DE ECLOSÃO DE JUVENIS DE 2º ESTÁDIO DE
MELOIDOGYNE EXÍGUA POR BACTÉRIAS DO GÊNERO
BACILLUS.
215
FREITAS, MN; PIASSA, J; DIAS, LA; SANTOS, MA
1513
ANTAGONISMO DE TRICHODERMA SPP SOBRE MACROPHOMINA
PHASEOLINA, “IN VITRO”.
216
SILVA, C.L; MARTINS, J.A.S. ; JULIATTI, F.C;
REZENDE, A.A
1525
CONTROL OF RAMULOSE IN COTTON BY DIFFERENT FORMS OF
APPLICATION OF BACILLUS SPP.
217
FERRO, HM; SOUZA, RM; MEDEIROS, F.H.V;
SANTOS NETO, H; ZANOTTO, E; MARTINS, SJ
1563
AVALIAÇÃO DA INTERAÇÃO IN VITRO ENTRE ESPÉCIES DE
TRICHODERMA ISOLADAS DE PRODUTOS COMERCIAIS E
FUSARIUM SOLANI F. SP. PHASEOLI
219
SILVA, MB; PAULA JÚNIOR, TJ; HUDSON, T.
1578
AVALIAÇÃO DO NÍVEL DE EFICIÊNCIA DOS BIO-CONTROLADORES
DE NEMATÓIDES NEMAT E NEMAPLUS NO TRATAMENTO DE
SOLO EM CULTIVO PROTEGIDO.
220
ARIEIRA, GO; SANTIAGO, DC; STROZE, CT; BAIDA,
FC; PEREIRA, RFG; SBRUSSI, CAG
1579
CONTROLE BIOLÓGICO EXPERIMENTAL DA MANCHA PARDA
(BIPOLARIS ORYZAE) DO ARROZ POR RIZOBACTÉRIAS
AUTÓCTONES EM CONDIÇÕES DE CASA DE VEGETAÇÃO.
221
MILAGRES, EA; CARVALHO, SL; SANTIAGO,
TR; AMARAL, LS; FERRAZ, HGM; SOUZA, AN;
ROMEIRO, RS
1584
EFEITO DA ASSOCIAÇÃO DE BACILLUS SUBTILIS E TRICHODERMA
SPP. SOBRE A INFECÇÃO CAUSADA POR COLLETOTRICHUM
ACUTATUM EM FLORES DESTACADAS DE CITROS
222
KLEIN, MN; KUPPER, KC; SILVA, AC; LOPES, MR;
CONVENTO,BB
1627
ANTAGONISMO IN VITRO DE ISOLADOS DE TRICHODERMA
SP. SOBRE PHYTOPHTHORA PALMIVORA PATOGÊNICO A
PUPUNHEIRA
224
VAZ, AB; LUZ, EDMN; NIELLA, GR; SILVA, SDVM;
OLIVEIRA, MLDE; CERQUEIRA, ARN; ARAÚJO,
DCS DE; VALIENSE, ML
1635
ASPECTOS FISIOLÓGICOS DE ESCLERÓCIOS DE SCLEROTINIA
SCLEROTIORUM SUBMETIDOS AO STRESS E A AÇÃO DE
MICRORGANISMOS ANTAGÔNICOS.
225
ORSINI, IP; SUMIDA, CH; FRANCISQUETTI, G;
HOMECHIN, M; SANTIAGO, DC
1635
SOBREVIVÊNCIA DE ESCLERÓCIOS DE SCLEROTINIA SCLE­
ROTIORUM EM SOLO SUBMETIDO À SOLARIZAÇÃO, INUNDAÇÃO
E APLICAÇÃO DE MICRORGANISMOS BIOCONTROLADORES.
226
ORSINI IP; SUMIDA, CH; FRANCISQUETTI, G;
HOMECHIN, M; SANTIAGO, DC
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
AUTORES
39
Sessão de Postêr
40
Programação
1659
AVALIAÇÃO DE MÉTODOS DE INOCULAÇÃO DE FUSARIUM
GUTTIFORME EM ABACAXI.
227
TROCOLI, RO; BRITO, MR; SOUZA, JT; SILVA,
HSA; DITA, M.A
1661
ANTAGONISMO EXERCIDO POR RIZOBACTÉRIAS ISOLADAS DE
RIZOSFERA E RIZOPLANO DE TOMATEIRO CONTRA PATÓGENOS
BACTERIANOS DA CULTURA.
228
AMARAL, LS; FERRAZ, HGM; REZENDE, LC;
MILAGRES, EA; ROMEIRO, RS
1661
RIZOBACTÉRIAS ISOLADAS EM ASSOCIAÇÃO COM PLANTAS
DE TOMATEIRO E SEU ANTAGONISMO CONTRA ALTERNARIA
SOLANI.
229
AMARAL, LS; FERRAZ, HGM; REZENDE, LC;
MILAGRES, EA; ROMEIRO, RS
1666
TRICHODERMA SPP. NO CONTROLE DA MANCHA FOLIAR DO
EUCALIPTO IN VITRO E ESPORULAÇÃO EM DOIS SUBSTRATOS
SÓLIDOS.
230
CARVALHO FILHO, MR; MELO, SCM
1667
EFEITO DE RIZOBACTÉRIAS NA INIBIÇÃO DO CRESCIMENTO
MICELIAL DE MAGNAPORTHE ORYZAE
231
MORAES, AJG; SPERANDIO, EM; SILVA-LOBO, VL;
PRABHU, AS; FILIPPI, MC; SILVA, GB
1676
ESTUDO DA DINÂMICA POPULACIONAL DO AGENTE DE
CONTROLE BIOLÓGICO DE DOENÇAS DO FEIJOEIRO BACILLUS
CEREUS (UFV-172) NO FILOPLANO
232
SOUZA, AN; FERRAZ, HGM;
GODINHO, MT; ROMEIRO, RS
AMARAL,
LS;
1676
DINÂMICA POPULACIONAL DO AGENTE DE BIOCONTROLE
BACILLUS CEREUS (UFV-075) EM FILOPLANO DE FEIJOEIRO
233
SOUZA,AN; FERRAZ, HGM;
GODINHO, MT; ROMEIRO,RS
AMARAL,
LS;
1689
AVALIAÇÃO DA ATIVIDADE ANTAGONISTA DE TRICHODERMA SP.
E GLIOCLADIUM SP. AOS PRINCIPAIS FUNGOS ASSOCIADOS ÀS
SEMENTES DE ALGODOEIRO.
234
BOSA, TC; MACHADO, AQ; CASSETARI NETO, D;
ALCÂNTARA, NRS; SENA, AB
1704
EFECTO DE PELLETEADO DE SEMILLAS DE CUCURBITA MAXIMA
VAR ZAPALLITO CON CEPAS NATIVAS DE TRICHODERMA SPP
235
ZAPATA, SR; MURILLO, B; SILVA, F; VECCHIETTI,
NB
1704
EVALUACION DE CEPAS NATIVAS DE TRICHODERMA SPP COMO
PROMOTORAS DE CRECIMIENTO EN PLANTULAS DE PEPINO
236
ZAPATA, SR; MURILLO, B; SILVA, F; SORIANO, MR
1738
INIBIÇÃO DA GERMINAÇÃO DE HEMILEIA VASTRATIX POR
PROCARIOTAS RESIDENTES DE FILOPLANO
237
GODINHO, MT; SOUZA, AN; SOUZA,LO; ROMEIRO,
RS
1738
ANTIBIOSE À PSEUDOMONAS CICHORII POR PROCARIOTAS
RESIDENTES DE FILOPLANO
238
GODINHO,
MT;
ROMEIRO,RS
1744
INIBIÇÃO IN VITRO, DE ISOLADOS DE TRICHODERMA SOBRE
RHIZOCTONIA SOLANI DO ARROZ.
239
LUSTOSA, DC; SANTOS, MS; BANDEIRA, MA;
FREITAS, LRB; SILVA GB
1745
DETECÇÃO IN VITRO DE ANTAGONISMO EXERCIDO POR
RIZOBACTÉRIAS AUTÓCTONES DE TOMATEIRO CONTRA
RALSTONIA SOLANACEARUM
240
REZENDE, LC; FERRAZ, HGM; SOUZA, AN;
AMARAL, LS; ROMEIRO,RS
1746
IDENTIFICAÇÃO DE ISOLADOS DE PSEUDOMONAS DO GRUPO
FLUORESCENTE CONTENDO O GENE RESPONSÁVEL PELA
SÍNTESE DE 2,4-DIACETIL FLUROGLUCINOL.
241
DELAMUTA, JRM; SANTOS, PJC; VIEIRA, ND;
BENATO, LC; SOUZA, NV; BETTI, AFF; CATTELAN,
AJ; ALMEIDA, ARM
1752
SELEÇÃO DE ISOLADOS DE ACTINOBACTÉRIAS EFICIENTES
NO CONTROLE BIOLÓGICO DE FUNGOS FITOPATOGÊNICOS DE
ARAUCARIA ANGUSTIFOLIA
242
MIYAUCHI, MYH; RIBEIRO, CM; VASCONCELLOS,
RLF; CARDOSO, EJBN
1760
POTENCIAL DE CONTROLE BIOLÓGICO DA FUSARIOSE DO TO­MA­
TEIRO COM UM ISOLADO NÃO PATOGÊNICO DE FUSARIUM SPP.
243
FORTE, F; PANSERA, M.R.; PEREIRA, C.O.F.;
RIBEIRO, R.T.S.
1761
INIBIÇÃO DO DESENVOLVIMENTO DE ALTERNARIA SPP.,
BOTRYTIS SPP., FUSARIUM OXYSPORUM E COLLETOTRICHUM
SPP. POR BACILLUS SPP.
244
DELLA GIUSTINA JR., L. H. P.; PANSERA, M. R.;
PEREIRA C. O. F.; RIBEIRO, R. T. S
1761
BACCHARIS TRIMERA NO CONTROLE IN VITRO DE FITOPA­
TÓGENOS.
245
DELAZER, M.; SCOPEL, S.; MAGRINI, F.E; PANSERA,
M.R.; CAMATTI-SARTORI,V.; RIBEIRO, R.T.S
1763
ANTAGONISMO IN VITRO ENTRE LINHAGENS DE TRICHODERMA
E ISOLADOS DE FUSARIUM SP.
246
PEREIRA, C.O.F.; RIBEIRO, R.T.S.
1824
GERMINAÇAO DE SEMENTES E DESENVOLVIMENTO
CASEARIA SYLVESTRIS SW POR TRICHODERMA SP.
DE
247
CECHIN, J; AGUIAR, RA; ALMEIDA, V; PARANHOS,
JT; SILVA, ACF
1827
SUPRESSÃO DE BOTRYTIS CINEREA POR CLONOSTACHYS
ROSEA EM DIFERENTES INTERVALOS DE CÂMARA ÚMIDA.
248
BOREL,FC; SARAIVA,RM; MACEDO,PEF; COTA,LV;
MIZUBUTI,ESG; ALFENAS,AC; MAFFIA,LA
1852
ISOLAMENTO E CARACTERIZAÇÃO FENOTÍPICA DE RIZOBACTÉ­
RIAS DE ESPÉCIES DE PASSIFLORA SP.
249
MENEZES, SP; MARES, JH; SILVA, CN; ORNELLAS,
RMS; ROMEIRO, RS; OLIVEIRA, AC
1871
ESTABILIDADE TÉRMICA DE METABÓLITOS ANTIFÚNGICOS
PRODUZIDOS POR TRICHODERMA SPP.
250
CARVALHO,DDC; MARTINS,I; MELLO,SCM
1871
ISOLADOS DE TRICHODERMA PROMOTORES DE CRESCIMENTO
DO FEIJOEIRO
251
CARVALHO,DDC; MARTINS,I; LOBO JÚNIOR,M;
MELLO,SCM
1880
ANTAGONISMO DE SPORIDIOBOLUS PARAROSEUS A BOTRYTIS
CINEREA EM DISCOS DE FOLHA DE LÍRIO ORIGINÁRIA DE
PRODUÇÃO INTEGRADA.
252
MACHADO, MACF; SANTOS, ER; BETTIOL, W;
MORANDI, MAB
SOUZA,
AN;
SOUZA,LO;
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Sessão de Postêr
1880
REDUÇÃO DO INÓCULO DE SCLEROTINIA SCLEROTIORUM POR
TRICHODERMA ASPERELLUM E CLONOSTACHYS ROSEA NO
CULTIVO DE FEIJÃO DE INVERNO NAS SAFRAS 2007 E 2008.
253
COSTA, LB; MORANDI, MAB; SANTOS, ER
1891
MECANISMOS DE AÇÃO, IN VITRO, DE ISOLADOS DE
TRICHODERMA SP. SOBRE PYTHIUM SP. E PHYTOPHTHORA
PALMIVORA.
254
FREITAS, LRB; SANTOS, MS; BANDEIRA, MA;
LUSTOSA, DC; SILVA, GB
1895
EFEITO DE TRICHODERMA SPP. CONTRA RHIZOCTONIA SOLANI
EM ARROZ.
255
TORRES, DB; SILVA, JC; MORAES, AJG; SILVA,
AS; FILIPPI, MCC; RAIOL JÚNIOR, LL; LUSTOSA,
DC; SILVA, GB
1903
INIBIÇÃO DE XANTHOMONAS SP. POR METABÓLITOS VOLÁTEIS
DE BACTÉRIAS ENDOFÍTICAS DE EUCALIPTO
256
PAZ, ICP; SANTIN, RCM; GUIMARÃES, AM; RIBAS,
PP; ROSA, OPP; AZEVEDO, JL; MATSUMURA,
ATS
1903
INIBIÇÃO DE BOTRYTIS CINEREA POR METABÓLITOS VOLÁTEIS
DE BACTÉRIAS ENDOFÍTICAS DE EUCALIPTO
257
PAZ, ICP; SANTIN, RCM; GUIMARÃES, AM; RIBAS,
PP; ROSA, OPP; AZEVEDO, JL; MATSUMURA,
ATS
1904
CONTROLE BIOLÓGICO DE RALSTONIA SOLANACEARUM EM
MUDAS DE BANANEIRA (MUSA SPP.).
258
AMORIM, E. P. R.; ANDRADE, F. W. R; BARBOSA, L.
F.; SILVA, J. C; CARNAUBA, J. P
1906
SELEÇÃO IN VIVO DE TRICHODERMA SPP VISANDO CONTROLE
DE SCLEROTINIA SCLEROTIORUM SACC. EM PLÂNTULAS DE
SOJA.
259
FRANCELINO PEREIRA COSTA; ANDRÉA DANTAS
DE SOUZA; MARCELO ISSAO KUDAMATSO;
MARCOS ROBERTO FURLAN; DANIEL DOS
SANTOS SILVA; THIAGO ROGGERIO UEHARA
1906
MÉTODOS INTEGRADOS DE CONSERVAÇÃO PÓS-COLHEITA DO
MORANGO VISANDO CONTROLE DE MOFO CINZENTO
260
ANDRÉA DANTAS DE SOUZA; FRANCELINO
PEREIRA COSTA; MARCELO ISSAO KUDAMATSO;
MARCOS ROBERTO FURLAN; DANIEL DOS
SANTOS SILVA; THIAGO ROGGERIO UEHARA
1906
AVALIAÇÃO IN VITRO DE LEVEDURAS VISANDO CONTROLE DE
MONILINIA FRUCTICOLA, CAUSADORA DE PODRIDÃO-PARDA EM
PESSEGUEIRO.
261
ANDRÉA DANTAS DE SOUZA; FRANCELINO
PEREIRA COSTA; MARCELO ISSAO KUDAMATSO;
DANIEL DOS SANTOS SILVA; THIAGO ROGGERIO
UEHARA
1908
AVALIAÇÃO DA ATIVIDADE INIBITÓRIA DO EXTRATO AQUO­
SO DE ARRUDA SOBRE O CRESCIMENTO MICELIAL DE
COLLETOTRICHUM MUSAE.
262
GUIMARÃES, CP; AGUIAR, RM; VELOSO, JV;
FERNANDES, MB; MONTEIRO, TSA; SANTOS, BC;
MIZOBUTSI, EH; REIS, ST
1911
EFEITO DE AGENTES DE BIOCONTROLE SOBRE O BOLOR VERDE
(PENICILLIUM DIGITATUM) EM FRUTOS CÍTRICOS.
263
BETTIOL, W.; MATTOS, LPV; GONÇALVES, GG;
GONÇALVES, GG
1912
EFEITO DO EXTRATO NATURAL DE ALECRIM NO DESENVOLVI­
MENTO DE COLLETOTRICHUM MUSAE
264
AGUIAR, RM; VELOSO, JS; FERNANDES, MB;
MONTEIRO, TSA; GUIMARÃES. CP; SANTOS, BC;
MIZOBUTSI, EH; REIS, ST
1912
AVALIAÇÃO DA ATIVIDADE INIBITÓRIA DE EXTRATOS VEGETAIS
SOBRE A GERMINAÇÃO E CRESCIMENTO MICELIAL DE
COLLETO­TRICHUM MUSAE, AGENTE CAUSAL DA ANTRACNOSE
DA BANANA.
265
AGUIAR, RM; NOBRE, SAM; MELO, GA; ALVES,
VL; BATISTA, GN; AZEVEDO, DMQ; CACIQUE, AP;
MAIA, MR
1913
SENSIBILIDADE DE TRICHODERMA SPP. A FUNGICIDAS UTILIZA­
DOS NA CULTURA DO FEIJÃO
266
PAULA JÚNIOR, TJ; SILVA, MB; LECCHI, MG;
AZEREDO, JO; PEREIRA, SF; PEREIRA LL
1913
EFICIÊNCIA DE PRODUTOS COMERCIAIS À BASE DE
TRICHODERMA SPP. NO CONTROLE DA PODRIDÃO-RADICULAR
DO FEIJOEIRO
267
TEIXEIRA, H; PAULA JÚNIOR, TJ; VIEIRA, RF;
PRADO, AL; LEHNER, MS; LIMA, RC; SANTOS, J;
FERRO, CG; SANTOS, PH
1931
DENSIDADE DE TRICHODERMA SPP. E FUNGOS TOTAIS DE
ÁREAS DE MATA NATIVA E REFLORESTADAS APÓS EXPLORAÇÃO
PETROLÍFERA.
268
BANDEIRA, MA; RAMOS, LRB; LUSTOSA, DC;
SILVA, GB
1932
FUNGOS PROMOTORES DE CRESCIMENTO DE MUDAS CLONAIS
DE EUCALYPTUS SPP.
269
SANTOS, RP; CARVALHO FILHO, MR; MELLO,
SCM
1948
AVALIAÇÃO DO EFEITO INIBITÓRIO DO EXTRATO NATURAL DE
PINHA NO DESENVOLVIMENTO DE COLLETOTRICHUM MUSAE.
270
MONTEIROTSA; GUIMARÃES,CP; AGUIAR RM;
VELOSO,JS; FERNANDES, MB; SANTOS, BC;
MIZOBUTSI, EH; REIS,ST
1971
ANTAGONISMO IN VITRO DE TRICHODERMA SPP. A FUSARIUM
OXYSPORUM F. SP. PASSIFLORAE PURSS.
271
LEITE,MFA;
LUZ,RL;
RODRIGUES,AAC
1980
AVALIAÇÃO DE MÉTODOS DE SELEÇÃO IN VITRO DE BACILLUS
SP PARA CONTROLE BIOLÓGICO DE PATÓGENOS DA PARTE
AÉREA DO ARROZ.
273
SOUSA,FA; RODRIGUES,AAC; SARDINHA,DHS;
CAMPOS NETO,JRM; DINIZ,NB
2002
OBTENÇÃO E SELEÇÃO DE ISOLADOS DE TRICHODERMA SPP.
PARA O CONTROLE DE SCLEROTINIA SCLEROTIORUM
274
BRANDÃO, RS; MAIA, A; LOBO JÚNIOR, M
2004
UTILIZAÇÃO DE LEVEDURAS NO CONTROLE DE FUSARIUM
PALLIDOROSEUM.
275
CRUZ, TML; LARANJEIRA, D; MELO, AP; SILVA,
VM
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
MORAES,FHR;
41
Sessão de Postêr
42
Programação
2006
ANTAGONISMO DE RIZOBACTÉRIAS E TRICHODERMA SPP. SO­BRE
PHYTOPHTHORA PARASITA, AGENTE DA GOMOSE DOS CITROS.
276
BARBOSA, L.F.; SOARES, L. P. R.; AMORIM, E. P. R.;
SILVA, J. C.; CARNAÚBA, J. P.; PEIXINHO, G. S.
2034
AVALIAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DE POTENCIAIS ANTAGONISTAS
AO FUNGO FITOPATOGÊNICO SCLEROTIUM ROLFSII PERTENCEN­
TES AO GÊNERO TRICHODERMA
277
QUEIROZ, PR; ALVARENGA, DO; PÁDUA, RR;
MELLO, SCM
2034
DETERMINAÇÃO DOS MECANISMOS DE ANTAGONISMO DE
TRICHODERMA ASPERELLUM A SCLEROTIUM ROLFSII EM
FEIJÃO (PHASEOLUS VULGARIS)
278
QUEIROZ, PR; ALVARENGA, DO; PÁDUA, RR;
MELLO, SCM
1151
SEVERIDADE DE PHAKOPSORA PACHYRHIZI NA CULTURA DA
SOJA SOB DIFERENTES DOSAGENS DE (AZOXISTROBINA +
CIPROCONAZOL) E (EPOXICONAZOL + PIRACLOSTROBINA). 279
REZENDE, A.A.; JULIATTI, F.C.; ALVIM JR.,M.G.;
PARREIRA, F.O.S.; SILVA, P.S.; JULIATTI, B. C.M. ;
ALVIM, M.S.; MARTINS, J.A.S.
1886
EFEITO DO TRATAMENTO DE SEMENTES DE ALGODOEIRO COM
FUNGICIDAS NO CONTROLE DO TOMBAMENTO EM RELAÇÃO À
DENSIDADE DE INÓCULO DE RHIZOCTONIA SOLANI.
284
GOULART, ACP
1238
AVALIAÇÃO DE DIFERENTES FUNGICIDAS PARA O CONTROLE
QUÍMICO DE ANTRACNOSE EM FEIJÃO.
285
FERREIRA JR,JP; MACENA,AMF; SAUER,AV
1304
CONTROLE QUÍMICO DO COMPLEXO MANCHA-BRANCA DO
MILHO
299
ALVIM JR.,M.G.; JULIATTI, F.C.; PARREIRA, F.O.S.;
SILVA, P.S.; JULIATTI, B. C.M. ; ALVIM, M.S.;
REZENDE, A.A.; PIMENTA,A.A.; SILVA, E.G
1305
EFEITO DE FUNGICIDAS UTILIZADOS NO CONTROLE DE
BRUSONE E MANCHA DE GRÃOS EM ORGANISMOS NÃO ALVOS
301
PINHEIRO,TM;
PRABHU,AS
1310
CONTROLE QUÍMICO DE CORYNESPORA CASSIICOLA ‘IN VITRO’
303
FRANCISCO, A.L.O.; OLIVEIRA, R.R; SCAPIN, C.R.;
AGUIAR, B.M.; KURASHIMA, N.L.; VIDA, J.B.
1886
COMPARAÇÃO DE FUNGICIDAS NO CONTROLE DA FERRUGEM
DA SOJA NO MATO GROSSO EM ÉPOCA NORMAL DE CULTIVO.
313
MACHADO, AQ; CASSETARI NETO, D; ANDRADE
JUNIOR, ER; VIDOTTI, ED; RIVELINI, VE; GARCIA,
AR; OLIVEIRA, AS
1238
EFICIÊNCIA DO CONTROLE QUÍMICO DA FERRUGEM DA SOJA NO
MATO GROSSO EM ÉPOCA NORMAL DE CULTIVO.
314
MACHADO, AQ; CASSETARI NETO, D; ANDRADE
JUNIOR, ER; VIDOTTI, ED; RIVELINI, VE; GARCIA,
AR
1442
EFICIÊNCIA DE CONTROLE QUÍMICO DE FERRUGEM ASIÁTICA
NA SOJA EM GOIÁS
317
MELO,GC; ROSA,AS; ASMAR,DF; FERREIRA,AA;
NETO,AM; OTONI,RF; SILVA,BT; SOUZA,AC;
FILLIPI,MCC
1446
DEPOSIÇÃO DE TEBUCONAZOLE + BENZIMIDAZOL EM APLICA­
ÇÃO AÉREA PARA CONTROLE DA FERRUGEM DA SOJA.
319
OLIVEIRA, MAP; ANTUNIASSI, UR; OLIVEIRA, RB;
SALVADOR, JF; SIQUERI, FV; VELINI, ED
1455
EFEITO DE FUNGICIDAS E DO ESTIMULANTE ETHEPHON
NO CONTROLE IN VITRO DE LASIODIPLODIA THEOBROMAE,
ISOLADO DE SERINGUEIRA 321
DÓRIA, KMABVS; BETELONI, FG; DE PIERI, C;
FURTADO, EL
1482
AVALIAÇÃO DO EFEITO DA PULVERIZAÇÃO DE INSETICIDA
E CONTROLE ALTERNATIVO DE OÍDIO NA INCIDÊNCIA DE
FERRUGEM ASIÁTICA EM SOJA.
322
FREITAS, MN;
FERNANDES, JJ
1571
SENSIBILIDADE IN VITRO DE ISOLADOS DE COLLETOTRICHUM
LINDEMUTHIANUM A FUNGICIDAS BENZIMIDAZÓIS E ESTROBILU­
RINAS
327
GULART,CA; RAMOS, JP DE; DALLA CORTE, G;
DUTRA, C; BALARDIN, RS
1833
RESPOSTA DAS
QUÍMICO
CONTROLE
335
DEUNER, CC; SIMIONI, D ; CHAVARRIA, G; TAZZO,
IF; SEIDEL, G
1571
COMPORTAMENTO DAS CULTIVARES DE TRIGO MEDIANTE
NÚMERO E MOMENTO DE APLICAÇÃO DE FUNGICIDA
336
DEUNER, CC; SIMIONI, D; TAZZO, IF; CHAVARRIA,
G; SEIDEL, G
1833
CONTROLE DE BOLOR VERDE EM FRUTOS DE LARANJA
369
NICOLI, A; ZAMBOLIM, L; ROMA, R.C.C; MARO,
L.A.C
1520
SENSIBILIDADE DE ESPÉCIES DE ALTERNARIA CAUSADORAS DE
PINTA PRETA AO FUNGICIDA AZOXYSTROBIN
370
PEREIRA, CS; CARDOSO, CR; RODRIGUES,
TTMS; MAFFIA, LA; MIZUBUTI, ESG
1310
EFEITO DE CLORETOS DE BENZALCÔNIO NO CONTROLE DO
MOFO BRANCO DA SOJA
382
TORRES, JP; UTIAMADA, CM; PIMENTA, AA3;
SILVA, EG3
1879
EFEITO DO BIOCIDA BASAMID (980 MG) EM DIFERENTES MODA­
LIDADES DE APLICAÇÃO EM PLANTAS DE CEBOLA ATRAVÉS DO
CONTROLE BOTRYTIS SQUAMOSA
396
VILELA,CM; ALMEIDA,DDB; JULIATTI, FCA
1503
AVALIAÇÃO DO FUNGICIDA BAS 54001 F NO CONTROLE DE
SCLEROTINEA SCLEROTIORUM NA CULTURA DO FEIJÃO
399
ROCHA, CL; LOMBARDI, MP; RODRIGUES, MAT;
BEGLIOMINI, E
1427
AVALIAÇÃO DO FUNGICIDA BAS 54001 F NO CONTROLE DE
SCLEROTINEA SCLEROTIORUM NA CULTURA DA SOJA
400
ROCHA, CL; LOMBARDI, MP; RODRIGUES, MAT;
BEGLIOMINI, E
1770
PIRACLOSTROBIN + METCONAZOLE
FERRUGEM ASIÁTICA DA SOJA.
406
MANFIO, A; DEBONA, D; TORMEN, N; MADALOSSO,
MG; BALARDIN, RS; BEGLIOMINI, E; RODRIGUES,
MAT
CULTIVARES
DE
TRIGO
NO
AO
CONTROLE
DA
SILVA-LOBO,VL;
SOUZA,
AR;
FILIPPI,MCC;
COELHO,
L;
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Sessão de Postêr
SESSÃO PÔSTER: 4
HORÁRIO: 18h:30 – 19h:30
SALÃO: VERSAILLES
CÓDIGO
RESUMO
INSCRIÇÃO
TÍTULO
1323
CONTROLE DE DOENÇAS EM SOJA ATRAVÉS DE APLICAÇÕES
ANTECIPADAS DE FUNGICIDA.
280
ALMEIDA, R; FORCELINI, C; GÁRCES, FR
1566
ANÁLISE DA DISTRIBUIÇÃO DOS COMPONEN­TES DE RENDIMENTO
NA PLANTA COMO UM CRITÉRIO PARA A ÉPOCA DE APLICAÇÃO
DE FUNGICIDAS EM SOJA.
281
ALMEIDA, R; FORCELINI, C; GÁRCES, FR
1460
CONTROLE DA SIGATOKA-NEGRA DA BANANEIRA ATRAVÉS DA
INJEÇÃO DE FUNGICIDAS NO PSEUDOCAULE DAS PLANTAS
282
GASPAROTTO, L ; PEREIRA, JCR
1645
DESEMPENHO DO TRATAMENTO DE SEMENTES NO CONTROLE
DE DOENÇAS E NO CRESCIMENTO INICIAL DO TRIGO E CEVADA
283
NIENOW, JA; FORCELINI, CA
1818
ADJUVANTES EM ASSOCIAÇÃO COM FUNGICIDAS PARA O
CONTROLE DE PYRICULARIA GRISEA EM ARROZ IRRIGADO
286
LENZ, G; RUBIN, R; ARRUÉ, A
1537
CONTROLE QUÍMICO DE PYRICULARIA GRISEA EM ARROZ
IRRIGADO.
287
RUBIN, R; LENZ, G
1483
EFICIÊNCIA DE FUNGICIDAS NO CONTROLE DE FERRUGEM DA
FOLHA EM TRIGO
288
BONALDO, SM; CUNHA, AO
1736
AVALIAÇÃO DA APLICAÇÃO DE FUNGICIDA EM MILHO “SAFRINHA”
NO MUNÍCIPIO DE BOA ESPERANÇA/PR
289
PAULA, DL; BONALDO, SM; CARRÉ-MISSIO, V;
BOTIN, AA
1515
AVALIAÇÃO DE EQUIPAMENTOS PARA APLICAÇÃO AÉREA DE
FUNGICIDA VISANDO CONTROLE DE CERCOSPORA ORYZAE NA
CULTURA DO ARROZ IRRIGADO.
290
BAYER, T; COSTA, IFD; LENZ, G; SCHRöDER, EP
1619
CONTROLE QUÍMICO EM PRÉ-COLHEITA DE CRYPTOSPORIOPSIS
PERENNANS EM MAÇÃS.
291
VALDEBENITO SANHUEZA, RM; SANTOS, MC;
MEYER, GA; BARTNICKI, VA; NASCIMENTO, FV;
ANDRADE, PCA
1619
CONTROLE DA MANCHA DE RAMULÁRIA DO ALGODOEIRO COM
USO DE ACIBENZOLAR-S-METHYL ISOLADO E COM FUNGICIDA
292
CHITARRA,LG;
MENEZES,VL
ZANCAN,WLA;
CHITARRA,GS;
1337
INFLUÊNCIA DE DIFERENTES ÉPOCAS DE APLICAÇÕES
DE FUNGICIDAS NO CONTROLE DA RAMULÁRIA VISANDO
RENTABILIDADE E PRODUTIVIDADE DO ALGODOEIRO
293
CHITARRA,LG;
MENEZES,VL
ZANCAN,WLA;
CHITARRA,GS;
1337
OXICLORETO DE CÁLCIO, UMA NOVA OPÇÃO DE DESINFETANTE
PARA O CONTROLE DE PENICILLIUM EXPANSUM
294
SANTOS, MC; MEYER, GA; SANHUEZA, RMV
1229
INFLUÊNCIA DO NÚMERO DE APLICAÇÕES DE FUNGICIDAS NO
CONTROLE DE RAMULARIA NO ALGODOEIRO EM PRIMAVERA DO
LESTE - MT
295
ANDRADE JUNIOR, ER; GALBIERI, R; CHITARRA,
LG
1260
INFLUÊNCIA DO NÚMERO DE APLICAÇÕES DE FUNGICIDAS NO
CONTROLE DE RAMULOSE NO ALGODOEIRO, EM PRIMAVERA
DO LESTE – MT
296
ANDRADE JUNIOR, ER; GALBIERI, R
1260
DESARROLLO DE UN SISTEMA DE DECISIÓN PARA EL MANEJO
QUÍMICO RACIONAL DE LAS ENFERMEDADES DE FIN DE CICLO
(EFC) EN SOJA
297
CARMONA, M; SAUTUA, F; GALLY, M; REIS. EM
1755
EFEITO DE FUNGICIDAS
298
ANDRADE,ER
1755
AVALIAÇÃO DE FUNGICIDAS REGISTRADOS NO MAPA NO
CONTROLE DA FERRUGEM DA SOJA
300
ALVIM JR.,M.G.; JULIATTI, F.C.; ALVIM, M.S.;
PARREIRA, F.O.S.; SILVA, P.S.; JULIATTI, B.C.M. ;
REZENDE, A.A.; MARTINS, J.A.S.; SAGATA, E.
1297
EFEITO DE FERTILIZANTE FOLIAR NA INCIDÊNCIA DA MANCHA
BACTERIANA E DANO DE TRIPES EM RÚCULA
302
NASCIMENTO, MS; BERTANI, RMA; FILETTI, MS;
FISCHER, IH; ALMEIDA, AM; GARCIA, MJDM;
SPADOTTI, DMA
1454
CONTROLE QUÍMICO DA GIBERELA PELA APLICAÇÃO DE
FUNGICIDA NA FLORAÇÃO DO TRIGO.
304
KUHNEM JUNIOR, PR; CASA, RT; KIENEM, RC;
NAGATA, CES; CASTRO, RL; ARNS, U
1195
LEF568/01 NO CONTROLE D FERRUGEM ASIÁTIC E INFLUÊNCIA N
INCIDÊNCIA DE MOFO BRANCO
305
SAGATA, E.; JULIATTI, F.C.; ALVIM, JR. M.G.;
PARREIRA F.O.S.; SILVA,P.S.; JULATTI, B.C.M.;
ALVIM, M.S.; REZENDE, A.A.; MARTINS, JA.S.
1715
FUNGITOXICIDAD IN VIVO DE CIPROCONAZOLE Y SU MEZCLA
CON AZOXISTROBINA A PUCCINIA SORGHI
306
CINA, RP; CARMONA, M; REIS, EM; LOPEZ, SE
1502
APROACH PRIMA (PICOXIXTROBINA + CIPROCONAZOLE) NO
CONTROLE DA FERRUGEM DA SOJA
307
PEREIRA,REA; NAKANO,MAS; TANIMOTO,OS
1708
INFLUÊNCIA DO TRATAMENTO QUÍMICO NA PODRIDÃO DE
MAÇÃS E NA PRODUTIVIDADE DAS CULTIVARES DE ALGODOEIRO
NUOPAL, BRS ARAÇÁ E FMT 701
308
ZANCAN, WLA; CHITARRA, GS; CHITARRA, LG
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
AUTORES
43
Sessão de Postêr
44
Programação
1393
APLICAÇÃO TERRESTRE EM CONDIÇÕES CLIMÁTICAS DESFA­
VORÁVEIS PARA CONTROLE DE FERRUGEM DA SOJA
309
ANTUNIASSI, UR; OLIVEIRA, MAP; SALVADOR, JF;
OLIVEIRA, RB; SIQUERI, FV
1185
CONTROLE DA FERRUGEM DA SOJA ATRAVÉS DA APLICAÇÃO
AÉREA DE FLUTRIAFOL EM GRÂNULOS
310
ANTUNIASSI, UR; OLIVEIRA, MAP; SALVADOR, JF;
OLIVEIRA, RB; SIQUERI, FV; SANTEN, MLV
1185
AVALIAÇÃO DO GLIFOSATO NA INTERAÇÃO ENTRE PHAKOPSORA
PACHYRHIZI E GLYCINE MAX POR MEIO DO ÁCIDO CHIQUÍMICO.
I: EFEITO PREVENTIVO.
311
MATALLO, MB; FRANCO, DAS; CERDEIRA, AL;
MOURA, MAM; ALMEIDA, SDB; GAZZIERO, DLP;
SOARES, RM
1461
AVALIAÇÃO DO GLIFOSATO NA INTERAÇÃO ENTRE PHAKOPSORA
PACHYRHIZI E GLYCINE MAX POR MEIO DO ÁCIDO CHIQUÍMICO.
II: EFEITO CURATIVO.
312
MATALLO, MB; FRANCO, DAS; CERDEIRA, AL;
MOURA, MAM; ALMEIDA, SDB; GAZZIERO, DLP;
SOARES, RM
1614
COMPARAÇÃO DE FUNGICIDAS NO CONTROLE DA FERRUGEM
DA SOJA NO MATO GROSSO EM ÉPOCA TARDIA DE CULTIVO.
315
CASSETARI NETO, D; MACHADO, AQ; ANESE, D;
KUNZ JUNIOR, FP; VIDOTTI, ED; RIVELINI, VE
1289
RESPOSTA DA SOJA TMG 803 A PROGRAMAS DE MANEJO DE
DOENÇAS.
316
CASSETARI NETO, D; MACHADO, AQ; ANESE, D;
KUNZ JUNIOR, FP
1227
APLICAÇÃO TERRESTRE COM GOTAS FINAS E MÉDIAS PARA O
CONTROLE DA FERRUGEM DA SOJA.
318
OLIVEIRA, MAP; ANTUNIASSI, UR; OLIVEIRA, RB;
SALVADOR, JF; SIQUERI, FV; SANTEN, MLV
1380
TERMOTERAPIA Y CONTROL QUÍMICO DE ALTERNARIA PADWICKII
EN SEMILLAS DE ARROZ
320
GUTIÉRREZ, SA; CARMONA, MA; REIS, EM;
CARDOSO, CA
1381
AVALIAÇÃO DA EFICÁCIA DO FUNGICIDA TIOFANATO METÍLICO
NO CONTROLE DO MOFO BRANCO
323
JULIATTI, F.C.; SILVA, S.A. ; ALVIM JR.,M.G.; SILVA,
P.S.; JULIATTI, B. C.M. ; ALVIM, M.S.; REZENDE,
A.A.; PARREIRA,F.O.S.
1381
EFICIÊNCIA DO CONTROLE QUÍMICO DO COMPLEXO MANCHABRANCA DO MILHO
324
JULIATTI, F.C.; ALVIM JR.,M.G.; PARREIRA, F.O.S.;
SILVA, P.S. ; JULIATTI, B.C.M. ; ALVIM, M.S.;
REZENDE, A.A.; SAGATA, E.
1299
EFICIÊNCIA DO FUNGICIDA FLUTRIAFOL NO CONTROLE DA PINTA
PRETA E DO OÍDIO DO MAMOEIRO
325
TATAGIBA,JS; FERRAÇO,M
1299
EFICIÊNCIA DE CLORETOS DE BENZALCÔNIO NO CONTROLE DO
OÍDIO DO MAMOEIRO
326
TATAGIBA, JS; FERRAÇO, M; VENTURA, JA;
COSTA, H; PIMENTA, A; GONÇALVES, E; PEREZ,
RM
1407
AVALIAÇÃO DE DIFERENTES FUNGICIDAS NO CONTROLE DA
FERRUGEM ASIÁTICA E DFC’S NA CULTURA DA SOJA
328
GIROTTO, LG; BARBOSA, MR; SILVA JR., A.M;
PAULA, R.C ; BORGES, MH; JULIATTI, F.C
1220
EFEITO DE HÍBRIDOS DE MILHO COM APLICAÇÃO DE DIFERENTES
FUNGICIDAS NA PRODUTIVIDADE E GRÃOS ARDIDOS DE MILHO
329
GIROTTO, LG; BARBOSA, MR; SILVA JR., A.M;
PAULA, R.C ; BORGES, MH; JULIATTI, F.C
1492
EFICÁCIA DE ADJUVANTES ASSOCIADOS À MISTURA
EPOXICONAZOL + PIRACLOSTROBINA NO CONTROLE DA
FERRUGEM ASIÁTICA
330
JULIATTI, B. C.M.; JULIATTI, F.C.; ALVIM, M.S.; ;
ALVIM JR.,M.G.; ; PARREIRA, F.O.S.; ; SILVA, P.S.;
REZENDE, A. A.; ; MARTINS, J.A.S.
1496
CONTROLE IN VITRO E IN VIVO DE PANTOEA ANANATIS, AGENTE
CAUSAL DA MANCHA BRANCA DO MILHO
331
PEDRO,ES; SAUER,AV; BABA,VY; MEIRELLES,WF;
PACCOLA-MEIRELLES,LD
1790
CONTROLE DA MANCHA PRETA DOS CITROS COM USO DE
SPOREKILL
332
ROMÃO, MA; GIORGI NETO, RO ; AZEVEDO; FA
1920
EFICÁCIA AGRONÔMICA DO FUNGICIDA PIRACLOSTROBINA
+ EPOXICONAZOLE NO CONTROLE DA FERRUGEM DA SOJA
(PHAKOPSORA PACKYRHIZI).
333
VELHO, GF; BONNECARRèRE, RAG; RODRIGUES,
RB; BEGLIOMINI, E
1920
EFICÁCIA AGRONÔMICA DO FUNIGICIDA PIRACLOSTROBINA
+ METCONAZOLE NO CONTROLE DA FERRUGEM DA SOJA
(PHAKOPSORA PACKYRHIZI)
334
VELHO, GF; BONNECARRÈRE, RAG; RODRIGUES,
RB; BEGLIOMINI, E
1245
EFICIÊNCIA DO MIDAS BR NO CONTROLE DE COLLETOTRICHUM
ACUTATUM EM LARANJEIRA VALÊNCIA.
338
CARDOSO JÚNIOR, PT; AGUIAR, PRD; FERREIRA,
LS; AZEVEDO, FA; SCHINOR, EH
1245
CONTROLE QUÍMICO DE FERRUGEM DA FOLHA DO TRIGO
339
SANTOS FILHO,EA; MIORANZA,F; MACIEL,PHFZA;
MAIOLLI,CRB; SANTOS,ML; MARCHIORO,VS;
DALLA NORA,T
1295
RESPOSTA DE CULTIVARES DE TRIGO AO CONTROLE QUÍMICO
DA FERRUGEM DA FOLHA
340
CHAVES,DP;
MACIEL,PHFZA;
FRANCO,FA;
MARCHIORO,V; SANTOS FILHO,EA; DALLA
NORA,T
1549
AVALIAÇÃO DE FUNGICIDAS NA INIBIÇÃO DO CRESCIMENTO
MICELIAL DE COLLETOTRICHUM TRUNCATUM.
341
AMARAL, SS; SIMI, WM; FERNANDES, AC;
MACHADO, AQ; CASSETARI NETO, D; ALCÂNTARA,
NRS; SENA, AB
1828
SENSIBILIDADE IN VITRO DE ISOLADOS DE XANTHOMONAS
PERFORANS A COBRE E ESTREPTOMICINA
342
ARAÚJO, ER; PEREIRA, RC; QUEZADO-DUVAL,
AM; FERREIRA, MASV
1865
COMPARAÇÃO DE PROGRAMAS DE CONTROLE QUÍMICO DE
DOENÇAS EM SOJA NO MATO GROSSO.
343
RIVELINI, VE; CASSETARI NETO, D; MACHADO,
AQ; ANDRADE JUNIOR, ER; VIDOTTI, ED; GARCIA,
AR; OLIVEIRA, AS
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Sessão de Postêr
1527
AVALIAÇÃO DE PROGRAMAS DE APLICAÇÃO DE TEBUCONAZOLE
NO CONTROLE DE DOENÇAS EM SOJA.
344
RIVELINI, VE; CASSETARI NETO, D; MACHADO,
AQ; ANDRADE JUNIOR, ER; VIDOTTI, ED; GARCIA,
AR; BARCELOS, RA; OLIVEIRA, AS
1523
EFICIÊNCIA AGRONÔMICA DE UM NOVO PRODUTO: SULFATO DE
COBRE PENTAHIDRATADO NO CONTROLE DA CANELA-PRETA NA
CULTURA DA BATATA
345
ANHOLETO, LA; VILELA, TM; DARIO, ISN; DARIO,
GJA
1610
REVISÃO QUANTITATIVA DA RESPOSTA DA PRODUTIVIDADE E DO
CONTROLE DA MANCHA PARDA À APLICAÇÃO DE FUNGICIDAS
EM ARROZ IRRIGADO
346
BRITTO E SILVA-FILHO, CFA; SPOLTI, P;
SCHWANCK, AA; GROHS, DS; MADALOSSO, MG;
BALARDIN, RS; DEL PONTE, EM
1925
EFICÁCIA DE BRIO-CRESOXIN METÍLICO + EPOXICONAZOL NO
CONTROLE DA FERRUGEM ASIÁTICA NA CULTURA DA SOJA
347
PARREIRA, F.O.S.; JULIATTI, F.C.; ALVIM JR.,M.G.;
ALVIM, M.S.; SILVA, P.S.; JULIATTI, B.C.M. ;
REZENDE, A.A.; SAGATA, E.
1290
EFEITO FISIOLÓGICO DA PIRACLOSTROBINA NA PRODUTIVIDADE
DA CULTURA DO TRIGO E MANEJO DA FERRUGEM DA FOLHA
348
BRISOLA, FE
1591
EFEITO FISIOLÓGICO DA PIRACLOSTROBINA NA PRODUTIVIDADE
DA CULTURA DO TRIGO E MANEJO DA MANCHA AMARELA
349
BRISOLA, FE
1637
EFICIÊNCIA DE FUNGICIDAS NO CONTROLE DA FERRUGEM
ASIÁTICA DA SOJA (PHAKOPSORA PACHYRHIZI)
350
ABUD, S; SOUZA, P.I.M; MOREIRA, C.T.; FARIAS
NETO, A.L.; SUINAGA, F.A.; DIANESE, A.C.;
CASTRO, A.
1637
BAS55601F E BAS51214F NO CONTROLE DA FERRUGEM ASIÁTICA
EM TRÊS APLICAÇÕES INICIADAS NO ESTÁDIO R1
351
SILVA, P.S.; JULIATTI, F.C.; ALVIM JR.,M.G.;
PARREIRA, F.O.S.; ALVIM, M.S.; JULIATTI, B. C.M. ;
REZENDE, A.A.; SAGATA, E.
1541
CIPROCONAZOL + TIAMETOXAN NO CONTROLE DA FERRUGEM
E EFEITO SOBRE A PRODUTIVIDADE DA SOJA
352
SILVA, P.S.; JULIATTI, F.C.; ALVIM JR.,M.G.;
PARREIRA, F.O.S.; ALVIM, M.S.; JULIATTI, B. C.M. ;
REZENDE, A.A.; SAGATA, E.
1746
AVALIAÇÃO DA EFICÁCIA DO FUNGICIDA LEF 568/01 NO
CONTROLE DA FERRUGEM ASIÁTICA
353
SANTOS, R.R.; JULIATTI, F.C.; ALVIM JR.,M.G.;
PARREIRA, F.O.S.; SILVA, P.S.; JULIATTI, B.C.M. ;
ALVIM, M.S.; REZENDE, A.A.; SAGATA, E.
1657
EFICÁCIA DE FENPROPIMORFE (CORBEL) NO CONTROLE DA
FERRUGEM ASIÁTICA NA CULTURA DA SOJA
354
OLIVEIRA M.E.M.; JULIATTI, F.C.; ALVIM JR.,M.G.;
PARREIRA, F.O.S.; SILVA, P.S.; JULIATTI, B. C.M.;
ALVIM, M.S.; REZENDE, A.A.; MARTINS, J.A.S.
1522
NOVOS FUNGICIDAS NO CONTROLE DA FERRUGEM NA CULTURA
DA SOJA
355
ALVIM, M.S.; JULIATTI, F.C.; ALVIM JR.,M.G.;
PARREIRA, F.O.S.; SILVA, P.S.; JULIATTI, B. C.M.;
REZENDE, A.A.; SAGATA, E.
1881
BAS51214F E BAS556 01F PARA O CONTROLE DA FERRUGEM
ASIÁTICA APLICADO NO ESTÁDIO V8
356
ALVIM, M.S.; JULIATTI, F.C.; ALVIM JR.,M.G.;
PARREIRA, F.O.S.; SILVA, P.S.; JULIATTI, B. C.M.;
REZENDE, A.A.; MARTINS, J.A.S.
1522
EFICIÊNCIA DO COMPOSTO ACIBENZOLAR-S-METIL NO CONTRO­
LE DE BRUSONE NAS FOLHAS EM CONDIÇÕES DE CAMPO.
357
GONÇALVES, F.J.; CÔRTES, M.V.C.B.; SILVALOBO, V.L.; FILIPPI, M.C.; PRABHU, A.S.
1737
MANEJO QUÍMICO DA FERRUGEM ASIÁTICA DA SOJA, BASEADO
EM DIFERENTES MÉTODOS DE MONITORAMENTO
358
IGARASHI,WT; CAMARGO,LCMDE; IGARASHI,S;
GARDIANO,CG; OLIVEIRA,GMDE; SAAB,OJGA
1428
PERFORMANCE DE FUNGICIDAS TRIAZÓIS E SUAS MISTURAS
SOBRE A FERRUGEM DA FOLHA DO TRIGO
359
VIVIAN, R; ZANATTA, T; KRZSYNSKI,
RODRIGUES, MAT; BEGLIOMINI, E
D;
1183
ANÁLISE COMPARATIVA DE MISTURAS DE FUNGICIDAS
(ESTROBILURINAS E TRIAZÓIS) NO CONTROLE DA FERRUGEM
DA SOJA E SUA INFLUÊNCIA NO RENDIMENTO DA CULTURA.
360
VIVIAN, R; RODRIGUES, MAT; ZANATTA,
BEGLIOMINI, E; KRZSYNSKI, D; BRISOLA, FE
T;
1711
EFICÁCIA AGRONÔMICA DO FUNGICIDA PIRACLOSTROBINA
+ METCONAZOLE NO CONTROLE DA FERRUGEM DA SOJA
(PHAKOPSORA PACKYRHIZI)
361
LOMBARDI, MP; RODRIGUES, MAT; VELHO, GF;
BENGLIOMINI, E
1428
AVALIAÇÃO DO RENDIMENTO NA CULTURA DA SOJA APÓS APLI­
CA­ÇÃO DO FUNGICIDA PIRACLOSTROBINA + EPOXICONAZOL NO
CONTROLE DA FERRUGEM DA SOJA (PHAKOPSORA PACKYRHIZI).
362
LOMBARDI,MP; RODRIGUES, M.A.T; VELHO, G.F;
BEGLIOMINI, E
1279
DESEMPENHO DE FUNGICIDAS TRIAZÓIS E EM MISTURAS
SOBRE MANCHAS FOLIARES EM TRIGO
363
ZANATTA,T;
VIVIAN,R;
BEGLIOMINI,E
RODRIGUES,M.A.T;
1364
EFICÁCIA DE MISTURAS DE FUNGICIDAS (TRIAZÓIS + ESTRO­
BILURINAS) EM TRIGO
364
ZANATTA,T;
VIVIAN,R;
BEGLIOMINI,E
RODRIGUES,M.A.T;
1481
COMPARAÇÃO DE FUNGICIDAS NO CONTROLE DE BAIXA
PRESSÃO DE DOENÇAS EM SOJA NO MATO GROSSO.
365
VIDOTTI, ED; CASSETARI NETO, D; MACHADO, AQ;
ANDRADE JUNIOR, ER; RIVELINI, VE; GARCIA, AR
1724
EFEITO PROTETOR E CURATIVO DE FOSFITO DE POTÁSSIO NO
CONTROLE DA FERRUGEM DA VIDEIRA
366
SCAPIN, CR; ANGELOTTI,
TESSMANN, DJ; VIDA, JB
1267
VARIABILIDADE DE ISOLADOS DE SCLEROTINIA SCLEROTIORUM
EM RELAÇÃO AO FUNGICIDA PROCIMIDONA.
367
SOARES, M.C.; SAGATA, E; SOARES, M.R.;
CAIRES, A.M.; JULIATTI, F.C.
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
F;
SOUZA,
CD;
45
Sessão de Postêr
46
Programação
1811
AVALIAÇÃO DO COMPORTAMENTO DE DIFERENTES ISOLADOS DE
SCLEROTINIA SCLEROTIORUM AO FUNGICIDA PROCIMIDONA
368
SOARES, MR; SAGATA, E; SOARES, MC; CAIRES,
AM; JULIATTI, FC
1811
COMPARAÇÃO DE MARCAS COMERCIAS DE CLOROTALONIL NO
CONTROLE DE MANCHA PRETA NA CULTURA DO AMENDOIM
371
SCHEER, O; LODO, BN; RUAS, AR; ALMEIDA, R;
SCALOPPI, EAG2; BARRETO, KF; BARRETO, M
1429
EFEITO DO TRATAMENTO DE SEMENTES DE AMENDOIM COM
FUNGICIDAS NO CONTROLE DE DAMPING-OFF
372
SCHEER, O; RUAS, AR; LODO, BN; ALMEIDA, R;
BARRETO M; SCALOPPI EAG; COELHO J.V.G
1452
AVALIAÇÃO DA EFICÁCIA DE FUNGICIDAS NO CONTROLE DE
MOFO BRANCO (SCLEROTINIA SCLEROTIORUM) EM SOJA, NO
ESTADO DE GOIÁS
373
NUNES JUNIOR, J; PIMENTA, CB; NUNES
SOBRINHO,JB; FERREIRA, LC; COSTA, NB;
ANDRADE, PJM; MEYER, MC
1429
AVALIAÇÃO DA EFICÁCIA DE FUNGICIDAS NO CONTROLE DA
FERRUGEM ASIÁTICA DA SOJA (PHAKOPSORA PACHYRHIZI), NO
ESTADO DE GOIÁS
374
NUNES JUNIOR, J; PIMENTA, CB; NUNES
SOBRINHO,JB; MEYER, MC; ANDRADE, PJM
1394
AVALIAÇÃO DE EFICÁCIA DE DIFERENTES COMBINAÇÕES DE
FUNGICIDAS NO CONTROLE DA FERRUGEM ASIÁTICA DA SOJA
(PHAKOPSORA PACHYRHIZI) NO ESTADO DE GOIÁS
375
NUNES JUNIOR, J; PIMENTA, CB; NUNES
SOBRINHO,JB; MEYER, MC; ANDRADE, PJM
1386
CONTROLE DA MANCHA BACTERIANA DO TOMATEIRO COM UM
NOVO PRODUTO: SULFATO DE COBRE PENTAHIDRATADO
376
TEIXEIRA, LDD; ANHOLETO, LA; DARIO, ISN;
DARIO, GJA
1872
EFICIÊNCIA DA MISTURA CIPRODINIL+FLUDIOXONIL NO CONTRO­
LE DO MOFO BRANCO DO FEIJOEIRO
377
DARIO, ISN; VALLE, FND; TEIXEIRA, LDD; DARIO,
GJA
1877
POTENCIAL DE USO DO FEGATEX (CLORETO DE BENZALCÔNIO)
NO CONTROLE DA MANCHA DA GALA (COLLETOTRICHUM SPP.)
EM MAÇÃ. 378
SILVA, EG; PIMENTA, AA;
KATSURAYAMA, Y; BONETI, JIS
1877
EFICIÊNCIA DO FEGATEX (CLORETO DE BENZALCÔNIO) NO
CONTROLE DA CANELA-PRETA (PECTOBACTERIUM CAROTO­
VORUM) OCORRENTE NA CULTURA DA BATATA
379
PIMENTA, AA; SILVA, EG; DARIO, GJA; BALTIERI,
EM; PEREZ, RM
1878
COMBINAÇÃO ENTRE DIFERENTES FUNGICIDAS E PROGRAMAS
DE CONTROLE DE PHAKOPSORA PACHYRHIZI
380
MADALOSSO, MG; TORMEN, N; DEBONA, D;
BALARDIN, RS; BEGLIOMINI, E; RODRIGUES, MAT
1881
AVALIAÇÃO DA EFICÁCIA DE INSETICIDAS UTILIZADOS NA
PRO­TEÇÃO DE TOMATEIROS CONTRA A INFECÇÃO POR
BEGOMOVÍRUS
381
LEMOS,PPF; INOUE-NAGATA,AK; MOITA,AW
1888
DIFERENTES VOLUMES DE CALDA E CONCENTRAÇÕES DE
FUNGICIDAS NO CONTROLE DA SARNA DA MACIEIRA E DA
MANCHA- FOLIAR-DA-GALA 383
SOUZA,RT; PALLADINI,LA; NAVES, RL
1888
DIFERENTES VOLUMES DE CALDA DE PULVERIZAÇÃO E
CONCENTRAÇÕES NO CONTROLE DA SARNA DA MACIEIRA EM
POMARES DE BAIXA DENSIDADE.
384
BONETI, JIS;
PALLADINI,LA
1944
TRANSMISSÃO DE DIDYMELLA BRYONIAE PARA PLANTAS A
PARTIR DE SEMENTES TRATADAS COM FUNGICIDA
385
GASPAROTTO, F; SILVA, AA; VIDA, JB
1946
CONTROLE QUÍMICO DAS MANCHAS DE PHAEOSPHAERIA E
DE CERCOSPORA DO MILHO SAFRINHA NO ESTADO DE SÃO
PAULO.
386
FANTIN, GM ; DUARTE, AP
1959
DESEMPENHO DE FUNGICIDAS NO CONTROLE DE FERRUGEM
DA FOLHA DO TRIGO
387
SIMIONI, D; DEUNER, CC; TAZZO, IF; CHAVARRIA,
G; SEIDEL, G
1959
INFLUÊNCIA DA UMIDADE RELATIVA DO AR NO VOLUME DE CALDA
DO FUNGICIDA PARA CONTROLE DE FERRUGEM ASIÁTICA
388
SIMIONI, D; DEUNER, CC; CHAVARRIA, G; TAZZO,
IF; SEIDEL, G
1963
CONTROLE QUÍMICO DA FERRUGEM ASIÁTICA DA SOJA
(PHAKOPSORA PACHYRHIZI) EM GOIÁS, COM FUNGICIDAS
INDICADOS PARA O CONTROLE DA DOENÇA.
389
MEYER, MC; PIMENTA, CB; NUNES SOBRINHO,
JB; FERREIRA, LC; COSTA, NB; ANDRADE, PJM;
NUNES JUNIOR, J; VENÂNCIO, WS
1963
EFEITO DA APLICAÇÃO DE DIFERENTES COMBINAÇÕES DE
FUNGICIDAS NO CONTROLE DA FERRUGEM ASIÁTICA DA SOJA
(PHAKOPSORA PACHYRHIZI) EM GOIÁS.
390
MEYER, MC; PIMENTA, CB; NUNES SOBRINHO,
JB; FERREIRA, LC; COSTA, NB; ANDRADE, PJM;
NUNES JUNIOR, J; VENÂNCIO, WS
1963
EFICÁCIA DA ASSOCIAÇÃO DE DIMOXYSTROBINA COM
BOSCALID NO CONTROLE DE MOFO BRANCO (SCLEROTINIA
SCLEROTIORUM) EM SOJA, NO ESTADO DE GOIÁS
391
MEYER, MC; PIMENTA, CB; NUNES SOBRINHO,
JB; FERREIRA, LC; COSTA, NB; NUNES JÚNIOR,
J; VENÂNCIO, WS; ROCHA, CL; BEGLIOMINI, E;
RODRIGUES, MAT
1966
EFEITO FISIOLÓGICO DE PIRACLOSTROBINA + EPOXICONAL EM
PLANTAS DE SOJA
393
DOURADO-NETO,D;
RODRIGUES,MAT
1970
EFEITO FISIOLÓGICO DE PIRACLOSTROBINA EM PLANTAS DE
ALGODÃO
395
RODRIGUES,MAT;
NETO,D
1975
EFEITO DO BIOCIDA BASAMID (980 MG) EM DIFERENTES
MODALIDADES DE APLICAÇÃO EM PLANTAS DE TOMATE
ATRAVÉS DO CONTROLE DE DOENÇAS.
397
VILELA,CM; ALMEIDA, DDB; JULIATTI, FCA
PEREZ,
KATSURAYAMA,Y;
RM;
SOUZA,RT;
BEGLIOMINI,E;
BEGLIOMINI,E;
DOURADO-
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Sessão de Postêr
2015
EFEITOS DE TRATAMENTOS PREVENTIVOS E CURATIVOS
COM PYRIBENCARB SOBRE O MOFO BRANCO (SCLEROTINIA
SCLEROTIORUM) EM FEIJOEIRO COMUM.
405
SOUZA, R. C. P.; LOBO JR., M.; CORRÊA, C. A.
2029
EFEITO DE FUNGICIDAS E DO NÚMERO DE APLICAÇÕES NO
CONTROLE FUSARIOSE DO ABACAXI
408
LIMA,FSO; ROCHA, EM; TERRA,MA; NOGUEIRA,
SR; MATOS, A.P
SESSÃO DE PÔSTER
QUARTA-FEIRA – 05 DE AGOSTO DE 2009
SESSÃO PÔSTER: 5
HORÁRIO: 10h:20 – 11h:20
SALÃO: VERSAILLES
CÓDIGO
RESUMO
INSCRIÇÃO
TÍTULO
1966
EFEITO FISIOLÓGICO SOBRE A FOTOSSÍNTESE LÍQUIDA DEVIDO
AO USO DE PIRACLOSTROBINA EM PLANTAS DE SOJA
392
DOURADO-NETO, D; BEGLIOMINI, E; RODRIGUES,
MAT
1970
EFEITO FISIOLÓGICO DE PIRACLOSTROBINA EM PLANTAS DE
FEIJÃO
394
RODRIGUES,MAT;
NETO, D
1987
TESTE DE FUNGICIDAS IN VITRO PARA CONTRO­LE DO PLENO­
DOMUS DESTRUENS EM BATATA-DOCE
398
SILVA, GA; CARVALHO, CM; RESENDE, FC;
MONTEIRO, JG; MACHINI, WDB; SILVA, JBC
2009
COMPARAÇÃO ENTRE PROGRAMAS DE APLICAÇÃO
FUNGICIDAS E CONTROLE DE DOENÇAS EM SOJA. DE
401
MACEDO, PRN; CASSETARI NETO, D; MACHADO,
AQ; ANESE, D; KUNZ JUNIOR, FP
2012
EFEITO FISIOLÓGICO DE PIRACLOSTROBINA + EPOXICONAZOLE
EM PLANTAS DE MILHO
402
BEGLIOMINI,E;
NETO,D
RODRIGUES,MAT;
DOURADO-
2012
EFEITO FISIOLÓGICO DE PIRACLOSTROBINA + EPOXICONAZOL
EM PLANTAS DE AMENDOIM
403
BEGLIOMINI,E;
NETO,D
RODRIGUES,MAT;
DOURADO-
2027
EFEITO DE PYRIBENCARB SOBRE APOTÉCIOS DE SCLEROTINIA
SCLEROTIORUM.
404
SOUZA, R. C. P.; LOBO JR., M.; CORRÊA, C. A
2015
KRESOXIM-METHYL: A ESTROBILURINA PARA A CULTURA DO
ARROZ
407
GUERRA, DS; ECCO, M; RODRIGUES, MAT;
BEGLIOMINI, E
2032
COMPARAÇÃO DE FUNGICIDAS NO CONTROLE DE ALTA PRESSÃO
DE DOENÇAS EM SOJA NO MATO GROSSO. 409
ANESE, D; CASSETARI NETO, D; MACHADO, AQ;
KUNZ JUNIOR, FP
2032
EFICIÊNCIA DO CONTROLE QUÍMICO DA FERRUGEM DA SOJA NO
MATO GROSSO EM ÉPOCA TARDIA DE CULTIVO. 410
ANESE, D; CASSETARI NETO, D; MACHADO, AQ;
KUNZ JUNIOR, FP
2049
DESEMPENHO DO FUNGICIDA BAS 512 14F NO CONTROLE
QUÍMICO DA FERRUGEM ASIÁTICA DA SOJA (PHAKOPSORA
PACHYRHIZI).
411
VENANCIO, WS; BEGLIOMINI, E; RODRIGUES,
MAT; MEYER, MC; BUFFARA, MA
2049
MANEJO DE CERCOSPORIOSE (CERCOSPORA ZEAE-MAYDIS) EM
MILHO (ZEA MAYZ L.): EFEITO DA ÉPOCA DE CONTROLE SOBRE A
PRODUTIVIDADE.
412
VENANCIO, WS; BEGLIOMINI, E; RODRIGUES,
MAT; MEYER, MC; BUFFARA, MA
2058
MANEJO DE SIGATOKA NEGRA (MYCOSPHAERELLA FIJIENSIS)
CON ACEITES MINERALES EN EL CULTIVO DE PLATANO ‘HARTON’
(MUSA AAB)
413
CHACÓN, D; ESCALANTE, M
2080
METODOLOGIA DE MANEJO FITOSSANITÁRIO DE PIF APLICADA
A PEQUENOS AGRICULTORES DE UVA DA ZONA DA MATA DE
PERNAMBUCO
414
TAVARES, SCCH;
ANDRADE, MGG
2080
METODOLOGIA CIENTÍFICA NA OTIMIZAÇÃO DO SISTEMA DE
PRODUÇÃO DA VIDEIRA NA ZONA DA MATA DE PERNAMBUCO
415
TAVARES, SCCH; LIMA, VC ; NEVES, RAF
2088
CONTROLE DE PHAKOPSORA PACHYRHIZI EM MATO GROSSO DO
SUL
416
BARROS, R
2088
NOVOS FUNGICIDAS QUÍMICOS NO CONTROLE DE PHAKOPSORA
PACHYRHIZI EM SOJA
417
BARROS, R
1183
TRANSMISSIBILIDADE DE CURTOBACTERIUM FLACCUMFACIENS
PV. FLACCUMFACIENS ENTRE PLANTAS DE FEIJÃO
418
MIRANDA FILHO, RJ; UESUGI, CH
1185
AVALIAÇÃO DE SISTEMAS DE ALERTA E PREVISÃO DO OÍDIO DA
VIDEIRA NO VALE DO SÃO FRANCISCO
419
ANGELOTTI, F; GAVA, CA; SANTOS, TTC; BATISTA,
DC
1185
AVALIAÇÃO DE SISTEMAS DE ALERTA PARA O MÍLDIO DA VIDEIRA
NO VALE DO SÃO FRANCISCO
420
ANGELOTTI, F; GAVA, CA; SANTOS, TTC; BATISTA,
DC
1195
EFEITO DA CONCENTRAÇÃO DE FOLHAS DE SOJA EM
SUBSTRATOS PARA A GERMINAÇÃO E CRESCIMENTO DO TUBO
GERMINATIVO DE PHAKOPSORA PACHYRHIZI.
421
CARLINI, RC; MULITERNO, MM; GARCÉS, FR;
REIS, E
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
AUTORES
BEGLIOMINI,E;
LIMA,
VC;
DOURADO-
NEVES,
RAF;
47
Sessão de Postêr
48
Programação
1220
AQUISIÇÃO DE CANDIDATUS LIBERIBACTER AMERICANUS E CA.
L. ASIATICUS POR DIAPHORINA CITRI
422
BARBOSA, JC; BERGAMIN FILHO, A; YAMAMOTO,
PT
1229
SUMARIZANDO OS COEFICIENTES DA REGRESSÃO LINEAR
ENTRE A SEVERIDADE DA FERRUGEM ASIÁTICA E OS DANOS NA
SOJA NOS ENSAIOS EM REDE NO BRASIL
424
DEL PONTE, EM; MAIA, AHN; ESKER, PD; GODOY,
CV
1238
MONITORAMENTO DA POPULAÇÃO EPIFÍTICA DE PANTOEA
ANANATIS AGENTE CAUSAL DA MANCHA BRANCA DO MILHO
425
SAUER,AV; BABA,VY; PEDRO,ES; MEIRELLES,WF;
PACCOLA-MEIRELLES,LD
1245
PERÍODO DE MOLHAMENTO FOLIAR MÍNIMO
DESENVOLVIMENTO DA MELA DO FEIJÃO-CAUPI.
O
426
NECHET, KL; HALFELD-VIEIRA, BA
1245
EFEITO DA CONCENTRAÇÃO DE INÓCULO NA SEVERIDADE DA
MELA DO FEIJÃO-CAUPI.
427
NECHET, KL; HALFELD-VIEIRA,BA
1260
EFEITO DA TEMPERATURA NA EXPRESSÃO DE SINTOMAS E
AGRESSIVIDADE DE LASIODIPLODIA THEOBROMAE
428
SOUZA, ESC; SALES, TT; PEGORIN, ALA; LIMA,
ESS; PAZ LIMA, ML
1260
AGRESSIVIDADE E CÍRCULO DE HOSPEDEIROS DE LASIODIPLODIA
THEOBROMAE EM ESPÉCIES VEGETAIS.
429
SOUZA, ESC; SALES, TT; FREITAS, LL; PEGORIN,
ALA; PAZ-LIMA, ML
1267
MONITORAMENTO DA DISPERSÃO DE ESPOROS DE PHAKOPSORA
PACHYRHIZI NO MÉDIO NORTE MATOGROSSENSE
430
MATIELLO, J; BONALDO, SM; STOQUERO, A;
BEBER, RC
1279
QUANTIFICAÇÃO DE GIBERELA EM TRIGO EM ÁREAS SOB
DIFERENTES ROTAÇÕES DE CULTURAS DE INVERNO, NO
MUNICÍPIO DE TAPERA/RS, SAFRA 2008
431
DURIGON, MR; SANTOS, RF; MILANESI, PM;
WEBER, MND; BLUME, E
1289
APODRECIMENTO DE MAÇÃS EM CULTIVARES E LINHAGENS DE
ALGODOEIRO NO ESTADO DE MATO GROSSO
432
CHITARRA, GS; ZANCAN, WLA; LIRA, AJS;
CHITARRA, LG; FARIAS, FJC; MENEZES, VL;
MATTOS, VM; SILVA, LL; FERNANDES, AC
1290
CONTROL QUÍMICO DE LA ROYA COMÚN DEL MAÍZ (PUCCINIA
SORGHI): CRITERIO BASADO EN EL UMBRAL DE DAñO ECONÓMICO
(UDE)
433
CARMONA, M ; QUIROGA, M; DIAZ, C; FERNANDEZ,
P; SAUTUA , F
1295
OCORRÊNCIA DE ANTRACNOSE EM CÁRTAMO NO ESTADO DO
PARANÁ
434
CARNEIRO, SMTPG; ROMANO, ED; MARIANOwSKI,
T; BORSATO, LC; OLIVEIRA, JP
1297
DIAGNOSE DE DOENÇAS EM OLEAGINOSAS POTENCIAIS PARA
PRODUÇÃO DE BIODIESEL NO ESTADO DO PARANÁ
435
CARNEIRO, SMTPG; ROMANO, ED; MARIANOwSKI,
T; OLIVEIRA, JP; GARBIN, TS; CORRER, CJ;
BORSATO, LC
1299
PODRIDÕES RADICULARES EM SOJA EM DOIS SISTEMAS DE
SUCESSÃO DE CULTURAS
437
BOLZAN, JM; CASA, RT; PILATTI, LC; KUHNEM
JUNIOR, PR ; SACHS, C
1310
INFLUÊNCIA DO MOLHAMENTO FOLIAR NA INFECÇÃO DE
CORYNESPORA CASSIICOLA
438
FRANCISCO, A.L.O.; OLIVEIRA, R.R; SCAPIN, C.R.;
AGUIAR, B.M.; KURASHIMA, N.L.; VIDA, J.B.
2103
INTERAÇÃO FUNGICIDAS/ RESISTÊNCIA GENÉTICA NO MANEJO
DA VASSOURA DE BRUXA DO CACAUEIRO
439
OLIVEIRA, ML; SILVA, EC; NIELLA, ARR
1337
COMPARAÇÃO DE SISTEMAS DE AVISO PARA A FERRUGEM
ASIÁTICA DA SOJA
440
MOREIRA, EN; REIS, EM
1337
INFLUÊNCIA DO ESTÁDIO FENOLÓGICO NA OCORRÊNCIA DA
FERRUGEM DA SOJA
441
MOREIRA, EN; REIS, EM
1364
OCORRÊNCIA DE DOENÇAS EM CAMPOS DE SOJA NO BRASIL
CENTRAL, MATO GROSSO DO SUL E MATO GROSSO NA SAFRA
08/09.
442
MAFACIOLI, R; SCHMIDT, J; ANDRADE, V; BERTAN,
I; KUREK, A
1380
REDUÇÃO DO RENDIMENTO DE LÁTEX DE SERINGUEIRA
CAUSADO PELO MAL-DAS-FOLHAS
443
HONORATO JÚNIOR, J; MAFFIA, LA; MIZUBUTI,
ESG; MATTOS, CRR
1381
IMPACT OF ASIAN SOYBEAN RUST ON SOYBEAN PHYSIOLOGY:
EFFECTS ON PHOTOSYNTHESIS AND YIELD
444
SCHMIDT, J; DO VALE, F.X.R.; DA MATTA, F.M;
PAUL, P.A; JESUS JUNIOR, W.C.
1381
EFFECTS OF ASIAN SOYBEAN RUST ON PHYSIOLOGICAL
COMPONENTS AND YIELD
445
SCHMIDT, J; DO VALE, F.X.R.; PAUL, P.A; JESUS
JUNIOR, W.C.; DA MATTA, F.M
1386
INCIDÊNCIA DE FUNGOS ASSOCIADOS AO APODRECIMENTO
DE MAÇÃS DO ALGODOEIRO (GOSSIPIUM HIRSUTUM L.) EM
PRIMAVERA DO LESTE, MT
446
ZANCAN, WLA; CHITARRA, GS; CHITARRA, LG
1393
REDES NEURAIS NA CARACTERIZAÇÃO DA FAVORABILIDADE DO
PROGRESSO DA FERRUGEM DA SOJA EM MINAS GERAIS
447
VALE, FXR; MOREIRA, EN; JESUS JÚNIOR, WC;
SCHMIDT, J; JULIATTI, FC; SILVA, JVC
1394
MANCHA-DE-GRÃOS EM ARROZ DE TERRAS ALTAS NOS ESTADOS
DE GOIÁS E RONDÔNIA
448
SILVA, FR; RESENDE, MM; UTUMI, MM; PEIXOTO,
OM; FILIPPI, MC; PRABHU, AS; SILVA-LOBO, VL
1407
EPIDEMIOLOGIA DE MOSAICO DOURADO EM FEIJOEIRO
TRANSGÊNICO COM RESISTÊNCIA DERIVADA DO PATÓGENO
449
FARIA, JC; VALDISSER, PAMR; ARAGÃO, FJL
1427
VIABILIDADE INFECTIVA DO INÓCULO DE
PACHYRHIZI PRODUZIDO EM SOJA TMG 803.
450
OLIVEIRA, AS; CASSETARI NETO, D; MACHADO,
AQ; AMARAL, SS
PARA
PHAKOPSORA
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Sessão de Postêr
1428
DIAGRAMMATIC SCALE FOR ASSESSMENT OF SEPTORIA APII
AND CERCOSPORA ARRACACINA IN ARRACACHA
451
MESQUINI, RM; SCHWAN-ESTRADA, KRF; GODOY,
CV; VIEIRA,RA
1428
RELAÇÕES ENTRE UREDINIÓSPOROS DE PHAKOPSORA
PACHYRHIZI,
SEVERIDADE
DE
FERRUGEM-ASIÁTICA
E
CONDIÇÕES AMBIENTAIS
452
MESQUINI,
RM;
SCHWAN-ESTRADA,
VIEIRA,RA; DIAS, JBG; MACHADO,ATS
1429
FLUTUAÇÃO POPULACIONAL E INCIDÊNCIA DE ÁCAROS
BREVIPALPUS (ACARI: TENUIPALPIDAE) EM QUATRO MUNICÍPIOS
DO RECÔNCAVO BAIANO.
454
SILVA,SXB; SILVA,ES; LARANJEIRA,FF; LEDO,CAS
1452
CUANTIFICACIÓN DE LA TRANSMISIÓN DE ALTERNARIA PADWICKII
DESDE SEMILLAS A PLÁNTULAS DE ARROZ
455
GUTIÉRREZ, SA; CARMONA, MA; REIS, EM
1454
OCORRÊNCIA DE FUSARIUM SPP., AGENTE CAUSAL DA SECA
DO PAINEL DA SERINGUEIRA (HEVEA SP.), NO ESTADO DO MATO
GROSSO
456
BETELONI, FG; DÓRIA, KMABVS; DE PIERI, C.;
ROSA, D.D.; PIMENTEL JR, JC; FURTADO, EL
1460
EFICIÊNCIA DE INOCULAÇÃO DE THIELAVIOPSIS PARADOXA EM
TOLETES DE CANA-DE-AÇÚCAR
457
LODO, BN; SCHEER, O; RUAS, AR; SCALOPPI,
EAG; BARRETO, M
1461
INFLUÊNCIA DA UMIDADE EM ISOLADOS DE RHIZOCTONIA SOLANI
OBTIDOS EM ÁREAS CULTIVADAS COM ALGODÃO
458
DORNELAS,GA; SOUZA,PE; OLIVEIRA,ACC
1481
GERMINAÇÃO DE CONÍDIOS E INFECÇÃO DE CLADOSPORIUM SP.
EM MARACUJAZEIRO SOB DIFERENTES TEMPERATURAS
459
SOUZA, SC; SUSSEL, AAB; AMARAL, DC; SILVA,
BM
1483
AVALIAÇÃO DA PRESENÇA DO GENE NEC1 EM ISOLADOS DE
STREPTOMYCES SP. ASSOCIADOS A SARNA DA BATATA NO
BRASIL
460
CORRÊA, DBA; SALOMÃO, D; DESTÉFANO, SAL;
RODRIGUES NETO, J; SHIMOYAMA, N
1502
RELAÇÃO ENTRE SECA DA HASTE E POPULAÇÃO DE PLANTAS
DE SOJA
461
GAVA, F; CASA, RT; BOLZAN, JM; KUHNEM
JUNIOR, PR; DANELLI, ALD; BARISON, R
1503
EFEITO DA TEMPERATURA E DO PERÍODO DE MOLHAMENTO
SOBRE A INCIDÊNCIA E SEVERIDADE DO MOFO-CINZENTO-DAMAMONEIRA
462
SUSSEL, AAB; POZZA, EA; CASTRO, HA; AMARAL,
DC; LASMAR, EBC
1515
INCIDÊNCIA DE FERRUGEM E CERCOSPORA EM CAFÉ (COFFEA
CANEPHORA) NA TRANSAMAZÔNICA.
463
NASCIMENTO, DR; BORGES, OG; SILVA, FAM;
CELESTINO FILHO, P; EVANGELISTA JÚNIOR, WS;
ALVES JÚNIOR, M
1520
EFEITO DE NÍVEIS DE BIPOLARIS ORYZAE NAS SEMENTES SOBRE
A EPIDEMIA DA MANCHA PARDA E PRODUTIVIDADE EM ARROZ.
464
SCHWANCK, AA; BRITTO E SILVA-FILHO, CFA;
LAURENT, M; VIEBRANTZ, P; FUNCK, GD; GROHS,
DS; SPOLTI, P; FARIAS, CJ; DEL PONTE, EM
1522
PADRÃO ESPACIAL DE FULIGEM E SUJEIRA DE MOSCA EM UM
POMAR DA CV. ‘FUJI’ NO RIO GRANDE DO SUL.
465
SPOLTI,P; DEL
SANHUEZA,RM
1522
SUMÁRIO DA DISPERSÃO DA FERRUGEM DA SOJA NO BRASIL:
ANÁLISE DOS DADOS DO CONSÓRCIO ANTIFERRUGEM 2004-2009.
466
SPOLTI, P; SANTOS, TV; DEL PONTE, EM; SEIXAS,
CDS; SOARES, RM; GODOY, CV
1523
CARACTERIZAÇÃO DA VARIABILIDADE GENOTÍPICA DE TRÊS
POPULAÇÕES DE FUSARIUM GRAMINEARUM DO TRIGO QUANTO
AO TIPO QUÍMICO.
467
SCHNEIDER,L; ASTOLFI,P; SIMON,LL; ALVES,TCA;
TESSMANN,DJ; DEL PONTE,EM
1527
GIBERELA DO TRIGO NO SUL DO BRASIL: LEVANTAMENTO
REGIONAL DE DANOS E MICOTOXINAS NAS SAFRAS 2006 A 2008
468
SIMON, LL; SCHNEIDER, L; ASTOLFI, P; SOUZA,
M; BUFFON, JG; FURLONG, EB; DEL PONTE, EM
1537
EFEITO DA PODRIDÃO DE COLMO, CAUSADA POR COLLETO­
TRICHUM GRAMINICOLA, NA PRODUÇÃO DE MILHO.
469
COTA,LV; COSTA,RV; CASELA,CR; LANZA,FE;
SILVA,DD;
PEREIRA,IS;
GUIMARÃES,
EA;
CRISTELI, EB
1541
PERFIL TOXIGÊNICO DA POPULAÇÃO REGIONAL DE FUSARIUM
GRAMINEARUM ASSOCIADO À CEVADA.
470
ASTOLFI, P; SIMON, LL; SCHNEIDER, L; ALVES,
TCA; TESSMANN, DJ; DEL PONTE, EM
1549
QUEBRA DE RESISTÊNCIA GENÉTICA E DETERMINAÇÃO DE
COMPONENTES MONOCÍCLICOS DA BRUSONE DO ARROZ.
471
RAMOS, LN; CAFÉ-FILHO, AC; OHSE, BJG;
RANGEL, PHN; FERREIRA, ME
1566
EFEITO RESIDUAL DA CASCA DE ARROZ CARBONIZADA COMO
FONTE DE SILÍCIO NO CONTROLE DA QUEIMA-DA-BAINHA EM
ARROZ
472
PINHEIRO, LC; PRABHU, AS; SILVA-LOBO, VL ;
FILIPPI, MCC; SILVA, FR
1566
AEROBIOLOGIA DE FUNGOS NO FINAL DE CICLO DA CULTIVAR DE
ARROZ BRS BONANÇA
473
LACERDA, MG ; PRABHU, AS ; SILVA-LOBO,VL;
FILIPPI, MC ; SILVA, GB; SILVA, FR
1571
EFEITO DA TEMPERATURA NA PATOGENICIDADE DE ISOLADOS
DE ALGODÃO IN VITRO
474
OLIVEIRA, ACC; SOUZA, PE; DORNELAS, GA;
POZZA, EA
1571
EFEITO DA TEMPERATURA NO CRESCIMENTO MICELIAL DE
ISOLADOS DE RHIZOCTONIA SOLANI
475
OLIVEIRA, ACC; SOUZA, PE; DORNELAS, GA
1591
DISTRIBUIÇÃO ESPACIAL DE COUVE-FLOR COM SINTOMAS DE
ENFEZAMENTO, CAUSADO POR FITOPLASMA, EM SOROCABA-SP.
476
RAPPUSSI, M.C.C.; AMORIM, L.; BEDENDO, I.P.
1614
POPULAÇÃO FÚNGICA EM SOLO COM DIFERENTES ROTAÇÕES
DE CULTURAS DE INVERNO, DURANTE O CULTIVO DE TRIGO, NA
SAFRA 2008
477
DURIGON, MR; FINGER, G; SANTOS, RF;
MILANESI, PM; WEBER, MND; BLUME, E; MUNIZ,
MFB
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
PONTE,EM;
KRF;
VALDEBENITO-
49
Sessão de Postêr
Programação
1619
INFLUÊNCIA DA DENSIDADE DE INÓCULO E DE ISOLADOS
DE MONOSPORASCUS CANNONBALLUS NA SEVERIDADE DO
COLAPSO DO MELOEIRO.
478
ANDRADE, DEGT; ASSIS, TC; MICHEREFF, SJ;
BORGES, MAS; ARAÚJO, IB; SALES JR., R
1619
FREQÜÊNCIA DE FUNGOS ASSOCIADOS AO COLAPSO DO
MELOEIRO E RELAÇÃO COM CARACTERÍSTICAS DOS SOLOS.
479
ANDRADE, DEGT; ASSIS, TC; MICHEREFF, SJ;
BIONDI, CM; NASCIMENTO, CWA; SALES JR., R
1637
MODELO DE PONTO CRÍTICO PARA ESTIMAR OS DANOS
CAUSADOS POR PHAKOPSORA PACHYRHIZI EM SOJA.
480
REIS, E. M.; ZANATTA, M.; ZANATTA, T.; NICOLINI,
F.
1637
QUANTIFICAÇÃO DE DANOS CAUSADOS POR PODRIDÕES
DA BASE DO COLMO DO MILHO EM DIFERENTES SISTEMA DE
ROTAÇÃO DE CULTURAS.
481
REIS, E. M.; ZANATTA, M.; BRUSTOLIN, F. P.
1645
DISTRIBUIÇÃO GEOGRÁFICA DA FERRUGEM DO EUCALIPTO NA
REGIÃO SUL DO BRASIL
482
AUER, CG; SANTOS, AF; ROSOT, MAD; CRUZ,
KRO
1657
ATRASO DA INFECÇÃO DO PRSV EM MAMOEIRO COM ÓLEO
MINERAL E DOIS PROTEINATOS
483
MANSILLA-CORDOVA,PJ; CABEZAS-HUAYLLAS,O;
CARBAJAL-TORIBIO,C
1708
ANÁLISE DA DIVERSIDADE GENÉTICA DE ISOLADOS DE
PYRENOPHORA TRITICI-REPENTIS POR MEIO DE MARCADORES
MICROSSATÉLITES
484
SANTANA, FM; BIANCHI, JB; RODRIGUES LN;
RADKE, AK; CLEBSCH, CC
1711
DETECÇÃO DO COMPLEXO VIRAL DO ALHO (ALLIUM SATIVUM) EM
REGIÕES PRODUTORAS NO BRASIL
485
FAYAD-ANDRÉ,
RESENDE, RO
1715
SISTEMA DE AVISO DA FERRUGEM DA SOJA: MODELO BASEADO
EM UNIDADES DE CALOR.
486
NICOLINI, F; REIS, EM; TSUKAHARA, RY; ZANATTA,
M
1724
INTERVALO ENTRE APLICAÇÕES PARA O CONTROLE QUÍMICO DA
FERRUGEM ASIÁTICA (PHAKOPSORA PACHYRHIZI) DA SOJA.
487
XAVIER, SA; MARTINS, DC; CANTERI, MG
1746
RELAÇÃO DA PROFUNDIDADE COM O SISTEMA DE CULTIVO
SOBRE A CONCENTRAÇÃO DE MICROESCLERÓCIOS DE
MACROPHOMINA PHASEOLINA.
489
SANTOS, PJC; BENATO, LC; SOUZA, NV;
SOLDERA, MCA; VIEIRA, ND; ALMEIDA, AMR
1755
INCIDÊNCIA DE DRECHSLERA SP. EM FOLHAS DE TRIGO.
490
TONIN, R.B; REIS, E.M; AVOZANI, A
1755
INCIDÊNCIA DE CORYNESPORA CASSIICOLA EM FOLÍOLOS DE
SOJA.
491
AVOZANI, A; REIS, E.M; TONIN, R.B
1770
OCORRÊNCIA DE DOENÇAS EM PALMA FORRAGEIRA (OPUNTIA
FICUS-INDICA MILL.) NO SEMI-ÁRIDO PARAIBANO.
492
SOUZA, AEF; NASCIMENTO, LC; SANTOS, L.A.L;
ARAÚJO, E; SOUTO, FM; GOMES, ECS; LOPES,
EB
1790
SOBREVIVÊNCIA DE RALSTONIA SOLANACEARUM EM TECIDOS
INFECTADOS DE PIMENTÃO E DIFERENTES TIPOS DE SOLO DE
PERNAMBUCO, BRASIL
493
FÉLIX, KCS; SILVEIRA, EB; MICHEREFF, SJ;
MARIANO, RLR
1811
INCIDÊNCIA E SEVERIDADE DE ANTRACNOSE E VERRUGOSE EM
MARACUJAZEIROS CULTIVADOS EM CERRADO TOCANTINENSE
495
CAMPOS, GA; NOGUEIRA, SR; TEIXEIRA JÚNIOR,
T; SOUSA, JCV; AZEVEDO, VA
SESSÃO PÔSTER: 6
HORÁRIO: 13h:30 – 14h:30
MS;
BUZZI,
G;
DUSI,
A.N;
SALÃO: VERSAILLES
CÓDIGO
RESUMO
INSCRIÇÃO
TÍTULO
1811
OCORRÊNCIA DE FERRUGEM EM JATHROPHA CURCAS NO
TOCANTINS
494
NOGUEIRA, SR; LIMA-NETO, AF; CORRÊA, MLT;
LIMA, FSO
1818
COMPARAÇÃO DE MÉTODOS PARA QUANTIFICAÇÃO DE SEVE­
RIDADE DA MANCHA PARDA (BIPOLARIS ORYZAE) DO ARROZ
496
SANTIAGO, TR; GRABOWSKI OCAMPOS, C;
MILAGRES, EA; CARVALHO, SL; AMARAL, LS;
FREITAS, MA; FERRAZ, HGM; ROMEIRO, RS
1828
STOMATA OCCURRENCE ON ROOTS OF TOMATO SEEDLINGS: AN
INFECTION PATHWAY FOR XANTHOMONAS VESICATORIA
497
GONZAGA DA SILVA,D.A; GUIMARÃES, L.R.P.;
VASCONCELOS, V.G. S,; OLIVARES, F.L.; MEDICI,
L.O.; CARVALHO, A.O.; CARMO, M.G.F.
1833
INCIDÊNCIA DO OÍDIO DA SOJA EM MUCUNA PRETA
498
RUAS, AR; LODO, BN; SCHEER, O; ALMEIDA, EJ;
SOARES, PLM; PANIZZI, RC; SANTOS, JM
1833
EFEITO DA AFLATOXINA NA GERMINAÇÃO DE SEMENTES DE
AMENDOIM
499
RUAS, AR; LODO, BN; SCHEER, O; ALMEIDA, R;
SCALOPPI, EAG; BARRETO, M
1865
INTERAÇÃO DE SILÍCIO E FUNGICIDA NA PRODUTIVIDADE DA
SOJA SOB O EFEITO DA FERRUGEM ASIÁTICA
500
PIAN,LB; MESQUINI,AA; MESQUINI,RM
1879
REAÇÃO DE VARIEDADES E CLONES RB À FERRUGEM DA CANADE-AÇÚCAR NA MATA SUL DE PERNAMBUCO.
501
CHAVES, A; GUIMARÃES, LMP; RODRIGUES,
WDL; OLIVEIRA, MKRS
1881
ANÁLISE DA ÉPOCA DE INOCULAÇÃO DE BEGOMOVÍRUS NA
SUSCEPTBILIDADE E PRODUTIVIDADE DE TOMATEIRO
502
LEMOS,PPF; ALMEIDA,MMS; INOUE-NAGATA,AK;
MOITA,AW
50
AUTORES
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Sessão de Postêr
1886
PATOGENICIDADE CAUSADA PELO FUNGO COLLETOTRICHUM
GLOEOSPORIOIDES (PENZ) EM DIFERENTES VARIEDADES DE
MANGUEIRA (MANGIFERA INDICA L.)
503
GOES, A; PIMENTA, AA; PEREIRA, FD; PIMENTA,
AA
1886
AVALIAÇÃO DA SOBREVIVÊNCIA E DA INCIDÊNCIA DE
COLLETOTRICHUM GLOEOSPORIOIDES, AGENTE CAUSAL DA
ANTRACNOSE EM MANGUEIRA (MANGIFERA INDICA L.), EM
POMARES DO ESTADO DE SÃO PAULO
504
PIMENTA, AA; GOES, A; PIMENTA, AA
1920
MANEJO DA CULTURA DO SISAL VISANDO O CONTROLE DA
PODRIDÃO VERMELHA
505
MELLO JUNIOR, AS; TORRES, CN; ABREU, KCLM;
SOARES, ACF; LEDO, CAS
1920
INFLUÊNCIA DO DEFICIT HÍDRICO NA INCIDÊNCIA DA PODRIDÃO
VERMELHA EM MUDAS DE SISAL
506
ABREU, KCLM; SILVA, MHS; TORRES,
SOARES, ACF; SÁ, JO; LEDO, CAS
1925
AVALIAÇÃO
DE
VIROSES
NOS
PORTA-ENXERTOS
PESSEGUEIRO CAPDEBOSCQ E ALDRIGHI.
DE
507
CASTRO, L. A. S. DE; ROCHA, N. E. M. 1;
ABRANTES, V. L.; ABRANTES, V. L.
1295
MECANISMOS DE DEFESA ELICITADOS POR ULVANA CONTRA A
FERRUGEM DO FEIJOEIRO
508
BORSATO, LC; DI PIERO, RM; STADNIK, MJ
1334
CARACTERÍSTICAS ANATÔMICAS DE FOLHAS DE CAFEEIROS
COM E SEM MANCHA MANTEIGOSA
510
FERREIRA. JB; ABREU, MS;
FERNANDES, KD; PEREIRA, IS
SILVA,
EH;
1334
AVALIAÇÃO DE ALTERAÇÕES FISIOLÓGICAS EM CAFEEIROS COM
MANCHA MANTEIGOSA
511
FERREIRA. JB; ABREU, MS;
FERNANDES, KD; PEREIRA, IS
SILVA,
EH;
1499
TROCAS GASOSAS EM CAPIM-LIMÃO AFETADO POR PUCCINIA
NAKANISHIKII
512
LORENZETTI, E. R.; SILVA, A. C.; CONCEIÇÃO, D.
M.; KLEIN, J.; RODRIGUES, J. D; SACRAMENTO, L.
V. S; FURTADO, E. L.
1505
ATIVIDADE DA PEROXIDASE DE GUAIACOL EM MUDAS DE
CACAUEIRO CONTRA VASSOURA DE BRUXA.
513
CAMILO, FR; RESENDE, MLV; RIBEIRO JÚNIOR,
PM; MAC LEOD, REO; SILVA, GM; PÁDUA, MA
1526
AVALIAÇÃO DA EXPRESSÃO DE PRPS EM PLANTAS DE ARROZ
SUBMETIDAS A TRATAMENTO QUÍMICO OU BIOLÓGICO ATRAVÉS
DE PAGE-NATIVO
514
CÔRTES,MCVB;
PRABHU,AS
1614
TOXICIDADE DE ESPÉCIES DE FUSARIUM ISOLADAS DE RAÍZES
DE GENÓTIPOS DE SOJA COM SINTOMAS DE PODRIDÃO
VERMELHA DA RAIZ
515
MILANESI, PM; FINGER, G; BLUME, E; MUNIZ,
MFB; JUNGES, E; DURIGON, MR; WEBER, MND;
BRAGAGNOLO, J
1749
OBSERVAÇÕES CITOLÓGICAS DA INFECÇÃO POR BIPOLARIS
SOROKINIANA EM CULTIVARES DE TRIGO SUPRIDAS COM
SILÍCIO.
516
DOMICIANO,GP; MOREIRA,WR; OLIVEIRA,HV;
XAVIER FILHA,MS; RODRIGUES,FA; VALE,FXR
1775
ATIVIDADE DA POLIFELOXIDASE EM MUDAS DE CACAUEIRO
CONTRA VASSOURA DE BRUXA.
517
CAMILO, FR; RESENDE, MLV; RIBEIRO JUNIOR,
PM; MAC LEOD, REO; COSTA, JCB; MONTEIRO,
ACA
1775
ATIVIDADE DA ß-1,3 GLUCANASE EM MUDAS DE CACAUEIRO
CONTRA VASSOURA DE BRUXA.
518
CAMILO, FR; RESENDE, MLV; RIBEIRO JUNIOR, PM;
MAS LEOD, REO; MONTEIRO, ACA; AGUIAR, IF
1780
EFEITO DO MAGNÉSIO NO PROGRESSO DA MANCHA-PARDA EM
ARROZ
520
PEREIRA, DM; SCHURT, DA; SOUZA, NFA; DUTRA,
RR; RODRIGUES, FÁ
1837
FOSFITOS DE POTÁSSIO E ACIBENZOLAR-S-METIL NO CONTROLE
DO MÍLDIO DA VIDEIRA.
521
PEREIRA, VF; TOYOTA, M; MONTEIRO, ACA;
RESENDE, MLV; RIBEIRO JÚNIOR, PM; PÁDUA,
MA; RODRIGUES, DJ
1841
PERFIL ESPECTROFOTOMÉTRICO DE PLANTAS DE TOMATE
TRATADAS COM QUITOSANA E DESAFIADAS COM XANTHOMONAS
GARDNERI.
522
COQUEIRO, DSO; MARASCHIN, M; CANAVER, BS;
DI PIERO, RM
1922
AVALIAÇÃO DO POTENCIAL HÍDRICO EM PLANTAS DE FEIJOEIRO
SUBMETIDAS À INDUÇÃO DE RESISTÊNCIA, PELO USO DE
ACIBENZOLAR-S-METIL, CONTRA XANTHOMONAS AXONOPODIS
PV. PHASEOLI.
523
RENAUD, MSA;
PASCHOLATI, SF
1996
TEORES DE PROTEÍNA TOTAL, FENÓIS SOLÚVEIS TOTAIS E
ATIVIDADE DA ENZIMA POLIFENOLOXIDASE EM FRUTOS VERDES
E MADUROS DE CAFEEIROS
524
OGOSHI,C; VIEIRA, JF; MONTEIRO, ACA; PEREIRA,
VF; RIBEIRO JÚNIOR, PM; ABREU, MS
1227
OCORRÊNCIA DE CYLINDROCLADIUM EM MUDAS DE AÇAÍ
(EUTERPE OLERACEA), ACRE, BRASIL.
526
NASCIMENTO, G.O.; FERREIRA, J.B.; NEVES,
Y.Y.B.; VALENTE, R.A.S.
1232
OCORRÊNCIA DE DOENÇAS EM ORQUÍDEAS NO ESTADO DO RIO
DE JANEIRO
527
KLEIN, EHS; BRIOSO, PST
1279
ARMAZENAMENTO DE ISOLADOS DE FUSARIUM SOLANI F.SP.
GLYCINES EM SÍLICA GEL
528
MILANESI, PM; SANTOS, RF; DURIGON, MR;
BLUME, E; WEBER, MND
1308
INCIDÊNCIA DE DOENÇAS PRÉ-COLHEITA EM LARANJAS
‘VALÊNCIA’ EM CULTIVOS ORGÂNICO E CONVENCIONAL
529
FISCHER, IH; ALMEIDA, AM; ARRUDA, MC;
BERTANI, RMA; GARCIA, MJM; AMORIM, L
1311
OCORRÊNCIA DE FERRUGEM DA VIDEIRA NO ESTADO DA
PARAÍBA, BRASIL
530
GOMES, ECS; NASCIMENTO, LC; PEREZ, JO;
LEITE, RP; SILVA, FJA; SOUZA, AEF
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
FILIPPI,MCC;
BLUMER,
S;
CN;
SILVA-LOBO,V;
CHOU,
JTC;
51
Sessão de Postêr
52
Programação
1348
LEVANTAMENTO DAS DOENÇAS DE CANA-DE-AÇÚCAR EM
ENSAIO DE GENÓTIPOS EM PELOTAS, RS
531
MORENO, MB; UENO, B; VERISSIMO, MAA; SILVA,
SDA
1377
HOSPEDANTES DE MACROPHOMINA
NORDESTE ARGENTINO
EL
532
GÓMEZ, DE; BONACIC, I; CASSE, MF; OJEDA, AD
1396
EFEITO DA LUMINOSIDADE NO CRESCIMENTO MICELIAL DE
RHIZOPUS SPP.
533
SCHNEIDER,CF; DONADEL,F; DAL´MASO,EG;
PALUDO,JJ; PIATI,A; NOZAKI,MH
1445
PRIMEIRO RELATO DA CORRELAÇÃO LARVA MINADORA DOS
CITROS E MANCHA MARROM DE ALTERNÁRIA EM TANGERINAS.
534
POLYDORO, DAP; AZEVEDO, FA; MARTELLI, IB;
PACHECO, CA; PIO, RM
1448
AVALIAÇÃO DA SEVERIDADE DE CERCOSPORIDIUM PERSONATUM
EM TREZE CULTIVARES DE ARACHIS HYPOGAEA
535
OLIVEIRA, JAP; SOUSA, SCR; NETO,
CASTRO, TR DE; LOPES, DFS; REY, MS
1481
INTERAÇÃO ENTRE SEVERIDADE DE CERCOSPORA ARACHIDI­
COLA E HÁBITOS DE CRESCIMENTO DE CULTIVARES DE ARACHIS
HYPOGAEA
537
SOUSA, SCR; SILVA, F DE C; NETO EAP; CASTRO,
TR DE; LOPES, DFS; REY, MS
1513
SISTEMAS DE INFORMATIZAÇÃO PARA ELABORAÇÃO DE
HERBÁRIO ON LINE DE DOENÇAS NAS REGIÕES DO TRIANGULO
MINEIRO E ALTO PARANAÍBA-MG*.
538
SILVA, C.L; JULIATTI, F.C; ALVIM, M.S; ALVIM JR.,
M.G; PARREIRA, F.O.S. ; SILVA, S.A
1516
PERFIL DO HUANGLONGBING (HLB) NO PARANÁ COM BASE
EM AMOSTRAS SUBMETIDAS A DIAGNÓSTICO NO INSTITUTO
AGRONÔMICO DO PARANÁ.
539
MENEGUIM,L; BAGIO,TZ; SUGAHARA,VH; VILASBOAS,LA; PACCOLA-MEIRELLES,LD; LEITE JR,RP
1548
INFLUÊNCIA DE ÉPOCAS DE SEMEADURA NO POTENCIAL
PRODUTIVO E SEVERIDADE DE FERRUGEM ASIÁTICA EM
GENÓTIPOS DE SOJA
540
MIORANZA, F; OLIVEIRA, LC; OLIVEIRA, MAR;
DALLA NORA, T
1697
AVALIAÇÃO DA INCIDÊNCIA DE GRÃOS ARDIDOS EM
GENÓTIPOS DE MILHO (ZEA MAYS) SOB APLICAÇÃO FOLIAR DE
FUNGICIDAS
541
OLIVEIRA, MEM; JULIATTI, FC
1628
AVALIAÇÃO DA SEVERIDADE DE PHAEOSPHAERIA MAYDIS
EM CINCO HÍBRIDOS DE MILHO (ZEA MAYS) SOB DIFERENTES
DOSAGENS DE NITROGÊNIO.
542
PEREIRA, SG; PARRA, AC; LEÃO, EF; OLIVEIRA,
JAP; SOUSA, SRC; REY, MS
1629
SEVERIDADE DA FERRUGEM DO FEIJOEIRO (UROMYCES
APPENDICULATUS) EM DIFERENTES CULTIVARES DE FEIJÃO
PLANTADAS NO MUNICÍPIO DE IPAMERI.
543
PARRA, AC; LEÃO, EF; PEREIRA, SG; OLIVEIRA,
JAP; SOUSA, SRC; BORIN, RC; REY, MS
1650
MANCHA AREOLADA DOS CITROS, CAUSADA POR THANA­
TEPHORUS CUCUMERIS NO ACRE.
544
SIVIERO, A; RONCATTO, G; LESSA, LS; SCHOTT,
B; SOARES FILHO, WS
1659
GFP AND RFP TRANSFORMATION OF FUSARIUM GUTTIFORME
(SIN. FUSARIUM SUBGLUTINANS F. SP. ANNANAS).
545
KOBAYASHI, AK; DITA, MA; TROCOLI, RO; SOUZA
JR, MT; KEMA, GHJ
1665
FITOPATÓGENOS INTERCEPTADOS PELA ESTAÇÃO QUAREN­TE­
NÁRIA DE GERMOPLASMA VEGETAL DA EMBRAPA EM MATERIAIS
INTERCAMBIADOS NO ANO DE 2008
546
GONZAGA, V; NAVIA, D; MAGARELLI, G; MARTINS,
OM; OLIVEIRA, MRV; COSTA, CD; MARQUES, ASA;
MENDES, MAS; URBEN, AF; VILAÇA, R; BATISTA,
MF; POLEZ, VLP; CORDEIRO, LAM; BENITO, NP;
CARLOS, M.
1715
DOENÇAS DIAGNOSTICADAS NA CLÍNICA VEGETAL DO LABO­
RATÓRIO DE FITOPATOLOGIA DA UNIVERSIDADE DE PASSO
FUNDO EM 2009.
547
REIS, EM; CARDOSO, C.A.DE; NICOLINI, F;
DEUNER, E; DANELLI, ALD
1808
PROSPECÇÃO DE FUNGOS ASSOCIADOS À COPAÍBA (COPAIFERA
MULTIJUGA), CIPÓ-DE-FOGO (DAVILLA SP) E JENIPAPO (GENIPA
AMERICANA) EM ÁREAS PETROLÍFERAS NA AMAZÔNIA
549
BARROS, HSD; SILVA, JF; SOUZA, BB; PANTOJA,
MB; LUSTOSA, DC; SILVA, GB
1826
OCORRÊNCIA DE SCLEROTIUM ROLFSII EM RUMEX ACETOSA.
550
MÜLLER, SF; FRANZENER, G; MOURA, GS;
SCHWAN-ESTRADA,
KRF;
MEINERZ,
CC;
STANGARLIN, JR
1866
PALHADA DE BRACHIARIA RUZIZIENSIS E TRICHODERMA
HARZIANUM NO CONTROLE DO MOFO BRANCO NA CULTURA DA
SOJA
551
GöRGEN, CA; LOBO JUNIOR, M; CARNEIRO, LC;
SILVEIRA NETO, AN; RAGAGNIN , VA; FREITAS,
DS
1886
CARACTERIZAÇÃO MORFOLÓGICA E GENÉTICA DE ISOLADOS
DE COLLETOTRICHUM SPP., AGENTE CAUSAL DA ANTRACNOSE
EM MANGUEIRA (MANGIFERA INDICA L.)
552
PIMENTA, AA; GOES, A; SOUZA, A; CARBONI,
RCD; WICKERT, E; PIMENTA, AA; OCA, AGM
1900
CONTROLE MICROBIOLÓGICO EM LABORATÓRIO DE PESQUISA
VISANDO ESTABELECER BOAS PRÁTICAS DE LABORATÓRIO
553
MARTINS, LM; SANTOS, JS; SILVA, DLD;
TAKABAYASHI, CR; ONO, EYS; HIROOKA, EY
1957
OCORRÊNCIA DE NEMATÓIDES E FUNGOS DE SOLO EM
DIVERSOS AMBIENTES AGRÍCOLAS NO ESTADO DE GOIÁS
554
FALEIRO, VO; FREITAS, MA; CAFÉ FILHO, AC
1957
OCORRÊNCIA DE NEMATÓIDES E FUNGOS DE SOLO EM
CANTEIROS DE TAGETES PATULA CULTIVADAS PELA NOVACAP
NO DISTRITO FEDERAL
555
FREITAS, MA; FALEIRO, VO; CASTRO, ALFG;
CAFÉ FILHO, AC
PHASEOLINA
EN
EAP;
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Sessão de Postêr
2022
POPULAÇÕES DE FUSARIUM SPP., RHIZOCTONIA SOLANI E
TRICHODERMA SPP. EM CULTIVOS DE SOJA E FEIJÃO SOB
INTEGRAÇÃO LAVOURA-PECUÁRIA
556
CORREA, CA; OLIVEIRA, P DE; LOBO JR., M;
KLUTHCOUSKI, J
1240
ANÁLISE PROTEÔMICANO TOMATEIRO SUBMETIDO ÀINOCULAÇÃO
COM O FUSARIUM OXYSPORUM F. SP. LYCOPERSICI
557
SILVA, TD; SILVA, MLRB; ALMEIDA, CMA; BRITO,
JZ; CAVALCANTI, LS; CORREIA, MTS; , SILVA, MV
1372
GENERATION OF A PRELIMINARY GENETIC MAP OF A CPSMV
SEGREGATING COWPEA POPULATION
558
AMORIM, LLB; ONOFRE, AVC; CARVALHO, R;
MORETZSOHN, MC; SITTOLIN, IM; ROCHA,
MM; ANDRADE, GP; PIO-RIBEIRO, G; KIDO, EA;
BENKO-ISEPPON, AM
1372
INTER SIMPLE SEQUENCE REPEAT (ISSR) MARKERS FOR
GENETIC MAPPING AND SELECTION OF RESISTANT COWPEA
ACCESSIONS TO CPSMV AND CABMV
559
AMORIM, LLB; ONOFRE, AVC; BENKO-ISEPPON,
AM
1397
ATIVIDADE DE QUITINASE APÓS A INOCULAÇÃO DO FUSARIUM
OXYSPORUM F. SP. LYCOPERSICI NO TOMATEIRO.
560
AMARAL, DOJ; MALAFAIA, CB; COSTA, AF;
CAVALCANTI, VALB; CORREIA, MTS; LIMA, VLM;
SILVA, MV
1402
TRANSFERIBILIDADE DE MARCADORES SSR DE VIGNA
ANGULARIS PARA MAPEAMENTO GENÉTICO DA RESISTÊNCIA A
VIROSES EM V. UNGUICULATA
561
ONOFRE, AV; AMORIM, LLB; BENKO-ISEPPON,
AM
1402
BULKED SEGREGANT ANALYSIS FOR IDENTIFICATION OF DAF
MARKERS LINKED TO RESISTANCE TO CPSMV IN COWPEA
562
ONOFRE, AV; AMORIM, LLB; SITTOLIN, IM; ROCHA,
MM; ANDRADE, GP; PIO-RIBEIRO, G; KIDO, EA;
BENKO-ISEPPON, AM
1447
INCIDÊNCIA E SEVERIDADE DE ANTRACNOSE (COLLETOTRICHUM
GLOEOSPORIOIDES) EM MUDAS DE MARACUJAZEIRO- AZEDO,
SOB CULTIVO PROTEGIDO
563
MÔNICA,AM; CUNHA,AP; BOUSA,RB; MELLO,RA;
SOUSA,MAF;
PEIXOTO,JR;
MARTINS,I;
JUNQUEIRA,NTV
1468
TRANSFORMAÇÃO GENÉTICA DE ARROZ (ORYZA SATIVA L.)
VISANDO RESISTÊNCIA AO FUNGO BIPOLARIS ORYZAE BREDA
DE HAANN
564
REY, MS; PETERS, JA; PIEROBOM, CR
1549
VARIABILIDADE GENÉTICA E ESTRUTURA DE POPULAÇÃO
DE ISOLADOS MONOSPÓRICOS DE MAGNAPORTHE GRISEA
COLETADOS NO CENTRO-NORTE DO BRASIL.
565
RAMOS, LN; CAFÉ-FILHO, AC; LINS, TCL; OHSE,
BJG; RANGEL, PHN; FERREIRA, ME
1583
RESISTÊNCIA DE LINHAGENS DE SORGO E SEUS HÍBRIDOS A
EXSEROHILUM TURCICUM.
566
PEREIRA,IS;
CASELA,CR;
COTA,LV; LANZA,FE; TOYOTA,M;
RODRIGUES,JAS
1655
RESISTÊNCIA DO MARACUJAZEIRO-DOCE À BACTERIOSE EM
CONDIÇÕES DE CAMPO E CASA DE VEGETAÇÃO
567
BELLON, GB; FALEIRO, FG; PEIXOTO, JR;
JUNQUEIRA, NTV; JUNQUEIRA, KP; SANTOS,
EC; FONSECA, KG; BRAGA, MF; SANTOS, JB;
SOUZA,LS
1655
RESISTÊNCIA DE ACESSOS DE MARACUJAZEIRO-DOCE A VIROSE
DO ENDURECIMENTO DOS FRUTOS EM CONDIÇÕES DE CAMPO
E CASA DE VEGETAÇÃO
568
BELLON, GB; PEIXOTO, JR; FALEIRO, FG;
JUNQUEIRA, NTV; JUNQUEIRA, KP; SANTOS, EC;
FONSECA, KG; SILVA, MS; BRAGA, MF; SANTOS,
JB; LIMA, CA
1967
EFEITO DO ESTRESSE HÍDRICO NO PADRÃO DE SINTOMAS
E NA PRODUÇÃO DE GENÓTIPOS DE FEIJOEIRO COMUM
INOCULADOS COM CURTOBACTERIUM FLACCUMFACIENS PV.
FLACCUMFACIENS.
569
OLIVEIRA, MIS; WENDLAND, A
1967
AVALIAÇÃO DE CULTIVARES DE FEIJOEIRO QUANTO A RESIS­
TÊNCIA A XANTHOMONAS AXONOPODIS PV. PHASEOLI EM
CONDIÇÕES DE CAMPO E DE CASA DE VEGETAÇÃO
570
SILVA, LL; WENDLAND, A; OLIVEIRA, MIS
1969
SELEÇÃO DE TOMATEIROS RESISTENTES A TOSPOVIRUS POR
MEIO DO MARCADOR SCAR “SW-421”
571
NOGUEIRA, DW; MALUF, WR; FIGUEIRA, AR;
NOGUEIRA, DG; MACIEL, GM; GONÇALVES,RJS
1988
SELEÇÃO PARA RESISTÊNCIA À REQUEIMA E AO MOSAICO
AMARELO DENTRO DE FAMÍLIAS DE PIMENTÃO
572
GONÇALVES, RJS; MALUF, WR; FIGUEIRA, AR;
SILVA, BM; NOGUEIRA, DW; NOGUEIRA, DG
2078
MAPEAMENTO DE QTL PARA RESISTÊNCIA AO MOSAICO COMUM
EM MILHO
573
BELICUAS, SNJ; SOUZA, IRP; GUIMARÃES, CT;
SABATO, EO; LANA, UGP
1157
VARIABILIDADE MORFO-FISOLÓGICAS DE ISOLADOS DE
CRYPTOSPORIOPSIS SPP. ASSOCIADOS À PODRIDÃO OLHO-DEBOI EM MACIEIRA NO SUL DO BRASIL.
574
BOGO,A; SANHUEZA, RMV; COMPARIM,CC;
CASA,RT; SALDANHA,A; LEVESQUE,CA
1195
INCIDÊNCIA DE CERCOSPORA SP. EM VAGENS DE FEIJOEIRO NO
MUNICÍPIO DE PASSO FUNDO, RS.
575
GARCÉS, F. R.; DENARDIN N.; REIS E.; MANHAGO,
D.D. ; ALMEIDA R. ; FORCELINI, C. A.
1230
CARACTERIZAÇÃO DE ESPÉCIES DE CURVULARIA EM ZOYSIA
JAPONICA
576
CHAVES, ZM; FREITAS, MA; CABANE, ME; CAFÉFILHO, AC
1230
AVALIAÇÃO DO CRESCIMENTO MICELIANO E GERMINAÇÃO
DE CONÍDIOS DE CURVULARIA LUNATA EM DIFERENTES
TEMPERATURAS
577
CAMPOS, ALT; FREITAS, MA; CAFÉ-FILHO, AC;
CONDÉ, DLR
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
SILVA,DD;
ABREU,MS;
53
Sessão de Postêr
Programação
1244
OCORRÊNCIA DA MANCHA PARDA DA CASTANHEIRA-DO-BRASIL
NO ESTADO DE RORAIMA
578
HALFELD-VIEIRA, BA; NECHET, KL
1250
EFEITOS DA PRODUÇÃO DE COMPOSTOS VOLÁTEIS POR
PATÓGENOS FÚNGICOS SOBRE O CRESCIMENTO E MASSA
MICELIANA DE DUAS LINHAGENS DE PLEUROTUS SP.
579
MINOTTO,E; MANZONI, CG; WILLE,CN; LUDWIG,
J; BERNARDI,E; NASCIMENTO,JS
1250
POTENCIAL FUNGITÓXICO DE FUNGOS CONTAMINANTES
DE COGUMELOS NA INIBIÇÃO DO CRESCIMENTO MICELIAL E
PRODUÇÃO DE MASSA MICELIANA DE PLEUROTUS SAJOR-CAJU
580
MINOTTO,E; MANZONI,CG; WILLE,CN; LUDWIG,J;
BERNARDI,E; NASCIMENTO,JS
1268
AVALIAÇÃO DE MEIOS DE CULTURAS NO DESENVOLVIMENTO DE
MYROTHECIUM RORIDUM
581
SILVA, KJP; SALES JUNIOR, R; CORDEIRO, AG;
NOGUEIRA, DRS; GUIMARÃES, IM; SANTANA,
CVS; CORREIA, KC
1268
AVALIAÇÃO DE MEIOS DE CULTURAS NO DESENVOLVIMENTO DE
MONOSPORASCUS CANNONBALLUS.
582
SILVA, KJP; CORDEIRO, AG; SALES JÚNIOR, R
; NOGUEIRA, DRS; GUIMARÃES, IM; SANTANA,
CVS; CORREIA, KC
1283
DIFERENTES MEIOS DE CULTURA NA PRODUÇÃO DE ESPOROS
DE BIPOLARIS ORYZAE
583
MANZONI, CG; MOURA, AB; ROSSETTO, EA;
CASARIN, JV; MINOTTO, E; ROCHA, DJA; CORREA,
BO; SANTOS, AG; SCHäFER JT; MARQUES, C
1312
PRESERVAÇÃO EM LABORATÓRIO DE FUNGOS FITOPATOGÊNICOS
FILAMENTOSOS POR PERÍODOS SUPERIORES A 20 ANOS.
584
APARECIDO, C.C.; FINATTI, D.; PIRES, G.C.C.;
PASSADOR, M.M.
1339
INFLUENCIA DE LA TEMPERATURA Y MEDIOS DE CULTIVO EN LA
GERMINACIÓN IN VITRO DE LAS UREDOSPORAS DE LA ROYA
COMÚN DEL MAÍZ, PUCCINIA SORGHI
585
CINA, RP; CARMONA, M; REIS EM; LOPEZ, SE
1345
MAMOEIRO COMO FONTE DE INÓCULO DE PHYTOPHTHORA
PALMIVORA EM HORTA NO SUDESTE DA BAHIA.
586
SANTOS, MVODOS; PIMENTA NETO, AA; ARAÚJO,
DCSDE; LUZ, EDMN
1345
TEMPERATURAS LIMITE PARA CRESCIMENTO DE ISOLADOS DE
PHYTOPHTHORA SPP. NA BAHIA.
587
SANTOS, MVODOS; PIMENTA NETO, AA; ARAÚJO,
DCSDE; LUZ, EDMN
1354
DIVERSIDADE DE ESPÉCIES DE XYLARIA NA REGIÃO DE MATA
ATLÂNTICA DA BAHIA.
588
SFALSIN, E; VITÓRIA, NS; BEZERRA, JL
1355
ANNULOHYPOXYLON STYGIUM VAR. ANNULATUM SOBRE
ATTALEA FUNIFERA: PRIMEIRO REGISTRO PARA O BRASIL.
590
VITÓRIA, NS; SFALSIN, E; CAVALCANTI, MAQ;
BEZERRA, JL
1357
DIVERSIDADE DE HOSPEDEIROS DE PESTALOTIOPSIS NA BAHIA.
591
KRUSCHEWSKY, MC; BEZERRA, JL
1358
AVALIAÇÃO DA INTERCOMPATIBILIDADE SEXUAL ENTRE
ISOLADOS DE PHYTOPHTHORA PALMIVORA OBTIDOS DE
CACAUEIRO, MAMOEIRO E PUPUNHEIRA.
592
PIMENTA NETO, AA; SANTOS, MVO DOS; LUZ,
EDMN
1358
HÁ POSSIBILIDADE DE INFECÇÃO CRUZADA ENTRE CULTURAS
HOSPEDEIRAS DE PHYTOPHTHORA PALMIVORA NA BAHIA?
593
PIMENTA NETO, AA; SANTOS, MVO DOS; PAIM,
MCA; LUZ, EDMN
1725
TRATAMENTO DO SOLO DE CULTIVO COM TRICHODERMA SPP.,
PSEUDOMONAS SPP. E BACILLUS SPP. NA DESTRUIÇÃO DE
ESCLERÓCIOS DE SCLEROTINIA SCLEROTIORUM
594
PEITL,
DC;
SUMIDA,
CH;
ORSINI,
IP;
FRANCISCHETTI, G; HOMECHIN, M; TAMANINI, L;
TAKAHASHI, A
1373
OCORRÊNCIA DE FERRUGEM EM FOLHAS JOVENS DE VIDEIRA
595
PINTO, K.M.S.; GOMES, E.C.S.; LEITE, R.P.;
MIRANDA, J.R.; NASCIMENTO, L.C.
1377
SPORISORIUM
ARGENTINA
EN
596
GÓMEZ, DE; BONACIC, I; CASSE, MF
1382
OCORRÊNCIA DE FUSARIUM OXYSPORUM F SP. LACTUCAE EM
ALFACE NO BRASIL
597
CABRAL, CS; COSTA, H; MELLO, RN; CARVALHO,
MRM; SANTO JUNIOR, WN; REIS, A
1424
CRESCIMENTO MICELIAL DE MYCOSPHAERELLA FRAGARIAE EM
DIFERENTES CONDIÇÕES DE LUMINOSIDADE.
599
PALUDO, JJ; NOZAKI, MH; SCHNEIDER, CF;
DAL’MASO, EG; CORREA, D
1432
FASES SEXUAL E ASSEXUAL PUCCINIA SP. EM FOLHAS DE
IPOMOEA TRILOBA
601
MAFFON, HP; ARAÚJO, ACG; FARIAS, MP ;
REZENDE, DV; MENDES, MAS; URBEN, AF; PAZLIMA, ML
SORGHI
EN
SORGHUM
SESSÃO PÔSTER: 7
HALEPENSE
HORÁRIO: 15h:30 – 16h:30
SALÃO: VERSAILLES
CÓDIGO
RESUMO
INSCRIÇÃO
TÍTULO
1470
DETERMINAÇÃO DE INCIDÊNCIA DA QUEIMA DAS FOLHAS EM
AMENDOINZEIRO
536
FERREIRA, P DE A; SOUSA, SCR; NETO, EAP;
CASTRO, TR DE ; LOPES, DFS; REY, MS
1432
MICROSCOPIA ELETRÔNICA DE VARREDURA DE ALBURGO
IPOMOEAE-PANDURATAE (PERS.) KUNTZE INFECTANDO FOLHAS
DE IPOMOEA TRILOBA
600
SOUSA, PCA; LIMA, ESS; FARIAS, MP; ARAUJO,
ACG; MENDES, MAS; URBEN, AF; PAZ-LIMA, ML
1439
OCORRÊNCIA DE DOENÇAS FÚNGICAS EM PALMEIRAS ORNA­
MENTAIS NA CIDADE DE JEQUIÉ/BA.
602
FERREIRA, EF
54
AUTORES
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Sessão de Postêr
1439
OCORRÊNCIA DE ANTRACNOSE EM ANTÚRIO NA CIDADE DE
JEQUIÉ/BA.
603
FERREIRA, EF; CERQUEIRA, NS
1441
AVALIAÇÃO DE FONTES DE CARBONO E NITROGÊNIO NO
CRECIMENTO MICÉLIANO IN VITRO DE MICROCYCLUS ULEI
604
SOUSA, LA; CASCARDO, JCM; GARCIA, D
1444
DIVERSIDADE DE FUNGOS ASSOCIADOS A RIZOSFERA DE
BELLUCIA GROSSULARIODES, PROVENIENTE DE ÁREAS NATIVAS
E REFLORESTADAS, APÓS A EXPLORAÇÃO PETROLÍFERA
605
SOUSA, BB; OLIVEIRA, FC; CONCEIÇÃO, CS;
PANTOJA, MB; LUSTOSA, DC; SILVA, GB
1464
GENETIC TRANSFORMATION OF FUSARIUM OXYSPORUM F. SP.
CUBENSE
606
DITA, MA; KOBAYASHI, AK; WAALwIJK, C; SOUZA
JR, MT; KEMA, GHJ
1464
GENERATION OF FUSARIUM OXYSPORUM F. SP. PASSIFLORAE
STRAINS EXPRESSING REPORTER GENES
607
KOBAYASHI, AK; DITA, MA; SOUZA JR, MT; KEMA,
GHJ
1480
VARIAÇÃO DA FORMAÇÃO DE ESCLERÓCIOS DE SCLEROTINIA
SCLEROTIORUM EM MEIOS DE CULTURA E DIFERENTES REGIMES
DE LUMINOSIDADE
608
CASARIN,JV; SOUZA JÚNIOR, IT; SOUZA JÚNIOR,
IT; ROSENTHAL,MDA
1480
SELEÇÃO DE MEIOS DE CULTURA PARA PRODUÇÃO DE
ESCLERÓCIOS DE RHIZOCTONIA SOLANI IN VITRO
609
CASARIN,JV; SOUZA JÚNIOR, IT; CARDOSO,G;
ROCHA,DJA
1499
ANATOMIA CAULINAR DE PORTA ENXERTOS PARA MELÃO
RENDILHADO AFETADOS POR DIDYMELLA BRYONIAE
610
LORENZETTI, E. R.; SOUSA, E. S.; CONCEIÇÃO, D. M.;
SACRAMENTO, L. V. S; FURTADO, E. L. ; GOTO, R.
1530
SALSA E RUBIM, DUAS NOVAS HOSPEDEIRAS DE SCLEROTINIA
SCLEROTIORUM NO BRASIL
611
SANTOSJUNIOR,WN;
CARVALHO,MRM; REIS,A
1530
OCORRÊNCIA DE OIDIUM NEOLYCOPERSICI, EM BATATA, JILÓ E
JOÁ-DE-CAPOTE NO BRASIL
612
SANTOSJUNIOR,WN;
CABRAL,CS;
BOITEUX,LS; FONSECA,MEN
1536
CARACTERIZAÇÃO DE ISOLADOS DE COLLETOTRICHUM SPP.
DE CAFEEIROS DAS REGIÕES NORTE E NORTE PIONEIRO DO
ESTADO DO PARANÁ
613
CORDEIRO, AB; MARQUES, VV; MURATA, MM;
GONÇALVES, JS; OLIVEIRA, RM; LEITE JR, RP
1539
REGISTRO DE OIDIUM NEOLYCOPERSICI COMO AGENTE CAUSAL
DO OÍDIO ADAXIAL DO TOMATEIRO NO BRASIL
614
REIS, A; BOITEUX, LS; FONSECA, MEN
1539
OCORRÊNCIA DA FASE CONIDIAL DE ERYSIPHE HERACLEI
CAUSANDO OÍDIO EM SALSA E CENOURA NO BRASIL CENTRAL
615
REIS, A; BOITEUX, LS; FONSECA, MEN
1551
USO DE MÉTODOS ALTERNATIVOS NO CONTROLE DE CER­
COSPORIOSE DO QUIABEIRO
616
CATARINO, AM; RODRIGUES, AAC; QUEIROZ, JVJ;
FURTADO, LM; SILVA, LLS; SILVA, MG
1558
DETERMINAÇÃO DE SCLEROTIUM ROLFSII COMO AGENTE DA
MANCHA FOLIAR DE COLOCASIA ESCULENTA
617
QUEIROZ, JVJ; NICOLINI, C; FARIAS, JS; PIORIBEIRO, G; ANDRADE, GP
1569
ASPECTOS
MORFOFISIOLÓGICOS
MYROTHECIUM RORIDUM
DE
618
LEASTRO, MO; PAZ LIMA, ML; SILVA, CF
1575
OCORRÊNCIA DE DUAS POPULAÇÕES DE PHYTOPHTHORA
NICOTIANAE EM ACÁCIA-NEGRA DIFERENCIADAS POR ANÁLISE
DE PCR-SSCP
619
ALVES, TCA; TESSMANN, DJ; SANTOS, AF;
ZANUTTO, CA
1590
MÍLDIO NEGRO CAUSADO POR SARCINELLA SP. EM PIMENTA
VERMELHA (CAPSICUM BACATUM)
620
MOREIRA, SI; HONORATO JÚNIOR, J; DUTRA, DC;
PEREIRA, OL
1594
INIBIÇÃO DO CRESCIMENTO MICELIAL DE COLLETOTRICHUM
GRAMINICOLA PELO ÓLEO DE MELALEUCA
621
ROSA JR, OF; SAGATA, E; MARTINS, JAS;
REZENDE, AA; JULIATTI, F.C.
1609
OCORRÊNCIA DE CYLINDROCLADIUM SP. CAUSANDO MANCHA
FOLIAR EM GERÂNIO NO BRASIL.
622
NOGUEIRA, CP; DEZORDI, C; ASSIS,
HANADA, RE; COELHO NETTO, RA
1623
MICROSCOPIA ELETRÔNICA DE VARREDURA DE PSEUDOCER­
COSPORA PASSIFLORA-SETACEA EM FOLHAS DE PASSIFLORA
SETACEA
623
SOUSA, PCA; FARIAS, MP; ARAUJO, ACG;
PEGORIN, ALA; DIANESE, AC; PAZ-LIMA, ML
1623
CERCOSPORA ACROCOMIAE EM FOLHAS DE MACAÚBA NO
DISTRITO FEDERAL
624
PEGORIN, ALA; SOUZA, ESC; SOUSA, PCA;
SALES, TT; PAZ-LIMA, ML
1625
OCORRÊNCIA DE DUAS ESPÉCIES DE COLLETOTRICHUM
ISOLADAS ENDOFITICAMENTE DE PIMENTEIRA.
625
LIMA, ODR; SERRA, IMRS; SILVA, GS; MELO, TA;
REIS, ACM
1638
DENSIDADE E DIVERSIDADE DE FUNGOS ASSOCIADOS A
RIZOSFERA DO ARROZ DE TERRAS ALTAS NO PARÁ
626
RAIOL JUNIOR,LL; RÊGO, M CF; MORAES, AJG;
FILIPPI, MCC; SILVA; GB
1639
OCORRÊNCIA DE ALTERNARIA CRASSA EM DATURA STRAMONIUM
NO BRASIL
627
CARVALHO,MRM;
SANTOSJUNIOR,WN; REIS,A
1644
ASSOCIAÇÃO DE PHYTOPHTHORA CINNAMOMI COM A MORTE DE
ÁRVORES DE ARAUCÁRIA NO BRASIL
628
SANTOS AF DOS; TESSMANN, DJ; ALVES, TCA;
HARAKAWA; R; OTTO, GM
1644
CARACTERIZAÇÃO FISIOMORFOLÓGICA E MOLECULAR
PHYTOPHTHORA PALMIVORA DA PUPUNHEIRA
DE
629
SANTOS AF DOS; BORA, KC; TESSMANN, DJ;
ALVES, TCA; VIDA, JB; HARAKAWA, R
1651
DENSIDADE DE FUNGOS ASSOCIADOS À RIZOSFERA DE INGA
SPP. PROVENIENTES DE ÁREAS NATIVAS E REFLORESTADAS
APÓS EXPLORAÇÃO PETROLÍFERA.
630
PANTOJA, MB; SOUSA, BB; SILVA, JF; SILVA, AP;
LUSTOSA, DC; SILVA, GB
1660
REAÇÃO DE CULTIVARES DE SOJA À ANTRACNOSE EM SOJA
631
ROSEMARI TEREZINHA DE SOUZA; CARLOS A.
FORCELINI; NORIMAR D’ÁVILA DENARDIN.
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
DE
ISOLADOS
CABRAL,CS;
REIS,A;
LAG;
CABRAL,CS;
55
Sessão de Postêr
56
Programação
1662
TRATAMENTO TÉRMICO DE SEMENTES DE ALGODOEIRO COM
FUSARIUM OXYSPORUM F. SP. VASINFECTUM
632
ALMEIDA, SF; KOBAYASTI, L; CASSETARI NETO, D
1668
BIODIVERSIDADE DE FUNGOS CERCOSPORÓIDES ASSOCIADOS
ÀS PLANTAS NATIVAS DE FRAGMENTOS DE MATA ATLÂNTICA DE
MINAS GERAIS
633
FIRMINO,AL; PINHO,DB; PEREIRA,OL
1668
ALGUNS FUNGOS FOLÍCOLAS EM NECTANDRA RÍGIDA DA MATA
ATLÂNTICA DE MINAS GERAIS
634
FIRMINO,AL; PINHO,DB; PEREIRA,OL
1673
ENGLEROBOLUS CARLOI, NOVO GÊNERO E NOVA ESPÉCIE DE
ASCOMYCOTA DA FAMÍLIA ENGLERULACEAE.
635
BEZERRA, JL;
GONÇALVES, F
1699
MACROPHOMA PASSIFLORAE
FRUTOS DE MARACUJÁ.
EM
636
LIMA, ESS; MIRANDA E SILVA, VA; SOUSA, PCA;
PEGORIN, ALA; SALES, TT; SOUZA, ESC; URBEN,
AF; BARBOSA, AL; PAZ-LIMA, ML
1699
MANCHA FOLIAR DE BIPOLARIS SP. EM LEITEIRO (EUPHORBIA
HETEROPHYLLA).
637
LIMA, ESS; PEGORIN, ALA; SOUZA, ESC; SALES,
TT; BARBOSA E SILVA, AL; PAZ-LIMA, ML
1707
ISOLAMENTO E CARACTERIZAÇÃO DE FUNGOS MICORRÍZICOS
ISOLADOS DE CYRTOPODIUM VERNUM E CYRTOPODIUM EUGENII
PARA INDUÇÃO SIMBIÓTICA DE GERMINAÇÃO DE SEMENTES.
638
GONÇALVES, F.J. ; NUNES, C.M.C; FILIPPI, M.C;
SIBOV, S.T
1710
MANCHA FOLIAR EM QUIABEIRO CAUSADA POR RHIZOCTONIA
SP.
639
ASSIS, LAG; DEZORDI, C; HANADA, RE; COELHO
NETTO, RA
1710
PALMEIRA TUCUMÃ: UMA NOVA HOSPEDEIRA DE SPHACELOMA
SP.
640
ASSIS, LAG; ELIAS, MEA; SOUSA, FMG; BENTES,
JLS
1712
COMPORTAMENTO DE CULTIVARES DE SOJA NA PRESENÇA DE
MACROPHOMINA PHASEOLINA EM RELAÇÃO A TRATAMENTOS
QUÍMICOS DAS SEMENTES
641
DEPIERI, H.F.G.; JULIATTI, F.C.; SAGATA, E.; SILVA,
J.V.C.DA; SILVA, J.R.V.DA
1726
PROSPECÇÃO DE DOENÇAS DO EUCALYPTUS SPP. EM ÁREAS
DEGRADADAS NO SUDESTE DO PARÁ
643
RÊGO, M.C.F; SILVA, J.C; CRUZ, J.L ; LUSTOSA,
D.C; SILVA, G.B
1735
PRIMEIRO RELATO DA MANCHA DE PESTALOTIOPSIS EM
HELICÔNIA NA ILHA DE SÃO LUÍS, MARANHÃO.
644
SOUSA, RMS; SERRA, IMRS; MELO, TA; ARAUJO,
JF; REIS, ACM
1735
OCORRÊNCIA DE COLLETOTRICHUM GLOEOSPORIOIDES EM
FRUTOS DE BACURIZEIRO NA PRÉ-AMAZÔNIA MARANHENSE.
645
SANTOS, AWO; COSTA, NNF; MELO, TA; SOUSA,
RMS; SERRA, IMRS
1759
UMA PROVÁVEL ESPÉCIE NOVA DE HYPHOPOLYNEMA SP. DA
MATA ATLÂNTICA DE MINAS GERAIS
646
PINHO,DB; FIRMINO,AL; PEREIRA,OL
1759
BIODIVERSIDADE DE FUNGOS CAUSADORES DE MÍLDIOS
NEGROS ASSOCIADOS ÀS PLANTAS NATIVAS DE FRAGMENTOS
DE MATA ATLÂNTICA DE MINAS GERAIS
647
PINHO,DB; FIRMINO,AL; PEREIRA,OL
1776
VERRUGOSE NEGRA DA CANELA AMARELA, CAUSADA POR
UMA NOVA ESPÉCIE DE ANHELLIA (MYRIANGIACEAE) DA MATA
ATLÂNTICA DE MINAS GERAIS.
648
BRAGANÇA,CAD;
HONORATO-JUNIOR,J;
PINHO,DB; NICOLI,A; PEREIRA,OL
1776
BLACK MILDEW DISEASE ON THE NEOTROPICAL MEDICINAL
SHRUB POTHOMORPHE UMBELLATA IN BRAZIL, CAUSED BY
IRENOPSIS TORTUOSA VAR. POTOMORPHES.
649
PINHO,DB;
NICOLI,A;
HONORATO-JUNIOR,J;
BRAGANÇA,CAD; PEREIRA,OL
1801
ANÁLISE DA POPULAÇÃO DE CURVULARIA SPP. ASSOCIADA A
INHAME NO ESTADO DE ALAGOAS.
650
MORAES,EMS;
MIZUBUTI,ESG
1802
CARACTERIZAÇÃO
MORFOFISIOLÓGICA
DE
ISOLADOS DE LASIODIPLODIA THEOBROMAE.
DIFERENTES
651
NETTO, MSB; ALMEIDA, CCA; CORREIA, ECSS;
ASSUNÇÃO, IP; LIMA, GSA
1805
RELAÇÕES FILOGENÉTICAS ENTRE AS ESPÉCIES DO COMPLEXOSIGATOKA DA BANANEIRA E ESPÉCIES DE MYCOSPHAERELLA
ASSOCIADAS A DIFERENTES HOSPEDEIROS E REGIÕES
652
OLIVEIRA, SAS; BRAGANÇA, CAD; GOMES, LIS;
MIZUBUTI, ESG
1805
RELAÇÕES FILOGENÉTICAS ENTRE PUCCINIA SPP. QUE
INFECTAM DIFERENTES ESPÉCIES DE MONO E DICOTILEDÔNEAS
COM BASE NA REGIÃO ITS
653
OLIVEIRA, SAS; GOMES, LIS; MIZUBUTI, ESG
1809
OCORRÊNCIA DE CERATOCYSTIS PARADOXA EM FRUTOS DA
PUPUNHEIRA NO SUL DO BRASIL
654
INÁCIO, CA; SANTOS, AF DOS; TESSMANN, DJ;
BELLETTINI, S
1813
VARIABILIDADE GENÉTICA EM ISOLADOS DE HEMILEIA VASTATRIX
ORIGINADOS DE UMA ÚNICA PÚSTULA
655
MAIA, TA; CABRAL, PGC; MACIEL-ZAMBOLIM, E;
CAIXETA, ET; ZAMBOLIM, L
1820
FUNGOS CONTAMINANTES ISOLADOS EM ERVA-DOCE
656
RIBEIRO, DH; PASIN,
CROSARIOL, SK
LAAP;
BELO,
RAS;
1820
INFLUÊNCIA DA EMBALAGEM NA INCIDÊNCIA FÚNGICA EM
PLANTAS MEDICINAIS
657
RIBEIRO, DH; PASIN,
CROSARIOL, SK
LAAP;
BELO,
RAS;
1836
CRESCIMENTO MICELIAL DO FUSARIUM SUBGLUTINANS F. SP.
ANANAS EM DIFERENTES TEMPERATURAS
658
COSTA,NFP;
FERREIRA,ICPV;
ARAUJO,AV; SALES,NPL
1847
OCORRÊNCIA DA MURCHA DE FUSARIUM EM ALFACE NO
MUNICÍPIO DE CARATINGA NO ESTADO DE MINAS GERAIS
659
COSTA, H; VENTURA,JA; FERREIRA, GS
1847
OCORRÊNCIA DA FERRUGEM DA VIDEIRA NO ESTADO DO
ESPÍRITO SANTO
660
COSTA, H; VENTURA,JA
MCALPINE
INFECTANDO
VITÓRIA,
LIMA,JS;
NS;
FREIRE,
F;
BRAGANÇA,CAD;
AQUINO,CF;
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Sessão de Postêr
1854
EFEITO DE TRICHODERMA SPP. NA GERMINAÇÃO DE SEMENTES
E CRESCIMENTO DE PLÂNTULAS DE ARROZ.
661
SILVA, JC; MORAES, AJG; SILVA, AS; TORRES, DB;
RAIOL JR., LL; LUSTOSA, DC; SILVA, GB
1854
CRESCIMENTO MICELIAL E ESPORULAÇÃO DE B. BICOLOR DO
AÇAIZEIRO EM DIFERENTES MEIOS DE CULTURA E REGIMES DE
LUMINOSIDADE.
662
SILVA, JC; TORRES, DB; SILVA, AS; LUSTOSA, DC;
SILVA, GB
1869
VARIABILIDADE GENÉTICA DE CRYPTOSPORIOPSIS SPP., CAUSA­
DOR DA PODRIDÃO “OLHO-DE-BOI” EM MACIEIRA.
663
RUSSI, A; COMPARIM, CC; BÔGO, A; SANHUEZA,
RMV; RITSCHEL, PS
1873
GERMINAÇÃO CONIDIAL IN VITRO DE MICROCYCLUS ULEI
(FUSICLADIUM MACROSPORUM) CAUSADOR DO MAL-DASFOLHAS DA SERINGUEIRA
664
OLIVEIRA, TAS; CARDOSO, SEA; MATTOS, CRR;
BLUM, LEB
1874
PHYLOGENETIC RELATIONSHIPS OF MICROCYCLUS ULEI BASED
ON THE ITS REGION
665
HORA JÚNIOR, BT; OLIVEIRA, SAS; MAFFIA, LA;
MIZUBUTI, ESG
1887
EFEITO FITOTÓXICO E CARACTERIZAÇÃO DE FUSARIUM SOLANI
ASSOCIADOS A PLANTAS DE CITROS COM SINTOMAS DE MORTE
SÚBITA
667
SANTOS, J; MACHADO,
PFENNING, LH
1887
VARIABILIDADE DE MARCADORES MORFOLÓGICOS E MOLECU­
LARES DE POPULAÇÕES DE COLLETOTRICHUM ASSOCIADAS AO
CAFEEIRO
668
UMEMURA, EA; SALGADO, M; ALMEIDA, AR; LIMA,
CS; PFENNING, LH
1895
MICOBIOTA ASSOCIADA A AÇAIZEIRO (EUTERPEA SPP.) EM ÁREAS
NATIVAS E REFLORESTADAS APÓS EXPLORAÇÃO PETROLÍFERA.
669
TORRES, DB; NECHET, KL; HALFED VIEIRA, B;
SILVA, JC; LUSTOSA, DC; SILVA, GB
1921
QUANTIFICAÇÃO DE BASIDIOCARPOS DE MONILIOPHTHORA
PERNICIOSA EM VASSOURAS DE BRUXA EM CUPUAÇUZEIRO
670
SOUZA, MG; GUALBERTO, GF; SOUZA, AGC;
ALMEIDA, OC; SOUSA, NR
1923
DENSIDADE DE FUNGOS ASSOCIADOS À RIZOSFERA DE AÇAÍ
SPP. PROVENIENTES DE ÁREAS NATIVAS E REFLORESTADAS
APÓS EXPLORAÇÃO PETROLÍFERA
671
SILVA, A.P; TORRES, D.B; SILVA, J.C; LUSTOSA,
D.C; SILVA, G.B
1947
PATOGENICIDADE E VARIABILIDADE GENÉTICA DE COLLETO­
TRICHUM SPP. EM CAFEEIRO
672
MARQUES-MARÇAL, VV.; PACCOLA-MEIRELLES,
LD.; LEITE JR, RP.
1958
DETECÇÃO DE USTILAGO SP. EM CAPIM PANGOLA (DIGITARIA
DECUMBENS) NO ESTADO DE ALAGOAS.
673
CORREIA, ECSS; NETTO, MSB; TAVARES, SS;
ROCHA, ITM; ASSUNÇÃO, IP
1960
FUSARIUM DECEMCELLULARE COMO AGENTE DE NOVA DOENÇA
EM PALMA FORRAGEIRA
674
SILVA, EJ; SILVA,JC; AMORIM, EPR; BARBOSA, LF
1965
DINÂMICA DE TRICHODERMA EM SOLOS DE MORANGUEIRO NOS
SISTEMAS DE CULTIVO CONVENCIONAL E ORGÂNICO
675
SILVA,JBT ; ISAIAS,CO; MARTINS,I; MICHEREFF
FILHO,M; MENÊZES,JE; MELLO,SCM
1983
PATOGENICIDADE DE COLLETOTRICHUM GLOEOSPORIOIDES
INFECTANDO FOLHAS DE MUDAS DE ZANTEDESCHIA AETHIOPICA
676
SALES, TT; LIMA, ESS; SOUZA, ESC; PAZ LIMA,
ML
1983
PATOGENICIDADE DE COLLETOTRICHUM GLOEOSPORIOIDES
E FUNGOS ASSOCIADOS À MANCHA FOLIAR DE YUCA
ELEPHANTIPES.
677
SALES, TT; LIMA, ESS; SOUZA, ESC; URBEN, AF;
PAZ-LIMA, ML
1993
PRODUCTION OF HYDROLASES BY THE DICYMA PULVINATA
ISOLATES,
AND
PARTIAL
CHARACTERIZATION
OF
A
678
AGUSTINHO, DP; SILVA, JBT; MELLO, SCM;
CARVALHO, MA; PERETTI, B; FELIX, CR
1997
CHARACTERIZATION OF A NEW MEMBER OF THE FUSARIUM
SOLANI SPECIES COMPLEX CAUSING PEANUT BROWN ROOT
ROT
679
CASASNOVAS,F; REYNOSO,MM; PALACIOS,S;
MEZA,L; RAMIREZ,ML; CHULZE,SN; TORRES,AM
2000
ATIVIDADE ANTAGÔNICA IN VITRO DE ISOLADOS DE TRICHODERMA
SPP. A SCLEROTIUM CEPIVORUM
680
FERRAZ, DMM; MONTEIRO, JMS; MELLO, SCM;
BLUM, LEB
2011
OCURRENCE OF ASTERINELLA SP. AND SCHIZOTHYRIUM SP.
(FUNGI, ASCOMYCOTA) ON LEAVES OF HOST PLANTS FROM THE
CERRADO OF PARQUE NACIONAL, BRASÍLIA-DF, BRAZIL.
681
NÓBREGA,DS; INÁCIO,CA
2011
REPORT OF ASTERINA SP. ON LEAVES OF DOLIOCARPUS SP.
(DILLENIACEAE) AND PRUNUS SELLOWII (ROSACEAE) AND
ASTERINELLA SP. ON EUPLASSA INAEQUALIS (PROTEACEAE)
FROM CERRADO.
682
OLIVEIRA, FFM; INÁCIO, CA
2017
PATOGENICIDADE DE ISOLADOS DE PHYTOPHTHORA CINNAMOMI
E P. HEVEAE OBTIDOS NA RIZOSFERA DE PARINARI ALVIMII,
MANILKARA MÁXIMA E HARLEYODENDRON UNIFOLIALATUM NA
MATA ATLÂNTICA DO SUL DA BAHIA.
683
MAGALHÃES, DA; LUZ, EDMN; BEZERRA, JL;
SOUZA, JT DE
2021
CARACTERIZAÇÃO MORFOLÓGICA E MOLECULAR DE ISOLADOS
DE THIELAVIOPSIS BASICOLA OBTIDOS A PARTIR DE HORTALIÇAS
FOLHOSAS E SUBSTRATO.
684
TEIXEIRA, LDD; ALBUQUERQUE, PSB; SALA, FC;
SENDO, IH; COSTA, CP
2051
DENSIDADE DE FUSARIUM SOLANI, RHIZOCTONIA SOLANI E
TRICHODERMA SPP. EM SOLOS CULTIVADOS EM GOIÁS, MINAS
GERAIS E DISTRITO FEDERAL
685
DEISYENNE OLIVEIRA FREITAS
1192
TOLERÂNCIA DE GENÓTIPOS DE BANANEIRAS A RADOPHOLUS
SIMILIS
686
SANTOS, JRP; TEIXEIRA, MA; VASCONCELOS,
VM; CARES, JE; COSTA, DC
MA;
BOTREL,
D;
b-GLUCANASE
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
57
Sessão de Postêr
Programação
1216
ESTUDO DA GAMA DE HOSPEDEIROS DE MELOIDOGYNE
MAYAGUENSIS.
687
ALMEIDA, EJ; SANTOS, JM; MARTINS, ABG
1216
FLUTUAÇÃO POPULACIONAL DE MELOIDOGYNE MAYAGUENSIS
EM POMAR DE GOIABEIRA
688
ALMEIDA, EJ; SANTOS, JM; MARTINS, ABG
1303
RELAÇÃO ENTRE TOLERÂNCIA E RESISTÊNCIA DE GENÓTIPOS
DE ALGODOEIRO AO ROTYLENCHULUS RENIFORMIS
689
GALBIERI, R; CIA, E; FANAN, S
1306
EFICÁCIA DE ARTHROBOTRYS OLIGOSPORA E PAECILOMYCES
LILACINUS NO CONTROLE DE MELOIDOGYNE INCOGNITA EM
ALFACE SOB CULTIVO PROTEGIDO
690
PAES,VS; SANTIAGO,DC; KRZYZANOWSKI,AA;
TAKAHASHI,A;
ALMEIDA,VP;
PONTES,AR;
ARIEIRA, GO; PEREIRA,RFG
1324
REAÇÃO DE CULTIVARES
MAYAGUENSIS.
MELOIDOGYNE
691
SOMAVILLA, L; GOMES, CB
1329
CONTROLE DE MELOIDOGYNE JAVANICA POR MEIO DA
APLICAÇÃO DE GRÃOS DE ARROZ COLONIZADOS POR POCHONIA
CHLAMYDOSPORIA
692
DALLEMOLE-GIARETTA, R.; FREITAS, L.G.;
XAVIER, D.M.; LOPES, E.A.; ZOOCA, R.J.F.;
FERRAZ, S.
1329
COMBINAÇÃO DE ISOLADOS DE POCHONIA CHLAMYDOSPORIA
PARA O CONTROLE DE MELOIDOGYNE JAVANICA.
693
DALLEMOLE-GIARETTA, R.; FREITAS, L.G.; ;
XAVIER, D.M.; ; LOPES, E.A.;; FERRAZ, S.;
1347
EFEITO DE ISOLADOS DE BACTÉRIAS ENDOFÍTICAS, IN VITRO,
SOBRE A ECLOSÃO DE JUVENIS DE MELOIDOGYNE SP.
694
SILVA, RR; VASCONCELOS, ACP; PIASSA, J;
FERREIRA, AS; SANTOS, MA
1406
EFEITO, IN VITRO, DE EXTRATOS DE PLANTAS MEDICINAIS SOBRE
JUVENIS DE MELOIDOGYNE INCOGNITA RAÇA 2.
695
MARTINS, M.C.B; DIAS, K.D; SANTOS, C.D.G
1406
REDUÇÃO DA INFESTAÇÃO DE MELOIDOGYNE INCOGNITA
EM TOMATEIROS COM EXTRATOS DE PLANTAS MEDICINAIS
APLICADOS AO SOLO E EM RAÍZES
696
MARTINS, M.C.B; DIAS, K.D; SANTOS, C.D.G
DE
SESSÃO PÔSTER: 8
FUMO
A
HORÁRIO: 18h:30 – 19h:30
SALÃO: VERSAILLES
CÓDIGO
RESUMO
INSCRIÇÃO
TÍTULO
1415
EFICÁCIA DO NEMATICIDA CADUSAFÓS EM CAFEZAIS COM
MELOIDOGYNE EXIGUA
697
SOUZA, SP; SANTOS, MA
1565
EFEITO DAS OPERAÇÕES DE COLHEITA E APLICAÇÃO DE VINHAÇA
EM CANA-DE-AÇÚCAR NA DISTRIBUIÇÃO DE MELOIDOGYNE SPP.
E PRATYLENCHUS ZEAE
699
PEDROSA, EMR; MIRANDA, TL; ROLIM, M.M;
SILVA, EFF; OLIVEIRA, NJV
1580
MANEJO DE MELOIDOGYNE PARANAENSIS EM MUDAS DE
CAFEEIRO COM O FUNGO PAECILOMYCES LILACINUS.
700
PEREIRA,RFG;
BAIDA,FC;
SBRUSSI,CAG
1585
COMUNIDADES DE NEMATÓIDES EDÁFICOS EM ÁREAS DE CANADE-AÇÚCAR SUBMETIDAS A DIFERENTES TEMPOS DE CULTIVO,
EM SOLO ARENOSO.
701
SBRUSSI, CAG; SANTIAGO, DC; GUIMARÃES, MF;
PEñUELA, J.E.B; ARIEIRA, GO; PEREIRA, RFG
1586
COMPATIBILIDADE DO FUNGO NEMATÓFAGO PAECILOMYCES
LILACINUS COM AGROTÓXICOS APLICADOS EM DIVERSAS
CULTURAS.
702
STROZE, CT; SANTIAGO, DC; BAIDA, FC; ALMEIDA,
VP; ARIEIRA, GO; PAES, VS; PEREIRA, RFG
1597
DESENVOLVIMENTO DE MELOIDOGYNE INCOGNITAE ALTERAÇÕES
ENZIMÁTICAS EM PLANTAS DE ALPINIA PURPURATA
703
ASSIS, TC; PEDROSA, EMR; ANDRADE, DEGT;
COELHO, RSB; SILVA, CVMA
1597
EFEITO DE INDUTORES DE RESISTÊNCIA SOBRE A NEMATOFAUNA
ASSOCIADA À RIZOSFERA E A ATIVIDADE DE B-1,3-GLUCANASE E
PEROXIDASE EM BASTÃO DO IMPERADOR.
704
ASSIS, TC; PEDROSA, EMR; COELHO, RSB;
BEZERRA NETO, E; ANDRADE, DEGT; LIMA, MG;
SPINDOLA, MCB
1618
CONTROLE BIOLÓGICO DOS FITONEMATÓIDES MELOIDOGYNE
INCOGNITA E PRATYLENCHUS BRACHYURUS NA CULTURA DA
CENOURA
705
LEITE, LN; SANTOS, MA
1662
OCORRÊNCIA DE NEMATÓIDES NA CULTURA DO ALGODÃO NO
MUNICÍPIO DE CAMPO VERDE EM MATO GROSSO
707
ALMEIDA, SF
1696
EFEITO DE DIFERENTES RESÍDUOS ORGÂNICOS EM MUDAS DE
MAMOEIRO INFESTADAS POR MELOIDOGYNE JAVANICA
709
DAMASCENO, J.C.A.; RITZINGER, C.H.S.P.;
LUQUINE, L.S.; VIEIRA, R.S.; SANTA BÁRBARA,
M.; LEDO, C.A. DA S.
1758
EFEITO DOS EXTRATOS AQUOSOS DE ESPÉCIES VEGETAIS,
APLICADOS NO SOLO, SOBRE ROTYLENCHULUS RENIFORMIS.
710
MURAMOTO, S. P.; KRZYZANOWSKI, A.A.;
ALMEIDA, W. P. DE; SANTIAGO, D. C.; GARDIANO,
C. G.; ABI-SAAB, O. J. G.
1766
REAÇÃO DE PLANTAS MEDICINAIS A MELOIDOGYNE INCOGNITA
RAÇA 2
711
MARTINS, M.C.B.; DIAS, K.D.; SANTOS, C.D.G.
1804
ANÁLISE DA EXPRESSÃO GÊNICA DIFERENCIAL DE VIGNA
UNGUICULATA (FEIJÃO-CAUPI) POR MACROARRANJO DE DNA
712
SANTANA, C. G; ANDRADE, R.V.2;; PAES, N.S;
BRASILEIRO, A. C. M; CARNEIRO, R. M. D. G;
GROSSI DE SÁ, M. F.; MEHTA, A
58
AUTORES
SANTIAGO,DC;
STROZE,CT;
CADIOLI,MC;
ARIEIRA,GO;
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Sessão de Postêr
1821
ANÁLISE DE NOVAS FONTES DE RESISTÊNCIA DO ALGODOEIRO
A MELOIDOGYNE INCOGNITA RAÇA 3
713
MOTA, FC; PEIXOTO, JR; MATTOS, VS; SOUSA,
FR; CARNEIRO, RMDG
1859
RELAÇÕES ENTRE A DENSIDADE POPULACIONAL DE
MELOIDOGYNE SPP. E PRATYLENCHUS SPP. E A PRECIPITAÇÃO
EM ÁREAS DE CULTIVO DE CANA-DE-AÇÚCAR
714
MARANHÃO, SRVL; PEDROSA, EMR; GUIMARÃES,
LMP; CHAVES, A; THICIANO, LM
1864
AVALIAÇÃO DO POTENCIAL DE MELOIDOGYNE PARANAENSIS
NA INFECÇÃO DE PLANTAS DIFERENCIADORAS ATRAVÉS DE
AMOSTRAS DE SOLO INFESTADOS.
715
BAIDA, FC; SANTIAGO, DC; HOMECHIN, M; LEVY,
RM; STROZE, CT; PAES, VS
1892
DENSIDADE POPULACIONAL DE NEMATÓIDES EM ÁREAS NATIVAS
E REFLORESTADAS APÓS EXPLORAÇÃO PETROLÍFERA.
716
CONCEIÇÃO, CS; BARATA, GS; LUSTOSA, DC;
BATISTA, TFC
1894
OCORRÊNCIA DE FITONEMATÓIDES EM PLANTAS CULTIVADAS
NO TOCANTINS
717
LIMA NETO, AF; NOGUEIRA, SR; LIMA, FSO;
CARES, JH; BLATT, NETO; PINHO, BRB
1897
EFEITO DE RESTRITORES HÍDRICOS NO CRESCIMENTO DE
ARTHROBOTRYS CONOIDES IN VITRO
718
FREIRE, E.S. ; CAMPOS, V.P.; FARIA, M.; PINHO,
R.S.C.; ABREU, F.A.
2029
OCORRÊNCIA DE TUBIXABA SP. EM LAVOURAS COMERCIAIS DE
SOJA NO ESTADO TOCANTINS
719
LIMA,FSO; ROCHA, EM; NETO LIMA AF; CARES J;
FURLANETTO, C; DIAS, T. S
1282
OCORRÊNCIA DE MANCHA FOLIAR EM TECA (TECTONAE
GRANDIS) CAUSADO POR ALTERNARIA SP. NO ESTADO DE
GOIÁS, BRASIL.
720
CARRER FILHO, R; FERREIRA, A.A; MELO, G.C;
SILVA, H.R; SANTOS, M.V.A; OTONI, R.F; SILVA, S.I
1300
RESISTÊNCIA DE CLONES DE EUCALIPTO À MURCHA DE
CERATOCYSTIS: RESULTADOS PRELIMINARES.
721
TUMURA, KG; FURTADO, EL
1300
AVALIAÇÃO DE DIFERENTES MEIOS DE CULTURA PARA CULTIVO
DE CERATOCYSTIS FIMBRIATA
722
TUMURA, KG; FURTADO, EL
1312
OCORRÊNCIA DE PSEUDOCERCOSPORA NORCHIENSIS
EUCALYPTUS GLOBULUS NO ESTADO DE SÃO PAULO.
EM
723
PASSADOR, M.M; LIMA, P.R.; HARAKAVA, R.;
FURTADO, E.L.
1333
INFLUENCIA DE NÍVEIS DE SOMBREAMENTO SOBRE A SEVE­
RIDADE DA PODRIDÃO-DE-RAÍZES DA ERVA-MATE
724
POLETTO,I; MUNIZ,M; BLUME,E; CECONI,DE
1416
IDENTIFICAÇÃO DE ESPÉCIES DE CYLINDROCLADIUM EM PLAN­
TIOS DE EUCALIPTO NO VALE DO JARÍ
725
FONTES, VL; ALFENAS, RF; LOPES, EA; PEREIRA,
OL; ESTOPA, RA ; ALFENAS, AC
1443
PATOGENICIDADE DE TRÊS ESPÉCIES DE CYLINDROCLADIUM
EM EUCALIPTO
726
FONTES, V. L.; ALFENAS, R. F.; FREITAS, R. G
DE; PAIVA, J. M.; PEREIRA, O. L. ; ESTOPA, R. A. ;
ALFENAS, A. C.
1443
MÉTODOS PARA INDUÇÃO DE ESPORULAÇÃO DE CYLINDRO­
CLADIUM PTERIDIS
727
ALFENAS, R. F.; FONTES, V.L.; LOPES, E. A.;
PEREIRA, O.L.; FREITAS, R. G DE; ALFENAS, A.C.
1472
EFEITO DE EXTRATOS AQUOSOS NO CRESCIMENTO MICELIAL
DE COLLETOTRICHUM GLOEOSPORIOIDES ISOLADO DE
SERINGUEIRA
728
SIERRA-HAYER, JF; PEREIRA, JM; PASSADOR,
MM; BALDIN, ELL; BETELONI, FG; FURTADO, EL
1472
CRESCIMENTO MICELIALDE SEIS ISOLADOS DE COLLETOTRICHUM
GLOEOSPORIOIDES ISOLADO DE SERINGUEIRA, A DIFERENTES
TEMPERATURAS
729
SIERRA-HAYER, JF; FURTADO, EL
1529
PRODUÇÃO DE MUDAS E INCIDÊNCIA DE DOENÇA EM
EUCALYPTUS CITRIODORA SOB DIFERENTES SISTEMAS DE
CULTIVO
730
NEGRÃO, DR; SILVA JÚNIOR, TAF; PASSADOR,
MM; HAYER, JFS; ITAKO, AT; FURTADO, EL
1570
RESISTÊNCIA À MACHA FOLIAR E DESFOLHA CAUSADA POR
CYLINDROCLADIUM PTERIDIS EM UMA FAMÍLIA DE EUCALYPTUS
UROPHYLLA X E. CAMALDULENSIS.
731
CÁPUA NETO, B; ZAPERLON, TG; GUIMARÃES,
LMS; COUTINHO, MM; ESTOPA, RA; ALFENAS,
AC
1806
VIRULÊNCIA E AGRESSIVIDADE DE DOIS ISOLADOS DE PUCCINIA
PSIDII EM CLONES DE EUCALIPTO.
732
AUN, CP; RODRIGUES, BVA; GRAÇA, RN;
GUIMARÃES, LMS; LOPES, EA; ALFENAS, AC
1901
PROSPECÇÃO DE FUNGOS ASSOCIADOS A IPÊ (TABEBUIA
SERRA­TIFOLIA), MANGUBA (PACHIRA AQUATICA) E ACAPURANA
(CAMPSIANDRA COMOSA) EM ÁREAS PETROLÍFERAS NA
AMAZÔNIA.
733
SILVA, JF; RAIOL JR, LL; LUSTOSA, DC; OLIVEIRA,
FC; SILVA,GB
1964
CANCRO DO PARICÁ (SCHIZOLOBIUM PARAHYBA VAR.
AMAZONICUM (HUBER X DUCKE) BARNEBY) NO ESTADO DO
PARÁ
734
TREMACOLDI, CR; LUNZ, AM; COSTA, FRS; MELO,
LGL
2018
IDENTIFICAÇÃO DE ÁREAS POTENCIAIS PARA A OCORRÊNCIA DE
CRYPHONECTRIA CUBENSIS COM O AUXÍLIO DE SIG
737
WESLEY AUGUSTO CAMPANHARO; MARCELO
HENRIQUE SAVOLDI PICOLI; HUGO ROLDI
GUARIZ; ROBERTO AVELINO CECÍLIO
2026
QUALIDADE SANITÁRIA DE SEMENTES DE IPÊ AMARELO
738
MELO, GF; SILVA, ILSS; SANTOS, ABC; MORAIS,
MR; SILVA, AP
1323
DOENÇAS PÓS-COLHEITA EM FRUTOS DE GOIABA ‘CASCÃO’ E
‘MILÊNIO’
739
ALMEIDA, AM; FISCHER, IH; BERTANI, RMA;
GARCIA, MJDM; FILETTI, MS; SPADOTTI, DMA
1314
APLICAÇÃO DE OZÔNIO PARA O CONTROLE PÓS-COLHEITA DE
BOTRYTIS CINEREA EM ROSAS ‘AVANT GARD’
740
FAVERO, BT; CIA, P; DIAS-TAGLIACOZZO, GM
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
59
Sessão de Postêr
60
Programação
1321
CARACTERIZAÇÃO ENZIMÁTICA, CULTURAL E INOCULAÇÃO
CRUZADA DE ISOLADOS DE LASIODIPLODIA THEOBROMAE EM
FRUTOS PÓS-COLHEITA
741
SANTOS, AMG; SILVA, CVMA; CORRÊIA, KC;
SILVA, RLX; OLIVEIRA, SMA
1321
INDUTORES DE RESISTÊNCIA NO CONTROLE DA ANTRACNOSE
EM PÓS-COLHEITA DE BANANA
742
PESSOA, WRLS; SANTOS, AMG; OLIVEIRA, SMA;
COUTO, EF; SILVA, RLX
1335
EVOLUÇÃO DE LESÕES DE BACTERIOSE EM FRUTOS DE
MARACUJAZEIRO AMARELO, EM PÓS-COLHEITA, TRATADOS COM
INDUTORES DE RESISTÊNCIA
743
UESUGI, CH; JUNQUEIRA, KP; FALEIRO, FG;
JUNQUEIRA, NTV; SANTOS, EC; BELLON, G;
CASTELO BRANCO, MT; RESENDE, MLV
1344
CARACTERÍSTICAS FÍSICO-QUÍMICA DO ABACAXI SUBMETIDO À
TRATAMENTOS PÓS-COLHEITA CONTRA A PODRIDÃO NEGRA
744
SILVA, E.K.C.; ALVES, M.Z.; OLIVEIRA, S.M.A.;
OLIVEIRA. J.; ALEXANDRE, E.R.
1344
INFLUÊNCIA DA TEMPERATURA E PERÍODO DE MOLHAMENTO
SOBRE O DESENVOLVIMENTO DE CHALARA PARADOXA EM
ABACAXI.
745
SILVA, E.K.C.; ALVES, M.Z.; OLIVEIRA, S.M.A;
OLIVEIRA. J.; SILVA, R.L.X.; LOPES, A.L.
1349
MOFO PRETO DA CEBOLA CAUSADA POR ASPERGILLUS NIGER
COMO FATOR LIMITANTE PARA A COMERCIALIZAÇÃO DE BULBOS
DE CEBOLA NO RIO GRANDE DO SUL
746
SILVA, LP; UENO, B
1373
INCIDÊNCIA DE FUSARIOSE (FUSARIUM SUBGLUTINANS) EM
FRUTOS DE ABACAXI ‘MD2’ EM CONDIÇÕES DE PÓS-COLHEITA
747
PINTO, K.M.S.; GOMES, E.C.S; LEITE, R.P.;
MIRANDA, J.R.; NASCIMENTO, L.C.
1457
AVALIAÇÃO DE ÁCIDO ASCÓRBICO EM ABACAXI TRATADOS COM
EXTRATOS VEGETAIS SOBRE A PODRIDÃO NEGRA
748
ALEXANDRE, ER; ALVES, MZ; OLIVEIRA, SMA;
OLIVEIRA. J; SILVA, EKC; SOUZA, ER
1503
OCORRÊNCIA DE SCLEROTIUM
MARACUJÁ-DO-SONO
DE
749
SUSSEL, AAB; SOUZA, SCR; JUNQUEIRA, NTV
1577
INCIDÊNCIA DE DOENÇAS DE PÓS-COLHEITA EM FRUTOS DE
MORANGO PRODUZIDOS NO DISTRITO FEDERAL EM 2008
750
HENZ, GP; REIS, A; SILVA, KCC; PEREIRA, SF
1589
LEVANTAMENTO ETIOLÓGICO DE FUNGOS E BACTÉRIAS
ASSOCIADOS ÀS PODRIDÕES PRÉ E PÓS-COLHEITA DE RIZOMAS
DE GENGIBRE (ZINGIBER OFFICINALE) PARA EXPORTAÇÃO.
752
DUTRA, DC; MOREIRA, SI; RODRIGUES, AC;
OLIVEIRA, JR; DHINGRA, OD; PEREIRA, OL
1631
INFLUÊNCIA DE PRODUTOS ALTERNATIVOS EM DIFERENTES
DOSAGENS, SOBRE O CRESCIMENTO MICELIAL DE LASIODIPLODIA
THEOBROMAE, IN VITRO.
754
LINS,SRO; OLIVEIRA,SMA
1810
PRODUTOS BIOLÓGICOS E ALTERNATIVOS NO CONTROLE DE
DOENÇA PÓS-COLHEITA EM MELÃO CANTALOUPE
755
NASCIMENTO, SRC; MOURA, RD; SILVA, GG;
ROCHA, RHC
1927
REAÇÃO DE NOVAS VARIEDADES
COLLETOTRICHUM MUSAE
À
756
PINHO, DB; VELOSO, JS; MIZOBUTSI, EH; POLETEMIZOBUTSI, G; REIS, ST; MAIA, VM; RIBEIRO, RCF;
XAVIER, AA
1986
DETECÇÃO DE INFECÇÃO LATENTE EM BANANA “PRATA ANÔ
CAUSADA POR COLLETOTRICHUM MUSAE COM O USO DE
ETEFON
757
VELOSO, JS; FERNANDES, MB; MONTEIRO, TSA;
GUIMARÃES, CP; AGUIAR,RM; SANTOS,BC DOS;
MAIA,VM; MIZOBUTSI,EH
1986
USO DE QUITOSANA NO MANEJO DA PODRIDÃO DA COROA EM
BANANA “PRATA ANÔ
758
FERNANDES, MB; MONTEIRO, TSA; GUIMARÃES,
CP; AGUIAR, RM; VELOSO, JS; SANTOS, BC ;
MAIA, VM; MIZOBUTSI, EH
1142
QUALIDADE SANITÁRIA E FISIOLÓGICA
DE AMBURANA CEARENSIS A.C. SMITH
TERMOTERAPIA E TRATAMENTO QUÍMICO
DE SEMENTES
SUBMETIDAS À
759
OLIVEIRA, MDM; NASCIMENTO, LC; ALVES, EU;
GONÇALVES, EP; SILVA NETO, JJS
1142
TRATAMENTOS TÉRMICO E QUÍMICO EM SEMENTES DE MULUNGU
E EFEITOS SOBRE A QUALIDADE SANITÁRIA E FISIOLÓGICA
760
OLIVEIRA, MDM; NASCIMENTO, LC; ALVES, EU;
GONÇALVES, EP; SILVA NETO, JJS
1157
INCIDÊNCIA DE GRÃO ARDIDO EM MILHO EM RESPOSTA À
APLICAÇÃO DE FUNGICIDA.
761
BOGO, A; CASA,RT; BOLZAN,JM;
OLIVEIRA,FS; RAMOS,AR
1193
DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIA PARA DETECÇÃO DE
XANTHOMONAS AXONOPODIS PV. MALVACEARUM EM SEMENTES
DE ALGODOEIRO.
762
BALANI, DM; ALMEIDA, IMG; DESTÉFANO, SAL;
PIZZIRANI-KLEINER, AA
1231
QUALIDADE SANITÁRIA DE SEMENTES DE SOJA TRATADAS COM
EXTRATOS VEGETAIS ANTES DO ARMAZENAMENTO
763
VENTUROSO, LR; BACCHI, LMA; GAVASSONI, WL;
CONUS, LA; PONTIM, BCA; BERGAMIN, AC
1264
UTILIZAÇÃO DE TESTE MOLECULAR NA DETECÇÃO DE FUNGO
EM SEMENTES
764
SILVA, SAM; BARROS, GB; BRIOSO, PST
1283
SEVERIDADE DE MANCHAS EM GRÃOS CAUSADAS POR ESPÉCIES
DE BIPOLARIS EM ARROZ
765
MANZONI, CG; MOURA, AB; ROSSETTO, EA ;
CASARIN, JV; MINOTTO, E; SOUZA JÚNIOR, IT ;
LUDwIG, J; WILLE, C; ROSENTHAL, M
1298
SUNFLOWER
CONDITIONS
DIFFERENT
766
SOUZA, LA; CARVALHO, MLM; PINTO, CAG
1307
FUNGOS ENDOFÍTICOS ASSOCIADOS A GRÃOS NÃO BROCADOS
DE COFFEA CANEPHORA EM DIFERENTES ÉPOCAS E ESTÁDIOS
DE MATURAÇÃO
767
SUMIDA, CH; ORSINI, IP; SANTOS, DTR DOS;
AESCHBACH, MK; HOMECHIN, M; PIMENTEL, IC
1351
FUNGOS FITOPATOGÊNICOS EM SEMENTES DE TRIGO NO
ESTADO DO MATO GROSSO, SAFRA 2008.
768
KOBAYASTI, L; PIRES, AP; CASETARI, D
SEED
HEALTH
ROLFSII
DE
STORAGE
EM
FRUTOS
BANANEIRAS
IN
SACHS,C;
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Sessão de Postêr
1356
OCORRÊNCIA DE FUNGOS EM SEMENTES DE FAVA D’ANTA
(DIMORPHANDRA MOLLIS) OBTIDAS DE FRUTOS COLETADOS NO
SOLO E NA PLANTA.
769
ARAUJO, AV ; FERREIRA, ICPV; SALES, NPL
1356
QUALIDADE SANITÁRIA DE SEMENTES DE GENÓTIPOS DE GRÃODE-BICO (CICER ARIETINUM) CULTIVADOS EM MONTES CLAROSMG.
770
AQUINO, CF; ARAUJO, AV ; FERREIRA, ICPV;
SALES, NPL; COSTA, CA; BRANDÃO JUNIOR, DS
1375
AVALIAÇÃO DA QUALIDADE SANITÁRIA DAS SEMENTES DE
PINHÃO-MANSO ORIUNDAS DO NORTE DE MINAS GERAIS
771
SANTOS, AA; CALDEIRA, NCA; AQUINO, CF;
SALES, NPL; MARANGON, B; BRANDÃO JÚNIOR,
DS
1375
CONTROLE DE FUNGOS ENDOFÍTICOS DO PINHÃO-MANSO UTILI­
ZANDO HIDROLATO DE ALECRIM PIMENTA (LIPPIA SIDOIDES)
772
OLIVEIRA, NCC; CARNEIRO, PAP; BARBOSA,
CKR; AQUINO, CF; SALES, NPL
1378
FITONEMATÓIDES EM SEMENTES DE FORRAGEIRAS TROPICAIS
IRRADIADAS COM COBALTO
773
FERNANDES, CD; MARCHI, CE; BATISTA, MV
1378
MICROFLORA FÚNGICA DE SEMENTES
TROPICAIS IRRADIADAS COM COBALTO
FORRAGEIRAS
774
FERNANDES, CD; MARCHI, CE; BATISTA, MV
1475
QUALIDADE DE SEMENTES DE COENTRO INOCULADAS COM
ALTERNARIA ALTERNATA E A. DAUCI ATRAVÉS DA RESTRIÇÃO
HÍDRICA
775
PEDROSO, DC; MENEZES, VO; PIVETA, G;
MULLER, J; MUNIZ, MFB; BLUME, E; MENEZES,
NL
1475
MÉTODOS DE INOCULAÇÃO DE ALTERNARIA ALTERNATA E A.
DAUCI NA QUALIDADE FISIOLÓGICA DE SEMENTES DE SALSA
776
PEDROSO, DC; MENEZES, VO; MULLER, J; MUNIZ,
MFB; BLUME, E; MENEZES, NL; GARCIA, DC
1508
TRATAMENTO QUÍMICO DE SEMENTES DE MILHO VISANDO
CONTROLE DE FUNGOS PRESENTES NAS SEMENTES E NO
SOLO
777
MALAGUETTA, H; TREMOCOLDI, AR; MORAES,
MHD; VITTI, A
1509
INCIDÊNCIA DE FUNGOS ASSOCIADOS ÀS SEMENTES DE SENNA
MACRANTHERA SUBMETIDAS À ESCARIFICAÇÃO ÁCIDA PARA
SUPERAÇÃO DA DORMÊNCIA.
778
PACHECO, C; PIVETA, G; MUNIZ, MFB;
LAZAROTTO,M; DUTRA,CB; MACIEL,CG; MIETH,A;
MEZZOMO,R
1509
INCIDÊNCIA DE FUNGOS ASSOCIADOS ÀS SEMENTES DE
LITHREA MOLLEOIDES SUBMETIDAS À ESCARIFICAÇÃO ÁCIDA
PARA SUPERAÇÃO DA DORMÊNCIA.
779
PACHECO, C; PIVETA, G; MUNIZ, MFB;
LAZAROTTO,M; DUTRA,CB; MACIEL,CG; MIETH,A;
MENEZES, VO
1518
DIFERENTES TRATAMENTOS NA SANIDADE E GERMINAÇÃO DE
SEMENTES DE CÁRTAMO (CARTHAMUS TINCTORIUS)
780
HAMANN,FAH;
GIRARDI,LB;
MICHELON,S; MUNIZ,MFB
1519
ESTUDO PRELIMINAR VISANDO MODELAGEM MATEMÁTICA PARA
ANÁLISE DO EFEITO DE MICROBIOTA NATURAL E VARIEDADE DE
MILHO NO CRESCIMENTO E PRODUÇÃO DE FUMONISINAS DE
FUSARIUM VERTICILLIOIDES.
782
BERND, LP; SOUZA, TM; ISHIKAwA, AT; ONO, EYS;
GERAGE, AC; FURLONG, EB; HIROOKA, EY
1519
INFLUÊNCIA DA FERTILIZAÇÃO NITROGENADA NA OCORRÊNCIA
DE FUMONISINAS EM MILHO RECÉM-COLHIDO DA REGIÃO NORTE
DO PARANÁ.
783
MIGUEL, TA; BERND, LP; SOUZA, TM; BORDINI,
JG; ISHIKAWA, AT; TAKAHASHI, HW; HIROOKA,
EY; ONO, EYS
1525
DETECÇÃO DE CURTOBACTERIUM FLACCUMFACIENS PV.
FLACCUMFACIENS (CFF) EM SEMENTES DE FEIJÃO DE LOTES
COMERCIAIS VIA PCR
784
ZACARONI, AB; FERRO,
MARTINS, SJ; SOUZA, RM
1546
AVALIAÇÃO DA MICOFLORA DE SEMENTES DE MILHO APÓS
TRATAMENTO COM EXTRATO ALCOÓLICO DE EUCALIPTO
785
LOPES, RAM; SOUZA, EB; TORCHELSEN, GM;
ALVES, CX; ROCHA, DJA; MARQUES, MW
1552
INFLUÊNCIA DA REMOÇÃO DO ARILO SOBRE A QUALIDADE
SANITÁRIA DE SEMENTES DE NONI
786
PEREIRA, APS; QUEIROZ, JVJ; SANTOS, TCG;
FARIAS, JS; ANDRADE, GP
1634
INFLUÊNCIA DO MÉTODO DE SUPERAÇÃO DA DORMÊNCIA
NA QUALIDADE SANITÁRIA DE LITHREA MOLLEOIDES MARCH.
(AROIERA-PRETA)
787
PIVETA, G; PACHECO, C; PEDROSO, DC;
MENEZES, VO; MACIEL, CG; MIETHE AT; MUNIZ,
MFB
1634
QUALIDADE FISIOLÓGICA E SANITÁRIA DE SEMENTES DE
HELIETTA APICULATA BENTH. QUANDO SUBMETIDAS A MÉTODOS
DE SUPERAÇÃO DA DORMÊNCIA E INOCULAÇÃO DE FUSARIUM
SPP.
788
PIVETA, G; HAMMAM, FA; PACHECO, C; PEDROSO,
DC ; MACIEL, CG; MIETHE, AT; MUNIZ, MFB
1639
INCIDÊNCIA DE FUSARIUM OXYSPORUM F. SP. LYCOPERSICI EM
SEMENTES DE TOMATE
789
CARVALHO, MRM; CABRAL, CS; SANTOSJUNIOR,
WN; REIS, A
1702
FUNGOS ASSOCIADOS A SEMENTES DE PINHÃO MANSO
PROCEDENTES DO MUNICÍPIO DE JANAÚBA-MG
790
CORRADINI, HT; GOTARDO, M; SANTOS, JE;
LEMES COSTA, L; D’ ABADIA, ACA; MORAES, OC
1725
DIFERENTES SISTEMAS DE SEMEADURA E COBERTURA NO
INVERNO NA INCIDÊNCIA DE FUSARIUM SP. EM GRÃOS DE
MILHO.
791
PEITL, DC; MARTINS, AE; HOMECHIM, M; CHAGAS,
DF; STELMACHUK, PK; TAMANINI,L
1795
QUALIDADE SANITÁRIA DE SEMENTES DE VARIEDADES DE MILHO
CRIOULO PRODUZIDAS NO MUNICÍPIO DE PORTERINHA-MG
792
CATÃO, HCRM; MARANGON, B; DOURADO, ER;
SALES, HM; SALES, NLP; BRANDÃO JUNIOR, DS
1795
QUALIDADE SANITÁRIA DE SEMENTES DE VARIEDADES DE
MILHO CRIOULO PRODUZIDAS NO MUNICÍPIO DE PORTERINHAMG APÓS O ARMAZENAMENTO
793
CATÃO, HCRM; MARANGON, B; DOURADO,
ER; COSTA, FM; VALADARES, SV; SALES, NLP;
BRANDÃO JUNIOR, DS
1814
EFEITO DO SILÍCIO NA TRANSMISSIBILIDADE DE BIPOLARIS
ORYZAE DE SEMENTES DE ARROZ PARA PLÂNTULAS
794
MIELLI, MVB; DALLAGNOL, LJ; RODRIGUES, FA
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
DE
HM;
LAZAROTTO,M;
LELIS,
FMV;
61
Sessão de Postêr
Programação
1836
CONTROLE DE FUNGOS ASSOCIADOS ÀS SEMENTES DO
GIRASSOL UTILIZANDO EXTRATOS VEGETAIS
795
CAMPOS, PCO; SANTOS, RF; MOTA, TC; AQUINO,
CF; FERREIRA, ICPV; MEDEIROS, AL; PAULO, TF;
COSTA, NFP; SALES, NPL
1840
AVALIAÇÃO DA PRESENÇA DE DESOXINIVALENOL EM TRIGO NO
SUL DO BRASIL
796
SANTOS, JS; PEDROLLO, DG; MALLMANN,
CA; BASSÓI, MC; PIRES, JL; SÓ E SILVA, M;
CAIERÃO, E; MIRANDA, MZ; ONO, EYS; ITANO,
EN; KAWAMURA, O; HIROOKA, EY
1870
ANÁLISE FITOPATOLÓGICA E MICOTOXICOLÓGICA DE TRIGO
PARA CONSUMO HUMANO
797
TOLEDO PIZA, J; SANTOS, JS; GARCIA, S; ONO,
EYS; SILVA, VC; MALLMANN, CA; IGARASHI, S;
HIROOKA, EY
1902
OCORRÊNCIA DE FUNGOS E AVALIAÇÃO DA QUALIDADE
FISIOLÓGICA DE SEMENTES DE TAGETES ERECTA
798
CABANE, MA; FREITAS, MA; CHAVES,
CASTRO, ALFG; CAFÉ FILHO, AC
1909
QUALIDADE SANITÁRIA E FISIOLÓGICA DE SEMENTES DE
FEIJOEIROS CULTIVADOS EM SÃO PAULO
799
BERTOLIN, DC; SÁ, ME; KRONKA, AZ; PANIZZI,
RC; MOREIRA, ER
1910
EFEITO DO NOVO FUNGICIDA CERTEZA (350+52,5 SC) ATRAVÉS
DO TRATAMENTO DE SEMENTES DE MILHO TRATADAS E
ARMAZENADAS POR 5 MESES NO CONTROLE DE PATÓGENOS E
EMERGÊNCIA DE PLÂNTULAS.
801
JULIATTI, F CA.; VILELA, F.K.J; VILELA, C.M.
2013
OBTENÇÃO DE PROTOPLASTOS DE STENOCARPELLA MAYDIS E
SUA TRANSFORMAÇÃO POR MEIO DE MARCADORES TIPO GFP
813
SIQUEIRA, C.S. ; BOTELHO, L.S. ; PEDROZO, R. ;
MACHADO, J.C. ; FIGUEIRA, A.R.; BARROCAS, E.N
2137
ECTOPIC EXPRESSION OF A MELOIDOGYNE INCOGNITA DORSAL
GLAND PROTEIN IN TOBACCO ACCELERATES THE NEMATODE’S
LIFE CYCLE
960
SOUZA, DSL; ROCHA, TL; SOUZA JR, JDA; ROMANO,
E; GROSSI-DE-SÁ, M; BARBOSA, AEAD; OLIVEIRA,
GR; FRAGOSO, RR; NAKASU, EYT; SOUSA, BA;
PIRES, NF; DUSI, D; CARNEIRO, RMDG; DE ALMEIDAENGLER, J; ENGLER, G; GROSSI-DE-SÁ, MF.
ZM;
SESSÃO DE PÔSTER
QUINTA-FEIRA – 06 DE AGOSTO DE 2009
SESSÃO PÔSTER: 9
HORÁRIO: 10h:20 – 11h:20
SALÃO: VERSAILLES
CÓDIGO
RESUMO
INSCRIÇÃO
TÍTULO
1910
ESTUDO DO EFEITO DO FUNGICIDA CERTEZA (350+52,5 SC)
SOBRE O CONTROLE DE SCLE­ROTINIA SCLEROTIORUM E
OUTROS PATÓGENOS E NA EMERGÊNCIA DE SEMENTES DE SOJA
INOCULADAS COM SCLEROTINIA SCLEROTIORUM.
800
JULIATTI, F CA.; ALMEIDA, VITOR
1916
TRANSFORMAÇÃO DE FUSARIUM OXYSPORUM F SP.
VASINFECTUM COM OS GENES MAR­CADORES GFP E DSRED
802
PEDROZO, R ; LEE, TAJ VAN DER ; MACHADO,
JC; FIGUEIRA, AR; BOTELHO, LS; SIQUEIRA, CS;
ALMEIDA, MF
1916
EFEITOS DO AGENTE DA RAMULOSE SOBRE PLANTAS DE
ALGODOEIRO.
803
BARROCAS, E.N; MACHADO, J.C; CASSETARI,
L.SOUZA; ALMEIDA, MF
1934
INFLUENCIA DO FUNGO BIPOLARIS ORYZAE NA ESTERILIDADE
DAS ESPIGUETAS DE AROZ (ORYZA SATIVA L.) DE DIFERENTES
GENOTIPOS
804
FARIAS, C. R. DE J.; DEIBLER, A.N.; AMICO, R.;
MENEZES, P.R; CRISTOFARI, Z.
1944
AVALIAÇÃO DA QUALIDADE SANITÁRIA DE SEMENTES DE
HÍBRIDOS DE MELÃO NOBRE QUANTO AO AGENTE CAUSAL DA
PODRIDÃO GOMOSA (DIDYMELLA BRYONIAE).
805
SILVA, AA; GASPAROTTO, F; VIDA, JB
1952
EFEITO DO NOVO FUNGICIDA CERTEZA (350+52.5 SC) NO
CONTROLE GIBERELLA ZEAE E EPICOCCUMSP. EM SEMENTES
DE TRIGO.
806
PALA,M.K.K; VILELA, F.K.J.; JULIATTI, F. CA.
1952
ESTUDO DO EFEITO DO FUNGICIDA CERTEZA (350+52,5 SC)
NO CONTROLE DE SCLEROTINIA SCLEROTIORUM E SOBRE A
EMERGÊNCIA DE SEMENTES DE FEIJÃO.
807
PALA,M.K.K; VILELA, F.K.J.; JULIATTI, F. CA.
1955
MICRORGANISMOS ASSOCIADOS A SEMENTES DE FEIJÃO-CAUPI
ARMAZENADAS POR LONGOS PERÍODOS SOB REFRIGERAÇÃO
CONTÍNUA
808
PEREIRA, APS; NICOLINI, C; QUEIROZ, JVJ;
ANDRADE, GP; FARIAS, JS; SANTOS, TCG; RABELO
FILHO, FAC
1956
EFEITO DO FUNGICIDA CERTEZA (350+52,5 SC) NO CONTROLE DE
SCLEROTINIA SCLEROTIO­RUM EM SEMENTES DE SOJA ATRAVÉS
DE DUAS METODOLOGIAS DE INOCULAÇÃO ARTI­FICIAL DE
SEMENTES
809
VILELA, F.K.J.; ALMEIDA, V. ; JULIATTI, F.CA.
1956
EFEITO DO NOVO FUNGICIDA CERTEZA (350+52,5 SC) ATRAVÉS DO
TRATAMENTO DE SEMENTES DE MILHO TRATADAS E ARMAZE­NADAS
POR DOIS MESES NO CONTROLE DE PATÓGENOS E EMERGÊNCIA.
810
VILELA, F.K.J.; JULIATTI, F.CA.; VILELA, C.M.
62
AUTORES
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Sessão de Postêr
2013
DETECÇÃO DE STENOCARPELLA SP, EM SEMENTES DE MILHO
INOCULADAS, POR MEIO DA TÉCNICA DE PCR.
811
BARROCAS, E.N; MACHADO, J.C; ALMEIDA, M.F;
BOTELHO, L.S
2013
TRANSFORMAÇÃO DE SCLEROTINIA SCLEROTIORUM COM OS
GENES MARCADORES GFP E RFP.
812
BOTELHO, L.S. ; MACHADO, J.C. ; FIGUEIRA, A.R.;
BARROCAS, E.N
2025
AVALIAÇÃO DE SEMENTES DE SOJA TRATADAS COM FUNGICIDAS,
INSETICIDAS E MICRONUTRIENTES
814
FERNANDES,NC; LOBO JR.,M
2025
TRATAMENTO DE SEMENTES DE FEIJOIERO COMUM PARA O
CONTROLE DE RHIZOCTONIA SOLANI.
815
FERNANDES,NC; LOBO JR.,M
2026
FUNGOS ASSOCIADOS A SEMENTES DE ARROZ NO ESTADO DO
PARÁ.
816
MELO, GF; SILVA, ILSS; SANTOS, ABC; MORAIS,
MR; SILVA, AP
2055
EFEITOS DE DIFERENTES POTENCIAIS DE INÓCULO DE SCLEROTINIA
SCLEROTIORUM NO DESEMPENHO DAS SEMENTES DE SOJA
817
BOTELHO, LS ; ALVES, FC; MACHADO, JC
2055
CURVA DE EMBEBIÇÃO DE SEMENTES DE SOJA NA PRESENÇA
E AUSÊNCIA DE COLLETOTRICHUM TRUNCATUM EM SUBSTRATO
COM DIFERENTES NÍVEIS DE RESTRIÇÃO HÍDRICA.
818
CORRÊA, CL; MACHADO, JC ; ROCHA, GC ;
ALMEIDA, MF ; KAWASAKI, VH ; BARROCAS, EN ;
GUIMARÃES, RM
2086
AVALIAÇÃO DA EFICIÊNCIA BIOLÓGICA DE FUNGICIDAS
NO TRATAMENTO DE SEMENTES DE MILHO X PERÍODO DE
ARMAZENAMENTO
819
SERRANO, AC ; COSTA, BO; PERRETTO, EL; ALVES,
TA; CASEIRO, R
1191
AVALIAÇÃO DA RESISTÊNCIA GENÉTICA EM FEIJOEIROS A
XANTHOMONAS AXONOPODIS PV. PHASEOLI E CURTOBACTERIUM
FLACCUMFACIENS PV. FLACCUMFACIENS
820
SOUZA,VL
1200
ECUADORIAN NATIVE POTATOES A SOURCE FOR LATE BLIGHT
RESISTANCE
821
DELGADO, RA; VOSMAN, B
1239
REPRODUÇÃO
HORTALIÇAS
EM
822
BITENCOURT, NV ; SILVA, GS
1240
COMPORTAMENTO DE VARIEDADES DE VIDEIRA QUANTO À
RESISTÊNCIA AO CANCRO BACTERIANO
823
CASTRO, NR; SILVA, MV; SILVA, MLRB; COELHO
R.S.B ; COSTA, AF
1243
HERANÇA DE RESISTÊNCIA DO ALGODOEIRO A RAMULARIA
AREOLA.
824
NOVAES, T. G; ALMEIDA, W.P; SCHUSTER, I.;
AGUIAR, P.; MEHTA, Y. R.
1253
REAÇÃO DE CULTIVARES DE MILHO ÀS DOENÇAS NO ESTADO DO
PARANÁ NA SAFRINHA.
825
SERA, GH; SHIOGA, PS; GERAGE, AC
1272
HERANÇA DA RESISTÊNCIA À PINTA-PRETA, MANCHA-DE-PHOMA
E MANCHA-CHOCOLATE EM MAMOEIRO
826
VIVAS, M; TERRA, CEPS; SILVEIRA, SF; PEREIRA,
MG; PEREIRA, TNSP
1286
ESCALA DIAGRAMÁTICA PARA AVALIAÇÃO DA SEVERIDADE DA
MANCHA ALVO DA SOJA E SEU USO NA SELEÇÃO DE CULTIVARES
RESISTENTES.
827
SOARES, RM; GODOY,
ALBERTONI, TT
1297
REAÇÃO DE LINHAGENS DE CÁRTAMO À ANTRACNOSE
828
CARNEIRO, SMTPG; CORRER, CJ; ROMANO, ED;
COLASANTE, LO
1301
REAÇÃO DE GENÓTIPOS DE MAMOEIRO A PINTA-PRETA EM CASADE-VEGETAÇÃO
829
VIVAS, M; TERRA, CEPS; SILVEIRA, SF; SANTOS,
PHD; PEREIRA, MG
1301
MÉTODOS PARA QUANTIFICAÇÃO DA PINTA-PRETA DO MAMOEIRO
VISANDO SELEÇÃO DE GENÓTIPOS RESISTENTES
830
SANTOS, PHD; VIVAS, M; TERRA, CEPS; SILVEIRA,
SF; PEREIRA, MG
1317
EARLY DETECTION OF RESISTANCE TO FUSARIUM WILT IN
BANANA.
831
RIBEIRO, LR; SILVA, SO; AMORIM, EP; CORDEIRO,
ZM; DITA, MA
1328
REAÇÃO DE GENÓTIPOS DE FEIJÃO-CAUPI A MACROPHOMINA
PHASEOLINA
832
NORONHA, MA; ATHAYDE SOBRINHO, C; GIRÃO
FILHO, JE; GONÇALVES, SR; SILVA, KJD
1328
INCIDÊNCIA DA PODRIDÃO CINZENTA DO CAULE EM GENÓTIPOS
DE FEIJÃO-CAUPI
833
NORONHA, MA; NASCIMENTO, SP; BASTOS, EA
1352
PROTEÍNAS ANTIFÚNGICAS DA PAREDE
ABACAXIZEIRO RESISTENTE À FUSARIOSE.
DE
834
NASCIMENTO, VL; CALHEIROS, JC; VIÉGASAQUIJE, GMF; FERNANDES, PMB; VENTURA, JA
1359
REAÇÃO DE CULTIVARES DE SOJA A ISOLADOS DE RHIZOCTONIA
SOLANI, AGENTE CAUSAL DA MELA
835
SILVA, IT; ANDRADE, CCL; SILVEIRA, PR;
NASCIMENTO, KJT; SOUSA, RS; RODRIGUES, FA
1359
SELEÇÃO DE POTENCIAIS FONTES DE RESISTÊNCIA À PINTA
BACTERIANA DO TOMATEIRO EM ACESSOS DO BANCO DE
GERMOPLASMA DE HORTALIÇAS DA UFV
836
SILVA, IT; SOUSA, JB ; ALVES, DP; CAVALCANTE,
GP; SILVA, DJH; OLIVEIRA, JR
1382
RESISTÊNCIA DE ACESSOS E CULTIVARES DE ALFACE À MURCHA
DE FUSÁRIO
837
CABRAL, CS; SANTOSJUNIOR, WN; CARVALHO,
MRM; BOITEUX, LS; REIS, A
1387
CARACTERIZAÇÃO GENÉTICA DE FUSARIUM OXYSPORUM F. SP.
CUBENSE POR RAPD NO ESTADO DE SANTA CATARINA
838
SILVA,CM; HINZ,RH;
TCACENCO,FA
1409
EVALUATION OF RESISTANCE INDUCERS TO CONTROL BLACKSPOT (ASPERISPORIUM CARICAE) DISEASE IN PAPAW (CARICA
PAPAYA) GENOTYPES
839
TERRA, CEPS; VIVAS, M; SILVEIRA, SF; TATAGIBA,
J; PEREIRA, MG
DE
MELOIDOGYNE
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
MAYAGUENSIS
CELULAR
CV;
OLIVEIRA,
STADNIK,MJ;
MCN;
PEREIRA,A;
63
Sessão de Postêr
64
Programação
1409
ALTERAÇÃO NA HERANÇA DA RESISTÊNCIA DE MAMOEIRO À
PINTA-PRETA MEDIADA PELO INDUTOR DE RESISTÊNCIA BION®
840
TERRA, CEPS; VIVAS, M; SILVEIRA, SF; PEREIRA,
MG
1414
AVALIAÇÃO DE VARIEDADES DE TANGERINAS PARA RESISTÊNCIA
À VERRUGOSE DOS CITROS.
841
PINHEIRO, EKL; ANDRADE, EC1; PACHECO, CA ;
AZEVEDO, FA
1418
REAÇÃO DE GENÓTIPOS DE BANANEIRA À ANTRACNOSE
(COLLETOTRICHUM SPP.).
842
MÜLLER, R; DIANESE, AC; OLIVEIRA, PRPM;
GUIMARÃES, TG; BLUM, LEB; CUNHA, M; SILVA, SO
1448
RESISTÊNCIA DE DIFERENTES CULTIVARES DE FEIJÃO
(PHASEOLUS VULGARIS) AO FUNGO COLLETOTRICHUM
LINDEMUTHIANUM NO MUNICÍPIO DE IPAMERI.
843
OLIVEIRA, JAP; SOUSA, RCS; LEÃO, EF; PARRA,
AC; PEREIRA, SG; REY, MS
1453
USO DO MÉTODO DE FOLHAS DESTACADAS PARA TESTAR A
RESISTÊNCIA À MANCHA FOLIAR DE GLOMERELLA EM MACIEIRA.
844
ARAÚJO, L; STADNIK, MJ
1468
RESISTÊNCIA DE HÍBRIDOS DE MILHO (ZEA MAYS) AO FUNGO
PUCCINIA POLYSORA SOB DIFERENTES DOSAGENS DE
NITROGÊNIO
846
REY, MS; PEREIRA, SG; LEÃO, EF; OLIVEIRA, JAP;
PARRA, AC; SOUSA, SCR
1495
REAÇÃO DE GENÓTIPOS DE FEIJOEIRO À CURTOBACTERIUM
FLACCUMFACIENS PV. FLACCUMFACIENS
847
GONÇALVES, JS; MURATA, MM; GONÇALVES, RM;
CORDEIRO, AB; FONSECA JR, NS; LEITE JR, RP
1504
AVALIAÇÃO DE RESISTÊNCIA À FERRUGEM (PUCCINIA
ARACHIDIS) EM POPULAÇÃO INTERESPECÍFICA DE LINHAGENS
RECOMBINANTES DE AMENDOIM
848
CHINALIA,LA;
DIAS,TP;
GALHARDO,IC;
MORETZSOHN,MC; GUIMARÃES,PM; BERTIOLI,DJ;
LEAL-BERTIOLI,SCM
1511
REAÇÃO DE GENÓTIPOS COMERCIAIS DE MAMONA (RICINUS
COMMUNIS) À MELOIDOGYNE JAVANICA.
849
SANTOS. AV; GOMES, CB; MORENO, MB
1532
PROCESSO INFECCIOSO DE COLLETOTRICHUM LINDEMUTHIANUM
E REAÇÃO DE HIPERSENSIBILIDADE EM PLANTAS RESISTENTES
E SUSCETÍVEIS DE PHASEOLUS VULGARIS.
850
FREITAS, MB; SCHONS, RF; STADNIK, MJ
1532
DURAÇÃO DA RESISTÊNCIA
ANTRACNOSE DO FEIJOEIRO
À
851
SCHONS, RF; FREITAS, MB; STADNIK, MJ
1537
REAÇÃO DE GENÓTIPOS DE SORGO A QUATRO POPULAÇÕES DE
COLLETOTRICHUM SUBLINEOLUM.
852
SILVA, AC; CASELA, CR; CASTRO, HA; PEREIRA, IS;
COSTA, RV; SILVA, VA; GUIMARÃES, EA; CRISTELI,
EB; LANZA, FE; COTA, LV
1538
SELEÇÃO DE NOVOS HÍBRIDOS DE VARIEDADES DE PORTAENXERTOS PARA RESISTÊNCIA À MORTE SÚBITA DOS CITROS
853
CAMPOS,TMP; SANTOS JÚNIOR,JA; CRISTOFANIYALY,M;
BASTIANEL,M;
MILORI,DMBP;
MACHADO,MA
1540
REAÇÃO DE GENÓTIPOS DE MILHO A MANCHA BRANCA CAUSADA
POR PANTOEA ANANATIS
854
LANZA, FE; CASELA, CR; CRISTELIO, EB; SILVA,
DD; COSTA, RV; PEREIRA, IS; COTA, LV
1544
AVALIAÇÃO DE RESISTÊNCIA A GIBERELA EM GENÓTIPOS DE
TRIGO
855
ALVES, RH; ARAÚJO, E; MAIOLLI, CRB; MORILHA,
MJM; FRANCO, FA; DALLA NORA, T
1544
REAÇÃO DE HÍBRIDOS DE MILHO AOS NEMATÓIDES FORMADORES
DE GALHAS
856
DALLA NORA,T; HOMECHIN,M; MONTECELLI,AV;
AGUIAR,CG; MIORANZA,F
1557
RESISTÊNCIA VARIETAL DE TANGERINEIRAS À MANCHA MARROM
DE ALTERNÁRIA.
857
PACHECO, CA; MARTELLI, IB; POLYDORO, DA; PIO
RM; AZEVEDO FA
1557
RESISTÊNCIA VARIETAL DE LARANJA DOCE À MANCHA PRETA
DOS CITROS
858
PACHECO, CA; AZEVEDO FA
1562
SEVERIDADE DE DOENÇAS EM GENÓTIPOS DE FEIJOEIRO NA
SAFRA OUTONO/INVERNO NO MATO GROSSO.
859
AMARAL, SS; FERNANDES, AC; SIMI, WM;
MACHADO, AQ; ALMEIDA, VM; CASSETARI NETO, D
1577
ESCALA DE NOTAS PARA AVALIAÇÃO DE ANTRACNOSE EM
FRUTOS DE PIMENTA DEDO-DE-MOÇA A CAMPO
860
HENZ, GP; LOPES, CA; REIFSCHNEIDER, JF
1599
BUSCA DE RESISTÊNCIA A VERTICILLIUM DAHLIAE RAÇAS 1 E 2
EM GERMOPLASMA DE JILÓ (SOLANUM AETHIOPICUM GRUPO
GILO).
861
MIRANDA, BEC; CARMO, FR; BOITEUX, LS; REIS, A
1599
AVALIAÇÃO DE ACESSOS DE JILÓ (SOLANUM AETHIOPICUM
GRUPO GILO) E DE ESPÉCIES CORRELATAS PARA RESISTÊNCIA
MÚLTIPLA A STEMPHYLIUM SOLANI E S. LYCOPERSICI.
862
MIRANDA, BEC; SANTOS JUNIOR, WN; CABRAL,
CS; BOITEUX, LS; REIS, A
1601
AVALIAÇÃO DA SEVERIDADE DE XANTHOMONAS CAMPESTRIS
EM HÍBRIDOS DE VERÃO DE COUVE-FLOR NO MUNICÍPIO DE
IPAMERI.
863
LEÃO, EF; MORAIS JÚNIOR, OP; CARDOSO, AF;
PEIXOTO, N; REY, MS
1601
DETERMINAÇÃO DA SEVERIDADE DE MANCHA ANGULAR
(PHAEOISARIOPSIS GRISEOLA) EM SETE CULTIVARES DE
FEIJÃO.
864
LEÃO, EF; PARRA, AC; PEREIRA, SG; OLIVEIRA,
JAP; SOUSA, SCR; ARAÚJO JÚNIOR, WL; REY, MS
1645
CARACTERIZAÇÃO DE ISOLADOS DE SPHAEROPSIS SAPINEA E
AVALIAÇÃO DA RESISTÊNCIA EM PROGÊNIES DE PINUS RADIATA
865
AUER, CG; CORREA, PRR; SANTOS, AF; HIGA, AR
1647
SELEÇÃO DE HÍBRIDOS DE CITROS RESISTENTES À MANCHA
MARROM DE ALTERNÁRIA.
866
SANTOS JÚNIOR, JA; CAMPOS, TMP; BASTIANEL,
M; PICOLINI, A; STUART, RM; AZEVEDO, FA;
CRISTOFANI-YALY, M; MACHADO, MA
INDUZIDA
POR
ULVANA
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Sessão de Postêr
1650
RESISTÊNCIA DE VARIEDADES DE MANDIOCA A PHYTOPHTHORA
DRECHSLERI NO ACRE.
867
SCHOTT, B; EVANGELISTA, RC; SIVIERO, A
1663
ESTUDO HISTOLÓGICO E MOLECULAR DA MORTE CELULAR
PROGRAMADA (PCD) NA INTERAÇÃO HEVEA – MICROCYCLUS
ULEI
868
KOOP, DM; CONCEIÇÃO, L; CARDOSO, SEA; SILVA,
DC; GARCIA, D
1664
REAÇÃO DE CAFEEIROS
MELOIDOGYNE EXIGUA.
DE
869
SANTOS,DF; COSTA,SB; SOUSA,FR;
FONSECA ,AFA; CARNEIRO,RMDG
1692
AVALIAÇÃO DO TESTE DE PATOGENICIDADE IN VITRO DO AGENTE
CAUSAL DA PINTA PRETA EM BATATA
870
MIGUEL, TV; SOUZA, EA
1692
VARIABILIDADE MORFOLÓGICA E FISIOLÓGICA DE ISOLADOS DE
ALTERNARIA SOLANI
871
OLIVEIRA, MS ; MIGUEL, TV ; SOUZA, EA
1692
SELEÇÃO DE CULTIVARES/LINHAGENS DE FEIJÃO COM
RESISTÊNCIA FISIOLÓGICA AO MOFO BRANCO POR MEIO DE
TESTE INDIRETO USANDO ÁCIDO OXÁLICO
872
GONÇALVES, PRC ; MIGUEL, TV; SANTOS, JB
1700
ULVAN-INDUCED RESISTANCE TO ALTERNARIA BRASSICICOLA
IN ARABIDOPSIS IS SALICYLIC ACID-INDEPENDENT BUT
CHARACTERIZED BY PR-1 ACCUMULATION
873
STADNIK, MJ; STEINHAUSER, C; FREITAS, MB;
POGAMY, M; GOESSL, L; DURNER, J
1700
GENE EXPRESSION AND NITRIC OXIDE PRODUCTION OF
ARABIDOPSIS SUSPENSION CELLS TREATED wITH ULVAN
874
STADNIK, MJ; STEINHAUSER, C; DURNER, J
1708
CARACTERIZAÇÃO DA REAÇÃO DE CULTIVARES DE TRIGO À
MANCHA AMARELA
875
SANTANA, FM; CLEBSCH, CC; BARRETO, ELS
1771
REACTION OF FABA BEAN GENOTYPES TO RHIZOCTONIA SOLANI
AND RESISTANCE STABILITY.
876
NASCIMENTO, LD; ASSUNÇÃO, IP; FERREIRA, MF;
OLIVEIRA, FJ; MICHEREFF, SJ; LIMA, GSA
1803
OBTENÇÃO DE POPULAÇÕES DIPLÓIDES F2 DE MUSA ACUMINATA
(AA), SEGREGANTES PARA RESISTÊNCIA À SIGATOKA-AMARELA
877
CONCEIÇÃO, E.G.J DA1; CORDEIRO, Z. J. M2
1817
AVALIAÇÃO DE DIFERENTES INDUTORES DE RESISTÊNCIA NO
CONTROLE DA QUEIMA-DAS-BAINHAS DO ARROZ.
878
SCHURT, DA; SOUZA,
RODRIGUES, FÁ
1835
AVALIAÇÃO DE GENÓTIPOS DE FEIJÃO-CAUPI PARA RESISTÊNCIA
AO CPSMV
879
SITTOLIN,IM;
ROCHA,MM;
NOGUEIRA,MSR; FREIRE FILHO,FR
1837
SEVERIDADE DA FERRUGEM EM QUATRO VARIEDADES DE CANADE-AÇÚCAR SOB IRRIGAÇÃO PLENA.
880
PEREIRA, IS; TOYOTA, M; MACEDO, GAR; COSTA,
E; ABREU, MS
1841
REAÇÃO DE CULTIVARES DE TOMATE A ESPÉCIES
XANTHOMONAS ASSOCIADAS À MANCHA BACTERIANA
DE
881
COQUEIRO, DSO; CANAVER, BS; DI PIERO, RM
1867
CARACTERIZAÇÃO DE CULTIVARES DE SOJA QUANTO A REAÇÃO
À PHAKOPSORA PACHYRHIZI SOB MANEJO COM FUNGICIDA
882
CARNEIRO, LC; BARBIERI, AB; SANTANA, GF;
ALMEIDA, LA; KLEIN, V; NAVES, KC; LOPES, WV;
RAGAGNIN, VA; FREITAS, DS; FARIAS NETO, AL
1924
A CARACTERIZAÇÃO DE GENES E DESENVOLVIMENTO DE
MARCADORES MOLECULARES NA INTERAÇÃO ENTRE MUSA
ACUMINATA E MYCOSPHAERELLA FIJIENSIS
883
PASSOS, MAN; PAPPAS, JR, GJ; EMEDIATO, FL;
MARTINS, NF; TOGAWA, R; CIAMPI, AY; MILLER,
RNG
1984
CARACTERIZAÇÃO DE GENES ANÁLOGOS DE RESISTÊNCIA
(RGAS) EM CULTIVARES DE MUSA ACUMINATA CONTRASTANTES
EM RESISTÊNCIA À ESTRESSES BIÓTICOS.
884
EMEDIATO, FL; PASSOS, MAN; TEIXEIRA, CC;
PAPPAS JR, GJ; MARTINS NF; MILLER RNG
2005
TECNOLOGIA “KIT DE RESISTENCIA AOS NEMATÓIDES” PARA
VIABILIZAÇÃO DE ÁREAS INFESTADAS PARA O CULTIVO DE CAFÉ
885
ITO, DS; SERA, T; SANTIAGO, DC; ALEGRE, CR;
KANAYAMA, FS; DEL GROSSI, L; SHIGUEOKA, LH;
ROCHA, VPC; SERA, GH
2005
REAÇÃO DAS CULTIVARES IPR 100, IPR 106 E TUPI IAC 1669-33
À DIVERSAS CONCENTRAÇÕES DE INÓCULO DE MELOIDOGYNE
PARANAENSIS
886
ITO, DS; SERA, T; SANTIAGO, DC; ALEGRE, CR;
SERA, GH; SHIGUEOKA, LH
2007
SEVERIDADE DA MANCHA PARDA EM DUAS VARIEDADES DE CANADE-AÇÚCAR EM DIFERENTES NÍVEIS DE COBRE E MANGANÊS.
887
BEZERRA, BCC; GUSMÃO, LO; MELO,
CALHEIROS, AS; OLIVEIRA, MW; LIMA, GSA
2021
NOVAS FONTES DE RESISTÊNCIA
MONILIOPHTHORA PERNICIOSA
A
888
ALBUQUERQUE, PSB; MONTEIRO, TMA; MIRANDA,
VS
2050
AVALIAÇÃO DE LINHAGENS DE MILHO QUANTO À OCORRÊNCIA
DE GRÃOS ARDIDOS
889
ARAÚJO, BH ; COSTA, RV; COTA, LV; GUIMARÃES,
LJML; LANZA, FE; SILVA, DD; CASELA, CR; PEREIRA,
IS; PARENTONI, SN
2050
INCIDÊNCIA DE PODRIDÃO DE COLMO CAUSADA POR FUSARIUM
MONILIFORME EM GENÓTIPOS DE MILHO
890
LANZA, FE; COSTA, RV; CASELA, CR; SILVA, DD;
PEREIRA, IS; ARAUJO, BH
CONILON
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
A
POPULAÇÕES
DE
CACAUEIRO
NFA;
MOITA,W;
DUTRA,
RR
;
SILVA,KJD;
EA;
65
Sessão de Postêr
Programação
SESSÃO PÔSTER: 10
HORÁRIO: 15h:30 – 16h:30
SALÃO: VERSAILLES
CÓDIGO
RESUMO
INSCRIÇÃO
TÍTULO
1220
DUPLO PCR PARA DETECÇÃO SIMULTÂNEA DE BEGOMOVÍRUS E
CRINIVÍRUS EM TOMATEIRO.
891
BARBOSA, JC; PAZIM, RA; REZENDE, JAM
1244
OCORRÊNCIA DA LEPROSE DOS CITROS NO ESTADO DE
RORAIMA
892
HALFELD-VIEIRA, BA; MARSARO JÚNIOR, AL;
KITAJIMA, EW; PEREIRA, JA; FREITAS-ASTÚA, J;
NAVIA, D
1269
OBTENÇÃO DE LINHAGENS DE FEIJÃO-CAUPI COM RESISTÊNCIA
MÚLTIPLA A VÍRUS ADAPTADAS AO ESTADO DO RIO DE JANEIRO.
893
BARROS, GB; OLIVEIRA, CRR; NOGUEIRA, MSR;
SILVA, SAM; FREIRE FILHO, FR; BRIOSO, PST
1284
CARACTERIZAÇÃO MOLECULAR DO
CAPSIDIAL DO PRUNE DWARF VIRUS
894
FAJARDO, TVM; POPPE, JK; EIRAS, M; NICKEL, O
1293
DIAGNÓSTICO MOLECULAR
MAMOEIROS POR RT-PCR.
DE
895
PICCIN,JGZ;
RODRIGUES,SP;
FERNANDES,PMB
1338
CARACTERIZAÇÃO MOLECULAR DE ESPÉCIES DE BEGOMOVIRUS
INFECTANDO TOMATEIRO NA REGIÃO SUL DO BRASIL (2006-2009)
896
BOITEUX, LS; FERNANDES, NAN; COSTA, AF ;
FONSECA, MEN
1338
LEVANTAMENTO DE ESPÉCIES DE BEGO­MOVIRUS INFECTANDO
LEONURUS SIBIRICUS (LAMIACEAE) PRESENTES EM LAVOURAS
DE TOMATEIRO NO PARANÁ
897
BOITEUX, LS; FERNANDES, NAN; COSTA, AF ;
FONSECA, MEN
1341
REGISTRO DE UM ISOLADO DE BEGOMOVÍRUS GENETICAMENTE
RELACIONADO COM SIDA MICRANTHA MOSAIC VIRUS INFECTANDO
SOJA-HORTALIÇA NO DISTRITO FEDERAL
898
FONSECA, MEN; FERNANDES, NAN; COSTA, AF;
MENDONÇA, JL; BOITEUX, LS
1341
INFECÇÃO NATURAL DE NICANDRA PHYSALOIDES (SOLANACEAE)
POR DISTINTAS ESPÉCIES DE BEGOMOVIRUS DO TOMATEIRO NO
BRASIL CENTRAL
899
FONSECA, MEN; FERNANDES, NAN; COSTA, AF;
BOITEUX, LS
1361
DETECÇÃO E CARACTERIZAÇÃO MOLECULAR DO GENE DA
PROTEÍNA CAPSIDIAL DE APPLE MOSAIC VIRUS
900
NICKEL, O; SILVA, SW; FAJARDO,
GIACOMINI, R ; ARAGÃO, JFL
66
GENE
DA
DA MELEIRA EM
PROTEÍNA
FOLHAS
AUTORES
VENTURA,JA;
TVM;
1361
STRAWBERRY CRINKLE VIRUS EM MORANGUEIROS
901
NICKEL, O; SILVA, SW; FAJARDO, TVM
1383
SELEÇÃO A CAMPO DE MAMOEIRO TRANSGÊNICO PARA
RESISTÊNCIA AO VÍRUS DA MANCHA ANELAR
902
MEISSNER FILHO, P. E.; SILVEIRA, D. C.;
VILARINHOS, A. D.; SANTOS, V. J.; SANTOS, V. DA
S.; PATROCÍNIO, E.; DANTAS, J. L. L.
1390
INCIDÊNCIA, DISTRIBUIÇÃO E DISSEMINAÇÃO DO CSVMV DENTRO
DO GERMOPLASMA DE MANDIOCA DO SEMI-ÁRIDO
903
ANDRADE,EC;
FICUZZA,A
1407
LINHAGEM DE FEIJOEIRO EXPRESSANDO RNA INTERFERENTE É
RESISTENTE AO MOSAICO DOURADO E TRANSMITE O TRANSGENE
ÀS PROGÊNIES DERIVADAS POR RETROCRUZAMENTO
904
FARIA, JC; VALDISSER, PAMR; DEL PELOSO, MJ;
ARAGÃO, FJL
1408
GENETIC DIVERSITY OF BEGOMOVIRUSES INFECTING TOMATO
AND wEEDS IN THE STATE OF MINAS GERAIS
905
SILVA, FN; ROCHA, CS; BARROS, DR ; LIMA, ATM;
ZERBINI, FM
1410
DETECÇÃO DE PMWAV-1 E PMWAV-2 EM ABACAXIZEIROS NO
ESTADO DO ESPÍRITO SANTO
906
PERON, FN; FERNANDES, PMB; VENTURA, JA
1417
DETECÇÃO ESPECÍFICA DO VÍRUS DA PINTA VERDE DO
MARACUJAZEIRO POR RT-PCR
907
ANTONIOLI-LUIZON, R; FREITAS-ASTÚA, J;
REZENDE, JAM; MACHADO, MA; KITAJIMA, EW
1463
PERÍODO DE ACESSO A AQUISIÇÃO DO TOMATO SEVERE RUGOSE
VIRUS –TOSRV-PJU EM TOMATEIRO E PIMENTÃO PELA MOSCA
BRANCA BEMISIA TABACI BIÓTIPO B.
908
MARUBAYASHI, JM; ROCHA, KCG; MITUTI, T;
KRAUSE-SAKATE, R; PAVAN, MA
1463
TRANSMISSÃO DO TOMATO SEVERE RUGOSE VIRUS –TOSRV-PJU
COM DIFERENTES NÚMEROS DE MOSCAS BRANCAS BEMISIA
TABACI BIÓTIPO B.
909
MARUBAYASHI, JM; ROCHA, KCG; FECURYMOURA, M; KRAUSE-SAKATE, R; PAVAN, MA
1466
PASSIFLORA EDULIS: UMA NOVA HOSPEDEIRA PARA O VÍRUS DA
MANCHA ANULAR DO CAFEEIRO (CORSV).
910
MASCARENHAS, G; KITAJIMA, EW; PEREIRA, JA;
KUBO, KS; FREITAS-ASTÚA, J
1466
ALTA EFICIÊNCIA DE TRANSMISSÃO MECÂNICA E POR VETOR DO
VÍRUS DA PINTA VERDE (PFGSV) PARA MARACUJAZEIRO.
911
MASCARENHAS, G; BARBOSA, CJ; KITAJIMA, EW;
FREITAS-ASTÚA, J
1479
PRODUÇÃO DE ANTISSORO POLICLONAL CONTRA PEPPER MILD
MOTTLE VIRUS (PMMOV)
912
LUCINDA, N; BARBOSA, LF; REIFSCHNEIDER,
FJB; INOUE-NAGATA, AK; NAGATA, T
1504
OCORRÊNCIA DE BEGOMOVIRUS EM BATATA DOCE NA REGIÃO
NORDESTE DO BRASIL.
913
CHINALIA,LA; ALBUQUERQUE,LC; RESENDE,RO;
NAVAS-CASTILLO,J;
ANDRADE,GP;
MELO
FILHO,PA; INOUE-NAGATA,AK; RIBEIRO,SG
1507
REGISTRO DE UMA VARIANTE DE SEQÜÊNCIA DO SIDA MICRANTHA
MOSAIC VIRUS INFECTANDO FEIJÃO-DE-VAGEM NO BRASIL
914
FERNANDES, NAN; COSTA, AF; BOITEUX, LS;
FONSECA, MEN
1507
DIVERSITY OF BEGOMOVIRUS SPECIES INFECTING MALVA
ALLIANCE AND THEIR GENETIC RELATIONSHIP WITH VIRUS
SPECIES REPORTED ON OKRA AND TOMATOES IN BRAZIL
915
FERNANDES, NAN; COSTA, AF; FONSECA, MEN;
BOITEUX, LS
DALTRO,C.B;
VELAME,KVC;
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Sessão de Postêr
1552
OCORRÊNCIA DE YMV E YMMV EM INHAME (DIOSCOREA TRIFIDA)
EM PERNAMBUCO.
916
QUEIROZ, JVJ; PIO-RIBEIRO, G; FARIAS, JS;
ANDRADE, GP; ARAÚJO, ALR
1558
INVESTIGAÇÃO SOROLÓGICA DE INFECÇÃO VIRAL EM PLANTAS
SILVESTRES EM ÁREAS DE CULTIVO DE INHAME E DE VIDEIRA
EM PERNAMBUCO
917
NICOLINI, C; FARIAS, JS; ANDRADE, GP; PIORIBEIRO, G; QUEIROZ, JVJ; SANTOS, TCG;
PEREIRA, APS; GONÇALVES, RT; RABELO FILHO,
FAC
1595
AVALIAÇÃO DA PERDA NA PRODUÇÃO EM DIFERENTES
GENÓTIPOS DE MILHO DECORRENTE DA VIROSE MOSAICO
COMUM.
918
BORGES, ÉAS; REZENDE, WS; SANTOS, CM;
FERNANDES, JJ
1624
DETECÇÃO DO VÍRUS DA MANCHA ANELAR DO CAFEEIRO (CORSV)
NAS DIFERENTES FASES DO ÁCARO VETOR BREVIPALPUS
PHOENICIS.
919
COSTA, FM; FREITAS-ASTÚA, J; BASTIANEL, M;
LOCALI-FABRIS, EC; MACHADO, MA; KUBO, KS;
GONDIM JÚNIOR, MGC; NOVELLI, VM; PEREIRA,
JA
1624
VARIABILIDADE DO VÍRUS DA LEPROSE DOS CITROS C (CILV-C)
EM AMOSTRAS DE DIFERENTES PAÍSES DA AMÉRICA LATINA.
920
FREITAS-ASTÚA,
J;
LOCALI-FABRIS,
EC;
ANTONIOLI-LUIZON, R; PEREIRA, JA; NOVELLI,
VM; CACERES, S; LEON, MGA; GOMEZ, EC;
COSTA, FM; KITAJIMA, EW; MACHADO, MA
1646
DATURA STRAMONIUM E D. METEL: BIOMONITORAMENTO
DE VIROSES TRANSMITIDAS POR INSETOS VETORES NAS
PLANTAÇÕES DE BATATA E FUMO.
921
SOUZA-DIAS, JAC; SAWASAKI, HE; DELFRATE, A;
TOMOMITSU, AT ; GALLETI, SR
1649
ANÁLISE DA RESISTÊNCIA E DA TOLERÂNCIA DA CULTIVAR DE
TRIGO BRS TIMBAÚVA AO BYDV-PAV
922
CEZARE, D.C.; SCHONS, J.; LAU,D.; OLIVEIRA,C.;
MARCHI, L.S.
1649
EFEITO DO ESTÁDIO DE DESENVOLVIMENTO DO HOSPEDEIRO AO
BYDV-PAV E DA PRESSÃO DE INÓCULO SOBRE COMPONENTES
DO RENDIMENTO
923
CEZARE, D.C.; SCHONS, J.; LAU,D.; OLIVEIRA,C.;
MARCHI, L.S.
1669
AVALIAÇÃO DA ALTERAÇÃO DA QUALIDADE DE SEMENTES DE
DIFERENTES GENÓTIPOS DE MILHO DECORRENTE DO MOSAICO
COMUM.
924
REZENDE, WS; BORGES, ÉAS; SANTOS, CM;
FERNANDES, JJ
1716
STUDIES ON GENE SILENCING SUPPRESSION ACTIVITY OF THE
P1 AND HCPRO PROTEINS OF SUGARCANE MOSAIC VIRUS, A
MONOCOT INFECTING POTYVIRUS
925
GONÇALVES, MC; GINER, A; LOPEZ-MOYA, JJ
1733
VALIDAÇÃO PRELIMINAR DE UM MÉTODO SENSÍVEL PARA
A DETECÇÃO DO VÍRUS DA LEPROSE (CILV-C) EM ÁCAROS
BREVIPALPUS PHOENICIS PROVENIENTES DE POMARES DE
CITROS ORGÂNICOS E CONVENCIONAIS.
926
NOVELLI, VM; ALVES, A; BASSANEZI,
BASTIANEL, M; FREITAS-ASTÚA, J
1733
OCORRÊNCIA DE INFECÇÃO NATURAL DE VÍRUS TRANSMITIDO
POR BREVIPALPUS SPP. (VTB) DO TIPO CITOPLASMÁTICO EM
LÍRIO DA PAZ (SPATHIPHYLLUM WALLISI).
927
NOVELLI, VM; FREITAS-ASTÚA, J; PEREIRA, JA;
KITAJIMA, EW
1750
ESTUDO DA VARIABILIDADE GENÉTICA DA POSSÍVEL CAPA
PROTÉICA DO CITRUS LEPROSIS VIRUS C (CILV-C) EM ESPÉCIES
DE CITROS DE 14 ESTADOS BRASILEIROS
928
PEREIRA, JA; ANTONIOLI-LUIZON, R; LOCALIFABRIS, EC; KUBO, KS; MACHADO, MA; FREITASASTÚA, J
1782
IDENTIFICAÇÃO MOLECULAR DO HIPPEASTRUM MOSAIC VIRUS
EM AMARÍLIS (HIPPEASTRUM SP.)
929
DUARTE,LML; ALEXANDRE,MAV; HARAKAVA,R
1782
IDENTIFICAÇÃO DO PRUNUS NECROTIC RINGSPOT VIRUS EM
ROSEIRA.
930
ALEXANDRE,MAV; DUARTE,LML
1783
MONITORAMENTO HOSPEDEIRO-VÍRUS-VETOR EM CULTIVO DE
GÉRBERA (GERBERA JAMESONII).
931
CHAVES,ALR; ALEXANDRE,MAV; DUARTE,LML;
GALLETI,SR; MARQUE,JM
1800
Avaliação da variabilidade genética da virose Rupestris stem pitting
associated virus
932
BASSO, MF; AYUB, RA; SCHÜHLI, GS; GALVÃO,
WG; SPINARDI, B
1812
TWO NOVEL BEGOMOVIRUS SPECIES INFECTING WEEDS IN
BRAZIL AND PUERTO RICO
933
LIMA, ATM; BARROS, DR; ALFENAS-ZERBINI, P;
SILVA, FN; ROCHA, CS; KITAJIMA, EW; ZERBINI,
FM
1894
CARACTERIZAÇÃO DE ISOLADOS DE BEGOMOVIRUS BIPARTIDOS
INFECTANDO TOMATEIRO NO ESTADO DO TOCANTINS
934
LIMA NETO,AF; FERNANDES,NAN; COSTA,GM;
COSTA,AF; FONSECA,MEN; BOITEUX,LS
1896
TOLERÂNCIA DE PORTA-ENXERTOS HÍBRIDOS DE CITROS AO
CITRUS TRISTEZA VIRUS E BAHIA BARK SCALING DISEASE
935
RODRIGUES, AS; BARBOSA, CJ; SANTOS, EES;
SOARES FILHO, W DOS S; FREITAS-ASTÚA, J
1899
DETECÇÃO DE GRAPEVINE VIRUS B EM VITIS SPP. NA ZONA DA
MATA DE PERNAMBUCO
936
PIO-RIBEIRO,G; FARIAS, JS; ANDRADE, GP;
XAVIER, DM; SILVA, SJC
1914
SELEÇÃO ASSISTIDA VIA MARCADOR CO-DOMINANTE PARA
RESISTÊNCIA A TOSPOVÍRUS (GENE SW-5B) EM UMA AMPLA
GAMA DE ACESSOS DE TOMATEIRO
937
DIANESE,EC; FONSECA,MEN; GOLDBACH,R;
KORMELINK,R;
RESENDE,RO;
INOUENAGATA,AK; BOITEUX,LS
1914
ACESSOS DE SOLANUM SPP. (SECÇÃO LYCOPERSICON)
COM RESISTÊNCIA MÚLTIPLA AO COMPLEXO DE ESPÉCIES
NEOTROPICAIS DE TOSPOVIRUS
938
DIANESE,EC; RESENDE,RO; INOUE-NAGATA,AK;
BOITEUX,LS
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
RB;
67
Sessão de Postêr
68
Programação
1917
ANÁLISE MOLECULAR DE ISOLADOS DE PAPAYA LETHAL
YELLOWING VIRUS (PLYV) OBTIDOS NO CEARÁ
939
BESERRA JR, JEA; NASCIMENTO,
ANDRADE, EC; LIMA, JAA
AKQ;
1917
ELEVADA SENSIBILIDADE DO ELISA PARA DIAGNOSE DO PAPAYA
LETHAL YELLOWING VIRUS
940
NASCIMENTO,
ALL;
NASCIMENTO,
GONÇALVES, MFB; LIMA, JAA
AKQ;
1925
AVALIAÇÃO DA INCIDÊNCIA DE ENFERMIDADES DA AMEIXEIRA EM
POMARES NO SUL DO BRASIL.
941
CASTRO, L. A. S. DE; SIMONETTO, P. J.
1929
GENETIC DIVERSITY ANALYZES AND IDENTIFICATION OF A NEW
SPECIES OF VIRUS ASSOCIATED WITH COTTON BLUE DISEASE.
942
SILVA, TF; CORRÊA, RL; CASTILHO, Y; SILVIE, P;
BÉLOT, J-L; VASLIN, MFS
1929
DETECTION OF COTTON LEAFROLL DWARF VIRUS IN COTTON
BLUE DISEASE-RESISTANT PLANTS.
943
SILVA, TF; CORRÊA, RL; CASTILHO, Y; SUASSUNA,
ND; SILVIE, P; BÉLOT, J-L; VASLIN, MFS
1930
DESENVOLVIMENTO DE TESTE SOROLÓGICO PARA A DOENÇA
AZUL DO ALGODOEIRO
944
OLIVEIRA, AAQ; CORRÊA, RL; VASLIN, MFS
1938
HIGH CONSERVATION OF POLEROVIRUS MINOR CAPSID PROTEIN
P5 IN TWO DISTINCT DISEASE TRANSMITTED BY THE SAME APHID
IN BRAZIL AND AUSTRALIA
945
CORRÊA, RL; CASTILHO, Y; SILVA, TF; ELLIS, M;
VASLIN, MFS
1949
OCCURRENCE OF MELON YELLOWING-ASSOCIATED VIRUS (MYAV)
IN MELON PRODUCING AREAS OF BRAZILIAN NORTHEAST
946
LIMA, M.F.; NAGATA, T.; NEVES, F.M.; INOUENAGATA, AK; MOITA, A.C.; SOUSA, C.; DELLA
VECCHIA, M.; RANGEL, M.G.; DIAS, R.C.S.;
DUTRA, L.D.; ÀVILA, A.C.
1949
AVALIAÇÃO DA INCIDÊNCIA DO GRAPEVINE LEAFROLLASSOCIATED VIRUS 1 (GLRAV-1) E GRAPEVINE LEAFROLLASSOCIATED VIRUS 3 (GLRAV-3) EM VIDEIRAS DO BANCO ATIVO
DE GERMOPLASMA DA EMBRAPA SEMI-ÁRIDO POR DAS-ELISA
947
LIMA, M.F.
1969
DETECÇÃO DO TOBACCO MOSAIC VIRUS (TMV) EM SEMENTES
DE PIMENTÃO E TOMATE.
948
ALMEIDA, JEM; FIGUEIRA, AR; NOGUEIRA, DW;
ALMEIDA, CAM; LUCAS,MA
1978
DETECÇÃO MOLECULAR DO COWPEA APHID BORNE MOSAIC
VIRUS (CABMV) EM SEMENTES DE FEIJÃO-CAUPI
949
NOGUEIRA,MSR;
FREIRE
FIGUEIREDO,DV; BRIOSO,PST
1978
QUEBRA DE RESISTÊNCIA, EM FEIJÃO-CAUPI, PELA INFECÇÃO
MISTA DO CUCUMBER MOSAIC VIRUS E COWPEA APHID BORNE
MOSAIC VIRUS
950
NOGUEIRA, MSR; OLIVEIRA, CRR; SITTOLIN, IM;
FREIRE FILHO, FR; BRIOSO, PST
1991
GRAUS DE INCIDÊNCIA DE VÍRUS EM AMOSTRAS DE MAMOEIRO
RECEBIDAS PARA ANÁLISE
951
NASCIMENTO,
AKQ;
NASCIMENTO,
ALL;
MARQUES, MAL; GONÇALVES, MFB; LIMA, JAA
1991
SOBREVIVÊNCIA DO VÍRUS DO AMARELO LETAL DO MAMOEIRO
EM FOLHAS E RAÍZES SECAS DE PLANTAS INFETADAS
952
NASCIMENTO, ALL; NASCIMENTO, AKQ; CÉZAR,
MA; LIMA, JAA
1992
DETECÇÃO DOS VARIANTES GENÉTICOS PVYN-WI E NE-11 DO
POTATO VÍRUS Y NO BRASIL
953
GALVINO,SBF; FIGUEIRA,AR; GERALDINO,PS;
RABELO FILHO,FC; NOGUEIRA,VC; FRIZO,DM
1992
DISSEMINAÇÃO VIRAL E COMPORTAMENTO DE DIFERENTES
CULTIVARES DE BATATA TRATADAS COM PIRACLOSTROBINA
954
GALVINO,SBF; FIGUEIRA,AR; ALMEIDA, JEM; ;
RABELO FILHO, FC; RIBEIRO, SRR; FRIZO,DM
2008
ANÁLISE DA SEQUÊNCIA DE NUCLEOTÍDEOS DO BLOCO TRIPLO
DO ISOLADO ANDINO DE POTATO VIRUS S DO BRASIL
955
GERALDINO, PS; FIGUEIRA, AR; GALVINO, SBF;
RIBEIRO, SRRP
2019
REAÇÃO DE CLONES DE LARANJA ‘PÊRA’ (CITRUS SINENSIS)
AO CITRUS TRISTEZA VIRUS NA REGIÃO NORTE DO ESTADO DO
PARANÁ
956
GIAMPAN, JS; LEITE JR, RP; TAZIMA, ZH;
SUGAHARA, VH; OLIVEIRA, RM
2024
REAÇÃO AO VÍRUS DA TRISTEZA DOS CITROS DE CLONES DE
LARANJEIRA ‘PÊRA’ CULTIVADOS EM DIFERENTES REGIÕES DO
ESTADO DE SÃO PAULO
957
CARVALHO, SA; SCHOLL, T
1646
DIFERENCIAÇÃO DO ISOLADO DA ESTIRPE NECRÓTICA DO
POTATO VÍRUS Y: PVYN-CURL
958
SAWASAKI, HE; SOUZA DIAS, JAC; MENDONÇA,
ENA
FILHO,
FR;
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Sessão Oral
SESSÃO ORAL
TERÇA-FEIRA – 04 DE AGOSTO DE 2009
SESSÃO ORAL: 1
HORÁRIO: 10h:20 – 11h:20
SALÃO: LOUVRE IV
CÓDIGO
RESUMO
INSCRIÇÃO
TÍTULO
AUTORES
1459/
Concurso
Graduação
EFEITO DE HIPOCLORITO DE SÓDIO E BAIXA TEMPERATURA
NA SOBREVIVÊNCIA DE XANTHOMONAS CITRI SUBSP. CITRI EM
FRUTOS CÍTRICOS
14
MURATA, MM; CORDEIRO, AB; GONÇALVES, JS;
GONÇALVES, RM; LEITE JR., RP
1838/
Concurso
Graduação
EFEITO DO PERÍODO DE PRESERVAÇÃO DO CALDO DE CANA-DEAÇÚCAR SOBRE O EXAME DIAGNÓSTICO DE RAQUITISMO DAS
SOQUEIRAS
46
GRACHET, NG; URASHIMA, AS
1732/
Concurso
Graduação
EXTRATOS AQUOSOS DE PLANTAS MEDICINAIS NA QUALIDADE
FITOSSANITÁRIA DE SEMENTES DE PIMENTÃO.
133
DAL’MASO, EG; SCHNEIDER, CF; CORREA, D;
PALUDO, JJ; NOZAKI, MH.
1270/
Concurso
Graduação
POTENCIAL DE RIZOBACTÉRIAS NO CONTROLE DE DOENÇAS DA
PARTE AÉREA DO TOMATEIRO EM CONDIÇÕES DE CAMPO
187
ROCHA, DJA; NAUE, CR; MOURA, AB; GOMES,
CB; KROLOW, VB
SESSÃO ORAL
QUARTA-FEIRA – 05 DE AGOSTO DE 2009
SESSÃO ORAL: 2
INSCRIÇÃO
HORÁRIO: 10h:20 – 11h:20
SALÃO: LOUVRE IV
CÓDIGO
RESUMO
TÍTULO
AUTORES
1588/
ÓLEO ESSENCIAL DE MOSTARDA NO CONTROLE DA MURCHA
Concurso Pós- BACTERIANA DO TOMATEIRO.
Graduação
31
PONTES, NC; FUJINAWA, MF; OLIVEIRA, JR;
DHINGRA, OD; MORAES, SEM
1868/
EFFECTS OF F3 FRACTION PRODUCED BY PSEUDOMONAS
Concurso Pós- SP. LN STRAIN ON CELL MORPHOLOGY OF XANTHOMONAS
graduação
AXONOPODIS PV. PHASEOLI.
157
SPAGO, FR; OLIVEIRA JÚNIOR, AG ; SAN
MARTIN, JAB; LOPES, LP; VASCONCELLOS,
FCS; BERANGER, JPO; GÓIS, CGM; CAPELLO, O;
NOGUEIRA, MA; MELLO, JCP; ANDRADE, CGTJ;
ANDRADE, G
1885/
ULTRASTRUCTURAL
EVALUATION
OF
XANTHOMONAS
Concurso Pós- AXONOPODIS PV. CITRI STRAIN 306 TREATED WITH ANTIBIOTIC
graduação
COMPOUNDS PRODUCED BY PSEUDOMONAS
162
OLIVEIRA JÚNIOR, AG; BERANGER, JPO;
LOPES, LP; VASCONCELLOS, FCS; GÓIS, CGM;
SPAGO, FR; ANDRADE, CGTJ; SAN MARTIN,
JAB; CAPELLO, O; NOGUEIRA, MA; MELLO, JCP;
ANDRADE, G
1893/
EFEITO DA PROTEÍNA HARPINA NA INDUÇÃO DE RESISTÊNCIA
Concurso Pós- EM CAFEEIRO A CERCOSPORIOSE
graduação
165
GALDEANO,DM; GUZZO, SD
SESSÃO ORAL
QUINTA-FEIRA – 06 DE AGOSTO DE 2009
SESSÃO ORAL: 3
HORÁRIO: 13h:30 – 14h:30
CÓDIGO
RESUMO
SALÃO: LOUVRE I
INSCRIÇÃO
TÍTULO
1440
BACTÉRIAS “EXTREMÓFILAS”: EFEITOS NO DESENVOLVIMENTO
DAS PLANTAS DE TOMATE E SOBRE RALSTONIA SOLANACEARUM
13
REZENDE, AMFA; UESUGI, CH
1858
AVALIAÇÃO DO EFEITO PREVENTIVO DE QUITOSANA E
CARBONATO DE POTÁSSIO PARA O CONTROLE DA PODRIDÃO
DE BOTRYTIS CINEREA EM FRUTOS DE MAÇÃ.
154
CANAVER, BS; DI PIERO, RM
1371
REDUÇÃO DE PATÓGENOS EM SEMENTES
MICROBIOLIZADAS COM BACILLUS SPP.
203
RODRIGUES AAC; NASCIMENTO IO; MORAES
FHR; SILVA MSBS; SOUSA, FA
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
DE
ARROZ
AUTORES
69
Sessão Oral
Programação
1566
AVALIAÇÃO DE FUNGICIDAS, DOSES E NÚMERO DE APLICAÇÕES
PARA O MANEJO DA ANTRACNOSE DO SORGO
337
LANZA, FE; COSTA, RV; COTA, LV; CASELA, CR;
SILVA, DD; PEREIRA, IS
1429
AMOSTRAGEM PILOTO E INCIDÊNCIA DO ÁCARO VETOR DO
CILV EM POMARES DE CÍTRICOS DO RECÔNCAVO BAIANO.
453
SILVA,SXB;
SOARES,ACF;
ALMEIDA,DO
SESSÃO ORAL: 4
INSCRIÇÃO
HORÁRIO: 13h:30 – 14h:30
SALÃO: LOUVRE III
CÓDIGO
RESUMO
TÍTULO
LARANJEIRA,FF;
AUTORES
1227/
Concurso
Graduação
AVALIAÇÃO DE CULTIVARES DE MANDIOCA
RESISTÊNCIA À MANCHA BRANCA DA FOLHA.
À
423
NASCIMENTO, G.O.; FERREIRA, J.B.; NEVES,
Y.Y.B.; VALENTE, R.A.S.; MOURA, D.S.; ALMEIDA,
G.S.; FERREIRA, R.C.S.L.
1299/
Concurso
Graduação
PODRIDÃO DE COLMO EM MILHO SOB DOIS SISTEMAS DE
SUCESSÃO DE CULTURAS.
436
BOLZAN, JM; CASA, RT; OCZKOVSKI, L; OLIVEIRA,
FS ; KUHNEM JUNIOR, PR
1736/
Concurso
Graduação
EFEITO DA UMIDADE DO SOLO E CONCENTRAÇÃO DO PATOGENO
NA EXPRESSÃO DA PODRIDÃO ABACAXI (CERATOCYSTIS
PARADOXA) DA CANA-DE-AÇÚCAR
488
LANCENI, D; URASHIMA, AS
1778/
Concurso
Graduação
RESISTÊNCIA FÍSICA PELO MÉTODO DA PUNCTURA EM BAINHAS
DE PLANTAS DE ARROZ SUPRIDAS COM SILÍCIO E INOCULADAS
COM RHIZOCTONIA SOLANI.
519
SOUZA, NFA; SCHURT, DA ; RIBAS, W ; DUTRA,
RR ; RODRIGUES, FÁ
SESSÃO ORAL: 5
INSCRIÇÃO
QUANTO
HORÁRIO: 13h:30 – 14h:30
SALÃO: LOUVRE IV
CÓDIGO
RESUMO
TÍTULO
AUTORES
1542/
SUBSTRATOS SUPRESSIVOS À MURCHA DO CRISÂNTEMO
Concurso Pós- CAUSADA POR FUSARIUM OXYSPORUM.
graduação
218
PINTO, ZV; BETTIOL, W
1593/
APLICAÇÃO DE BACILLUS SUBTILIS, EM DIFERENTES ESTÁDIOS
Concurso Pós- DE DESENVOLVIMENTO DAS FLORES, NO CONTROLE DA QUEDA
graduação
PREMATURA DOS FRUTOS CÍTRICOS
223
CORRÊA,FE; KUPPER, KC
1974/
SUPRESSIVIDADE
A
CYLINDROCLADIUM
SPATHIPHYLLI
Concurso Pós- DE ESPATIFILO (SPATHIPHYLLUM WALLISI) INDUZIDA POR
graduação
RESÍDUOS MARINHOS
272
VISCONTI, A; BETTIOL, W; VILELA, ESD
1311/ Concurso INDUTORES DE RESISTÊNCIA NO CONTROLE DO MÍLDIO DA
Pós-graduação VIDEIRA E NA QUALIDADE PÓS-COLHEITA DE UVAS ‘ISABEL’
509
GOMES, ECS; NASCIMENTO, LC; PEREZ, JO;
LEITE, RP; SILVA, FJA
SESSÃO ORAL: 6
HORÁRIO: 16h:30 – 17h:30
SALÃO: LOUVRE I
CÓDIGO
AUTORES
RESUMO
INSCRIÇÃO
TÍTULO
1874
ANÁLISE GENÔMICA DA ESPECIALIZAÇÃO DE ALTERNARIA SPP.
EM TOMATEIRO E BATATEIRA
666
LIMA, AS; HORA JÚNIOR, BT; LOURENÇO JR., V;
MAFFIA, LA; MIZUBUTI, ESG
1696
EFEITO DO FARELO DE MAMONA E URINA DE VACA EM MUDAS
DE MAMOEIRO INFESTADAS PELO NEMATÓIDE DAS GALHAS
708
DAMASCENO, J.C.A.; RITZINGER, C.H.S.P.;
LUQUINE, L.S.; VIEIRA, R.S.; SANTA BÁRBARA,
M.; LEDO, C.A. DA S.
2003
ENSAIOS DE PATOGENICIDADE COM PHYTOPHTHORA
CINNAMONI E PHYTOPHTHORA HEVEAE DE SOLOS DE
RESERVAS NATURAIS DA MATA ATLÂNTICA
735
VARJÃO, LB ; MAGALHÃES, DMA; SANTOS, MV ;
LUZ, EDMN
1518
INFLUÊNCIA DA TÉCNICA DE RESTRIÇÃO HÍDRICA SOBRE
A QUALIDADE FISIOLÓGICA DE SEMENTES DE PEPINO
INOCULADAS COM FUSARIUM MONILIFORME
781
HAMANN,FA;
MENEZES,VO;
MÜLLER,J;
PEDROSO,DC;
PIVETA,G; MUNIZ,MFB
70
SANTOS,RF;
PACHECO,C;
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Programação
Sessão Oral
SESSÃO ORAL: 7
HORÁRIO: 16h:30 – 17h:30
CÓDIGO
RESUMO
SALÃO: LOUVRE III
INSCRIÇÃO
TÍTULO
1226/
Concurso
Graduação
LEVANTAMENTO DE DOENÇAS ASSOCIADAS À CULTURA DA
MANDIOCA NA REGIÃO DO ALTO JURUÁ, ACRE.
525
NEVES, Y.Y.B.; FERREIRA, J.B.; NASCIMENTO,
G.O.; FERREIRA, R.C.S.L.
1424/
Concurso
Graduação
CRESCIMENTO MICELIAL DE CERCOSPORA BETICOLA SOB
DIFERENTES CONDIÇÕES DE LUMINOSIDADE.
598
PALUDO,JJ;
NOZAKI,MH;
DAL’MASO,EG; CORREA,D
SCHNEIDER,CF;
1501/
Concurso
Graduação
ATIVIDADE NEMATICIDA DE EXTRATO AQUOSO E DO ÓLEO
ESSENCIAL DE TAGETES MINUTA SOBRE JUVENIS DE SEGUNDO
ESTÁDIO DE MELOIDOGYNE INCOGNITA E M. GRAMINICOLA.
698
JUNGES, E; GOMES, CB;
SOMAVILLA, L; MUNIZ, MFB
MORENO,
SESSÃO ORAL: 8
INSCRIÇÃO
HORÁRIO: 16h:30 – 17h:30
TÍTULO
CÓDIGO
RESUMO
AUTORES
MB;
SALÃO: LOUVRE IV
AUTORES
1355/
DIVERSIDADE DE ASCOMICETOS SAPRÓBIOS E FITOPATO­GÊ­
Concurso Pós- NICOS SOBRE PALMEIRAS EM ÁREAS DE MATA ATLÂNTICA DA
graduação
BAHIA E PERNAMBUCO, BRASIL.
589
VITÓRIA, NS; CAVALCANTI, MAQ; BEZERRA, JL
1717/
MUDANÇAS NA POPULAÇÃO DE ALTERNARIA ASSOCIADA À
Concurso Pós- PINTA PRETA NO BRASIL.
graduação
642
RODRIGUES,TTMS;
BERBEE,ML;
QUEIROZ,MV; MIZUBUTI,ESG
1631/
CONTROLE DA PODRIDÃO PEDUNCULAR EM MANGA, NA FASE
Concurso Pós- DE PÓS-COLHEITA COM EXTRATO DE CASCA DE MANGA.
graduação
753
LINS,SRO; OLIVEIRA,SMA; ALEXANDRE,ER
1453/
GERMINAÇÃO DE CONÍDIOS E FORMAÇÃO DE APRESSÓRIO DE
Concurso Pós- COLLETOTRICHUM GLOEOSPORIOIDES EM MACIEIRA SUSCE­
graduação
TÍVEL E RESISTENTE À MANCHA FOLIAR DE GLOMERELLA
845
ARAÚJO, L; STADNIK, MJ
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
SILVA,MB;
71
Excursões Turísticas
Programação
Excursões Turísticas (por adesão)
Balcão da Gray Line na Secretaria do Evento
CORCOVADO
Após o apanha dos passageiros em seus hotéis, o Tour seguirá até a estação do Cosme Velho,
onde tomaremos o trenzinho por dentro da Floresta da Tijuca rumo a uma das 7 maravilhas do
mundo moderno. O Cristo Redentor.
Inaugurado em 1884 pelo Imperador D. Pedro II, o trem do Corcovado foi o primeiro trem elétrico
do Brasil. Inaugurada em 1931 a estátua do Cristo Redentor tornou-se um símbolo da hospitalidade
carioca, recebendo a todos sempre de braços abertos.
A estátua de Jesus Cristo está localizada a 709 metros acima no nível do mar. Foi erguida em concreto armado e revestida de pedra sabão. Possui 38 metros de altura. Tem uma das vistas mais
bonitas do mundo sendo possível visualizar as regiões Norte e Sul do Rio de Janeiro e a cidade de
Niterói.
Após a visitação do Corcovado seguiremos rumo a São Conrado passando pelos bairros da Lagoa
e Gávea de onde iniciaremos o Drop-off dos passageiros passando pelas praias de Leblon, Ipanema e Copacabana.
Duração do Tour:
• 4 Horas
Saídas e Pick Up Time:
• Diária. Pick Up entre 08:00 e 09:00
Incluído:
• Transporte Hotel X Corcovado X Hotel
• Ingressos do Trem do Corcovado
• Guia
Central de Reservas: 2512-9919
72
Sessoes2.indd 72
e-mail: [email protected]
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
23/7/2009 18:20:22
Programação
Excursões Turísticas
PAIXÕES CARIOCAS
Após o apanha dos passageiros em seus hotéis, seguiremos em direção a primeira grande paixão
do povo carioca, o futebol, representado pelo estádio do Maracanã.
O Maracanã foi palco de grandes momentos do futebol brasileiro e mundial, como o milésimo gol
de Pelé, finais do Campeonato Brasileiro, Carioca de Futebol e Taça Libertadores da América,
competições internacionais e partidas da Seleção Brasileira. Foi um dos locais de competição dos
Jogos Pan-Americanos de 2007, recebendo o futebol, as cerimônias de abertura e de encerramento.
Será palco da Final da Copa do Mundo FIFA de 2014 que vai acontecer no Brasil
Visitaremos todos os setores do estádio como arquibancadas, tribuna de honra, vestiários e o
gramado considerado solo sagrado do futebol brasileiro.
Após a visitação do Maracanã seguiremos para a segunda grande paixão do carioca, o carnaval.
Visitaremos a Cidade do Samba um complexo de arte popular e entretenimento que foi planejado
para que o visitante sinta as emoções do Carnaval durante os 365 dias do ano, vivendo a magia da
festa que transforma o Rio de Janeiro na capital mundial da alegria.
Duração do Tour:
• 4 Horas
Saídas e Pick Up Time:
• Terça a Sábado. Pick Up entre 08:00 e 09:00
Incluído:
• Transporte Hotel X Maracanã X Cidade do Samba X Hotel
• Ingressos para visitação do Maracanã e Cidade do Samba
• Guia
Central de Reservas: 2512-9919
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Sessoes2.indd 73
e-mail: [email protected]
73
23/7/2009 18:20:22
Excursões Turísticas
Programação
PÃO DE AÇUCAR
Após o apanha dos passageiros em seus hotéis, seguiremos em direção ao Centro da Cidade
passando pela Lagoa. Passaremos em frente à sede da Prefeitura, Sambódromo, Praça da Cruz
Vermelha até chegarmos a Catedral Metropolitana.
Na Catedral Metropolitana faremos uma parada para visitação interna e conhecimento da historia
do local.
Após passarmos pelo Centro da cidade (passando pelo Teatro Municipal e Cinelândia) seguiremos
pelo Aterro do Flamengo rumo ao Pão de Açúcar.
Inaugurado em 1912 o Bondinho do Pão de Açúcar funciona em 2 linhas ligando os morros. A
primeira linha tem extensão de 600 metros ligando a estação Principal ao Morro da Urca. A segunda
linha tem extensão de 850 metros ligando o Morro da Urca ao Morro do Pão de Açúcar. No morro
do Pão de Açúcar é possível ver toda a Baia de Guanabara, os bairros da Zona Sul, a cidade de
Niterói e o Cristo Redentor.
Após a visita ao Pão de Açúcar iniciaremos o drop-off dos passageiros passando pelas praias de
Copacabana, Ipanema e Leblon.
Duração do Tour:
• 4 Horas
Saídas e Pick Up Time:
• Diária. Pick Up entre 14:00 e 15:00
Incluído:
• Transporte Hotel X Pão de Açúcar X Hotel
• Ingressos do Bondinho do Pão de Açúcar
• Guia
Central de Reservas: 2512-9919
74
Sessoes2.indd 74
e-mail: [email protected]
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
23/7/2009 18:20:22
Programação
Excursões Turísticas
PINK FLEET
PASSEIO PELA BAIA DE GUANABARA
Após a apanha dos passageiros em seus hotéis, o tour seguirá até a Marina da Glória onde
embarcaremos no Pink Fleet, uma experiência única com total conforto e segurança.
Venha navegar numa das paisagens mais lindas do mundo num espaço de lazer equipado com a
mais avançada tecnologia náutica, projetada para o turismo.
O roteiro exclusivo passa pela enseada de Botafogo, Mam, Fortaleza de São João, Praia de
Copacabana até o Forte de Copacabana, Niterói, MAC, Ilha Fiscal e a Praça XV, aprecie tudo isso
dos 4 conveses do navio.
Você escolhe entre diversas opções, áreas externas com bares e mesas posicionadas
estrategicamente para uma vista espetacular do passeio, ou um dos 6 salões internos, ambientes
acolhedores e aconchegantes.
Duração do Tour:
• 4 Horas
Saídas e Pick Up Time:
• Sábado. Pick Up entre 08:00 e 09:00
Incluído:
• Transporte Hotel X Pink Fleet X Hotel
• Ingressos para o Navio
• Guia
Central de Reservas: 2512-9919
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Sessoes2.indd 75
e-mail: [email protected]
75
23/7/2009 18:20:22
Excursões Turísticas
Programação
PLATAFORMA
SHOW COM JANTAR
Após o apanha dos passageiros em seus hotéis, seguiremos em direção a Churrascaria Espaço
Brasa no Leblon, local de nosso jantar.
O Espaço Brasa é um centro gastronômico completo, onde você encontra qualidade e variedade
em um ambiente muito agradável. Churrasco rodízio de carnes nobres, mais de 30 tipos de saladas,
comida japonesa entre outros nos prepara para o grande show a seguir.
O Show do Plataforma nos apresenta o maior e mais tradicional espetáculo do autentico folclore
brasileiro. O show nos conta através de ritmos, melodias, cantos e danças a historia de nossas
raízes culturais e raciais.
São 2 horas de espetáculo e encanto que terminam com um desfile de fantasias.
Duração do Tour:
• 6 Horas
Saídas e Pick Up Time:
• Diário. Pick Up entre 19:00 e 20:00
Incluído:
• Transporte Hotel X Restaurante X Plataforma X Hotel
• Jantar no Espaço Brasa
• Ingressos para o Show do Plataforma
• Guia
*Bebidas e Sobremesas não inclusas
Central de Reservas: 2512-9919
76
Sessoes2.indd 76
e-mail: [email protected]
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
23/7/2009 18:20:22
Programação
Excursões Turísticas
RIO BY DAY
1ª parte (Corcovado)
Após o apanha dos passageiros em seus hotéis, o Tour seguirá até a estação do Cosme Velho,
onde tomaremos o trenzinho por dentro da Floresta da Tijuca rumo a uma das 7 maravilhas do
mundo moderno. O Cristo Redentor.
Inaugurado em 1884 pelo Imperador D. Pedro II, o trem do Corcovado foi o primeiro trem elétrico
do Brasil. Inaugurada em 1931 a estátua do Cristo Redentor tornou-se um símbolo da hospitalidade
carioca, recebendo a todos sempre de braços abertos.
A estátua de Jesus Cristo está localizada a 709 metros acima no nível do mar. Foi erguida em
concreto armado e revestida de pedra sabão. Possui 38 metros de altura. Tem uma das vistas mais
bonitas do mundo sendo possível visualizar as regiões Norte e Sul do Rio de Janeiro e a cidade de
Niterói.
Após a visitação do Corcovado seguiremos rumo a São Conrado passando pelos bairros da Lagoa
e Gávea de onde seguiremos para o Mio Ristorante, localizado no coração de Ipanema.
O Mio Ristorante é especializado em comida italiana e possui uma grande variedade de vinhos. Seu
ambiente muito agradável torna o almoço muito mais saboroso
• Entradas
• Salada Mista ou Casquinha de Siri
• Pratos Principais
• Peixe com molho de camarão e risoto de legumes ou Fettuccine ao Pomodoro
* Bebidas e Sobremesas não inclusas.
Central de Reservas: 2512-9919
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Sessoes2.indd 77
e-mail: [email protected]
77
23/7/2009 18:20:22
Excursões Turísticas
Programação
RIO BY DAY
2ª parte (Pão de Açúcar)
Após o almoço, seguiremos em direção ao Centro da Cidade passando pela Lagoa, em frente à sede
da Prefeitura, Sambódromo, Praça da Cruz Vermelha até chegarmos a Catedral Metropolitana.
Na Catedral Metropolitana faremos uma parada para visitação interna.
Após passarmos pelo Centro da cidade (passando pelo Teatro Municipal e Cinelândia) seguiremos
pelo Aterro do Flamengo rumo ao Pão de Açúcar.
Inaugurado em 1912 o Bondinho do Pão de Açúcar funciona em 2 linhas ligando os morros. A
primeira linha tem extensão de 600 metros ligando a estação Principal ao Morro da Urca. A segunda
linha tem extensão de 850 metros ligando o Morro da Urca ao Morro do Pão de Açúcar. No morro
do Pão de Açúcar é possível ver toda a Baia de Guanabara, os bairros da Zona Sul, a cidade de
Niterói e o Cristo Redentor.
Após a visita ao Pão de Açúcar iniciaremos o Drop-off dos passageiros passando pelas praias de
Copacabana, Ipanema e Leblon.
Duração do Tour:
• 8 Horas
Saídas e Pick Up Time:
• Diária. Pick Up entre 08:00 e 09:00
Incluído:
• Transporte Hotel X Corcovado X Almoço X Pão de Açúcar X Hotel.
• Ingressos do Corcovado e Bondinho do Pão de Açúcar.
• Guia
Central de Reservas: 2512-9919
78
Sessoes2.indd 78
e-mail: [email protected]
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
23/7/2009 18:20:23
Programação
Excursões Turísticas
PLATAFORMA
SÓ SHOW
Após o apanha dos passageiros em seus hotéis, seguiremos em direção ao Plataforma.
O Show do Plataforma nos apresenta o maior e mais tradicional espetáculo do autentico folclore
brasileiro. O show nos conta através de ritmos, melodias, cantos e danças a historia de nossas
raízes culturais e raciais.
São 2 horas de espetáculo e encanto que terminam com um desfile de fantasias.
Duração do Tour:
• 4 Horas
Saídas e Pick Up Time:
• Diário. Pick Up entre 20:30 e 21:30
Incluído:
• Transporte Hotel X Plataforma X Hotel
• Ingressos para o Show do Plataforma
• Guia
*Bebidas e Sobremesas não inclusas
Central de Reservas: 2512-9919
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Sessoes2.indd 79
e-mail: [email protected]
79
23/7/2009 18:20:23
Excursões Turísticas
Programação
PINK FLEET
GUANABARA BAY CRUISE
After passengers pick up at the hotels, the tour will go to the Marina da Gloria where we will embark
on the Pink Fleet, a unique experience offering total comfort and safety.
You will cruise trough one of the most beautiful sightseeing spots in the world: The Guanabara
Bay.
This exclusive route includes Botafogo Bay, Mam (Museum of Modern Art), Fort of São João,
Copacabana , Niterói, MAC (Museum of Comtemporary Art), the Ilha Fiscal and Praça XV. You wil
be able to enjoy all those views from one of the four decks of the ship.
Duration of Tour:
• 4 Hours
Departure amd Pick Up Time:
• Saturdays. Pick Up between 08:00 AM and 09:00 AM
Included:
• Transfer Hotel X Pink Fleet X Hotel
• Tickets for Pink Fleet
• Guide
Central de Reservas: 2512-9919
80
Sessoes2.indd 80
e-mail: [email protected]
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
23/7/2009 18:20:23
Programação
Excursões Turísticas
PLATAFORMA
SHOW WITH DINNER
After passenger pick up at the hotels, we will go to the Churrascaria Espaço Brasa in Leblon where
our dinner will take place.
Espaço Brasa is an all-inclusive gastronomic center, where you will find quality and variety in an
extremely pleasant atmosphere. Barbecue “rodízio style” (all you can eat) of prime cuts of beef, and
more than thirty types of salads, Japanese food and other delicacies will prepare you for the fantastic
show included in this tour.
The plataforma show is the largest and most traditional spectacle available in Rio de Janeiro,
presenting an authentic look at Brazilian folklore. Trough its rhythms, melodies songs and dances
the show depicts the history of our cultural and racial roots.
This two hour show is truly enchanting and stunning, ending with parade of luxurious costumes.
Duration of Tour:
• 6 Hours
Departure and Pick Up Time:
• Daily. Pick Up between 07:00 PM e 08:00 PM
Included:
• Transportation from Hotel X Espaço Brasa X Plataforma X Hotel
• Dinner at Espaço Brasa (DRINKS AND DESSERTS NOT INCLUDED)
• Tickets for Plataforma
• Guide
Central de Reservas: 2512-9919
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Sessoes2.indd 81
e-mail: [email protected]
81
23/7/2009 18:20:23
Excursões Turísticas
Programação
MARACANÃ
After passenger pick up at hotels, we will go to the Mario Filho Stadium, the famous Maracanã
Stadium.
Built for the FIFA 1950 World Cup, this stadium was for many years the largest in the world. Until
today it keeps the record for number of spectators, registered in 1969 during the Brazil 1 x 0
Paraguay match for the FIFA Qualification to the 1970 World Cup, when 195.513 fans witnessed the
Brazilian victory.
Today the stadium hosts most of the soccer matches between Rio´s clubs for the State Championship,
Libertadores da America and Serie A matches.
We will watch the game in the tourist sector which is located in a reserved part of the stadium, which
is a secure sheltered sector. You can enjoy 90 minutes of Brazilian soccer.
Duration of Tour:
• 6 Hours
Departure and Pick Up Time:
• Match Days. Pick Up between 2 to 3 hours prior to kick off
Included:
• Transfer Hotel X Maracana X Hotel
• Match Tickets
• Guide
Central de Reservas: 2512-9919
82
Sessoes2.indd 82
e-mail: [email protected]
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
23/7/2009 18:20:23
Programação
Excursões Turísticas
CORCOVADO
After collecting passengers at their hotels, the tour will continue to the Cosme Velho station to catch
the cog train (ticket is included) for a journey through the dense Atlantic Rain Forest of Tijuca, to one
of the new elected beauties of the modern world: the Christ Statue on Corcovado mountain
Inaugurated on 1884 by Emperor Dom Pedro II, the Corcovado train was Brazil’s first electric
train. The Christ Statue has become since 1931, a symbol for carioca’s hospitality and sympathy,
welcoming all with arms open wide.
At 709 m above sea level , the well known 1000 tons weighting Christ the Redeemer is seen from
every corner of the metropolis. Clear sight allows especially in the morning a spectacular view of the
town southern districts of Leblon, Ipanema, Copacabana and of Lagoa Rodrigo de Freitas close to
the Botanical Garden . Sugarloaf, Botafogo Bay, Niteroi Bridge, downtown Rio and the Maracana
Soccer Stadium are other sites of interest.
After leaving Corcovado Mountain, the tour heads to São Conrado through the neighborhoods of
Gávea and Lagoa. When reaching São Conrado, passengers will begin being dropped off along the
beaches of Leblon, Ipanema and Copacabana
Duration of Tour:
• 4 Hours
Departure and Pick Up Time:
• Daily. Pick Up between 08:00 AM e 09:00 AM
Included:
• Transfer Hotel X Corcovado X Hotel
• Tickets to the Corcovado
• Guide
Central de Reservas: 2512-9919
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
Sessoes2.indd 83
e-mail: [email protected]
83
23/7/2009 18:20:23
Excursões Turísticas
Programação
SUGAR LOAF
After collecting passengers at their hotels The tour starts with a panoramic tour from downtown Rio.
We will pass by Canderária, the Theatro Municipal e Cinêlandia in downtown Rio, before heading to
Sugar Loaf through Aterro do Flamengo.
The 2nd sight to be visited is Sugar Loaf Mountain. Standing on the Sugarloaf platform at 396 m
above sea level you have a marvelous view of Rio de Janeiro. Downtown Rio, the Southern beaches,
Corcovado and Niteroi Bridge lay in front of you. Up there one understands why many people regard
Rio de Janeiro as the most beautiful town in the world. Evenings are the best time to visit Sugarloaf
and also enjoy the magnificent sunset. Two cable cars take you to the top of Sugarloaf. The lower
cable car takes you 220 m high to Morro da Urca where you already have a beautiful view. The upper
cable car takes you from Morro da Urca to Sugarloaf.
Once you reached the top just take time and enjoy the unique panorama view, take pictures, have
a snack or just relax and enjoy. After Sugar Loaf, passengers will begin being dropped off along the
beaches of Leblon, Ipanema and Copacabana
Duration of Tour:
• 4 Hours
Departure and Pick Up Time:
• Daily. Pick Up between 02:00 PM e 03:00 PM
Included:
• Transfer Hotel X Sugar Loaf X Hotel
• Tickets to the Sugar Loaf
• Guide
Central de Reservas: 2512-9919
84
Sessoes2.indd 84
e-mail: [email protected]
XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia
23/7/2009 18:20:23

Documentos relacionados