dicas do xp

Сomentários

Transcrição

dicas do xp
WI-FI
30 de Março de 2005
O objetivo desta matéria é ajudar toda e qualquer pessoa, seja ela física ou jurídica, que use o sistema de
transmissão de dados wireless (via rádio), pois hoje o maior inimigo deste sistema é a poluição de RF
(ruído ou batimento).
A transmissão de dados via rádio no Brasil vem se expandindo geometricamente na freqüência de 2.4
Ghz, o que esta ocasionando uma total poluição de RF, que aparece na forma de ruído ou batimento.
Por falta de maiores conhecimentos sobre o assunto, tem se aumentado indiscriminadamente a potencia
de transmissão, seja através da troca por equipamentos de maior potencia ou pelo uso de amplificadores,
aumentando cada vez mais a poluição de RF, tornando-se quase impossível em certas regiões obter-se
um sinal com o mínimo de qualidade necessário para o uso do sistema.
Muitos estão migrando para a freqüência de 5.8 Ghz, na tentativa de melhorar o sinal, principalmente em
links ponto a ponto, mas os equipamentos para esta freqüência têm um custo muito elevado, (quase três
vezes mais que os de 2.4 Ghz), tornando quase inviável seu uso comercialmente.
Não fosse isto, já estaríamos com problemas também nesta freqüência, alias, já estamos cometendo os
mesmos erros no uso de 5.8 Ghz, ou seja, aumento de potencia com a intenção de melhorar o sinal.
Tal procedimento, com certeza nos levará aos mesmos problemas hoje existentes com a freqüência de
2.4 Ghz.
Vamos através desta matéria, orientar instaladores e usuários deste sistema, quanto ao uso de potencias
adequadas, bem como escolher a antena 2.4 e 5.8 ghz que melhor se ajuste as suas necessidades, vamos
também ajudá-los a identificar a origem da interferência de RF (ruído),ou batimento, como diminuí-los
sensivelmente, como melhorar a qualidade do sinal, se possível com os equipamentos já instalados, etc...
Poucos dão a devida importância para o elemento irradiante (antena) em um sistema wireless,
preocupando-se com o rádio, hub, servidor, etc..., Achando que a antena é um simples acessório. No
entanto, a antena é de fundamental importância para a transmissão de um sinal com alta qualidade.Um
rádio de $ 15.000 com uma antena inadequada pode transmitir um sinal bem inferior a um rádio de $
5.000 com antena bem dimensionada, para ter-se uma idéia da importância da antena, independente da
qualidade do rádio, ele não funcionará sem uma antena.
Existe um modelo de rádio, parecido com um cinescópio, totalmente hermético para ser instalado em local
exposto ao tempo, e como o ele não necessita de antena externa para funcionar, muitos acham que o
mesmo opera sem antena, mas acontece que ele já possui uma antena interna de alto ganho.
È através da antena que poderemos aumentar a intensidade e a qualidade de um sinal, sem aumentar o
ruído.Se desde o início houvesse a preocupação de se usar a mínima potencia na transmissão de dados
via rádio, procurando-se melhorar a qualidade do sinal e o aumento da distancia a ser atingida com o uso
de antenas adequadas, bem projetado, não estaríamos hoje com tantos problemas.
Alguns hão de dizer; como alcançar longas distancias com um rádio de apenas 32 mw, mesmo usando
uma super antena.Bem, quando queremos atingir uma distancia superior ao limite de um rádio de 32 mw
com uma super antena, devemos instalar um novo ponto de acesso dentro deste limite e assim por
diante, até atingirmos a distancia desejada, desta forma não estaríamos provocando interferências em
outros rádios, seja eles nossos ou não, e com isso todos teriam melhor qualidade de sinal.
"Quanto maior a potencia empregada, maior serão nossos problemas de poluição com RF".
Hoje existe uma verdadeira guerra principalmente entre provedores de Internet, cada um aumentando
mais e mais a potencia de transmissão, quer seja com a troca de equipamento (rádio), ou pelo uso de
amplificadores, chegando a causar danos a sua própria transmissão de dados.
Abaixo vou citar dois exemplos em que participei como consultor wireless, e que dará ao leitor uma idéia
da dimensão do problema e de sua gravidade.
No primeiro caso, dei suporte técnico para um provedor de Internet, o qual estava perdendo clientes
porque já não conseguia manter um link com as mínimas condições aceitáveis, aliás, seu concorrente
também estava perdendo clientes pelos mesmos motivos, ou seja, em certos horários o ruído era tão
intenso que derrubava o link hora de um provedor, hora do outro e quem estava ganhando era um
provedor com o sistema de ADSL, que por razões óbvias, não precisava fazer muito esforço para
conseguir clientes. Para se ter uma idéia, estes provedores não tinham rádio com potencia inferior a 300
mw e todos os rádios de ambos estavam equipados com amplificadores de 1 watt, sendo que um deles
tinha um amplificador de 2 watts, e todas as antenas parabólica fechada eram de 32 dbi.
Ora, um rádio de 300 mw, equipado com um amplificador de 1 watt e uma antena parabólica de 32 dbi,
causa problemas sérios, inclusive com possibilidades de derrubar qualquer link de transmissão de dados
que venha cruzar seu lóbulo de irradiação em uma distancia de aproximadamente de 15 Km.
A única solução que encontrei para estes provedores foi orientá-los para que tirassem todos estes
equipamentos, e voltassem a usar equipamentos de baixa potencia e antenas projetadas para cada caso.
Após vários testes para provar que esta era a única solução, consegui um acordo entre ambos.
No segundo caso, o suporte técnico foi para uma empresa privada que havia feito um link com uma de
suas filiais, através de um equipamento de 200 mw equipado com amplificador de 1 watt e antena
parabólica de 27 dbi(sem necessidade). Este link funcionou bem por um período de aproximadamente 60
dias,após este período começou os problemas com ruído, o motivo? O provedor de Internet local foi
prejudicado com este link de potencia elevada e tentando resolver o seu problema, aumentou
consideravelmente a potencia de transmissão do seu ponto de acesso.
A solução para ambos foi usar equipamento de baixa potencia e o uso do tipo e modelo de antena que
mais se adequasse aos seus propósitos. Estes exemplos não são casos isolados, as maiorias das redes
wireless estão sendo feitas através de equipamentos cada vez mais potentes, acoplados a amplificadores
e muitas vezes com o uso de tipos e modelos inadequados de antenas.
Já se chegou ao absurdo de usar amplificador nas duas pontas de um enlace wireless de curta distancia,
aproximadamente 8 km.
Imaginem se as operadoras de telefonia celular agissem da mesma forma que os provedores e usuários
da transmissão de dados via rádio, usando equipamentos de maior potencia, seria um caos, todos eles
teriam os mesmos problemas que hoje enfrentamos no sistema wireless de transmissão de dados.
Mas elas estão bem assessoradas e ao invés de aumentar potencia para abranger uma área maior,
instalam vários pontos com potencia baixa(células) e assim operam sem problemas.
Desta forma, só conscientizando os usuários do sistema de transmissão de dados via rádio, para
adquerirem o máximo de informações técnicas possíveis sobre altas freqüências, como elas se propagam,
por que há vários tipos e modelos de antenas e como elas funcionam, enfim,como funciona este sistema
via rádio de um modo geral.
Muitas vezes achamos que o problema esta na rede de transmissão física(do rádio até a antena), ou na
transmissão wireless propriamente dita(irradiação de RF entre antenas), e o mesmo esta na programação
dos equipamentos, portanto seria importante também conhecerem arquitetura de redes TCP/IP etc... .
Tenho certeza que bem informados, irão tentar baixar a potencia de transmissão e usar antenas
específicas para cada caso, alem de criarem mais pontos de acesso.
Abaixo, darei o máximo de informações, tanto técnica quanto prática sobre os tópicos: altas freqüências,
elemento irradiante (antena) e cuidados na instalação de equipamentos. Tenho certeza, ajudarão os
usuários deste sistema, a amenizar seus problemas com interferências de RF, má qualidade do sinal,
queda de link etc...
A) - Altas freqüências:
As altas freqüências, como 2.4 e 5.8 Ghz, são freqüências chamadas de visuais, ou seja, tem que haver
visada entre as antenas 2.4 ghz ou entre a antenas 5.8 ghz, caso contrário não haverá link. Portanto este
é o primeiro teste que se faz para avaliar a viabilidade de um link, tenta-se enxergar de um ponto, o
outro, mesmo que seja com auxílio de um binóculo, se isto for possível, já é um bom começo. O segundo
passo é instalar provisoriamente um rádio em um dos pontos, e auxiliado por um not book no outro
ponto, tentaremos avaliar a qualidade do sinal recebido e enviado, com este segundo passo, poderemos
determinar o tipo de antena necessária, bem como de equipamento.
Quando operarmos com mais de um rádio no mesmo local, teremos que programar estes equipamentos
em canais distantes entre si de no mínimo tres canais, caso contrário, haverá interferência entre
eles.Estas freqüências possuem um inimigo natural que é a água, ela atua sobre estas freqüências de dois
modos; refletindo a freqüência como um espelho reflete a luz, alterando deste modo o lóbulo de
irradiação original, ou quando penetrar umidade no gama de uma antena, no conector, ou até mesmo
internamente no cabo condutor, ocasionando uma perda considerável de sinal, podendo inclusive haver a
queda total do link, até que a umidade se evapore.
Quando houver penetração de umidade internamente em conectores e cabos, estes deverão serem
substituídos, mesmo que venham a funcionar depois de secos, isto porque um processo de oxidação
iniciou-se internamente nos mesmos o que ocasionará problemas futuros na qualidade da transmissão.
B) - Elemento irradiante(antena):
O elemento irradiante, ou seja, a antena, é um componente vital para a transmissão de dados via rádio,e
não apenas um acessório como muitos pensam.
A escolha correta do tipo e modelo de antena é que vai determinar a qualidade do sinal transmitido e não
"a potencia aplicada ao mesmo".
Quando aumentamos a potencia de transmissão, aumentamos o sinal com todos os ruídos existentes em
proporções iguais, portanto, não melhoramos a qualidade do sinal, ou seja, se tivermos um sinal com 32
mmw de potencia e 40% de ruído e aumentarmos a potencia para 500 mmw, o mesmo continuará com
40% de ruído. Neste caso, estaremos aumentando tanto a poluição de RF, quanto a área atingida pela
mesma.
Agora, se ao invés de aumentarmos a potencia, projetarmos o tipo e modelo de antena que mais se
aproxime do ideal para este link, bem como o local mais apropriado para sua instalação, teremos uma
queda sensível no percentual do ruído, aumentando a qualidade do sinal.
É claro que podemos conciliar o aumento de potencia, com o tipo e modelo de antena, porem tomando
todos os cuidados para não interferirmos em outros sinais independente de quem esteja originando os
mesmos.
Toda a vez que interferirmos em outro sinal, quem estiver originando o mesmo, com intuito de resolver o
problema e talvez por falta de um conhecimento mais profundo da matéria, ira também aumentar a
potencia deste sinal, aumentando com isto a poluição de RF,tornando cada vez mais difícil a transmissão
de dados via rádio.
Embora existam vários modelos de antenas quanto ao ganho, lóbulo de irradiação e polarização, os tipos
são basicamente três:
1) onidirecional,(conhecida como omnidirecional). 2) semi direcional (conhecida como setorial) 3)
direcional
Existem ainda tipos como yagi,helicoidal etc...mas como a helicoidal por suas características não é
praticamente usada em 2.4 e 5.8 ghz e a yagi é uma antena direcional muito sensível a ruídos vindos de
todos os lados, também não é muito usada nestas freqüências, não vou incluí-las nesta matéria.
A antena omnidirecional, irradia num ângulo de 360 graus na horizontal e o ângulo de irradiação na
vertical pode variar de 3 a 30 graus aproximadamente de acordo com o modelo. Quanto a polarização, os
modelos são distintos, ou é vertical ou horizontal.
OBS: Quanto maior o ganho desta antena, menor será seu ângulo de irradiação na vertical. tornando-se
menos próprias para curtas distancias.
Sua principal vantagem é que podemos efetuar links em todas as direções a nossa volta com uma única
antena.
Sua principal desvantagem é de captar ruídos vindos de todos os lados.
Quando a poluição de RF (ruído) é muito elevada no local, nos obrigamos a substituir uma omnidirecional
por quatro antenas setoriais com lóbulo de irradiação de 90graus na horizontal.
A antena setorial, também chamada de painel setorial conforme o modelo, pode ter seu ângulo de
irradiação na horizontal de aproximadamente entre 30 e 180 graus e na vertical aproximadamente de 3 a
30 graus. Quanto a polarização, os modelos principalmente acima de 12 dbi são distintos, ou é vertical ou
horizontal.
Existem modelos abaixo de 12 dbi que basta girar o mesmo 90 graus para mudarmos a polarização.
Com esta antena, podemos cobrir vários pontos em uma área bastante ampla, porém em direção pré
determinada. Este tipo de antena atenua levemente os ruídos vindo de trás e sua atenuação quanto aos
ruídos laterais, quase não existe.
A antena direcional conforme o modelo, pode ter seu ângulo de irradiação na horizontal de
aproximadamente entre 7 e 20 graus e na vertical entre 3 e 10 graus. Quanto a polarização, a maioria
dos modelos possui as duas polarizações, é só girar o gama 90 graus para mudar a polarização, neste tipo
de antena, a que mais nos interessa é a antena parabólica.
Com esta antena, podemos cobrir uma área bastante restrita, sendo mais usada para link do tipo ponto a
ponto.
Os modelos mais usados são as parabólicas, podendo ter a parábola aberta(grade) ou fechada(fibra ou
metal). A parábola fechada atenua mais que a de grade os ruídos vindo de trás.
O alimentador (iluminador ou gama),da antena parabólica pode ser fechado(tipo "caneco") ou aberto,um
dipolo(tipo off set), sendo que o fechado atenua mais os ruídos vindo dos lados que o aberto.
Se conhecermos bem o funcionamento de cada antena, de acordo com o tipo e modelo, com certeza
saberemos escolher a antena que mais se aproxima do ideal para nossos propósitos, irradiando um sinal
com melhor qualidade, (menor percentual de ruídos com maior ganho em db).
Muitas vezes alem de onerarmos nossos custos na instalação de um link, escolhendo uma antena com
ganho acima do necessário, ainda corremos o risco, do tipo ou modelo não ser o mais indicado, deixando
de obter um sinal de melhor qualidade.
Abaixo alguns exemplos quanto ao uso de antenas:
a) Uma antena omnidirecional de 8 dbi custa em media 200,00 dependendo da qualidade, e uma de 15
dbi em media 600,00. Se nosso link for atender usuários a menos de 4 km de distancia e nossa antena for
instalada em um ponto bastante elevado, a antena de 8 dbi ira fornecer um sinal com melhor qualidade
que a antena de 15 dbi, devido ao grau de irradiação vertical ser bem mais aberto que a de 15 dbi.
b) Possuímos dois rádios instalados na mesma torre ou mesmo lugar, um esta servindo como ponto de
acesso através de uma antena omnidirecional de 8 dbi para atender usuários localizados ao redor deste
ponto a distancias não superior a 4 km, e o outro rádio esta servindo como um link ponto a ponto através
de uma antena direcional(parabólica de grade de 24 dbi), com a finalidade de enviar sinal a distancia de
aproximadamente 15 km.
A omnidirecional esta instalada acima da parabólica (errado,"sempre as antenas com o ângulo do lóbulo
de irradiação vertical mais aberto, devem ficar abaixo das que possuem o ângulo do lóbulo de irradiação
vertical mais fechado").
Ambos os rádios estão transmitindo em canais distintos e distante entre si por apenas um canal(errado,
sempre que for necessário usar dois canais instalados no mesmo local, eles deverão ter uma distancia
entre si de no mínimo três canais).
Bem, precisamos aumentar a área de abrangência do rádio com a antena omni de 8 dbi, para
aproximadamente 12 km, então instalamos um amplificador de 1 w neste rádio(errado,iremos atingir os
12 km, mas com esta potencia causaremos batimentos no link ponto a ponto). Este seria o ultimo dos
procedimentos.
Neste caso uma das alternativas seria instalar mais um rádio, com uma antena omni de 15 dbi, operando
cada rádio em canais bem distantes entre si ( canais 1, 6 e 11 ), e as antenas instaladas,uma acima da
outra, na seguinte ordem de cima para baixo: 1- parabólica 2- omnidirecional de 15 dbi 3- omnidirecional
de 8 dbi.
OBS: Quando tivermos que instalar antenas omnidirecionais em torre metálica, elas deverão se possível,
ficar afastada da torre no mínimo a distancia de 10 x o comprimento de onda, evitando possíveis
alterações em seu lóbulo de irradiação.
c) Possuímos um ponto de acesso que a muito tempo vinha operando com um sinal de boa qualidade,
mas o nível do ruído subiu muito comprometendo a qualidade do sinal, após ter sido instalado no mesmo
local outro radio por terceiros.
Se não houver possibilidade de mudarmos o local do nosso ponto de acesso e nem entrar em acordo com
quem instalou o outro rádio, antes de tentarmos resolver nosso problema aumentando nossa potencia
com uso de amplificador, devemos trocar a polarização da nossa antena se a mesma permitir, ou
trocarmos esta por outra com polarização contrária.
d) Quando necessitarmos aumentar o nível de um sinal, devemos fazê-lo,sempre que possível
aumentando o ganho do mesmo e não a potencia, pois quando aumentamos a potencia, aumentamos
junto os ruídos na mesma proporção e quando aumentamos o ganho, aumentamos somente o sinal
melhorando assim a qualidade do mesmo.
Obs: O ganho se aumenta com antenas de maior ganho e modelos específicos. A potencia se aumenta
com rádios de maior potencia ou com uso de amplificadores.
C ) Escolha do tipo e modelo de antena:
Para definirmos qual o tipo e mod. de antena que ira suprir melhor nossas necessidades, devemos: 1)
Determinar de onde e para onde desejamos enviar e receber sinais.
a) Enviar e receber sinais em um ângulo de 360 graus ao redor do nosso ponto de acesso.
b) de um ponto a diversos pontos em uma determinada direção para cobrir uma área pré-estabelecida..
c) de um ponto a outro pré-definido (ponto a ponto).
2) determinar a distancia a ser atingida pelo sinal.
a) de 0 á x/km
b) apartir de ? km até x/km
c) combinação dos itens a e b
d) atingir um ponto pré-determinado a x/km
3) se há visada com os pontos ou áreas onde queremos chegar com o sinal.
Não poderá ter obstáculos como montanha, prédios, vegetação fechada, etc...entre os pontos a serem
feitos os enlaces.
4) local disponível para a instalação da antena e do rádio.
a) tipo de estrutura existente.
b) altura em relação aos pontos a serem atingidos.
c) se existe proteção contra raios e que tipo.
d) se existe outros equipamentos wireless instalados no local e quais os tipos.
e) se possível checar o nível de ruído existente no local.
f) distancia mínima possível entre o rádio e a antena.
g) potencia do rádio (se já adquirido).
Com a definição dos itens acima, dificilmente deixaremos de escolher a antena que mais se aproxime do
ideal para nossos propósitos, ou seja, colocar o sinal necessário, no local determinado com o menor
desperdiço em outras direções, com a menor potencia gerada, com o menor custo possível.
D) interferências de RF.
A interferência de RF pode apresentar-se das seguintes formas:
-Fixa quando a relação sinal/ruído se mantem constante. -Variável quando a relação sinal/ruído apresenta
variações distintas entre si. -como batimento quando há variações na potencia, mantendo constante o
percentual sinal/ruído.
A fonte da interferência pode ser:
-própria Quando usamos mais de um rádio em canais muito próximos.
Quando usamos mais de uma antena sem atender os critérios mínimos quanto a aproximação entre as
mesmas, ou porque alguma ou todas estão com o nível da potencia refletida(onda estacionária) acima do
limite aceitável, conexões com defeito, umidade ou oxidação.
Quando usamos potencia acima do aceitável pela aproximação dos rádios ou antenas.
-de terceiros Quando vinda de equipamentos de terceiros instalados em local próximo ou não ao nosso,
tendo como motivo os mesmo citados acima.
Esta interferência é a mais difícil de eliminar, pois poderemos depender da boa vontade de terceiros.
É importante sabermos a fonte de interferência para sabermos no mínimo como amenizar o problema.
Quando a interferência chega até nosso equipamento por via indireta (freqüência refletida por algum
objeto), torna-se difícil identificar sua origem e conseqüentemente dificultando uma solução.
As principais fontes de interferências nas formas fixa ou variável podem ser:
- Potencia excessiva, levando em conta todo os equipamentos instalados no local. - Antenas(s) mal
dimensionadas. - Antena(s) de ma qualidade com alto percentual de potencia refletida(ondas
estacionárias). - Rádios transmitindo em canais muito próximos (menos que três canais de diferença). Rádios transmitindo em freqüências completamente diferentes, porem operando com alta potencia (acima
de 500 watts), próximos dos equipamentos afetados. - Realimentação do sistema irradiante por RF
refletida. - Espúrios ou harmônicas de outras freqüências que coincidem com o comprimento de onda
irradiado por nossos equipamentos.
As principais fontes de interferências na forma de batimento:
Obs: O batimento provoca a queda da potencia sem alteração na relação sinal/ruído, podendo inclusive
interromper totalmente um link.
- encontro de RFs de fontes diferentes, porem com sinais de mesmo nível em contra-fase.
Obs: este fenômeno pode acontecer em qualquer ponto entre links, inclusive em determinados horários,
quando o tráfego de dados aumenta chegando próximo ao limite dos equipamentos.
-A queda de potencia também pode ser causada por penetração de umidade em conectores, cabos, e na
própria antena, ou por oxidação destes elementos.
Podemos considerar a água como o segundo inimigo de peso no sistema wireless de transmissão de
dados.
Para se ter uma idéia, 70% dos problemas com queda de sinal e perda de pacotes, em níveis
consideráveis, tem como origem umidade interna em conexões, em cabos e até mesmo internamente em
antenas, ou por oxidação nestes componentes.
Tornar uma emenda hermética através da aplicação de silicone ou fita autofusão, é de fundamental
importância para evitarmos problemas futuros com perda acentuada de potencia e de pacotes,
principalmente em conexões com divisores de potencia.
Sempre que tivermos problemas deste tipo, devemos antes de começar a trocar antenas, rádios ou cabos
de transmissão, fazermos uma revisão minuciosa nas conexões e no cabinho conhecido como proprietário
(tem entre 30 e 60 cm), aquele que liga o rádio ou cartão ao cabo de transmissão ou diretamente a
antena quando esta está próxima.
========================================
O windows XP só fica na área de trabalho sem ícones e mais nada digite o comando
DAS (que o Banrisul instala) para remover o Sniper e tudo OK!
==============================================================
Realizando a troca da chave do Windows por um serial valido o problema do
WGa acaba.
Troca manual da chave do Windows
HKLM\Software\Microsoft\Windows NT\CurrentVersion\WPAEvents\OOBETimer
CMD:
%systemroot%\sytem32\oobe\msoobe.exe /a
Depois de executar o comando vai aparecer a tela de ativação do win, nela você escolhe a 2ª opção, avançar e na tela seguinte tem
um botão para alterar a chave do produto.
Ai é so colocar uma chave válida
=============================================
Método 3
Desativando os arquivos responsáveis pela verificação
Semelhante a verificação de navegador padrão do Internet Explorer, podemos desativar a notificação do WGA. Válido para as
atualizações de 1.5.0527.0 até 1.5.0532.2.
- efetue logon com uma conta administrativa
- verifique a versão WGA instalada, em Painel de Controle, Adicionar ou Remover Programas, Windows XP-Software, Windows Genuine
Advantage Notifications, Informações de suporte. Na caixa de diálogo confira o número da versão (se estiver na faixa 1.5.0527.0 a
1.5.0532.2, então continue neste método.
- renomeie os arquivos wgalogon.dll e wgatray.exe que estão na pasta System32 da pasta onde o Windows está instalado, para outro
nome qualquer, como bak (backup) por exemplo, em Iniciar, Executar:
- reinicie o computador.
Método 4
Desinstalação manual das notificações do Windows Genuine Advantage
Efetue os mesmos procedimentos do método 3 e continue...
- Desinstale o LegitCheckControl.dll usando o REGSVR32 (em Iniciar, Executar,
regsvr32 %windir%\system32\LegitCheckControl.dll /u )
- reinicie o computador
- Delete os arquivos backup anteriores e o LegitCheckControl.dll também, em Iniciar/Executar
- Remova as entradas do registro do Windows, em Iniciar/Executar/REGEDIT
HKEY_LOCAL_MACHINE\SOFTWARE\Microsoft\WindowsNT\CurrentVersion\Winlogon\Notify\WgaLogon
HKEY_LOCAL_MACHINE\SOFTWARE\Microsoft\Windows \CurrentVersion\Uninstall\WgaNotify
Fernando Nishimura
===============================================
Vá em Iniciar > Executar
2. Digite regedit e clique em OK.
3. Já dentro do regedit, navegue até a chave:
HKEY_LOCAL_MACHINE\SOFTWARE\Microsoft\WindowsNT\CurrentVersion\WPAEvents
4. No painel à direita, clique duas vezes em OOBETimer
5. Na janela que foi aberta, apague qualquer valor e clique em OK. Feche o regedit
6. Vá novamente em Iniciar > Executar e dessa vez digite:
%systemroot%\system32\oobe\msoobe.exe /a
7. Na janela que foi aberta, escolha a opção Sim, desejo telefonar...
8. Na próxima etapa, clique no botão Alterar chave de produto.
9. Na etapa seguinte, digite a CD-Key:
CD-KEY REMOVIDA!
E clique no botão Atualizar
10. Após clicar no botão Atualizar, o assistente para ativação voltará para a janela anterior,
então, clique em Lembrar mais tarde e reinicie o Windows.
11. Reiniciado o Windows vá novamente em Iniciar > Executar e digite:
%systemroot%\system32\oobe\msoobe.exe /a
12. Aparecerá a seguinte mensagem:
Ativação do Windows:
O Windows já está ativado. Clique em OK para sair
Boa Noite a todos ....ass:
0000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000
0000000000000000000000000000000000000000
Amigo siga estas Opções
1. Vá em Iniciar > Executar
2. Digite regedit e clique em OK.
3. Já dentro do regedit, navegue até a chave:
HKEY_LOCAL_MACHINE\SOFTWARE\Microsoft\WindowsNT\CurrentVersion\WPAEvents
4. No painel à direita, clique duas vezes em OOBETimer
5. Na janela que foi aberta, apague qualquer valor e clique em OK. Feche o regedit
6. Vá novamente em Iniciar > Executar e dessa vez digite:
%systemroot%\system32\oobe\msoobe.exe /a
7. Na janela que foi aberta, escolha a opção Sim, desejo telefonar...
8. Na próxima etapa, clique no botão Alterar chave de produto.
9. Na etapa seguinte, digite a CD-Key:
THMPV-77D6F-94376-8HGKG-VRDRQ
E clique no botão Atualizar
10. Após clicar no botão Atualizar, o assistente para ativação voltará para a janela anterior, então, clique em Lembrar
mais tarde e reinicie o Windows.
11. Reiniciado o Windows vá novamente em Iniciar > Executar e digite:
%systemroot%\system32\oobe\msoobe.exe /a
12. Aparecerá a seguinte mensagem:
Ativação do Windows:
O Windows já está ativado. Clique em OK para sair
01 - Desinstalando o Windows Messenger (e outros programas):
A Microsoft não disponibilizou um jeito fácil de desinstalar vários programas no Windows
XP, como o Windows Messenger, Pinball e outros. Mas a desinstalação destes programas
pode ser feita com os seguintes passos: Com o Notepad (Bloco de Notas), abra o
arquivo Windows inf sysoc.inf. Na seção Components, remova a palavra hide dos
componentes que você deseja desinstalar. Por exemplo, se você quiser desinstalar o
Windows Messenger, a linha original msmsgs=msgrocm.dll,OcEntry,msmsgs.inf,hide,7
ficará assim: msmsgs=msgrocm.dll,OcEntry,msmsgs.inf,,7. Após isso, salve o arquivo e
os componentes escolhidos agora poderão ser desinstalados normalmente pelo Painel de
Controle (Control Panel) / Adicionar / Remover Programas (Add/Remove Programs).
Vale dizer que a primeira palavra em cada linha indica o programa (Pinball, MSWordPad,
etc) e para cada uma delas você deve remover a palavra hide para que o aplicativo em
questão possa ser removido do Windows XP. Essa mesma dica também funciona no
Windows 2000;
Registrar componentes no XP basta colocar as DLLs na pasta \Windows\System32 e
registrá-las através do comando:
Regsvr32 "c:\windows\system32\arquivo.dll"
02 - Altere as pastas padrão do sistema:
Por padrão, a pasta Meus Documentos fica em C: Documents and Settings usuário Meus
Documentos. Se desejar alterar isto, bem como outras pastas, abra o Editor de Registro
(regedit.exe) e procure a chave
HKEY_CURRENT_USERSoftwareMicrosoftWindowsCurrentVersionExplorerShell Folders.
Clique com o botão direito sobre o nome de cada pasta e selecione Modificar. Agora,
basta indicar qual o caminho completo e nome de pasta que você quiser;
03 - Apague as pastas especiais dentro de Meus Documentos:
Se não gosta ou não usa as pastas especiais dentro de Meus Documentos, como Minhas
Músicas e Minhas Figuras, basta executar o comando regsvr32 /u mydocs.dll em Iniciar
/ Executar e, em seguida, apagar as pastas indesejadas. Para reverter a ação, execute o
comando regsvr32 mydocs.dll. As pastas serão criadas novamente quando o Windows
inicializar;
04 - Fazendo backup do WPA, para evitar a reativação:
Se você tiver o Window XP já ativado e funcionando corretamente em seu computador,
pode ser que você necessite reinstalá-lo por algum motivo nesta mesma máquina. Neste
caso, você terá reativá-lo novamente para que ele funcione. Para evitar isso,
simplesmente faça um backup (cópia) de um arquivo do WPA e depois de reinstalar o
Windows, copie este arquivo para o lugar correspondente. Com isso, ele estará
automaticamente ativado. Para isso, copie para um disquete o arquivo WPA.DBL que
está em Windows System32. Após a reinstalação do Windows XP, coloque o arquivo
neste mesmo diretório e ação está terminada. Vale dizer que o arquivo WPA.DBL é onde
o sistema armazena as informações sobre o hardware instalado no computador;
05 - Desabilite os balões de aviso do Windows XP:
Se você deseja desabilitar aqueles "balões de aviso" que aparecem sempre que o
sistema executa alguma função específica, faça o seguinte: Execute o regedit.exe e vá
na chave HKEY_CURRENT_USER Software Microsoft Windows CurrentVersion Explorer
Advanced, clique no menu Editar / Novo / Valor DWORD, digite EnableBaloonTips e
pressione Enter em seu teclado. Se já houver essa variável ali, altere o seu valor para 0
(zero). A partir da próxima inicialização, os balões não serão mais exibidos;
06 - Como instalar o teclado ABNT2 no Windows XP:
No Windows XP a configuração do idioma e tipo de teclado não é feito através do ícone
de teclado. Para fazer isso, vá no Painel de Controle (Control Panel) / Opções regionais e
de idioma (Regional and Language Options) / Idiomas (Languages) / Detalhes (Details)
/ Adicionar (Add), escolha Português (Brasil) e Português (Brasil - ABNT2) nas opções e
clique em OK;
07 - Inicialização e desligamento mais rápido:
Se há somente um usuário em seu computador, você pode deixar o processo de boot e
desligamento mais rápido. Para isso, vá em Iniciar / Executar e digite control
userpasswords2 e clique em OK. No guia Usuários, desabilite a opção Usuários devem
entrar um nome e senha para usar este computador e clique em Aplicar. Surgirá uma
caixa de diálogo solicitando nome de usuário e senha. Selecione o nome do usuário
padrão e coloque uma senha (não deixe este campo em branco!) e clique em OK. Após
isso, vá ao Painel de Controle / Contas de Usuário e clique em Alterar o modo como
usuários fazem logon ou logoff e desabilite as opções Use a tela de boas-vindas e Use a
Troca Rápida de Usuário;
08 - Explore outras máquinas da rede mais rapidamente:
Quando procura por outros computadores na rede, o Windows XP verifica por tarefas
agendadas em comum nas mesmas. Desabilitar este recurso faz com que a procura na
rede seja bem mais ágil. Para isso, execute o regedit.exe e clique em OK.
Vá em HKEY_LOCAL_MACHINE/Software/Microsoft/Windows/Current
Version/Explorer/RemoteComputer/NameSpace
e procure pela chave D6277990-4C6A-11CF-8D87-00AA0060F5BF e apague-a. Agora, a
visualização e a navegação por outros PCs da rede ficará mais rápida;
09 - Menu Iniciar mais rápido:
Para deixar o Menu Iniciar do Windows XP mais rápido, execute o regedit.exe e vá em
HKEY_CURRENT_USERControl Panel Desktop. Selecione MenuShowDelay na lista da
direita e clique com o botão direito do mouse em cima. Agora, escolha Modificar e mude
o valor para 0 (zero). Após o computador inicializar, o menu Iniciar estará mais rápido;
10 - Como liberar 20% de sua banda de rede/Internet:
Há um recurso no Windows XP, chamado "Agendador de pacotes QoS", que reserva
20% da banda disponível de rede e Internet para uso próprio. Para desabilitá-lo é
necessário estar logado como Administrador e executar os seguintes passos: Vá em
Iniciar / Executar e digite gpedit.msc e pressione OK. Após isso, vá em Configuração do
computador / Modelos Administrativos / Rede e selecione na janela da esquerda
Agendador de pacotes QoS. Na janela da direita, dê duplo-clique em Limite de reserva
de banda. Depois, vá na aba Configuração e selecione Ativado. Na linha Limitar % da
banda, digite 0 (zero). Clique em Aplicar e em OK. Agora vá ao Painel de Controle
/Conexões de Rede, clique com o botão direito na conexão existente e selecione
Propriedades. Na aba Geral, habilite o Agendador de Pacotes QoS. Se já estiver
habilitado, deixe-o assim. O último passo é reiniciar o computador. Se houver mais de
um computador em rede, é preciso seguir este procedimento em todos para que haja
um real benefício desta dica.
11 - Aumente o desempenho do Windows XP
:. Opções Visuais
O WinXP é bonito, traz inovações visuais interessantes. Mas isto consome recursos do
micro, principalmente se sua placa de vídeo não é muito robusta. Desabilitar estas
opções deixará seu equipamento mais veloz, independente da configuração (claro que
isso pode ser mais ou menos perceptível de acordo com a robustez do equipamento).
Para fazer as alterações, vá no Painel de Controle > Sistema > Avançado >
Desempenho > Configurações. Em Efeitos visuais, desabilite os efeitos indesejados (se
preferir desabilitar todos, basta selecionar “Ajustar para o melhor desempenho”).
Uma opção normalmente desnecessária que também consome recursos é o “Desktop
offline”. Este recurso permite que outras pessoas através da rede ou Internet possam
ver seu Desktop (Área de Trabalho). Para desativá-lo, siga os seguintes passos:
Painel de Controle > Video > Área de Trabalho > Personalizar Área de Trabalho > Web
> Propriedades > em Documentos da Web, desabilite a caixa “Tornar esta página
disponível offline”.
Ainda nas propriedades de vídeo, lá na aba Geral, pode-se desativar o Assistente para
Limpeza da Área de Trabalho (Painel de Controle > Video > Área de Trabalho >
Personalizar Área de Trabalho > Geral > desabilitar “Executar o assistente para limpeza
a cada 60 dias”. Este recurso varre e remove da área de trabalho ícones de programas
que já não existem ou foram modificados. Como fica residente, também consome
recursos – a limpeza pode ser feita manualmente.
:. Desabilitando serviços desnecessários
O WinXP, por padrão, mantém ativos uma série de serviços que são desnecessários para
a maioria dos usuários. Para desativá-los/configurá-los, vá em Painel de Controle >
Ferramentas Administrativas > Serviços. É preciso, no entanto, saber o que se está
fazendo, já que desabilitar serviços realmente necessários para o sistema fará com que
seu Windows possa ficar mais lento ou que algumas coisas deixem de funcionar (como
Internet, por exemplo).
Recebi a sugestão, para aqueles que não sabem quais os serviços que precisam, de
configurar todos os serviços para a opção “Manual”, e reiniciar o micro. O boot será
lento, já que o Windows terá de iniciar todos os serviços que precisa “na força”. Então,
bastaria ver os serviços iniciados e configurá-los para “Automático”. Não testei esta
dica, mas é válida. É preciso salientar que alguns serviços necessários podem não ser
inicializados automaticamente.
O melhor mesmo é saber o que faz cada um deles. Vou tentar descrever aqui alguns, há
outros cuja funcionalidade não fica muito clara então prefiro não arriscar – deixo-os
habilitados (Automático). As recomendações são para um usuário doméstico comum,
com uma pequena rede em casa. Atente para o fato de que estas configurações podem
variar caso a caso, não existe uma regra específica – o que está abaixo é algo mais
comum, mas não certo para todos:
AUTOMÁTICO
Alerta (emite alertas administrativos)
Alocador Remote Procedure Call (RPC)
Armazenamento protegido (favorece a segurança do computador)
Áudio do Windows (possibilita a ativação de dispositivos de áudio.)
Chamada de procedimento remoto (RPC)
Cliente da Web (necessário para algumas situações, como o Windows Update)
Cliente de rastreamento de link distribuído
Detecção do hardware do Shell
Estação de trabalho (gerencia conexões com servidores remotos)
Gerenciador de contas de segurança (Responsável por armazenar senhas locais)
Gerenciador de discos lógicos (Gerencia unidades de disco rígido)
Localizador de computadores
Log de eventos
Logon secundário
Notificação de eventos de sistema
Plug and Play
Serviço de restauração do sistema (se não usa ou não sabe o que é, pode deixar em
Manual)
Serviços de criptografia
Serviços IPSEC
Sistema de eventos COM+
Spooler de impressão
Temas
Testador de instrumentação de gerenciam. do Windows
DESABILITADOS
Acesso a dispositivo de interface humana (usado para dispositivos especiais de entrada)
Ajuda do cartão Inteligente (Ajuda para dispositivos Smart Cards)
Cartão Inteligente (ativa dispositivos de Smart Card)
Compartilhamento remoto da área de trabalho do NetMeeting
Configuração zero sem fio (necessário para dispositivos 802.11)
Gerenciador de conexão de acesso remoto automático
Gerenciador de sessão de ajuda de área de trabalho remota
Horário do Windows (Mantém data e hora em sincronia com servidores de rede)
IMAPI CD-Burning COM Service (Ativa o recurso de gravação de CDs embutido do
Windows XP) – Se você grava CDs usando apenas os recursos do Windows XP, deixe em
Manual (padrão)
Número de série de mídia portátil
Registro Remoto (por questão de segurança – permite que usuários remotos alterem o
Registro do seu Windows)
Roteamento e acesso remoto
Sistema de alimentação ininterrupta (Gerencia No-Breaks) (Se você usa um no-break,
deixe em Automático)
Telnet (por questão de segurança)
MANUAL
Adaptador de desempenho WMI
Agendador de tarefas (Agenda tarefas para serem executadas em data e hora prédeterminadas)
Ajuda e suporte (Ativa assistentes e ajuda avançada)
Aplicativo de sistema COM+
Área de armazenamento (Compartilha informações com computadores remotos)
Armazenamento removível (Dispositivos de armazenamento removíveis, como Zip
Drives)
Assistente de aquisição de imagens do Windows (WIA)
Atualizações automáticas (faz o download automaticamente de atualizações do
Windows)
Auxiliar NetBIOS TCP/IP
Carregar Gerenciador (gerencia transferências de arquivos entre computadores da
rede.)
Cliente DHCP (necessário para alguns tipos de conexão à Internet)
Cliente DNS (necessário para alguns tipos de conexão à Internet)
Compatibilidade com 'Troca rápida de usuário'
Conexões de rede (gerencia conexões de rede)
Coordenador de transações distribuídas (Coordena gerenciadores de recursos)
Cópia de volume em memória
DDE de rede (Habilita o Dynamic Data Storage)
DSDM de DDE de rede (Gerencia compartilhamentos de rede DDE)
Erro ao informar o serviço (Informa erros de serviços e aplicativos de terceiros)
Extensões de driver de instrum. gerenc. do Windows (Gerenciamento de drivers)
Firewall de conexão com a Internet (FCI) / Compartilhamento de conexão com a
Internet (CCI)
Fornecedor de suporte de segurança NT LM
Gerenciador de conexão de acesso remoto
Gerenciamento de aplicativo
Host de dispositivo Plug and Play universal
Logon de rede
Logs e alertas de desempenho
Mensageiro (Serviço de mensagens entre computadores da rede. NÃO É o Windows
Messenger)
MS Software Shadow Copy Provider
Número de série de mídia portátil
QoS RSVP (Habilita services compatíveis com o QoS)
Reconhecimento de local da rede (NLA)
Serviço administrativo do gerenciador de disco lógico
Serviço de descoberta SSDP
Serviço de indexação
Serviço de transferência Inteligente de plano de fundo
Serviço 'Gateway de camada de aplicativo'
Serviços de terminal
Servidor
Telefonia
Windows Installer
Para maiores detalhes das funções de cada serviço, consulte a Ajuda ou a Microsoft.
:. Habilitando o modo UDMA/66 e superior
Painel de Controle > Sistema > Gerenciador de Dispositivos > Controladores IDE/ATAPI
> Canal IDE Primário (e secundário também, se for o caso) > Configurações Avançadas
> Em Modo de Transferência, selecionar “DMA se disponível”.
:. Habilitar Logon automático – inicialização e desligamento mais rápido
Se há somente um usuário no micro, que tal agilizar o processo de boot e desligamento?
Para isto, temos que seguir algumas etapas:
a. Vá em Iniciar > Executar e digite "control userpasswords2" (sem aspas) e clique em
OK.
b. Na aba Usuários, desabilite a opção “Usuários devem entrar um nome e senha para
usar este computador” e clique em Aplicar.
c. Surgirá uma caixa de diálogo solicitando nome de usuário e senha. Selecione o nome
do usuário padrão e coloque uma senha (atenção: não é recomendável deixar esta
senha em branco), clique em OK.
d. Vá no Painel de Controle > Contas de Usuário e clique em “Alterar o modo como
usuários fazem logon ou logoff” e desabilite as opções “Use a tela de boas-vindas” e
“Use a Troca Rápida de Usuário”.
:. Desabilite programas desnecessários da inicialização
Iniciar > Executar, digite “msconfig” (sem aspas). Na aba Iniciar, desabilite os
programas que não quer que iniciem junto com o Windows.
:. Explore outras máquinas da rede mais rapidamente
Quando procura por outros computadores na rede, o Windows XP verifica por tarefas
agendadas em comum nas mesmas. Desabilitar este recurso faz com que a procura por
outros micros da rede seja bem mais ágil. Siga as etapas abaixo:
Iniciar > Executar, digite “regedit” (sem aspas), pressione OK.
Vá em HKEY_LOCAL_MACHINE/Software/Microsoft/Windows/Current
Version/Explorer/RemoteComputer/NameSpace
e procure pela chave {D6277990-4C6A-11CF-8D87-00AA0060F5BF}. Apague-a e
pronto. A visualização/navegação por outras estações da rede ficará mais rápida.
:. Deixe o menu Iniciar mais rápido
Vá em Iniciar > Executar, digite “regedit” (sem aspas), pressione OK.
Vá em HKEY_CURRENT_USER\Control Panel\Desktop. Selecione MenuShowDelay na
lista da direita. Clique com o botão direito do mouse, selecione Modificar e mude o valor
para 0 (zero). Reinicie o micro e veja a diferença.
:. Gerencie melhor o arquivo de troca (memória virtual)
Computadores domésticos com mais de 512Mb normalmente não precisam usar a
memória virtual, que acaba ocasionando perda de desempenho. Para desativá-la, vá em
Painel de Controle > Sistema > Avançado > Desempenho > Avançado > Memória
Virtual > Alterar. Selecione “sem arquivo de troca”, clique em Definir e OK.
Caso precise usar a memória virtual, calcule-a com base em 1,5x a quantidade de
memória RAM disponível (por exemplo, se você tem 128Mb de RAM, seu arquivo de
troca será de 192Mb), e defina-o como tamanho inicial e máximo simultaneamente. Isto
fará com que o tamanho do arquivo de troca seja fixo, prevenindo perda de
desempenho e fragmentação do mesmo.
Se perceber travamentos ou perda de desempenho, deixe que o Windows gerencie a
Memória Virtual para você; às vezes é a melhor opção.
12
Visual sóbrio
Algumas pessoas podem preferir um visual mais sóbrio para o Windows. É simples.
Nas Propriedades de vídeo clique na opção Temas e escolha Tema clássico do
Windows. Isso deixará o Windows XP com o mesmo visual do
Windows 2000.
13 Troque o protetor de tela padrão da tela de login
Você pode usar no Windows o protetor de telas de sua preferência, mas o protetor
padrão da tela de login continua sempre o mesmo. Para trocá-lo por outro de sua
preferência, siga os passos seguintes. Encontre no registro do Windows a chave abaixo:
HKEY_USERS\DEFAULT\Control Panel\Desktop
Na janela da direita, dê um clique duplo em SCRNSAVE.EXE
Em Dados do Valor, digite o nome do protetor de telas que você deseja, com o
caminho completo de onde ele se encontra. Se o protetor de telas estiver na pasta
/System32 do Windows, bastará o nome do arquivo. Seu protetor de
telas já estará
trocado.
14 Mude as cores do prompt de comando
Digite CMD no menu Executar. Vai abrir a janela do prompt de comando. Toda preta
com as letras brancas. Quando ela estiver aberta, clique naquele íconezinho do lado
esquerdo dela e escolha Propriedades. Na opção Cores, escolha as cores que deseja
para o fundo e para o texto. Clique em OK.
Clique em Salvar as propriedades para janelas futuras com o mesmo título.
Você também pode alterar o tamanho padrão da janela e a fonte, seguindo o
mesmo processo.
15 Remover o amarelão do menu Iniciar
O Windows marca os programas mais recentes que foram instalados no menu
Iniciar com uma cor amarelada. Para desativar esse recurso:
Clique com o botão direito do mouse na Barra de Tarefas Escolha Propriedades >
Menu Iniciar > Personalizar> Avançado Desmarque a caixa "Realçar programas recéminstalados"
16 Use imagem como fundo de uma pasta no Windows
Para usar uma imagem como fundo de uma pasta do Windows, copie as linhas
abaixo, cole num editor de textos (bloco de notas por exemplo) e salve o arquivo na
pasta onde deseja o fundo com o nome Desktop.ini. Edite a linha 5 para alterar o nome
do arquivo .bmp e copie a imagem correspondente para a pasta do Windows.
{BE098140-A513-11D0-A3A4-00C04FD706EC}={BE098140-A513-11D0-A3A400C04FD706EC}
<{BE098140-A513-11D0-A3A4-00C04FD706EC}>
Attributes=1
IconArea_Image=C:\WINDOWS\imagem.bmp
IconArea_Text=0x00000000
<.ShellClassInfo>
ConfirmFileOp=0
17 Habilite o Clear Type
O Clear Type permite que as fontes aparecam de forma mais bonita e legível no seu
windows. Para habilitá-lo, clique com o botão direito do mouse numa área vazia do
desktop (área de trabalho) e escolha Propriedades. Clique então em Aparência. Clique
em Efeitos. Marque o quadradinho ClearType.
18 Tirando as setas dos seus ícones de atalho
Edite o registro. Escolha o item HKEY_CLASSES_RootLnkfile. Delete a chave
IsShortcut. Uma maneira mais fácil de se conseguir isso é instalando o programa
Powertoys.
19 Use temas sem instalar um programa de temas
Há um meio de você fazer uso de temas sem usar um programa de Temas. Copie o
arquivo UxTheme para a pasta c:\windows\system32, substituindo o arquivo original.
Agora seus temas funcionarão sem a necessidade de instalar um programa de temas. O
Windows impede a substituição de arquivos de sistema, portanto a cópia deve ser feita
em modo de segurança ou através do programa Inuse. Reinicie o computador para que
a troca faça efeito.
20 Personalizando as pastas
Você pode personalizar as pastas de imagens do Windows, colocando uma imagem
para melhor identificá-la. Escolha Propriedades da pasta, escolha Personalizar e Escolha
Imagem. Você pode seguir o mesmo processo para
personalizar o ícone de qualquer
pasta.
2. PRODUTIVIDADE
21 Windows mais leve
Você pode desabilitar muitas coisas desnecessárias no Windows a fim de deixá-lo
mais leve, usando Ferramentas Administrativas, no Painel de Controle. Após clicar em
Ferramentas Administrativas, escolha a opção Serviços. Desde que você seja um único
usuário e não esteja com o computador ligado em rede, todos os serviços listados
abaixos poderão ser desativados:
Alerta
Agendador de Tarefas
Alocador Remote Procedure Call
Localizador de computadores
Troca rápida de usuário
Acesso a dispositivo de interface humana
Serviço de Indexação (baixa a performance do HD)
Mensageiro
Logon de Rede (desnecessário se seu computador não está em rede)
Netmeeting Remote Desktop Sharing (disabled for extra security)
Registro Remoto
Servidor
Serviço de Descoberta SSDP (bug que deixa aberta a porta 5000)
Auxiliar NetBios TCP/IP
Telnet (disabled for extra security)
Universal Plug and Play Device Host
Upload Manager
Horário do Windows
Configuração zero sem fio
Estação de trabalho
22 Remover o Messenger
Clique em Iniciar (Start) - Executar (Run) e digitar o comando:
"RunDll32 advpack.dll,LaunchINFSection %windir%\INF\msmsgs.inf,BLC.Remove"
(sem as aspas) Não remova o Messenger se você usa o navegador MSN, pois ambos
são integrados.
23 Desligamento rápido
Talvez você seja um velho veterano do Windows e esteja acostumado a cumprir
sempre aquele ritual para desligar o computador: Iniciar > Desligar... Mas desde o
Windows ME que basta dar um toque na tecla Power de seu teclado para que o
Windows te deixe ir para cama.
24 Mais rapidez para o menu Iniciar
Seu menu Iniciar vai ficar mais rápido se você fizer uma pequena alteração no
registro. Navegue para HKEY_CURRENT_USER\Control Panel\Desktop.
Selecione MenuShowDelay na lista da direita. Dê dois cliques nele e escolha um
valor entre 0 e 400. Quanto menor o valor escolhido, mais rápido o menu fica. O
padrão do Windows é 400. Sugestão: deixar em 100.
Reinicie o computador. Você pode também fazer essa alteração sem mexer no
registro, através do programa TweadkUi.
25 Ocultando todas as janelas abertas
A tecla Windows+D oculta todas os documentos abertos e mostra a área de
trabalho. Digitada novamente, volta a mostrar os documentos abertos.
26 Pesquisando mais de uma extensão
Você pode pesquisar mais de uma extensão de arquivo ao mesmo tempo no menu
Pesquisar do Windows. Para pesquisar por exemplo uma palavra em todos os arquivos
de textos e documentos simultanemanete, use o comando conforme
abaixo:
*.txt;*.doc
27 Teclado virtual
De repente seu teclado estraga ou você por algum motivo não pode usá-lo, mas o
mouse está funcionando. Bem, nesse caso você pode executar o teclado virtual. Para
ativá-lo, clique em Iniciar/Executar e digite osk.
28 Iniciar programas rapidamente
Ao lado do menu Iniciar existe a barra de Inicialização rápida, onde se pode criar
atalhos para seus programas favoritos serem iniciados de forma rápida e fácil. Basta
"pegar" um ícone de programa ou qualquer arquivo com o mouse e arrastar para a
barra. Note que não é o programa, mas sim um atalho dele, que ficará na barra. Para
excluir, basta clicar com o botão direito do mouse e escolher Excluir. Para que a barra
funcione, é preciso que esteja habilitada no menu Propriedades/Barra de
Ferramentas/Inicialização rápida. Para habilitá-la clique com o botão direito do mouse
sobre ela e escolha Propriedades.
29 Renomeando muitos arquivos de uma só vez
Você pode renomear muitos arquivos de uma vez só no Windows Explorer.
Selecione os arquivos que deseja renomear e clique com o botão direito do mouse
em um deles para renomear. Todos os outros serão renomeados automaticamente com
o mesmo nome, mas numerados em seqüência.
30 Usando mais a tecla Windows
Todo teclado atual traz uma tecla Windows que pode ser usada em conjunto com
alguma outra tecla para servir de atalho para alguma atividade. Veja abaixo a relação
de atalhos da tecla Windows e tire mais proveito dela:
Windows: Mostra o Menu Iniciar
Windows + D: Minimiza ou restaura todas as janelas
Windows + E: Abre o Windows Explorer
Windows + F: Abre o Pesquisar para arquivos
Windows + R: Mostra a janela Executar
Windows + L: Tranca a tela
Windows + U: Abre o Gerenciador de Utilitários
Windows + CTRL + F: Mostra o Pesquisar para computador (em rede)
Windows + Shift + M: Desfaz minimizar (para todas as janelas)
Windows + F1: Para Ajuda e Suporte
Windows + BREAK: Mostra as Propriedades de Sistema
Você pode expandir essas funções, usando a tecla Windows para acessar
partições, programas, pastas e até endereços na Internet através do
aplicativo Winkey.
Em certas circunstâncias poderá ser útil desativar a tecla Windows. Para isso
utilize-se do WinKeyKill, disponível neste site para download.
31 Acesse instantaneamente a opção Executar no seu desktop ou na barra de
Inicialização Rápida
Selecione Iniciar e em seguida arraste o ícone do Executar para a área de trabalho
ou para a barra Inicialização rápida. Ele aparecerá como um ícone e com o nome
E&xecutar. Você pode renomeá-lo da forma como desejar.
3. ADMINISTRAÇÃO E CONFIGURAÇÕES
32 Executando um programa com privilégio de Administrador, sem precisar fazer
troca de usuários
Você pode executar um programa com privilégios de administrador, mesmo logado
como usuário comum. Clique com o botão direito do mouse no ícone do programa,
selecione Executar como... e entre com o nome e a senha de
Administrador. O
mesmo método pode ser usado para executar programas de outros usuários, sem
precisar trocar logon, desde que a senha seja conhecida.
33 Iniciar Windows sem precisar digitar nome e senha
Selecione Executar no menu Iniciar e digite "control userpassswords2".
Isso abrirá a janela Contas de usuários. Na janela Usuários, limpe a caixa para a
opção Usuários devem entrar com um nome e senha para usar este computador e
clique OK. Uma janela para logon automático surgirá. Entre com o nome e senha para a
conta que você deseja usar.
34 Deletando automaticamente os arquivos temporários da Internet
O Internet Explorer automaticamente deleta os arquivos temporários ao ser
fechado, mas isso não acontece por default. Selecione Ferramentas>Opções de
Internet>Avançadas e marque a opção Esvaziar a pasta Temporary Internet
Files
quando o navegador for fechado.
35 Pontos de restauração comendo espaço
Pontos de Restauração criados no Windows ocupam um determinado espaço no HD.
O espaço ocupado é proporcional à quantidade de pontos de restauração criados. Assim
sendo, você pode e deve eliminar os pontos de restauração mais antigos. Vá para o
menu Iniciar/Todos os Programas/Acessórios/Ferramentas do Sistema/Limpeza de
Disco. Na janela que se abrir, escolha "Mais Opções". Na parte de baixo escolha a
opção "Restauração do Sistema" e "Limpar". Todos os pontos de restauração serão
eliminados, com exceção do mais recente.
36 Scanreg no Windows XP?
No lugar dele você poderá usar o programa Erunt para fazer backups do registro.
Em caso de pane no sistema, ou se quiser desfazer alguma mudança no registro,
restaure o registro em prompt de comando no modo de
segurança.
37 Elimine arquivos temporários
Muitos arquivos temporários (com extensão .tmp) são criados na pasta
c:\Windows\Temp e C:\Documents and Settings\usuário. Você pode deletar todos eles
periodicamente. Um bom programa para isso é o Clean Disk Security, que você
encontra na seção Downloads.
38 Elimine os arquivos thumbs.db
Quando você visualiza imagens e vídeos no modo miniaturas, o Windows cria um
arquivo oculto chamado thumbs.db em cada pasta de imagens ou vídeos. Assim você
acaba com um monte de arquivos thumbs.dl espalhado pelo HD do
computador.
Esses arquivos não aparecem no Windows Explorer, mas aparecem em disquetes ou
cds daquelas pastas que forem gravados. Para livrar-se desses arquivos, siga os
seguintes passos:
1. No Windows Explorer clique em Ferramentas. 2. Escolha Opções de pasta.
3. Escolha Modo de exibição.
4. Marque um x em Não armazenar miniaturas em cache. 5. Clique em Aplicar
a todas as pastas. 6. Clique em
Aplicar e em OK.
39 Ativando permissões na versão Home do Windows
Clique em Iniciar>Executar. Digite "shrpubw". Escolha a pasta na qual deseja
aplicar permissões. Escolha um nome para o compartilhamento. Clique em Avançar.
Agora você pode personalizar as permissões.
40 Configurando teclado
Para configurar corretamente seu teclado você deve abrir o Painel de Controle>
Opções Regionais e de idioma> Idiomas> Detalhes> Adicionar. Se usa o teclado
ABNT2, escolha Português (Brazil) e Português (Brasil - ABNT2). Clique Ok. Se seu
teclado é o americano padrão, escolha Inglês (Estados Unidos) e Inglês (Estados
Unidos - Internacional).
41 Desabilite o balão avisando que o espaço em disco está baixo
Edite o registro, encontre a chave abaixo:
HKEY_CURRENT_USER \ Software \ Microsoft \ Windows \ CurrentVersion
\Policies\Explorer \ Clique com o botão direito do mouse num espaço em branco da
janela direita e escolha New > DWORD. Dê ao item o nome NoLowDiskSapaceChecks,
dê dois cliques nesse novo valor criado e digite 1 em Value data. Feche o registro e
reinicie o Windows.
42 Salvando os Favoritos do Internet Explorer num arquivo html
Clique em Arquivo
Clique em Importar e Exportar
Clique em Avançar
Escolha a opção Exportar Arquivo
Clique em Avançar
Selecione a pasta Favoritos
Clique em Avançar
Veja se a opção "Exportar para um arquivo ou endereço está selecionada" e
defina abaixo destino e nome do arquivo a ser salvo.
Clique em Avançar
Clique em Concluir
43 Backup do Outlook Express
Todas as mensagens do Outlook Express são arquivadas em arquivos com extensão
.dbx. O backup das mensagens de email pode ser feito copiando os arquivos dbx. O
problema, para muitos usuários, é que esses arquivos ficam ocultos em local de difícil
acesso, parecido com C:\Documents and Settings\Usuário\Configurações locais\Dados
de aplicativos\Identities\{72E34377-95B1-4ECC-A8E50B14A5A755F1}\Microsoft\Outlook Express. Você pode armazenar suas mensagens do
Outlook Express num local de mais fácil acesso, como por exemplo na pasta /Meus
Documentos/Outlook.
Ao fazer backup da pasta Meus Documentos, automaticamente já estará fazendo
também o backup de seus emails. Para definir onde armazenar suas mensagens abra o
Outlook Express, clique em Ferramentas, clique em Opções,
clique em Manutenção.
Em seguida escolha a opção Pasta de armazenamento.
Na janelinha que se abrir você verá o local atual onde as mensagens estão
armazenadas. Clique em Alterar e escolha um novo local. Todas as suas mensagens,
tanto as novas que chegarem como as que já existem, serão transferidas para o novo
local de armazenamento escolhido. Lembre-se, caso precise restaurar o backup, copie
de volta todos os arquivos *.dbx para o mesmo local de armazenamento que estiver
configurado no Outlook.
44 Barra de status no MSN Explorer
Se você gosta do MSN Explorer pode achar estranho que ele não tenha barra de
status como o Internet Explorer. Na verdade, tem sim.. Digite CTRL+SHIFT+S e ela
aparece.
45 Atalho para seu protetor de telas
Você pode fazer seu protetor de telas predileto funcionar com dois cliques do
mouse. Basta criar um atalho para ele na área de trabalho ou no Menu Iniciar. Cada
protetor de telas instalado em seu micro tem a extensão .scr.
46 Novo nome para a Lixeira
Se você gostaria de renomear a Lixeira para outra coisa qualquer, como por
exemplo SLU, Lixo, Trash ou qualquer outra coisa, cole o texto abaixo (destacado na
cor cinza) num editor de textos (bloco de notas, editpad, ultraedit ou outro qualquer) e
o salve no desktop como lixeira.reg (a extensão tem de ser reg, não txt). Dê dois
cliques nele. O Windows vai perguntar se você deseja acionar a chave para o registro.
Responda sim.
Agora clique na Lixeira com o botão direito do mouse e você encontrará a opção
para renomeá-la.
Windows Registry Editor Version 5.00
"Attributes"=hex:50,01,00,20
"CallForAttributes"=dword:00000000
47 Num Lock ON
Eis que o Windows abre a tela de login. Você vai digitar sua senha e, se ela tiver
números, os números não aparecem. É porque a tecla Num Lock está apagada. Pode até
parecer bug do Windows, mas não é. O Windows XP mantém a tecla apagada por
default por causa de ser multiusuário. Mas você pode corrigir isso através do registro.
Encontre a chave abaixo:
HKEY_USERS>Default>ControlPanel>Keyboard Troque o valor de
InitialKeyboardIndicator de 0 para 2.
48 Particionando e formatando discos rígidos
O fdisk, popular durante tantos anos, era um aplicativo DOS que não mais está
presente no Windows atualmente. Existe no Windows um gerenciador próprio que pode
ser acessado através do Painel de Controle em Ferramentas
Administrativas >
Gerenciamento do Computador. Lá você encontrará o Gerenciamento de Disco. Com ele
é possível criar e deletar partições, formatar e alterar a letra de um disco.
49 Desligando o Windows em hora programada
No prompt de comando digite shutdown -t xx (onde xx é o tempo em segundos).
Para anular o desligamento digite: shutdown -a. Para reiniciar o computador digite
shutdown -r. Caso você queira programá-lo para desligar automaticamente após um
tempo maior de uso, use programa próprio para isso em nossa área de downloads.
50 Senha de usuário esquecida
Na tela de Bem-Vindo pressione CTRL-ALT-DEL duas vezes seguidas e entre com a
senha de Administrador. Você pode então trocar a senha de usuário no Painel de
Controle>Ferramentas Administrativas>Gerenciamento do Computador. Se seu
Windows for o Home Edition, para iniciar como administrador execute o Windows no
modo de segurança.
51 Como alterar ou trocar a letra de HD ou CD-Rom
Painel de controle>Ferramentas Administrativas>Gerenciamento do Computador.
Encontre na coluna da esquerda Gerenciamento de disco.
Na coluna da direita, clique com o botão direito do mouse sobre o disco e escolha a
opção Alterar letra da unidade e caminho.
52 Elimine as pastas compactas
Se você não quer que o Windows Explorer mostre arquivos zipados como pastas
compactas, você pode remover isso abrindo um prompt de comando (basta digitar CMD
em Inicitar>Executar) e digitando o seguinte:
regsvr32 /u zipfldr.dll.
Você pode voltar atrás na sua decisão digitando regsvr32 zipfldr.dll no prompt de
comando.
53 Documentos compartilhados
Se você não está em uma rede e não deseja que a pasta Documentos
Compartilhados apareca em Meu Computador, siga os seguintes passos para removê-la:
Inicie o editor de registro.
Na chave HKEY_CURRENT_USER \ Software \ Microsoft \ Windows \
CurrentVersion \ Policies \ Explorer \
clique com o botão direito do mouse num espaço vazio do lado direito e selecione
New > DWORD Value
Nome do novo valor: NoSharedDocuments
Dê dois cliques no novo valor e no campo Value data coloque 1.
Feche o registro.
Reinicie o Windows para que a mudança faça efeito.
Se quiser voltar atrás, mude o valor para 0 no Value data ou apague
NoSharedDocuments Value.
54 Como trocar a localização padrão da pasta Meus Documentos
1. Clique com o botão direito do mouse sobre a pasta Meus Documentos e escolha
Propriedades. 2. Clique Mover, escolha a pasta para a qual deseja mover seus
documentos e então clique OK duas vezes. Se houver necessidade
de criar uma
nova pasta para os arquivos, clique Nova Pasta e escolha um nome para ela. Então
clique OK duas vezes.
3. Na caixa Mover, clique Sim para mover os documentos para a nova localização ou
clique Cancelar para desistir da mudança. Caso você mude a pasta padrão e se
arrependa, clique no botão Iniciar, clique com o botão direito do mouse sobre a pasta
Meus Documentos, escolha Propriedades e clique em Restaurar Padrão.
55 Onde está seu endereço IP no Windows?
Digite ipconfig /all em excecutar ou no prompt de comando. Se deseja também
verificar quais as portas estão abertas, digite netstat -a
56 Iniciar o Windows Explorer no C:\
Para fazer com que o Explorer abra no drive C:\ basta seguir os passos:
1 - Clique com o botão direito do mouse no Windows Explorer e escolha
Propriedades. 2 - No campo Objeto deixe preenchido como a seguir:
C:\WINDOWS\EXPLORER.EXE /n,/e,c:\ Note que há um espaço em branco após o
explorer.exe. Você também pode pura e simplesmente ignorar o Windows Explorer e
sempre navegar pelas pastas e
arquivos clicando em "Meu Computador".
57 Mais ordem no Menu Iniciar
No Windows você pode alterar a ordem dos itens no menu 'Iniciar' e em seus
submenus arrastando-os para um novo local. Você também pode clicar com o botão
direito do mouse em um item para ver suas propriedades, excluí-lo ou classificar a lista
por ordem alfabética. Pode também renomear itens sem que isso afete o funcionamento
do programa. Pode criar um novo item e vários atalhos dentro deles, por exemplo, um
item Games e juntar ali atalhos para todos os jogos. Pode também, no Windows
Explorer ou Meu Computador, clicar com o botão direito num programa e mandar
fixá-lo no Menu Iniciar. Também pode clicar num programa que esteja fixado no Menu
Iniciar e mandar desfixá-lo. Enfim, coloque mais ordem no Menu Iniciar, não permitindo
que os programas que forem instalados acabem por torná-lo uma bagunça, instalandose como bem quiserem.
58 Enviar arquivos através do SendTo...
Você pode arrastar qualquer atalho de programa ou pasta para a pasta SendTo.
Essa pasta pode conter atalhos para uma impressora, um fax, uma unidade de rede ou
um programa do Windows. Para abrir a pasta SendTo, execute as seguintes etapas:
1. Clique em 'Iniciar' e, em seguida, clique em 'Executar'.
2. Digite SendTo e pressione ENTER.
Use o botão direito do mouse para arrastar o ícone de um atalho para a janela
'SendTo'. O atalho aparecerá no menu 'SendTo'.
Clique com o botão direito do mouse em um documento ou pasta, clique em
'Enviar para' e, em seguida, clique em um dos itens do menu.
Por exemplo, você pode criar um atalho para o arquivo Notepad.exe na pasta
SendTo. Depois, se você clicar com o botão direito do mouse em um documento,
poderá clicar em 'Enviar para' e, em seguida, Bloco de notas, fazendo com que o texto
abra no bloco de notas.
59 Há quanto tempo seu Windows foi instalado?
No prompt de comando digite systeminfo > systeminfo.txt. Depois abra o arquivo
de texto que foi gerado. Ali você também encontrará outras informações interessantes
sobre seu sistema.
60 Remover pasta Documentos compartilhados de Meu computador (versão Pro
somente)
Em Executar digite Gpedit.msc para abrir o programa Diretivas de Grupo. Vá em
Configurações do usuário/Modelos administrativos/Componentes do Windows/Windows
Explorer/Remover Documentos compartilhados de meu computador. Escolha a opção
Ativar.
61 Elimine os balões do windows
Se o Windows XP está pondo à prova sua paciência, com seus balões insistentes
de recados, você pode simplesmente desativá-los. Execute o registro, procure a chave
HKEY_CURRENT_USER\Software\Microsoft\Windows\Current
Version\Explorer\Advanced. Clique no menu Editar> Novo > Valor e escolha a opção
DWORD. Entre com o texto "EnableBalloTips" e dê enter. Escolha para essa variável o
valor 0 (zero).
62 Remova entradas indesejadas no Adicionar/Remover programas do Painel de
Controle
Às vezes você pode desinstalar um programa e o teimoso permanece listado na
lista Adicionar/Remover do Painel de Controle. Outras vezes você não desinstalou ou
programa, mas ainda assim não gosta de vê-lo mencionado naquela lista. Veja então
passo a passo como remover as entradas indesejadas do Adicionar/Remover
programas.
1. Execute o Regedit.
2. Selecione HKEY_LOCAL_MACHINE
3. Selecione Software
4. Dentro de Software, selecione Microsoft
5. Dentro de Microsoft, encontre Windows
6. Selecione então Current Version
7. Selecione Uninstall
Ao selecionar Uninstall você encontrará a lista de todos os programas que estão
listados em Adicionar/Remover. Simplesmente selecione o nome do programa cujo
nome deseja remover da lista e o delete.
63 Firewall do Windows
Você pode habilitar o firewall do Windows (se não estiver usando nenhum outro) ou
desabilitar (se estiver usando algum outro) através do Painel de Controle. Clique em
Conexões de Rede. Na nova janela que se abrir, clique com o botão direito do mouse
sobre a conexão (ou conexões) que estiver disponível e, na orelha "Avançado" você
marca ou desmarca o quadradinho referente ao firewall. O firewall do Windows controla
apenas o fluxo de dados que entra, e não o que sai, sendo, portanto, mais indicado
optar por um programa firewall de terceiros.
64 Programas em excesso na memória
Quando você liga o computador, diversos serviços e programas são carregados na
memória. É bem provável que você não precise de todos eles. Desativando os
programas que você não usa, seu Windows ganha mais recursos de memória. Para
verificar o que seu Windows carrega o tempo todo nas costas e desativar o que você
não necessita, clique no botão Iniciar e depois em Executar. Digite services.msc e dê
Ok. Agora você pode ver tudo o que está rodando em background no seu Windows e
desativar o que não for necessário.
65 Desfragmentação no boot
Você pode habilitar ou desabilitar a desfragmentação automática no boot do
windows. A desfragmentação fará com todos os arquivos de inicialização sejam
gravados próximos uns dos outros, permitindo um boot mais rápido.
Edite o registro, navegue em HKEY_LOCAL_MACHINE SOFTWARE MICROSOFT Dfrg
BootOptimizeFunction. Selecione Enable na lista da direita. Dê dois cliques e troque o
valor para Y (para habilitar) ou N (para desabilitar).
Reinicie o computador.
66 Restringindo acessos (versão Pro somente)
Você pode alterar várias configurações de segurança no seu Windows usando o
programa Diretivas de Grupo. Clique em Iniciar/Executar e digite gpedit.msc. Dê Ok. O
programa abre. Nas pastas você encontrará centenas de opções para explorar que lhe
permitirão limitar o acesso e o controle do computador. Apenas tome cuidado para não
mexer onde não deve. C:\WINDOWS\system32\rundll32.exe
user32.dll,LockWorkStation
67 Ativação do Windows
Em caso de dúvida sobre se seu Windows está mesmo ativado, digite o comando
abaixo no prompt de comando ou em Inicicar/Executar:
oobe/msoobe /a
68 Search Companion
É possível desativar o personagem animado ou escolher um outro para ser usado.
Você pode também escolher qualquer serviço de busca na Internet, como por exemplo
o Altavista ou o Google, para funcionar como default no
lugar do que é o padrão do
Search Companion. O Search Companion pode ser configurado para pesquisar também
arquivos ocultos e de sistema. Novos caracteres para para usar no Search Companion
você encontra clicando no simpático robô (Robby). Depois é só escolher o personagem
e descompactá-lo para a pasta /Windows/MSagent/CHARS. Se o arquivo for executável,
basta executá-lo que ele se instala automaticamente na pasta apropriada.
69 Usar o Google no lugar do MSN no Internet Explorer
O site de busca padrão do Internet Explorer é o MSN. Existem sites de busca
melhores. É possível fazer uma troca. Para colocar o Google como pesquisador padrão,
edite o registro, procure pelas chaves abaixo e faça as respectivas substituições:
"Search Page"="http://www.google.com"
"Search Bar"="http://www.google.com/ie"
""="http://www.google.com/keyword/%s"
"SearchAssistant"="http://www.google.com/ie"
70 Mude a imagem de usuário que aparece na tela de login e no menu Iniciar
Patinho, sapo e coisas semelhantes podem não agradar como símbolo de sua
imagem. Você pode clicar na imagem atual, o que fará abrir a janela de contas de
usuário. Ali você encontra a opção para trocar a imagem,
inclusive por alguma figura
que estiver no seu hd, como por exemplo uma foto sua.
71 Trancar a tela
Tecla Windows + L (O Windows abre sua janela de login e pede senha).
72 FAT32 para NTFS
Se você comprou o computador já com o Windows XP, ele poderá ter sido instalado
em FAT32. O comando convert permite converter uma partição FAT32 (própria de
versões anteriores do Windows) em partição NTFS. Você deve usar o comando no
formato abaixo:
convert c: /fs:ntfs (altere o c: se necessário para a letra correta da partição que
deseja converter) O ideal será fazer uma instalação clean já em NTFS.
73 Iniciar programas para Windows no prompt de comando
Você pode iniciar programas para Windows a partir do prompt de comando
digitando o nome do programa a ser executado, incluindo os parâmetros. Por exemplo,
para iniciar o Bloco de notas, digite "notepad" (sem as aspas) no
prompt de
comando e pressione ENTER. Use o comando Start em um prompt de comando para
iniciar um programa ou abrir um documento. Por exemplo, digite C:>start calc.exe.
74 Personalizar a barra de tarefas no Windows
No Windows é possível personalizar a barra de tarefas. Clique sobre ela com o botão
direito do mouse, escolha Propriedades e, em seguida, Avançado. Ali você encontra
muitas opções para a barra de tarefas e para o menu iniciar. Por exemplo, desmarque a
opção Ativar movimentação e redimensionamento para impedir que a barra possa ser
movida ou redimensionada.
75 Fácil acesso às propriedades do computador
Para visualizar as propriedades do computador (sistema), clique com o botão
direito do mouse em Meu computador e, em seguida, clique em Propriedades. Você
pode também usar como atalho as teclas WINDOWS+BREAK.
76
Mostrando o nome do administrador na tela de logon
Para mostrar seu nome como administrador na tela de login, edite o registro e vá
para
HKEY_LOCAL_MACHINE\SOFTWARE\Microsoft\WindowsNT\
CurrentVersion\Winlogon\SpecialAccounts\UserList.
Caso não exista, crie um novo valor DWORD value com o nome Administrator. Dê
OK. Dê dois cliques nele e escolha o valor 1. Dê Ok. Agora, sempre que logar como
Admin/Sysadmin você verá sua conta de Administrador na tela de Bem vindo do
Windows.
77 Limpando o cache do sistema de proteção de arquivos
O Windows XP usa um sistema de proteção de arquivos (WFP), de modo que se
algum arquivo de sistema for substituído de forma não autorizada por você ou por
algum programa, o Windows recupera a versão anterior do arquivo.
Mas para poder fazer isso ele armazena em cache todas as .dll e outros arquivos de
sistema na pasta System32/dllcache. E isto custa alguns bons megabytes no seu disco.
Aqui está o que pode ser feito para não perder
tanto espaço: Abra uma janela de prompt e digite, sem as aspas, "sfc
/cachesize=x" onde o x é a quantidade em MB que você deseja reservar para o cache
do Windows. 50MB seria um bom tamanho. Agora podemos fazer uma outra coisa:
eliminar todos os arquivos armazenados no cache, que estava exageradamente grande.
Para isso digite no prompt sem as aspas: "sfc /purgecache". Você vai notar uma
intensa atividade no HD. Significa que uma infinidade de arquivos do cache estão sendo
deletados. Não se preocupe, se mais tarde o Windows vier a precisar de algum deles e
não o encontrar no cache, pedirá que você insira o CD de instalação e o encontrará no
CD.
78 Elimine o arquivo HIBERFIL.SYS
O arquivo hiberfil.sys ocupa um espaço enorme no seu computador. Você pode
recuperar esse espaço se desabilitar a função de hibernação do Windows.
Melhor simplesmente desligar o monitor quando precisar se ausentar do
computador por um bom espaço de tempo. No Painel de Controle, em Opções de
energia, na opção Hibernar, desmarque o quadradinho que diz Ativar
Hibernação.
Isso elimina do seu HD o arquivo hiberfil.sys, que em certos casos pode chegar a mais
de 500MB.
79 Para que uma lixeira tão grande?
Diminua o tamanho da lixeira. O Windows reserva 10% do espaço de seu disco
rígido para a Lixeira. Isso é um desperdício. Clique sobre a Lixeira com o botão direito
do mouse e, nas Propriedades, escolha um tamanho menor.
Quanto maior o HD, menor pode ser o tamanho reservado para a Lixeira. Eu uso
3%. Você deve decidir pelo tamanho mais apropriado para você.
80 Tamanho da memória virtual
O Windows XP, ao ser instalado, exagera no tamanho do pagefile. O pagefile é o
arquivo de memória virtual do Windows. Quanto mais memória você tiver no
computador, menor pode ser o tamanho da memória virtual. Descubra qual é o
tamanho ideal para você e configure de modo a salvar um pouco mais de espaço em
disco. Dica: Se ao trabalhar com um arquivo grande e pesado, como por exemplo jogar
um game que exija muito do computador, scanear uma foto em alta resolução, editar
um arquivo de som e outras coisas do gênero, você perceber que seu HD fica com a luz
vermelha muito ativa, você precisa de mais memória e, na falta dela, precisa de mais
memória virtual.
Entretanto, se tudo aquilo é feito de forma rápida e fácil, sem atividade intensa no
HD, você pode experimentar diminuir a memória virtual até encontrar a configuração
mais adequada.
81 Arquivo log que cresce cada vez mais
Se você instalou alguma vez o programa BootVis, existe no seu HD um arquivo log
que cresce cada vez mais e pode tomar mais de 1GB do espaço de seu disco rígido.
82 Arquivos temporários da Internet
Diminua o cache do Internet Explorer. Para fazer isso clique em Ferramentas>
Opções de Internet>Geral. Vá nas Propriedades de Arquivos temporários da Internet e
use a barra para diminuir o espaço destinado aos arquivos temporários. Você pode
também configurar o Internet Explorer para deletar os arquivos temporários a cada vez
que ele é fechado. Para fazer isso escolha Ferramentas>Opções de
Internet>Avançado. No item Segurança, marque um x no quadradinho que diz para
apagar os arquivos temporários cada vez que o Internet Explorer for fechado. Muito
bem, ao fechar o Internet Explorer, você vai notar a luizinha vermelha do seu HD
piscando algumas vezes. Isso demonstra que os arquivos temporários já estão indo
pro espaço.
4. APLICATIVOS
83 Seu computador pode falar
Você pode instalar e usar o Falador no lugar do Narrador do Windows. O Falador
pode ler os textos que forem copiados para a área de transferência do Windows ou
digitados em sua janela.
84 Faça o Internet Explorer abrir mais rápido
Um bug original do Windows 2000 acabou permanecendo no Windows XP, levando
o Internet Explorer a pesquisar por tarefas agendadas sempre que é aberto.
Você pode eliminar esse problema encontrando o seguinte item do registro:
HKEY_LOCAL_MACHINE\Software\Microsoft\Windows\Current
Version\Explorer\RemoteComputer\NameSpace
Encontre então na coluna da direita a chave ClassId key {D6277990-4C6A-11CF8D87-00AA0060F5BF} e a delete simplesmente. Saia então do registro e abra o
Internet Explorer. Observe a diferença!
85 Retire a tela splash do Outlook Express
O Outlook Express vai abrir mais rapidamente se não apresentar aquela tela splash.
Para retirar a tela, siga os seguintes passos:
Edite o registro e encontre a chave abaixo:
HKEY CURRENT USER\Identities\{Long ID
No.}\Software\Microsoft\OutlookExpress\5.0
Siga então os passos;
EDITAR> Novo> Valor Dword> Digite "NoSplash", e dê a essa chave o valor "1"
(sem as aspas)
Feche o editor do registro e reinicie o Outlook, agora sem a tela splash.
86 Faça o Nero abrir mais rápido
Se você também considera o Nero o melhor programa para gravar seus cds, faça
com que ele abra mais rápido. Normalmente, quando é aberto, o Nero mostra a
mensagem "Scaning SCSI/IDE-Bus Please Wait" e fica nisso um
tempão. Isso
acontece porque o Windows também faz uso simultâneo do drive de CD-RW. Se você
desativar essa função no Windows, o Nero fica livre e solto para abrir mais rápido. Siga
então os passos abaixo:
Abra o Painel de Controle e encontre Ferramentas Administrativas. Escolha o item
Serviços. Procure então pelo item IMAPI CD-Burning COM Service e dê dois cliques
nele. Na janela de Propriedades que se abrir, escolha a opção
Desativado. Clique em
Aplicar. Agora abra o Nero e sinta a diferença!
87 Fazendo o Nero combinar com o Clone CD
Se você instalar o Clone CD e depois instalar o Nero, é possível que seus drives de
CD fiquem invisíveis em Meu Computador. Então instale primeiro o Nero, depois o
Clone CD e tudo ficará normal.
88
Tire os banners do ICQ
Para remover os banners aborrecentes do ICQ, vá para a pasta onde o ICQ se
encontra instalado (normalmente c:\Arquivos de programas\ICQ e delete o arquivo
ICQHttp.dll (não delete o arquivo ICQHttp_.dll). Reinicie o ICQ.
89 Front Page 2000 no Windows XP
Se você usa o Front Page do Office 2000 no Windows XP, já deve ter percebido
uma incompatibilidade. O Front Page fecha sozinho quando se está trabalhando com
ele. Para resolver o problema, edite o registro e siga os passos:
Selecione HKEY_LOCAL_MACHINE
Localize e selecione a chave abaixo:
\Software\Microsoft\Office
No menu Editar (do regedit), escolha Permissões.
Selecione o usuário que estiver logado e marque um x nos quadradinhos Controle
Total e Leitura.
5. PROBLEMAS E SOLUÇÕES
90
Pesquisar pirateado
Muita gente no Brasil tendo problemas com o Pesquisar do Windows, em vista da
versão pro corporate "alternativa" sendo usada. Para que o Pesquisar funcione
corretamente naquelas versões pirateadas, você pode renomear
C:/Windows/srchasst/mui/0416 para C:/WINDOWS/srchasst/mui/0409.
91 Problema com gina_x86.dll
Uma versão pirata do Windows XP muito difundida por aí é aquela que usa o
secreset Nela o usuário não consegue acessar alguns recursos do Painel de Controle
nem ativar a tela de boas-vindas. Isto se deve ao arquivo
gina_x86.dll que foi
utilizado para piratear o Windows. Uma solução é ir à pasta /Windows/System32 e dar
dois cliques no arquivo setup do gina para instalá-lo. Na tela que for aberta, encontre
embaixo o termo "uninstall" e dê início à desinstalação do programa. Quando ele
perguntar se é para excluir o arquivo gina_x86.dll clique em Não e reinicie o
computador.
92 Windows discando sozinho para Internet
Por default a discagem automática da rede dial up fica habilitada na instalação do
Windows. Para mudar isso:
Abra o Painel de Controle, então clique em Ferramentas Administrativas.
Dê dois cliques em Serviços. Dê dois cliques em Gerenciador de conexão de acesso
remoto automático. Escolha Desativado. Clique Ok.
93 Computador reiniciando sozinho com Windows XP
É padrão do Windows dar um reboot no seu computador quando encontra uma
falha de sistema. Você pode impedir isso desabilitando o autoreboot. Edite o registro e
localize HKEY_LOCAL_MACHINE\SYSTEM\CurrentControl\SetControl\CrashControl.
Selecione AutoReboot na lista da direita. Dê dois cliques nele e troque o valor para
0 (zero) para desabilitar ou 1 para habilitar. Reinicie o computador. Também é possível
solucionar o problema sem editar o registro.
Abra o Painel de Controle, escolha Sistema, selecione Avançado e clique em
Configurações no último tópico (inicialização e recuperação). Desmarque a opção
Reiniciar automaticamente. Deixe marcada a opção Gravar um evento no log do
sistema. Para ver porque o sistema teve alguma falha, digite "eventvwr" no prompt de
comando ou no menu Iniciar>Executar.
94 Windows reiniciando computador quando manda desligar
O mais provável é que você não esteja com a função ACPI habilitada no BIOS. ACPI
é o que controla o desligamento do computador.
95 Windows não desligando corretamente
Vá em Propriedades de Video/Proteção de tela/Energia do monitor e clique na
opção Ativar suporte a gerenciamento avançado de energia (APM).
96 Computador ligando sozinho
Ao ligar o estabilizador, antes de ir ao botão Power, o computador já liga e abre o
Windows. Esse problema pode acontecer com algumas placas mães ligadas a alguns
tipos de fontes. Quase sempre isso se deve ao fato de placas-mães mais modernas
poderem ligar sozinhas o computador quando detectam atividade de rede ou modem. A
solução, então, é desabilitar esse recurso no Setup. Na seção Power Managment é
preciso encontrar a opção Wake Up Events e desabilitar as funções Wake Up on LAN e
Wake Up on Modem.
Assim, de "Enable" passe aquelas opções para "Disable".
97 Se o speaker da Sound Blaster Live não funcionar
Se você tem uma Sound Blaster Live com Windows XP e os drivers mais recentes
da Creative, pode ser que não consiga executar o programa Speaker, localizado no
menu do AudioHQ. Localize então o arquivo ctsurmix.exe na pasta da Creative, clique
nele com o botão direito do mouse, selecione Propriedades e Compatibilidade. Deixe-o
então no modo de compatibilidade com o Windows 2000.
98 Internet Explorer 6 salvando arquivo .jpg como .jpe
O correto é a extensão .jpg associada com arquivos jpeg. Você poderá solucionar
esse problema encontrando a seguinte chave do registro:
HKEY_CLASSES_ROOT\MIME\Database\Content Type\image/jpeg
Verifique na janela da direita o nome "Extension"; ele deverá ser do tipo REG_SZ,
com Data ".jpg" e se assim não for, dê um duplo clique e corrija para .jpg
99 Windows XP e os games
Apresentamos dicas e soluções para você tirar melhor proveito dos seus jogos com o
Windows XP
Um desempenho pobre nos jogos nunca é algo atrativo. Se você pode contar os quadros
de animação em novo jogo de tiro 3D, se é regularmente interrompido quando mais
dados regionais são carregados para seu simulador de vôo ou, ainda, na hora de
carregar ou salvar os jogos parece demorar uma eternidade, você não está sozinho. Nós
todos passamos por isso, mas o que se pode fazer? Bem, não entre em pânico. O
Windows lhe dá muitas opções de melhorar sua performance e gerenciar dispositivos de
hardware inoportunos. Mesmo que você tenha trabalhado com o Windows 95 e 98 por
muitos anos e, recentemente, migrou para o Windows XP, esse novo sistema
operacional pode lhe jogar em algumas enrascadas inusitadas, e esta matéria traz
algumas dicas e soluções para que ninguém saia gritando "onde está toda essa
eXPeriência que as pessoas falam" na hora de rodar seu game preferido.
Básico do Windows
Antes de colocar aquele jogo de volta na caixa e devolvê-lo à loja, gaste alguns minutos
fazendo algumas verificações simples do Windows XP. Isso pode lhe poupar um vexame
caso o vendedor resolva testar o jogo na sua frente e o dito cujo funcionar normalmente
(e ainda por cima no XP). Não culpe o jogo, verifique antes o que você pode ter feito
errado. Apesar de a maioria das dicas nesta matéria se referirem ao Windows XP, a
maioria delas pode ser aplicada em versões anteriores, também, como o Windows 98 ou
2000.
Desabilite os aplicativos de fundo
Cada tarefa ou aplicativo executado em seu PC consome uma certa quantidade de
memória do processador. Quanto mais tarefas em execução, menos memória geral pode
ser direcionada para o seu jogo - então, sua performance pode ser prejudicada. É fácil
encerrar qualquer tarefa de fundo desnecessária, de forma que um PC possa dedicar a
quantidade máxima de memória do processamento para seu jogo. O Windows XP
oferece o gerenciador de tarefas, como uma loja 24 horas, que permite verifiqar o que
está sendo executado naquele exato momento - incluindo aqueles aplicativos que são
iniciados com o Windows se que o usuário seja consultado.
Pressione as teclas Ctrl + Shift + Delete para abrir o Gerenciador de tarefas e selecionar
a janela de aplicativos. Selecione e finalize qualquer outro programa além do jogo que
você está tentando executar. Procure na janela de Processos por utilitários como mixers
de áudio, firewalls, controladores de jogos ou utilitários rodando na memória. Tente
finalizar as tarefas que não são do sistema (essas tarefas que estão listadas próximo ao
nome de usuário) e que mostram a utilização significante da memória ou CPU. Por
exemplo, se você possui um utilitário gerenciador de joystick pedindo por recursos da
CPU, sendo que seu jogo não utiliza um joystick, então, finalize o gerenciador de
joystick e veja se isso não faz alguma diferença.
Existem apenas duas regras: Finalize apenas uma tarefa por vez (você sempre pode
finalizar e reiniciar o sistema para reiniciar todas as suas tarefas novamente), e tarefas
designadas como do "sistema" ou "serviço" não devem ser finalizadas a não ser que
esteja tentando isolar uma tarefa específica que possa estar afetando a estabilidade de
seu sistema.
Verifique seu drive
Seu disco rígido armazena dados por grupos de setores (chamados de "clusters"), e os
arquivos salvos são fragmentados para ocupar clusters disponíveis em qualquer lugar no
drive físico. Às vezes, os clusters se perdem, deixando um arquivo incompleto, ou
então, dois ou mais arquivos acidentalmente tentam utilizar o mesmo cluster. Em outros
casos, arquivos antigos podem causar a falha de alguns clusters (evitando que eles
armazenem dados). O ScanDisk verifica e recupera esses tipos comuns de problemas de
drives. Nós recomendamos o uso do ScanDisk pelo menos uma vez a cada quinze dias há quem diga que três meses é um período razoável, mas, lembre-se, estamos falando
de Windows, portanto, todo o cuidado é pouco.
No Windows 98, o ScanDisk existia como um aplicativo separado no menu de programas
das ferramentas do sistema, mas o Windows XP integrou uma ferramenta bem similar
direto na tela de propriedades do drive. Dê um clique com o botão direito em um drive
na janela Meu computador para abrir suas Propriedades e, então, selecione o menu de
Ferramentas. Clique em Verificar agora para procurar por erros no disco. Aqui vai uma
dica: se você deixar a caixa Reparar erros de arquivos do sistema automaticamente
desmarcada enquanto efetua a verificação do drive à procura de erros, será mais rápido
refazer o teste mais uma vez depois e reparar quaisquer erros.
Algumas vezes o Windows XP precisa reiniciar seu sistema para fazer a verificação, o
que trará a mesma tela de verificação de disco que você freqüentemente vê quando o
Windows faz uma verificação automática após uma queda do sistema.
Desfragmentação de disco
Quando o espaço de disco é limitado, um arquivo utilizará qualquer espaço livre em um
drive, espalhando-se pelos clusters em diferentes partes do disco rígido. Isso pode
permitir que pedaços de um arquivo possam, eventualmente, serem divididos por todo o
drive (efeito chamado de "fragmentação de arquivo"). A performance do drive pode
diminuir, pois, leva tempo para que o drive encontre todos os clusters separados. Você
pode perceber isso na forma do tempo de carregamento mais demorado para seus
jogos, ou na hora de salvá-los. Utilize o Desfragmentador de disco no Windows XP para
deixar seu drive de modo que os arquivos não sejam divididos.
Clique em Iniciar, Todos os programas, Acessórios, Ferramentas do sistema e, então,
Desfragmentador de disco. Utilize o botão Analisar para verificar o drive primeiro e
medir a quantidade de fragmentação e, em seguida, selecione Desfragmentar se houver
mais de 10% de fragmentação. Lembre-se que isso pode levar até várias horas para ser
realizado, dependendo do tamanho do drive, o número de arquivos e a quantidade de
fragmentação - nessas horas, 512 MB de RAM são mais do que bem-vindos.
Atualização do Windows
É uma boa idéia utilizar a Atualização do Windows periodicamente para procurar por
reparos de erros no Windows XP e atualizações dos drives diretamente da Microsoft.
Essa é uma maneira de conseguir os reparos de compatibilidade que a Microsoft fez
para alguns aplicativos, incluindo jogos, assim como novas versões de componentes do
Windows, como o DirectX ou o Windows Media Player. As atualizações de drivers são
mais comuns pois você pode encontrar uma grande variedade de novos NIC, som e
outros drivers do sistema todos em um mesmo lugar - um lugar que você não
conseguiria em procurar por essas coisas individualmente. Conecte-se à Internet e
clique em Atualizar o Windows (Windows Update). Um navegador abrirá e o levará para
o site de atualização. Clique em Procurar por atualizações. O site irá verificar seus
componentes do Windows XP e listar qualquer um disponível para atualização. Selecione
a atualização que deseja. Serão, então, efetuados os downloads dessas atualizações e
em seguida instaladas em seu PC após a reinicialização.
Restauração do sistema
O Windows XP fornece um recurso de restauração do sistema que mantém controle
sobre o estado de seu sistema, criando periodicamente novos "pontos de restauração"
conforme programas, drivers e utilitários são adicionados ou removidos do sistema.
Quando esse driver atualizado ou jogo com problema confundir seu PC, você pode
utilizar a Restauração do sistema para reverter seu sistema ao estado funcional anterior.
Clique em Iniciar, Todos os programas, Acessórios, Ferramentas de sistema e, então,
Restauração do sistema. Utilize o Assistente para a Restauração do sistema do Windows
XP de uma lista de pontos de restauração disponíveis ou, manualmente, crie um novo
ponto de restauração você mesmo (uma coisa muito útil a se fazer antes de instalar
aquele jogo enorme).
Com a restauração do sistema, deve haver muito menos razões para reinstalar o
Windows XP, a não ser que você insista em restaurar o estado de "novo" que o PC tinha
logo após ser instalado. No entanto, a Restauração do sistema realmente toma algum
espaço do drive para armazenar esses pontos de restauração. Se você estiver com falta
de espaço no HD, então, seria melhor desabilitar esse recurso, assim, você precisará
restaurar o Windows à moda antiga.
Reinstalando o Windows
Imaginemos agora que a Restauração do sistema não cumpriu seu papel (ou não estava
habilitada). Reinstalar o Windows é uma forma confiável de acabar com problemas
inexplicáveis e limpar a performance do sistema, e isso não é um grande problema.
Efetuar uma instalação de reparo do Windows não irá mexer com suas configurações ou
forçá-lo a reinstalar aplicativos, portanto, esse é um passo de cerca de uma hora para
consertar esses problemas persistentes. A maneira mais direta de instalar o Windows XP
é através da inicialização pelo CD-ROM, a qual necessita apenas que você entre no BIOS
e defina a ordem de inicialização para seu sistema, forçando-o a verificar por um CDROM antes do disco rígido. Janela por janela de configurações, selecione seu drive atual,
mas na tela final, pressione R em vez da tecla Enter para efetuar uma instalação de
reparo. Se você acidentalmente pressionar Enter para uma instalação total, o Windows
irá avisá-lo que você perderá suas configurações. Esse é um bom lembrete para fazê-lo
retornar e certificar-se de que selecionou a Instalação de reparo. Efetuar uma instalação
de reparo fará com que muitos componentes do Windows sejam reinstalados e
necessitará que você reinstale qualquer driver mais atual do que aquele existente no
lançamento do Windows XP. Essa é apenas uma pequena conseqüência para deixar o XP
rodando novamente em perfeito estado após uma queda do sistema.
Uma instalação de reparo é tudo o que você precisa para quase qualquer situação, mas
existem casos em que você pode querer efetuar um novo começo totalmente limpo e
reformatar seu drive antes de reinstalar o Windows. Isso faz mais sentido se o seu drive
nunca foi formatado há alguns anos e não está com um desempenho confiável. Para
fazer isso, você precisará de um disco de inicialização do Windows 98/ME para iniciar
pelo DOS. Após ter copiado absolutamente todos os arquivos importantes de que
precisa do sistema (qualquer coisa que não tiver feito backup será perdida), reinicie com
o disquete de inicialização inserido no drive e execute o FDISK para apagar e recriar
uma nova partição de drive. Nesse ponto, você pode instalar o Windows XP como se
fosse um novo sistema.
Verificando o vídeo
A maioria das configurações de vídeo relacionadas com performance podem ser
ajustadas dentro do próprio jogo, mas, você pode ajudar as coisas de dentro do
Windows XP com alguns novos drivers, atualizações do DirectX, e configurações de
aceleração do hardware. Faça uma visita constante ao site do fabricante da sua placa de
vídeo (ou da placa-mãe, no caso de possuir um vídeo on-board) para procurar por
atualizações de drivers.
Drivers de vídeo
Atualizações de drivers de vídeo são comuns, e para obter a melhor e mais confiável
performance de jogos, é essencial ter os drivers de vídeo mais atuais. Os novos drivers
podem consertar problemas de compatibilidade com jogos, e as produtoras dos jogos
testam seus produtos para que a maioria funcione com os lançamentos de drivers mais
recentes. As atualizações de drivers podem, também, aumentar a performance de uma
forma ainda maior, mesmo que nem todas as atualizações possuam otimizações. Mas
cuidado, algumas atualizações podem deixar as coisas ligeiramente mais lentas
Driver Downloads
3dfx Creative Labs Nvidia
Ali Hercules SiS
ATI Intel VIA
Primeiro, verifique sua placa de vídeo para certificar-se da marca do fabricante e do
modelo. Uma forma de encontrar essa informação é abrindo o gerenciador de
dispositivos e expandir a entrada do adaptador de vídeo (você deve poder ver sua placa
na lista). Dê um clique duplo no adaptador de vídeo e clique na janela Driver. Você
encontrará informações sobre os drivers, incluindo a produtora, data e versão. Essa
informação é bem útil quando você estiver procurando por atualizações desses drivers.
Muita dessa informação também está disponível no Painel de controle, em Vídeo, que é
facilmente acessado com um clique com o botão direito na área de trabalho,
selecionando Propriedades. A placa de vídeo está listada nas Configurações, e lá existem
mais opções e informações detalhadas disponíveis, se você clicar no botão Avançado.
Verifique o site de suporte para sua placa de vídeo e localize seu driver mais atualizado.
Nós listamos os sites de drivers mais comuns acima. Selecione a versão do driver de
vídeo que serve para seu sistema operacional (por exemplo, Windows XP). Efetue o
download da atualização para seu drive e descompacte o formato ZIP, se necessário. A
maioria dos arquivos de atualização de drivers agora possuem um assistente de
instalação que faz do processo de instalar driver tão fácil quanto dar um clique duplo em
um arquivo e reiniciar o PC.
Se os drivers não possuem um instalador automático e estão em um arquivo
compactado com auto-extração, apenas dê um clique duplo no arquivo para extrair os
drivers. Então, abra a janela Driver de sua placa de vídeo novamente e clique no botão
Atualizar driver. Isso iniciará um Assistente do Windows XP que o levará através do
processo todo - apenas certifique-se de especificar a localização da pasta onde os seus
novos drivers forma extraídos. O Assistente pedirá para reiniciar. Não esqueça de checar
sua janela Drivers para verificar se a nova data do driver ou a nova versão está na lista.
Se você achar que o novo driver causa mais problemas do que os resolve, é sempre
possível utilizar o botão de Retornar driver na janela Driver para restaurar o driver
anterior automaticamente. Outra alternativa é utilizar a Restauração do sistema e
retornar a um ponto de restauração onde os novos drivers ainda não haviam sido
instalados. Outra coisa a se lembrar é que, enquanto as placas de vídeo costumavam
precisar de um driver OpenGL separado, as placas atuais colocam tudo junto em um
conjunto de drivers. Você não precisará encontrar drivers separados para o OpenGL,
portanto, se estiver vendo um erro de driver OpenGL, você provavelmente precisará
apenas do driver mais recente feito para sua placa.
Verifique o DirectX
O DirectX é o conjunto de drivers e APIs que os jogos utilizam para acessar vídeo, som
e incluir funções de dispositivos. Jogos novos geralmente necessitam da mais atual
versão do DirectX, que, atualmente, está entre a 8.1 e a 9.0. Se um PC não possui a
versão mínima que um jogo precisa, ele não funcionará, ou terá problemas como cores
e sons. O Windows XP já sai da caixa com o DirectX 8.1, mas, podemos esperar uma
nova versão do DirectX (9.0) até o final deste ano, portanto, é importante procurar
atualizações do DirectX.
Utilize dxdiag.exe para verificar sua versão atual. Clique em Inciar, Executar, e então
digite dxdiag. A Ferramenta de diagnóstico do DirectX abrirá e você poderá encontrar
sua versão atual listada na entrada Versão DirectX na parte inferior da janela Sistema.
Agora, dê uma olhada no site DirectX da Microsoft (www.microsoft.com/directx) para
obter a mais nova versão. Novas versões do DirectX podem também aparecer na
Atualização do próprio Windows para download automático.
Aceleração de vídeo
Você pode localizar problemas com a performance de vídeo ou com a estabilidade do
sistema desabilitando a configuração de aceleração de hardware do Windows XP.
Normalmente, o sistema deixa o hardware gráfico fazer tudo para maximizar a
performance, mas, drivers conflitantes ou problemas de compatibilidade podem acabar
com a estabilidade do sistema quando a configuração de aceleração estiver acionada ao
máximo. Você pode reduzir a aceleração de hardware para ajudar a restaurar a
estabilidade até que possa atualizar os drivers, software ou a atualização da própria
placa de vídeo em si. Mensagens indicarão o que é desabilitado conforme você vai
abaixando o nível da aceleração de hardware.
Dê um clique com o botão direito em qualquer parte da área de trabalho e clique em
Propriedades. Escolha a janela Configurações e clique no botão Avançado, então,
selecione a janela Solução de problemas. A barra de aceleração de hardware
normalmente está definida no máximo grau possível, e isso é bom se o sistema estiver
funcionando devidamente. Se a barra de aceleração de hardware estiver definida em
algo menor do que o máximo, você pode tentar aumentar a aceleração para aumentar a
performance gráfica.
Se sua máquina estiver travando ou com constantes quedas do sistema, diminua a
barra de aceleração até o mínimo. Verifique novamente o sistema cada vez que der um
passo adiante na aceleração do hardware para tentar esclarecer o problema (porém,
isso irá reduzir sua performance gráfica) e, então, atualize os drivers de vídeo ou
hardware para resolver o problema.
Resolução e cores
Virtualmente, todos os jogos permitem que você selecione a resolução e a profundidade
de cores de dentro do próprio jogo - desse modo, você não precisa lidar com suas
configurações da área de trabalho. Mas alguns jogos escolhem automaticamente as
configurações para a área de trabalho, e você pode achar que a alta resolução e a
paleta de cores diminuirá a velocidade de quadros por segundo do jogo (frame rate). Se
o seu jogo trabalha com as configurações da área de trabalho, utilize as configurações
de vídeo para ajustar seu desktop antes de iniciar o jogo. Dê um clique com o botão
direito em qualquer parte da área de trabalho, clique em Propriedades e, então, na
janela Configurações. Ajuste a barra de controle da resolução da tela e selecione a
definição de cor na lista do menu de qualidade de cor. Clique em Aplicar, aceite as
mudanças e tente rodar o jogo novamente. Você pode precisar experimentar diversas
combinações de resoluções e cores até encontrar aquela se adequar melhor à
performance do seu jogo.
Memória e armazenamento
Jogos precisam ser carregados do disco rígido e, geralmente, contam com drives de CD
para recursos multimídia como música ou cenas animadas. Se um jogo demora demais
para carregar, ou os "filmes" dentro do jogo parecem quebrados, existem alguns
truques de drive que podem ajudar.
Mantenha o FAT
O Windows XP suporta o sistema FAT32 e o NTFS (Sistema de arquivos NT), mas,
escolha entre eles com cuidado. O NTFS é um sistema de arquivos poderoso, que
suporta grandes tamanhos de drives com encriptação e compressão, mas é voltado para
usuários de negócios que necessitam limitar o acesso em contas de usuários baseadas
em drive, e que emprega recursos avançados de rede como o Diretório ativo. Não
existem vantagens notáveis na velocidade de disco do NTFS sobre o FAT32, portanto, se
você pretende jogar com seu PC doméstico, fique com o FAT32.
O problema com o NTFS é que ele não é compatível com o anterior FAT32. Se você criar
uma máquina com sistema de inicialização duplo, entre o Windows XP e o Windows 98,
e possui duas partições de drives - uma FAT32 e outra NTFS - então você não será
capaz de ler arquivos do drive NTFS quando iniciar pelo Windows 98 no drive de FAT32.
Também é uma passagem só de ida do FAT32 para o NTFS. O Windows XP fornece um
conversor que pode configurar o NTFS por você (ou você pode selecionar NTFS quando
estiver instalando o Windows XP). Mas, assim que estiver utilizando o NTFS, a única
maneira de restaurar o FAT32 é "reparticionar" e reformatar o drive desde o início.
Verifique o sistema de arquivos que está utilizando atualmente. Clique em Iniciar, Meu
computador e, então, destaque o drive do disco rígido. Os detalhes do drive - incluindo
o sistema de arquivos - aparecerá na parte inferior esquerda da caixa de diálogo.
Partições de drives
Múltiplas partições de drives não diminuem a performance do mesmo, pois, partições
adicionais não afetarão a velocidade em que os dados vão e vêm através da interface do
drive. Você pode certamente utilizar mais do que uma partição, se desejar. Alguns
usuários se darão bem com uma única e grande partição (ou seja, há apenas uma única
letra de drive, como o "C"), mas, outros preferirão criar múltiplas partições no drive uma para o sistema operacional, outra para os aplicativos, outra para os dados e por aí
vai. Isso realmente depende das suas necessidades pessoais.
É fácil criar múltiplas partições em um único HD quando você inicialmente formata um
novo drive, mas isso irá requerer um software especial (como o Partition Magic, já
bastante explorado nas nossas páginas em edições passadas) para adicionar ou redefinir
o tamanho de partições de um drive já existente sem destruir os dados. Antes de fazer
qualquer mudança em uma partição, não se esqueça de efetuar a desfragmentação e,
depois, um backup dos seus arquivos.
Configurações de energia
A conservação de energia eventualmente irá parar seu drive se ele não estiver sendo
utilizado. Mas, se você está no meio de um jogo e precisa de mais dados do drive (por
exemplo, novos níveis ou estágios) ou, na hora de carregar ou salvar o jogo, será
necessário esperar infindáveis segundos para que o drive volte a funcionar e possa ser
acessado. Esse é um problema comum, agora que os PCs possuem bastante RAM e
contam menos com o acesso normal de disco.
Se você quiser desabilitar esse recurso, clique em Iniciar, Painel de controle,
Desempenho e manutenção e, então, Opções de energia. Na caixa de diálogo de
Propriedades das Opções de energia, selecione Nunca, abaixo de Desligar disco rígido.
Clique em Aplicar e, em seguida, OK. Isso deve impedir que seu disco rígido perca a
energia quando você mais precisar dele.
Memória virtual
A memória virtual é uma maneira útil de utilizar espaço do disco rígido para emular
RAM. Isso permite que você execute mais programas e lide com mais dados do que seu
PC realmente possui capacidade física para suportar. Se seu sistema se apóia na RAM, o
Windows XP irá "reestruturar" mais espaço no drive na forma de memória virtual. Se
você possui bastante memória RAM em seu PC, hoje em dia isso quer dizer mais do que
512 MB, pouco espaço no drive será necessário e você pode não precisar transferir dado
nenhum com o disco rígido.
Mesmo que o Windows XP lide com a memória virtual sozinho, você pode verificar suas
configurações e efetuar as mudanças. Por exemplo, você pode evitar a transferência
com o disco desabilitando a memória virtual (basta ter bastante memória RAM
disponível). No entanto, normalmente, é uma boa idéia deixar um pouco de memória
virtual disponível para evitar que o sistema sofra uma queda, no caso de faltar RAM
física. Para verificar as suas configurações de memória, clique em Iniciar, Painel de
controle, Desempenho e manutenção e, então, Avançado. Sob Performance, clique no
botão Configurações. A caixa de diálogos Opções se abrirá. Verifique as configurações
de memória virtual na parte inferior da janela.
Se você deseja alterar a configuração de memória virtual, clique no botão Alterar. A
caixa de diálogo de memória virtual oferece um relatório completo do espaço de disco,
além do arquivo de troca. Para alterar a quantidade de espaço separado para a memória
virtual, clique em Personalizar tamanho e entre com os tamanhos mínimo e máximo
(em megabytes). Se você preferir deixar o Windows XP lidar com tudo
automaticamente, clique em Tamanho especificado pelo sistema. Se você possui uma
grande quantidade de RAM e realmente não deseja utilizar nenhuma memória virtual
(nós não recomendamos isso), então, clique em Sem arquivo de página. Clique no botão
Definir quando tiver efetuado suas mudanças.
Esvazie a lixeira
Sejam eles filmes ou música que você efetuou o download pela Internet, ou jogos
instalados através de múltiplos CDs, os enormes discos rígidos de hoje em dia estão
sendo preenchidos mais rapidamente do que nunca. Seria uma boa idéia
ocasionalmente livrar-se dos arquivos em sua lixeira, pasta de temporários, memória
cache de Internet e outras localidades de seu drive.
Clique em Iniciar, Painel de controle, Desempenho e manutenção e, em seguida, Liberar
espaço em seu disco rígido. A caixa de diálogo de limpeza de disco lista as áreas mais
comuns onde arquivos desnecessários se acumulam (por exemplo, arquivos temporários
de Internet), além da quantidade de espaço que esses arquivos estão ocupando.
Verifique a caixa para cada grupo de arquivos que você gostaria de remover e então
clique em OK para limpar o espaço.
Se você precisa liberar ainda mais espaço, clique na janela Mais opções. Isso permite
remover componentes desnecessários do Windows, programas instalados e antigos
pontos de restauração que não são mais úteis. Você pode freqüentemente recuperar
cerca de 100 MB ou mais limpando o disco rígido.
Controlando os dispositivos
O Windows XP faz um bom trabalho de reconhecimento, instalação e gerenciamento dos
dispositivos de hardware dos jogos automaticamente, mas, certamente, não é um
sistema à prova de falhas. Essas dicas o ajudarão a adicionar novos dispositivos e ter a
certeza de que está se comportando devidamente.
Acione o gerenciamento
Se você tem vontade em abrir o gabinete da sua máquina e dar uma olhada no que está
dentro de seu PC, mas não quer sujar as mãos, um bom lugar para começar é o
gerenciador de dispositivos. Clique em Iniciar, Painel de controle, Performance e
Manutenção e Sistema. Selecione a janela Hardware e clique no botão Gerenciador de
dispositivos. Surgirá uma lista de dispositivos. Abrindo um tipo de dispositivo, você verá
os dispositivos específicos com o qual o Windows XP está trabalhando.
O Gerenciador de dispositivos é uma ferramenta útil para solucionar problemas, pois,
isso irá dizer se a nova placa de vídeo, placa de som ou dispositivo de jogo foram
instalados devidamente. Se o dispositivo não aparecer, ou estiver marcado com um
problema, você pode tomar alguns passos para aliviar as coisas.
Adicionar o Assistente de hardware
Suponhamos que você instale um novo dispositivo e que nada aconteca. O Windows XP
tenta reconhecer novos dispositivos e instalar um driver da sua própria biblioteca em
arquivo (ou pedir por um driver do CD do dispositivo). O Windows XP pode não
reconhecer os mais novos dispositivos ou reconhecê-los como um outro diferente.
Quando isso ocorrer, você pode utilizar o Assistente para Adicionar hardware e ajudar o
Windows XP no processo. Clique em Iniciar, Painel de controle, Performance e
manutenção e Sistema. Selecione a janela Hardware e clique no botão do Assistente
para adicionar hardware. O Assistente inicia o guia passo a passo através do processo
de identificar e fazer o modelo de seu dispositivo com problema ser reconhecido e,
então, deixa você escolher o driver (normalmente através de um CD de instalação do
produto).
Antes de utilizar o Assistente, verifique as instruções de instalação da produtora e siga
suas recomendações. Alguns dispositivos podem precisar que você instale algum
software antes de instalar o dispositivo físico em si. Muitos outros dispositivos incluem
um utilitário de configuração automática que instalará os drivers do dispositivo por você,
sem utilizar o Assistente.
Verificação de dispositivo
Digamos que você não possa utilizar um novo dispositivo (ou outro problema no sistema
pode ter ocorrido). Utilize o gerenciador de dispositivos em todos os dispositivos do
sistema. Dispositivos marcados com um ponto de exclamação amarelo podem estar em
conflito com outro dispositivo no sistema. Dispositivos marcados com um X estão
desabilitados. Se você der um clique duplo no dispositivo com problema, sua caixa de
diálogo de Propriedades informará o problema (se houver) na área da condição do
dispositivo.
O Windows XP oferece uma solução para cada tipo de dispositivo de hardware no
sistema. Quando um problema de dispositivo ocorrer, clique no botão Soluções e siga os
passos através dos sintomas e das soluções para localizar o procedimento para habilitar
dispositivos desativados ou resolver conflitos básicos. Tenha em mente que você pode
ter que tentar diversas soluções antes de conseguir resolver o problema
completamente.
Conclusão
O Windows XP é o novo sistema operacional de ponta para qualquer PC que venha a
rodar um jogo. E, como a maioria das versões do Windows, o XP nos dá bastante
espaço para nos movimentarmos. Esta matéria lhe mostrou alguns truques de
otimização para melhorar a performance geral do Windows XP, dando-lhe opções para
melhorar as condições de vídeo e operações de disco, bem como gerenciar e configurar
seus dispositivos de hardware.
Backup das mensagens do Outlook 97/2000/XP/2003
Se o seu computador estiver funcionando corretamente, basta abrir o Outlook e seguir o seguinte
caminho: Arquivo, Importar e exportar, Exportar para um arquivo, Avançar, Personal folder file (.pst),
Avançar, selecione Pastas particulares e marque a caixa "Incluir subpastas", Avançar, clique em Procurar
e selecione onde e com que nome você deseja salvar o arquivo de backup. Clique em Concluir para salvar
o arquivo de backup.
Já se o seu computador não estiver funcionando corretamente – por exemplo, o Outlook está com
problemas e não abre ou o sistema operacional não carrega e você instalou o disco rígido do seu micro
como secundário em um outro micro e está fazendo backup de todos os arquivos antes de reinstalar o
sistema operacional –, você deverá copiar manualmente o arquivo pst, que é o arquivo que contém as
pastas e mensagens do Outlook. No Windows 9x e ME este arquivo fica em C:WINDOWSApplication
DataMicrosoftOutlookoutlook.pst. Já no Windows NT, 2000 e XP este arquivo fica em C:Documents and
Settings%user%Configurações locaisDados de aplicativosMicrosoftOutlookoutlook.pst. Basta copiar este
arquivo para onde você está fazendo o backup (CD-R, Zip disk, rede, etc).
Recuperando o backup do Outlook 97/2000/XP/2003
Para recuperar o backup efetuado, abra o Outlook, vá em Arquivo, Importar e exportar, selecionar
Importar de outro programa ou arquivo, Avançar, selecione Personal folder file (.pst), Avançar, clique em
Procurar e selecione o arquivo de backup, clique em Avançar para recuperar o backup.
Backup das mensagens do Outlook Express
Você terá de copiar manualmente todos os arquivos existentes no diretório de dados deste programa.
Este diretório varia de acordo com o sistema. Se você usa Windows 9x ou ME, vá em C:WINDOWSDados
de aplicativosIdentities{%clsid%}MicrosoftOutlook Express. Já se você usa o Windows NT, 2000 ou XP, vá
em C:Documents and Settings%user%Configurações locaisDados de
aplicativosIdentities{%clsid%}MicrosoftOutlook Express. Copie todos os arquivos .dbx encontrados para a
mídia de backup (CD-R, Zip disk, rede, etc).
Recuperando o backup do Outlook Express
Abra o Outlook Express e vá em Arquivo, Importar, Mensagens, selecione Microsoft Outlook Express 6,
Avançar, selecione Importar email de uma pasta de armazenamento do OE6, clique em Ok, clique em
Procurar e selecione o diretório contendo os arquivos .dbx que você efetuou o backup
RECUPERAÇÃO DO XP
Console de Recuperação do Windows (2K, XP e 2003)
Prof. J.R.L. Oliveira
1 - Apresentação
A Console de Recuperação do Windows é um recurso que possibilita o acesso
limitado a volumes NTFS, FAT32 e FAT, sem depender da interface gráfica do Windows.
Por seu intermédio é possível:
(i) acessar, copiar, renomear ou substituir diretórios ou arquivos do sistema
operacional;
(ii) habilitar ou desabilitar serviços ou dispositivos na próxima reinicialização do
Windows;
(iii) reparar o setor de "boot" ou o "Master Boot Record"; e
(iv) criar ou formatar partições.
2 - Instalação da Console
Coloque o CD do Windows no drive, clique em Iniciar\Executar e, na linha de
comando, digite: D:\I386\WINNT32.EXE /CMDCONS. Feito isto, clique em OK e siga as
instruções (observação: D:\ é o drive de CD-ROM).
3 - Aplicação da Diretiva de Segurança Local
Siga os passos abaixo:
1º) Clique em Iniciar\Executar e na linha de comando, digite GPEDIT.MSC.
2º) Em Computer Configuration selecione:
Windows Settings\Security Settings\Local Policies\Security Options.
3º) No painel da direita dê um clique duplo em:
Recovery Console: "Allow floppy copy and access to all drives and all folders",
ou seu equivalente em português.
4º) Clique em Enable e em OK. Saia da console.
3 - Utilização da Console
1º) Reinicie a máquina.
2º) Nas opções de "boot", selecione a Console de Recuperação.
3º) Informe a instalação do Windows desejada:
Digite 1, para C:\Windows, caso haja apenas um Windows instalado.
4º) Informe a senha do administrador da máquina.
5º) Como a Diretiva de Segurança específica está ativada, as variáveis de ambiente
podem ser modificadas pelo comando SET <variavel> = TRUE ou FALSE. Portanto, na
linha de comando digite SET. Isto fará aparecer em tela:
AllowWildCards = FALSE
AllowAllPaths = FALSE
AllowRemovableMedia = FALSE
NoCopyPrompt = FALSE
6º) Para mudar estas variáveis, digite:
SET AllowWildCards = TRUE
SET AllowAllPaths = TRUE
SET AllowRemovableMedia = TRUE
SET NoCopyPrompt = TRUE
Obs: Usar sempre um espaço a esquerda e a direita do sinal de "=" no comando
SET.
7º) A partir do passo anterior, todos os diretórios estarão acessíveis; disquetes e "wildcards" poderão ser utilizados. Para sair da console digite EXIT.
O QUE FAZER QUANDO O XP DA PAU
Use os pontos de restauração:
Se o sistema dá boot, vá ao menu iniciar -> Programas -> Acessórios -> Ferramentas do Sistema > Restauração do Sistema. Escolha a opção restaurar o sistema e escolha uma data e hora em que
o sistema estava funcionando 100%. Siga as instruções da tela.
Caso o sistema trave no boot , tente usar o modo de segurança, pressionando F8 no boot e
escolha a opção modo de segurança. Depois faça como orientado acima.
Nem entra no modo de segurança. A coisa está complicando, mas ainda há solução. Pressione F8
durante o boot e escolha a opção “Modo de segurança com prompt de comando”. Faça o login como
administrador e digite, na linha de comando: C:\windows\system32\restore\rstrui.exe a seguir siga
as instruções. Caso vc tenha instalado o WINDOWS em local diferente do padrão, coloque o
diretório correto.
E se tudo isso falhar ? Já é hora do FORMAT C: ?
Ainda não !!!!!!!
Configure seu micro para boot pelo CD:
Coloque o CD do WINDOWS Xp e de boot na máquina. Entre no console de recuperação, faça login
como administrador e digite
md tmp - cria uma subpasta na pasta WINDOWS
copy c:windows\system32\config\system c:\windows\tmp\system bak
copy c:windows\system32\config\software c:\windows\tmp\software.bak
copy c:windows\system32\config\sam c:\windows\tmp\sam.bak
copy c:windows\system32\config\security C:\windows\tmp\security.bak
copy c:windows\system32\config\default C:\windows\tmp\default.bak
Tudo acima é para criar cópias de segurança. Seguro morreu de velho
delete c:\windows\system32\config\system
delete c:\windows\system32\config\software
delete c:\windows\system32\config\sam
delete c:\windows\system32\config\security
delete c:\windows\system32\config\default
Apagando os arquivos que estão corrompidos
copy c:\windows\repair\system c:\windows\system32\config\system
copy c:\windows\repair\sotware c:\windows\system32\config\software
copy c:\windows\repair\sam c:\windows\system32\config\sam
copy c:\windows\repair\security c:\windows\system32\config\security
copy c:\windows\repair\default c:\windows\system32\config\default
Pegando os arquivos de backup e colocando-os para rodar
Tire o CD e dê um boot para ver como fica.
Eu esqueci a senha do administrador !! E agora, está na hora do FORMAT C: ?
Ainda não. Apesar de eu nunca ter usado, o método do link abaixo promete recuperar a senha do
administrador. Use por sua conta e risco
Offline NT Password & Registry Editor, Bootdisk / CD
O que é “Console de Recuperação ?
É uma ferramenta do WINDOWS Xp, que possibilita salvar muitos HDs de um FORMAT C:
No link abaixo vc vai encontrar um tutorial sobre o Console de Recuperação:
Recovery Console (Console de Recuperação)
O Que Fazer Com Um Arquivo Boot.Ini Inválido ?
1 – Coloque o seu CD de instalação do Windows XP no drive. Reinicie o computador e clique na
tecla DEL para acessar à BIOS e colocar o PC para dar boot primeiro pelo CD. Carregue em F10
para gravar as alterações e saia da BIOS. As teclas (DEL e F10) costumam ser as usadas por
grande parte das “motherboards”. Se não for este caso, é preciso consultar o manual da “board”
para ver quais são.
2 – Quando receber a mensagem “clique em qualquer tecla para dar o boot a partir do CD”, bem…
clique em qualquer tecla!
3 – O Programa de Configuração do Windows inicia. Quando terminar a primeira fase da
configuração, pressione a tecla R.
4 – Selecione a instalação que pretende corrigir.
5 – Digite a sua senha de administrador. Trata-se da senha que foi usada quando o sistema foi
instalado no seu PC, não é a sua senha de usuário.
6 – No prompt de comando, digite bootcfg /list, e depois pressione Enter. Surgem as entradas no seu
arquivo boot.ini.
7 – Agora vamos resolver o problema! No prompt digite
bootcfg /rebuild
e depois pressione Enter.
Este comando procura no(s) disco(s) rígido(s) por instalações dos Windows XP, 2000 ou NT,
apresentando-lhe depois os resultados. Pressione a tecla S para responder SIM à pergunta
“Adicionar instalação à lista de arranque?”
8 – Depois disto, o Windows diz “introduzir o identificador de boot”. Bem, isto deixa qualquer um a
deriva: que é um “identificador de carregamento”? O que o Windows quer saber, na linguagem
cifrada, é apenas o nome do seu sistema operacional. O que tem então de fazer é escrever
Microsoft Windows XP Profissional ou Microsoft Windows XP Home, de acordo com a sua versão.
Depois de escrever, pressione a tecla Enter.
9 – Agora é pedido as opções de boot do sistema operacional. Escreva /fastdetect (para um boot
rápido) e depois pressione Enter
10 – Escreva agora Exit e depois Enter para sair da console de recuperação e reiniciar o
computador.
11 – Depois de reiniciar, aparece um menu com duas entradas, ambas com o mesmo nome:
Microsoft Windows XP Profissional ou Home, conforme o que escreveu. De boot pela que está
selecionada, já vamos eliminar a entrada em duplicado. Já no ambiente Windows, selecione o ícone
“O Meu Computador” e, com o botão direito do mouse, escolha “Propriedades”. Na janela das
Propriedades do Sistema, escolha o separador Avançadas. Aí, mais em baixo, existe um item
chamado “Inicialização e recuperação”. Tecle em “Configurações” e desmarque a opção “Mostrar a
lista de sistemas operacionais durante…”. Feche as janelas todas. Reinicie o computador. Problema
Resolvido!
Windows XP: como trocar placa-mãe sem formatar!
Descobri esta dica, mas ainda não testei
Como trocar a MoBo sem reinstalar o Xp
É POSSÍVEL REINSTALAR O XP “POR CIMA” , SEM PERDER OS DADOS ?
Apesar de o ideal ser instalar o Xp a partir do zero, é possível reinstalar por cima, sem perda do
dados:
Com os CDs do Windows 2000 e XP
Inicie o computador com o Cd-Rom do Windows inserido no drive correspondente. Quando receber
a mensagem Pressione uma Tecla para Iniciar do CD, faça-o imediatamente. Se você não vir esta
mensagem antes de o Windows iniciar, reinicie o sistema operacional, pressione a tecla que é
indicada para entrar no programa de Setup do seu equipamento e mude a ordem de boot para que
sua unidade de CD seja a primeira.
Na tela Bem-Vindo ao Programa de Instalação, dê Enter e tecle F8 quando surgirem os termos da
licença de uso do sistema operacional. Na janela seguinte, a opção R (Repair) leva você para o
Console de Recuperação, que é útil se o Windows não iniciar, mas não ajuda na reinstalação.
Pressione-a somente para um procedimento de reparo. Para realizar uma reinstalação completa,
pressione Esc.
Selecione, em seguida, sua partição C: e pressione Enter. Quando aparecer o alerta que um sistema
operacional está nesta partição, pressione C para continuar. Selecione Não Alterar o Sistema de
Arquivos Atual quando o sistema perguntar qual é a sua preferência de partição. Quando for
informado que uma pasta Windows (ou pasta Winnt, no Windows 2000) já existe, pressione a tecla L
para removê-la e criar uma nova. Siga a série de prompts. Quando o programa de instalação pedir
seu nome, digite temp.
Depois que a instalação estiver pronta, seu sistema vai reiniciar o Windows. Entre como usuário
Temp. Está difícil de ler? Reinstale o driver da placa de vídeo.
Se você estiver reinstalando o Windows XP, vá direto às instruções contidas na área Para Windows
XP e 2000. Se você estiver reinstalando o Windows 2000, faça o logoff como Temp e o logon como
Administrador. Agora faça logoff/logon novamente, desta vez como Temp. Abra o Windows Explorer
e vá a C:\Documents and Settings. Uma das subpastas será nomeada Administrador. Outra será
nomeada como Administrador.nome do computador ou algo parecido.
Selecione Iniciar/Programas/Acessórios/ Prompt de Comando. Digite cd “\documents and settings” e
dê Enter. Depois digite xcopy administrador\*.* administrador.nome do computador /s /h /r /c,
substituindo nome do computador pela última parte do nome daquela pasta, depois da palavra
Administrador, situada em Documents and Settings.
Agora pressione Enter e, quando for questionado sobre como gravar sobre arquivos ou pastas,
pressione A para Todos.
Se você tiver outro usuário na instalação antiga além de Administrador, prossiga para a seção Para
Windows XP e 2000 abaixo. Do contrário, abra o Windows Explorer e verifique se seus arquivos de
dados estão no lugar onde devem. Depois, vá ao applet Usuários e Senhas do Painel de Controle e
apague usuário Temp antes de pular para Fase final.
Para Windows XP e 2000
Reabra o Windows Explorer. Selecione a unidade C:. Talvez seja necessário clicar em Mostrar o
Conteúdo Desta Pasta. Clique com o botão direito do mouse no painel direito e selecione
Novo/Pasta. Nomeie a nova pasta como velharia ou outro nome qualquer. No painel esquerdo,
escolha a pasta Documents and Settings. Ela deve ter subpastas para cada usuário da instalação
anterior, mais uma para Temp e outras. Mova as pastas com os nomes de usuários anteriores para
a pasta criada.
Selecione Iniciar/Painel de Controle/Contas de Usuário (Iniciar/Configurações/Painel de
Controle/Usuários e Senhas no Windows 2000). Crie uma conta para cada usuário que foi registrado
antes da reinstalação.
Certifique-se de usar os nomes exatos. São os mesmos nomes das pastas que acabou de mover
para a pasta velharia. No Windows XP, pelo menos um usuário precisa ter os privilégios de
administrador.
Faça o logoff/logon para cada usuário antes de fazer o logon novamente como Temp. Certifique-se
de selecionar Logoff e não a opção Trocar Usuário na caixa de diálogo Logoff do Windows XP (esse
procedimento não é problema no 2000).
Faça o logon como Temp, selecione Iniciar/Programas/Acessórios/Prompt de Comando (no XP,
Iniciar/Todos os Programas/Acessórios/Prompt de Comando), digite xcopy c:\velharia\*.*
“c:\documents and settings” /s /h /r /c e tecle Enter. Pressione A quando for questionado se quer
gravar sobre um arquivo.
Faça o logoff de Temp e o logon para cada conta restaurada, a fim de garantir que os documentos e
dados de todos estejam nos lugares certos. Faça o logon como administrador e execute o applet
Contas do Usuário do Painel de Controle novamente para remover o usuário Temp.
Fase final
Concluídas todas essas etapas, o Windows deve estar rodando, mas não deve ir muito além disso.
Muito possivelmente, você terá de reinstalar impressora, placa de som e outros periféricos. Se um
driver para o dispositivo veio no CD do Windows ou no CD de restauração do fabricante, é provável
que tenha sido reinstalado automaticamente.
Você terá de reinstalar também seus aplicativos para reapresentá-los ao sistema operacional.
Algumas configurações não serão alteradas pela reinstalação, mas as que estavam armazenadas no
Registro desapareceram.
Quando a conexão de Internet estiver funcionando de novo, vá a Windows Update e baixe todos as
atualizações vitais para sua versão. Depois, visite os sites dos fabricantes dos equipamentos que
você possui para atualizar os drivers.
Após a reinstalação, alguns dos seus dados podem não aparecer onde deveriam. Procure-os nas
pastas velharia (ou outro nome que você escolheu), Application Data ou Dados do Aplicativo e veja
se pode movê-los para a pasta na qual o Windows ou seus aplicativos esperam encontrá-los. Se
você encontrar uma pasta chamada Identidades (Identities) com duas subpastas de nomes longos e
indecifráveis, experimente mover o conteúdo de uma para a outra e veja se seus dados reaparecem.
Provavelmente, você adivinhou que o passo final é apagar a pasta c:\velharia — e a pasta
Administrador, no 2000. Espere alguns dias, semanas ou meses até ter certeza de que todos os
arquivos estão acessíveis.
MENSAGENS DE ERRO DO WINDOWS XP
Aqui tem um site, de Portugal, bem completo sobre as mensagens de erro do Xp
Mensagens de erro do Xp
Artigos com instruções passo a passo - Mensagens de erro
Resolução de problemas - Mensagens de erro
***Recovery Console (Console de Recuperação)***
Com a ferramenta de linha de comando Recovery Console, você pode ativar e desativar serviços,
formatar unidades, ler e gravar dados em uma unidade local (incluindo unidades formatadas com
NFTS) e executar várias outras tarefas administrativas. O Recovery Console será especialmente útil
caso você precise reparar o sistema copiando um arquivo de um disquete ou de um Cd-Rom para a
unidade de disco rígido ou caso precise configurar um serviço que está impedindo que o computador
inicie corretamente. Por padrão o Recovery Console não é instalado no Windows XP Professional.
Você pode iniciar o Recovery Console de duas formas:
Executando o Recovery Console a partir do CD de instalação do Windows XP Professional.
Como alternativa, você pode instalar o Recovery Console digitando winnt32 /cmdcons no Run
(Executar), para carregá-lo sem o CD de instalação do Windows XP Professional. Depois, você pode
selecionar a opção Recovery Console na lista de sistemas operacionais disponíveis na inicialização.
Após iniciar o Recovery Console, você terá que escolher em que instalação deseja fazer logon (se
você possui um sistema de inicialização dupla ou várias inicializações) e terá que fazer logon com a
senha do Administrator (Administrador).
Esse console fornece comandos que podem ser usados para executar operações simples, como
exibir uma pasta ou alternar para outra pasta, e operações mais complexas, como corrigir o setor de
inicialização. Você pode acessar a Ajuda referente aos comandos no Recovery Console digitando
help no seu prompt de comando.
O termo console o induz que interface do usuário seja do tipo GUI, porém você irá se deparar com
uma interface simples de linha de comando. Embora pareça um prompt de comando comum, o
Recovery Console não é um prompt de comando que se pode abrir no menu Acessórios. Ele aceita
somente alguns comandos e apenas localmente – não podendo ser executado pela rede. Os
comandos são específicos dessa interface e executam um conjunto limitado de funções.
As opções de curingas no comando de cópia não funcionam no console, você só pode copiar
arquivos de mídia removível para a partição do sistema (mas não o contrário – você não pode utilizar
o console, para fazer backup de arquivos para outra mídia) e, embora seja possível mover para
outras unidades lógicas no disco rígido, você não pode ler arquivos em uma partição diferente do
sistema. Caso você tente executar, receberá uma mensagem de Acesso Negado.
Para acessar o Recovery Console efetue boot com o CD de instalação do Windows XP Professional,
e siga as etapas abaixo:
1. Inicie o computador com o CD de instalação do Windows XP Professional e siga as instruções na
tela.
2. Na tela Welcome to Setup, selecione R para reparar uma instalação do Windows XP Professional
existente.
3. A próxima tela mostra todos os sistemas operacionais instalados, selecione a instalação do
sistema operacional que você deseja recuperar.
4. Digite a senha do Administrator (Administrador) e pressione Enter.
5. Uma tela de prompt de comando será exibida, no prompt da pasta de instalação do Windows XP
Professional.
Nessa tela você pode usar todos os comandos relacionados na tabela abaixo, para reparar uma
instalação do Windows XP Professional.
Veja abaixo os comandos que você pode usar com o Recovery Console:
Attrib - Altera os atributos de um arquivo ou pasta.
Batch - Executa os comandos especificados no arquivo de texto.
Bootcfg - Configuração e recuperação do arquivo de inicialização (boot.ini).
ChDir (Cd) - Exibe ou altera o nome da pasta atual.
Chkdsk - Verifica um disco e exibe um relatório de status.
Cls - Limpa a tela.
Copy - Copia um único arquivo para outro local.
Delete (Del) - Exclui um ou mais arquivos.
Dir - Exibe uma lista de arquivos e subpastas em uma pasta.
Disable - Desativa um driver de dispositivo ou serviço de sistema.
Diskpart - Gerencia partições nos discos rígidos.
Enable - Inicia ou ativa um driver de dispositivo ou serviço de sistema.
Exit - Sai do Console de recuperação e reinicia o computador.
Expand - Extrai um arquivo de um arquivo compactado.
Fixboot - Grava um novo setor de inicialização de partição na partição especificada.
Fixmbr - Repara o registro de inicialização mestre do disco especificado.
Format - Formata um disco.
Help - Exibe uma lista de comandos que você pode usar no Console de recuperação.
Listsvc - Lista os serviços e drivers disponíveis no computador.
Logon - Faz logon em uma instalação do Windows.
Map - Exibe os mapeamentos da letra de unidade.
Mkdir (Md) - Cria uma pasta.
More - Exibe um arquivo de texto.
Net use - Conecta um compartilhamento de rede a uma letra de unidade.
Rename (Ren) - Renomeia um único arquivo.
Rmdir (Rd) - Exclui uma pasta.
Set - Exibe e define variáveis de ambiente.
Systemroot - Define a pasta atual como a pasta systemroot do sistema ao qual você está conectado
no momento.
Type - Exibe um arquivo de texto.
MAIS DICAS
01 - Desative o suporte do Windows XP a arquivos .zip:
O Windows XP veio com uma novidade interessante a muita gente: o suporte nativo a arquivos com extensão .zip. Não é
necessário usar nenhum programa adicional para abrir arquivos neste formato no XP. No entanto, se você deseja desativar
esse recurso, proceda da seguinte maneira: Vá em Iniciar / Executar e digite regsvr32 /u %windir%\system32\zipfldr.dll.
Na próxima inicialização, o suporte a arquivos .zip não existirá mais. Para habilitar novamente este recurso, vá em
Executar e digite regsvr32 %windir%\system32\zipfldr.dll.
02 - Atalhos rápidos para itens do desktop:
Clique com o botão direito do mouse sobre a barra de tarefas do Windows (a
barra onde fica o botão Iniciar). Em seguida, selecione a opção Barra de
Ferramentas e clique no item Área de trabalho. Ao lado do relógio do
Windows, aparecerá um botão chamado Desktop. Na seta desde botão, há
atalhos para todos os itens que estão na Área de trabalho do Windows. Um
recurso interessante para quem trabalha com muitas janelas abertas.
03 - Informações do sistema num arquivo txt:
É possível obter informações do sistema através de um arquivo txt. Para isso, vá em Iniciar / Programas / Acessórios /
Prompt de comando ou simplesmente vá em Iniciar / Executar e digite cmd. Na tela que aparecer, digite systeminfo >
infowester.txt. Agora vá na pasta onde o arquivo foi salvo (essa informação aparece antes do campo onde você pode
digitar no prompt) e abrá-o. O arquivo contém várias informações sobre o sistema e sobre o computador. Ao executar o
comando, o arquivo txt pode ter o nome que você quiser.
04 - Convertendo partições FAT32 em NTFS sem perder dados:
Você pode ter comprado seu computador com o Windows XP já instalado. Se ele estiver usando uma partição em FAT32 e
você quiser converter para NTFS, faça o seguinte: vá em Iniciar / Programas / Acessórios / Prompt de comando ou
simplesmente vá em Iniciar / Executar e digite cmd. Em seguida, digite convert c: /fs:ntfs. A letra c pode ser mudada para
a partição desejada. A partir deste comando, o sistema começará o processo de conversão. Esteja ciente que após isso,
não será mais possível voltar ao sistema de arquivos FAT32. Esta dica não é muito recomendada se o Windows já possui
vários arquivos e programas instalados, uma vez que a conversão pode trazer perda de desempenho. Essa dica também
funciona no Windows 2000.
01 - Desinstalando o Windows Messenger (e outros programas):
Alguns programas que acompanham o Windows XP não possuem nenhuma
forma acessível de remoção, mas isso é possível. Um desses softwares é o
Windows Messenger. Para desinstalá-lo, abra o Bloco de Notas (Notepad) e
por ele acesse o arquivo sysoc.inf, presente em C:\Windows\inf. Na seção
Components, remova somente a palavra hide do componente que você
deseja desinstalar. Em nosso exemplo, a remoção é do software Windows
Messenger e sua linha no arquivo sycoc.inf msmsgs=msgrocm.dll,OcEntry,msmsgs.inf,hide,7 - ficará assim: msmsgs=msgrocm.dll,OcEntry,msmsgs.inf,,7. Após isso,
salve o arquivo e os componentes escolhidos agora poderão ser desinstalados normalmente pelo Painel de Controle /
Adicionar/Remover Programas. Vale dizer que a primeira palavra em cada linha indica o programa (Pinball, MSWordPad,
etc) e para cada uma delas é necessário remover a palavra hide para que o aplicativo em questão possa ser removido do
Windows XP. Antes de executar o procedimento, faça uma cópia do arquivo sysoc.inf, por precaução. Essa mesma dica
também funciona no Windows 2000.
02 - Mude a pasta Meus Documentos de lugar
O diretório Meus Documentos fica localizado em C:\Documents and Settings\usuario\Meus Documentos por padrão (neste
caminho, "usuario" é o nome do login usado no computador). No entanto, é possível colocar essa pasta em outro local.
Para isso, clique sobre a pasta Meu Documentos com o botão direito do mouse e escolha a opção Propriedades. Clique em
Destino e na caixa de nome Local da pasta de destino, escolha o novo diretório.
03 - Exclua as pastas especiais dentro de Meus Documentos:
No diretório Meus Documentos, existem pastas que muitos não usam, como Minhas Músicas e Minhas Figuras. Se você
apagá-las, o Windows as recria. Para eliminar definitivamente esses diretórios, vá em Iniciar / Executar e digite regsvr32
/u mydocs.dll. Para fazer com que essas pastas apareçam novamente, em Executar, digite o comando regsvr32 mydocs.dll
e reinicie o computador.
04 - Fazendo backup do WPA, para evitar a reativação:
Se você tiver o Window XP já ativado e funcionando corretamente em seu computador, pode ser que necessite reinstalá-lo
por algum motivo nesta mesma máquina. Neste caso, você terá que reativá-lo novamente para que o sistema funcione.
Para evitar isso, antes da reinstalação, faça um backup (cópia) do arquivo WPA.DBL que está no diretório
C:\Windows\System32. Após a reinstalação do Windows XP, coloque o arquivo neste mesmo diretório e ação está
terminada. Vale dizer que o arquivo WPA.DBL é onde o sistema armazena as informações sobre o hardware instalado no
computador.
05 - Desabilite os balões de aviso do Windows XP:
Se você deseja desabilitar aqueles "balões de aviso" que aparecem sempre que o Windows executa alguma função
específica, faça o seguinte: vá em Iniciar / Executar, digite regedit e vá na chave HKEY_CURRENT_USER / Software /
Microsoft / Windows / CurrentVersion / Explorer / Advanced. Clique no menu Editar, vá em Novo / Valor DWORD, digite
EnableBalloonTips e pressione Enter em seu teclado. Se já houver essa variável ali, altere o seu valor para 0 (zero).
Reinicie o computador e os balões não serão mais exibidos pelo sistema.
06 - Como instalar o teclado ABNT2 no Windows XP:
No Windows XP a configuração do idioma e do tipo de teclado não é feita através do ícone de teclado. Para fazer isso, vá
ao Painel de Controle / Opções regionais e de idioma / Idiomas / Detalhes / Adicionar, escolha Português (Brasil) e
Português (Brasil - ABNT2) nas opções e clique em OK.
07 - Entrando diretamente no Windows:
Caso somente você esteja usando o computador e, por isso, o login não é necessário, você pode desabilitá-lo. Para isso, vá
em Iniciar / Executar, digite control userpasswords2 e clique em OK. Na guia Usuários, desative o item Os usuários devem
entrar com um nome e senha para usar este computador e clique em Aplicar. Quando o sistema pedir um nome de usuário
e uma senha, informe o usuário padrão e digite uma senha (não deixe este campo em branco!). Após isso, pressione OK,
vá em Iniciar / Configurações Painel de Controle / Contas de Usuário, clique em Alterar o modo como usuários fazem logon
ou logoff e desative os itens Use a tela de boas-vindas e Use a Troca Rápida de Usuário. Com isso, o Windows carregará
mais rápido e não será necessário passar pela tela de login.
Uma alternativa, é instalar a ferramenta Tweak UI da Microsoft (ver o item 10 desta página) e ir em Logon / Autologon,
habilitar a caixa Log on automatically at system startup, escolher um usuário e em Set Password informar uma senha.
08 - Recarrege o Explorer:
Algumas vezes, o executável explorer.exe (que entre outras coisas, mantém a estrutura de janelas e a Barra de Tarefas
funcionando) trava e a Barra de Tarefas (a barra onde se encontra o botão Iniciar) pára de responder ou some.
Dependendo do caso, o próprio Windows executa novamente o explorer.exe e este reativa suas funcionalidades. Quando
isso não ocorre, existe uma solução fácil e que evita a necessidade de efetuar logoff ou de reiniciar: simplesmente
pressione Ctrl mais Alt mais Del em seu teclado, vá em Arquivo / Executar nova tarefa e digite explorer. O explorer.exe
será então habilitado novamente.
09 - Menu Iniciar mais rápido:
É possível fazer com que o Menu Iniciar do Windows XP exiba seus itens mais rapidamente. Para isso, acesse Iniciar /
Executar, digite regedit e vá em HKEY_CURRENT_USER / Control Panel / Desktop. Selecione MenuShowDelay na lista da
direita e clique com o botão direito do mouse em cima. Agora, escolha Modificar e mude o valor para 0 (zero). Após o
computador inicializar, o menu Iniciar estará mais rápido.
10 - Faça alterações no Windows XP através do Tweak UI
O Tweak UI faz parte dos programas chamados "Powertoys". Trata-se de um aplicativo desenvolvido pela Microsoft que
permite uma série de ajustes no Windows XP. É possível, por exemplo, configurar os recursos do mouse, alterar ícones e
caixas de diálogo, habilitar o logon automático, mudar as opções do Painel de Controle e do menu Iniciar, entre outros. Por
sua variedade de opções, o Tweak UI deve ser usado com cuidado para evitar danos. Seu download pode ser feito aqui.
Para saber mais sobre os Powertoys para Windows XP, clique aqui.
Veja mais em 10 dicas para o Windows XP - Parte 2.
01 - Desative o suporte do Windows XP a arquivos .zip:
O Windows XP veio com uma novidade interessante a muita gente: o suporte nativo a arquivos com extensão .zip. Não é
necessário usar nenhum programa adicional para abrir arquivos neste formato no XP. No entanto, se você deseja desativar
esse recurso, proceda da seguinte maneira: Vá em Iniciar / Executar e digite regsvr32 /u %windir%\system32\zipfldr.dll.
Na próxima inicialização, o suporte a arquivos .zip não existirá mais. Para habilitar novamente este recurso, vá em
Executar e digite regsvr32 %windir%\system32\zipfldr.dll.
02 - Atalhos rápidos para itens do desktop:
Clique com o botão direito do mouse sobre a barra de tarefas do Windows (a
barra onde fica o botão Iniciar). Em seguida, selecione a opção Barra de
Ferramentas e clique no item Área de trabalho. Ao lado do relógio do
Windows, aparecerá um botão chamado Desktop. Na seta desde botão, há
atalhos para todos os itens que estão na Área de trabalho do Windows. Um
recurso interessante para quem trabalha com muitas janelas abertas.
03 - Informações do sistema num arquivo txt:
É possível obter informações do sistema através de um arquivo txt. Para isso, vá em Iniciar / Programas / Acessórios /
Prompt de comando ou simplesmente vá em Iniciar / Executar e digite cmd. Na tela que aparecer, digite systeminfo >
infowester.txt. Agora vá na pasta onde o arquivo foi salvo (essa informação aparece antes do campo onde você pode
digitar no prompt) e abrá-o. O arquivo contém várias informações sobre o sistema e sobre o computador. Ao executar o
comando, o arquivo txt pode ter o nome que você quiser.
04 - Convertendo partições FAT32 em NTFS sem perder dados:
Você pode ter comprado seu computador com o Windows XP já instalado. Se ele estiver usando uma partição em FAT32 e
você quiser converter para NTFS, faça o seguinte: vá em Iniciar / Programas / Acessórios / Prompt de comando ou
simplesmente vá em Iniciar / Executar e digite cmd. Em seguida, digite convert c: /fs:ntfs. A letra c pode ser mudada para
a partição desejada. A partir deste comando, o sistema começará o processo de conversão. Esteja ciente que após isso,
não será mais possível voltar ao sistema de arquivos FAT32. Esta dica não é muito recomendada se o Windows já possui
vários arquivos e programas instalados, uma vez que a conversão pode trazer perda de desempenho. Essa dica também
funciona no Windows 2000.
05 - Teclado virtual:
No meio da noite, você está usando seu computador para finalizar um trabalho importante e no nervosismo, derruba café
no teclado. Certamente algumas teclas ou até o teclado parará de funcionar. Mas você ainda pode conseguir finalizar seu
trabalho. Com o mouse, vá em Iniciar / Programas / Acessórios / Acessibilidade / Teclado Virtual. Uma imagem de um
teclado aparecerá na tela e você poderá clicar com o mouse nas teclas. O problema é a lentidão que você terá para
escrever, além do fato de alguns acentos não estarem disponíveis.
06 - Diminua o tamanho do cache no Internet Explorer:
Você pode diminuir o tamanho do cache do Internet Explorer (em todas as versões do Windows). Para isso, vá em Iniciar /
Painel de Controle / Opções de Internet / Geral / Configurações e em Espaço em disco a ser usado, indique o tamanho que
quiser.
07 - Destrave a impressora:
Algo que acontece com freqüência no Windows XP é a impressão parar e você não conseguir cancelá-la. Um jeito para lidar
com isso sem reiniciar o computador é ir em Iniciar / Painel de Controle / Ferramentas Administrativas / Serviços. Procure
por Spooler de Impressão, clique com o botão direito do mouse sobre ele e escolha Parar. Agora, vá em Iniciar /
Configurações / Impressoras e escolha impressora em questão. em Exibir, clique em Atualizar. Se a linha da impressão
ainda estiver presente, simplesmente basta cancelá-la.
08 - Abrir a pasta All Users do menu Iniciar:
No Windows 2000 e XP, é possível a cada usuário ter um menu Iniciar personalizado. No entanto, há alguns itens que
existem no menu Iniciar de todos. Para tirar ou acrescentar um item, vá em Iniciar e clique com o botão direito do mouse
sobre Programas. Escolha Abrir a pasta All Users e faça as alterações que quiser.
09 - Mude as letras das unidades de disco:
Você pode mudar as letras das unidades de disco do seu computador. Para isso, vá em Iniciar / Painel de Controle /
Ferramentas Administrativas / Gerenciamento do Computador. À esquerda, escolha o item Gerenciamento de disco. Na
coluna que aparecer à direita, selecione a unidade de disco desejada, clique com o botão direito do mouse sobre ela e
escolha a opção Alterar a letra da unidade de disco. Agora você pode escolher a letra que achar mais conveniente.
10 - Usando o Visualizador da Área de Transferência:
O Visualizador da Área de Transferência não existe mais no menu Iniciar do Windows XP, mas ele ainda está disponível no
sistema (com o nome de Visualizador da Área de Armazenamento). Para usá-lo, vá em em C:\Windows\System32 e crie
um atalho para o programa clipbrd.exe na Área de Trabalho do Windows.
Escrito por Emerson Alecrim - Publicado em 15/02/2004 - Atualizado em 07/01/2005
MAIS DICAS
Microsoft Virtual Machine
Devido a um processo movido pela SUN, o XP não trás suporte para sites que contenham Java, entretanto
este problema é solucionado instalando o Microsoft Virtual Machine. Faça download do arquivo
MSJAVx86.exe e instale o suporte.
Baixe o JAVA em: http://www.portalchapeco.com.br/~jackson/xp/java.exe
Opções Visuais.
O WinXP é bonito, traz inovações visuais interessantes. Mas isto consome recursos do micro,
principalmente se sua placa de vídeo não é muito robusta.
Desabilitar estas opções deixará seu equipamento mais veloz, independente da configuração (claro que
isso pode ser mais ou menos perceptível de acordo com a robustez do equipamento).
Para fazer as alterações, vá ao Painel de Controle > Sistema > Avançado > Desempenho >
Configurações. Em Efeitos visuais, desabilite os efeitos indesejados (se preferir desabilitar todos, basta
selecionar “Ajustar para o melhor desempenho”).
Uma opção normalmente desnecessária que também consome recursos é o “Desktop offline”. Este recurso
permite que outras pessoas através da rede ou Internet possam ver seu Desktop (Área de Trabalho). Para
desativá-lo, siga os seguintes passos:
Painel de Controle > Vídeo > Área de Trabalho > Personalizar Área de Trabalho > Web > Propriedades >
em Documentos da Web, desabilite a caixa “Tornar esta página disponível offline”.
Ainda nas propriedades de vídeo, lá na aba Geral, pode-se desativar o Assistente para Limpeza da Área
de Trabalho (Painel de Controle > Vídeo > Área de Trabalho > Personalizar Área de Trabalho > Geral >
desabilitar “Executar o assistente para limpeza a cada 60 dias”). Este recurso varre e remove da área de
trabalho ícones de programas que já não existem ou foram modificados. Como fica residente, também
consome recursos – a limpeza pode ser feita manualmente.
Desabilitando serviços desnecessários.
O WinXP, por padrão, mantém ativos uma série de serviços que são desnecessários para a maioria dos
usuários. Para desativá-los/configurá-los, vá em Painel de Controle > Ferramentas Administrativas >
Serviços. É preciso, no entanto, saber o que se está fazendo, já que desabilitar serviços realmente
necessários para o sistema fará com que seu Windows possa ficar mais lento ou que algumas coisas
deixem de funcionar (como Internet, por exemplo).
Uma dica é colocar todos os serviços para manual e reiniciar o micro. Depois é só conferir os serviços
iniciados e configurá-los para automático. Pode acontecer de que serviços necessários não sejam
iniciados. Melhor é saber o que faz cada um destes serviços. Veja abaixo alguns deles, os outros, cuja
funcionabilidade não é muito clara é melhor deixar em automático.
Deve ficar em AUTOMÁTICO:
- Alerta (emite alertas administrativos)
- Alocador Remote Procedure Call (RPC)
- Sistema de eventos COM+
Já devem estar em Automático:
- Armazenamento protegido (favorece a segurança do computador)
- Áudio do Windows (possibilita a ativação de dispositivos de áudio.)
- Chamada de procedimento remoto (RPC)
- Cliente da Web (necessário para algumas situações, como o Windows Update)
- Cliente de rastreamento de link distribuído
- Detecção do hardware do Shell
- Estação de trabalho (gerencia conexões com servidores remotos)
- Gerenciador de contas de segurança (Responsável por armazenar senhas locais)
- Gerenciador de discos lógicos (Gerencia unidades de disco rígido)
- Localizador de computadores (somente se houver uma rede operando)
- Log de eventos
- Logon secundário
- Notificação de eventos de sistema
- Plug and Play
- Serviço de restauração do sistema (se não usa ou não sabe o que é, pode deixar em Manual)
- Serviços de criptografia
- Serviços IPSEC
- Spooler de impressão
- Testador de instrumentação de gerenciam. do Windows
Podem ficar DESABILITADOS:
- Ajuda do cartão inteligente (Ajuda para dispositivos Smart Cards)
- Cartão inteligente (ativa dispositivos de Smart Card)
- Compartilhamento remoto da área de trabalho do NetMeeting
- Configuração zero sem fio (necessário para dispositivos 802.11)
- Gerenciador de conexão de acesso remoto automático
- Gerenciador de sessão de ajuda de área de trabalho remota
- Horário do Windows (Mantém data e hora em sincronia com servidores de rede)
- IMAPI CD-Burning COM Service (Ativa o recurso de gravação de CDs embutido do Windows XP) – Se vc
grava CDs usando apenas os recursos do Windows XP, deixe em Manual (padrão)
- Número de série de mídia portátil
- Registro Remoto (por questão de segurança – permite que usuários remotos alterem o Registro do seu
Windows)
- Sistema de alimentação ininterrupta (Gerencia No-Breaks) (Se você usa um no-break, deixe em
Automático)
- Telnet (por questão de segurança)
- Temas
Já devem estar Desabilitados
- Acesso a dispositivo de interface humana (usado para dispositivos especiais de entrada)
- Roteamento e acesso remoto
Podem ficar em MANUAL:
- Agendador de tarefas (Agenda tarefas para serem executadas em data e hora pré-determinadas)
- Ajuda e suporte (Ativa assistentes e ajuda avançada)
- Atualizações automáticas (faz o download automaticamente de atualizações do Windows)
- Carregar Gerenciador (gerencia transferências de arquivos entre computadores da rede.)
- Erro ao informar o serviço (Informa erros de serviços e aplicativos de terceiros)
- Gerenciador de conexão de acesso remoto
- Mensageiro (Serviço de mensagens entre computadores da rede. NÃO É o Windows Messenger)
- Número de série de mídia portátil
- Servidor
Já devem estar em Manual:
- Adaptador de desempenho WMI
- Aplicativo de sistema COM+
- Área de armazenamento (Compartilha informações com computadores remotos)
- Armazenamento removível (Dispositivos de armazenamento removíveis, como Zip Drives)
- Assistente de aquisição de imagens do Windows (WIA)
- Conexões de rede (gerencia conexões de rede)
- Coordenador de transações distribuídas (Coordena gerenciadores de recursos)
- Cópia de volume em memória
- DDE de rede (Habilita o Dynamic Data Storage)
- DSDM de DDE de rede (Gerencia compartilhamentos de rede DDE)
- Extensões de driver de instrum. gerenc. do Windows (Gerenciamento de drivers)
- Firewall de conexão com a Internet (FCI) / Compartilhamento de conexão com a Internet (CCI)
- Fornecedor de suporte de segurança NT LM
- Gerenciamento de aplicativo
- Host de dispositivo Plug and Play universal
- Logon de rede
- Logs e alertas de desempenho
- MS Software Shadow Copy Provider
- QoS RSVP (Habilita services compatíveis com o QoS)
- Reconhecimento de local da rede (NLA)
- Serviço administrativo do gerenciador de disco lógico
- Serviço de descoberta SSDP
- Serviço de indexação
- Serviço de transferência inteligente de plano de fundo
- Serviço 'Gateway de camada de aplicativo'
- Serviços de terminal
- Telefonia
- Windows Installer
Você pode consultar a ajuda do Windows para obter mais detalhes sobre a função de cada serviço
Habilitando o modo UDMA/66 e superior.
Painel de Controle > Sistema > Gerenciador de Dispositivos > Controladores IDE/ATAPI > Canal IDE
Primário (e secundário também, se for o caso) > Configurações Avançadas > Em Modo de Transferência,
selecionar “DMA se disponível”.
Habilitar Logon automático
Caso o seu micro não faça parte de uma rede e você seja o único usuário, você pode alterar a maneira
como ele é ligado e desligado, deixando estas operações mais ágeis. Siga as etapas:
Vá em Iniciar > Executar e digite "control userpasswords2" (sem aspas) e clique em OK. Na aba
Usuários, desabilite a opção “Usuários devem entrar um nome e senha para usar este computador” e
clique em Aplicar. Surgirá uma caixa de diálogo solicitando nome de usuário e senha. Selecione o nome
do usuário padrão e coloque uma senha (atenção: não é recomendável deixar esta senha em branco),
clique em OK.
Vá em Painel de Controle > Contas de Usuário e clique em “Alterar o modo como usuários fazem logon ou
logoff” e desabilite as opções “Use a tela de boas-vindas” e “Use a Troca Rápida de Usuário”.
Programas na inicialização
Alguns programas são iniciados junto com o sistema, porem raramente são necessários a todo minuto.
Estes podem ser retirados da inicialização da seguinte maneira: Clique em Iniciar >> Executar, digite
MSCONFIG e clique OK. Na aba Iniciar, desabilite os programas que não quer que iniciem junto com o
Windows.
Explore outras máquinas da rede mais rapidamente.
Com uma alteração no registro do XP ele pode fazer a procura por outros computadores da rede mais
rápida. O XP verifica nos computadores da rede por tarefas agendadas em comum entre elas e desabilitar
este recurso faz com que a procura fique mais rápida
Clique em Iniciar >> Executar, digite REGEDIT, pressione OK.
Abra a pasta HKEY_LOCAL_MACHINE/Software/Microsoft/Windows/Current
Version/Explorer/RemoteComputer/NameSpace e procure pela chave {D6277990-4C6A-11CF-8 D8700AA0060F5BF}.
Apague-a e pronto. A visualização/navegação por outras estações da rede ficará mais rápida.
Gerencie melhor o arquivo de troca (memória virtual).
Deixar que o Windows gerencie a memória virtual ainda é a melhor opção, porem se seu computador tiver
mais de 512Mb normalmente não precisam usar a memória virtual, que acaba ocasionando perda de
desempenho. Você pode desativá-la em Painel de Controle >> Sistema >> Avançado >> Desempenho
>> Avançado >> Memória Virtual >> Alterar. Selecione “sem arquivo de troca”, clique em Definir e OK.
Na maioria dos casos ele é necessário e pode ser definida como 50% a mais do que a memória RAM
instalada. Por exemplo, se você tem 128 MB de RAM, a memória virtual pode ser definida como 192MB (
128 + 50%). Defina este valor para o tamanho inicial e final para que o arquivo de troca seja fixo,
prevenindo perdas de desempenho e fragmentação.
Boot mais rápido.
A Microsoft liberou uma ferramenta que promete tornar o boot e retorno dos modos “Suspender” e
“Hibernar” mais rápido. Trata-se do Bootvis, que pode ser baixado diretamente clicando aqui Download
(325 Kb), basta ir em Trace > Optimize System que ele fará o resto.
Desligamento lento com drivers Detonator 21.83 da Nvidia.
Uma incompatibilidade em drivers das placas de vídeo com chip da Nvidia e que usam esta versão de
drivers causam uma lentidão no desligamento do XP. O problema já foi corrigido na versão 23.11 e o
download pode ser feito em http://www.nvidia.com
O problema pode ser contornado também da seguinte maneira:
Vá no Painel de Controle >> Ferramentas Administrativas >> Serviços e altere o NVidia Driver Helper
para “manual” ou “desabilitado”.
Desabilite a reprodução automática para CD's
Clique em iniciar > Executar e digite GPEDIT.MSC. Vá em Configuração do Computador >> Modelos
Administrativos >> Sistema. Dê um duplo-clique sobre “Desabilitar reprodução automática”. Selecione
Ativar.
Libere 20% de sua banda de rede/Internet.
Um recurso do XP chamado Agendador de pacotes OoS reserva 20% da banda disponível de rede e
internet para uso próprio. Desabilite-o da seguinte maneira:
( é necessário estar logado como administrador)
Clique em Iniciar > Executar, digite GPEDIT.MSC e pressione OK.
Em Configuração do computador > Modelos Administrativos > Rede. Selecione, na janela esquerda,
“Agendador de pacotes QoS”. Na janela da direita, dê duplo-clique na em “Limite de reserva de banda”.
Na aba Configuração, selecione Ativado. Na linha “Limitar % da banda”, digite 0 (zero). Clique em Aplicar,
OK. Vá nas configurações da rede (Painel de Controle > Conexões de Rede), clique com o botão direito na
conexão existente, selecione Propriedades. Na aba Geral, habilite o Agendador de Pacotes QoS (se já
estiver habilitado, deixe como está). Reinicie o computador.
Você deve fazer isto em todos os computadores da rede.
Carregue o Internet Explorer mais rapidamente.
Mesmo que você não defina uma página inicial, quando o IE é aberto ele carrega uma instrução chamada
About:blank. Desabilite esta instrução e deixe o seu carregamento mais rápido. Para tanto basta adicionar
o comando –nohome no atalho do IE.
Clique com o botão direito no atalho do IE, vá em Propriedades, e na linha Objeto, adicione (após as
aspas) o comando –nohome. Ficará algo assim: "C:\Arquivos de Programas\Internet
Explorer\IEXPLORE.EXE” -nohome Clique em OK e pronto!
Evitando lentidão e problemas.
Mantenha seu HD sempre desfragmentado e livre de erros. Após apagar grandes volumes de dados ou
antes de instalar algum programa, faça a desfragmentação da unidade. Adicione um atalho para o
desfragmentador no menu de contesto (menu que aparece ao clicar com o botão direito do mouse) da
seguinte maneira:
Abra o Bloco de notas e cole o seguinte texto:
; context_defrag.INF
; Adiciona o Desfragmentador ao menu de contexto no Windows XP
[version]
signature="$CHICAGO$"
[DefaultInstall]
AddReg=AddMe
[AddMe]
HKCR,"Drive\Shell\Desfragmentar\command",,,"DEFRAG.EXE %1"
Salve o texto com o nome DEFRAG.INF
Agora abra o Windows Explorer e localize este arquivo. Clique com o botão direito e selecione instalar.
Para usar basta clicar com o botão direito sobre a letra de uma unidade que aparecerá a opção
Desfragmentar.
Desabilite a Assistência Remota.
Este recurso permite que outras pessoas controlem seu micro remotamente
Para desabilitá-lo, vá em Painel de Controle > Sistema > Remoto e desabilite as opções “Permitir que este
computador envie convites de Assistência Remota” e “Permitir que usuários se conectem remotamente a
este computador”.
Depois vá em Iniciar > Executar, digite gpedit.msc e pressione OK. Vá em Configuração do Computador >
Modelos Administrativos > Sistema > Assistência Remota. Configure ambos os serviços para Desabilitado.
Desabilite Serviços de rede
A menos que você realmente o use, o Telnet abre as portas para uma invasão. Para desabilitá-lo, vá em
Painel de Controle > Ferramentas Administrativas > Serviços. Altere o serviço Telnet de “manual” para
“desabilitado”. Desative também os serviços “Compartilhamento remoto da área de trabalho do
NetMeeting” e “Registro Remoto”.
Desabilite a Notificação de Erros à Microsoft.
Toda vez que ocorre um erro ou travamento, o Windows lhe recomendará enviar informações à Microsoft.
Para evitar isto, vá nas propriedades de Sistema (Painel de Controle > Sistema), em Avançado >
Notificação de Erros, e selecione “Desabilitar a Notificação de Erros”.
Windows Messenger
Para impedir que este serviço inicie com o sistema, faça o seguinte
Clique em Iniciar > Executar > msconfig
Na aba Iniciar, desabilite o serviço “msmsgs” (Windows Messenger).
No entanto, inexplicavelmente em alguns casos ele volta. Então, apelamos para o método seguinte:
Na pasta Arquivos de Programas > Messenger e renomeie o arquivo msmsgs.exe para outro nome
qualquer (msmsgsbobo.old, por exemplo).
Você também pode:
Clicar em Iniciar > Executar > gpedit.msc
Na janela que abrirá, vá em Configuração do Computador > Modelos Administrativos > Componentes do
Windows > Windows Messenger. Clique duas vezes na opção “Não permitir que o Windows Messenger
inicie automaticamente”, e selecione “Ativado”.Se preferir, pode desativar de vez o Windows Messenger,
alterando a opção “Não permitir que o Windows Messenger seja executado” para “Ativado”. Isto impedirá
a utilização do WM por qualquer usuário do micro.
Remova a pasta “Documentos Compartilhados”
Este é um recurso inútil, principalmente se o micro não estiver em uma rede. Para eliminar os
Documentos compartilhados abra o editor de registro e procure pela seguinte chave:
HKEY_LOCAL_MACHINE \ SOFTWARE \ Microsoft \ Windows \ CurrentVersion \ Explorer \ My Computer \
NameSpace \ DelegateFolders
Apague a subchave {59031a47-3f72-44a7-8 9 c 5-559 5fe6b30ee}.
Problemas com o Pesquisar do Windows XP
Você pode não gostar do assistente de pesquisa e queira usar a procura clássica do Windows, então abra
o registro e vá até a chave:
[HKEY_CURRENT_USER\Software\Microsoft\Windows\CurrentVersion\
Explorer\CabinetState]
e coloque um string value nomeado como Use Search Asst = no
Criar MP3 com o Windows Media Player 8
Extrair musicas de CDs em formato MP3 pode ser possível se você fizer a seguinte alteração no registro:
Abra o REGEDIT e vá em
HKEY_LOCAL_MACHINE\SOFTWARE\Microsoft\MediaPlayer
Adicione as subchaves Settings\MP3Encoding.
Na janela da direita, acrescente os valores (DWORD) a seguir:
"LowRate"=dword:0000dac0
"MediumRate"=dword:0000fa00
"MediumHighRate"=dword:0001f400
"HighRate"=dword:0002ee00
Estes valores correspondem a codificações para 128, 192, 256 e 320Kbps, respectivamente.
Alterar as pastas padrão de sistema.
A pasta “Meus Documentos” fica em C:\Documents and Settings\usuario\Meus Documentos. Se quiser
alterar isto, bem como outras pastas, abra o Editor de Registro e procure pela chave:
HKEY_CURRENT_USER\Software\Microsoft\Windows\CurrentVersion\Explorer\Shell Folders.
Clique com o botão direito sobre o nome de cada pasta e selecione Modificar – basta agora indicar qual o
caminho completo e nome de pasta desejado.
Apague as pastas especiais de "Meus Documentos".
Se não gosta – ou não usa das pastas especiais dentro de “Meus Documentos” (por exemplo, “Minhas
Músicas”, “Minhas Figuras”, etc.), basta executar o comando:
regsvr32 /u mydocs.dll e, em seguida, apagar as pastas indesejadas. Para reverter a ação, execute o
comando regsvr32 mydocs.dll. As pastas serão recriadas na próxima inicialização do Windows.
Abra o Windows Explorer com “Meu Computador” expandido
Crie um novo atalho para o Windows Explorer, clique nele com o botão direito, selecione Propriedades. No
campo Objeto, coloque a seguinte linha, apagando antes a já existente:
%SystemRoot%\explorer.exe /e, /n, ,::{20D04FE0-3AEA-1069-A2D8-08002B30309D}""
Ativação após reinstalação do Windows XP.
Se seu XP já esta ativado e você precise formatar o HD não será necessário fazer nova ativação caso você
tome a seguinte providencia antes da formatação: Copie para um disquete o arquivo WPA.DBL que esta
na pasta \windows\system32
Após reinstalar o sistema novamente, copie este arquivo do disquete para a pasta original e o sistema
estará ativado.
Unidades de CD desaparecidas
Vários relatos dão contas de unidade de CD que somem do Windows Explorer. Dentre as causas possíveis
observou-se uma certa relação com os programas Nero, CloneCD, CDRWin e MusicMatch Jukebox. Há
uma certa incompatibilidade entre os drivers ATAPI da Adaptec que acompanha o XP e também o
Windows 2000 com os drivers instalados por terceiros. Veja três das soluções possíveis:
Se você tem alguns dos softers instalados, desinstale todos e reinicie o computador. Após comece
instalando o Nero sempre reiniciando o micro até descobrir qual deles é o causador dos sumiço dos ícones
dos CDs
Outra alternativa seria com a instalação do Nero e do CDRWin na mesma maquina. Copie o arquivo
WNASPI32.DLL da pasta do Nero para a pasta do CDRWin. Abra o CDRWin e configure seu drive ASPI
como sendo o arquivo copiado.
Uma outra opção envolve a alteração do registro do Windows. Com relação a incompatibilidade dos
drivers da ATAPI da adaptec, se estes forem alterados ou removidos pode causar o sumiço dos ícones.
Para solucionar isto, abra o editor de registro, localize e apague as dependências das seguintes chaves:
HKEY_LOCAL_MACHINE\SYSTEM\ControlSet001\Control\Class\{4D36E965-E325-11CE-BB FC108002BE10318}
HKEY_LOCAL_MACHINE\SYSTEM\ControlSet002\Control\Class\{4D36E965-E325-11CE-BB FC108002BE10318}
HKEY_LOCAL_MACHINE\SYSTEM\CurrentControlSet\Control\Class\{4D36E965-E325-11C E-BFC108002BE10318}
Não apague as chaves inteiras e faça um backup do registro antes das alterações.
Resolvendo alguns problemas comuns.
Windows reinicia o computador quando manda desligar
É muito provável que a função ACPI não esteja com habilitada no BIOS. ACPI é o que controla o
desligamento do computador. A solução seria acessar o BIOS e ativar o
Windows não desligando corretamente
Problema também ligado ao ACPI. Primeiro verifique em Propriedades de Vídeo >> Proteção de tela >>
energia do monitor e clique na opção Ativar suporte a gerenciamento avançado de energia (APM).
Também siga a Dica anterior e Ative o ACPI na BIOS
Executando programas do Clipper 5.x no Windows XP
A execução de programas em Clipper no XP é possível após algumas providencias.
Abra o arquivo System.ini e na seção [386ENH] inclua a seguinte linha:
PerVMFiles=150
Onde 150 é o número de arquivos abertos, altere se necessário.
Abra o arquivo CONFIG.NT que esta em c:\Windows\System32 e inclua a seguintes linhas:
files=200
buffers=30
No arquivo autoexec.nt (em c:\Windows\system32) inclua a linha:
Abra o arquivo AUTOEXEC.NT e inclua a seguinte linha:
set clipper=F200
Salve os arquivos e reinicie o micro.
Desktop offline
O Desktop offline pode ser desabilitado. Esse recurso também compromete o desempenho. Caminho:
Painel de Controle >> Vídeo >> Área de Trabalho >> Personalizar Área de Trabalho >> Web >>
Propriedades >>Documentos da Web, Desabilite a caixa “Tornar esta página disponível offline”.
Limpeza da área de trabalho
Eis outra opção que também consome recursos, para desabilitá-la o Caminho é: Painel de Controle >>
Vídeo >> Área de Trabalho >> Personalizar Área de Trabalho >> Geral >> Desabilitar “Executar o
assistente para limpeza a cada 60 dias”
Acelerar o Menu Iniciar
Como no Windows 98, você pode fazer com que os itens do menu Iniciar apareçam mais rápido. Para
tanto faça: Iniciar>>Executar>>digite regedit
Procure a chave HKEY_CURRENT_USER\Control Panel\Desktop
Ache o item MenuShowDelay na lista da direita, com dois cliques nele abrirá uma caixa, digite o valor de
100, o default do Windows é 400.
Habilite a desfragmentação do Boot
Esta desfragmentação nos arquivos de reinicialização do Windows vai tornar o boot um pouco mais
rápido. Para ver se ela esta ativada siga esses passos:
Iniciar>>Executar>> digite regedit
Procure a chave
HKEY_LOCAL_MACHINE\ SOFTWARE\MICROSOFT\Dfrg
clique em BootOptimizeFunction
Veja se na chave Enable tem um Y e na chave OptimizeComplete tem um YES, se tiver seu boot já está
mais rápido, se por acaso a chave não estiver como acima, de dois cliques na chave Enable e digite um Y
ao invés de um N.
Alterando a letra da Unidade
Você pode trocar as letras de suas unidades C, D, E e outras que possuir
Siga para:Iniciar >>Painel de Controle>>Ferramentas administrativas >>Gerenciamento do Computador,
ache na coluna da esquerda Gerenciamento de Disco, na coluna da direita, clique com o botão direito do
mouse sobre onde você quer alterar e escolha a opção Alterar letra da unidade e caminho.
Configurando o teclado
Procure o seguinte caminho: Iniciar>>Painel de Controle>> Opções Regionais e de idioma>> Idiomas>>
Detalhes>> Adicionar.
Se você usa o teclado ABNT2 (com o “ç” ao lado da tecla L), escolha Português (Brazil) e Português
(Brasil - ABNT2). Clique Ok. Caso o teclado não tenha o “ç”, escolha Português (Brazil) e Português
(Padrão). Há alguns teclados que devem ser configurados como Português (Portugal) ou Americano
Padrão, escolha Inglês (Estados Unidos) e Inglês (Estados Unidos - Internacional).
Backup de mensagens do Outlook Express
As mensagens do OE geralmente são armazenadas na pasta C:\Documents and Settings\”nome-douser”\Application Data\Microsoft\Outlook Express. Esta é sem dúvida uma pasta de difícil acesso, mas
você pode alterar este local, siga:
Abra o Outlook Express, clique em Ferramentas >>Opções >>Manutenção. Em seguida escolha a opção
Pasta de armazenamento. Na janela que se abrir você verá o local atual onde as mensagens estão
armazenadas. Clique em Alterar e escolha um novo local. Todas as suas mensagens, tanto as novas que
chegarem como as que já existem, serão transferidas para o novo local de armazenamento escolhido.
Obs: Caso precise restaurar o backup, copie de volta todos os arquivos *.dbx para o mesmo local de
armazenamento que estiver configurado no Outlook.
Descubra o seu IP
Para saber qual é seu IP basta digitar no Prompt de comando (Iniciar >>Acessórios >>Prompt de
comando): IPCONFIG /ALL
Portas abertas
Para ver se sua conexão esta deixando portas abertas basta digitar no prompt de comando: NETSTAT -A
Abra o Windows Explorer em C:\
Clique com o botão direito do mouse no atalho do Windows Explorer e clique em Propriedades. Depois na
Aba Atalho, altere o destino para:
Para fazer com que o Explorer abra no drive C:\ basta seguir os passos:
C:\WINDOWS\EXPLORER.EXE /n,/e,c:\
Teclado Virtual
Não substitui o teclado mas pode ajudar quando este estiver com problemas.
Para ativá-lo, clique em Iniciar>>Executar>> digite OSK.
Pesquisa com mais de uma extensão.
Você pode fazer pesquisa com mais de uma extensão, basta que separe-as por um ponto e virgula. Em
Pesquisar digite assim: *.BMP;*.JPG
Pontos de restauração do sistema.
Cada ponto de restauração do sistema criado ocupa um grande espaço no HD e esses pontos são criados
automaticamente pelo sistema. Caso você tenha problemas de espaço no HD você pode eliminar todos os
pontos, menos o mais recente.
Siga esses passos:
Iniciar >>Todos os Programas >>Acessórios >>Ferramentasdo Sistema >>Limpeza de Disco. Na caixa
que se abrir, escolha “Mais Opções”, em baixo prefira a opção “Restauração do Sistema” e após “Limpar”.
Seguindo essa instrução todos os pontos de restauração serão eliminados, restando somente o mais
recente.
Os balões Hint
Esses balões de fundo amarelo mais atrapalham do que ajuda. Para elimina-los faça:
Abra o editor do registro. Encontre a chave:
HKEY_CURRENT_USER\Software\Microsoft\Windows\Current Version\Explorer\Advanced.
Clique no menu Editar >> Novo >>Valor DWORD. Renomeie como "EnableBallonTips" e coloque o valor 0
(zero).
Desabilite a função hibernar
Desabilitando esta opção você libera uns 500MB de espaço no seu HD e alem do mais se você for se
ausentar por muito tempo, desligue o micro.
Clique com o botão direito no seu Desktop e escolha Propriedades clique na aba Proteção de Tela, depois
em Energia e após em Hibernar, desmarque a opção.
Problemas em deletar um arquivo.
Pode acontecer de querer (ou precisar) apagar um arquivo e o sistema impedir o acesso. Geralmente ao
reiniciar o micro este problema é resolvido, mas se continuar você pode fazer o seguinte:
Inicie o Prompt de comando e o Gerenciador de tarefas (digite CRTL+AL+DEL) e em Processos finalize o
Explorer.exe. Pelo Prompt vá ate´a pasta onde esta o arquivo a ser apagado (digite CD\”nome-da_pasta”
e ENTER) e delete o arquivo (DEL “nome_do_arquivo”). Após volte ao Gerenciador de tarefas e em
Aplicativos, clique em Nova tarefa e digite Explorer.
Cuidado que não será possível recupera o arquivo apagado.
Adicionar/Remover programas
Muitas vezes acontece de remover um determinado programa e ele continuar a aparecer na lista de
programas instalados. A solução é acessar o registro e eliminá-lo ali. Faça:
Abra o editor de registro e localize a chave:
HKEY_LOCAL_MACHINE\Software\Microsoft\Windows\Current Version\Uninstall
Todos os programas instalados estão aí. Basta apagar o desejado.
Elimine os Banners de propaganda do ICQ
Acesse a pasta onde esta instalado o ICQ (geralmente C:\Arquivos de programas\ICQ) e apague o
arquivo ICQHTTP.DLL e reinicie o programa, assim não mais aparecerão as propagandas em seu ICQ
+ COMANDOS
CHKDSK /R
SFC / SCANNOW
GPEDIT.MSC

Documentos relacionados