Talentos de Novo Hamburgo dão início ao Festival Nossa Música

Сomentários

Transcrição

Talentos de Novo Hamburgo dão início ao Festival Nossa Música
Secretaria Municipal de Cultura - Novo Hamburgo
Talentos de Novo Hamburgo dão início ao Festival Nossa Música
Cultura
Enviado por:
Postado em:31/10/2011 16:00:00
“São eventos como esse que possibilitam que bandas e demais artistas que estão começando
deixem a garagem e os estúdios para mostrarem a cara”. As palavras do vocalista Rafael Malenotti,
que tem mais de 20 anos de estrada com a banda Acústicos & Valvulados, definem um dos
principais objetivos do Festival Nossa Música pela Paz e Contra as Drogas de Novo Hamburgo. O
evento teve início no final de semana, dias 29 e 30 de outubro, com duas das quatro etapas
classificatórias. A realização é uma parceria da Prefeitura, por meio da Secretaria de Cultura
(SECULT), com a Fundação La Salle.
“São eventos como esse que possibilitam que bandas e demais artistas que estão começando
deixem a garagem e os estúdios para mostrarem a cara”. As palavras do vocalista Rafael Malenotti,
que tem mais de 20 anos de estrada com a banda Acústicos & Valvulados, definem um dos
principais objetivos do Festival Nossa Música pela Paz e Contra as Drogas de Novo Hamburgo. O
evento teve início no final de semana, dias 29 e 30 de outubro, com duas das quatro etapas
classificatórias. A realização é uma parceria da Prefeitura, por meio da Secretaria de Cultura
(SECULT), com a Fundação La Salle.
Foram levados ao palco talentos do rock, pop rock, samba, MPB, sertanejo, rap, hip-hop, jazz e
reggae. Além da Acústicos & Valvulados, que se apresentou no domingo, 30, em Canudos, a
atividade teve a apresentação de édy Carlos e banda Vip Brasil na quadra da Escola de Samba
Protegidos de Princesa Isabel, no bairro Rondônia, na noite de sábado, 29.
“Estamos dando palco para quem não tem. Muitas bandas aqui estão fazendo seu primeiro show”,
disse o prefeito Tarcísio Zimmermann. Na segunda noite do Nossa Música, o chefe do Executivo
exaltou o grande número de bandas inscritas, que chegou a 104, sendo 72 de rock. “Todas têm
muita qualidade e os jurados vão sofrer para escolher as melhores”, disse o prefeito.
Vitrine para as novas bandas
Além de mostrar para a comunidade a qualidade dos talentos locais, o Festival Nossa Música
acaba se tornando uma oportunidade para quem projeta novos caminhos na carreira. “é uma vitrine
para as novas bandas. Muitas vezes, os artistas precisam de público para mostrarem seus talentos.
Também começamos assim e, com certeza, eventos como esse mobilizam os músicos a buscarem
novos rumos”, afirmou Malenotti, minutos antes de subir ao palco montado no bairro Canudos.
A secretária da Cultura, Anita de Oliveira, ressaltou o estímulo que a Administração vem dando aos
talentos locais. “é com muito orgulho que fazemos este festival, fazendo com que os músicos
hamburgueses se apresentem para a comunidade”, declarou. O coordenador administrativo da
Fundação La Salle, Lucinei Hanauer, destacou que a iniciativa fortalecerá a cultura local.
“Esperamos a colaboração de todos para isso”, complementou.
Classificados:
Sábado – MPB, pagode, samba e sertanejo
- “Uma Canção Etno Pop” - Sandro Souza e Fernanda Krüger
- “Até tu, Brutus? (Eu Parei de Beber)” - Rodrigo Duarte e Grupo
- “Pela Madrugada” - Turma do Astral
Júri: Nany Kratina (cantora e compositora), édy Carlos (cantor e compositor), Zé Ronaldo (músico e
http://cultura.novohamburgo.rs.gov.br
1/10/2016 15:17:20 - 1
maestro da Orquestra Riograndense de Viola Caipira e da dupla Zé Ronaldo e Alexandre), Ivan
Bittencourt (músico) e Cesar Augusto Moreira (apresentador da Rádio Alegria)
Domingo – rock, pop rock, jazz, rap, hip-hop e reggae
- “Casa Engraçada” - Consultoria
- “Além das Cores” - Ventura
- “Clássica Solidão” - Clássica Solidão
Júri: Carlos Badia (músico, produtor musical, arranjador, integrante do Grupo Delicatessen e Grupo
Experimentais), Alexandre Birk (músico, baterista da Graforréia Xilarmônica e professor do curso de
Produção Fonográfica da Unisinos) e Emílio Valdez (músico)
Próximas etapas:
- 5 de novembro - Centro
Classificatória - rock, pop rock, jazz, rap, hip hop e reggae – show com Graforréia Xilarmônica
- 6 de novembro – Santo Afonso
Classificatória - nativismo, tradicionalismo e regionalista – show com Cesar Oliveira e Rogério Melo
- 13 de novembro – Centro
Final - show de encerramento do grupo Blacktchê
http://cultura.novohamburgo.rs.gov.br
1/10/2016 15:17:20 - 2