Resolução de exercícios - tarefa 01

Сomentários

Transcrição

Resolução de exercícios - tarefa 01
TAREFA nº 01
RESOLUÇÃO DOS EXERCÍCIOS:
Unidade 1: Introdução à literatura
Capítulo 1: Arte. Literatura e seus agentes
Leitura da imagem Exercícios: 1, 2, 3, 4 e 5 (p. 3)
Exercício: 1.
Resposta: Azul e preto.
• Resposta pessoal. Espera-se que o aluno reconheça um
ser sobrenatural, meio animal (parecido com um inseto),
meio humano, e gotas que caem sobre ele. Esse ser
monstruoso parece caminhar sobre corpos humanos.
Exercício: 2.
Resposta: As cores um tanto sombrias e a forma - que tem
alguns traços humanos, mas ao mesmo tempo remete à ideia
de algo monstruoso, sobrenatural - fazem uma alusão às
mutações produzidas nos seres vivos pela poluição e pela
chuva ácida e permitem que se identifique a intenção de
denúncia presente na obra.
Exercício: 3.
Resposta pessoal: Espera-se que o aluno perceba que, como
não se trata de uma obra figurativa (ou seja, que procura
recriar a realidade observada em seus mínimos detalhes),
somos levados a interpretar o que vemos e a nos perguntar o
que o artista pretendeu representar, simbolizar ou evocar por
meio dessas imagens.
Exercício: 4.
Resposta pessoal: Espera-se que o aluno perceba a paisagem
desoladora: árvores com os galhos desfolhados; troncos
aparentemente cortados ou queimados; a névoa que recobre
tudo, dificultando a visibilidade; o manto branco da neve, no
chão, combinado com o azul, criando uma sensação de "frio".
• Resposta: A imagem tem, basicamente, três cores que
contrastam: o preto (ou uma cor escura) do chão, dos
troncos e galhos das árvores, o branco da neve e o azul
da névoa e do céu. O resultado do contraste entre essas
cores parece sugerir um local frio (o azul e o branco dão
essa sensação) e desolado. O efeito geral é de destruição,
morte, etc.
• Resposta: Nos dois casos, a intenção parece ser
denunciar um comportamento humano destrutivo, que
provoca a poluição e, como consequência, ameaça a
sobrevivência da própria humanidade. Na foto, essa
"denúncia" é feita pelas árvores desfolhadas e mortas,
que registram o impacto da chuva ácida na natureza e
não deixam dúvida sobre seu poder destrutivo. No
quadro de Haring, a "denúncia" é feita de modo mais
simbólico.
Exercício: 5.
Resposta: Nos dois casos estamos diante de textos nãoverbais. Podemos ler a foto e atribuir a ela significados que
vão além do mero registro de um cenário. Reconhecemos,
nela, a intenção do fotógrafo em denunciar o poder de
destruição humano. O mesmo pode ser dito em relação ao
quadro de Keith Haring.
Colégio Dinâmico – R.T37, 2693 – Setor Bueno – Goiânia – Goiás – (62) 4009-7828 – www.colegiodinamico.com.br
1

Documentos relacionados

Keith Haring para maiores e menores À Nina (e a todas as crianças)

Keith Haring para maiores e menores À Nina (e a todas as crianças) ARTE | Keith Haring para maiores e menores Talvez você não ligue o nome à pessoa, ou melhor, à obra. Mas certamente as figuras coloridas e suingadas acima lhe são bastante familiares. Elas são trab...

Leia mais