Estrutura agrada TRT

Сomentários

Transcrição

Estrutura agrada TRT
SINOP
CES
INFORMA
Cia Energética Sinop
Fevereiro de 2015 | Ano I | Edição 05 | BOLETIM INFORMATIVO
SAÚDE LABORAL
Página - 04
Implantado Centro de Atendimento ao Trabalhador
Dentro do canteiro de obras da UHE Sinop, centro oferece aos colaboradores todos os atendimentos em
medicina do trabalho
Página - 03
OBRAS E COLABORADORES
Estrutura
agrada TRT
Página - 03
~
Escavaçoes
avançam
Página - 03
I N F O R M AT I VO
CES
SINOP
Cia Energética Sinop
.....................................................................................................................................................................................
UHE Sinop em Ação!
Programa de Apoio
aos Municípios!
O
foco deste Programa são os cinco
municípios da Área de Influência
Direta (AID) da Usina Hidrelétrica
(UHE) Sinop, sendo Cláudia, Itaúba,
Ipiranga do Norte, Sinop e Sorriso. Neste
sentido, as ações desenvolvidas permitem
detalhar as demandas socioeconômicas de
cada um, em função dos possíveis impactos
decorrentes da implantação da Usina, e
propor ações orientativas a partir da atualização e monitoramento socioeconômico,
realizado em cada município.
Com execução paralela ao andamento
das obras civis da Usina e implantação dos
diversos programas do Projeto Básico
Ambiental (PBA), algumas ações têm sido,
inclusive, executadas de maneira antecipada, de forma a atender as principais demandas apresentadas pelas municipalidades.
Para os municípios de Cláudia, Ipiranga
do Norte e Itaúba algumas ações já foram
executadas e atendem as áreas de saúde e
educação, as quais são primordiais e
necessitam de atenção especial dos gestores
de cada município.
Agora, com o apoio da Companhia
Energética Sinop (CES), a concessionária da
UHE Sinop, essas ações são planejadas e
executadas no sentido de trazer melhorias
às comunidades, tanto direta quanto
indiretamente, envolvidas pelo Empreendimento. Neste periódico é possível conhecer algumas dessas ações.
Boa leitura!
Jornalista responsável
Tauana Schmidt / Analista de Comunicação
Poste de energia elétrica instalado no Projeto de Desenvolvimento Sustentável
(PDS) 12 de Outubro, onde foi implantada a rede elétrica via Programa Luz para
Todos, do Governo Federal, executado pela CES. No dia 10 de janeiro de 2015,
155 pontos de energia foram ligados no Assentamento.
>> A UHE Sinop e Você!
“Tudo mudou e para melhor. Poder tomar uma
água gelada ou poder assistir televisão no fim
de um dia de trabalho é muito bom”.
Almeri José Fontana
Agricultor morador do Projeto de
Desenvolvimento Sustentável (PDS) 12 de
Outubro, comemorando a chegada da
energia elétrica no assentamento.
“Estou muito feliz, primeiro pela vaga de
trabalho, segundo pela estrutura que os
trabalhadores têm aqui. Somos muito bem
atendidos”.
Luana Plácido de Almeida
Zeladora da Construtora Triunfo, a respeito
dos serviços oferecidos no Centro de
Atendimento ao Trabalhador (CAT), instalado
no canteiro de obras.
2
I N F O R M AT I VO
CES
SINOP
Cia Energética Sinop
.....................................................................................................................................................................................
3
SAÚDE LABORAL
CANTEIRO DE OBRAS
Escavações avançam na UHE Sinop
Trabalhos estão concentrados na escavação das estruturas principais: canais de adução e
fuga, tomada de água, casa de força, vertedouro e adufas de desvio
As obras no canteiro da UHE Sinop seguem
dentro do cronograma. As novidades estão no
processo de escavações dos canais de adução
(entrada) e fuga (saída) de água. Esses canais
são as estruturas por onde a água entra e sai ao
passar pela tomada de água e pela casa de força,
que é onde serão instaladas as turbinas.
Conforme explica o diretor de Construção Civil
e Engenharia da CES, Rui Feijão, os trabalhos
estão direcionados para a conclusão das
escavações dessas estruturas principais que
irão possibilitar o início dos concretos. “As
estruturas principais são exatamente os canais
de adução e fuga, a tomada de água, a casa de
força, vertedouro e adufas de desvio, além da
barragem de aterro compactado, que é uma
importante estrutura também”, afirmou,
lembrando que as adufas são estruturas de
concreto com comportas metálicas que
permitirão que o rio seja desviado enquanto se
constrói a barragem principal.
De acordo com Guilherme Georg, gestor
civil da Construtora Triunfo, empresa contratada pela CES para a construção civil, fornecimento eletromecânico e montagem da
Usina, a obra iniciará uma nova fase, que é a
construção das estruturas. “A previsão é que o
processo de escavação das estruturas termine
no segundo semestre de 2015, o que possibilitará o lançamento da primeira caçamba de
concreto no local”. A UHE Sinop terá capacidade de produzir 400 megawatts/hora
(MWh). O suficiente para atender a,
aproximadamente, 1,6 milhão de pessoas.
Chuvas pouco atrapalham e trabalhos
seguem dentro do cronograma previsto
Centro de Atendimento ao
Trabalhador é implantado
A Construtora Triunfo implantou o Centro de
Atendimento ao Trabalhador (CAT) dentro do
canteiro de obras da UHE Sinop. Um local onde
os colaboradores do Empreendimento recebem
todo atendimento em saúde ocupacional, ou
seja, onde são realizados exames, vacinas e os
primeiros atendimentos de urgência e
emergência quando necessário. Para tanto, o
CAT conta com uma equipe multidisciplinar
formada por médico do trabalho, enfermeira do
trabalho, técnicas em enfermagem do trabalho e
socorristas. Atualmente, aproximadamente
707 trabalhadores estão em atividade no
canteiro de obras, sendo que todos têm o CAT à
disposição.
...........................................................................................................................
ATENDIMENTO SATISFATÓRIO
Presidente do TRT visita canteiro de obras
Estruturas da UHE Sinop agradam. Ter refeitórios próprios e não terceirizar as refeições é ponto positivo para o magistrado
O presidente do Tribunal Regional do
Trabalho 23ª Região (TRT-23), Edson Bueno,
realizou uma visita de cortesia ao canteiro de
obras da UHE Sinop. O objetivo foi conhecer as
instalações e o andamento da obra.
O ritmo acelerado dos trabalhos e a
movimentação de mais de 700 colaboradores
impressionou o magistrado. “Essa visita é de
cortesia. Não estamos aqui para fiscalizar, mas
sim para conhecer. Se fosse para resumir o que
vi hoje, diria que estou satisfeito pela estrutura
oferecida aos trabalhadores”, disse.
A visita também contou com a presença dos
juízes de Sinop Willian Ribeiro (1ª vara) e
Tatiana Pitombo (2ª vara), Ângelo Cestari, da
vara de Colíder, e da representante do
Ministério Público do Trabalho (MPT),
procuradora Thalma Rosa de Almeida.
“Aparentemente, as instalações atendem às
necessidades dos trabalhadores, mas o que
Visita também contou com a presença de juízes e procuradora do Ministério Público do Trabalho
mais me chamou a atenção foi que a
terceirização de serviços aqui é mínima. Isso é
um ponto positivo”, afirmou, referindo-se
principalmente ao fornecimento de refeições
no alojamento e canteiro. São dois
restaurantes, que servem todas as refeições
diárias, com capacidade para 1,5 mil pessoas
cada um, sendo que tudo é produzido por
cozinheiros contratados pela própria Construtora
Triunfo, além de ter a supervisão de nutricionista.
I N F O R M AT I VO
CES
SINOP
Cia Energética Sinop
.....................................................................................................................................................................................
4
APOIO AOS MUNICÍPIOS
UHE Sinop doa ambulância para Cláudia
Veículo zero quilômetro é adaptado e equipado para transportar pacientes que necessitam de
atendimentos de urgência e emergência
O município de Cláudia foi novamente
atendido pela UHE Sinop, por meio do
Programa de Apoio aos Municípios, dessa vez
na área da saúde. Em fevereiro, a CES entregou à
Secretaria Municipal de Saúde uma ambulância
zero quilômetro. O veículo custou R$ 114 mil e
foi adaptado e equipado para transportar
pacientes que necessitem de atendimento
emergencial.
De acordo com o prefeito de Cláudia, João
Batista, até então o município não tinha veículos
adequados para atender aos pacientes.
“Tínhamos uma ambulância, mas o motor
fundiu. Essa ação da CES significa muito para a
saúde do município, pois como não temos
todos os atendimentos aqui na cidade, muitos
pacientes vão a Sinop, Sorriso ou Cuiabá, e a
maioria não tem condições. Essa ambulância é
segurança para nossos moradores”, afirma.
De acordo com a diretora de Meio Ambiente
da CES, Ana Brígida Cardoso, além da
ambulância, o município de Cláudia também
receberá uma van para o transporte de
alimentos. “Essa van, como definido entre o
prefeito e as lideranças do Assentamento 12 de
Outubro, será repassada para a Cooperativa do
Assentamento, a Coopervia. O que é muito
bom, pois o Programa [de Apoio aos
Municípios] tem sido executado de maneira a
atender diversas áreas do município”.
Veículo de Cláudia foi entregue em fevereiro e atendeu necessidade
urgente do município, que estava sem ambulância
Obras no
Assentamento
12 de Outubro
Estão em andamento outras
duas obras no Assentamento
12 de Outubro. A CES está
construindo um posto de saúde
e um barracão onde funcionará
a agroindústria da Cooperativa
de Pequenos Produtores da
Região Norte de Mato Grosso
(Cooper via). O bar racão
custará R$ 183 mil e será de
300 metros quadrados (m²),
onde funcionará uma fábrica de
doces e panificação, a sede da
cooperativa, além de um espaço
para os moradores do assentamento se reunirem. Já o posto
de saúde, ao custo de R$ 96
mil, terá 80 m² e atenderá a
todo o assentamento. As obras
constam das ações do Programa de Apoio aos Municípios e do
Programa de Remanejamento
da População do PBA da UHE
Sinop.
............................................................................................................................
GLEBA MERCEDES V
Moradores definem novos acessos
A equipe da Coordenação de Assuntos
Fundiários e Relocações da CES realizou, no
início de março, diversas reuniões com os
moradores do Projeto de Assentamento (PA)
Wesley Manoel dos Santos, a Gleba Mercedes
V, diretamente envolvidos pela UHE Sinop, para
definição das novas alternativas de rotas do
sistema viário dentro do Assentamento.
Essas novas rotas de acesso às propriedades
serão necessárias, pois algumas estradas serão
interferidas pelo enchimento do reservatório. A
CES, então, apresentou opções de novas rotas
para os moradores da Gleba Mercedes.
Durante as reuniões amplamente debatidas
entre os moradores, as sugestões foram
deliberadas em ordem de prioridade, no caso
de existência de mais de uma alternativa. As
alternativas definidas pelos moradores serão
encaminhadas para elaboração de projetos, os
quais deverão ser analisados sob aspectos
Rotas serão modificadas por conta do enchimento do reservatório e moradores definem juntos novos acessos
ambientais, técnicos e econômicos, para
posterior contratação de empresa que irá
executar as obras de adequação do sistema
viário.
Ao todo, são 14 áreas de interferência, sendo
que os encontros envolveram aproximadamente
cem pessoas. Todo o custo para adequação dos
acessos é de responsabilidade da CES.

Documentos relacionados

Companhia Energética Sinop SA - CES

Companhia Energética Sinop SA - CES A Companhia Energética Sinop S.A. - CES ("Companhia") é uma Sociedade de Propósito Específico, de capital fechado, constituída em 28 de outubro de 2013. A Companhia é controlada por meio de Acordo ...

Leia mais