Caderno Programação do FME

Сomentários

Transcrição

Caderno Programação do FME
O
D
A
I
R
Ó
T
S
HI
DIAL
www.fmecanoas2014.com.br
N
FÓRUM MU
ÃO
Ç
A
C
U
D
E
DE
O
C
I
T
Á
M
TE
21 a 23 de janeiro de 2014
CIDADE DE CANOAS
Canoas, cidade da região metropolitana de Porto Alegre, no sul do Brasil, é
um dos polos industriais mais impor tantes do país com localização
privilegiada, a 8 km do Aeroporto Internacional Salgado Filho, o maior do
sul do Brasil. A cidade tem o 25° maior PIB entre todas as cidades
brasileiras e o 2° maior do Rio Grande do Sul com uma economia pujante
atrás apenas da capital Porto Alegre.
Canoas é referência nacional e internacional em participação popular e em
transparência da gestão pública, com ferramentas inovadoras como a Ágora
Virtual, o Orçamento Participativo e o premiado projeto Prefeitura na Rua.
A cidade é também reconhecida pelas políticas de segurança cidadã, com a
experiência do Território de Paz Guajuviras premiado pelo Banco
Interamericano de Desenvolvimento e incluído nas conferências do PNUD
e da ONU-Habitat.
ÍNDICE
O que é FME
Convocatória
Programação
Posters /Comunicaçao
Mapa central do FME
Credenciamento
Voluntariado
Certi cados
Hospedagem
Acampamento
Alojamento Alternativo e Solidário
Voluntariado
Espaço de comercialização
Forinho
Idiomas
Alimentação
Câmbio
Quem Organiza
Expediente
02
04
06
09
22
24
24
24
25
25
25
25
25
25
25
25
26
27
28
CONTATO
www.fmecanoas2014.com.br
www.almanaquefme.org
www.facebook.com/FME.Canoas
www.forummundialeducacao.org
01
O QUE É FME?
O Fórum Mundial de Educação (FME) é parte
do processo do Fórum Social Mundial (FSM),
que se iniciou em 2001 e passou a constituir-se
no mais amplo espaço para a articulação de
iniciativas sociais, para o desenvolvimento do
pensamento crítico e para a construção de
alternativas à ordem neoliberal, sob a ideia
comum de que Outro Mundo é Possível .
O FME é um espaço aberto de encontro, que
busca o aprofundamento da reflexão, o debate
democrático de ideias, a formulação de
propostas, o intercâmbio livre de experiências
e a articulação para as ações de organizações e
movimentos sociais que se opõem ao
neoliberalismo, ao domínio do mundo pelo
capital e por qualquer forma de imperialismo.
Está empenhado na construção de outra
educação para outro mundo possível, centrada
no ser humano e pela justiça social e ambiental.
02
ORIGEM
O FSM foi proposto inicialmente em oposição ao Fórum Econômico
Mundial, que desde 1971 vem reunindo, em Davos (Suíça), a elite do
pensamento neoliberal. Desde o segundo encontro em Porto Alegre
(2002), ele demonstrou que seu objetivo foi alcançado, pois o FSM é
referência obrigatória quando se alude ao de Davos. E o que é mais
impor tante neste contraponto, é que o FSM tem se firmado como
espaço de processos solidários, que se devem àqueles e àquelas que se
forjam como sujeitos nas lutas, movimentos, associações e organizações;
em ações pequenas ou grandes, locais ou nacionais, regionais ou globais.
A diversidade de redes, movimentos, povos, cidadãs e cidadãos que
interagem e projetam globalmente suas visões de mudanças encontram
nele um espaço frutífero.
O FSM se reconhece como um processo permanente de busca e
construção de alternativas, que não se reduzem aos eventos em que se
apoia. É um processo de caráter mundial e todos os encontros que se
realizam em seu nome têm dimensão internacional. Assim, os fóruns
mundiais, continentais, regionais e/ou temáticos que têm sido
organizados desde 2001 alimentam este grande processo.
A partir do 1º FSM constatou-se a necessidade de aprofundar o debate
educativo e, como proposta surgiu à ideia da realização do Fórum
Mundial de Educação, pois havia um consenso de que para conseguir
outro mundo possível, outra educação era necessária. Diferentes
organizações e movimentos sociais da educação de várias par tes do
mundo debateram e construíram as seguintes edições:
2012 - FME Temático - FMEJSA Porto Alegre/Brasil
2012 - FME Temático - II FMEPT Florianópolis/ Brasil
2011 - FSM 2011 - Dakar/ Senegal
2010 - FME Temático - FMEIJ Osasco/ Brasil
2009 - FME Temático - FMEPT Brasília/ Brasil
2009 - VI FME Belém do Pará/ Brasil
2008 - FME Temático Santa Maria/ Brasil
2008 - FME Temático Baixada Fluminense/ Brasil
Local: Ulbra Canoas
2007 - V FME Nairóbi/ Quênia
Av. Farroupilha, 8001 - São José
2007 - FME Temático Alto Tietê/ São Paulo/ Brasil
2006 - FME Temático Buenos Aires/ Argentina
2006 - FME Temático Nova Iguaçu/ Brasil
2006 - IV FME Caracas/ Venezuela
2005 - FME Regional - FSIPE Espanha+Portugal
2004 - III FME Porto Alegre/ Brasil
2004 - FME Temático São Paulo/ Brasil
2003 - II FME Porto Alegre/ Brasil
2002 - FSM 2002 - Conferência Especial Sobre Educação Porto Alegre/ Brasil
2001 - I FME Porto Alegre/ Brasil
03
CONVOCATÓRIA
A situação da educação nas regiões metropolitanas é
diversa, como diversas são, também, as políticas que
sobre elas se desenvolvem, embor a todas
compar tilhem problemas comuns. Tanto de países
como Chile em que a municipalização da educação
respondia aos objetivos descentr alizadores e
privatizadores das políticas neoliberais, quanto a países
como a França, onde a escola estatal republicana era
vista como garantia de uma escola pública de qualidade,
o certo é que as regiões metropolitanas vêm sofrendo
as consequências da dispersão dos recursos ou a falta
deles. Há anos vem crescendo o debate sobre o papel
da política educativa a ser construída para as mesmas.
Este é um dos desa os que o FÓRUM MUNDIAL DE EDUCAÇÃO
que traz o tema PEDAGOGIA, REGIÃO METROPOLITANA E
PERIFERIAS (FMEPRMP) deseja ser : um espaço de mobilização e
par ticipação para canalizar as diferentes visões que apontem as
cidades capazes de for mar pessoas comprometidas com o
desenvolvimento e o bem-estar da comunidade. Um espaço que
permita aprender das experiências que souberam distribuir os
recursos disponíveis para melhorar a qualidade educativa, construir
infraestruturas sustentáveis e dignas, incentivar uma cultura que
potencie a participação e o compromisso das cidadãs e cidadãos com
o desenvolvimento sustentável das regiões metropolitanas e construir
uma política pública que permita avançar para uma educação de outro
mundo possível.
OBJETIVOS DO FMEPRMP
04
O objetivo deste fór um é fazer possível um amplo debate e a
elaboração de alternativas, na qual participem os diferentes setores
sociais da comunidade educativa e os que se relacionem com ela, com
a nalidade de incluir o máximo de perspectivas e posicionar a
educação nesse avanço rumo a uma sociedade mais justa e sustentável,
como uma prioridade e responsabilidade de toda a sociedade.
E NESSE SENTIDO, NOS DIRIGIMOS
ÀS ORGANIZAÇÕES E PESSOAS
RELACIONADAS COM A EDUCAÇÃO
FORMAL, NÃO FORMAL E INFORMAL,
REAFIRMANDO A DECLARAÇÃO DE
DAKAR 2011:
1 - O direito à educação como direito humano fundamental e interrelacionado com os direitos econômicos, sociais, políticos, culturais e
ambientais (enfoque transversal);
7 - O for talecimento dos movimentos sociais que lutam pela
educação como direito;
8 - Nosso repúdio à imper tinência da educação colonialista,
especialmente nos países africanos, que desconhecem e desprezam
os saberes e histórias locais;
9 - A produção de conhecimento aplicável e signi cativo, que
responda aos contextos locais, em questões tais como migração,
deslocamento, guerra e toda forma de discriminação, o que inclui o
direito a educar-se na própria língua;
2 - O reconhecimento das lutas por uma educação cidadã, pela
democracia, pelos novos desa os do trabalho, pela justiça social e a
igualdade na perspectiva da educação ao longo da vida;
10 - A solicitação expressa de atendimento a alunos e alunas,
professores e professoras que vivem em condição de guerra,
exigindo a proteção às suas vidas e o respeito aos seus direitos
humanos;
3 - Uma educação pública como responsabilidade do Estado, laica e
gratuita, da educação infantil à universidade e ao longo de toda a vida,
e pela qual estamos lutando a par tir das perspectivas sindicais, das
associações de mães e pais, de estudantes e, em geral, da sociedade
civil organizada;
11 - O fortalecimento da luta pela garantia de melhores condições de
trabalho docente, considerando a deterioração obser vada em
muitos lugares das condições de trabalho dos trabalhadores/as em
educação e das condições do ensino;
4 - A educação inclusiva de todas as diversidades étnicas, as de gênero,
geracional, territorial, de orientação sexual, de necessidades especiais,
incluindo a educação no meio rural, etc.;
12 - As exigências para atender as situações ligadas ao pertencimento
(língua própria, currículos), o acesso (instalações adequadas),
qualidade (educação centrada nas potencialidades humanas e em
harmonia com a natureza);
5 - A reivindicação da pedagogia de Paulo Freire e outras teorias
pedagógicas baseadas no reconhecimento dos saberes locais, na
educação popular e cidadã, educação para a paz e a recuperação da
história dos povos;
6 - O desenvolvimento de estratégias de enfrentamento a governos
locais, nacionais e organismos internacionais, contra a privatização e a
mercantilização da educação, a par tir da perspectiva da educação
como direito humano inalienável;
13 - A necessidade de situar a luta pelo direito à educação no
contexto da crise do modelo civilizatório, promovendo a cidadania
ativa e a resistência ao modelo imposto pelos or ganismos
internacionais. Reconhecer que a democratização do saber é um
modelo básico na democratização da sociedade;
14 - A urgência em dotar de conteúdos signi cativos e signi cantes, o
conceito de qualidade da educação, acessível a todas e todos sem
discriminação, solidária e ao longo da vida.
05
PROGRAMAÇÃO
20 de janeiro (segunda-feira)
Atividade prévia
9h às 18h - 1ª Reunião do Comitê Intercontinental de
Mobilização do Fórum Mundial de Autoridades Locais de
Periferia FALP (sessão interna de membros)
O Comitê Intercontinental de Mobilização é formado por
dez autoridades locais de diferentes continentes e foi
constituído a partir do III FALP de Canoas.
18h30 - Lançamento do Livro III Fórum Mundial de
Autoridades Locais de Periferia FALP
Local: Casa das Ar tes Villa Mimosa Avenida Guilherme
Schell, 6.270, Centro de Canoas.
21 de janeiro (terça-feira)
08h - Atividade Cultural
Recepção Bonecrônicas - Teatro de Bonecos - Grupo
Anima Sonho
Local: Credenciamento
Trilhos sonoros Canoas Projeto Social Música
Local: Ginásio Poliesportivo Ulbra Prédio 17
09h - ABERTURA OFICIAL DO FÓRUM MUNDIAL DE
EDUCAÇÃO 2014 – Pedagogia, Região Metropolitana e
Periferias
50 anos do Programa Nacional de Alfabetização do
Ministério da Educação e Cultura mediante o uso do
Sistema Paulo Freire
Local: Ginásio Poliesportivo da Ulbra Prédio 17
1 0 h - P ro v o c a n d o o D e b a t e : P E DAG O G I A ,
TERRITÓRIOS E RESISTÊNCIAS
14h30 - GRUPOS DE TRABALHO
Debatedores:
Jaume Mar tinez Bonafé - Universidad de Valencia
Espanha
Guadalupe Jover - Coord. da Plataforma Cidadãos pela
Escola Pública Espanha
Moacir Gadotti Instituto Paulo Freire Brasil
Moderação: Eliezer Pacheco Secretário Mun. de
Educação de Canoas Brasil
Relatoria: Beatriz González Viva a Cidadania Colômbia
Local: Ginásio Poliesportivo da Ulbra Prédio 17
1. PEDAGOGIA,TERRITÓRIOS E RESISTÊNCIAS
Vicent Mauri - Sindicat deTreballadores iTreballadors de
l'Ensenyament del País Valencià. STEs-Inter sindical Espanha
Sergio Haddad - Açao Educativa - Brasil
Salete Valesan - Coordenadora Executiva da FLACSO Brasil
Moderação/ Relatoria: Valter Morigi RS/Brasil
Local: Auditório 219 - Prédio 1
13h30 - Atividade Cultural
M o s t r a d e Te a t r o p o p u l a r : " O n d e ? A c ã o N º 2 " Performance daTribo de atuadores Ói Nóis AquiTraveiz
Local: Palco do Lago
14h - Atividade Cultural
Espetáculo: Diverso universo - Dança
com Graziela Silveira Dança Flamenca, Studio Spasso,
Urban Face, Ar t & Dança e Kristian Galvão Studio de
Danças
Local: Palco do Lago
14h30 - Atividade Cultural
Mostra de Teatro Popular : Mãe Preta Mãe África e
Logotipo Humanográ co ADEVIC
Local: Gr upo de trabalho Educação, Diver sidade e
Inclusão. Auditório 220 - Prédio 1
2. GESTÃO DEMOCRÁTICA: A EDUCAÇÃO COMO
DIREITO HUMANO
Mariana Cavalcante Ferreira. Autora do livro Mariana,
um facho de luz Ceará/ Brasil
A l b e r t o C ro c c e - F u n d a c i ò n S E S e C a m p a ñ a
Latinoamericana por el Derecho a la Educación - Argentina
Alex Virginio - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.
RS/ Brasil
Ruth Cavalcante Diretora do Centro de Desenvolvimento
Humano. Ceará/ Brasil
Moderação/Relatoria: So a Cavedon - Camara Municipal
deVereadores de Porto Alegre/ Brasil
Local: Auditório 11 - Prédio 11
3. EDUCAÇÃO,AMBIENTE E SUSTENTABILIDADE
Monica Simons - Centro de Educação Ambiental de
Guarulhos CEAG - Brasil
Vicent Bataller - Federaciò Moviments de Reovació
Pedagógica del PaísValencià - Espanha
Alessio Surian - Consulenti Orientatori Formatori in Rete
(COFIR), Universidade de Pádua - Itália
Moder ação/ Relator ia: Felipe Patela Amar al Coordenadoria de Educação Ambiental - Fundação
Zoobotânica (FZB) - RS/ Brasil
Local: Auditório 14G - Prédio 14
O
e
-
-
O
a,
a
a
ul.
o
al
e
ó
e
o
4. EDUCAÇÃO, DIREITOS HUMANOS E CULTURA
DA PAZ
Gemma Celorio Hegoa - Instituto de Estudios sobre el
Desar rollo y la Cooper ación Inter nacional de la
Universidad del PaísVasco - Espanha
Celita Eccher - Secretary General of the International
Council for Adult Education (ICAE). Uruguai
Danielly Spósito Instituto Federal de Educação, Ciência e
Tecnologia de Pernambuco - Brasil
Moderação/ Relatoria: Jaime José Zitkoski - Universidade
Federal do Rio Grande do Sul - Brasil; Claudia Penalvo
SOMOS - Comunicação, Saúde e Sexualidade - Brasil
Local: Auditório 119 - Prédio 6
5. EDUCAÇÃO NO PARADIGMA EMERGENTE
Regina Rosell Chefa do Depar tamento Cientí co e
Técnico do Instituto de Filoso a do Ministério da Ciência,
Tecnologia e Meio Ambiente (CITMA) - Cuba
Nelida Céspedes Presidenta del Consejo de Educación
de Adultos de América Latina (CEAAL) - Peru
Ruth Needleman Universidade de Indiana - USA
Moderação/ Relatoria: Rossano André Dal-Farra ULBRA - Brasil; Leticia Azambuja Lopes -Universidade de
São Paulo (USP) - Brasil
Local: Auditório 14P- Prédio 14
6. EDUCAÇÃO, DIVERSIDADE E INCLUSÃO
Lisandra Sandri -ULBRA RS/Brasil
Rosita Edler Carvalho - Brasil
Lúcia Regina Brito - Brasil
Eloir Oliveira - Escola Karaí Nhe E' Katú (Aldeia da Estiva)
Vherá Poty - Escola Nhamandú Nhemopu'ã (Aldeia de
Itapuã) / Acuab (Aldeia Polidoro) - Brasil
Moderação/Relatoria: Marina Reidel Comitê Nacional de
Cultur a LGBT do MINC - Br asil; Sidiclei Mancy Coordenadoria de Politicas Públicas de Igualdade Racial Canoa/Brasil; Franquilina Maria Corrêa Marques Cardoso
- Brasil
Local:Auditório 220 - Prédio 1
19h - Pôsteres e Comunicações Orais
22 de janeiro (quarta-feira)
19h - SEMINÁRIOS FME CANOAS 2014
08h - Atividade Cultural
· Reunião do Conselho Internacional do Fórum Mundial
de Educação
Local: Sala: Prédio:
· Roda de Conver sa Fór um de Educação Popular
(FREPOP)
Local: Auditório 119 - Prédio 6
· Experiências Inovadoras em Educação. José Pacheco
Local: Auditório 219 - Prédio 1
· A importância da educação emocional para redução de
violência e melhoria dos índices de aprendizagem. João
Roberto de Araujo
Local: Auditório 14G - Prédio 14
19h - Aividade Cultural
Mostra de Teatro Popular: Maculelê, Capoeira e Samba de
Roda - Uma história encenada
Ponto de Cultura - A capoeira e o Teatro / Associação
Capoeira Angola Palmares Sul
Local: Auditório 14P - Prédio 14
19h30 - Atividade Cultural
Mostra de Teatro Popular : Os Sinos da Candelária O cina deTeatro Popular: Oi Nois aqui Traveiz
Local:Auditório 14P - Prédio 14
Recepção: Jorginho doTrompete e bailarinos
Local: Entrada/recepção
OrquestraVilla Lobos Instituto IPDAE
Local: Ginásio Poliesportivo Ulbra Prédio 17
09h - Provocando o Debate: EDUCAÇÃO,AMBIENTE
E SUSTENTABILIDADE
Debatedores:
Gina Mumba Chiwela Gestora do Programa do Fórum
Ação Popular. Ganhadora do prêmio de alfabetização Rei
Sejong da UNESCO (2008) - Zâmbia
Leslie Campaner de Toledo União de Mulheres
Alternativa e Resposta de Portugal (UMAR) - Brasil
Aidil de Carvalho Borges Instituto Superior de
Educação de CaboVerde CaboVerde
Moderação: Sheila Ceccon Instituto Paulo Freire - Brasil
Relatoria: Alessio Surian - Consulenti Orientatori
Formatori in Rete (COFIR), Universidade de Pádua
Local: Ginásio Poliesportivo Ulbra Prédio 17
12h - Atividade Cultural
GrupoVertentes Música e Dança
Local: Palco do Lago
13h - Automákina Univer so Deslizante - Gr upo
Depernasproar
Local:Ao lado do lago
14h - GRUPOS DE TRABALHO 1, 2, 3, 4, 5 e 6
(continuação GT 21 janeiro)
Local: Auditórios indicados no dia 21
14h - Atividade Cultural
Timbalata e Grupo de Expressão Corporal - Pestalozzi
Local: Auditório 220 - Prédio 1 Grupo de trabalho
Educação, Diversidade e Inclusão
15h30 - Atividade Cultural
Grupo deTeatro Os Quixotescos
Local: Palco do Lago
16h - Atividade Cultural
O cina: Educação Popular e Cultura Professor Luiz
Antônio Moura
Local: Ginásio Poliesportivo Ulbra Prédio 17
17h - Atividade Cultural
22h - Jantar.
11h - Apresentação das conclusões e encerramento –
Homenagem a criação dos Institutos Federais (por
adesão)
Carta de Canoas
Local: Ginásio Poliesportivo Ulbra - Prédio 17
23 de janeiro (quinta-feira)
08h - Atividade Cultural
Recepção: Mostra de Teatro Popular -Monólogo Poético
- Arnaldo Bauer
Local: Entrada/recepção
13h - Almoço especial para os convidados do FME
Galpão da ULBRA (por adesão)
13h - Atividade Cultural
Gaudêncio e Alfonsina Teatro de Bonecos
Local: CTG almoço especial
Mostra de Teatro Popular : Espetáculo: Sepé Tiarajú Horta comunitária, LERARTE e Pode ter Inço no Jardim
e O cina: Educação Popular e Cultura Professor Luiz
Antônio Moura
Local: Palco do Lago
Grupos: Retalhos, Associação Legato e Game Over
Local: Ginásio Poliesportivo Ulbra Prédio 17
Piazitos do Sul - Danças Folclóricas Gaúchas
Local: CTG almoço especial
18h - Atividade Cultural
09h - Provocando o Debate: GESTÃO
14h30 - Rumo a Caminhada Fórum Mundial de
Mostra Popular : Grupo de Teatro da E.M.E.F Prof.Thiago
Wurth Do outro lado do muro
Local: Palco do Lago
19h - Pôsteres e Comunicações Orais
Local: Indicação no Caderno de Programação
19h - SEMINÁRIOS FME CANOAS 2014
· Homenagem aos Cinco Anos dos Institutos Federais
Local:Auditório 220 Prédio 1
· Recordando o Primeiro Fórum Mundial de Educação":
Bernard Charlot
Local:Auditório 220 Prédio 1
· Programa Cidades Sustentáveis. Maurício Broinizi
Pereira - Coord. Executivo
Local:Auditório 219 Prédio 1
20h - Atividade Cultural
Show Monica Tomasi e Nelson Coelho de Castro - Pérola
noVeludo Samba
Local: Ginásio Poliesportivo Ulbra Prédio 17
DEMOCRÁTICA – A EDUCAÇÃO COMO DIREITO
HUMANO
Debatedores:
Maria do Rosário Ministra Chefe da Secretaria de
Direitos Humanos da Presidência da República - Brasil
Marcelo Gonzalez Magnasco Confeder ação
Educadores Americanos (CEA) Uruguai
Alaa ' Abu Karaki Relações Públicas e Gerente de
Projetos da DW Internacional Jordânia
Moussa Ndiaye -Vice-Prefeito e encarregado da área de
Educação de Pikine, região metropolitana de Dakar,
Senegal.
Moderação: Claudir Nespolo Instituto Integrar, Central
Única dosTrabalhadores Brasil
Relatoria: Rozane Zirmmer Educação Popular Brasil
Local: Ginásio Poliesportivo Ulbra Prédio 17
10h45 - Lançamento de Publicações da Secretária
Nacional de Direitos Humanos da Presidência da
República Maria do Rosário
13h30 - Atividade Cultural
Educação Canoas e Fórum SocialTemático Porto Alegre
15h30 - Marcha em Porto Alegre - Performances
circenses - Cia Atmosfera
Ponto de referência/ encontro: Largo Glênio Peres
PROGRAMAÇÃO
DE ESPORTE E LAZER
21, 22 e 23 de janeiro
Local: Campus Canoas ULBRA - interativo
SEMINÁRIOS E ATIVIDADES AUTOGESTIONADAS
De 24 a 25 de janeiro (sexta-feira ao Domingo):
Coordenação: Fórum SocialTemático Porto Alegre
21 de janeiro - 19h - Prédio 14
EIXO TEMÁTICO: Educação, Ambiente e Sustentabilidade
NOME
TRABALHO
MODALIDADE
SALA
Carla Catiara Vale Silva
Tiago Rodrigues Pinto
EDUCAÇÃO AMBIENTAL E A GEOGRAFIA NO AVANÇO DA QUALIDADE DE VIDA: O
CASO DE ANANINDEUA
Comunicação Oral
104
Ana Laura Pimentel Góes
Jaqueline Patrícia Sousa Pereira
DESMISTIFICANDO A ALFABETIZAÇÃO, ATRAVÉS DO AUXÍLIO DE TECNOLOGIAS
PEDAGÓGICAS RECICLÁVEIS NA ESCOLA ESTADUAL PRESIDENTE CASTELO BRANCO
- BELÉM/PAA
Comunicação Oral
104
Maria Luiza Coelho de Souza
Tania Renata Prochnow
DIAGNÓSTICO PARCIAL DAS AÇÕES VOLTADAS PARA A EDUCAÇÃO EM SAÚDE,
DESENVOLVIDAS NA REDE ESTADUAL DE ENSINO EM BOA VISTA/RORAIMA
Comunicação Oral
104
Maria Cristina Madeira
Júlio César Madeira
EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO BRASIL: DIREITO HUMANO E FUNDAMENTAL
Comunicação Oral
104
David Cafruni Ferreira
Delmira Sandra de Moura Carvalho
EDUCAÇÃO SOCIOAMBIENTAL: DESAFIOS NA GESTÃO AMBIENTAL NO MUNICÍPIO
DE CACHOEIRINHA/RS
Comunicação Oral
105
Neusa Dorfey
Rômulo de Oliveira Antunes
GEOGRAFIA, AMBIENTE E CIDADANIA
Comunicação Oral
105
Patricia de Jesus Araújo
Talita Mendes de Araújo
GIGANTE – TRABALHANDO A EDUCAÇÃO AMBIENTAL COM PROJETOS EM SALA DE
AULA
Comunicação Oral
105
Leticia Azambuja Lopes
Rossano André Dal Farra
INSETOS COMO TEMA GERADOR: PRÁTICAS EDUCATIVAS NO ENSINO DE CIÊNCIAS
DA NATUREZA
Comunicação Oral
105
Mayara Roberta Martins
Aline Moraes Cunha
JUVENTUDE E EDUCAÇÃO COMO ESTRATÉGIAS PARA A SUSTENTABILIDADE
ATRAVÉS DO TURISMO
Comunicação Oral
104
Lurdes Zanchetta da Rosa
Luciana da Silva Catardo
RPGBIO: O JOGO RPG( ROLE PLAYING GAME) COMO PRÁTICA EDUCATIVA NA
ABORDAGEM DOS CONTEÚDOS DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS.
Comunicação Oral
105
Gislaine Fátima Schnack
TRANSFORMAÇÃO SOCIAL ELENCADA NA EDUCAÇÃO E PSICOLOGIA AMBIENTAL
Pôster
104
Luciana do Espirito Santo Luzzardi
Michelle Santos da Silveira
VIVÊNCIAS PEDAGÓGICAS NO PARQUE NATURAL MORRO DO OSSO
Pôster
105
Suelen Bomfim Nobre
Maria Eloisa Farias
A FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES COM ÊNFASE NO ENSINO DE
CIÊNCIAS DA NATUREZA: CONTEXTOS E PERSPECTIVAS
Pôster
SAGUÃO
Loreni Aparecida dos Santos
AÇÕES INTEGRADAS DE EDUCAÇÃO E RECUPERAÇÃO AMBIENTAL
Pôster
SAGUÃO
Ricardo Esteves Kneipp
Rodrigo Gonçalves
Roni Albert Aparecido Santos Carvalho
Samuel Ribeiro
BRINCANDO E APRENDENDO EDUCAÇÃO AMBIENTAL COM O JOGO, NATURES IN
DANGER´S.
Pôster
SAGUÃO
Leonardo Rocha de Almeida
DO UNIVERSO AOS VULCÕES: POSSIBILIDADES DE RELAÇÃO ENTRE CIÊNCIAS E
ALFABETIZAÇÃO EM UMA CLASSE DE 1º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL
Pôster
SAGUÃO
Alzira Bomfim Nobre
Suelen Bomfim Nobre
DIDÁTICA DAS CIÊNCIAS: ANÁLISE SOBRE AS ESTRATÉGIAS PEDAGÓGICAS MAIS
RECORRENTES NO CURSO DE MAGISTÉRIO NO LITORAL NORTE DO RIO GRANDE DO SUL
Pôster
SAGUÃO
Tatiana Ferreira dos Santos
Elissandra Silva Santos
EDUCAÇÃO AMBIENTAL A DISTÂNCIA: DESVELANDO OS DESAFIOS DA DOCÊNCIA ONLINE
Pôster
SAGUÃO
Jaqueline Gomes Nunes
Cassiano Pamplona Lisboa
EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA PERSPECTIVA DA COMPREENSÃO E SUAS CONTRIBUIÇÕES À
PRÁTICA EDUCATIVA ESCOLAR
Pôster
SAGUÃO
Elisângela Santos de Jesus Almeida
Thais Marcele de Jesus Silva Andrade
Edielson Gonçalves de Almeida
EDUCAÇÃO AMBIENTAL POR MEIO DE COMPOSTAGEM DE RESÍDUOS SÓLIDOS
ORGÂNICOS NA ESCOLA ESTADUAL DE ENSINO MÉDIO VISCONDE DE SOUZA FRANCO BELÉM-PA: UM RECURSO DE REUTILIZAÇÃO DO LIXO.
Pôster
SAGUÃO
Júlia Bombardelli Leal
Andréia Cardoso Pacheco Evaldt
Letícia Azambuja Lopes
Suelen Bomfim Nobre
Soraia Girardi Bauermann
FEIRA DE CIÊNCIAS: A UTILIZAÇÃO DOS MICROFÓSSEIS PARA O ENSINO DO SISTEMA
LAGUNA-BARREIRA
Pôster
SAGUÃO
Heloisa Gaudie Ley Lindau
Cristiane Rollsing Teixeira
GEOGRAFIA, AMBIENTE E CIDADANIA
Pôster
SAGUÃO
Karen Manuela Souza Afonso
Thomas França Oliveira
Helen Nazaré Domiciano da Silva
Evelize Cristina Rodrigues
Priscila Cordeiro Costa da Silva
IDENTIFICAÇÃO BOTÂNICA DE PLANTAS ARBÓREAS DO INSTITUTO FEDERAL DE
EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PARÁ- IFPA
Pôster
SAGUÃO
Érika Nunes Lisboa
Karina Ferreira da Silva
Thielle Silva Matos
INICIATIVA SUSTENTÁVEL NA ESCOLA
Pôster
SAGUÃO
Mateus dos Santos Galúcio
Carlos José Correa de Lima
Gracilene de Brito Caxias
Lidiane Aya Yamamoto
Vanessa dos Santos Collyer
MATRIZES ESTÉTICAS E CULTURAIS DO CARIMBÓ CONTEMPORÂNEO EM MARAPANIM
Pôster
SAGUÃO
Letícia Martins dos Santos
Murilo da Silva Caetano
PROBLEMATIZANDO A SEXUALIDADE ATRAVÉS DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL: DE
ORIENTAÇÃO À SAÚDE À FORMAÇÃO SOCIAL
Pôster
SAGUÃO
Andréa Bittencourt de Souza
Karoline Salgado Soza
Priscila Nunes da Silva
Rafael Vale Peres
RECICLANDO, TRANSFORMANDO E PRATICANDO UMA NOVA VISÃO DA
EDUCAÇÃO FÍSICA A PARTIR DO PIBID ULBRA/CANOAS
Pôster
SAGUÃO
Mariana de Souza Proença
Daniela da Fonseca
Joel Oliveira da Costa
Rossano André Dal-Farra
RECONHECENDO ESPÉCIES E BIOMAS DO RS E A SUA RELEVÂNCIA NA EDUCAÇÃO
AMBIENTAL
Pôster
SAGUÃO
Graça Helena Barbosa de Almeida
Karen Manuela Souza Afonso
Thomas França Oliveira
Helen Nazaré Domiciano da Silva
RELATO DE EXPERIÊNCIA: A COLETA DE PLANTAS MEDICINAIS POR ALUNOS DE UMA
ESCOLA DE ENSINO FUNDAMENTAL DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO DE BELÉM-PA.
Pôster
SAGUÃO
Tatiana Ferreira dos Santos
Daniele Santana de Melo
STOP MOTION ATRELADO ÀS PRÁTICAS AMBIENTAIS
Pôster
SAGUÃO
Raphaelly de Sousa Lira
Núbia Lorena Farias Rabelo
Carla Mariana Ferreira Pessoa
Thatyana Cristina Muniz e Silva
UMA ANÁLISE DA EFICÁCIA DO USO DE METODOLOGIAS ALTERNATIVAS NO
ENSINO DE BIOLOGIA - UM ESTUDO DE CASO NO IFPA - CAMPUS BELÉM
Pôster
SAGUÃO
Cristina Fiorin Calegaro
UMA PERCEPÇÃO LOCAL DO DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL
Pôster
SAGUÃO
21 de janeiro - 19h - Prédio 14
EIXO TEMÁTICO: Educação, Direitos Humanos e Cultura da Paz
NOME
TRABALHO
MODALIDADE
SALA
Mara Ahlert
Edson Moacir Ahlert
ASPECTOS SOBRE A INDISCIPLINA ESCOLAR NA VISÃO JURÍDICA
Comunicação Oral
107
Fátima Rosane Silveira Souza
Raquel Maria de Oliveira Viçosa
A EDUCAÇÃO AMERÍNDIA COMO UMA DIREITO FUNDAMENTAL
Comunicação Oral
106
Paula Gaida Winch
A ORALIDADE COMO ALTERNATIVA PARA A CONSTITUIÇÃO DA CIDADANIA
Comunicação Oral
106
Aline Cristina de Assis Moraes
CURSO ESPECIAL PRÉ VESTIBULAR PARA APENADOS NO MUNICÍPIO DE LONDRINA
COMO INSTRUMENTO DE EDUCAÇÃO E GARANTIA DE DIREITOS HUMANOS
Comunicação Oral
106
Lilian Cláudia Xavier Cordeiro
Izandra AlvesMárcia Gil Rosa
EDUCAÇÃO E DIREITOS HUMANOS: UMA QUESTÃO DO OLHAR
Comunicação Oral
107
Márcia Gil Rosa
Joice Eliane Lopes da Silva
EDUCAÇÃO: ARTICULANDO REDES DE ATENÇÃO, PROMOVENDO REDES DE CUIDADOS
Comunicação Oral
107
Fabrício Locatelli Ribeiro
Josué de oliveira
O USO DE CHARGES EM SALA DE AULA
Comunicação Oral
106
Maira Eveline Schmitz
O ENSINO DE HISTÓRIA E A EDUCAÇÃO PARA A CIDADANIA
Comunicação Oral
106
Lisiane Niedsberg Corrêa
PROJETO “DESVENDANDO OS PROBLEMAS SOCIAIS“
Comunicação Oral
107
Márcia Gil Rosa
Geisa Carolina Camillo Tatsch
Joice Eliane Lopes da Silva
Maria Marlene Jardim de melo
ATAR LAÇOS HUMANOS NO ESPAÇO ESCOLAR
Pôster
SAGUÃO
Maria De Lourdes Rocha Lima Nunes
AVALIAÇÃO COM ENFOQUE EM DIREITOS HUMANOS DOS CURSOS DE FORMAÇÃO EM
EDUCAÇÃO EM DIREITOS HUMANOS
Pôster
SAGUÃO
Marluce Dias Fagundes
CIDADANIA E DIREITOS HUMANOS-O CASO DA DITADURA CIVIL-MILITAR DO BRASIL
Pôster
SAGUÃO
Jaimir Tapia
Brasinicia Tereza Tápia
EDUCAÇÃO AMBIENTAL: UMA PROPOSTA LÚDICA.
Pôster
SAGUÃO
Letícia Coelho dos Santos
Silvana Sousa Andrade
EDUCAÇÃO DO CAMPO COMO DIREITOS HUMANOS: ESCOLAS NO CAMPO PARA O
POVO DO CAMPO
Pôster
SAGUÃO
Renata Teixeira Jardim
Télia Negrão
Regina Vargas
Greice Cavalheir
Nithiane Capella Farias
EDUCAÇÃO EM DIREITOS HUMANOS DAS MULHERES: UM OLHAR SOBRE O TRABALHO
DO CENTRO DE REFERÊNCIA PATRÍCIA ESBER DA CIDADE DE CANOAS/RS.
Pôster
SAGUÃO
Jeanine dos Santos Amaral
Ingrid Inêz dos Santos Amaral
EDUCAÇÃO FORMAL E O RESGATE CULTURAL.
Pôster
SAGUÃO
Ana Karine Pessoa Cavalcante Miranda
Francisco Halbert Morais Lima
Camila Sarah Pereira de Melo
Joyce Sousa do Nascimento
ESPAÇO ESCOLAR, MEDIAÇÃO DE CONFLITOS E CIDADANIA: CONSTRUINDO PONTES
DE DIÁLOGO
Pôster
SAGUÃO
Telia Negrão
Regina Vargas
Léa Epping
Renata Teixeira Jardim
FORMAÇÃO DE ADOLESCENTES E JOVENS MULHERES: A EXPERIÊNCIA DA ESCOLA
LILÁS DE DIREITOS HUMANOS
Pôster
SAGUÃO
Fabrício Locatelli Ribeiro
Josué de Oliveira
Camila Neves
O USO DE CHARGES EM SALA DE AULA
Pôster
SAGUÃO
Jaqueline de Menezes Rosa
Analissa Miguel
Elisângela da Silva Pereira
Tatiana Fagundes
Lisiane Barbosa
PIBID: A LEITURA PROMOVENDO A EDUCAÇÃO PARA A CIDADANIA ENTRE ALUNOS E
PROFESSORES EM FORMAÇÃO
Pôster
SAGUÃO
Leonardo Rocha de Almeida
Daniela Rocha Marins
Cristina da Silva Brito
RELAÇÕES ETNICO-RACIAIS EM DEBATE INFANTIL: A EXPERIÊNCIA DE EDUCAÇÃO
ANTIRRACISTA EM UMA ESCOLA EM CONTEXTO RURAL
Pôster
SAGUÃO
21 de janeiro - 19h - Prédio 14
EIXO TEMÁTICO: Educação no Paradigma Emergente
NOME
TRABALHO
MODALIDADE
SALA
Michele Pedroso do Amaral
A EDUCAÇÃO DO OLHAR NO PARADIGMA EMERGENTE: RESPONSABILIDADE DE
TODOS, MAS ASSUMIDA POR POUCOS.
Comunicação Oral
102
Lucas Mateus Martins
José Augusto Ayres Florentino
A RELAÇÃO ENTRE A EDUCAÇÃO FÍSICA E PROFESSORES UNIDOCENTES NOS ANOS
INICIAIS, EM TEMPOS DE PARADIGMA EMERGENTE
Comunicação Oral
102
Rafaela da Silva Melo
AS PRÁTICAS EDUCATIVAS EMANCIPATÓRIAS NOS PAÍSES LATINO-AMERICANOS:
CONSIDERAÇÕES SOBRE O DOCUMENTÁRIO "LA EDUCACIÓN PROHIBIDA".
Comunicação Oral
101
Gabriel Abreu Mussato
CONCEPÇÕES EPISTEMOLÓGICAS NA EDUCAÇÃO E UMA PROPOSTA
METODOLÓGICA PLURALISTA.
Comunicação Oral
102
Maria Beatriz Pauperio Titton
Andrea Cristiane Maraschin Bruscato
EDUCAÇÃO INTEGRAL E SUCESSO NA/DA ESCOLA: ESTUDO COMPARATIVO EM
ESCOLAS PÚBLICAS E PRIVADAS
Comunicação Oral
101
Simone de Azambuja Collares
EM BUSCA DO SIGNIFICADO DA PALAVRA "PROGRESSO" NA EDUCAÇÃO BRASILEIRA.
Comunicação Oral
103
Silvia Gomes Correia
Nelson dos Santos Dutra
ENSINO DE MÚSICA A DISTÂNCIA: A INTEGRAÇÃO MUSICAL E PRÁTICA CORAL NUM
CONCERTO INTERATIVO
Comunicação Oral
103
Éverton Kafer Pereira
Rayza Oliveira Echeverria
ESTUDO DOS NÚMEROS DECIMAIS NOS 6º ANOS DO ENSINO FUNDAMENTAL
Comunicação Oral
101
Franciele Rodrigues Marques
Luana Iensen Gonçalves
Rosana Cabral Zucolo
JORNAL NA ESCOLA: DESENVOLVIMENTO DA CIDADANIA
Comunicação Oral
102
Luana Lensen Gonçalves
LEITURAS OBRIGATÓRIAS PARA O PSI DA UFSM. OBRIGATÓRIAS?
Comunicação Oral
102
Juliana Aquino Machado
O COTIDIANO ESCOLAR COMO TEMPO E ESPAÇO PARA A FORMAÇÃO CONTINUADA
DE PROFESSORES
Comunicação Oral
102
Gabriela Novakoski Boniatti
Lucas de Oliveira
OS VÍDEOS COMO FERRAMENTA NAS AULAS DE MATEMÁTICA
Comunicação Oral
101
Eide Paulina França Machado
Heidimar França Machado
PNAIC: AÇÕES PEDAGÓGICAS
Comunicação Oral
101
André Dornelles Pares
PROJETO OLIMPÍADA DE FILOSOFIA
Comunicação Oral
103
Caroline Weiberg
REFLEXÕES ACERCA DE UMA EXPERIÊNCIA PEDAGÓGICA EM ARTES: RELAÇÃO ENTRE
INTERESSE E DESEMPENHO
Comunicação Oral
101
Janaina Dias Godinho
Maria Eloisa Farias
REFLEXÕES SOBRE A INFLUÊNCIA DAS AVALIAÇÕES EXTERNAS NA PRÁTICA DOCENTE
Comunicação Oral
103
Silvia Letícia de Senna
Renato Avellar de Albuquerque
SALAS TEMÁTICAS: RUMO A UMA NOVA ORGANIZAÇÃO DA ESCOLA
Comunicação Oral
103
Roberta Dall Agnese da Costa
Paulo Tadeu Campos Lopes
TECNOLOGIAS NA EDUCAÇÃO BÁSICA PÚBLICA: POSSIBILIDADES PEDAGÓGICAS NO
ENSINO DE CIÊNCIAS
Comunicação Oral
103
Roberta Dall Agnese da Costa
Paulo Tadeu Campos Lopes
Maria Célia Cardoso Lima
A UTILIZAÇÃO DA INFORMÁTICA COMO FERRAMENTA PEDAGÓGICA PARA O
DESENVOLVIMENTO DE HABILIDADES NAS AULAS DE CIÊNCIAS
Pôster
SAGUÃO
Pâmela Veridiane da Silva Damian
Bianca Corrêa Noé
Bryan Lucas Marques Carvalho
Lenize Rodrigues da Conceição
Matias Zimmermann
A IMPORTÂNCIA DO PLANEJAMENTO NA DOCÊNCIA COMPARTILHADA
Pôster
SAGUÃO
Bruno Passos Fialho
A RECONSTRUÇÃO DE CONCEITOS DE TEMPO E ESPAÇO
Pôster
SAGUÃO
Ranielly Boff Scheffer
Cristina Rolim Wolffenbüttel
CURSOS DE LICENCIATURA EM MÚSICA EM INSTITUIÇÕES PÚBLICAS DE ENSINO
SUPERIOR NO RIO GRANDE DO SUL
Pôster
SAGUÃO
Silvia Letícia de Senna
Fernanda Netto Jardine
DESCONSTRUÍNDO O MITO DA AVALIAÇÃO
Pôster
SAGUÃO
Éverton Kafer Pereira
Rayza Oliveira Echeverria
Rinele Garcez da Silva
ESTUDO DOS NÚMEROS DECIMAIS NOS 6º ANOS DO ENSINO FUNDAMENTAL
Pôster
SAGUÃO
Lucas Pacheco Brum
Cristina Rolim Wolffenbüttel
INTERDISCIPLINARIDADE ENTRE ARTES VISUAIS E DANÇA: UMA PESQUISA EM
ESCOLAS PÚBLICAS ESTADUAIS DE MONTENEGRO, RS
Pôster
SAGUÃO
Fabiana Gazzotti Mayboroda
O PROGRAMA MAIS EDUCAÇÃO NO MUNICÍPIO DE NOVO HAMBURGO: UMA
EXPERIÊNCIA DE FORMAÇÃO CONTINUADA NA EDUCAÇÃO INTEGRAL
Pôster
SAGUÃO
Cássia Roberta Rodrigues de Oliveira
Aliny Santa Rosa da Silva
O USO DE JOGOS DIGITAIS COMO FERRAMENTA LÚDICA FACILITADORA NO
PROCESSO DE ENSINO-APERNDIZAGEM DA LÍNGUA INGLESA
Pôster
SAGUÃO
Gabriela Novakoski Boniatti
Lucas de Oliveira
PRÁTICAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA EM MATEMÁTICA: DESENVOLVENDO
COMPETÊNCIAS NA RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS
Pôster
SAGUÃO
Ingrid Inêz dos Santos Amaral
Jeanine dos Santos Amaral
RECURSOS MIDIÁTICOS: NOVAS POSSIBILIDADES NO ENSINO DE GEOGRAFIA
Pôster
SAGUÃO
Caroline Weiberg
REFLEXÕES ACERCA DE UMA EXPERIÊNCIA PEDAGÓGICA EM ARTES: RELAÇÃO ENTRE
INTERESSE E DESEMPENHO
Pôster
SAGUÃO
22 de janeiro - 19h - Prédio 14
EIXO TEMÁTICO: Gestão Democrática: A Educação como Direito Humano
NOME
TRABALHO
MODALIDADE
SALA
Ofélia Maria Marcondes
A MENINA DOS OLHOS DE DEWEY: UM DEBATE SOBRE DEMOCRACIA, EDUCAÇÃO E
GESTÃO ESCOLAR
Comunicação Oral
107
Daniele Isabel Ertel
Cristina Rolim Wolffenbüttel
COMO ASSIM, PROFESSOR DE MÚSICA?: UM ESTUDO DE CASO SOBRE A FORMAÇÃO E
ATUAÇÃO DE DUAS PROFESSORAS QUE ATUAM COM MÚSICA EM ESCOLAS PÚBLICAS
Comunicação Oral
106
Nilva Ferreira Ribeiro
DOS ATOS INFRACIONAIS E INDISCIPLINARES NO AMBIENTE EDUCACIONAL
Comunicação Oral
108
Valéria da Rosa Machado
EDUCAÇÃO FINANCEIRA: A REALIZAÇÃO DOS SONHOS E A FELICIDADE
Comunicação Oral
108
Thaíssa Maiara da Silva Tavares
Marcos Raimundo Pereira da Silva
EDUCAÇÃO: DIREITO DE TODOS E INSTRUMENTO DE DESENVOLVIMENTO
Comunicação Oral
107
Glaé Corrêa Machado
Marta Luz Sisson de Castro
FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES DOS ANOS INICIAIS NUMA
PERSPECTIVA INCLUSIVA: IMPLICAÇÕES E POSSIBILIDADES DA AÇÃO GESTORA
Comunicação Oral
107
Aline Cristina de Assis Moraes
GESTÃO DEMOCRÁTICA: CAMINHO PARA CIDADANIA E PARTICIPAÇÃO SOCIAL
Comunicação Oral
108
Daniele Isabel Ertel
Cristina Rolim Wolffenbüttel
O ENSINO DE MÚSICA EM ESCOLAS PÚBLICAS ESTADUAIS NO RIO GRANDE DO SUL
Comunicação Oral
106
Cristina Rolim Wolffenbüttel
O PIBID/CAPES/UERGS POTENCIALIZANDO A FORMAÇÃO CONTINUADA DAS
LICENCIATURAS EM ARTE
Comunicação Oral
106
Eliandra Gomes Marques
PROCESSOS PARTICIPATIVOS E TIC LIVRES NO DESENVOLVIMENTO DE UM PROJETO
DE PESQUISA EM SEMINÁRIO INTEGRADO EM UMA ESCOLA PÚBLICA DE ENSINO
MÉDIO POLITÉCNICO
Comunicação Oral
106
Ana Cristina Czegelski Duarte
Fátima Anise Rodrigues Ehlert
PROGRAMA AGENTES DE EDUCAÇÃO E CIDADANIA
Comunicação Oral
108
Rebeca Chamorro
Paula Cristina Silva de Oliveira
PROJETO DE EXTENSÃO EM INTERFACE COM A PESQUISA: FÓRUM DE EDUCACAO DE
JOVENS E ADULTOS DO VALE DO JEQUITINHONHA
Comunicação Oral
107
Tiago Pavinato Klein
SOBRE DISCURSOS RECORRENTES: A NECESSIDADE DE SUPERAR DETERMINISMOS E
PRECONCEITOS NO PROCESSO DE IMPLEMENTAÇÃO DA EDUCAÇÃO INTEGRAL
Comunicação Oral
107
Jones Remo Barbosa Vale
Thais Silva Trindade das Mercês
A PEDAGOGIA SOCIAL: A EDUCAÇÃO NÃO-FORMAL ROMPENDO OS MUROS DA
ESCOLA
Pôster
SAGUÃO
Priscila Goulart dos Santos
EDUCAÇÃO DIREITO DE TODOS”: MAS DE QUE EDUCAÇÃO ESTAMOS FALANDO?
Pôster
SAGUÃO
Jorge Ricardo dos Santos Pereira
Viviann de Almeida Pereira
EDUCAÇÃO E GESTÃO DEMOCRATICA: POSSIBILIDADES NO LITORAL NORTE DO RIO
GRANDE DO SUL
Pôster
SAGUÃO
Paloma Cristina da Silva Feitosa
EDUCAÇÃO PRISIONAL, DIREITO HUMANO E DEVER DE TODOS: UMA FORMA DE
ATUAÇÃO DEMOCRÁTICA NO SISTEMA PENAL
Pôster
SAGUÃO
Elen Maisa Alves da Silva
Samuel Edmundo Lopez Bello
O UNIFORME ESCOLAR E SEUS EFEITOS NA CONSTITUIÇÃO DOS SUJEITOS-ALUNOS
NA ESCOLA CONTEMPORÂNEA
Pôster
SAGUÃO
Brasinicia Tereza Tápia
Jaimir Tápia
Rafaela da Silva Melo
OS DESAFIOS DA EJA: JOVENS E ADULTOS COMO SUJEITOS DA APRENDIZAGEM
PARTICIPAÇÃO DA COMUNIDADE NA GESTÃO DEMOCRÁTICA DE UMA ESCOLA DA
REDE MUNICIPAL DE ENSINO DE PORTO ALEGRE: A ATUAÇÃO DO CONSELHO
ESCOLAR NA CONSTRUÇÃO DE UM NOVO SENSO COMUM EDUCACIONAL
Pôster
SAGUÃO
Eliandra Gomes Marques
PROCESSOS PARTICIPATIVOS E TIC LIVRES NA SISTEMATIZAÇÃO DE EXPERIÊNCIAS
VIVENCIADAS EM UM PROJETO DE PESQUISA EM SEMINÁRIO INTEGRADO EM UMA
ESCOLA PÚBLICA DE ENSINO MÉDIO POLITÉCNICO
Pôster
SAGUÃO
Jocélia Maria Espíndula da Silva
Viviann de Almeida Pereira
SISTEMA DE ENSINO E AVALIAÇÃO: UMA PERSPECTIVA DE GESTÃO DEMOCRÁTICA
NO MUNICÍPIO DE TORRES RS
Pôster
SAGUÃO
22 de janeiro - 19h - Prédio 14
EIXO TEMÁTICO: Educação, Diversidade e Inclusão
NOME
TRABALHO
MODALIDADE
SALA
Gilberto de Carvalho de Freitas
A FORMAÇÃO DE EDUCANDOS DO CURSO NORMAL ATRAVÉS DE AULAS PRÁTICAS
COMO FORMA DE INCENTIVAR O USO DE NOVOS RECURSOS PARA O ENSINOAPRENDIZAGEM DENTRO DA SALA DE AULA
Comunicação Oral
102
Jones Remo Barbosa Vale
Thais Silva Trindade das Mercês
A IMPORTÂNCIA DO ENSINO SOBRE ÁFRICA PARA A DIVERSIDADE EDUCACIONAL
Comunicação Oral
102
Gabriela Cristina Rosa Barros
Mayck Silva dos Santos
A INFORMÁTICA COMO INSTRUMENTO DE INCLUSÃO DIGITAL NA EDUCAÇÃO
Comunicação Oral
102
Karinne Melo Santiago de Lima
A PESSOA ALÉM DA DEFICIÊNCIA: DO DESEJO À ESCUTA
Comunicação Oral
103
Carin Klein
A PRODUÇÃO DE MARCAS DE GÊNERO E DE SEXUALIDADE: ALGUNS
DESDOBRAMENTOS NO COTIDIANO ESCOLAR
Comunicação Oral
104
Luciane Teresinha Munhoz Santiago
ALEGRIA NA ESCOLA- PAINT UMA FERRAMENTA DIDÁTICA POSSÍVEL...
Comunicação Oral
103
Rosalina Moro Klagenberg
Gilberto Ferreira da Silva
ALTAS HABILIDADES/SUPERDOTAÇÃO: COMO ESTE TEMA ESTÁ SENDO ABORDADO
NAS RECURSOS MULTIFUNCIONAIS DE CANOAS/RS
Comunicação Oral
104
Maria Cristina Madeira
Júlio César Madeira
AS RODAS DE CONVERSA COM AS INFÂNCIAS: APRENDIZENS E AVALIAÇÕES
COMPARTILHADAS
Comunicação Oral
103
Ivan Antonio Basegio
Raissa Pruença Figueiredo
Paola Ferreira dos Santos
CENTRO INTERDISCIPLINAR DE ESTUDOS EM PSICOMOTRICIDADE RELACIONAL –
CIEPRE
Comunicação Oral
104
Denise da Rosa Wedman
Denise Regina Quaresma da Silva
CONCEPÇÕES DOCENTES SOBRE O PROCESSO DE INCLUSÃO DE ALUNOS COM
NECESSIDADES EDUCACIONAIS ESPECIAIS NA REDE MUNICIPAL DE CANOAS/RS
Comunicação Oral
101
Silvana Sousa Andrade
Viviane Borges Dias
EDUCAÇÃO INCLUSIVA: HÁ INTEGRAÇÃO OU INCLUSÃO NAS CLASSES REGULARES
DA EDUCAÇÃO BÁSICA NO INTERIOR DA BAHIA?
Comunicação Oral
105
Maria Cristina Madeira
Júlio César Madeira
EDUCAÇÃO INFANTIL, SONHOS, POSSIBILIDADES E APRENDIZAGENS: DIÁLOGO COM
AS CRIANÇAS MEDIADO PELA LEITURA
Comunicação Oral
103
Gabriela Teixeira Gomes
Júlio Cesar Madeira
EDUCAÇÃO NO CONTEXTO DA LEI 10639/03: UM RELATO A SER CONTADO
Comunicação Oral
101
Elisângela de Fátima Rizzatto
ESTUDO COMPARATIVO DA EVOLUÇÃO NA EDUCAÇÃO ESPECIAL INCLUSIVA EM
ESCOLAS REGULARES E ESCOLAS ESPECIAIS NO BRASIL, 2007 -2012.
Comunicação Oral
105
Alexandra de Castilhos Moojen
Cristina Rolim Wolffenbüttel
ESTUDO SOBRE GÊNERO: O OLHAR DE UMA ESTUDANTE DE DANÇA A PARTIR DAS
INSERÇÕES EM UMA ESCOLA ATRAVÉS DO PIBID/CAPES/UERGS
Comunicação Oral
101
Adriano Malikoski
LINGUAGEM, ALTERIDADE E ETNICIDADE: INTERELAÇÃO NO PROCESSO DE ENSINO
Comunicação Oral
101
Júlio César Madeira
Maria Cristina Madeira
O PAPEL DO CONHECIMENTO NA SOCIEDADE CONTEMPORÂNEA À
CONSTITUIÇÃO DA CIDADANIA
Comunicação Oral
102
Carlos Augusto Pinheiro Souto
ORQUESTRA VILLA – LOBOS: O IMPACTO DA COMPETÊNCIA MUSICAL NO
DESENVOLVIMENTO SOCIOCULTURAL DE UM CONTEXTO POPULAR
Comunicação Oral
101
Stela Shene de Maria Pinheiro Magalhães
Adalcilena Helena Café Duarte
OS DESAFIOS DE SER MÃE NO CONTEXTO ACADÊMICO: AS CONQUISTAS E LUTAS
DAS ESTUDANTES DO CURSO DE PEDAGOGIA DO IFPA CAMPUS BELÉM PARA
CONCILIAR ESTUDOS E MATERNIDADE.
Comunicação Oral
104
Luiz Eduardo Madeira
Júlio Cesar Madeira
PRÁTICAS PEDAGÓGICAS NO ENSINO MÉDIO: UM PEQUENO RELATO
Comunicação Oral
105
Rosalia de Oliveira Lemos
João Bôsco Hora Góis
Mônica Romitelli de Queiroz
PRÓ-COTAS/IFRJ A LEI 12711/12 E A PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO DO IFRJ
Comunicação Oral
104
Marco Hernani Hyssa Luiz
PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO PARTICIPATIVO INCLUSIVO
Comunicação Oral
103
Gisele Maciel Monteiro Rangel
Marco Aurelio Rocha di Franco
VIAGENS NOSTÁLGICAS DOS SINAIS
Comunicação Oral
102
Valéria Gonzatti
Clary Milnitsky-Sapiro
A ADOÇÃO DO PLANO DE ENSINO INDIVIDUALIZADO (PEI) PARA ALUNOS DA EJA
PORTADORES DE NECESSIDADES ESPECIAIS
Pôster
SAGUÃO
Lisiane Teixeira de Armas
Carla Josiele Weber
Anna Beatriz Silveira Ereias
A CONTRIBUIÇÃO DAS BRINCADEIRAS E DOS JOGOS PARA O DESENVOLVIMENTO
DA APRENDIZAGEM – UMA OFICINA NA BRINQUEDOTECA PLANETA DA DIVERSÃO E
DO APRENDIZADO
Pôster
SAGUÃO
Alexandra Ferronato Beatrici
Samile Drews
A EXPERIÊNCIA DO PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO NA FORMAÇÃO
CONTINUADA DE PROFESSORES DE UMA ESCOLA MUNICIPAL
Pôster
SAGUÃO
Adriana Silva da Costa
A LEI 10.639/03 E A LEI 11.645/08 NA EDUCAÇÃO INFANTIL: RELAÇÕES ÉTNICORACIAIS NA PRIMEIRA ETAPA DA EDUCAÇÃO BÁSICA.
Pôster
SAGUÃO
Ayrton Senna Paixão da Silva
Claudemir Andrade de Queiroz
Maria Aparecida Andrade de Queiroz
A MÚSICA COMO AÇÃO PEDAGÓGICA NO ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO:
ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO.
Pôster
SAGUÃO
Stela Shene de Maria Pinheiro Magalhães
Anny Lucia Tavares dos Santos
AÇÃO PARTICIPATIVA NA ESCOLA PARA VIABILIZAR PROJETOS ETNICORRACIAIS
Pôster
SAGUÃO
Eide Paulina França Machado
AÇÕES DO SOE: CBTM- 2013
Pôster
SAGUÃO
Mariela Bier Teixeira
Priscila Goulart dos Santos
AFINAL, O QUE SE FAZ NA SALA DE RECURSOS MULTIFUNCIONAIS?
Pôster
SAGUÃO
Elisângela de Fátima Rizzatto
ANÁLISE COMPARATIVO DO AUMENTO DE MATRICULAS DE ALUNOS ESPECIAIS
INCLUSIDOS NAS ESCOLAS COMUNS DO BRASIL- 2007-2012.
Pôster
SAGUÃO
Anna Beatriz Silveira Ereias
Jane Schumacher
APOIO PEDAGÓGICO NUM LAR DE PASSAGEM
Pôster
SAGUÃO
Denise da Rosa Wedman
Fernando Costa Fortes
Rosana da Silveira Rivaldo
ATIVIDADE ASSISTIDA POR ANIMAIS (AAA): PROJETO: “CRIANÇA A CAVALO”
Pôster
SAGUÃO
Maria Gorete Greif
Marcelo Rodrigues Reser
COMUNIDADES VIRTUAIS COMO FERRAMENTAS DE APRENDIZAGEM
Pôster
SAGUÃO
Lisiane Teixeira de Armas
Gleci da Rosa Duarte
CONHECENDO O MUNICÍPIO ATRAVÉS DE MÚSICAS - RELATO DE EXPERIÊNCIA
INTERDISCIPLINAR COM ALUNOS DE 1º E 2º ANOS DO CICLO DE ALFABETIZAÇÃO.
Pôster
SAGUÃO
Elisa Schwartz Leite
CONSTRUINDO PRÁTICAS DE EDUCAÇÃO PARA O PATRIMÔNIO: UM ESTUDO DE
CASO NO COLÉGIO MUNICIPAL PELOTENSE
Pôster
SAGUÃO
Carlos Alberto Rosário Izidoro Júnior
Leonardo de Souza Leblond Miranda
EDUCAÇÃO FÍSICA E SEU CARÁTER INTERDISCIPLINAR
Pôster
SAGUÃO
Nelson dos Santos Dutra
Silvia Gomes Correia
EDUCAÇÃO MUSICAL E DIVERSIDADE: ALGUNS APONTAMENTOS PARA A FORMAÇÃO
DO PROFESSOR
Pôster
SAGUÃO
Juliana Cristina da Silva
GESTÃO ESCOLAR NA PERSPECTIVA DA ESCOLA INCLUSIVA
Pôster
SAGUÃO
Fernando Mattielo Rodrigues
Maria do Carmo Monteiro Kobayashi
GRAFFITI NA ESCOLA: UM RECURSO PARA LER E ESCREVER ARTE E A ESCRITA
Pôster
SAGUÃO
Mônica de Oliveira Corrêa
Ingrid Inez Santos Amaral
Ana Beatriz Mendes Amaral Ramos
Yasmin Monteiro Cruz
IMPORTÂNCIA DE NOVAS METODOLOGIAS NO ENSINO DE CIÊNCIAS PARA ALUNOS
COM DIFICULDADES VISUAIS
Pôster
SAGUÃO
Sued Salete Da Silva
INCLUSÃO ESCOLAR: DIFERENTES OLHARES E CONCEPÇÕES - UM ESTUDO DE CASO.
Pôster
SAGUÃO
Maria De Lourdes Rocha Lima Nunes
O DESENVOLVIMENTO DA CRIATIVIDADE NO ENSINO DE CIÊNCIAS NATURAIS
COMO POSSIBILIDADE PEDAGÓGICA NA EDUCAÇÃO DE SURDOS
Pôster
SAGUÃO
Ivana da Costa Anjos Ribeiro
O ENSINO DA GEOGRAFIA: AS PRINCIPAIS DIFICULDADES ENFRENTADAS PELOS
DISCENTES DO ENSINO FUNDAMENTAL NA DISCIPLINA GEOGRAFIA EM DUAS
ESCOLAS PÚBLICAS EM BELÉM DO PARÁ.
Pôster
SAGUÃO
Alexandra Ferronato Beatrici
Rodrigo Ferronato Beatrici
O MUNDO DO TRABALHO NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS
Pôster
SAGUÃO
Cristina Napp
Alexandra Ferronato Beatrici
O PROEJA PARA QUÊ? E PARA QUEM? CONTRIBUIÇÕES E DESAFIOS NO IFRS CÂMPUS SERTÃO
Pôster
SAGUÃO
Márcia Polito Tranhaque
Cláudia Pinho Anselmo de Lima
Fernanda Delvalhas Piccolo
PIBID: A LEITURA PROMOVENDO A EDUCAÇÃO PARA A CIDADANIA ENTRE ALUNOS E
PROFESSORES EM FORMAÇÃO
Pôster
SAGUÃO
Águida Catarina Góes da Silva Bessa
Claudia Pinho Anselmo de Lima
Fernanda Delvalhas Piccolo
UM CIRCUITO DE PALESTRAS “DE PRODUTOR PARA PRODUÇÃO”: CONEXÃO E
EXTENSÃO COM A BAIXADA FLUMINENSE DO RIO DE JANEIRO
Pôster
SAGUÃO
Águida Catarina Góes da Silva Bessa
Juliana Mayara de Lima Faustino
Rodrigo Dias Mendes
Fernanda Delvalhas Piccolo
UMA CONEXÃO COM A BAIXADA FLUMINENSE DO RIO DE JANEIRO: OBSERVAÇÕES
A CERCA DA EDUCAÇÃO PATRIMONIAL E DO PATRIMONIO HISTÓRICO E CULTURAL
DE NOVA IGUAÇU
Pôster
SAGUÃO
André Luiz das Chagas Barbosa
UTILIZAÇÃO DE HISTÓRIAS EM QUADRINHO NO ENSINO DA GEOGRAFIA
Pôster
SAGUÃO
22 de janeiro - 19h - Prédio 14
EIXO TEMÁTICO: Pedagogia, Territórios e Resistências
NOME
TRABALHO
MODALIDADE
SALA
Zuleyka da Silva Duarte
A EDUCAÇÃO CORPORAL NO CONTEXTO DA FORMAÇÃO OMNILATERAL
Comunicação Oral
109
Paulo Roberto de Abreu Bruno
ELEMENTOS PARA A CONSTRUÇÃODE UMA PEDAGOGIA DAS RUAS:ESBOÇO PARA
UMA CONTRAPARTIDA À “PEDAGOGIA DO TERROR”
Comunicação Oral
109
Luciano Debom Steiw
ESTILOS JUVENIS NA PERIFERIA URBANA DE PORTO ALEGRE
Comunicação Oral
109
Cheila Daniane Marianof Milczarek
Paula Maria Zanotelli
FORMAÇÃO DE PROFESSORES: LIMITES, DESAFIOS E POSSIBILIDADES
Comunicação Oral
109
Kênya Jessyca Martins de Paiva
Mariana Soares Silva
O ENSINO DE HISTÓRIA EM ESPAÇOS DE RESISTÊNCIA E LUTA DA POPULAÇÃO
NEGRA DO MUNICÍPIO DE JAGUARÃO/RS
Comunicação Oral
109
Eduardo Rangel Ingrassia
TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO: UMA PEDAGOGIA INOVADORA
DE RESISTÊNCIAS E APRENDIZAGENS
Comunicação Oral
109
Luciano Brasbiel Coiro
A INFLUENCIA DO MEIO SOCIAL NA APRENDIZAGEM
Pôster
SAGUÃO
Annie Teixeira Ramos
Higor Matheus da Silva Ferreira Cerqueira
Fernanda Delvallhas Piccolo
A REAFIRMAÇÃO DA IDENTIDADE CULTURAL ATRAVÉS DA ESCOLA NA CIDADE DE
DUQUE DE CAXIAS
Pôster
SAGUÃO
Geisa Carolina Camillo Tatsch
ENTRE O PROFESSOR E O ESTUDANTE, A INTER-RELAÇÃO DE CULTURAS
Pôster
SAGUÃO
Jean Charles Marcos Santana
Laís Melo Lima
VALORIZAÇÃO DO ESPAÇO E ESTRUTURA TERRITORIAL DO BRASIL: DAS COLÔNIAS
AOS DIAS ATUAIS
Pôster
SAGUÃO
21
GUIA DE
LOCALIZAÇÃO
ULBRA CANOAS
19
22
04
08
07
09
12
37
13
27
26
21
59
Estacionamento
06
01
03
05
10
11
14
15
16
Acesso Veículos FME
Estacionamento
Coberto
Acesso Pedestres FME
Estacionamento
Av. Farroupilha, 8001
20
02
CAMPUS ULBRA CANOAS
01 - Prédio 01 - Auditório 219 / 220
11 - Prédio 11 - Auditório 11
22 - Centro Multiprofissional de Serviços
02 - Lancheria
12 - Museu de Ciências Naturais e laboratórios
25 - Área de Convivência
03 - Centro Cívico
13 - Palco Interno / Sala Imprensa
04 - Laboratórios
26 - Restaurante
27 - Metereologia
05 - Biblioteca
14 - Prédio 14 - Auditório 14G / 14P
15 - Capela
06 - Prédio 06 - Auditório 119
16 - ULBRATECH, ULBRATV e Rádio MIX FM POA
07 - Lancheria e restaurante
17 - Prédio 17 - Palco Interno / Sala Imprensa
40 - Credenciamento / Estandes
08 - Centro de serviços
18 - Atividades Culturais / Espaço Reiki / Café
09 - Laboratórios
19 - Laboratórios
50 - Centro de Treinamento
55 - Prédio 55 - Forinho / Jogos da Integração
10 - Reitoria
20 - Ambulatório
21 - Hospital Universitário
28 - Estação Climatológica
32 - Pista de atletismo e campo de futebol
56 - CEPPED
32
18
53
55
ALIMENTAÇÃO
60
BANCOS
17
- Prédio 06
Agência Banco do Brasil
Caixa Eletrônico Banco do Brasil - Prédio 06
Caixa Eletrônico Banrisul - Prédio 06
Caixa Eletrônico Caixa Federal - Prédio 06
CaixaEletrônico
Bradesco - Prédio 01 (frente)
SAÚDE
29
Lancheria e restaurante Du Café - Prédio 02
Lancheria Nutriversitário - Prédio 11
Lancheria Nutriversitário - Prédio 25
Lancheria e restaurante Ponto de Encontro - Prédio 07
Restaurante Nutriversitário - Prédio 11
Restaurante Nutri Grill - Prédio 11
Quiosque Churrasquinho do Seu Chico - Prédio 06
Ginásio Principal - Prédio 17
Hospital 24 horas - Fone:51 3032.3203
CULTURA
SERVIÇOS NO CAMPUS:
Livraria Cultural - Prédio 12
8h - 22h (seg. a sexta-feira) - 8h - 12h (sábado)
Fones: 51 3077.2212 - 3077.2211
Estação do livro
40
50
ENTRADA
56
Farmácia Panvel - Prédio 12
8h - 22h (seg. a sexta-feira) | 8h - 12h30 (sábado)
Fone:51 3428.6833
Salão de Beleza Cor e Corte - Prédio 12 e 13
9h - 21h - Fone: 51 3463.1261
OUTROS
25
Estacionamento
S
MAPA DE LOCALIZAÇÃO:
Apart Hotel - Prédio 22
24 horas | Reservas das 8h - 19h - Fone: 51 3477.9300
Estacionamento - Auto Park
7h - 23h (segunda a Sexta) - 7h - 18h
(sábado) em caso de eventos 7h - 23h
INFORMAÇÕES PARA PARTICIPANTES
Local
Universidade Luterana do Brasil
Sede Campus Canoas - Av. Farroupilha, nº 8001
Bairro São José - Cep 92425-900 - Canoas/RS
Dias 21, 22 e 23 de Janeiro de 2014.
CHEGANDO ATÉ CANOAS
Canoas está localizada na Região Metropolitana de Porto Alegre e ca a
apenas 8 quilômetros (5 milhas) de distância do Aeroporto Internacional
Salgado Filho (código aéreo: Porto Alegre).
A cidade de Canoas possui sistema de trem de superfície (TRENSURB)
que conecta com o centro de Porto Alegre e também com o Aeroporto
Internacional (Estação Aeroporto).
As linhas de ônibus que podem ser usadas para chegar à Universidade
onde será realizado o FME são: São José X Ulbra X Centro (05104),
Parque Universitário X Ulbra X F.Cultural (05321) e Ulbra X Inst. Federal
X Centro (05106).
CREDENCIAMENTO
http://fmecanoas2014.com.br/pt/inscricao
O credenciamento , das14 horas do dia 20 na ULBRA, se dará pela
identi cação do nome, portanto é necessário portar algum documento
que o identi que.
VOLUNTARIADO
O voluntariado no FME-Canoas /2014, tem como objetivo proporcionar
uma atuação junto às atividades que serão desenvolvidas no decorrer
dos dias 21, 22 e 23 de janeiro, com a intenção de ser um espaço de
trocas e construção de troca de conhecimento.
24
CERTIFICADOS
Os certi cados para os/as participantes inscritos/as nas discussões no site do
FME (ver Espaço Colaborativo), de novembro a dezembro e presentes no
FME 2014, em Canoas, serão de 40 horas. Os/as par ticipantes só no FME
2014, em janeiro, em Canoas serão de 30h.
a) Participantes Inscritos previamente de forma ON LINE:
Poderão retirar seus certi cados no dia 23/01 das 10h às 14h, no espaço do
Credenciamento, mediante documento que comprove sua identidade (RG,
Carteira de motorista, passaporte, entre outros), desde que possua foto.
b) Participantes Inscritos durante o fórum:
Retirar o certi cado a partir do dia 1º de março de 2014,
no site www.fmecanoas2014.com.br
c) Comunicação Oral:
Serão entregues no nal da apresentação, por membro do Comitê
Organizador.
d) Retirar no dia 23/01/2014, de 10 a 15 horas na Central de Informações,
mediante apresentação de documento com foto.
e) Os certi cados para participantes e instituições que promovem atividades
autogestionárias estarão disponíveis para emissão online a par tir de 1º de
março de 2014
f) Os relatores de trabalhos poderão receber seus certi cados no último dia
do FME (no Setor de Informações, a par tir das 10h até às 14h, mediante
apresentação de documento com foto).
HOSPEDAGEM
Hotel Colaborador do FME
Canoas Parque Hotel
Avenida Getúlio Vargas, 7421 Igara, Canoas RS
Telefones: +55 51 3052.2121 / +55 51 3052.2400
130 apartamentos
[email protected]
www.canoasparquehotel.com.br
Outros Hotéis recomendados pela
organização em CANOAS
Hotéis recomendados pela
organização em PORTO ALEGRE
Hotel Metropolitan
Rua Domingos Martins, 110 Centro, Canoas RS
Telefones: +55 51 3052.3444 / +55 51 3052.3400
131 apartamentos
[email protected]
www.hotelmetropolitan.tur.br
Hotel Plaza São Rafael
Avenida Alberto Bins, 514 - Centro Histórico
Porto Alegre - RS - CEP 90030-140
Telefone: +55 51 3220.7000 / Fax: +55 51 3220.7001
www.plazahoteis.com.br/saorafael/br/
Hotel Ibis Canoas Shopping
Rua Mathias Velho, 235 Centro, Canoas RS
Telefone:+55 513507.2177 / Fax: +55 513466.6397
132 apartamentos
[email protected]
www.ibis.com/pt-br/hotel-8273-ibis-canoasshopping/index.shtml
Hotel Plaza Porto Alegre Plazinha
Rua Senhor dos Passos, 154 - Centro Histórico
Porto Alegre - RS - CEP 90020-180
Telefone: +55 51 3220.8000 / Fax: +55 51 3220.8001
www.plazahoteis.com.br/plazinha/br/
Everest Porto Alegre Hotel
Rua Duque de Caxias, 1357 - Centro
Porto Alegre - RS, 90010-283
Telefone: +55 51 32159.500
www.everest.com.br/portoalegre/
ACAMPAMENTO:
O acampamento ocupará o espaço do
Centro Social Urbano ( RuaJoão Leivas de
Carvalho, 541 - São José- Canoas / RS), que
está a 15 minutos (aproximadamente) de
caminhada da Universidade Luterana do
Brasil (ULBRA).
Existem dois tipos de acomodação: Interna
(colchões) e Externa (barracas).Tanto os
colchões como as barracas devem ser
providenciadas pelos participantes.
Datas e horários importantes:
20 de janeiro de 2014, às 14h: abertura para
acesso dos inscritos no acampamento;
23 de janeiro de 2014, às 15h: fechamento
do acampamento
Para mais informações, acesse o guia turístico da cidade de Canoas, no link: www.canoas.rs.gov.br/pci/guiasecopa
25
VOLUNTARIADO
FORINHO
O voluntariado no FME-Canoas /2014, tem como objetivo proporcionar uma atuação junto as
atividades que ser ão desenvolvidas no decor rer dos dias 21, 22 e 23 de janeiro.
Proporcionando para o colaborador um espaço de trocas e construção de conhecimento
O Forinho é uma atividade integrante da programação do FÓRUM
MUNDIAL DE EDUCAÇÃO 2014, destinada a crianças de 4 a 12 anos
de idade. Neste espaço serão desenvolvidas diversas atividades:
· O cinas pedagógicas de artes, música, educação ambiental, diversidade;
· Apresentações;
· Contação de histórias, entre outras.
DATAS IMPORTANTES
15/01/2013, 14h às 16h, no Auditório da Secretaria municipal de Educação de Canoas,
Rua Monte Castelo, 340, Bairro Nossa senhora das Graças:
Reunião de trabalho -Apresentação do papel doVoluntário no FME Canoas;
-Escolha do turno de trabalho;
-Coleta de dados para contrato Coordenação de trabalho: Fernanda Menine Zambrano / Mari Manteli e Denise Wedman;
20/01/2013, 9h às 12h - 13h às 17h, na Ulbra Canoas, auditório do prédio I:
Formação doVoluntariado para FME Canoas 2014:
- Apresentação da Estrutura do FME - Canoas 2014;
- Reunião por grupo de trabalho;
- O cina de acessibilidade.
- Assinatura do contrato de serviços voluntários no FME Canoas 2014;
Coordenação dosTrabalhos:Fernanda Menine Zambrano / Mari Manteli e Denise Wedman;
Turnos de trabalho de 6h dia:
21, 22 e 23 Manhã: 7h às 13h -Tarde: 13h às 19h
21 e 22 Noite: 17h às 22h
Os/as voluntários/as terão de benefícios:
1 refeição por turno;
Certi cado de 30h;
1 camiseta do FME.
Espaço de comercialização:
O Fórum Mundial de Educação, terá um espaço de comercialização, onde teremos grupos da
economia solidária e entidades oferecendo seus produtos como ar tesanatos locais e
regionais, livros, brinquedos e jogos pedagógicos, e alimentação.
25
As atividades ocorrerão nos turnos Manhã (7h30 às 12h) e Tarde (14h às
19h). Alimentação e higiene carão a encargo dos pais ou responsáveis.
Venha participar conosco!
IDIOMAS
As quatro línguas o ciais do Fórum são:
- Português;
- Francês;
- Inglês;
- Espanhol.
As Mesas Provocando o Debate terão tradução simultânea.
Libras
Haverá intérpretes nas mesas e o cinas, de acordo com a observação das
inscrições, por questão de otimização de necessidades.
Alimentação
Haverá praça de alimentação no local do evento, informe-se no Setor
Posso Ajudar
22/01 22:00 Jantar. Homenagem a criação dos Institutos Federais (por
adesão)
23/01 13:00 Almoço especial para os convidados do FME Galpão da
ULBRA. (por adesão)
CÂMBIO
O limite de câmbio é R$1000 diários e pode ser feito tanto de euro
quanto dólar. Para usuarios do car tão Visa europeu se recomenda
trocar pouca quantidade e utilizar alguns caixas eletrônicos para
conseguir reais.
Os caixas eletrônicos HSBC y Bradesco permitem sacar dinheiro
com o cartão visa europeu.
Os bancos funcionam das 10h às 16h, de segunda a sexta-feira. Há
vários caixas eletrônicos pela cidade, em especial junto aos
shoppings, mas nenhum deles faz câmbio.
No aeroporto Salgado Filho há câmbio no Banco do Brasil e na Casa
Brasil, nesta inclusive aos nais de semana.
A casa de câmbio mais próxima do local do evento está localizada no
Canoas Shopping (Avenida Guilherme Schell, 6750) a 5km da
ULBRA. Fone: +55 51 3059-2001
O Aeroporto Salgado Filho também dispõe de casas de câmbio.
Outras Informações Essenciais
Correios: Os Correios funcionam de segunda a sexta-feira, das 9h às
18h, e sábado, das 9h às 12h. Existem agências em todos os bairros da
cidade. Para maiores informações ligue 0800 57 00100 ou acesse
www.correios.com.br.
Documentos: Em caso de perda ou fur to de documentos, registre
ocorrência em uma Delegacia ou nas agências dos Correios.
Estrangeiros devem noti car o Consulado ou a Embaixada do país
de origem. Há um Setor de Achados e Perdidos na Rua Siqueira
Campos, nº 1100 - Centro (3328 8655 / 0800 56 0159) para onde
são encaminhados os objetos e documentos encontrados nas ruas.
EMERGÊNCIAS
Brigada Militar: 190
Bombeiros: 193
SAMU: 192
Patrulha deTrânsito: +55 51 3462.1638
TOMADAS DE ENERGIA
Duas voltagens são usadas no Brasil: 110V e 220V. Em Canoas, a voltagem padrão é 110V,
recomenda-se veri car a tensão em cada aparelho antes de colocá-lo em uma tomada.
Na ULBRA é 220 v
Segundo o Padrão Brasileiro de Tomadas e Plugues, os plugues aqui utilizados são os de dois ou
três pinos redondos e as tomadas são de três orifícios de 4mm ou de 4,8mm
EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS ETELÉGRAFOS
Rua Quinze de Janeiro, 61 1º Andar
Centro, Canoas RS
Telefone: +55 51 3466.3712
Aeroporto Internacional Salgado Filho
Avenida Severo Dulius, 90010, Porto Alegre RS/ Brasil
Telefones : + 55 51 3358.2000
TELEFONIA
O código de área do Brasil é 55. O código de área para Canoas, Por to Alegre e região
metropolitana é 51.
Os Telefones Públicos permitem fazer ligações para qualquer parte do mundo através de cartão
telefônico vendido em shoppings, tabacarias e farmácias. O Cartão Internacional é facilmente
encontrado nas agências dos Correios, lojas de conveniências, bancas de revistas e casas lotéricas.
A ligação é gratuita para os números de emergência. Para ligações locais a cobrar disque 9090 e o
número desejado. Outra opção é o Posto Telefônico na Av. Uruguai, 279 - Centro - Fone: 32284644.
Códigos: Porto Alegre (51) e Brasil (55).
Ligações Nacionais: 0 + cód. operadora (14*, 21 ou 23) + cód. cidade (DDD) + no telefone
Ligações Nacionais a Cobrar: 90 + cód. oper. (14*, 21 ou 23) + cód. cidade (DDD) + no telefone
Ligações Internacionais: 00 + cód. oper. (21 ou 23) + cód. país + cód. cidade (DDD) + no
telefone
Ligações Internacionais a Cobrar:Tel. 0800.7032111 / 0800.7032100
INFORMAÇÕES TURÍSTICAS
Acesse o guia turístico da cidade de Canoas, neste link:
www.canoas.rs.gov.br
26
QUEM ORGANIZA
Conselho Internacional do FME - CIFME
Comitê Organizador do FMEPRMP
·Conselho Internacional do FME- CIFME
Conta com a colaboração da Secretaria Executiva do CIFME na coordenação do
FME, no seguimento do programa, organização do debate e da sua metodologia.
A SE do CIFME está formada atualmente pelas seguintes organizações:
Conselho de Educação de Adultos de América Latina CEAAL
Conselho Latino Americano de Ciências Sociais - CLACSO
Consulenti Orientatori Formatori in Rete- COFIR (Itália)
Federação de Movimentos de Renovação Pedagógica de Valência- FMRPPV
(Espanha)
Fundação SES (Argentina)
Instituto Paulo Freire- IPF (Brasil)
Sindicato de Trabalhadoras e Trabalhadores de Educação Intersindical - STEs-i
(Espanha)
Viva a Cidadania (Colômbia)
MAIS
INFORMAÇÕES
SOBRE O EVENTO
27
Comitê Organizador do FMEPRMP é, como em outras realizações de FMEs Temáticos,
constituído de organizações locais, da cidade e/ou estado onde será realizado:
· Secretaria Municipal de Educação Canoas
· Universidade Luterana do Brasil
· Grupo de Apoio à Infância e Adolescência (GAIA) Gravataí
· Instituto Integrar
· Central Única dos Trabalhadores (CUT)
· Escola Municipal de Educação Fundamental Monteiro Lobato Canoas
· Escola Estadual Especial Brigadeiro Ney Gomes da Silva Canoas
· Instituto Federal Rio Grande do Sul Canoas
· Instituto Federal Rio Grande do Sul Porto Alegre
· Consejo de Educación Popular de America Latina y El Caribe (CEAAL) RS-Brasil
· Coordenadoria Regional de Educação (CRE) nº 27
· Fundação de Articulação e Desenvolvimento de Políticas Públicas Rs (FADERS)
· Comunidade Negra Bankomasul
· Secretaria Municipal de Educação de Esteio
· Secretaria Municipal de Educação de Porto Alegre
· Secretaria de Relações Institucionais e Monitoramento - Canoas
· Gabinete Prefeito - Canoas
· Comunidade Morada da Paz
· Centro Universitário La Salle (Canoas)
· Coordenadoria Regional de Educação (CRE) nº 28
· Relações Institucionais e Monitoramento (SMRIM) Canoas
· Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Habitação Canoas
· Centro de Capacitação em Educação Inclusiva e Acessibilidade (CEIA) Canoas
· Confederación Educadores Americanos (CEA)
· Fórum de Educação Popular (FREPOP)
Para perguntas relacionadas com a logística, organização e inscrições do
Fórum, favor entrar em contato com o Escritório do FME em Canoas:
Escritório FME Canoas
Prefeitura Municipal de Canoas
Relações Internacionais
Rua 15 de Janeiro, 11
Centro - Canoas/RS - Brasil - CEP: 92010-300
Tel.: +55 51 3462.1566 /+55 51 9317.4786 /+55 51 8445 0459
[email protected]
http://www.fmecanoas2014.com.br
https://www.facebook.com/FME.Canoas
Coordenação Geral:
Coordenação de Extensão:
Coordenação de RH:
Eliezer Moreira Pacheco
Isabel Cristina Passos dos Santos
Miriam Batista
Albert Sansano Estradera
Loíze Aurélio
Eri Domingos
Denise da Rosa Wedman
Secretária Executiva:
Fernanda Menine Zambrano
Coordenação de
Publicidade:
Luciano Dumont Ribas
Coordenação de
Relações Externas:
Janete Jachetti
Ana Cristina Morschbacher
Mari Mantelli
Coordenação de
Programa:
Albert Sansano
Coordenação de
Infraestrutura:
Angelita Michelon
Coordenação de
Relações Internacionais:
Werner Neubert Drevnovicz
Coordenação Mostra
de Trabalhos:
Deise Martins
Jerusa Amaral
Cristian Douglas Poeta
Coordenação de Logística:
Coordenação Cultural:
Maria Cristina Cavalcanti
Joana Costa Willadino
Érida Amaral
Felipe Guatura
Coordenação de
Comunicação:
Claudia Vasconcelos
Luciane Dalbosco
Coordenação Esporte
e Lazer:
Rosilaine Pinheiros
Desiree Moridakis
Loíze Aurélio
28
O
D
A
I
R
HISTÓ
DIAL
N
U
M
M
U
R
FÓ
Ministério da
Educação
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
A
O
Ã
Ç
A
C
DE EDU
O
C
I
T
Á
TEM
FÓ
M
RU D
E
E M
D
TE
L
IA
D ÃO
UN Ç
M A
O
C
C
I
U
ÁT

Documentos relacionados