Descrição técnica dos Balanceadores “WATT” computadorizados

Сomentários

Transcrição

Descrição técnica dos Balanceadores “WATT” computadorizados
Descrição técnica dos Balanceadores “WATT” computadorizados
mod.: WBCP
Os Balanceadores Computadorizados WATT são inteiramente projetados e
fabricados no Brasil, possuindo as seguintes vantagens em relação aos modelos
anteriores:
Melhoria da precisão de indicação e precisão final [maior rejeição de ruídos], pois
todos os cálculos são executados matematicamente.
Cálculo pelo computador da tolerância de balanceamento.
Maior garantia do serviço pela emissão automática do “Certificado de
balanceamento”.
Sempre apoiado pelo avanço da tecnologia e pela larga experiência do seu corpo
técnico no ramo, o Departamento de Pesquisas e Desenvolvimento da Wattécnica
desenvolveu este equipamento de modo a entregar ao usuário uma máquina de fácil
operação, elevada precisão, grande versatilidade, fácil manutenção e com alto padrão de
qualidade.
Parte eletrônica:
"HARDWARE"
Todo projeto do "HARDWARE" e "SOFTWARE" foi feito com diretrizes que
oferecem ao usuário uma série de vantagens:
Utiliza um computador tipo "PC" convencional, ou "NOTEBOOK" sem nenhuma
modificação, adicionado da placa interface analogo-digital WATTÉCNICA "WB-CP1"
que possui as entradas dos sensores de vibração e posição, e uma saída para acionar
o inversor de freqüência do motor de acionamento; conectado na porta LPT1 ou LPT2
do computador; e um variador de rotação (inversor de freqüência) "Velotronic" de nossa
fabricação, para variar a rotação do motor de acionamento da peça.
Sensores de deslocamento da vibração, de cristal de plástico, encapsulados, imunes
a: óleo, umidade, qualquer tipo de impurezas e campos magnéticos.
Sensor de posição ótico que interpreta uma marcação da peça rotativa (radial ou
axial) ou o disco graduado em ângulo.
"SOFTWARE"
O programa "Baldig", desenvolvido pela Wattécnica em ambiente "Windows 98"
oferece:
Janela com calibragem geométrica, 2 planos - para máquinas com mancais duros,
com:
Indicação da quantidade em gramas (ou qualquer unidade) e posição por números; e
posição por gráfico circular em cada plano
Indicação da rotação inicial e final de medição.
Cálculo da tolerância pela norma "ISO" em várias unidades.
Cálculo da tolerância pela norma "ISO", calculada nos mancais reais da peça para
definir peça por peça a necessidade de balanceamento dinâmico de peças em forma de
disco.
Comando para verificação do desbalanceamento estático sem alterar a calibragem
ou balanceamento em um plano.
Programa compensador que permite compensar peso de chaveta, excentricidade de
mandril.
Janela com calibragem geométrica, 3 planos - um plano central do componente
estático, e 2 planos dos componentes dinâmicos - para máquinas com mancais duros,
com:
Indicação da quantidade em gramas (ou qualquer unidade) e posição por números; e
posição por gráfico circular em cada plano
Indicação da rotação inicial e final de medição.
Cálculo da tolerância pela norma "ISO" em várias unidades.
Cálculo da tolerância pela norma "ISO", calculada nos mancais reais da peça para
definir peça por peça a necessidade de balanceamento dinâmico de peças em forma de
disco.
Programa compensador que permite compensar peso de chaveta, excentricidade de
mandril,
Janela para balancear Eixo de Manivelas, com:
Indicação da quantidade em gramas (ou qualquer unidade) e posição por números; e
posição por gráfico circular em cada plano.
Acerta automaticamente os planos de medição dos contrapesos a serem furados.
Indicação da rotação inicial e final de medição.
Cálculo da tolerância pela norma "ISO" em várias unidades.
Programa compensador que permite compensar peso de chaveta, excentricidade de
mandril,
Janela com calibragem por taragem, 2 planos - para máquinas com mancais
flutuantes ou balanceamento no campo com sensores absolutos (acelerômetros) com:
Indicação da quantidade em gramas (ou qualquer unidade); e posição por números; e
posição por gráfico circular em cada plano.
Indicação da rotação inicial e final de medição.
Indicação das 8 últimas leituras.
Cálculo da tolerância pela norma "ISO" em várias unidades.
Comando para balanceamento em um plano (estático).
Programa compensador que permite compensar peso de chaveta, excentricidade de
mandril, ou anular desbalanceamento inicial de rotor para calibragem ou teste.
Janela para indicar profundidade de furação ou comprimento de barra retangular.
Janela de análise de vibração para descobrir falhas na peça a ser balanceada ou
analisar vibração em máquinas no campo (com sensores absolutos) com:
Medição de velocidade, amplitude, freqüência (Hz e RPM) em 2 planos.
Filtros programáveis em largura de banda e freqüência (Hz e RPM) .
Analisador de Espectro de 1 a 120000 RPM, com indicação de velocidade e cálculo
do deslocamento e aceleração.
Janela tipo osciloscópio para visualizar a forma de onda das vibrações ou
diagnosticar defeito no equipamento.
Visualização e acesso (por senha) de todos os bancos de dados:
Banco de dados seqüencial de registro de todas as leituras com data e hora.
Banco de dados de registro das calibragens das peças
Banco de dados de procedência de peças.
O programa possui uma série de alertas para avisar ao operador sempre que for
detectado alguma irregularidade.
Programa independente de emissão do Certificado de Balanceamento e impressão.
Parte mecânica:
(somente nas máquinas de bancada)
Na parte mecânica, a Wattécnica desenvolveu o sistema de acionamento por correia
que tornou o equipamento extremamente versátil. Este sistema de acionamento
apresenta, entre outras, as seguintes vantagens:
Qualquer tipo de peça, que esteja dentro dos limites de utilização do equipamento,
pode ser balanceada imediatamente, pois é dispensada a confecção de luvas ou qualquer
outro dispositivo de acoplamento.
Este sistema contribui para que se obtenha uma alta precisão na medição, uma vez
que elimina as incômodas interferências do eixo cardan e luvas de acoplamento que, em
última análise, são corpos solidários à peça em rotação e que quando apresentam a menor
folga ou empeno, introduzem ruídos que comprometem a precisão de balanceamento.
A possibilidade de regular a velocidade de rotação da peça, independentemente do
seu diâmetro, oferece vantagens como: executar testes de flexão, balancear rotores em
velocidades indicadas pelo fabricante, etc...
Os balanceadores WATT enquadram-se no grupo das chamadas máquinas
"DURAS", isto é, sua estrutura de apoio da peça é rígida, permitindo que a massa da peça
não interfira na medida; o que resulta na possibilidade de uma calibragem puramente
geométrica.
Modelo:
WBCP 20/10-A
Peso do corpo (mín / máx).................................
Diâmetro sobre o barramento..............................
Distância mín / máx. dos mancais.......................
Diâmetro mín / máx. do eixo do corpo..................
Potência do motor de acionamento......................
Diâmetro do acionamento mín / máx....................
Largura do acionamento......................................
Rotação do corpo mín / máx................................
Leitura mín/máx..................................................
Precisão de balanceamento................................ .
0,1/10 Kg
200 mm
30/450 mm
2/20 mm
0,25 CV
10/150 mm
10 mm
1000/5000 RPM
1,5 mg / 30 g
0,5 gmm/kg
Modelo:
WBCP 60/100-E
Peso do corpo (mín / máx).................................
Diâmetro sobre o barramento..............................
Distância mín / máx. dos mancais.......................
Diâmetro mín / máx. do eixo do corpo..................
Potência do motor de acionamento......................
Diâmetro do acionamento mín / máx....................
Largura do acionamento......................................
Rotação do corpo mín / máx................................
Leitura mín/máx..................................................
Precisão de balanceamento................................ .
1/100 Kg
600 mm
100/2000 mm
4/90 mm
1,5 CV
15/400 mm
15 mm
250/2500 RPM
15 mg / 300 g
0,5 gmm/kg
Modelo: WB 80/300-F
Peso do corpo (mín / máx).................................
Diâmetro sobre o barramento..............................
Diâmetro eventual sobre o barramento.................
Distância mín / máx. dos mancais.......................
Diâmetro mín / máx. do eixo do corpo..................
Potência do motor de acionamento......................
Diâmetro do acionamento mín / máx....................
Largura do acionamento......................................
Rotação do corpo mín / máx................................
Leitura mín/máx..................................................
Precisão de balanceamento................................ .
3/300 Kg
800 mm
1000 mm
100/2500 mm
6/120 mm
3,0 CV
20/600 mm
15 mm
150/2500 RPM
50 mg / 1 Kg
0,5 gmm/kg
Modelo:
WB 80/1000-F
Peso do corpo (mín / máx).................................
Diâmetro sobre o barramento..............................
Diâmetro eventual sobre o barramento.................
Distância mín / máx. dos mancais.......................
Diâmetro mín / máx. do eixo do corpo..................
Potência do motor de acionamento......................
Diâmetro do acionamento mín / máx....................
Largura do acionamento......................................
Rotação do corpo mín / máx................................
Leitura mín/máx..................................................
Precisão de balanceamento................................ .
10/1000 Kg
800 mm
1000 mm
100/2500 mm
6/120 mm
3,0 CV
20/600 mm
15 mm
150/2500 RPM
50 mg / 1 Kg
0,15 g / 3 Kg
Modelo:
WB 160/5000-H
Peso do corpo (mín / máx).................................
Diâmetro sobre o barramento..............................
Diâmetro eventual sobre o barramento.................
Distância mín / máx. dos mancais.......................
Distância máx. dos mancais c/base aux..............
Diâmetro mín / máx. do eixo do corpo..................
Potência do motor de acionamento......................
Diâmetro do acionamento mín / máx....................
Largura do acionamento......................................
Rotação do corpo mín / máx................................
Leitura mín/máx..................................................
Precisão de balanceamento................................ .
50/5000 Kg
1600 mm
2000 mm
200/3500 mm
5000 mm
10/200 mm
15 CV
30/1200 mm
15/80 mm
100/1500 RPM
50 mg / 1 Kg
0,5g / 10 Kg
Balanceador / Analisador de Vibração Portátil, de dois planos, computadorizado
Modelo WB-CPBP-1
Peso do corpo mín............................................ 0,05 Kg.
Precisão de balanceamento.............................. 0,5 gmm/Kg.
Rotação mín/máx.............................................. 50 / 30.000 RPM.
Interferência entre planos.................................. Menor que 10%.
Sistema de medição do desbalanceamento:......filtro Wattimétrico.
Indicação de vibração em ................................ microns mm/seg e m/s2.
Vibração mín/máx (aprox)................................ 0,01 a 10 G.
Freqüência do filtro........................................... 60 / 120.000 RPM.
Largura de banda do filtro................................. 5 a 50%.
Indicação da forma de onda da vibração........... Gráfica.
Analisador de espectro gráfico em:................... microns, mm/seg e m/s2
Medição de rotação.......................................... 60 / 120.000 RPM.
Calibragens...................................................... por "Software"
Sensores de vibração....................................... Acelerômetro de cristal de plástico.
Sensor de posição............................................ Ótico por reflexão (radial ou axial)
Comprimento dos cabos................................... 7 M
Wattécnica Indústria e Comercio Eletromecânica Ltda.
BR 116, 76565 G-3, KM 76,5 - PRATA - TERESOPOLIS - RJ - CEP: 25985-003
Tel.: (21) 2742-4904
Fax.: (21) 2742-3403
CGC: 42.410.647/0001-31
Inscrição Estadual: 81.882.797
http://www.wattecnica.com.br
E-mail: [email protected]