- Fundação Pró-Rim

Сomentários

Transcrição

- Fundação Pró-Rim
FUNDAÇÃO PRÓ RIM
CNPJ N.º 79.361.127 / 0001 - 96
RELATÓRIO ANUAL
2 0 11
A FUNDAÇÃO PRÓ RIM , fundada em 22 de dezembro de 1987 na cidade de Joinville, Estado de Santa Catarina, a
Rua Xavier Arp, 15, com filiais a Rua Waldomiro Mazurechen, s/n , anexo ao Hospital São José em Jaraguá do Sul, SC , a Rua
Cel José Severino Maia, 983, anexo ao Hospital São Vicente de Paula em Mafra, SC , Rua Augusto Klimmeck, 277, sala 02 ,
Centro em São Bento do Sul , SC , Av. do Estado 1690 em Balneário de Camboriú, SC e Rua Cel Vidal Ramos, 164 em
Blumenau. SC, a 201 SUL Avenida NS 01 – conj. 02 – Lote 01 - anexo ao Hospital Geral de Palmas, To e Rua Presidente
Juscelino Kubitscheck, 1513, anexo Hospital de Referência de Gurupi, Centro, Gurupi – TO, Rua Domingos de Morais, 907,
sala 11, Vila mariana em São Paulo - SP e Rua Alexandre Dumas s/n, Boa Vista em Joinville – SC , constitui-se como
sociedade civil de direito privado, com duração ilimitada, beneficente, assistencial, filantrópica, sem fins lucrativos com as
seguintes finalidades:
MISSÃO





SALVAR VIDAS tendo como foco o PACIENTE RENAL:
Com a participação direta e efetiva da SOCIEDADE;
Com o intuito de proporcionar prevenção e tratamento com AMOR, DIGNIDADE, ÉTICA e QUALIDADE;
Visando sempre o BEM-ESTAR FÍSICO – PSÍQUICO e SOCIAL dos nossos CLIENTES;
Desenvolvendo e aplicando EDUCAÇÃO CONTINUADA e NOVAS TECNOLOGIAS.
A FUNDAÇÀO PRÓ-RIM é uma pessoa jurídica de direito privado, beneficente, filantrópica tendo por finalidade 1.A
criação , instalação e manutenção : a ) De um Art. 3.° A Fundação de Amparo à Pesquisa em Enfermidades Renais e
Metabólicas tem como finalidade realizar ações de assistência à saúde, notadamente na área da nefrologia.
Art. 4.º Para consecução de suas finalidades, a Fundação poderá:
1. realizar ações no campo da saúde, educação e pesquisa, com ênfase à prevenção, diagnóstico e tratamento das doenças
renais;
2. celebrar convênios, contratos, acordos, e outros instrumentos jurídicos com pessoas físicas e jurídicas, de direito privado ou
público, nacionais ou estrangeiras e internacionais;
3. realizar programas educacionais, de estágio, de treinamento, conceder bolsas, prêmios ou ajudas de custo;
4. promover cursos, simpósios, congressos e a edição de publicações técnicas e científicas;
5. criar, construir, manter ou administrar unidades de apoio e/ou produção de recursos técnico-científico-operacionais que
forem essenciais ao cumprimento das suas finalidades.
6. desenvolver programas de promoção comunitária, apoiando a implementação de projetos voltados ao aprimoramento
técnico-profissional de pessoas da comunidade, utilizando os benefícios fiscais facultados pela legislação;
7. constituir parcerias com entidades públicas ou privadas de objetivos afins, voltadas ao desenvolvimento de projetos que
visem alcançar as finalidades institucionais, podendo, para tanto, administrar unidades e/ou gerenciar atividades;
8. estimular e promover consultoria técnica de alto nível, programas de capacitação e prestação de serviços técnicos
especializados no atendimento de instituições de natureza pública ou privada, nacionais ou estrangeiras, bem como de projetos
de desenvolvimento institucional e de programas de qualificação e atualização profissional.
9. instituir e apoiar bolsas de estudos e pesquisas, campos de estágio e de treinamento em serviço, aperfeiçoamento a docentes,
servidores técnico-administrativos e alunos para atuarem no desenvolvimento integral da coletividade;
10. levantar, processar, armazenar, analisar e divulgar dados e informações técnico-científicas em parcerias com entidades
públicas ou privadas, interessadas em seus resultados;
11. propiciar o desenvolvimento da bioética, no âmbito de suas atividades;
12. estimular e desenvolver atividades de voluntariado;
13. instituir ou participar da composição de novas pessoas jurídicas com autorização do Ministério Público.
Parágrafo Único: Para atender seus objetivos, a Fundação adotará práticas de planejamento sistemático de suas ações, mediante
instrumentos de programação, orçamentação, acompanhamento e avaliação das suas atividades.
2
A FUNDAÇÃO PRÓ-RIM possui os seguintes títulos e registros ;
1 - Certificado de Entidade de Fins Filantrópicos, conforme processo n.º 28995. 000654/93-70 em 23 de
setembro de 1994, renovado em 03 de março de 1998 através da Resolução n.º 020 do Conselho
Nacional de Assistência Social, requerida renovação em 05.01.2.001 através do protocolo
n.º 44006.000439 / 2.001 – 47,processo da 1 Vara Federal de Joinville sob n 5000037-69.2010.7201/SC, solicitado
renovação do certificado em 19.01.2011 no Ministério da Saúde.
2 - Registro no CONSELHO NACIONAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL, conforme
processo n.º 28000.008805/90-31 em 26 de setembro de 1994 .
3 - Declarada de UTILIDADE PÚBLICA FEDERAL , conforme Decreto Presidencial de 27 de maio de
1992.
4 - Declarada de UTILIDADE PÚBLICA ESTADUAL, conforme a Lei º 3. 772 de 27 de maio de 1992 .
5 - Declarada de UTILIDADE PÚBLICA MUNICIPAL, conforme Lei º 2.345 de 28 de setembro de 1989 .
6 - Registrada na SECRETARIA DE HABITAÇÃO, SANEAMENTO E DESENVOLVIMENTO
COMUNITÁRIO DO ESTADO DE SANTA CATARINA, sob n.º 1.101 - 01 de 14 de novembro de
1991 .
7 - Registrada no CONSELHO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL do Município de Joinville sob
n.º 018 / 2.001 em 17 de outubro de 2.001
3
ATIVIDADES
Durante o ano de 2 0 1 1 a FUNDAÇÃO PRÓ RIM desenvolveu suas atividades em total observância de seus objetivos
institucionais, promovendo as seguintes atividades:
ATIVIDADES MÉDICAS E PARAMÉDICAS
AMBULATÓRIO MÉDICO
O setor de AMBULATÓRIO MÉDICO da FUNDAÇÃO PRÓ-RIM é o responsável pela preparação de pacientes renais
crônicos para receberem o transplante renal, responsável pela captação de órgão de doadores não relacionados, responsável
pela coordenação dos transplantes renais e acompanhamento e orientação dos pacientes transplantados. Este setor conta com os
seguintes médicos DR. JOSÉ ALUISIO VIEIRA, DR. HERCÍLIO ALEXANDRE DA LUZ FILHO, Dra. LUCIANE M.
DEBONI, Dr. MARCOS ALEXANDRE VIEIRA, e Dr. ARTHUR WENDHAUSEN, Dr. PAULO CICOGNA, Dr.
CARLOS ALBERTO ROST, DR. RAFAEL WERLICH, , Dra. LUCIA TABIN DE OLIVEIRA, Dr. JEAN
GUTERRES, Dr. ADEMAR R. FILHO, Dr. CHRISTIAN E. GARCIA, Dr. ALEXANDRE ERNANI DA SILVA,
Psicóloga ROSA MARIA GASPARINO DA SILVA, Enf. DENISE GUTERREZ, Dr. AMADEO GIANASSI, DR.
ITAGORES SOUZA COUTINHO, DR. RICARDO SUGAI, DR. MARCOS PONDIAN JACIENTO, Dr. MARCOS
VINICIUS e a Auxiliar Administrativa. O ambulatório médico teve durante o ano despesas com salários e encargos num total
de R$ 2706.715,99 e realizou os seguintes trabalhos abaixo.
Mês
Joinville
JAN
FEV
MAR
ABR
MAI
JUN
JUL
AGO
SET
OUT
NOV
DEZ
TOTAL
673
948
1.114
967
1.130
1.173
1.121
1.240
1.204
1.210
1.271
930
12.524
Bal.
São Bento
Camboriu
67
67
69
67
70
73
72
71
71
76
72
71
846
320
288
318
323
318
292
286
294
301
302
296
318
3.656
Palmas
Gurupi
T.otal
200
217
237
268
282
269
266
229
381
275
288
225
3.137
72
75
74
73
69
70
69
68
70
69
69
69
847
1332
1595
1.812
1698
1.869
1.877
1.814
1.902
2.027
1.932
1.996
1613
21.467
4
SERVIÇOS MULTIDISCIPLINARES
NUTRIÇÃO CLÍNICA
A FUNDAÇÃO PRÓ-RIM, em Joinville contou a contar com a colaboração, das funcionárias, a nutricionista FABIANA
BAGGIO NERBASS, TATIANA STELA KRUEGER, JYANA GOMES MORAIS, RAFAELA GONZAGA DOS
SANTOS, IVANDRA MARIA ROIESKI EM GURUPI, PONAIN MORAIS EM PALMAS, as quais continuam com o
ambulatório de nutrição clinica, para acompanhamento e orientação nutricional aos pacientes renais O ambulatório médico
teve durante o ano despesas com salários e encargos num total de R$ 235.971,48 e realizou os seguintes trabalhos abaixo:
Mês
Joinville
JAN
403
FEV
MAR
ABR
MAI
JUN
JUL
AGO
SET
OUT
NOV
DEZ
TOTAL
669
541
285
445
416
398
171
274
320
349
305
4576
Bal.
São Bento
Camboriu
Palmas
Gurupi
Total
73
25
0
75
173
23
73
69
72
74
81
87
82
98
76
94
902
0
0
18
22
23
22
22
20
25
20
23
220
342
316
602
539
335
329
352
354
347
396
0
3.912
75
76
74
74
0
76
77
77
79
74
73
830
1109
1006
1048
1152
848
906
709
807
869
915
495
10037
O setor de nutrição é o responsável pela administração do fornecimento de lanches para os pacientes, sendo que em
2.011foram fornecidas 121.343 de lanches com um total de R$ 280.349,08 mais o custo de mão de obra de copeiras
Mês
JAN
Joinville
2808
2782
FEV
2717
MAR
2834
ABR
2730
MAI
2782
JUN
2782
JUL
2821
AGO
2808
SET
2847
OUT
2847
NOV
2873
DEZ
TOTAL
33631
CUSTO – R$ 73.068,00
Bal.
São Bento
Camboriu
Mafra
Jaraguá
do Sul
Palmas
1.053
325
1137
1147
2.511
1.105
1.040
1.040
1.066
1.001
1.014
1.027
962
1.001
949
949
12.207
26.628,00
320
330
333
342
330
325
332
322
324
338
340
3.961
4.951,00
1105
1105
1122
1090
1105
1104
1088
1166
1234
1150
1107
13.513
11.375,74
1217
1260
1219
1260
1302
1173
1260
1343
1302
1217
1175
14875
15.200,99
2.340
2.632
2.535
2.691
2.882
2.910
2.919
2.782
2.540
2.613
2.706
32.061
107.404,35
Gurupi
Total
1001
9.182
988
988
988
1001
1001
1001
1001
1001
1001
1001
923
12.896
41.721,00
9.857
10.072
10.071
10.180
10.403
10.309
10.448
10.384
10.249
10.115
10.073
121.343
280.349,08
5
SETOR DE CIRURGIAS
Para intensificar a realização dos transplantes renais, confecção de fístulas e implante de cateteres a Fundação possui uma Sala
de Pequenas cirurgias e sua equipe de transplante, composta por Dr. JEAN GUTERREZ, Dr. ADEMAR R. FILHO, Dr.
CHRISTIAN E. GARCIA, a instrumentadora cirúrgica CARINE DUARTE e a Técnica de enfermagem RUTH MARIA
CIDRAL a qual teve um gasto com salários e encargos de R$ 349.329,46 e durante o ano realizou os seguintes trabalhos
Mês
JAN
FE
MAR
ABR
MAI
JUN
JUL
AGO
SET
OUT
NOV
DEZ
TOTAL
Confecção Implante de
de Fistula
cateter
Permanente
19
0
24
0
29
3
19
1
28
2
21
3
15
1
35
6
30
2
37
2
31
2
28
5
316
27
Implante
cateter d.
lúmen
1
0
2
2
3
5
1
7
2
2
1
2
29
Outros
procedimentos
0
0
0
0
0
0
0
0
0
0
0
1
1
SETOR DE PSICOLOGIA
O setor de psicologia da Fundação contou com a colaboração das seguintes psicólogas ROSA MARIA GASPARINO DA
SILVA, FLÁVIA BARBOSA MARTINS, JANAÍNA CARVALHO SELL, VANIA CECILIA GROSSL, TEREZINHA
DE JESUS CORDEIRO LOURENÇO, ALICE AMÉRICA DA CRUZ MOREIRA e IVANA CARLA MALLON,
THAIS LENNY MOTA COSTA, ISABELA SAMPAIO DE ALMEIDA FERNANDES as quais no ano realizaram os
seguintes atendimentos e tiveram os seguintes gastos com salários e encargos: R$ 309.076,58
Mês
Joinville
JAN
FEV
MAR
ABR
MAI
JUN
JUL
AGO
SET
OUT
NOV
DEZ
TOTAL
704
486
890
936
814
845
711
722
766
828
773
727
9202
Bal.
São Bento
Camboriu
102
121
92
85
110
63
107
106
109
117
9
131
1.152
72
90
97
85
92
80
77
78
75
79
95
38
958
Palmas
Gurupi
Total
145
145
152
164
176
186
171
163
177
158
175
176
1.988
1285
134
140
98
150
148
141
135
134
149
127
118
1.602
2308
976
1371
1368
1342
1322
1207
1204
1261
1331
1179
1190
16059
6
ASSISTÊNCIA SOCIAL
A Fundação contou com a colaboração das Assistentes Sociais funcionária LUCIANE RAMOS, MICHELE PACHECO,
NADIA REGINA VIEIRA BATISTA BEIER, MARLENE SYDORAK DOS ANTOS, MONICA DA SILVA,
MARILÉIA DE SOUZA, LYZMARA APOLINÁRIO, KEIDY FERREIRA DIAS e JOYCE GRACIELA DE
OLIVEIRA, que realizaram o trabalho de assistência social aos pacientes e familiares. A Fundação também possui uma
assistente social em Goiânia, devido a sua parceria com o Instituto de Nefrologia de Goiânia. O serviço de assistência social
teve durante o ano despesas com salários e encargos num total de R$ 250.076,13 e realiza os seguintes tipos de atendimentos :
Visita diária aos pacientes em tratamento hemodialítico, levantando suas principais necessidades através de uma escuta ativa e
uma postura de orientação. Essa visita consiste em uma ronda diária que objetiva, dentre outros, reforçar os vínculos de
confiança entre cliente e profissional e atender, sempre que possível, sua demanda e, caso necessário , encaminhá-lo ao
profissional competente.
Atendimento e orientação social aos clientes e familiares sobre os procedimentos clínicos e burocráticos da empresa, sobre o
tratamento hemodialítico em si ou orientações de outra natureza, solicitadas pela equipe multidisciplinar. Esse tipo de
atendimento permite a integração do cliente ao serviço e uma melhor adesão deste ao tratamento e suas rotinas.
Orientar e providenciar, sempre que solicitado, os recursos necessários para a marcação de exames e consultas, sobretudo, pelo
Sistema Único de Saúde. Em seguida, o cliente é encaminhado, após a confirmação pela Secretaria Municipal de Saúde, para o
local do procedimento com horário e data indicada.
Esclarecer e facilitar o acesso dos usuários aos diversos serviços e programas sociais, como passe livre, passe federal, INSS,
bolsa família e outros benefícios assegurados por lei à clientela da empresa. Tal tarefa permite que os clientes que se
enquadram nos termos legais possam ter acesso a uma melhor qualidade de vida, facilitando seu enfrentamento ao diagnóstico
e sua adesão ao tratamento;
Receber e registrar reclamações e sugestões do usuário. Devido à boa comunicação desenvolvida entre esta Gerência e a
clientela, o Serviço Social auxilia na fluência da comunicação entre equipe e usuários, agilizando e reduzindo dificuldades e
falhas da empresa e promovendo uma espécie de auto-avaliação informal e contínua da qualidade do serviço oferecido pela
equipe multidisciplinar .
Fazer contato e manter entrosamento com os demais serviços dos hospitais públicos e conveniados, visando o melhor
atendimento aos usuários;
Atendimento a família sempre que solicitado orientando e esclarecendo suas duvidas sempre que possível;
Agendamento de hemodiálise em transito para os clientes sempre que solicitado.
Encaminhamento de pacientes para transporte pela associação.
Coordenação das consultas SMS (secretaria municipal de saúde) abertura das agendas, confirmação dos pacientes e
agendamento dos retornos.
Organização de documentação de preparo para transplante renal,(agendamento de consultas,exames,orientações).
– Atividades realizadas em parceria com outras gerências
A Gerência de Serviço Social, reafirmando a proposta de uma equipe interdisciplinar, desenvolveu atividades em parceria com
outros setores da empresa, as quais apresentaram respostas positivas, tanto do ponto de vista de integração profissional quanto
do ponto de vista de qualidade no serviço prestado.
Dentre as tarefas, vale citar:
Realização, junto à Gerência de Psicologia e Gerência de Nutrição, da comemoração de dia dos Pais, com distribuição de
lembranças a clientes e funcionários pela data;
Decoração natalina da clinica junto à Gerência de Psicologia, visando melhorar a auto-estima dos clientes.
Elaboração, junto à Gerência de Psicologia, de painéis comemorativos e informativos, visando o reconhecimento e valorização
dos clientes (internos e externos).
Responsável pelas orientações e emissões de exames para transplante renal,
Orientação junto ao paciente de como realizar os exames para transplante, e de fazer o intercambio entre paciente e secretaria
municipal de saúde para autorização dos exames pré- transplante
Em 2011 foram feitos os seguintes atendimentos pelo setor de Assistência Social :
Mês
Joinville.
TOTAL
3.360
São Bento
do Sul
482
Balneário
Camboriu
Palmas
Gurupi
TOTAL
654
1.998
2.518
9.012
7
SETOR DE PRÉ E PÓS-TRANSPLANTE RENAL
O setor de pré e pós-transplante renal é o responsável pela preparação dos pacientes e familiares para a realização do
transplante renal, pelo acompanhamento dos pacientes transplantados durante sua internação e também pelo acompanhamento
pós-transplante. Este setor conta com a colaboração de uma enfermeira, uma auxiliar administrativa e toda a equipe
multidisciplinar da Fundação.
Cônsult. Pré-transplante
Consult. Pós-transplante
Consult.Doador de Rim
Consult .Familiares
Total de consultas
Visita Pacientes internados
Pós transplante para alta
Reunião Clínica
Reunião Transplante
Reunião Enfermagem
Reunião Administrativa
Total de reuniões
JAN FEV MAR ABR MAI JUN JUL AGO SET OUT NOV DEZ TOTAL
6
10
9
12
10
8 12
12
18
20
24
20
161
25
48
46
51
53
42 82
80 107 133 127 100
894
2
4
3
4
5
3 6
5
6
13
10
8
69
10
14
11
15
12
8 12
15
16
19
22
20
174
43
76
69
82
80
61 112 112 147 185 183 148
1.298
4
4
4
4
4
4
4
4
4
4
4
4
48
7
5
8
11
6
11
8
12
7
12
9
10
106
4
4
4
4
5 4
4
5
4
4
5
2
49
4
4
5
4
4
5
4
5
4
4
5
2
50
1
1
1
1
1
1
1
1
1
1
1
1
12
2
2
2
2
2
2
2
2
2
2
2
1
23
11
11
12
11
12
12 11
13
11
11
13
6
134
TRANSPLANTES RENAIS
A equipe multidisciplinar da Fundação faz a preparação dos pacientes a serem transplantados e a equipe cirúrgica faz os
transplantes nos hospitais credenciados pelo SUS ( Hospital Municipal São José – Joinville ) e no ano de 2011 foram
realizados 106 transplantes conforme abaixo , totalizando um total de 983 transplantes renais já realizados.
Mês
JAN
FE
MAR
ABR
MAI
JUN
JUL
AGO
SET
OUT
NOV
DEZ
TOTAL
Doador
vivo
1
2
1
4
2
0
3
4
4
3
5
3
32
Doador
cadáver
6
3
7
7
4
11
5
8
3
9
4
7
74
8
Procedência dos Pacientes submetidos a Transplante Renal coordenado pela Fundação
Prorim:
Região de origem
São Bento do Sul
Joinville
Balneário Camboriu
Mafra
Jaraguá do Sul
Palmas (TO)
Rio de Janeiro
Paraná
São Paulo
Tubarão
Curitibanos
itajai
Lages
Joaçaba
Videira
São Francisco do Sul
Palhoça
Araranguá
Mato Grosso
Belém (Para)
Criciúma
Bahia
Amapá
Total
Nº pacientes
4
19
6
7
8
3
4
12
6
3
4
1
1
4
4
1
1
1
10
1
3
1
2
106
RESIDÊNCIA MÉDICA
Desde fevereiro de 1995, os residentes de Nefrologia do Hospital Municipal São José fazem seus treinamentos em conjunto
com a FUNDAÇÀO PRÓ-RIM . O serviço de residência em convênio com o Hospital Municipal São José é reconhecido pelo
Ministério de Cultura e Desportos e pela Sociedade Brasileira de Nefrologia. O médico residente permanece durante 2 anos em
treinamento nas dependências da Fundação. Além do convênio com o Hospital Municipal São José, a Fundação possui
credenciamento junto a Sociedade Brasileira de Nefrologia para realizar treinamento em Nefrologia para médicos , os quais
deverão realizar a prova da SBS para obtenção de titulo de especialista. Com os salários dos residentes foram gastos R$
266.040,29 em 2.011
Atualmente os seguintes médicos estão realizando residência médica em Nefrologia;
Médicos do programa do Hospital São José.




DANILO DE SANTI TESAROLLO
ELISANGELA BIAZOTO MASSA
JORAIR F. MORAES JUNIOR
XIMENE BARTAMNN
Médicos provenientes do programa de treinamento da Fundação.



ALEXANDRA MEYER DA LUZ
CARLOS EDUARDO S.C. NOLETO
FRANCO S. MOTA KRUGER
9

GRACIELLE DE M. MARTINS
Durante o ano, os médicos abaixo relacionados, realizaram estágio em NEFROLOGIA dentro do programa de treinamento
em Clínica Médica, na qual o médico permanece em treinamento com os médicos da FUNDAÇÃO PRÓ-RIM.
Residentes provenientes do Hospital Regional Hans Dieter Schmidt

NOME
Beatriz Graciano Sant’Ana – 11.05 a 12.06.2011

Talia Falção Dalçóquio – 13.06 a 14.07.2011

Everton Muller Alves – 15.07 a 16.08.2011

Ariana Matiello de 17.08 a 18.09.2011

Cândida Chiochetta Tonial – 19.09 a 20.10.2011

Julia Cibeles Morales – 21.10 a 22.11.2011

Marina Vicente de Souza – 23.11 a 26.12.2011

Greta Barriquel Pompermaier – 27.12 a 28.01 12
RESIDENTES PROVENIENTES DO HOSPITAL MUNICIPAL SÃO JOSE

NOME
Pedro Leonardo Alves Springer – 07.03 a 07.04

Maraiana Horn André – 01.04 a 01.05

Jorge Marcelo Dornelles Diehl – 08.04 a 10.05

Chirstine Zomer Dal Malin – 17.08 a 16.09

Marina Borges Wageck Horneer – 10.09 a 20.10

Silvane Sebben – 21.10 a 22.11

Fabiola Gevert 23.11 a 26.12

Camila Naomi Matsuda – 27.12 a 26.01
10
FUNCIONÁRIOS
A Fundação, em dezembro de 2011 tinha 398 funcionários, assim distribuídos:
Escolaridade
1º Grau
2º Grau
3º Grau
Pós Graduação
Mestrado
Doutorado
Completa
14
171
78
42
6
0
Incompleta
2
55
30
TOTAL
311
87
INSTITUTO PRÓ-RIM DE EDUCAÇÃO E PESQUISA EM SAÚDE
Em 2.008 a Fundação criou o IPREPS – INSTITUTO PRÓRIM DE EDUCAÇÃO E
PESQUISA EM SAÚDE, no Instituto são realizados cursos de treinamentos internos e
externos.Durante o ano de 2011 foram realizados cursos que formaram a seguinte
quantidade de aluno
CURSOS CONCLUÍDOS
Imersão em Nefrologia
Cuidador de Idosos
Excel Básico
Excel Avançado
Cuidados AVC
Socorrista
Ttécnicos de enfermagem
Total alunos
Alunos
38
59
5
9
32
29
112
307
11
CURSOS E CONGRESSOS
Em 2011, os funcionários da Fundação participaram dos seguintes cursos de treinamento e Congressos na área de
Administração e Nefrologia e liderança
Evento
10º Curso de Atualização em
Nefrologia
Curso de Organização e
Controle de Almoxarifado
Formação de Auditores
Internos Qualidade NBR ISSO
90001:2008
XIV Curso Anual de Nefrologia
- Nefrousp 2011
Data
25 a 27.05.2011
Participante
Isadora Felski
Unidade
Bal. Camboriú
04.06.2011
Tatiane de
Almeida
Luana Cristina
Gomes Rosa
Bal. Camboriú
Matriz
XIV Curso Anual de Nefrologia
- Nefrousp 2011
XIV Curso Anual de Nefrologia
- Nefrousp 2011
09 a 12.08.2011
XIV Curso Anual de Nefrologia
- Nefrousp 2011
XIV Curso Anual de Nefrologia
- Nefrousp 2011
VIII Congresso Brasileiro de
Psicologia Hospitalar
09 a 12.08.2011
VIII Congresso Brasileiro de
Psicologia Hospitalar
VIII Congresso Brasileiro de
Psicologia Hospitalar
11 a 14.08.2011
VIII Congresso Brasileiro de
Psicologia Hospitalar
VIII Congresso Brasileiro de
Psicologia Hospitalar
VIII Congresso Brasileiro de
Psicologia Hospitalar
VIII Congresso Brasileiro de
Psicologia Hospitalar
VIII Congresso Brasileiro de
Psicologia Hospitalar
33º Encontro Catarinense de
Hospitais
11 a 14.08.2011
Hercílio
Alexandre da
Luz Filho
Céres Fabiana
Felski da Silva
Jorair
Fernandes de
Morais Júnior
Viviane Calice
da Silva
Danilo de Santi
Tessarollo
Isabela
Sampaio de
Almeida
Darci de Souza
Santos
Terezinha de
Jesus C.
Lourenço
Vânia C.
Grossl
Flávia Barbosa
Martins
Solange Imhof
Vida Center
33º Encontro Catarinense de
Hospitais
14 a 16.09.2011
33º Encontro Catarinense de
Hospitais
33º Encontro Catarinense de
Hospitais
33º Encontro Catarinense de
Hospitais
XVI Congresso Paulista de
Nefrologia
XVI Congresso Paulista de
Nefrologia
XVI Congresso Paulista de
Nefrologia
14 a 16.09.2011
Ivana Carla
Mallon
Gislene Carla
Erbs
Astrid
Margarete
Leonhardt
Karjan Helena
Moises
Mazzoleni
Leandro Zenni
Lorga
Rosenilde
Schulz
Luana Cristina
Gomes Rosa
Isadora Felski
Carlos Alberto
Rost
Fabiana
Baggio
Vida Center
13 a 21.06.2011
09 a 12.08.2011
09 a 12.08.2011
09 a 12.08.2011
11 a 14.08.2011
11 a 14.08.2011
11 a 14.08.2011
11 a 14.08.2011
11 a 14.08.2011
11 a 14.08.2011
14 a 16.09.2011
14 a 16.09.2011
14 a 16.09.2011
14 a 17.09.2011
14 a 17.09.2011
14 a 17.09.2011
Matriz
Bal. Camboriú
Matriz
Vida Center
Matriz
Palmas
Gurupi
Bal. Camboriú
São Bento do Sul
Mafra
Jaraguá do Sul
Vida Center
Centro de
Joinville
Pesquisa Clínica
Matriz
Matriz
Matriz
Bal. Camboriú
Matriz
12
XVI Congresso Paulista de
Nefrologia
XVI Congresso Paulista de
Nefrologia
14 a 17.09.2011
XII Congresso Brasileiro de
Transplantes
2º Seminário Catarinense de
Qualidade Hospitalar
2º Seminário Catarinense de
Qualidade Hospitalar
2º Seminário Catarinense de
Qualidade Hospitalar
2º Seminário Catarinense de
Qualidade Hospitalar
Gestão de Risco na Área da
Saúde
1º Seminário de Negócios
Digitais
EFD PIS/COFINS - Teoria e
Questões Práticas
EFD PIS/COFINS - Teoria e
Questões Práticas
I Simpósio Cirúrgica Fernandes
01 a 04.10.2011
I Simpósio Cirúrgica Fernandes
27.10.2011
I Simpósio Cirúrgica Fernandes
27.10.2011
I Simpósio Cirúrgica Fernandes
Workshop "Nutrição em
Equilíbrio para Pacientes em
Diálise
Núcleo de Segurança e Saúde
Ocupacional - Workshop 3M
Núcleo de Segurança e Saúde
Ocupacional - Workshop 3M
27.10.2011
25.11.2011
14 a 17.09.2011
07 a 08.10.2011
07 a 08.10.2011
07 a 08.10.2011
07 a 08.10.2011
25 a 26.10.2011
29.09.2011
04.10.2011
04.10.2011
27.10.2011
29.11.2011
29.11.2011
Nerbass
Jyana Gomes
Morais
Rafaela
Gonzaga dos
Santos
Carlos Alberto
Rost
Eviline M. V.
Neermann
Marcela
Araújo
Karjan H. M.
Mazzoleni
Luana Cristina
Gomes Rosa
Luana Cristina
Gomes Rosa
Lethycia Wust
Pereira
Edinéia Vieira
Gonçalves
Regina dos
Santos
Grazielle
Simon Maciel
Liz Mari
Bertoli
Karjan Helena
Moises
Mazzoleni
Renato Niser
Andrea
Carolina Sczip
Graziele Simon
Maciel
Rosenilde
Schulz
Vida Center
Jaraguá do Sul
Vida Center
Matriz
Matriz
Pesquisa Clínica
Matriz
Matriz
Matriz
Centro de
Joinville
Centro de
Joinville
Matriz
Matriz
Matriz
Centro de Mafra
Centro de Mafra
Matriz
Matriz
PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO DE DIRIGENTES
PARCEIROS PARA A EXCELÊNCIA
FUNDAÇÃO DOM CABRAL - MINAS GERAIS
A Fundação possui contrato com a Fundação Dom Cabral de Minas Gerais para
realização de cursos de desenvolvimento de seus dirigentes, e em 2011 os seguintes
dirigentes realizaram cursos.
NOME
ANDREIA JACOPETTI
NOME
GERSON RAUL PERSIKE
MÓDULO CONCLUÍDO
ESTRATÉGIA EMPRESARIAL
GESTÃO DE PESSOAS
GESTÃO OPERAÇÕES E LOGISTICA
GESTÃO DE PROCESSOS
MÓDULO CONCLUÍDO
ESTRATÉGIA EMPRESARIAL
13
GESTÃO OPERAÇÕES E LOGISTICA
NOME
MÓDULO CONCLUÍDO
GESTÃO COMERCIAL E MARKETING
GILBERTO G. MEYER
NOME
HERCILIO A. DA LUZ FILHO
MÓDULO CONCLUÍDO
GESTÃO DE PROCESSOS
NOME
MÓDULO CONCLUÍDO
GESTÃO DE PESSOAS
LIA MARA MACIEL
NOME
MÓDULO CONCLUÍDO
GESTÃO DE PROCESSOS
LUANA ROSA
NOME
VALDIRENE R. DOS
SANTOS
MÓDULO CONCLUÍDO
GESTÃO OPERAÇÕES E LOGISTICA
GESTÃO COMERCIAL E MARKETING
NOME
MÓDULO CONCLUÍDO
GESTÃO COMERCIAL E MARKETING
GESTÃO DE PROCESSOS
GESTÃO DE FINANÇAS
VOLNEI FERREIRA
BOLSAS DE ESTUDO
A FUNDAÇÃO investe no aprimoramento e capacitação de seus profissionais através da concessão de bolsa de estudo no
valor de 50% da mensalidade da escola. Em 2.011 foram fornecidas bolsas de estudos para os seguintes funcionários :
Bolsistas 2011
Cassia M Moreira
Clacir Terezinha
Ademir Colaço
Bruno G Shiguemoto
Elisangela Hasse
Emerson Miranda
Grazielle S Maciel
Hosana Soares
Ivone Tait
José Maria C Rocha
Kelin Bogo
Lenilda Ferreira
Lethycia Wust
Lua Regina
Curso (Tipo)
2o. Grau
2o. Grau
2o. Grau Total
Graduação
Graduação
Graduação
Graduação
Graduação
Graduação
Graduação
Graduação
Graduação
Graduação
Graduação
Graduação
Curso
2o. Grau
2o. Grau
Ed. Fisica
Contabilidade
Finanças
Direito
Enfermagem
Serviço Social
Processos Gerenciais
Gestão Ambiental
Psicologia
Nutrição
Administração
Enfermagem
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
Total
795,00
70,00
865,00
1.256,00
2.400,00
2.000,00
600,00
1.559,50
1.180,00
944,00
3.489,20
875,00
1.637,00
2.102,00
14
Luciano Bertoldi
Manoel Vaz da Silva
Maria da Guia
Pollyana Reis
Priscila Balland
Priscila Scharf
Silvana Sampaio
Solange Korilo
Tatiane Kniess
Tatiane Maia
Vania de Lima
Viviane Weis
Willians-Mar de Sousa
Andreia Jacopetti
Gislene C Erbs
Karine de Almeida
Paulo Eduardo S L C
Cician Francieli
Denise Guterres
Tatiane G Correa
Eviline Neermann
Gizeli Dadam
Jacemir Samerdak
Juliana Medeiros
Karjan Helena Moiseis
Leila Andrea Alves
Marileia de Souza
Michelle C Drevek
Milena F Schroeder
Patricia Assupnção
Rafaela G dos Santos
Rosenilde Schulz
Sirlei Ap. da Silva
Taize Bridaroli
Terezinha de Jesus
Volnei Soares Ferreira
Giselle Duarte
Guilherme Zanardi
Keila C de Jesus
Rosane Gascho
Tatiane de Almeida
Graduação
Graduação
Graduação
Graduação
Graduação
Graduação
Graduação
Graduação
Graduação
Graduação
Graduação
Graduação
Graduação
Graduação Total
Mestrado
Mestrado
Mestrado
Mestrado
Mestrado Total
outros
outros
outros
outros Total
Pós
Pós
Pós
Pós
Pós
Pós
Pós
Pós
Pós
Pós
Pós
Pós
Pós
Pós
Pós
Pós
Pós Total
Técnico
Técnico
Técnico
Técnico
Técnico
Técnico Total
Logistica
Administração
Enfermagem
Administração
Logistica
Administração
Serviço Social
Serviço Social
Administração
Qualidade
Administração
Enfermagem
Contabilidade
Comunicação
Psicologia
Saúde
Saúde
Qualidade na Saúde
Fisioterapia
Gestão Hospitalar
Gestão de Pessoas
Gestão Hospitalar
Nefrologia
Serviço Social
Gestão de Pessoas
Pilates
Processos Gerenciais
Nutrição
Gestão Hospitalar
Gestão de Pessoas
Gestão de Pessoas
Gestão de Pessoas
Gestão de Pessoas
Enfermagem
Seg. Trabalho
Enfermagem
Radiologia
Seg. Trabalho
PÒS GRADUAÇÃO.:
GRADUAÇÂO.:
TÉCNICO..:
MESTRADO..:
2º GRAI
OUTROS
TOTAL
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
R$
180,00
2.325,00
750,00
790,00
446,00
1.812,00
1.339,00
1.337,00
660,00
192,00
1.701,00
4.180,00
511,30
34.266,00
675,70
3.381,60
1.020,00
4.500,00
9.577,30
115,00
1.130,00
115,00
1.360,00
1.248,00
4.224,00
792,00
80,00
1.492,00
397,50
414,00
1.920,00
1.896,00
473,00
1.275,00
1.089,00
450,00
80,00
1.170,00
1.785,00
18.785,50
420,00
115,00
375,00
770,00
1.680,00
66.533,80
Totais
16
25
5
4
2
3
55
R$
18.785,50
34.266,00
1.680,00
9.577,30
865,00
1.360,00
65.533,80
15
Trabalhos Científicos 2011
Durante o ano a equipe multidisciplinar da Fundação desenvolveu os seguintes trabalhos científicos, para serem apresentados
em Congressos
Trabalhos científicos da equipe de Psicologia apresentados no VIII Congresso da Sociedade Brasileira de Psicologia
Hospitalar, que aconteceu em Curitiba, de 11 a 14 de Agosto de 2011.
Benefícios da Técnica de Relaxamento em Funcionários de Uma Unidade de Hemodiálise
AUTORES: Vânia Cecília Grossl, Ivana Carla Mallon Reis, Darci de Souza Santos
Relação entre a Qualidade de Vida e Escolaridade em Pacientes em Hemodiálise
AUTORES: Ivana Carla Mallon Reis, Gislene Carla Erbs, Isabela Sampaio e Solange Imhof
Percepções do Paciente Renal Crônico sobre o Atendimento Psicológico: Um estudo de caso
AUTORES: Flávia Barbosa Martins, Darci Santos, Solange Imhof.
A qualidade de vida e a questão sexual
AUTORES: Gislene Carla Erbs, Terezinha de Jesus Cordeiro Lorenço, Ivana Mallon Reis
Alterações Depressivas em Pacientes Renais Crônicos: Um enfoque psicológico
AUTORES: Darci de S. Santos, Isabela S. de A. Fernandes, Rosa M. G. da Silva e Terezinha J. C. Lourenço
Título: Relação entre consumo de sal, percentual de ganho de peso interdialítico e pressão arterial de pacientes em hemodiálise
Autores:NERBASS, F. B. ; SANTOS, R. G.; KRUGER, T. S. ; LUZ FILHO, H. A. ; MORAIS, J. G.
Evento em que foi apresentado, com data: I Fórum Nacional de Nurição em Nefrologia, setembro de 2011, Atibaia, SP.
Consumo de sal e sua relação com fatores demográficos e nutricionais em pacientes em hemodiálise
Autores:MORAIS, J. G. ; KRUGER, T. S. ; SANTOS, R. G. ; LUZ FILHO, H. A. ; NERBASS, F. B.
Evento em que foi apresentado, com data: I Fórum Nacional de Nurição em Nefrologia, setembro de 2011, Atibaia, SP.
Fatores relacionados com a calemia de pacientes em hemodiálise
Autores:SANTOS, R. G. ; SCZIP, A. C. ; NERBASS, F. B. ; Schimann, G. S. ; NASCIMENTO, G. E. ; PENTEADO, L. ;
ALVES, M. C.
Evento em que foi apresentado, com data: I Fórum Nacional de Nurição em Nefrologia, setembro de 2011, Atibaia, SP.
16
HOSPITAL DE DOENÇAS CRÔNICAS E DEGENERATIVAS
Somente a partir do mês de julho de 2.001 a Secretaria Municipal de Saúde de Joinville efetuou o credenciamento esta
unidade da Fundação, denominada VIDA CENTER para realizar tratamentos hemodialíticos e Acompanhamento de Pacientes
pós Transplante Renal para atendimento pelo SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE, e no ano de 2011 foram feitos os seguintes
procedimentos:
Mês
N. º
pacientes
.
JAN
FEV
MAR
ABR
MAI
JUN
JUL
AGO
SET
OUT
NOV
DEZ
TOTAL
80
78
73
71
72
72
75
72
82
73
74
73
895
Nº
Acomp.
Pós
transpl
37
208
32
208
41
210
39
215
36
217
21
225
1.489
N. º
procedi
mentos
diálise
1.082
970
1.045
1.007
1.013
988
1.039
940
974
1.007
992
1.060
12.117
N.º de exames
laboratoriais
Valor Faturado
– R$
1.029
1.361
1.168
1.179
920
1.234
1.016
1.282
1.138
924
893
1.198
13.342
183.263,21
200.325,42
180.794,18
203.343,07
175.845,79
202.829,82
179.705,50
208.052,94
173.087,84
203.317,71
170.745,82
210.493,25
2.291.804,35
UNIDADE RENAL EM SÃO BENTO DO SUL
Em razão de alguns pacientes renais crônicos necessitarem se deslocar de Rio Negrinho (10 pacientes), São Bento do Sul (9
pacientes) e Campo Alegre (4 pacientes) para realizarem suas sessões de hemodiálise em Joinville, e como existem alguns
pacientes que se deslocam das cidades acima para Curitiba, para também realizarem sues tratamentos, a FUNDAÇÃO decidiu
instalar uma unidade de hemodiálise na cidade de São Bento do Sul, a Rua Augusto Klimmeck, 277, sala 02,
Durante o ano foram realizados os seguintes tratamentos via SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE
Mês
N. º
pacientes.
N. º
diálise
N.º de exames
laboratoriais
Valor Faturado –
R$
JAN
FEV
MAR
ABR
MAI
JUN
JUL
AGO
SET
OUT
NOV
DEZ
TOTAL
22
22
23
23
23
23
21
21
23
22
23
23
269
312
278
381
313
308
282
276
284
289
262
285
308
3.579
277
215
308
296
288
196
266
205
321
277
215
199
3.063
50.727,84
45.541,39
52.435,80
52.049,12
50.885,22
47.222,81
45.785,77
46.709,06
50.161,93
48.805,59
47.730,75
50.768,77
588.825,05
17
CONSULTAS DE ENFERMAGEM
312
278
308
313
308
282
276
284
291
292
286
308
3538
Fundação possui em São Bento do Sul um ambulatório de nutrição clínica, com a nutricionista JYANA GOMES MORAIS
para atender os pacientes renais crônicos.
A Fundação possui em São Bento do Sul um ambulatório PSICOLOGIA CLINICA, com a psicóloga VANIA GROSSL, para
atender os pacientes renais crônicos.
PROCEDIMENTOS MÉDICOS
Cateter Duplo Lúmen
Av.de Fistula Arteiro V.
Confeção Fistula AV
Cateter Permanente
Jan.
1
0
4
0
Fev.
40
0
2
0
Mar
10
0
3
1
Abr
3
0
1
0
Mai
3
0
2
1
Jun
4
0
4
0
Jul
4
0
2
0
Ago
12
0
8
0
Set
5
0
10
0
Out
4
0
4
0
Nov.
4
0
3
0
Dez
3
0
4
1
TOTAL
57
0
47
3
UNIDADE RENAL DE BALNEÁRIO CAMBORIÚ
A FUNDAÇÃO atende os pacientes da região de Balneário Camboriú no acompanhamento de pré e pós-transplante renal, por
este motivo os pacientes da região solicitaram a instalação de uma unidade de hemodiálise naquela cidade, a fim de que os
pacientes da região pudessem ter tratamento hemodialítico da mesma qualidade que os pacientes da região norte do Estado. A
Fundação alugou um espaço físico dentro de um imóvel de propriedade do Hospital Santa Inês, localizado a Av. do Estado,
1690 em Balneário Camboriú e realizou a adaptação do imóvel dentro das exigências da Secretaria Estadual de Saúde. No ano
foram realizados os seguintes procedimentos na unidade para o SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE
Mês
Número
pacientes
Sessões de
Diálise
Janeiro
Fevereiro
Março
Abril
Maio
Junho
Julho
Agosto
Setembro
Outubro
Novembro
Dezembro
Total
67
67
69
67
70
73
72
71
71
78
72
71
848
970
862
960
882
921
967
948
961
927
986
952
993
11.329
N.º de exames
laboratoriais
845
674
942
861
884
648
910
679
945
960
639
609
9.596
Valor dos
serviços –R$
153.242,89
139.569,35
157.913,70
141.014,47
146.199,34
155.689,32
152.335,88
152.985,63
152.893,29
155.535,02
149.316,07
156.282,53
1.812.977,49
18
ESTADO DO TOCANTINS
UNIDADE RENAL DE PALMAS
Em 05 de agosto de 2.005, em razão de um convite a Fundação celebrou o convênio SESAU-AJ-CGC0N 031/2005, com o
Governo do Estado do Tocantins, para administração da Unidade renal existente no HOSPITAL GERAL DE PALMAS. No
ano de 2009 foi firmado, através de uma licitação, um novo contrato entre a FUNDAÇÃO e a Secretaria de Saúde do Estado
de Tocantins para continuação da realização dos tratamentos hemodialiticos no estado, que foi renovado em dezembro de
2.010 por mais 5 anos.
No ano de 2011 foram realizados os seguintes procedimentos:
MÊS
Jan
Fev
Mar
Abr.
Mai
Jun
Jul
Agost
Set
Out
Nov
Dez
Total
Número N.úmer
de
o de
Pacientes Diálises
Número de
Número de
exames
Procedimentos
laboratoriais cirurgicos
Receita do
SUS - R$
156
156
1.856
1.709
1.987
1.369
5
15
384.81,46
351.114,77
152
149
154
167
165
161
161
170
174
170
1.936
1.956
1.871
1.972
2.074
2.088
2.080
2.003
2.113
2.139
2.228
24.089
2.152
2.007
2.501
2.100
2.239
1.699
2.382
2.204
1.833
1.667
24.140
4
12
8
21
8
39
14
7
13
5
145
422.740,92
398.626,72
420.240,33
443.274,55
440.978,09
449.932,76
442.068,84
449.081,86
449.510,13
456.507,74
5.110.887,17
O serviço de Assistência Social de Palmas foi implantado em 2005 com a assistente Social, sendo hoje realizada pela
profissional LUCIANE OLIVEIRA.
A partir do mês de fevereiro de 2.006 foi contratada a Nutricionista, sendo hoje a profissional POINAN MORAES, para
atender no ambulatório de nutrição de Palmas, o qual atende os pacientes renais crônicos em tratamento de Terapia Renal
substitutiva naquela unidade.
Para dar suporte psicológico aos pacientes em tratamento de Terapia Renal Substitutiva em Palmas, a Fundação contou com a
colaboração das funcionárias ISABELA SAMPAIO ALMEIDA FERNANDES E THAYS LENNY MOTA
COSTA, ambas psicólogas.
UNIDADE RENAL DE GURUPI
A Secretaria de Estado da Saúde de Tocantins construiu junto ao Hospital de Referência de Gurupi, uma unidade renal para
atendimento dos pacientes que necessitam de Terapia Renal substitutiva naquela região, pois como não havia esta unidade os
pacientes eram enviados para Brasília ou Goiânia para realizarem seu tratamento. A Secretaria de Saúde fez as reformas civis
necessárias, instalou o sistema de água tratada, alugou as máquinas de diálise e estendeu o convênio com a Fundação Pró-Rim
para a administração e operacionalização da unidade, sendo que a Fundação entrou com toda a mão de obra necessária, os
insumos e os instrumentos necessários para o funcionamento da unidade. Ela foi inaugurada em 12 de outubro de 2007 e
recebeu os pacientes que estavam realizando seu tratamento em outros estados. No ano de 2009 foi firmado, através de uma
licitação, um novo contrato entre a FUNDAÇÃO e a Secretaria de Saúde do Estado de Tocantins para continuação da
realização dos tratamentos hemodialiticos no estado, que foi renovado em dezembro de 2.011 Neste ano foram realizados os
seguintes tratamentos:
19
MÊS
Jan
Fev
Mar
Abr
Mai
Jun
Jul
Ago
Set
Out
Nov
Dez
Total
Número N.úmero
de
de
Pacientes Diálises
72
937
75
877
74
997
73
948
69
915
70
903
69
898
68
920
70
908
69
864
69
881
69
942
847
10.990
Número de
Número de
exames
procedimentos
laboratoriais cirúrgicos
910
0
706
1
1047
0
903
0
901
0
615
1
907
0
944
0
1.361
7
866
4
706
1
712
0
10.577
14
Receita do
SUS - R$
185.220,23
173.031,17
201.129,49
187.304,20
179.330,03
180.354,52
177.800,81
182.575,72
190.092,96
178.092,25
175.056,45
183.317,82
2.193.305,45
CARTÃO AMIGO PRÓ-RIM
A fundação PRÓ-RIM e conjunto com a rede AMPLO criou no final de 2.009 o cartão AMIGO PRÓ-RIM. Trata-se de
um cartão de benefício onde seus usuários poderão utilizar uma rede credenciada de clinicas, médicos, dentistas e
laboratórios, com preços subsidiados. Ale desses benefícios, o usuário participa da promoção sorte grande, onde
mensalmente concorre a um prêmio de R$ 5.000,00 em dinheiro. Para poder utilizar o cartão, o colaborador Teerã um
acréscimo de R$ 2,00 na mensalidade debitada em sua conta telefônica da OI. Em 2.011 tivemos as seguintes
participações que geraram as receitas abaixo :
MÊS
Jan
Fev
Mar
Abr
Mai
Jun
Jul
Ago
Set
Out
Nov
Dez
Total
Número
de
cartões
86.927
78.112
73.944
83.008
77.495
71.221
78.171
75.283
71.823
67.457
74.878
79.775
918.094
Receita do
Cartão - R$
173.854,00
156.224,00
147.888,00
165.916,00
154.990,00
142.442,00
156.342,00
150.566,00
143.646,00
134.914,00
149.756,00
159.550,00
1.836.088,00
CAMPANHA EDUCAR PARA PREVENIR
Em 2011, devido ao elevado custo da campanha e como não conseguimos patrocinadores para ajudar no custeio dela, foi
decidido pela paralização temporária da mesma.
20
PARCERIA COM A FUNDAÇÃO GOL DE LETRA
A Fundação Pró-Rim e a Fundação Gol de Letra estão juntas, desde o mês de Outubro/2010, em uma campanha de arrecadação
de doações. A equipe do Call Center ligará para pessoas de todo o Estado de São Paulo, começando pela Zona Norte da
Capital, convidando-as a participar,autorizando a doação periódica de qualquer valor, a ser debitado em conta telefônica. Uma
maneira fácil de contribuir com projetos sociais que levam educação e saúde há milhares de pessoas.
A Fundação Pró Rim atua há 23 anos na prevenção e tratamento de doenças renais.Os pacientes, oriundos do Sistema Unico de
Saúde (SUS), são atendidos gratuitamente, com qualidade e respeito, em centros bem equipados e com profissionais
capacitados e atenciosos.
A Fundação Gol de Letra atua há mais de 10 anos desenvolvendo programas de Educação Integral para crianças e jovens de
comunidades socialmente vulneráveis. Reconhecida pela UNESCO como instituição modelo, associa o trabalho pedagógico à
proteção social e promove também o atendimento às famílias e o fortalecimento das comunidades.
Além da contribuição para a sustentabilidade financeira das duas ONGs, a parceria promoverá ações conjuntas educativas e de
prevenção, unindo a vocação da Gol de Letra, que é Educação, e a da Pró Rim, que é Saúde!
MÊS
Número de
colaboradores
Doação R$
JAN
FEV
MAR
ABR
MAI
JUN
JUL
AGO
SET
OUT
NOV
DEZ
TOTAL
1.752
133
0
2.248
359
2.687
2.377
2.144
857
2.148
4.570
2.387
21.662
10.655,00
2.637,20
0,00
14.507,50
5.804,00
17.298,50
15.981,50
15.378,00
9.676,00
15.174,00
28.257,00
18.860,50
154.129,70
CAMPANHA COMUNITÁRIA DE ARRECADAÇÃO DE RECURSOS
“SALVE UMA VIDA”
A partir do mês de maio de 1996, foi desencadeada nova campanha de arrecadação de recursos denominada CAMPANHA
PRÓ-RIM. .A campanha compreende o seguinte: Foi montada uma equipe de funcionários e pacientes renais crônicos e
familiares que através do telefone contatam os proprietários de linhas telefônicas e solicita uma doação para a FUNDAÇÃO
PRÓ-RIM, a qual será debitada na conta telefônica do doador durante os 12 meses seguintes. Foi feito um convênio com a
BRASIL TELECON/Oi a qual cobra nas contas telefônicas os valor da doação e repassa para a FUNDAÇÃO; para esse
procedimento a BRASIL TELECON/Oi cobra uma comissão de 5% (cinso por cento) do valor cobrado nas contas telefônicas
e para incentivo aos voluntários, a valor da primeira cota recebida de cada doador é repassada para o voluntário que manteve
contato com o doador. Durante o ano de 2.009 a campanha se expandiu e continuaram ser contatados os proprietários dos
telefones da cidade de Joinville e do norte catarinense até Canoinhas e no Vale do Itajaí incluindo Balneário Camboriú, Itajaí,
Blumenau, Rio do Sul e outras cidades do país como São Paulo, Rio Grande do Sul, Goiás e Tocantins. No ano de 2.010 foi
firmado um convênio com a Fundação Gol de Letra do Estado de São Paulo, para que a arrecadação de doações através da
conta telefônica fosse feita pela Fundação utilizando o conhecimento que a cidade de Sào Paulo tem das atividade daquela
Fundação, sendo que as despesas e recursos dessa campnha são dividios entre as duas fundações.
21
Para a administração da campanha é necessário gasto com pessoal, material, comunicação, aluguel, alimentação, vale
transporte, etc..
A campanha teve a seguinte movimentação bruta neste ano e desses valores foram descontadas as taxas de administração pela
Brasil Telecon/Oi e TELEFÔNICA (SP)
MÊS
Número de
colaboradores
Doação R$
JAN
FEV
MAR
ABR
MAI
JUN
JUL
AGO
SET
OUT
NOV
DEZ
TOTAL
195.515
177.744
170.427
192.453
179.807
171.444
183.758
179.212
171.209
162.237
184.293
167.243
2.215.342
1.044.900,10
951.694,86
904.166,60
901.408,36
846.345,56
805221,30
896.795,86
848.543,78
814.967,28
761.069,98
761.090,10
788.143,39
9.947.813,89
CAMPANHA DE PREVENÇÃO À SAÚDE
No ano de 2.003, foi instituída uma nova campanha pela FUNDAÇÃO, denominada “CAMPANHA DE PREVENÇÃO À
SAÚDE” na quais pessoas treinadas percorreram os bairros de Joinville, São Bento do Sul e Rio Negrinho, para identificar as
pessoas com prováveis complicações renais, as quais são encaminhadas aos consultórios da Fundação para serem consultadas
pelos médicos e se necessário serem acompanhadas para que não desenvolvam doença renal. Na mesma oportunidade são
solicitadas doações para a Fundação a qual será cobrada através da conta de energia elétrica. Em Joinville a campanha teve seu
início no mês de março de 2.002, em São Bento do Sul o início foi em maio de 2.002 e em Balneário Camboriú o início foi em
agosto. Em razão da diminuição da receita de doação com essa campanha, pois os doadores solicitam sua exclusão diretamente
á CELESC, e também em razão da pressão que a OI esta fazendo para aumentar o percentual de administração de 5 % do
arrecadado para 20 % do valor enviado, a campanha foi reativada em 2011 e alcançaram os seguintes valores de doações neste
ano
DOAÇÕES RECEBIDAS VIA CELESC
MÊS
VALOR DAS DOAÇÕES
R$
Janeiro
Fevereiro
Março
Abril
Maio
Junho
Julho
Agosto
Setembro
Outubro
Novembro
Dezembro
Total
39.982,71
35.996,14
38.118,08
52.662,29
54.414,84
67.372,37
68.994,33
73.409,79
74.045,60
71.203,96
73.917,06
79.044,29
729.161,46
22
VOLUNTARIADO
CAMPANHA POR UMA CAUSA NOBRE
CD BRASIL SOLIDÁRIO
LIVRO “O TESOURO DE DORIS”
Em 2.000, o Presidente da Fundação em conjunto com outros 3 músicos gravaram um COMPACT DISC (CD) com músicas
conhecidas do repertório mundial e cederam seus direitos para a FUNDAÇÃO. O CD foi comercializado pela Fundação em
conjunto com outro CD com músicas natalinas, com a denominação de “BRASIL SOLIDÁRIO”, sendo que foi mandado
confeccionar 10.000 (dez mil) discos, os quais foram comercializados diretamente por voluntários da Fundação com recursos
destinados ä Fundação.
A esposa do Presidente, D.SONIA MARIA TAVARES VIEIRA, presidente do voluntariado da Fundação, editou o livro de
receitas O SEGREDO DE DORIS, e toda a receita obtida com a venda do livro é destina ao setor de voluntariado da
fundação.
O voluntariado realizou campanhas de arrecadação de recursos para serem aplicados pelo setor e durante o ano foram
realizados, bazares, venda de feijoada, foram recebidas doações de empresas em dinheiro, edredons e panos de limpeza, que
foram aplicadas diretamente no setor de voluntariado.
Em razão destas campanhas, durante o ano de 2.011 foi obtida a receita abaixo :
MÊS
VALOR DAS DOAÇÕES
R$
RECEITAS COM O
BAZAR – R$
Janeiro
Fevereiro
Março
Abril
Maio
Junho
Julho
Agosto
Setembro
Outubro
Novembro
Dezembro
Total
886.,15
1.758,68
1.315,15
2.365,00
1.780,15
3.261,35
6.542,15
1.702,05
3.936,35
13.698,05
3802,10
6.912,10
47.959,28
0,00
140,00
0,00
1.045,78
0,00
428,00
100,00
2.215,00
0,00
0,00
1,173,42
12,00
5.222,20
GRUPO TEATRAL RINS DO RISO
O grupo desenvolve atividades assistenciais, educacionais, motivacionais e principalmente preventiva com a comunidade em
geral.
Fazendo com que as pessoas esqueçam a tristeza e ansiedade provocadas pela enfermidades e cansaço psicológico, elevando a
auto-estima e a confiança por meio do riso, resgatando e valorizando os princípios da alegria.
Visando a qualificação dos integrantes do grupo, além dos ensaios/treinamentos internos, nos apresentamos em eventos que
possam agregar conhecimentos para o grupo e a população, principalmente forma preventiva. Nos apresentamos em escolas,
empresas, hospitais e instituições de ensino técnico e superior para divulgação do projeto.
O grupo tem várias peças escritas pelos integrantes, sendo que se adapta a qualquer tipo de público. A duração de cada
apresentação variam de dez a cinqüenta minutos, dependendo do assunto que temos que abordar . Desta forma o grupo esta
preparado para mostrar de forma lúdica, o quanto a prevenção, educação e motivação são importantes para a qualidade de vida
dos seres humanos.
23
Já existem quatro peças prontas, inclusive duas que este ano estarão em cartaz: “Prevenir e Remediar é só começar” e o
“Consultório Maluco “. A peça o Consultório Maluco tem mais ou menos 50 minutos de duração. Já a Peça Prevenir e
Remediar é só Começar, tem uma duração 45 minutos.
A humanização pode ser descrita como a valorização do ser humano, por isso o grupo teatral Rins do Riso trouxe em forma de
alegria a abordagem de assuntos como a diabete, hipertensão, obesidade ( doenças que se não tratadas no inicio, poderão levar
o individuo a uma futura doença renal).
O retorno principal é a conscientização da importância de levar uma vida saudável
sempre monitorado por exames preventivos
Relatório Apresentações Rins do Riso 2011
Data
Local
14/04/2011 Itajaí
PÚBLICO
50 Pessoas
16/04/2011 Praça Dario Salles
8.000 pessoas
12/05/2011 Florianópolis
1.500 pessoas
16/05/2011 IPREPS
100 pessoas
16/06/2011 INPG
100 pessoas
17/o6/2011 Univille
200 pessoas
12/08/2011 Catarinense
100 pessoas
15/08/2011 Focus Plásticos
400 pessoas
26/08/2011 Termotécnica
100 pessoas
26/09/2011 Praça Centro
300 pessoas
28/09/2011 Shopping Muller
07/10/2011 Praça Centro
400 pessoas
2.000 pessoas
20/10/2011 Rudnick
700 pessoas
17/10/2011 Emp. Krona
70 pessoas
18/10/2011 Emp. Krona
80 pessoas
08/11/2011 Emp. Cebrace
081102011
Emp. Cebrace
100 pessoas
20/10/2011 Emp. Dohler
90 pessoas
22/11/2011 Emp. Dohler
80 pessoas
22/11/2011 Emp.Dohler
60 pessoas
22/11/2011 Emp. Dohler
80 pessoas
25/11/2011 Emp. Ilpea do Brasil
90 pessoas
25/11/2011 Emp. Ilpea do Brasil
70 pessoas
25/11/2011 Emp. Ilpea do Brasil
80 pessoas
28/11/2011 Vida Center
30 pessoas
03/12/2011 Soc. Bakita
200 pessoas
04/12/2011 CEI Sementinha
10/12/2011 Arena Evento PROERD
70 pessoas
250 pessoas
3.000 pessoas
12/12/2011 Unid. Renal Hosp. Regional
70 pessoas
12/12/2011 Unid. Renal Hosp. Regional
40 pessoas
13/12/2011 Unid. Renal Hosp. Regional
50 pessoas
12/12/2011 Vida Center
30 pessoas
12/12/2011 Vida Center
25 pessoas
24
13/12/2011 Vida Center
30 pessoas
13/12/2011 Vida Center
20 pessoas
23/12/2011 Hosp. São José
23/12/2011 Hosp. São Jose
20 pessoas
Pronto Socorro e
Recepção
50 Pessoas
18.635 pessoas
QUALIDADE
Com um rigoroso acompanhamento em todos os setores, definição de indicadores de gestão de riscos acompanhados
estatisticamente, padronização dos procedimentos de atendimento aos pacientes bem como de gestão, sistemática de
monitoramento de eventos adversos e ações de melhoria contínua, a Fundação Pró-Rim trabalhou intensamente para
desenvolver um trabalho embasado na garantia da qualidade.
Em outubro, foi recertificada pela Organização Nacional de Acreditação (ONA) com o selo de “Acreditada Plena”, fornecido
pelo Instituto Paranaense de Acreditação em Serviços de Saúde (IPASS). Esta conquista é muito significativa por ser um
reconhecimento da qualidade na assistência médica na área de nefrologia e em educação e pesquisa. No Brasil existem 725
clinicas de diálise e somente 25 possuem Certificação de qualidade e em Santa Catarina somente a Fundação possui essa
certificação.
150 MELHORES EMPRESAS PARA SE TRABALHAR
Pelo terceiro ano consecutivo a Fundação particupou do evento promovido pela Revista Você S/A e Exame do Grupo Abril em
parceria com Fundação Instituto de Administração (FIA), da Universidade de São Paulo – USP, para divulgação da lista das
150 melhores empresas para trabalhar no Brasil, sendo classificada entre as 150 Melhores empresas para se Trabalhar no
Brasil.
INTERNET
A FUNDAÇÃO PRÓ-RIM possui um site da Internet (www.prorim.org.br) na quais as pessoas interessadas podem obter
informações sobre a Fundação. Durante o ano de 2.004 foi dado continuidade do trabalho de converter o conteúdo do site para
a língua inglesa, a fim de que a pessoa ligada a PRÓ-KIDNEY FOUNDATION, INC, de Miami, USA, possam conhecer
nossas atividades. Neste Site foi implantado em NOVEMBRO / 2.000 um serviço gratuito para médicos e leigos esclarecerem
suas dúvidas com respeito a doenças renais, este serviço denomina-se DOUTOR ON LINE, e recebe solicitações de
esclarecimentos de pessoas dos mais variados Estados do BRASIL.
A página do Dr. ONLINE teve os seguintes acessos para consultas e troca de informações, durante este ano:
O site do Dr. ONLINE recebeu solicitação de informações dos seguintes Estados da União.
25
Estado
Quantidade
AC
AL
AM
BA
CE
DF
ES
GO
MA
MG
MS
PA
PB
PE
PI
PR
RJ
RN
RR
RS
SC
SE
SP
TO
1
TOTAL
4
1
18
6
6
6
8
1
34
11
7
3
7
1
10
42
4
1
18
42
3
76
7
320
HOME PAGE
A FUNDAÇÃO possui uma HOME PAGE onde são divulgadas as notícias da entidade e através da quais as pessoas
interessadas podem conhecer o trabalho desenvolvido pela Fundação.
A evolução de acessos a esta página pode ser vistos pelo quadro abaixo:
26
Mês
2001
2003
2004
2005
2006
2007
2008
2009
2010
2011
Janeiro
320
1.899
2.595
4.924
5.938
12.350
11.250
12.100
14.880
8.104
Fevereiro
318
1.848
2.320
4.829
5.830
14.339
13.050
13505
15.861
19.336
Março
471
1.624
3.463
5.782
9.737
16.346
14.321
14070
21.868
22.081
Abril
430
2.613
3.759
6.406
8.650
17.512
14.789
17005
19.501
18.891
Maio
752
2.938
4.431
5.658
10.658
15.356
15.002
19258
17.865
16.977
Junho
726
2.798
4.560
7.993
9.810
16.453
15.825
17443
17.234
22.245
Julho
641
2.727
4.240
7.948
10.399
17.322
14.296
19659
16.020
18.730
Agosto
1.569
3.304
5.464
10.372
15.452
17.051
13.443
18364
16.929
20.181
Setembro
1.635
3.429
4.931
10.647
16.486
18.465
15.154
19497
17.584
15.499
Outubro
1.794
3.432
5.261
11.089
17.937
21.882
15.130
17447
16.012
17.985
Novembro
1.895
2.354
3.330
4.963
12.291
17.353
17.228
14.116
18452
27.377
Dezembro
2.157
1.972
2.819
4.633
8.599
14.918
14.879
11.059
14939
35.125
TOTAL
12.708
9.483
32.761
50.620
96.538
145.174
199.183
167.435
201.739 242.532
Em abril de 2011 a Fundação iniciou sua presença das redes sociais. Com o objetivo de relacionar-se com seus públicos e
disseminar informações sobre saúde.
A evolução do número de amigos/seguidores pode ser vista pelo quadro abaixo :
ORKUT
FACEBOOK
TWITTER
TOTAL
Abril
Maio
Junho
Julho
Agosto
Setembro
Outubro
Novembro
Dezembro
917
839
940
2696
1.161
1.383
1.187
3.731
1.388
2.162
1.382
4.932
1.612
2.993
1.486
6.091
1.836
4.533
1.605
7.974
1.975
5.246
1.702
8.923
2.042
5.481
1.815
9.338
2.071
5.840
1.876
9.787
2.074
5.875
1.916
9.864
Total Visualizações:
Continente
Visitas
País
Total Visitas
Austrália
13
Indonésia
Nova Zelândia
2
2
Oceania
27
Asia
África
América do Norte
América Central
América do Sul
Europa
Georgia
Israel
Arabia Saudita
Turquia
Japan
China
Macau
Timor Leste
Coréia do Sul
India
1
3
2
4
37
4
1
1
2
4
Malásia
Thailandia
Filipinas
Palestina
Singapura
Argelia
1
4
3
1
1
5
Cabo Verde
4
Moçambique
32
Angola
África do Sul
Estados Unidos
Canadá
México
Panama
El Salvador
Guatemala
Costa Rica
Argentina
Bolivia
Paraguai
Chile
Colombia
Uruguai
Peru
Venezuela
Equador
Suriname
Brazil
Rússia
Romenia
Ucrania
Irlanda
Polônia
República Checa
Bulgária
Portugal
Espanha
Italia
Armenia
Grécia
Latvia
Croácia
Reino Unido
Dinamarca
Suécia
44
3
758
39
9
1
3
1
1
64
24
1
4
14
5
8
5
1
1
161.368
31
3
2
3
16
3
2
1.084
58
22
1
3
1
1
33
1
2
28
Noruega
Finlândia
França
Alemanha
Holanda
Suíça
Bélgica
Luxemburgo
Áustria
2
4
31
27
6
26
9
2
4
RECEITA BRUTA ANUAL
As receitas da entidade são apuradas através dos comprovantes de recebimento, entre eles, Avisos Bancários,
Recibos e outros. As receitas estão apuradas em 2011 tiveram as seguintes fontes , conforme Demonstrações
financeiras encerradas em 31 de dezembro de 2.011 e auditadas por MARINELLI AUDITORES.
PRESTAÇÃO SERVIÇO – SUS
R$
PRESTAÇÃO SERVIÇO – CONVENIOS E PART.
R
PRESTAÇÃO DE SERVIÇO ENSINO
R$
TOTAL DE RECEITA COM PRESTAÇÃO SERVIÇOS R$
11.781.603,00
41.740,00
1.236.466,00
13.059.809,00
RECEITA DE DOAÇÕES
RECEITA COM CARTÃO BENEFÍCIO
OUTRAS RECEITAS
RECEITAS FINANCEIRAS
DEDUÇÕES
R$
R$
R$
R$
-R$
11.632.373,00
1.836.188,00.
383.107,00
30.021,00
1.755.193,00
R$
25.186.305,00
TOTAL
Da totalidade da receita com prestação de serviços 96,3 % destina-se ao atendimento dos pacientes do SISTEMA
ÚNICO DE SAÚDE.
29

Documentos relacionados

- Fundação Pró-Rim

- Fundação Pró-Rim anexo ao Hospital São Vicente de Paula em Mafra, SC , Rua Augusto Klimmeck, 277, sala 02 , Centro em São Bento do Sul , SC , Av. do Estado 1690 em Balneário de Camboriú, SC e Rua Cel Vidal Ramos, 1...

Leia mais

- Fundação Pró-Rim

- Fundação Pró-Rim O setor de psicologia da Fundação contou com a colaboração das seguintes psicólogas ROSA MARIA GASPARINO DA SILVA, FLÁVIA BARBOSA MARTINS, JANAÍNA CARVALHO SELL, VANIA CECILIA GROSSL, TEREZINHA DE ...

Leia mais