Domingo é dia - Bruno Camurati

Сomentários

Transcrição

Domingo é dia - Bruno Camurati
Nenhuma vida tem qualquer sentido
Se não houver música.
Não há paz, alegria ou esperança
Sem poetas, menestréis, cantores,
Toda classe de artista.
AGRADEÇO às flores
do meu jardim: minha mãe
e minhas maninhas, amo muito
Todo mundo cria,
Todo mundo faz arte por dentro
Mas pouca gente acredita
Que possa trazer
A luz da sua arte ao mundo
Aqui está minha parte:
Semente plantada na terra
De tudo que veio antes.
Para que o significado da vida
Continue a florescer no coração de todos.
vocês! Ao meu pai que tanto sonhou
junto comigo por esse momento (em
A luz da sua arte
memória). Ao meu noivo, Rodrigo Santiago, por
seu amor e dedicação. Por suas lindas canções “Canto
MANU SANTOS E RODRIGO SANTIAGO
Pro Mar” e “Mulher Jangadeira”. Te amo! À minha família
amada (conseguimos). Aos meus amigos por acreditarem em
mim e por ter esperado junto comigo por esse “filho”, pelas horas ao
telefone, pelos conselhos: Pri Esteves, Alice Venturi, Vico Rocha, Andréa B de
Oliveira e Caio, Nath Carazza, André Estrella, João Estrella, João Roberto Kelly,
Domingo é dia
MOACYR LUZ E ROGÉRIO BATALHA
Domingo é dia, sinhá
De passar roupa
A morena saiu pra sambar
Vai voltar rouca
Ele conhece o lugar
Não se assuste
O buraco que tem lá no chão
É da bola de gude
A morena vai namorar
Beijar na boca
Depois que faz unha, sinhá
Não lava a louça
Menino cresce
Sinhá, sinhá
Faz uma prece
Pra se casar
Menino saiu sem avisar
Não se pertube
Ele foi pra ribeira pescar
Ou pro açude
Menina sabe e oferece um beijo
Menino corre pro brejo
Ele não sabe beijar.
Cris Regis, Nenem Krieger. À Eduarda Fadini: por seu amor, pelo respeito, pela direção
vocal, pelas aulas e pelo ombro amigo. Ao Roberto Bahal, que fez um belíssimo arranjo
de metais em “Deixa eu dizer”. Muito honrada com a sua participação! Anninha, Marcos, Aldo
Marques, Tina Tuner (que cuida da minha beleza), Miltinho, Pedro Paulo Carneiro, João Francisco
e Márcia, Juli Mariano, Geraldo Pimentel, Vera da Matta, João Pinheiro, Adryana BB, André Gabeh, Eliana
Printes e Adonay, Weberth, Beto Feitosa, Lipe, Tarsi, Rafa, Fernando Temporão, Denny Kessous, Radamés Lago, Carol
Medeiros, Carol Vidal e Carioca da Gema (amigos que fiz por lá). Ao Edmundo, do Estúdio Alcatéia, pela assistência e imensa
gentileza de sempre. Ao André Agra, querido produtor do CD. Sem você nada disso teria acontecido. Obrigada por respeitar as minhas
opiniões e por ser essa pessoa maravilhosa! Obrigada pela paciência! Aos músicos que participaram no disco: Giló meu fiel escudeiro. Te adoro,
amigo! Ao Pedro Moraes, Carlos César, Alexandre Caldi, Marcelo Caldi, Fabiano Salek, Jeferson Victor, Stanley Netto, Camilo Mariano, Rômulo Gomes,
Nina Pancevisck e Samuca. Ao Tuca Alves pelos arranjos belíssimos e ao Rodrigo Vidal, por todas essas mixagens maravilhosas. Vocês fizeram a raiz do
meu sonho acontecer, Obrigada! Obrigada Tornaghi pelo belíssimo trabalho! Ao Bruno Camurati, obrigada por abrilhantar o nosso trabalho com sua arte.
Ao João Velasquez, Lúcio e ao Cristiano Soares: fiquei linda e maravilhosa, graças à vocês!!! Aos meu fã-clubes lindos @Fcomanusantos e @FazocasMS !!!
Aos meus queridos fãs/amigos, pela paciência, pelo mimo e carinho. Flores pra vocês!
Manu
Um beijo e um abraço carinhoso,
BR-1SP-1100002 BATERIA CARLOS CESAR MOTA BAIXO PEDRO MORAEZ
PERCUSSÃO GILÓ VIOLÃO ANDRÉ AGRA FLAUTAS ALEXANDRE CALDI
PALMAS MANU SANTOS, ANDRÉ AGRA E GILÓ VOCAIS MANU SANTOS,
EDUARDA FADINI, ANDRÉ AGRA E RODRIGO SANTIAGO

Documentos relacionados

Deixa eu dizer Uma flor Un vestido y un amor

Deixa eu dizer Uma flor Un vestido y un amor Uma dor que não é pouca Tenha dó

Leia mais