Relatório Final - Evento ABIJ

Сomentários

Transcrição

Relatório Final - Evento ABIJ
Anais do XXXV Encontro Nacional dos Dirigentes e
Membros do Comitê do Programa de Intercambio de
Jovens de Rotary Internacional
Governador do Distrito 4730: Herbert Bernardino Alves Moreira
Presidente ABIJ: Jany H. O. Hatanaka D 4430
Chair da Conferência: Anaides Pimentel da Silva Orth - D 4730
Coordenadora Secretaria: Ana Cristina Moro Milléo – D 4730
1
Data: 29 de outubro
Palestra:
Estágio e Trabalho Voluntário no Brasil. Modalidade de Novas Gerações. Lei de
Estágio no Brasil.
Horário: 14:00 às 16:00 horas
Palestrante/Speaker:
Simone Gonçalves Rose – Analista Técnica – IEL – Instituto Euvaldo Lodi.
Coordenador/Coordinator:
Leandro Araújo Júnior – Norbrex – Brasil
Participantes:
Luciano Di Martino - D 2080 Italy
Dennis White- Past RI Committee Chair - D 6220 – USA
Guilhermo A. Lopes Portilho - RI YEP Committee President 2015/2016 D 4160
Clarissa Medeiros – Norbrex - Brasil
Secretário/Secretary:
Denise Schimidlin - D 4730 – Brasil
RESUMO/Português:
Leandro fez a abertura e apresentou o NGSE como um Programa novo,
oportunidade para desenvolver o quadro associativo, passou Simone do IEL que
falou sobre a legislação do estágio no Brasil. O que e o estagio, quem pode
conceder, falou sobre a lei 11.788/2008. Estagio para estrangeiro tem que ter vinculo
com a instituição de ensino, visto e duração máxima de 6 meses. Termo de
Compromisso, instrumento jurídico que vincula as partes. Comparativo das gerações
babyboomer, x y, z.
Leandro falou sobre mudança na estrutura rotaria, separando o NGSE do PIJ,
fazendo parte da Avenida da Juventude a partir de 2012. Citou as características do
NGSE, programa independente, da maioridade ate 30 anos, duração de 01 a 6
meses, serviço, não estagio e não trabalho, não necessita certificação, participação
ampla do publico, pode ser individual ou em grupo, pode ter líder ou não, mais
importante e ter flexibilidade. Recomenda-se que seja independente, com
chairperson e fundos próprios. PIJ pode dar suporte para o programa conquistar
autonomia. Necessidade de networking, directory, regras e formulários próprios,
website e database Luciano reforçou o que Leandro sobre a independência do
programa, Dennis White fez analogia como foi o inicio do PIJ, através dos contatos
nas convenções, devida a comunicação na época.
Necessidade que o programa tenha um espaço próprio para discussão e troca de
ideias, Iniciou estas trocas de informações na Pré-convenção de São Paulo, na
Turquia, hoje aqui em duas horas e prometeu conseguir mais tempo em Cincinatti –
NAYEN em fevereiro 2016.
Guilhermo falou da necessidade de crescimento e promoção do programa, também
o compartilhamento de informações. Clarissa apresentou o site para cadastro e
registro do Programa e oportunidade de vagas abertas. Abertura para perguntas e
esclarecimentos de duvidas e depoimentos. Por fim Leandro lançou o desafio de
marcar o primeiro encontro do NGSE Brasil, em São Paulo, em abril de 2016, na
mesma época este mesmo encontro acontecera em outros países.
RESUMO/English:
........
2
Data: 30 de outubro
Palestra:
Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). A Lei Brasileira de Amparo e Proteção
a Criança a Adolescente.
Horário: 08:30 às 09:00 horas
Palestrante/Speaker:
Dr. Olímpio de Sá Sotto Maior Neto – Procurador da Justiça
Coordenador/Coordinator:
Governador Herbert B. Alves Moreira – D 4730 – Brasil
Secretário/Secretary:
Ligéia B. Stivanin D 4610 - Brasil
RESUMO/Português:
O palestrante iniciou sua palestra com um poema de Manuel Bandeira " eu vi ontem
....quando encontraram um bicho ...não era um rato...não era um... Era uma criança".
O Ministério Público atua na defesa do meio ambiente, das crianças, dos
adolescentes, idosos. Com 38 anos de promotor reafirmo e reafirmei que não
construiremos uma desejada sociedade se continuarmos perdendo uma expressiva
parte destas crianças para a marginalidade.
Artigo 227- dar às crianças e adolescente o direito à vida, à profissão, educação,
lazer, esporte, direitos fundamentais.
Princípio de prioridade: políticas públicas e destinação privilegiada de recursos são
vulneráveis. Proteção deveria ser integral, mas há uma diferença entre o discurso
que se faz sobre a defesa e direito da criança e do adolescente e o que acontece na
realidade, o que se pratica.
Destinação privilegiada de recursos para as crianças e adolescentes. O que se vê
não é esta prática, mas sim um comportamento de políticos em campanha beijando
crianças e as segurando para fotos, como se fosse parte do processo político. Não
escapa nenhum político de adotá-la, mas a realidade é um distanciamento muito
grande quando se chega ao poder.
Proposta do Estatuto da Criança e do Adolescente. Explicitar estes direitos criando
mecanismos que pudessem garantir sua realização. A Unicef indica o Estatuto
Brasileiro para todos no mundo.
Lei de excelência, modelo, mas não se pratica o que está escrito e o que vale é o
que se faz na realidade brasileira. O que deve mudar é o exercício dos direitos
previstos na lei aplicados de modo a produzir efeitos.
Lei prevê todos estes direitos, mas nos países de primeiro mundo não há
necessidade de a Lei dizer por que os direitos das crianças e adolescentes existem
na prática.
Proposta:
Universalização dos direitos das crianças.
Estender estes direitos aos filhos das famílias empobrecidas.
Propriedade absoluta: destinação privilegiada de recursos.
Duas Bandeiras:
1- lugar de criança é na família
2- lugar de criança é na escola que é o espaço adequado para o
desenvolvimento da criança, preparo para a cidadania .
Aqui no Paraná:
Lugar de criança é nos orçamentos públicos.
3
Sociedade mais justa com destinação correta de recursos.
Estatuto da Criança e do Adolescente
Duas pilastras básicas:
Explicitação destes direitos: educacional, saúde etc...
Garantir estes direitos e se não cumprir determina que se cumpra a lei e
responsabilizam aqueles que não cumpram a lei.
Nova política: Criação de conselhos do direito e do adolescente e outros conselhos.
Democracia participativa.
" o poder emana do povo ..." Participação da população nesta política pública.
Efetivar uma política que vá realmente atender as crianças. Os rotarianos poderiam
acompanhar a formulação da política em relação à saúde, educação, entre outros da
criança e do adolescente.
Contribuiríamos extraordinariamente na identificação nos municípios onde moramos
onde estão estes 30% de crianças desamparadas. Atendimento à saúde mental das
crianças, o álcool e a droga comprometem o desenvolvimento mental da criança.
O adolescente na condição de aprendiz para se profissionalizar.
Como podemos ajudar em nossos municípios.
Os conselheiros devem estar munidos destas informações.
O adolescente tem que ser responsabilizado pela prática de crimes ou atos não
abonáveis. Polícia está de mãos atadas hoje em dia. A polícia tem a obrigação de
fazer a prisão.
Estatuto:Todo educando deve ser tratado com educação e respeito.
Dentro dos termos educacionais fazer com que o educando seja responsabilizado
pelos atos que cometer.
Sistemas tenham mecanismos dentro para se aplicar.
Proposta:
1- Empoderamento dos Estatutos
2- Grande Campanha de divulgação em relação ao conteúdo
Os adolescentes foram transformados em bodes expiatórios. Resgatar este
adolescente pelas medidas sócio educativas.
Por fim última proposta:
Doação de até 6% do IR devido podem ser doados para os Conselhos da Criança e
do Adolescente.
1% da pessoa jurídica, se doados para os Conselhos que cuidam do Menor e do
adolescente.
O Rotary poderia orientar a população em sua comunidade e se envolver em uma
grande Campanha no momento de se fazer o Imposto de renda
e desse esta informação e esclarecimento para todos.
Aqui em Curitiba os meninos de rua se reuniram e se organizaram para passar a ter
interferência na vida de todos no sentido de modificar e fazer a diferença. Esses
meninos deixaram de ser vítimas e passaram a ser Autores de suas vidas.
Comecei com um poema e finalizo com outro:
" Igualdade"
" nós também queremos viver
Nós também amamos a vida
Para vocês a escola
Para nós a esmola
Para vocês a vida bela,
Para nós a favela,
4
...
Para vocês a piscina,
Para nós a chacina
Para vocês o avião
Para nós o camburão
Para vocês a felicidade
Para nós a igualdade!”
RESUMO/English:
........
Data: 30 de outubro
Palestra:
Intercambistas com Necessidades de Intervenções: Condutas Familiares,
Comportamentais, Sintomas Psiquiátricos, Acadêmicas e Pessoais Condutas,
Regras.
Horário: 09:00 às 10:00 horas
Palestrantes/Speakers:
Cathryn Burckley Canadá - D 6330
P. Terrance Mcnaugtton - Nayen President – D 6380 – Canada
Adriana Porto Alegre Valente – Psychologist – D 4730 - Brasil
Coordenador/Coordinator:
Carmelino Ianaconi Neto D 4650 - Brasil
Secretário/Secretary:
Amauri C. Couto - D 4630- Brasil
RESUMO/Português:
Cathryn
Eu quero voltar para casa agora!!
Ela posicionou crises eventuais que podem ocorrer no PIJ quando recebemos os
jovens.. Voltar para casa agora pode ser uma situação difícil. Relata um caso de um
jovem que em seu período de intercambio após apenas 6 dias de sua chegada
queria retornar e a situação era muito grave, o jovem ameaçou ate de se matar.
Solucao... trabalho com a família biológica... psicólogos para entender o caso e
medicamentação leve para relaxamento... após este trabalho o jovem não mais
desejou retornar para sua casa e esta cumprindo o programa.
Therrance
Apresentou uma sugestão para ajudar a resolver estas questões referentes a
retornos antecipados. Um contrato com termos que envolvem 4 pontos importantes
que abordam possibilidade de solução para estas questões. São eles: Identificação
do problema, ... Comportamento…. Prazos para a mudança.... Conseqüências.
Se bem posicionado com clareza estes pontos podem ser uma ajuda muito
importante para um compromisso do jovem porque envolvem todos do Distrito, a
família e o jovem.
Adriana
Apresentou uma serie de posicionamentos na mesma linha de pensamento, mas
envolvendo todo o trabalho com os jovens... Um ano de muitas mudanças.
5
Envolvendo o jovem nas varias situações que podem acontecer no momento do
programa de intercambio. Medos e dificuldades, o que se deve estar atento, o que
pode acontecer, comportamentos individuais etc..
Como perceber e como lidar com estas questões que são muito importantes para o
desenvolvimento do programa e da mesma forma sua inclusão nos treinamentos
para a participação no programa.
Ela termina com uma frase de Roosevelt para reflexão.
“Nem sempre podemos construir o futuro para nossa juventude, mas podemos
construir a nossa juventude para o futuro.”
RESUMO/English:
........
Data: 30 de outubro
Teatro:
Jovens Bolsistas – Todos somos iguais em Rotary.
Horário: 10:00 às 10:15 horas
Responsável:
Raphael Traticoski – Rebound – Jovem Destaque – Brasil
Apresentação/Presentation:
Anaides Pimentel Orth D 4730 – Brasil
RESUMO/Português:
O projeto Jovem Destaque teve início no ano rotário de 2006/07. O EGD Paulo
Augusto Zanardi reuniu-se com outras psicólogas e pessoas com alto envolvimento
no PIJ para definir o escopo deste projeto. Hoje, após 9 anos de projeto e 32
vidas que tiveram suas realidades totalmente transformadas, o Projeto Jovem
Destaque é uma referência para a juventude onde o distrito atua.
Jovens talentosos, com bom rendimento escolar, que se destacam em suas
comunidades através de trabalhos voluntários, têm a chance de serem
embaixadores da paz e da boa vontade e trocar conhecimento com outras culturas
mesmo não possuindo o recurso financeiro necessário para o programa de longa
duração. O projeto promove uma mudança na vida do jovem, na família e na
comunidade na qual ele está inserido.
Maria é mãe do jovem Matheus Siqueira que foi um dos Jovens Destaques
selecionados no processo 2014/2015 e agora está na França em seu intercâmbio.
Ela, moradora de rua há anos atrás, hoje contempla maravilhada a conquista do
filho. Seu depoimento durante a apresentação na ABIJ, comoveu muitos rotarianos,
que em pé, aplaudiram esta virada na família da Maria.
Raphael Traticoski, primeiro Jovem Destaque do distrito 4730, conduziu a
apresentação, reunindo jovens destaques rebounds, inbound e outbounds. Juntos,
agradeceram ao Rotary por terem proporcionado tamanha experiência,
independentemente de classe social, educação pública ou privada, o Rotary fez de
todos esses jovens IGUAIS.
RESUMO/English:
........
6
Data: 30 de outubro
Palestra:
Código de Conduta e Proteção à Juventude - RI.
Horário: 10:35 às 11:00 horas
Palestrante/Speaker:
Leandro Araújo Júnior – Norbrex – Brasil
Coordenador/Coordinator:
Marco Pompeu D 4470 – Brasil
Secretário/Secretary:
Irineu A. Feiten - D 4640 – Brasil
RESUMO/Português:
Hoje a certificação do Programa de Intercâmbio de Jovens é obrigatória para todos
os distritos de RI que participam do aludido programa.
Citada certificação visa proteção à juventude, no sentido de abuso e assedio para
com o jovem.
O abuso consiste em forçar ou induzir alguém a participar de atos sexuais explícitos,
reais ou simulados, sozinho ou com outra pessoa.
Já o assédio se dá por telefonemas, e-mails, proezas sexuais piadas, olhares,
gestos, aproximação por contato físico, etc.
Referidos atos quando ocorrem são percebidos no isolamento do estudante,
mudança brusca no comportamento e apetite, humor, hematomas, baixa autoestima, medo de adultos, etc.
E caso aconteça tais atos de imediato deve ser afastado o jovem do ambiente em
que houve o assédio, comunicar o RI e governador distrital, iniciar as investigações,
apoiar o jovem com suporte psicológico e em caso de crime ou desaparecimento
partir para o plano de gerenciamento de crise.
Tais acontecimentos podem ser minimizados através de treinamento com todos os
envolvidos com nossos jovens, treinamento das famílias, outbounds, inbounds, ect.
RESUMO/English:
........
Data: 30 de outubro
Entrevista/Talk Show:
Integração Governadoria X Programa de Intercâmbio – A parceria Necessária.
Horário: 11:00 às 11:40 horas
Entrevistador e Comentarista/Interviewer and Commentary:
Luiz Gustavo Prado – Ex Chair – Ex Governador – ABIJ past President
Entrevistados/Interviewed:
Leandro Araujo- D 4500- Training Leader
Jany H. O. Hatanaka D 4430 (chair, ABIJ President)
Paulo Augusto Zanardi - D4730 Former RI Governor / Rotary Foundation Director
Claudia Barbieri- Governadora eleita 2016/2017 - D 4740
Guilhermo A. Lopes Portilho - RI YEP Committee President 2015/2016 - D 4160
Secretário/Secretary:
David L. Gomes - D 4490 – Brasil
7
RESUMO/Português:
A sessão foi aberta com uma explanação pelo Luiz Gustavo sobre o tema e sobre a
forma de atuação do painel. Foi enfatizada a importância da parceria entre a
Comissão de Intercâmbio de Jovens e a Governadoria em nível Distrital. Disse que
faria uma pergunta para cada entrevistado e que cada um teria 6 minutos para
responder.
1 - Leandro Araujo- D 4500 2008-2009 District Governor / Training Leader
Você já foi Chairman, Governador, Presidente do Comitê Internacional do YEP e
agora Trainning Leader. Como você acha que o Governador e a Comissão de
Intercâmbio de Jovens Distrital devem trabalhar? Quais são os principais pontos de
conflito em sua opinião? Como deve ser o treinamento dos Governadores para lidar
com o complexo Programa de Intercâmbio de Jovens?
O Governador Leandro Araujo enfatizou a importância da indicação do Governador
para o cargo de Chairman da Comissão Distrital, levando em consideração a
importância de uma comissão coesa e transparente. Defendeu a ideia de o
Governador indicado participar das reuniões da Comissão de Intercâmbio para
melhor conhecer o programa, tendo em vista sua complexidade. Falou da
importância da prestação de contas da Comissão de Intercâmbio, tendo em vista
que a Comissão faz parte da Governadoria, e assim com o Governador deve prestar
contas dos recursos por ele gerenciados, a Comissão de Intercâmbio deve prestar
contas para o Distrito para manter a transparência junto aos rotarianos do Distrito.
Pediu ao Diretor Indicado Paulo Zanardi, presente à mesa, para avaliar a
possibilidade de incluir no treinamento dos Governadores Indicados e eleitos o tema
Intercâmbio Internacional de Jovens, mesmo sabendo que normalmente o Rotary
International, ao elaborar o treinamento para todos os Distritos, inclui o Intercâmbio
de Jovens como um dos programas ligados à Avenida de Serviços à Juventude.
2 - Jany H. O. Hatanaka D 4430 Chair, ABIJ President)
Presidente Jany, quais são os maiores desafios da ABIJ junto aos Distritos? Como
tem sido a relação da ABIJ com os Governadores de Distrito? O que você sugere
aos Chairs do Programa de Intercâmbio de Jovens para estreitarem os seus
relacionamentos com os Governadores de Distrito?
A Presidente Jany disse que tem trabalhado para que os Governadores Distritais
tivessem uma maior participação junto ao Programa de Intercâmbio de Jovens e que
era notória a participação de vários Governadores neste encontro. Disse que às
vezes os Governadores interferem na repatriação dos jovens, que descumpriram as
regras de Rotary International, e que devem confiar na Comissão de Intercâmbio de
Jovens, tendo em vista que conhecem melhor e estão em contato direto com os
jovens. Falou também que os Chairman devem sempre convidar os Governadores
para participarem dos seus treinamentos e reuniões.
3 - Claudia Barbieri- YEP – Chair / District Governor 2016-2017 - D 4740
Quando você assumiu o cargo de Chairperson do seu Distrito, não havia
intercâmbio. O então Governador lhe ajudou na implantação? Como você fez para
chegar no patamar que está hoje? Os outros Distritos lhe ajudaram? A ABIJ lhe
ajudou? Como você acha que os Distritos e a ABIJ podem ajudar os Distritos com
menor nível de atuação no Intercâmbio? Como os Governadores podem ajudar
nesse processo, especialmente nos Distritos com Intercâmbio menos tradicionais?
8
Cláudia Barbieri disse que recebeu todo o apoio do Governador de Distrito dela ao
ser indicada para o cargo e também dos demais Governadores. Disse que começou
a participar das reuniões da ABIJ e outras reuniões de líderes do Programa e
sempre teve ajuda de alguns Chairmen para conseguir vagas para os candidatos do
seu Distrito. Disse que a ABIJ, pra ela, era apenas um CNPJ e que esperava uma
ação mais eficaz para ajudar em especial os Distritos menores. Disse também que
os Governadores podem sempre ajudar na parceria com o Intercâmbio de Jovens
com a participação direta e dando um tempo adequado para apresentação do
Programa na Conferência Distrital e Assembléias Distritais.
4 - Guilhermo A. Lopes Portilho - RI YEP Committee President 2015-2016 D
4160
Presidente Guilhermo, muitos Governadores de Distrito dizem que o Programa de
Intercâmbio de Jovens é um programa independente do Distrito. Como você acha
que os Chairpersons devem atuar junto aos seus Governadores para um melhor
relacionamento e crescimento? Como tem sido o relacionamento dos Chairmen com
os Governadores no México e em outros países?
O Presidente Guilhermo disse que realmente muitos rotarianos insistem em dizer
que o Programa de Intercâmbio de Jovens é independente da Governadoria, não só
no Brasil, mas em vários países do mundo. Disse que cabe a nós, do Intercâmbio de
Jovens, sempre estreitarmos o relacionamento com a Governadoria para que
tenhamos sempre um bom relacionamento. O programa de Intercâmbio de Jovens é
um programa que envolve milhares de jovens viajando por um ano para um país
diferente, e que os rotarianos que trabalham com estes jovens são extremamente
dedicados e sempre fazem o melhor para os jovens. Disse também que temos que
estar sempre atentos em convidar o Governador de Distrito eleito e indicado para
participar das nossas reuniões para que todos entendam como funciona todo o
processo. Em sua opinião o Programa de Intercâmbio de Jovens tem feito a
diferença na prestação de serviços no mundo e os Governadores devem cada vez
mais estarem unidos com as Comissões de Intercâmbio de Jovens para um melhor
resultado.
5 - Paulo Augusto Zanardi – D 4730 2006-2007 District Governor / RFRC / RI
Director 2017-2019
Como você acha que a Comissão Distrital de Intercâmbio de Jovens pode trabalhar
em parceria com o Governador para o Desenvolvimento do Rotary? (Famílias
anfitriãs, Escolas, Ex Intercambistas, Interact, Rotaract, RYLA). Você acha que esta
parceria pode ajudar a melhorar a relação entre o PIJ e a Governadoria?
O Diretor Paulo Zanardi iniciou dizendo que não existe diferença entre a
Governadoria e a Comissão de Intercâmbio de Jovens. Disse que todos estão no
mesmo avião e para que cheguem ao destino sem problemas devem estar sempre
unidos, pois o fracasso de um implica necessariamente no fracasso do outro. Disse
também que vai avaliar a possibilidade de incluir nos treinamentos o Programa de
Intercâmbio de Jovens para que os Governadores indicados e eleitos possam ter um
maior contato com o Programa. Falou que devemos utilizar os programas do Rotary
e treinar os jovens para dar um maior resultado aos Distritos. Muitas parcerias
podem ser feitas através dos jovens do Programa, como parcerias para projetos da
Fundação Rotária e projetos nas comunidades assistidas pelos Rotary Clubs locais.
Falou também da importância de patrocinar jovens de baixa renda para dar
9
oportunidade para aqueles que não possuem recursos para participarem do
programa.
RESUMO/English:
........
Data: 30 de outubro
Palestra:
Serviços de Juventude
Horário: 11:40 às 12:05 horas
Palestrante/Speaker:
Todd Jenkins – D 6110 USA
Coordenador/Coordinator:
Paul Bruning D 4510- Brasi
Secretário/Secretary:
Joao Galdino Santos D 4651- Brasil
RESUMO/Português:
Todo mundo tem uma história e esta deve ser escrita com empolgação.
O Rotary tem um importante papel em escrever sua história, através dos seus
inúmeros programas, dedicados em fazer o bem à humanidade.
Especificamente no caso do RYEP, estamos todos aqui envolvidos em dar no
presente, um futuro melhor para nossos jovens; e, para isto, faz-se necessário
Comprometimento, Entusiasmo e Obstinação.
Além de toda comunidade ligada ao YEP como os Chairmen, Oficiais, Conselheiros,
etc... todos os rotarianos deveriam se engajar numa missão de ir ao encontro de
jovens, além dos seus círculos mais próximos de amizade, o que significa um
esforço no sentido de possibilitar aos jovens de categorias sócio - econômicas
menos favorecidas uma rica experiência de vida.
Todos rotarianos devem encontrar maneiras de chegar a todos os jovens de várias
origens. Não basta ser apenas um associado, mas um rotariano entusiasmado e
comprometido com as novas gerações.
Os Rotarianos devem procurar saber sobre novas tendências, os desafios com suas
dificuldades e pressões do mundo moderno com suas tecnologias.
Sua motivação os obriga a ser criativos e buscar formas de trabalhar com os jovens
de forma divertida e consistente, fortalecendo os vínculos com a Família, Escola,
Rotary e atividades de voluntariado, onde os jovens possam desenvolver suas
qualidades pessoais e estimular lideranças.
O envolvimento do Rotary através do YEP, pode mudar vidas de forma significativa,
dando oportunidades de integrar com o que de melhor o mundo nos oferece.
RESUMO/English:
........
10
Data: 30 de outubro
Palestra:
Critérios de Seleção do EEMA
Horário: 13: 20 às 13:40 horas
Palestrante/Speaker:
Luciano Di Martino - EEMA President - D 2080 Italy
Coordenador/Coordinator:
Ehrlich de As lima - D 4490 Brasil
Secretário/Secretary:
Juan A Tumba Noe - D 4580-Brasil
RESUMO/Português:
Em cada Encontro de EEMA tem um tópico especifico de Intercambio de Jovens a
ser debatido para conseguir sugestões que depois são divulgadas a fim de facilitar e
padronizar o trabalho dos distritos com os inbounds e outbounds. No evento de Oslo
foi debatida a Seleção que pode ser categorizada em quatro áreas: Estudantes,
Famílias anfitriãs, Oficiais de intercambio e conselheiros, e Chairs da Comissao
Distrital. Recomenda-se utilizar o Manual de Intercambio Jovens de Rotary
International como primeira obra de referencia. E um procedimento de
gerenciamento de riscos que ajuda a eliminar candidatos inadequados. Recomendase utilizar a formula: O que? Por que? Quem? Como? Quando?
A intenção tem que ser: identificar se os candidatos estão no processo por iniciativa
própria ou da família e se realmente querem ir para o exterior. Se desejam aprender
sobre outros modos de vida; se tem algum conhecimento do que e a organização
Rotary International; se tem algum conhecimento geral sobre o mundo e se sabem
relacionar-se com os outros quando estão em grupos.
RESUMO/English:
........
Data: 30 de outubro
Palestra:
Família Hospedeira, Privilégios, benefícios, direitos e deveres da Família e
Estudante.
Horário: 13:40 às 14:10 horas
Palestrante/Speaker:
Dennis White - Past RI Committee Chair - D 6220 - USA
Coordenador/Coordinator:
Luiz Spengler - D4470 Brasil
Secretário/Secretary:
Kelly Christina Macedo - D4560 Brasil
RESUMO/Português:
Familias anfitriãs. O sucesso do Programa de Intercambio está no tripé:
- o estudante,
- o Club,
- a família anfitriã.
11
Para que tenhamos este sucesso é necessário: organização, boa seleção e
organização.
Devemos fazer o uso do Handbook para a orientação.
Devemos recrutar famílias que sejam rotarianas, familiares e/ou amigos, famílias dos
outbounds. Para este recrutamento podemos usar materiais promocionais e também
o vídeo Become a host Family.
Dennis apresentou um vídeo onde famílias anfitriãs demonstram sua alegria e
satisfação em receber. Estes exemplos e relatos podem ser usados para recrutar
mais famílias. Dennis também lembrou que todos fazemos parte de famílias comuns
e boas..
Mais um ponto falado foi na não obrigatoriedade da família do outbound receber um
estudante porém, que estas famílias podem indicar e auxiliar a recrutar possíveis
famílias anfitriãs.
RESUMO/English:
........
Data: 30 de outubro
Painel/Panel:
Projetos de Subsídios Global: O programa de Intercâmbio e a Ponte de Amizade
entre Distritos.
Horário: 14:10 às 14:30 horas
Palestrante/Speaker:
EGD Paulo A. Zanardi- D 4730- Brasil
Coordenador/Coordinator:
Tarcisio M Siqueira D 4420 - Brasil
Secretário/Secretary:
Juan A Tumba Noe - D 4580 - Brasil
RESUMO/Português:
Os outbounds devem ser convidados a participar das reuniões dos clubes auspicia
dores e instruídos sobre o papel da Fundação Rotaria. Devem aprender sobre a
possibilidade de levar propostas de projetos de Subsídios Globais para apresentar
nos distritos para onde são enviados e conseguir parcerias.
Os jovens devem ser instruídos para serem embaixadores e propor as parcerias
entre os clubes e distritos para projetos conjuntos. Assim também devem ser
preparados para se engajar em atividades de serviço comunitário em suas cidades
de destino e trazer as experiências ao seu retorno.
RESUMO/English:
........
Data: 30 de outubro
Palestra:
Serviço: o ponto crucial do programa de intercâmbio.
Horário: 14:30 às 15:10 horas
12
Palestrante/Speaker:
Dan Bronson - D 7280 - ESSEX - USA
Paulo Saragiotto D 4590 Brasil
Francisco Ferro (Chico) D 4510 Brasil
Coordenador/Coordinator:
Solange Oliveira Àvila Giannini D 4620 - Brasil
Secretário/Secretary:
Robson Caetano D 4410 – Brasil (ausente) - Juan A Tumba Noe - D 4580-Brasil
RESUMO/Português:
Dan Bronson disse que o intercambio será muito positivo para o inbound se ele se
relacionar bem com a sociedade que o acolhe, se ele consegue conhecer os
problemas da comunidade e as dificuldades para resolvê-los. O benefício somente
será completo, na formação da sua personalidade, se ele adquirir consciência da
importância da prestação de serviços e do papel do Rotary na comunidade. Isso
somente será possível se os clubes anfitriões e as famílias dão a oportunidade para
contato com a comunidade e facilitam a integração com grupos de trabalho
comunitário, nos que podem estar incluídos Interact e Rotaract.
Francisco Ferro e Paulo Saragiotto apresentaram casos de inbounds que
desenvolveram projetos de integração na comunidade, alguns deles para resolver
problemas de falta de compatibilidade dos currículos do ensino médio entre os
diferentes países, que estavam provocando insatisfação e tédio nos inbounds.
RESUMO/English:
........
Data: 30 de outubro
Palestra:
YEP Curta Duração – CAMPS - Experiência e um Trabalho de Excelência.
Horário: 15:30 às 16:00 horas
Palestrante/Speaker:
Alonso Campoi (EGD 06/07 - YEChair 1997/2002) D 4510- Brasil
Heidi Van der Auwera (CoChair D1630 Belgium)
Coordenador/Coordinator:
Marcelo Persicotti - D 4730 - Brasil
Secretário/Secretary:
Joao Bosco F. Oliveira - D 4500 - Brasil
RESUMO/Português:
Devido à ausência da HEIDI VAN DER AUWERA da Bélgica, o companheiro Alonso
dividiu a sua apresentação em duas partes, onde na primeira ele fez um relato a
pedido de Heidi, de como está funcionando o Programa de Curta Duração (Camps)
na Bélgica e solicita um maior envolvimento dos parceiros para o incremento do YE
Short.
Nessa modalidade eles fazem um recrutamento de jovens que queiram passar de 10
a 14 dias em um camping (acampamento). As acomodações são feitas em
alojamentos ou até em casas de famílias (no máximo 2 estudantes por família). Em
geral há um envolvimento de 4 clubes à cada duas semanas, com a ajuda de
13
rotarianos, famílias e ROTEX. Os estudantes participam também de atividades de
Rotary nos clubes e o recrutamento é para um menino ou menina por país.
São preenchidos os Applications Forms (Short Term) e está previsto a aplicação de
um seguro viagem. Os custos dependem do formato e das atividades oferecidas. Lá
na Bélgica eles procuram envolver clubes e famílias justamente para procurar
baratear no que for possível. Durante a apresentação o Alonso mostrou algumas
fotos com diversas situações (estudantes em atividades nos camping), com
destaques que eles também participam de atividades de arrecadação de fundos (tipo
leilão) e projetos sociais locais.
E porque não fazemos no Brasil.
Seria pelas distâncias e custos envolvidos:
Poderia ser incrementado junto aos países vizinhos.
Termina a apresentação pedindo aos chairman do Brasil para que se envolvam mais
com o programa e tenham em mente a oportunidade de se fazer mais nessa
modalidade, inclusive de acampamento.
Feito esta apresentação dos tópicos enviados por Heidi, o companheiro Alonso
passou a discorrer sobre o seu tema propriamente dito, que é STEP 4510 Uma
Experiência e um Trabalho de Excelência.
Como tudo começou, foram as primeiras transparências, demonstrando quem foram
os principais Chairman do Distrito e seus engajamentos para que o Programa de
Intercâmbio no Distrito fosse um sucesso.
A seguir, mostrou as características do Programa (STEP) em seu distrito destacando
ser primordialmente executado na modalidade “Família x Família”, numa troca direta.
Incentivam uma imersão profunda da família anfitriã, mas as deixa livre para que
promova roteiros de viagens ou atividades com o estudante inbound que for
possível. Não há uma obrigatoriedade para freqüência escolar, contudo á salutar e
motivador. Em alguns casos há a presença do “choque cultural” nos estudantes
hospedados. Os relacionamentos amorosos são mais presentes.
Como apoio, são passados as orientações às famílias para que promovam um
diálogo com estudante desde o primeiro dia, incluindo aí até o formulário “Primeira
Noite”, para uma boa convivência. Como fator motivador e alavancador de
amizades, a sua presença aos clubes de Rotary é fundamental. Pode-se e deve-se
incluí-lo nos eventos do Distrital.
Depois elencou sugestões de como fazer o STEP funcionar de forma eficaz:
certificar os clubes (ao menos 70%), Os jovens e seus familiares devem apresentar
um cadastro de reserva de potenciais candidatos à base de 3 X 1 (ou seja, ele trazer
3 nomes de candidatos ao STEP), fortalecimento do comitê e que ele possua
networking (não é tudo, mas é um bom início).
O Distrito deve ser possuidor de: um calendário em comum acordo com o
Governador, envolvimento dos ROTEX e um aperfeiçoamento no processo de
seleção. O envolvimento do clube é fundamental. Promover viagens motivadoras e
organizadas, pegando exemplos de empresas profissionais.
Depois e finalizando, ele discorreu sobre o funcionamento do STEP no seu Distrito:
1 – um trabalho operacional menor que o de longa;
2 – executam mais de 80 trocas por ano;
3 – possibilidade relacionamento com parceiros de forma duradoura;
4 – muitos estudantes resolvem fazer o de longa depois
Características: 16 países parceiros recebem de junho a agosto e enviam entre os
meses de dezembro e janeiro. Duran de 5 a 12 semanas (ideal 6 a 7), recrutam
14
jovens de 15 a 21 anos, alguns são migrados do longa duração. Os custos
dependem da configuração, mas envolve basicamente passagem, seguro e visto.
Não há mesadas envolvidas e as viagens culturais são bancadas pelos pais
biológicos, cabendo a host Family a logística para a sua execução.
Pretendem alcançar 100 candidatos selecionados (para tanto, precisam recrutar
mais de 250 jovens – hoje são cerca de 80 jovens) e baratearem os custos
envolvendo outras situações de encurtamento dos deslocamentos (fazendo com
países vizinhos, por exemplo) ou promovendo camping (que tem uma logística mais
em conta) e trocas entre Distritos brasileiros.
Encerrou sem haver debates em função do tempo decorrido de apresentação dos
slides.
RESUMO/English:
........
Data: 30 de outubro
Palestra:
Workshop Intercambio de A ate Z - Perpassando por todas as normativas do
Intercambio de Jovens.
LOCAL: Auditorium
Horário: 16:00 às 16:25 horas
Palestrante/Speaker:
Jose Adilson Bonatto D 4590 - Brasil
Coordenador/Coordinator:
Paulo A Gomes D 4390 - Brasil
Secretário/Secretary:
Arlete Ines Scherer Brasil D 4700 - Brasil
RESUMO/Português:
Falado da importância do envolvimento do clube no programa, dos resultados para o
estudante, membros de Rotary clube e clube. Importante não somente 1 pessoa no
clube atuar no intercambio, mas sim uma comissão, todos tem que estar integrados
e em sintonia com o programa.
A equipe distrital da mesma forma tem que ser estruturada e treinada, há muito
material disponível.
Como atrair Outbounds – em visitas e escolas e mídias sociais
Entrevista com outbounds – jovens tem que ser preparados para o intercambio,
devem ter orientação.
Trabalho do Chair – deve conhecer bem o programa bem como os clubes do distrito,
e estar em sintonia com eles.
Treinamento de Outbounds – eles não absorvem tudo o que e passado, neste são
apresentados todos os deveres deles para o ano.
Conselheiro é fundamental para o intercambio ter bom resultado, deve ser o melhor
amigo do intercambista, mas muitos não conhecem suas atribuições.
Inbounds – absorvem informações melhor no treinamento, pois estão empolgados,
motivados para viajar.
Famílias anfitriãs também devem ser bem treinadas.
Deve-se envolver o jovem na comunidade, estimular o jovem a ser pro ativo.
15
RESUMO/English:
........
Data: 30 de outubro
Palestra:
Plataforma de Gestão do Intercâmbio de Jovem do Rotary
LOCAL: Auditorium
Horário: 16:30 às 17:20 horas
Palestrante/Speaker:
Al Kalter
Coordenador/Coordinator:
James Landmann D 4310 - Brasil
Secretário/Secretary:
Clóvis Ribeiro Sobrinho - D 4550 Brasil
RESUMO/Português:
Apresentação de um Sistema de Gestão do Programa de Intercâmbio de Jovens
criado pelo próprio palestrante associando a sua habilidade profissional e sua vasta
experiência no Programa de Intercâmbio de Jovens do Rotary internacional. O
Rotary YEAH visa gerir o PIJ, facilitar a comunicação e permitir o preenchimento dos
formulários de inscrição, facilitando o acesso às informações. Muitos Distritos dos
EUA e Canadá já utilizam o Rotary YEAH. Assim, o uso do Rotary YEAH produzirá
uma base de dados que facilitará a gestão do PIJ com: informações, dos estudantes
inbounds e outbounds, famílias, equipe do PIJ, conselheiros e Rotary Clubs;
automação, auto processamento dos estudantes, famílias e voluntários;
administração; elaboração de lembretes; e gestão financeira.
Para implantação do Rotary YEAH nos Distritos brasileiros será necessário um
parceiro para tradução e referencia do Programa no Brasil. O Rotary YEAH não tem
fins lucrativos, mais terá um custo de aproximadamente US $ 400,00/ano para um
Distrito com PIJ de porte médio, para custear o armazenamento da base de dados.
RESUMO/English:
........
Data: 30 de outubro
Palestra:
CISI - Bolduc
LOCAL: Room All Seasons
Horário: 16:00 às 16:25 horas
Palestrante/Speaker:
Ted Cenatiempo - USA
Coordenador/Coordinator:
João Gabriel M. Mestieri D 4310 - Brasil
Secretário/Secretary:
Ivaldi da Silva Nascimento D 4440 - Brasil
16
RESUMO/Português:
Iniciou a Palestra o Ted mostrando geograficamente em mapas a cobertura de
atuação da empresa ao redor do mundo, disse que Atende de forma geral e não
somente o Rotary, sendo que anualmente comercializa 150 mil seguros sendo cerca
de 3 mil para o Rotary, e esses números tem crescido ano a ano. Iniciou-se uma
série de intervenções da assembléia, com perguntas e colocações muito
interessantes com relação ao tema, e seguiu-se assim cada fala do Ted, iniciava-se
uma serie de perguntas. Notou-se durante a palestra, a grande necessidade e a
ansiedade da maioria dos presentes, com relação ao tema, pois é sabido que é um
assunto com muitas incógnitas em grande parte dos nossos Distritos. Ted mostrou
que a apólice é válida no mundo inteiro, apresentou um exemplo de plano para
atendimento ao Jovem Estudante, as intervenções da assembléia continuavam,
tomando cada vez mais o tempo da Palestra, mesmo considerando que eram
extremamente pertinentes. Ted mostrou os benefícios para o Estudante no modelo
de plano apresentado, suas coberturas, tais como: doenças, atendimento, médicos,
acidentes, laboratórios, etc. Mostrou também as exclusões do plano, tais como:
exames de rotina, imunizações, exames de visão, óculos, dentes, etc. mostrou
também aproximadamente dez benefícios adicionais. Outra coisa muito interessante
explicado, é que AXA Assistance está disponível o tempo todo em todo o mundo,
Qualquer um pode abrir um caso no nome do segurado, se houver uma emergência
como por exemplos: Assistência legal, Evacuação - médica, Serviços multilíngues
estão disponíveis, Assistência na substituição de passaportes e Assistência com
drogas de prescrição (caso de transportar).
OBS: Ted encerrou a Palestra com um tempo total de 30 minutos, em
conversa com o coordenador João Gabriel, concluímos que dado à
importância, urgência e duvidas sobre o tema, essa seria uma palestra
para um tempo de no mínimo 60 minutos, ficaram prejudicados,
portanto todos, inclusive o próprio Ted que com certeza ficou
insatisfeito com sua apresentação.
RESUMO/English:
........
Data: 30 de outubro
Palestra:
Mídias Sociais Como Ferramenta para o YEP
LOCAL: Room All Seasons
Horário: 16:30 às 17:20 horas
Palestrante/Speaker:
Clarissa Medeiros – Norbrex - Brasil
Coordenador/Coordinator:
Secretário/Secretary:
Ronald Bertagnoli D 4720 - Brasil
RESUMO/Português:
17
A palestrante Clarissa iniciou apresentando as mídias sociais que tem mais
tendência entre os jovens, sendo elas Facebook, Instagram, Snapchat, Periscope,
Youtube e Whatsapp. Ressaltou a importância de inclusão dos YEOS nesse
universo, uma vez que os adolescentes atuais pouco utilizam as mídias
convencionais como TV, Rádio, Jornais e Revistas e o online é o caminho de
comunicação mais rápido para alcançá-los.
Após apresentação mais genérica sobre todas as mídias, a palestrante focou no
Facebook, demonstrando a diferença entre Perfis (para pessoas) e Fan pages (para
empresas, associações, etc…) e sugerindo que todos os distritos deveriam ter uma
fan page para divulgação de atividades e oportunidades.
Ainda no Facebook, demonstrou formas de anúncio e divulgações para públicos
específicos, análises de perfis e planejamento de marketing de conteúdo.
Também explicou um pouco sobre outras mídias, como o Periscope, por exemplo
que transmite vídeos em tempo real a partir de um celular e pode ser uma ótima
ferramenta para treinamento de estudantes.
RESUMO/English:
........
Data: 31 de outubro
Palestra:
Haiti e a JUVENTUDE - Acordo Brasil - Haiti
Horário: 08:50 às 09:15 horas
Palestrante/Speaker:
Caleb Lucien D 7020 - Haiti
Coordenador/Coordinator:
Germana Dalberto D 4660 - Brasil
Secretário/Secretary:
Jany H. O. Hatanaka D 4430 - ABIJ President - Brasil
RESUMO/Português:
O coordenador Leandro de Araújo destaca que o projeto se deve ao trabalho
incessante da companheira Germana Dalberto, do distrito 4660; e ele, pessoalmente
a apoiou quando Germana compartilhou esta idéia há dois anos atrás, no Brazilian
yeo meeting em Porto de Galinhas. Este projeto teve o apoio imediato do presidente
Luiz Spengler, presidente da ABIJ à época e, também pela atual presidente Jany
Hatanaka.
O Chairman Caleb Lucien comenta que trouxe uma garrafa de bebida haitiana e de
imediato, o companheiro Leandro anuncia a idéia de um leilão ou uma “rifa”
voluntária para angariar fundos para o Projeto. Todos aceitam a proposta.
O companheiro Leandro destaca a presença do Chairman Caleb durante a
Convenção Internacional de RI em São Paulo, quando muitos tiveram a
oportunidade de conhecê-lo pessoalmente, elogiando sua postura e liderança.
O palestrante inicia sua palestra se apresentando como Chairman do mais novo
Distrito certificado por RI, Distrito 7020, representando seus 84 Rotary clubs.
18
E agradece a parceria e o acordo firmado com a ABIJ e os Distritos brasileiros, em
nome dos Governadores atual, eleito e indicado também.
Inicia a descrição de seu Distrito como sendo formado por 10 países:
- Anguilla
- Bahamas (except Grand Bahama)
- British Virgin Islands
- Cayman Islands
- French West Indies (St-Martin & St-Barthelemy only)
- Haiti
- Jamaica
- Netherland Antilles (Sint-Maarten only)
- Turks & Caicos
- U.S. Virgin Islands
E com orgulho, destaca sua representação pelo Haiti, que tem muitos lugares lindos
pela diversidade em sua natureza; mas, sofre com a realidade de enormes desafios
na área da educação.
Após o acordo firmado com a ABIJ e os 24 Distritos brasileiros interessados, informa
que estão animados pelo Programa de Intercambio de Jovens e já estão engajados
no processo de avaliação de candidatos com os clubes interessados; e neste
momento, já tem 9 (nove) jovens escolhidos .
Informa que os jovens conhecem muito o Brasil pelo seu futebol, inclusive os nomes
dos grandes e renomados jogadores da seleção brasileira.
O processo seletivo dos jovens está sendo feito em uma escola escolhida e
destacada por ele e todos os jovens amam muito o Brasil, não somente pela cultura;
mas porque viveram momentos interessantes no País, pela missão de Paz enviada
pelo governo brasileiro e pelas ações humanitárias do falecido embaixador Sérgio
Vieira de Melo.
De forma empolgada, destaca que este acordo só está sendo possível pela ação e
interesse da rotariana, companheira Germana Dalberto, do distrito 4660, que é a
grande líder para a concretização deste Projeto.
Comenta que ela ajudou e acompanhou a certificação do Distrito junto a Rotary
International e que, infelizmente, sente a ausência dela neste evento, pois ela está a
serviço das Nações Unidas, em um novo desafio, na Libéria.
Agradece a companheira Jany Hatanaka, presidente da ABIJ, pelo convite em
participar como palestrante deste encontro e pela oportunidade em apresentar o
acordo firmado com os Distritos brasileiros e se comprometeu em enviar seus
melhores estudantes.
Disse que são jovens cheios de energia e todos estão ansiosos para vir ao Brasil e
viver esta experiência do Intercambio.
Ele está ciente da grande imigração de haitianos no Brasil e diz que seus jovens
serão os embaixadores do Haiti aqui no Brasil.
Ele homenageia o Distrito 4660, na pessoa da Chairperson Rosiméri Soza de Melo,
entregando uma bandeira do Haiti e posa para uma foto.
A presidente Jany Hatanaka se manifesta apresentando as inúmeras bandeiras do
Haiti trazidas pelo Chairman Caleb, como um presente a cada Distrito que firmou o
acordo com o Distrito 7020 e convida os distritos que ainda não fazem parte deste
rol de Distritos, que ainda é tempo e incentiva a falarem diretamente com ele, para
tirarem suas dúvidas. Neste momento, há manifestação de alguns Distritos
interessados!
19
O Chairman Caleb encerra sua participação, agradecendo a todos pelo convite de
vir a esta conferencia e pela grande oportunidade que estão proporcionando aos
jovens haitianos.
Ao final, a presidente Jany Hatanaka convida os representantes de cada Distrito que
firmaram o acordo com o Haiti, para receberem a bandeira do Haiti, para uma foto
coletiva e retribui os agradecimentos.
RESUMO/English:
........
Data: 31 de outubro
Palestra:
Retorno Antecipado: A Normativa de RI, Medidas Preventivas e Intervenção – A
expectativa do oficial e conselheiro. 6 Bs e 4 Ds
Horário: 09:15 às 09:50 horas
Palestrante/Speaker:
Lawrene Bishop - D 6970 EUA
Terri Nicole Sawyer - D 5420 - USA
Coordenador/Coordinator:
Maria Leticia Ferreira D 4770 Brasil
Secretário/Secretary:
Eduardo Sancho D 4750 - Brasil
RESUMO/Português:
A superproteção faz os adolescentes se sentirem sufocados, induzidos a mentir
além de esconder o que estão fazendo. A superproteção dificulta os adolescentes a
obedecer a regras e de certa forma os estimula a fazer coisas que os coloca em
perigo.
Temos tendências a buscar desculpas para justificar os motivos que levam os jovens
a quebrar regras como genética, má criação, mas influencias ou televisão e mídia.
Um pouco disso até pode ser verdade, mas o córtex pre frontal ‘e a área que
comanda o comportamento cognitivo complexo, a expressão da personalidade, a
tomada de decisões, e modera o comportamento social. Zonas subdesenvolvidas
podem afetar a concentração, a orientação, a capacidade de abstração, o bom
senso e a capacidade de resolver problemas e causar comportamento social
inadequado.
Existe então alguma possibilidade de se obedecer aos 4Ds?
Sim!!! O giro supramarginal e a parte mais famosa do cérebro, e a que reconhece e
compreende letras e leitura, mas, provavelmente, o melhor, e a área do cérebro
onde se desenvolve a empatia. A empatia e um forte sentimento para os outros e
vem de dentro, Quando os jovens sentem que podem ser parte de algo incrível, eles
vão sentir empatia e fazer o que for necessário para fazer o que e certo. O giro
Supramarginal tem a capacidade de atrair a empatia pelos 4Ds e especialmente
pelos 11 Bs.
The 11Bs: Be First - Be curious - Be on Purpose - Be Grateful - Be of Service - Be
here and now - Be flexible - Be friendly - Be adventurous - Be watchful - Be positive
Versus
The 4 Ds: No drinking - No Driving - No serious dating - No drugs
20
RESUMO/English:
........
Data: 31 de outubro
Palestra:
Depoimento de uma Rebound
Horário: 09:50 às 10:15 horas
Palestrante/Speaker:
Barbara Nieviadonski - (Rebound e Rotex) - D4730
Coordenador/Coordinator:
Tammy Romangueira - D4730 - Brasil
Secretário/Secretary:
Julio Ernesto H. Kappel D 4780 Brasil
RESUMO/Português:
Em uma narrativa interessante e inovadora, Bárbara decide contar a história de seu
intercâmbio, um relato sobre todos os acontecimentos que se sucederam, desde sua
partida de Curitiba, até novamente a chegada. Porém, não satisfeita em contar sobre
seu intercâmbio no passado, faz uma conversa com seu eu que ainda está presente
lá, discutindo consigo mesma sobre aquilo que teria maior importância e que seria
interessante para contar aos outros, e aquilo que deveria ser deixado de lado.
Durante seus devaneios, o intercâmbio na Alemanha é ilustrado por paisagens de
sua cidade hospedeira, fotos do acampamento de imersão, um vídeo sobre seu
Eurotour, onde o foco foram as pessoas que tornaram aquilo tudo único e
inesquecível, fotos que pintam um pouco como foram seus tours para a província da
Turíngia e para Berlim e também sua viagem para a Noruega, a fim de visitar o
intercambista que ficou em sua casa no Brasil.
Realizando essa conversa paradoxal entre presente e passado, vê-se o intercâmbio
de Bárbara passando na frente dos nossos olhos, dividindo-se em momentos
diferentes de toda a sua jornada. Ao final, as duas protagonistas refletem sobre a
importância desse tempo no exterior, além de um importante agradecimento à
Família Rotária que tornou isso tudo possível.
Vê-se então que independente do tempo em que se encontra a, agora Rebound,
Bárbara sempre teve em mente o que poderia ser aproveitado de seu intercâmbio, e
fez o possível para que isso se tornasse realidade. “Lembrando-se sempre do seu
passado, vivendo seu presente e planejando seu futuro.”
RESUMO/English:
“In an interesting and innovative narrative, Barbara decides to tell the story of her
exchange, an account of all the events that have taken place since her departure
from Curitiba, up to finish. But not content to rely on their exchange in the past, she
makes a conversation with her own self that is still present there, arguing with it
about what would have greater importance and it would be interesting to tell others,
and what should be left out.
21
During her reverie, the exchange in Germany is illustrated by landscapes of her host
city, immersion camp photos, a video about her Eurotour, where the focus were the
people who made it all unique and unforgettable, pictures that paint a bit how were
the tours to the province of Thuringia and Berlin and also her trip to Norway to visit
the exchange student who was at her home in Brazil.
Making this paradoxical conversation between present and past, we see Barbara's
exchange passing in front of our eyes, divided into different times throughout her
journey. In the end, the two protagonists reflect on the importance of this time
abroad, as well as an important thanks to the Rotary family who made it all possible.
It is seen then that it doesn't matter in which time she is, the now Rebound Barbara
always had in mind what could be availed of their exchange, and did her best to
make it come true. Remembering always her past, living her presente and planning
her future. "
Data: 31 de outubro
Palestra:
O Impacto do Intercambio depois de 30 anos
Horário: 10:15 às 10:40 horas
Palestrante/Speaker:
Burkhard Gronwald - D 1870 - Germany
Coordenador/Coordinator:
Marystela Colauti Vergaças - D 4480 Brasil
Secretário/Secretary:
Rogerio Candioto Ballestero - D 4760 - Brasil
RESUMO/Português:
Esta apresentação do nosso querido companheiro alemão, Bukhard, foi
emocionante e uma viagem no túnel do tempo.
Começou agradecendo o Convite para ser palestrante deste encontro ABIJ 2015.
Disse que há mais de 30 anos atrás, um rapaz de 16 anos saiu da Alemanha com
destino aos Estados Unidos, entrando num avião (747), pela primeira vez na sua
vida, para um intercambio de longa duração 1983/1984. Foi carinhosamente
acolhido pela sua Host Family, onde vez seu intercâmbio apenas nesta única família
que era composta de um numero enorme de pessoas. E o melhor amigo que ele fez
durante seu intercambio foi um brasileiro de São Paulo Frequentou o High School,
onde foi muito participativo e onde fez muitas amizades. Praticou esportes, trabalhou
numa lojinha da escola, enfim, se envolveu de corpo e alma esta experiência. Se
formou com louvor. Outro evento abordado por ele foi a viagem pelos Estados
Unidos com os intercambistas. American Ramble USA Bus Tour. 3 onibus, 26 dias,
23 estados,12.500 Km e 128 intercambistas. Onde teve a sorte de estar no ônibus
mais animado em função de metade dos intercambistas deste ônibus serem
brasileiros, o que permitiu que ele conhecesse nossa cultura, musica e danças.
Voltou para Alemanha, se formou e casou. Hoje Pai de duas filhas, se tornou
Rotariano e se engajou no Programa de Intercambio de Jovens. Criou um Facebook
do grupo do Bus Tur de 1984, que se iniciou com uma foto do grupo em Washington
22
DC e uma lista dos intercambistas viajantes. Através do Facebook e Google, tentou
encontrar todos os 128 intercambista, o que é fácil, visto que alguns se casaram e
mudaram de nome, mas 6 meses após a criação, já tinha 50 não encontrados, 2
falecidos e 76 já contatos via Facebook ou e-mail. Um dos contatos que marcou foi
de uma intercambista da Australia que vive em uma fazenda e não faz uso de
internet e nem de Facebook, o que o obrigou a usar um antigo meio de comunicação
( CARTA ESCRITA A MÃO E POSTADO NOS CORREIOS), o que dispertou risadas
de suas filhas. Através do Facebook, fizeram um primeiro encontro em Berlim em
Julho de 2014 e 23 Ex-intercambista de todo o mundo que estiveram juntos com ele
nos Estados Unidos, naquela viagem memorável. Este encontro teve grande
repercussão, inclusive sendo publicada na revista rotária da Alemanha. Depois deste
primeiro encontro, iniciaram vários outros pequenos encontros destes exintercambista ao redor de todo o mundo (Japão, Europa e em outros países e
continentes. Hoje o Facebook tem apenas 19 ainda não contatados, com aqueles 2
falecidos e 107 mantendo contatos via o Facebook e e-mails.Fato importante, destes
localizados, apenas 3 se tornaram Rotarianos.
Por fim, o intercambio mudou sua vida e o tornou um homem melhor.
Isto é o mais IMPORTANTE.
Parabéns e muito obrigado Rotary Internacional.
RESUMO/English:
........
Data: 31 de outubro
Palestra:
ETICA, CIDADANIA e JUVENTUDE
Horário: 12:00 às 12:30 horas
Palestrante/Speaker:
Psic. Alexander Baer - D 4730 - Brasil
Coordenador/Coordinator:
Antonio B. Guirro - D 4710 - Brasil
Secretário/Secretary:
Paraguassu Lopes - D 4430 - Brasil
RESUMO/Português:
O Objetivo da Palestra foi debater e compartilhar as melhores práticas para a
melhoria contínua do Programa, bem como de promover o relacionamento entre os
dirigentes do PIJ. Assim os temas principais foram Ética, Cidadania e Juventude. O
palestrante propõe que sejam avaliados seis passos para a que se obtenha a
integridade e o bem estar para o programa.
Primeiramente avaliar os problemas e os fantasmas e medos existentes. Segundo
colocar amor, paixão e êxtase nas relações. Depois será necessário entender o
talento individual de cada componente da equipe: Qual a sua missão? Quais os seus
valores? Estabelecer um grito de guerra que reforce a integração da equipe,
considerando todos os envolvidos. Formalizar estratégias de sucesso priorizando a
criatividade, a diferenciação, inovação, experiência e resultados. O tributo será o
resultado de todos juntos. E por fim a manutenção destas premissas no
desenvolvimento do programa.
23
A Palestra foi bastante dinâmica colocando todos os participantes do evento em
harmonia.
RESUMO/English:
........
24