Copa do Mundo da FIFA 2014™: Unindo torcedores e

Сomentários

Transcrição

Copa do Mundo da FIFA 2014™: Unindo torcedores e
Copa do Mundo da FIFA 2014™: Unindo torcedores e interceptando piratas
POR: Eddy Vivas, Vice-Presidente, Gestão de Direitos e Proteção de Conteúdo, Univision e
Mauro Arikawa, Diretor de Vendas, América do Sul, Irdeto
Você sabia que, todos os dias, consumidores no mundo inteiro assistem a seus programas de TV e filmes
favoritos por meio de streams ilegais que encontram na Internet – e nem sabem que estão pirateando
conteúdo?
Os consumidores de hoje esperam ter acesso a eventos esportivos e ao vivo em todas as telas, onde
quer que estejam. Com a Copa do Mundo em andamento e já batendo recordes de audiência, há uma
oportunidade significativa para atender a essa demanda e engajar torcedores de futebol. Este ano, a
Univision está revolucionando o modelo de streaming de eventos esportivos oferecendo cobertura
ininterrupta, ao vivo, para 56 jogos em telas múltiplas e plataformas móveis.
Com novos produtos e provedores surgindo diariamente, a pirataria de streaming ao vivo está em
ascensão, criando um desafio que requer muita atenção. Contudo, essa também é uma tremenda
oportunidade para aprender lições com base em inteligëncia do negócio e suprir uma demanda ainda
não atendida dos consumidores. Neste texto, exploramos três medidas essenciais para combater a
pirataria, reengajar consumidores e extrair informações empresariais.
O hat-trick: defender a rede, abrir o campo para os torcedores e prever a próxima jogada
1. Boa defesa: Para combater a pirataria e proteger seus direitos, não é suficiente formar barreiras
e achar que seu conteúdo está protegido. É importante tratar da segurança com uma
abordagem em três etapas: Descobrir os sites que costumam disponibilizar conteúdo pirateado
e proteger-se contra a pirataria nesses canais; rastrear streams ilegais e eliminá-los em tempo
real; e analisar os resultados. As plataformas OTT tornaram-se cada vez mais alvo de
redistribuição pirata e as novas tecnologias de marca d'água para OTT estão no horizonte e
poderia melhorar significativamente os esforços anti-pirataria.
2. Reengajar seus torcedores: dê-lhes a experiência de um estádio em qualquer lugar e em todos
os lugares – Pessoas de todas as idades assistem à Copa do Mundo e em múltiplos aparelhos. O
objetivo deve ser disponibilizar os jogos em todos os aparelhos possíveis, para facilitar o acesso
aos jogos por meio de todas as propriedades da Univision.
3. Utilizar dados para prever e proteger-se contra o próximo ataque – Esta etapa é possivelmente
a mais importante, pois os proprietários e distribuidores de conteúdo não podem avançar sem
saber que atividades de pirataria ocorreram durante uma transmissão. As tendências e os
conhecimentos adquiridos a partir da análise dos dados obtidos com a tecnologia de marca
d'água não só pode ajudar uma organização a identificar falhas, mas o mais importante é que
ele ajuda a entender quem é o público e em que eles estão interessados - trazendo todo o
processo que discutimos. Após um evento, examine onde ocorreu a atividade ilegal e, em
seguida, descubra o porquê – o conteúdo não estava disponível em determinadas plataformas?
Foi difícil encontrá-lo ou acessá-lo? O que motivou a atividade de pirataria? Somente com esta
abordagem você realmente poderá aprender com seus dados e tomar decisões mais inteligentes
sobre onde e como distribuir conteúdo.
Broadcasters – ser o melhor jogador da partida é com você
Milhões de espectadores assistirão à Copa do Mundo nas plataformas da Univision este ano. Tanto a
Univision como a Irdeto sabem que o objetivo principal é distribuir todos os jogos para a maior
quantidade possível de telas, para que os espectadores possam participar do evento, qualquer que seja
a tela que estejam assistindo. Mas também precisamos assegurar que os jogos sejam assistidos
legalmente e, caso contrário, que a pirataria seja devidamente controlada para proteger os direitos das
operadoras. Tomar as medidas certas para proteger direitos e receitas e, ao mesmo tempo, oferecer a
melhor experiência possível para o consumidor não apenas capta novas audiências, mas também ajuda
as operadoras a evoluir e inovar. A jornada de streaming de eventos esportivos ao vivo deve incluir a
exploração e o desenvolvimento contínuo de tecnologias anti-pirataria e de segurança, como a inclusão
de uma marca d'água para que as operadoras possam estar realmente bem posicionadas para o futuro e
tornar-se mais inteligentes sobre a demanda dos consumidores.

Documentos relacionados