BRINGING FOOTBALL ALIVE

Сomentários

Transcrição

BRINGING FOOTBALL ALIVE
EDIÇÃO 1
ÉPOCA 2015/16
AGOSTO 15
KICK-OFF
BRINGING FOOTBALL ALIVE
JESUS
O MILAGRE
STERLING
SOBREVALORIZADO?
PSG: PROIBIÇÃO
LEVANTADA
BATALHA ENTRE
REAL E BARCELONA
A JUVENTUS
SEGUE IMPARÁVEL? 1
Bem-Vindo à Kick-Off
Tudo o que precisa saber
sobre a nova temporada!
Os nossos especialistas espalhados
pela Europa prepararam para si uma
análise fundamentada sobre as principais ligas europeias.
Acompanhe tudo, desde as principais
movimentações no Barcelona até aos
preparativos do FC Voluntari no ano
de estreia na principal liga romena. Temos tudo coberto, de todos os ângulos.
Consulte as transferências mais caras
do defeso, a forma como Jesus saltou
directamente para o rival Sporting ou
mesmo os primeiros passos do irmão
mais novo de Hazard na carreia de futebolista.
Explore todos os destaques nas principais ligas do mundo, mas desfrute
também de outros assuntos bastante
interessantes. Destaque natural ainda
para a análise minuciosa ao plantel dos
três grandes de Portugal: Benfica, Sporting e FC Porto. Pode encontrar tudo isto
a partir da página 23.
Esta temporada promete trazer futebol
de alto quilate! Não perca a oportunidade de se registar, na página 10, habilitando-se a receber um presente exclusivo do nosso patrocinador!
KICK-OFF
BRINGING FOOTBALL ALIVE
Conteúdos
República Checa
p4
Inglaterra
p5-p8
França
p9-p11
Alemanha
p12-p14
Hungria
p15
Itália
p16-p18
Holanda
p19-p20
Polónia
p21-p22
Portugal
p23-p25
Roménia
p26-p27
Espanha
p28-p30
Editor-chefe: Phil Carpenter
Editores: Gabor Hujber, Dominic Poyntz
Design: Ryan Simmonds, Rodrigo Valle Valazco, Marco Di Natale
Conteúdo: Dani Martinez, Boris Olympio, Dorota Faron, Alex Barry, Pedro Moita, Michael Follett, Gabor Hujber, Jiri Petrasch, Luis Santos
Editor Geral: Jeremy Fall
Marketing & Circulação: Jeremy Fall
[email protected]
Imagens: Imago, Action Images
Editorial: BC Global Services Limited, 100 Hammersmith Road, London W6 7JP, United Kingdom
BEG 2015. Todos os direitos reservados. Nenhuma parte desta publicação pode ser reproduzida ou transmitida, por qualquer forma ou por
qualquer meio electrónico ou mecânico, incluindo fotocópia, gravação ou qualquer armazenamento de informação, sem o consentimento
expresso previamente por escrito do Editor Geral. Os conteúdos da revista Kick-Off estão sujeitos à reprodução, para fins de armazenamento
de informação.
3
INGLATERRA
REPÚBLICA CHECA
Plzeň novamente
favorito
FC Viktoria Plzeň é o
O
favorito para ganhar a
Synot Liga, a primeira liga
da República Checa, pela
segunda vez consecutiva.
A equipa de Plzeň, ganhou o seu terceiro título em
cinco anos, batendo o Sparta
de Praga por 5 pontos, com
uma diferença de golos superior (+46 contra +37). A última
época foi aquela em que o
Viktoria Plzeň terminou com
maior margem em relação ao
2.º Classificado, mas tem falhado do no que toca a vencer
dois títulos de uma vez, talvez
devido à pressão da Liga dos
Campeões.
O segundo classificado,
Sparta de Praga, é também
um forte candidato a ganhar a
Apesar de terem sido a
Synot Liga esta época, o que
equipa com mais golos marca- seria o seu 13.º título. Entre
dos na última época, com 70
as duas últimas conquistas
tiros certeiros, apenas um jog- do Viktoria Plzeň, o Sparta
ador marcou mais de 10 golos: sagrou-se campeão com uma
o médio atacante Daniel Kolář, impressionante margem de 13
que encontrou o caminho das pontos e mais 59 golos marcaredes por 11 vezes.
dos.
No entanto, o treinador
Miroslav não parece estar preocupado, visto ter-se
concentrado em reforçar o
meio-campo e a defesa com
a contratação mais sonante
- o regresso de Václav Pilař,
resgatado ao Wolfsburgo,
clube pelo qual não chegou a
começar nenhum jogo, depois
de uma lesão prolongada.
Infelizmente para os fãs
do Viktoria, não irão ver o
míudo maravilha Martin Graiciar brilhar na equipa principal
esta temporada, uma vez que
o jogador se transferiu para
o Arsenal na janela de transferências de Inverno, clube
onde poderá um dia jogar
com outro jogador checo: Petr
Čech.
e do Sparta a ter-se sagrado
campeã na última década,
mas que terminou a época
passada num decepcionante
12.º lugar. Tendo já vencido o
Slovan Liberec na Supertaça
esta época, o Viktoria Plzeň
está no bom caminho para
finalmente conquistar o seu
segundo título consecutivo.
David Lafata, o melhor
marcador da última edição da
prova, com 33 golos marcados
em todas as competições, terá
um papel decisivo na possibilidade de o Sparta voltar a
festejar. Para apoiar Lafata,
o treinador Zdeněk Ščasný
contratou o atacante nigeriano
Kehinde Fatai ao Astra Giurgiu
da Roménia, por £350.000.
Os adeptos esperam ver o seu
clube evitar ser segundo classificado pela sétima vez na
última década!
Destaques
Quanto a outras equipas
com hipóteses de conquistar
o título, destaque para o FK
Baumit Jablonec, que acabou
em terceiro na última temporada, e o FC Slovan Liberec, a
única equipa além do Viktoria
Matador
Top 3
Apenas 3 equipas, Viktoria Plzeň, Sparta de Praga & Slovan
Liberec sagraram-se campeãs
nos últimos 10 anos.
Armas atacantes
18 jogadores diferentes marcaram pelo Viktoria Plzeň na
última época.
David Lafata foi o melhor marcador da Synot Liga em 4 das
últimas 5 temporadas, primeiro
pelo Jablonec e depois pelo
Sparta de Praga.
O Sparta de Praga teve a melhor defesa da última época,
concedendo apenas 20 golos.
epois da desastrosa exD
periência no Manchester
United na última época, a
que o levou a ser considerado
um dos melhores avançados
da Europa e que não siga as
pisadas de Fernando Torres
ou Andriy Shevchenko, jogadores que defraudaram as
expectativas em Stamford
Bridge.
Muito longe do nível a que
nos habituou, depois de uma
séria lesão que o afastou do
Campeonato do Mundo de
2014, Falcão marcou apenas
4 golos pelos Red Devils e
acabou por ter pouco tempo de jogo. Os adeptos do
Chelsea esperam agora que
Falcão volte a atingir a forma
Com Diego Costa já estabelecido como número 9,
Falcão pode voltar a ter poucas oportunidades para brilhar, visto Mourinho preferir
jogar apenas com um avançado. No entanto, Costa pode
vir a ser poupado em alguns
jogos, devido às lesões que
sofreu na última época. A
fraca prestação de Falcão na
Copa América pode ser um
mau sinal, mas os campeões
Falcão no Chelsea
estrela colombianana Radamel Falcão mudou-se este
ano para o campeão inglês,
Chelsea.
estão dispostos a correr o
risco neste inicio de uma nova
caminhada por mais títulos.
Pode ser um risco trazer
Falcão, mas há também quem
diga que é um risco deixar
sair um dos melhores guarda-redes que já passou pela
Premier Leage. Petr Cech
tornou-se dispensável em
Stamford Bridge e mudou-se
para o rival Arsenal. Arsene
Wenger espera assim construir uma base sólida para apoiar
o ataque.
Com a ascenção de Alexis
Sanchez e a qualidade de Wilshere e Walcott, os adeptos
dos Gunners estão optimistas
quanto a esta temporada. Se
5
INGLATERRA
INGLATERRA
conseguirem um melhor arranque do que no ano passado,
têm boas hipóteses de sorrir
em Maio.
Derby de Manchester
s dois clubes de ManO
chester gastaram entre
si quase 130 milhões de
euros neste Verão, embora
os Red Devils tenham gasto
um pouco mais que os seus
vizinhos.
Louis Van Gaal concentrou-se especialmente
no reforço do meio-campo,
gastando cerca de 60 milhões
de euros com as contratações
de Schneiderlin, Depay e Bastian Schweinsteiger. O United
jogou, a espaços, o tipo de
futebol pelo qual Van Gaal é
conhecido e teve duas séries
de seis vitórias consecutivas,
que incluíram Tottenham,
Liverpool e Manchester City.
À última série seguiram-se
três derrotas que deitaram por
terra o sonho do título e mostraram que a consistência é um
aspecto a melhorar.
O City protagonizou uma
das maiores transferências da
temporada, tendo finalmente
resgatado Raheem Sterling
por mais de 40 milhões de
euros.
Acabaram assim as dúvidas em relação ao seu futuro
no Liverpool, sendo agora o
mais caro jogador inglês da
história. Chegou ainda Fabian
Delph, o empréstimo de Frank
Lampard terminou e James
Milner mudou-se para o Liverpool. 2014/15 foi a primeira
temporada em cinco anos
em que o City não ganhou
qualquer troféu, pelo que os
citizens estão determinados
a voltar a atingir a glória na
próxima época.
Pode algum clube fazer frente ao top 4?
os útimos anos, a corriN
da pelas quatro primeiras posições acabou por ser
mais emocionante do que
propriamente a luta pelo
título.
Chelsea, Man. City, Arsenal e Man. United são os
favoritos para voltarem a ocupar estas posições, mas será
que algum clube poderá desafiá-los?
O Liverpool ficou fora dos
quatro depois de uma campanha desapontante, a que se
juntou a eliminação na fase de
grupos da Liga dos Campeões
e a saída da FA Cup aos pés
do Aston Villa.
Apesar disto, os donos do
clube mantiveram o treinador
e o clube esteve activo no
mercado, mas Brendan Rodgers começa a nova temporada
sujeito a uma pressão considerável. James Milner, Nathaniel Clyne e Roberto Firmino
vão ter de se esforçar para
compensar a saída do capitão
Steven Gerrard. Mesmo com
estas aquisições, será difícil
para os reds chegarem ao top
four.
O Tottenham ficou em 5.º
lugar, seis pontos atrás do 4.º
classificado, Man. United. O
Jovem Jogador do Ano, Harry
Kane, mostrou brilhantismo ao
serviço dos Spurs, com 31 golos em todas as competições
- mais do que qualquer outro
jogador do clube nos últimos
20 anos. No entanto, Kane vai
precisar de ajuda para conseguir levar o Tottenham ao
top four.
A contratação de Toby
Alderweireld ao Atlético de
Madrid reforçou a defesa, mas
poderá não ser suficiente.
O Southampton vai tentar
melhorar ainda mais, depois
de uma impressionante primeira temporada sob os comandos de Ronald Koeman, que
culminou com a qualificação
para a Liga Europa. As saídas
de Clyne e Morgan Schneiderlin não ajudam, mas o Southampton provou nas últimas
temporadas que consegue
compensar as perdas das
suas principais estrelas.
Substituíram Schneiderlin
por Jordy Clasie do Feyenoord
e Jay Rodriguez está de volta
depois de uma lesão prolongada, o que deverá ser tão bom
como uma nova contratação.
Equipas Promovidas
Bournemouth vai disO
putar a Premier League
pela primeira vez.
A equipa de Eddie Howes
7
INGLATERRA
COUNTRY
Side Notes
Destaques
desafiou as probabilidades
com um futebol que surpreendeu tudo e todos. As contratações de Distin e Boruc
trazem experiência, que pode
ser decisiva nos jogos da Premier.
O Norwich precisou de
apenas uma época de volta à
Championship antes de conseguir regressar à Premier
League. O técnico escocês
Alex Neil causou um grande
impacto ao pegar na equipa
a meio da temporada, levando os Canaries às finais dos
play-off e, finalmente, de volta
ao contacto com os “grandes”.
Depois de um mercado de
transferências tranquilo, conseguirá Neil continuar a fazer
a sua magia e manter o Norwich onde quer estar?
Será Kane o melhor marcador?
Depois de várias tentativas, o Watford consegiu
finalmente a promoção. Com
Troy Deeny a marcar golos, os
Hornets, conhecidos pelo seu
futebol de ataque, esperam
manter-se na Premier. O clube
contratou o experiente técnico espanhol Quique Sanchez
Flores e as contratações de
Capoue e Behrami tornam o
Watford o mais “gastador” dos
três clubes promovidos.
Os golos de Aguero tiraram a
liderança dos melhores marcadores a Harry Kane. A última
vez que o máximo goleador
da liga jogou por um clube
que não se qualificou para a
Liga dos Campeões, foi em
2001/02, quando Jimmy Floyd
Hasselbaink fez 24 golos pelo
sexto classificado, Chelsea.
Conseguirá Kane atingir este
feito, se os Spurs falharem o
top four?
As dificuldades em marcar
golos do Man. United
Os golos são uma preocupação para o Man. United,
visto que os 62 que marcou
na última temporada foram a
marca mais baixa do clube na
última década. Wayne Rooney
furou as redes por 14 vezes mas, ainda assim, desde
Frank Stapleton em 1982 que
o melhor marcador dos red
devils não marcava tão poucos golos.
Equipas inglesas na Europa
8 equipas inglesas irão jogar
nas competições europeias
na próxima temporada. Chelsea, Man. City, Arsenal e Man.
United farão parte da Liga dos
Campeões, enquanto Liverpool, Tottenham, Southampton
e West Ham irão representar
o país na Liga Europa. Os
Hammers, que não jogam na
Europa desde 2006, qualificaram-se através da Fair
Play League. Para o Southampton e o West Ham será
uma enorme evolução, dado
que ainda há poucos anos os
clubes miilitavam na Championship.
FRANÇA
Alterações no FFP
disparam contratações do PSG
ste Verão trouxe grandes
E
notícias para os dirigente
e adeptos do PSG, visto que
a UEFA decidiu amenizar as
restrições do Fair Play
Financeiro (FFP).
A actividade do clube no
mercado foi muito calma até
agora, principalmente devido
ao facto de o FFP o ter forçado a procurar novas estratégias para trazer estrelas para
o Parque dos Príncipes.
Antes desta decisão, o
clube tinha um limite de 60
milhões de euros - sendo que
12.5 milhões foram já gastos
com a contratação de Serge
Aurier, depois do empréstimo
por parte do Toulouse FC –
e restrições em relação ao
tamanho do seu plantel para
as competições europeias (21
jogadores em vez de 25). Depois das novidades
conhecidas em Julho, o PSG
não esperou muito para escolher novos alvos, desde o
promissor guarda-redes Kevin
Trapp do Frankfurt (9.5 milhões de euros) ao experiente
médio Benjamin Stambouli
do Tottenham (8.6 milhões de
euros). No entanto, não serão
certamente os únicos.
Os principais rumores
que circulam na comunicação
social incluem Angel Di Maria (60 milhões), o fantástico
médio da Juventus Paul Pogba (80 milhões), o belga Kevin
De Bruyne (70 milhões) e até
Cristiano Ronaldo (125 milhões)!
O clube de Paris teve uma
fantástica temporada, com
quato títulos conquistados
(Ligue 1, Taça de França, Taça
da Liga e Trophée des Champions), mas a sua próxima
grande prioridade é levantar o
troféu da Liga dos Campeões.
Para alcançar esta meta, o
plano não passa apenas por
contratar novas super-estrelas
mas também por vender alguns jogadores, de forma a
regenerar o grupo.
Yohan Cabaye e Alphonse Areola mudaram-se
para outras paragens (Crystal
Palace e Villareal, respectivamente). Ezequiel Lavezzi,
Thiago Motta, Gregory Van
der Viel, Lucas Digne e Adrien
Rabiot deverão também deixar
o clube, se surgirem ofertas
proveitosas.
No entanto, o sucesso do
clube faz com que os seus
principais jogadores sejam
também alvo de cobiça. Em
Junho, Zlatan Ibrahimovic foi
apontado ao Milan, mas depois de várias negociações,
parece que o sueco irá permanecer em Paris pelo menos
por mais um ano. Blaise
Matuidi, Edinson Cavani e
Marco Verrati são também
constantemente falados como
estando a caminho de grandes
clubes em Inglaterra, Espanha
e Itália, mas o treinador Laurent Blanc não os deixará
partir facilmente.
Pode o Lyon voltar a
entrar na luta?
Lyon optou por uma
O
estratégia a longo prazo, quando planeou a con-
strução do seu novo estádio
para 2016.
O clube viu-se assim
obrigado a cortar nas despesas e a vender jogadores
que noutra situação tentaria
manter, o que teve um grande
impacto na sua competitiv-
9
FRANÇA
COUNTRY
FRANÇA
Destaques
idade. O Lyon não vence a
Ligue 1 desde 2008, depois de
ter levantado o troféu por seis
vezes consecutivas!
O seu carismático presidente, Jean Michel Aulas,
sabe que não pode competir com o poderio financeiro
do PSG, pelo que decidiu
construir um equipa com
jogadores jovens, mas de
qualidade. Esta política compensou na última temporada,
quando o avançado Alexandre
Lacazette (melhor marcador
e jogador da liga) e o médio
Nabil Fekir (melhor estreante
da liga), lideraram uma equipa
com 14 jogadores oriundos
das camadas jovens, para
surpresa de todos os comentadores. Uma equipa jovem
mas com um grande espírito
de equipa desafiou o PSG durante a temporada, até acabar
em segundo lugar, a apenas
sete pontos do campeão.
O Lyon está a fazer tudo
para manter as suas jóias
Lacazette e Fekir e ambos
prolongaram já os seus contratos. Estes serão, sem dúvida, jogadores-chave para a
próxima época. Alguns dos
restantes jogadores jovens
como Samuel Umititi, Yassine Benzia, Anthony Lopes e
Lindsay Rose deverão continuar a sua evolução, tendo
já sido associados a grandes
clubes europeus. O clube já se
reforçou para se preparar para
a Liga dos Campeões, com
Quádruplo
Jeremy Morel do Marselha a
custo zero e Claudio Beauvue
do Ginguamp, por 5 milhões.
Esperam ainda contratar pelo
menos mais um jogador, com
o defesa do Marselha Nicolas
Nkoulou no topo das prioridades. apenas uma temporada.
Estas saídas coincidiram
com uma mudança na estratégia, com o treinador Leonardo
Jardim a ser contratado ao
Sporting CP e os jogadores
jovens a serem guiados por
algumas estrelas experientes,
Se os Gones conseguirem como Dimitar Berbatov. Os
manter os seus melhores
resultados foram bastante
jogadores, o mesmo espírito e bons, com o ponto alto a ser a
força colectiva, deverão convitória em Londres sob o Artinuar a ser a principal ameaça senal, que levou o clube aos
ao PSG. Podem ainda almejar quartos de final da Liga dos
a progredir na Liga dos
Campeões.
Campeões e, possivelmente,
a ganhar alguns troféus nas
Na sequência do sucespróximas temporadas. so, algumas das estrelas da
época passada já deixaram
Mónaco, outro
o clube. Geoffrey Kondogbia
partiu para o Inter de Milão (30
grande desafio!
milhões de euros) e Yannick
o longo dos últimos dois Ferreira Carrasco (20 milhões)
anos, o AS Mónaco imvai jogar no Atlético de Mapressionou.
drid. No entanto, as jovens
promessas Layvin Kurzawa,
Apesar de beneficiar do poder- Fabinho e Aymen Abdennour
io financeiro do milionário
permanecem. O Mónaco esRusso Dmitry Rybolovlev,
teve também bastante activo
percorreu um longo caminho
no mercado de transferênnum curto espaço de tempo.
cias, contratando o avançaLogo após a sua promoção à
do Stephan El Shaarawy ao
Ligue 1 em 2013/2014, com
AC Milan e alguns jogadores
uma equipa totalmente recon- jovens, mas de qualidade:
struída em que se incluíam
Farès Bhlouli, Guido Carillo,
James Rodriguez, Falcao e
Ivan Caveleiro, Corentin Jean,
João Moutinho, conseguiram
Thomas Lemar e Mario Pašalchegar ao segundo lugar e à
ić, para referir alguns. Talvez
Liga dos Campeões, sob o
não seja suficiente para desacomando de Claudio Ranieri.
fiar o PSG, mas o clube espeDepois da saída do técnico
ra voltar a ter uma boa camitaliano no ultimo Verão, o
panha na Liga dos Campeões
clube viu ainda James Rodrie, possivelmente, ganhar uma
guez e Falcao partirem após
Taça. A
Na última época, o Paris Saint
Germain tornou-se o primeiro clube francês a levantar
quatro troféus durante uma
única temporada (Ligue 1,
Taça de França, Taça da Liga
e Trophée des Champions).
O Barcelona detém o recorde
com 6 títulos em 2008-09
(Taça do Rei, Liga Espanhola, Liga dos Campeões, Supertaça, Supertaça Europeia
e Campeonato do Mundo de
Clubes).
Recorde de golos
Alexandre Lacazette, avançado de 24 anos do Lyon, marcou 31 golos na última temporada, (incluíndo 27 na Ligue
1), batendo o recorde de outro
jogador do Lyon, Andre Guy,
de 25 golos em 1968-69. No
entanto, ficou ainda longe do
recorde da Ligue 1, detido
pelo croata Josip Skoblar, que
marcou 44 golos pelo Marselha em 1970-71.
Super adeptos
Em 2014-15, exactamente
301.510 adeptos assistiram
aos jogos da 10.ª jornada da
Ligue 1, batendo um recorde
que se matinha desde 199798. Na última época, a assistência media por jogo foi de
22.000, o que, no total, representa cerca de um milhão
a mais do que na temporada
passada!
11
ALEMANHA
ALEMANHA
que lhe garantiram o prémio
de Melhor Jogador. O avançado Bas Dost foi também determinante, tendo marcado mais
golos na última época do que
nas duas anteriores.
Bayern
m dois anos, Pep GuarE
diola ganhou duas Bundesligas, levou a equipa às
meias-finais da Liga dos
Campeões, ganhou a Supertaça Europeia, o Campeonato do Mundo de Clubes e o
DFB-Pokal, mas os adeptos
ainda não estão convencidos.
Alguns dizem que Guardiola está a destruir o legado de
Jupp Heynckes, que deixou o
clube depois de uma gloriosa
campanha. Assegurar o título
na época passada foi o mínimo para o Bayern, mas Guardiola merece ser reconhecido
por manter os vencedores
do Campeonato do Mundo
motivados. A equipa perdeu
apenas dois jogos até garantir
o título e ganhou-o facilmente,
mantendo as suas redes invioláveis em 22 de 34 jogos.
Foi eliminada da Taça
da Alemanha na semi-final,
depois de um desempate por
grandes penalidades onde
nenhum jogador do clube
consegiu marcar e perdeu
a semi-final da Liga dos
Campeões contra o Barcelona, sem jogadores-chave
como Ribéry, Robben e Alaba,
lesionados.
É quase certo que o Bayern voltará a ser campeão,
mas para contrariar as críticas, Guardiola terá de ganhar
a Liga dos Campeões esta
temporada. Com esse objectivo em mente, a equipa foi já
reforçada com Douglas Costa
do Shakhtar Donetsk (equipa
que perdeu por 7-0 no Allianz
Arena na última época) por 30
milhões de euros.
Esse valor foi eclipsado
algumas semanas depois com
a chegada de Arturo Vidal,
acabado de vencer a Copa
América, por 37 milhões. O
versátil médio chileno estava a
ser seguido por praticamente
todos os grandes clubes da
Europa antes de se juntar ao
Bayern. Espera-se que Vidal
ocupe o espaço deixado por
Bastian Schweinsteiger, que
voltou a juntar-se a Louis Van
Gaal no Manchester United. A
anterior experiência do chileno no Bayer Leverkusen, no
início da sua carreira, deverá
contribuir para uma rápida
adaptação.
Wolfsburgo
F
oi a segunda melhor
prestação dos Wolves
na liga, depois do primeiro
título em 2009.
As prestações do belga
Kevin de Bruyne contibuíram
de forma decisiva para o
sucesso, com um recorde de
21 assistências e 10 golos,
O poderio atacante da
equipa foi reforçado com a
chegada de André Schürlle em
Janeiro e de Max Kruse, no
Verão. O Wolfsburog ganhou
ainda a Taça da Alemanha
pela primeira vez na sua
história ao derrotar o Dortmund na final. Se a equipa
conseguir manter os seus prinpotencial atacante, com Hakan
cipais jogadores, deverão ter
mais uma época de sucessos. Calhanoglu, Karim Bellarabi, Son Heung-min e Stefan
Kießling no clube. Tem boas
Mönchengladbach
hipóteses de garantir o quarto
apuramento seguido para a
Mönchengladbach teve
Liga dos Campeões.
10 jogos sem sofrer golos e 13 jogos sem perder,
numa série que incluiu Bay- Schalke 04
ern, Dortmund, Wolfsburgo
vencedor da Liga dos
e Leverkusen.
Campeões Roberto Di
Matteo não teve um impacto
As saídas de Max Kruse
relevante no Schalke.
para o Wolfsburgo e do
Campeão do Mundo Christoph
O italiano que chegou em
Kramer para o Leverkusen são relevantes, mas a equipa con- Outubro teve uma época para
esquecer e deixou a equipa
seguiu manter Granit Xhaka,
após ganhar apenas dois dos
Patrick Herrmann e Thorgan
últimos dez jogos. Depois de
Hazard no clube. O treinador
três épocas bem sucedidas,
Lucien Favre é um mestre da
o Schalke não irá competir
táctica, mas precisará de forcom os melhores da Europa
talecer o clube para os próximos desafios na Bundesliga e em 2015-16, visto ter falhado
o apuramento para a Liga dos
Liga dos Campeões.
Campeões.
O
O
Leverkusen
O Leverkusen perdeu Gonzalo Castro e Josip Drmic mas
conta ainda com um grande
O sucessor de Di Matteo é André Breitenreiter, que
chegou a estar no topo da
Bundesliga à quarta jornada
com o promovido Panderborn,
mas que acabou por voltar a
descer de divisão. Segurar
Julian Draxler será vital e terá
de haver uma decisão acerca do futuro de Kevin-Prince
Boateng, Marco Hoger e Sidney Sam, suspensos na última
época.
Dortmund
era de Klopp terAincrível
minou finalmente.
O Dortmund provou ser
um rival à altura para o Bayern
nos últimos anos, ao ganhar
duas Ligas, a Taça da Alemanha, duas Supertaças e
chegando à final da Liga dos
Campeões em 2013.
O divertido e carismático
Jürgen Klopp foi amado pelos
adeptos, mas o Westfalenstadion não podia desculpar
o que aconteceu na última
época. O clube esteve na
zona de despromoção por
várias vezes entre a 10.ª e a
19.ª jornada e terminou numa
modesta sétima posição. Perdeu ainda a final da Taça da
Alemanha para o Wolfsburgo,
o que fez com que, na próxima época, não haja Klopp no
banco nem futebol europeu
em Dortmund.
Thomas Tuchel veio do
Mainz, seguindo os mesmos
passos do seu antecessor.
Tuchel impressionou nas cinco
épocas em que esteve no
anterior clube e partilha muitas das ideias de Klopp sobre
futebol.
13
ALEMANHA
COUNTRY
Destaques
A primeira vitória de Tuchel na
Bundesliga foi contra o Bayern. Tem um plantel interessante mas muito trabalho para
fazer se quiser ultrapassar os
campeões. Reus, Hummels
e Gündogan permaneceram
no clube e Gonzalo Castro foi
contratado para substituir a
“lenda” Sebastian Kehl, mas
esta deverá ser uma época de
transição.
Os suspeitos do
costume
s equipas do meio da
A
tabela não gastaram
muito dinheiro neste Verão
e o saldo de transferências
da maior parte dos clubes é
positivo.
Apenas o Hoffenheim
mudou significativamente a
sua equipa, visto ter dinheiro para gastar após a venda
do brasileiro Firminho para
o Liverpool, numa tranferência recorde para a Bundesliga, de 41 milhões de euros.
Frankfurt, Mainz, Augsburgo,
Hamburgo ou Colónia deverão
competir pelas posições intermédias.
Equipas promovidas
FC Ingolstad 04 e o SV
O
Darmstad 98 ganharam
o direito de se juntarem às
melhores equipas da Alemanha na Bundesliga.
O vencedor da Bundesliga 2, Ingolstad, foi formado
pela fusão de duas equipas
em 2004, daí o seu nome! A
equipa da Baviera começou
na liga amadora e precisou de
apenas 11 épocas para chegar
à divisão principal.
O segundo classificado, SV
Darmstad 98, jogava na terceira divisão há três épocas
atrás. Na época 2012-13, o
clube foi despromovido mas
os arqui-rivais Kickers Offenbach tiveram problemas
administrativos e o Darmstad
tomou o seu lugar, tendo vindo
a ser promovido até garantir a
Bundesliga.
A vantagem do Bayern está
a diminuir
Na última campanha vitoriosa
de Jupp Heynckes, o Bayern
acabou a temporada com 25
pontos de vantagem e perdeu
apenas uma vez. Na primeira
época de Guardiola, a diferença
pontual para o segundo classificado foi de 19 pontos enquanto
que, na última edição, a equipa
sofreu 5 derrotas e ganhou a
liga com apenas mais 10 pontos. Será que o fosso continuará a diminuir?
Comprar nos rivais
O Bayern tenta enfraquecer os
rivais todos os anos ao comprar-lhes os seus melhores
jogadores. Houve rumores
acerca de De Bruyne e Gündogan, mas as transferências não
se concretizaram. Depois de
contratarem Mandzukic, Götze,
Lewandowski e Neuer nas últimas épocas, a única chegada
de um clube rival foi a do Dr.
Andreas Schlumberger do Dortmund, para substituir o anterior
médico do clube, Hans Wilhelm
Müller Wohlfhart, a quem Guardiola imputou responsabilidades
pelas lesões sofridas por vários
jogadores na última época.
Novos vencedores de troféus?
O triunfo do Wolfsburgo na
Taça da Alemanha correspondeu à primeira vez em quatro
temporadas que uma equipa
que não o Bayern ou o Dortmund ganhou a liga ou uma
taça, desde que o Schalke
ganhou a DFB-Pokal em 2011.
De facto, foi o Wolfsburgo a
última equipa a quebrar o domínio de Bayern e Dortmund na
Bundesliga, ao ganhar o título
em 2009. Será o triunfo dos
Wolves um sinal de um regresso a um tempo onde os vencedores dos troféus eram um
pouco menos previsíveis?
HUNGRIA
Mudanças estruturais
formato da liga Húngara
O
mudou neste Verão - 12
equipas irão agora competir
em 33 jornadas ao longo da
época 2015-2016.
Não haverá play-off no
fim do campeonato, pelo que
as equipas irão disputar os
usuais jogos fora e em casa,
enfrentando-se mais uma vez
antes da temporada acabar.
As equipas do top 6 da última
temporada terão a vantagem
de um jogo em casa extra.
Não foi apenas o formato
da liga a ter passado por mudanças, o plantel do campeão
em título está também
bastante diferente.
O Videoton ganhou o
segundo título da sua história,
mas perdeu os seus jogadores-chave: o capitão de
equipa, guarda-redes titular e
melhor marcador deixaram a
equipa. O treinador também
partiu, sendo substituído pelo
francês Bernard Casoni.
O ex-internacional francês
e ex-jogador do Marselha não
tem um grande historial como
treinador, tendo sido despedido em Fevereiro do seu
último clube, o Valenciennes
da Ligue 2, após 8 jogos sem
ganhar, que incluíram apenas
um empate.
Quanto aos principais
rivais do Videoton e restantes
membros do top 4 da última
época - Ferencvaros, MTK
Budapest e Debrecen - não
houve grandes alterações.
O segundo classificado,
Ferencvaros, tem o plantel
mais forte, com destaque para
Zoltan Gera e Roland Lamah,
oriundos da Premier League.
Depois de quase dez anos
de ”travessia no deserto”, o
Ferencvaros está finalmente a
voltar aos seus dias de glória.
Mudou-se para um
fantástico novo estádio no
início da última temporada e
construíu uma equipa forte,
com um líder carismático ao
leme - Thomas Doll. Desde
a chegada do germânico, a
equipa perdeu apenas cinco
jogos durante o último campeonato e meio, tenho ganho
três troféus.
A surpresa da próxima
época poderá ser o Újpest.
O principal rival citadino do
Ferencvaros terminou a última
época com uma série de sete
vitórias seguidas e apenas
precisa de um ”matador” para
poder almejar a grandes conquistas.
Com o antigo jogador de
Real Madrid e Juventus, Robert Jarni, no banco, o Puskás
Academy será difícil de bater
no seu novo e magnífico estádio Pancho Arena, no qual
se destaca a sua estrutura em
madeira.
O Szombathelyi Haladas
e a dupla de equipas promovidas, Vasas Budapest e Bekescsaba, serão provavelmente
as equipas que irão sentir
mais dificuldades ao longo da
época.
Destaques
Ferencvaros ganhou três
taças
Nos últimos 3 meses, o Ferencvaros ganhou umas incríveis
três taças, ao vencer a final da
Taça da Hungria (4:0 contra o
Videoton), final da Taça da Liga
(2:1 contra o Debrecen), e Supertaça (3:0 contra o Videoton).
Principais contratações
O terceiro mais novo dos irmãos
Hazard, Kylian, juntou-se ao
Újpest vindo do Zulte-Waregem
da Bélgica, durante a janela de
transferências. Alguns dos seus
antigos treinadores dizem que
Kylian poderá chegar ao nível
dos seus irmãos mais velhos
- a super-estrela do Chelsea,
Eden, e Thorgan, que joga no
Mönchengladbach, terceiro classificado da última Bundesliga.
12 equipas e 33 rondas
Várias equipas viram as suas
licenças serem rejeitadas no
final da última temporada, o que
fez com que o formato da liga
tivesse de ser alterado. A temporada 2015-16 terá 12 equipas
(menos 4), que se irão defrontar
3 vezes ao longo de 33 jornadas.
15
ITÁLIA
ITÁLIA
Conseguirá a Juventus garantir o quinto
campeonato seguido?
o ganhar o seu quarto
A
Scudetto consecutivo, a
Juventus voltou a dominar a
Serie A - a principal divisão
do futebol italiano - conquistando ainda a Taça de
Itália.
Apesar de não ter conseguido repetir a época de
2013/14, em que empatou
três partidas e perdeu apenas
duas, amealhando uns incríveis 102 pontos, conseguiu
ainda assim obter uma vantagem de 17 pontos para o
segundo classificado, a Roma.
A última época trouxe-nos a
surpresa de ver a Juventus
perder o derby de Turim contra
o rival Torino pela primeira vez
em 20 épocas.
Apesar de ter feito descansar as estrelas Andrea
Pirlo e Carlos Tevez para os
desafios europeus com o
Mónaco, perdeu ainda por 1-0
com o Parma, que estava no
fim da tabela e que acabou
despromovido, devido a uma
crise financeira. Mesmo com
estas derrotas, a Juventus
conseguiu alcançar a maior
série de jogos sem perder na
Serie A: 20.
Apesar de ter ganho
a Liga de forma convincente,
podemos atribuir a quebra
de desempenho da equipa,
quando comparado com a
época anterior, à mudança de
treinador. Massimiliano Allegri
chegou em Julho de 2014
para ocupar o lugar de Antonio Conte. O maior feito de
Allegri até então tinha sido o
título ganho ao serviço do AC
Milan em 2010/11 – o primeiro
em seis anos – contudo, não
foi capaz de repetir o feito nas
épocas seguintes. Outro factor
que pode ter contribuído para
uma mais fraca prestação
doméstica foi a caminhada
bem sucedida para a final da
Liga dos Campeões, um contraste completo com a temporada passada, quando não
passaram da fase de grupos.
Foi um Verão atribulado para a
Juve, com a lenda italiana Andrea Pirlo a sair para entreter
os adeptos do New York City
FC e o melhor marcador da
equipa na última Liga (20 golos), Carlos Tevez, a regressar
à América do Sul, para jogar
pelo Boca Juniors.
Trocando um argentino
por outro, a Juventus contratou uma versão mais jovem do
veterano Tevez - Paulo Dybala, avançado de 21 anos, que
irá liderar o ataque junto com
Álvaro Morata. O experiente
avançado internacional croata de 29 anos, Mario Mandžukić, (ex-Atlético de Madrid),
é outra das novas caras. No
meio-campo, a Juventus tem
um dos maiores talentos europeus, Paul Pogba, que irá
jogar ao lado do argentino
Roberto Pereyra, contratado à
Udinese.
capital não vence a Serie A
desde 2001. A Roma teve
um Verão tranquilo, sem contratações de relevo, e apenas
Andrea Bertolacci saiu para o
Milan, por 20 milhões de euros. Circulam no entanto rumores, apontando vários jogadores da Premier League ao
clube, incluíndo Edin Dzeko do
Manchester City e Wojciech
Szczęsny, do Arsenal.
Esta poderá ser a época
em que Kingsley Coman, o
versátil extremo adolescente,
conseguirá jogar de forma
regular na equipa principal. O
experiente Sami Khedira, internacional germânico e vencedor do Campeonato do Mundo, foi contratado a custo zero.
Khedira vai certamente tentar
juntar a Serie A à La Liga que
ganhou pelo Real Madrid.
Apesar de ter terminado
a última época num modesto
quinto lugar e ter vencido a
Taça de Itália e garantido o
terceiro lugar no campeonato do ano anterior, o Nápoles
parece estar a caminhar na
direcção certa após algumas
décadas turbulentas.
É certo que os seus mais
recentes sucessos tiveram o
dedo de Rafa Benitez, agora
treinador do Real Madrid, mas
o seu substituto Maurizio Sarri
traz consigo grandes expec-
Allegri é adepto de um futebol criativo e atacante, mas
apoiado atrás por uma defesa
forte. A Juventus concedeu
o menor número de golos da
temporada (24), com o veterano guarda-redes de 37 anos
Gianluigi Buffon ainda em alta,
tendo mantido as suas redes
invioláveis em 18 jogos.
A Juventus pode ter perdido
alguns nomes famosos, mas
demostrou, com a contratação
de jogadores jovens e experientes na Europa, que se souberam mover neste mercado
de transferências. A única
preocupação prende-se com
o ataque, mas são ainda assim os favoritos para manter o
Scudetto e ganhar a Serie A
pela quinta vez consecutiva.
Quem pode desafiar a
Juventus?
ice-campeã nas últimas 2
V
temporadas, a AS Roma
é a principal ameaça à Juventus na caminhada até ao
quinto Scudetto seguido.
No entanto, a equipa da
17
ITÁLIA
COUNTRY
Destaques
tativas, devido ao fantástico
trabalho que realizou no Empoli. As três contratações mais
significativas até ao momento foram todas na defesa: o
guarda-redes Pepe Reina do
Bayern de Munique e os defesas Allan da Udinese e Mirko
Valdifiori, do Empoli. Esta
medida não é surpreendente,
uma vez que o Nápoles concedeu o maior número de golos entre as equipas da parte
superior da tabela da Serie A
(54).
mesmo ano.
Na última época, o clube
acabou num desapontante 8.º
lugar, apesar de o avançado
argentino Mauro Icardi ter sido
um dos melhores marcadores
da liga, com 22 golos. Na
próxima temporada, é possível
que Icardi seja acompanhado
no ataque por Stevan Jovetic do Manchester City, num
empréstimo de dois anos. O
treinador Roberto Mancini
espera que o internacional
francês Geoffrey Kondogbia,
A Lazio teve uma época
uma das novas caras da equibem sucedida, ao garantir o
pa, combine bem com o talterceiro lugar na Serie A e a
entoso croata Mateo Kovacic,
presença na final da Taça de
para fortalecer e proteger o
Itália. Houve poucas movimen- meio-campo.
tações no clube, sendo que
as mais relevantes foram o
O rival citadino do Inter, AC
prolongamento dos contratos
Milan, foi a última equipa a
do treinador Stefano Pioli e
ganhar o Scudetto antes da
do médio Felipe Anderson por Juventus, mas terminou a
2 e 5 anos, respectivamente.
última época na 10.ª posição.
O antigo avançado da Lazio
O novo treinador Sinisa MihaFabio Borini é apontado como jlovic já mostrou ao que vem,
estando de regresso ao clube
contratando o avançado interapós uma experiência falhada nacional colombiano Carlos
no Liverpool, especialmente
Bacca ao Sevilha por 30 mildepois da chegada de Chrishões de euros e atacando o
tian Benteke a Anfield.
médio Andrea Bertolacci da
Roma. Tendo concedido 50
O Inter tem vindo a decair des- golos na última época, terá
de que José Mourinho o tortambém de haver mudanças
nou no primeiro clube italiano
significativas na defesa, se o
a ganhar o Scudetto, Taça de
Milan quiser terminar no top 3.
Itália e Liga dos Campeões no
Homem de ferro
O veterano avançado da
Roma Francesco Totti fará
a sua 24.ª Serie A este ano,
assumindo-se como o jogador em actividade com mais
jogos nesta liga: 588. Ao marcar por dez vezes na última
temporada, foi o melhor marcador da Roma em todas as
competições – nada mal para
quem está a caminho dos 39
anos.
Golos e controvérsia
A Serie A produziu uns
fantásticos 1.024 golos em
2014/15, uma média de 2.69
golos por jogo. Foi a mais
produtiva das cinco principais
ligas europeias. Sem surpresas, a Juventus foi a equipa
com mais golos marcados
e menos sofridos. O ultimo
classificado, o Parma, sofreu
uns incríveis 75 golos, perdeu
7 pontos devido a incumprimentos salariais e acabou por
ser relegado para a Serie D
ao cair na bancarrota, sem
conseguir encontrar um novo
dono.
HOLANDA
O regresso do PSV
Eindhoven ao caminho
da glória
epois de 4 anos de domíD
nio do rival Ajax, o PSV
Eindhoven voltou a ganhar a
Eredivisie.
O clube marcou um total
de 92 golos, numa média de
2.71 por jogo, com o melhor
marcador da liga, Memphis
Depay, a facturar por 22 vezes
- 28 no total das competições,
- dobrando o seu registo da
época anterior.
O super-avançado partiu
para o Manchester United, por
cerca de 20 milhões de euros.
Os adeptos do PSV podem
encontrar algum consolo na
soberba forma de Luuk de
Jong, que marcou 20 golos na
liga, incluíndo dois importantes
hat-tricks contra o AZ Alkmaar
e o Feyenoord, que acabaram
em 3.º e 4.º, respectivamente.
Carpi sobe de divisão
O internacional holandês
Georginio Wijnaldum vai juntar-se a Depay na Premier
League, depois de ter assinado pelo Newcastle United. O
médio atacante marcou 14 golos pelo PSV na última época.
O AC Carpi foi fundado em
1909 mas faliu em 2000,
voltando posteriormente a
existir com o nome Carpi F.C.
1909. Tendo de jogar em divisões inferiores, o clube lutou
muito para voltar à Serie A,
até finalmente conseguir esse
feito na época passada. Será
a primeira presença do clube
na principal liga italiana desde
1922.
O treinador Phillip Cocu já
tratou de fortalecer a equipa,
trazendo o médio atacante
uruguaio Gastón Pereiro do
Club Nacional e o médio defensivo Davy Pröpper do Vitesse. Os adeptos esperam
ainda ver uma cara nova no
ataque, que pode ser Sam
Lammers, internacional sub-19
holandês, que espera ganhar
o seu espaço na equipa principal do PSV.
mas é provável que a disputa
pelo título venha a ser mais
renhida. O vice-campeão Ajax
acabou com menos 17 pontos,
apesar de ter terminado com o
mesmo número de pontos (71,)
ter marcado o mesmo número
de golos (69) e ter concedido
apenas mais um golo (29) do
que no ano anterior, em que
ganharam a liga.
O Ajax reforçou-se com
o jovem Yaya Sanogo, emprestado pelo Arsenal, e com
o experiente Johnny Heitinga,
numa transferência livre de
custos. Fortaleceu ainda o
ataque ao contratar Arkadiusz
Milik em definitivo depois de
ter jogado emprestado pelo
Bayer Leverkusen na última
O PSV Eindhoven é favorito
para ganhar a Eredivisie pela
segunda vez consecutiva,
19
HOLANDA
temporada, tendo marcado 11
golos na liga e 23 em todas as
competições.
As atenções estarão centradas
em Riechedly Bazoer, apontado como uma estrela emergente do Ajax e do futebol
holandês e uma nota positiva
numa temporada desapontante. O médio começou a sua
carreira em Eindhoven, mas a
falta de desenvolvimento levou-o a juntar-se ao arqui-rival
Ajax, uma atitude que caiu mal
aos adeptos do PSV.
A rotação da equipa será de
grande importância para o
treinador Frank de Boer, visto
que a equipa de Amsterdão
tentará chegar à fase a eliminar da Liga dos Campeões,
depois de terminar em 3.º na
fase de grupos, nos últimos
cinco anos.
Um mau começo na época
passada fez com que o Feyenoord amealhasse apenas 5
pontos em 6 jogos, culminando numa derrota por 1-0 no
derby De Klassieker contra o
Ajax.
Um ressurgimento e uma
série de cinco vitórias seguidas embalou a equipa até ao
terceiro lugar, até baixar novamente de forma e descer para
4.º lugar, sendo ultrapassado
pelo AZ Alkmaar. O médio
Jordy Clasie partiu para a
Premier League, mas o treinador Giovanni van Bronckhurst fortaleceu o plantel com
os médios Marko Vejinovic e
Simon Gustafson, junto com o
antigo ídolo dos adeptos, Dirk
Kuyt, de regresso a Roterdão
a custo zero.
O Feyenoord, AZ Alkmaar
ou Vitesse - que terminou em
5.º lugar na época passada –
deverá garantir a Liga Europa,
mas é pouco provável que
algum destes clubes possa
roubar os lugares cimeiros a
Ajax e PSV.
Destaques
O aventureiro
A transferência de Depay para
a Premier League marca a
quinta época consecutiva em
que o melhor marcador da
Eredivise deixa a equipa – e o
futebol holandês - após ganhar a Bola de Ouro. O ultimo
jogador a continuar a jogar
pela mesma equipa foi Luis
Suarez em 2009/10, que acabou posteriormente por deixar
o Ajax e rumar ao Liverpool.
Seca de títulos
O título do PSV foi o seu 22.º,
mas o primeiro desde 2007/08.
Este foi o maior intervalo entre
dois títulos desde a década
de 80. Sofreu apenas 4 derrotas em toda a época, com
destaque para o 1-3 caseiro
frente ao Ajax, que terminou
com uma série de 11 vitórias
seguidas.
O cavaleiro solitário
Todos os treinadores da
próxima Eredivise serão
holandeses, com excepção
do recentemente promovido
Roda JC. O Bósnio-Suiço,
Darije Kalezić, assumiu o
Roda na última época e levou-o de volta à liga principal.
O Roda junta-se ao NEC e ao
De Graafschap, substituíndo
o NAC Breda, FC Dordrecht e
Go Ahead Eagles. Apesar de
despromovido, o ultimo clube
irá representar a Holanda na
Europa, depois de ganhar um
lugar na primeira eliminatória
da Liga Europa, como recompensa pelo seu ranking de Fair
Play.
POLÓNIA
Lech e Legia
travam mais
uma batalha
o final de Abril, o Legia
N
Warsaw parecia estar
perto do seu segundo título
consecutivo.
Tendo de enfrentar o Lech
Poznan no seu terreno, onde
não perdia com o rival há três
anos, Hening Berg e os seus
jogadores tinham razões para
estar optimistas.
Na noite de 9 de Maio, a
situação sofreu uma reviravolta inesperada. O Lech venceu
por 2-1 em Lazienkowska e
colocou-se na frente. O Legia
permaneceu na luta até ao
fim, mas acabou por perder o
título.
Até recentemente,
Nieciecza era apenas uma
pequena e comum vila polaca.
A equipa de Varsóvia vai
Em 30 de Maio de 2015, tortentar vingar-se em 2015/2016, nou-se o centro das atenções
mas se o duelo com o Lech na após a equipa local, o LKS, ter
Supertaça for um indicativo do garantido o segundo lugar da I
que vem aí, as coisas pareLiga Polaca.
cem continuar negras para
o Legia. Os Blues venceram
A direcção do LKS não se
a turma de Berg, apesar de
encostou ao sucesso e coneste ter feito descansar alstruiu uma equipa que, pelo
guns jogadores, a pensar na
menos na teoria, possa manqualificação para a Liga dos
ter-se na divisão principal. O
Campeões.
Verão trouxe dez novas caras,
incluíndo o médio defensivo
No entanto nem tudo
Mateusz Kupczak vindo do
são más notícias, visto que
Podbeskidzie Bielsko-Biała
a principal estrela da equipa,
por um valor recorde para o
Ondrei Duda, irá permanecer
clube, de 60. 000 zl.
pelo menos até ao próximo
Inverno. O extremo eslovaco
Os novos jogadores pareesteve perto do Inter de Milão, cem ter tido um impacto posimas as negociações fracastivo, visto que o LKS teve uma
saram. Após este volte-face, o pré-época em grande, acumujogador de 20 anos já afirmou lando vitórias em amigáveis
que não vai forçar a saída
contra futuros rivais: 2-1 contra
para mais nenhuma equipa e
o Ruch Chorzów e 2-1 contra
que fica feliz por poder ajudar o Podbeskidzie).
o Legia na luta pelo título.
Apesar destes resultados,
O Lech irá defender o
o treinador Piotr Mandrysz
título sem o seu principal
permanece cauteloso e relem“matador” Zaur Sadaev, que
bra os fãs que o verdadeiro
saiu para o Terek Grozny. A
desafio ainda não começou.
direcção do clube não entrou
É difícil não concordar, tendo
em desespero e rapidamente
em conta que o orçamento
investiu o dinheiro da venda
do Niecicza é de 3,9 milhões
no talentoso avançado alemão de zl enquanto que o Lech
Danis Thomall, assim como
Poznan e o Legia Warszawa
nos experientes Marcin Robak podem gastar pelo menos oito
e Dariusz Dudka.
vezes mais e alguns rivais
directos pela permanência têm
Irão estas contratações
duas vezes este valor à sua
ajudar o Lech a manter o
disposição.
título ou será que o Legia vai
reclamá-lo de volta? Iremos
Por enquanto, a equipa
descobri-lo dentro de nove
terá de disputar os jogos em
meses – entretanto, vamos
casa no estádio do Hutnik
usufruir do duelo entre estes
Krakow, enquanto o seu redudois grandes clubes.
to sofre obras de expansão, de
21
POLÓNIA
Destaques
forma a cumprir os requisitos
da Ekstraklasa. Os fãs prometem deslocar-se ao estádio em
todos os jogos, os jogadores
dizem que vão jogar com o
coração mas, como de costume, será o tempo a mostrarnos o que irá acontecer.
em todas as últimas quatro
edições.
O Lech venceu os dois duelos contra o FK Sarajevo na
segunda eliminatória, com o
recente reforço Danis Thomall
em destaque. O vice-presidente do clube, Piotr Rutkowski,
Duas gerações de adeptos ficou muito agradado com o
do futebol Polaco cresceram
desempenho do avançado
sem ver clubes da Ekstraklasa germânico, visto que foi difícil
a competir na fase de grupos
sustentar a decisão da dida Liga dos Campeões. Ao
recção em trazer novos relongo dos anos, várias equicrutas no início da janela de
pas estiveram perto da qualitransferências, de forma a que
ficação, com o Legia Warsaw
estes tivessem tempo de se
a desperdiçãr duas grandes
integrarem.
opotunidades nas últimas duas
épocas. Irá o Lech Poznan – o Rutkowski está também
campeão polaco em título –
satisfeito devido ao facto do
colocar um fim nesta história? Lech ter contratado Marcin
Robak ao Pogon Szczecin
Se a equipa de Poznan
e Dariusz Dudka ao Wisfor competir com o crème de
la Krakow, visto serem dois
la crème da Europa do futejogadores experientes e
bol, vai certamente enfrentar
versáteis, que deverão revegrandes dificuldades. A sorte
lar-se aquisições valiosas.
não esteve do seu lado no
sorteio para a terceira elimi
É no entanto angustiante
natória de qualificação para a
verificar que o clube não tem
Liga dos Campeões, visto que um plantel preparado para
terá de enfrentar o FC Basel
competir com os “pesos pesa– equipa que ultrapassou a
dos” da Europa.
fase de grupos da competição
PORTUGAL
População - 750
Nieciecza tem 750 habitantes
e, depois de garantir a promoção, substituiu o Blsany
(República Checa) como a
mais pequena localidade da
Europa a ter um clube de
futebol numa liga principal.
Se todos os habitantes de
Nieciecza forem apoiar o LKS
no estádio do Hutnik Krakow,
onde irão disputar os seus
jogos em casa esta época,
ficarão ainda 5250 lugares
vagos.
Terceiro título
consecutivo?
ão parecia possível, mas
N
aconteceu! Jorge Jesus,
que conquistou três campe-
Luis Filipe Vieira arregaçou as mangas e foi rápido
a encontrar uma solução. A
onatos, uma Supertaça, uma escolha foi natural: Rui Vitória,
Taça de Portugal e cinco
um nome que há muito corria
Taças da Liga, nos seis anos nos corredores da Luz e Seixque esteve ao serviço do
al como possível sucessor de
Benfica, saiu para o SportJorge Jesus no Benfica. Na
ing, eterno rival da segunda sua apresentação, Vitória teve
circular!
um discurso calmo e realista. Não prometeu títulos aos
Um verdadeiro golpe para adeptos encarnados, mas sim
a estrutura do clube encarnatrabalho e dedicação.
do, que tinha noção que Jorge
Jesus iria abandonar o seu
Rui Vitória já havia trecargo, mas nunca iria transinado a equipa de juniores do
ferir-se directamente para o
Benfica no passado e tinha
Sporting, apesar de este ser,
deixado boa impressão. Desde
supostamente o seu clube do
então, teve excelentes desemcoração.
penhos ao serviço do Fátima,
Paços de Ferreira. Luis Filipe
Vieira deseja lançar cada vez
mais miúdos formados inteiramente no Seixal e, por esse
prisma, Rui Vitória assenta
que nem uma luva no futuro
do futebol benfiquista.
São muitos os craques
com boas hipóteses de ter
minutos de primeira equipa,
agora que Vitória é o treinador principal: Raphael Guzzo,
Renato Sanches, João Tei
xeira, Nuno Santos, Gonçalo Guedes, entre outros,
ambicionam jogar de àguia
ao peito no Estádio da Luz
perante 50.000 benfiquistas!
Quais deles se vão tornar
Liga eslovaca
A Eslováquia é o país estrangeiro mais representado
na Ekstraklasa (23 jogadores).
O Brasil é o segundo mas a
uma larga distância, com 9
jogadores.
O Lech Poznan é a equipa
com mais jogadores estrangeiros (12) – quase o dobro da
média da Liga, que é de 6,5.
Grande e forte
O Lech Poznan não tem
apenas mais jogadores estrangeiros – tem também os
mais altos e pesados da Liga.
A média de altura é de 184,8m
e a de peso é de 78 kg.
23
PORTUGAL
PORTUGAL
momento. Destaque para
os regressos dos talentosos
Simeon Slavchev, Zakaria
Labyad e Diogo Salomão, que
irão tentar convencer Jesus a
inclui-los no plantel principal
na próxima temporada. Apesar do forte investimento, irá o
Sporting concorrer com Benfica e FC Porto pelo título de
campeão nacional?
A falta de mística
pesar de não ter ganho
A
qualquer título na última
temporada, Pinto da Costa, lendário presidente do
FC Porto, decidiu manter a
aposta no treinador espanhol Julen Lopetegui.
“meninos bonitos” dos adeptos
encarnados?
Quanto a contratações,
mais de uma dezena! As mais
sonantes, até ao momento,
são Mehdi Carcela, médio esquerdino contratado ao Standard de Liége, e Adel Taarabt,
jovem prodígio marroquino,
reforço a custo zero vindo do
QPR, que tarda em afirmar-se
ao mais alto nível! Os regressados Filip Djuricic e Nélson
Oliveira, que jogaram na Premier League na 2.ª metade da
última temporada, prometem
lutar por um lugar no plantel!
Acredita que o Benfica
parte na pole position para
conquistar o título na próxima
época?
Golpe de Mestre
ma grande cartada de
U
Bruno de Carvalho, no
entanto, muito arriscada! No
início da temporada 2014/15,
Marco Silva assumiu o comando técnico do Sporting
e desde cedo conquistou
o carinho dos adeptos
sportinguistas.
àguas! A candidatura ao título
já foi assumida na sua apresentação oficial, exigiu mudanças estruturais na academ
Alcançou um terceiro lugar ia de Alcochete, fez chegar
no campeonato, teve um perelementos experientes, como
curso muito decente nas com- Octávio Machado ou Manuel
petições europeias e conquis- Fernandes, para optimizar a
tou a Taça de Portugal. Nada
organização do futebol profismau, dado a sua ainda curta
sional do Sporting, entre outexperiência como treinador e a ras.
qualidade mediana do plantel
ao seu dispor.
No entanto, reside na
cabeça dos sportinguistas um
Não foi suficiente para o
grande dilema! Será que Jorge
presidente do Sporting, que
Jesus vai dar oportunidades
tenta agora rescindir com
aos jovens das camadas jovjusta causa com o técnico,
ens na formação principal? É
num processo envolto em
do conhecimento público que
muita polémica. Mas vamos
Jorge Jesus não apostou com
à cartada. Bruno de Carvalregularidade em jovens forho conseguiu contratar, immados no Benfica, durante os
agine-se, Jorge Jesus, técnico anos que esteve ao serviço do
que esteve no Benfica, eterno clube. Bernardo Silva (Mónarival, durante as últimas seis
co) e João Cancelo (Valência)
temporadas, conquistando
deixaram perto de 30 milhões
três campeonato, entre outros de euros nos cofres da Luz,
troféus.
practicamente sem jogar na
equipa principal.
Jorge Jesus chegou assim ao seu clube do coração.
Quanto a contratações,
E promete fazer agitar as
nada de relevante até ao
Contudo, a espinha dorsal da equipa foi desfeita,
com as saídas de Fabiano
(Fenerbahce), Danilo (Real
Madrid), Óliver Torres (Atlético
de Madrid) e, principalmente,
Jackson Martínez (Atlético de
Madrid), o grande goleador da
equipa nos últimos anos.
O clube revela ainda alguma instabilidade dentro do
próprio grupo de jogadores. O
irreverente Ricardo Quaresma,
um dos elementos do actual plantel com mais anos de
clube, afirma que há poucos
jogadores que conhecem a
mística do clube.
Quanto a contratações,
o FC Porto está forte, muito
forte! Destaque natural para a
aquisição de Giannelli Imbula,
médio ex-Marselha, pelo qual
o FC Porto pagou a módica
quantia de 20 milhões de euros.
É, até ao momento, o
valor mais alto que um clube
português pagou por um futebolista. Contudo, os Dragões
não pescaram apenas lá fora.
André André (ex-Vitória de
Guimarães) e Danilo Pereira
(ex-Marítimo), que já foram
chamados por Fernando
Santos para a Selecção Principal de Portugal, também
vão reforçar o meio-campo
do Dragões. Para a frente de
ataque chega Alberto Bueno,
avançado móvel espanhol,
que na última época marcou
uns fantásticos 17 na liga espanhola, ao serviço do Rayo
Vallecano.
Destaques
Sérvios fora, Marroquinos dentro
O Benfica apostou em bastantes
jogadores de nacionalidade sérvia
nos últimos anos o sucesso foi
tremendo. Por exemplo, Nemanja
Matić e Lazar Marković foram apostas regulares e deixaram nos cofres
da Luz 50 milhões de euros! Para
a época 2015/16, o Benfica aposta forte em jogadores de origem
marroquina. Adel Taarabt (ex-QPR),
Mehdi Carcela (ex-Standard Liège)
e Bilal Ould-Chikh (ex-FC Twente),
todos médios ofensivos com capacidade técnica acima da media,
irão aumentar a notoriedade do
Benfica naquela país africano.
A falta de mística
47 títulos! Nos últimos 25 anos, o
FC Porto conquistou 17 campeonatos, uma Liga dos Campeões, duas
Ligas Europa, uma Taça Intercontinental, 10 Taças de Portugal e
16 Supertaças de Portugal. Os
Dragões têm, sem dúvida, dominado o futebol português nas últimas
décadas! Contudo, a recente conquista, por parte do Benfica, dos
últimos dois campeonatos, começa
a colocar em risco este domínio
avassalador. Caso venha a falhar
o título na próxima época, em que
o investimento na equipa principal
volta a ser enorme, podemos ficar
perante um cenário de crise no FC
Porto!
Jesus o maior?
O Sporting não conquista o campeonato português desde a época
2001/02! Conquistou apenas dois
nos últimos 30 anos. É um facto! Desde que o Bruno Carvalho
assumiu a presidência do clube,
ajudou a reestruturar as finanças
do clube e os resultados têm sido
interessantes também dentro de
campo. Na última época conquistou
mesmo uma Taça de Portugal, após
anos a fio sem um único título! A
inesperada contratação do treinador
Jorge Jesus, bicampeão no eterno
rival Benfica, demonstra claramente
a mudança de paradigma na estrutura de futebol do Sporting.
25
COUNTRY
ROMÉNIA
ROMÉNIA
Novo Formato
temporada 2015/16 da
A
Liga Romena será jogada sob um novo formato.
As mudanças pretendem
melhorar a competição, mas
existem já algumas dúvidas a
esse respeito, mesmo antes
de a bola começar a rolar.
Várias equipas estão
falidas, mas irão ainda assim
competir na Liga 1. CFR Cluj,
Petrolul Ploiesti, CSU Craiova
e Dínamo de Bucareste estarão presentes em 2015/16
mas não poderão, no entanto,
garantir lugares europeus.
As dúvidas em relação a
A época irá começar com este novo formato prendem-se
uma primeira fase, onde 14
com o facto de estas quatro
equipas irão disputar jogos em equipas terem terminado no
casa e fora, umas contra as
top seven da última época. Se
outras. Depois de 26 rondas,
estas equipas chegarem ao
começará uma segunda fase,
Championship Group e não
com os finalistas do top six a
puderem entrar na Europa,
competirem no Championship não haverá motivação para
Group, enquanto as restantes
vencer as partidas. A alooito equipas irão jogar no
cação dos lugares europeus
Relegation Group. Será então para a época seguinte sofrerá
definida uma classificação
também impactos se três ou
final, onde serão determinados mais equipas falidas chegarem
os lugares correspondentes
ao Championship Group.
à Liga dos Campeões, Liga
Europa e despromoção.
Mudança no banco
do Steaua nas últimas três épocas
s campeões da Roménia
O
nas últimas três temporadas, FC Steaua de Bucareste, vão começar a época
com um novo treinador.
O dono do clube, George
Becali, escolheu Godson Mirel
Radoi para liderar a equipa
mais bem sucedida do futebol
romeno, apesar de este não
ter qualquer experiência como
treinador.
Radoi foi colocado no
banco dos campeões este
Verão, apesar de não ter
licença de treinador, o que
levou a uma série de desafios.
Actualmente detém a posição
de director desportivo, apesar
de todos saberem que se trata
apenas de um título, visto ser
ele, na verdade, o treinador. A
sua missão será dura devido
ao sucesso do clube durante
as épocas dos seus predecessores e haverá uma grande
pressão para que Radoi mantenha o clube no bom caminho.
Como se irão
comportar as novas
equipas da Liga 1?
competitivos esta temporada,
contrataram Popescu, Zicu e
Curtean, junto com alguns estrangeiros desconhecidos dos
adeptos romenos. Apesar dos
seus sucessos recentes, Poli
está consciente de que a equipa terá de trabalhar muito para
evitar um regresso prematuro
à segunda liga.
O FC Voluntari fará a sua
estreia no principal escalão.
Ilie Poenaru, que conseguiu
esta proeza, será agora adevido ao novo formato,
junto, entregando o cargo de
há um reduzido número
treinador principal a Bogdan
de novas equipas na liga.
Arges Vintila. O antigo guarda-redes tem duas tentativas
Apenas duas equipas fofalhadas como treinador e
ram promovidas - ACS Poli
apesar de a equipa estar mais
Timisoara e FC Voluntari.
forte com as chegadas de
Parvulescu e Nicolae Grigore,
Dan Alexa, o relativamente há ainda algum cepticismo
inexperiente treinador, assum- acerca das possibilidades de
iu os commandos do ACS
manutenção. A experiência é
Poli Timisoara em Março de
encarada como fundamental
2014. Poli dominou a segunda para garantir uma segunda
parte da última temporada,
temporada na divisão princiganhando a liga por 12 pontos pal.
e trazendo a equipa de volta
à Liga 1. De forma a serem
D
Destaques
O Viitorul sobe uma posição
por ano na Liga 1
O Viitorul, equipa comandada
por Gheorghe Hagi, estreou-se
na Liga 1 em 2012/13, acabando
numa respeitável 13.ª posição.
Na época seguinte terminou em
12.º e em 2014/15 ficou em 11.º
, pelo que, se continuar a este
ritmo, irá acabar esta época
em 10.º e será campeão em
2024/25!
Bucareste Dominate
O FC Steaua de Bucareste tem
sido dominante nos últimos três
anos, apesar de ter vindo a vender os seus principais avançados.
Mais de 60% dos seus golos nas
últimas três temporadas foram
marcados por jogadores que já
não fazem parte do clube.
27
ESPANHA
COUNTRY
Side Notes
Principais candidatos Barcelona/Real Madrid
epois de um ano de
grandes sucessos, a equiD
pa de Luis Enrique irá querer
clube, uma vez que a proibição
de transferências a que o clube
está sujeito apenas termina no
final de 2015.
Paul Pogba e Koke, jogadores apontados ao clube,
foram referidos como capazes
de fazer crescer ainda mais a
equipa. Sem conseguirem trazer
nenhum dos dois, os catalães
recrutaram Arda Turan aos rivais
do Atletico Madrid, mas a maneira como este vai conseguir
conciliar o seu jogo com a força
atacante de Neymar, Messi e
Suarez ainda é uma incógnita.
A contratação de Aleix Vidal,
o jovem extremo espanhol do
Sevilha, irá trazer sangue novo
e equilíbrio ao corredor direito. Ambos terão de esperar até
poderem vestir a camisola do
Depois de uma época 2014/2015
sem qualquer troféu conquistado,
o novo treinador Rafa Benitez
pretende trazer o título da La
Liga de volta ao Santiago Bernabéu, pela primeira vez desde
2011, com alguns dos melhores
jogadores do mundo à sua disposição. O vencedor da Bola de
Ouro, Cristiano Ronaldo, deverá
voltar a ser vital, assim como
Luka Modric e Gareth Bale, jogador que Benitez quer ver a brilhar e a marcar ainda mais golos,
depois de ter facturado por treze
vezes na última liga.
repetir a “tripleta”.
deu que falar este Verão, com
a partida de Iker Casillas e o
possível regresso de David de
Gea a Espanha. A aquisição do
brasileiro Danilo para a lateral
direita irá baralhar as contas nessa posição e existem algumas
dúvidas sobre o futuro de Sergio
Ramos, depois de uma década a
jogar pelo Real Madrid.
Adversários: Atl. Madrid/Sevilha/Valência
pesar de ter perdido Mario
Mandzukic para a JuvenA
tus, o Atlético de Madrid ga-
rantiu a contratação do jovem
promissor Luciano Vietto, que
fez uma excelente época ao
serviço do Villarreal.
ESPANHA
Apenas com 21 anos, o
argentino traz uma lufada de ar
fresco ao ataque e emoção aos
adeptos. O colombiano Jackson
Martinez é outra aquisição dos
Rojiblancos, que se junta assim
a Fernando Torres - de volta à
sua camisola nº 9 - para lutar
pelo título que o Atlético ganhou
em 2014. Arda Turan despertou
o interesse na Europa e pode ser
difícil de substituir, mas Diego
Simeone estará desejoso de
repetir a magia que tem vindo a
emprestar ao clube.
assistências na última La Liga.
Vão no entanto perder o
seu melhor jogador da última
campanha, uma vez que Carlos
Bacca assinou pelo AC Milan.
Será difícil susbtituir um avançado que marcou 28 golos numa
temporada, mas do director
desportivo Ramón Rodríguez
Verdejo, considerado um génio
no que toca a construir uma equipa, espera-se que prepare um
bom plantel para o campeonato
e capaz de causar sensação na
Liga dos Campeões. Depois de
O Sevilha tentará fazer ainda conquistar Ligas Europa consecutivas, o Sevilha irá receber
melhor do que em 2014/15, em
que conquistaram a Liga Europa as melhores equipas europeias
e lutar pelo sucesso, tanto em
e asseguraram um lugar na Liga
Espanha como fora.
dos Campeões. O clube contratou já vários jogadores, entre
O Valência agitou o mercaeles o talentoso Dane Michael
do de transferências ao gastar
Krohn-Dehli ao Celta de Vigo,
mais de 75 milhões de euros em
assim como o avançado Gael
Kakuta ao Rayo Vallecano, clube jovens talentos, com uma média
de idades de 23 anos.
onde marcou 5 golos e fez 7
A posição de guarda-redes
28
29
ESPANHA
Após ter sido reforçada em
várias posições desde a defesa
até ao ataque, a equipa de Nuno
Espirito Santo parece preparada
para conseguir ainda melhor do
que o quarto lugar alcançado
na última temporada. O brasileiro Rodrigo, assim como André
Gomes e João Cancelo, foram
contratados ao Benfica. Alvaro
Negredo foi resgatado em definitivo ao Manchester City por
21 milhões de euros, de forma
a ajudar o clube a lutar por um
título que foge desde 2004/05.
Equipas promovidas
Real Bétis voltou ao convívio com os “grandes” e
O
2015/16 será a 50.ª época do
clube na divisão principal.
Rubén Castro, que marcou
32 golos na 2.ª divisão, será um
jogador-chave, mas o clube de
Sevilha terá de contratar mais
jogadores para fortalecer o seu
plantel se quiser ficar longe da
zona de despromoção. Centrando as suas atenções na América
do Sul, o Bétis contratou Germán
Pezzella aos argentinos do River
Plate, assim como o brasileiro
Petros ao Corinthians. Depois de
apenas um ano na Liga Adelante,
estão preparados para renovar a
grande rivalidade com o vizinho
Sevilha FC.
Destaques
7 equipas na Europa
Esta época a liga espanhola terá
sete representantes nas competições europeias. Barcelona,
Real Madrid, Atlético de Madrid
Oriundo das ilhas Canárias, e Sevilha entram directamente
o UD Las Palmas conseguiu fipara a fase de grupos da Liga
nalmente voltar à La Liga depois dos Campeões, enquanto o
de 13 anos de ausência, batendo Valência irá disputar as rondas
o Real Zaragoza num play-off.
de qualificação. Na Liga Europa,
Com as suas maiores conquistas o Villarreal irá disputar a fase de
a datarem já das décadas de 70 grupos, enquanto o Athletic de
e 80, o clube encara com alegria Bilbau terá ainda de qualificar-se.
o regresso à liga principal, estan- Espanha parece manter o seu
do no entanto plenamente condomínio no continente, depois de
sciente de que a permanência
ganhar três Ligas dos Campeões
é a prioridade para a próxima
e três Ligas Europa nas últimas
época. Será uma tarefa difícil,
cinco temporadas.
para a qual contam com o seu
desempenho em casa, onde
Sanções da FIFA
perderam por apenas duas vezes
na última época. Um plantel
Depois de ser considerado
jovem, liderado pelo veterano
culpado por contratar jogadores
capitão David Garcia, deverá
abaixo da idade permitida em
trazer um estilo de jogo atacante, clubes fora de Espanha, o Barcom muitos golos.
celona sofreu limitações no
mercado durante duas janelas de
transferências. Esta penalização
deverá terminar em Janeiro, o
que significa que qualquer jogador contratado agora só poderá
jogar em Janeiro de 2016. Luis
Enrique terá de decider o que
fazer com estes jogadores até lá,
tendo já surgido rumores acerca
de um possível empréstimo de
Arda Turan.
Segunda Divisão
Depois de doze anos na 3.ª e 4:ª
divisões do futebol espanhol, a
Liga Adelante dá as boas-vindas
ao regressado Real Oviedo, uma
das mais emblemáticas equipas espanholas, que jogou 38
temporadas na divisão principal.
Conhecido por ser um clube do
povo, tem accionistas em mais
de 125 países em todo o mundo.
O maior accionista e segundo
homem mais rico do mundo,
Carlos Sim, está a tentar levar
o clube à La Liga pela primeira
vez desde o início do século. A
jornada do Oviedo é uma história
notável do mundo do futebol e
que merece a nossa atenção.

Documentos relacionados

Manchester City fascina Salvio

Manchester City fascina Salvio SAD pretenda alargar o contrato de Fucile, o campeão das renovações (já foram quatro desde que foi contratado, em 2006). O lateral de 28 anos está de regresso ao plantel e vai mesmo fazer parte do ...

Leia mais