A Torre do Tombo

Сomentários

Transcrição

A Torre do Tombo
A Torre do Tombo
No dia 28 de maio de 2014, um grupo de Amigos da Biblioteca da EBI de
Miraflores, constituído por 11 alunos, visitaram a Torre do Tombo acompanhados
da professora bibliotecária e restante equipa da BE, professora Teresa Mendes
e funcionária auxiliar de educação, Teresa Sofia Paiva.
A visita começou numa divertida viagem de autocarro. Depois de 11 km
percorridos, os alunos encaminharam-se para a Faculdade de Ciências onde
passaram pelos corredores e avistaram os alunos lá inscritos. Ao saírem da
Faculdade entraram finalmente na Torre do Tombo. O grupo esperou à entrada
junto ao balcão de atendimento e um senhor da receção falou com o mesmo
pedindo que cada aluno assinasse e escrevesse o seu nome. Deu também
informações necessárias para a visita, dando indicações do local dos cacifos
onde foram postos os pertences.
Pouco depois o grupo foi recebido pela Dra. Maria Trindade Serralheiro, que iria
mostrar todos os aspetos da Torre do Tombo. Após o encontro com a guia esta
mostrou uma maquete da Torre do Tombo onde explicou a origem da arquitetura
desta Torre.
Ao longo da visita foram mostrados alguns dos muitos documentos antigos
pertencentes ao Património Nacional como, por exemplo, o planeamento do
golpe de 25 de Abril de 1974 e jornais da mesma época que relatavam os
acontecimentos ocorridos nessa revolução. Sendo antigos e importantes,
apenas puderam tocar enquanto digitalizados.
O grupo viu uma Réplica do tratado de adesão de Portugal à CEE em todas as
línguas dos países, caixa com unidades de medida e o trono real de D. Miguel.
Foi mostrada a Sala de Leitura e explicado todo o processo necessário para se
poder requisitar os documentos para consulta apenas no local; em seguida,
foram vistos registos de batismos do séc. XIX que se encontravam em micro
filme que para tal se teve de recorrer a um aparelho de visionamento próprio,
micro filmes esses que estavam guardados numa casa forte.
Para finalizar foi visto um filme introdutório sobre a navegação portuguesa do
tempo dos descobrimentos “Naus e caravelas, choque tecnológico”, seguido de
uma demostração de instrumentos astronómicos, nomeadamente, o astrolábio e
quadrante, e de uma visita à exposição de Atlas antigos - Atlas Universal de
Fernão Vaz Dourado, c.1571 e ainda o Libro de horas de Enrique VIII, c.1500;
Tractatus de Herbis, c.1440; Tesouros da Iluminura. Foi oferecido a todos o
cartaz comemorativo do Dia Internacional do Livro Infantil a 2 de abril de 2014.
Foi uma visita muito estimulante e enriquecedora e um convite para se voltar à
Torre do Tombo com familiares, no mínimo em grupos de 5 elementos.
Inês Carvalhais, nº10, 6º C
Inês Conde, nº11, 6º C