Edição 261.p65 - Jornal Gazeta do Vale Itaberaba | Jornal Gazeta

Transcrição

Edição 261.p65 - Jornal Gazeta do Vale Itaberaba | Jornal Gazeta
GAZETA DO VALE
GAZETA DO VALE - Email: [email protected] / [email protected] - Junho/Julho de 2015
Capela do Bom Jesus
Itaberaba - Bahia - Brasil
Ano XXII
Edição 261
Junho / Julho de 2015
R$ 1,00
2
1
anos
Noticiando
o interior da Bahia
Fundado em 1994
[email protected]
Itaberaba tem São João de paz e amor
Páginas 06 e 07
Qualidade em educação é
prioridade em Andaraí
O Arraiá do Mochilão e
sua tradição
Páginas 04 e 05
Página 03
IPTU Premiado vai sortear TV’s e notebooks
A Prefeitura de Itaberaba está negociando as pendências de IPTU. Quem desejar quitar as dívidas poderá parcelar os valores com
isenção de juros e multas. Todos que estiverem adimplentes com o IPTU vão concorrer a três notebooks e três TV’s de 40 polegadas, isso
através do Programa IPTU Premiado. Os sorteios serão realizados nos dias 26 de julho, 7 e 30 de agosto, sempre de forma pública para
que as pessoas possam acompanhar. A cada sorteio, aqueles que estiverem com o IPTU pago vão concorrer a uma TV e um computador
portátil. Se você ainda não pagou o seu IPTU, corra, negocie sua dívida, fique em dia e participe dos sorteios. Fonte: ASCOM
02
GAZETA DO VALE - Email: [email protected] / [email protected] - Junho/Julho de 2015
Zezito do Orobó
mais antigo
Em 2 de maio passado, perdemos
um grande contador de causos do Orobó
mais antigo(este é o titulo de um dos
seus livros). A Vila do Orobó é hoje a
cidade de Ruy Barbosa.
Jose de Souza Marinho, Zezito, filho de D. Rosa e de Sizenando. Nasceu
em Ruy Barbosa, onde viveu muitos
anos ate mudar-se para Salvador, para
proporcionar boa
educação escolar
aos seus oito filhos,
o que conseguiu na
companhia da sua
esposa, a inesquecível Adalzira, Zira,
ou Zirinha como ela
a chamava.
Ajudava seu pai
Sizenando na loja
em Ruy Barbosa,
que lhe permitiu nas
horas vagas, ler e
desenvolver habilidades de lidar com pessoas e finanças. Em
seguida passou a trabalhar na área financeira da prefeitura deste município, quando era intendente o Coronel Cicero
Alencar, avó do senador Otto Alencar.
Ingressou na Secretaria da Fazenda
do Estado da Bahia e trabalhou em varias
cidades da Chapada Diamantina, onde fez
muitos amigos e vivenciou ou soube de
muitas estórias, as quais contava com
grande brilhantismo. Não nos cansávamos
de ouvi-lo. Grande parte delas tinham sido
protagonizadas por seu espirituosíssimo
pai, o Sizenando Galvão de Souza.
Um desses causos, uma espirituosa
“armação”, que resultou em arrecadação
de recursos para ajudar na recuperação
da Igreja de Ruy Barbosa, faz parte do
roteiro de um filme curta metragem, do
jovem artista e cineasta Jarbas Lima, e
que já participou de festivais de filmes,
inclusive sendo exibindo recentemente em
Lisboa- Portugal, na Semana do Brasil. O
nome é do filme é Ladrões em Cena.
São muitos os causos, as estripulias
de seu Pai Sizenando, a maioria delas
hilariantes. Ele era muito espirituoso.
Fazia troça de alto nível com as pessoas. Tem a de Dêga, um sujeito um tanto
desajeitado que queria sair fantasiado no
carnaval, a do matuto que pós uma pedra no outro caçoá, para fazer o equilíbrio da cangalha, para trazer um cacho
de bananas para vender na feira de Ruy
Barbosa e a de Quita, uma “moça velha”, que queria se casar. Tem também
um causo muito hilariante com Seu
Daniel Oliva, que tinha um armazém de
secos e molhados próximo ao antigo
mercado municipal, onde acontecia a
feira em Itaberaba. Quem se interessar,
pode ler no livro Orobó mais antigo.
Depois saiu o Orobó mais antigo II. Ou
se houver pedidos e nosso Editor permitir poderemos nas edições seguintes
transcrever alguns deles. Não publicados, tinha os causos envolvendo tanto
o Padre Sizinio, quanto o Padre Ramos,
ambos nossos parentes.
Entre as cidades em que morou e trabalhou, estava Itaberaba e para meu deleite, se hospedava na nossa casa. As noites, após o jantar, ele me contava estórias
e falava de coisas muito interessantes. Eu
o escolhi para ser meu padrinho de Crisma, e ele além de aceitar, junto com sua
esposa, minha tia Zira, me adotou como
filho e me deram grande suporte para fazer o secundário e entrar na Universidade. Ia passar os finais de semana na casa
deles no Rio Vermelho, quando ouvia mais
estórias e incentivos para estudar. Me conseguiram vaga no Colégio Manoel Devoto, graças ao elevado desempenho escolar dos seus filhos, meus primos/
irmãos. A eles, tio
Zezito e tia Zira, tia
Ediomar e tio Ismar,
sou eternamente grato por todo o apoio
que me deram.
Me levou todos
os dias ao colégio na
cidade Baixa, onde
fiz o vestibular para
a UFBA, e ele dizia:
“Fernandinho, responda tudo certo,
pois você tem que me mostrar o couro
da onça”. O couro da onça, é a prova
inquestionável, o nosso nome na lista dos
aprovados no vestibular. Eu, seus filhos,
meus irmãos e outros sobrinhos e depois
os netos, ano após ano, proporcionavam
a ele a imensa alegria, de poder mostrar
aos amigos e familiares que o visitavam,
o jornal com nosso nome. Era o couro da
onça, que mostra que de fato o caçador
matou a onça. Meu irmão Christiano, escreve sobre isso de uma forma mais poética, em “O couro da onça”, uma homenagem no seu aniversario de 90 anos.
Viveu 96 anos de total lucidez e enorme entusiasmo com as conquistas e sucesso das pessoas. Sempre estava a falar
sobre as coisas boas que aconteciam com
os outros, fossem seus parentes ou amigos. Tinha uma memoria prodigiosa. Contava causos, declamava poesias e fazia
citações de grandes autores.
Ficou viúvo, com o falecimento de
tia Zira há nove anos, e todos os dias se
referia a ela com imensa veneração. Dizia ter sido a melhor coisa da vida dele,
ter se casado com ela. Porem, já viúvo
há alguns anos, ficava todo derretido
nas festas, com as mulheres, amigas ou
namoradas dos filhos e sobrinhos. Ficava todo “prosa”, galanteador, declamava poesias. Era extraordinário ver seu
entusiasmo, já com mais de 90 anos.
Após o termino dos namoros, as moças
continuavam lhe visitando ou telefonando. A algumas ele dizia: “Se fosse mais
jovem, me casava com você.”
Grande leitor devorava livros de ilustres autores. Dizia-se ignorante, por não
ter tido formação universitária, mas na
verdade era um autodidata de grande cultura e inteligência. Incentivava-nos a ler
bons livros.
Deixa saudade e a lembrança da sua
bondade, dedicação, brilhantismo e honradez, que guardaremos para sempre.
Fernando de Almeida Dultra é
engenheiro civil e sanitarista,
com Mestrado em Meio Ambiente e Saneamento. Professor
das Engenharias Ambiental e
Civil da FTC.
Email:
[email protected]
São João 2015 Parte 1
Festa de largo aqui no Vale do
Capão é sempre uma delícia para todos os gostos. Aqueles que não comem
carne podem se deliciar com uma
grande variedade de pratos, inclusive
atendendo aos mais radicais, que, como
os veganos, se recusam a comer produtos lácteos e mel, e aos que comem
carnes, não lhes faltam petiscos. Além
disso, e falando especificamente do
São João, que é uma festa regada a
variegados licores, tem pouca confusão e brigas – não é que não tenha,
que fique isso claro, mas menos do que
o esperado.
Este São João de 2015 está tão
bonito que dá gosto. Pessoas lindas de
todas as tribos passeando na praça,
rindo e se divertindo em paz, apesar
de alguns idiotas bêbados (que sempre há) ou maconheiros fumando no
meio das demais pessoas que não têm
adicção a este costume.
Como todos sabem, o grande dia
é a véspera, quando temos a fogueira,
canjica, amendoim cozido e coisas assim. Por isso ontem a praça estava
lotada, houve muito forró e comilança.
A prefeitura me colocou de sobreaviso para qualquer eventualidade e assim fui chamado ao posto para atender um rapaz que chegou desmaiado.
Essa foi uma nota bem desagradável
da bela festa. Mas sobre isso escrevo
depois...
O grande momento, para mim, é a
fogueira de ramo. Este ano foi preparada por Lili e alguns amigos. Pegam
uma árvore ou um galho reto e colocam no meio da fogueira enquanto penduram nos galhos diversos presentes
– sacos de avoador, dinheiro, laranjas
e outras frutas, garrafas de bebidas
etc. – e fica uma tropa de gente esperando o ramo cair. Não perco!
Na hora exata é uma confusão danada e não dá pra ficar sendo delicado com o vizinho, pois todos querem
pegar alguma coisa. Eu inclusive.
Pouco antes do galho ceder ao
fogo e cair, uma menina me pediu pra
pegar algo pra ela. Já estava de olho
em um saco de avoador, pois Sunna,
minha filha ali presente, gosta muito
disso. Quando o galho se inclinou, eu
já havia me postado bem embaixo do
meu alvo, um lugar quase perigoso, pois
o tronco poderia bater em minha cabeça. Dei um pulo, o mais alto que
pude e agarrei o saco, mas este estava bem amarrado de modo que se rompeu, espalhando os pequenos e frágeis
globos pelo chão. Tive que focar outra coisa e vi uma garrafa que me pareceu ser de molho de soja (só no Capão
mesmo!), outra pessoa percebeu o mesmo e corremos juntos, nos chocamos no
ar e o cara (que não sei quem é) saiu
pela tangente, agarrei a garrafa e ao
chegar ao chão alguém se chocou comigo (ou eu sozinho me desarrumei o
equilíbrio) e também me espatifei, mas
não larguei o prêmio. Ri feliz e corri para
festejar. Infelizmente a garrafa era de
catuaba – uma bebida alcoólica – que
logo dei a quem gosta.
Foi aí que a menina me encontrou
e pediu seu presente. Expliquei que
não tinha conseguido e ela me disse:
“Mas Aureo, você é o médico da gente, podia ter ido atrás do que quisesse,
que ninguém ia bater em você”. Observe que pare ela eu sou alguém especial que deveria receber consideração especial, mas me trata por “você”
e me chama pelo meu nome sem o comum apodo: Doutor. Então lhe contei
que tinha sido derrubado e caíra no
chão. Ela me olhou com uma cara de
incredulidade, como se fosse algo bem
impossível. Não pude deixar de rir.
Aí voltei para o posto, aonde Raí
(Raimundo Cirilo, dentista do posto)
havia ficado no meu lugar para que
eu pudesse me divertir naqueles minutos. O que estava acontecendo na
unidade de saúde é assunto para o
próximo post. Aguardem.
Aureo Augusto é médico, artista
plástico e escritor, cidadão benemérito de Palmeiras-Ba
Caeté-Açú (Vale do Capão)
Cep: 46940-000
e-mail: [email protected]
Corrigindo: O Jornal Gazeta do
Vale cometeu uma gafe na matéria “Sessão Solene comemora 30
anos de Emancipação de Rafael
Jambeiro” da Edição 260 do mês
de maio/2015. Ao citar os presentes ao evento, deixamos de
citar os nomes dos edis José do
Carmo e Gilmar Santana. Portanto, a sequência seria: João
Santana, Altamiro de Oliveira,
Antonio Ferreira, Ivanildo Serra, Judival Gonçalves, Magna
Lucia, Maria do Carmo, Gilmar
Santana e José do Carmo.
JORNAL GAZETA DO VALE, Rua Francisco Serra, 527-A, São João - Itaberaba-Ba
Cep 46880-000 Tel.: (75) 3251-1937 / 92066728 / / 9970-7061
www.gazvale.com.br - email: [email protected] - [email protected]
EDITOR:
Mário Oliva
DIAGRAMAÇÃO E ARTE FINAL:
Regina Ribeiro Gondim
COLABORADORES:
Dr. Áureo Augusto - Dr. José Edmar Silva - Dr. Fernando de Almeida Dultra
Sandra Léa Bergemann - Rubenita Gondim Oliva
CIRCULAÇÃO NOS MUNICÍPIOS:
Chapada Diamantina, Vale do Jiquiriça, Vale do Paraguaçu, Micro Região de Irecê
Os artigos e comentários assinados são de responsabilidade de seus autores.
Tiragem: 10.000 exemplares
GAZETA DO VALE - Email: [email protected] / [email protected] - Junho/Julho de 2015
O Arraiá do Mochilão e sua tradição
Este ano a programação do “Arraiá do
Mochilão” estava mais
uma vez repleta de grandes atrações, com uma
excelente infraestrutura
para aqueles que curtem
o São João no interior.
Iaçu é uma cidade do
interior da Bahia muito
hospitaleira, e todos os
anos recebe de braços
abertos no mês de junho,
turistas de todas as localidades. Na cidade são latentes as mais diversas
manifestações culturais
durante os festejos juninos, e a manutenção das
tradições populares é estimulada em espaços públicos e praças que são ornamentadas criteriosamente, sempre com muito
trabalho e criatividade
com o intuito de deixar
tudo bonito e colorido,
onde acontece o tradicional passeio de trem com
um grupo musical animando os partícipes, sendo possível viver a experiência de andar sobre
trilhos ao som do genuíno forró pé-de-serra,
além de quadrilhas, uma
mistura de comidas típicas, muita fogueira e
quentão, entre outras estruturas necessárias para
oferecer conforto e diversão para quem participa do evento, promovendo a interação entre
a população e visitantes.
O “Arraiá do Mochilão 2015” já na sua 12ª edição aconteceu entre os
dias 21 a 24 de junho, na
Praça dos Ferroviários.
O nome do forró
“Arraiá do Mochilão” é
uma homenagem ao trem
“Mochila” que transportava passageiros economicamente sem recursos
nas décadas de 30 a 60,
do Recôncavo baiano
para a Chapada Diamantina, e uma amostragem
de que, o iacuense preserva sua cultura.
Durante os dias de
festa apresentaram-se as
bandas Trio Nogueira, Licor com Mel, Canindé,
Canários do Reino, Bota
Rasgada, Trio Umbuzeiro,
J.Kajaiba, Banda Mega
Xote, e muito mais...
O tradicional Arrastão dos Candangues que
toma conta das principais
ruas da cidade é uma
manifestação folclórica
que acontece no último
dia da festa arrastando
uma multidão que se despede de mais uma deleitosa festança.
Mais uma vez a Administração Municipal foi
elogiada por moradores
e visitantes pelo clima de
tranquilidade e segurança reinante durante todo
o evento.
A festa foi repleta de
alegria e de acordo com
Gildo Nogueira, repetiu o
sucesso de sempre, superando as expectativas.
Para o prefeito Nixon Duarte, o número de
público e a ótima organização contribuíram mais
uma vez para que a festa fosse um sucesso.
Prefeito Nixon Duarte e a
primeira-dama Edileiza
entre os forrozeiros
03
04
GAZETA DO VALE - Email: [email protected] / [email protected] - Junho/Julho de 2015
Vista, com a presença do
governador Rui Costa,
dos senadores Otto Alencar e Lídice da Mata
dentre outras autoridades
políticas, e do ministro da
Defesa e ex-governador
da Bahia, Jaques Wagner, que durante sua
gestão no Estado, recebeu o título de cidadão
andaraiense. “Sinto-me
feliz em ver pessoas empenhadas em reforçar a
educação na Bahia”, salientou Wagner.
A visita do governador às escolas públicas da
capital e do interior é um
compromisso firmado no
início do Governo.
“Me senti realizado
ao entrar nessa escola,
pois lancei, em parceria
com mais de 300 prefeitos, o Pacto pela Educação. Esse é um programa de atenção e
amor à educação. É um
compromisso assumido
para garantir a dignida-
de dos estudantes em
ambiente escolar”, destacou o governador.
De acordo com a
secretária de Educação
Ilza Dourado, quase 90%
dos alunos da zona rural
estudam no modelo de
educação integral, especialmente na educação
infantil e no ensino fundamental. “As pessoas
aprendem desde cedo o
que é dignidade e respeito. Com este modelo, substituímos o tempo ocioso por momentos de aprendizado e
oportunidades para as
crianças,” salientou Ilza.
“Já trabalhei diversas
realidades educacionais,
para mim, este é o modelo mais completo, o
que mais promove o aprendizado”, acrescentou
Denise Mirna, diretora da
primeira escola integral.
Para o prefeito Wilson, “Investir em educa-
Fotos: Manu Dias/GOVBA
Com foco na qualidade da Educação, no
bom rendimento escolar
e no futuro, a prefeitura
de Andaraí vem desenvolvendo um expressivo
trabalho de estruturação
nas escolas da rede municipal de ensino. O prefeito Wilson Cardoso tem
destacado todas as ações
que evidenciam a qualidade da educação no
Município, sempre enfatizando as ações que estão sendo tomadas para
que os resultados sejam
ainda melhores.
“Investir em educação é assegurar um futuro melhor”. Esta é a opinião do prefeito Wilson
que vem construindo,
modernizando e melhorando suas estruturas.
Para tanto, mais uma
instituição em tempo integral foi inaugurada “Escola de Tempo Integral
Eraldo Tinoco” localizada no povoado de Nova
Fotos: www.andarai.ba.gov.br
Qualidade em educação é prioridade em Andaraí
Rui Costa autoriza novo edital para conclusão do Colégio
Estadual Edgar Silva
Fotos: Manu Dias/GOVBA
Foto: www.andarai.ba.gov.br
GAZETA DO VALE - Email: [email protected] / [email protected] - Junho/Julho de 2015
ção é ampliar possibili- odontologia, vacina, e contratação de uma emdades elevando a auto- de observação de paci- preiteira, que será resestima de alunos, pais, ente, além de consultó- ponsável pela conclusão
professores, funcionári- rios e farmácia.
das obras do Colégio
os e comunidade. É exA satisfação dos Estadual Edgar Silva. A
pandir esperança, alçan- moradores era inconteste construção da sede da
do a autoestima dos en- “a situação vai mudar instituição está parada
volvidos”, ressaltou Wil- muito com a unidade, va- há três anos, por causa
son no momento em que mos ter saúde de quali- da desistência da ementregava à população a dade perto de casa”, afir- presa contratada. “Essa
quinta escola de tempo mou Leandra Novaes iniciativa fará com que
integral, também, cons- moradora do povoado.
consigamos inaugurar a
truída e equipada com
Ainda em Andaraí, escola até dezembro des100% de recursos pró- o governador determi- te ano, para que os joprios municipais.
nou à Secretaria de Edu- vens tenham uma escola
A escola é compos- cação a publicação de digna para estudar e
ta por laboratório de um novo edital para a aprender”, afirmou Rui.
informática, um quiosque
para as aulas de dança e
capoeira, quadra esportiva, biblioteca, refeitório,
sala multimídia e área administrativa, e quatro salas de aulas, com funcionamento em dois turnos.
No mesmo dia foi
inaugurado com a presença do governador
Rui Costa e comitiva a
Unidade de Saúde da
Família no assentamento Mocambo, com salas
de coleta, salas para
São João -
O São João do Nordeste é
muito animado, tem quadrilha e tem rojão, tem
pamonha e milho assado, sanfoneiro puxa o fole
faz aquela animação, mulherada bate palma dando
viva a São João. Viva São João! (Calango Aceso)
Mesmo com dificuldades relacionadas à crise econômica, o São João em Andaraí, cidade
localizada no coração da Chapada Diamantina,
chegou aos bairros, às escolas e às instituições,
com brincadeiras, comidas típicas e quadrilhas.
No Lago de Seu Netuno, que se transformou no “Arraiá do Sociá” o arrasta pé, a Quadrilha Maluca e o forró, correram soltos, envol-
vendo os idosos, e as crianças e adolescentes
que fazem parte do Núcleo de Cidadania.
Nas escolas Municipais as apresentações
se dividiram em animadas competições juninas.
O São João chegou também aos bairros tendo como destaque o brilhantismo da artista plástica Zélia Aguiar que decorou a Rua da Piedade encantando a todos que por ali passava. E a
força do São João foi mostrada também através do comando da professora aposentada tia
Verinha com sua tradicional quadrilha.
A festa chegou ao último dia da forma como
começou: muita alegria, segurança e paz.
05
06
GAZETA DO VALE - Email: [email protected] / [email protected] - Junho/Julho de 2015
O São João de Itaberaba foi um sucesso. Superando as expectativas de público do primeiro ao último dia,
a festa foi marcada pelo clima familiar de harmonia e
paz. Sem violência, do início ao fim, o Arraiá da Ita 2015
terminou deixando um sabor de saudade, e de desejo
que, em 2016, a festa seja tão boa quanto a deste ano.
Os artistas que se apresentaram e as famílias que
foram para a Praça do Forró se divertir, não pouparam
elogios à decoração e à infraestrutura técnica montada
para receber as 12 bandas e os grupos Pé de Serra que
fizeram a festa, ainda mais especial.
Dados da Polícia Militar indicam que mais de dez
mil pessoas passaram pelo circuito do São João diariamente. Ou seja, cerca de 50 mil nos quatro dias. Apesar
do volume de pessoas, a festa foi de paz. Tanto a Polícia
Militar quanto a Civil observaram a tranquilidade com
que transcorreu o período.
“Podemos dizer que a festa foi pacífica do início ao
fim. Houveram pequenas brigas isoladas, mas que em
nenhum caso gerou danos mais graves ao cidadão”, avalia
o Comandante do 11º Batalhão de Polícia Manoel Xavier
de Souza Filho.
EXCELENTE INFRAESTRUTURA PARA AS
ATRAÇÕES - Entre os pontos mais elogiados da festa,
o destaque foi para a infraestrutura montada em todo o
circuito e fora dele, para atender às equipes e músicos
das bandas.
As bandas Menina Faceira, Seu Maxixe, Capim Molhado, Filomena Bagaceira, Trio Virgulino, Xinela de Couro, Forrozão, Chico Bello, Pra Casar, Xaxadumdum,
Zumbelê e a dupla Kiko e Jeanne não pouparam elogios a
toda infraestrutura montada para a festa.
Do hotel, ao apoio de palco e sonorização, tudo foi
elogiado. Sem contar do palco, cujo modelo e estrutura
só existem quatro aqui no Brasil, e uma veio para
Itaberaba neste São João.
“A festa de Itaberaba, em uma avaliação feita pelas
bandas, está entre as três mais organizadas da Bahia.
Trabalhamos para isso. Entregamos a decoração com
antecedência, investimos em um palco de qualidade e
contratamos bandas que fizeram o povo dançar o autêntico forró. O prefeito João Filho está de parabéns pelo
sucesso da festa”, afirma a secretária de Cultura
Monaclara Mascarenhas.
Kiko e Jeanne fizeram uma festa linda, a praça lotada
e todos cantando e dançando. Segundo eles, o público
de Itaberaba foi um dos mais calorosos que encontraram pelo interior da Bahia. “A prefeitura está de parabéns
por esta festa linda e organizada, principalmente no quesito infraestrutura”, destaca Jeanne.
Camila Vitorino da Banda Menina Faceira ratificou a
observação da dupla e disse ter orgulho de fechar uma
festa tão bonita e organizada, com um público tão caloroso. “Imaginamos que hoje a praça não estaria cheia,
Foto: Zenon Leite
Itaberaba tem São João de paz e amor
Mais de dez mil pessoas passaram pela Praça do forró diariamente. As bandeirolas, luminárias e a cidade
cenográfica chamaram a atenção
mas estava lotada e cheia de calor
humano”, diz.
Lia Gondim, vocalista da Filomena Bagaceira, afirma que “cantar
em Itaberaba representa estar em família, recarregar a bateria e se encher da energia positiva do público”.
O show foi lindo e os fãs corresponderam às expectativas dos artistas.
Quem surpreendeu no palco foi
a Banda Zumbelê, que também é de
Itaberaba e fez bonito. Os vocalistas
Beto Jr e Adriele Araújo se emocionaram ao subir no palco e receber o
carinho do público. Eles, assim
como outros artistas da terra, agradeceram ao prefeito João Filho por
O melhor do forró com Filomena Bagaceira
valorizar a prata da casa.
Os integrantes do Trio Virgunlino, do grupo Seu Maxixe e Pra Casar também ressalta- atual dentro do ritmo”, comenta Márcion Magalhães,
ram a grandeza da festa, e o orgulho de participar de um vocalista.
A DECORAÇÃO FOI A MAIS BELA DOS ÚLSão João pacífico e tão bem estruturado quanto o de
TIMOS ANOS - O grande espetáculo dos festejos juninos
Itaberaba.
A banda Xaxadumdum também fez bonito. “É bom em Itaberaba ficou por conta da decoração que teve a
demais participar desta festa linda. Mais um dia de casa aprovação de todos.
Luminárias, bandeirolas e uma belíssima cidade cenocheia, uma festa familiar e de paz. Estamos animados
para fazer mais um trabalho onde damos ênfase às raízes gráfica deram vida ao Circuito do forró. Este ano, o Podo forró mesclando com um pouco do que temos de voado representado foi Itaíba, onde foram encontradas
a casa de taipa, o curral, a igreja e a venda de Seu Mário.
O pau de sebo, a dança da fita e o barracão do Forró
Pé de Serra também foram cenário de muitas fotos feitas pelas famílias que visitaram o circuito. Quem passou
por ali, se encantou. “A decoração estava linda. Muito
bem retratada a realidade da vida na Zona rural. Opina a
autônoma Maria Augusta dos Santos Silva. Ela mora fora,
veio visitar os parentes e passar o São João em Itaberaba.
No circuito também foi montado o Barracão do
João, onde o prefeito recebeu amigos, familiares e o povo
em geral. A secretária de Governo Marigilza Mascarenhas
ressalta a alegria do dever cumprido em relação ao compromisso com a tradição do São João. “A festa foi linda.
Dança da fita foi representada na decoração do circuito que
É a realização de um sonho que foi projetado com a
estava perfeita, retratando a cultura
união de todos. Muito forró, tradição, cultura e alegria
Fotos: Osvaldo das Virgens
A quadrilha campeã foi a Furdunço Nordestino, do Bairro
Jardim das Palmeiras
O Barracão do Forró Pé de Serra ficou lotado em todas as noites
O deputado estadual Luiz Augusto com a Rainha do
Milho Larissa Trindade
Na casa de taipa não faltou churrasco, quentão e muita comida típica
Foto: Osvaldo das Virgens
GAZETA DO VALE - Email: [email protected] / [email protected] - Junho/Julho de 2015
Polícias Militar e Civil, e Guarda Municipal garantiram a tranquilidade da festa
Foto: Osvaldo das Virgens
Foto: Osvaldo das Virgens
forró do jeito que a gente gosta”, diz
a dona de casa Maria Cristina Vieira.
O prefeito João Almeida Mascarenhas Filho destaca que este ano
o São João teve uma nova roupagem. Novo palco, atrações culturais que ressaltaram o valor dos artistas da região, uma decoração renovada, mas que de um modo geral, agradou a todos.
“Valorizamos nossas tradições
culturais e montamos uma boa estrutura e todas as bandas fizeram um
excelente trabalho. Temos um espaço privilegiado que nos garante uma
boa festa, com tranquilidade para as
famílias que veem se divertir aqui”,
Prefeito João Filho, primeira-dama, vice-prefeita, amigos e Secretários de Governo
opina o prefeito João Filho.
para nossa gente”, enfatiza.
Ele lembra que o circuito e a decoração foram feiNo Povoado Itaíba, representado na cidade tos a partir da união coletiva de todas as secretarias,
cenográfica, não faltou churrasco, licor e outras comi- com o apoio dos servidores municipais.
das típicas para os visitantes. “Lindo, lindo. Fiquei enPara o presidente da Câmara de Vereadores, Zenildo
cantada. A cidade está de parabéns. Uma festa tranquila, Nascimento Aragão, o Paraná, o Ita Forró 2015 surprecom uma decoração belíssima”, disse a enfermeira endeu, no sentido do resgate aos festejos juninos e às
Luciana Oliveira, de São Paulo.
tradições culturais.
O deputado estadual Luiz Augusto Gordiano de
CONCURSO DE QUADRILHA - O concurso de
Moraes elogiou a decoração a seleção dos artistas. “Esta quadrilhas juninas, realizado pela Secretaria de Educaé a festa mais organizada, animada e com referências ção do Município, abriu as atividades do segundo dia de
culturais que vi este ano. Está de parabéns o prefeito festa do Arraiá da Ita. Muita gente prestigiou as apresenJoão Filho”, opina.
tações das Quadrilhas Juninas, que de forma expressiva
PÉ DE SERRA - Pra quem gosta do Forró Pé de representaram as tradições deste período.
Serra, o barracão não ficou parado um só minuto. FoO primeiro lugar foi para a Quadrilha Furdunço Norram dez trios Pé de Serra se revezando durante os feste- destino do Bairro Jardim das Palmeiras. Todas estavam
jos. “Aqui está bom demais. Quem não veio perdeu. É lindas e a primeira colocada foi premiada com o valor de
07
R$ 4 mil. O segundo lugar ficou com a Quadrilha Vai
Que Dá do Povoado Ipueira, que foi premiada com o
valor de R$ 2,5 mil, e em terceiro a Quadrilha Danç’Arte
do Bairro Pé do Monte com prêmio de R$ 1,5 mil.
COMÉRCIO - Apesar da crise econômica nacional, que também tem refletido no comércio de Itaberaba,
o presidente da CDL, Francisco Queiroz, destaca a importância dos festejos para impulsionar as vendas no
centro comercial. Para quem trabalhou no circuito vendendo bebidas e comidas, os festejos também deixaram
saldo positivo. Vendedores garantem que superaram os
números de 2014 no segundo dia de festa.
O prefeito João Filho comemora os resultados da
festa. “Posso assegurar que o balanço dos festejos é dos
melhores em nossa cidade. Foi uma festa feita para as
famílias, voltada para as tradições culturais e em clima
de tranquilidade e paz. Isso nos deixa orgulhosos. Queremos agradecer ao trabalho de todos da área de Segurança, Saúde e às equipes de apoio”, avalia o prefeito
João Filho.
PLANTÃO SEM OCORRÊNCIA - Segundo o delegado titular de Itaberaba, Marcos Alessandro Araújo,
os plantões foram tranquilos e não houve ocorrência de
problemas no circuito da festa. Ele destaca que o Departamento de Polícia do Interior ficou muito satisfeito com
o balanço dos festejos.
O Coordenador de Planejamento Operacional do Corpo de Bombeiros de Itaberaba, Capitão Jean Vianey, confirma a pacificidade com que a festa transcorreu, sem
nenhum registro de violência diretamente relacionada ao
São João. Segundo ele, apenas foram feitos atendimentos a ocorrências por embriagues, e um ferimento leve
de uma pessoa que cortou o pé, e inclusive, foi socorrida pelo prefeito João Almeida Mascarenhas Filho.
No que se refere ao quesito crianças e adolescentes
os festejos também foram considerados pacíficos. Com
base nas informações da agente de proteção ao menor,
Zoraide Barreto de Araújo D’Eça, apenas foram
registrados problemas com adolescentes que se excederam no uso de bebida alcoólica.
HOSPITAL GERAL - No Hospital Geral de
Itaberaba, o feriadão ocorreu dentro da normalidade. A
Secretaria de Saúde apoiou a Administração do HGI no
planejamento de ações estratégicas de atendimento durante o período das festas juninas, mobilizando toda a
equipe, que contou com os seguintes profissionais: médicos, enfermeiros, técnicos em enfermagem, assistente
social, serviços gerais e apoio administrativo.
De 20 a 24 de junho foi registrado um ferimento
por arma branca, um por arma de fogo, 16 por crise
alcóolica, quatro por agressão física, quatro queimados,
17 feridos em acidente automobilístico, entre outros atendimentos clínicos.
“Os plantões ocorreram dentro da normalidade. Foi
bem mais tranquilo que em anos anteriores. Nossa equipe estava preparada para um volume superior de atendimento, mas ainda bem que foi tranquilo”, afirma a administradora do hospital Mariza Barbosa Mendes. (ASCOM
Itaberaba - Gilmara Almeida).
Fotos: Zenon Leite
Fotos: Zenon Leite
Kiko e Jeanne fizeram um show belíssimo no último dia de festa
Todas as bandas elogiaram a estrutura e o apoio técnico. Seu Maxixe agradeceu ao prefeito João Filho pelo grande evento
08
GAZETA DO VALE - Email: [email protected] / [email protected] - Junho/Julho de 2015
Prefeito de Araci pede
Vereadores de Wanderley pedem
poços artesianos e ligação de
asfaltamento de ruas do
centro e rede de água para energia em diversos povoados
povoados rurais
O Secretário Josias
O prefeito de Araci,
Antonio Carvalho da Silva Neto (PDT) – acompanhado pelos vereadores
Manoel Bernardino (PTN),
Jeferson Miranda Carneiro (PSC), José Augusto
de Andrade (PDT), e Marcos Antônio Pimentel
(PSDB) – participou de
reunião com o Secretário
Josias Gomes (Relações
Institucionais), onde apresentou algumas demandas
de seu município.
Entre elas, a extensão da rede de
água – em cerca de 50 km – para atender mais de 30 povoados localizados na
zona rural do município. Segundo o prefeito, o projeto tem recursos do Ministério das Cidades, e sua execução será
feita pela Cerb.
“Também solicitamos a conclusão
do asfaltamento de diversas ruas do centro da cidade, além de pleitos antigos
como a reforma e ampliação de nosso
Estádio Municipal, e o projeto da Praça
da Convivência, ambos pela Sudesb, e a
reforma do Mercado da Carne/Centro de
Abastecimento, um projeto de cerca de
R$ 30 mil”, argumenta o prefeito Silva
Neto. Fonte: Ascom Serin.
Gomes, titular da Secretaria de Relações Institucionais (Serin) da Bahia, recebeu em audiência o vereador Adailton Guedes de
Paiva Miranda, presidente
do diretório municipal do
PT, a vereadora Moêma
Betânia Rios da Silva Ferreira, do município de Wanderley, que reivindicaram
obras em diversos segmentos. Também
participou do encontro Antônio Carlos
José de Brito, presidente do Sindicato dos
Trabalhadores Rurais (STR).
Entre as demandas, a intervenção junto à Cerb – projeto já apresentado – para a
complementação da rede de água do Povoado Mouras, e a perfuração de 5 poços
artesianos nas comunidades de São Francisco, Canela da Ema, Atoleiro, Assentamento Campo Alegre, e Reforminha da
Goiabeira.
Também foi solicitada a implantação
Prefeito Jonival Lucas inaugura
reforma e requalificação do Terminal
Rodoviário de Sapeaçu
A Prefeitura Municipal de Sapeaçu inaugurou na noite
desta quarta-feira (17) o novo Terminal Rodoviário de
Sapeaçu, a obra teve um custo aproximado de R$ 600 mil e
possui áreas pavimentadas de estacionamentos e manobras
de ônibus, pontos de táxi e mototáxi, jardins, lixeiras, bebedouro, novo piso, rampas de acessibilidade, novas instalações elétrica, hidráulica e sanitária, pintura e cobertura metálica. Além de 10 novos banheiros públicos, 1 lanchonete, 1
sala de administração, 4 guichês, 6 lojas de departamentos,
nova iluminação, portas, janelas, bancos, painel luminoso
para identificar a cidade e outras melhorias.
O projeto é resultado de uma parceria entre o Poder
Público, Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (Conder) e o Governo do Estado da Bahia. O
prefeito de Sapeaçu, Jonival Lucas disse que o Terminal
Rodoviário foi uma ideia concretizada por todos os envolvidos. “Hoje conseguimos fazer com que essa obra se torne
realidade, alguns ajustes precisam e serão feitos. Se não
fosse o esforço das pessoas que nos ajudam na administração municipal, desde os secretários, os funcionários que
prestam serviços de limpeza, que ajudam na merenda escolar, que transportam os nossos alunos ou pacientes e fazem
o dia-a-dia da nossa cidade acontecer. Sem eles, eu hoje não
poderia fazer a administração que faço, então quero agradecer também a todos aqueles que compõem e fazem parte da
administração e conseguem fazer com que essa cidade ande
muitas vezes com o esforço pessoal de cada um que carrega
essa cidade nas costas, que luta todos os dias, que acorda
de manhã cedo e não mede esforços para fazer essa cidade
cada vez melhor. E é por isso que sou orgulhoso não só de
entregar à rodoviária, mas de poder fazer parte da história
deste povo que tem ajudado a recuperar e a fazer desta cidade um sonho de toda uma população, que quer ver essa
cidade se desenvolver e crescer”, disse emocionado, Jonival.
A cerimônia de inauguração contou com as presenças
do prefeito Jonival Lucas, primeira-dama Cristina Lucas, se-
cretários municipais, vereadores, representantes políticos,
representantes do Colegiado de Desenvolvimento Territorial
do Recôncavo e da Cooperativa de Mulheres Agricultoras
Familiares de Sapeaçu (COOPEMAFS), Diretor de Equipamentos e Qualificação Urbanística, Airton José Villaça Maia
(Conder), imprensa e população em geral.
“O prefeito Jonival precisa ser aplaudido e reconhecido pela eficácia e eficiência de ter ido ao Governo do Estado
da Bahia e ter obtido do nosso Governador, Rui Costa, a
parceria e mobilizar recursos para o convênio. Agora a competência de colocar a rodoviária de pé, não foi da Conder, a
Conder fez o convênio com a prefeitura, foi o prefeito que
transformou o recurso do governo do estado em uma obra
chamada Terminal Rodoviário de Sapeaçu. Eu também preciso registrar que o amigo Jonival tem um perfil que na Conder
a gente chama de Pit Bull, porque ele foi lá na Conder e foi
direto no pescoço de todos nós, atrás mesmo dos recursos
para esse município. Então Sapeaçu e a população
sapeaçuense está de parabéns por ter escolhido Jonival o
prefeito de Sapeaçu, parabéns a vocês”, disse José Villaça
Maia, diretor da Conder.
A sapeaçuense, Augusta da Costa, também fez questão de participar da inauguração da rodoviária. “Hoje é um
dia muito especial, de realização para todos nós que tanto
esperamos por esse momento, por essa inauguração, agora
todos poderão usufruir de uma rodoviária moderna e digna,
do jeito que sonhamos. Podemos bater no peito e orgulhosos que temos uma rodoviária, e não aquilo que era antes,
um motivo de vergonha e piada por todos, agora o jogo
virou, temos a rodoviária mais bonita da Bahia”, disse satisfeita.
Jonival Lucas, também ressaltou a realização de entregar à população de Sapeaçu o moderno terminal rodoviário
é a certeza de que estamos no caminho certo. “A reforma da
rodoviária melhorou a cara e visual da entrada da cidade,
além de oferecer um serviço de qualidade e diversificado,
proporcionar maior conforto aos usuários e pessoas que
trabalham no local”, disse. Fonte: ASCOM Sapeaçu.
de uma ponte sobre o Riacho Tijucucú,
ligando a comunidade de Lagoa Grande a
Itapira, além de melhorias nas estradas
vicinais, o que beneficiará famílias de agricultores familiares.
“Solicitamos, ainda, ligações de rede
de energia elétrica para os povoados Olhos
D’Água, Aroeira do Oco/Pedra, Itapira,
Morro Solto/Tamboril/Lagoa da Serra,
Pernambuquinho, Tapera, entre outros,
num total de 18 localidades da zona rural
do município”, informaram os vereadores Adailton e Moêma. Ascom Serin.
Vereadores de
Queimadas
pedem apoio
de Josias Gomes
para obras de
eletrificação rural
Os vereadores do município de Queimadas, Luiz
Souza Carneiro (PSC), Paulino Ferreira, e Agnaldo dos
Santos Coelho, ambos do PT, acompanhados pelo exprefeito José Mauro de Oliveira Filho, e do vice-presidente do diretório do PT e ex-candidato a prefeito André Luiz Andrade, foram recebidos em audiência por
Josias Gomes, Secretário de Relações Institucionais
do Governo da Bahia.
Entre as solicitações, um estudo de viabilidade pela
Embasa para implantar rede de água tratada para os
povoados de Jacuruci da Ponte, Ponto Novo, Lagoa
do Mari, Gentil, Umburana, Lagoa das Moças,
Lagoinha, Tanques, e Lagoa do Alto, beneficiando um
total de 4 mil habitantes dessas localidades, além do
mesmo serviço para as localidades do Cajuerinho, Lage
do Cajuerinho, e Galinha D’Água.
Eles também pediram que a Coelba faça a
eletrificação rural (extensão de rede) nas fazendas Lage
e Cajueirinho. “Pedimos a elaboração de um projeto
para a construção de duas barragens no leito do Rio
Itapicuru-Mirim, que beneficiará 6 mil pessoas moradores dos povoados de Alegrim, Aroeira, Abobreira, e
Bebedouro – que ficaram sem água após o fechamento da Barragem de Pedras Altas”, diz o vereador Luiz
Souza Carneiro.
“Uma outra demanda foi a implantação de sinal de
telefonia celular no distrito rural de Coronel João Borges”,
complementa o vereador Paulino Ferreira. Ascom Serin.
GAZETA DO VALE - Email: [email protected] / [email protected] - Junho/Julho de 2015
09
OCORRÊNCIAS POLICIAIS
Polícia Civil prende em Rui
Barbosa mulher acusada
de pedofilia
Policiais do Serviço de Investigação
sob o comando do coordenador do SI investigador Cordeiro, apreenderam na tarde de quinta-feira, (09/07), uma série de
materiais que foram subtraídos de uma loja
de materiais de construção que fica localizada na praça da Feira Nova, no Bairro
Caititu em Itaberaba.
A loja fora arrombada e invadida por
dois homens que de lá subtraíram diversos
produtos entre eles torneiras inox, máquinas
furadeiras, dobradiças, máquinas de aplicar
silicones, ferramentas, computadores entre
outros objetos. Os investigadores conseguiram recuperar uma parte desse material os
A Polícia Civil (12ª Coorpin) sob o comando do delegado Augusto Saldanha (Coordenador da 12ª Coorpin) e Marcelo Cavalcanti (Delegado titular de Ruy Barbosa), fez
no dia 11/06, (quinta-feira), pela manhã, uma
operação com o objetivo de prender Joilson
Lacerda Santana e sua amante Carla de Jesus
dos Santos, os quais são foragidos da justiça acusados de Pedofilia e sexo grupal envolvendo 04 crianças e uma adolescente, tendo todo material sido arquivado em CD’s,
HD’s, pen driveres, e cartões de memoria .
Segundo a investigação, Joilson, sua
esposa a pedagoga Maria de Jesus Borges e
Carla - amante de Joilson e mãe dos menores
violentados, abusavam sexualmente das quatro crianças de 05, 06, 09 e 12 anos, e a ado-
lescente de 13 anos, fato que ocorria na residência do casal e na fazenda Estivinha no
município de Riachão das Neves, oeste baiano.
A policia civil obteve êxito na prisão de
Carla após intensas buscas no local já que
os dois evadiram no momento da chegada da
polícia e reagiram a prisão. Joilson, que é expolicial militar, atirou contra os policiais com
uma pistola .40, mas ninguém ficou ferido. A
Polícia Militar de Rui Barbosa deu apoio à
operação, mas mesmo com o cerco policial
quais foram localizados em uma casa abandonada na Rua D na Invasão do Caititu.
Um dos suspeitos de ter feito o arrombamento é o indivíduo conhecido como
“Ném Dentão”, morador da Invasão do
Caititu, que saiu recentemente do presídio. Ném foi identificado pela Polícia como
sendo o homem que arrombou o supermercado Todo Dia que fica no centro da cidade e é suspeito de estar fazendo uma série
de arrombamentos na cidade.
A Polícia está trabalhando nesses casos. Todo material apreendido foi apresentado na Delegacia Territorial de Itaberaba a fim
de ser devolvido ao dono. Fonte: 12ª Coorpin.
Polícia Civil cumpre três
mandados de prisão por
homicídio em Itaberaba
Joilson conseguiu fugir tendo sido beneficiado pela dificuldade em cercar o local e também por vários parentes dele morar em casas
vizinhas a casa de sua irmã onde ele estava
escondido.
As buscas continuam e quem tiver notícia de onde Joilson possa ser encontrado é
só ligar para a 12ª Coorpin (75) 3251-8583/8661
ou para a delegacia de polícia de Rui Barbosa.
Carla encontra-se presa a disposição da
justiça criminal. Fonte: 12ª Coorpin
Itaberabense é preso com 40
Kg de maconha em Itabuna
Foram apreendidos na manhã de sexta-feira (29/05) durante uma operação da
Polícia civil no Parque Verde, em Itabuna,
40 kg de maconha, uma pistola israelense
9mm, três carregadores, 95 cartuchos de
munição, três balanças de precisão, aparelhos celulares, cartões e um veículo em
poder de Fernando Carvalho Santana, 31
Polícia Civil apreende
objetos furtados na
invasão do Caititu
anos, natural de Itaberaba que foi preso
em flagrante.
De acordo com informações policiais,
Fernando já tem passagem pela polícia por
assalto a Banco.
O acusado irá responder por porte ilegal de arma, tráfico de drogas e roubo.
Fonte: Itaberaba Notícias.
Policiais do SI (serviço de investigação) da Polícia Civil 12ª Coorpin e DT/
Itaberaba, sob o comando
do delegado coordenador
Dr. Augusto Saldanha, fez
uma operação com o
objetivo de cumprir três
mandados de prisão em
desfavor dos irmãos Juniel
Moura Lima, 20 anos,
Evanildo Moura Lima, 19
anos e Manoel Messias
Moura Lima, 30 anos. Os três irmãos foram
encontrados na casa da sua genitora que
fica na Rua A, na invasão do Caetitu. Os
três são responsáveis por dois crimes distintos que ocorreram em Itaberaba. Juniel
e Evanildo chegaram a ser soltos semanas
atrás por meio de Alvará de Soltura expedido pela justiça criminal, mas foram presos novamente no final da tarde de terçafeira, (16/06), depois de uma nova decisão
judicial que expediu novos mandados de
prisão. Messias estava foragido e era procurado pela polícia, o mesmo foi encontrado escondido debaixo de várias roupas em
um dos quartos da casa.
Todos foram apresentados no Complexo Policial de Itaberaba, onde fica a sede
da 12ª Coorpin tendo sido recolhidos à
custódia onde permanecerão à disposição
da justiça criminal. Fonte: 12ª Coorpin
Polícia prende em Brejões
quadrilha especializada em
roubo a caixas eletrônicos
Uma operação conjunta entre as polícias Civil e Militar, na quarta-feira (1/7) e
quinta-feira (2/7), resultou
na prisão de uma quadrilha
especializada a roubo de
caixas eletrônicos. A investida policial contou com a
participação de equipes da
Draco (Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas) e da Polícia Militar, além da Cipe
Cerrado, que mantiveram
as buscas ao bando que tentou arrombar
o caixa eletrônico do Bradesco em Brejolândia, no interior do Estado, segundo o
site Bocão News.
A operação, coordenada pelo major
Cabral, capturou inicialmente um dos envolvidos após abordagem a um veículo Honda
Civic, de placa policial FLF-3004, quando o
condutor dava fuga a outros quatro integrantes do bando, na divisa dos municípios de
Santana e Serra Dourada. Guarnições da
Draco, de Itabuna e Vitória da Conquista,
efetuaram a prisão de toda a quadrilha especializada em roubo de caixas eletrônicos, em
um trecho de rodovia próximo ao município
de Brejões. Fonte: Itaberaba Notícias.
10
GAZETA DO VALE - Email: [email protected]
/ [email protected] - Junho/Julho de 2015
11
ESPAÇO GOURMET
CULINÁRIA
JENIPAPO
O jenipapeiro é uma arvore maravilhosa, dela aproveita-se tudo! A raiz
pode ser utilizada como purgante e também é indicada no combate de problemas de catarata; a casca, dotada de tanino, é empregada nos curtumes para
tratar couros, mas também é um importante composto diurético; o seu fruto, o jenipapo, possui diversos benefícios graças as suas vitaminas dos com-
plexos B e C, além de ser rico em ferro, cálcio, água e hidrato de carbono.
Em decorrência de suas propriedades
o jenipapo melhora a digestão, reduz inflamações do sistema respiratório, é bastante
utilizado no combate a anemia, estimula o
apetite, melhora a circulação sanguínea,
além de ser benéfico para os rins, fígado e
baço. E como se não bastasse ainda serve
de base para doces, compotas, sucos etc.
DICA DE LIVRO
400 G - TECNICAS DE COZINHA
Este livro traz técnicas de culinária brasileira e mais de 270
receitas. As técnicas e os métodos são a fundação, a base
estrutural do fazer e pensar gastronômico. E seja ele um cozinheiro profissional ou não, são tão indispensáveis que causa espanto que existam ainda hoje em dia tão poucos livros
brasileiros sobre o assunto. ‘400g’ é uma obra completa da
nossa culinária e um livro de referência para os apaixonados
pela boa gastronomia.
Experimentei essa receita pela primeira
vez na casa de uma amiga, no município
de Andaraí. Fácil, simples e deliciosa.
Ingredientes:
Jenipapos cortados em tiras e Açúcar
Modo de preparo:
Misture as tiras de jenipapo com açúcar,
coloque em uma compoteira e leve a geladeira de um dia pro outro. Está pronta,
é só saborear!
A GASTRONOMIA TAMBÉM
EM FILMES
SABOR DA PAIXÃO
A beldade internacional Penélope Cruz interpreta
Isabella Oliveira, a dona de um restaurante na
Bahia, com seu marido Tonho (Murillo Benício).
Produzido em parceria com os Estados Unidos
e a Espanha, diversos atores participam da trama, que mostra a culinária como uma terapia
para a alma.
Título: 400g – Técnicas de Cozinha
Autor: Diversos autores
Editora: IBEP NACIONAL
8 Principios do Direito do
Trabalho que todo trabalhador
quer e deve conhecer
Alguns princípios, por serem considerados de grande importância para o ordenamento
jurídico, são legislados. Outros, menos relevantes e que constituem a maioria deles, são
meros modelos doutrinários. A inserção desses princípios no ordenamento jurídico, a ponto de adquirirem força coercitiva, pode acontecer por meio do processo legislativo, mas, com
maior freqüência, ocorre pela atividade
jurisdicional.
1. O princípio da proteção ao trabalhador
é responsável pela proteção da parte mais fraca da relação de trabalho, o trabalhador.
2. O princípio in dubio pro operário, quando, na dúvida, se deve aplicar a regra trabalhista que mais beneficiar o trabalhador.
3. O princípio da norma mais favorável - A
interpretação das normas do direito do trabalho sempre será em favor do empregado e as
vantagens que já tiverem sido conquistadas
pelo empregado não mais podem ser modificadas para pior.
4. O princípio da irrenunciabilidade dos
direitos - Os direitos do trabalhador são
irrenunciáveis, ou seja, ele não pode abrir mão
de direitos que são seus de acordo com as leis
trabalhistas. Não se admite que o trabalhador
renuncie a direitos trabalhistas. Se ocorrer, não
terá validade alguma esse ato. A renúncia a
qualquer direito trabalhista é nula, e serão nulos de pleno direito os atos praticados com o
ergemann
Sandra Léa B
objetivo de desvirtuar, impedir ou fraudar a
aplicação dos preceitos do direito do trabalho.
5. O princípio de que toda tentativa de
fraudar o direito do trabalho será nula - A justiça trabalhista não admite fraude e não reconhece os atos praticados que estejam em desacordo com o direito do trabalho. É como se
esses atos simulados não houvessem existido.
6. Princípio da continuidade da relação
de emprego. - O contrato de trabalho terá validade por tempo indeterminado. O ônus de provar o término do contrato de trabalho é do empregador, pois o princípio da continuidade da
relação de emprego constitui presunção favorável ao empregado.
7. Princípio da intangibilidade salarial - É
proibido ao empregador efetuar descontos no
salário do empregado. Este princípio visa proteger o salário do trabalhador, é o princípio da
irredutibilidade do salário.
8. O princípio da primazia da realidade Vale a realidade dos fatos e não o que tiver
sido escrito, ou seja, mais vale o que o empregado conseguir provar na justiça do trabalho,
e as testemunhas são uma parte importante
desse processo perante a justiça trabalhista,
do que os documentos apresentados pelo empregador.
* Fernando Schmidt - Formado pela Faculdade de Direito da USP, é advogado trabalhista em São Paulo.
[email protected] - www.advogado.ninja.
Fixa técnica:
Gênero: Comédia.
Título original: Woman onTop
País de origem: EUA
Ano: 1999
Bahia assegura
equivalência do SISBI
A Agência de Defesa Agropecuária da
Bahia (Adab), vinculada à Secretaria da Agricultura (Seagri), mantém a permanência do
Estado no Sistema Brasileiro de Inspeção de
Produtos de Origem Animal (SISBI-POA). O
Sistema é responsável por padronizar os procedimentos de inspeção de produtos de origem animal, que garantem a inocuidade e
segurança do alimento, permitindo a venda
dos produtos para todo o Brasil.
A equipe de auditores do Ministério
da Agricultura, Pecuária e Abastecimento
(Mapa), constatou a eficiência da atividade
de fiscalização desempenhada pela Adab e
o comprometimento com o fortalecimento
do Sistema no Estado, estruturando-o para
uma maior adesão das indústrias inspecionadas. “O serviço de inspeção na Bahia
está entre os três melhores do país, pois
possui práticas de gestão inovadoras e atende aos requisitos e exigências de equivalência ao Serviço Federal”, disse o auditor líder do MAPA, Ronaldo Gil Pereira.
O diretor de inspeção de produtos
agropecuários, Willadesmon Silva, explicou
que os estabelecimentos com registro no
SIE não podem comercializar para outros
estados, pois só é permitido quando a indústria possui a inspeção federal (SIF). Para
atender esta necessidade, o governo federal criou o SISBI que permite a equivalência do serviço de inspeção estadual ao fe-
deral, proporcionando o poder de venda
para outros estados. “Na prática, as
agroindústrias de produtos de origem animal (carne, leite, pescado, ovos, mel e derivados), que se adequarem aos padrões de
segurança sanitária, controle de riscos e de
qualidade de produtos, poderão comercializar seus produtos em todo Brasil”.
A Bahia foi um dos primeiros estados
a aderir ao SISBI, em 2010, juntamente com
Minas Gerais e Paraná. Por isso, o diretor
geral da ADAB, Oziel Oliveira, acredita que
manter a equivalência do SISBI no Estado
é de extrema importância, porque possibilita o crescimento da economia através da
ampliação do comércio interestadual de
produtos de origem animal nas diversas escalas de produção. “Isso proporciona maior
geração de emprego e renda, além de estimular a competitividade da produção através do aumento do valor agregado. Isso para
nós é fundamental para valorizar todos os
produtores rurais da Bahia”, completou.
O Serviço de Inspeção Estadual
inspeciona e credencia os estabelecimentos que industrializam produtos de origem
animal. Já o Sistema Brasileiro de Inspeção
(SISBI-POA) é parte integrante do Sistema
Unificado de Atenção e Sanidade
Agropecuária (Suasa) e o MAPA é o órgão
coordenador que faz a gestão deste Sistema. Fonte: Ascom/Adab
GAZETA DO VALE - Email: [email protected] / [email protected] - Junho/Julho de 2015
11
s
i
s
a
i
i
s
a
i
c
i
o
a
c
i
1
o
c
S
So
[email protected]
Parabéns para os aniversariantes
A amiga Sonia Tanan.
Luiza com o maridão João.
Sr. Hildebrando com familiares.
Meu genro querido Benilton Silva.
Silvinha, com Gilson e os filhotes.
Luana Peixoto e Gabi.
Ladeadas dos forrozeiros, a jornalista Gilmara Almeida e a
secretária de Cultura de Itaberaba Monaclara Mascarenhas que
fez um belo trabalho para receber o cidadão itaberabense,
visitantes e turistas na praça de eventos juninos
No São João o momento é de muito arrasta pé, forró, sanfona, licor, encontros e reencontros.
Na foto abaixo eu e as amigas Sonia Brito, Ervelin e Sô
Contraíram núpcias em 06 de junho no espaço Marieta
Fest, os jovens Rodrigo e Halanna, filhos de Jefferson e
Poliana Tavares e Edílson e Marivone Araújo. Ao casal
desejamos muitas felicidades.
Casaram-se a Advogada Mizure Piropo e o Analista de Sistemas Ítalo Ribeiro, no Fórum da
capital baiana, com recepção para os familiares onde receberam os cumprimentos. Na foto
os recém casados ladeados dos pais de Ítalo, Heron e Eliane (Vest’Cor) e o irmão Átila.
12
GAZETA DO VALE - Email: [email protected] / [email protected] - Junho/Julho de 2015
ASKADÔI conquista
medalhas no Campeonato
Baiano de Karatê
A ASKADÔI (Associação de Karatê de Itaberaba)
representou Itaberaba no
Campeonato Baiano de Karatê e Copa Cristal, divisão
de novos (até faixa verde),
evento promovido e realizado pela Federação Baiana de
Karatê. A competição aconteceu no ginásio de esportes da AABB em Salvador
no dia 06 de junho e contou
com a participação de 470
atletas da capital e do interior do estado.
Itaberaba participou com dez atletas e
conquistou ao todo 04 (quatro) medalhas,
sendo duas de ouro, uma de prata e uma de
bronze.
A delegação foi composta pelos atletas Davi Azevedo e Samuel Azevedo patrocinados por Super Net – Hospital da Chapada – Stamps & Arts e Contresla, Matheus
Gonçalves, Pedro Inácio, Márcio Almeida,
Pedro Fraga, Gilberto Neto, Hernrique Sá
Teles, Marcus Vinícius e Isac Brito, técnicos José Antonio, Cleuber Azevedo e Júlio
Neto, delegado professor José Rebouças.
Viajaram ainda dando apoio à delegação os
pais Washington, Alessandra, Milena e
Borete. Queremos agradecer a Prefeitura
Municipal de Itaberaba que através do secretário de transportes Valmir, patrocinou a
Van que transportou a delegação Itaberabense, queremos agradecer também ao
vereador Luciano de Santa Quitéria que dirigiu um dos carros que levou parte da delegação para a Salvador.
Resultado da competição para os atletas de Itaberaba: Henrique – 5º lugar Kata
individual sub 12; Marcus Vinícius – 5º lugar Kata individual sub 14; Pedro Fraga – 3º
lugar Kumitê – 30 Kg sub 12; Gilberto Neto
– 2º lugar Kumitê sub 12 – 45 Kg; Márcio
Almeida – Campeão Kumitê – 30 Kg sub 10;
Samuel Azevedo – Campeão Kumitê – 40 kg
sub 10.
A ASKADOI continuará a preparação
para a COPAASKADOI INTER CLUBES DE
KARTÊ que acontecerá no Ginásio de Esportes Rafael Souza de Oliveira, em Itaberaba
no dia 25 de julho próximo, esperando receber cerca de 200 atletas da Bahia e Sergipe
para essa grande competição. Esse evento
está sendo organizado pela ASKADOI com
o apoio da Federação Baiana de Karatê.
Quando a idade não importa
Casais percorrem o Vale do Pati durante férias e compartilham detalhes da aventura
Harlano Machado, 61; Daisy Lima, 57; Ivanildo
cido e só importasse o nascer do sol, o anoitecer, o
Diniz, 53, e Mônica Pôrto, 51. Do estado da Paraíba,
friozinho da noite, as quaresmeiras, as emoções…”,
os casais partiram para a Chapada Diamantina, em
explica Daisy. Para Mônica, o desafio foi ainda maior:
março deste ano, e escolheram otrekking do Vale do
“Estava literalmente me testando, pois havia passado
Pati para curtir as tão desejadas férias. Durante quapor uma segunda cirurgia cardíaca”, conta.
tro dias e cinco noites, o grupo contemplou a beleza
“Costumo dizer que a Chapada Diamantina não é
de um das mais requisitadas trilhas do país.
pra qualquer um: um que não tem o desejo de desafi“O Vale do Pati era um lugar diferente e inédito
os, que não tem a coragem de enfrentar a vida e ver o
para nós. Vencer a trilha, iniciando em Guiné, e só paquanto é desafiadora, mas, ao mesmo tempo, simples.
rar em Andaraí, sem energia elétrica, carro,internet,
A Chapada faz isso, chama você à realidade da natureWhatsApp… Só o Vale e nós, foi o grande desafio! O
za do ser”, pontua Ivanildo.
que vimos em todos os dias, sem exceção, é indesNa opinião dos casais, os benefícios são muitos,
critível! Uma imensidão de platôs, planícies, subidas
especialmente no pós-viagem. “Vencer o Vale, da forma
e descidas, cachoeiras, riachos… Um céu azul sem fim.
que fizemos, nos deu um incentivo a mais para os desaUma paisagem sem limites. Contato direto, ao vivo e
fios do dia a dia que, na realidade, são muito mais difíceis
em cores, com a natureza e seus obstáculos, que não
de superar. No trekking, como na vida, força e garra, deforam poucos, o que nos proporcionou uma grande e
terminação e vontade são suficientes para vencer o que
inesquecível aventura!”, comenta Daisy.
Os casais no Platô dos Gerais do Rio Preto. Foto: Arquivo Pessoal vier. Agora, de volta à rotina e diante de um grande proPara Mônica e Ivanildo, desligar-se do mundo foi
blema, a gente se reporta a todos os caminhos percorria principal motivação, uma conquista mais que perfeita. a intenção de fazer uma trilha de vários dias. Além de luga- dos, a toda beleza vista… então respiramos fundo e tudo se
“O meu sonho era fazer uma trilha por vários dias e ter o res que já conhecíamos, fomos à Cachoeira do Sossego e ao resolve!, afirma Daisy. A opinião é compartilhada pela coleprazer de dormir no meio do mato, dentro da natureza”, Roncador. 2015 chegou e com ele a determinação do sonho ga Mônica. “Sempre que surge algo que parece não ter solucompleta Harlano. Avós, eles revelam que nem todos os realizado. Foram meses de planejamento e preparação. ção, lembro-me do desafio do Vale do Pati e sigo em frente”.
familiares topariam a aventura. “Eles não sabem o que Equipamentos, mochilas, tênis, botas, cantis, bastões de
O que vale é a experiência! - Inspirados pela magia
estão perdendo”, ressalta Daisy.
caminhada, roupas apropriadas… sem falar na escolha da Chapada Diamantina, os avós orientam os que, assim como
“Nossos netos ainda são muito pequenos, mas, com agência e do roteiro, detalhadamente discutidos. Enfim, eles, gostam de romper limites em prol de uma boa dose
certeza, saberão detalhes de todas as nossas viagens e irão conseguimos! Vale do Pati!!!”, lembra Daisy. Na opinião de adrenalina:
se orgulhar dos avós que têm. Quem sabe serão futuros de Harlano, a Chapada da Diamantina é uma de suas pai“A idade é o que menos importa. O que importa é
aventureiros como nós”, acrescenta. Já para Mônica e xões. “Lugares como a Gruta da Pratinha, o Poço do Dia- você respeitar seus limites, preparar-se física e psicologiIvanildo, a situação é diferente: “A pergunta é sempre a bo, dentre tantos outros, me fascinaram”, declara.
camente, e ir em frente. A idade é só uma contagem do
mesma – Onde vai ser a próxima aventura?”, diz Ivanildo.
Antes, durante e depois - Das praias e paraísos natu- tempo. O que vale são as experiências que tivemos, te“As nossas famílias ficam babando e nos admirando, tama- rais, como os Lençóis Maranhenses e o sul da Bahia, o mos e ainda teremos”, reforça Daisy;
nha a nossa coragem. Até sonham com o dia em que irão grupo tem viajado pelo Brasil há oito anos. Daisy, por
“É melhor não acreditar que foi à Chapada do que se
passar por toda essa aventura também”, revela Mônica.
exemplo, já praticou arvorismo e até rafting(descida por arrepender por não ter ido. Quando a gente quer, a gente
Uma história de amor - Os quatro paraibanos já co- corredeiras utilizando botes infláveis). Diariamente, os consegue!”, recomenda Mônica;
nheciam a Chapada Diamantina antes do Pati. A história casais fazem caminhadas, musculação e aeróbica, o que
“Não tenha medo e procure realizar seus sonhos”,
de amor pela região começou em 1998, quando Harlano e facilitou o condicionamento físico para o trekking do Pati. diz Harlano.
Daisy vieram pela primeira vez à região. Ao lado de pas“O maior desafio foi percorrer os 72 km carregando a
“A Chapada é vida e faz a nossa vida ter mais sentiseios urbanos, o casal visitou a grandiosa Cachoeira da mala nas costas, a pé. Além disso, vencer as subidas e do! Quando se visita a região, nos descobrimos e chegaFumaça, uma das mais altas do Brasil. Em 2005, foi a vez algumas descidas foi um desafio à parte, um passo por mos à conclusão de que não somos nada diante da natude conhecer o Morro do Pai Inácio.
vez. Após cada dificuldade, descobria que era capaz, que reza e da beleza que ela proporciona. Fui, voltei e quero
“A cada viagem, mais vontade a gente tinha de ir além. não era tão difícil como eu pensava que fosse. Por outro retornar novamente”, comenta Ivanildo. (Texto: Verusa
Em 2012, convidamos nossos amigos Ivan e Mônica, já com lado, o visual fazia com que todo o esforço fosse esque- Pinho de Sá - Guia Chapada Diamantina).

Documentos relacionados

Edição 236-pdf.p65 - Jornal Gazeta do Vale Itaberaba | Jornal

Edição 236-pdf.p65 - Jornal Gazeta do Vale Itaberaba | Jornal Aureo Augusto é médico, artista plástico e escritor, cidadão benemérito de Palmeiras-Ba Caeté-Açú (Vale do Capão) Cep: 46940-000 e-mail: [email protected]

Leia mais