A PLASTICIDADE E O CONCEITO DE MONTANHA

Сomentários

Transcrição

A PLASTICIDADE E O CONCEITO DE MONTANHA
A PLASTICIDADE E O CONCEITO DE MONTANHA
Selma Bajgielman
UNIPAC/FAPAC
Linha Temática: Imaginário, Cultura e Sociedade
RESUMO
Considerando o entorno é inevitável o envolvimento com as montanhas. Há interpretações que, analisando o
aspecto relevo, avaliam que elas inexistem no Brasil. O pesquisador e geógrafo Altair Gomes Brito (2008)
desenvolve o tema e apresenta a montanha em suas múltiplas possibilidades. O significado de montanha para o
alpinista, para o geólogo, para o místico, para o eremita, para o poeta nunca será o mesmo. Como tal polissemia
se revela nas artes plásticas? Observaremos o conceito montanha em três aspectos: A montanha acolhedora, a
montanha desafiadora e a montanha sagrada. Para explorar nosso tema utilizaremos obras da brasileira Tarsila
do Amaral (1886-1973), do inglês David Hockney (1937), do surrealista belga Rene Magritte (1898-1967) e
recorreremos também à abordagem da pintura cusquenha, praticada no Peru, após a colonização espanhola.
Consideramos que a representação, no caso a pictórica, fornece chaves para a compreensão das relações homemmontanha, especialmente quando tratamos da realidade incomensurável.
Palavras-chave: Montanha; Polissemia; Plasticidade
ABSTRACT
Considering the environment is inevitable involvement with the mountains. There interpretations, analyzing the
relief aspect, reckon they do not exist in Brazil. The researcher and geographer Altair Brito Gomes (2008)
develops the theme and features the mountain in its multiple possibilities. The significance of the mountain to
the climber, to the geologist, for the mystic, to the hermit, for the poet will never be the same. As such polysemy
is revealed in the fine arts? Observe the mountain concept in three aspects: The cozy mountain, the challenging
mountain and the sacred mountain. To explore our theme will use works of Brazilian Tarsila do Amaral (18861973), English David Hockney (1937), the Belgian surrealist Rene Magritte (1898-1967) and also we will use
the approach of Cuzco painting, practiced in Peru, after Spanish colonization. We consider the representation, if
the pictorial, provides keys to understanding the man-mountain relations, especially when dealing with the
unfathomable reality
Key-words: Mountain; Polysemy; Plasticity
____________________________________________________________________________________
Nome do Autor: Selma Bajgielman ([email protected])
Professora e Coordenadora de Estágios
Faculdade Presidente Antônio Carlos de São Lourenço
Rua Melo Viana, 250 Centro São Lourenço MG Brasil