unafisco/userfiles/file/131013 Acao NO RECANTO

Сomentários

Transcrição

unafisco/userfiles/file/131013 Acao NO RECANTO
Sem avisar ninguém, o GDF decidiu
dificultar o acesso à Arena do Recanto
Sindical, fechou a ponte JK e deixou a
Av.
das
Nações,
único
trajeto
alternativo para quem vinha da Asa Sul
a caminho da Ponte Costa e Silva, com
duas pistas impedidas pelos famosos
cones. Resultado, até o juiz atrasou, e,
a grande semifinal do segundo turno
começou com atraso de meia hora.
Mesmo
assim,
as
arquibancadas
estavam lotadas. Olheiros dos dois
outros semifinalistas, esposas e filhos
dos atletas, além do público em geral,
acompanharam
com
interesse
o
embate entre a PREVIC e a COPEICOGER, em um jogo desbalanceado,
em que o placar do primeiro tempo foi
totalmente diferente do segundo, dois
a um na etapa inicial, e cinco a zero na
final. Sete a um foi o placar do time
vermelho sobre o azul.
A PREVIC, segunda colocada no Turno,
veio animada com o time completo
mais que completo, Well, que desta vez
saiu faminto ao fim do jogo para
saborear um coxinha de frango do
delicioso churrasco do Ailton, segurou
todas menos uma; Zé Humberto,
zagueiro eficiente; André Cabelo,
artilheiro do jogo com quatro gols, um
no primeiro e três no segundo tempo;
o forte Nakata, que jogou quase sem
substituição os dois tempos, ainda fez
um gol no segundo tempo; Wolney,
mesmo não marcando gol, marcou
presença no ataque do finalista do
turno; o jovem Tiago Roller, autor do
segundo gol.
Completando o time, um banco de alta
qualidade, ajudou o time básico na
vitória, substituindo os companheiros
(de equipe, é claro) dando dicas,
reclamando do juiz e torcendo do
outro lado do alambrado. Denilson, PC
e Felipe fizeram bonito quando a
configuração tática do time precisou
deles.
A COPEI-COGER, campeã do primeiro,
mas apenas terceira força do turno
atual, vem enfrentando nas últimas
rodadas, uma série de derrotas,
devidas a desfalques no time por
doenças e contusões. Gerson, o grande
goleiro do time, quebrou o dedo, e
PREVIC FINALISTA
Equipe agora espera o resultado do jogo de segunda
para saber quem será o adversário da final do turno
teve que jogar na linha onde,
nessa
partida
especialmente,
brilhou como atacante com belas
cabeceadas
que o goleiro
adversário suou para defender. No
gol azul, Watoedson surprendeu
no primeiro tempo agarrando tudo
que era defensável; Cid além do
gol de honra acertou uma na trave
e diversas no alambrado; Cristian
mostrou
espírito
de
equipe
apoiando e servindo boas bolas a
Cid e Gerson; Humberto parecia
um pouco fora de forma, recém
recuperado de uma virose "quasedengue", o zagueirão que não
perde viagem segurou enquanto
teve fôlego, junto com Zacharias, o
forte ataque da Previc. Mas nem
todo o talento e esforço de
Guilherme, foram suficientes para
recuperar o ar que parecia faltar à
equipe.
O JOGO foi parelho no primeiro
tempo, com Cid Carlos batendo a
gol logo após o centro. Aos cinco
minutos André conseguiu furar a
muralha de Waltoedson. Três
minutos depois, Humberto sofre
falta, pede para beber água antes
dos demais e Guilherme entra para
ajudar Zacharias contra André,
Wolney e Tiago. Depois do tempo
técnico, o time vermelho substituiu
Wolney por Felipe e Nakata por
Denisson. Com o gás extra, Tiago
marca aos vinte minutos, mas Cid
desconta no finalzinho do tempo.
NO SEGUNDO tempo a Previc entra
com Well, PC no lugar de Zé
Humberto,
Nakata,
André,
Denisson e Felipe. A Copei Coger
entrou com Walto, Humberto,
Zacharias, Cristian, Guilherme e
Cid. Com cinco minutos o time
vermelho troca André por Wolney e
no Azul, Cid bate o tornozelo na
cerca e sai para a entrada de
Gerson. Aos cinco minutos, um
falta na área e numa sequência de
segundos Waltoedson defende três
bolas quase impossíveis. Mas a
alegria do goleiro durou pouco, em
um outro bate rebate, desta vez só
ele e André, o atacante leva a
melhor e faz o terceiro gol, e o
quarto, um minuto depois. A partir
daí o campo ficou vermelho e
preto: gols de André (de novo)
Nakata e Tiago. Final do Jogo, sete
a um Previc. Agora o time espera o
vencedor de Sufis e DRJ, jogo
adiado para esta segunda em
função de pedido da equipe do
Camilo Cola, para saber quem será
o adversário na final do segundo
turno.