DEIC prende homem que se passava pelo jogador

Сomentários

Transcrição

DEIC prende homem que se passava pelo jogador
DEIC prende homem que se passava pelo jogador Neymar e extorquia garota catarinense
Qua, 28 de Novembro de 2012 16:17
Volta Redonda - A Polícia Civil, através da Diretoria Estadual de Investigações Criminais
(DEIC), prendeu hoje (28), em Volta Redonda (RJ), um homem de 28 anos, que, após se
passar pelo jogador Neymar para conquistar uma garota de Florianópolis, começou a
ameaçá-la e extorqui-la.
O suspeito colocava em seu perfil, na rede social, a foto do jogador Neymar. Assim ele
conquistou uma catarinense, com quem começou a se relacionar desde março de 2011. O
relacionamento começava com bate-papos até o namoro virtual.
O preso alegava que não podia ver a vítima, pois era uma pessoa notória e não poderia
assumir publicamente o namoro. Depois de vários meses, com a intimidade conquistada, ele
conseguiu algumas fotos íntimas da vítima.
Começaram as exigências de novas fotos sob ameaça de publicá-las na internet e
encaminhá-las para a rede de amigos da garota. Além das fotos, o suspeito exigia que a vítima
não saísse de casa, desistisse da faculdade, cedesse senhas (MSN e Facebook), senão
divulgaria as fotos. Desde setembro deste ano, ele começou a exigir dinheiro.
1/2
DEIC prende homem que se passava pelo jogador Neymar e extorquia garota catarinense
Qua, 28 de Novembro de 2012 16:17
Diante dessa exigência financeira, a vítima procurou a DEIC para ajudá-la. Depois de
investigações, a equipe, coordenada pelo Delegado Renato Hendges, conseguiu identificar e
localizar a residência do suspeito, no bairro Vila Mury, município de Volta Redonda (RJ). Os
policiais da DEIC, com apoio da 93.ª DP de Volta Redonda, acabaram cumprindo o Mandado
de Prisão Temporária não na casa, mas no trabalho dele, em uma farmácia, onde é estoquista.
Durante interrogatório na DP de Volta Redonda, o suspeito já assumiu que exigia as fotos, mas
negou a exigência do dinheiro.
O suspeito deve chegar à DEIC, na Capital catarinense, na sexta-feira (30). Segundo o
Delegado Hendges, o suspeito responderá por falsa identidade, ameaça e extorsão. Hendges
acrescenta que pedirá a prisão preventiva dele.
“Colabore com a Polícia Civil. Denuncie. Disque 181.”
2/2