apresentação corporativa

Сomentários

Transcrição

apresentação corporativa
APRESENTAÇÃO
CORPORATIVA
Agosto de 2014
©Todos los derechos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
Evolução da ISA
1984
A ISA coloca em
funcionamento a primeira
etapa da usina hidroelétrica
de San Carlos (620 MW.)
1967
Governo colombiano
impulsiona a criação da
ISA para realizar projetos
de transmissão e geração de
energia de alta voltagem.
1971
A empresa administra
o primeiro sistema
de integração regional
de 230 mil volts (537 km).
1977
Administra o Centro
Nacional de
Telecomunicações
e Controle.
A ISA entra
para o setor
de geração
de energia.
1982
1985
Administra a usina
hidroelétrica
de Chivor
(1000 MW).
Administra a
interconexão
entre o centro
do país e a
costa atlântica
em 500 kV.
A ISA coloca
em funcionamento a
rede central de 230
mil volts (537 km).
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
1988
Termina o
desenvolvimento
do complexo
hidroelétrico do
leste de Antioquia:
San Carlos Jaguas
e Calderas
(1428 MW).
2
Evolução da ISA
1999
1996
1994
1991
A assembleia de acionistas
aprova a divisão da ISA,
e a ISAGEN S.A. E.S.P. é criada
com os ativos de produção.
A nação
adquire 51%
da propriedade
da ISA.
1992
A empresa administra a
interconexão internacional entre a Colômbia
e a Venezuela (230 kV).
A assembleia de acionistas
aprova a alteração jurídica
da ISA para uma empresa
industrial e comercial
do Estado e autoriza a
vinculação de capital privado.
1995
1998
Entra em funcionamento o
Mercado de Energia em
Atacado e começam a
operar a Bolsa de Energia
e o Sistema de
Intercâmbios Comerciais.
A ISA entra
no mercado de
telecomunicações
como operadora
de transmissoras.
A ISA coloca em
funcionamento
a rede por satélite
e a segunda fase
do projeto
de fibra óptica.
A empresa administra a
interconexão internacional
entre a Colômbia
e o Equador (230 kV).
Adquire 65% dos ativos
de transmissão de
energia da CORELCA.
Nasce a TRANSELCA (costa
atlântica colombiana).
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
3
Evolução da ISA
2002
Segunda oferta de ações do programa
“ISA, ações para todos”. 120 milhões
de ações vendidas para 47 mil colombianos.
Em sociedade com a Transelectric, foi
concluída a interconexão internacional de
230 mil volts entre a Colômbia e o Equador.
2000
Primeiro programa de
democratização: “ISA, ações
para todos”. 62 mil novos
acionistas e 115 milhões
de ações vendidas.
O governo peruano oferece, como concessão, os
Sistemas de Transmissão Elétrica (ETECEN e ETESUR).
Nasce a Red de Energía del Perú (REP).
2001
A ISA entra no mercado internacional
ao vencer uma licitação no Peru para construir
373 km de fiação e ampliar as subestações.
A INTERNEXA, filial de telecomunicações que
presta serviços do tipo operadora de transmissoras
na Colômbia dá início a suas atividades.
Instalação de um cabo submarino Arcos
para fazer a interconexão entre a Colômbia, a
América do Norte, do Sul e Central, e o Caribe
(8.600 km de fibra óptica).
Foi realizado o registro de um grupo empresarial
que tem a ISA como matriz, a Transelca,
a Internexa e a First Mark Communications Co.
como filiais e a ISA Peru como subsidiária.
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
4
Evolução da ISA
2003
2005
A Transnexa, empresa dedicada ao tráfego
de telecomunicações entre a Colômbia
e o Equador, inicia suas operações.
Adesão ao Pacto Global promovido
pelas Nações Unidas.
A empresa administra o sistema de
transações internacionais de eletricidade
(TIE) entre o Equador e a Colômbia.
Na Bolívia, a ISA vence a licitação para
construir e administrar cinco subestações e três
linhas de transmissão de energia (604 km).
Nasce a ISA Bolívia.
Nasce a XM, Compañía de Expertos en Mercados
(Companhia de Especialistas em Mercados),
para operar o Sistema Interconectado Nacional
e administrar o mercado de energia de atacado.
A ISA passa a ser sócia da Empresa Propietaria
de la Red (EPR), com 1.830 km de linhas
de transmissão de 230 kV na América Central.
2004
É realizada a inscrição do
ADR nível 1 na Comissão
de Valores dos Estados Unidos.
A REP conclui a construção
da parte peruana do projeto de
interconexão elétrica que liga
o Peru ao Equador.
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
5
Evolução da ISA
2008
É adotada uma nova identidade visual na
empresa, como resultado da estratégia
de negócios (sistemas de infraestrutura linear).
2006
A ISA entra no mercado
brasileiro com a aquisição
de 50,1% das ações ordinárias
da CTEEP, por meio da
empresa de investimentos
ISA Capital do Brasil Ltda.
A CTEEP recebe a concessão da linha
de transmissão Porto Velho - Araraquara 2
(2.375 km de comprimento e 600 mil volts de tensão).
Cotação do ADR na plataforma
eletrônica International OTCQX.
2007
2009
Em parceria com a Empresa de Energia
de Bogotá, adquire 100% do capital
acionário do Consorcio Transmantaro,
uma empresa de energia do Peru.
A INTERNEXA adquire 90% das ações da
empresa Comunicaciones Intermedias S.A.
e, assim, obtém a titularidade das redes de
fibra óptica e dos terminais que conectam
importantes cidades chilenas.
Consolida a propriedade da CTEEP,
ao possuir 89,40% das ações ordinárias e
37,46% do capital total da empresa.
Em parceria com a ETESA S.A., a Interconexión
Eléctrica Colombia-Panamá S.A. (ICP) inicia
suas atividades na Cidade do Panamá, para
possibilitar a integração elétrica binacional.
Inicia a internacionalização no
setor de telecomunicações ao
criar a INTERNEXA S.A. do Peru.
O conselho de administração formaliza a
oferta pública de ações ordinárias
(32 milhões de ações por book building).
O conselho de administração formaliza
a oferta pública de ações ordinárias
(56 milhões de ações por book building).
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
6
Evolução da ISA
2010
A nação, representada pelo INCO e pela ISA, assina um
contrato para realizar o projeto “Autopistas de la Montaña”.
A ISA deve prosseguir com os estudos e desenvolver quatro
corredores rodoviários de aproximadamente 1.000 km.
Em conjunto com a Cintra Infraestructura S.A., uma filial de
estradas da Ferrovial, é protocolado o documento de compra
e venda para adquirir 60% da Cintra Chile Ltda., que
controla cinco concessões de rodovias no Chile.
É registrada a escritura pública de constituição da
DERIVEX S.A., uma empresa da XM e da Bolsa de Valores
da Colômbia, que administra o mercado de derivados
de commodities energéticos.
A INTERNEXA adquire infraestrutura de conexão para
telecomunicações no Brasil e na Argentina (6.000 km
de fibra óptica).
2011
A XM e a ISA formam a sociedade Sistemas
Inteligentes en Red S.A.S. para realizar
atividades relacionadas com a gestão, a operação
e a administração de um centro de gestão de
mobilidade para Medellín.
A ISA adquire os 40% restantes da INTERVIAL.
A INTERNEXA desenvolveu uma estratégia que
a transformará em líder latino-americana na
distribuição de importantes conteúdos digitais.
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
7
Evolução da ISA
2012
A ISA entra no mercado chileno
de transmissão de energia elétrica
ao conquistar três projetos, que contam
com 743 km de linhas de transmissão
de circuito duplo e 500kV.
É criada a empresa INTERCHILE.
2013
No Peru, a ISA venceu outra convocatória para projetar, financiar,
construir, administrar e executar a manutenção da linha de transmissão
Mantaro - Marcona - Socabaya - Montalvo, de 500 kV e 920 km, além
das subestações associadas. É a maior concessão já oferecida pela ProInversión.
Esse projeto será realizado pela Transmantaro.
No Chile, a ISA venceu uma nova licitação pública internacional para
projetar, financiar, construir, administrar e executar a manutenção do projeto
Encuentro - Lagunas, de 220 kV e 174 km, que fortalecerá o sistema elétrico
chileno no norte do país e elevará a qualidade do serviço e a confiança na prestação
do mesmo. A INTERCHILE será a empresa responsável por esse novo projeto.
A INTERNEXA S.A., filial da ISA, adquiriu uma empresa de redes
de transmissão de informações do estado do Rio de Janeiro, no Brasil,
como parte de sua estratégia de expansão. A finalidade é complementar a oferta
de valor, o que permitirá que a empresa amplie seu portfólio de clientes.
O custo dessa operação foi de R$ 190 milhões.
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
8
Evolução da ISA
2013
A ISA e o seu novo papel
Em 2013, a ISA deu início a um processo de
atualização estratégica e, como resultado desse
grande projeto, os papéis estratégicos corporativos
ficaram a cargo da matriz (ISA) e os assuntos
operacionais e de manutenção ficaram a cargo
de uma filial (INTERCOLOMBIA) que se dedica
à transmissão de energia elétrica no país.
A ISA, como centro corporativo, ficará responsável por
direcionar as ações do grupo, administrar de maneira
rentável o portfólio de oportunidades de crescimento,
definir as grandes decisões corporativas, orientar
as empresas em relação à concorrência e estabelecer
a base sobre a qual serão definidas a gestão e a prática
a serem aplicadas em importantes processos.
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
9
Evolução da ISA
2014
No dia 1° de janeiro a INTERCOLOMBIA, nova filial da ISA,
iniciou suas atividades.
A ISA é líder na compensação de emissões de poluentes.
A empresa recebeu o selo Carbono Neutro, por compensar a
emissão de gases de efeito estufa em 2012. Para isso, adquiriu
o bônus South Pole Carbon, líder mundial em compensação de
carbono. Com a compensação da emissão de carbono no setor de
energia, a ISA assume um novo compromisso ambiental e social.
A ISA fará um novo projeto de transmissão no Peru, que
envolve o desenvolvimento, financiamento, construção, administração e manutenção de uma linha de transmissão de 220kV, com
16,9 km, realizado pelo Consorcio Transmantaro (CTM).
A empresa de classificação Fitch Ratings classificou como “AAA
(col)” o programa de bônus da ISA e manteve a classificação
dos títulos comerciais em F1+ (col). Além disso, a Fitch Ratings
Internacional confirmou a classificação corporativa internacional em “BBB”, em moeda estrangeira e local. A perspectiva para
todas as classificações permaneceu estável.
A ISA venceu convocatória pública aberta pela UPME para
o desenvolvimento, a aquisição das provisões, a construção,
a administração e a manutenção da conexão da subestação
Reforma ao circuito Guavio – Tunal, de 230 kV, com aproximadamente 1 km de comprimento.
A UPME concedeu o projeto à ISA, sujeito à revisão pela CREG,
para desenvolver, adquirir provisões, construir, administrar e fazer a manutenção da subestação Montería, de 230
kV, e das linhas de transmissão associadas (aprox. 195 km), que se
conectarão às subestações Chinú e Urabá.
A REP conseguiu a subscrição de bônus no valor de
US$ 20 milhões no mercado de capitais peruano.
A REP, empresa da ISA, inaugurou uma megaobra de
transmissão de energia no Peru. A linha de transmissão
Trujillo-Chiclayo, de 500 kV e 325 km de comprimento, foi
desenvolvida pela empresa Consorcio Transmantaro.
A Moody’s Investors Service melhorou a classificação
da ISA como emissora, passando de Baa3 para Baa2. Ao
mesmo tempo, a Moody’s aumentou a base de avaliação de
crédito (BCA, por sua sigla em inglês) da ISA de Baa3 para Baa2.
A perspectiva de classificação é estável.
Em Lima, a ISA conquistou uma nova licitação pública que
gerará lucros anuais de US$ 5,7 milhões. Trata-se de uma
linha elétrica de 90,5 km e 220kV e uma nova subestação
de 220/60 kV. A Consorcio Transmantaro (CTM) desenvolverá
o projeto.
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
10
Quem somos
33 filiais e
subsidiárias
Presença em
8 países
3.821
colaboradores
4 setores
41.185 km de
circuito de alta tensão
em operação
6.689 km em construção
Transformação em
operação: 76.407 MVA
Transformação em
construção: 16.070 MVA
29.000 km
de fibra óptica
em operação
907 km de
infraestrutura
viária em
operação
Coordenação da
operação de
24.457 km de linhas
de transmissão
Controle de mobilidade
em Medellín e em
suas 5 subdivisões.
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
11
A ISA na América Latina
Setores e empresas
AMÉRICA CENTRAL
COLÔMBIA
EPR, investimento ISA (11,11%)
Interconexión Eléctrica
Colombia - Panamá,
investimento ISA (50%)
REDCA, investimento ISA 11,11%
por meio da INTERNEXA
ISA
INTERCOLOMBIA
TRANSELCA
INTERNEXA
XM
Sistemas Inteligentes en Red
Derivex, investimento 49,95%
por meio da XM e 0,025%
por meio da INTERNEXA
BRASIL
CTEEP
IEMG
PINHEIROS
SERRA DO JAPI
EVRECY
INTERNEXA
NQT
IPNET
ISA Capital do Brasil
INTERNEXA Participações
EQUADOR
5% investimento por
meio da INTERNEXA
e 45% por meio da
INTERNEXA (Peru)
PERU
REP
Transmantaro
ISA Perú
Proyectos de
Infraestructura del Perú
INTERNEXA
BOLÍVIA
ISA Bolivia
ARGENTINA
Internexa
CHILE
INTERCHILE
INTERNEXA
INTERVIAL CHILE
Ruta del Maipo
Ruta del Maule
Ruta del Bosque
Ruta de la Araucanía
Ruta de los Ríos
ISA Inversiones Chile
ISA Inversiones Maule
GRUPO EMPRESARIAL
TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉCTRICA
TRANSPORTE DE TELECOMUNICAÇÕES
CONCESSÕES RODOVIARIAS
GESTÃO INTELIGENTE DE SISTEMAS DE TEMPO REAL
VEÍCULO DE INVESTIMENTO
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
12
Nossos acionistas
Composição acionária em 30 de junho de 2014
Número de ações
30 de junho de 2014
Investidores
Investidores estatais
A nação
EPM
Empresas com capital público e privado
ECOPETROL S.A.
Empresa de Energia de Bogotá
Investidores privados
Institucionais
Pessoas físicas
Pessoas jurídicas
F.I. Exterior
Programa ISA ADR
Capital subscrito e pago em circulação
682.078.108 569.472.561
112.605.547
77.373.530 58.925.480
18.448.050
%
61,58
51,41
10,17
6,99
5,32
1,67
348.226.256 207.425.511
67.884.572
12.988.430
58.872.193
1.055.550
31,44
18,73
6,13
1,17
5,31
0,10
1.107.677.894 100,00%
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
13
Nossos sócios
Nas empresas de transmissão de energia elétrica
Brasil
Interligação Elétrica Norte e
Nordeste S.A. –IENNE–
CYMI Holding 25,00%
ISOLUX Energía 50,00%
Interligação Elétrica
Garanhuns S.A.
–IEGARANHUNS–
Companhia Hidro Elétrica do
São Francisco – CHESF 49,00%
Interligação Elétrica
Sul S.A. –IESUL–
CYMI Holding 49,90%
CTEEP
Secretaria da Fazendadel Estado
de Sao Paulo 6,12% Centrais El Bras SA Eletrobras 35,23%
Vinci Equities Gestora de
Recursos Ltda 3,80% Peru
Colômbia
REP e Transmantaro
EEB 40%
Interconexión
Eléctrica Colombia –
Panamá S.A.S
ETESA 50%
Interligação Elétrica do Madeira S.A.
–IEMADEIRA–
Furnas Centrais Elétricas S.A –Furnas 24,50%
Companhia Hidro Elétrica do São
Francisco –CHESF 24,50%
ISA Capital do Brasil S.A.
(veículo de investimento)
Banco HSBC 17,21%
Banco Votorantim 17,21%
Panamá
Interconexión Eléctrica
Colombia - Panamá –ICP–
ETESA 50%
América Central
EPR
INDE de Guatemala
CEL y ETESAL de El Salvador
ENEE de Honduras
ENATREL da Nicaragua
ICE de Costa Rica
ETESA do Panamá
ENDESA da América Latina,
na Espanha
CFE de México
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
11,11%
11,11%
11,11%
11,11%
11,11%
11,11%
11,11%
11,11%
14
Média de distribuição dos
colaboradores nas instalações
Em agosto de 2014
41,0%
CTEEP e
subsidiárias
9,9%
REP
9,3%
INTERVIAL
CHILE e
concessionárias
0,5%
5,8%
INTERCHILE
XM e
subordinadas
0,9%
ISA Bolivia
7,5%
INTERNEXA e
subordinadas
5,0%
TRANSELCA
13,9%
1,9%
INTERCOLOMBIA
PDI Perú
4,4%
ISA
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
15
Sistema Integrado de Gestão (SIG)
Certificados*
Setores
Empresas
Transmissão de
energia elétrica
ISO
9001
ISO
14001
OHSAS
18001
ISA
(1)
(1)
INTERCOLOMBIA
*
*
(1)
(1)
ISO
27001
CTEEP
REP
TRANSELCA
ISA Bolivia
PDI
Telecomunicações
INTERNEXA
Concessões
de rodovias
INTERVIAL
CHILE
Gestão inteligente
de sistemas de
tempo real
XM
Convenções:
Certificada
Em processo
*Em junho de 2014
(1) Processo pendente para a construção de projetos de infraestrutura
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
16
Gestão integral de riscos
A ISA e suas empresas identificam, analisam, administram
e comunicam os principais riscos aos quais estão expostas
Mapa de riscos da ISA e de suas empresas
Riscos operacionais
Riscos estratégicos
FH: Falhas humanas
ou de procedimentos
FE: Falta ou falha
de equipamentos
IV: Falha de infraestru
tura viária
TI: Indisponibilidade de TICs
FR: Fraude
AM: Ambiental
GP: Gestão predial
e servidões
FI: Financeiro
JU: Jurídico
e regulamentar
RP: Reputação
CH: Capital humano
DC: Descumprimentos
contratuais
GO: Governança
CR: Crescimento
Riscos ao ambiente
FN: Fenômenos naturais
SP: Sociopolítico
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
17
Responsabilidade social empresarial
Compromissos com os grupos de interesse
Sociedade:
Respeito aos direitos humanos,
prestação de serviços com
qualidade e eficiência,
fornecimento oportuno de
informações de interesse
público e contribuição para o
desenvolvimento sustentável
e o bem-estar social.
Fornecedores:
Transparência, equidade
e regras claras.
Acionistas:
Estado:
Crescimento com lucros
e geração de valor
Respeitar e promover o
Estado de Direito.
Colaboradores:
Contribuir para o seu
desenvolvimento integral
e valo-rizar sua
colaboração com
a empresa.
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
Clientes:
Relacionamento
sustentável, qualidade
e custos competitivos
e comunicação
confiável.
18
Boa governança corporativa
Práticas de governança
Governança corporativa
Governança administrativa
Os conselhos de administração se limitam ao que é
determinado pelas normas locais e mantêm a
proporção de membros independentes determinada
pelas normas do mercado de capitais.
A matriz se concentra no exercício das suas
funções: Empresa dedicada a direcionar, acompanhar e garantir a geração de valor em suas empresas
e para elas.
Programação periódica de conselhos de administração: efetuados para elaborar o relatório e a
prestação de contas da administração.
Estrutura organizacional com foco na matriz:
promove a agilidade, a flexibilidade, a troca de
conhecimentos, a sinergia e economias de escala.
Cumprimento das obrigações com a sociedade e
com o governo de forma rígida e transparente.
Comitês com alcance corporativo: garantem o
alinhamento, a coerência estratégica e a troca de
práticas recomendadas entre a matriz e as demais
empresas.
Respeito aos direitos dos acionistas minoritários e
dos credores.
Divulgação, identificação e aplicação dos pilares
corporativos: missão, visão, valores, código de ética,
políticas, diretrizes, guias, código de boa governança etc.
Diretrizes voltadas para conquistar o objetivo
e definir a direção da empresa, permitindo o uso
otimizado dos recursos para contribuir com a
eficiência e a rentabilidade.
Definição rápida sobre como lidar com conflitos de
interesse.
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
19
Direcionamento estratégico
Missão
Focos estratégicos
A missão da ISA é desenvolver e operar com eficiência os sistemas de infraestrutura linear nos quais possui capacidades ou vantagens diferenciadas, valendo-se do
desenvolvimento do seu talento humano e da capacidade de inovação para
gerar valor aos seus acionistas e aos demais grupos de interesse, além de contribuir
para o desenvolvimento sustentável das sociedades onde está presente.
Aproveitamento
de oportunidades
de crescimento
com rentabilidade
superior.
Visão
O aproveitamento das oportunidades de crescimento mais rentáveis de seus
atuais negócios na América Latina, o aumento da eficiência operacional e
a otimização do seu portfólio de negócios permitirão que a ISA triplique
seus lucros até 2020.
Os rendimentos da ISA serão superiores ao custo patrimonial da empresa e serão
sustentáveis a longo prazo.
No setor de transmissão de energia, a ISA manterá a sua posição como a operadora
com maior presença na América Latina, consolidará a sua posição na região e atingirá
níveis de eficiência operacional alinhados com as melhores práticas mundiais.
No setor de concessões de rodovias, a ISA aproveitará oportunidades na região,
especialmente na Colômbia.
No setor de telecomunicações, a ISA consolidará sua liderança como empresa
independente de telecomunicações na América Latina e terá desenvolvido um
ecossistema de IP na região.
A ISA ampliará sua capacidade de gestão inteligente de sistemas em tempo real
para novos serviços, acessando novas oportunidades com alta rentabili-dade em
outros setores.
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
Melhoria da
rentabilidade dos
negócios atuais e
do “núcleo”.
Ajuste dinâmico
da carteira de
negócios e regiões
geográficas.
20
Setores
Setor
Descrição
Rendimentos*
EBITDA*
Ativos*
USD 1.270
USD 666
USD 8.283
USD 477
USD 362
USD 4.513
Transmissão
de energia
ISA por meio da suas empresas, administra e mantém
sua rede de energia elétrica com altos níveis de disponibilidade, confiança e qualidade. A gestão da empresa
baseia-se em processos rigorosos de alto nível que transmitem segurança para as pessoas, estão em equilíbrio
com o meio ambiente e são socialmente responsáveis.
Concessões
de rodovias
A ISA projeta, desenvolve, constrói, gerencia, mantém
e explora redes urbanas e interurbanas em mercados
potencialmente relevantes. A gestão e a manutenção
são realizadas de acordo com os padrões estabelecidos
pelo órgão regulamentador do setor em cada um dos
países onde está presente e baseiam-se em processos
que garantem excelência operacional e segurança aos
seus usuários.
*Números em milhões de dólares. Em dezembro de 2013.
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
21
Setores
Setor
Descrição
Rendimentos*
EBITDA*
Ativos*
USD 77
USD 14
USD 340
USD 45
USD 3
USD 133
Telecomunicações
A participação da ISA nesse setor ocorre por meio da INTERNEXA,
a operadora de transmissoras que possui a maior rede terrestre
de instalações contínuas do continente.
A INTERNEXA desenvolveu uma estratégia que a transformará
em líder latino-americana na distribuição de conteúdos digitais
relevantes. Dessa forma, consolidase como fornecedora exclusiva, o que lhe proporciona acesso aos conteúdos mais consultados
pelos usuários latino-americanos, de forma direta e completa.
Gestão inteligente de
sistemas de tempo real
O setor elétrico se baseia na operação do Sistema Interconectado Nacional e na Administração do Mercado de Energia
na Colômbia, que inclui as transações internacionais de eletricidade com o Equador. O setor de trânsito e transporte é
administrado pelo Centro de Gestão de Mobilidade de Medellín,
uma parceria entre a UNE EPM Telecomunicaciones, o consórcio
ITS Medellín e a XM. O setor financeiro, junto com a Bolsa
de Valores da Colômbia, conta com a participação da empresa
DERIVEX, que administra o mercado de derivados de commodities
energéticos na Colômbia.
*Números em milhões de dólares. Em dezembro de 2013.
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
22
Projetos de infraestrutura elétrica em andamento
Colômbia:
Chile:
395 km de circuito
2.745 MVA
de transformação
USD 285 milhões
1.795 km
de circuito
USD 1 bilhão
Brasil:
938 km de circuito
8.200 MVA
de transformação
Peru:
USD 850 milhões
1.680 km de circuito
1.975 MVA
de transformação
América Central:
USD 625 milhões
36 km de circuito
Sócio da EPR
(11,11%)
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
23
Gestão financeira consolidada
Situação dos resultados
consolidados em junho de 2014
Rendimentos
Custos e gastos operacionais EBITDA
Margem EBITDA
Lucro líquido
Margem líquida
Ingresos por país
Brasil
Colômbia
Peru
Chile
Bolívia
Argentina
Milhões
de dólares*
966.70
495.57
157.23
576.12
59,60%
16,26%
2
12
221
220
393
119 EBITDA por país
Brasil
Colômbia
Peru
Chile
Bolívia
Argentina
0
9
76
163
237
91
TRM 30/06/2014 (1,881.19)
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
24
Gestão financeira consolidada
Balanço geral consolidado
Em junho de 2014
Milhões
de dólares*
Ativo13.527
Passivo7.530
Patrimônio2.073
Participação minoritária
3.924
Ativos por país
Argentina6
Bolívia
59
Brasil
3.506
Chile
4.341
Colômbia
4.076
Peru
1.539
TRM 30/06/2014 (1,881.19)
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
25
Crescimento
Bilhões
4.369
4.303
3.601
3.027
2.903
2.012
0.965
1.029
0.337
2011
Rendimentos
2012
EBITDA
0.570
0.273
Lucro antes da participação minoritária
0.433
2013
Lucro líquido
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
26
Gestão: Acesso aos mercados financeiros
Opções de financiamento
1997
1998
1999
2000
2001
2002
2003
2004
2005
2006
2007
2008
2009
2010
2011
2012
2013
2014
Colômbia: ISA e Transelca
Peru: REP e CTM
Bônus e notas
promissórias
Ações
Operações
de cobertura
Project Finance
International
Empréstimo
sindicalizado
e crédito
subordinado
Brasil: CTEEP e filiais
Oferta da
ISA Capital
USD 522,3
milhões
Oferta da
ISA Capital
USD 522.3
milhões
ISA Capital
144A Reg/S
USD 554
milhões
Democratização
da ISA - venda.
Nenhuma ação
2001- 115 milhões
2002- 120 milhões
Inscripción
ADR nivel I
N.Y.
Mercado OTC
ISA SWAP
USD 44.3 milhões
USD 36.5 milhões
USD 50.1 milhões
ISA Peru (USD
40.5 milhões)
Emissão
de ações
ordinárias
Nenhuma
ação
56 milhões
ISA
Commodities matéria prima
ISA Bolívia
(USD 54
milhões)
ISA (CTEEP)
(USD 550 milhões)
(USD 148 milhões)
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
CTM 144A
Reg/S
USD 450 milhões
Emissão
de ações
ordinárias
Nenhuma
ação
32 milhões
CTEEP
REP SWAP
SWAP BRL PEN 104-77
101 milUSD 40- 30
hões -151
milhões
milhões
ISA Bolívia
(USD 7
milhões)
TRANSMANTRANSMANTARO TARO USD
USD 90
100 milhões
milhões
USD 60
milhões
RIOS
USD 220
milhões
27
Classificação do risco creditício
EMPRESA
ISA
TIPO DE
CLASSIFICAÇÃO
S&P
MOODY´S
FITCH
Corporativa
BBB- (estável)
jul.2013
Baa3 (estável)
dez. 2013
BBB (estável)
maio 2014
Emissão de
bônus locais
AAA (estável)
maio 2014
Documentos
comerciais
F1+
maio 2014
TRANSELCA
Emissão de
bônus locais
AAA (estável)
abr. 2014
ISA CAPITAL
DO BRASIL
Classificação
nacional
AA- (estável)
ago. 2013
Corporativa
BB+ (estável)
ago. 2013
Emissão de bônus
internacionais
BBB- (estável)
ago. 2013
Corporativa
AA+ (estável)
ago. 2013
Emissão
de bônus
AA+ (estável)
ago. 2013
CTEEP
TRANSMANTARO
Baa3 (estável)
Grau de
investimento
abr.2014
Emissão de bônus
internacionais
FELLER-RATE
APOYO Y
ASOCIADOS
PACIFIC
CREDIT RATING
EQUILIBRIUM
BBB- (estável)
abril 2014
REP
Emissão
de bônus
Ruta del MAIPO
Emissão
de bônus
BBB- (estável)
abr. 2013
Baa3 (estável)
Maio de 2014
A (Estable)
Jun. 2014
Ruta del MAULE
Emissão
de bônus
BBB- (estável)
jun. 2014
Baa2 (estável)
Maio de 2014
A (estável)
Jun. 2014
Ruta del
BOSQUE
Emissão
de bônus
BB+ (estável)
jun. 2014
Baa3 (estável)
dez. 2013
AAA (estável)
abr. 2014
A- (estável)
dez. 2013
AAA (estável)
abr. 2014
A (estável)
jun. 2014
(*) Classificação dos bônus emitidos em cada país
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
28
Evolução das ações no mercado
Gráfico do índice de ações YTD
Negociabilidade da ISA
Dados normalizados em 31 de dez. 2013 | Corte: junho de 2014
10%
Março
ALTA
5%
9o lugar
Avaliação %
15%
0%
-5%
No fechamento de Junho,
a ISA contava com
39.384 acionistas
-10%
-15%
-20%
-25%
31 de dez. 30 de jan. 1 de mar. 31 de mar. 30 de abr.
ISA (0.2%)
ISA
9.100
9.170
29 de jun.
Capitalização na
bolsa de valores
COLCAP (5.4%)
MSCI EM Latin America (10.6%)
Preço das ações
Fechamento Fechamento
de junho
de 30 de dez.
de 2014
de 2013
30 de maio
Mínimo
em 2014
Volume médio
diário em milhões
2.898
S&P (7.6%)
Máximo
em 2014
23 de maio
de 2014
Mínimo
em 2014
20 de fevereiro
de 2014
$9.600
$7.330
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
ISA
Cap. na bolsa (Mm COP)
Cap. na bolsa (Mm USB)
10.157.406
5.386
29
Reconhecimentos da ISA
2002
A Presidência da República e o
Ministério do Desenvolvimento
Econômico outorgaram à ISA
o Prêmio Colombiano
de Qualidade.
1990
A ISA foi reconhecida
pela Câmara Júnior
como a empresa
de maior projeção
social.
1998
O Ministério do
Meio Ambiente
entregou à ISA o
Prêmio Nacional
Ambiental.
A Controladoria Geral
da República classificou
a ISA como “empresa
exemplo”, por ter o melhor
sistema de controle interno.
2006
A ISA recebeu menção
honrosa no Prêmio
ANDESCO de
Responsabilidade
Social Empresarial.
2003
A ISA foi classificada pelo Great
Place to Work Institute
da Colômbia como a melhor
empresa para trabalhar
entre as entidades nacionais.
A ANALDEX e a Proexport
elogiaram a ISA e a CREG, e lhes
concederam o Prêmio Nacional de
Exportações, na modalidade
Projeto de Exportação, pelo
trabalho realizado nas Transações
Internacionais de Eletricidade (TIE).
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
30
Reconhecimentos da ISA
2012
2009
A ISA foi premiada como a melhor
empresa nos prêmios Andesco
de responsabilidade social empresarial
e foi considerada a empresa com
o melhor desempenho social
por seu projeto ISA Región.
2011
A ISA foi reconhecida
com o prêmio ANDESCO
de responsabilidade
social empresarial por
seu desempenho
social e governança
corporativa.
A ISA conquistou o primeiro lugar como
“melhor website para investidores” e ficou
em terceiro lugar nas categorias de “melhor
relatório anual para investidores” e “melhor
comunicação de resultados financeiros”
no prêmio Latin American Investor Relations.
A Bolsa de Valores da Colômbia (BVC) reconheceu
a ISA como a empresa com o maior prazo
de posicionamento de bônus.
2013
Na análise de procedimentos e políticas de transparência
entre as empresas de serviços públicos, realizada pela
Corporación Transparencia por Colombia, a ISA subiu
2 pontos, passando de 92 a 94, de um total de 100, e foi
considerada uma empresa de baixo risco.
A Bolsa de Valores da Colômbia entregou à ISA o
“Reconhecimento IR”, uma iniciativa que reconhece
o compromisso da empresa com o mercado e aumenta
seu comprometimento com um estilo de gestão baseado
nas melhores práticas.
O código antifraude da ISA foi reconhecido no evento Cuarta
Ronda de Buenas Prácticas de Transparencia Empresarial,
organizado pela Corporación Transparencia por Colombia.
Essa prática recomendada, que é adotada pela ISA desde
2011, formaliza a estratégia da ISA e de suas empresas na
América Latina no que diz respeito à fraude.
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
31
Reconhecimentos da REP
2006
Concurso de boa
governança corporativa
e melhor comportamento
nos ambientes interno
e externo
Empresa líder em
excelência de gestão,
categoria ouro
2012
2009
Reconhecimento:
Ética e liderança
empresarial
“Índice de boa governança
corporativa” da Bolsa de
Valores de Lima, prêmio
que simboliza a confiança
e o reconhecimento da
empresa pelo cumprimento dos
princípios de boa governança.
2007
2011
2013
Prêmio Nacional
de Qualidade
Excelência por
seu compromisso
com a educação
A empresa recebeu o selo
ABE da Associação de Bons
Empregadores, oferecido
pela Câmara Americana
de Comércio do Peru, que
reconhece as empresas
que se destacam por suas
práticas trabalhistas.
Gestão
sócio-ambiental
CACIER
Selo de empresa
socialmente
responsável
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
32
Reconhecimentos da CTEEP
2012
2008
“Selo Assiduidade APIMEC Ouro 11 anos –
2012” da Associação Nacional dos Analistas
e Profissionais de Investimento de Mercado
de Capitais do Brasil (APIMEC).
Prêmio de
Qualidade
(APIMEC/SP)
2009
Abrasca Criação de Valor
– Categoria Destaque do
Setor: melhor modelo
de geração de valor para
os acionistas das empresas
do setor elétrico.
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
33
Reconhecimentos da INTERNEXA
2012
O Metro Ethernet Forum (MEF) concedeu à INTERNEXA
os prêmios MEF 2012 em três categorias: melhor
provedor de Ethernet corporativo, melhor serviço de
atacado Ethernet e provedor de serviço regional do ano.
A Capacity Media premiou a INTERNEXA com o prêmio
“Capacity Awards 2012 Best Latin America Wholesale
Carrier” a categoria que reconhece a melhor
operadora de transmissoras da região.
2013
Pelo terceiro ano consecutivo,
a empresa recebeu o reconhecimento
do Metro Ethernet Forum nas
categorias “prestador de serviço
regional do ano” e “melhor
serviço de atacado Ethernet”.
Reconocimientos XM
2013
A XM recebeu o prêmio ANDESCO de
responsabilidade social empresarial na
categoria de “melhor pequena empresa
de serviços públicos e comunicações”.
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
34
Infra-estrutura elétrica
Guate Norte
Guate Este
Parrita
País
AMÉRICA CENTRAL
El Cajón
Santa Marta
Palmar
Norte
Termocol
Panamá El Bosque
COLÔMBIA
Veladero
Sogamoso
Talara
Piura
Chiclayo
Tocache
Trujillo
PERU
Colina
Porto Velho
São João
do Piaui
Carhuamayo
Pomacocha
Mantaro
Machu Picchu
Abancay
Marcona
Cotaruse
Carrasco
Socabaya
Arboleda
Montalvo
Urubó
Santivañez
Sucre
BOLÍVIA
Polpaico
Colômbia: ISA
TRANSELCA
Peru:
REP
Transmantaro
ISA Perú
Bolívia:
ISA Bolivia
Brasil:
CTEEP
IEMG
PINHEIROS
EVRECY
10.369
1.586
6.230
2.795
393
587
18.893
172
6
154
Total
41.185
Pais
Empresa
BRASIL
Gov Valadares
Neves 1
Araraquara
Punutuma
Jandira
Curitiba
Cardones
Maitencillo
Pan de Azúcar
Km de circuito
en operación
Garanhuns
Zapallal
Lagunas
Encuentro
Empresa
Jorge Lacerda B
N.S. Rita
El Salto
Itapeti
Joinville Norte
Sideropolis
Scharlau
Mascarenhas
Mesquita
Transformação
(MVA)
Colômbia: ISA
TRANSELCA
Perú:
REP
Transmantaro
ISA Perú
Bolívia:
ISA Bolivia
Brasil:
CTEEP
PINHEIROS
SERRA DO JAPI
EVRECY
12.620
3.848
2.747
4.925
235
370
45.712
3.900
1.600
450
Total
76.407
CHILE
LINHAS DE TRANSMISSÃO EM OPERAÇÃO
LINHAS DE TRANSMISSÃO EM EXECUÇÃO
LINHAS DE TRANSMISSÃO EM ESTUDO
INTERLIGAÇÃO INTERNACIONAL
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
35
Infra-estrutura viária
SANTIAGO
Talca
Chillán
Collipulli
Temuco
Río Bueno
Pais
CHILE
SANTIAGO
Talca
Chillán
Collipulli
Temuco
Río Bueno
Concessionário
Km Infra-estrutura
viária em operação
Chile: Ruta del Maipo
Ruta del Maule
Ruta del Bosque
Ruta de la Araucanía
Ruta de los Ríos
237
193
161
144
172
Total:
907
INFRA-ESTRUTURA
VIÁRIA EM OPERAÇÃO
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
36
Infra-estruturas de conectividade em telecomunicaçôes
Miami
Campos
M
ab
ú
Sã M a g
o
G é
Ita on
bo ça
ra lo
í
o
g
ur
Macaé
Río das Ostras
Sâo Pedro da Aldeia
io
Fr
bo
Ca
a
m
a
ua
ar arem
Ar
qu
Sa
icá
ar
M
i iro
ro e
te an
Ni e J
d
o
Rí
Venezuela
América Central
ac
Duque
de Caixas
ib
Fr
lis
po
só s
re
li
Te
po
tró
Pe
Caracas
Bogotá
Colômbia
Ecuador
País
Empresa
Colômbia
Peru
Chile
Brasil
Argentina
Ecuador
Venezuela
INTERNEXA
INTERNEXA
INTERNEXA
INTERNEXA
Internexa
TRANSNEXA
Asocio con
operador local
Quito
Peru
Brasil
Lima
Gran Sao Paulo
Río de
Janeiro
Chile
6.680
4.674
2.377
6.811
2.577
2.413
1.977
América
Central
Argentina
Santiago
Km de fibra
óptica
en operación
1.800
Total
Buenos Aires
29.309
REDE ATUAL
FUTURA REDE
CABO SUBMARINO
©Todos os direitos reservados por Interconexión Eléctrica S.A. E.S.P.
37
Contact Investidores
Mail
[email protected]
Página web
www.isa.co
Twiter
@ISA Avanza

Documentos relacionados

Folheto Corporativo 2010

Folheto Corporativo 2010 tado de uma parceria estratégica entre a XM e a Bolsa de Valores da Colômbia, nasce a Derivex S.A., uma sociedade administradora do sistema de negociação de derivativos sobre commodities energética...

Leia mais