PALMEIRAS TIJUANA SUPLENTES SUPLENTES

Сomentários

Transcrição

PALMEIRAS TIJUANA SUPLENTES SUPLENTES
ESCALAÇÕES
ASSESSORIA DE IMPRENSA - S.E. PALMEIRAS
PALMEIRAS
TIJUANA
SUPLENTES
SUPLENTES
COPA LIBERTADORES – OITAVAS DE FINAL
Com três vitórias e nove pontos conquistados na fase de grupos da
Copa Libertadores, o Verdão se classificou na primeira colocação do
grupo 2 e enfrentará o Tijuana-MEX pelas oitavas de final da
competição. A equipe que passar deste confronto enfrentará AtléticoMG ou São Paulo nas quartas de final.
ESTÁDIO CALIENTE – TIJUANA/MEX – 30/ABR – 22h30
Assessoria de Imprensa - S.E. PALMEIRAS
[email protected]
Árbitro: Martin Vazquez-URU Assist. 1: Mauricio Espinosa-URU Assist 2:
Marcelo Costa-URU 4o árbitro: Fernando Falce-URU Assessor: Raymundo
Sanchez-MEX
INFORMAÇÕES GERAIS
> Bruno: Presente nos últimos dois títulos do
clube (Campeonato Paulista 2008 e Copa do
Brasil 2012, este como titular na reta final), o
goleiro foi um dos destaques da equipe na
partida contra o Santos, pelas quartas de final
do Campeonato Paulista. Bruno, que chegou ao
clube em 1997 com apenas 13 anos, soma com
a camisa alviverde 82 jogos, sendo três em 2013
(Linense, Ituano e Santos, todos pela
competição estadual). Ele passou por todas as
divisões de base do clube até fazer o jogo
primeiro jogo pelo time profissional em 2008.
> Serginho: O meia atacante foi contratado
junto ao Oeste após o término da primeira fase
do Campeonato Paulista e é o novo reforço do
Palmeiras para a seqüência da temporada. Pelo
seu antigo clube, Serginho marcou sete gols na
competição estadual. No Palmeiras, vestirá a
camisa 20. Ele foi inscrito para disputar as
oitavas de final da Copa Libertadores.
> Henrique: O capitão do Palmeiras foi recentemente convocado para a Seleção Brasileira pelo
técnico Luiz Felipe Scolari e atuou no empate em 2x2 contra o Chile. Do time campeão Paulista
em 2008, é um dos poucos remanescentes ao lado de Valdivia, Wendel e do goleiro Bruno. É o
vice artilheiro do time no ano com quatro gols e 19 jogos disputados. Em toda sua trajetória
pelo Verdão, foram 13 gols em 126 jogos. Foi um dos atletas que mais atuou na temporada
passada, 58 jogos, alternando entre zagueiro e volante.
> Charles: Com três gols em 12 partidas com a camisa do Palmeiras, o volante chegou ao clube
no início do ano em transação que envolveu a ida do atacante Luan para o Cruzeiro, por
empréstimo. Ele balançou as redes nas vitórias contra o Tigre (2x0), Libertad (1x0) e Guarani
(4x1).
> Marcelo Oliveira: O polivalente jogador, que chegou do Cruzeiro no início da temporada, já
atuou com a camisa do Palmeiras em 14 oportunidades, alternando-se nas funções de lateralesquerdo e zagueiro. Marcelo ainda pode atuar como volante, sua posição de origem.
JOGOS E NÚMEROS DE 2013
ÚLTIMOS JOGOS
27/04
Santos 1x1 Palmeiras
4ªs de final - Paulistão
21/04
Ituano 2x1 Palmeiras
19ª rod. Paulistão
18/04
Sporting Cristal 1x0 Palmeiras
6ª rod. Libertadores
14/04
Palmeiras 4x1 Guarani
18ª rod. Paulistão
PRÓXIMOS JOGOS
30/04
Tijuana x Palmeiras (México)
8ªs de final - Libertadores
14/04
Palmeiras x Tijuana (Pacaembu)
8ªs de final - Libertadores
25/05
Palmeiras x Atlético-GO
1ª rod. Brasileiro
CAMPANHA 2013
26J, 12V, 8E, 6D; 40GP, 30GC, aproveitamento de 53%. Foram 13 jogos como mandante (todos no Pacaembu):
10V, 2E, 1D, 21GP, 6GC, e 13 jogos como visitante: 2V, 6E, 5D, 17GP, 20GC. Foram 20 jogos pelo Paulistão: 9V,
8E, 3D, 30GP, 17GC e 6 pela Libertadores: 3V, 3D, 5GP, 5GC.
ARTILHEIROS E ASSISTÊNCIAS
Artilheiros: Leandro (6), Henrique (4), Charles, M. Araújo, Vilson, Barcos (3), P. Vieira, Ronny, T. Real, Caio, Luan
(2), Vinicius, Valdivia, Ayrton, Léo Gago, M. Oliveira, Souza, Kleber (1). Assistências: Wesley (5), Souza, M. Leite
(4), Vinicius (3), P. Vieira, Valdivia (2), Caio, Ronny, T. Real, Henrique, Juninho, J. Denoni, Wendel, Rondinelly (1).
Part. Indiretas: M. Leite (4), Wesley (3), Caio, Barcos (2), P. Vieira, Vinicius, Charles, M. Oliveira, Ayrton, Juninho,
Léo Gago, M. Ramos (1)
COPA LIBERTADORES 2013
Segundo time brasileiro com mais participações (15), o Palmeiras se classificou em 1º lugar no grupo 2 e
enfrentará o Tijuana-MEX nas oitavas de final da competição sul-americana.
Histórico do Verdão na competição: 145J, 76V, 27E, 42D, 258GP, 166GC.
ELENCO PROFISSIONAL
JOGADORES
JOGADORES
No Palmeiras
Em 2013
No Paulista
1 . BRUNO Cortez Cardoso
GOL, 27/06/84, São Paulo-SP
25. FERNANDO Büttenbender PRASS
GOL. 09/07/78, Porto Alegre-RS
24. RAPHAEL Emílio da Silva
GOL. 17/08/88, Piracicaba-SP
2. AYRTON Luiz Ganino
L.D, 19/04/85, Piracicaba-SP
3 . HENRIQUE Adriano Buss
ZAG, 14/10/86, Cândido Rondon-PR
4. MAURÍCIO Donizete RAMOS
ZAG, 10/04/85, Piracicaba-SP
5. JOÃO DENONI Júnior
VOL, 02/02/94, Taquaritinga-SP
6. JUNINHO. Evanildo Barbosa
L.E, 11/01/90, Feira de Santana-BA
7 . MAIKON LEITE. Maikon Souza
ATA, 03/08/88, Mogi das Cruzes-SP
8. Elierce Barbosa de SOUZA
VOL, 08/03/88, Posse-GO
9. KLEBER Laube Pinheiro
ATA, 02/05/90, Estância Velha-ES
10. Jorge Luis VALDIVIA Toro
MEIA, 19/10/83, Maracay-VEN
11. WESLEY Lopes Beltrame
VOL, 24/06/87, Catanduva-SP
12. ANDRÉ LUIZ Silva do Nascimento
ZAG, 27/01/80, São João Del Rei-MG
13. WENDEL Santana P.Santos
VOL, 08/10/81, Itapetinga-BA
14. LUIZ GUSTAVO
ZAG, 12/02/1994, Valentim Gentil-SP
15. VILSON Xavier de Menezes Jr.
ZAG, 03/04/89, São Gonçalo-RJ
17. RONNY. Ronieri da Silva Pinto
MEIA, 19/08/91, Cuiabá-MT
82 jogos
3 jogos
3 jogos
24 jogos
24 jogos
18 jogos
2 jogos
-
-
14 jogos / 1 G
14 jogos / 1 G
11 jogos / 1 G
126 jogos / 13 G
19 jogos / 4 G
15 jogos / 3 G
186 jogos / 8 G
21 jogos / 0 G
15 jogos / 0 G
24 jogos / 0 G
11 jogos / 0 G
10 jogos / 0 G
81 jogos / 4 G
16 jogos / 0 G
13 jogos / 0 G
84 jogos / 12 G
12 jogos / 0 G
9 jogos / 0 G
62 jogos / 1 G
15 jogos / 1 G
10 jogos / 1 G
7 jogos / 1 G
7 jogos / 1 G
5 jogos / 1 G
184 jogos / 34 G
9 jogos / 1 G
7 jogos / 1 G
28 jogos / 0 G
20 jogos / 0 G
16 jogos / 0 G
6 jogos / 0 G
6 jogos / 0 G
6 jogos / 0 G
158 jogos / 0 G
8 jogos / 0 G
6 jogos / 0 G
4 jogos / 0 G
-
-
14 jogos / 3 G
14 jogos / 3 G
10 jogos / 3 G
8 jogos /2 G
8 jogos / 2 G
6 jogos / 2 G
No Palmeiras
Em 2013
18. MÁRCIO Rodriguez ARAÚJO
213 jogos / 7 G
22 jogos / 3 G
VOL, 11/06/84, São Luiz-MA
19. VINÍCIUS Santos Silva
74 jogos / 3 G
21 jogos / 1 G
ATA, 03/08/93, São Paulo-SP
20. SERGINHO. Sérgio Ricardo dos Santos
MEIA, 03/12/90, Santos-SP
21. PATRICK VIEIRA Martins
26 jogos / 4 G
18 jogos / 2 G
ATA, 11/01/92, Rio de Janeiro-RJ
22. WELDINHO. Welder da Silva Marçal
14 jogos / 0 G
14 jogos / 0 G
L.D, 16/01/91, Franca-SP
23. TIAGO REAL do Prado
20 jogos / 4 G
6 jogos / 2 G
MEIA, 26/01/89, Curitiba-PR
26. MARCELO OLIVEIRA Ferreira
14 jogos / 1 G
14 jogos / 1 G
L.E/VOL, 29/03/87, Salvador-BA
27. EMERSON Brito dos Santos
2 jogos / 0 G
2 jogos / 0 G
ATA, 08/07/91, Salvador-BA
28. CHARLES Fernando Basílio da Silva
12 jogos / 3 G
12 jogos / 3 G
VOL, 14/02/85, Rio de Janeiro-RJ
29. CAIO Danilo Laursen
16 jogos / 2 G
15 jogos / 2 G
ATA, 22/09/92, Presidente Prudente-SP
30. BRUNO de Araújo DYBAL
3 jogos / 0 G
MEIA, 03/03/94, Guarulhos-SP
31. LÉO GAGO. Leonardo David de Moura.
8 jogos / 1 G
8 jogos / 1 G
VOL, 17/02/83, Campinas-SP
37. RONDINELLY de Andrade Silva
2 jogo / 0 G
2 jogo / 0 G
MEIA, 08/02/91, Rialma-GO
38. Weverson LEANDRO Oliveira
11 jogos / 6 G
11 jogos / 6 G
ATA, 12/05/93, Brasília-DF
Outros atletas: 35. Marcos Vinicius, 36. Leandro Amaro, 47. Fábio
No Paulista
16 jogos / 3 G
16 jogos / 1 G
14 jogos / 1 G
10 jogos / 0 G
4 jogos / 2 G
8 jogos / 1 G
8 jogos / 1 G
11 jogos / 2 G
8 jogos / 1 G
2 jogo / 0 G
11 jogos / 6 G
COMISSÃO TÉCNICA
Diretor Executivo: José Carlos Brunoro / Gerente de Futebol: Omar Feitosa / Treinador: Gilson Kleina /
Auxiliares: Juninho e Jair Leite / Supervisor de Futebol: Leonardo Piffer / Observador Técnico: Fernando
Miranda / Preparador de Goleiros: Palha / Preparadores Físicos: Fabiano Xhá e Marco Aurélio Schiavo /
Médicos: Rubens Sampaio, Otávio Vilhena e Vinícius Martins / Fisioterapeutas: José Rosan e João de
Souza / Fisiologista: Paulo Zogaib / Nutricionista: Alessandra Favano / Massagistas: Serginho, Robertinho
e Lica / Assessores de Imprensa: Marcelo Cazavia, Luan de Sousa e Felipe Krüger / Editor de Vídeos:
Rafael Costa / Fotógrafo: Cesar Greco / Roupeiros: Marcos Silva (Palito) e Geovan / Alimentação: Mário e
Filhos / Seguranças: Paulo Dorfmam, Adauto de Lima, Eduardo Lino, Oliver Ponci.
HISTÓRICO DOS CONFRONTOS
Geral (contra mexicanos)
26 jogos
16 vitórias
4 empates
6 derrotas
____________________________________________________________________
> Palmeiras e Tijuana nunca se enfrentaram. Contra equipes mexicanas, um total de 26 jogos,
sendo dezesseis vitórias, quatro empates e seis derrotas.
> Apenas duas partidas entre Palmeiras e mexicanos foram disputada em São Paulo (uma no
Pacaembu e outra no Palestra Itália), com vitória alviverde. Já no México foram 23 confrontos,
com ampla vantagem do Palmeiras 14 triunfos, 4 empates e 4 derrotas. A curiosidade fica por
conta de uma partida disputada nos Estados Unidos, pela Reebok Cup, vencida pelo Necaxa.
> Entre os 26 jogos já realizados, dois foram contra a Seleção Mexicana, com uma vitória
palmeirense no México e um jogo vencido pelos adversários, no Brasil.
INFORMAÇÕES GERAIS
> Kleber: Recuperado de um
desconforto muscular na
coxa direita, o atacante
voltou ao time na última
partida do Palmeiras no
Campeonato Paulista,
contra o Santos, na Vila
Belmiro, e marcou seu
primeiro gol com a camisa
alviverde, que decretou o
empate em 1x1. Ele chegou
ao clube no início da
temporada, com contrato
de empréstimo do PortoPOR, e estava fora da
equipe desde a partida
contra o Botafogo-SP, dia 20
de março, pela 13ª do
torneio estadual.
> Os últimos dois jogos do Palmeiras contra times mexicanos foram disputados nas quartas
de final da Copa Libertadores de 2000, contra o Atlas, de Guadalajara. Foram duas vitórias: na
ida, triunfo por 2x0 em pleno Estádio Jalisco, gols de Pena e Euller. Na volta, o lateral Rogério,
o atacante Marcelo Ramos e o meia Taddei marcaram a favor do Verdão. Zepeda e Briseño
descontaram para os visitantes.
> Tiago Real: O meia de 24 anos chegou ao Verdão na temporada 2012 e já marcou quatro
gols com a camisa do clube – o último na partida contra o Ituano, pela última rodada da
primeira fase do Campeonato Paulista. Natural de Curitiba, Real já vestiu a camisa do
Palmeiras em 20 oportunidades.
> A última derrota do Palmeiras em solo mexicano foi para o Guadalajara em 1963, em
partida amistosa, 2x1. De lá pra cá foram duas vitórias e um empate (Atlante 2x2, América 2x3
e Atlas 0x2) e uma conquista, o Troféu América, em 1991.
> Maurício Ramos: É um dos atletas do atual elenco com mais partidas pelo Palmeiras, com
186 jogos. Além dos 21 disputados em 2013, o zagueiro participou de 43 partidas em 2012, 29
em 2011, 39 em 2010 e 53 em 2009.
> O Troféu América foi disputado no Estádio Azteca, na Cidade do México, com vitória do
Verdão por 3x2. Entraram em campo Ivan, Odair, Toninho, Eduardo e Biro; Galeano, Betinho e
Edu Marangon; Wagner, Márcio (César Mendes) e Erasmo. O técnico era Nelsinho Baptista e
os gols foram marcados por Betinho, Erasmo e Odair.
> Chave: Caso se classifique contra o Tijuana (primeira partida no México e a segunda, no
Pacaembu, dia 14 de maio), o Palmeiras pode enfrentar o vencedor de Atlético-MG e São
Paulo nas quartas de final da competição. Do mesmo lado da chave ainda estão Boca Juniors,
Corinthians, Newell’s Old Boys e Velez Sarsfield.
- Ainda em território mexicano, o clube se sagrou campeão em mais duas oportunidades, em
1959 e em 1963, se tornando bicampeão do Torneio do México. Na primeira edição, triunfou
sobre Toluca-MEX, Oro-MEX, Atlas-MEX, Morélia-MEX e Irapuato-MEX. Em 1963, as vítimas
foram Nacional-MEX, Monterrey-MEX, Atlas-MEX e Vasas-HUN.
> Trocas: O Palmeiras exerceu o direito de trocas jogadores para as oitavas de final da Copa
Libertadores e inscreveu o zagueiro André Luiz e o recém chegado meia Serginho. Para dar
lugar aos dois jogadores, saíram da lista o zagueiro Marcos Vinicius e o meia Edilson.
> Gilson Kleina: Contratado em 22 de setembro de 2012, já conquistou 17 vitórias, teve 10
empates e 14 derrotas. Tem contrato com o clube até dezembro de 2013.
HISTÓRICO DA LIBERTADORES
HISTÓRICO DA LIBERTADORES
> Grupo: O Palmeiras passou como primeiro colocado do grupo 2 da Copa Libertadores. Os
adversários foram Tigre-ARG, Sporting Cristal-PER e Libertad-PAR. O clube paulista somou 9
pontos em seis jogos..
> Jogadores com mais partidas: Marcos (57 partidas), Alex (39), Galeano (38), Dudu (30),
César Sampaio (30), Ademir da Guia (29), Júnior (28), Rogério (27), Cléber (26), Arce (25),
Eurico (21), Zinho (21), Edu Bala (20) e Correa (20).
> Histórico I: Segundo time brasileiro com mais participações na Copa Libertadores (15 no
total), o Verdão já fez 146 jogos na disputa: 76V, 27E, 43D, 258GP, 168GC.
> Histórico II: Como mandante, foram 72 jogos (49V, 15E, 8D; 154GP, 59GC). Como visitante,
72 partidas (27V, 12E, 33D; 104GP, 106GC). E uma partida em campo neutro, com derrota.
Gols em 113 dos 146 jogos disputados.
>
Melhores
participações:
Campeão (1999), Vice-campeão
(1961, 1968 e 2000), Semifinal
(1971 e 2001), Quartas de Final
(1995 e 2009), Oitavas de Final
(1994, 2005 e 2006), 1a.Fase
(1973, 1974 e 1979). Primeiro
brasileiro a chegar a uma final.
Primeira vitória: Independiente-ARG 0 x 2 Palmeiras, em 04/05/1961
Primeira derrota: Peñarol-URU 1 x 0 Palmeiras, em 04/06/1961
Primeira sequência invicta: 4 jogos, entre 04/05/1961 e 04/06/1961
Primeira goleada: Palmeiras 4 x 1 Santa Fe-COL, em 28/05/1961
Última vitória: Palmeiras 1 x 0, Libertad em 11/04/2013
Última derrota: Sporting Cristal 1 x 0 Palmeiras, em 18/04/2013
Última sequência invicta: 2 jogos, entre 02/04/2013 e 11/04/2013
Última goleada: Palmeiras 5 x 1 Real Potosí-BOL, 29/01/2009
Maior série de vitórias: 6 jogos, entre 07/02/1971 e 14/04/1971
Maior série invicta: 10 jogos, entre 16/05/2001 e 16/03/2005
Maior goleada em casa: Palmeiras 7 x 0 El Nacional-EQU, em 04/05/1995
Maiores goleadas fora de casa: Universitário-PER 2 x 5 Palmeiras, em 13/3/1979, e Cerro
Porteño-PAR 2 x 5 Palmeiras, em 03/03/1999
> Jogadores com mais participações:
Marcos (6, em 1999/00/01/05/06/09),
Dudu (4, em 1968/71/73/74), Sérgio (4,
em
1994/95/05/06).
Com
3
participações: Alex, Edmundo, Arce, Nei,
Galeano, Fedato, Cléber, Edu Bala, Zeca,
César Sampaio, Eurico e Zé Carlos.
> Jogadores com mais vitórias: Marcos (27 vitórias), Ademir da Guia (20), Alex (20), Galeano
(18), Dudu (18), Júnior (14), Rogério (14), César Sampaio (13), Eurico (13), Baldochi (13) e
Cléber (12).
> Jogadores com mais gols: Alex (12 gols), Tupãzinho (11), Ademir da Guia (9), Lopes (9),
Edmundo (8), César Maluco (8). Com 5 gols: Arce, Evair, Júnior Baiano, Pena, Fábio Jr.,
Keirrison, Rivaldo, Marcinho, Washington, Edilson e Jorge Mendonça.
> Técnicos com mais partidas: Felipão (28 jogos, em 1999/00), Luxemburgo (20, em 1994 e
2009), Osvaldo Brandão (13, em 1973/74), Celso Roth (12 em 2001), Rubens Minelli (11 em
1971), Valdir Espinosa (8 em 1995) e Leão (8 em 2006).
> Técnicos com mais vitórias: Felipão (14 vitórias), Luxemburgo (9 vitórias), Brandão e Minelli
(7 vitórias).
> CAMPANHA DO TÍTULO DE 1999: Palmeiras ficou em 2º.lugar na 1ª.Fase, com 3V, 1E, 2D.
Nas Oitavas, passou pelo Vasco (1x1 no Palestra e 4x2 em São Januário), nas quartas pelo
Corinthians (2x0 e 0x2 no Morumbi, vitória nos pênaltis por 4x2), pelo River Plate-ARG na
semifinal (0x1 no Monumental de Nuñez e 3x0 no Palestra) e campeão sobre o Deportivo CaliCOL (0x1 em Cali e 2x1 no Palestra, vitória de 4x3 nos pênaltis).
JOGOS CONTRA MEXICANOS
16 vitórias / 4 empates / 6 derrotas
1952 - Palmeiras 3x1 Necaxa-México - Olímpico (México)
1952 - Palmeiras 3x1 Guadalajara-México - Estádio de Guadalajara
CAMPANHA 2013
Com aproveitamento de 50% dos pontos, o Palmeiras se classificou na primeira colocação do
grupo 2 da Copa Libertadores 2013. O Verdão venceu as três partidas que disputou em casa,
no Estádio do Pacaembu, e somou nove pontos em dezoito possíveis. Confira a campanha do
Alviverde na fase de grupos da competição sul-americana:
1952 - Palmeiras 2x2 Atlante-México - Olímpico (México)
1952 - Palmeiras 2x1 Oro-México - Olímpico (México)
1952 - Palmeiras 2x0 León-México - Olímpico (México)
1952 - Palmeiras 0x1 Atlante-México - Olímpico (México)
1952 - Palmeiras 1x0 Oro-México - Olímpico (México)
14 de fevereiro – Estádio do Pacaembu
Palmeiras 2x1 Sporting Cristal-PER
Gols: Henrique e Patrick Vieira
28 de fevereiro – Estádio Nicolás Leoz, no Paraguai
Libertad-PAR 2x0 Palmeiras
1952 - Palmeiras 3x2 Seleção do México - Olímpico (México)
1952 - Palmeiras 0x3 Guadalajara-México - Olímpico (México)
06 de março – Estádio Monumental Victoria, na Argentina
Tigre-ARG 1x0 Palmeiras
1959 - Palmeiras 1x0 Deportivo Toluca-México - Insurgentes
1959 - Palmeiras 4x1 Oro-México - Martinez Sandoval
1959 - Palmeiras 2x1 Atlas-México - Estádio de Guadalajara
1959 - Palmeiras 2x0 Morélia-México - Morélia
1959 - Palmeiras 1x1 Irapuato-México - Municipal Irapuato
1959 - Palmeiras 3x2 Irapuato-México - Municipal Irapuato
1963 - Palmeiras 2x2 Nacional-México - Jalisco
1963 - Palmeiras 1x0 Monterrey-México - Técnologico
1963 - Palmeiras 3x0 Atlas-México - Jalisco
1963 - Palmeiras 1x2 León-México - Nou Camp-León
1963 - Palmeiras 1x2 Guadalajara-México - Jalisco
1963 - Palmeiras 2x2 Atlante-México - Olímpico (México)
1984 - Palmeiras 0x2 Seleção do México - Pacaembu
1991 - Palmeiras 3x2 América-México - Estádio Azeteca
1997 - Palmeiras 1x4 Necaxa-México - Soldier Field - Chicado - EUA
2000 - Palmeiras 2x0 Atlas-México - Jalisco
2000 - Palmeiras 3x2 Atlas-México - Palestra Italia
02 de abril – Estádio do Pacaembu
Palmeiras 2x0 Tigre-ARG
Gols: Caio e Charles
11 de abril – Estádio do Pacaembu
Palmeiras 1x0 Libertad-PAR
Gol: Charles
18 de abril – Estádio Miguel Grau, no Peru
Sporting Cristal 1x0 Palmeiras

Documentos relacionados

XV de PIRACICABA PALMEIRAS SUPLENTES SUPLENTES

XV de PIRACICABA PALMEIRAS SUPLENTES SUPLENTES Diretor Executivo: José Carlos Brunoro / Gerente de Futebol: Omar Feitosa / Treinador: Gilson Kleina / Auxiliares: Juninho e Jair Leite / Supervisor de Futebol: Leonardo Piffer / Observador Técnico...

Leia mais

oberdan cattani

oberdan cattani Oberdan Cattani estreou pelo Palestra em 02 de março de 1941, na vitória verde e branca por 1 a 0 sobre o São Paulo Railway. Já a sua última partida com as cores palestrinas foi no revés para o São...

Leia mais