caderno de questões

Сomentários

Transcrição

caderno de questões
CENTRO UNIVERSITÁRIO SENAC
Dezembro/2010
Vestibular 1 o Semestre de 2011
Nome do Candidato
Caderno de Prova ’ESP’, Tipo 001
No do Documento
No de Inscrição
MODELO
No do Caderno
MODELO1
ASSINATURA DO CANDIDATO
0000000000000000
00001−0001−0001
C A D E R N O D E Q U E S T Õ E S - E S PA N H O L
INSTRUÇÕES
- Verifique se este caderno:
- contém 64 questões, numeradas de 1 a 64.
- contém a proposta de redação e o espaço para rascunho.
Caso contrário, reclame ao fiscal da sala um outro caderno.
Não serão aceitas reclamações posteriores.
- Para cada questão existe apenas UMA resposta certa.
- Você deve ler cuidadosamente cada uma das questões e escolher a resposta certa.
- Essa resposta deve ser marcada na FOLHA DE RESPOSTAS que você recebeu.
VOCÊ DEVE
-
Procurar, na FOLHA DE RESPOSTAS, o número da questão que você está respondendo.
Verificar no caderno de prova qual a letra (A,B,C,D,E) da resposta que você escolheu.
Marcar essa letra na FOLHA DE RESPOSTAS, conforme o exemplo: A
C D E
Ler o que se pede na Prova de Redação e utilizar, se necessário, o espaço para rascunho.
ATENÇÃO
-
Marque as respostas primeiro a lápis e depois cubra com caneta esferográfica de tinta preta ou azul.
Marque apenas uma letra para cada questão. Mais de uma letra assinalada implicará anulação dessa questão.
Responda a todas as questões.
Não será permitida qualquer espécie de consulta, nem o uso de máquina calculadora.
Você deverá transcrever a redação, a tinta, na folha apropriada. Os rascunhos não serão considerados em hipótese
alguma.
- Você terá o total de 4 horas para responder a todas as questões, preencher a Folha de Respostas e fazer a Prova de
Redação (rascunho e transcrição).
- Ao término da prova, devolva este caderno de prova ao aplicador, juntamente com sua Folha de Respostas e a folha de
transcrição da Prova de Redação.
- Proibida a divulgação ou impressão parcial ou total da presente prova. Direitos Reservados.
Caderno de Prova ’ESP’, Tipo 001
4.
Em determinada espécie de angiosperma, o gene dominante B condiciona plantas altas e seu alelo recessivo b
condiciona plantas baixas. O gene A determina flores
brancas e seu alelo recessivo a condiciona flores amarelas. Os dois genes estão localizados em cromossomos
diferentes. Cruzaram-se entre si plantas altas com flores
brancas, heterozigóticas para ambos os genes e obtiveram-se 640 descendentes. Desses, espera-se que o número de plantas baixas com flores brancas seja
CIÊNCIAS DA NATUREZA E MATEMÁTICA
1.
Considere os seguintes processos que ocorrem no corpo
humano:
I. coagulação sanguínea;
II. regulação do equilíbrio hídrico;
III. regulação da pressão sanguínea.
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
Os processos I, II e III são influenciados, respectivamente, pelos íons
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
cálcio, sódio e potássio.
cálcio, potássio e sódio.
sódio, potássio e cálcio.
sódio, cálcio e potássio.
potássio, cálcio e sódio.
_________________________________________________________
5.
Estudantes realizaram um experimento de fisiologia vegetal com um tomateiro envasado. Regaram abundantemente a planta, seccionaram seu caule e a prepararam como
está representado na figura abaixo. Colocaram água no
tubo de borracha e marcaram o seu nível em A. Verificaram que, após certo tempo, o nível da água elevou-se
até B.
_________________________________________________________
2.
60
120
360
480
640
Uma célula animal foi mergulhada em uma solução aquosa de concentração desconhecida. As alterações ocorridas na célula estão representadas no gráfico abaixo.
Tubo de borracha
Valores crescentes
Nível B
Volume da célula
Água
Nível A
Diferença da concentração
entre célula e solução
Caule de tomateiro
Tempo
A tonicidade relativa da solução e o tipo de fenômeno que
explica os resultados apresentados são, respectivamente,
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
Prato com água
Esse experimento conseguiu demonstrar que, para a
condução da seiva bruta, um dos fatores é
hipotônica e difusão.
hipotônica e osmose.
isotônica e osmose.
hipertônica e difusão.
hipertônica e osmose.
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
_________________________________________________________
3.
Considere as seguintes afirmações:
I. Organismos fotoautotróficos utilizam a energia ra-
a pressão exercida pela raiz.
a sucção exercida pelas folhas.
a concentração da seiva elaborada.
o diâmetro dos vasos liberianos.
a coesão entre as moléculas de água.
_________________________________________________________
6.
Artérias e veias renais são vasos sanguíneos importantes
para o funcionamento dos rins dos vertebrados e, quando
se compara o sangue que circula nesses vasos, verifica-se
uma diferença na concentração do resíduo nitrogenado
entre eles. Assinale a alternativa do quadro abaixo, que
contém o principal resíduo nitrogenado de galinhas e cães,
bem como sua concentração nos vasos mencionados.
diante do sol.
II. Organismos quimioautotróficos obtêm energia a
partir de moléculas orgânicas.
III. A fermentação deve ter surgido após a respiração
porque, no início, a atmosfera terrestre era desprovida de oxigênio.
GALINHAS
Resíduo
Concentração
nas
artérias
renais
Concentração
nas veias
renais
maior
ácido
úrico
maior
menor
menor
maior
amônia
maior
menor
ureia
maior
menor
amônia
menor
maior
(D)
ácido
úrico
menor
maior
ureia
menor
maior
(E)
ácido
úrico
maior
menor
ureia
maior
menor
Resíduo
Concentração nas
artérias
renais
Concentração
nas veias
renais
(A)
amônia
menor
(B)
ureia
(C)
IV. Os compostos orgânicos liberam a energia armazenada por meio dos processos de fermentação ou
respiração.
É correto o que se afirma SOMENTE em
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
2
I e II.
I e III.
I e IV.
II e III.
III e IV.
CÃES
SENAC-Vestibular-2010-Dezembro
Caderno de Prova ’ESP’, Tipo 001
7.
O esquema abaixo representa uma teia alimentar de um
ecossistema terrestre.
10.
A transformação do SO2 em SO42− por ação do peróxido
pode ser representada pela equação:
SO2 (g) + H2O2 (l) → H2SO4 (aq)
seriema
Nessa reação, cada átomo de enxofre do SO2 se
serpente
lagarto
sapo
besouro
gafanhoto
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
rato
oxida, recebendo 1 elétron.
oxida, recebendo 2 elétrons.
oxida, perdendo 2 elétrons.
reduz, recebendo 1 elétron.
reduz, perdendo 2 elétrons.
_________________________________________________________
Atenção:
O que uma vaca produz em metano por ano, tem o
plantas
mesmo efeito que o CO2 emitido por um carro médio que roda,
Nessa teia,
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
anualmente, 18 000 quilômetros. Mas com uma ração especial
o gafanhoto é o único consumidor de 1a ordem.
o besouro só atua como consumidor de 2a ordem.
o sapo sempre atua como consumidor de 2a ordem.
a serpente é o único consumidor de 3a ordem.
a seriema sempre atua como consumidor de 4a ordem.
é possível reduzir consideravelmente a produção de gás
metano pelo gado. O segredo, nesse caso, é utilizar bissulfato
de dialilo, um componente do alho.
Essa substância interfere no metabolismo da porção
_________________________________________________________
8.
abdominal dos ruminantes, extraindo do alimento que eles
consomem o hidrogênio que contribui para a produção de
Nos recifes da Grande Barreira da Austrália, a elevada
incidência da estrela-do-mar Acanthaster planci causa
grandes danos ao ecossistema porque esse equinodermo
alimenta-se dos tecidos dos corais. A introdução de um
molusco predador das larvas dessa estrela-do-mar pelo
homem foi a maneira encontrada para
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
metano. A ração enriquecida com o bissulfato de dialilo forma
apenas o inofensivo ácido propiônico.
(Revista Geo. n. 5, p. 21, 2010)
11.
promover a competição intraespecífica.
aumentar as relações tróficas no ecossistema.
aumentar a biodiversidade nesse ecossistema.
diminuir os danos através do controle biológico.
aumentar a taxa de mortalidade do molusco.
_________________________________________________________
Atenção:
As questões de números 11 e 12 referem-se ao
texto apresentado abaixo.
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
As questões de números 9 e 10 referem-se ao texto
apresentado abaixo.
Apesar do poder de reação, peróxido de hidrogênio é um
metabólito natural em muitos organismos o qual, quando
decomposto, resulta em oxigênio molecular e água. É formado
pela ação da luz solar na água (fotorreação) em presença de
substâncias húmicas (material orgânico dissolvido). É
A massa de CO2 liberada anualmente por um carro médio
que roda 18 000 km é de 1,6 toneladas. Como o metano
tem um potencial estufa maior que o CO2, a massa de
metano, CH4, em toneladas, produzida pelas vacas que
teria o mesmo efeito de aprisionamento de energia do
CO2 dos automóveis é de, aproximadamente,
_________________________________________________________
12.
Considere as estruturas do metano e do ácido propiônico.
H
O
H
reconhecidamente citado como o oxidante mais eficiente na
2conversão de SO2 em SO4 , um dos maiores responsáveis pela
acidez das águas de chuva.
(http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S
0100-40422003000300015. Acesso em 14/09/2010)
Dados:
O metano possui, por molécula, potencial
estufa 21 vezes maior que o dióxido de
carbono.
Massas molares (g.mol-1):
metano = 16
dióxido de carbono = 44
1,5
8,2×10−1
5,3×10−2
2,8×10−2
1,1×10−3
C
H
H3 C
H
metano
C C
H2
OH
ácido propiônico
Comparando-as, conclui-se que:
I. O ácido propiônico é mais solúvel em água que o
9.
A equação NÃO balanceada que representa a decomposição do peróxido de hidrogênio é
H2O2 (l) → H2O (l) + O2 (g)
metano.
II. O metano é apolar e o ácido propiônico é polar.
III. A temperatura de ebulição do metano é maior que a
do ácido propiônico.
Os coeficientes estequiométricos inteiros que completam
corretamente a equação são, respectivamente,
(A) 1, 1, 1
(B) 1, 1, 2
(C) 1, 2, 1
(D) 2, 1, 2
(E) 2, 2, 1
SENAC-Vestibular-2010-Dezembro
É correto o que se afirma SOMENTE em
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
I.
II.
III.
I e II.
II e III.
3
Caderno de Prova ’ESP’, Tipo 001
Atenção:
As questões de números 13 a 16 referem-se ao texto apresentado abaixo.
A interação oceânica com o CO2 mitiga alguns efeitos climáticos do gás. A concentração atmosférica de dióxido de carbono é
de quase 390 partes por milhão (ppm), mas seria maior ainda se os oceanos não absorvessem até 30 milhões de toneladas do gás
diariamente. Os mares dissiparam aproximadamente 30% de todo o CO2 liberado por atividades humanas. Esse gigantesco
“sumidouro” reduz o aquecimento global - porém à custa da própria acidificação. (...) só nos últimos 15 anos a acidez marinha
aumentou 6% nos 100 metros superiores do oceano Pacífico, do Havaí até o Alasca. Ao redor do planeta, o pH médio da camada
superficial oceânica caiu (...) desde o início da Revolução Industrial. (...), como a escala de pH é logarítmica, isso equivale a um
aumento de 30% na acidez.
(Revista Scientific American Brasil, setembro de 2010, p. 66)
13.
A concentração atmosférica de CO2, em
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
14.
mol.L−1,
5,7×10−3
é, aproximadamente,
Dados:
Massa molar do CO2 = 44 g.mol−1
8,9×10−3
1,2×10−2
2,5×10−2
6,8×10−2
ppm = mg.L−1
A concentração média atual de íons H+ nos oceanos é 7,9×10−9 mol.L−1. A quantidade de íons H+ que aumentou, em número de
partículas, para cada litro de água do mar, desde a Revolução Industrial é de, aproximadamente,
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
Atenção:
1,1×1014
1,7×1016
3,9×1018
4,2×1019
2,8×1020
Dado:
Constante de Avogadro = 6,0×1023
O esquema a seguir mostra o processo de acidificação oceânica e refere-se às questões de números 15 e 16.
I
CO2
dissolvido
Ácido carbônico
(H2CO3)
Água
(H2O)
II
+
III
Íon bicarbonato
(HCO3 )
Íon hidrogênio
(H +)
IV
Íon carbonato
(CO3 -2)
Íon hidrogênio
(H+)
(Revista Scientific American Brasil, setembro de 2010, p. 66)
15.
Nesse processo, o pH
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
16.
aumenta quando ocorre a etapa I.
aumenta quando ocorre a etapa II.
aumenta quando ocorre a etapa IV.
diminui quando ocorre a etapa I.
diminui quando ocorre a etapa III.
Para que o CO2 fosse liberado para a atmosfera, deveria ocorrer
I. a formação de CaCO3 (s);
II. a diminuição do pH da água do mar;
III. a ionização do ácido carbônico.
É correto o que se afirma SOMENTE em
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
4
I.
II.
III.
I e II.
I e III.
SENAC-Vestibular-2010-Dezembro
Caderno de Prova ’ESP’, Tipo 001
17.
O movimento retilíneo de um corpo de massa 20 kg é
descrito pelo gráfico velocidade versus tempo.
v(m/s)
30
20
t(s)
0
4,0
8,0
No intervalo de tempo de 4,0 s a 8,0 s, a intensidade da
força resultante sobre o corpo é, em newtons,
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
100
80
60
50
8,0
_________________________________________________________
18.
Uma esfera A de massa 4,0 kg, movendo-se com
velocidade de 5,0 m/s atinge outra esfera B de massa
2,0 kg, inicialmente em repouso. Após a colisão central, a
primeira esfera A reduz sua velocidade para 3,0 m/s, no
mesmo sentido inicial. Nestas condições, a velocidade que
a esfera B atinge após a colisão, em m/s, vale
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
5,0
4,0
3,0
2,0
1,0
_________________________________________________________
19.
A 0 °C, o volume do ar em um pneu é de 30 L e a pressão
do ar é 2,0 . 105 Pa. Após viajar alguns quilômetros no
asfalto aquecido, sua temperatura atinge 58 °C e a pressão é 2,2 . 105 Pa. Considerando que o ar se comporte
como um gás perfeito, pode-se estimar o volume do ar na
situação final, em litros,
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
33
35
37
39
41
_________________________________________________________
20.
Três esferas metálicas idênticas A, B e C, presas a
suportes isolantes, estão dispostas conforme o esquema.
A
B
C
Inicialmente, a esfera A está fortemente eletrizada com
carga de sinal (−) e as demais estão neutras. Se a esfera
C for encostada em B e, a seguir, afastada, as cargas
elétricas das esferas A, B e C ficam, respectivamente,
com sinais
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
(−)
(−)
(−)
(−)
(+)
,
,
,
,
,
(−)
(−)
(+)
(+)
(−)
e
e
e
e
e
(+)
(−)
(−)
(+)
(+)
SENAC-Vestibular-2010-Dezembro
5
Caderno de Prova ’ESP’, Tipo 001
21.
Considere o circuito elétrico esquematizado.
8,0Ω
18V
A
6,0Ω
12,0Ω
B
A diferença de potencial elétrico entre os pontos A e B
vale, em volts,
(A)
18
(B)
12
(C)
9,0
(D)
6,0
(E)
4,0
_________________________________________________________
22.
Um filme comum é formado por uma série de fotografias
(quadros) individuais que são projetadas à razão de 24
quadros por segundo, o que dá a sensação de movimento
contínuo.
No cinema, a projeção de um filme é feita através de uma
lente. O filme passa a 2,0 cm da lente e a imagem,
ampliada 9 vezes, é projetada sobre a tela.
Nesta situação, a distância focal da lente utilizada, em cm,
vale
(A)
30
(B)
18
(C)
6,0
(D)
3,0
(E)
1,8
_________________________________________________________
23.
Certo pulso se propaga em uma corda esticada no eixo x,
conforme a figura.
80 cm
X
140 cm
Se a velocidade de propagação da onda é de 4,0 m/s, a
frequência de vibração da extremidade da corda é, em
hertz,
6
(A)
5,0
(B)
4,2
(C)
3,5
(D)
2,9
(E)
2,5
SENAC-Vestibular-2010-Dezembro
Caderno de Prova ’ESP’, Tipo 001
24.
Analise as afirmações que seguem.
I. Em 1895, Roentgen descobriu os raios X. A frequência desses raios é maior que a da luz visível.
II. Um transformador é utilizado nas redes de distribuição de energia para transformar corrente alternada
em corrente contínua.
III. O laser é utilizado em várias áreas do conhecimento. A luz laser é uma onda eletromagnética monocromática.
IV. A difração e a interferência são fenômenos que somente podem ser explicados satisfatoriamente por
meio do comportamento ondulatório da luz.
É correto o que se afirma em
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
I, II e III, somente.
I, II e IV, somente.
I, III e IV, somente.
II, III e IV, somente.
I, II, III e IV.
_________________________________________________________
25.
As disciplinas mais carentes de docentes no Ensino Médio
são: Biologia, Física, Matemática e Química. Segundo dados do Ministério da Educação, apresentados na tabela
abaixo, de 2002 a 2009 cresceu o número de universitários formados para lecionar essas disciplinas.
Número de ingressantes
Biologia
Física
Matemática
Química
2002
28 777
5 439
23 229
7 077
2009
34 328
8 917
27 946
12 235
Número de concluintes
2002
10 244
1 247
7 889
2 247
2009
20 247
2 046
13 012
4 545
(Adaptado: Ministério da Educação, Folha de S.
Paulo. 05/09/2010. C1)
De acordo com esses dados, nessas quatro disciplinas,
em relação às quantidades de 2002, as de 2009 apresentam um aumento de, aproximadamente,
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
29% para os ingressantes.
35% para os ingressantes.
75% para os concluintes.
78% para os concluintes.
80% para os concluintes.
_________________________________________________________
26.
Segundo dados da Agência de Avaliação Ambiental da
Holanda, em 2008 e 2009 a China e os Estados Unidos
ocuparam, respectivamente, o primeiro e o segundo
lugares na classificação dos países emissores de CO2.
Nesse período, as emissões dos Estados Unidos diminuíram, enquanto que as da China aumentaram.
(Adaptado de Folha de S. Paulo. 02/07/2010.
Caderno Ciência. pg A16)
Supondo que os números de bilhões de emissões de CO2
desses dois países nesses dois anos são as raízes reais
da equação (x2 − 13x + 40).(x2 − 13x + 41,25) = 0, então
as emissões de CO2
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
da China, em 2008, foram de 5,5 bilhões.
da China, em 2009, foram de 8 bilhões.
dos Estados Unidos, em 2008, foram de 7,5 bilhões.
dos Estados Unidos, em 2008, foram de 6 bilhões.
dos Estados Unidos, em 2009, foram de 5,5 bilhões.
SENAC-Vestibular-2010-Dezembro
7
Caderno de Prova ’ESP’, Tipo 001
Atenção: O texto abaixo refere-se às questões de números 27
e 28.
Uma organização da área de saúde, ligada ao controle
do tabagismo, fez várias pesquisas, em grupo distintos, sobre o
tema.
27.
As 100 pessoas de um grupo, sendo metade do sexo
feminino, foram monitoradas nos meses de julho de 2008,
2009 e 2010, sobre o hábito de fumar. Em 2008, verificouse que 80% do total de homens eram fumantes, o mesmo
ocorrendo com 90% do total de mulheres. Os dados da
pesquisa mostraram que o número de não fumantes
cresceu segundo uma progressão aritmética: para os
homens, de razão 5, para as mulheres, de razão 3.
Escolhendo-se ao acaso, em julho de 2010, uma das
pessoas monitoradas, a probabilidade de ela ser
(A)
um homem fumante é 0,33.
(B)
(C)
um homem não fumante é 0,25.
uma mulher não fumante é 0,11.
(D)
(E)
uma mulher não fumante é 0,10.
uma mulher fumante é 0,10.
_________________________________________________________
28.
Em um outro grupo, com 100 homens, há 26 fumantes,
sendo que o número dos que já tentaram parar de fumar
tem uma unidade a menos do que o dobro do número dos
que nunca tentaram. Dos não fumantes, o número dos
que nunca fumaram ultrapassa em 14 unidades o dobro
do número de ex-fumantes. Nessas condições, em quantas unidades o número de ex-fumantes ultrapassa o número dos fumantes que já tentaram largar esse hábito?
(A)
7
(B)
6
(C)
5
(D)
4
(E)
3
_________________________________________________________
29.
A tabela abaixo apresenta dados sobre a frota brasileira
de veículos, nos anos indicados.
Número de veículos, em milhões
Ano
Automóveis
Motocicletas
Caminhonetes
Caminhões
Ônibus
2005
2010
25,4
35,4
7,4
15,3
3,9
5,7
1,7
2,1
0,5
0,7
(Folha de S.Paulo. 18/07/2010. Caderno Cotidiano. p. C4)
Supondo que o aumento das respectivas quantidades de
cada tipo de veículo ocorra de forma linear no período de
2005 a 2015, então o número de
8
(A)
automóveis, em 2011, será 38,2 milhões.
(B)
motocicletas, em 2012, será 19,64 milhões.
(C)
caminhonetes, em 2013, será 11,4 milhões.
(D)
caminhões, em 2014, será 2,42 milhões.
(E)
ônibus, em 2015, será 0,93 milhões.
SENAC-Vestibular-2010-Dezembro
Caderno de Prova ’ESP’, Tipo 001
30.
Na Bacia de Campos, a Petrobras tem 9 navios adaptados, chamados Unidades Flutuantes ou Plataformas de
Produção de Petróleo. Na figura abaixo tem-se duas
delas, a P-51 e a P-53, localizadas, respectivamente, a
150 km e 120 km da cidade de Macaé.
(www.petrobras.com.br)
MACAÉ
α
P - 53
Dados:
2 = 1,4
3 = 1,7
P - 51
Se α = 30°, a distância entre essas plataformas, em
quilômetros, é um número compreendido entre
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
68 e 70
70 e 75
78 e 81
83 e 85
85 e 90
_________________________________________________________
Atenção:
Para responder às questões de números 31 e 32,
utilize as informações que seguem.
Na figura abaixo, as retas r e s interceptam-se no ponto A.
Suas intersecções com os eixos são os pontos B, C, D e
E. A unidade de medida indicada nos eixos é o centímetro.
s
y
D
r
A
1
C
E
B
0
31.
x
1
A área do triângulo ACD, em centímetros quadrados, é
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
0,6
0,8
1
1,2
1,4
_________________________________________________________
32.
Os pontos B e D são os centros das bases de um cilindro
circular reto. Se o perímetro de cada base é 4π cm, o
volume desse cilindro, em centímetros cúbicos, é igual a
(A)
2π 11
(B)
3π 5
(C)
3π 13
(D)
4π 11
(E)
4π 13
SENAC-Vestibular-2010-Dezembro
9
Caderno de Prova ’ESP’, Tipo 001
35.
CIÊNCIAS HUMANAS
33.
Considere as fotos.
Grande parte da riqueza mineral brasileira apenas passou
por Portugal, indo parar nos cofres da Inglaterra. A Coroa
lusa usou os minérios para pagar importações de produtos
ingleses. Segundo o economista Celso Furtado, foi com
essas reservas minerais que o governo inglês financiou a
pesquisa para a construção das primeiras máquinas
industriais, os seja, a pesquisa que iniciou a Revolução
Industrial (...).
(Nicolina L. Petta e Eduardo A. B. Ojeda. História: uma
abordagem integrada. São Paulo: Moderna, 2003. p. 115)
O conhecimento histórico permite associar ao fenômeno
descrito no texto o Tratado de Methuen assinado em 1703
que, além de
Ruínas do templo de
Apolo (300 a.C.)
Igreja de Santa Cruz, em Agtamar,
Armênia, erguida entre 915-921
(A)
dificultar o surgimento do processo de produção
industrial em Portugal, destinou riquezas extraídas
da colônia na América à Inglaterra, onde impulsionaram o desenvolvimento econômico.
(B)
dificultar o surgimento de inovações técnicas para a
extração de minério de ouro na América, impediu
que a riqueza produzida na região fosse utilizada por
Portugal no comércio com as nações europeias.
(C)
criar mecanismos para ampliar a arrecadação de
impostos para a Coroa portuguesa, aumentou as
restrições mercantilistas sobre a colônia e impediu o
intercâmbio comercial com os mercadores ingleses.
(D)
reafirmar o direito de Portugal de explorar as riquezas de suas colônias na América, contribuiu para
consolidar a política mercantilista lusa e reduzir a
dependência do país em relação à Inglaterra.
(E)
regularizar a atividade de extração de metal precioso
e garantir o recolhimento de impostos na colônia,
vinculou o desenvolvimento industrial português à
política de exportação de tecnologia inglesa.
(Joana Neves. História geral, a construção de um mundo
globalizado. São Paulo: Saraiva, 2002. p. 156)
Considerando a passagem da Antiguidade para a Idade
Média, as fotos podem ser associadas, nesse período, ao
que se afirma em:
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
a crença em múltiplos deuses foi substituída pelo
monoteísmo cristão, cujos mandamentos impuseram
uma nova regra de vida, passando o mundo terreno
para segundo plano.
a arte medieval recebeu influências greco-romanas
que, assimiladas pela arquitetura, contribuiu para
explicar aspectos da produção cultural e da forma
religiosa de ser e existir da sociedade.
os temas religiosos que marcaram a arquitetura
grega, cujos princípios influenciaram toda Europa
ocidental, foram lentamente substituídos pela arte
sacra e pela ideologia de um único Deus.
o estilo românico foi a expressão mais evidente da
solidariedade espiritual entre a crença politeísta da
cultura clássica e o monoteísmo religioso, o qual
determinou todo modo de vida da sociedade.
os templos e as igrejas, assim como na civilização
grega, foram construídos para oferecer refúgio de
paz e segurança para a maioria da população, a
qual se via ameaçada pelas constantes invasões.
_________________________________________________________
_________________________________________________________
34.
Analisando as decisões do Concílio de Trento, pode-se afirmar que a Contra Reforma procurou eliminar os fatores que
geravam as críticas mais intensas e preservar os fundamentos sobre os quais a Igreja Católica havia construído
seu poder político e econômico, na medida em que, a
I. adoção da doutrina dos primeiros tempos da era
Cristã, a qual valorizava a humildade e a pobreza,
atraiu muitos fiéis e garantiu o poder da Igreja.
36.
Não há nada mais conservador que um liberal no poder.
Nada mais liberal que um conservador na oposição [...].
(Oliveira Viana)
(Nicolina L. Petta e Eduardo A. B. Ojeda. História: uma
abordagem integrada. São Paulo: Moderna, 2003. p. 180)
O autor refere-se ao conteúdo ideológico dos partidos
políticos no Segundo Reinado que, embora rivais na luta
pelo poder, mantinham características comuns:
(A)
o ideal e luta pela formação de um governo mais
liberal e uma monarquia que privilegiasse mais a
autonomia do poder dos estados.
(B)
a preocupação de reduzir a exploração do trabalho
das camadas mais pobres da população e promover
o desenvolvimento da nação.
(C)
a exigência de modernização do Estado e a luta pelo
estabelecimento de novas formas de relacionamento
entre governo e nação.
(D)
o afastamento e alienação das camadas populares
do processo político e a manutenção da estrutura
escravista e agroexportadora.
(E)
a tentativa de limitar os poderes autoritários do monarca e a defesa do ideal de ampliação da participação política à camadas populares.
II. defesa do princípio da salvação pela fé e da livre
leitura da Bíblia assegurou o poder papal e incentivou o pagamento dos dízimos pelos fiéis.
III. restrição da venda de indulgência serviu para
acalmar os ânimos daqueles que eram contra a
corrupção da instituição.
IV. preservação do princípio da salvação pelas boas
obras garantiu a continuidade da entrada de capitais por meio das doações dos fiéis.
É correto o que se afirma SOMENTE em
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
10
I e II.
I e III.
II e III.
II e IV.
III e IV.
SENAC-Vestibular-2010-Dezembro
Caderno de Prova ’ESP’, Tipo 001
37.
39.
Considere o documento abaixo.
A Comuna de Paris DECRETA:
1. O alistamento obrigatório é abolido;
2. A guarda nacional é a única força militar permitida em
Paris;
3. Todos os cidadãos válidos fazem parte da guarda
nacional.
(http://pt.wikipedia.org/wiki/Comuna_de_Paris. Acesso em
09/09/2010)
No contexto histórico europeu do século XIX, o documento refere-se a um movimento revolucionário que pelas
reformas que propôs e introduziu é considerado, pela
maioria dos historiadores, como
(A) a única revolução impregnada do dualismo ideológico, então predominante em toda a Europa: o
liberalismo e o socialismo.
(B) a primeira experiência de organização de um governo socialista na Europa e o exercício do poder pelos
trabalhadores.
(C) o movimento que sepultou definitivamente as intenções restauradoras do absolutismo nos países da
Europa ocidental.
(D) o símbolo do ímpeto revolucionário que motivou uma
vaga de progressismo e diversos movimentos nacionalistas na Europa.
(E) a última tentativa de se construir um Estado comunista na Europa e o único a organizar a sociedade
em bases democráticas.
_________________________________________________________
_________________________________________________________
38.
Nos anos 50 (...) deslocam as políticas desenvolvimentistas, num quadro político marcado ainda pelas práticas
populistas (...).
A atuação dos líderes políticos, entretanto, vai substituindo
cada vez mais a adoção de objetos e favores para indivíduos ou grupos restritos, localizados, pelas promessas
de realizações concretas que atingem grandes contingentes populacionais.
Assim, o grande governante passa a ser o realizador, não
importando o custo ou a manutenção das obras: no Brasil,
“país do futuro”, empreender grandes obras, grandes
realizações passa a ser a finalidade do governo (...).
(Claudio Vicentino e Gianpaolo Dorigo. História: Brasil e
Geral. São Paulo: Scipione. 2001. p. 544)
Na evolução política brasileira, foi exemplar no processo
descrito no texto o presidente
(A) Getúlio Vargas, ao construir a Usina do Vale do Rio
Doce.
(B) Eurico Gaspar Dutra, ao construir a Petrobras.
(C) Juscelino Kubitschek ao construir uma capital, Brasília.
(D) Emílio Garrastazu Médici ao construir a Transamazônica.
(E) Ernesto Geisel ao construir a Usina Nuclear de
Angra dos Reis.
SENAC-Vestibular-2010-Dezembro
Sobre a Organização do Tratado do Atlântico Norte
(OTAN) − pacto militar entre a América do Norte e os países da Europa ocidental −, e o Pacto de Varsóvia, que formalizou a aliança entre os países do Leste europeu, podese afirmar que os dois pactos
(A) garantiram a paz mundial e a renúncia ao uso da força na política internacional, pois tanto os exércitos
da OTAN quanto os do Pacto de Varsóvia, procuraram desenvolver a cooperação entre os povos e o
respeito aos direitos de todos os países.
(B) consolidaram a bipolarização e agravaram as tensões no cenário internacional, pois tanto os exércitos
da OTAN quanto os do Pacto de Varsóvia fizeram
planos para uma intervenção militar, sob comando
unificado, no continente europeu.
(C) debilitaram o militarismo e enfraqueceram a corrida
armamentista, pois tanto a OTAN como o Pacto de
Varsóvia incentivaram o desenvolvimento de uma
política de coexistência pacífica em países como os
Estados Unidos e a União Soviética.
(D) foram responsáveis pelo impulso imperialista do
século XX, pois tanto os exércitos da OTAN quanto
os do Pacto de Varsóvia empenharam-se em conquistar bases estratégicas que garantissem matérias-primas para a indústria bélica.
(E) asseguraram, na segunda metade do século XX, o
equilíbrio de forças entre os países mais ricos, pois
tanto a OTAN como o Pacto de Varsóvia permitiram
que a Europa deixasse de ser uma zona de influência dos Estados Unidos e da União Soviética.
40.
Analise o gráfico.
A aceleração da desnacionalização em empresas brasileiras
(1990 - 1999)
458
480
491
394
322
252
186
56
1990
260
321
341
251
249
188
184
83
89
100
1992
1993
1994
132
47
1991
Número de operações de fusões
e aquisições de empresas brasileiras
1995
1996
1997
1998
1999
Aquisição de controle e compra de
participação pelo capital estrangeiro
(Claudio Vicentino e Gianpaolo Dorigo. História: Brasil e
Geral. São Paulo: Scipione. 2001. p. 656)
A análise dos dados do gráfico e o conhecimento histórico
permitem afirmar que, nesse período no Brasil, a
(A) abertura da economia brasileira ao capital estrangeiro e
às empresas transnacionais, com a crescente estabilização da moeda e a redução dos índices inflacionários, foi acompanhada pelo progressivo desenvolvimento das indústrias nacionais e da economia no país.
(B) redução de dívida externa, que tinha chegado a representar verdadeira sangria nas finanças nacionais,
e as grandes remessas de lucros para o exterior
foram acompanhados de programas de aceleração
das privatizações e instalação de empresas estrangeiras no país.
(C) coordenação e planejamento econômico do Estado,
com o objetivo de estabelecer diretrizes de política econômica, foram acompanhados pela criação de órgãos
para auxiliar e expandir setores tradicionais e viabilizar
a instalação de empresas multinacionais no país.
(D) adoção do projeto liberal como modelo para se alcançar o desenvolvimento econômico nacional, com
a crescente intervenção do Estado na economia, foi
acompanhada pela penetração do capital estrangeiro por meio da aplicação direta de empresas multinacionais.
(E) dinâmica globalizante da economia, com a eliminação
progressiva das medidas comerciais protecionistas e a
crescente instalação das maiores transnacionais do
planeta, foi acompanhada pela aceleração de fusões e
aquisições de empresas pelo capital estrangeiro.
11
Caderno de Prova ’ESP’, Tipo 001
41.
43.
Considere a imagem e sua legenda.
Na Victor Company, no Japão, veículos automatizados entregam componentes de filmadoras e outros materiais a 64
robôs que, por sua vez, executam 150 tarefas diferentes
de montagem e inspeção. Apenas dois seres humanos estão presentes no ambiente de fabricação. Antes da introdução das máquinas inteligentes e robôs, eram necessários 150 empregados para fabricar as filmadoras na
Victor.
(http://www.ime.usp.br/~is/ddt/mac339-00/projetos/htm. Acesso em setembro de 2010)
O texto apresenta elementos que destacam
Em agosto de 2010 enchentes no Paquistão já causaram
milhões de vítimas.
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
_________________________________________________________
(http://www.portugues.rfi.fr/geral/20100810-.Acesso em 10/08/2010)
44.
Assinale a alternativa que indica o título mais adequado
para uma reportagem que acompanhe a imagem.
(A)
Aquecimento global faz vítimas no leste asiático
(B)
Geleiras do Himalaia derretem muito rápido
(C)
El Niño provoca mudanças climáticas no sul-asiático
(D)
Clima de monções tem chuvas abundantes no verão
(E)
Excesso de poluição provoca chuvas abundantes na
Ásia
Um dos problemas da União Europeia é que ela não sabe
que papel desempenhar num mundo em que o Ocidente
está em decadência e “o resto“ em ascensão. Países
como a França sonharam com um mundo multipolar, onde
os Estados Unidos não seriam a única potência. Agora
que ele surgiu, a Europa parece incapaz de aproveitar sua
oportunidade, em parte porque a própria Europa é
multipolar.
O fato deste bioma ter sido convertido em agricultura não
é o mais problemático, a questão maior é a intensidade
com que o processo se dá. A degradação tem avançado
rapidamente em direção a Tocantins, oeste da Bahia, sul
do Maranhão e Piauí. E não há planejamento para
utilização do solo. Quando digo planejamento me refiro a
saber exatamente quanto e onde a mata nativa deve ser
preservada. Isso é imprescindível para a manutenção dos
serviços ambientais de um determinado bioma.
(Jornal da Ciência (JC E-Mail) ed. 4100 −
Notícias de C&T − Serviço da SBPC)
O texto refere-se ao bioma
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
_________________________________________________________
42.
a descentralização industrial.
o começo da industrialização nos países desenvolvidos.
a terceira revolução industrial.
o aumento do desemprego no setor terciário.
o crescimento da produção para exportação.
da mata tropical.
da mata dos cocais.
dos campos.
das restingas.
do cerrado.
_________________________________________________________
45.
Considere o gráfico e as afirmações para responder à
questão.
Brasil − Porcentagem de domicílios atendidos
por serviços de infraestrutura básica (2009)
100
(http://opiniaoenoticia.com.br/internacional/mundo/politica-externada-uniao-europeia-enfrenta-dificuldades/?optin. Acesso em agosto
de 2010)
80
60
Sobre o conteúdo do texto é correto afirmar que
%
(A)
(B)
no interior do bloco europeu há disputas que demonstram que a integração econômica não foi
acompanhada na mesma proporção pela uniformização das questões políticas.
a Europa tem perdido espaço geopolítico em nível
mundial em parte por sua histórica opção de excluir
a Turquia do bloco da União Europeia.
40
20
0
Rede geral
de água
Rede coletora
ou fossa
séptica
Coleta
de lixo
Iluminação
elétrica
(IBGE − PNAD − Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio)
I. O maior deficit do setor de saneamento básico
(C)
(D)
(E)
12
a multipolaridade europeia é consequência das décadas de separação político-ideológica do período
da Guerra Fria e ainda hoje percebe-se o confronto
entre o leste e o oeste.
após a crise financeira de 2008/2009 vários países
da Europa entraram em recessão e os antigos objetivos de constituição de um polo geopolítico foram
abandonados.
apesar dos esforços de integração econômica, as
várias linhas político-ideológicas no continente impedem que a Europa se transforme em um polo geopolítico.
ocorre na coleta e tratamento de esgoto.
II. Pouco mais de 50% dos domicílios no Brasil não são
atendidos por nenhum tipo de coleta de lixo.
III. A iluminação elétrica é praticamente um bem universal nos domicílios brasileiros.
É correto o que se afirma SOMENTE em
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
I.
I e II.
I e III.
II.
III.
SENAC-Vestibular-2010-Dezembro
Caderno de Prova ’ESP’, Tipo 001
46.
Ônibus irregular é flagrado com 15 jovens para colher cebola
Aliciados nos municípios de Itobi (SP), São José do Rio Pardo (SP) e Casa Branca (SP), no interior paulista, 15 adolescentes
foram flagrados por fiscalização de transportes de trabalhadores para a colheita de cebola.
O conjunto dos trabalhadores estava em um ônibus em mau estado de conservação e com o licenciamento vencido. Entre os 15
adolescentes, 7 eram meninas e 8 eram meninos. Os responsáveis pelos jovens tiveram de apresentar e assinar termo de
responsabilidade para que o grupo pudesse voltar para as suas casas. Um dos motivos para o aliciamento de mão de obra de
jovens está na facilidade e agilidade que os adolescentes têm para colher cebolas se comparados com os adultos, pois a
catação é feita diretamente no solo com a postura abaixada.
(http://www.reporterbrasil.com.br/exibe.php?id=1800. Acesso em setembro de 2010)
Da leitura do texto é correto afirmar que
(A)
o trabalho de adolescentes faz-se necessário onde as atividades agrícolas são muito especializadas ou delicadas.
(B)
o campo brasileiro ainda abriga grande contingente de famílias pobres que necessitam do trabalho ilegal de crianças e
jovens.
(C)
o fato de existirem muitos jovens trabalhando na agricultura mostra o deficit de mão de obra provocado pelo êxodo rural.
(D)
os jovens da zona rural têm entrado no mercado de trabalho mais cedo devido à rápida expansão das atividades agrícolas.
(E)
o trabalho de adolescentes é mais encontrado em regiões onde há grande dinamismo econômico, a exemplo do que
ocorre em São Paulo.
47.
BRASIL − PROBLEMAS AMBIENTAIS
1
2
3
(Adaptado de Leda Isola & Vera Caldini. Atlas geográfico Saraiva. São Paulo: Saraiva, 2007. p. 31)
Assinale a alternativa que identifica corretamente as legendas 1, 2 e 3 do mapa.
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
48.
1
Riscos de erosão
Risco de desertificação
Chuva ácida
Deslizamentos
Risco de desertificação
2
Risco de desertificação
Queimadas
Riscos de erosão
Chuva ácida
Deslizamentos
3
Chuva ácida
Deslizamentos
Queimadas
Riscos de erosão
Queimadas
Atualmente, temos 14 cidades com mais de um milhão de habitantes no Brasil. A maior parte dessas cidades
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
tem perdido população devido à chamada migração de retorno.
tem mantido sua unidade e evitado a formação de conurbações.
está concentrada na região Centro-Sul do país.
apresenta o setor industrial como atividade predominante.
constitui uma rede urbana fraca e deficiente.
SENAC-Vestibular-2010-Dezembro
13
Caderno de Prova ’ESP’, Tipo 001
enquete. Com a ideia aprovada, inscreveu o colégio.
LINGUAGENS E CÓDIGOS
Sem nada
49.
saber,
Bonvenuto,
funcionário
da
prefeitura, recebeu uma lista para escolher em quais
colégios iria lecionar. Quando viu um de alunos especiais,
20
selecionou na hora. “Vi como desafio e comecei a
pesquisar o tema. Não achei nenhum estudo, mas
descobri Evelyn Glennie [uma percussionista escocesa
surda].”
Nascia o plano de aula: Bonvenuto iria ensinar
25
percussão. Nas apresentações, une os surdos a alunos
de escolas vizinhas. Sem deficiência física, estes últimos
tocam instrumentos como teclado, trompete e trombone.
“Misturei os surdos com os ouvintes, porque, afinal, é um
projeto de inclusão.”
(Ocimara Balman. “Meninos surdos batucam forte no
Jaçanã”. Inclusão. São Paulo. revista da Folha de S.
Paulo. 12 a 18 de setembro de 2010. p. 38)
50.
Na tira acima reproduzida, o efeito de humor
(A)
procede do jogo entre a sequência narrativa, de
base visual, e a linguagem verbal: as falas desorganizam o encadeamento estabelecido pelas imagens.
(B)
está associado à surpresa dos pais ao constatarem
que Cebolinha desconhecia o sentido da palavra
canibal.
(C)
é resultado do contraste entre a expectativa do pai
ao entrar em casa e a reação dos familiares à sua
chegada tardia.
(D)
é produzido pelo aproveitamento da coincidência
entre o nome da personagem e o principal ingrediente da sopa.
(E)
decorre das alterações de humor que a fisionomia do
pai expressa: carrancudo, pelo cansaço, feliz, pelo
carinho da esposa, e, depois, decepcionado pelo cardápio do jantar.
A autora do texto
(A)
situa o leitor no ano de 2005 e lá o mantém, tanto
vendo como se comportavam os jovens componentes de uma orquestra, quanto ouvindo a história do
grupo.
(B)
expressa comovida opinião sobre uma orquestra composta por jovens músicos que apresentam deficiência
auditiva.
(C)
critica a atitude descuidada de uma funcionária da
Secretaria da Educação, mesmo reconhecendo que a
desatenção acabou gerando uma louvável iniciativa.
(D)
disserta sobre a concepção e concretização de uma
ideia, explicitando seu entendimento de que o
maestro-professor é exemplo a ser seguido.
(E)
parte da descrição de uma cena e, fazendo um retrospecto, relata a origem e desenvolvimento de um
projeto.
_________________________________________________________
Atenção:
As questões de números 50 a 53 referem-se ao
texto abaixo.
_________________________________________________________
51.
Sempre considerando o contexto, é correto afirmar:
Os olhos de cada adolescente não se desviam do
maestro. Nem podem. Apesar de as mãos batucarem
(A)
A coesão da frase Nem podem (linha 2) com a
anterior dá-se exclusivamente por meio da ideia
subentendida (“fazer isso”).
(B)
Ao marcar a fala do maestro com o emprego das
aspas (linhas 7 e 8), a autora sinaliza que se deve
atribuir à fala um valor superior ao dado a qualquer
outra frase citada.
(C)
(linhas 13 e 14) Em se o colégio se interessava em
ter uma orquestra, o conectivo destacado introduz
uma condição.
(D)
(linhas 14 e 15) A frase já que todos os alunos são
surdos exprime o motivo de a Secretaria perguntar
se o colégio se interessava em ter uma orquestra.
(E)
(linhas 22 e 23) O uso dos colchetes sinaliza a
interferência da voz explicativa da autora na fala do
maestro.
firmes e certeiras sobre atabaques, ashikos e djembês
(instrumentos de percussão), os músicos não escutam
5
nada do que tocam. Todos surdos, são instrumentistas da
Música do Silêncio, projeto criado pelo maestro Fábio
Bonvenuto, 42. “Meus gestos e meu semblante são a
nossa comunicação”, explica.
Tudo começou em 2005, quando a diretora da
10
Escola Municipal de Educação Especial Madre Lucie
Bray, no Jaçanã (zona norte), recebeu um documento por
engano. Era um formulário da Secretaria da Educação
perguntando se o colégio se interessava em ter uma
orquestra. Em vez de avisar sobre o erro no envio, já que
15
14
todos os alunos são surdos, ela decidiu fazer uma
SENAC-Vestibular-2010-Dezembro
Caderno de Prova ’ESP’, Tipo 001
52.
Apesar de as mãos batucarem firmes e certeiras sobre
atabaques, ashikos e djembês (instrumentos de percussão), os músicos não escutam nada do que tocam.
55.
A frase acima manterá a correção e o sentido originais se
o segmento destacado for substituído por:
(A)
(B)
(C)
(D)
(E)
Mesmo quando as mãos batucam.
Ainda que as mãos batuquem.
Na medida em que as mãos batucam.
No caso de as mãos batucarem.
Sendo que as mãos batucam.
A frase redigida de maneira clara e em conformidade com
o padrão culto escrito é:
(A)
Com exceção dos que haviam anteriormente se proposto a participar do projeto, poucos estavam preparados para ir e atender às demandas dos moradores.
(B)
Vivendo em região considerada de vocação agrícola,
desde o ano passado, decidi a fazer um curso técnico na área e agora entendo que posso contribuir no
que precisarem.
(C)
Através da minha atuação na comunidade que nasci
pretendo desenvolver meu espírito crítico, inicialmente dedicando a trabalhar com os mais jovens.
_________________________________________________________
53.
Considerado o último parágrafo, é correto afirmar:
(A)
Nesse específico contexto, as formas verbais Nascia
e tocam exprimem ações habituais.
(B)
Respeitando exatamente a mesma organização
sintática de une os surdos a alunos de escolas
vizinhas, a passagem dos termos destacados para o
feminino produziria a forma “une as surdas às alunas
de escolas vizinhas”.
(D)
Pela falta de pouca oportunidade de acesso ao ensino superior, muitos jovens partem para a capital do
estado, aonde as vezes encontram muitos obstáculos.
(C)
A frase Misturei os surdos com os ouvintes, no contexto em que apresentações são referidas, produz
ambiguidade.
(E)
O mal humor dele começava a contagiar a todos, por
isso os coordenadores lhe impediram de permanecer no recinto que os outros iriam se alojar.
(D)
A palavra porque está empregada em conformidade
com o padrão culto escrito, assim como o está em
“Ela não apresentou motivos, por isso não sei porque não irá conosco”.
(E)
_________________________________________________________
Se a frase Misturei os surdos com os ouvintes, porque, afinal, é um projeto de inclusão fosse alterada,
estaria corretamente pontuada assim “Misturei sim,
os surdos com os ouvintes pelo simples motivo, de
ser um projeto de inclusão”.
_________________________________________________________
54.
A névoa que recobre os primórdios da fotografia é menos
espessa que a que obscurece as origens da imprensa; já
se pressentia, no caso da fotografia, que a hora da sua
invenção chegara, e vários pesquisadores, trabalhando
independentemente, visavam ao mesmo objetivo: fixar as
imagens da câmera obscura, que eram conhecidas pelo
menos desde Leonardo.
56.
Retórica dos namorados, dá-me uma comparação exata e
poética para dizer o que foram aqueles olhos de Capitu.
Não me acode imagem capaz de dizer, sem quebra da
dignidade do estilo, o que eles foram e me fizeram. Olhos
de ressaca? Vá, de ressaca. É o que me dá ideia daquela
feição nova.
(Dom Casmurro)
Traços que são corretamente atribuídos a esse romance
de Machado de Assis, e que estão presentes no fragmento acima, encontram-se em:
(A)
narrador-defunto, o que propicia frutífero ângulo de
visão dos fatos e personagens / atitude metalinguística, isto é, o narrador trata, no interior da obra, de
questões associadas ao próprio ato de narrar.
(B)
suspensão do relato para que tenham lugar reflexões sobre a Arte / exposição de uma teoria filosófica, o Humanitismo.
(C)
relato feito pela personagem-protagonista / o narrador não deixa o leitor esquecer que está diante de
um relato, isto é, de palavras, que podem não traduzir exatamente o que a personagem-narradora desejaria expressar.
(D)
expressão exaltada do ciúme da personagem principal, sentimento que leva Bentinho a se transformar
em Dom Casmurro / comparação explícita que o narrador faz entre sua vida e a encenação de um
drama, particularmente Otelo, que trata de ciúme e
traição.
(E)
relato que respeita a ordem cronológica dos fatos /
inserção de digressões que permitem ao narrador,
que tudo vê e tudo sabe, manifestar sua visão pessimista sobre a condição humana.
Obs. Leonardo da Vinci (1452-1519).
(Walter Benjamin, “Pequena história da fotografia”. In Magia e
técnica, arte e política: ensaios sobre literatura e história da
cultura. 7.ed. São Paulo: Brasiliense, 1994. p. 91)
Na argumentação estabelecida no fragmento,
(A)
a comparação feita entre fotografia e imprensa expressa-se exclusivamente pela oposição entre recobre e obscurece.
(B)
o emprego de pelo menos evidencia que, para o
autor, as imagens da câmera obscura já haviam sido
fixadas antes de Leonardo.
(C)
em menos espessa que a que obscurece as origens
da imprensa, o pronome destacado retoma a palavra
fotografia.
(D)
o autor referiu o objetivo comum de várias pesquisas
independentes para convencer o leitor de que as
pessoas intuíam que a invenção da fotografia estava próxima.
(E)
o autor citou Leonardo para evidenciar que se sabe
muito menos acerca do surgimento da fotografia do
que acerca da invenção da imprensa.
SENAC-Vestibular-2010-Dezembro
15
Caderno de Prova ’ESP’, Tipo 001
57.
Em “Poética”, Manuel Bandeira assim se expressa:
Estou farto do lirismo namorador
[...]
De todo lirismo que capitula ao que quer que seja fora de si mesmo.
Os versos que, por seu tema e tom poético, exemplificam o lirismo criticado pelo poeta encontram-se em:
(A)
Meu avô foi buscar ouro
mas o ouro virou terra.
Meu avô foi buscar terra
e a terra virou fronteira.
Meu avô, ainda intrigado,
foi modelar a fronteira:
E o Brasil tomou forma de harpa.
(B)
− Então, doutor, não é possível tentar o pneumotórax?
− Não. A única coisa a fazer é tocar um tango argentino.
(C)
Há pouco leite no país,
é preciso entregá-lo cedo.
Há muita sede no país,
é preciso entregá-lo cedo.
Há no país uma legenda,
que ladrão se mata com tiro.
(D)
O adeus, o teu adeus, minha saudade,
Fazem que insano do viver me prive
E tenha os olhos meus na escuridade.
(E)
Minhas ideias abstratas,
De tanto as tocar, tornaram-se concretas:
São rosas familiares
Que o tempo traz ao alcance da mão...
58.
No dia 6 de junho de 1986, portanto há mais de um ano, eu dava nesta coluna notícia do que passou a acontecer, desde
que mandei colocar na minha janela uns vasos de gerânio.
Dependurei ali um bebedouro, desses para beija-flor, mas outros passarinhos é que começaram a aparecer todas as
manhãs, fartando-se de água açucarada, na maior algazarra. Assim escrevi então sobre um deles:
Todas as manhãs ele vem me visitar. [...]
(Fernando Sabino, “Meus dois amigos”)
O fragmento acima
16
(A)
mostra um autor que tira proveito da “aventura do cotidiano”, pois nele discorre detidamente sobre os pensamentos que os
fatos citados instigam.
(B)
revela traços típicos da crônica, entre eles, a leveza da linguagem, o tom coloquial com que trata um aspecto do cotidiano.
(C)
tem como eixo a alma do artista, que, ao transbordar diante do espetáculo da vida, dá origem a esse trecho de poema em
prosa.
(D)
jamais poderia fazer parte de um romance ou conto, pois essas formas narrativas ficcionais rejeitam a fixação precisa de
datas.
(E)
demonstra integrar uma reportagem jornalística, pelo trato objetivo do tema e pela referência à data e ao veículo de
comunicação.
SENAC-Vestibular-2010-Dezembro
Caderno de Prova ’ESP’, Tipo 001
59.
Espanhol
La alternativa en la que algunos de los números
subrayados en el texto están correctamente escritos es:
(A)
Atenção:
As questões de números 59 a 64 referem-se ao
texto apresentado abaixo.
(B)
Había 40 pasajeros y cinco
(C)
(D)
tripulantes en aquel avión que
en octubre de 1972 se estrelló
en
Los
Andes
cuando
trasladaba al equipo de rugby
(E)
_________________________________________________________
60.
uruguayo Old Christians hacia
Santiago de Chile. Los 45
La alternativa que presenta otra voz verbal que reemplaza
las formas se rodó, se escribieron, se filmaron, se
organizaron y se creó, subrayadas en el texto, es:
(A)
sobrevivieron al golpe. Pero
después de una semana sólo
(B)
quedaban vivos 27. Al cabo de
(Foto: http://www2.esmas.com)
(C)
73 días, en los que se vieron
obligados a alimentarse con el cuerpo de sus compañeros
(D)
(E)
muertos, sobrevivieron 16. Cuatro de ellos − José Luis Inciarte,
Pedro Algorta, Ramón Sabella, Gustavo Zerbino − viajaron ayer
al desierto de Atacama para animar a los mineros que cumplen
hoy un mes enterrados a 700 metros bajo tierra.
Con aquella odisea se llegó a montar toda una industria
de entretenimiento. En 1993 se rodó la película Viven, antes y
después se escribieron varios libros, se filmaron documentales,
se organizaron viajes turísticos al lugar del accidente y se creó
una página oficial de Internet sobre el accidente. Ramón Sabella
explicó ayer que los dos accidentes fueron muy distintos, pero
guardan puntos en común: “Cuando ustedes estaban
buscándolos con las sondas y las sondas perforaban en lugares
equivocados, a mí me recordaba cuando pasaban los aviones
por arriba nuestro; de repente se estaban acercando, de
repente se alejaban y nos abandonaban de vuelta. Yo creo que
ellos sintieron las mismas sensaciones en ese momento”.
Gustavo Zerbino, de 57 años, no deja de impartir por el
mundo conferencias sobre superación personal. Entre sus
muchas ocupaciones destaca la de asesor psicológico de la
selección de Uruguay en el Mundial. Cuando se le preguntó a
se expresó. Ramón Sabella, otro de los supervivientes que
visitaron la mina, recogió el sentir de sus compañeros cuando
en los 30 segundos en que pudo charlar con Luis Urzúa, el líder
y jefe de turno de los 33 enterrados, le dijo: “Cuando todo esto
termine y pasen los años, y sean viejos como nosotros, estos
problemas que están pasando acá les van a parecer minúsculos
al lado de la alegría que es la vida. Una vez que salgan
abrazándose con las familias todo esto va a quedar como una
anécdota”.
(http://www.elpais.com. Acesso em 05/09/2010)
SENAC-Vestibular-2010-Espanhol-Dezembro
fue rodada − fue escrito − fue filmado − fue
organizado − fue creado
es rodada − son escritos − son filmados − son
organizados − es creada
se rueda − se escriben − se filman − se organizan −
se crea
ruedan − escriben − filman − organizan − crea
fue rodada − fueron escritos − fueron filmados −
fueron organizados − fue creada
_________________________________________________________
61.
La alternativa que presenta un sustituto para el articulador
pero, subrayado en el segundo párrafo del texto,
manteniendo su sentido, es
(A) todavía.
(B) sino.
(C) aún.
(D) en cuanto.
(E) aunque.
_________________________________________________________
62.
El referente correcto del pronombre le, subrayado en el
cuarto párrafo del texto, es
(A) Ramón Sabella.
(B) Luis Urzúa.
(C) los supervivientes.
(D) las familias de los 33 mineros.
(E) Gustavo Zerbino.
________________________________________________________
63.
Según el texto:
(A)
(B)
Zerbino si la película Viven, en la que ellos colaboraron, recoge
con fidelidad lo que ocurrió realmente en Los Andes, comentó:
“Es una película, una interpretación artística de la realidad, que
intenta reflejar en una hora y media lo que pasó en 73 días.
¿Desde cuándo una película tiene algo que ver con lo que pasó
en la realidad?”.
Si se trataba de contagiar optimismo, ganas de luchar y
de vivir, casi tan importante como lo que dijo Zerbino a las
familias de los 33 mineros fue la vitalidad contagiosa con la que
cincuenta siete − setecientos − mil novecientos
setenta dos
setenta y tres − veinte y siete − mil y novecientos y
noventa y tres
cuarenta y cinco − veintisiete − dieciséis
treinta y tres − setenta y tres − mil novecientos y
noventa y tres
cuarenta − treinta − veinte y siete
(C)
(D)
(E)
Zerbino no cree que una película pueda reflejar
fielmente lo que pasó en la realidad.
Zerbino cree que la película Viven recoge con
fidelidad lo que ocurrió en Los Andes.
Luis Urzúa, uno de los supervivientes del accidente
de Los Andes, le comenta a uno de los mineros que
cuando todo esto termine y pasen los años, los
problemas que están pasando ahora en la mina van
a parecer minúsculos comparados a la alegría que
es la vida.
La industria de entretenimiento ya piensa en adaptar
la historia de los 33 para el cine.
Una página oficial de Internet registra la visita de los
supervivientes de Los Andes a los mineros.
_________________________________________________________
64.
Un posible título para el texto es
(A) La industria de entretenimiento estudia la posibilidad
de rodar una película sobre Los 33
(B) Los astros de la película Viven visitan a los 33
(C) Los supervivientes de Los Andes ayudan a los
mineros
(D) Zerbino lleva optimismo y ganas de vivir a los
albañiles
(E) Los 16 supervivientes de Los Andes visitan a los
mineros
.
17
Caderno de Prova ’ESP’, Tipo 001
REDAÇÃO
1.
Leia com atenção o que segue.
Na sociedade do espetáculo, aparecer é ter valor: “quem aparece é bom, e quem é bom aparece”. Nela, a
relação entre as pessoas é mediada por imagens e a vida só é real quando se torna "foto" − a “família margarina"
é mais família que a nossa.
Quando a necessidade de experimentar e testar limites, típica da adolescência, se junta à necessidade de
aparecer o máximo possível, típica da sociedade do espetáculo, e ao fator tecnologia, a autoexibição se torna
cada vez mais frequente.
(Adaptado de Marion Minerbo, “Autoexposição adolescente”. Folha de S. Paulo. Coisas loucas. Equilíbrio, 14 set. 2010)
2.
Redija uma dissertação em que você exponha, de modo claro e coerente, seu ponto de vista sobre o fato de muitos jovens
aceitarem como verdade inquestionável os valores da sociedade do espetáculo, num momento em que a tecnologia
avança rapidamente nas formas de produzir imagens. Argumente de maneira a tornar seu texto bastante convincente.
3.
A redação deverá ter a extensão mínima de 20 e máxima de 30 linhas, considerando-se letra de tamanho regular.
Redação – Rascunho
18
SENAC-Vestibular-2010-Espanhol-Dezembro

Documentos relacionados