Recomeçar sob as Bênçãos de Deus!

Сomentários

Transcrição

Recomeçar sob as Bênçãos de Deus!
VIDA DE SANTO
São Dâmaso, um Papa humilde e paciente.
Página 8
JORNAL
Ano V, Nº 17, dezembro de 2013
ÓRGÃO INFORMATIVO DA PARÓQUIA
NOSSA SENHORA DA ASSUNÇÃO
Divulgação
Distribuição gratuita
Natal e Ano Novo nos
levam a revisão de
vida. É tempo de avaliar e optar pelo melhor caminho. É tempo de decidir-se por
Deus, rumo às metas
que resultam em boas
realizações e felicidade. Páginas 6 e 7
Divulgação
Regis Lima
Recomeçar sob as
Bênçãos de Deus!
A Palavra
do Pároco
Página 2
VIVENDO EM Comunidade - Pe. Marcos Rogério abençoa o Ponto de Cultura, da Associação Cultural Arraiá Chapéu do Vovô. Página 10.
A Alegria do
Evangelho
Página 9
A Igreja Católica inica o ano refletindo sobre a paz. Celebremos o 47º Dia
Mundial da Paz! Página 2.
2
Opinião
JORNAL DA PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA ASSUNÇÃO
Ano V, Nº 17, dezembro de 2013
A Palavra do
Pároco
FÉ católica
Dia
Natal é ocasião Mundial
da Paz
para testemunhar nossa fé
Pe. Marcos Rogério, SPadV
Um feliz e santo Natal e um Ano Novo cheio de bênçãos!
JORNAL
Ano V – nº 17
dezembro 2013
Veículo de
comunicação da
Paróquia Nossa Senhora da Assunção
Coordenação editorial: Pe. Marcos Rogério, SPadV; Coordenação da equipe de comunicação: Leonardo Ferreira; Editor: Manoel Juraci Mota; Redação: Alessa Campos,
Ana Cláudia, Bruna Teixeira, Jerry Adriano, Leandro de Castro, Leonardo Ferreira, Pe.
Marcos Rogério, Marlene Mota e Thiago Alves; Fotográfos: Davi Santos e Reginaldo
Lima; Diagramação: Cleomar Gomes Nogueira.
Endereço: Rua R-44, S/N, área 10, Vila Itatiaia - CEP 74690-690; Telefones:
(62) 3205-1989 - 3954-0889; Internet: www.nossasenhoradaassuncao.com.br; E-mail:
[email protected]; Impressão: LL Gráfica e Editora Ltda - (62) 3202-2866;
Tiragem: 3 mil unidades.
O Dia Mundial da
Paz, com que a Igreja
Católica assinala o início de cada novo ano, foi
celebrado pela primeira
vez em 1968, por iniciativa do Papa Paulo VI,
num convite alargado
a "todos os homens de
boa vontade".
A iniciativa foi
apresentada como “augúrio e promessa, no
início do calendário que
mede e traça o caminho da vida humana no
tempo que seja a Paz,
com o seu justo e benéfico equilíbrio, a dominar o processar-se
da história no futuro”.
A proposta de dedicar à Paz o primeiro dia do novo ano
não tinha “a pretensão de ser qualificada como exclusivamente religiosa ou católica”, mas, segundo dizia Paulo VI, “seria
para desejar que ela encontrasse a adesão de todos os verdadeiros amigos da Paz, como se se tratasse de uma iniciativa
própria”.
“A Igreja Católica, com intenção de servir e de dar exemplo, pretende simplesmente lançar a ideia, com a esperança
de que ela venha não só a receber o mais amplo consenso
no mundo civil, mas que também encontre por toda a parte
muitos promotores audazes, que imprimam ao Dia da Paz,
um caráter sincero e forte, de uma humanidade consciente e
liberta dos seus tristes e fatais conflitos bélicos, que quer dar
à história do mundo um futuro mais feliz, ordenado e civil”,
podia ler-se na primeira mensagem para esta celebração.
Nestas mais de quatro décadas, várias foram as mensagens dedicadas ao tema da pedagogia da paz, a começar
pelo próprio Paulo VI em 1970 (“Educar-se para a paz através
da reconciliação”): “Sim, a Paz começa no interior dos corações. Primeiro, impõe-se conhecê-la, reconhecê-la e querê-la
- amar a Paz; depois, estaremos em condições de expressá-la
e imprimi-la nos costumes renovados da humanidade: na sua
filosofia, na sua sociologia e na sua política”.
O 47.º Dia Mundial da Paz, em 2014, é dedicado ao
tema "Fraterninidade, Fundamentos e Caminhos de Paz". O
Papa Franncisco destacou a importância de uma “paternidade” comum na humanidade para travar a “globalização da
indiferença” .
(Fonte: www.agencia.ecclesia.pt/cgi-bin/noticia.
pl?&id=88756, com adptações)
Divulgação
O tempo passa depressa, os dias parecem que nem conseguem
eternizar os momentos bonitos que vamos vivendo ao longo do ano.
Como que não soubéssemos, saímos às ruas e encontramos as luzinhas
que brilham em todos os cantos da cidade.
Paramos e respiramos o Natal que se faz presentes em árvores,
todas decoradas. Papai noel chegando de helicóptero, extremamente moderno, e os shoppings comemorando sucessos de vendas. Talvez seja
esse o sentido que queiram nos passar daquela que é uma das maiores
festas cristãs: “o nascimento de Nosso Senhor Jesus Cristo”.
Estamos tão atordoados com as inúmeras confraternizações, com
amigos secretos, que o menino que chega nem mesmo é lembrado. Natal sem
Cristo é o mesmo que sorvete de mármore: falta sabor, carece de sentido.
A liturgia do Natal nos ajuda a entender que o Senhor vem trazendo vida e salvação para toda a humanidade, o tempo da espera se
concretiza na feliz noticia de que “Nasceu para nós um menino, um filho
nos foi dado... Seu nome será Maravilhoso Conselheiro, Deus forte, Pai
para sempre, Príncipe da Paz” (Is 9,5).
Dessa forma é necessário dizer que celebrar o Natal é a ocasião
que temos para testemunhar nossa fé. É momento em que as famílias
têm para experimentar a novidade do menino que vem trazendo a certeza
de que a vida pode ser melhor, que podemos buscar no Senhor a esperança, a fraternidade e a paz.
Natal é a festa da vida, do encanto, da certeza de que não estamos
sozinhos, que nas nossas solidões e tempestades se pode ouvir o choro
gostoso da criança que enche os vazios da nossa existência, que cicatriza
nossas rachaduras e nos faz ver que as promessas do Senhor se realizam
na vida de todas as criaturas.
Ao celebrarmos o Natal tentemos nos encontrar com o dono da festa,
entreguemos o melhor de todos os presentes. Que este dia seja para cada
um de nós um momento de reflexão. Que nos ajude a considerar o porquê
dessa festa. Por que trocar presentes? Por que preparar a ceia? A resposta
é simples: para que sejamos mais irmãos e aprendamos que nossa missão
como cristão é testemunhar o amor daquele que nos amou até o fim.
FORMAÇÃO
JORNAL DA PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA ASSUNÇÃO
Ano V, Nº 17, dezembro de 2013
3
Para ler e refletir
A Virgem Maria no Plano da Salvação
Jerry Adriano
Tudo em Maria é dom de Deus. Ela
sabe que não pode por si mesma realizar
nada. É dom de Deus que se dá aos homens nela e por meio dela (cf. Lc 1, 29). A
respeito disso, o Catecismo da Igreja Cató-
Divulgação
Divulgação
movimento. Deus disse: “porei ódio entre
ti e a mulher, entre a tua descendência e
Segundo a revelação Cristã, Deus é a dela. Esta te ferirá a cabeça, e tu lhe feo autor de todas as coisas que existem na rireis o calcanhar” (Gn 3,15). Nesse texto,
terra. Revela-nos na Sagrada Escritura que a presença forte de um anúncio eminente
Deus criou o céu e a terra; seguido das coi- do desejo salvífico de Deus. O Deus
sas criadas, Deus fez o homem: “Façamos que se revela Criador não quer em
o homem à nossa imagem e semelhança. sua liberdade deixar que suas criaDeus colocou o homem e a mulher no jar- turas conheçam a corrupção eterna.
dim (Gn 2,8)”. Aqui vemos a relação de in- Deus pensa em salvar o seu povo
timidade entre o Criador e as criaturas. As enviando o Messias, o Messias será
criaturas humanas se encontravam num nascido de uma mulher. No Livro
estado de extrema felicidade, pois realiza- de Isaias vemos com expressividade
vam o projeto para o qual foram criadas: e de modo maravilhoso a promesconhecer, amar e servir a Deus.
sa. Deus vos dará uma indicação...
Com a entrada do pecado no mundo, Por isso, o próprio Senhor vos dará
o projeto salvífico de Deus foi colocado em um sinal: “uma virgem conceberá e
dará à luz um filho, e o
chamará ‘Deus Conosco’
(Is 7,14)”.
A virgem prometida é Maria. “No sexto
mês o anjo Gabriel foi
enviado por Deus a uma
cidade da Galiléia, chamada
Nazaré, a uma virgem desposada com um homem que se chamava José, da casa de Davi; e o
nome da virgem era Maria” (Lc
1, 26-27). A missão de Maria é
ser canal de Deus para toda a
humanidade. Ela, como criatura de Deus, foi escolhida muito
antes do seu nascimento para
ser a mãe de Jesus. Nela, o Deus
invisível se fará visível na pessoa de Jesus, que será formado
no seio da Virgem Maria. Daí
a dignidade de Maria e o papel
fundamental que ela exerce no
plano de Salvação. Foi Deus, em
sua livre e espontânea vontade,
quem escolheu Maria para ser a
mãe para o seu Filho Jesus. Ela
recebe, em suas entranhas, a
graça de Deus, o próprio Deus;
Jesus de Nazaré será homem
gerado no seio de uma mulher:
a nova Eva. Chamá-la assim é
expressar de forma clara a nova
criação. Tudo foi re-criado com
Maria e o Anjo Gabriel: Ave Cheia de Graça,
o Senhor é contigo!
a encarnação do seu Filho.
lica diz que, para ser mãe do Salvador, Maria “foi enriquecida por Deus com os dons
dignos para tamanha função”. No momento da anunciação, Ela foi dita, como estamos vendo, cheia de graça. Efetivamente,
para poder dar o sentimento livre de sua
fé ao anúncio de sua vocação era preciso
que ela estivesse totalmente sob a moção
da graça de Deus (Cf. CIC 490).
Hoje, nós cristãos precisamos confiar na intercessão de Maria. Ela pede ao
filho por nós como fez em Cana da Galiléia
(cf. jo 2, 1ss). Maria reconhece que o único foco de atenção deve ser seu Filho Jesus. Fazei o que Ele vos disser. Esta deve
ser a nossa atitude como cristãos, fazer
a vontade de Deus em nossa vida. Podemos realizar o Reino de Deus como nos
foi ensinado: amando a Deus sobre todas
as coisas e ao próximo como a ti mesmo.
Maria realizou tudo isso em sua vida e foi
declarada cheia de graça; assim também
nós se formos fiéis a Deus seremos cheios
da graça.
Maria Santa e fiel, ensina-nos a viver
como escolhido!
Fontes: Bíblia e pesquisas em sites
católicos
4
ACONTECIMENTOS
JORNAL DA PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA ASSUNÇÃO
Ano V, Nº 17, dezembro de 2013
Leonardo Ferreira
ACONTECEU
Davi Santos
Comunidade N. Sra. DA ASSUNÇÃO
MATRIZ PAROQUIAL
Regis Lima
Alessa Campos
Tarde Mariana - A irmã Kelly Patrícia esteve presente na Tarde Mariana do dia 13 de
outubro. Além da pregação também cantou
suas músicas e rezou o terço cantado da Divina Misericórdia.
Cristiane Almeida
Adriana
Leonardo Ferreira
Para Homens - Aconteceu nos dias 31 de
agosto e 1º de setembro o 1º Encontro para
Homens, com a presença dos pregadores
Kleber Ferreira (SP), Francisco Jr., Kleiton
Carlos e Jerry Adriano e animação do ministério de música Missão Tocando o Céu. Cerca de 200 homens participaram do encontro
que teve como tema: “Quando só Deus é a
Resposta.”
Ziza Fernandes A cantora católica
Ziza Fernandes, de renome nacional, esteve
presente na Missa da
Família, dia 6 de novembro. Ela cantou
belíssimas canções e
também deu seu testemunho de vida.
Festa das Crianças - No dia 19 de outubro, as comunidades que compõem a paróquia
realizaram, em suas respectivas sedes, uma
festa aberta às crianças da catequese e de todo
o bairro. Foi uma tarde cheia de alegria, com
brincadeiras, jogos, música e lanches.
Ovenil Lino
WEB Rádio Assunção Fiéis do mundo inteiro
podem acompanhar a
programação da Web
Rádio Assunção, que
foi inaugurada dia
6 de outubro. De
segunda a sexta são realizados programas
como Intimidade com Deus,
Salmos, Terço
da Divina misericórdia, dentre
outros.
Mãe Rainha - No
dia 30 de outubro foi
celebrada uma missa para comemorar
os 99 anos do Apostolado Mãe Rainha.
Cada
missionário
levava consigo uma
imagem da santa e
uma rosa.
Regis Lima
Arte: Ana Cláudia
Novena na Paróquia - Cerca de 300 servos trabalharam durante os 10 dias da novena em louvor à padroeira paroquial, com
missas diárias, quermesse e bingo de um
carro zero km. Vários padres e bispos presidiram a novena, dentre eles o Arcebispo Dom
Washington Cruz. O governador do estado de
Goiás Marconi Perillo e a primeira Dama Valéria Perillo participaram do evento. Este ano
subiu ao palco para shows os cantores Padre
Fábio de Melo, Olívia Ferreira, Banda Louvor
e Glória e Almir Sater.
Semana Carismática - Ocorrida entre os
dias 21 a 25 de outubro, a 5ª Semana Carismática teve como tema central “Famílias
Restauradas”. Com missas diárias e pregações de Ary Junior, Toninho Profeta, Vilmar
Aguiar, bispo Dom Adair e o casal Carlos e
Cíntia.
E-mail: [email protected]
Site: www.saborsupremorest.com.br
ENCONTRO Para as Famílias - Aconteceu dia 20 de outubro, sob organização da
pastoral familiar, com apoio da catequese e
do Encontro de Casais com Cristo. Os temas
foram trabalhados por Maria Inês e o casal
Alberto e Erika. O encerramento foi feito com
a exposição do Santíssimo conduzido pelo
padre Marcos Rogério. Cerca de 200 pessoas
participaram do evento.
Ana Cláudia
Comunidade Santa terezinha
(Chácaras retiro)
Leonardo Ferreira
Comunidade N. Sra. da
piedade (Morada do bosque)
Churrasco Gaúcho - No dia 13 de outubro foi realizado o tradicional almoço com
Churrasco Gaúcho.
Regis Lima
13º PHN - aconteceu de 15 a 17 de novembro, na Estância Salmo 23, em Bela Vista de
Goiás. “Filhos tendes fé, é preciso caminhar
sem medo” foi o tema do acampamento, ministrado pelos pregadores Onésimo Neto,
Renata Barbosa (Fortaleza), Thiago Bueno,
Afonso e Alexandre, sobre animação do ministério Sementes.
Dia da Juventude - Com a participação cerca de 200 pessoas, foi comemorado dia 28 de
outubro o Dia Nacional da Juventude - DNJ,
com apresentações artísticas do cantor Antônio
Alves e Dj Léo da Eletro Cristo. O evento foi organizado pela Juventude Assunção – Junção e
pela Juventude do Vicariato Leste.
Parabéns! - Em homenagem aos 71 anos
de vida completados dia 15 de novembro, o
Pe. José Fernandez recebeu o título de cidadão goianiense, pelas mãos do vereador
Wellington Peixoto. Foi durante a missa da
família do dia 20 de novembro. Pe. José deixou a Espanha, seu país de origem, em 1991
para seguir sua vida missionária no Brasil.
Ele é vigário da Paróquia N. Sra. da Assunção
desde 2009.
Tríduo - A comunidade festejou o Tríduo em
louvor a Santa Terezinha, de 28 de setembro
a 1º de outubro. Na noite de abertura houve
show com o cantor Paulo Rogério, no encerramento foi celebrada a Missa das Rosas.
Davi Santos
Padroeira - Novena em louvor a N. Sra.
da Piedade foi celebrada de 7 a 15 de setembro, com missas diárias, quermesse e espaço
infantil. Durante os nove dias houve encenação das dores de Maria e sorteio de imagens.
Os shows dos cantores Paulo Rogério, Tom
Chris, William Jose, Maria Eugênia e a dupla
Ary e Alexandre animaram a festa.
Leonardo Ferreira
Comunidade N. sra. aparecida
(chácaras califónia)
Porco no Tacho - Foi servido um almoço
na Chácara La Vie, dia 10 de novembro. Cerca de 400 pessoas prestigiaram o evento em
que foi servida a gostosa comida.
Regis Lima
Comunidade N. Sra.
Aparecida (São Judas Tadeu)
Comunidade Santa luzia
(jardim pompeia)
Regis Lima
Diego Fernandes - Na tarde do dia 17
de novembro o cantor católico, pregador e
apresentador Diego Fernandes esteve com o
grupo de jovens Face de Cristo, na Matriz Assunção, quando apresentou o seu novo livro:
“A Igreja é Viva”. No mesmo dia fez uma participação especial, cantando suas músicas
na missa das 19h30.
5
Regis Lima
JORNAL DA PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA ASSUNÇÃO
Ano V, Nº 17, dezembro de 2013
Thaynara Souza
Regis Lima
ACONTECIMENTOS
Novena - A Comunidade N. Sra. Aparecida –
S. Judas Tadeu realizou, de 5 a 12 de outubro,
a novena em louvor a sua padroeira. Após as
missas diárias houve quermesse e bingos.
SANTA LUZIA - a comunidade esteve em festa entre os dias 13 a 15 de dezembro. A missa
de encerramento foi presidida pelo Pe. José
Fernandez.
6
Evangelização
JORNAL
JORNAL DA
DA PARÓQUIA
PARÓQUIA NOSSA
NOSSA SENHORA
SENHORA DA
DA ASSUNÇÃO
ASSUNÇÃO
Ano
Ano V,
V, Nº
Nº 17,
17, dezembro
dezembro de
de 2013
2013
O nascimento do
Menino Deus
Marlene Mota
A Igreja, neste tempo que antecedeu o Natal do Senhor,
se preparou para celebrar o
grande acontecimento da
fé cristã: o nascimento
de Jesus. Neste tempo
litúrgico, que chamamos Advento,
aproveitamos para
rever a nossa vida
e também para
nos reconciliarmos
com Deus e
com nossos
irmãos.
Fotos: Divulgação
nos renova e nos convida para
rever nossos conceitos
Celebramos, mais uma vez, o nascimento do menino Jesus em
nosso meio. O ano de 2013 já está findando e um novo ano já está
quase começando... Parece incrível como o tempo passa cada vez
mais rápido ou como nós somos “devorados” por esse tempo que nos
escapa.
Entre ocupações e preocupações, vitórias e derrotas, alegrias e decepções lá se vão os trezentos e sessenta e cinco
dias do calendário de dois mil e treze! De repente, chega o
Natal e o ano novo já nos coloca na perspectiva de mais
um ciclo que nos desafiará com uma série considerável
de atividades e compromissos.
As festas de Natal e de Ano Novo são importantes para os brasileiros e para as populações do
mundo inteiro. No Natal nós temos uma velha
tradição, que é a de comemorar anualmente o
nascimento de Deus Filho. É verdade que simbolicamente ele morre todo ano, na Semana
Santa; mas, além da ressurreição, ele nasce
todo ano como menino.
O Natal de Jesus nos traz a reflexão de que
a vida cristã é um permanente reiniciar, conscientes de que já ultrapassamos muitos obstáculos no
cumprimento do propósito de bem atender ao apelo
divino de fazermos do mundo uma só família.
O Papa Bento XVI, em uma das suas reflexões sobre o Natal, diz que o nascimento de
Cristo desafia a humanidade a repensar as suas
prioridades, o seu modo de viver. “Ao fim de um
ano que significou privações econômicas para
muitos, o que podemos aprender da humani-
EVANGELIZAÇÃO
7
Fotos: Divulgação
JORNAL DA PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA ASSUNÇÃO
Ano V, Nº 17, dezembro de 2013
dade, da pobreza, da simplicidade da cena do presépio?”
Os desvios persistem
Infelizmente, hoje esse
período tornou-se pretexto, desculpa para a alienação e a fuga;
muitos se refugiam nas bebidas,
nos programas superficiais e
alienantes. Parece que as festas
de Natal e Ano Novo perderam o
significado de momentos especiais para celebrar o sentido da
vida, aprofundar as amizades,
consolidar os relacionamentos,
valorizar as conquistas, refazer
as energias, renovar as esperanças e expressar a gratidão.
Nos excessos das festas
de fim de ano talvez esteja embutido um protesto inconsciente contra um estilo de vida em
desacordo com a verdadeira
sede de felicidade existente no
coração humano. Este não pode
ser dominado pela rotina, pela
mediocridade, pela cultura das
aparências, do supérfluo, da
conversa de fim de ano descartável, dos prazeres efêmeros.
Deus nos dá chances
Ano novo é vida nova.
Muitas vezes ouvimos as
pessoas falarem assim, mas
nem sempre isso corresponde à realidade. Porque as intenções e os propósitos que
elaboramos em nossos pensamentos às vezes acabam
caindo no esquecimento e, aí,
adeus às mudanças que deveríamos realizar. Deus tem
nos dado chance para moldarmos nossa vida de acordo
com seus ensinamentos para
que o mundo se torne como
Ele planejou. Ele quer que
nos comprometamos com seu
projeto de libertação. Foi o
que pediu a Moisés, é o que
nos pede hoje.
Até que ponto estamos
nos comprometendo com a
instalação do seu Reino neste
mundo? Na medida em que vamos deixando para trás 2013,
não podemos abrir mão de uma
revisão dos nossos conceitos,
das nossas atitudes, dos nossos projetos.
Sonhos e realizações
Perguntamos agora: neste próximo ano, quais são os
nossos sonhos? Quais são as
nossas aspirações e os planos
para realizá-los? Eles estão ao
nosso alcance para podermos
trabalhar para concretizá-los,
Rua R-13 Qd.53 Lt.05 – Conjunto Itatiaia
por mais que nos pareçam difíceis?
Daí a necessidade de
sermos objetivos e organizados para não desanimarmos
no meio do caminho. Quando possuímos metas a serem
alcançadas, não podemos
ser pessimistas a ponto de
abandoná-las, mesmo sabendo de todas as dificuldades
e entraves; precisamos, com
fé e perseverança, lutar no
dia a dia para conseguirmos
transpô-las.
Celebremos o Natal e mais
um ano de conquistas de forma
agradecida, o dever cumprido
e com a expectativa de que a
Missão continua em 2014. Que
as comunidades de nossa Paróquia, as famílias, vivenciem um
verdadeiro Natal, pedindo ao
Deus Menino um ano repleto de
fé, realizações e paz para toda a
humanidade.
8
EVANGELIZAÇÃO
JORNAL DA PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA ASSUNÇÃO
Ano V, Nº 17, dezembro de 2013
VIDA DE SANTO
Ana Cláudia
São Dâmaso:
paciência e humildade
Fotos: Divulgação
Ele ocupou a Sé de Roma de 366 a 384. Foi natural, ou pelo menos originário, da antiga Hispânia. O Livro
Pontifical, não muito posterior, dá-o como hispanus.
Seu pai e uma irmã ao menos, Santa Irene, viveram
também em Roma. Lá, S. Dâmaso erigiu uma Basílica a S.
Lourenço, que recebeu o cognome de in Damaso.
Viveu num período de grande agitação para a Igreja. São Dâmaso teve que enfrentar um cisma causado
por um antipapa, isto no início do seu Pontificado. Infelizmente este não consistiu no único problema para Dâmaso, já que teve de combater o Arianismo, que negava a
consubstancialidade de Cristo com o Pai. Sendo ele Papa,
chegou quase a extinguir-se a heresia ariana. Dâmaso fez
de tudo pela unidade da Igreja, e para deixar claro o Primado do Papa, pois foi o próprio Cristo quem quis: “E eu
te declaro: tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja; as portas do inferno não prevalecerão contra
ela” (Mt 16,18).
O Papa Dâmaso esteve no II Concílio Ecumênico
onde aconteceu a definição dogmática
sobre a Divindade do Espírito Santo.
Foi ele quem encarregou São Jerônimo da tradução da Bíblia da língua
original para o latim, língua oficial
da Igreja. A sua obra foi paciente e oculta, mas não medíocre
nem definhante. Soube ligar à
Sé apostólica todas as Igrejas e
obteve do poder civil o maior respeito.
Na chamada Cripta dos
Papas, por ele explorada nas Catacumbas de S. Calisto, no fim
de uma longa inscrição, escreveu: “Aqui eu, Dâmaso, desejaria mandar sepultar
os meus restos, mas
tenho medo de perturbar as piedosas
cinzas dos santos”. Humildade
e discrição de
um Papa verdadeiramente
santo.
São
Dâmaso, rogai por
nós!
Fonte: www.cancaonova.com, com adaptações.
Palavra dA
IGREJA
Dom Anuar Battisti
Arcebispo de Maringá (PR)
O mundo busca modelos
Diante da necessidade de ser o
melhor e o maior, o mais bonito, o mais
charmoso, o mais admirado, o mais sexy,
o mais elegante, enfim, o mais em tudo,
os tempos atuais nos levam a contemplar
exageros na malhação do corpo, na busca
de regimes e até ariscando a própria vida.
Já assistimos vários fatos de jovens
que morrem, não por falta de alimentos,
mas sim por pura vaidade, em nome da
elegância e do modelo típico convencionado pelos atores da moda. Modelos criados
para servir ao puro império do consumo,
vidas humanas colocadas fora da liberdade e da dignidade de seres racionais,
visando unicamente bens materiais.
A sociedade moderna
perdeu a dimensão sobrenatural da vida humana, do
direito de viver e conquistar a felicidade com dignidade, sem ser escravo
das coisas. Quanta coisa, coisificando até o ser
humano! A vida humana
já não tem valor. O que
dizer então da natureza?
O “tanto faz como tanto fez” se tornou norma;
o fazer por fazer, o gozar
a vida e aproveitar tudo
hoje; o pensamento de que
a vida acaba tudo aqui nesta terra se torna lei suprema
para muitos. A perda da esperança de um mundo melhor leva
ao puro relativismo da vida presente e
da vida futura.
Hoje recordamos uma menina de
quinze anos, nascida e criada em um povoado no interior da Palestina, lugarejo
que não constava no roteiro das viagens
da época. Foi naquela vila, sem importância, que Deus escolheu a Mariazinha
da casa de Joaquim e Ana para ser a Mãe
Daquele que mudou a história e o rumo
da humanidade. O modelo de Deus não
vem do centro de poder, dos lugares importantes e mais visitados. Uma jovem de
aproximadamente quinze anos, não tendo
certeza de nada, a não ser a obediência, é
chamada, escolhida para ser mãe Daquele
cujo aniversário ora celebramos.
Somos convidados a equacionar o
tipo de resposta que damos aos desafios
de Deus. Ao propor-nos o exemplo de
Maria de Nazaré, a festa litúrgica daquela que foi concebida sem mácula, hoje
convida-nos a acolher, com um coração
aberto e disponível, os planos de Deus
para nós e para o mundo. O texto do
evangelista Lucas apresenta a resposta
de Maria ao plano de Deus. Ao contrário
de Adão e Eva, Maria rejeitou o orgulho,
o egoísmo e a autossuficiência e preferiu conformar a sua vida, de forma total e radical, com os planos de Deus. Do
seu “sim” total resultou a salvação
e vida plena para ela e para o
mundo. “Eis aqui a serva do
Senhor, faça-se em mim a
Tua vontade” (Lc 1, 38).
Na Bíblia ser “servo do
Senhor” é um título de
glória, reservado àqueles que Deus escolheu,
que Ele reservou para
o seu serviço e que Ele
enviou ao mundo com
uma missão. Desta forma, Maria reconhece
que Deus a escolheu,
aceita com disponibilidade essa escolha e manifesta a sua disposição
de cumprir, com fidelidade, o projeto de Deus.
Maria responde com
um “sim” total e incondicional.
Ela tinha o seu programa de vida,
seus projetos pessoais, mas, todos passaram naturalmente e sem dramas a um
plano secundário.
Na atitude de Maria não há qualquer sinal de egoísmo, de comodismo, de
orgulho, mas há uma entrega total nas
mãos de Deus. O testemunho de Maria
é um testemunho, um modelo que nos
questiona fortemente. Maria de Nazaré foi
uma mulher para quem Deus ocupava o
primeiro lugar, uma pessoa de oração e de
fé, que fez a experiência do encontro pessoal com Deus. O Mundo está morrendo
porque se esqueceu dos verdadeiros exemplos, modelos, como o da Mariazinha de
Nazaré.
Fonte: www.cnbb.org.br
ENTRETENIMENTO
JORNAL DA PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA ASSUNÇÃO
Ano V, Nº 17, dezembro de 2013
Thiago Alves
Indicação de Filme
Indicação de Livro
Fotos: Divulgação
Pe. Léo CDJ
Editora Canção Nova
O Grande Milagre Católico
Recomendadíssimo! Um filme liturgicamente correto que mostra a riqueza da Santa
Missa. Garanto que quem assistir, nunca mais
participará do Santo Sacrifício da mesma forma.
"O Grande Milagre Católico é um lindo filme, na categoria desenho, liturgicamente correto
e com uma história inspiradora que revela a esperança e a fé. A história gira em torno de três personagens em crise: Mônica uma viúva e mãe de
uma criança de 9 anos, ela faz todos os esforços
para manter a sua casa. Don Chema, um motorista de transporte público que recebe a notícia de
uma doença que pode levar a morte de seu filho e
Dona Cata, uma velha que sente que sua missão
na vida é longa. As histórias se entrelaçam quando sentem uma grande necessidade de estar na
igreja. E o que não se pode imaginar é que eles
estão prestes a mudar suas vidas para sempre.
Com a ajuda de anjos da guarda, vai testemunhar
o verdadeiro significado da Missa, uma luta constante entre o bem e o mal, o triunfo da fé."
Dica: para quem queira aproveitar, o
filme completo encontra-se no site Youtube
no seguinte link: http://www.youtube.com/
watch?v=oK5nMBhlSEg
Esse livro Católico foi um dos últimos
trabalhos de Padre Léo, sacerdote conhecedor
do universo e das dificuldades dos jovens, tendo pregado para eles em diversos encontros.
Nele, o autor aborda a condição do jovem nos
dias atuais, desde os relacionamentos afetivos,
familiares e entre amigos até o envolvimento
com as drogas. O Livro traz ainda um apêndice esclarecedor sobre o significado das drogas
e seu efeito no organismo, além de preciosas
dicas para deixar esse mundo sombrio e se tornar uma pessoa plena através da restauração
e da cura interior. Apesar da especial dedicação para os jovens, esse é um livro voltado também para pais, educadores, evangelizadores e
pessoas que desejam trabalhar com ONGS ou
instituições para a recuperação de dependentes
químicos.
9
exortação apostólica
"evangelii gaudium"
Papa Francisco
"A
alegria
do
evangelho enche o coração e a vida inteira daqueles que se encontram
com Jesus": assim inicia
a Exortação Apostólica "Evangelii Gaudium"
com a qual o Papa Francisco desenvolve o tema
do anúncio do Evangelho no mundo de hoje, recolhendo por outro
lado a contribuição dos trabalhos do Sínodo
que se realizou no Vaticano de 7 a 28 de
Outubro de 2012, com o tema "A nova evangelização para a transmissão da fé". "Desejo dirigir-me aos fiéis cristãos - escreve o
Papa - para os convidar a uma nova etapa
de evangelização marcada por esta alegria
e indicar direções para o caminho da Igreja
nos próximos anos".
O Papa convida a "recuperar a frescura original do Evangelho”, encontrando
"novas formas" e "métodos criativos", sem
deixarmos enredar Jesus nos nossos "esquemas monótonos". Precisamos de uma
"uma conversão pastoral e missionária, que
não pode deixar as coisas como estão". Requer-se uma "reforma das estruturas" eclesiais para que "todas se tornem mais missionárias". O Pontífice pensa também numa
"conversão do papado", para que seja "mais
fiel ao significado que Jesus Cristo lhe quis
dar e às necessidades atuais da evangelização". A esperança de que as Conferências
Episcopais pudessem dar um contributo
para que "o sentido de colegialidade" se realizasse “concretamente” – afirma o Papa "não se realizou plenamente". E’ necessária
uma “saudável descentralização".
CULINÁRIA
Macarrão Cremoso ao Forno
Ingredientes:
3 colheres (sopa) de margarina;
1 cebola picada;
3 colheres (sopa) de farinha de trigo;
1 xícara (chá) de molho de tomate pronto;
3 xícaras (chá) de leite quente;
Sal e pimenta a gosto;
1 Xícara (chá) de milho verde;
500 g de macarrão tipo parafuso cozido ao
dente;
200 gramas de presunto picado em cubos ou
tirinhas finas;
1 xícara (chá) de queijo parmesão ralado;
manteiga para untar.
Modo de Preparo:
Na panela aqueça a margarina,
doure a cebola e misture a farinha de trigo, cozinhe sem parar
de mexer até dourar a farinha.
Junte o molho de tomate aos
poucos e o leite quente. Mexa
sem parar até engrossar, misture
o milho, o sal e a pimenta. Unte
um refratário com a margarina,
coloque camadas do macarrão cozido ao dente, molho, presunto, salpique o milho verde, o queijo
ralado e leve ao forno pré-aquecido em 200 graus, por 15 min ou até dourar.
Dica: Se quiser pode colocar frango desfiado.
Fonte: www.maisvoce.com.br/receitas
10
JORNAL DA PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA ASSUNÇÃO
Ano V, Nº 17, dezembro de 2013
EVENTO
Vivendo em comunidade
Leonardo Ferreira
Formada por membros da Comunidade Paroquial, boa parte deles atuantes
em diversas pastorais da Comunidade N.
Sra. Aparecida – São Judas Tadeu, a Associação Cultural Arraiá Chapéu do Vovô,
que irá comemorar 30 anos em 2014, é um
bom exemplo de como podemos viver em
comunidade.
A organização começou no ano de
1984, com um grupo de alunos da Escola
Municipal João Braz, no setor São Judas Tadeu. Nessa época, era motivado pelo Valdeir
(o Pelé), neto de “João Evangelista”, o vovô,
origem desse legado da cultura junina.
No ano de 1996 a quadrilha começou a ter um maior destaque no cenário
goiano. Em 1997, conseguiu o seu título,
vencendo o concurso que aconteceu no
estacionamento do Shopping Bougainville. Nos anos de 1998 e 1999 repetiram-se
as conquistas da quadrilha, tornando-se a
única tricampeã.
Com os resultados, os organizadores
perceberam que poderiam fazer bem mais
para a comunidade, iniciando-se uma nova
fase em 2004, com a “Associação Cultural”.
Após algumas tentativas, a persistência levou ao êxito do ano de 2011, onde o projeto
Fotos: Divulgação
A Associação Cultural Arraiá Chapéu do Vovô
tornou-se sólido instrumento comunitário
vida sociocultural de
nossa paróquia, com
importantes
conquistas, tais como
convênio para construção do telhado do
Salão Jesus Misericordioso na Matriz;
parceria com a Goiás
Turismo para realização dos Shows da
Festa Paroquial (Almir Sater, Pe. Fábio
de Melo e Olívia Ferreira). Apoiam ainda o Auto de Natal e
outros eventos, além
do Auto da Paixão de
Cristo, na semana
santa.
O Teatro da
Quadrilha Chapéu do Vovô no Arraía do Cerrado - Praça Cívica Paixão de Cristo,
Goiânia-GO - Ano 2013
que vem sendo realizado deste 1996, foi
Ponto de Cultura foi contemplado pelo Plano reformulado a partir de 2009, com o novo
de Cultura do Ministério da Cultura, em par- pároco. Passou a dispor de uma grande esceria com a Prefeitura de Goiânia, por meio trutura, tornando-se um evento grandioso, reunindo aproximadamente cinco mil
da Secretaria Municipal de Cultura.
O Ponto de Cultura, inaugurado em Ju- espectadores e um elenco de 150 pessonho de 2013 com as bênçãos do Pároco, Pe. as. Firmou-se como um grande espetáculo
Marcos Rogério, já onde a comunidade que o integra tem total
oferece diversas ati- e ativa participação.
Para 2014, a Associação Cultural Arvidades para a comunidade: aulas de axé, raiá Chapéu do Vovô pretende apoiar efetiviolão, teatro, street vamente a Creche Paroquial, o Adorai 2014,
dance, dança de sa- o Teatro da Paixão de Cristo, a Festa da Palão, quadrilha juni- droeira, a construção da torre e do sino da
na, acesso a internet, Matriz, conquistas que reforçarão a alegria
informática básica, de poder viver bem a fé católica, com obras e
dança contemporã- ações em favor da comunidade.
nea e atividades para
a 3ª idade. Torna- DIRETORIA EXECUTIVA:
-se importante fer- Presidente: Cristiano Souza
ramenta social para Vice-Presidente: Adriana Dias
que a comunidade 1º Secretário: Michel Fagundes
carente tenha acesso 2ª Secretária: Mislene Lima
aos bens culturais; 1º Tesoureiro: Reginaldo Lima
estimulando jovens, 2º Tesoureiro: Valdeir Aguiar
crianças e adultos a Suplente: Ana Fagundes
saírem da ociosidade, das drogas e da CONSELHO FISCAL:
Presidente: Márcio Aguiar
criminalidade.
A Associação Vive-Presidente: Marta Santos
está engajada na Suplente: Márcia Faria
Arte: Ana Cláudia
AGENDA
JORNAL DA PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA ASSUNÇÃO
Ano V, Nº 17, dezembro de 2013
11
Leonardo Ferreira
Agenda Paroquial
Arte: Ana Cláudia
Todas as quintas-feiras, às 15h, rezamos o Terço da Misericórdia. Em seguida
há a Celebração da Santa Missa e momentos especiais de oração. Participe!
Assembléia Paroquial 2013/2014
JANEIRO
01 – Cenáculo de Maria (Família com Doente) – Apostolado da Oração (Matriz).
04 – Curso de Batismo (Matriz).
12 – Bazar Solidário, após a missa da manhã – Vicentino (Matriz).
19 – Manhã de Louvor dos Vicentinos (Matriz).
19 – Galinhada - Pré Acampamento (Face de Cristo).
25 – Curso de Batismo (Com. N.Sra. Aparecida - São Judas)
25 – Curso de Noivos (Matriz).
Arte: Tárik Nápoli
Ouça diariamente, no site da paróquia, uma programação de qualidade,
voltada para a família. Acesse www.nossasenhoradaassuncao.com.br.
Arte: Leonardo Ferreira
No dia 19 de janeiro venha almoçar uma gostosa Galinhada. Adquira o
seu Ingresso a R$ 10,00 e contribua com o acampamento de jovens!
Prestigie esse esperado evento paroquial, saboreando deliciosas massas
em um ambiente que reproduz um típica cantina italiana.
FEVEREIRO
01 – Cenáculo de Maria (Família com Doentes) Apostolado da Oração (Matriz).
01 – Encontro de Formação para os servos (Com. N. Sra. da Piedade).
01 a 11- Formação a Consagração à Santa Virgem de São Luiz Maria Grignion de Montfort – Intercessão (Matriz).
04 – Curso de Batismo- Matriz
08 a 11 – Festa em Louvor a Nossa Senhora de Lourdes – (Com. N. Sra. de
Lourdes).
08 – Curso de Formação para leitores (fonoaudióloga) – Liturgia (Matriz).
09 – Bazar Solidário, após a missa da manhã (Matriz).
14 – Palestra PSF (Programa Saúde da família) (Melhor Idade)
15 – Retiro de oração para Ministros Extraordinário da Comunhão (Com.
N.Sra. Aparecida- São Judas).
15 – Aniversário do JUBAC ( Festa) (Com. N.Sra. Aparecida- São Judas).
16 – Retiro para Coordenadores – Todas as Comunidades.
16 – Manhã de Louvor dos Vicentinos (Com. N. Sra. Aparecida – Chác. Califórnia)
17 – Passeio com as idosas da Melhor Idade.
17 a 20 – Semana de Avivamento (Com. N.Sra. Aparecida- São Judas)
22 – 5º Festival de Massas (Matriz).
22 – Curso de Noivos (Matriz).
22 – Início da catequese com reunião de pais e catequizandos.
24 a 30 – Curso de Fé Católica (Matriz).
MARÇO
01 – Cenáculo de Maria (família com doente) – Apostolado da Oração (Matriz).
02 – Missa em intenção aos dizimistas (Com.N. Sra.de Lourdes)
05 – Abertura da CF/2014 – Tema: “Fraternidade e Tráfico Humano” (Matriz).
05 – Quarta-Feira de Cinzas.
09 – Bazar Solidário, após a missa da manhã (Matriz).
10 a 14 – Formação: Vivendo a Fé" – (Matriz).
14, 15 e 16 – 6º Acampamento de Jovens (Face de Cristo);
16 – Manhã de Louvor dos Vicentinos (Vila Rica)
16 – 3º Almoço Beneficente (Com. Santa Luzia);
22 – Curso catequético a liderança da comunidade (liturgia)- (Com. N. Sra.
de Lourdes)
28, 29 e 30 – Encontro de Casais com Cristo (Matriz).
29 – Curso de Noivos (Matriz).
12
ENTREVISTA
JORNAL DA PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA ASSUNÇÃO
Ano V, Nº 17, dezembro de 2013
Renata Garcia é um exemplo de
dedicação e amor à obra de Deus
Leandro de Castro
Fotos: arquivo pessoal
Renata Garcia Borges Duarte, 37 anos, casada com Flávio Marques, mãe de dois filhos e
Assistente Social por formação, é
um exemplo de cuidado, amor e
dedicação ao serviço de Deus. Renata veio de uma família católica,
na infância frequentou a Paróquia
Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, no bairro Norte-ferroviário,
em Goiânia, mas foi em março de
2009 que sua vida começou a mudar, quando conheceu a Paróquia
Nossa Senhora da Assunção.
Moradora do Setor Goiânia
2, Renata sempre ouvia falar das
missas do Pe. Marcos Rogério, mas
ainda não havia tido a oportunidade de assisti-la; mas numa tarde
de domingo, sentindo-se abatida
e desanimada devido a uma situação de desemprego, resolveu ir
até a igreja, mesmo sem conhecer
ninguém e sem saber o horário
das missas. Chegou uma hora antes do início da celebração e ficou
encantada com tudo, pois sentiu
muito forte a presença de Deus.
“Foi uma celebração linda, tudo
mexeu comigo” – relembra.
No final da santa missa, no
momento dos avisos paroquiais, o
Padre disse que havia ali uma assistente social. Até então ela não
havia se manifestado; mas logo
percebeu que era a única assistente social que estava ali presente,
e então se apresentou e o padre
disse que queria conversar com
ela após a celebração, quando foi
convidada a coordenar o grupo da
melhor idade da paróquia. A princípio ela teve dúvidas, mas disse
sim àquele chamado e no outro sábado já estava com o grupo.
Para ela, trabalhar com a
melhor idade foi um desafio, pois
como assistente social nunca havia trabalhado com idosos; mas ao
mesmo tempo foi uma experiência
nova e gratificante. Vários trabalhos foram realizados com o grupo,
como a Feira da Melhor Idade, viagens, trabalhos socioeducativos,
trabalhos artesanais, etc. Mesmo
não estando mais no grupo, o vínculo e o afeto continua com cada
Servindo e
vestido a
camisa da
paróquia,
pois o se
doar na
obra requer
entrega e
dedicação.
um dos membros. E além do contato com a melhor idade, ela também mantém uma forte ligação
com os jovens da Paróquia Nossa
Senhora da Assunção, marcando
presença, interagindo e auxiliando
em todos os eventos organizados
pela juventude.
de Deus: “Eu rezei o terço de joelhos pedindo que Jesus realizasse
o melhor para mim e quando eu
terminei de rezar meu telefone tocou; era da Secretaria Municipal
da Saúde dizendo que havia surgido uma vaga no Hospital Materno
Infantil; chorei por ver a resposta imediata de Deus e já vai fazer
três anos que estou atuando lá”,
conclui.
Foi diante de tantas graças
que nasceu a famosa frase que várias pessoas da Paróquia Nossa Senhora da Assunção conhece: “Jesus é bunitim demais”.
A partir daí Renata começou
a perceber a ação de Deus na sua
vida, no mês seguinte ela conseguiu um emprego temporário para
dar aulas, onde trabalhou por três
meses; no mês de junho foi chamada em um concurso que havia
prestado para a prefeitura de Goiânia; e muitas outras vitórias Deus
foi realizando em sua vida.
No ano de 2010, Renata foi
eleita vice-coordenadora do conselho paroquial; e em dezembro deste
mesmo ano foi eleita coordenadora. Durante todo esse período obteve várias graças; para ela, quem
está no serviço de Deus só tem a
ganhar: “Durante todo este tempo nunca tive perdas, só ganhos,
mesmo com as dificuldades e fraquezas vejo a ação de Deus na minha vida”.
Ela destaca outra providência realizada ainda em 2010,
quando foi aprovada, mesmo sem
estudar devido aos inúmeros compromissos, em 18º lugar em um
concurso para assistente social
no Estado de Goiás; porém, ela
foi convocada para trabalhar na
Casa de Prisão Provisória (CPP) e,
devido a isso, ficou preocupada e
inquieta, pois nunca havia trabalhado com detentos; foi então que,
rezando diante do Santíssimo Sacramento, recebeu uma resposta
Fazendo Jesus sorrir
Como coordenadora do
Conselho Paroquial, há três anos,
Renata afirma que servir a Deus
com amor faz toda a diferença.
“Para mim o diferencial em servir
a Deus é o cuidado, o amor e a
verdade”. E isso ela tem realizado dia após dia, em sua missão,
sempre preocupada em fazer o
melhor para a paróquia e para
os paroquianos. “Mesmo diante
de tantos desafios, não dei conta de desistir da minha missão,
porque olhei pra Jesus na Cruz,
e então não dei conta de desistir,
porque trago sempre no coração a
pergunta se estou ou não fazendo
Jesus sorrir” – afirma.
Atualmente ela serve junto
com o seu esposo, Flávio Marques,
que é coordenador da Pastoral do
Dízimo. Segundo Renata, servir
em família é um desafio e ao mesmo tempo uma vitória; ela louva a
Deus por toda a sua família estar
participando ativamente da paróquia: sua filha Amanda, 14, é acólita e participa do grupo de jovens
Face de Cristo; seu filho mais novo,
Igor, 10, irá iniciar a catequese no
próximo ano.
Para 2014, Renata Garcia
quer continuar servindo na Paróquia Nossa Senhora da Assunção,
mantendo o cuidado com os servos
e desenvolvendo outros projetos
sociais, além de intensificar os já
existentes, como o Natal da Esperança. E encerra esta entrevista
dizendo que “ser Assunção é bom
demais!"

Documentos relacionados

Festejemos o Natal com foco nos valores eternos!

Festejemos o Natal com foco nos valores eternos! A vida do ser humano é marcada por encontros e desencontros e em cada um deles vamos percebendo as marcas que vão ficando. Ao chegar o fim desse ano e com o coração já posto no tempo do advento, so...

Leia mais

Razão para festejar a Assunção - STILOWEB

Razão para festejar a Assunção - STILOWEB foi encerrada com a Santa Missa, dia 11 de abril. Foi o segundo ano seguido da novena, dirigida pelas fiéis Divina e Isabel.

Leia mais