CÃES - Mundo das Especialidades

Сomentários

Transcrição

CÃES - Mundo das Especialidades
MINISTÉRIO DOS DESBRAVADORES
CÃES
Posicione o seu leitor
de QR Code do seu
tablete ou celular e
tenha acesso direto a
loja
www.lojanacontramao.com.br
acompanhe nossa loja pelas redes sociais e fique
por dentro de nossas novidades: fk/lojanacontramao
Esta é mais uma publicação do site,
Guias de estudo para as especialidade do Clube de Desbravadores
Volume 41
CÃES
1ª Edição: Disponível em www.mundodasespecialidades.com.br
Diagramação e Edição: Khelven Klay de A. Lemos
Coordenação: Thomé Duarte
Revisão de texto: Aretha Stephanie
Autor: : Marcos Paulo Leitzke
DIREITOS RESERVADOS:
A reprodução deste material seja de forma total ou parcial de seus textos ou imagens
é permitida, desde que seja referenciado o Mundo das Especialidades e seus autores
pela nova autoria ao fim de seu material. Todos os direitos reservados para Mundo
das Especialidades
União Nordeste Brasileira da Igreja Adventista do Sétimo Dia
Ministério dos Desbravadores
Este material estar registrado nos seguintes órgãos
Natal, RN, Setembro de 2014
O que vem por aí
APRESENTAÇÃO
Quem não tem boas
recordações para contar do seu melhor
amigo de pelos ?
[email protected]
Conheça o grupo de dramatização Perspectiva Brasil d
Não demorou muito que aquelas especialidades desenvolvidas com todo cuidado para um pequeno grupo de excursionista , ganhasse a admirição de pessoas de outros desbravadores e clubes.
No meio de todo esse caminho surgiu o Mundo das Especialidades. A gente sabe que não é uma
tarefa fácil encontrar bons materiais na internet, então junto com uma equipe fantástica de cerca de 20
pessoas, assumimos a missão de “disponibilizar instrumentos de apoio aos desbravadores”
Você já nos conhece das apostilas semanais
de especialidades, agora estamos mais robustos e
crescidinhos e nos transformamos em E-Books
(formato digital de mídia de leitura em multiplataformas). Esperamos que você curta e muito este nosso
novo formato, por que o que você tem em mãos é
fruto de muito esforço, trabalho e pesquisa.
O ME vê em você nosso maior colaborador,
apoiador e amigo, seja sempre bem vindo caso
queira somar e contribuir com esta iniciativa.
Ah, e não se esqueça: aproveite muito o que o
Senhor Jesus tem pra te ensinar, curta muito as
aventuras que viver com seus amigos, preserve a
natureza, promova a paz, ame ao próximo. Acredite,
o primeiro beneficiado será você!
Um Abraço!
Redação do Mundo das Especialidades
PARTICIPE
Eu tinha por volta de 13 anos de idade quando estava indo para
casa e ouvi algo parecido com o choro de um filhote perto de um
matagal. Seguindo o som percebi que vinha de um buraco. Corri
para casa em busca de algo que me ajudasse a cavar e abrir mais o
buraco, experimentei enfiar a mão e notei algo que se mexia. Tal foi
a minha surpresa quando vi que era um filhote. Eu o adotei!
Queremos contar
com seu apoio para
montar as nossas
especialidades. Conte para nós sua experiência, envie sua foto, desenho, texto ou
conhecimento, você
será sempre bem
vindo neste mundo.
GUIA DAS ESPECIALIDADES
ESTUDO DA NATUREZA
O
s canídeos constituem uma família
de mamíferos da ordem dos carnívoros, que inclui os lobos, chacais,
coiotes, raposas, mabecos, hienas e cachorros.
Os canídeos têm uma cauda longa, e dentes molares próprios para esmagar ossos. Têm quatro ou cinco dedos nas patas dianteiras, quatro nas
patas traseiras, e garras não retrateis excelentes
tração em corridas. O tamanho varia de médio a
pequeno porte, eles podem viver em matilhas como
o lobo, ou serem solitários, como os coiotes e as
raposas. Os sentidos do olfato e da audição são
extremamente apurados e, por esse motivo, são
mais importantes do que a visão. Os canídeos são
predadores, mas dependendo das condições ambientais, podem ser onívoros.
O Cão, cujo nome científico é Canis lupus
familiaris, também conhecido como cachorro foi
possivelmente o primeiro animal a ser domesticado,
auxiliando o homem em caças e na guarda de seus
territórios; tornando-se, no decorrer desse tempo,
um grande companheiro. Fidelidade, amizade,
companheirismo, lealdade e facilidade de ser adestrável , estão entre as principais características:
VISÃO
A visão noturna dos cães é muito
mais apurada do que a dos humanos. Seu
ângulo de visão também é mais amplo, devido à posição dos olhos. Possuem visão bi
cromática (ao contrário da nossa, que é tri
cromática), isto é, distinguem bem apenas
amarelo, azul, preto e branco. As cores vermelho, verde, rosa e laranja não são bem
distinguidas pelos cães. Captam movimento
no escuro com grande facilidade. Os cães
são míopes, eles só conseguem ver detalhes
com até 6 metros de distância, enquanto
uma pessoa com visão saudável consegue
ver 22 metros de distância.
ATIVIDADE
Segure um cão em um gramado bem
verde e deixe duas bolas a cerca de 10 metros de distância. Uma azul e outra vermelha.
Solte o cachorro e observe qual bola ele vai
tentar pegar. Compare o resultado com as
informações sobre a visão dos cães.
CARACTERÍSTICAS DOS CÃES
OLFATO
AUDIÇÃO
Como o olfato, é outro sentido bastante apurado no
canino, que, diferente do ser humano, ouve sons de alta
frequência e baixo volume. Por meio de suas orelhas direcionáveis, característica esta comum aos mamíferos, são
capazes de localizar com precisão a direção e a origem do
som em seis centésimos de segundo. São ainda capazes
de ouvir a uma distância quatro vezes superior à do ser
humano. Tais características concedem-lhe úteis habilidades, como a capacidade de discernir com facilidade as palavras pronunciadas por seu dono, ainda que o tom da voz
e os gestos sejam considerados.
2
CÃES
WWW.MUNDODASESPECIALIDADES.COM.BR
Considerado o principal sentido canino, superior ao de todos os
outros animais. Tal característica
marcante advém das ramificações
dos nervos olfativos na cavidade
nasal, que ocupam 160 cm², enquanto no homem a área chega a
5 cm². Em outra comparação, as
células olfativas do ser humano chegam a cinco milhões, enquanto em
um cão atingem 220 milhões. Essencialmente farejador, o nariz do cão
tem um grande número de fendas
permanentes, diferentes de animal
para animal, como as impressões
digitais. Por essa razão, ele pode ser
usado para a identificação individual.
Os cães possuem trinta Ema
vezes mais
sensores olfativos que um ser humano.
GUIA DAS ESPECIALIDADES
ESTUDO DA NATUREZA
Há alguns milênios homem e cão formam uma
parceria de amizade, companheirismo e trabalho mútuo,
o que fez o cão ganhar o titulo de melhor “amigo do homem”. Em um mundo com pouca tecnologia o cão mostrou ser uma ferramenta de trabalho versátil e de extrema eficiência, pois foi utilizado para as mais diversas
funções: caça, guarda, pastoreio e etc.
À medida que o mundo foi ficando moderno
com o surgimento de novas tecnologias o cão não se
tornou obsoleto e seu papel na sociedade tem lugar certo, não só como animal de companhia e sim como um
prestador de serviço ao homem cada vez mais qualificado. Abaixo alguns exemplos de como os cães podem
nos prestar serviços:
CÃES GUIAS
Utilizado para dar assistência à pessoas com
deficiência visual, o cão guia traz independência, liberdade, mobilidade e companheirismo ao seu dono.
Durante a condução dos deficientes visuais, o
cão deve ter a capacidade de discernir eventuais perigos devidos a obstáculos suspensos, o que requer cães
de inteligência bastante elevada e treinamento avançado. Embora os cães possam ser treinados para desviar
vários obstáculos, eles não são capazes de distinguir
cores como verde e vermelho, não podendo interpretar
um semáforo. Eles são treinados para observarem o
fluxo da área a ser percorrida e daí sim realizar a ação
desejada com segurança. De maneira geral, as raças
mais usadas como cão guia são: Pastor Alemão, Goldem Retrivier e Labrador.
Pastor Belga
CÃES FAREJADORES
Pastor Alemão
É um trabalho árduo, em que se busca tirar
proveito de duas das principais características dos
cães que desempenham essa função: faro apurado e
personalidade curiosa. Antes de meter as fuças em
malas, carros ou pessoas – em geral nos locais de
grande fluxo de gente ou mercadorias, como alfândegas, aeroportos e terminais rodoviários –, eles passam
por meses de ralação, quando aprendem a identificar
os diversos tipos de drogas e a se comportar em público. A escolha dos cachorros para o emprego de caçabagulhos se deu em função de seu olfato poderoso.
Eles começaram a ser usados para farejar substâncias
ilegais no fim dos anos 60, durante a Guerra do Vietnã
(1959- 1975), quando o consumo de heroína entre soldados americanos tornou-se um sério problema para o
Exército dos EUA. Com o tempo, a narina afiada deixou de ser o único pré-requisito para o posto. No início, a capacidade olfativa era um fator decisivo na seleção dos animais, mas hoje o que qualifica, de fato, um
cão é o seu interesse por procurar e encontrar objetos.
Labrador, golden retriever, pastor alemão e
pastor belga malinois são as raças mais usadas no
combate ao tráfico de drogas.
CÃES
WWW.MUNDODASESPECIALIDADES.COM.BR
3
GUIA DAS ESPECIALIDADES
ESTUDO DA NATUREZA
CÃES PASTORES
Em tempos remotos os pastores sentiram a necessidade de proteger os seus rebanhos, tanto dos ataques de animais
selvagens, quanto do próprio homem, e pensaram em solucionar estes problemas recorrendo aos cães, que provavelmente já
eram utilizados na caça e proteção de propriedades.
Era necessário, porém, que estes cães pastores apresentassem um tipo físico específico: deveriam ser fortes e velozes, particularmente resistentes às intempéries e longas caminhadas, e que tivessem uma pelagem de preferência escura,
para que pudessem ser facilmente distinguidos de ovelhas.
Graças à excepcional inteligência, vigor físico e notável
resistência, os cães pastores de hoje exercem ainda inúmeras
outras funções além de suas tarefas tradicionais.
As melhores raças para pastoreio são: Border Collie,
Australian Cattle Dog, Puli, Pastor de Shetland, Kuvasz, Old English Sheepdog, Pastor Alemão, Rough Collie, Pastor Maremano Abruzês e Pastor Belga.
ÁLBUM DE CÃES
Anote as raças de cães citadas nessa
especialidade e pesquise na internet
imagens e procure se familiarizar com
essas raças de modo que, quando você vir um cachorro você possa identificá-lo.
Border Collie
Pastor Alemão : A raça foi criada es-
pecialmente para a defesa de propriedades, companhia, guia de deficientes
e atividades policiais. Reage com eficácia às agressões. Late sem parar e
muito alto. Atento, percebe rápido o
invasor. É obediente e tem bom potencial de intimidação. Adapta-se bem a
todos os tipos de clima e a espaços
médios e até pequenos. É apegado a
família e mostra disposição para aturar
brincadeiras das crianças. Contudo,
convém não abusar.
CÃES COMPANHEIRO PARA CRIANÇAS
A maioria das crianças gosta muito de ter um cãozinho
de estimação... Para brincar, levar para passear e etc.
Algumas raças excelentes para este fim são: Golden
Retriver, Labrador, Boxer, Beagle, Collie, São Bernardo e muitos
outros!
Rottweiler : Musculoso, ágil e resistente.
Desconfiado e com temperamento muito forte.
No começo do século XX, foi considerado
ideal para o trabalho policial. É ótimo cão de
guarda. Assim como o pastor alemão adaptase bem a ambientes e espaços reduzidos. Se
bem tratado, pode ser um excelente companheiro, mas é preciso cuidado – sobretudo
com crianças.
4
CÃES
WWW.MUNDODASESPECIALIDADES.COM.BR
GUIA DAS ESPECIALIDADES
ESTUDO DA NATUREZA
CÃES DE GUARDA
Cães de guarda eficiente é muito mais que um
animal que ataca invasores. O ideal é que ele espante
os intrusos antes que se animem a pular o muro. Muitas
vezes, basta uma aparência que amedronte e um latido
vigoroso. Mas a escolha da raça mais adequada precisa ser feita com cuidado. Nem sempre o melhor amigo
do homem é o melhor na segurança, o cão de guarda
eficiente deve saber obedecer o proprietário, caso contrário pode se tornar uma ameaça. Animais de raças
como rottweiler, pastor alemão e fila tendem a ser agressivos se não tiverem tratamento correto desde pequenos.
É importante que o dono mantenha contato amigável com o cachorro desde cedo. Por isso, os adestradores incentivam e ensinam o proprietário a realizar o
treinamento.
Dobermann : Cão de ta-
manho médio, inicialmente o
dobermann foi usado quase
que exclusivamente como
policial e cão de guerra. Excelente cão de guarda intimida o invasor pelo porte e pelo
latido e responde rápido a
qualquer estimulo. É muito
ágil e facilmente adestrável.
Pode ser criado em casa e
até brincar com crianças,
desde que esteja acostumado a elas.
Boxer: A raça descende
de uma linhagem de cães
conhecidos por toda a Europa desde o século XVI. O
boxer era usado inicialmente como cães de lutas, porém, com o tempo foram
reconhecidos como excelentes cães de guarda. O
boxer é excelente para
fazer companhia, está sempre alerta, adapta-se bem a
espaços médios e pequenos. Tem boa convivência
com crianças.
CURIOSIDADES
Fila Brasileiro
Originado do cruzamento de cães trazidos da Holanda com cães do Brasil e posteriormente modificados para serem usados em guarda, caça e pastoreio, o Fila Brasileiro é autoconfiante, destemido,
impressiona pelo tamanho e pelo latido, costuma
respeitar as pessoas de casa e é reservado com
estranhos.
EU QUERO!
Cão com a língua azul: O
Chow Chow é da China e é
uma das mais vistosas
raças de cachorro. Sua
pelagem enriçada lembra a
juba de um leão. Uma
característica marcante e
curiosa nesse animal é a
língua azul ou preta!
Dogue Alemão : Porte
MENOR CÃO DO MUNDO:
Uma chihuahua de Porto
Rico foi reconhecida oficialmente pelo livro Guinness World Records como
o menor cão do mundo,
com apenas 9,6 centímetros de altura.
grande e amistoso, ativo,
obediente, reservado com
estranhos, bom cão de guarda e para fazer companhia.
Convive muito bem com outros cachorros e dá-se bem
com os donos.
VOCÊ SABIA?
O Scooby-Doo é um doguealemão, um dos maiores
cães de raça, que chega a
medir 1 metro de altura e
pesar até 80 kg.
MAIOR CÃO DO MUNDO:
É o Dogue Alemão. Na foto
ao lado está o cão Zeus
que tem 1,12 metros das
patas até os ombros e
possui 73 kg.
CÃES
WWW.MUNDODASESPECIALIDADES.COM.BR
5
GUIA DAS ESPECIALIDADES
ESTUDO DA NATUREZA
CÃES À FAVOR DA VIDA - Conheça como é a vida destes animais de resgate
Cães que auxiliam a polícia e aos bombeiros: O
trabalho com cães de resgate no Brasil é desenvolvido
apenas nos estados de S. Paulo, Distrito Federal, Santa
Catarina e Rio de Janeiro. A maioria dos animais é treinada em corporações militares, como Exército, Polícia
Militar e Corpo de Bombeiros, desempenhando um papel fundamental na localização de pessoas perdidas em
florestas, desabamentos e soterramentos.
A capacidade de trabalho de um cão farejador
para localizar pessoas equivale a 20 homens desempenhando a mesma função de busca, sendo que o animal
pode realizar a tarefa em um tempo muito menor.
O treinamento dos cães se inicia em qualquer
idade, porém quanto mais cedo melhor. Mas é necessário que o animal passe por um “teste vocacional”. Uma
vez aprovado, o cão deverá frequentar um curso de obediência e, posteriormente, será treinado para o resgate
através de brincadeiras com o aroma a ser procurado.
Com relação às raças utilizadas, à exceção de
raças muito pequenas e frágeis, ou muito grandes, como o dogue alemão, qualquer cão está apto a ser treinado, desde que tenha habilidade para o trabalho.
Na foto, Bolt, um Golden retriever que auxilia a Polícia Civil de Joinville no combate ao tráfico de drogas.
O MAIS RÁPIDO
Greyhound
São dois diferentes tipos de galgo: o
greyhound (ou galgo inglês) e o whippet. As duas raças são consideradas imbatíveis em corridas de cães,
um esporte ainda hoje popular na Inglaterra. Os cães
do tipo galgo têm um formato aerodinâmico e tudo em
seu corpo ajuda na corrida: patas longas e musculosas, focinho afilado, abdome estreito e corpo esguio.
O greyhound é o que atinge as velocidades finais mais
altas, chegando a 72 km/h. Além de muito veloz, ele é
uma das raças mais antigas de que se tem notícia, tendo convivido com os faraós egípcios há mais de 5 mil
anos - desenhos do animal foram encontrados em
tumbas que datam de 3000 a.C. Enquanto o
greyhound chega quase a 70 centímetros de altura e
pesa cerca de 30 quilos, o whippet é um pouco menor,
por volta de 60 centímetros e 13 quilos. Ele tem velocidade final mais baixa que seu outro "primo" galgo, atingindo 56 km/h, porém é mais eficiente em corridas de
curta distância.
Grandes personalidades em pequenos pacotes é
uma maneira de descrever os membros do grupo toy - as menores raças de cachorros. Companheiros, eles estão acostumados a sentarem no colo e serem carregados por aí. São
muito gentis e adoram atenção. É preciso ter cuidado especial
com eles por causa de seu tamanho: é preciso carregá-los
com cuidado e não toleram temperaturas extremas. Vivem
sem problemas em pequenos espaços.
6
CÃES
WWW.MUNDODASESPECIALIDADES.COM.BR
OS ANÕES
Yorkshire Terrier
GUIA DAS ESPECIALIDADES
ESTUDO DA NATUREZA
OUTRAS RAÇAS
DE CÃES TOYS
Algumas outras raças: Affenpincher, Bichon Maltês,
Cavalier king Charles,
Chihuahua, Grifo da
Bélgica, King Charles,
Spitz Alemão, Pequeno Galgo Italiano,
Pinscher,Pug, Shih
Tzu, Silki Terrier, Spaniel Japonês, Toy terrier, Pequinês, Bichon
Havanês, Papillon,
Poodle e Yorkshire
Balto – Foi um cão rafeiro, metade husky sibe-
riano, metade lobo, conhecido por sua astúcia.
Vivia na cidade de Nome, no Alasca.
Em 1925 houve uma epidemia de difteria em
Nome que se alastrou entre as crianças da cidade. Por causa das nevascas, que bloquearam todos os meios de comunicação, era impossível a chegada de medicamentos. A única
solução para obter os remédios seria a utilização de um trenó puxado por uma matilha liderada por Balto. O condutor Gunnar Kaasen percorreu 1600 quilômetros para chegar
a Nenana e voltar com as antitoxinas.
Estatua do balto no Central Park - Uma estátua de Balto foi erguida em Nova Iorque para homenagear todos os cães que
participaram da corrida
.Em 1995, a Universal Pictures lançou um
filme de animação chamado Balto, inspirado
nos acontecimentos de 1925.
CUIDADOS COM O CÃOZINHO
 Levar ao veterinário: para fazer as vacinações ne-
cessárias é uma importante atitude, pois existem doenças sérias que podem ser transmitidas pelos cães.
Assim como as pessoas precisam se prevenir das
doenças, os animais também precisam de cuidados
para não contraí-las.
 Fazer a tosa de pelos em excesso: também é um
importante cuidado para que o animal fique livre do
calor excessivo e de parasitas; e com uma boa aparência. Além disso, suas unhas devem ser cortadas,
pelo veterinário, se estiverem muito grandes, pois
podem machucar o próprio animal, quando ele se
coça.
 Dar banho regularmente e escovar os dentes com
creme dental especifico: é uma forma de cuidar de
sua higiene, assim como cuidamos da limpeza do
nosso corpo. O animal também gosta de ser bem
tratado, de ficar limpo e cheiroso.
 É comum o aparecimento de pulgas e carrapatos nos animais e, por isso, são necessários cuidados especiais para que se livrem desses parasitas.
Normalmente os sabonetes e xampus próprios para
animais domésticos contêm substâncias tóxicas que
matam esses bichinhos, mas muitas vezes eles precisam ser catados do corpo do animal, pelo próprio




dono. Por chuparem o sangue dos animais de estimação, esses seres vivos podem causar muitas doenças.
Os animais que vivem em nossas casas se acostumam com a nossa presença e sempre que chegamos
ficam alegres. Eles demonstram isso quando balançam a cauda e olhando para nós. Por isso, é importante que os bichinhos recebam atenção e carinho, e
sempre tenham alguém disponível para brincar um
pouquinho com eles. Alguns brinquedos também
ajudarão a deixá-los felizes quando sozinhos.
Alimentação adequada: Hoje em dia podemos encontrar rações que eliminam o mau cheiro das fezes,
rações mais nutritivas, etc. Além disso, animais devem beber água fresca, se possível filtrada.
Lavar bem os vasilhames de água e comida e descartar sobras: evita o aparecimento de outros bichos
ou de bactérias e fungos. É errado dar comida de
gente para os animais, pois essa pode prejudicar a
saúde deles, além de deixar o pelo e os dentes feios.
Não deixar preso e levá-lo sempre para passear:
Os cachorros se ficarem muito tempo presos podem
ficar estressados. Os cães em geral precisam se
exercitar, então é recomendado passear, correr e
brincar com eles.
CÃES
WWW.MUNDODASESPECIALIDADES.COM.BR
7
GUIA DAS ESPECIALIDADES
ESTUDO DA NATUREZA
Laika – Foi uma cadela russa que se tornou co-
nhecida por ser o primeiro ser vivo terrestre a orbitar o planeta Terra. Ela foi lançada ao espaço a
bordo da nave soviética Sputnik 2, em 3 de novembro de 1957, um mês depois do lançamento
do satélite Sputnik 1, o primeiro objeto artificial a
entrar em órbita.
Laika morreu entre cinco e sete horas depois do lançamento, bem antes do planejado. A
causa de sua morte, que só foi revelada décadas
depois do voo, foi, provavelmente, uma combinação de estresse sofrido e o superaquecimento,
talvez ocasionado por uma falha no sistema de
controle térmico da nave. Apesar do acidente, essa experiência demonstrou ser possível para
um
animal
suportar
as
condições
de microgravidade, abrindo caminho assim para
participação humana em voos espaciais.
Laika na nave soviética Sputnik 2 - Fotos: BBC
Outra história real é a de
Hachico. Essa história é
retratada num filme cujo
titulo brasileiro é “Sempre
ao seu lado”. Se você ainda não viu é interessante!
Click
Oshkosh (Wisconsin).
Você conhece alguma
outra história de cães e
seus atos heroicos? Faça
uma pesquisa em grupo
e apresente ao seu clube
8
CÃES
WWW.MUNDODASESPECIALIDADES.COM.BR

Documentos relacionados