FILME: “ASAS DO DESEJO” DE WIM WENDERS PLANOS GPG

Сomentários

Transcrição

FILME: “ASAS DO DESEJO” DE WIM WENDERS PLANOS GPG
FILME: “ASAS DO DESEJO” DE WIM WENDERS
PLANOS
GPG – Grande Plano Geral - em 02’31”
O plano geral utilizado aqui, não só nos situa numa Berlim decrépita e triste, mas também
apresenta e emula o olhar do personagem principal, que observa os humanos de forma
distante, aérea.
PP – Primeiro Plano – em 34’30”
Aqui, apesar de a ação começar centrada na personagem de Marion, a trapezista, a câmera
se encontra do ponto de vista subjetivo de Damiel, que a observa despir-se com profunda
admiração e um toque de desejo. Ao mesmo tempo em que a ouve refletir sobre a
frivolidade da admiração que recebe e sua solidão, estende a mão para acariciá-la, mesmo
sabendo que ela não sente seu toque e que sua interferência é limitada, como visto logo
antes ao tentar pegar uma das pedras sobre a mesa, deixando clara a conexão que a
personagem sente com a humana e a vida mortal.
PG – Plano Geral – em 1h01’55”
Aqui ouvimos um diálogo em off enquanto Damiel e Cassiel parecem assistir as aves no rio.
Já tendo observado as perambulações de Damiel pela cidade, e os pensamentos que ele
capta das pessoas com quem cruza, o espectador percebe seu distanciamento cada vez
maior do companheiro angelical, sensação agravada no momento em que partem em
direções opostas para subir as escadas, se encontrando no topo e seguindo caminho.
ÂNGULOS
CP – Contra – Plongeè em 59’56”
Aqui o ângulo é utilizado para subjetivar o espectador a visão de Damiel que, acostumado a
observar as pessoas de cima, aqui se vê totalmente absorto pelo espetáculo de Marion.
PL – Plongeè em 1h09’21”
O personagem de Peter Falk se detém com sua própria imagem na televisão, e um dos seus
principais questionamentos é seu papel e evolução/estagnação como ator.
MOVIMENTOS
CM – Câmera na mão em 08’38”
Aqui a câmera parte do pai, assistindo tv na sala, a mãe na cozinha. Ambos reservam as
mesmas preocupações quanto ao filho, evidenciadas por seus pensamentos em OFF, mas
se encontram distantes e entretidos em sua própria solidão, solidificada nas paredes entre
os dois.
CM - Câmera na mão em 1h33’10”
A câmera, antes sempre compassada enquanto acompanhava o caminhar reflexivo de
Damiel, aqui ganha velocidade e vivacidade (junto as cores que tomam a tela), e lhe segue
pela extensão do muro, refletindo sua descoberta de um novo mundo de sensações de seu
estado como humano.

Documentos relacionados

Amores Brutos – Nilton Apolinário

Amores Brutos – Nilton Apolinário personagem de sua esposa pegá-lo ao telefone com sua amante. A inquietude transmitida pelo ator é decisiva para ajudar a passar tal informação. PG – Plano Geral – em 2:22:29 O personagem conhecido ...

Leia mais

asas do desejo

asas do desejo alguns pedaços de sua história passada, mostrando ela criança, coisas que ela já fez, lembranças antigas. GPG – Grande Plano Geral – em 42’17” Este plano mostra uma linha de trem, situando-nos no t...

Leia mais