Empresário em Nome Individual Sociedade Unipessoal

Сomentários

Transcrição

Empresário em Nome Individual Sociedade Unipessoal
Nº de Sócios /
Accionistas
Capital Social
Firma
Responsabilida
de dos Sócios/
accionistas
Vantagens
Desvantagens
Empresário em
Nome Individual
1 só indivíduo
Sociedade
Unipessoal
1 só indivíduo ou pessoa
colectiva
Não tem
5 000 Euros
Nome comercial do
Firma nome,
indivíduo
Firma designação, ou firma
mista,
+ Soc.Unipessoal, Lda
Responsabilidade pessoal Responsabilidade limitada ao
e ilimitada do empresário
montante do capital social
Não necessita de grandes
trâmites de constituição
Património do pessoal
confunde-se com o
património da empresa
Responsabilidade pessoal
e ilimitada do empresário
EIN é indicada para
negócios que exijam
investimentos reduzidos
(logo não exigem
grandes necessidades de
financiamento) e de
baixo risco.
Responsabilidade limitada do
sócio
Permite um só sócio
Tem personalidade jurídica
Regime legal e fiscal
complexo
Restrição do nº de sócios
A Soc. Unipessoal é
aconselhável para negócios
que em que o investimento
necessário é reduzido, para
negócios de maior risco.
Sites: http://www.iapmei.pt/iapmei-art-02.php?id=15&temaid=3
http://www.confisa.net/noticia02.htm
http://www.anje.pt/academia/default.asp?id=74&mnu=74
Sociedade
por Quotas
2 ou mais indivíduos
Sociedade
Anónima
5 ou mais indivíduos
5 000 Euros
Firma nome,
Firma designação, ou firma mista,
+ Lda
50 000 Euros
Firma nome,
Firma designação, ou firma mista,
+ SA
Responsabilidade limitada ao montante
do capital social
Responsabilidade do accionista é
limitada ao nº de acções que
subscreveu
Responsabilidade limitada dos
accionistas
Facilidade de transmissão das acções
Responsabilidade limitada dos sócios
Capital mínimo reduzido
Restrições na transmissão das
participações sociais
Não podem aceder a mercados
financeiros
Custos elevados de constituição e
manutenção
Regime legal complexo e pouco
flexível
Este tipo de sociedades é indicado para
os promotores que queiram partilhar o
controlo e a gestão da empresa com um
ou mais sócios, nomeadamente quando
não possuem todos os conhecimentos e
competências necessárias para conduzir
sozinho o negócio.
A SA é indicada para empresas com
volumes de negócios de alguma
dimensão que precisam de garantir
financiamentos (seja através do
crédito bancário, seja da entrada de
novos accionistas) de alguma
envergadura para crescer