glenif

Сomentários

Transcrição

glenif
RELATÓRIO DE ATIVIDADES
28 de Junho a 31 Dezembro de 2011
Site: www.glenif.org
E-mail: [email protected]
GRUPO LATINOAMERICANO DE EMISORES DE NORMAS DE INFORMACIÓN FINANCIERA
(GLENIF)
GROUP OF LATIN-AMERICAN ACCOUNTING STANDARD SETTERS (GLASS)
GRUPO LATINOAMERICANO DE EMISORES DE
NORMAS DE INFORMACIÓN FINANCIERA (GLENIF)
APRESENTAÇÃO
A Constituição do GLENIF resultou de quatro reuniões de Emissores de
Normas de Informação Financeira Latino-Americanas, sendo duas realizadas no
Brasil (4 de fevereiro e 30 de março, em Brasilia) e duas na Argentina (23 de maio
e 28 de junho, em Buenos Aires)
No dia 28 de junho (BA-Ar) foi assinada a Ata de Constituição do GLENIF.
No mesmo dia foi eleito seu Diretório, para o período de dois anos.
Os países, e respectivas instituições, que integram o GLENIF são os
seguintes:
Argentina – Federación Argentina de Consejos Profisionales de Ciencias
Económicas
Bolívia – Colegio de Auditores y Contadores Públicos de la Bolívia
Brasil – Conselho Federal de Contabilidade e Comitê de
Pronunciamentos Contábeis
Chile – Colégio de Contadores do Chile
Colômbia – Consejo Técnico de la Contaduría Pública
Equador – Superintendencia de Compañías
México – Consejo Mexicano de Normas de Información Financiera
Panamá – Comisión de Normas de Contabilidad Financeira
Paraguai – Colégio de Contadores del Paraguay
Peru – Consejo Normativo de Contabilidad
Uruguai – Colegio de Contadores Economistas y Administradores del
Uruguay
Venezuela – Federación de Colegios de Contadores Públicos de
Venezuela
1
GRUPO LATINOAMERICANO DE EMISORES DE NORMAS DE INFORMACIÓN FINANCIERA
(GLENIF)
GROUP OF LATIN-AMERICAN ACCOUNTING STANDARD SETTERS (GLASS)
O Diretório do Glenif ficou assim constituído:
Presidente: Juarez Domingues Carneiro - Brasil
Vice-presidente: Jorge José Gil - Argentina
Diretor: Felipe Perez Cervantes – México
Diretor: Winston Fernandez – Uruguai
Diretor: Mario Muñoz Vidal – Chile
Diretor: Rafael Rodríguez Ramos - Venezuela
MISSÃO
Possibilitar, de forma organizada, uma voz única da região junto ao IASB.
VISÃO
Ser uma referência de organização com voz única junto ao IASB.
OBJETIVOS







Interagir
perante o IASB em aspectos técnicos, respeitando a soberania
nacional de cada país membro, para fazer contribuições técnicas diretas
ao IASB. A interação estará focada nos documentos emitidos pelo IASB.
Isso inclui, por exemplo, papéis para discussão, rascunho de normas,
audiências públicas, normas promulgadas como obrigatórias e revisão
das normas existentes e apresentação de propostas de mudança e/ou
melhoria que contemplem as situações específicas dos países da Região,
etc.;
Promover a adoção e/ou convergência com as normas emitidas pelo
IASB nas jurisdições da região e sua aplicação consistente;
Cooperar com governos, reguladores e outras organizações regionais,
nacionais e internacionais para contribuir com a melhoria da qualidade
dos estados financeiros na região;
Colaborar na difusão das normas emitidas pelo IASB na região,
particularmente no país a que pertence cada organismo emissor;
Oferecer propostas à agenda do IASB e coordenar o alinhamento com a
agenda da região;
Atuar nas reuniões técnicas dos “NSS- National Standard Setters” e dos
“WSS – World Standard Setters”, que forem consideradas convenientes,
respeitando a soberania nacional de cada país membro que participar de
ambos os grupos;
Interagir com outros organismos da América Latina (UNASUR,
MERCOSUR, CAN) em temas relacionados com a normatividade
contábil.
2
GRUPO LATINOAMERICANO DE EMISORES DE NORMAS DE INFORMACIÓN FINANCIERA
(GLENIF)
GROUP OF LATIN-AMERICAN ACCOUNTING STANDARD SETTERS (GLASS)
REUNIÕES DO DIRETÓRIO
21 de agosto, em Caracas, Venezuela – 1ª reunião do Diretório GLENIF,
conduzida pelo Presidente Juarez Domingues Carneiro, com a participação
dos senhores Jorge José Gil – Vice-presidente (Argentina); Mário Muñoz Vidal
– Diretor (Chile); Rafael Rodrigues Ramos – Diretor (Venezuela); Felipe Perez
Cervantes – Diretor (México); Winston Fernández – Diretor (Uruguai) e dos
assessores do Brasil Nelson Mitimasa Jinzenji; Verônica Souto Maior e
Ricardo Lopes Cardoso. Participou também do encontro o Sr. Amaro Luiz de
Oliveira Gomes, Diretor do Board IASB.
Principais assuntos tratados: Aprovado o Regulamento do Diretório Glenif
(conforme prevê o item 33 da Ata de Constituição) e apresentada proposta de
Planejamento Estratégico; aprovada a indicação do coordenador do GTT1 –
Agenda Consultation IASB, Ricardo Lopes Cardoso.
26 de outubro, em São Paulo, Brasil – 2ª reunião do Diretório GLENIF,
conduzida pelo Presidente Juarez Domingues Carneiro e com a participação
dos senhores Jorge José Gil – Vice-presidente (Argentina); Mário Muñoz Vidal
– Diretor (Chile); Rafael Rodríguez Ramos – Diretor (Venezuela); Felipe Perez
Cervantes – Diretor (México); Winston Fernández – Diretor (Uruguai) e os
assessores do Brasil: Nelson Mitimasa Jinzenji; Verônica Souto Maior e
Ricardo Lopes Cardoso. Participou também do encontro o Sr. Amaro Luiz de
Oliveira Gomes, Diretor do Board IASB.
Principais assuntos tratados: apresentação da minuta final do Relatório do
GTT1, pelo coordenador Ricardo Lopes Cardoso; aprovação do Planejamento
Estratégico e do leiaute do site do Glenif e aprovação da Ata da primeira
reunião do Diretório, realizada na Venezuela.
Aprovado o teor da comment letter com a primeira contribuição: adiamento da
data de vigência da IFRS 9 – Instrumentos Financeiros - para janeiro de 2014.
A carta foi enviada ao IASB no mês de outubro de 2011.
3
GRUPO LATINOAMERICANO DE EMISORES DE NORMAS DE INFORMACIÓN FINANCIERA
(GLENIF)
GROUP OF LATIN-AMERICAN ACCOUNTING STANDARD SETTERS (GLASS)
24 de novembro, via Skype – 3ª reunião do Diretório GLENIF. A reunião
contou com a participação de Jorge José Gil – Vice-presidente (Argentina),
Felipe Perez Cervantes – Diretor (México), Rafael Rodríguez Ramos – Diretor
(Venezuela), Winston Fernández – Diretor (Uruguai), Mario Muñoz Vidal –
Diretor (Chile), Ricardo Lopes Cardoso (Coordenador do GTT 1), Nelson
Mitimasa Jinzenji (Assessor), este último representando o Presidente Juarez
Domingues Carneiro.
Principal assunto tratado: aprovado o Relatório Final do GTT 1 Agenda
Consultation e a Comment Letter remetida ao IASB no dia 30 de novembro.
20 de dezembro, via Skype – 4ª reunião do Diretório do GLENIF.
Participaram da reunião o Presidente Juarez Domingues, o vice-presidente
Jorge Gil (Argentina) e dos diretores Felipe Pérez Cervantes (México), Rafael
Rodríguez Ramos (Venezuela), Winston Fernández (Uruguai). Ausente o Sr
Mário Muñoz.
Principais assuntos tratados: a) analisado o Relatório Final do GTT 2
(Entidades de Investimento), que foi parcialmente aprovado; b) discutido o
andamento dos trabalhos realizados pelo GTT 4 (Empréstimos
Governamentais). Foi solicitado ao Sr Rafael Rodriguez a agilização dos
trabalhos do GTT. A aprovação final do relatório e a carta comentário dos
GTTs 2 e 4 ficou fixada para o dia 3 janeiro de 2012, em reunião via Skype.
Destacou-se também a importância do tema Ingressos/Reconhecimento de
Receitas, que está sob a supervisão do diretor Mário Muñoz (Chile). Foi
reiterada a necessidade de fazer contato com o Sr. Mário Muñoz para que o
GTT5 inicie os trabalhos.
REPRESENTAÇÕES
22 de agosto, em Caracas, Venezuela - Participação dos membros do
Diretório GLENIF em evento promovido pela PDVSA – Estatal do Petróleo da
Venezuela e da Federação de Colégios de Contadores Públicos da Venezuela.
O evento contou com a participação especial do Sr. Amaro Gomes, que
proferiu palestra.
30 de agosto a 1º de Setembro em San Juan-Porto Rico – O Sr. Rafael
Rodriguez Ramos, membro do Diretório Glenif, representou o Grupo na XXIX
4
GRUPO LATINOAMERICANO DE EMISORES DE NORMAS DE INFORMACIÓN FINANCIERA
(GLENIF)
GROUP OF LATIN-AMERICAN ACCOUNTING STANDARD SETTERS (GLASS)
Conferência Interamericana de Contabilidade, oportunidade em que proferiu
palestra/apresentação do GLENIF.
12 e 13 de Setembro, em Viena – O Sr. Felipe Pérez Cervantes, membro do
Diretório Glenif, representou o Grupo no Meeting of National Standard Setters,
oportunidade em que proferiu palestra/apresentação do GLENIF.
15 e 16 de Setembro, em Londres – O presidente Juarez Domingues
Carneiro participou do World Standards Setters Seminar (WSS), oportunidade
em que proferiu palestra/apresentação do GLENIF.
7 de outubro, em São Paulo, Brasil – O presidente Juarez Domingues
Carneiro participou da reunião do Comitê de Pronunciamentos Contábeis,
oportunidade em que apresentou o GLENIF.
11 de outubro, na sede da ONU em Genebra, Suiça – O Vice-presidente
Jorge Gil explanou sobre a formação do Glenif, em workshop que antecedeu a
28ª reunião do ISAR, na UNCTAD.
5
GRUPO LATINOAMERICANO DE EMISORES DE NORMAS DE INFORMACIÓN FINANCIERA
(GLENIF)
GROUP OF LATIN-AMERICAN ACCOUNTING STANDARD SETTERS (GLASS)
14 de outubro, na sede da ONU, em Genebra, Suíça – O assessor do Glenif
Nelson Carvalho fez uma apresentação sobre a formação do Glenif, em “slot”
específico sobre “atualizações de organizações regionais”, na 28ª reunião do
ISAR, na UCTAD.
27 de outubro, no Hotel Tivoli, em São Paulo – O presidente Juarez
participou da abertura da Conferência IFRS, promovida pelo IASB, proferindo
palestra sobre a Implementação das IFRS na América Latina.
8 de dezembro, em Ica, no Peru – O vice-presidente Jorge José Gil
participou do XXII Congresso Nacional de Contadores Públicos do Peru, em
cuja oportunidade apresentou o Glenif, além de explanar acerca da
implementação das IFRS.
16 de dezembro, na sede do IASB, em Londres – O coordenador do GTT 1,
Ricardo Lopes Cardoso, entregou ao presidente Hans Hoogervorst a cartacomentário sobre a Agenda do IASB, para apresentar as contribuições do
GLENIF.
GRUPOS TÉCNICOS DE TRABALHO
A partir da criação do GLENIF e da aprovação de seu Regulamento, foram
constituídos, até o momento, cinco Grupos Técnicos de Trabalho (GTT) para
tratarem dos temas de interesse da região.
GTT 1 Agenda Consultations – No dia 22 de agosto de 2011, o Diretório do
GLENIF deliberou pela formação do “GTT – Agenda IASB Consultations 2011”
para desenvolver trabalhos técnicos relativos à identificação das respostas
adequadas às questões levantadas pelo IASB.
O contador Ricardo Lopes Cardoso, do Brasil, foi nomeado coordenador do
GTT, e juntamente com representantes da Argentina, Brasil, Equador, México,
Panamá Uruguai e da Venezuela realizaram a tarefa que culminou com a
elaboração do relatório final e Comment-Letter, submetidos à aprovação do
Diretório em reunião realizada no dia 24 de novembro.
O grupo desenvolveu os trabalhos com base em um questionário (dividido em
quatro partes) que foi encaminhado às organizações que integram o GLENIF
para nortear as reuniões com grupos focais e disponibilizar nos respectivos
sites (se assim lhes conviesse). Foram realizadas reuniões via skype entre os
membros do GTT. O coordenador elaborou o relatório final, identificando os
temas de maior relevância para cada país membro do GLENIF, em 24/11.
Com a aprovação do Diretório, o documento foi encaminhado ao IASB no dia
30 de novembro.
6
GRUPO LATINOAMERICANO DE EMISORES DE NORMAS DE INFORMACIÓN FINANCIERA
(GLENIF)
GROUP OF LATIN-AMERICAN ACCOUNTING STANDARD SETTERS (GLASS)
NOMES
CARGO
INSTITUIÇÃO REPRESENTANTE
PAÍS
Ricardo Lopes Cardoso
Coordenador
Conselho Federal de Contabilidade
Brasil
Domingo Marchese
Membro
Federación Argentina de Consejos
Profisionales de Ciencias Económicas
Argentina
Idésio Coelho
Membro
Comitê de Pronunciamentos Contábeis
Brasil
Gladys Margarita Solar Feijoo
Membro
Superintendencia de Compañías
Equador
William A. Biese Decker
Membro
Hector Castillo
Membro
Winston Fernandez
Membro
Colegio de Contadores Economistas y
Administradores del Uruguay
Uruguai
Norelys Pinto
Membro
Federación de Colegios de Contadores
Públicos de Venezuela
Venezuela
Consejo Mexicano de Normas de
Información Financiera, A.C (CINIF)
Comisión de Normas de Contabilidad
Financiera de Panamá
México
Panamá
GTT 2 Entidades de Investimento (Consolidación en Empresas de
Inversión) – O grupo, formado no mês de setembro, é integrado por
representantes da Argentina, Brasil, Colômbia, México, Venezuela, Bolívia,
Panamá e Equador, sob a coordenação de Domingo Marchese e
supervisionado pelo Vice-presidente Jorge José Gil (Argentina). O grupo
adotou a modalidade de discussão por meio de grupos focais.
O documento final foi submetido à aprovação do Diretório em reunião via
skype ocorrida no dia 20 de dezembro. O prazo de apresentação é até 5 de
janeiro de 2012.
NOMES
CARGO
INSTITUIÇÃO REPRESENTANTE
Federación Argentina de Consejos
Profisionales de Ciencias Económicas
Banco Nacional do Desenvolvimento
(BNDES)
Colegio de Auditores e Contadores Públicos
Bolívia
PAÍS
Domingo Marchese
Coordenador
Argentina
Alexandre Cordeiro de Andrade
Membro
Remy Ángel Terceros Fernández
Membro
Daniel Sarmiento Pava
Membro
Consejo Técnico de la Contaduría Pública
Colômbia
Enrique Orlando Castillo Quiñones
Membro
Superintendencia de Compañías del Ecuador
Equador
Elsa Beatriz García Bojorges
Membro
Hector Castillo
Membro
Norelly Pinto Vargas
Membro
Brasil
Bolívia
Consejo Mexicano de Normas de Información
México
Financiera, A.C (CINIF)
Comisión de Normas de Contabilidad
Panamá
Financiera de Panamá
Federación de Colegios de Contadores
Venezuela
Públicos de Venezuela
GTT 3 Leasing – A constituição do grupo foi aprovada em 26/10/2011, na
segunda reunião do Diretório GLENIF. A coordenação do GTT está a cargo do
Contador William Allan Biese Decker (México), sob a supervisão de Felipe
Pérez Cervantes. Apesar da minuta ainda não ter sido disponibilizada pelo
IASB, o grupo está sendo formado e já conta com a colaboração dos
representantes da Argentina, do Brasil, do Equador e do Panamá.
7
GRUPO LATINOAMERICANO DE EMISORES DE NORMAS DE INFORMACIÓN FINANCIERA
(GLENIF)
GROUP OF LATIN-AMERICAN ACCOUNTING STANDARD SETTERS (GLASS)
NOMES
CARGO
William Allan Biese Decker
Coordenador
Marcelo Kozak
Membro
Murilo Stroebe
Membro
Carlos Olmedo Plúas
Membro
Julio Laso
Membro
Jose Fernandez
Membro
INSTITUIÇÃO REPRESENTANTE
PAÍS
Consejo Mexicano de Normas de Información
México
Financiera, A.C (CINIF)
Federación Argentina de Consejos
Argentina
Profesionales de Ciencias Económicas
Petrobrás
Brasil
Superintendencia de Compañías
Comisión de Normas de Contabilidad
Financiera
Comité Permanente de Principios de
Contabilidad de la FCCPV
Equador
Panamá
Venezuela
GTT 4 - Empréstimos Governamentais (Los préstamos del Gobierno) – A
constituição do grupo foi aprovada em 26/10/2011, na segunda reunião do
Diretório GLENIF. A coordenação do grupo está sob a responsabilidade do
Contador Renny Espinoza (Venezuela), sob supervisão de Rafael Rodríguez
Ramos, com a participação dos seguintes países: Argentina, Brasil, Equador e
Panamá. A análise do documento, para aprovação, será no dia 3 de janeiro
(reunião do Diretório Glenif via skype). O prazo de apresentação do
documento ao IASB é até o dia 5 de janeiro de 2012.
NOMES
CARGO
INSTITUIÇÃO REPRESENTANTE
Federación de Colegios de Contadores
Públicos de Venezuela - FCCPV
Federación Argentina de Consejos
Profesionales de Ciencias
PAÍS
Renny Espinoza
Coordenador
Sergio Cravero
Membro
Idésio Coelho
Membro
Comitê de Pronunciamentos Contábeis
Brasil
Gina Elizabeth Hidalgo Flores
Membro
Superintendencia de Compañías
Equador
Luis Antonio Cortés Moreno
Membro
Vidalma Moreno
Membro
Consejo Mexicano de Normas de Normas de
Contabilidad Financiera
Comisión de Normas de Contabilidad
Financiera
Venezuela
Argentina
México
Panamá
GTT 5 - Reconhecimento de Receita – A constituição do grupo foi aprovada
em 26/10/2011 (na segunda reunião do Diretório GLENIF) e será coordenado
por Silvio Takahashi, do Brasil. Ressalta-se que o grupo ainda não foi formado.
A minuta foi disponibilizada pelo IASB no dia 15/11/2011 e o prazo para
apresentação é 13/03/2012. O grupo conta com a indicação de representante
do México e da Venezuela.
NOMES
CARGO
INSTITUIÇÃO REPRESENTANTE
Silvio Takahashi
Coordenador
Ernst & Young
PAÍS
Brasil
William Allan Biese Decker
Membro
Miembro del Consejo Emisor del CINIF
México
Alberto Afiuni
Tânia Regina Sordi Relvas
Membro
Membro
Organización Enest and Youg
Universidade de São Paulo (USP)
Venezuela
Brasil
8

Documentos relacionados

Grupo Latinoamericano de Emisores de Normas de Información

Grupo Latinoamericano de Emisores de Normas de Información a) Interagir perante o IASB em aspectos técnicos, respeitando a soberania nacional de cada país membro, para fazer contribuições técnicas diretas ao IASB. A interação estará focada nos documentos e...

Leia mais

REGULAMENTO DO DIRETÓRIO DO GRUPO LATINO

REGULAMENTO DO DIRETÓRIO DO GRUPO LATINO 1.  Constituição do GLENIF  1.1.  O  Grupo  Latino‐Americano  de  Normatizadores  Contábeis  foi  criado  a  partir  da  união  de  esforços e objetivos em comum dos seguintes Organismos: Federação...

Leia mais

PORT_ Relatório de Atividades GLENIF

PORT_ Relatório de Atividades GLENIF Normas de Informação Financeira Latino-Americanas, sendo duas realizadas no Brasil (4 de fevereiro e 30 de março, em Brasilia) e duas na Argentina (23 de maio e 28 de junho, em Buenos Aires) No dia...

Leia mais

Regulamento

Regulamento 1. Constituição do GLENIF ............................................................................................................ 1 2. Objetivos e funções do Diretório ...........................

Leia mais

Guilherme Paul Berdu

Guilherme Paul Berdu os jornais (Correio Braziliense, Folha de S. Paulo, O Estado de S. Paulo e O Globo), que em suas matérias e linhas editorais buscam moldar a opinião pública através da introjeção de valores próprio...

Leia mais

uruguai - International Pasta Organisation

uruguai - International Pasta Organisation com a Bolívia e o Paraguai, o Brasil e o Uruguai em sua ponta nordeste, e é delimitada pelo oceano Atlântico Sul a leste.

Leia mais