CONSULTAS ESPIRITUAIS

Сomentários

Transcrição

CONSULTAS ESPIRITUAIS
CONSULTAS ESPIRITUAIS
Faz parte das práticas de um terreiro de Umbanda, o atendimento a
assistência através de consultas espirituais com as entidades trabalhadoras da
casa.
Na segunda parte da gira, os consulentes são convidados a conversar
com a entidade escolhida ou disponível na chegada ao terreiro. Desde o
momento que se chega a uma casa de umbanda, todos os trabalhadores
espirituais e de todas as linhas de trabalho, já estão ali prontos para cuidar das
maiores necessidades de cada um. Por isso, não se chateie caso não consiga
passar com o médium de costume. A corrente espiritual da casa é uma só e
todos que ali estão, são aptos a cuidar de vocês. Claro que possuímos mais
afinidades com alguns médiuns do que outros, mas se naquele dia não
conseguimos conversar com quem planejamos, com certeza a espiritualidade
encaminhou de outra forma de acordo com sua necessidade. Nada no mundo
espiritual é à toa.
Antes das consultas começarem, conversem mentalmente com seus
guias, peçam que ele os ajudem a encaminhar suas necessidades da melhor
forma e de acordo com seus merecimentos. Essa concentração durante a gira é
muito importante para ajudar na vibração do terreiro e para o melhor
encaminhamento dos seus trabalhos.
No momento das consultas espirituais o templo umbandista está cheio de
espíritos trabalhadores (os guias de todos os médiuns que trabalham na casa,
sejam eles médiuns de consulta ou cambones, além dos seus guias espirituais).
O terreiro conta com uma legião de trabalhadores atentos e cuidadosos. Esses
trabalhadores são “fábricas” vivas que produzem fluídos magnéticos. Essa
energia será manipulada por eles de acordo com o socorro necessário e
programada pela espiritualidade para cada um.
Dependendo das características e necessidades de cada consulente,
movimentamos as energias afins, por linha vibratória – orixá – correspondente à
necessidade do atendido. Ao mesmo tempo, cada guia atende numa
determinada função, havendo uma enorme movimentação de falanges e legiões
que se deslocam aonde for necessário, tanto no plano físico quanto nos planos
astrais, para realizarem as tarefas a que estão destinadas e autorizadas.
Nada é feito sem um comando hierárquico e ordens de serviços
criteriosas, de acordo com o merecimento e livre-arbítrio de todos os envolvidos.
A espiritualidade maior é quem dita e detalha a dimensão do que será feito. Isso
torna impossível haver erro.
Caso não consigam tratar de todas as necessidades naquela consulta, é
porque o necessário e o possível de ser tratado naquele momento foi dito e será
cuidado.
Muitas vezes não enxergamos que os problemas que nos atormentam, na
verdade tem a mesma origem. Está será identificada e tratada no tempo certo.
O tempo da espiritualidade é muito diferente do nosso. E todo tratamento
realizado numa casa espiritualista é baseado na fé, na perseverança, na
caridade e na humildade.
Digam o que for necessário, mas aprendam também a escutar. Muitas
vezes, vamos escutar conselhos que não nos agradam, mas se foi feito dessa
forma é porque precisamos nos educar. E aprender significa escutar, analisar o
que foi dito (o que pode levar dias ou até mesmo meses para ser compreendido
completamente) e buscar a mudança.
Todo trabalho que será desenvolvido é feito conjuntamente. A
espiritualidade precisa do nosso empenho e fé.

Documentos relacionados

47 anos de Umbanda do CEU Cabocla Jurema

47 anos de Umbanda do CEU Cabocla Jurema entramos em nosso Terreiro, espera-se que separemos nossos problemas e nossas frustrações, e nos doemos de forma integral ao nosso próximo. É preciso se desligar do mundo exterior e ser apenas um i...

Leia mais