baccalauréat général

Сomentários

Transcrição

baccalauréat général
BACCALAURÉAT GÉNÉRAL
SESSION 2013
PORTUGAIS
_______
LANGUE VIVANTE 1
Série L – Durée de l’épreuve : 3 heures – coefficient : 4
Séries ES-S – Durée de l’épreuve : 3 heures – coefficient : 3
_______
L'usage des calculatrices électroniques et du dictionnaire est interdit.
Dès que ce sujet vous est remis, assurez-vous qu'il est complet.
Ce sujet comporte 4 pages numérotées de 1/4 à 4/4.
Répartition des points
13PRV1ME1
Compréhension de l’écrit
10 points
Expression écrite
10 points
Page : 1/4
Document n° 1
Navegar
5
10
15
20
25
30
35
Pensei que não fosse conseguir sobreviver a uma crise de abstinência. Mas uma semana depois de
eu ter abandonado o Facebook, já estou me sentindo bem melhor, como alguém que largou um vício
muito poderoso e se controla com esforço enorme. Posso dizer que já sou um outro homem. Eu vou
contar para vocês como consegui vencer as primeiras tentações que se me apresentaram, ultrapassar um
mar de tormentas e dilemas morais e, por fim, atingir um patamar aceitável de comportamento
civilizado. [...]
Planejei com cuidado minha saída. Nessa ocasião tomei a decisão histórica de manter minha
privacidade e me retirar das redes sociais. Eu estava me sentindo vítima de surtos de Transtorno
Obsessivo Compulsivo1. Não conseguia mais evitar o TOC e pegava o telefone para escrever as
maiores besteiras, promover meus tuítes, postar vídeos cretinos e anexar amigos os mais estapafúrdios2
e distantes. Amigos dos amigos dos amigos dos amigos e parentes. A turba3 aumentou de tal forma, que
perdi o controle. Eu passei a ser tratado com a maior intimidade e sensaboria4 por metade da população
do planeta.[...]
Avisei minha lista de amigos com um dia de antecedência. Escrevi: “Amigos, estou abandonando
o Facebook. Espero ver vocês fora deste TOC!” Imediatamente fui alvo de protesto. Um amigo
escoteiro me chamou de atrasado. Alguém citou Vinícius de Moraes: “Se for pra desfazer porque é que
fez?” O que deu em você?, questionou um professor. Não olhei mais para trás para não cair em
tentação, como Orfeu no inferno com Eurídice. Cancelei minha conta. Passei aquela noite tendo
pesadelos. Eu tinha impressão de que havia perdido todos os meus amigos, todos os amigos dos
amigos, bem como os amigos dos parentes dos amigos dos amigos. A solidão na manhã seguinte foi
enorme. Olhei para meu iPhone e não havia nenhum recado, nenhum pedido de amizade, um mísero
vídeo. Claro, eu havia deletado5 o app do Facebook, só depois me dei conta.
Era necessário vencer aquele momento pior da abstinência. Com um aperto no coração, saí para a
rua, andando a princípio devagar, depois apressando os passos e finalmente em velocidade de
maratonista. Sim, algo tinha mudado dentro de minh’alma e agora precisava extravasar6 pelas ruas. [...]
Quando voltei para casa depois de seis quilômetros de caminhada, tive certeza de que minha decisão
tinha sido correta. Passei a prestar mais atenção ao que me rodeia. Enxerguei7 e ouvi melhor as pessoas.
Contemplei o céu azulado de outono com lágrimas nos olhos. Chorava de alegria por estar bem longe
do Facebook. Aos poucos, recuperei o tônus muscular, fui encher o pneu da bicicleta e me tornei de
novo gente. Não perdi toda a centena de amigos da lista da rede social. Fiquei com uma dúzia deles.
Alguns passaram a me telefonar, marcar encontros, maratonas, idas ao cinema e aos shows e teatros.
Começamos a nos encontrar offline, e foi tão bom como voltar aos tempos adâmicos8 pré-internet,
quando não havia nada disso e a gente fazia amizades espontâneas. Ouvir a voz de amigos que estavam
na lista e eu não encontrava desde o século passado foi emocionante.
[...] Abandonei o Facebook e me tornei uma pessoa melhor. Ou então: voltei a ser uma pessoa.
Luís Antônio Giron, Época, 08/06/2010.
1
surtos de Transtorno Obsessivo Compulsivo: des accès de Troubles Obsessionnels Compulsifs. (maladies comportementales)
estapafúrdio: original, insolite
3
a turba: la foule, le monde
4
a sensaboria: platitude, banalité
5
deletar: supprimer
6
extravasar: se défouler
7
enxergar: distinguer
8
adâmico: primitif
2
13PRV1ME1
Page : 2/4
Document n°2
©Randy Glasbergen
13PRV1ME1
Page : 3/4
TRAVAIL À FAIRE PAR LE CANDIDAT
Selon votre formation, vous pouvez rédiger votre travail en portugais du Portugal ou en portugais du Brésil.
_______________
Ne recopiez pas les questions. Indiquez seulement le numéro de la question à laquelle vous répondez.
COMPRÉHENSION DE L’ÉCRIT
I.
Identifique a temática dos dois documentos.
Documento n° 1
II. Responda às perguntas seguintes:
1.
2.
3.
4.
A partir de quando o jornalista se sentiu melhor?
Como considerava a utilização que ele fazia do Facebook?
Como é que seus amigos reagiram à sua decisão?
Que atividades individuais substituíram o tempo passado no Facebook?
III. As afirmações seguintes estão certas ou erradas? Justifique com uma frase ou expressão.
Recopiez le numéro de la question et indiquez en face "certo" ou "errado" en citant un élément du texte.
1.
2.
3.
4.
No princípio, o jornalista não tinha a certeza absoluta de ter tomado uma boa decisão.
O jornalista preparou minuciosamente sua saída do Facebook.
Sua personalidade não mudou ao sair dessa rede social.
Ele conservou todos seus amigos.
IV. Transcreva as expressões do texto que mostram que para o narrador:
1. abandonar o Facebook foi um momento muito difícil de sua vida.
2. deixar o Facebook era preservar a privacidade.
3. se distrair fora de casa era uma necessidade.
V. Transcreva três expressões ou frases do documento que indicam que sair do Facebook
constituiu um verdadeiro renascimento.
Documentos n° 1 e n°2
VI. Em que medida o documento n° 2 ilustra os aspetos que aparecem no documento n° 1?
Justifique.
EXPRESSION ÉCRITE
Vous traiterez en portugais les deux sujets suivants :
I.
Redija um mail onde um amigo do jornalista Luís Antônio Giron expõe seus argumentos para o
convencer a se inscrever no Facebook.
(Pode apoiar-se nos documentos que acaba de estudar.)
II. O desenvolvimento dos meios de comunicação mudou as relações entre as pessoas. Em sua opinião,
quais são as vantagens e os inconvenientes dessas novas formas de comunicar? Argumente com
exemplos concretos.
13PRV1ME1
Page : 4/4